Manual de Normas Gráficas

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Manual de Normas Gráficas"

Transcrição

1

2 Manual de Normas Gráficas Este manual estabelece as normas básicas de utilização da marca Observatório do QREN nas situações mais comuns. O cumprimento destas normas fortalece a marca e evita a incorrência em erros indesejáveis. Em caso de situações que não estejam aqui definidas, é aconselhável contactar o Observatório do QREN. OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 2

3 Índice 04. A MARCA 07. VERSÃO HORIZONTAL 08. CONSTRUÇÃO DA MARCA 09. GRAYSCALE 10. COMPORTAMENTO A UMA COR 12. COMPORTAMENTO SOBRE COR OFICIAL 13. CORES OFICIAIS 14. ÁREA DE PROTECÇÃO 15. DIMENSÕES 16. COMPORTAMENTO SOBRE CORES SÓLIDAS 17. COMPORTAMNETO SOBRE FUNDOS FOTOGRÁFICOS 18. TIPOGRAFIA OFICIAL 19. ESTACIONÁRIO 20. PAPEL DE CARTA 21. CARTÃO PESSOAL 22. CARTÃO DE CUMPRIMENTOS 23. ENVELOPE DL 24. ENVELOPE C5 25. ENVELOPE C4 26. PASTA A4 28. ASSINATURA DE 29. POWER POINT OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 3

4

5 OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 5

6 Marca Observatório do QREN Existem várias versões da marca Observatório do QREN. Estas versões pretendem torná-la num objecto mais versátil e que responda com maior eficácia às diferentes situações de utilização. Existem também variações relativamente aos elementos que a constituem e que são indicados ao lado. SÍMBOLO DESIGNAÇÃO OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 6

7 Marca Observatório do QREN. Versão Horizontal OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 7

8 Marca Observatório do QREN. Construção OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 8

9 Marca Observatório do QREN. Grayscale As normas apresentadas a partir daqui usarão apenas uma das versões da marca, composta por todos os elementos. Aplicam-se a todas as outras versões. OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 9

10 Marca Observatório do QREN. 1 Cor OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 10

11 Marca Observatório do QREN. 1 Cor (Negativo) OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 11

12 Marca Observatório do QREN. Comportamento sobre cores oficiais OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 12

13 Marca Observatório do QREN. Cores oficiais PANTONE 2995 C C > 90 M > 11 Y > 0 K> 0 R > 0 G > 164 B> 227 PANTONE 376 C C > 50 M > 0 Y > 100 K> 0 R > 140 G > 198 B> 63 PANTONE BLACK C > 0 M > 0 Y > 0 K> 100 R > 0 G > 0 B> 0 OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 13

14 Marca Observatório do QREN. Área de protecção OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 14

15 Marca Observatório do QREN. Dimensão Mínima 25 MM 40 MM OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 15

16 Marca Observatório do QREN. Comportamento sobre cores sólidas OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 16

17 Marca Observatório do QREN. Comportamento sobre fundos fotográficos OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 17

18 Marca Observatório do QREN. Tipografia oficial (Apex Sans) ApexSansExtraLightT ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ abcdefghijklmnopqrstuvwxyz ApexSansLightT ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ abcdefghijklmnopqrstuvwxyz ApexSansBookT ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ abcdefghijklmnopqrstuvwxyz ApexSansMediumT ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ abcdefghijklmnopqrstuvwxyz ApexSansBoldT ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ abcdefghijklmnopqrstuvwxyz ApexSansExtraBoldT ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ abcdefghijklmnopqrstuvwxyz ApexSansExtraLightItalicT ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ abcdefghijklmnopqrstuvwxyz ApexSansLightItalicT ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ abcdefghijklmnopqrstuvwxyz ApexSansBookItalicT ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ abcdefghijklmnopqrstuvwxyz ApexSansMediumItalicT ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ abcdefghijklmnopqrstuvwxyz ApexSansBoldItalicT ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ abcdefghijklmnopqrstuvwxyz ApexSansExtraBoldItalicT ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ abcdefghijklmnopqrstuvwxyz OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 18

19

20 Observatório do QREN. Papel de carta e de continuação Rua da Alfândega, nº 160 / 170-4º Lisboa. Tel: (+351) Fax: (+351) OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 20

21 Observatório do QREN. Cartão Pessoal Paulo Areosa Feio Coordenador do Observatório do QREN Coordinator of NSRF Observatory Rua da Alfândega, nº 160 / 170-4º Lisboa Tel (+351) Fax (+351) OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 21

22 Observatório do QREN. Cartão de Cumprimentos Rua da Alfândega, nº 160 / 170-4º Lisboa. Tel: (+351) Fax: (+351) OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 22

23 Observatório do QREN. Envelope DL Rua da Alfândega, nº 160 / 170-4º Lisboa OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 23

24 Observatório do QREN. Envelope C5 Rua da Alfândega, nº 160 / 170-4º Lisboa OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 24

25 Observatório do QREN. Envelope C4 Rua da Alfândega, nº 160 / 170-4º Lisboa OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 25

26 Observatório do QREN. Pasta A4 - Exterior OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 26

27 Observatório do QREN. Pasta A4 - Interior OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 27

28 Observatório do QREN. Assinatura de Paulo Areosa Feio Coordenador do Observatório do QREN Coordinator of NSRF Observatory Rua da Alfândega, nº 160 / 170-4º Lisboa Tel (+351) Fax (+351) OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 28

29

30 Observatório do QREN. Apresentação Power Point Existem duas versões de apresentações Power Point, a primeira que inclui apenas a marca Observatório do QREN, e uma segunda que apresenta a marca Observatório do QREN, a marca QREN, e a bandeira da União Europeia. OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 30

31 Observatório do QREN. Apresentação Power Point - Versão 1 Título da apresentação Subtítulo ou Nome do Orador OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 31

32 Observatório do QREN. Apresentação Power Point - Versão 1 Nome do Capítulo OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 32

33 Observatório do QREN. Apresentação Power Point - Versão 1 OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 33

34 Observatório do QREN. Apresentação Power Point - Versão 1 OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 34

35 Observatório do QREN. Apresentação Power Point - Versão 1 Nome do Capítulo Subcapítulo Título da apresentação Subtítulo ou Nome do Orador Página 1/10 OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 35

36 Observatório do QREN. Apresentação Power Point - Versão 1 OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 36

37 Observatório do QREN. Apresentação Power Point - Versão 1 Nome do Capítulo Subcapítulo Título do gráfico Título da apresentação Subtítulo ou Nome do Orador Página 1/10 OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 37

38 Observatório do QREN. Apresentação Power Point - Versão 1 Nome do Capítulo Subcapítulo Título do gráfico Título da apresentação Subtítulo ou Nome do Orador Página 1/10 OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 38

39 Observatório do QREN. Apresentação Power Point - Versão 2 Título da apresentação Subtítulo ou Nome do Orador OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 39

40 Observatório do QREN. Apresentação Power Point - Versão 2 Nome do Capítulo OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 40

41 Observatório do QREN. Apresentação Power Point - Versão 2 OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 41

42 Observatório do QREN. Apresentação Power Point - Versão 2 OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 42

43 Observatório do QREN. Apresentação Power Point - Versão 2 Nome do Capítulo Subcapítulo Página 1/10 Título da apresentação Subtítulo ou Nome do Orador OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 43

44 Observatório do QREN. Apresentação Power Point - Versão 2 OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 44

45 Observatório do QREN. Apresentação Power Point - Versão 2 Nome do Capítulo Subcapítulo Página 1/10 Título do gráfico Título da apresentação Subtítulo ou Nome do Orador OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 45

46 Observatório do QREN. Apresentação Power Point - Versão 2 Nome do Capítulo Subcapítulo Página 1/10 Título do gráfico Título da apresentação Subtítulo ou Nome do Orador OBSERVATÓRIO DO QREN. Manual de Normas Gráficas. 46

47

Manual de Normas Gráficas

Manual de Normas Gráficas Manual de Normas Gráficas Este manual estabelece as normas básicas de utilização da marca QREN nas situações mais comuns. O cumprimento destas normas fortalece a marca e evita a incorrência em erros indesejáveis.

Leia mais

MANUAL DE NORMAS REPRESENTAÇÃO GRÁFICA

MANUAL DE NORMAS REPRESENTAÇÃO GRÁFICA MANUAL DE NORMAS REPRESENTAÇÃO GRÁFICA QUALIDADE E INOVAÇÃO Regras de identificação visual Este manual estabelece regras gráficas da iniciativa QI PME - Norte com vista a uma uniformização das peças gráficas

Leia mais

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS A criação da identidade visual da ANJE - Associação Nacional de Jovens Empresários, tem por base um sistema de aplicações coerente, organizado e bem definido. O manual de identidade

Leia mais

PSC. Manual da Marca Partido Social Cristão

PSC. Manual da Marca Partido Social Cristão Manual da Marca Partido Social Cristão Manual da Marca Índice 3 4 5 6 7 8 9, 10 11, 12 13, 14 15 16 17 18 A Marca Criando a Marca Logotipo Institucional Logotipo das Esferas Origem O Estatuto Partido Social

Leia mais

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS MOD02_PR02_V01

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS MOD02_PR02_V01 MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS 1 MOD02_PR02_V01 DATA: Novembro 2015 ELABORADO: Laura Santos APROVADO: Manuel Serejo ASSUNTO: Normas para apresentação de documentos Normas e apresentação dos documentos (word,

Leia mais

Manual de Imagem Normas Gráficas da AAFDL Cores Manual de Imagem Normas Gráficas da AAFDL Abril de

Manual de Imagem Normas Gráficas da AAFDL Cores Manual de Imagem Normas Gráficas da AAFDL Abril de Cores Manual de Imagem Normas Gráficas Abril de 2008 1 Logótipo Logótipo São componentes do logótipo o símbolo e o lettering referente ao nome da entidade. Estes componentes estão agregados de uma forma

Leia mais

Manual de identidade visual

Manual de identidade visual Manual de identidade visual A Logomarca padrão A logomarca padrão do de Santa Catarina é composta pela sua marca (bandeira) e pelo logotipo de Santa Catarina, representados de forma característica. A logomarca

Leia mais

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS INTRODUÇÃO Este manual apresenta normas gráficas e estabelece regras de funcionalidade gráfica para o logótipo PUBLIRÁDIO. É um manual de consulta, que demonstra regras e cuidados a ter na sua reprodução

Leia mais

manual de identidade

manual de identidade manual de identidade MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Sumário Visando o fortalecimento da marca Agência Peixe Vivo, disponibilizamos este Manual de Identidade Visual, essencial para a correta aplicação do logotipo

Leia mais

Manual de Identidade Visual UNIVERSIDADE FEDERAL

Manual de Identidade Visual UNIVERSIDADE FEDERAL Manual de Identidade Visual UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Sumário 03 Apresentação LOGOMARCA 04 Assinatura Principal 05 Assinaturas Alternativas 06 P&B e Negativo 07 Aplicação Sobre Imagem ou Fundo Colorido

Leia mais

Manual de identidade Programa Operacional de Assistência Técnica Fundo Social Europeu

Manual de identidade Programa Operacional de Assistência Técnica Fundo Social Europeu Manual de identidade Programa Operacional de Assistência Técnica Fundo Social Europeu nota prévia Este manual tem o objectivo de contribuir para uma coerente e eficaz comunicação da identidade POAT FSE

Leia mais

MANUAL NORMAS GRÁFICAS. Não há outro assim

MANUAL NORMAS GRÁFICAS. Não há outro assim MARCA COMERCIAL UM COPO O conjunto de elementos remete para a figura de um copo, pelo simbolismo que acarreta este elemento. Um ícone que deixa claro o sector onde a marca se vai destacar. UM CENÁRIO VINHO+MAR+TERRA+MONTES+GÁS

Leia mais

sumário assinaturas histórico redesign área de proteção padrões cromáticos redução mínima considerações finais

sumário assinaturas histórico redesign área de proteção padrões cromáticos redução mínima considerações finais sumário 04 05 06 07 08 09 10 11 12 histórico redesign assinaturas área de proteção redução mínima padrões cromáticos versões [grayscale e P&B] aplicações [fundos e imagens] considerações finais A LS carregou

Leia mais

LOGÓTIPO. Manual de Normas Gráficas

LOGÓTIPO. Manual de Normas Gráficas LOGÓTIPO Manual de Normas Gráficas Manual de normas gráficas Este manual fornece os elementos standard da Identidae Visual do, bem como, as respetivas normas para a sua correta utilização e reprodução.

Leia mais

Manual de Uso da Identidade Visual

Manual de Uso da Identidade Visual Manual de Uso da Identidade Visual Identidade Visual é o conjunto de elementos gráficos que formam a personalidade visual de uma empresa, produto ou serviço. Para que a METISA - Metalúrgica Timboense S.

Leia mais

1.MARCA ULISBOA IDENTIDADE VISUAL

1.MARCA ULISBOA IDENTIDADE VISUAL 1.MARCA ULISBOA 1.1 IDENTIDADE VISUAL 4 1.2 VERSÕES 4 1.3 CONSTRUÇÃO/COMPOSIÇÃO 5 1.4 MARGENS DE SEGURANÇA 5 1.5 TAMANHO MÍNIMO 6 1.6 COR 7 1.7 COMPORTAMENTO SOBRE FUNDOS: CROMÁTICOS/FOTOGRÁFICOS 8 1.8

Leia mais

Manual de Uso da. identidade visual. Atualização: julho/2015

Manual de Uso da. identidade visual. Atualização: julho/2015 Manual de Uso da identidade visual Atualização: julho/2015 TRABALHO EDITORIAL Revisão e atualização: Daniela Cairo Otávio Filho Projeto gráfico e editoração: Ricardo Martins Francisco Junior. Bahia. Ministério

Leia mais

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS. LOGÓTIPOS DOS CURSOS DE LICENCIATURA DA ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA DA SAÚDE DE LISBOA (ESTeSL)

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS. LOGÓTIPOS DOS CURSOS DE LICENCIATURA DA ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA DA SAÚDE DE LISBOA (ESTeSL) MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS LOGÓTIPOS DOS CURSOS DE LICENCIATURA DA ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA DA SAÚDE DE LISBOA (ESTeSL) MAIO DE 2016 REGRAS GERAIS UTILIZAÇÃO DA IDENTIDADE VISUAL DOS CURSOS DE LICENCIATURA

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri 3 MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri Diretoria de Comunicação Social

Leia mais

2.UNIDADES E SERVIÇOS DA UNIVERSIDADE DE LISBOA

2.UNIDADES E SERVIÇOS DA UNIVERSIDADE DE LISBOA 2.UNIDADES E SERVIÇOS DA UNIVERSIDADE DE LISBOA 2.1 IDENTIDADES VISUAIS ULISBOA/UNIDADES E SERVIÇOS 12 2.2 VERSÕES 13 2.3 CONSTRUÇÃO/COMPOSIÇÃO 14 2.4 MARGENS DE SEGURANÇA 14 2.5 TAMANHO MÍNIMO 15 2.6

Leia mais

Sumário. Apresentação. 1. Assinaturas. 1.1. Completa. 1.2. Completa em português. 1.3. Completa sem endosso. 1.4. Simples. 1.5. Simples com descritivo

Sumário. Apresentação. 1. Assinaturas. 1.1. Completa. 1.2. Completa em português. 1.3. Completa sem endosso. 1.4. Simples. 1.5. Simples com descritivo Manual de aplicação Sumário Apresentação 1. Assinaturas 1.1. Completa 1.2. Completa em português 1.3. Completa sem endosso 1.4. Simples 1.5. Simples com descritivo 1.6. Produto 1.7. Produto mínima 1.8.

Leia mais

PLANO DE CURSO. Formação para Profissionais. www.vantagem.com PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL

PLANO DE CURSO. Formação para Profissionais. www.vantagem.com PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL PLANO DE CURSO PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL Formação para Profissionais + 2.000 Cursos Disponíveis A Melhor e Maior Oferta de Formação em Portugal + 1.300 Cursos na

Leia mais

Data da revisão. Definir critérios para veiculação de matérias ao público interno da instituição, por meio da intranet do MP-GO

Data da revisão. Definir critérios para veiculação de matérias ao público interno da instituição, por meio da intranet do MP-GO PROCESSO: Comunicação interna por meio da intranet PROCEDIMENTO: Comunicação interna por meio da intranet ALINHAMENTO ESTRATÉGICO Objetivo estratégico: 8 Fortalecimento Institucional Estratégia: 8.2 Fazer

Leia mais

PPDA DA REN ARMAZENAGEM ANÁLISE DO RELATÓRIO DE EXECUÇÃO DO ANO GÁS 2009-2010

PPDA DA REN ARMAZENAGEM ANÁLISE DO RELATÓRIO DE EXECUÇÃO DO ANO GÁS 2009-2010 PPDA DA REN ARMAZENAGEM ANÁLISE DO RELATÓRIO DE EXECUÇÃO DO ANO GÁS 2009-2010 Abril 2011 ENTIDADE REGULADORA DOS SERVIÇOS ENERGÉTICOS Este documento está preparado para impressão em frente e verso Rua

Leia mais

1 Assinatura 2 Cores 3 Tipografia 4 Estacionário

1 Assinatura 2 Cores 3 Tipografia 4 Estacionário 1 Assinatura 2 Cores 3 Tipografia 4 Estacionário 1 Assinatura A imagem corporativa/imagem global de todos os materias que têm a imagem da empresa registam uma primeira impressão sobre a empresa, quer perante

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL 1 MENSAGEM DA PRESIDÊNCIA O conjunto marca/logotipo é o elemento gráfico e visual pelo qual somos reconhecidos nos diversos meios em que atuamos. As suas formas foram concebidas

Leia mais

Guia de utilização da marca PAN Correspondente no País

Guia de utilização da marca PAN Correspondente no País Guia de utilização da marca PAN Correspondente no País Introdução O Guia de Utilização da marca Pan Correspondente no País, foi desenvolvido para que todos os parceiros tenham uma padronização da utilização

Leia mais

Manual de identidade visual

Manual de identidade visual Manual de identidade visual apresentação....................................3 Versões horizontal e vertical........................4 grid de construção................................5 Cores institucionais...............................6

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE GRÁFICA

MANUAL DE IDENTIDADE GRÁFICA MANUAL DE IDENTIDADE GRÁFICA MANUAL DE IDENTIDADE GRÁFICA Este manual destina-se a orientar a utilização e aplicação dos elementos básicos da identidade, de forma a que seja salvaguardada a sua personalidade

Leia mais

Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico

Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico 8338 Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico 8339 Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico 8340 Documento

Leia mais

manual de normas gráficas

manual de normas gráficas 6 MARCA GRÁFICA 6 7 Marca principal Variações formais da marca 13 DIMENSÕES MÍNIMAS 13 14 Marca principal Marcas complementares 21 COR 1 2 3 4 5 6 7 8 9 21 22 Versões cromáticas Cores oficiais 26 26 27

Leia mais

GUIA DE REFERÊNCIA. Procel RELUZ

GUIA DE REFERÊNCIA. Procel RELUZ GUIA DE REFERÊNCIA Procel RELUZ ASSINATURAS As assinaturas são compostas por duas partes: logomarca PROCEL e logomarca RELUZ. O símbolo e o logotipo dessas duas partes se associam formando a Identidade

Leia mais

CÓDIGO DO REGISTO COMERCIAL

CÓDIGO DO REGISTO COMERCIAL CÓDIGO DO REGISTO COMERCIAL (5.ª Edição) ACTUALIZAÇÃO N.º 2 Código do Registo Comercial 2 TÍTULO: AUTORES: CÓDIGO DO REGISTO COMERCIAL Actualização N.º 2 BDJUR EDITOR: EDIÇÕES ALMEDINA, SA Avenida Fernão

Leia mais

RELATÓRIO DE ACTIVIDADES

RELATÓRIO DE ACTIVIDADES MODELO DE RELATÓRIO DE ACTIVIDADES AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO DO PESSOAL DOCENTE DO INSTITUTO POLITÉCNICO DE PORTALEGRE Nome: Escola: MODELO NORMALIZADO DE RELATÓRIO DE ACTIVIDADES NOME: ESCOLA: UTC: Categoria:

Leia mais

Modelos de Instrumentos de Pesquisa COLÉGIO COSMOS. Tema da Pesquisa. Nome do Aluno Nº - Série/Ano. Disciplina Professor(a)

Modelos de Instrumentos de Pesquisa COLÉGIO COSMOS. Tema da Pesquisa. Nome do Aluno Nº - Série/Ano. Disciplina Professor(a) 1 Capa Modelos de Instrumentos de Pesquisa COLÉGIO COSMOS Tema da Pesquisa Nome do Aluno Nº - Série/Ano Disciplina Professor(a) Campo Limpo Paulista, de de 2012 Relatório INTRODUÇÃO (Produção textual do(a)

Leia mais

UFABC PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

UFABC PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL UFABC Ó-REITORIA DE TENSÃO MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Apresentação Ó-REITORIA DE TENSÃO A construção da marca da Pró-reitoria de Extensão da Universidade Federal do ABC baseia-se principalmente na união,

Leia mais

Manual de Identidade Visual Governo do Estado do Rio Grande do Sul

Manual de Identidade Visual Governo do Estado do Rio Grande do Sul Manual de Identidade Visual Governo do Estado do Rio Grande do Sul todos pelo rio grande É com muita satisfação que apresentamos a nova forma de expressão do Governo do Estado do Rio Grande do Sul. Daqui

Leia mais

Manual de Identidade Visual. 1 iuni Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual. 1 iuni Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual 1 iuni Manual de Identidade Visual SUMÁRIO iuni Manual de Identidade Visual 2 Sumário 1. 2. 3. 4. 5. 6. A Marca Versão preferencial - VP Dimensões preferenciais Marca p&b Cores

Leia mais

05-01-2012 - Calendário Fiscal 2012 quando declarar e quando pagar impostos em 2012

05-01-2012 - Calendário Fiscal 2012 quando declarar e quando pagar impostos em 2012 05-01-2012 - Calendário Fiscal 2012 quando declarar e quando pagar impostos em 2012 Disponibilizamos o habitual Calendário Fiscal de 2012 produzido pelo Ministério das Finanças (Autoridade Tributária e

Leia mais

Manual de Identidade Visual. Arranjo Produtivo Local de Máquinas e Equipamentos do Rio Grande do Sul

Manual de Identidade Visual. Arranjo Produtivo Local de Máquinas e Equipamentos do Rio Grande do Sul Arranjo Produtivo Local de Máquinas e Equipamentos do Rio Grande do Sul Sumário 03 04 05 06 07 08 10 11 14 15 16 17 Pra que serve este manual? O logotipo Malha construtiva Variações Área de proteção Redução

Leia mais

O Programa Enfermeiros de Família. (Página intencionalmente deixada em branco)

O Programa Enfermeiros de Família. (Página intencionalmente deixada em branco) (Página intencionalmente deixada em branco) 2 Conteúdo A Saúde Quem Somos... O programa Enfermeiros de Família... O Enfermeiro de Família Saúde... O desafio de carreira... Principais competências e responsabilidades...

Leia mais

logotipo estacionário comunicação cores institucionais tipografia

logotipo estacionário comunicação cores institucionais tipografia 2014 2015 ÍNDICE 1 4 1.1 1.2 1.3 1.4 1.5 1.6 1.7 1.8 1.9 1.10 1.11 1.12 1.13 1.14 1.15 1.16 1.17 1.18 1.19 1.20 1.21 1.22 1.23 1.24 Logotipo Escala de cinzentos Sobre fundo positvo e negativo Sobre fundos

Leia mais

PPDA DA REN ARMAZENAGEM ANÁLISE DO RELATÓRIO DE EXECUÇÃO DO ANO GÁS 2008-2009

PPDA DA REN ARMAZENAGEM ANÁLISE DO RELATÓRIO DE EXECUÇÃO DO ANO GÁS 2008-2009 PPDA DA REN ARMAZENAGEM ANÁLISE DO RELATÓRIO DE EXECUÇÃO DO ANO GÁS 2008-2009 Maio 2010 ENTIDADE REGULADORA DOS SERVIÇOS ENERGÉTICOS Este documento está preparado para impressão em frente e verso Rua Dom

Leia mais

Manual de identidade. Centro de Informação Europeia Jacques Delors

Manual de identidade. Centro de Informação Europeia Jacques Delors Manual de identidade (CIEJD) Direcção-Geral dos Assuntos Europeus (DGAE) Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE) Autor: Carla Lopes design.avulso@gmail.com www.designavulso.blogspot.com Acesso em linha:

Leia mais

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES SECRETARIA REGIONAL DA EDUCAÇÃO E CULTURA DIREÇÃO REGIONAL DA CULTURA

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES SECRETARIA REGIONAL DA EDUCAÇÃO E CULTURA DIREÇÃO REGIONAL DA CULTURA Formulário de candidatura (DLR n.º 9/2014/A, de 3 de julho) Edição de obras Culturais 1. Identificação do candidato Nome Morada Código Postal - Localidade Freguesia Concelho Ilha Telefone Fax Correio Eletrónico

Leia mais

TUTORIAL Noções básicas de PowerPoint 2007

TUTORIAL Noções básicas de PowerPoint 2007 TUTORIAL Noções básicas de PowerPoint 2007 Elaborado por: Miguel Marques (Professor TIC) Introdução As apresentações em PowerPoint servem para apoiar uma apresentação oral dos teus trabalhos. Neste tutorial

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE PROGRAMA FORMAÇÃO PME

MANUAL DE IDENTIDADE PROGRAMA FORMAÇÃO PME MANUAL DE IDENTIDADE PROGRAMA FORMAÇÃO PME Índice 01 Logótipos 02 Economato Geral 03 Aplicações Gráficas 01.1 FORMAÇÃO PME 03 01.2 ORGANISMO INTERMÉDIO (AEP) 04 01.3 ENTIDADES FINANCIADORAS 05 (POPH, QREN,

Leia mais

Objetivo... 03 Malha construtiva... 05 Reserva de integridade... 06 Marca completa e simplificada... 07 Tipografia... 08 Versão quadricromia e versão

Objetivo... 03 Malha construtiva... 05 Reserva de integridade... 06 Marca completa e simplificada... 07 Tipografia... 08 Versão quadricromia e versão Objetivo... 03 Malha construtiva... 05 Reserva de integridade... 06 Marca completa e simplificada... 07 Tipografia... 08 Versão quadricromia e versão pantone... 09 Versão escala de cinza... 10 Versão traço

Leia mais

KIT DE NORMAS GRÁFICAS

KIT DE NORMAS GRÁFICAS KIT NORMAS GRÁFICAS Nota: Caso seja necessária a impressão deste documento, a mesma deve ser preferencialmente em formato A landscape, para garantir a melhor legibilidade. Na sequência da alteração do

Leia mais

Se padieira 135mm = 110mm COLOCAR A CURVA: -Se ombreira do lado da curva (C) é menor que 440mm: usar a cota 290mm -Se a ombreira (C) é maior que 440mm usar a cota de 45mm

Leia mais

MANUAL DE LOGOMARCA UNIVERSIDADE FUMEC

MANUAL DE LOGOMARCA UNIVERSIDADE FUMEC 1 MANUAL DE LOGOMARCA UNIVERSIDADE FUMEC sumário INTRODuÇãO 3 VERsõEs DA AssINATuRA VERTICAL p&b 15 ELEmENTOs E proporções DA AssINATuRA HORIZONTAL 4 VERsõEs DA AssINATuRA HORIZONTAL monocromática 16 VERsõEs

Leia mais

MANUAL DE CONTROLES INTERNOS PARTE II IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE CONTROLES INTERNOS PARTE II IDENTIDADE VISUAL ÍNDICE 6. IDENTIDADE VISUAL...2 6.1. MARCA... 2 6.1.1 Apresentação... 2 6.1.2 Cores Institucionais... 3 6.1.3 Família Tipográfica... 4 6.1.4 Reprodução da Marca... 5 6.1.5 Usos Incorretos... 6 6.1.6 Redução

Leia mais

Manual de Uso da Marca

Manual de Uso da Marca Manual de Uso da Marca Abril de 2011 A logomarca O Logotipo Calvert MT Bold a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z 1 2 3 4 5 6 7 8 9 0 OBS:

Leia mais

Manual de Normas Gráficas

Manual de Normas Gráficas Manual de Normas Gráficas ÍNDICE 01. INTRODUÇÃO 02. MARCA 03. VERSÕES DA MARCA 04. UNIVERSO CROMÁTICO 05. VERSÕES POSITIVO/NEGATIVO 06. COMPORTAMENTO SOBRE FUNDOS 07. MARGENS DE SEGURANÇA 08. DIMENSÃO

Leia mais

DELEGAÇÃO DA UNIÃO EUROPEIA EM ANGOLA. Regulamento

DELEGAÇÃO DA UNIÃO EUROPEIA EM ANGOLA. Regulamento UNIÃO EUROPEIA DELEGAÇÃO DA UNIÃO EUROPEIA EM ANGOLA CONCURSO DE IDEIAS PARA A CRIAÇÃO DE LOGOTIPO PARA CELEBRAÇÃO DOS 30 ANOS DE COOPERAÇÃO ENTRE A UNIÃO EUROPEIA E A REPÚBLICA DE ANGOLA Regulamento PREÂMBULO

Leia mais

Preenchimento do Formulário 2.01

Preenchimento do Formulário 2.01 Preenchimento do Formulário 2.01 O primeiro passo para o preenchimento formulário de Depósito de Pedido de Registro de Desenho Industrial é o download do formulário correto. A certeza de que o usuário

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual CLIPTECH Apresentação O objetivo deste Manual de Identidade Visual é possibilitar que a CLIPTECH se comunique de forma organizada e padronizada, para seus membros, setores afins

Leia mais

Dados da Assembléia para Eleição de Delegados e Delegadas ao 13º CECUT/CEARÁ.

Dados da Assembléia para Eleição de Delegados e Delegadas ao 13º CECUT/CEARÁ. Dados da Assembléia para Eleição de Delegados e Delegadas ao 13º CECUT/CEARÁ. Identificação da Entidade (com até 750 Sócios-Quites+Aposentados.) Endereço: N.º Bairro: : Estado: CEP: Telefone: Fax: Nº de

Leia mais

MOVIMENTAÇÃO ONLINE RN 279

MOVIMENTAÇÃO ONLINE RN 279 Página 1 / 6 MOVIMENTAÇÃO ONLINE RN 279 Criação: Murilo Rodrigues Analista de Suporte Colaboração Cadastro: Luciana Rodrigues Guimarães Revisão: Walker Toledo Duarte Analista de Sistemas Página 2 / 6 ÍNDICE

Leia mais

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2010/2011

CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2010/2011 CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO 2010/2011 REQUERIMENTO DE CANDIDATURA PELO CONTINGENTE ESPECIAL PARA ESTUDANTES COM DEFICIÊNCIA FÍSICA OU SENSORIAL Os estudantes que satisfaçam os

Leia mais

Regulamento do concurso para a renovação da imagem da TECNICELPA

Regulamento do concurso para a renovação da imagem da TECNICELPA Regulamento do concurso para a renovação da imagem da TECNICELPA 1. INTRODUÇÃO A Tecnicelpa Associação Portuguesa dos Técnicos das Indústrias de Celulose e Papel foi constituída em 1980, contando hoje

Leia mais

CÓDIGO DE REGIME DE ATUAÇÃO DO AGENTE AUTÔNOMO DE INVESTIMENTO

CÓDIGO DE REGIME DE ATUAÇÃO DO AGENTE AUTÔNOMO DE INVESTIMENTO CÓDIGO DE REGIME DE ATUAÇÃO DO AGENTE AUTÔNOMO DE INVESTIMENTO SUL AMÉRICA INVESTIMENTOS DTVM S.A. Versão Dezembro/2011 Sul América Investimentos DTVM S.A. Página 1 de 5 Código de Regime de Atuação do

Leia mais

Manual de Identidade Visual Versão 1.0

Manual de Identidade Visual Versão 1.0 Manual de Identidade Visual Versão 1.0 1 2 Introdução e Objetivo do manual O projeto de identidade visual da marca CrediSIS tem o propósito de buscar padronização da marca para facilitar sua fixação em

Leia mais

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS. Federação Portuguesa de Xadrez

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS. Federação Portuguesa de Xadrez MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS Federação Portuguesa de Xadrez Índice 01 - Introdução ao Manual de Normas Gráficas 02 - Logotipo 03 - Logotipo Estrutura 04 - Logotipo Margens de Segurança 05 - Logotipo Legibilidade

Leia mais

DIVISÃO 09 - ÁREA DE ACTIVIDADE DA SUBCONTRATAÇÃO

DIVISÃO 09 - ÁREA DE ACTIVIDADE DA SUBCONTRATAÇÃO Folha 0 DIVISÃO 09 - ÁREA DE ACTIVIDADE DA SUBCONTRATAÇÃO CLUBE DA SUBCONTRATAÇÃO - ARRANQUE DE APARA + LASER FICHA DE INSCRIÇÃO Empresa:.. Assoc. N.º Nome do contacto:. Tel./Tlm: e-mail: Empresa Certificada:

Leia mais

Licença parental - protecção social na parentalidade -

Licença parental - protecção social na parentalidade - (a preencher pelo SARH) Diploma de regulamentação aplicável: - DL nº 89/2009, de 9 de Abril (RPSC) - DL nº 91/2009, de 9 de Abril (RGSS) Recebido em / / Licença parental - protecção social na parentalidade

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL. Normas gráficas

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL. Normas gráficas MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Normas gráficas 01. APRESENTAÇÃO DO LOGO Definições APRESENTAÇÃO DO LOGO Logo padrão APRESENTAÇÃO DO LOGO Fontes usadas Dax-bold Dax Light DaxCondensed-Regular DEFINIÇÕES DO

Leia mais

Manual de Normas Gráficas

Manual de Normas Gráficas anual de Normas Gráficas Este manual contém as regras básicas de utilização dos elementos fundamentais de design da Agência Nacional Erasmus+ Educação e Formação e o modo como eles se devem aplicar, comportar

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual 1 2 Apresentação A identidade corporativa é um conjunto integrado de regras que realça visualmente o estilo e as atitudes da empresa. É exatamente por sua importância que este

Leia mais

KIT DE NORMAS BÁSICAS DE IDENTIDADE

KIT DE NORMAS BÁSICAS DE IDENTIDADE O kit de normas da identidade estabelece um conjunto de regras e recomendações que garantem uma aplicação correcta e coerente da mesma de forma a também reflectir o posicionamento e organização da entidade

Leia mais

TÍTULO DA OFICINA/MINICURSO EM NEGRITO CAIXA ALTA CENTRALIZADO FONTE TIMES NEW ROMAN 12 RESUMO

TÍTULO DA OFICINA/MINICURSO EM NEGRITO CAIXA ALTA CENTRALIZADO FONTE TIMES NEW ROMAN 12 RESUMO TÍTULO DA OFICINA/MINICURSO EM NEGRITO CAIXA ALTA CENTRALIZADO FONTE TIMES NEW ROMAN 12 Nome completo do autor com sobrenome em CAIXA ALTA Nome completo do coautor com sobrenome em CAIXA ALTA RESUMO Identifique

Leia mais

É IMPORTANTE MANTER UMA PADRONIZAÇÃO NA ELABORAÇÃO DA LISTA DE REFERÊNCIAS, OBSERVANDO:

É IMPORTANTE MANTER UMA PADRONIZAÇÃO NA ELABORAÇÃO DA LISTA DE REFERÊNCIAS, OBSERVANDO: COMO FAZER UMA REFERÊNCIA BIBLIOTECA COMUNITÁRIA 2007 É IMPORTANTE MANTER UMA PADRONIZAÇÃO NA ELABORAÇÃO DA LISTA DE REFERÊNCIAS, OBSERVANDO: - Os espaçamentos devem ser seguidos rigorosamente; - Adotar

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MPR/SGP-500-R00 ARQUIVAMENTO DE PROCESSOS NA SGP

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MPR/SGP-500-R00 ARQUIVAMENTO DE PROCESSOS NA SGP MANUAL DE PROCEDIMENTOS MPR/SGP-500-R00 ARQUIVAMENTO DE PROCESSOS NA SGP 02/2016 PÁGINA INTENCIONALMENTE EM BRANCO 2 03 de fevereiro de 2016. Aprovado, Carolina dos Santos Costa 3 PÁGINA INTENCIONALMENTE

Leia mais

EDITAL Nº 002/2014. Regulamenta a inscrição, apresentação, avaliação e premiação dos trabalhos para o 2º Encontro de Iniciação Cientifica Unisepe.

EDITAL Nº 002/2014. Regulamenta a inscrição, apresentação, avaliação e premiação dos trabalhos para o 2º Encontro de Iniciação Cientifica Unisepe. EDITAL Nº 002/2014 Regulamenta a inscrição, apresentação, avaliação e premiação dos trabalhos para o 2º Encontro de Iniciação Cientifica Unisepe. I. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1. A apresentação dos

Leia mais

Portaria Inmetro/Dimel n.º 0288, de 05 de outubro de 2011. (3º aditivo à Portaria Inmetro/Dimel nº 293/2007)

Portaria Inmetro/Dimel n.º 0288, de 05 de outubro de 2011. (3º aditivo à Portaria Inmetro/Dimel nº 293/2007) Serviço Público Federal MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, QUALIDADE E TECNOLOGIA - INMETRO Portaria Inmetro/Dimel n.º 0288, de 05 de outubro

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTOR DE FORMAÇÃO

PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTOR DE FORMAÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTOR DE FORMAÇÃO.Certificado pela ANEF-Associação Nacional de Entidade Formadoras.Certificação CEPESE-DGERT-CNAEF-Área 345 Gestão e Administração Nível 6 ENQUADRAMENTO E OBJETIVOS DO

Leia mais

NORMAS DE PREPARAçãO DOS ARTIGOS PARA PUBLICAçãO NA REVISTA DA ORDEM DOS ADVOGADOS (ROA)

NORMAS DE PREPARAçãO DOS ARTIGOS PARA PUBLICAçãO NA REVISTA DA ORDEM DOS ADVOGADOS (ROA) NORMAS DE PREPARAçãO DOS ARTIGOS PARA PUBLICAçãO NA REVISTA DA ORDEM DOS ADVOGADOS (ROA) Generalidades: Com o objectivo de homogeneizar os trabalhos que se enviem para publicação na REVISTA DA ORDEM DOS

Leia mais

AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS. Sistema de Apoio a Infra-estruturas Científicas e Tecnológicas

AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS. Sistema de Apoio a Infra-estruturas Científicas e Tecnológicas AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS Sistema de Apoio a Infra-estruturas Científicas e Tecnológicas Nos termos do Regulamento do Sistema de Apoio a Infra-estruturas Científicas e Tecnológicas (SAICT)

Leia mais

Manual de Identidade Visual. agrega

Manual de Identidade Visual. agrega Manual de Identidade Visual 1.Versão Preferencial 1.1 Versão Padrão Versão de uso preferencial. Deve-se usar a logomarca na cor apresentada sobre fundo branco. No caso do fundo totalmente preto ou na cor

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA VIVER POMBAL

REGULAMENTO DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA VIVER POMBAL REGULAMENTO DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA VIVER POMBAL ENQUADRAMENTO O concurso fotográfico Viver Pombal é um concurso integrado no Serviço Educativo do Teatro-Cine de Pombal, organizado pela Câmara Municipal

Leia mais

Código Civil. 2016 7ª Edição Atualização nº 1 DECRETO-LEI Nº 131/95, DE 6 DE JUNHO [1] 1

Código Civil. 2016 7ª Edição Atualização nº 1 DECRETO-LEI Nº 131/95, DE 6 DE JUNHO [1] 1 Código Civil 2016 7ª Edição Atualização nº 1 DECRETO-LEI Nº 131/95, DE 6 DE JUNHO [1] 1 CÓDIGO CIVIL Atualização nº 1 EDITOR EDIÇÕES ALMEDINA, S.A. Rua Fernandes Tomás nºs 76, 78, 80 3000-167 Coimbra Tel.:

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL SUPRENS

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL SUPRENS MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL 1 9 7 2 última atualização: 21/11/12 manual_identidade_visual_ quarta-feira, 21 de novembro de 212 13:23:14 SOBRE ESTE MANUAL Este manual foi especialmente elaborado com o objetivo

Leia mais

COLÉGIO ESTADUAL SÃO CRISTÓVÃO ENSINO FUNDAMENTAL, MÉDIO, NORMAL E PROFISSIONAL NOME DO ALUNO TÍTULO DO TRABALHO

COLÉGIO ESTADUAL SÃO CRISTÓVÃO ENSINO FUNDAMENTAL, MÉDIO, NORMAL E PROFISSIONAL NOME DO ALUNO TÍTULO DO TRABALHO 0 COLÉGIO ESTADUAL SÃO CRISTÓVÃO ENSINO FUNDAMENTAL, MÉDIO, NORMAL E PROFISSIONAL Margens Superior e Esquerda: 3cm, Inferior e Direita: 2cm; Fonte: Arial 12; Negrito; Centralizado; Espacejamento entre

Leia mais

Normas gráficas Março 2016

Normas gráficas Março 2016 Normas gráficas Março 2016 Estas normas gráficas pretendem definir a aplicação correta dos elementos gráficos da identidade visual do Centro Social Paroquial Padre Ricardo Gameiro para garantir uma comunicação

Leia mais

INTERCÂMBIO DE ESTUDANTES AO ABRIGO DE ACORDOS DE COOPERAÇÃO. Candidaturas para o Ano Académico 2009/2010

INTERCÂMBIO DE ESTUDANTES AO ABRIGO DE ACORDOS DE COOPERAÇÃO. Candidaturas para o Ano Académico 2009/2010 INTERCÂMBIO DE ESTUDANTES AO ABRIGO DE ACORDOS DE COOPERAÇÃO Candidaturas para o Ano Académico 2009/2010 Serviço de Cooperação com os Países Lusófonos e Latino-Americanos SCPLLA Endereço Reitoria da Universidade

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual 1. Versão preferencial com decodificador 1.1 Versão padrão Versão de uso preferencial. Deve-se usar a logomarca na cor apresentada sobre fundo branco. No caso do fundo totalmente

Leia mais

Caderneta de Estágio 2007/2008. Curso Tecnológico de Administração. Aluno: João Adelino Costa Pinheiro, nº 5 da turma G, do 12º ano.

Caderneta de Estágio 2007/2008. Curso Tecnológico de Administração. Aluno: João Adelino Costa Pinheiro, nº 5 da turma G, do 12º ano. Caderneta de Estágio 2007/2008 ESCOLA SECUNDÁRIA DE AMARES Curso Tecnológico de Administração Aluno:, nº 5 da turma G, do 12º ano. IDENTIFICAÇÃO DO ALUNO-FORMANDO Nome: Data de Nascimento: 26 07 1989 B.I.

Leia mais

M a n ua l de I de n t i da de V i s ua l

M a n ua l de I de n t i da de V i s ua l M a n ua l de I de n t i da de V i s ua l Marca Institucional Versão Horizontal A versão horizontal se refere a versão onde o símbolo fica no lado direito do logotipo. Nas áreas onde o espaço para aplicação

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE

MANUAL DE IDENTIDADE MANUAL DE IDENTIDADE COMUNICAÇÃO 1 Assinatura Oficial - 3 O Valor de Uma Marca - 4 Marcas Institucionais - 7 Elementos da Identidade - 9 Não Conformes - 10 Fontes Padrões - 12 Cores Institucionais - 13

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE RONDÔNIA SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA COORDENADORIA DA RECEITA ESTADUAL

GOVERNO DO ESTADO DE RONDÔNIA SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA COORDENADORIA DA RECEITA ESTADUAL INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 008/2010/GAB/CRE Porto Velho, 10 de setembro de 2010. PUBLICADO NO DOE Nº 1621, DE 25.11.10 Regulamenta a emissão do Atestado de Condição de Contribuinte do ICMS. O COORDENADOR-GERAL

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO PROCURADORIA REGIONAL DO TRABALHO DA 15ª REGIÃO ANEXO II MODELO DE PROPOSTA COMERCIAL

MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO PROCURADORIA REGIONAL DO TRABALHO DA 15ª REGIÃO ANEXO II MODELO DE PROPOSTA COMERCIAL ANEXO II MODELO DE PROPOSTA COMERCIAL Pregão Eletrônico - SRP nº 04/2014 1 - DADOS DA EMPRESA: RAZÃO SOCIAL: CNPJ: ENDEREÇO: CIDADE: ESTADO: CEP: TELEFONE: FAX: E-MAIL: PESSOA PARA CONTATO: BANCO: AG.

Leia mais

REGULAMENTO DO PRODUTO SKY PRÉ-PAGO LIVRE

REGULAMENTO DO PRODUTO SKY PRÉ-PAGO LIVRE REGULAMENTO DO PRODUTO SKY PRÉ-PAGO LIVRE 1. SKY PRÉ-PAGO LIVRE: 1.1. É um produto de TV via satélite com recepção 100% digital, o qual funciona com 1 (um) equipamento de recepção de sinal digital e 1

Leia mais

ANEXO XI EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS Nº 011/2014 PROPOSTA COMERCIAL PADRONIZADA

ANEXO XI EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS Nº 011/2014 PROPOSTA COMERCIAL PADRONIZADA ANEXO XI EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS Nº 011/2014 PROPOSTA COMERCIAL PADRONIZADA ÀS EMPRESAS LICITADORAS A empresa..., inscrita no CNPJ/MF sob o n..., estabelecida à Av./Rua..., n..., bairro..., na cidade

Leia mais

UNIVERSIDADE PAULISTA CURSOS

UNIVERSIDADE PAULISTA CURSOS UNIVERSIDADE PAULISTA CURSOS CST em Análise e Desenvolvimento de Sistemas CST em Automação Industrial CST em Gestão da Tecnologia da Informação CST em Redes de Computadores PIM Projeto Integrado Multidisciplinar

Leia mais

MANUAL DE NORMAS BÁSICO DA LOGOMARCA N INVEST

MANUAL DE NORMAS BÁSICO DA LOGOMARCA N INVEST MANUAL DE NORMAS BÁSICO DA LOGOMARCA N INVEST INTRODUÇÃO Este documento contém regras de utilização da logomarca N INVEST. Descreve a construção, as cores, o tipo de letra e o estilo gráfico com que deve

Leia mais

REGULAMENTO DE PROCEDIMENTO E CRITÉRIOS PARA DECLARAÇÃO DE CUMPRIMENTO DE OBRIGAÇÕES DE PRESTADORA DO STFC. Capítulo I Das Disposições Gerais

REGULAMENTO DE PROCEDIMENTO E CRITÉRIOS PARA DECLARAÇÃO DE CUMPRIMENTO DE OBRIGAÇÕES DE PRESTADORA DO STFC. Capítulo I Das Disposições Gerais REGULAMENTO DE PROCEDIMENTO E CRITÉRIOS PARA DECLARAÇÃO DE CUMPRIMENTO DE OBRIGAÇÕES DE PRESTADORA DO STFC Capítulo I Das Disposições Gerais Art. 1º O cumprimento de obrigações de prestadoras do Serviço

Leia mais

EVT004 www.highskills.pt geral@highskills.pt PT: 00351 217 931 365 AO: 00244 94 112 60 90 MZ: 00258 821 099 52

EVT004 www.highskills.pt geral@highskills.pt PT: 00351 217 931 365 AO: 00244 94 112 60 90 MZ: 00258 821 099 52 Seminário Transição para 2015 da ISO 9001, ISO 14001 e futura ISO 45001 E Agora? Venha Esclarecer as suas Dúvidas Connosco! Uma visão dos novos conceitos e processo de transição para as novas versões das

Leia mais

Manual de normas 2009 - identidade corporativa Sanitana

Manual de normas 2009 - identidade corporativa Sanitana Este manual estabelece as normas básicas de utilização da marca Sanitana nas situações mais comuns. O cumprimento destas normas fortalece a marca e evita a incoerência em erros indesejáveis. Em caso de

Leia mais

Legislação Comercial e das Sociedades Comerciais

Legislação Comercial e das Sociedades Comerciais Legislação Comercial e das Sociedades Comerciais 2015 6ª Edição Actualização nº 3 1 Actualização nº 3 ORGANIZAÇÃO BDJUR BASE DE DADOS JURÍDICA EDITOR EDIÇÕES ALMEDINA, S.A. Rua Fernandes Tomás nºs 76,

Leia mais