DAS ARTES. 1º semestre / Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DAS ARTES. 1º semestre / 2012. Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão. masiscao@hotmail.com"

Transcrição

1 ESTÉTICA TICA E HISTÓRIA DAS ARTES 1º semestre / 2012 Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão 1

2 Pré História PRÉ-HIST HISTÓRIA 2

3 Pré História PALEOLÍTICO (35mil anos atrás) Datam dos últimos estágios do paleolítico as primeiras obras de arte conhecidas. Final da Era Glacial na Europa: homens se abrigavam em cavernas; caçadores e coletores; faziam instrumentos. Em algum momento o homem do Cro-Magnon começa a fazer imagens. Caverna em Lascaux, França, a.c. 3

4 Pré História PALEOLÍTICO (35mil anos atrás) PINTURAS Local afastado da entrada: faziam parte de um ritual para assegurar caça bem-sucedida. Formas desordenadas, pinturas superpostas; aparentemente não há distinção entre imagem e realidade: ao retratar o animal é trazido até o homem. Não eram decorativas. Bisão Ferido a.c. Altamira, Espanha 4

5 Pré História PALEOLÍTICO (35mil anos atrás) OBJETOS Pequenas esculturas, do tamanho da mão. Seixos naturais com formas mágicas. Depois: ossos, marfim, chifre, pedra. Talhadeiras rudimentares. Significados sobrenaturais, objetivos: fertilidade, boa caça, etc. Venus de Willendorf, Áustria a.c. 12cm. 5

6 Pré História OBJETOS PALEOLÍTICO (35mil anos atrás) O homem-leão a.c. 6

7 Pré História: Pintura Pinturas de Lascaux (França) são de a.c. Pinturas de Altamira (Espanha) são de a.c. Pinturas Parque Nacional da Serra da Capivara (Brasil) a.c. 7

8 Pré História NEOLÍTICO (10 a 5mil a.c.) Domesticavam animais e cultivavam cereais: comunidades permanentes. Novas invenções: cerâmica, tecelagem e fiação. Grande Círculo, Stonehenge, Inglaterra. Artefatos de pedra com requinte maior. Poucos remanescentes da arte em relação ao paleolítico, talvez por terem se perdido ao longo dos anos (materiais). Cerâmica neolítica. 8

9 Pré História ARTE PRIMITIVA Modernos sobreviventes do Neolítico: sociedades primitivas da África tropical, Américas, e Pacífico Sul. Coisas animadas por espíritos poderosos homens, animais, plantas, terra, rios e lagos, a chuva, o vento, o Sol e a Lua. Escultura mais importante, pintura é subalterna: usada para colorir esculturas ou o corpo-humano. 9

10 MESOPOTÂMIA 10

11 MESOPOTÂMIA (entre o Tigre e o Eufrates: região do atual Iraque) Berço de várias civilizações: primeiras cidades (Ur 2700 a.c.); noções de Estado; sistematização da escrita; domínio de técnicas de canais, barragens e irrigação. Povos: sumérios, acádios, amoritas (primeiro império babilônico Código de Hamurabi), assírios, caldeus (segundo império babilônico). Cidade de Ur Jardins Suspensos Código de Hamurabi 11

12 MESOPOTÂMIA Arquitetura foram inovadores com a aplicação de arcos; palácios eram grandiosos. Urbanismo foram os primeiros a planejar cidades, complexas e organizadas ao redor de templos ZIGURATES. Torre de Babel - Zigurate 12

13 Artes MESOPOTÂMIA PINTURA: usavam cores claras e reproduziam caçadas, batalhas e cenas da vida dos reis e dos deuses; Afresco do Toureiro, Palácio de Minos, Creta a.c. Altura: 0,62m. 13

14 MESOPOTÂMIA Artes ESCULTURA: em baixo-relevo, outra forma predominante de arte; entalhes eram combinados com a escrita cuneiforme para descreverem cenas militares; a caça também foi outro tema recorrente; Shedu, Assíria a.c. (Museu Louvre) Leoa de Guennol, Mesopotâmia a.c. Vendida por $ 57 mi / 8,3cm 14

15 MESOPOTÂMIA Artes ESCULTURA: em baixo-relevo, outra forma predominante de arte; entalhes eram combinados com a escrita cuneiforme para descreverem cenas militares; a caça também foi outro tema recorrente; A leoa ferida, de Nínive; 650 a.c. 15

16 Artes MESOPOTÂMIA CERÂMICA produção alcançou notável desenvolvimento; ORIVESARIA estatuas de cobre; colares, braceletes. 16

17 EGITO 17

18 EGITO (contemporânea à civilização mesopotâmica Nilo) Arquitetura: grandes manifestações templos, pirâmides, mastabas e os hipogeus, túmulos subterrâneos cavados nas barrancas do Nilo. Mastaba 18

19 EGITO (contemporânea à civilização mesopotâmica Nilo) Arquitetura: grandes manifestações templos, pirâmides, mastabas e os hipogeus, túmulos subterrâneos cavados nas barrancas do Nilo. Mastaba Pirâmide em degrau 19

20 EGITO (contemporânea à civilização mesopotâmica Nilo) Arquitetura: grandes manifestações templos, pirâmides, mastabas e os hipogeus, túmulos subterrâneos cavados nas barrancas do Nilo. Pirâmide 20

21 EGITO (contemporânea à civilização mesopotâmica Nilo) Escultura predominante religiosa e atingiu o auge com os sarcófagos, de pedra ou madeira. Príncipe Rahotep e sua esposa Nofret a.c. Museu Egípcio, Cairo. Paleta de árdósia do Rei Narmer, em Hiracompolis, 3.000a.C. Comemora a vitória de uma batalha 21

22 EGITO (contemporânea à civilização mesopotâmica Nilo) Escultura padrões rígidos de representação da figura humana. Feitas para durar eternamente: sentadas ou em pé, tinham poucas partes protuberantes que pudessem quebrar. A pose era sempre frontal e bissimétrica, com os braços próximos ao torso. A anatomia humana era, no máximo, uma aproximação. Miquerinus e sua esposa, de Gizé a.c. Ardósia. Altura: 1,42m. 22

23 EGITO (contemporânea à civilização mesopotâmica Nilo) Escultura padrões rígidos de representação da figura humana. Feitas para durar eternamente: sentadas ou em pé, tinham poucas partes protuberantes que pudessem quebrar. A pose era sempre frontal e bissimétrica, com os braços próximos ao torso. A anatomia humana era, no máximo, uma aproximação. Miquerinus e sua esposa, de Gizé a.c. Ardósia. Altura: 1,42m. 23

24 EGITO (contemporânea à civilização mesopotâmica Nilo) Escultura padrões rígidos de representação da figura humana. A Rainha Nefertiti a.c. Calcário. Altura: 0,51m. 24

25 EGITO (contemporânea à civilização mesopotâmica Nilo) Escultura predominante religiosa e atingiu o auge com os sarcófagos, de pedra ou madeira. Múmia de Tutancamon. Cobertura do sarcófago de Tutancamon a.c. Ouro, incrustado com esmalte e pedras preciosas. Altura: 1,84m. 25

26 Antiguidade Oriental ESTÉTICA E HISTÓRIA DAS ARTES EGITO (contemporânea à civilização mesopotâmica Nilo) Pintura função decorativa e retratava cenas do dia-a-dia, o que permite reconstituir o gênero de vida dos egípcios. Padrões rígidos de representação da forma humana: em visão frontal do olho e dos ombros, e em perfil de cabeça, braços e pernas. O jardim de Nebamum a.c. Mural em túmulo. 26

27 EGITO (contemporânea à civilização mesopotâmica Nilo) Pintura Padrões rígidos de representação da forma humana: em visão frontal do olho e dos ombros, e em perfil de cabeça, braços e pernas. O deus com rosto do chacal Anubis supervisionando a pesagem de um coração de um morto a.c. 27

28 Obsessão pela imortalidade. Garantir a vida após a morte confortável para os soberanos, que eram considerados deuses. A colossal arquitetura e as obras-de-arte existiam para cercar o espírito do faraó de glória eterna. Nessa busca pela permanência definiram o essencial para uma grande civilização: literatura, ciências médicas e alta matemática. Muito do que conhecemos vem das tumbas que restam até hoje. As pinturas e os hieróglifos nas paredes eram uma forma de inventariar a vida e as atividades diárias do falecido faraó nos mínimos detalhes. Estátuas ofereciam ao faraó a morada do ka (espírito) 28

ARTE NO EGITO ANTIGO

ARTE NO EGITO ANTIGO ARTE NO EGITO ANTIGO Ao longo do rio Nilo e principalmente na região norte - o Delta - ; e na região sul dos rios Eufrates e Tigre, desenvolveram-se as primeiras civilizações. No Egito desenvolveu-se um

Leia mais

História Prof. Iair Grinschpun - iair@pop.com.br

História Prof. Iair Grinschpun - iair@pop.com.br ANTIGÜIDADE ORIENTAL 1 - O CRESCENTE FÉRTIL: Berço das primeiras civilizações; Atual Iraque até Egito; Grandes rios; Terras férteis. 2 EGITO E MESOPOTÂMIA: Impérios TEOCRÁTICOS de REGADIO; - Líder = Deus

Leia mais

Pré história. Criação: Ana Cláudia B.Sanches

Pré história. Criação: Ana Cláudia B.Sanches Pré história Pré-história Paleolítico inferior 500.000 a.c. Paleolítico superior 30.000 a.c. Idade da pedra lascada / cortante Primeiras manifestações artísticas Pedra lascada Paleolítico 30.000 a.c. Idade

Leia mais

1 - O CRESCENTE FÉRTIL:

1 - O CRESCENTE FÉRTIL: 1 - O CRESCENTE FÉRTIL: Berço das primeiras civilizações; Atual Iraque até Egito; Grandes rios; Terras férteis. 2 EGITO E MESOPOTÂMIA: Impérios TEOCRÁTICOS de REGADIO; - Líder = Deus ou representante dele;

Leia mais

ARTE EGÍPCIA. c) ( ) Ao observar uma obra já se define o autor, pois suas características estão expressas na obra.

ARTE EGÍPCIA. c) ( ) Ao observar uma obra já se define o autor, pois suas características estão expressas na obra. ARTE EGÍPCIA Questão 01 A Religião é fator predominante na cultura egípcia, o que é óbvio, reflete imediatamente na produção artística deste povo. Assinale a alternativa que indica uma característica dessa

Leia mais

Outra grande civilização da Antiguidade oriental, em que o Estado possui grande poder e controle sobre tudo foi a Mesopotâmia.

Outra grande civilização da Antiguidade oriental, em que o Estado possui grande poder e controle sobre tudo foi a Mesopotâmia. Mesopotâmia Antiga Outra grande civilização da Antiguidade oriental, em que o Estado possui grande poder e controle sobre tudo foi a Mesopotâmia. Diferente do Egito, a Mesopotâmia nunca se preocupou com

Leia mais

História da Arte. Exercícios de Sala de Aula

História da Arte. Exercícios de Sala de Aula História da Arte Exercícios de Sala de Aula A arte é um conjunto de procedimentos que são utilizados para realizar obras, e no qual aplicamos nossos conhecimentos. Apresenta-se sob variadas formas como:

Leia mais

Podemos considerar arte da pré-historia todas as manifestações que surgiram antes do aparecimento das primeiras civilizações e da arte escrita.

Podemos considerar arte da pré-historia todas as manifestações que surgiram antes do aparecimento das primeiras civilizações e da arte escrita. Podemos considerar arte da pré-historia todas as manifestações que surgiram antes do aparecimento das primeiras civilizações e da arte escrita. Inicialmente as formas de arte possuíam uma utilidade prática,

Leia mais

Capítulo 5 O Egito Antigo. Prof.ª Marilia C. Camillo Coltri 6.º ano História Colégio Ser! Sorocaba

Capítulo 5 O Egito Antigo. Prof.ª Marilia C. Camillo Coltri 6.º ano História Colégio Ser! Sorocaba Capítulo 5 O Egito Antigo Prof.ª Marilia C. Camillo Coltri 6.º ano História Colégio Ser! Sorocaba Egito atual O Egito Antigo 5.000 a.c. O Rio Nilo atraiu populações às suas margens em busca de água, vegetação

Leia mais

NEJAD EXAME SUPLETIVO 2016 ENSINO FUNDAMENTAL DISCIPLINA DE ARTE

NEJAD EXAME SUPLETIVO 2016 ENSINO FUNDAMENTAL DISCIPLINA DE ARTE NEJAD EXAME SUPLETIVO 2016 ENSINO FUNDAMENTAL DISCIPLINA DE ARTE ARTE RUPESTRE Arte rupestre é o nome da mais antiga representação artística da história do homem. Os mais antigos indícios dessa arte são

Leia mais

Coleguium -3ºEM 1ª etapa

Coleguium -3ºEM 1ª etapa Coleguium -3ºEM 1ª etapa CIVILIZAÇÃO EGÍPCIA: - Desenvolvida às margens do Nilo, na África; - Organização social complexa e rica em realizações culturais; - Escrita bem estruturada; Hieróglifos na parede

Leia mais

Sugestões de avaliação. História 6 o ano Unidade 3

Sugestões de avaliação. História 6 o ano Unidade 3 Sugestões de avaliação História 6 o ano Unidade 3 5 Nome: Data: Unidade 3 1. Complete as sentenças a seguir. a) O termo Mesopotâmia, em grego, significa. b) O território mesopotâmico estava situado entre

Leia mais

Sustentabilidade o que significa realmente?

Sustentabilidade o que significa realmente? Sustentabilidade o que significa realmente? Quando estudava no ginásio Conselheiro Crispiniano em Guarulhos, aprendíamos nas aulas de história sobre a Mesopotâmia, onde havia os rios Tigre e Eufrates e

Leia mais

ANTIGUIDADE ORIENTAL MÓDULO 01 PG 657 OLI

ANTIGUIDADE ORIENTAL MÓDULO 01 PG 657 OLI ANTIGUIDADE ORIENTAL MÓDULO 01 PG 657 OLI LOCALIZAÇÃO NORDESTE DA ÁFRICA RIO NILO HERÓDOTO O EGITO É UMA DÁDIVA DO NILO EVOLUÇÃO POLÍTICA FASES ANTIGO IMPÉRIO MÉDIO IMPÉRIO NOVO IMPÉRIO PERÍODO

Leia mais

Professor Sebastião Abiceu 6º ano Colégio Marista São José de Montes Claros - MG

Professor Sebastião Abiceu 6º ano Colégio Marista São José de Montes Claros - MG Professor Sebastião Abiceu 6º ano Colégio Marista São José de Montes Claros - MG MESOPOTÂMIA As primeiras cidades se formaram justamente na região onde a agricultura começou a se desenvolver: no Oriente

Leia mais

DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 Pontos NOTA: RELAÇÃO DOCONTEÚDO PARA A RECUPERAÇÃO FINAL

DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 Pontos NOTA: RELAÇÃO DOCONTEÚDO PARA A RECUPERAÇÃO FINAL DISCIPLINA: ARTE PROFESSORA: Cristiana de Souza DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 Pontos NOTA: TRABALHO DE RECUPERAÇÃO FINAL SÉRIE: 6º ANO TURMA: ALUNO (A): RELAÇÃO DOCONTEÚDO PARA A RECUPERAÇÃO FINAL Nº: 01.

Leia mais

ALUNO: - ANO - TURMA - DATA \ \ 201. Ficha de Aula de Arte I Trimestre

ALUNO: - ANO - TURMA - DATA \ \ 201. Ficha de Aula de Arte I Trimestre ALUNO: Nº - ANO - TURMA - DATA \ \ 201 Profª Ana Lúcia Leal Ficha de Aula de Arte I Trimestre Arte no Antigo Egito Uma das principais civilizações da Antiguidade foi a que se desenvolveu no Egito. Era

Leia mais

Revisão Arte 1 Ano Ensino Médio

Revisão Arte 1 Ano Ensino Médio Revisão Arte 1 Ano Ensino Médio Um olhar sobre a Arte/ Aprendendo a olhar as artes plásticas/ Arte pré-histórica: Paleolítico e Neolítico/ Arte no Brasil da pré-história Assim como o conceito de Arte,

Leia mais

VERDADEIROS FALSOS CORRETA

VERDADEIROS FALSOS CORRETA Arte Pré-Histórica Questão 01 A religiosidade é um item de bastante relevância no estudo da arte na pré-história. Que alternativa abaixo marca CORRETAMENTE fatos que atestam esta realidade? a) ( ) As pinturas

Leia mais

MESOPOTÂMIA. TERRA ENTRE RIOS Prof. Ive

MESOPOTÂMIA. TERRA ENTRE RIOS Prof. Ive MESOPOTÂMIA TERRA ENTRE RIOS Prof. Ive ASPECTOS FÍSICOS Os dois rios mais importantes são o Tigre e o Eufrates. Localiza-se, predominantemente, no Crescente Fértil, onde hoje está o Iraque. Possui precárias

Leia mais

Arte Românica e Gótica. 6º Ano 2015 Artes Professor Juventino

Arte Românica e Gótica. 6º Ano 2015 Artes Professor Juventino Arte Românica e Gótica 6º Ano 2015 Artes Professor Juventino Arte Românica O estilo românico germinou, desde o final do século X até XIII. Sua denominação foi dada por arqueólogos do século XIX, quando

Leia mais

Arte Romana. 1º Ano Artes. Professor Juventino 2015

Arte Romana. 1º Ano Artes. Professor Juventino 2015 Arte Romana 1º Ano Artes Professor Juventino 2015 Arte Romana A soberania do Império Romano, sem paralelos na história, estendia-se da Espanha ao sul da Rússia, da Inglaterra ao Egito e em seu apogeu absorveu

Leia mais

GABARITO EXERCÍCIOS HISTÓRIA DA ARTE. Exercício de aula

GABARITO EXERCÍCIOS HISTÓRIA DA ARTE. Exercício de aula GABARITO EXERCÍCIOS HISTÓRIA DA ARTE CONCEITO DE ARTE Exercício de aula Leia os fragmentos abaixo. A arte é uma forma de linguagem, uma forma de expressão utilizada pelo homem desde os tempos mais remotos

Leia mais

MESOPOTÂMIA, FENÍCIA, EGITO, ÍNDIA E CHINA

MESOPOTÂMIA, FENÍCIA, EGITO, ÍNDIA E CHINA MESOPOTÂMIA, FENÍCIA, EGITO, ÍNDIA E CHINA Um oásis em meio ao deserto Local em que teria ocorrido o processo de sedentarização do homem Período neolítico Formação das primeiras cidades Na Idade dos Metais

Leia mais

Arte da Pré-História

Arte da Pré-História ALUNO(A) Nº SÉRIE: 6º. Ano TURMA: DATA: / /2013 Profª Ana Lúcia Leal - DISCIPLINA: ARTE Ficha de Aula - III Trimestre Arte da Pré-História As primeiras expressões artísticas As mais antigas figuras feitas

Leia mais

HISTÓRIA PRÉ-HISTÓRIA

HISTÓRIA PRÉ-HISTÓRIA Grupo 1 Universo A Pré-História Professor Carlos HISTÓRIA PRÉ-HISTÓRIA Para começarmos é importante saber como os historiadores conceituam a Pré-História: A Pré-História é conceituada como o período que

Leia mais

Idade dos Metais. Mariana Antunes Vieira. Este documento tem nível de compartilhamento de acordo com a licença 2.5 do Creative Commons.

Idade dos Metais. Mariana Antunes Vieira. Este documento tem nível de compartilhamento de acordo com a licença 2.5 do Creative Commons. Mariana Antunes Vieira Este documento tem nível de compartilhamento de acordo com a licença 2.5 do Creative Commons. http://creativecommons.org.br http://creativecommons.org/licenses/by/2.5/br/ A Idade

Leia mais

I Introdução. II Desenvolvimento

I Introdução. II Desenvolvimento I Introdução Nos tempos primitivos não havia documentos escritos sobre a vida nem sobre o homem. Esse período é chamado de pré-história e o que se conhece a seu respeito baseia-se nos objetos que restam

Leia mais

CAPÍTULO 06 - MESOPOTÂMIA. A palavra Mesopotâmia vem do grego e significa entre rios.

CAPÍTULO 06 - MESOPOTÂMIA. A palavra Mesopotâmia vem do grego e significa entre rios. CAPÍTULO 06 - MESOPOTÂMIA A palavra Mesopotâmia vem do grego e significa entre rios. INTRODUÇÃO É uma faixa de terra cortada por dois grandes rios: o Tigre e o Eufrates; Fica situada entre a Europa, a

Leia mais

HISTÓRIA GERAL 2010. esquema básico das aulas. orientação e organização: renato santos

HISTÓRIA GERAL 2010. esquema básico das aulas. orientação e organização: renato santos HISTÓRIA GERAL 2010 esquema básico das aulas orientação e organização: renato santos Evolução Humana Primatas pongidaes: grandes macacos atuais australopithecus hominídeos erectus homo neanderthal sapiens

Leia mais

Evolução humana. NEANDERTHAL Parente próximo do Pedro Vitória 1 ser humano

Evolução humana. NEANDERTHAL Parente próximo do Pedro Vitória 1 ser humano Evolução humana NEANDERTHAL Parente próximo do Pedro Vitória 1 ser humano Árvore evolutiva Há cerca de 5 milhões de anos, o grupo de primatas que habitava a selva africana subdividiu-se, o que originou

Leia mais

Material de Revisão Da Pré-História a Roma Antiga

Material de Revisão Da Pré-História a Roma Antiga Material de Revisão Da Pré-História a Roma Antiga Prof. Marcos Machry Paleolítico (do surgimento do homem à 10.000 a.c.) Organização em tribos nômades Propriedade coletiva comunismo primitivo Economia

Leia mais

Conteúdo: Mesopotâmia: região entre rios Dois rios, muitos povos Dois grandes impérios Como viviam os mesopotâmicos Alguns aspectos culturais

Conteúdo: Mesopotâmia: região entre rios Dois rios, muitos povos Dois grandes impérios Como viviam os mesopotâmicos Alguns aspectos culturais CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA INTERATIVA I Conteúdo: Mesopotâmia: região entre rios Dois rios, muitos povos Dois grandes impérios Como viviam os mesopotâmicos Alguns aspectos culturais CONTEÚDO

Leia mais

Sumário A História da Arte... 2

Sumário A História da Arte... 2 Sumário A História da Arte... 2 Arte Pré-Histórica... 2 A Arte do Paleolítico Superior... 3 A Arte do Neolítico... 4 Arte no Egito... 7 A Arte na Grécia... 12 A Arte na Roma... 17 Referências Bibliográficas...

Leia mais

A arte reflete a vida

A arte reflete a vida A arte reflete a vida A arte é uma constante na vida. Ela faz parte da história de todos nós. Aquele general autoritário, aquele padre severo, aquela mulher bondosa e aquela criança endiabrada são todos

Leia mais

Antiguidade Oriental I. História A Prof. Thiago

Antiguidade Oriental I. História A Prof. Thiago Antiguidade Oriental I História A Prof. Thiago Modo de Produção Asiático Sociedades ditas Hidráulicas ou de Regadio; Estado proprietário da terra (posse comunitária); Base social aldeã; Intervenção estatal

Leia mais

A IMAGEM COMO TRANSMISSORA DE CONHECIMENTO. Korina Costa

A IMAGEM COMO TRANSMISSORA DE CONHECIMENTO. Korina Costa Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 22 a 25 de outubro, 2012 155 A IMAGEM COMO TRANSMISSORA DE CONHECIMENTO Korina Costa Arquiteta e Urbanista, Especialista em Docência do Ensino

Leia mais

ARTE NA PRÉ-HISTÓRIA HISTÓRIA DA ARTE. Colégio Einstein. A evolução do conhecimento. Aluno (a): 9º ano: A [ ] B [ ] Professor: Lucas Salomão

ARTE NA PRÉ-HISTÓRIA HISTÓRIA DA ARTE. Colégio Einstein. A evolução do conhecimento. Aluno (a): 9º ano: A [ ] B [ ] Professor: Lucas Salomão HISTÓRIA DA ARTE Aluno (a): Professor: Lucas Salomão Data: / /2015 9º ano: A [ ] B [ ] ARTE NA PRÉ-HISTÓRIA Há milhares de anos os povos antigos já se manifestavam artisticamente. Embora ainda não conhecessem

Leia mais

ARTE PRÉ-HISTÓRICA. IDADE DOS METAISaproximadamente 5.000 a 3.500 a.c. aparecimento de metalurgia; invenção da roda;

ARTE PRÉ-HISTÓRICA. IDADE DOS METAISaproximadamente 5.000 a 3.500 a.c. aparecimento de metalurgia; invenção da roda; ARTE PRÉ-HISTÓRICA PALEOLÍTICO INFERIOR aproximadamente 5.000.000 a 25.000 a.c.; controle do fogo; e instrumentos de pedra e pedra lascada, madeira e ossos: facas, machados. PALEOLÍTICO SUPERIOR instrumentos

Leia mais

3º ANO MÉDIO. O que é Arte?

3º ANO MÉDIO. O que é Arte? O que é Arte? A Arte (do latim Ars que significa técnica ou habilidade) é uma manifestação humana de ordem comunicativa muito antiga, a qual possui um caráter estético e está intimamente relacionada com

Leia mais

COLÉGIO CEC CENTRO EDUCACIONAL CIANORTE ED. INFANTIL, ENS. FUNDAMENTAL E MÉDIO - SISTEMA ANGLO DE ENSINO. Aluno (a): Série:

COLÉGIO CEC CENTRO EDUCACIONAL CIANORTE ED. INFANTIL, ENS. FUNDAMENTAL E MÉDIO - SISTEMA ANGLO DE ENSINO. Aluno (a): Série: COLÉGIO CEC CENTRO EDUCACIONAL CIANORTE ED. INFANTIL, ENS. FUNDAMENTAL E MÉDIO - SISTEMA ANGLO DE ENSINO Aluno (a): Série: Nº. Data: / /2012 Professor(a): Rosilene Ardengui 7º Ano CALIGRAFIA TÉCNICA OU

Leia mais

Arte Cristã Primitiva

Arte Cristã Primitiva Arte Cristã Primitiva 1º Ano 1º Bimestre 2015 A clandestinidade Dois Momentos 1º - Clandestino e perseguidos pelos romanos 2 - Aceitação da religião cristã Os primeiros cristãos de origem humilde, reuniam-se

Leia mais

OS CAMPONESES: Chamados no Egito de felás, constituíam a imensa maioria da população. Trabalhavam nas propriedades do faraó e dos sacerdotes e tinham

OS CAMPONESES: Chamados no Egito de felás, constituíam a imensa maioria da população. Trabalhavam nas propriedades do faraó e dos sacerdotes e tinham OS CAMPONESES: Chamados no Egito de felás, constituíam a imensa maioria da população. Trabalhavam nas propriedades do faraó e dos sacerdotes e tinham o direito de conservar para si apenas uma pequena parte

Leia mais

DAS ARTES. 1º semestre / 2012. Aula 4. Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão. masiscao@hotmail.com

DAS ARTES. 1º semestre / 2012. Aula 4. Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão. masiscao@hotmail.com ESTÉTICA TICA E HISTÓRIA DAS ARTES 1º semestre / 2012 Aula 4 Prof. a M. a Marcela Provinciatto Siscão masiscao@hotmail.com 1 ANTIGUIDADE OCIDENTAL ARTE ANTIGA: ROMANA 2 Roma Antiga Extensão máxima território

Leia mais

Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Artes Visuais

Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Artes Visuais Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Campus São Cristóvão II Coordenador Pedagógico de disciplina: Shannon Botelho 6º ano. TURMA 603 NOME: nº ARTE DA PRÉ-HISTÓRIA As primeiras manifestações artísticas

Leia mais

O Barroco no Brasil. Capitulo 11

O Barroco no Brasil. Capitulo 11 O Barroco no Brasil Capitulo 11 O Barroco no Brasil se desenvolveu do século XVIII ao início do século XIX, época em que na Europa esse estilo já havia sido abandonado. Um só Brasil, vários Barrocos O

Leia mais

ARTE 1ª série Prof. Alysson

ARTE 1ª série Prof. Alysson ARTE 1ª série Prof. Alysson História contada a partir das Dinastias. Uma das formas mais estáveis de civilização A religiosidade integra toda a vida egípcia, interpretando o universo, justificando sua

Leia mais

A arte no Egito. ~1ll!DI Visão frontal e visão. A arquitetura. o mais antigo documento egípcio é esse pedaço de estela

A arte no Egito. ~1ll!DI Visão frontal e visão. A arquitetura. o mais antigo documento egípcio é esse pedaço de estela 14 Ca ítulo 2 A arte no Egito civilizações da Antiguidade e nos deixou uma produção cultural riquíssima. OEgito Temosdesenvolveu informações uma detalhadas das principais sobre essa cultura graças à sua

Leia mais

OS EUROPEUS CHEGAM À AMÉRICA. Profª Regina Brito Fonseca

OS EUROPEUS CHEGAM À AMÉRICA. Profª Regina Brito Fonseca OS EUROPEUS CHEGAM À AMÉRICA Profª Regina Brito Fonseca Quando os europeus chegaram ao Continente Americano, no final do século XV, já o encontraram ocupado por vários povos. Alguns deles desenvolveram

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS 01

LISTA DE EXERCÍCIOS 01 LISTA DE EXERCÍCIOS 01 01 - (Unicamp 2014) Desde o período neolítico, os povos de distintas partes do mundo desenvolveram sistemas agrários próprios aproveitando as condições naturais de seus habitats

Leia mais

A arte da Europa Ocidental no início da Idade Média

A arte da Europa Ocidental no início da Idade Média Natal, RN / /2014 ALUNO: Nº SÉRIE/ANO: TURMA: TURNO: 7º D V DISCIPLINA: TIPO DE ATIVIDADE: PROFESSOR (A): HISTÓRIA DA ARTE TEXTO COMPLEMENTAR - III 1º trimestre TATIANE A arte da Europa Ocidental no início

Leia mais

A ÁGUA FACTOR DE CIVILIZAÇÃO

A ÁGUA FACTOR DE CIVILIZAÇÃO ÁREA ESCOLA HISTÓRIA 1992/1993 MEMÓRIAS DOS ALUNOS E PROFESSORES DO 7º ANO QUE ESTIVERAM ENVOLVIDOS NO PROJECTO A ÁGUA FACTOR DE CIVILIZAÇÃO INDICE 1 PROJECTO 2 TEXTO MOTIVAÇÃO 3 SOCIEDADES RECOLECTORAS

Leia mais

ASSEMBLÉIA DE DEUS MADUREIRA

ASSEMBLÉIA DE DEUS MADUREIRA ASSEMBLÉIA DE DEUS MADUREIRA GEOGRAFIA Aula 1 Pr. Erivelton Rodrigues Nunes Através da Geografia Bíblica... Podemos localizar os relatos no espaço e no tempo Compreender as regiões nas quais ocorreram

Leia mais

História Antiga Oriental. Professor: André Augusto Bousfield

História Antiga Oriental. Professor: André Augusto Bousfield História Antiga Oriental Professor: André Augusto Bousfield A Mesopotâmia (terra entre rios) O CRESCENTE FÉRTIL: Berço das primeiras civilizações; Atual Iraque até Egito; Grandes rios; Terras férteis.

Leia mais

E Deus viu que tudo era bom

E Deus viu que tudo era bom E Deus viu que tudo era bom Nunca pensei que fosse assim O Livro do Gênesis é o livro mais fascinante da Bíblia e o mais complicado. Foi escrito milhares de anos depois dos fatos que ele narra. Foram vários

Leia mais

ARTE PROTO-GREGA, GREGA E HELENÍSTICA

ARTE PROTO-GREGA, GREGA E HELENÍSTICA ARTE PROTO-GREGA, GREGA E HELENÍSTICA Arte Proto-Grega A arte Proto-Grega também é conhecida como Creto-Micênica. Na Ilha de Creta, no Mar Egeu, desenvolveu-se uma civilização que deixou como principal

Leia mais

Disciplina: História das Artes Visuais 2º semestre 2015. Curso: Bacharelado em Expressão Gráfica. Professora: Vaz

Disciplina: História das Artes Visuais 2º semestre 2015. Curso: Bacharelado em Expressão Gráfica. Professora: Vaz Disciplina: História das Artes Visuais 2º semestre 2015 Curso: Bacharelado em Expressão Gráfica Professora: Vaz EVOLUÇÃO DAS TÉCNICAS DE REPRESENTAÇÃO Mundo Antigo ARTE PRÉ-HISTÓRIA Paleolítico Aspecto

Leia mais

Pré-história prof. Emerson Guimarães. José Adolfo S. de Campos Observatório do Valongo

Pré-história prof. Emerson Guimarães. José Adolfo S. de Campos Observatório do Valongo Pré-história prof. Emerson Guimarães José Adolfo S. de Campos Observatório do Valongo Período Paleolítico (~ 2 milhões a ~ 8000 a.c.) Vivia em cavernas Fogo, Facas Tacapes Caça Segurança Habitação Alimentação

Leia mais

MESOPOTÂMIA ORIENTE MÉDIO FENÍCIA ISRAEL EGITO PÉRSIA. ORIENTE MÉDIO origem das primeiras civilizações

MESOPOTÂMIA ORIENTE MÉDIO FENÍCIA ISRAEL EGITO PÉRSIA. ORIENTE MÉDIO origem das primeiras civilizações MESOPOTÂMIA FENÍCIA ISRAEL EGITO ORIENTE MÉDIO PÉRSIA ORIENTE MÉDIO origem das primeiras civilizações CIVILIZAÇÕES DA ANTIGUIDADE ORIENTAL Mesopotâmia - Iraque Egito Hebreus Israel Fenícios Líbano Pérsia

Leia mais

A PRÉ-HISTÓRIA. Período que vai do aparecimento dos seres humanos à invenção da escrita.

A PRÉ-HISTÓRIA. Período que vai do aparecimento dos seres humanos à invenção da escrita. A PRÉ-HISTÓRIA Período que vai do aparecimento dos seres humanos à invenção da escrita. PERÍODO PALEOLÍTICO OU IDADE DA PEDRA LASCADA No começo de sua trajetória, o homem usou sobretudo a pedra (além do

Leia mais

escrita cuneiformes SUMÉRIOS

escrita cuneiformes SUMÉRIOS MESOPOTÂMIA A Mesopotâmia era uma região que se localizava entre os rios Tigre e Eufrates no continente asiático, onde atualmente encontra-se o Iraque. Este fato deu origem ao seu nome, que significa terra

Leia mais

HISTÓRIA - 1 o ANO MÓDULO 33 A FORMAÇÃO DAS SOCIEDADES ORIENTAIS

HISTÓRIA - 1 o ANO MÓDULO 33 A FORMAÇÃO DAS SOCIEDADES ORIENTAIS HISTÓRIA - 1 o ANO MÓDULO 33 A FORMAÇÃO DAS SOCIEDADES ORIENTAIS Fixação F 1) Leia os itens abaixo, que contém possíveis condições para o surgimento do Estado nas 2 sociedades da Antigui-dade. I)

Leia mais

Conteúdo: Aula 1: A América antes de Colombo As primeiras civilizações da Mesoamérica Aula 2: Os Maias Os Astecas Os Incas FORTALECENDO SABERES

Conteúdo: Aula 1: A América antes de Colombo As primeiras civilizações da Mesoamérica Aula 2: Os Maias Os Astecas Os Incas FORTALECENDO SABERES CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA INTERATIVA I Conteúdo: Aula 1: A América antes de Colombo As primeiras civilizações da Mesoamérica Aula 2: Os Maias Os Astecas Os Incas CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO

Leia mais

HISTÓRIA DO PAISAGISMO

HISTÓRIA DO PAISAGISMO 1 EMENTA Introdução. Aspectos relacionados ao mercado de flores no Brasil; métodos de propagação de flores e plantas ornamentais. Cultivo de flores de corte e vaso (gladíolo, crisântemo, violeta, rosa,

Leia mais

COLÉGIO O BOM PASTOR PROF. RAFAEL CARLOS SOCIOLOGIA 3º ANO. Material Complementar Módulos 01 a 05: Os modos de produção.

COLÉGIO O BOM PASTOR PROF. RAFAEL CARLOS SOCIOLOGIA 3º ANO. Material Complementar Módulos 01 a 05: Os modos de produção. COLÉGIO O BOM PASTOR PROF. RAFAEL CARLOS SOCIOLOGIA 3º ANO Material Complementar Módulos 01 a 05: Os modos de produção. Modos de Produção O modo de produção é a maneira pela qual a sociedade produz seus

Leia mais

MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO CIVIL

MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO CIVIL Curso Superior de Tecnologia em Construção de Edifícios MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO CIVIL Prof. Leandro Candido de Lemos Pinheiro leandro.pinheiro@riogrande.ifrs.edu.br Porque construir? Necessidade de se

Leia mais

NOME: N CAD. DE RECUPERAÇÃO DE HISTÓRIA 1 ANO EM TURMA 212 PROFª MARIA FERNANDA 1º BIMESTRE

NOME: N CAD. DE RECUPERAÇÃO DE HISTÓRIA 1 ANO EM TURMA 212 PROFª MARIA FERNANDA 1º BIMESTRE 1925 *** COLÉGIO MALLET SOARES *** 2016 91 ANOS DE TRADIÇÃO, RENOVAÇÃO E QUALIDADE DEPARTAMENTO DE ENSINO DATA: / / NOTA: NOME: N CAD. DE RECUPERAÇÃO DE HISTÓRIA 1 ANO EM TURMA 212 PROFª MARIA FERNANDA

Leia mais

RENASCIMENTO ITALIANO

RENASCIMENTO ITALIANO ARTES / 2º ANO PROF.MÍLTON COELHO RENASCIMENTO ITALIANO Contexto histórico O termo significa reviver os ideais greco-romanos; na verdade o Renascimento foi mais amplo, pois aumentou a herança recebida

Leia mais

Três importantes invenções

Três importantes invenções Três importantes invenções Por Pedro Varanda Para mim o fogo foi a maior conquista do ser humano na pré-história. A partir desta conquista o homem aprendeu a utilizar a força do fogo em seu proveito, extraindo

Leia mais

PRÉ-HISTÓRIA: EDUCAÇÃO PARA SOBREVIVÊNCIA

PRÉ-HISTÓRIA: EDUCAÇÃO PARA SOBREVIVÊNCIA PRÉ-HISTÓRIA: EDUCAÇÃO PARA SOBREVIVÊNCIA Augusto Pereira da Rosa¹ Ester Miriane Zingano² RESUMO A educação durante a Pré-História tem como objetivo a sobrevivência do grupo. Embora sem ter consciência

Leia mais

DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 NOTA:

DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 NOTA: DISCIPLINA: ARTE PROFESSORA: CRISTIANA DE SOUZA DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 NOTA: ASSUNTO: TRABALHO DE RECUPERAÇÃO FINAL SÉRIE: 1ª SÉRIE TURMA: A / B NOME COMPLETO: I N S T R U Ç Õ E S 1. Este trabalho

Leia mais

- Obrigações básicas: pagamento de impostos, serviço militar e produção; Recursos agrícolas distribuídos pelo Estado.

- Obrigações básicas: pagamento de impostos, serviço militar e produção; Recursos agrícolas distribuídos pelo Estado. 1 - O CRESCENTE FÉRTIL: Berço das primeiras civilizações; Atual Iraque até Egito; Grandes rios; Terras férteis. 2 EGITO E MESOPOTÂMIA: Impérios TEOCRÁTICOS de REGADIO; - Líder = Deus ou representante dele;

Leia mais

22/04/2015. Publicidade Gráfica. Tipografia. Você sabe qual a importância da Tipografia no mundo em que vivemos?

22/04/2015. Publicidade Gráfica. Tipografia. Você sabe qual a importância da Tipografia no mundo em que vivemos? Publicidade Gráfica Tipografia Você sabe qual a importância da Tipografia no mundo em que vivemos? 1 Capa de Livro Capa de Revista 2 Cartaz Pôster de Filme 3 Grafitte 4 A tipografia do grego typos = forma

Leia mais

Patrimônio da Humanidade BRASIL

Patrimônio da Humanidade BRASIL Patrimônio da Humanidade BRASIL Patrimônio da Humanidade BRASIL Um local denominado patrimônio mundial é reconhecido pela UNESCO (Organização das Nações Unidas ara a Educação, a Ciência e a Cultura) como

Leia mais

Antiguidade século IV. Arte Bizantina

Antiguidade século IV. Arte Bizantina Antiguidade século IV Arte Bizantina Na Antiguidade, além da arte Egípcia e Grega, também encontram-se a Romana, Paleocristã e Bizantina... Enquanto os romanos desenvolviam uma arte colossal e espalhavam

Leia mais

CIVILIZAÇÕES MESOPOTÂMICAS

CIVILIZAÇÕES MESOPOTÂMICAS 25 MESOPOTÂMIA: REGIÃO ENTRE DOIS RIOS (GREGO) 1. Sumérios e Acádios (antes de 2000 a. C) - Cidades Estados - Religião politeísta cada cidade possuía um Deus principal - A terra era dos deuses - Trabalhavam

Leia mais

Capítulo 3 A Mesopotâmia

Capítulo 3 A Mesopotâmia Capítulo 3 A Mesopotâmia Conceitos: sociedade, Estado, trabalho, desigualdade social, urbanização, escravidão, politeísmo e patriarcalismo. Professora: Marcela Guerra Durante o Neolítico: Agricultura e

Leia mais

PEDAGOGIA DAS LUTAS ARTES MARCIAIS LUTAS X ARTES MARCIAIS LUTAS 15/02/2012 APRESENTAÇÃO APRESENTAÇÃO

PEDAGOGIA DAS LUTAS ARTES MARCIAIS LUTAS X ARTES MARCIAIS LUTAS 15/02/2012 APRESENTAÇÃO APRESENTAÇÃO PEDAGOGIA DAS LUTAS APRESENTAÇÃO É função do educador oferecer condições para levar cada indivíduo a utilização de suas potencialidades pessoais, e auto descobertas, possibilitando o máximo de seu desenvolvimento

Leia mais

Antiguidade Oriental. Prof. Helder Carneiro

Antiguidade Oriental. Prof. Helder Carneiro Antiguidade Oriental Prof. Helder Carneiro Impérios Teocráticos de Regadio Desenvolveram-se próximos de grandes rios; Teocracia = Governo de Deus; Obras Hidráulicas; Modo de Produção Asiático: O Estado

Leia mais

A Música na Antiguidade

A Música na Antiguidade A Música na Antiguidade Josemar Bessa A palavra música deriva de arte das musas em uma referência à mitologia grega, marca fundamental da cultura da antigüidade ocidental. No entanto muitos estudiosos

Leia mais

Arte africana & Arte indígena. Histórias, mitos, crenças e filosofias

Arte africana & Arte indígena. Histórias, mitos, crenças e filosofias Arte africana & Arte indígena Histórias, mitos, crenças e filosofias ARTE AFRICANA Asartes das sociedades da África foram, antes, rotuladas no singular,porterem sido chamadas de "arte primitiva" ou "selvagem

Leia mais

PROVA BIMESTRAL História

PROVA BIMESTRAL História 6 o ano 2 o bimestre PROVA BIMESTRAL História Escola: Nome: Turma: n o : 1. Observe a imagem. SHUTTERSTOCK Margem do rio Nilo no Egito Nas civilizações da Antiguidade, a presença dos rios é importante

Leia mais

Pré-História Período Paleolítico ou Idade da Pedra Lascada Período Neolítico ou Idade da Pedra Polida Período da Idade dos Metais Egito

Pré-História Período Paleolítico ou Idade da Pedra Lascada Período Neolítico ou Idade da Pedra Polida Período da Idade dos Metais Egito Pré-História Podemos definir o período da Pré-História como uns períodos mais longos da história do homem em relação às artes. Para ajudar-nos no entendimento deste período da humanidade, vamos dividi-los

Leia mais

Calços Pré Históricos

Calços Pré Históricos Calços Pré Históricos 5.500 anos de idade. Calçado mais antigo já encontrado. É feito de um pedaço de couro bovino cru e inteiro. Costurado com uma tira de couro. Pé calçado tinha 24,5 cm, nos anos 3.500

Leia mais

Prova bimestral 4 o ANO 2 o BIMESTRE

Prova bimestral 4 o ANO 2 o BIMESTRE Prova bimestral 4 o ANO 2 o BIMESTRE HISTÓRIA Escola: Nome: Data: / / Turma: Pedro Álvares Cabral foi o comandante da primeira expedição portuguesa que chegou ao território que mais tarde receberia o nome

Leia mais

HISTÓRICO DA ENGENHARIA E REGULAMENTAÇÃO PROFISSIONAL. Prof.ª Mayara Moraes Custódio

HISTÓRICO DA ENGENHARIA E REGULAMENTAÇÃO PROFISSIONAL. Prof.ª Mayara Moraes Custódio HISTÓRICO DA ENGENHARIA E REGULAMENTAÇÃO PROFISSIONAL Prof.ª Mayara Moraes Custódio HISTÓRICO DA ENGENHARIA E REGULAMENTAÇÃO PROFISSIONAL A história da engenharia confunde-se com a história da própria

Leia mais

Oficina MAPAS. Oficina CH/EF Material do Aluno. Caro Aluno,

Oficina MAPAS. Oficina CH/EF Material do Aluno. Caro Aluno, Oficina MAPAS Caro Aluno, Esta oficina tem o objetivo de apresentar os diferentes elementos dos mapas, bem como as principais formas de elaboração das representações espaciais. Observar e registrar lugares

Leia mais

Arte Pré Histórica Bisão da Gruta de Altamira Bisão da Gruta de Altamira Réplica Museu Arqueológico Nacional da Espanha Espanha

Arte Pré Histórica Bisão da Gruta de Altamira Bisão da Gruta de Altamira Réplica Museu Arqueológico Nacional da Espanha Espanha Estes textos são produzidos sob patrocínio do Departamento Cultural da Clínica Naturale.Direitos são reservados. A publicação e redistribuição de qualquer conteúdo é proibida sem prévio consentimento.

Leia mais

Neoclassicismo. Segundo a leitura acima analise os itens e marque uma ÚNICA alternativa:

Neoclassicismo. Segundo a leitura acima analise os itens e marque uma ÚNICA alternativa: Neoclassicismo Questão 01 De acordo com a tendência neoclássica, uma obra de arte só seria perfeitamente bela na medida em que imitasse não as formas da natureza, mas as que os artistas clássicos gregos

Leia mais

ANTIGUIDADE ORIENTAL LISTA DE EXERCÍCIOS

ANTIGUIDADE ORIENTAL LISTA DE EXERCÍCIOS 1. (Ueg 2012) Artigo 200: Se um homem arrancou um dente de um outro homem livre igual a ele, arrancarão o seu dente. Artigo 201: Se ele arrancou o dente de um homem vulgar pagará um terço de uma mina de

Leia mais

O EGITO É UMA DÁDIVA DO NILO

O EGITO É UMA DÁDIVA DO NILO CIVILIZAÇÃO EGÍPCIA PARA O HISTORIADOR GREGO HERÓDOTO: O EGITO É UMA DÁDIVA DO NILO DÁDIVA = PRESENTE SIGNIFICADO = Sem as cheias do Nilo, o Egito seria um grande deserto PARA O HISTORIADOR FRANCÊS JEAN

Leia mais

Está(ão) correta(s) a) apenas I. d) apenas III e IV. b) apenas I e II. e) I, II, III e IV. c) apenas II e IV.

Está(ão) correta(s) a) apenas I. d) apenas III e IV. b) apenas I e II. e) I, II, III e IV. c) apenas II e IV. : 3ª SÉRIE E SEMI-EXTENSIVO NOTURNO SIMULADO DE ARTE, FILOSOFIA E SOCIOLOGIA 1º BIM/2012. produziram o túmulo e suas riquezas, não se acharam vestígios. Sobre essas figuras anônimas, pode-se afirmar: ARTE

Leia mais

SISTEMAS DE IRRIGAÇÃO PARA JARDINS E GRAMADOS. José Giacoia Neto

SISTEMAS DE IRRIGAÇÃO PARA JARDINS E GRAMADOS. José Giacoia Neto SISTEMAS DE IRRIGAÇÃO PARA JARDINS E GRAMADOS José Giacoia Neto Eng. Agrícola. M.Sc. em Irrigação e Drenagem Universidade Federal de Viçosa - MBA Executivo Internacional em Gestão Comercial Fundação Getúlio

Leia mais

Nome: nº. Data: / / Trabalho de recuperação 1º EM Arte Prof. Denise ARTE GREGA. QUESTÃO 01 Sobre a arte feita na Grécia antiga marque a alternativa

Nome: nº. Data: / / Trabalho de recuperação 1º EM Arte Prof. Denise ARTE GREGA. QUESTÃO 01 Sobre a arte feita na Grécia antiga marque a alternativa 1 Nome: nº Data: / / Trabalho de recuperação 1º EM Arte Prof. Denise ARTE GREGA QUESTÃO 01 Sobre a arte feita na Grécia antiga marque a alternativa correta: a- ( ) Os gregos não produziram pinturas. b-

Leia mais

Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Artes Visuais

Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Artes Visuais Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Campus São Cristóvão II Coordenador pedagógico de Disciplina: Shannon Botelho 7º ano. TURMA: NOME: nº ARTE PÁLEO-CRISTÃ OU DAS CATACUMBAS Surgiu com os primeiros

Leia mais

LIÇÃO 3 S DANIEL 2:1-49

LIÇÃO 3 S DANIEL 2:1-49 Reinos Vindouros LIÇÃO 3 S DANIEL 2:1-49 II. Daniel Interpreta o Sonho de Nabucodonosor sobre os Reinos Vindouros, 2:1-49 A. O sonho e o decreto de Nabucodonosor, 2:1-16 1. Nabucodonosor pede aos sábios

Leia mais

Estes capítulos introduzem a última série de visões de Ezequiel, nas quais ele vê

Estes capítulos introduzem a última série de visões de Ezequiel, nas quais ele vê Lição 14 Ezequiel Mede o Templo Restaurado (Ezequiel 40:1-42:20) Estes capítulos introduzem a última série de visões de Ezequiel, nas quais ele vê o templo restaurado. Nesta lição, vamos considerar alguns

Leia mais

ARTE SIMBÓLICA. Neide Miele. A arte egípcia é denominada Simbólica.

ARTE SIMBÓLICA. Neide Miele. A arte egípcia é denominada Simbólica. ARTE SIMBÓLICA Neide Miele A arte egípcia é denominada Simbólica. As imagens pintadas ou esculpidas são representações repletas de significados que ajudam a expressar conceitos, descrever situações e estabelecer

Leia mais

MAT. DIDÁTICO 1ª SÉRIE - ENSINO MÉDIO - GEOGRAFIA - VOLUME 1 - PG 2 - CIANO MAGENTA AMARELO PRETO

MAT. DIDÁTICO 1ª SÉRIE - ENSINO MÉDIO - GEOGRAFIA - VOLUME 1 - PG 2 - CIANO MAGENTA AMARELO PRETO 1. 03 1.1 Isto é arte? 06 1.2 Tic-tac - marcando o tempo 07 1.3 Grafite 11 1.4 Pinturas rupestres 12 1.5 Pinturas rupestres no Brasil 13 1.6 A arte egípcia 15 1.7 Elementos da linguagem visual: signos

Leia mais

As famílias no Antigo Egipto; As famílias no Império romano.

As famílias no Antigo Egipto; As famílias no Império romano. Trabalho realizado por: Luís Bernardo nº 100 8ºC Gonçalo Baptista nº 275 8ºC Luís Guilherme nº 358 8ºC Miguel Joaquim nº 436 8ºC Índice; Introdução; As famílias no Antigo Egipto; As famílias no Império

Leia mais