Indicador de qualidade do mercado de trabalho da Região Metropolitana de Salvador

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Indicador de qualidade do mercado de trabalho da Região Metropolitana de Salvador"

Transcrição

1 ÍNDICE DE qualidade DO MERCADO DE TRABALHO Nov fev Indicador de qualidade do mercado de trabalho da Região Metropolitana de Salvador O Índice de Qualidade do Mercado de Trabalho da Região Metropolitana de Salvador (IQMT-RMS), indicador desenvolvido pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI) para avaliar a evolução das condições de funcionamento do mercado de trabalho local, apresento, em fevereiro de 2012, a marca de 71. O resultado é o melhor para o mês em destaque, desde dezembro de Calculado com os dados da Pesquisa de Emprego e Desemprego (PEDRMS) 1, o indicador incorpora variáveis de três dimensões: desemprego, inserção ocupacional e rendimento (Tabela 1 em anexo). O IQMT-RMS é divulgado a cada quatro meses e assume valores que variam entre zero e um, sendo que os resultados mostram deterioração das condições de funcionamento do mercado de trabalho ao se aproximarem de zero e melhoria ao se avizinharem de um. O índice do mês de fevereiro de 2012 foi o menor desde abril de 2011 (Gráfico 1). 0,9 abr ago abr ago abr ago abr ago abr ago abr ago abr ago abr ago abr ago abr ago abr ago abr ago abr ago abr ago abr Gráfico 1 Índice de Qualidade do Mercado de Trabalho Região Metropolitana de Salvador -abr A Pesquisa de Emprego e Desemprego na Região Metropolitana de Salvador (PEDRMS) produz informações sobre a estrutura e a dinâmica do mercado de trabalho desta região, através de um levantamento mensal e sistemático sobre o emprego, o desemprego e os rendimentos do trabalho. A PEDRMS permite o acompanhamento de aspectos quantitativos e qualitativos da evolução do mercado de trabalho local. Seus resultados fornecem preciosas informações para a atuação de gestores do setor público, trabalhadores, empresários, estudiosos do mercado de trabalho, dando-lhes elementos essenciais para a tomada de decisões, não apenas no que se refere à área do trabalho, mas também ao campo econômico e à política de emprego de um modo geral. A pesquisa é uma iniciativa do Governo do Estado da Bahia, através da Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), órgão da Secretaria do Planejamento (Seplan), e da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), em parceria com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) e a Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade). Índice de Qualidade do Mercado do Trabalho, Salvador, nov fev

2 O índice parcial do desemprego incorpora a taxa de desemprego total, o tempo médio de procura por ocupação, a taxa de desemprego dos chefes de domicílio e a taxa de participação das pessoas com 10 a 17 anos de idade. O índice parcial da inserção ocupacional, que avalia a qualidade das posições de trabalho, considera o percentual de trabalhadores formais (assalariados do setor privado com carteira de trabalho assinada e do setor público com proteção da previdência social), o tempo médio de permanência no posto de trabalho e a parcela dos trabalhadores que contribuem para a previdência social. Finalmente, o índice parcial da dimensão do rendimento inclui as seguintes variáveis: rendimento médio real por hora trabalhada, o percentual de trabalhadores com rendimento do trabalho igual ou maior que um salário mínimo e o índice de Gini ajustado de modo a que os menores valores representem as distribuições mais concentradas. Resultados dos índices parciais a. Dimensão do desemprego A evolução recente do índice da dimensão do desemprego mostra que ele cresceu entre outubro (42) e dezembro (0,908) de 2011, em razão do aquecimento sazonal do mercado de trabalho no final do ano, e diminuiu nos meses de janeiro e fevereiro (68 e 31, respectivamente) (Gráfico 2). Em relação às variáveis que compõem esta dimensão, observou-se que a taxa de participação de crianças e adolescentes com 10 a 17 anos de idade e a taxa total de desemprego dos chefes de domicílio cresceram entre outubro e fevereiro (no primeiro caso, de 5,9% em outubro para 7,7% em fevereiro e, no segundo caso, de 8,6% para 9,2% no mesmo período); o tempo médio de procura por ocupação diminuiu (de 51 semanas para 46 semanas) e a taxa de desemprego total ficou relativamente estável ao passar de 15,9% em outubro para 15,8% em fevereiro. 1 0,9 0 mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set dez mar jun Desemprego Síntese Gráfico 2 Índice do desemprego e IQMT Região Metropolitana de Salvador -jun b. Dimensão da inserção ocupacional O índice da dimensão da inserção ocupacional cresceu em novembro (12) em relação a outubro (93); diminuiu em dezembro (91) e janeiro (29) e voltou a crescer em fevereiro (84), embora tenha atingido neste último mês um valor inferior ao observado no final do quadrimestre anterior. Entre as variáveis que compõem o índice, o percentual de trabalhadores assalariados formais públicos e privados oscilou de 57,4%, em outubro, para 57,0%, em fevereiro; a parcela dos demais ocupados que contribuem para a previdência social passou de 23,8% para 23,5% no mesmo período, e o tempo médio de permanência na ocupação, de 67,7 meses para 68,6 (Gráfico 3). Índice de Qualidade do Mercado do Trabalho, Salvador, nov fev

3 0,9 0 c. Dimensão dos rendimentos do trabalho No que diz respeito à evolução dos rendimentos do trabalho, o índice setorial apresentou crescimento em relação ao mês anterior em novembro (46 em outubro e 81 em novembro) e reduções sucessivas nos meses de dezembro (72), janeiro (56) e fevereiro (98). A observação dos resultados das variáveis incluídas no índice destaca o decréscimo do rendimento médio real por hora de trabalho entre os meses de outubro (R$ 5,78/hora) e fevereiro (R$ 5,71/hora), melhoria na distribuição dos rendimentos, expressa pela redução do índice de Gini de 42 para 35, e redução do percentual de pessoas com rendimentos mensais iguais ou superiores ao salário mínimo, de 8% em outubro para 78,3% em fevereiro, refletindo os ajustes ao recente aumento do salário mínimo (Gráfico 4). 0,9 0 mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set dez mar jun mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set mar jun set dez mar jun Inserção Síntese Gráfico 3 Índice da inserção ocupacional e IQMT Região Metropolitana de Salvador -jun Rendimento Síntese Gráfico 4 Índice do rendimento e IQMT Região Metropolitana de Salvador jun Índice de Qualidade do Mercado do Trabalho, Salvador, nov fev

4 Em suma, embora se observem reduções de valores no IQMT-RMS nos dois últimos meses do quadrimestre novembro/fevereiro, parcialmente explicáveis pela sazonalidade que atinge o mercado de trabalho neste período, o indicador parcial do desemprego persiste com as marcas mais elevadas entre as dimensões estudadas. A rigor, a tendência de melhorias nos indicadores desta dimensão e seus efeitos positivos na qualidade do mercado de trabalho persistem desde meados de 2003, em que pesem as flutuações. O indicador parcial da inserção produtiva, que avalia a qualidade das posições de trabalho, foi favorecido pela tendência à formalização do trabalho assalariado no setor privado, embora nesses meses o trabalho autônomo sem proteção social também tenha crescido. Finalmente, os valores da dimensão dos rendimentos do trabalho continuam com o desempenho mais fraco. Em parte, os efeitos positivos do forte aumento do salário mínimo em janeiro sobre a estrutura dos rendimentos ainda não haviam se difundido totalmente. Além disso, a forma como a PED coleta este quesito contribui para que a apreensão destes efeitos não seja imediata. Metodologia do índice A fim de construir o IQMT-RMS, foram adotados alguns procedimentos. O primeiro, com base na revisão da literatura sobre mercado de trabalho nacional e regional, foi definir quais seriam as dimensões do mercado de trabalho da RMS que poderiam dar conta de explicar e apontar as tendências da sua evolução. O segundo foi estabelecer as variáveis que poderiam ser escolhidas para explicá-las e os pesos relativos que deveriam ser atribuídos a cada uma delas. Além disso, instituiu-se o método mais adequado para a construção de um índice desse tipo. Um conjunto de variáveis permitiu a construção de índices-síntese para cada uma das dimensões destacadas (ocupação, desemprego e rendimento), sendo importante, para que isso ocorresse, que todos os componentes apontassem para uma mesma direção, ou seja, que estivessem emparelhados, como lembrado por De Toni (2008). Na construção do índice-síntese, também foi adotada a metodologia proposta por De Toni (2008). Para as estatísticas em que o seu aumento indica melhoria do mercado de trabalho, foi adotada a seguinte fórmula: IQMT-RMS = ( X X min) ( X max X min), onde X = valor da estatística no mês. Xmin = valor mínimo em toda a série. Xmax = valor máximo em toda a série. Para as estatísticas cujo aumento indica piora do mercado de trabalho, foi adotada a seguinte fórmula: ( X X max ) IQMT-RMS = ( X min X max ) Na composição dos índices parciais de cada dimensão, o peso das variáveis foi obtido mediante simulações da importância atribuída a cada uma delas, por apresentarem melhor aderência ao modelo e melhor comportamento da curva que representa o índice. Os pesos adotados foram os seguintes: Índice de Qualidade do Mercado do Trabalho, Salvador, nov fev

5 Variável Pesos Xmin Xmax Taxa de desemprego total 0 13,6 30,0 Taxa de desemprego do chefe do domicílio 0 7,1 19,0 Tempo de procura 0 29,4 76,7 Taxa de participação das pessoas com até 17 anos de idade 0 5,7 23,6 Percentual de assalariados com carteira de trabalho assinada 0 41,9 58,4 Percentual de outros trabalhadores com contribuição à previdência social 5 15,8 23,7 Tempo médio de permanência na atual ocupação 5 62,8 82,5 Rendimento médio real por hora 0 4,4 6,8 Percentual de trabalhadores recebendo mais de um salário mínimo 0 76,1 85,8 Índice de Gini 0 Quadro Pesos e valores máximos e mínimos das variáveis selecionadas Também foi calculado, com os microdados da PEDRMS, o índice de Gini. Entretanto, para que ele permanecesse na mesma direção dos índices computados dentro da dimensão rendimento, após o seu cálculo, subtraiu-se a unidade. O índice de Gini é utilizado para medir a desigualdade de rendimento entre os indivíduos. Seu valor está entre zero (perfeita igualdade) e um (perfeita desigualdade). Pode ser calculado de forma direta pela seguinte fórmula: K = n - 1 G= 1 Σ (X K+1 X K ) (Y K+1 Y K ) K = 1 Na qual: G = índice de Gini. X = proporção acumulada da população ocupada. Y = proporção acumulada do rendimento do trabalho principal do indivíduo. k = faixas da população e da variável renda do trabalho principal do indivíduo, k = 1, 2,.... Em relação aos microdados, optou-se pelos da PEDRMS, por conterem um valioso conjunto de informações acerca desse mercado de trabalho. Empregou-se a série de dados disponíveis, referentes aos anos de outubro de 1996 a A PEDRMS tem como unidade amostral o domicílio da área urbana dos dez municípios que compõem esta região: Camaçari, Candeias, Dias D Ávila, Itaparica, Lauro de Freitas, Madre de Deus, Salvador, São Francisco do Conde, Simões Filho e Vera Cruz. Esses municípios estão subdivididos em 17 distritos, 22 subdistritos, 165 zonas de informação (ZI) e setores censitários (SC). A metodologia de sorteio produz uma amostra equiproporcional em dois estágios, sendo os setores censitários sorteados dentro de cada ZI, e os domicílios, dentro de cada SC. As informações de interesse da pesquisa são coletadas mensalmente através de entrevistas realizadas com os moradores de dez anos de idade ou mais, em aproximadamente domicílios, que representam uma fração amostral de 5% do total de domicílios da RMS. Os resultados são divulgados mensalmente e expressam médias trimestrais móveis dos indicadores produzidos. Isto significa que as informações referentes a determinado mês representam a média dos dados coletados no último mês e nos dois meses que o antecederam. Esse procedimento foi adotado para todas as variáveis utilizadas na elaboração dos índices. Índice de Qualidade do Mercado do Trabalho, Salvador, nov fev

6 Os principais conceitos envolvidos na PED são os seguintes: PIA População em idade ativa: corresponde à população com dez anos ou mais. PEA População economicamente ativa: parcela da PIA ocupada ou desempregada Ocupados São os indivíduos que: Possuem trabalho remunerado exercido regularmente. Possuem trabalho remunerado exercido de forma irregular, desde que não estejam procurando trabalho diferente do atual. Excluem-se as pessoas que, não tendo procurado trabalho, exerceram de forma excepcional algum trabalho nos últimos 30 dias. Possuem trabalho não remunerado de ajuda em negócios de parentes, ou remunerado em espécie ou benefício, sem procura de trabalho. Desempregados São os indivíduos que se encontram numa das seguintes situações: Desemprego aberto: pessoas que procuraram trabalho de modo efetivo nos 30 dias anteriores ao da entrevista e não exerceram nenhum trabalho nos últimos sete dias. Desemprego oculto: (i) por trabalho precário: pessoas que realizam de forma irregular, ou seja, em caráter ocasional e eventual, algum trabalho remunerado (ou pessoas que realizam trabalho não remunerado em ajuda a negócios de parentes) e que procuraram mudar de trabalho nos 30 dias anteriores ao da entrevista, ou que, não tendo procurado neste período, o fizeram até 12 meses atrás; (ii) por desalento: pessoas que não possuem trabalho e nem procuraram nos últimos 30 dias, por desestímulos do mercado de trabalho ou por circunstâncias fortuitas, mas procuraram efetivamente trabalho nos últimos 12 meses. Inativos (maiores de 10 anos) Correspondem à parcela da PIA que não está ocupada ou desempregada. Rendimentos do trabalho É captado o rendimento monetário bruto (sem descontos de imposto de renda e previdência), efetivamente recebido, referente ao trabalho realizado no mês imediatamente anterior ao da pesquisa. Para os assalariados, são considerados os descontos por falta, ou acréscimos devido a horas extras, gratificações etc. Não são computados o 13º salário e os benefícios indiretos. Para os empregadores, autônomos e demais posições, é considerada a retirada mensal. Índice de Qualidade do Mercado do Trabalho, Salvador, nov fev

7 Anexo Tabela Índices do desemprego, da inserção ocupacional do rendimento e síntese do mercado de trabalho RMS abr Período Dimensão do desemprego Dimensão da inserção ocupacional Dimensão do rendimento Índice de Qualidade do Mercado de Trabalho Fevereiro Fevereiro Fevereiro Fevereiro Fevereiro Fevereiro Fevereiro Fevereiro Fevereiro Fevereiro Fevereiro Fevereiro Fevereiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro 0, Janeiro , Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro 0, Janeiro Fevereiro Governo do Estado da Bahia Jaques Wagner Secretaria do Planejamento (Seplan) José Sergio Grabrielli Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI) Geraldo Reis Diretoria de Pesquisas (Dipeq) Armando Affonso de Castro Neto Coordenação de Pesquisas Sistemáticas e Especiais (Copese) Maria do Socorro Borba de Souza Elaboração Técnica Luiz Chateaubriand Cavalcanti dos Santos Coordenação de Biblioteca e Documentação (Cobi) Normalização Eliana Marta Gomes Silva Sousa Coordenação de Disseminação de Informações (Codin) Ana Paula Porto Editoria-geral Elisabete Cristina Teixeira Barretto Revisão de Linguagem Calixto Sabatini Editoria de Arte Ludmila Nagamatsu Projeto Gráfico Vinícius Luz Editoração Leonardo Lorenzo Índice de Qualidade do Mercado do Trabalho, Salvador, nov fev

REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR SETEMBRO DE 2008 TAXA DE DESEMPREGO MANTÉM DECLÍNIO NA RMS

REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR SETEMBRO DE 2008 TAXA DE DESEMPREGO MANTÉM DECLÍNIO NA RMS REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR SETEMBRO DE 2008 E TAXA DE DESEMPREGO MANTÉM DECLÍNIO NA RMS m setembro, a Pesquisa de Emprego e Desemprego, realizada na Região Metropolitana de Salvador (RMS), apresentou

Leia mais

CRESCE O DESEMPREGO NA GRANDE FORTALEZA

CRESCE O DESEMPREGO NA GRANDE FORTALEZA PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA 1 MARÇO DE 2015 Ano 8 Divulgação Nº03 CRESCE O DESEMPREGO NA GRANDE FORTALEZA As informações captadas pela Pesquisa de Emprego e Desemprego

Leia mais

Aumento da ocupação e do rendimento médio real e redução da taxa de desemprego melhoram a inserção das mulheres no mercado de trabalho da RMS, em 2014

Aumento da ocupação e do rendimento médio real e redução da taxa de desemprego melhoram a inserção das mulheres no mercado de trabalho da RMS, em 2014 A INSERÇÃO DA MULHER NO MERCADO DE TRABALHO DA REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR Março de 2015 Aumento da ocupação e do rendimento médio real e redução da taxa de desemprego melhoram a inserção das mulheres

Leia mais

A inserção da população negra no mercado de trabalho da Região Metropolitana de Salvador

A inserção da população negra no mercado de trabalho da Região Metropolitana de Salvador PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR Resultados de 2013 Divulgação: Novembro de 2014 A inserção da população negra no mercado de trabalho da Região Metropolitana de Salvador

Leia mais

Aumenta a taxa de desemprego

Aumenta a taxa de desemprego PED JANEIRO DE 2012 PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO DIVULGAÇÃO N o 326 Aumenta a taxa de desemprego Diminui o nível de ocupação na Indústria e no Comércio Pequeno crescimento

Leia mais

PEQUENO AUMENTO DA TAXA DE DESEMPREGO NO DISTRITO FEDERAL

PEQUENO AUMENTO DA TAXA DE DESEMPREGO NO DISTRITO FEDERAL MERCADO DE TRABALHO DISTRITO FEDERAL Ano 24 Nº 01 Resultados de janeiro de 2015 PEQUENO AUMENTO DA TAXA DE DESEMPREGO NO DISTRITO FEDERAL 1. De acordo com a Pesquisa de Emprego e Desemprego PED, a taxa

Leia mais

LIGEIRO CRESCIMENTO DA TAXA DE DESEMPREGO

LIGEIRO CRESCIMENTO DA TAXA DE DESEMPREGO MERCADO DE TRABALHO DISTRITO FEDERAL Ano 24 Nº 09 Resultados de setembro de 2015 LIGEIRO CRESCIMENTO DA TAXA DE DESEMPREGO 1. As informações da Pesquisa de Emprego e Desemprego no PED-DF, realizada pela

Leia mais

Desemprego cresceu no conjunto das regiões

Desemprego cresceu no conjunto das regiões Desemprego cresceu no conjunto das regiões SETEMBRO DE 2015 As informações captadas pela Pesquisa de Emprego e Desemprego revelam que a taxa de desemprego aumentou nas cinco regiões pesquisadas. O DIEESE

Leia mais

PERFIL DOS TRABALHADORES NA CONSTRUÇÃO CIVIL NO ESTADO DA BAHIA

PERFIL DOS TRABALHADORES NA CONSTRUÇÃO CIVIL NO ESTADO DA BAHIA PERFIL DOS TRABALHADORES NA CONSTRUÇÃO CIVIL NO ESTADO DA BAHIA SETEMBRO /2012 ÍNDICE INTRODUÇÃO 3 1. Dimensão e características da ocupação no setor da construção civil no Brasil e na Bahia (2000 e 2010)...

Leia mais

O TRABALHO POR CONTA PRÓPRIA NA CONSTRUÇÃO CIVIL

O TRABALHO POR CONTA PRÓPRIA NA CONSTRUÇÃO CIVIL Nº 5 Fevereiro 2011 O TRABALHO POR CONTA PRÓPRIA NA CONSTRUÇÃO CIVIL O desenvolvimento capitalista no Brasil alcançou um impulso formidável no século passado, dotando, em curto espaço de tempo, uma economia

Leia mais

Boletim PNAD Resultados da PNAD 2011 Educação Junho de 2013

Boletim PNAD Resultados da PNAD 2011 Educação Junho de 2013 Boletim PNAD Resultados da PNAD 2011 Educação Junho de 2013 RESULTADOS DA PNAD 2011 EDUCAÇÃO Apresentação 2 Governo do Estado da Bahia Jaques Wagner Secretaria do Planejamento (Seplan) José Sergio Gabrielli

Leia mais

PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO. Comércio e Serviços sustentam crescimento da ocupação

PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO. Comércio e Serviços sustentam crescimento da ocupação PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO DIVULGAÇÃO N o 277 266 DEZEMBRO DE 2007 Taxa de desemprego total diminui para 13,5% Comércio e Serviços sustentam crescimento da ocupação

Leia mais

PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO

PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO PED Março DE 2014 PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO DIVULGAÇÃO N o 352 Em movimento típico para o período, cresce a taxa de desemprego Nível de ocupação se reduz na Indústria

Leia mais

APÓS CINCO MESES EM RELATIVA ESTABILIDADE, DESEMPREGO VOLTA A CRESCER

APÓS CINCO MESES EM RELATIVA ESTABILIDADE, DESEMPREGO VOLTA A CRESCER PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA 1 AGOSTO DE 2015 Ano 8 Divulgação Nº 08 APÓS CINCO MESES EM RELATIVA ESTABILIDADE, DESEMPREGO VOLTA A CRESCER As informações da Pesquisa

Leia mais

OS NEGROS NO MERCADO DE TRABALHO DA RMBH EM 2007

OS NEGROS NO MERCADO DE TRABALHO DA RMBH EM 2007 MERCADO DE TRABALHO DA REGIÃO METROPOLITANA DE BELO HORIZONTE ESPECIAL NEGROS Novembro de 2008 NOVEMBRO de 2008 OS NEGROS NO MERCADO DE TRABALHO DA RMBH EM 2007 Na Região Metropolitana de Belo Horizonte

Leia mais

Mercado de Trabalho nas Regiões Metropolitanas em 2015

Mercado de Trabalho nas Regiões Metropolitanas em 2015 Mercado de Trabalho nas Regiões Metropolitanas em 2015 As informações captadas pela Pesquisa de Emprego e Desemprego mostram que a taxa de desemprego cresceu nas regiões metropolitanas pesquisadas. O DIEESE

Leia mais

A inserção das mulheres nos mercados de trabalho metropolitanos e a desigualdade nos rendimentos

A inserção das mulheres nos mercados de trabalho metropolitanos e a desigualdade nos rendimentos A INSERÇÃO DA MULHER NO MERCADO DE TRABALHO MARÇO 2013 A inserção das mulheres nos mercados de trabalho metropolitanos e a desigualdade nos rendimentos De maneira geral, as mulheres enfrentam grandes dificuldades

Leia mais

PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO

PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO MARÇO DE 2009 DIVULGAÇÃO DIVULGAÇÃO N o 292 N o 266 Desemprego cresce, mas indústria e serviços param de demitir Demissões no Comércio

Leia mais

O Desemprego manteve relativa estabilidade em quatro regiões

O Desemprego manteve relativa estabilidade em quatro regiões O Desemprego manteve relativa estabilidade em quatro regiões NOVEMBRO DE 2015 As informações captadas pela Pesquisa de Emprego e Desemprego revelam que a taxa de desemprego permaneceu relativamente estável

Leia mais

Empreendedorismo do Rio de Janeiro: Conjuntura e Análise n.5 Marolinha carioca - Crise financeira praticamente não chegou ao Rio

Empreendedorismo do Rio de Janeiro: Conjuntura e Análise n.5 Marolinha carioca - Crise financeira praticamente não chegou ao Rio Empreendedorismo do Rio de Janeiro: Conjuntura e Análise n.5 Marolinha carioca - Crise financeira praticamente não chegou ao Rio Equipe: André Urani (editor responsável) Adriana Fontes Luísa Azevedo Sandro

Leia mais

Cesta Básica DIEESE/PROCON atinge o maior valor de sua história. Gráfico 1 Cesta Básica DIEESE/PROCON Valor Diário (EM URV/Real) 190,00 2º. Sem.

Cesta Básica DIEESE/PROCON atinge o maior valor de sua história. Gráfico 1 Cesta Básica DIEESE/PROCON Valor Diário (EM URV/Real) 190,00 2º. Sem. ANOTE Informativo Eletrônico do DIEESE Ano 4, N.º. 38 Maio de 2.003 1 CONJUNTURA Cesta Básica DIEESE/PROCON atinge o maior valor de sua história Calculada diariamente desde março de 1990, ou seja, a mais

Leia mais

Informativo PIB Trimestral

Informativo PIB Trimestral Informativo PIB Trimestral v. 1 n. 1 abr. jun. 2010 ISSN 2178-8367 Economia baiana cresce 10,4% no segundo trimestre e acumula alta de 10,0% no 1º semestre No segundo trimestre de 2010, a economia baiana

Leia mais

MERCADO DE TRABALHO NA REGIÃO METROPOLITANA DE BELO HORIZONTE

MERCADO DE TRABALHO NA REGIÃO METROPOLITANA DE BELO HORIZONTE MERCADO DE TRABALHO NA REGIÃO METROPOLITANA DE BELO HORIZONTE PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NA JUNHO DE 2014 Redução da taxa de desemprego Ano 20 - Número 6 1. A Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED),

Leia mais

Análise do mercado de trabalho

Análise do mercado de trabalho Análise do mercado de trabalho 1 Introdução Esta análise tem como propósito a apresentação do desempenho do mercado de trabalho brasileiro no primeiro trimestre de 2010 com base, principalmente, nos indicadores

Leia mais

PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO PED / DIEESE / SEADE REFERÊNCIA: Fevereiro de 2015

PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO PED / DIEESE / SEADE REFERÊNCIA: Fevereiro de 2015 SÍNTESE / BOLETIM DA PED / FEVEREIRO 2015 RESULTADOS DAS REGIÕES METROPOLITANAS A Pesquisa de Emprego e Desemprego PED, em sua metodologia, cobre as regiões metropolitanas de Belo Horizonte, Porto Alegre,

Leia mais

PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NO DISTRITO FEDERAL JULHO DE 2010. Taxa de desemprego mantém tendência de queda

PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NO DISTRITO FEDERAL JULHO DE 2010. Taxa de desemprego mantém tendência de queda PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NO DISTRITO FEDERAL JULHO DE 2010 Taxa de desemprego mantém tendência de queda A taxa de desemprego total no Distrito Federal recuou de 14,0%, em junho, para os atuais

Leia mais

PED-RMPA INFORME ESPECIAL IDOSOS

PED-RMPA INFORME ESPECIAL IDOSOS A POPULAÇÃO IDOSA NO MERCADO DE TRABALHO DA REGIÃO METROPOLITANA DE PORTO ALEGRE SETEMBRO - 2008 PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NA REGIÃO METROPOLITANA DE PORTO ALEGRE PED-RMPA INFORME ESPECIAL IDOSOS

Leia mais

AGOSTO DE 2014 * Taxa de desemprego em relativa estabilidade

AGOSTO DE 2014 * Taxa de desemprego em relativa estabilidade MERCADO DE TRABALHO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO AGOSTO DE 2014 * Taxa de desemprego em relativa estabilidade Nível de ocupação aumenta na Indústria de Transformação, mantém-se relativamente estável

Leia mais

Salários na Construção Civil nos anos 2000: entre a formalização e a rotatividade

Salários na Construção Civil nos anos 2000: entre a formalização e a rotatividade Dezembro 2011 Nº 6 Salários na Construção Civil nos anos 2000: entre a formalização e a rotatividade Durante a década de 1990, com o enfraquecimento das instituições reguladoras da economia e da sociedade

Leia mais

PED ABC Novembro 2015

PED ABC Novembro 2015 PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NA REGIÃO DO ABC 1 Novembro 2015 OS NEGROS NO MERCADO DE TRABALHO DA REGIÃO DO ABC Diferenciais de inserção de negros e não negros no mercado de trabalho em 2013-2014 Dia

Leia mais

Manutenção das desigualdades nas condições de inserção

Manutenção das desigualdades nas condições de inserção A INSERÇÃO DA MULHER NO MERCADO DE TRABALHO DA REGIÃO METROPOLITANA DE BELO HORIZONTE MARÇO 2014 Manutenção das desigualdades nas condições de inserção De maneira geral, as mulheres enfrentam grandes dificuldades

Leia mais

B R A S I L EMERGENTE E X P E C T A T I V A D E V I D A E C O N S U M O E M 2 0 1 5

B R A S I L EMERGENTE E X P E C T A T I V A D E V I D A E C O N S U M O E M 2 0 1 5 B R A S I L EMERGENTE E X P E C T A T I V A D E V I D A E C O N S U M O E M 2 0 1 5 O I N V E S T I M E N T O P E L A L Ó G I C A D A D E M A N D A R E N A T O M E I R E L L E S r e n a t o @ d a t a p

Leia mais

Ano 3 Nº 37 Novembro de 2007. Escolaridade e Trabalho: desafios para a população negra nos mercados de trabalho metropolitanos

Ano 3 Nº 37 Novembro de 2007. Escolaridade e Trabalho: desafios para a população negra nos mercados de trabalho metropolitanos Ano 3 Nº 37 Novembro de 2007 Escolaridade e Trabalho: desafios para a população negra nos mercados de trabalho metropolitanos Escolaridade e Trabalho: desafios para a população negra nos mercados de trabalho

Leia mais

Boletim Especial do Caged. Construção Civil

Boletim Especial do Caged. Construção Civil Boletim Especial do Caged Construção Civil Construção Civil lidera o mercado formal na Bahia ESTADO RESPONDE POR PRATICAMENTE 60% DAS VAGAS CRIADAS PELO SETOR NO NORDESTE Governo do Estado da Bahia Jaques

Leia mais

CRESCIMENTO DO SETOR DA CONSTRUÇÃO CIVIL FAVORECE A EXPANSÃO DE POSTOS DE TRABALHO E DO RENDIMENTO

CRESCIMENTO DO SETOR DA CONSTRUÇÃO CIVIL FAVORECE A EXPANSÃO DE POSTOS DE TRABALHO E DO RENDIMENTO Nº 4 Outubro CRESCIMENTO DO SETOR DA CONSTRUÇÃO CIVIL FAVORECE A EXPANSÃO DE POSTOS DE TRABALHO E DO RENDIMENTO Em, a retomada do crescimento econômico em patamar superior ao verificado nos últimos anos

Leia mais

Decomposição da Inflação de 2011

Decomposição da Inflação de 2011 Decomposição da de Seguindo procedimento adotado em anos anteriores, este boxe apresenta estimativas, com base nos modelos de projeção utilizados pelo Banco Central, para a contribuição de diversos fatores

Leia mais

REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR MARÇO DE 2008 TAXA DE DESEMPREGO RELATIVAMENTE ESTÁVEL NA RMS

REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR MARÇO DE 2008 TAXA DE DESEMPREGO RELATIVAMENTE ESTÁVEL NA RMS REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR MARÇO DE 2008 TAXA DE DESEMPREGO RELATIVAMENTE ESTÁVEL NA RMS 1. Em março a Pesquisa de Emprego e Desemprego, realizada na Região Metropolitana de Salvador (RMS), revela

Leia mais

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - Síntese

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - Síntese 2014 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - Síntese Dieese Subseção Força Sindical 19/09/2014 PESQUISA NACIONAL POR AMOSTRA DE DOMICILIOS - PNAD 2013 Síntese dos Indicadores POPULAÇÃO A Pesquisa

Leia mais

Pesquisa Mensal de Emprego

Pesquisa Mensal de Emprego Pesquisa Mensal de Emprego Rio de Janeiro, 28 de janeiro de 2016. PME Retrospectiva 2003-2015 13 anos Diretoria de Pesquisas Coordenação de Trabalho e Rendimento 1 (IBGE / DPE / COREN) 1 Rio de Janeiro,

Leia mais

PRODUTIVIDADE E A PESQUISA ANUAL DE SERVIÇOS NA HOTELARIA E GASTRONOMIA BRASILEIRA

PRODUTIVIDADE E A PESQUISA ANUAL DE SERVIÇOS NA HOTELARIA E GASTRONOMIA BRASILEIRA PRODUTIVIDADE E A PESQUISA ANUAL DE SERVIÇOS NA HOTELARIA E GASTRONOMIA BRASILEIRA SUBSÍDIOS ESPECIAIS PARA FERTHORESP / FERTHOTEL FEVEREIRO 2012 - ALOISIO LEÃO DA COSTA...o IBGE realiza anualmente a Pesquisa

Leia mais

Informativo PIB Trimestral

Informativo PIB Trimestral Informativo PIB Trimestral v. 5 n. 1 jan.-mar. 2014 ISSN 2178-8367 Atividade econômica baiana cresce 2,0% no primeiro trimestre de 2014 O recente dado do Produto Interno Bruto a preços de mercado (PIBpm)

Leia mais

TAXA DE DESEMPREGO DIMINUIU PELO SEGUNDO MÊS CONSECUTIVO

TAXA DE DESEMPREGO DIMINUIU PELO SEGUNDO MÊS CONSECUTIVO MERCADO DE TRABALHO NA REGIÃO DO ABC¹ Resultados de outubro² 1 de 2014 TAXA DE DESEMPREGO DIMINUIU PELO SEGUNDO MÊS CONSECUTIVO 1. As informações da Pesquisa de Emprego e Desemprego PED, realizada pela

Leia mais

Promessa: Controlar a Inflação

Promessa: Controlar a Inflação Promessa: Controlar a Inflação Entendimento O Conselho Monetário Nacional define uma meta de inflação anual e uma banda em torno da meta, equivalente a mais ou menos 02 pontos de percentagem. Atualmente

Leia mais

INFORMATIVO MENSAL ANO 01 NÚMERO 14 MARÇO DE 2001 APRESENTAÇÃO

INFORMATIVO MENSAL ANO 01 NÚMERO 14 MARÇO DE 2001 APRESENTAÇÃO INFORMATIVO MENSAL ANO 01 NÚMERO 14 MARÇO DE 2001 APRESENTAÇÃO Neste número apresentamos dados alentadores sobre o mercado de trabalho em nossa região metropolitana. Os dados referentes ao desemprego em

Leia mais

Índice de Confiança da Indústria Pernambucana mantém-se em queda em julho

Índice de Confiança da Indústria Pernambucana mantém-se em queda em julho Outubro de 2009 Julho de 2012 Índice de Confiança da Indústria Pernambucana mantém-se em queda em julho O Índice de Confiança da Indústria de Transformação de Pernambuco (ICI-PE) volta a recuar em julho

Leia mais

Fundação SEADE. www.seade.gov.br

Fundação SEADE. www.seade.gov.br Agosto de 0 N o 0 Fecundidade continua em queda em São Paulo A taxa de fecundidade, no Estado de São Paulo, chegou a, fi lho por mulher, em 009, o que representa metade da registrada em 980 (3, fi lhos

Leia mais

A MULHER TRABALHADORA NO SETOR DA HOTELARIA E GASTRONOMIA EM SÃO PAULO E NO BRASIL

A MULHER TRABALHADORA NO SETOR DA HOTELARIA E GASTRONOMIA EM SÃO PAULO E NO BRASIL A MULHER TRABALHADORA NO SETOR DA HOTELARIA E GASTRONOMIA EM SÃO PAULO E NO BRASIL Um estudo de perfil sócio-econômico para subsidiar ações estratégicas na categoria MARÇO DE 2010 ALOISIO LEÃO DA COSTA

Leia mais

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O ABERDEEN BRASIL EQUITY FUNDO DE INVESTIMENTO AÇÕES

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O ABERDEEN BRASIL EQUITY FUNDO DE INVESTIMENTO AÇÕES LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O CNPJ/MF: Informações referentes a Dezembro de 2015 Esta lâmina contém um resumo das informações essenciais sobre o ABERDEEN BRASIL EQUITY FUNDO DE INVESTIMENTO

Leia mais

Energia Elétrica: Previsão da Carga dos Sistemas Interligados 2 a Revisão Quadrimestral de 2004

Energia Elétrica: Previsão da Carga dos Sistemas Interligados 2 a Revisão Quadrimestral de 2004 Energia Elétrica: Previsão da Carga dos Sistemas Interligados 2 a Revisão Quadrimestral de 2004 Período 2004/2008 INFORME TÉCNICO PREPARADO POR: Departamento de Estudos Energéticos e Mercado, da Eletrobrás

Leia mais

Pesquisa Mensal de Emprego - PME

Pesquisa Mensal de Emprego - PME Pesquisa Mensal de Emprego - PME abril/2015 21 de maio de 2015 Secretaria de Política Econômica 1(28) Resumo dos Principais Indicadores Sem ajuste sazonal Com ajuste sazonal fev/15 mar/15 jan/15 fev/15

Leia mais

INFORMA DIEESE agosto/2008

INFORMA DIEESE agosto/2008 INFORMA DIEESE Nº. 74 AGOSTO/2008 1 INFORMA DIEESE agosto/2008 A INFLAÇÃO RECENTE E AS CAMPANHAS SALARIAIS A inflação voltou? Como ficam as campanhas salariais dos trabalhadores? Com o objetivo de discutir

Leia mais

Taxa de desemprego se eleva

Taxa de desemprego se eleva MERCADO DE TRABALHO NA REGIÃO DO ABC 1 Taxa de desemprego se eleva 1. As informações da Pesquisa de Emprego e Desemprego - PED, realizada pela Fundação Seade e pelo Dieese, em parceria com o Consórcio

Leia mais

A INSERÇÃO DOS NEGROS NOS MERCADOS DE TRABALHO METROPOLITANOS

A INSERÇÃO DOS NEGROS NOS MERCADOS DE TRABALHO METROPOLITANOS OS NEGROS NOS MERCADOS DE TRABALHO METROPOLITANOS NOVEMBRO DE 2013 A INSERÇÃO DOS NEGROS NOS MERCADOS DE TRABALHO METROPOLITANOS A sociedade brasileira comemora, no próximo dia 20 de novembro, o Dia da

Leia mais

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O MB HORIZONTE FIC FIA

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O MB HORIZONTE FIC FIA LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O CNPJ: Informações referentes a Janeiro de 2016 Esta lâmina contém um resumo das informações essenciais sobre o As informações completas sobre esse fundo podem ser

Leia mais

Relatório Trimestral de Supervisão das Bases de Dados Desempenho das Atividades: Janeiro a Março de 2007

Relatório Trimestral de Supervisão das Bases de Dados Desempenho das Atividades: Janeiro a Março de 2007 Relatório Trimestral de Supervisão das Bases de Dados Desempenho das Atividades: Janeiro a Março de 2007 Convênio MTE/SPPE/CODEFAT 098/2005 Primeiro Termo Aditivo RELATÓRIO TRIMESTRAL DE SUPERVISÃO DAS

Leia mais

O EMPREGO DOMÉSTICO. Boletim especial sobre o mercado de trabalho feminino na Região Metropolitana de São Paulo. Abril 2007

O EMPREGO DOMÉSTICO. Boletim especial sobre o mercado de trabalho feminino na Região Metropolitana de São Paulo. Abril 2007 O EMPREGO DOMÉSTICO Boletim especial sobre o mercado de trabalho feminino na Abril 2007 Perfil de um emprego que responde por 17,7% do total da ocupação feminina e tem 95,9% de seus postos de trabalho

Leia mais

Melhora nos indicadores da presença feminina no mercado de trabalho não elimina desigualdades

Melhora nos indicadores da presença feminina no mercado de trabalho não elimina desigualdades A INSERÇÃO DA MULHER NO MERCADO DE TRABALHO DE PORTO ALEGRE NOS ANOS 2000 Boletim Especial: Dia Internacional das Mulheres MARÇO/2010 Melhora nos indicadores da presença feminina no mercado de trabalho

Leia mais

Dezembro de 2014 * INTERROMPE-SE A RECUPERAÇÃO DO NÍVEL OCUPACIONAL

Dezembro de 2014 * INTERROMPE-SE A RECUPERAÇÃO DO NÍVEL OCUPACIONAL MERCADO DE TRABALHO NA REGIÃO METROPOLITANA DE PORTO ALEGRE Ano 23 - Número 12 Dezembro de 2014 * INTERROMPE-SE A RECUPERAÇÃO DO NÍVEL OCUPACIONAL As informações captadas pela Pesquisa de Emprego e Desemprego

Leia mais

INTENÇÃO DE CONSUMO DAS FAMÍLIAS - ICF

INTENÇÃO DE CONSUMO DAS FAMÍLIAS - ICF INTENÇÃO DE CONSUMO DAS FAMÍLIAS - ICF Goiânia GO Janeiro 2010 SUMÁRIO Tabela 1 - Síntese dos Resultados 3 Tabela 2 - Variações percentuais sobre o mês anterior 3 Análise dos Resultados 4 Tabela 3 - Intenção

Leia mais

3 O Panorama Social Brasileiro

3 O Panorama Social Brasileiro 3 O Panorama Social Brasileiro 3.1 A Estrutura Social Brasileira O Brasil é um país caracterizado por uma distribuição desigual de renda. Segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostragem de Domicílios

Leia mais

13º salário deve injetar R$ 158 bilhões na economia

13º salário deve injetar R$ 158 bilhões na economia 1 São Paulo, 04 de novembro de 2014 13º salário deve injetar R$ 158 bilhões na economia NOTA À IMPRENSA Até dezembro de 2014, estima-se que deverão ser injetados na economia brasileira cerca de R$ 158

Leia mais

ipea PESQUISA MENSAL DE EMPREGO NA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA INTRODUÇÃO

ipea PESQUISA MENSAL DE EMPREGO NA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA INTRODUÇÃO PESQUISA MENSAL DE EMPREGO NA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA Sachiko Araki Lira* Paulo Roberto Delgado** INTRODUÇÃO O objetivo desta nota é fazer uma breve apresentação do comportamento do mercado de

Leia mais

O MERCADO DE TRABALHO NO AGLOMERADO URBANO SUL

O MERCADO DE TRABALHO NO AGLOMERADO URBANO SUL O MERCADO DE TRABALHO NO AGLOMERADO URBANO SUL Abril /2007 O MERCADO DE TRABALHO NO AGLOMERADO URBANO SUL A busca de alternativas para o desemprego tem encaminhado o debate sobre a estrutura e dinâmica

Leia mais

OS NEGROS NOS MERCADOS DE TRABALHO METROPOLITANOS NOVEMBRO DE 2015

OS NEGROS NOS MERCADOS DE TRABALHO METROPOLITANOS NOVEMBRO DE 2015 OS NEGROS NOS MERCADOS DE TRABALHO METROPOLITANOS NOVEMBRO DE 2015 OS NEGROS NOS MERCADOS DE TRABALHO METROPOLITANOS E m comemoração ao 20 de novembro, consagrado como o Dia da Consciência Negra, o DIEESE

Leia mais

MERCADO DE TRABALHO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR

MERCADO DE TRABALHO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR MERCADO DE TRABALHO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR Resultados de abril de 2017 Taxa de desemprego estável na RMS 1. As informações captadas pela Pesquisa de Emprego e Desemprego, realizada pela SEI,

Leia mais

MERCADO DE TRABALHO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR

MERCADO DE TRABALHO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR MERCADO DE TRABALHO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR Resultados de fevereiro de 2017 Taxa de desemprego diminui na RMS 1. As informações captadas pela Pesquisa de Emprego e Desemprego, realizada pela

Leia mais

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER ESTRUTURADO BOLSA EUROPEIA 3 MULTIMERCADO 11.714.787/0001-70 Informações referentes a Maio de 2016

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER ESTRUTURADO BOLSA EUROPEIA 3 MULTIMERCADO 11.714.787/0001-70 Informações referentes a Maio de 2016 LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER ESTRUTURADO BOLSA EUROPEIA 3 MULTIMERCADO 11.714.787/0001-70 Informações referentes a Maio de 2016 Esta lâmina contém um resumo das informações essenciais

Leia mais

Promessa: Manter os salários dos trabalhadores com ganhos reais acima da inflação.

Promessa: Manter os salários dos trabalhadores com ganhos reais acima da inflação. Promessa: Manter os salários dos trabalhadores com ganhos reais acima da inflação. Entendimento: Que, em cada mês do mandato da Presidente Dilma Rousseff, sejam satisfeitas simultaneamente as seguintes

Leia mais

Formalização das relações de trabalho

Formalização das relações de trabalho PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO MAIO DE 2015 Formalização das relações de trabalho SÚMARIO EXECUTIVO O aumento da proporção de ocupações com relações de trabalho formalizadas,

Leia mais

MUDANÇAS NA RELAÇÃO ENTRE A PME E A PED COM A NOVA METODOLOGIA DA PME

MUDANÇAS NA RELAÇÃO ENTRE A PME E A PED COM A NOVA METODOLOGIA DA PME MUDANÇAS NA RELAÇÃO ENTRE A PME E A PED COM A NOVA METODOLOGIA DA PME Maurício Cortez Reis Professor do Dept de Economia da PUC - Rio 1 INTRODUÇÃO A Pesquisa Mensal de Emprego (PME), realizada pelo IBGE

Leia mais

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo.

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo. 1 MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo Maio/ 2014 Metodologia 2 Metodologia 3 Técnica Pesquisa quantitativa,

Leia mais

número 3 maio de 2005 A Valorização do Real e as Negociações Coletivas

número 3 maio de 2005 A Valorização do Real e as Negociações Coletivas número 3 maio de 2005 A Valorização do Real e as Negociações Coletivas A valorização do real e as negociações coletivas As negociações coletivas em empresas ou setores fortemente vinculados ao mercado

Leia mais

DESIGUALDADE DE RENDIMENTOS ENTRE NEGRO E NÃO NEGROS NOS MERCADOS DE TRABALHO METROPOLITANOS: UMA VISÃO SETORIAL

DESIGUALDADE DE RENDIMENTOS ENTRE NEGRO E NÃO NEGROS NOS MERCADOS DE TRABALHO METROPOLITANOS: UMA VISÃO SETORIAL DESIGUALDADE DE RENDIMENTOS ENTRE NEGRO E NÃO NEGROS NOS MERCADOS DE TRABALHO METROPOLITANOS: UMA VISÃO SETORIAL Novembro de 2013 Taxas de participação e desemprego total, segundo cor e sexo Regiões Metropolitanas

Leia mais

Avaliação Econômica. Relação entre Desempenho Escolar e os Salários no Brasil

Avaliação Econômica. Relação entre Desempenho Escolar e os Salários no Brasil Avaliação Econômica Relação entre Desempenho Escolar e os Salários no Brasil Objetivo da avaliação: identificar o impacto do desempenho dos brasileiros na Educação Básica em sua renda futura. Dimensões

Leia mais

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER FI VALOR AÇÕES 15.323.164/0001-27 Informações referentes a Maio de 2016

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER FI VALOR AÇÕES 15.323.164/0001-27 Informações referentes a Maio de 2016 LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER FI VALOR AÇÕES 15.323.164/0001-27 Informações referentes a Maio de 2016 Esta lâmina contém um resumo das informações essenciais sobre o SANTANDER FUNDO

Leia mais

Mercado de Trabalho Formal do Recife

Mercado de Trabalho Formal do Recife Boletim Informativo Novembro 2011 Mercado de Trabalho Formal do Recife Secretaria de Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico Em outubro, foram gerados 126 mil postos de trabalho formais no Brasil

Leia mais

NÍVEL DE ATIVIDADE, INFLAÇÃO E POLÍTICA MONETÁRIA A evolução dos principais indicadores econômicos do Brasil em 2007

NÍVEL DE ATIVIDADE, INFLAÇÃO E POLÍTICA MONETÁRIA A evolução dos principais indicadores econômicos do Brasil em 2007 NÍVEL DE ATIVIDADE, INFLAÇÃO E POLÍTICA MONETÁRIA A evolução dos principais indicadores econômicos do Brasil em 2007 Introdução Guilherme R. S. Souza e Silva * Lucas Lautert Dezordi ** Este artigo pretende

Leia mais

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O HSBC FIC FIA SUSTENTABILIDADE 07.535.827/0001-49 Informações referentes a Abril de 2013

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O HSBC FIC FIA SUSTENTABILIDADE 07.535.827/0001-49 Informações referentes a Abril de 2013 Esta lâmina contém um resumo das informações essenciais sobre o HSBC FICFI DE ACOES. As informações completas sobre esse fundo podem ser obtidas no Prospecto e no Regulamento do fundo, disponíveis no site

Leia mais

ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL NO ENSINO SUPERIOR: um estudo sobre o perfil dos estudantes usuários dos programas de assistência estudantil da UAG/UFRPE

ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL NO ENSINO SUPERIOR: um estudo sobre o perfil dos estudantes usuários dos programas de assistência estudantil da UAG/UFRPE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL NO ENSINO SUPERIOR: um estudo sobre o perfil dos estudantes usuários dos programas de assistência estudantil da UAG/UFRPE José Albuquerque Constantino 1 Joselya Claudino de Araújo

Leia mais

Pesquisa Mensal de Emprego. Abril 2011

Pesquisa Mensal de Emprego. Abril 2011 Diretoria de Pesquisas Coordenação de Trabalho e Rendimento Pesquisa Mensal de Emprego Abril 2011 1 1 Rio de Janeiro, 26/05/2011 Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro O Janeiro

Leia mais

ÍNDICE DE CONFIANÇA DOS PEQUENOS NEGÓCIOS NO BRASIL. ICPN Outubro de 2015

ÍNDICE DE CONFIANÇA DOS PEQUENOS NEGÓCIOS NO BRASIL. ICPN Outubro de 2015 ÍNDICE DE CONFIANÇA DOS PEQUENOS NEGÓCIOS NO BRASIL ICPN Outubro de 2015 ÍNDICE DE CONFIANÇA DOS PEQUENOS NEGÓCIOS NO BRASIL ICPN Outubro de 2015 Sumário Executivo Indicadores de confiança são indicadores

Leia mais

SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL S I N A P I RESULTADOS DE MAIO/2013

SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL S I N A P I RESULTADOS DE MAIO/2013 SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL S I N A P I RESULTADOS DE MAIO/2013 COMENTÁRIOS Índice Nacional da Construção Civil varia -5,12% em Maio O Índice Nacional da Construção

Leia mais

Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Março 2005

Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Março 2005 Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Março 2005 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro de Estado do Planejamento, Orçamento

Leia mais

PROPOSTAS PARA O COMBATE À ALTA ROTATIVIDADE DO MERCADO DE TRABALHO BRASILEIRO

PROPOSTAS PARA O COMBATE À ALTA ROTATIVIDADE DO MERCADO DE TRABALHO BRASILEIRO PROPOSTAS PARA O COMBATE À ALTA ROTATIVIDADE DO MERCADO DE TRABALHO BRASILEIRO 2 PROPOSTAS PARA O COMBATE À ALTA ROTATIVIDADE DO MERCADO DE TRABALHO BRASILEIRO Nos últimos anos, várias medidas adotadas

Leia mais

FUNDO DE INVESTIMENTO FATOR MAX CORPORATIVO DE RENDA FIXA

FUNDO DE INVESTIMENTO FATOR MAX CORPORATIVO DE RENDA FIXA LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O FUNDO FUNDO DE INVESTIMENTO FATOR MAX CORPORATIVO DE RENDA FIXA CNPJ: 00.828.035/0001-13 Informações referentes a Novembro/2015 Esta lâmina contém um resumo das

Leia mais

PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO

PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO PESQUISA DE EMPREGO E DESEMPREGO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO 2007 O MERCADO DE TRABALHO SOB A ÓPTICA DA RAÇA/COR Os dados da Pesquisa de Emprego e Desemprego permitem diversos tipos de detalhamento

Leia mais

Boletim de Conjuntura Econômica Outubro Tema: Emprego

Boletim de Conjuntura Econômica Outubro Tema: Emprego Boletim de Conjuntura Econômica Outubro Tema: Emprego Brasil Atinge mais de 2 milhões de Emprego em 2010 Setor de Serviços lidera com 35% dos empregos Gerados no período Em setembro foram gerados 246.875

Leia mais

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER SOBERANO CURTO PRAZO 04.871.634/0001-70 Informações referentes a Maio de 2016

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER SOBERANO CURTO PRAZO 04.871.634/0001-70 Informações referentes a Maio de 2016 LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER SOBERANO CURTO PRAZO 04.871.634/0001-70 Informações referentes a Maio de 2016 Esta lâmina contém um resumo das informações essenciais sobre o SANTANDER

Leia mais

Mercado de Trabalho Formal do Recife

Mercado de Trabalho Formal do Recife Boletim Informativo Agosto 2011 Mercado de Trabalho Formal do Recife Secretaria de Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico Em julho, foram gerados 140 mil postos de trabalho formais no Brasil Com

Leia mais

Análise Mensal do Comércio Varejista de Belo Horizonte

Análise Mensal do Comércio Varejista de Belo Horizonte Abril/15 A mostra o desempenho dos negócios do comércio no mês de Março/2015 e identifica a percepção dos empresários para o mês de Abril/2015. O mês de março mostrou mais uma queda no faturamento dos

Leia mais

Sistema PED. Divulgação dos dados da Pesquisa de Emprego e Desemprego PED segundo a Classificação CNAE domiciliar versão 2.0.

Sistema PED. Divulgação dos dados da Pesquisa de Emprego e Desemprego PED segundo a Classificação CNAE domiciliar versão 2.0. Sistema PED Maio 2012 Divulgação dos dados da Pesquisa de Emprego e Desemprego PED segundo a Classificação CNAE domiciliar versão 2.0 SECRETARIA DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO REGIONAL Governador do

Leia mais

A proposta do Núcleo de Pesquisas Econômicas é elencar variáveis que sejam atinentes ao desenvolvimento econômico e industrial do município.

A proposta do Núcleo de Pesquisas Econômicas é elencar variáveis que sejam atinentes ao desenvolvimento econômico e industrial do município. TEMAS DO DESENVOLVIMENTO MOVIMENTAÇÃO IMOBILIÁRIA DE TRÊS LAGOAS (MS) A proposta do Núcleo de Pesquisas Econômicas é elencar variáveis que sejam atinentes ao desenvolvimento econômico e industrial do município.

Leia mais

Notícias Economia Internacional. e Indicadores Brasileiros. Nº 2/2 - Janeiro de 2014

Notícias Economia Internacional. e Indicadores Brasileiros. Nº 2/2 - Janeiro de 2014 Notícias Economia Internacional e Indicadores Brasileiros Nº 2/2 - Janeiro de 2014 Sindmóveis - Projeto Orchestra Brasil www.sindmoveis.com.br www.orchestrabrasil.com.br Realização: inteligenciacomercial@sindmoveis.com.br

Leia mais

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O HSBC DI TITULOS PUBLICOS 00.885.762/0001-12 Informações referentes a Abril de 2013

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O HSBC DI TITULOS PUBLICOS 00.885.762/0001-12 Informações referentes a Abril de 2013 Esta lâmina contém um resumo das informações essenciais sobre o HSBC FUNDO DE INVESTIMENTO REFERENCIADO DI LONGO PRAZO TITULOS. As informações completas sobre esse fundo podem ser obtidas no Prospecto

Leia mais

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O. MARATONA PROGRAMADO FIA - BDR NIVEL I 21.363.225/0001-82 Informações referentes a Maio de 2016

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O. MARATONA PROGRAMADO FIA - BDR NIVEL I 21.363.225/0001-82 Informações referentes a Maio de 2016 MARATONA PROGRAMADO FIA BDR NIVEL I 21.363.225/000182 Informações referentes a Maio de 2016 Esta lâmina contém um resumo das informações essenciais sobre o MARATONA PROGRAMADO FUNDO DE INVESTIMENTO EM

Leia mais

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - CONSERVADORA FIX

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - CONSERVADORA FIX BENCHMARK 100.00%CDI Relatório Gerencial Consolidado - Período de 01/04/2015 Posição e Desempenho da Carteira - Resumo a 30/04/2015 pg. 1 Posição Sintética dos Ativos em 30/04/2015 Financeiro % PL FUNDOS

Leia mais

Boletim Econômico e do Setor Portuário. Sumário

Boletim Econômico e do Setor Portuário. Sumário Boletim Econômico e do Setor Portuário Junho de 2014 Sumário Indicadores da Economia Nacional... 2 O Produto Interno Bruto PIB no primeiro trimestre de 2014... 2 Os Índices de Inflação... 3 O Mercado de

Leia mais

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O COINVALORES FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O COINVALORES FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O COINVALORES FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES CNPJ/MF: 01.601.389/0001-93 Informações referentes a Fevereiro de 2013 Esta lâmina contém um resumo das informações essenciais

Leia mais

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo.

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo. 1 MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo Abril / 2014 Metodologia 2 Metodologia 3 Técnica Pesquisa quantitativa,

Leia mais

Características Em 2013, foram visitados 149 mil domicílios e entrevistadas 363 mil pessoas.

Características Em 2013, foram visitados 149 mil domicílios e entrevistadas 363 mil pessoas. Rio de Janeiro, 18/09/2014 1 Abrangência nacional Temas investigados: Características Características gerais dos moradores Educação Migração Trabalho e rendimento Trabalho infantil Fecundidade Características

Leia mais