O rastreamento do câncer de colo uterino

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O rastreamento do câncer de colo uterino"

Transcrição

1 PROFAM O rastreamento do câncer de colo uterino Dr. Eduardo Durante Fundación MF Para el desarrollo de la Medicina Familiar y la Atención Primaria de la Salud

2 Objetivos Discutir o uso de métodos contraceptivos no contexto da medicina familiar Assessorar o parceiro ou a mulher sobre os Anticoncepcionais orais (ACO) Conhecer vantagens e desvantagens de cada método

3 Preservativo Mecanismo de ação: barreira Percentagem de falhas em um ano com o preservativo SÓ: 1-20% COM ESPERMICIDA: 0-3%

4 Conselhos sobre o preservativo Lugar seco e fresco Data de vencimento Normas IRAM Não desenrorá-lo antes de colocá-lo Não prova-lo previamente com água Usá-lo desde o começo da relação Retirá-lo rapidamente para que não escorra o esperma segurando na base do pênis.

5 ACO COMBINADOS Doses altas e fixas de estrôgenios Doses baixas e fixas de estrógenos Tricíclicos: a dose de estrôgenios e progesterona varia durante o ciclo Sequênciais: as pilulas iniciais contêm estrôgenios, e as últimas, estrôgenios mais progesterona

6 minipílula Contem só progesterona Altera o endométrio e o muco cervical, não é anovulatória Indica-se enquanto haja lactação exclusiva ou predominante (4 ou mais mamadas por dia) e enquanto a mulher não menstrue Tomá-la diariamente e a mesma hora (linestrel)

7 Esteróides de ação prolongada Acetato de medroxiprogesterona 150mg: Aplicar cada três meses IM. É anovulatório. Estrôgenios mais progesterona: aplicar uma vez ao mês IM. Provocam irregularidades menstruais.

8 Como usá-las? A caixa tem 21 comprimidos A 1ª caixa se começa no 1º dia da menstruação Tomar 1 comprimido por dia durante 21 dias Descansar 7 dias No 8º dia, começar a nova caixa. A menstruação apresentar-se-á na semana de descanso. Não importa que esteja menstruando para começar a nova caixa. Sempre: tomar durante 3 semanas e descansar a 4ª. Ex: começa na segunda, toma 3 segundas, descansa a 4ª, retoma na 5ª (sempre cairá o mesmo dia da semana)

9 Efeitos adversos Certo ganho de peso Distensão mamária mais Moléstias abdominais freqüentes Pigmentação da pele Penugem TVP

10 Mitos Produzem câncer Produzem varizes Produzem acne Engordam Produzem infertilidade Não devem ser usadas na displasia mamária Tem que fazer descanso cada 3 meses

11 ACO Contra-indicações Sangramentos não diagnosticados Hepatopatias ativas câncer de mama e colo Situação onde não tenha indicações hipertensão arterial e diabetes mellitus não controlado Antecedentes de Trombose Venosa Profunda e Trombo-embolismo Pulmonar Lupus Fumantes maiores de 35 anos (discutido)

12 Situações especiais Esqueceu uma pílula Sangramento nas tomadas Amenorréia Uso de antibióticos ou outras drogas Cirugia

13 Se esqueceu uma pílula Menos de 12 horas: como sempre Mais de 24 horas: Tome 2 pílulas (descarte as anteriores). Use outro método por 7 dias Quantas pílulas ficam na caixa? 7 ou mais pílulas manejar de forma habitual (termine a caixa e descanse 7 dias) Menos de 7 pílulas Quando terminar um envelope, inicie o 2º sem os 7 dias de descanso

14 Situações especiais de ACO Puerpério Minipílula Norgestimato ACO post coital Doses altas de EE e Levonorgestrel Levonorgestrel Danazol Ciproterona

15 ACO post-coital Situações como ruptura de preservativo ou má colocação de diafragma ou violação Tomam-se até 72 horas post coito opções: 2 comp de 100ug de EE mais 0,5mg de levonorgestrel se repete 12 horas depois 1 comp de levonorgestrel 0,75mg cada 12h 2comp de ACO ( alta dose ) e 2 depois 4 comp. de Nordete ou Microvlar e 4 depois

16 MECANISMOS DE AÇÃO DO DIU Efeito inflamatório sobre o endométrio, que provoca uma alteração do meio e dificulta a união entre o óvulo e o espermatozóide. Ademais afetaria no caso em que se produzisse a implantação Cobre: - potencializa a resposta inflamatória - alteração da membrana espermática. Interferência com a passagem dos espermatozóides.

17 Porcentagem de falhas do Diu Primeiro ano: > 5% (provavelmente por expulsão) Após o primeiro ano: > 1-2%

18 Tipos de diu Inerte: em desuso Com cobre: são os mais utilizados Com liberação de progesterona

19 Efeitos adversos Maior risco de sangramento (hipermenorreias e menorragias) Dor pélvica Gravidez Infecções (Doença Inflamatória Pélvica-DIP-) Perda do dispositivo

20 Contra-indicações do DIU Gravidez Antecedente de DIP ou Doença Sexualmente Transmissível Antecedente de gravidez ectópica HIV Coagulopatia, anemia Alterações anatômicas uterinas Doença valvular reumática Doença de Wilson

21 ACO Obrigado pela paciência!!!!!

MÉTODOS CONTRACEPTIVOS. Professora Daiana Escola La Salle Águas Claras 8º ano

MÉTODOS CONTRACEPTIVOS. Professora Daiana Escola La Salle Águas Claras 8º ano MÉTODOS CONTRACEPTIVOS Professora Daiana Escola La Salle Águas Claras 8º ano METODOS DE BARREIRA Imobilizam os espermatozoides, impedindo-os de entrar em contato com o óvulo e ocorrer a fecundação. Espermicidas

Leia mais

METODOS CONTRACEPTIVOS ENF. MARIANA P. JUSTINO

METODOS CONTRACEPTIVOS ENF. MARIANA P. JUSTINO METODOS CONTRACEPTIVOS ENF. MARIANA P. JUSTINO METODOS DE BARREIRA Imobilizam os espermatozóides, impedindo-os de entrar em contato com o óvulo e de haver fecundação. Espermicidas (sob a forma de óvulos,

Leia mais

MÉTODOS HORMONAIS. São comprimidos que contêm estrogênio e progestogênio associados.

MÉTODOS HORMONAIS. São comprimidos que contêm estrogênio e progestogênio associados. MÉTODOS HORMONAIS 1 - ANTICONCEPCIONAIS HORMONAIS ORAIS (PÍLULAS) É o método mais difundido e usado no mundo. As pílulas são consideradas um método reversível muito eficaz e o mais efetivo dos métodos

Leia mais

Unidade II Vida e ambiente Aula 7.1 Conteúdo: Métodos Contraceptivos.

Unidade II Vida e ambiente Aula 7.1 Conteúdo: Métodos Contraceptivos. Unidade II Vida e ambiente Aula 7.1 Conteúdo: Métodos Contraceptivos. 2 Habilidade: Compreender o funcionamento dos principais métodos contraceptivos (comportamentais, químicos, de barreira e definitivos).

Leia mais

Métodos Contraceptivos A prática da anticoncepção é um ato a ser praticado sob supervisão médica

Métodos Contraceptivos A prática da anticoncepção é um ato a ser praticado sob supervisão médica A prática da anticoncepção é um ato a ser praticado sob supervisão médica O que são? A utilização de técnicas, dispositivos ou substâncias capazes de impedir a gestação, temporariamente ou definitivamente.

Leia mais

M t é o t d o os o Contraceptivos

M t é o t d o os o Contraceptivos Métodos Contraceptivos São meios utilizados para evitar a gravidez quando esta não é desejada, permitindo a vivência da sexualidade de forma responsável. Permitem o planeamento familiar. 2 Como se classificam

Leia mais

Cuidados de armazenamento Conservar em temperatura ambiente (entre 15 C e 30 C). Proteger da umidade.

Cuidados de armazenamento Conservar em temperatura ambiente (entre 15 C e 30 C). Proteger da umidade. Diclin etinilestradiol + acetato de ciproterona FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÕES Comprimidos revestidos Estojo-calendário contendo 21 ou 63 comprimidos. USO ORAL - ADULTO COMPOSIÇÃO Cada comprimido revestido

Leia mais

Tecnologia para a regulação dos nascimentos? gravidez indesejada.

Tecnologia para a regulação dos nascimentos? gravidez indesejada. Quais os contributos da Ciência e da Tecnologia para a regulação dos nascimentos? São utilizados para prevenir uma São utilizados para prevenir uma gravidez indesejada. Mét. Contracepção A - Não Naturais

Leia mais

Farlutal acetato de medroxiprogesterona

Farlutal acetato de medroxiprogesterona Farlutal acetato de medroxiprogesterona I - IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Nome comercial: Farlutal Nome genérico: acetato de medroxiprogesterona APRESENTAÇÕES Farlutal 10 mg em embalagens contendo 10 ou

Leia mais

NEODIA. (levonorgestrel)

NEODIA. (levonorgestrel) NEODIA (levonorgestrel) Brainfarma Indústria Química e Farmacêutica S.A. Comprimido 1,5mg I - IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO: NEODIA levonorgestrel APRESENTAÇÃO Comprimido Embalagem contendo 1 comprimido.

Leia mais

REPRODUÇÃO HUMANA MÉTODOS CONTRACEPTIVOS OU ANTICONCEPCIONAIS. Prof. Me. Cristino Rêgo 8º Ano Ensino Fundamental II

REPRODUÇÃO HUMANA MÉTODOS CONTRACEPTIVOS OU ANTICONCEPCIONAIS. Prof. Me. Cristino Rêgo 8º Ano Ensino Fundamental II REPRODUÇÃO HUMANA MÉTODOS CONTRACEPTIVOS OU ANTICONCEPCIONAIS Prof. Me. Cristino Rêgo 8º Ano Ensino Fundamental II Métodos Contraceptivos ou Anticoncepcionais 1 Coito Interrompido (Onanismo): Consiste

Leia mais

POSTINOR UNO. Aché Laboratórios Farmacêuticos Comprimido 1,5 mg

POSTINOR UNO. Aché Laboratórios Farmacêuticos Comprimido 1,5 mg POSTINOR UNO Aché Laboratórios Farmacêuticos Comprimido 1,5 mg BULA PARA PACIENTE Bula de acordo com a Resolução-RDC nº 47/2009 I- IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO POSTINOR UNO levonorgestrel APRESENTAÇÃO

Leia mais

Prefeitura do Município de São Paulo Secretaria Municipal de Saúde Área Técnica de Saúde da Mulher

Prefeitura do Município de São Paulo Secretaria Municipal de Saúde Área Técnica de Saúde da Mulher Prefeitura do Município de São Paulo Secretaria Municipal de Saúde Área Técnica de Saúde da Mulher PROTOCOLO PARA O FORNECIMENTO DE CONTRACEPTIVOS REVERSÍVEIS NA REDE DE ATENÇÃO BÁSICA DO MUNICÍPIO DE

Leia mais

Tipos de Anticoncepcionais

Tipos de Anticoncepcionais Tipos de Anticoncepcionais Dr. Orlando de Castro Neto Métodos anticoncepcionais ou métodos contraceptivos são maneiras, medicamentos e dispositivos usados para evitar a gravidez. Muitas vezes o método

Leia mais

Nome: Mónica Algares. Ano: 9º Turma: B Nº 17

Nome: Mónica Algares. Ano: 9º Turma: B Nº 17 Nome: Mónica Algares Ano: 9º Turma: B Nº 17 Métodos contraceptivos naturais Método do calendário Se a menstruação ocorre de 28 em 28 dias, a ovulação ocorrerá por volta do 14º dia. Assim, o período fértil

Leia mais

Preservativo Feminino

Preservativo Feminino Preservativo Feminino Há milhares de anos que as mulheres usam os métodos contraceptivos de que dispõem. Na bíblia, há referência ao coito interrompido e nos registos do Egipto antigo existem descrições

Leia mais

ESF Dr. MAURO NETO REALIZAÇÃO: Kamila Paula Lopes Acadêmica do 8º Período- Curso de Bacharel em Enfermagem Estagio Supervisionado II

ESF Dr. MAURO NETO REALIZAÇÃO: Kamila Paula Lopes Acadêmica do 8º Período- Curso de Bacharel em Enfermagem Estagio Supervisionado II REALIZAÇÃO: Kamila Paula Lopes Acadêmica do 8º Período- Curso de Bacharel em Enfermagem Estagio Supervisionado II ESF Dr. MAURO NETO Profª. Enfª. Drª. Isabel Cristina Belasco Coordenadora do Curso de Enfermagem

Leia mais

B. FOLHETO INFORMATIVO

B. FOLHETO INFORMATIVO B. FOLHETO INFORMATIVO 18 FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Ellaone 30 mg comprimido Acetato de ulipristal Leia atentamente este folheto antes de utilizar o medicamento. - Conserve este

Leia mais

UNISA Núcleo de Ginecologia e Obstetrícia Dr Andre Cassiani. Chefe de núcleo: Prof Dra Lucia Hime

UNISA Núcleo de Ginecologia e Obstetrícia Dr Andre Cassiani. Chefe de núcleo: Prof Dra Lucia Hime UNISA Núcleo de Ginecologia e Obstetrícia Dr Andre Cassiani Chefe de núcleo: Prof Dra Lucia Hime O começo de tudo... 1996, O planejamento familiar é um direito assegurado na Constituição Federal. Consiste

Leia mais

Contracepção Resumo de diretriz NHG M02 (dezembro 2011)

Contracepção Resumo de diretriz NHG M02 (dezembro 2011) Contracepção Resumo de diretriz NHG M02 (dezembro 2011) Anke Brand, Anita Bruinsma, Kitty van Groeningen, Sandra Kalmijn, Ineke Kardolus, Monique Peerden, Rob Smeenk, Suzy de Swart, Miranda Kurver, Lex

Leia mais

Previdez 2 levonorgestrel

Previdez 2 levonorgestrel Previdez 2 levonorgestrel FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO Embalagem contendo 2 comprimidos. Uso Adulto Uso oral COMPOSIÇÃO Cada comprimido contém: levonorgestrel... 0,75 mg excipiente* q.s.p.... 1 com

Leia mais

GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA POR: AMANDA REIS NORMANDIA AG.EDUCADOR II SMERJ

GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA POR: AMANDA REIS NORMANDIA AG.EDUCADOR II SMERJ GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA POR: AMANDA REIS NORMANDIA AG.EDUCADOR II SMERJ OBJETIVO: DISCUTIR A INCIDÊNCIA DA GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA ASSUNTOS ABORDADOS: ADOLESCÊNCIA GRAVIDEZ PRECOCE PREVENÇÃO DA GRAVIDEZ

Leia mais

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 43 MÉTODOS CONTRACEPTIVOS

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 43 MÉTODOS CONTRACEPTIVOS BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 43 MÉTODOS CONTRACEPTIVOS Como pode cair no enem? (UFC) A pílula do dia seguinte é composta de hormônios, os mesmos da pílula anticoncepcional comum, só que em doses mais elevadas.

Leia mais

PREVINA O CÂNCER DO COLO DO ÚTERO

PREVINA O CÂNCER DO COLO DO ÚTERO SENADO FEDERAL PREVINA O CÂNCER DO COLO DO ÚTERO SENADOR CLÉSIO ANDRADE 2 Previna o câncer do colo do útero apresentação O câncer do colo do útero continua matando muitas mulheres. Especialmente no Brasil,

Leia mais

CONTRACEPÇÃO HORMONAL PÍLULA

CONTRACEPÇÃO HORMONAL PÍLULA CONTRACEPÇÃO HORMONAL PÍLULA A Pílula é o método contraceptivo hormonal mais utilizado, pelas mulheres em todo o mundo. O QUE É? Um método contraceptivo que contém hormonas sintéticas que são semelhantes

Leia mais

Para compreender como os cistos se formam nos ovários é preciso conhecer um pouco sobre o ciclo menstrual da mulher.

Para compreender como os cistos se formam nos ovários é preciso conhecer um pouco sobre o ciclo menstrual da mulher. Cistos de Ovário Os ovários são dois pequenos órgãos, um em cada lado do útero. É normal o desenvolvimento de pequenos cistos (bolsas contendo líquidos) nos ovários. Estes cistos são inofensivos e na maioria

Leia mais

Métodos Contraceptivos Reversíveis. DSR- www.saudereprodutiva.dgs.pt

Métodos Contraceptivos Reversíveis. DSR- www.saudereprodutiva.dgs.pt Métodos Contraceptivos Reversíveis Estroprogestativos orais Pílula 21 cp + 7 dias pausa existem vários, podendo ser escolhido o que melhor se adapta a cada mulher são muito eficazes, quando se cumprem

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. NOME DO MEDICAMENTO Norlevo 1,5 mg comprimido 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada comprimido contém 1,5 mg de levonorgestrel. Excipiente: lactose

Leia mais

Métodos contraceptivos

Métodos contraceptivos Métodos contraceptivos O que são métodos contraceptivos? São processos que permitem evitar uma gravidez não desejada. Todas as pessoas usam o mesmo método contraceptivo? Existem vários métodos contraceptivos.

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Primolut Nor, 10 mg, comprimidos Acetato de noretisterona Leia atentamente este folheto antes de tomar o medicamento. -Conserve este folheto. Pode ter

Leia mais

< Maria Inês; nº 17; 9ºB > < Ricardo Santos; nº18; 9ºB >

< Maria Inês; nº 17; 9ºB > < Ricardo Santos; nº18; 9ºB > Índice < Maria Inês; nº 17; 9ºB > < Ricardo Santos; nº18; 9ºB > Índice Índice... 2 Métodos Contraceptivos... 3 O que são?... 3 Métodos Reversíveis... 4 Métodos Contraceptivos Hormonais... 4 Pílula Contraceptiva...

Leia mais

ANTICONCEPÇÃO CRITÉRIOS DE ELEGIBILIDADE DA OMS E OS MÉTODOS SEM ESTROGÊNIO

ANTICONCEPÇÃO CRITÉRIOS DE ELEGIBILIDADE DA OMS E OS MÉTODOS SEM ESTROGÊNIO ANTICONCEPÇÃO CRITÉRIOS DE ELEGIBILIDADE DA OMS E OS MÉTODOS SEM ESTROGÊNIO PROFA.DRA. MARTA EDNA HOLANDA DIÓGENES YAZLLE Responsável pelo Setor de Anticoncepção do Departamento de Ginecologia e Obstetrícia

Leia mais

Métodos contraceptivos

Métodos contraceptivos Métodos contraceptivos http://www.youtube.com/watch?v=igloovv-kc8 Professor: Gil Amaro Aluna: Thalyta M. Baptista Disciplina: Estratégias de Ensino em Biologia Os métodos contraceptivos podem ser divididos

Leia mais

APROVAÇÃO DE EMBALAGEM

APROVAÇÃO DE EMBALAGEM NOT CLT CAPS BRE_NOT CLT CAPS BRE NOUV 03/01/12 10:11 Page1 DIMENSÕES: 210x175mm CORES: Black Programa: QuarkXpress Fontes: Times new roman - Agfa Rotis Semi Serif APROVAÇÃO DE EMBALAGEM NOT CLT CAPS BRE_NOT

Leia mais

Depomês 25mg acetato de medroxiprogesterona 5mg cipionato de estradiol

Depomês 25mg acetato de medroxiprogesterona 5mg cipionato de estradiol Depomês 25mg acetato de medroxiprogesterona 5mg cipionato de estradiol Biolab Sanus Farmacêutica Ltda. Suspensão Injetável Depomês acetato de medroxiprogesterona cipionato de estradiol IDENTIFICAÇÃO DO

Leia mais

HORMÔNIOS SEXUAIS SISTEMA ENDÓCRINO FISIOLOGIA HUMANA

HORMÔNIOS SEXUAIS SISTEMA ENDÓCRINO FISIOLOGIA HUMANA HORMÔNIOS SEXUAIS SISTEMA ENDÓCRINO FISIOLOGIA HUMANA GLÂNDULAS SEXUAIS GÔNADAS MASCULINAS = TESTÍCULOS GÔNADAS FEMININAS = OVÁRIOS PRODUZEM GAMETAS E HORMÔNIOS SEXUAIS CONTROLE HORMONAL DO SISTEMA TESTÍCULOS

Leia mais

TD DE CIÊNCIAS 8ª. série PROFa. Marjory Tôrres. INTRODUÇÃO À GENÉTICA Os princípios básicos da Hereditariedade

TD DE CIÊNCIAS 8ª. série PROFa. Marjory Tôrres. INTRODUÇÃO À GENÉTICA Os princípios básicos da Hereditariedade TD DE CIÊNCIAS 8ª. série PROFa. Marjory Tôrres INTRODUÇÃO À GENÉTICA Os princípios básicos da Hereditariedade Todas as pessoas são diferentes, cada um é único, apresentam características que são próprias

Leia mais

FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES

FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES SELECTA estrogênios conjugados 0,45 mg acetato de medroxiprogesterona 1,5 mg comprimidos revestidos USO ORAL USO ADULTO FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES Comprimidos revestidos contendo 0,45 mg de estrogênios

Leia mais

Fisiologia humana 0 (parte IV) Hormônios e reprodução. Natália A. Paludetto nataliaapaludetto@gmail.com http://proenem.sites.ufms.

Fisiologia humana 0 (parte IV) Hormônios e reprodução. Natália A. Paludetto nataliaapaludetto@gmail.com http://proenem.sites.ufms. Fisiologia humana 0 (parte IV) Hormônios e reprodução Natália A. Paludetto nataliaapaludetto@gmail.com http://proenem.sites.ufms.br/ Sistema Endócrino Composto pelas glândulas endócrinas integra e regula

Leia mais

MÉTODOS CONTRACEPTIVOS

MÉTODOS CONTRACEPTIVOS MÉTODOS CONTRACEPTIVOS MÉTODOS CONTRACEPTIVOS 1. MÉTODOS COMPORTAMENTAIS Os métodos contraceptivos são utilizados por pessoas que têm vida sexual ativa e querem evitar uma gravidez. Além disso, alguns

Leia mais

Doenças Sexualmente Transmissíveis (pág. 273)

Doenças Sexualmente Transmissíveis (pág. 273) Doenças Sexualmente Transmissíveis (pág. 273) -DST (no passado conhecidas como doenças venéreas ou doenças de rua ); - São doenças transmitidas por meio de ato sexual ou contato com sangue do doente; -

Leia mais

Planejamento Familiar: Um Manual Global para Profissionais e Serviços de Saúde

Planejamento Familiar: Um Manual Global para Profissionais e Serviços de Saúde Planejamento Familiar: Um Manual Global para Profissionais e Serviços de Saúde : / Instruções sobre a atualização do manual Se está atualizando a partir de uma impressão de, considere todas as alterações

Leia mais