FESTA JUNINA ECC 2015

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "FESTA JUNINA ECC 2015"

Transcrição

1 Informe Semanal ano XXI n.º 998 Campinas, 20 de maio de 2015 FESTA JUNINA ECC 2015 Quando? Dia 13 de junho Horário: das 8h30min às 19h Ingressos: R$ 6,00 (inclusive para alunos) Venda de ingressos: de 08 a 12 de junho nas portarias da escola e na Tesouraria. Não serão vendidos ingressos no dia da festa. Venda de ingressos nas Portarias precisamos de voluntários (pais, professores e funcionários) para a venda de ingressos nas duas portarias da escola, de 08/06 (2ª feira) a 12/06 (6ª feira), nos seguintes horários: Entrada da manhã: das 7h às 8h Saída da manhã: das 11h30min às 12h30min Entrada da tarde: das 12h30min às 13h45min Saída da tarde: das 17h15min às 18h45min Quem tiver disponibilidade para ajudar na venda dos ingressos, entrar em contato com Jane, pelo telefone IMPORTANTES DO FUNDAMENTAL 1 2 os aos 5 os anos - Concentração das turmas no dia da festa: 2 os D-E-F e 3 os anos D-E (tarde): Concentração no prédio do Curso Infantil às 13h DANÇA - 2 os D-E-F e 3 os D-E anos (tarde): 13h30min 4 os e 5 os anos D-E (tarde): Concentração no Bloco I B do Fundamental 2 às 13h30min DANÇA - 4 os e 5 os anos D-E (tarde): 14h 1

2 2 os e 3 os anos A-B-C (manhã): Concentração no prédio do Curso Infantil às 14h DANÇA - 2 os e 3 os anos A-B-C (manhã): 14h30min 4 os e 5 os anos A-B-C (manhã): Concentração no Bloco I B do Fundamental 2 às 14h30min DANÇA - 4 os e 5 os anos A-B-C (manhã): 15h Observação: Lembramos que neste dia o acesso à escola fica mais lento e demorado, sendo prudente que as famílias se organizem em relação ao tempo para que as crianças não cheguem atrasadas para a dança, pois não será possível repetir a apresentação. E, para que todos possam se organizar, publicamos, a seguir, os horários das danças. HORÁRIOS DAS DANÇAS NA FESTA JUNINA 2015: 8h30min Curso de Educação Infantil Concentração dos alunos: Infantil 1/Infantil 2/ Infantil 3 Manhã e Tarde 9h Abertura da Festa 9h Abertura das Barracas de Alimentação e Brincadeiras 9h15min Danças do Infantil 1/ Infantil 2/ Infantil 3 Manhã e Tarde 9h45min Curso de Educação Infantil Concentração dos alunos do Infantil 4 Manhã e Tarde 10h Danças do Infantil 4 Manhã e Tarde 10h20min Fundamental 1 Concentração dos alunos dos 1 os anos Manhã e Tarde 10h40min Danças dos 1 os anos Fundamental 1- Manhã e Tarde 13h Fundamental 1 Concentração dos alunos dos 2 os e 3 os anos Tarde (Prédio do Curso Infantil) 13h30min Danças dos 2 os e 3 os anos Fundamental 1 Tarde 13h30min Fundamental 1 Concentração dos alunos dos 4 os e 5 os anos Tarde (Bloco I B Fundamental 2) 14h Danças dos 4 os e 5 os anos Fundamental 1 Tarde 14h Fundamental 1 Concentração dos alunos dos 2 os e 3 os anos Manhã (Prédio do Curso Infantil) 14h30min Danças dos 2 os e 3 os anos Fundamental 1 Manhã 14h30min Fundamental 1 Concentração dos alunos dos 4 os e 5 os anos Manhã (Bloco I B Fundamental 2) 15h Danças dos 4 os e 5 os anos Fundamental 1 Manhã 16h Fundamental 2 Concentração dos alunos dos 6 os e 7 os anos (Rampa/ Entrada) 16h30min Danças dos 6 os e 7 os anos Fundamental 2 17h30min Fundamental 2 e Ensino Médio Concentração dos alunos dos 8 os e 9 os anos do Fundamental 2 e alunos do Ensino Médio (Rampa/ Entrada) 18h Danças dos 8 os e 9 os anos do Fundamental 2 e do Ensino Médio 19h Encerramento da Festa com a dança dos ex-alunos ENSAIOS DAS DANÇAS FUNDAMENTAL 2 e ENSINO MÉDIO - 08/06 (2ª feira) das 19h às 21h - 6 os e 7 os anos do Ensino Fundamental 2-09/06 (3ª feira) das 19h às 21h - 6 os e 7 os anos do Ensino Fundamental 2-10/06 (4ª feira) das 19h às 21h - 8 os e 9 os anos do Ensino Fundamental 2 e Ensino Médio - 11/06 (5ª feira) das 19h às 21h - 8 os e 9 os anos do Ensino Fundamental 2 e Ensino Médio - Os ensaios do Curso de Educação Infantil e do Ensino Fundamental 1 acontecerão no período normal de aula. 2

3 AGENDA ESCOLAR Data Horário Atividade Curso/série 07 a 21/05 Conforme circular Entrevistas trimestrais 1 os anos do Ensino Fundamental 1 08 a 20/05 - Entrevistas 1º trimestre 2 ao 5 ano do Ensino Fundamental 1 20/05 4ª feira 20h Encontro dos pais do 6º ano com a Pscanalista Renata Falivene, tema: As relações interpessoais mediadas pelas TICs desafios para família e escola 20, 21 e 22/05 Conforme circular Estudo do Meio - Brasília 1 as séries A, B e C do Ensino Médio 21/05 5ª feira 19h30min Palestra: Adolescentes e uso de drogas com a Dra. Renata Azevedo, para os pais do 9º ano e 1ª série do Ensino Médio 22/05 6ª feira Conforme circular Estudo do Meio Barra Bonita e 7 os anos A e B do Ensino Fundamental 2 Analândia 22/05 6ª feira Período de aula Palestra: Adolescentes e uso de drogas com a Dra. Renata Azevedo, para alunos de 9º ano e 2ª série do Ensino Médio 25/05 2ª feira 20h Aguardem circular Reunião de Pais Infantil 4 A, B, C, D, E e F do Curso de Educação Infantil 26/05 3ª feira Conforme circular Estudo do Meio Sítio do Sol - 4 os anos A, B e C do Ensino Fundamental 1 Cabreúva 26/05 3ª feira Conforme Entrevistas com pais, alunos e Ensino Fundamental 2 convocação professores 26/05 3ª feira Conforme Entrevistas com pais, alunos e 1 as séries A, B e C do Ensino Médio convocação professores 29/05 6ª feira Conforme circular Estudo do Meio Projeto 3º ano E do Ensino Fundamental 1 Alimentação Saudável 01/06 2ª feira Período de aula Palestra: Adolescentes e uso de drogas com a Dra. Renata Azevedo, para os alunos da 1ª série do Ensino Médio Reunião de Pais 01/06 2ª feira 20h Aguardem circular 04/06 5ª feira - Feriado - 05/06 6ª feira - Emenda de feriado - Infantil 1 A e B - Infantil 2 A, B, C, D e E do Curso de Educação Infantil AVISOS GERAIS Secretaria: Cadastro de vagas para irmãos de alunos da Escola e alunos novos. Estamos recebendo inscrições para o ano letivo de As inscrições para todas as séries podem ser feitas na Secretaria, ou através do nosso site O processo de matrícula será feito conforme disponibilidade de vaga. IMPORTANTE: Os cursos da Educação Infantil e do Ensino Fundamental (1º ano) iniciaram o processo de matrícula dos que preencheram o cadastro de interesse por vaga para ACHADOS e PERDIDOS Laura Giulia Damha, do 7º ano A, perdeu um livro: História em documento 7º ano, em nome de Rafael Vilela e um Caderno de Matemática com o nome da aluna. Quem encontrar, por favor, devolver no Achados e Perdidos. Luisa Vieira Barbosa, do 3ª série B do EM, perdeu um agasalho azul marinho, escrito nas mangas Aero Postale. Quem encontrar, por favor, devolver no Achados e Perdidos. David Negrete, do 5º ano E, perdeu um IPod Touch, branco e azul com o nome gravado. Quem encontrar, por favor, devolver no Achados e Perdidos. Lucas de Souza Pagani, do 2º ano B, perdeu uma carteira da Kipling, marrom. Quem encontrar, por favor, devolver no Achados e Perdidos. RODÍZIO DE TRANSPORTE Alessandra Guelber, mãe de aluno no 3º ano D do EF1, período da tarde, residente no Cambuí, 3

4 AGENDA - SCEC Data Horário Atividade 20/05 4ª feira 19h30min Reunião da Comissão de Integração 27/05 4ª feira 19h30min Reunião do Conselho Comunitário 02/06 3ª feira 19h30min Reunião da Comissão de Festas 11/06 5ª feira 19h30min Reunião da Comissão de Integração 16/06 3ª feira 19h30min Reunião da Comissão de Saúde 25/06 5ª feira 19h30min Reunião do Conselho Comunitário Linha direta com o Conselho Administrativo Lembrando: a partir do dia 15 de cada mês, o Balanço Patrimonial do período estará afixado no mural ao lado da Tesouraria. IMPORTANTE: Leiam, a seguir, orientações sobre a prevenção da Dengue e Chikungunya 4

5 Situação Crítica: dengue e Chikungunya Vamos reler, com muita atenção, a matéria publicada em 11/03/2015 no Informativo. Na sequência, vejam as importantes orientações da Comissão de Saúde. O perigo aumentou e a responsabilidade de todos também A nossa escola, com mais de m 2 de área, com várias áreas externas para uso dos alunos (quadras, parques, praças, jardins, etc), com muitas edificações e avizinhada de terrenos vazios e condomínios, sempre precisa estar atenta para combater possíveis criadouros do mosquito da dengue. A principal ação é educativa e envolve toda a comunidade: alunos, pais, professores e funcionários. O foco da educação extrapola os muros escolares e precisa atingir a comunidade maior: nossas casas, nossos condomínios, os funcionários que atuam conosco em casa e na escola, as áreas vulneráveis das nossas habitações (jardins, piscinas, calhas, depósitos de materiais inservíveis, etc), etc. Saber como vivem, onde moram e como moram nossos funcionários (escola, casas e condomínios); orientá-los na organização dos espaços e ajudá-los a melhorar suas condições de moradia pode significar, gradativamente, uma mudança positiva. Educar transforma as pessoas e as mudanças são permanentes. A educação de todos é a arma mais eficiente para o combate dos problemas que atualmente enfrentamos na área da saúde. É comum vermos as calçadas da nossa cidade sujas pouco tempo depois da limpeza efetuada; lixo descartado em rios; tubulações entupidas de lixo provocando enchentes; descarte de entulhos de construções eliminados de forma errada; etc. Nas ruas de acesso à nossa escola, diariamente, recolhemos lixos descartados de forma errada: latas e garrafas de cerveja, atiradas através dos muros dos condomínios; restos de jardinagem e obras jogados em terrenos próximos da escola; copos e embalagens de alimentos vazios, etc. Falta, de uma maneira geral, o compromisso com o coletivo. 5

6 Tivemos, inclusive, de recolher, para dentro da escola, as nossas caçambas de jardinagem, pois os moradores do bairro jogavam seus entulhos sem o menor pudor (restos de armários, cubas e pias descartadas, vidros, espelhos, sacos de sanito, etc) colocavam no porta-malas do carro e paravam perto das caçambas da escola para descartarem seus entulhos. A ilusão de que basta a minha casa estar limpa e organizada para me livrar dos problemas é a maior inimiga das mudanças necessárias temos que participar do todo, somos parte deste todo. Não podemos delegar soluções que, necessariamente, passam também pelo nosso comportamento na sociedade. E MAIS QUE NUNCA PRECISAMOS FAZER A NOSSA PARTE. Comunitária fazendo a sua parte compromisso com o coletivo: limpeza constante das calhas de todos os prédios da escola; uso de água sanitária nas caixas de passagem de água em toda escola; ralos do tipo abre/fecha nos sanitários; cestos de lixo sem sanito para não acumular líquidos após os recreios/almoços, o lixo de cada cesto é recolhido em sanitos que serão encaminhados à lixeira (área externa da escola); a troca sistemática dos cestos de lixo, que são higienizados em cada troca, favorece também a não concentração de formigas e abelhas; envolvimento dos funcionários da jardinagem e limpeza com os demais profissionais do Curso de Educação Infantil (monitores/professores) no cuidado dos parques: recolher brinquedos e guardá-los de forma que não acumulem água; cestos de lixo furados para drenar qualquer acúmulo de água; pneus de brinquedos furados e vistoriados todo dia; limpeza dos ralos e de caixas de passagem de água; etc. vasos de plantas espalhados pela escola sem pratinho de retenção de água; lixeiras externas cobertas e fechadas; verificação sistemática da área escolar para eliminar materiais inservíveis de áreas externas (sucatas, garrafas, copinhos, lonas, etc); caixas d água vedadas; orientações especiais para funcionários da limpeza, jardinagem, manutenção e segurança, no sentido da fiscalização e ação preventiva no combate à dengue; acolhimento das Equipes de Vistoria da Vigilância em Saúde Distrito de Saúde Leste sempre que visitam a nossa escola, os agentes de saúde fornecem um laudo de vistoria. Na escola nunca foram detectados criadouros para o mosquito da dengue; além das ações normais de fiscalização e vistoria, a Vigilância em Saúde monitora os casos de dengue em cada região e, se necessário, concentram esforços em áreas mais vulneráveis. FAÇA A SUA PARTE PENSANDO NO TODO 6

7 Orientações sobre o uso de repelentes: Conforme matéria publicada no Informe Semanal Nº 988 (11/03/2015), a ECC tem tomado várias providências no combate à dengue e está em conformidade com as orientações da Vigilância em Saúde Distrito de Saúde Leste. A Comissão de Saúde da ECC, em complementação àquele material, elaborou as seguintes orientações sobre uso de repelentes. O aumento do número de casos registrados de dengue é uma preocupação crescente. A proteção contra picadas de mosquitos é essencial no combate a esta epidemia e os repelentes são fundamentais nesse processo. Eles devem ser utilizados em estrita conformidade com as instruções do rótulo. Os princípios ativos dos repelentes recomendados pela Organização Mundial de Saúde (OMS) são: Icaridina (ou Picaridina) vendido com a marca Exposis : uso permitido no Brasil em crianças a partir de 2 anos de idade (em concentração de até 25%), cujo período de proteção chega de 8 a 10 horas. DEET: (Off, Autan, Repelex, entre outros)- pode ser utilizado em maiores de 2 anos (em concentração de até 10%), sendo que não deve ser aplicado mais que 3 vezes ao dia em crianças de 2 a 12 anos. IR % (Loção antimosquito Johnson & Johnson ): permitido pela Anvisa para crianças acima de 6 meses. Seu período de proteção conferido é de 4h. (Pode ser usado por gestantes, pois possui bom perfil de segurança). Em geral, o uso de repelentes deve ser evitado nas crianças menores de 2 anos. Dos 6 meses aos 2 anos devem ser utilizados apenas em situações especiais, com orientação e acompanhamento médico. Não se deve utilizar produtos combinados com filtros solares, pois estes devem ser reaplicados com uma frequência maior e os repelentes não mais do que três vezes ao dia em crianças. Se for feita a combinação, o protetor solar deve ser aplicado aproximadamente 15 minutos antes do repelente. Não durma com repelente no corpo, lave-se antes. Essa medida é importante, principalmente se o uso for contínuo. Leia todo o rótulo antes de aplicar o produto e conserve-o para consulta. Mantenha os repelentes fora do alcance de crianças e não permita sua autoaplicação. 7

8 Evite o uso próximo a mucosas (boca, nariz, olhos, genitais) ou em pele irritada ou ferida. Para uso na face, primeiro aplique o produto nas mãos e então espalhe no rosto com cuidado. Evite aplicação nas mãos das crianças pelo risco de levarem a mão à boca. Não use repelente por baixo das roupas. Existem repelentes próprios para uso diretamente nas roupas, como o Exposis Spray Gatilho, ideal para carrapatos. Sempre lave as mãos após aplicar o produto. Use quantidade suficiente para recobrir a pele exposta (usar excesso de produto não fornece proteção extra) e evite reaplicações frequentes (além do indicado no rótulo). Se suspeitar de qualquer reação adversa ou intoxicação lave, a área exposta e entre em contato com o fabricante ou serviço de intoxicação CCI (Centro de controle de intoxicações da Unicamp (19) , ou ). Se necessário, procure serviço médico e leve consigo a embalagem do repelente. Prefira repelentes com tempo de ação mais prolongado, pela manhã, para que seu filho fique protegido durante todo o período de aula. Outras dicas de proteção: Bebês com até 6 meses só devem usar mosquiteiros e roupas protetoras. Não é recomendada nenhuma substância química na pele ou repelentes elétricos que contenham produtos químicos no ambiente onde se encontram. É recomendado instalar telas nas janelas e portas e deixar o ambiente refrigerado já que os mosquitos gostam de calor e umidade. Os repelentes naturais, por serem voláteis, têm curta duração e não garantem proteção adequada ao Aedes aegypti, devendo ser evitados. O uso de vitamina do complexo B e outros suplementos não tem efeito comprovado na prevenção de picadas. O suor atrai os insetos. Procure vestir roupas brancas nas crianças, pois roupas coloridas atraem os insetos. Evite perfumes. Fragrâncias florais podem atrair insetos. Prefira sabonetes, desodorantes e cremes neutros. Os dispositivos ultrassônicos e os elétricos luminosos com luz azul são ineficazes. Adaptação do texto da Sociedade Brasileira de Dermatologia: Sociedade Brasileira de Dermatologia Alerta sobre o uso de repelentes em crianças. Cristina Figueira de Mello- médica dermatologista, membro da Comissão de Saúde. 8

Informe Semanal ano XXI n.º 988 Campinas, 11 de março de 2015 AGENDA ESCOLAR

Informe Semanal ano XXI n.º 988 Campinas, 11 de março de 2015 AGENDA ESCOLAR Informe Semanal ano XXI n.º 988 Campinas, 11 de março de 2015 AGENDA ESCOLAR Data Horário Atividade Curso/série 11/03 4ª feira 20h Reunião de Pais com professores especialistas (Música e Inglês) Infantil

Leia mais

FESTA JUNINA ECC 2015

FESTA JUNINA ECC 2015 Informe Semanal ano XXI n.º 999 Campinas, 27 de maio de 2015 FESTA JUNINA ECC 2015 Quando? Dia 13 de junho Horário: das 8h30min às 19h Ingressos: R$ 6,00 (inclusive para alunos) Venda de ingressos: de

Leia mais

SUMÁRIO. Informação: a maior aliada na prevenção...4. Cuidados para grávidas e mulheres em idade fértil...5

SUMÁRIO. Informação: a maior aliada na prevenção...4. Cuidados para grávidas e mulheres em idade fértil...5 2 SUMÁRIO Informação: a maior aliada na prevenção...4 Cuidados para grávidas e mulheres em idade fértil...5 Uso de repelentes como medida preventiva e cuidados para toda a população...9 Tipos de repelente...13

Leia mais

FESTA JUNINA ECC 2015

FESTA JUNINA ECC 2015 Informe Semanal ano XXI n.º 1000 Campinas, 03 de junho de 2015 FESTA JUNINA ECC 2015 Quando? Dia 13 de junho Horário: das 8h30min às 19h Ingressos: R$ 6,00 (inclusive para alunos) Venda de ingressos: de

Leia mais

Se o mosquito da dengue pode matar, ele não pode nascer.

Se o mosquito da dengue pode matar, ele não pode nascer. Dezembro/2015 Se o mosquito da dengue pode matar, ele não pode nascer. Você sabia que o mosquito da dengue demora, em média, 7 dias para nascer? Além disso, ele está mais forte e também transmite duas

Leia mais

Uso do repelente de insetos em crianças

Uso do repelente de insetos em crianças Uso do repelente de insetos em crianças 1. Evitando os mosquitos (1) a. Proteção mecânica: utilize roupas com as mangas longas e calças compridas. As roupas finas não impedem as picadas, preferir tecidos

Leia mais

Prevenção e controlo do mosquito. Aedes aegypti

Prevenção e controlo do mosquito. Aedes aegypti Prevenção e controlo do mosquito Aedes aegypti Aedes aegypti É um mosquito fácil de reconhecer por ser riscado de branco e preto. 2 Distribuição geográfica O mosquito terá tido origem no continente africano.

Leia mais

Informe Semanal ano XXI n.º 1010 Campinas, 09 de setembro de 2015 AGENDA ESCOLAR. Data Horário Atividade Curso/série 04 a 18/09 Período de aula

Informe Semanal ano XXI n.º 1010 Campinas, 09 de setembro de 2015 AGENDA ESCOLAR. Data Horário Atividade Curso/série 04 a 18/09 Período de aula Informe Semanal ano XXI n.º 1010 Campinas, 09 de setembro de 2015 AGENDA ESCOLAR Data Horário Atividade Curso/série 04 a 18/09 Período de Entrevistas 2º trimestre 2º ao 5º ano do Ensino 08 a 11/09 - XXVI

Leia mais

Plano de Ação do Agente Comunitário de Saúde para combate ao Aedes aegypti

Plano de Ação do Agente Comunitário de Saúde para combate ao Aedes aegypti SECRETÁRIA ESTADUAL DE SAÚDE DO RIO GRANDE DO SUL UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL Plano de Ação do Agente Comunitário de Saúde para combate ao Aedes aegypti Porto Alegre - RS 2016 SECRETÁRIA

Leia mais

Inimigo N 1 AGORA E TODO MUNDO CONTRA O MOSQUITO

Inimigo N 1 AGORA E TODO MUNDO CONTRA O MOSQUITO Inimigo N 1 o AGORA E TODO MUNDO CONTRA O MOSQUITO O mosquito esta muito mais perigoso A Bahia está em alerta com a epidemia de três doenças: Dengue, Chikungunya e Zika. Elas são transmitidas pela picada

Leia mais

Inseticidas aliados contra a dengue

Inseticidas aliados contra a dengue Inseticidas aliados contra a dengue Alguns dos produtos testados deixaram a desejar na eliminação de baratas e moscas. A boa notícia é que todos eles tiveram ótimo desempenho contra o mosquito Aedes aegypti.

Leia mais

Trabalhos selecionados

Trabalhos selecionados Trabalhos selecionados 1ª ETAPA DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA DENGUE EM UBERABA: EPIDEMIA NUNCA MAIS E. M. PROFESSOR JOSÉ GERALDO GUIMARÃES - CENTRO INTEGRADO PACAEMBU PROFESSOR CÁSSIA CRISTINA DE SANTANA

Leia mais

TODOS CONTRA A DENGUE

TODOS CONTRA A DENGUE Como se transmite? MOSQUITO SAUDÁVEL PESSOA INFECTADA MOSQUITO INFECTADO PESSOAS SAUDÁVEIS MAIS PESSOAS INFECTADAS A dengue é uma doença infecciosa causada por um vírus da família Flaviridae e transmitida

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE. vírus ZIKA. Informações ao Público

MINISTÉRIO DA SAÚDE. vírus ZIKA. Informações ao Público MINISTÉRIO DA SAÚDE vírus ZIKA Informações ao Público Brasília DF 2016 PÚBLICO EM GERAL Prevenção/Proteção Se o mosquito pode matar, ele não pode nascer. Mantenha-se vigilante quanto à limpeza da sua casa,

Leia mais

Campanha contra Aedes aegypti

Campanha contra Aedes aegypti Campanha contra Aedes aegypti CONTRIBUIÇÕES DA DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO E INFRAESTRUTURA OBSERVAR locais ou objetos que podem ser criadouros do mosquito Aedes aegypti REALIZAR ações para evitar criadouros

Leia mais

TODOS CONTRA A DENGUE

TODOS CONTRA A DENGUE TODOS CONTRA A DENGUE A dengue é uma doença infecciosa causada por um vírus da família Flaviridae e transmitida ao homem principalmente pelo mosquito Aedes aegypti. Essa doença afeta milhões de pessoas

Leia mais

Esta informação reflete o que era conhecido em abril de 2016. Veja o website da Hesperian em http://en.hesperian.org/hhg/zika para atualização.

Esta informação reflete o que era conhecido em abril de 2016. Veja o website da Hesperian em http://en.hesperian.org/hhg/zika para atualização. Esta informação reflete o que era conhecido em abril de 2016. Veja o website da Hesperian em http://en.hesperian.org/hhg/zika para atualização. O Vírus Zika O vírus Zika é transmitido por mosquitos de

Leia mais

Informe Semanal ano XXI n.º 1022 Campinas, 02 de dezembro de 2015 AGENDA ESCOLAR. Data Horário Atividade Curso/série

Informe Semanal ano XXI n.º 1022 Campinas, 02 de dezembro de 2015 AGENDA ESCOLAR. Data Horário Atividade Curso/série cação ] Informe Semanal ano XXI n.º 1022 Campinas, 02 de dezembro de 2015 AGENDA ESCOLAR Data Horário Atividade Curso/série 02/12 4ª feira 19h30min Apresentação dos alunos - 9 os anos A, B e C do Ensino

Leia mais

TODOS CONTRA O A PREVENÇÃO É A MELHOR SOLUÇÃO

TODOS CONTRA O A PREVENÇÃO É A MELHOR SOLUÇÃO TODOS CONTRA O MOSQUITO A PREVENÇÃO É A MELHOR SOLUÇÃO Sobre o Aedes aegypti O mosquito Aedes aegypti é o transmissor da Dengue, Chikungunya e e a infecção acontece após a pessoa receber uma picada do

Leia mais

Agora é guerra! Todos contra a dengue.

Agora é guerra! Todos contra a dengue. Agora é guerra! Todos contra a dengue. Sinal de alerta A dengue mata. Neste ano, em Minas Gerais, a doença já matou quase quatro vezes mais que no ano passado. 768 Municípios 20 Municípios Críticos 65

Leia mais

Para impedir a propagação da dengue, você deve primeiramente impedir a reprodução de seu transmissor, o mosquito Aedes aegypti.

Para impedir a propagação da dengue, você deve primeiramente impedir a reprodução de seu transmissor, o mosquito Aedes aegypti. Cartilha de Dengue Para impedir a propagação da dengue, você deve primeiramente impedir a reprodução de seu transmissor, o mosquito Aedes aegypti. Conhecendo o ciclo biológico do mosquito O Aedes aegypti

Leia mais

38 anos de ESCOLA COMUNITÁRIA

38 anos de ESCOLA COMUNITÁRIA ] Informe Semanal ano XXI n.º 1019 Campinas, 11 de novembro de 2015 38 anos de ESCOLA COMUNITÁRIA Escola é lugar privilegiado para o desenvolvimento da vida é o lugar essencialmente do bom e do bem. Tudo

Leia mais

AGENDA ESCOLAR. Data Horário Atividade Curso/série

AGENDA ESCOLAR. Data Horário Atividade Curso/série Informe Semanal ano XX n.º 981 Campinas, 03 de dezembro de 2014 ATENÇÃO: Prazo para retirada de objetos, agasalhos, materiais, etc., esquecidos na Escola: até 19/12 (6ª feira). A partir desta data, o restante

Leia mais

Informe Semanal ano XXI n.º 1006 Campinas, 12 de agosto de 2015 DIA DOS PAIS. Já não posso desejar que seja BOM, mas espero que tenha sido MUITO BOM!

Informe Semanal ano XXI n.º 1006 Campinas, 12 de agosto de 2015 DIA DOS PAIS. Já não posso desejar que seja BOM, mas espero que tenha sido MUITO BOM! Informe Semanal ano XXI n.º 1006 Campinas, 12 de agosto de 2015 DIA DOS PAIS Já não posso desejar que seja BOM, mas espero que tenha sido MUITO BOM! O sentimento que une o pai a seus filhos ou a suas filhas

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA PREFEITURA E DOS VIZINHOS NO COMBATE À DENGUE!

A IMPORTÂNCIA DA PREFEITURA E DOS VIZINHOS NO COMBATE À DENGUE! A IMPORTÂNCIA DA PREFEITURA E DOS VIZINHOS NO COMBATE À DENGUE! O mosquito da Dengue se prolifera em "em silêncio". Gosta de "sombra e água limpa". O melhor jeito de combatê-lo é eliminando os criadouros

Leia mais

O mosquito da dengue pode matar. E é ainda mais perigoso para gestantes. Proteja-se.

O mosquito da dengue pode matar. E é ainda mais perigoso para gestantes. Proteja-se. O mosquito da dengue pode matar. E é ainda mais perigoso para gestantes. Proteja-se. 2015 2 Mobilização contra a microcefalia O governo federal está mobilizado para enfrentar o aumento de casos de microcefalia

Leia mais

Mobilização contra a microcefalia

Mobilização contra a microcefalia Mobilização contra a microcefalia O governo federal está mobilizado para enfrentar o aumento de casos de microcefalia no país. Até novembro de 2015, mais de mil bebês nasceram com suspeita deste grave

Leia mais

DENGUE. PROIBIDO RETORNAR. XXXXXX

DENGUE. PROIBIDO RETORNAR. XXXXXX DENGUE. PROIBIDO RETORNAR. XXXXXX Elimine água empoçada nos pratos de plantas e pneus velhos. Não deixe latas vazias, garrafas, potes plásticos, tampinhas, lixo e entulho expostos à chuva. Com o esforço

Leia mais

Gincana Estudantil Unidos contra a Dengue

Gincana Estudantil Unidos contra a Dengue Gincana Estudantil Unidos contra a Dengue CAPITULO l - DA FINALIDADE Art. 1. A única forma de enfrentar a dengue é combater o seu vetor, o mosquito Aedes aegypti. A finalidade da Gincana Estudantil Unidos

Leia mais

Como embalar o lixo. Apresentação

Como embalar o lixo. Apresentação Apresentação Como embalar o lixo Uberaba agora tem uma nova lei que regulamenta o sistema de limpeza urbana. Essa lei abrange desde a contratação da empresa responsável pela coleta do lixo até a maneira

Leia mais

REDAÇÃO Um país doente: dengue, zica e Chikungunya

REDAÇÃO Um país doente: dengue, zica e Chikungunya REDAÇÃO Um país doente: dengue, zica e Chikungunya INSTRUÇÃO A partir da leitura dos textos motivadores seguintes e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo

Leia mais

Introdução. Esses acidentes são os mais variados possíveis. Ingestão de água sanitária ou outros

Introdução. Esses acidentes são os mais variados possíveis. Ingestão de água sanitária ou outros Introdução Quase todos os dias vemos nos noticiários ou ouvimos dos colegas relatos de acidentes ocorridos em residências, principalmente com crianças. Estatísticas de acidentes indicam que acidentes fatais

Leia mais

Colorir. Vamos Cantar. Querido Amiguinho! Preste atenção! Pinte os espaços pontilhados e descubra o transmissor da dengue!

Colorir. Vamos Cantar. Querido Amiguinho! Preste atenção! Pinte os espaços pontilhados e descubra o transmissor da dengue! Olá, Querido Amiguinho! É com imensa alegria que preparamos esta revista para que você possa aprender mais sobre a Dengue e, assim, ajudar Limeira a combater esta doença. Colorir Pinte os espaços pontilhados

Leia mais

Doenças transmitidas pelo Aedes Aegypti

Doenças transmitidas pelo Aedes Aegypti Doenças transmitidas pelo Aedes Aegypti Dengue O que é a Dengue? A dengue é uma doença viral transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. No Brasil, foi identificada pela primeira vez em 1986. Estima-se que

Leia mais

Levantamento sobre a incidência de dengue e seu controle no município de. Centro de Ciências Biológicas e da Saúde CCBS

Levantamento sobre a incidência de dengue e seu controle no município de. Centro de Ciências Biológicas e da Saúde CCBS TÍTULO: LEVANTAMENTO SOBRE A INCIDÊNCIA DE DENGUE E SEU CONTROLE NO MUNICÍPIO DE CAMPINA GRANDE PB.AUTORES: Orientador: Prof. Dr. Teobaldo Gonzaga R. Pereira, Annelise Mota de Alencar Mat. 20112043 Tel.

Leia mais

Apresentação Mobilização no combate à dengue

Apresentação Mobilização no combate à dengue Apresentação Mobilização no combate à dengue Atualmente, a dengue é considerada um dos principais problemas de saúde pública do mundo. Com a temporada de chuvas, os riscos de surtos da doença ficam ainda

Leia mais

REPELENTES: USO E CUIDADOS

REPELENTES: USO E CUIDADOS REPELENTES: USO E CUIDADOS 1 Ana Maria Mósca de Cerqueira Hospital Municipal Jesus SOPERJ 2015 Sem conflito de interesses REPELENTES: SEGUNDO OMS Dengue no mundo 50milhões de pessoas 24 mil mortes Malária

Leia mais

1.2 RECOMENDAÇÕES PARA O CONTROLE MECÂNICO E ALTERNATIVO (PRODUTOS CASEIROS) E CONCEITO DE RECIPIENTE EXISTENTE ESPECIFICADO PARA CADA TIPO.

1.2 RECOMENDAÇÕES PARA O CONTROLE MECÂNICO E ALTERNATIVO (PRODUTOS CASEIROS) E CONCEITO DE RECIPIENTE EXISTENTE ESPECIFICADO PARA CADA TIPO. 1.2 RECOMENDAÇÕES PARA O CONTROLE MECÂNICO E ALTERNATIVO (PRODUTOS CASEIROS) E CONCEITO DE RECIPIENTE EXISTENTE ESPECIFICADO PARA CADA TIPO. Recipiente existente: Considera-se recipiente existente, todo

Leia mais

Larvas do mosquito da dengue tem local propício para proliferação em canteiros de obras de Manaus

Larvas do mosquito da dengue tem local propício para proliferação em canteiros de obras de Manaus Comunicação e Marketing Ltda Veículo: Editoria: Notícias www.acritica.uol.com.br Coluna: -- Assunto: Larvas do mosquito da dengue tem local propício para proliferação em canteiros de obras de Manaus Origem:

Leia mais

NÚCLEO DE TECNOLOGIA MUNICIPAL DE MARECHAL CANDIDO RONDON. Curso: Introdução à Educação Digital. Cursista: Kátia Janaína Frichs cotica

NÚCLEO DE TECNOLOGIA MUNICIPAL DE MARECHAL CANDIDO RONDON. Curso: Introdução à Educação Digital. Cursista: Kátia Janaína Frichs cotica NÚCLEO DE TECNOLOGIA MUNICIPAL DE MARECHAL CANDIDO RONDON Curso: Introdução à Educação Digital Cursista: Kátia Janaína Frichs cotica Fique de na Dengue! ATENÇÃO: A dengue é uma doença muito dolorosa, deixa

Leia mais

DIVISÃO DE VIGILÂNCIA AMBIENTAL EM SAÚDE PROGRAMA ESTADUAL DE CONTROLE DA DENGUE

DIVISÃO DE VIGILÂNCIA AMBIENTAL EM SAÚDE PROGRAMA ESTADUAL DE CONTROLE DA DENGUE DIVISÃO DE VIGILÂNCIA AMBIENTAL EM SAÚDE PROGRAMA ESTADUAL DE CONTROLE DA DENGUE Área de dispersão do vetor Aedes aegypti Originário da África tropical e introduzido nas Américas durante a colonização

Leia mais

Informe Semanal ano XXI n.º 1008 Campinas, 26de agosto de 2015 AGENDA ESCOLAR. Data Horário Atividade Curso/série. Estudo do Meio Companhia do Circo

Informe Semanal ano XXI n.º 1008 Campinas, 26de agosto de 2015 AGENDA ESCOLAR. Data Horário Atividade Curso/série. Estudo do Meio Companhia do Circo 1 sperconfo rme convo cação Informe Semanal ano XXI n.º 1008 Campinas, 26de agosto de 2015 AGENDA ESCOLAR Data Horário Atividade Curso/série 26/08 4ª feira Conforme Estudo do Meio Geografia: Parques 6º

Leia mais

RELATO DAS ATIVIDADES DA VIGILÂNCIA EM SAÚDE NO COMBATE A DENGUE EM SANTA MARIA

RELATO DAS ATIVIDADES DA VIGILÂNCIA EM SAÚDE NO COMBATE A DENGUE EM SANTA MARIA RELATO DAS ATIVIDADES DA VIGILÂNCIA EM SAÚDE NO COMBATE A DENGUE EM SANTA MARIA A dengue é um dos principais problemas de saúde pública no mundo. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que entre 50

Leia mais

CONFIRA DICAS PARA ENFRENTAR O ALTO ÍNDICE ULTRAVIOLETA

CONFIRA DICAS PARA ENFRENTAR O ALTO ÍNDICE ULTRAVIOLETA PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE Edifício Durval Silva, QD. 103 Sul, Rua SO-07, LT. 03, Centro CEP 77.016-010 Telefone: (63) 3218-5210 / E-mail: cievspalmas@gmail.com VIGILÂNCIA

Leia mais

Vigilância em Saúde Ambiental

Vigilância em Saúde Ambiental Vigilância em Saúde Ambiental Informações em Saúde ROEDORES (Rodentia): - Gestão inadequada dos resíduos; - Maus hábitos de higiene; - Descuidos com o armazenamento de alimentos; - Facilidade de acesso

Leia mais

FÉRIAS ESCOLARES ACIDENTES DOMÉSTICOS

FÉRIAS ESCOLARES ACIDENTES DOMÉSTICOS FÉRIAS ESCOLARES X ACIDENTES DOMÉSTICOS As férias escolares exigem mais cuidados com os acidentes domésticos porque as crianças ficam mais tempo em casa e isso aumenta o risco de ocorrerem acidentes que

Leia mais

PROJETO TRÂNSITO 2015 TRANSITANDO PELA EDUCAÇÃO

PROJETO TRÂNSITO 2015 TRANSITANDO PELA EDUCAÇÃO Informe Semanal ano XXI n.º 987 Campinas, 04 de março de 2015 PROJETO TRÂNSITO 2015 TRANSITANDO PELA EDUCAÇÃO Transitar é uma ação que nos move, que atende os direitos de ir e vir, que possibilita ações

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE Prefeitura Municipal de Afonso Cláudio Estado do Espírito Santo

SECRETARIA MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE Prefeitura Municipal de Afonso Cláudio Estado do Espírito Santo ATA DE REUNIÃO DE ORIENTAÇÃO SOBRE A IMPLANTAÇÃO DA COLETA SELETIVA NO MUNICÍPIO DE AFONSO CLÁUDIO E DIVULGAÇÃO DO MUTIRÃO DE LIMPEZA DE QUINTAIS E TERRENOS, REALIZADA COM OS MORADORES DOS BAIRROS BOA

Leia mais

EQUIPE AGENTES DE ENDEMIAS TAILENE RAMBO SCHARDONG - 2641 VIANEI ANTONINO STEIN 2645 LUCAS COSTA DA ROSA 2647 JOSÉ BERWANGER - 2640

EQUIPE AGENTES DE ENDEMIAS TAILENE RAMBO SCHARDONG - 2641 VIANEI ANTONINO STEIN 2645 LUCAS COSTA DA ROSA 2647 JOSÉ BERWANGER - 2640 MUNICÍPIO DE PORTÃO População: 28583 (Censo IBGE 2007) Imóveis: 9981 (Censo IBGE 2007) Agentes de Endemias: 4 agentes Dpt VIGILÂNCIA SANITÁRIA E AMBIENTAL ENDEREÇO: Rua 09 de Outubro, 313 3 Andar TELEFONE:

Leia mais

Olá meninos, vocês parecem contrariados. O que aconteceu?

Olá meninos, vocês parecem contrariados. O que aconteceu? Olá meninos, vocês parecem contrariados. O que aconteceu? Puxa, o lixo é mesmo um problema muito sério. Vocês sabiam que muitos animais silvestres estão morrendo porque confundem lixo com comida? Sério?

Leia mais

É MUITO GRAVE! COMBATER O MOSQUITO É DEVER DE TODOS!

É MUITO GRAVE! COMBATER O MOSQUITO É DEVER DE TODOS! Filiado a: Dengue, Chikungunya e Zika Vírus É MUITO GRAVE! COMBATER O MOSQUITO É DEVER DE TODOS! AEDES AEGYPTI Aedes Aegypti e Aedes Albopictus são as duas espécies de mosquito que podem transmitir Dengue,

Leia mais

FEBRE AMARELA: Informações Úteis

FEBRE AMARELA: Informações Úteis FEBRE AMARELA: Informações Úteis Quando aparecem os sintomas? Os sintomas da febre amarela, em geral, aparecem entre o terceiro e o sexto dia após a picada do mosquito. Quais os sintomas? Os sintomas são:

Leia mais

H A R V A R D U N I V E R S I T Y EH&S Awarenss Training SEGURANÇA ELÉTRICA

H A R V A R D U N I V E R S I T Y EH&S Awarenss Training SEGURANÇA ELÉTRICA EH&S Awarenss Training SEGURANÇA ELÉTRICA As informações de segurança a seguir podem ajudá-lo a evitar perigos e choques elétricos. Mantenha sua área de trabalho limpa e seca. Nunca trabalhe ao redor de

Leia mais

FISPQ (Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos) SAPÓLIO RADIUM CREMOSO (Bouquet, Clássico, Laranja, Lavanda, Limão e Pinho)

FISPQ (Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos) SAPÓLIO RADIUM CREMOSO (Bouquet, Clássico, Laranja, Lavanda, Limão e Pinho) Página 1 de 6 1 - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Produto: Sapólio Radium Cremoso Códigos Internos: Bouquet 14015 (24/300ml) Clássico 14007 (24/300ml) Laranja 14025 (12/300ml) Lavanda 14014 (24/300ml)

Leia mais

AUTORES: NANCY MARTINS DE SÁ STOIANOV

AUTORES: NANCY MARTINS DE SÁ STOIANOV Ciências AUTORES: NANCY MARTINS DE SÁ STOIANOV Graduada em História e Pedagogia, Doutora em Filosofia e Metodologia de Ensino, Autora da Metodologia ACRESCER. REGINALDO STOIANOV Licenciatura Plena em Biologia,

Leia mais

DÊ 10 MINUTOS DO SEU TEMPO À PREVENÇÃO

DÊ 10 MINUTOS DO SEU TEMPO À PREVENÇÃO Taças para água de animais domésticos lave e esfregue-as todas as semanas. Mude a água diariamente. Redes nas janelas coloque redes de proteção para mosquitos nas janelas. Jarras com flores lave e esfregue-as

Leia mais

SENADO FEDERAL. Ciro com você, Por um Piauí sem Dengue Aprenda a combater a dengue. Senador Ciro Nogueira

SENADO FEDERAL. Ciro com você, Por um Piauí sem Dengue Aprenda a combater a dengue. Senador Ciro Nogueira SENADO FEDERAL Ciro com você, Por um Piauí sem Dengue Aprenda a combater a dengue Senador Ciro Nogueira 2011 Amigo e Amiga, A dengue é uma doença grave e tem atingido muitas pessoas no Brasil, principalmente

Leia mais

Plano de Contingência Contra a Dengue, Febre Chikungunya e Zika Vírus

Plano de Contingência Contra a Dengue, Febre Chikungunya e Zika Vírus 2016 Plano de Contingência Contra a Dengue, Febre Chikungunya e Zika Vírus Sumário 1 DENGUE... 2 2 FEBRE CHIKUNGUNYA... 4 3 ZIKA VÍRUS... 4 4 RESUMO SINTOMÁTICO... 5 5 MÉTODOS PREVENTIVOS... 6 6 ANEXO

Leia mais

FISPQ (Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos) KALIPTO (Eucalipto, Herbal, Lavanda, Marine, Pinho, Talco e Flores do Campo)

FISPQ (Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos) KALIPTO (Eucalipto, Herbal, Lavanda, Marine, Pinho, Talco e Flores do Campo) Página 1 de 5 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome: Kalipto Código interno: Eucalipto: 8028 (750ml), 19027 (2L) e 19029 (5L) Herbal: 8029 (750ml), 19028 (2L) e 19277 (5L) Lavanda: 8031 (750ml),

Leia mais

ATITUDE 1 Criança vacinada é criança protegida contra vários tipos de doenças. Parabéns! Você participou da última Campanha de Vacinação e está com o seu cartão da saúde em dia! Avance até a casa 7. ATITUDE

Leia mais

Aprenda a combater o mosquito e a identificar os sinais e sintomas PASSATEMPOS. l ACHEI l CAÇA-PALAVRA l DOMINOX. l JOGO DOS ERROS E OUTROS JOGOS

Aprenda a combater o mosquito e a identificar os sinais e sintomas PASSATEMPOS. l ACHEI l CAÇA-PALAVRA l DOMINOX. l JOGO DOS ERROS E OUTROS JOGOS a Dengue PASSATEMPOS Aprenda a combater o mosquito e a identificar os sinais e sintomas l ACHEI l CAÇA-PALAVRA l DOMINOX l JOGO DOS ERROS E OUTROS JOGOS Quando se trata da dengue, é preciso ficar atento

Leia mais

Dengue uma grande ameaça. Mudanças climáticas, chuvas e lixo fazem doença avançar.

Dengue uma grande ameaça. Mudanças climáticas, chuvas e lixo fazem doença avançar. Dengue uma grande ameaça. Mudanças climáticas, chuvas e lixo fazem doença avançar. O verão chega para agravar o pesadelo da dengue. As mortes pela doença aumentaram na estação passada e vem preocupando

Leia mais

PROJETO DENGUE Colégio Santa Clara contra a dengue, apague esse mau

PROJETO DENGUE Colégio Santa Clara contra a dengue, apague esse mau COLÉGIO SANTA CLARA Pré-escola Autorizado por Portaria DRECAP-2 de 29/05/84 Ensino Fundamental Autorizado por Portaria DRECAP-2 de 13/02/85 Ensino Médio Autorizado por Portaria Diretoria de Ensino Região

Leia mais

O LIXO NAS RUAS. É preciso conscientizar as pessoas sobre os riscos que a falta de cuidado com o lixo pode trazer à sociedade.

O LIXO NAS RUAS. É preciso conscientizar as pessoas sobre os riscos que a falta de cuidado com o lixo pode trazer à sociedade. O LIXO NAS RUAS É preciso conscientizar as pessoas sobre os riscos que a falta de cuidado com o lixo pode trazer à sociedade. Por Maria Alice Luna Sampaio Hoje em dia, não podemos dar um passo fora de

Leia mais

O curativo do umbigo

O curativo do umbigo Higiene do bebê O curativo do umbigo Organizo meu futuro porque o presente já passou. O curativo do umbigo deve ser feito todos os dias, depois do banho, até que o cordão do umbigo seque e caia. Isso leva

Leia mais

COMO SEPARAR E JOGAR O LIXO

COMO SEPARAR E JOGAR O LIXO Cuidados no momento de jogar o lixo! COMO SEPARAR E JOGAR O LIXO TODOS os lixos devem ser colocados devidamente classificados, no local e data determinadas para coleta,até às 08:30 da manhã Jamais jogar

Leia mais

Criança feliz, feliz a cantar Sabe que a saúde deve cuidar Não deixa jogadas latas, garrafas, Não quer ver mosquito lhe infectar.

Criança feliz, feliz a cantar Sabe que a saúde deve cuidar Não deixa jogadas latas, garrafas, Não quer ver mosquito lhe infectar. Jardim III - cartaz CRIANÇA FELIZ FELIZ, FELIZ A CANTAR SABE QUE A DEVE CUIDAR. NÂO DEIXA JOGADAS, NÃO QUER VER LHE INFECTAR. Criança feliz, feliz a cantar Sabe que a saúde deve cuidar Não deixa jogadas

Leia mais

Índice 3. Introdução 4. O que é Aedes aegypti? 5. Como o mosquito chegou até nós 6. Casos de dengue em Campinas 7. O que é o Chikungunya? 8.

Índice 3. Introdução 4. O que é Aedes aegypti? 5. Como o mosquito chegou até nós 6. Casos de dengue em Campinas 7. O que é o Chikungunya? 8. Índice 3. Introdução 4. O que é Aedes aegypti? 5. Como o mosquito chegou até nós 6. Casos de dengue em Campinas 7. O que é o Chikungunya? 8. O que é e como surgiu o zika vírus 9. Sintomas 10. Diferença

Leia mais

Anvisa - Agência Nacional de Vigilância Sanitária

Anvisa - Agência Nacional de Vigilância Sanitária Anvisa - Agência Nacional de Vigilância Sanitária Cosméticos Infantis O Brasil é um dos maiores mercados mundiais de cosméticos infantis. A utilização de produtos de higiene pessoal, como xampus, condicionadores

Leia mais

Somos os superexterminadores da dengue. missão é combater... ... e eliminar o mosquito. dessa doença. Junte-se ao batalhão de operações

Somos os superexterminadores da dengue. missão é combater... ... e eliminar o mosquito. dessa doença. Junte-se ao batalhão de operações 1 Somos os superexterminadores da dengue. Nossa missão é combater...... e eliminar o mosquito transmissor dessa doença. Junte-se ao batalhão de operações MATA-MOSQUITO. Saiba mais sobre a dengue e torne-se

Leia mais

Informe Semanal ano XXI n.º 1013 Campinas, 30 de setembro de 2015 AGENDA ESCOLAR

Informe Semanal ano XXI n.º 1013 Campinas, 30 de setembro de 2015 AGENDA ESCOLAR vocação ] Informe Semanal ano XXI n.º 1013 Campinas, 30 de setembro de 2015 AGENDA ESCOLAR Data Horário Atividade Curso/série Estudo do Meio - Campinas 3º ano A do Ensino Fundamental 1 Estudo do Meio -

Leia mais

Paulo Skaf Presidente

Paulo Skaf Presidente Dengue, Chikungunya e Zika Vírus são doenças graves, que podem atingir qualquer pessoa. Mas, com cuidados simples, podemos evitá-las, preservando a saúde dos trabalhadores da indústria e seus familiares.

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA A COLETA SELETIVA DO LIXO E DICAS DE CONSUMO CONSCIENTE

INSTRUÇÕES PARA A COLETA SELETIVA DO LIXO E DICAS DE CONSUMO CONSCIENTE 12:43 Page 1 INSTRUÇÕES PARA A COLETA SELETIVA DO LIXO E DICAS DE CONSUMO CONSCIENTE Jardins é Page 2 LIXO UM PROBLEMA DE TODOS Reduzir a quantidade de lixo é um compromisso de todos. Uma pessoa é capaz

Leia mais

Esta é uma história para divertir, ensinar e conscientizar. Boa leitura!

Esta é uma história para divertir, ensinar e conscientizar. Boa leitura! É de pequeno que se aprende, como diz o ditado. Pensando desta forma, as secretarias de Estado de Saúde e Defesa Civil e de Educação decidiram unir forças para combater um inimigo de todos: o mosquito

Leia mais

1. EIXOS TEMÁTICOS: Educação, Meio Ambiente, Cidadania e Saúde.

1. EIXOS TEMÁTICOS: Educação, Meio Ambiente, Cidadania e Saúde. 1. EIXOS TEMÁTICOS: Educação, Meio Ambiente, Cidadania e Saúde. 2. PÚBLICO ALVO: Alunos, professores, coordenadores, diretores, equipe de apoio e famílias das escolas municipais, estaduais e particulares

Leia mais

01 Identificação do produto e da Empresa. 02 Composição e informações sobre os ingredientes. 03 Identificação de perigos

01 Identificação do produto e da Empresa. 02 Composição e informações sobre os ingredientes. 03 Identificação de perigos Página: 01/05 01 Identificação do produto e da Empresa Natureza Química : Limpador de Uso Geral Autorização de Funcionamento / MS : nº 3.02.599-9 Registro no Ministério da Saúde : 3.2599.0103.001-4 Aceita

Leia mais

Foto: James Gathany/CDC

Foto: James Gathany/CDC Informativo Mensal da Faculdade de Medicina do ABC Ano II - Nº 7 - JANEIRO DE 2016 Foto: James Gathany/CDC Início de ano, verão e uma preocupação que já se tornou comum nessa época do ano: a dengue. Muitas

Leia mais

Dicas para férias (2): farmácia de viagem, o sol, picadas, segurança.

Dicas para férias (2): farmácia de viagem, o sol, picadas, segurança. Dicas para férias (2): farmácia de viagem, o sol, picadas, segurança. Estes artigos estão publicados no sítio do Consultório de Pediatria do Dr. Paulo Coutinho. Pág. 01 As férias são momentos ansiados

Leia mais

Perigo: as brotoejas podem coçar, causando incômodo ao bebê e, por serem uma irritação, tornam-se foco de infecções.

Perigo: as brotoejas podem coçar, causando incômodo ao bebê e, por serem uma irritação, tornam-se foco de infecções. Trate os problemas de pele mais comuns em bebês Pais devem ficam atentos a descamações, manchas e brotoejas Se existe uma característica comum a todos os bebês saudáveis, só pode ser a pele macia e sedosa,

Leia mais

Práticas Verdes Para Condomínios

Práticas Verdes Para Condomínios Guia de Práticas Verdes Para Condomínios A economia que faz bem para o seu bolso e para o meio ambiente Com o objetivo de incentivar e disseminar práticas sustentáveis em condomínios, o Secovi Rio criou

Leia mais

Você sabia. As garrafas de PET são 100% recicláveis. Associação Brasileira da Indústria do PET

Você sabia. As garrafas de PET são 100% recicláveis. Associação Brasileira da Indústria do PET Você sabia? As garrafas de PET são 100% recicláveis Associação Brasileira da Indústria do PET O Brasil é um dos maiores recicladores de PET do mundo A reciclagem é uma atividade industrial que gera muitos

Leia mais

CRIANÇAS e as férias de verão

CRIANÇAS e as férias de verão CRIANÇAS e as férias de verão Atenção. Diversão. Segurança. Brincadeiras. Cuidado. Confira um universo de recomendações para garantir dias tranquilos em uma das épocas mais esperadas do ano. Mês de dezembro

Leia mais

FISPQ (Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos) SAPÓLIO RADIUM PÓ (Limão, Pinho, Clássico, Lavanda, Bouquet e Laranja)

FISPQ (Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos) SAPÓLIO RADIUM PÓ (Limão, Pinho, Clássico, Lavanda, Bouquet e Laranja) Página 1 de 6 1 - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome: Sapólio Radium Pó Códigos Internos: Limão: 14001 / 14017 Pinho: 14005 / 14018 Clássico: 14033 Lavanda: 14031 Bouquet: 14030 Laranja: 14032

Leia mais

ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA

ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA PROVA OBJETIVA PROCESSO SELETIVO DE AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE Prezado candidato(a), você recebeu o seguinte material: - um caderno de questões contendo 30 (trinta) questões

Leia mais

ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS REGRAS 2016. EDUCAÇÃO INFANTIL e 1 ANO

ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS REGRAS 2016. EDUCAÇÃO INFANTIL e 1 ANO ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS REGRAS 2016 EDUCAÇÃO INFANTIL e 1 ANO O Manual de Orientações Pedagógicas visa fornecer informações importantes sobre a organização, estrutura e programação das séries, a fim de

Leia mais

INFORME SEMANAL DE DENGUE, ZIKA E CHIKUNGUNYA

INFORME SEMANAL DE DENGUE, ZIKA E CHIKUNGUNYA INFORME SEMANAL DE DENGUE, ZIKA E CHIKUNGUNYA Perguntas e respostas sobre a FEBRE CHIKUNGUNYA O que é Chikungunya? É uma doença infecciosa febril, causada pelo vírus Chikungunya (CHIKV), que pode ser transmitida

Leia mais

ROTEIRO DE INSPEÇÃO EM HOTEIS E MOTEIS

ROTEIRO DE INSPEÇÃO EM HOTEIS E MOTEIS SUPERINTEDÊNCIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE GERENCIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE AMBIENTAL E SAÚDE DO TRABALHADOR COORDERNAÇÃO DE FISCALIZAÇÃO DE AMBIENTES E SAÚDE DO TRABALHADOR Av. Anhanguera, nº 5.195 Setor Coimbra

Leia mais

Informe Semanal ano XXI n.º 1001 Campinas, 10 de junho de 2015 FESTA JUNINA 2015

Informe Semanal ano XXI n.º 1001 Campinas, 10 de junho de 2015 FESTA JUNINA 2015 Informe Semanal ano XXI n.º 1001 Campinas, 10 de junho de 2015 FESTA JUNINA 2015 Dia 13 de junho - das 8h30min às 19h Festa Junina na Escola Comunitária O que é a Festa Junina na Escola Comunitária? Já

Leia mais

Secretaria de Estado da Saúde

Secretaria de Estado da Saúde Aedes aegypti ovos larvas pupas Inseto adulto Aedes aegypti É o mosquito que transmite Dengue Leva em média 7 dias de ovo a adulto; Tem hábitos diurnos; Vive dentro ou próximo de habitações humanas; A

Leia mais

IMPACTOS DOS AGROTÓXICOS NA SAÚDE DA POPULAÇÃO E SAÚDE AMBIENTAL

IMPACTOS DOS AGROTÓXICOS NA SAÚDE DA POPULAÇÃO E SAÚDE AMBIENTAL ATUALMENTE O BRASIL É O 1º CONSUMIDOR MUNDIAL DE AGROTÓXICOS E A BAHIA OCUPA O 7º LUGAR ENTRE OS ESTADOS DA FEDERAÇÃO IMPACTOS DOS AGROTÓXICOS NA SAÚDE DA POPULAÇÃO E SAÚDE AMBIENTAL Vamos conhecer mais

Leia mais

Mais de 206 mil imóveis visitados em Combate à Dengue De acordo com a Secretaria de Saúde, 59% das vistorias previstas já foram realizadas.

Mais de 206 mil imóveis visitados em Combate à Dengue De acordo com a Secretaria de Saúde, 59% das vistorias previstas já foram realizadas. www.portalamazonia.com.br Coluna: Mais de 206 mil imóveis visitados em Combate à Dengue Mais de 206 mil imóveis visitados em Combate à Dengue De acordo com a Secretaria de Saúde, 59% das vistorias previstas

Leia mais

DECRETO N.º 34377 DE 31 DE AGOSTO DE 2011

DECRETO N.º 34377 DE 31 DE AGOSTO DE 2011 DECRETO N.º 34377 DE 31 DE AGOSTO DE 2011 Institui ESTADO DE ALERTA CONTRA A DENGUE e dispõe sobre a prevenção e o controle da transmissão e a atenção primária à saúde nos casos de dengue na Cidade do

Leia mais

Somos a Patrulha da dengue. Recebemos a missão de combater e eliminar o mosquito transmissor dessa doença. Junte-se a nossa equipe de operações

Somos a Patrulha da dengue. Recebemos a missão de combater e eliminar o mosquito transmissor dessa doença. Junte-se a nossa equipe de operações Educação, para ter excelência e qualidade, não pode ficar limitada ao ensino em sala de aula. Precisamos sair, olhar, captar, sentir e absorver o que acontece no mundo, buscando e expressando necessidades

Leia mais

APROVADO EM 30/07/2010

APROVADO EM 30/07/2010 DISTRIBUIDOR PLENÁRIO RECEBEMOS 27/04/2010 às 08:00 hs APROVADO EM 30/07/2010 PROJETO DE LEI Nº 015/10 AUTORA: CHIRLEY DIAS BARRETO SILVA VEREADORA P.P. Dispõe sobre a criação de programa de prevenção

Leia mais

Apresentação. O que é Dengue Clássica?

Apresentação. O que é Dengue Clássica? Apresentação É no verão que acontecem as maiores epidemias de dengue devido ao alto volume de chuva. O Santa Casa Saúde, por meio do Programa Saúde Segura, está de olho no mosquito aedes aegypti e na sua

Leia mais

SUSTENTABILIDADE? COMO ASSIM?

SUSTENTABILIDADE? COMO ASSIM? SUSTENTABILIDADE? COMO ASSIM? 1. Matéria Bruta Representa a vontade de melhorar o 6. Reciclagem mundo e construir um futuro mais próspero. É o equilíbrio econômico, social e ambiental que garante a qualidade

Leia mais

Caderno de Prova. Agente Comunitário de Saúde. 1. Aguarde autorização para abrir o caderno de provas. mais de uma alternativa em uma mesma questão.

Caderno de Prova. Agente Comunitário de Saúde. 1. Aguarde autorização para abrir o caderno de provas. mais de uma alternativa em uma mesma questão. Caderno de Prova Agente Comunitário de Saúde 1. Aguarde autorização para abrir o caderno de provas. 2. Confira seu número de inscrição e nome. Assine no local indicado. 3. A interpretação das questões

Leia mais