MMUBFãígtBMÊE BãBEMaCRnÊFÊCO. msfm. Centro de Pastoral Vergueiro. Setor de Documentação e Pesquisa 1988

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MMUBFãígtBMÊE BãBEMaCRnÊFÊCO. msfm. Centro de Pastoral Vergueiro. Setor de Documentação e Pesquisa 1988"

Transcrição

1 mm MMUBFãígtBMÊE BãBEMaCRnÊFÊCO msfm Centro de Pastoral Vergueiro Setor de Documentação e Pesquisa 1988

2 COMPANHEIROS A INFORMAÇÃO é um elemento chave na luta dos movimentos populares e sindicais. É importante ter nas mãos, dados e análise sobre a realidade nacional: a política, a economia, as igrejas, a cultura, os partidos políticos, a legislação. Enfim, todos esses aspectos que afetam a vida dos trabalhadores. Também é importante conhecer outras experiências de organização, as vitórias e as derrotas, assim como a própria avaliação dos movimentos, seja do Brasil, como de outros ^aícc3. Esta INFORMAÇÃO, esses dados, são tanto mais importantes por causa do controle dos meios de comunicação social - jornais, rádio,^ TV, por parte da classe dominante. Diariamente eles distorcem a notícia, fazem propaganda do governo e ainda omitem as notícias que a classe trabalhadora teria interesse em saber. Além do mais, é preciso levar em conta o tamanho do Brasil e a pobreza infraestrutural de muitos movimentos, fato que dificulta a comunicação entre eles, limitando, assim, o intercâmbio de experiências e a articulação das lutas. 0 CENTRO DE PASTORAL VERGUEIRO, através do Setor de DOCUMENTAÇÃO E PESQUISA, há mais de dez anos, vem recolhendo a documentação dos movimentos populares e sindicais, dos agentes que com eles trabalham e das entidades que se preocupam com a educação e comunicação populares. Mas, para nós, a INFORMAÇÃO que recolhemos,não tem valor se não a devolvemos aos movimentos. Para que eles a utilizem nas atividades de estudo e formação, e como instrumento de sua própria luta. 0 INFORME BIBLIOGRÁFICO é um esforço neste sentido. Na pagina ao lado, encontram-se instruções de como receber regularmente este INFORME, e como obter as matérias listadas. COMO LER AS REFERENCIAS LIVROS, CADERNOS, TEXTOS: ftfjvp A3t0^ "A HISTORIA SOCIAL DO MOVIMENTO TRABALHISTA EUROPEU" ABENDROTH, W. RIO - PAZ.E TERRA p - LIVR A partir nãaçãé da Assiciação Internacional dos Trabalha organiza o aupor analtsa as ten de. tr^dalhador\s e seu pa ncias políticas das 1 na sociedade e^na historia f Í-OCAL DE TIPO D^ OOCUME^ ARTIGOS DE REVISTAS, BOLETINS E JORNAIS: (^^\ "BOIAS-FRIAS: EXPLOSÃO PREVISÍVEL" - MARTINS, JOSÉ S..AROEIRA CUIABÁ (MT) PASTORAL DA TERRA MAI.84 - p9-ll t-. Vi$**y í PÁGINA J

3 (COMO PEDIR MATERIAL DESTE INFORME cortar e enviar Favor enviar as seguintes matérias enumeradas. ( Lembramos que não xerocamos livros,^ -^OGINC? :OS e^- INFORME BIBLIOGRÁFICO ESPECÍM>MGVIMENTO POPULAR: TRANSPORTE COLETIVO" MATÉRIAS N9s NOME ENTIDADE/ MOVIMENTO/ GRUPO _ ENDEREÇO BAIRRO FONE CEP CIDADE ESTADO, 0 CPV cobrará o custo das cópias xerox e as despesas de envio pelo correio. Para oposições sindicais e grupos de base, o preço do xerox é menor. Aguarde instruções de pagamento junto com a remessa do material solicitado. D COMO OBTER 0 INFORME BIBLIOGRÁFIC cortar e enviar 0 INFORME BIBLIOGRÁFICO será enviado, a pedido, gratuitamente, para os movimentos populares e sindicais, entidades de educação, documentação e comunicação popular, associações de trabalhadores, etc. NOME ENTIDADE/ MOVIMENTO/ GRUPO ENDEREÇO BAIRRO CEP CIDADE FONE ESTADO CPV - Setor de Docunentação e Pesquisa - caixét ppstal ^ cep (SP) fone (011) "

4 ÁREA DE INTERESSE EM POBLICAÇÕES QUE TIPOS DE TRABALHO VOCÊ FAZ

5 ^ 01- "50. CONGRESSO NACIONAL DE TRANSPORTES PÚBLICOS" - A3gOC.NAC.DE TRANSP BELO HORIZONTE P - TEXTO.PUBL. Texto sobre a democre.ti saçso do planejamento rte transportes- r»pre sentando propostas e experiências em andamento.apresentado no 5o. Consresso Nacional de Transportes Públicos. "ANAIS DO 11 ENCONTRO NACIONAL SOBRE PARTICCOMUM.." - ENCONTRO MACIOM BRASILIA-DE - ABTU-ANTP P - TEXTO m, AL Anais do II Encontro Nacional sobre participação comunitária etn rjçar;!.soes de transportes. 02- "CADERNOS DE TRANSPORTES DO PT" - PARTIDO DOS TRABALHADORES SAO PAULO - PT - l^e^ ~ 50P - TEXTO Contem criticas e alternativas do PT a política^ orvanizacao e a- cao dos transportes coletivos. 03- "CHEBA DE. ENROLAÇAO. QUEREMOS CONDUÇÃO - VOL, 1" - AFEONSO. Nazareno S BRASILIA-DF - EBTU ~ 115P - TEXTO Movimentos reivindicativos de transportes coletivos em Sao Paulo* /83. Vol. I 0^- "CHECA DE EMR0LAÇA0, QUEREMOS CONDUÇÃO - VOL, 11" - AFFONSO. Nazareno BRASILIA-DF - EBTU lP - TEXTO Movimentos reivindicativos de transporte coletivos em Sao Paulor nos anos de 1979 a 19S3. Vol. II.. "CIDADE. POVO E PODER" - MOISÉS. José A, RIO - PAZ E TERRA - 1^S2-199P - LIVRO Ensaios sobre a cidade e o estado, as formas de protesto popular» e as classes populares K poder local. Destaca os quebra em»bra«nos transportes coletivos. "COMO SE FAZ A LUTA DE BAIRROS" - REZENDE. Jo PETROPOLIS-RJ - VOZES-1BASE SòP - LIVRO Os moradores do Rio de Janeiro, reunidos na FAMERJ» mostram nesta obra como fizeram e fazem a luta nos bairros. Aprender fazendo. tendo ao lado. as teorias políticas, sociais e outras. "CONTRADIÇÕES URBANAS E MOVIMENTOS SOCIAIS" - MOISÉS- Joss A. t.al. RIO - PAZ E TERRA P - LIVRO "fc-05 ensaios, as condições dos serviços ferroviários das neri ferias de SP e RJ e os quebra-nuebras. processo de urbanização e política urbana, acumulação monopolista, estado e urbanização. 35- "ESTATIZACAO COM CONTROLE POPULAR. ATUAÇÃO DOS..." - PT - DIRETÓRIO E SAO PAULO - PT P - TEXTO STADUAL 06-"n ENCONTRO DE TRANSPORTES DO PT" - PT SAO PAULO P - DOCUMENTO 07-"MANIFESTAÇÕES POPULARES NOS TRANSPORTES DE S.PAULO" - AFFONSO. Nazaré CJAQ PAULO llp - TEXTO nd APóS as eleições de 1982 está havendo na arande Sao Paulo um crescimento na orsanizacao e politizaçao dos movimentos reivindicati vos de transporte, O texto apresenta este momento político..05. cpv - documentação.^/

6 ^ 1 ' OS-"MOVIMENTO TOPULAR' TRANSPORTE COLETIVO" ~ CPV - IMEPTO DOCLWMENTAÇACI SftO PAULO - CPV P - DOSSIB rçu.nindo artigos da <*rbnú& imprensa? d? imprensa ai+-arn=a+-i va e outros documentos sobre os movimentos populares realizados ciff, protesto aos diversos- problemas dos transportes colíítiivos...."movimento SOCIAL URBANO? ISREJA/PARTICIPApAO" - DOIMO» Ana M. PETROPOLIS (RJ) - VOZES Í6P - LIVRO Trabalho sobre a orsaniza.çao e as relações de poder dos participantes do movimento. Reconstroi a historia e as trama<= desse movimento. 09- "0 SAMTI5TA ESTA HUMILHADO PELO SISTEMA DE... M - PIANCO, Cirino BAMTOS-SP - RSB ~ P - CADERNO Historia escrita em versos de cordel sobre a criação do "chi«hi»ira.o"r ônibus com catraca. recuada para a porta de trás. Projeto a~ provado por 10 votos a 9 e demíncia de corrupção» 10- "PESQUISA POPULAR SOBRE D AUMENTO DE TARIFAS/RECIFE" - ASSEMBLÉIA DE B RECIFE - l^sa - 21P - TEXTO AIRROS Si stemati saçbo das opiniões sobre os aumentos das passasens;. seus efeitos- condições de transporte e as propostas apresentadas. Pesquisa realizada em 19 áreas da Grande Recife» 11- "POLÍTICA MUNICIPAL" - PARTIDO DOS TRABALHADORES SAO PAULO P - TEXTO Texto nue trata da Política municipal em seral e as questões especificas de educação? saúde? transporte? tributos e o orc amen t o municipal. "PROBLEMAS DA TARIFA DE TRANSPORTE POR ÔNIBUS» SAO PAULO - IRE - 1^85-224P - LIVRO ABREU- Jether 12- "QUEM FAZ 0 QUE'?" - CÂMARA METROPOL. T RANSP. SAO PAULO é.P - CADERNO 13- "PELAT0RI0 DO Io. SEMINÁRIO SOBRE TRANSPORTES,...," - FASE PORTO ALEGRE - FASE P - CADERNO 14- "TRANSPORTE MA VIDA DO TRABALHADOR" - RIBEIRO? Efrem TEREBINA-PI - CEPAC P - TEXTO Aborda o problema dos transportes coletivos e os seus efeitos na vida dos trabalhadores do Piaui. 15- "NA CONTRAMÃO" RETRATO DO BRASIL No.42 - SAO PAULO - ED.POLÍTICA - p "TRANSPORTE? UM DIREITO DO CIDADÃO" JORNAL DO BAIRRO - SAO PAULO ~ BAIRROS DA REGIÃO LESTE - 20.ABR.85 p "VALE TRANSPORTES MUITO BARULHO? POUCO BENEFICIO" MANDATO POPULAR - SAO PAULO - PT-TEREZA LAJOLO - JUN.83 - Pd 18- "ESTE HORROR? 0 TRANSPORTE COLETIVO" SENHOR - SAO PAULO JUL.85 - P p, L y T A ppla MELHORIA DO TRANSPORTE EM P. ALEGRE" DEBATES POPULARES - PORTO ALEGRE - NÚCLEO MIGUEL DIAS - MA1.85 oi9-21 cpv - documentação ^'.06.

7 r ^ 19-TRAMSPORTE COLETIVO! VIA DE HSTATIZACAO" VOZ DA UNIDADE - BAO PAULO -!3.lJkZ.8S - P i 'UnA MOVA POLÍTICA DE 1PAMSPOPTES PÚBLICOS" ESPAÇO ^ DEBATES - SAO PAULO - MERU - DEZ.8S - P MOBILIZAÇÃO PELO TRANSPORTE" CONSTRUIR - RECIEE - ACO - NOV.BS - P05 22-MOVIMENTO VITORIOSO NOS TRANSPORTES EM GOIÂNIA" TRIBUNA DA LUTA OPERARIA - BAO PAULO - 24.FEV.86 - P07 23-ÔNIBUS! TESTE PAPA O PACOTAO" SINDILUTA - DIÁRIO - SAO PAULO - SINDICATO DOS QUÍMICOS - 20.MAR.86 Pd 242"TRANSPORTE MA ZONA LESTE E* SUCURSAL DO INFERNO" JORNAL DD BAIRRO - SAO PAULO - 2S.FEV.S6 - P07 25-JÂNIO QUER AUMENTO PARA CONTURBAR O PAIS" VOZ DA UNIDADE - SAO PAULO - O"?. MAR P04 26-PT ANALISA OS TRANSPORTES ANTES E DEPOIS DO PACOTE" PT SAO PAULO - SAO PAULO - PT - 20.ABR.86 - P06 27-L'EMPRESÁRIOS AMEAÇAM LOCAUTE NO TRANSPORTE" TRIBUNA DA LUTA OPERARIA - SAO PAULO - 14.MA P06 28-AVANÇO DOS TRILHOS" ISTO E - SAO PAULO - 21.MAI,86 - P L'TRANSPORTE JUSTO PARA TODOS" O SAO PAULO - BAO PAULO - ARQUIDIOCESE - 2^.FEV.e7 - P06 30-", ', n..a CARDOSO E B. ROBERTO CONQUISTAM ÔNIBUS,.. " O BAO PAULO - 27.ABR.84 - P H f : «TR0P0LIS - EM DEFESA DO CONSELHO DE TRANSPORTES" BOLETIM DA FAMERJ - RIO - FED. ASSOCIAÇÕES DE MORADORES - JUN.84 - P2 32_"BAIRROS VAO FAZER ATO CONTRA TARIFAS" OPTEI - CAMPINAS - PT - 10,JUN.84 - P3 33-"MINEIROS VETAM AUMENTO DE ÔNIBUS EM BH" TRIBUNA DA LUTA OPERARIA - 03,SET.84 -Pé 3A "Q POVO REA6E CONTRA O TRANSPORTE RUIM (QUARULHOS)" O PASSAGEIRO - SAO PAULO - COM. USUÁRIOS DE TRANSPORTES - AGÜ.84 - P2 35 "MORADORES EXIGEM MAIS ÔNIBUS (SANTO ANDRÉ)" NOSSOJORNAL - BAO CAETANO/SP - PARTIDO DOS TRABALHADORES - SET.84 -y 36,"9ASTOS COM TRANSPORTE 20 X MAIOR QUE O PREVISTO" BOLETIM DO DIEESE - SAO PAULO - N0V,84 - P "ENTIDADES VAO DEBATER PREÇO DAS TARIFAS (ÔNIBUS)" DE OLHO NO RIO GRANDE - PORTO ALEGRE - FASE - DEZ.84 - P2 38-"AUMENTO DE ÔNIBUS EM GOIÂNIA GERA PROTEST" TRIBUNA DA LUTA OPERARIA - 28.JAN.85 - P"?, ^ cpv - documentação-^.07.

8 r 39 _"PUV0 UNIDO IMPEDE AUMENTO DE ÔNIBUS (LONDRINA/PR) N TRIPUNA DA LUTA OPERARIA - 28.JAN.Ei5 - PE- 40_" TRANSPORTE COLETIVQ " DE OLHO NO RIO GRANDE - PORTO ALEGRE - FASE - JAM,85 - P _" TRANSPORTE" UAMPA - PORTO ALEGRE - UNIÃO DAS ASSOC.DE MORADORES - JAN.85 - n3 42_"EALTA DE SEGURANÇA PARA TRANSPORTE EM SAO PAdLO" TRIBUNA DA LUTA OPERARIA - 04.MAR. 5 - p6 43-"MOVIMENTO POR MELHORES TRANSPORTES" O SAO PAULO - SAO PAULO - ARQUIDIOCESE - 22.FEV.ea - P?,,_"n CERCO AOS LUCROS DOS PATRÕES.TRANSPORTES..." EM TEMPO - FEV.85 - Pé 45_"TRCiLEBUS5 A POPULAÇÃO SAI PERDENDO" NOSSOJOPNâL. - SANTO ANDPE-SP - PARTIDO DOS TRABALHADORES -.7AN P 46-"POLITICA URBANA E BUROCRACIA NO BRASIL" - BATUEY, R. ESPAÇO E DEBATES - SAO PAULO - CORTEZ - JAN.B3 - p5-2e 47-"EELEM!LANÇADA A CAMPANHA POR MELHORES TRANSPORTES" RESISTÊNCIA - 1.MAR,83 - P 48-"A DURA VIAGEM PELA LINHA BELÉM-ICOARACY" RESISTÊNCIA - 1.ABR.B3 - P7 49-"BELÉM! MANIFESTAÇÃO PRESSIONA ROVERNO RESISTÊNCIA - 1,JUN.93 - P2 50-"A CORRENTE CONTRA OS ACIDENTES" O SAO PAULO - ARQUIDIOCESE - 1O.AG P6 51-"OS QUEBRA-QUEBRA DE TRENS" O SAO PAULO - ARQUIDIOCESE - 11.MOV.83 ~ P4 52-"RESPOSTA AO LOCAUTE" ISTO E - 23.MAR.83 - P34 53-"PPOPOSTA PARA REDUZIR PASSAGENS DE ÔNIBUS" VOZ DA UNIDADE - 03.MOV.83 - P4 54-"PROJETOS MORENOS" ISTO E - 25.JAN.84 - p36 55-"UBERABA-MG - PT PROCESSADO...TRANSPORTES" EM TEMPO - 26.JAN.B4 - P5 56-"TRANSPORTE:! A LUTA PELO PASSE AOS DESEMPREGADOS" PASSO A PASSO ~ JAN.84 ~ P3 57-"SOM PULSO FIRME" ISTO E - 22,FEV.84 - P2é~27 58-"SAO PAULO - COVAS ENFRENTA A MAFIA" VOZ DA UNIDADE - 18,FEV,84 - p!,"7 59-"OS LUCROS DA INTERVENÇÃO" SENHOR - 29.FEV,e4 - PãB-TO.08. J cpv - documentação

9 ,' DESCOBERTAS MAIS FALCATRUAS" VOZ DA UNIDADE - 25,FEV.e4 - P4 61_"aMIBUS - MUDANÇAS PASSAM PELA PARTICIPAÇÃO" 0 BAO PAÜLÜ - 2,MAR.84 - o "EM SAO PAULO."MEA CULPA" DOS DONOS DE ÔNIBUS" ISTO E - 21.MAR.84 - P26 "TRANSPORTE COLETIVO" O SAO PAULO - 16.MAR.84 - Pé,. "MOVIMENTOS E>aGEM MELHORIAS" PT SAO PAULO - DIRETÓRIO ESTADUAL - MAR PB 65-"NINGUÉM AGÜENTA O SUFOCO DO TRANSPORTE" - CDDH PASSO A PASSO - OSASCO - MAR. 84 -^P^ 66-"TRANSPORTE COMPLEMENTAR" FAVELAO - RIO DE JANEIRO - FEV.87 - o03 67-"PASSAGENS; AUMENTO ARBITRÁRIO" JORNAL DA FAMERJ - PIO DE JANEIRO - FEDERAÇÃO ASS. MORADORES - FEV.87 P "TRANSPORTE:. UMA LUTA" O SAQ PAULO - SAO PAULO - ARQUIDIOCESE - 03.ABR.87 - P "POPULAÇÃO AGUARDA OBRAS DO ESTADO E ESPERA..." JORNAL DO BAIRRO ~ SAO PAULO - DIALOGO EDITORIAL - 02.JAN.87 - P04-0S 70 "USUÁRIOS CONTRA AUMENTO NAS TARIFAS DE ÔNIBUS" O SAO PAULO - SAO PAULO - ARQUIDIOCESE - 13.MAR.87 - P "PREFEITURA ESTATIZA TRANSPORTE E POVO GERENCIA..." INFORMATIVO MUNICIPAL - DIADEMA-SP - PREFEITURA MUNICIPAL - MAR.87 P "TRANSPORTES COLETIVOS/SRiALTO PRECO/PESSIMO SEPVIC" CONVERGÊNCIA SOCIALISTA - BAO PAULO - 04.JUN.e7 - P "TRANSPORTE COLETIVO; E' HORA DE MUDAR AS REGRAS" PELEJANDO - MINAS GERAIS - CPT - JÜN.87 - POS 74- "PRESION POPULAR LOGRA TRANSPORTE PARA COMAS" INFORMATIVO - LIMA? PERU - IN8.BART0L0ME DE LAS CASAS JUN.87 P "CENTRO DO RIO VIROU UMA PRAÇA DE GUERRA" VOZ DA UNIDADE - SAO PAULO - 03.JUL.B7 - P "FALTA CREDIBILIDADE» E O BOVERNO E GOLPEADO MA RUA" ISTO E - BAO PAULO - 08.JUL.87 - P "O RIO TRANSBORDOU" SENHOR - SAO PAULO - TRÊS - 07.JUL.87 - P3H "MOVIMENTO CONTRA AUMENTO DAS PASSAGENS" FOLHA DOS BAIRROS - RECIFE - ETAPAS - ABR.87 - P09 79_ "REVOLTA POPULAR CONTRA D AUMENTO DOS ÔNIBUS" CONVERGÊNCIA SOCIALISTA - SAO PAULO - 02.JUL.87 - POÍ,09. cpv - documentação *^

10 80_ "JÂNIO QUER TRANSFORMAR O TRANSPORTE NUN ART.TSO..." JORNAL DA PERIFERIA - SAO PAULO - ASS. CULTURAI. MtJTlRAO - i\m,37 p "TRANSPORTE; ESTATI2ACA0 JA? '" RUMO AO SOCIALISMO - RIO DE JANEIRO - MIS - ABR.87 - P "DEMISSÕES DE TRABALHADORES NO TRANSPORTE COLETIVO" REVISTA DA ARQUIDIOCESE - GOIÂNIA - ARQUIDIOCESE - MAI.S? - P385-W 83- "NA CMTC TORTURA VIRA ROTINA" VOZ DA UNIDADE - SAO PAULO - 04.SET.B7 - POB 84- "OS TRABALHADORES NAO TEM CULPA 1 NETROVIARIOS/SP" COMVERBENCIA SOCIALISTA - SAO PAULO - 09.SET.87 ~ P "TRANSPORTES. REVITALIZAÇÃO DA LUTA" FOLHA DOS BAIRROS - RECIFE - ETAPAS - JUN.87 - P "FERROVIA NORTE SUL.GOLPE DE DIREITA CONTRA REF.AGP" O SAO PAULO - SAO PAULO - ARQUIDIOCESE ~ 18.SET.S7 - PO"? 87- "CTC-RJ RENOVARA SUA FROTA PARA COMPETIR COM O..." VOZ DA UNIDADE - SAO PAULO UT.87 - poé 88- "TRANSPORTES" JORNAL DA FAMEPJ - RIO DE JANEIRO - FAMERJ - SET.87 - P "METRO: O PROTESTO DAS AM'S" JORNAL DA FAMERJ - RIO DE JANEIRO - FAMEPJ - AG P "TARIFAS DE TRANSPORTES" FOLHA DOS BAIRROS - RECIFE - ETAPAS - AG P05 91_ "PAGAMENTO DO VALE TRANSPORTE" TERCEIRO GRUPO - SAO PAULO - FEDERAÇÃO TRABS.CONSTR.CIVIL - 0UT.87 92_ "JÂNIO PERSEGUE MOTORISTAS E QUER PRIVATIZAR CMTC" VOZ DA UNIDADE - SAO PAULO - 20.hWV.87 - pll 93_ '"'-'ALE TRANSPORTE NAO CONVENCE" AQUI AGORA - SAO PAULO - CEATS - FEV.88 - PIO 94_ "VALE-TRANSRORTE. FILA DE ESPERA" ISTO E - SAO PAULO - 10.FEV.88 - P "O PROBLEMA DOS TRANSPORTES COLETIVOS" - BASCHERA, Robewto TEMPO E PRESENÇA - SAO PAULO - CEDI - NOV.87 - P "TRANSPORTE MAIS BARATO PARA TODOS" TRIBUNA SINDICAL - BRASILIA-DF - CNTI - DEZ.87 - P "PROTESTA POPULAR POR AUMENTO DE PRECI08" APORTES - COSTA RICA -- APORTES - MAR.SB - pl2 98- "A FAMERJ E AS LUTAS DE TRANSPORTE" JORNAL DA PAMERJ - RIO DE JANEIRO - FAMERJ - FEV.88 - P "TRANSPORTE. ARTISO DE LUXO" CONVERGÊNCIA SOCIALISTA - SAO PAULO - 16.MAR.88 - P04 V cpv - documentação X.10.

11 100_ "O SUPLÍCIO DO VAI--E:-VEM" VOZ SINDICAL - 9A0 PAULQ - VOZ DA UMIDADE - 29.JAN.8S - POI XOi- "VAL.E-TF.'AMSPDRTE PODE MIRAR ENGANAÇÃO SERAL" VOZ SINDICAL - SAO PAULO - VOZ DA UNIDADE - 29.JAN.S8 - poi IQ2- "MOBILIZAÇÃO PELO TRANSPORTE" INTERCÂMBIO INFORMA - RIO DE JANEIRO - IBASE - DEZ.87 - POI-OS 103- "A POLEMICA DO TREM" CADERNOS doterceiro MUNDO - SAO PAULO - TERCEIRO MUNDO - FEV.SS P48~ "TRANSPORTE COLETIVO" JORNAL DOS MOVS.POPULARES - CAMPO BRANDE-MS ~ CEDAMPO - MAR.8S - P03 Í05- "TRANSPORTE" O BLOCO -- SAO PAULO - COM.POP.COHAB-ITAQUERA - MAI.S8 - P " p CAOS DOS TRANSPORTES COLETIVOS" INOVAÇÃO - PARNAIBA~PI - INOVAÇÃO - ABR.88 - POQ 107_ "TRANSPORTES, OUTRA VEZ FORA DOS TRILHOS" ISTO E - SAO PAULO -- ^1. aijm,s8 - n2 <:? 108- "ATRASO DOS TRENS PROVOCA EXPLOSÃO POPULAR" CONVERGÊNCIA SOCIALISTA - SAO PAULO - 01.JUN.88 - P "NOVOS ÔNIBUS PARA ETCD" INFORMATIVO MUNICIPAL - DIADEMA-SP - PREFEITURA - SET.87 - POI "PASSAGEIROS ANDAM DE MAL A PIOR'" TEMPOS NOVOS - SAO LUÍS - CEBS - MA1,88 - P12 Companheiro(a), Caso você tenha outros subsídios (textos, documentos, cartilhas, boletins, etc...) dentro do tema MOVIMENTO POPULAR - TRANSPORTE COLETIVO, seria importante enviar um exemplar ao CPV, o que nos ajudaria, para a próxima edição deste Informe, no sentido de so cializarmos sua experiência/e informações junto ã outros Grupos. SP. 14 de julho de CPV - Documentação e Pesquisa Caixa Postal São Paulo - SP fone (011) IMPORTANTE: Precisamos urgente de fita de vídeo cassete, que retrate alguma experiência de Movimento Popular (inclusive transpi)ríre) cpv - documentação»^

12 CENTRO DE PASTORAL VERGUEIRO - CAIXA POSTAL CEP SP Fones (011) e CAMPANHA DE ASSINATURA Companheiro ou Companheira: QUINZENA, É uma publicação do Centro de Pastoral Vergueiro e, como o próprio nome diz, sai nos dias 12 e 16 de cada mês e, é remetida pelo correio aos assinantes como carta, em envolope fechado que é mais rápido e seguro, Este trabalho consiste em divulgar uma seleção do material informativo, analítico e opinativo publicados na grande imprensa, imprensa partidária e alternativa e outras fontes de informações importantes existentes no movimento e que necessitam ampliar a sua circulação. Nosso propósito é contribuir com subsídios visando facilitar o debate sobre as questões políticas em pauta na conjuntura. Nossa expectativa é que de fato a QUINZENA venha a cumprir em parte este papel, possibilitando aos companheiros o acesso a informações, acompanhamento e participação no debate no interior do movimento. Será que não vale a pena assiná-la? OBS: escreva-nos pedindo um exemplar para conhecer Seya ± A assinante da Quinzena * t 0 00 FICHA DE ASSINATURA - Boletim QUINZENA Militante do movimento popular sindical sem condições de pagar custos totais de edição e remessa CUT, entidade-grupo sem verba, militante do movimento popular-sindical em condições de pagar custo de edição e remessa Sindicatos, Pastorais, entidade-grupo com verba, oju tros assinantes e assinatura de apoio 6 meses 12 meses 12 números 24 números ( ) Cz$ 1.700,00 < > Cz $ 3.400,00 ( ) Çz$ 2.270,00 ( ) C2$ 4.540,00 ( ) Cz$ 3.400,00 í > Cz$ 6.800,00 o '00 ««> u d u o o > (A Exterior (remessa comb carta/via aérea) - FORMAS DE PAGAMENTO o 0) u Home completo PM Endereço ( ) US$. 30,00 ( ) US$ 60,00 1. Cheque nominal cruzado para o CENTRO DE PASTORAL VERGUEIRO 2. Vale postal.em nome do CENTRO DE PASTORAL VERGUEIRO, para agencia do correio do IPIRANGA - CEP CÓDIGO DA AGENCIA n2 40)901. IMPORTANTE: NSO ACEITAMOS VALE POSTAL PARA OUTRA AGENCIA DO CORREIO Bloco Apto Bairro Fone ( ) Cidade Estado N2 Caixa Postal_ CEP TRABALHO QUE FAZ COM MOV. POPULAR: Data / / Como ficou sabendo da QUINZENA?, USO INTERNO DO N9 AO N2 N2 RECIBO N2 FICHA^.

CENTRO DE PASTORAL VERGUEIRO IIMPORME. bibliográfico setor de documentaçáo e pesquisa ^^

CENTRO DE PASTORAL VERGUEIRO IIMPORME. bibliográfico setor de documentaçáo e pesquisa ^^ CENTRO DE PASTORAL VERGUEIRO IIMPORME bibliográfico setor de documentaçáo e pesquisa ^^ COMPANHEIROS A INFORMAÇÃO é um elemento chave na luta dos movimentos populares e sindicais. É importante ter nas

Leia mais

3ª Plenária Nacional da Campanha O Petróleo tem que ser nosso, 12 e 13 de maio de 2009, Guararema/SP - ENFF.

3ª Plenária Nacional da Campanha O Petróleo tem que ser nosso, 12 e 13 de maio de 2009, Guararema/SP - ENFF. 3ª Plenária Nacional da Campanha O Petróleo tem que ser nosso, 12 e 13 de maio de 2009, Guararema/SP - ENFF. Encaminhamentos políticos e organizativos 1. Bandeiras programáticas unitárias Cancelamento

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL Pesquisa e Consultoria Relatório Síntese PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL RODADA 89 CNT 18 a 22 de Junho de 2007 SAS Q 06 - Lote 03 - Bloco J Rua Grão Pará, 737-4º andar Ed. Camilo Cola - 2 o andar

Leia mais

Em Foco CCENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES. Jornal do Sindicato dos Bancários de Campina Grande e Região, Setembro de 2012 - ano XII - nº 05

Em Foco CCENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES. Jornal do Sindicato dos Bancários de Campina Grande e Região, Setembro de 2012 - ano XII - nº 05 R Em Foco UT BRASIL CCENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES CUT Jornal do Sindicato dos Bancários de Campina Grande e Região, Setembro de 2012 - ano XII - nº 05 Em Foco 02 setembro/2012 Greve surte efeito Chega

Leia mais

Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST

Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST 10 a 14 de fevereiro de 2014 Entre os dias 10 e 14 de fevereiro de 2014, ocorrerá, em Brasília/DF, o 6º Congresso Nacional do MST, para o qual são esperados

Leia mais

RELATÓRIO DA ÁREA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL ANASPS 2006

RELATÓRIO DA ÁREA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL ANASPS 2006 RELATÓRIO DA ÁREA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL ANASPS 2006 Em 2006, no período, a área de Comunicação Social da ANASPS seguiu intensificando suas atividades: Foram produzidas: 1 - Cinco edições do JORNAL DA ANASPS,

Leia mais

Interior de SP. Mailing Jornais

Interior de SP. Mailing Jornais São Paulo AGORA SÃO PAULO BRASIL ECONÔMICO D.C.I. DESTAK (SP) DIÁRIO DO COMMERCIO (SP) DIÁRIO DE SÃO PAULO DIÁRIO DO GRANDE ABC EMPREGO JÁ (SP) EMPREGOS & CONCURSOS (SP) EMPRESAS & NEGÓCIOS (SP) FOLHA

Leia mais

S I N O P S E S I N D I C A L S E T E M B R O D E 2 0 0 6

S I N O P S E S I N D I C A L S E T E M B R O D E 2 0 0 6 S I N O P S E S I N D I C A L S E T E M B R O D E 2 0 0 6 ALIMENTAÇÃO. Com data-base em 1º de setembro, o Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Alimentação (Setor de Derivados de Milho e Soja), representando

Leia mais

Com este propósito, estamos apresentando o Programa de Treinamento a Clientes 2013.

Com este propósito, estamos apresentando o Programa de Treinamento a Clientes 2013. DEPARTAMENTO DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA PROGRAMA DE TREINAMENTO A CLIENTES 2013 Caro cliente, Você tem acompanhado o compromisso da Marcopolo em oportunizar treinamentos para a capacitação e o aperfeiçoamento

Leia mais

PORTARIA N.º 56 DE 31 DE OUTUBRO DE 2007

PORTARIA N.º 56 DE 31 DE OUTUBRO DE 2007 Presidência da República PORTARIA N.º 56 DE 31 DE OUTUBRO DE 2007 O MINISTRO DE ESTADO CHEFE DA SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA, no uso de suas atribuições e tendo em vista

Leia mais

Pimenta no olho, e nada de reajuste salarial

Pimenta no olho, e nada de reajuste salarial Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário Federal do Estado de Mato Grosso BOLETIM SEMANAL De 20 a 24 de outubro de 2014 Pimenta no olho, e nada de reajuste salarial O diretor do SINDIJUFE-MT Pedro

Leia mais

VI SEMINÁRIO DE DIREITO PARA JORNALISTAS - DIA 28.11.06 PERGUNTAS E RESPOSTAS

VI SEMINÁRIO DE DIREITO PARA JORNALISTAS - DIA 28.11.06 PERGUNTAS E RESPOSTAS VI SEMINÁRIO DE DIREITO PARA JORNALISTAS - DIA 28.11.06 PERGUNTAS E RESPOSTAS Perguntas e resposta feitas ao jornalisa Romário Schettino Perguntas dos participantes do 6 Seminário de Direito para Jornalistas

Leia mais

Brasil. 1º Congresso de Engenheiros da Língua Portuguesa

Brasil. 1º Congresso de Engenheiros da Língua Portuguesa Brasil 1º Congresso de Engenheiros da Língua Portuguesa Maurício Muniz Secretário do Programa de Aceleração do Crescimento SEPAC Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão PAC PROGRAMA DE ACELERAÇÃO

Leia mais

Regimento Interno da Articulação de Esquerda

Regimento Interno da Articulação de Esquerda Regimento Interno da Articulação de Esquerda A Articulação de Esquerda (AE) é uma tendência interna do Partido dos Trabalhadores. Existe para a defesa de um PT de luta, de massa, democrático, socialista

Leia mais

cesop OPINIÃO PÚBLICA, Campinas, Vol. 19, nº 2, novembro, 2013, Encarte Tendências. p.475-485

cesop OPINIÃO PÚBLICA, Campinas, Vol. 19, nº 2, novembro, 2013, Encarte Tendências. p.475-485 cesop OPINIÃO PÚBLICA, Campinas, Vol. 19, nº 2, novembro, 2013, Encarte Tendências. p.475-485 Este encarte Tendências aborda as manifestações populares que tomaram as grandes cidades brasileiras em junho

Leia mais

Tipo de Material. Anais 3 Lei de Uso e Ocupação Trata-se de uma Minuta para Discussão 4. Edital

Tipo de Material. Anais 3 Lei de Uso e Ocupação Trata-se de uma Minuta para Discussão 4. Edital 1 Final do II Fórum ICA - FAU 2 A Reformulação do Sistema Financeiro da Habitação e a Nova Política Urbana 3 Lei de Uso e Ocupação Trata-se de uma Minuta para Discussão 4 Projeto de Implantação do Parque

Leia mais

nao e moleza Quem entende de avaliação é quem está na escola

nao e moleza Quem entende de avaliação é quem está na escola nao e moleza Quem entende de avaliação é quem está na escola Estudantes trabalhadores A Educação de Jovens e Adultos (EJA) nas escolas foi uma conquista dos trabalhadores. Desde os anos 50, diversos movimentos

Leia mais

Aula 14 Regime Militar Prof. Dawison Sampaio

Aula 14 Regime Militar Prof. Dawison Sampaio Aula 14 Regime Militar 1 Contexto do Regime Militar Contexto interno: Colapso do Populismo (polêmica das Ref. de Base) Contexto externo: Guerra Fria e os interesses dos EUA (risco de cubanização do Brasil

Leia mais

Plenária da Campanha Para Expressar a Liberdade aponta próximos passos. Local: Sindicato dos Jornalistas Profissionais do estado de São Paulo

Plenária da Campanha Para Expressar a Liberdade aponta próximos passos. Local: Sindicato dos Jornalistas Profissionais do estado de São Paulo Plenária da Campanha Para Expressar a Liberdade aponta próximos passos Data: 7/2/2014 Local: Sindicato dos Jornalistas Profissionais do estado de São Paulo Introdução: Circular n o 1 Fev/2014 Mais de 50

Leia mais

YESCOM 2014. A Empresa. Mercado. Perfil do usuário. Instituto Ideeia. Calendário. Eventos. Merchandising. Observações

YESCOM 2014. A Empresa. Mercado. Perfil do usuário. Instituto Ideeia. Calendário. Eventos. Merchandising. Observações A Empresa YESCOM 24 Mercado Perfil do usuário Instituto Ideeia Calendário Eventos Merchandising Observações A Empresa A Yescom A Yescom é geradora de projetos esportivos e de comunicação, oferecendo essas

Leia mais

Luciano Coutinho Presidente

Luciano Coutinho Presidente O papeldo BNDES napromoçãodo desenvolvimento econômico e social do Brasil IV Fórum Internacional de comunicação e sustentabilidade Brasília, 26 de maio de 2011 Luciano Coutinho Presidente O Brasil ingressa

Leia mais

Os direitos dos trabalhadores no Brasil não caíram do céu, não

Os direitos dos trabalhadores no Brasil não caíram do céu, não Por que esta cartilha? Os direitos dos trabalhadores no Brasil não caíram do céu, não foram concessões patronais ou de governos, como os patrões tentam nos fazer parecer. A história da classe trabalhadora

Leia mais

Programa de Requalificação de UBS. Março/2015

Programa de Requalificação de UBS. Março/2015 Programa de Requalificação de UBS Março/2015 PROGRAMA DE REQUALIFICAÇÃO DE UBS Instituído no ano de 2011 OBJETIVOS: Criar incentivo financeiro para as UBS Contribuir para estruturação e o fortalecimento

Leia mais

DICAS DEMISSÃO & FIM DE CONTRATO > DEMISSÃO SEM JUSTA CAUSA - Devo receber: saldo de salário, 13 salário e férias proporcionais; férias vencidas; aviso prévio; FGTS a sacar na Caixa Econômica + 40% (multa).

Leia mais

Gerenciamento de Resultados Exercício 2007 GCO. Roteiro de apresentação. 1. Semáforo. 2. Gráfico. 3. Relatório das 3 Gerações. 4.

Gerenciamento de Resultados Exercício 2007 GCO. Roteiro de apresentação. 1. Semáforo. 2. Gráfico. 3. Relatório das 3 Gerações. 4. Roteiro de apresentação 1. Semáforo 2. Gráfico 3. Relatório das 3 Gerações 4. Fatos Relevantes Meta/Item de Controle Meta JAN FEV MAR ABR MAIO JUN JUL AGO SET OUT NOV DEZ METAS DE MELHORIA (PTO) Meta1

Leia mais

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE Simpl Acum Simpl Acum jul/10 a jun/11 jul/11 12 13 (%) (%) (%) (%) 1.72.380,00 0,00 0,00 0,00 361.00,00 22,96 22,96 1/11 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE ago/11 Simpl Acum Simpl Acum Simpl

Leia mais

DEMANDA DE CANDIDATOS POR VAGA

DEMANDA DE CANDIDATOS POR VAGA Analista de Correios / Administrador AC / Rio Branco 123 1 123,00 Analista de Correios / Técnico em Comunicação Social Atuação: Jornalismo AC / Rio Branco 27 1 27,00 Médico do Trabalho Formação: Medicina

Leia mais

Fundo de Apoio a Projetos do Escravo, nem pensar! 7ª edição - 2013

Fundo de Apoio a Projetos do Escravo, nem pensar! 7ª edição - 2013 Fundo de Apoio a Projetos do Escravo, nem pensar! 7ª edição - 2013 Tema: Trabalho e Migração: formas de combate ao trabalho escravo e ao tráfico de pessoas Caros(as) participantes, O programa Escravo,

Leia mais

Jornal do SindSaúde-SP - ano XXI - nº 155 160 dezembro 2015 MOBILIZAÇÃO JUNTOS E FORTES

Jornal do SindSaúde-SP - ano XXI - nº 155 160 dezembro 2015 MOBILIZAÇÃO JUNTOS E FORTES Jornal do SindSaúde-SP - ano XXI - nº 155 160 dezembro 2015 2 0 1 5 MOBILIZAÇÃO JUNTOS E FORTES 2 0 1 6 2 Nossa Palavra #não ao golpe! O país vive uma crise política. Não é uma disputa entre petistas e

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 37 Discurso na cerimónia de retomada

Leia mais

Jornalismo Alternativo e a Internet: Uma Possibilidade Cidadã para a Notícia

Jornalismo Alternativo e a Internet: Uma Possibilidade Cidadã para a Notícia Jornalismo Alternativo e a Internet: Uma Possibilidade Cidadã para a Notícia GARRIDO, Bibiana 1 MAGNONI, Antônio Francisco 2 Universidade Estadual Paulista, Bauru, SP RESUMO Neste breve relato de experiência

Leia mais

Diretrizes para Patrocínio de Projetos Incentivados

Diretrizes para Patrocínio de Projetos Incentivados Diretrizes para Patrocínio de Projetos Incentivados A Mexichem Brasil A Mexichem Brasil, subsidiária do Grupo Mexichem, com atuação nos setores de tubos e conexões e geotêxteis não tecidos, é resultado

Leia mais

Transporte Urbano sobre Trilhos Fonte: Concessionárias

Transporte Urbano sobre Trilhos Fonte: Concessionárias Transporte Urbano sobre Trilhos Fonte: Concessionárias Os números consideram os passageiros transportados, incluindo as transferências entre linhas. JANEIRO 01/10 01/11 % Acumulado no ano até Jan % Metrô-SP

Leia mais

Proposta de publicidade

Proposta de publicidade Proposta de publicidade Olá, prezado (a) Vimos por meio deste apresentar nosso Jornal e a nossa proposta de publicidade para seu negocio ou serviço, que segue-se adiante. Informação é fundamental nos dias

Leia mais

Panorama do transporte de passageiros sobre trilhos no B ra s i l e p e r s p e c t i v a s

Panorama do transporte de passageiros sobre trilhos no B ra s i l e p e r s p e c t i v a s Panorama do transporte de passageiros sobre trilhos no B ra s i l e p e r s p e c t i v a s ROBERTA MARCHESI SUPERINTENDENTE DA ANPTRILHOS PAINEL 6 - Mobilidade urbana: a crescente participação do setor

Leia mais

3. Autonomia frente aos partidos e parlamentares e Independência em relação aos patrões e governos

3. Autonomia frente aos partidos e parlamentares e Independência em relação aos patrões e governos Eixo III: Programa de trabalho para a direção do SISMMAC Continuar avançando na reorganização do magistério municipal com trabalho de base, organização por local de trabalho, formação política e independência

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Secretaria-Geral

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Secretaria-Geral MINISTÉRIO DA SAÚDE Secretaria-Geral Circular Informativa N.º 5 Data 03/05/2011 Para conhecimento de todos os serviços e organismos dependentes do Ministério da Saúde ASSUNTO: Eleições Legislativas 2011

Leia mais

Scup e Política: vitória nas urnas pelas redes sociais

Scup e Política: vitória nas urnas pelas redes sociais Scup e Política: vitória nas urnas pelas redes sociais A campanha do prefeito de Duque de Caxias Alexandre Aguiar Cardoso, natural de Duque de Caxias, cidade da região metropolitana do Rio de Janeiro,

Leia mais

Relatório de Particiçação da ADUFERPE no Seminário Nacional Sobre a Estrutura Organizativa do ANDES-SN

Relatório de Particiçação da ADUFERPE no Seminário Nacional Sobre a Estrutura Organizativa do ANDES-SN Relatório de Particiçação da ADUFERPE no Seminário Nacional Sobre a Estrutura Organizativa do ANDES-SN Representantes da ADUFERPE: Cícero Monteiro de Souza (Recife); Levy Paes Barreto (Diretoria-Recife);

Leia mais

Instruções de Uso. 1 - Imprima 3 cópias da petição, pois 2 ficarão no protocolo e 1 será devolvida com o nº do processo e data da audiência;

Instruções de Uso. 1 - Imprima 3 cópias da petição, pois 2 ficarão no protocolo e 1 será devolvida com o nº do processo e data da audiência; Instruções de Uso Depois de finalizada a petição inicial, você deverá seguir os seguintes passos: 1 - Imprima 3 cópias da petição, pois 2 ficarão no protocolo e 1 será devolvida com o nº do processo e

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE A ATUAL IMAGEM DOS MOVIMENTOS NACIONAIS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE A ATUAL IMAGEM DOS MOVIMENTOS NACIONAIS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE A ATUAL IMAGEM DOS MOVIMENTOS NACIONAIS ABRIL/ MAIO DE 2008 JOB474 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Levantar junto a população da área em estudo opiniões

Leia mais

LEI DA MÍDIA DEMOCRÁTICA

LEI DA MÍDIA DEMOCRÁTICA LEI DA MÍDIA DEMOCRÁTICA (versão simples da Lei da Comunicação Social Eletrônica) CAPÍTULO 1 PARA QUE SERVE A LEI Artigo 1 - Esta lei serve para falar como vai acontecer de fato o que está escrito em alguns

Leia mais

A COMUNICAÇÃO E 0 PODER

A COMUNICAÇÃO E 0 PODER NUMERO 28 ORGAO DA PASTORAL OPERARIA REGIONAL SUL I MARÇO-89 A COMUNICAÇÃO E 0 PODER Para conviver, as pessoas precisam, comunicar-se entre si. A boa comunicação favorece a construção da comunidade, da

Leia mais

I Seminário Comunicação Pública

I Seminário Comunicação Pública I Seminário Comunicação Pública Câmara de Vereadores Belo Horizonte Davi Emerich Diretor da Secretaria de Comunicação do Senado Federal A comunicação público-institucional, como entendemos, é recente no

Leia mais

PO 813734A AVALIAÇÃO DA PRESIDENTE DILMA PO 813734B INTENÇÃO DE VOTO PRESIDENTE PO 813734C 50 ANOS DA DITADURA MILITAR Nº CIDADE:

PO 813734A AVALIAÇÃO DA PRESIDENTE DILMA PO 813734B INTENÇÃO DE VOTO PRESIDENTE PO 813734C 50 ANOS DA DITADURA MILITAR Nº CIDADE: PO 813734A AVALIAÇÃO DA PRESIDENTE DILMA PO 813734B INTENÇÃO DE VOTO PRESIDENTE PO 813734C 50 ANOS DA DITADURA MILITAR Nº CPD: Nº CIDADE: CHECAGEM: 1 CHECADO 2 SEM TELEFONE 3 TELEFONE ERRADO 4 NÃO ENCONTRADO

Leia mais

SINAI participa de Congresso da classe trabalhadora

SINAI participa de Congresso da classe trabalhadora Filiado à INTERSINDICAL Órgão Informativo do Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Indireta do RN MAIO - 2010 Fotos: Lenilton Lima SEMINÁRIO Diretores eleitos participarão de um seminário

Leia mais

COMPROMISSO: TODOS PELA EDUCAÇÃO. MOZART NEVES RAMOS Presidente-Executivo

COMPROMISSO: TODOS PELA EDUCAÇÃO. MOZART NEVES RAMOS Presidente-Executivo COMPROMISSO: TODOS PELA EDUCAÇÃO MOZART NEVES RAMOS Presidente-Executivo Se quisermos ter Educação de qualidade para todos, teremos de ter todos pela qualidade da Educação. Declaração Mundial Sobre Educação

Leia mais

ANEXO II - PLANILHA DE FORMAÇÃO DE PREÇOS - MODELO DE PROPOSTA PROPOSTADEFORNECIMENTO

ANEXO II - PLANILHA DE FORMAÇÃO DE PREÇOS - MODELO DE PROPOSTA PROPOSTADEFORNECIMENTO ANEXO II - PLANILHA DE FORMAÇÃO DE PREÇOS - MODELO DE PROPOSTA PROPOSTADEFORNECIMENTO Ref.:COTAÇÃO ELETRÔNICANº003/2015 ApresentamosnossapropostaparafornecimentodosItensabaixodiscriminados,conformeAnexoI

Leia mais

Com este propósito, estamos apresentando o Programa de Treinamento a Clientes 2012.

Com este propósito, estamos apresentando o Programa de Treinamento a Clientes 2012. DEPARTAMENTO DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA PROGRAMA DE TREINAMENTO A CLIENTES 2012 Caro cliente, Você tem acompanhado o compromisso da Marcopolo em oportunizar treinamentos para a capacitação e o aperfeiçoamento

Leia mais

Júlio Eduardo dos Santos

Júlio Eduardo dos Santos Júlio Eduardo dos Santos Secretário Nacional de Transporte e da Mobilidade Urbana Linha do Tempo 1965 a 2003 Extinção da GEIPOT Lei 10.233 / 2001 Criação da EBTU lei nº 6.261 em 1975 Extinção da EBTU Dec.

Leia mais

RESUMO DE NOTÍCIAS. Sindicato dos Trabalhadores em Telecomunicações do Estado de São Paulo www.sintetel.org/ sintetel@sintetel.org.

RESUMO DE NOTÍCIAS. Sindicato dos Trabalhadores em Telecomunicações do Estado de São Paulo www.sintetel.org/ sintetel@sintetel.org. Mundo Sindical SÃO PAULO (SP): TRABALHADORES DO TELEATENDIMENTO COMPÕEM PAUTA DE REIVINDICAÇÕES Os trabalhadores do setor de teleatendimento compuseram a Pauta de Reivindicações para a Convenção Coletiva

Leia mais

N : PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA. Entrevistador: Nome do entrevistado: (xx)xxxxxxxx. Endereço: Cidade: Situação do domicílio: 1.Urbano 2.

N : PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA. Entrevistador: Nome do entrevistado: (xx)xxxxxxxx. Endereço: Cidade: Situação do domicílio: 1.Urbano 2. Entrevistador: Nome do entrevistado: Telefone: (xx)xxxxxxxx N : Endereço: Cidade: Situação do domicílio: 1.Urbano 2.Rural Estado: AC AP DF MA MT PE RJ RR SE AL BA ES MG PA PI RN RS SP AM CE GO MS PB PR

Leia mais

Cartilha de princípios

Cartilha de princípios Cartilha de princípios 2 MTST - Cartilha de princípios AS LINHAS POLÍTICAS DO MTST O MTST é um movimento que organiza trabalhadores urbanos a partir do local em que vivem: os bairros periféricos. Não é

Leia mais

PROGRAMA DE RÁDIO NA WEB ANTENA COMUNITÁRIA : ANÁLISE E PROPOSTA DE FORMATO JORNALÍSTICO NO PORTAL COMUNITÁRIO

PROGRAMA DE RÁDIO NA WEB ANTENA COMUNITÁRIA : ANÁLISE E PROPOSTA DE FORMATO JORNALÍSTICO NO PORTAL COMUNITÁRIO 1 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) ( x ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO ( ) TECNOLOGIA PROGRAMA DE RÁDIO NA WEB ANTENA

Leia mais

III Reunión, Lima, octubre 2010 A AUTOREFORMA SINDICAL E A HISTÓRIA DOS BANCÁRIOS DA CUT BRASIL. William Mendes,

III Reunión, Lima, octubre 2010 A AUTOREFORMA SINDICAL E A HISTÓRIA DOS BANCÁRIOS DA CUT BRASIL. William Mendes, III Reunión, Lima, octubre 2010 A AUTOREFORMA SINDICAL E A HISTÓRIA DOS BANCÁRIOS DA CUT BRASIL William Mendes, Secretário de Formação da CONTRAFCUT-CUT 1. INTRODUÇÃO No final dos anos setenta e início

Leia mais

PANORAMA DOS SERVIÇOS DE TV POR ASSINATURA

PANORAMA DOS SERVIÇOS DE TV POR ASSINATURA PANORAMA DOS SERVIÇOS DE TV POR ASSINATURA ( 44.ª EDIÇÃO ) AGÊNCIA NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES - ANATEL PANORAMA DOS SERVIÇOS DE TV POR ASSINATURA PRESIDENTE Ronaldo Mota Sardenberg CONSELHEIROS Emília

Leia mais

Rio de Janeiro, 3 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 3 de junho de 2008 Rio de Janeiro, 3 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Elias Nunes Júnior, 20 do 10 de 1958. Nasci em Bom Jesus de Itabapoana, interior do estado. FORMAÇÃO Eu sou formado em Ciências Contábeis, tenho Pós em

Leia mais

A natureza da crise política brasileira

A natureza da crise política brasileira A natureza da crise política brasileira Armando Boito Jr. Comecemos por um truísmo: a conjuntura política é complexa e difícil para as classes populares no Brasil e, também, na América Latina. No caso

Leia mais

de Pesquisa Econômica Aplicada Relatório de lvlonitoramento de Imprensa Período de Análise Setembro de 2010

de Pesquisa Econômica Aplicada Relatório de lvlonitoramento de Imprensa Período de Análise Setembro de 2010 Instituto Relatório de lvlonitoramento de Imprensa Período de Análise Setembro de 2010 I Instituto Total de matérias Total de matérias Divisão por Avaliação A mídia veiculou 1.555 matérias relacionadas

Leia mais

Cópia autorizada. II

Cópia autorizada. II II Sugestões de avaliação História 9 o ano Unidade 7 5 Unidade 7 Nome: Data: 1. As sentenças a seguir se referem ao segundo governo de Getúlio Vargas. Marque V nas sentenças verdadeiras e F nas falsas.

Leia mais

COORDENAÇÃO DA SUPERVISÃO

COORDENAÇÃO DA SUPERVISÃO COORDENAÇÃO DA SUPERVISÃO ASSUNTO: SEGURO FACULTATIVO - Reedição CIRCULAR: CS-024/08 Versão 3 PARA: GERÊNCIAS E AGÊNCIAS DATA: 29/08/08 Senhores, Informamos que foi firmado contrato com a Nobre Seguradora

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VITÓRIA DA CONQUISTA Secretaria de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer Gabinete do Secretário

PREFEITURA MUNICIPAL DE VITÓRIA DA CONQUISTA Secretaria de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer Gabinete do Secretário EDITAL Nº 003/2015 CONCURSO DE RUAS COM MELHOR ORNAMENTACÃO TRADICIONAL DE SÃO JOÃO REGULAMENTO O MUNÍCIPIO DE VITÓRIA DA CONQUITA, por intermédio do Secretário Municipal de Cultura, Turismo, Esporte e

Leia mais

Nome do programa, pesquisa ou produto: Almanaque IBOPE Pesquisa: Demografia Hábitos de lazer

Nome do programa, pesquisa ou produto: Almanaque IBOPE Pesquisa: Demografia Hábitos de lazer 1 Data de elaboração da ficha: Abr 2007 IBOPE - Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística Dados da organização Nome: IBOPE - Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística Endereço:

Leia mais

Relatório Mensal Junho 2007

Relatório Mensal Junho 2007 Relatório Mensal Junho 2007 Rio de Janeiro, 10 de julho de 2007. AO BANCO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL BNDES Rio de Janeiro RJ A/C: GESTOR DO CONTRATO Ref.: Manutenção e operação da rede

Leia mais

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS Janeiro de 2014 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte

Leia mais

DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO

DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO A CUT e as centrais sindicais negociaram com o governo

Leia mais

Como usar o monitoramento de mídias sociais numa campanha política

Como usar o monitoramento de mídias sociais numa campanha política Como usar o monitoramento de mídias sociais numa campanha política No Brasil, há poucas experiências conhecidas de uso de ferramentas de monitoramento de mídias sociais em campanhas políticas. Uma delas

Leia mais

Boletim Econômico e do Setor Portuário. Sumário

Boletim Econômico e do Setor Portuário. Sumário Boletim Econômico e do Setor Portuário Junho de 2014 Sumário Indicadores da Economia Nacional... 2 O Produto Interno Bruto PIB no primeiro trimestre de 2014... 2 Os Índices de Inflação... 3 O Mercado de

Leia mais

Alexandre Pontes Aragão Promotor de Justiça na 3ª Promotoria Auxiliar da Comarca de Maracanaú

Alexandre Pontes Aragão Promotor de Justiça na 3ª Promotoria Auxiliar da Comarca de Maracanaú Alexandre Pontes Aragão Promotor de Justiça na 3ª Promotoria Auxiliar da Comarca de Maracanaú CURSO A COMUNIDADE PELA MORALIDADE N de aulas: 05 (cinco) Período do dia e duração aproximada de cada aula:

Leia mais

Vereador de Verdade. Vejam só: Vereador de Verdade é Eneias.

Vereador de Verdade. Vejam só: Vereador de Verdade é Eneias. Vereador de Verdade Vereador de Verdade é Eneias. É gente da gente e busca soluções para transformar nossa cidade numa Feliz Cidade. Não basta apenas fiscalizar e denunciar. É claro que isso tem que ser

Leia mais

PERMANÊNCIA DO SPGL NA CONFEDERAÇÃO PORTUGUESA DE QUADROS TÉCNICOS E CIENTÍFICOS. Organização e Direcção do Processo

PERMANÊNCIA DO SPGL NA CONFEDERAÇÃO PORTUGUESA DE QUADROS TÉCNICOS E CIENTÍFICOS. Organização e Direcção do Processo SPGL Sindicato dos Professores da Grande Lisboa PERMANÊNCIA DO SPGL NA CONFEDERAÇÃO PORTUGUESA DE QUADROS TÉCNICOS E CIENTÍFICOS METODOLOGIA A SEGUIR NA CONSULTA AOS ASSOCIADOS (Aprovada na Assembleia

Leia mais

MÓDULO 19- O BRASIL DA DITADURA MILITAR( 1964-1985)

MÓDULO 19- O BRASIL DA DITADURA MILITAR( 1964-1985) OS PRESIDENTES MILITARES: MÉDICI GEISEL COSTA E SILVA FIGUEIREDO CASTELLO BRANCO 1 - O governo CASTELLO BRANCO (Sorbonne 1964 1967): PAEG (Plano de Ação Econômica do Governo): Fim da Estabilidade no emprego.

Leia mais

PROGRAMA DA CHAPA PARTIDO E GOVERNO COM O POVO PARA O PT CONTINUAR LIDERARANDO UM NOVO CICLO DE TRANSFORMAÇÕES NO BRASIL E EM GUARULHOS

PROGRAMA DA CHAPA PARTIDO E GOVERNO COM O POVO PARA O PT CONTINUAR LIDERARANDO UM NOVO CICLO DE TRANSFORMAÇÕES NO BRASIL E EM GUARULHOS PROGRAMA DA CHAPA PARTIDO E GOVERNO COM O POVO PARA O PT CONTINUAR LIDERARANDO UM NOVO CICLO DE TRANSFORMAÇÕES NO BRASIL E EM GUARULHOS "As manifestações são parte indissociável do nosso processo de ascensão

Leia mais

A economia brasileira e as perspectivas do investimento Luciano Coutinho Presidente do BNDES

A economia brasileira e as perspectivas do investimento Luciano Coutinho Presidente do BNDES A economia brasileira e as perspectivas do investimento Luciano Coutinho Presidente do BNDES O Brasil ingressa em um novo ciclo de desenvolvimento A economia brasileira continuarácrescendo firmemente nos

Leia mais

Arquivos Históricos, CLE/UNICAMP

Arquivos Históricos, CLE/UNICAMP Universidade Estadual de Campinas Centro de Lógica, Epistemologia e História da Ciência Seção de Arquivos Históricos em História da Ciência Fundo: Michel Maurice Debrun Grupo: Hemeroteca Michel Maurice

Leia mais

Fundo de Apoio a Projetos do Educar para Libertar!

Fundo de Apoio a Projetos do Educar para Libertar! FÓRUM DE ERRADICAÇÃO DO ALICIAMENTO E COMBATE AO TRABALHO ESCRAVO NO PIAUÍ Fundo de Apoio a Projetos do Educar para Libertar! 1. Apresentação Caros (as) participantes, o projeto Educar para Libertar, criado

Leia mais

VIAGEM E TURISMO. Perfil da revista. Perfil do leitor. 76% de share³. Líder absoluta no segmento. 82% pertencem às classes AB

VIAGEM E TURISMO. Perfil da revista. Perfil do leitor. 76% de share³. Líder absoluta no segmento. 82% pertencem às classes AB VIAGEM E TURISMO Perfil da revista Líder absoluta no segmento Circulação de 97.630 exemplares¹ Mais de 286.000 leitores² 76% de share³ Perfil do leitor 82% pertencem às classes AB 63% possuem entre 25

Leia mais

Autogestão de Recursos Públicos em Habitação Popular na Bahia -Brasil

Autogestão de Recursos Públicos em Habitação Popular na Bahia -Brasil Autogestão de Recursos Públicos em Habitação Popular na Bahia -Brasil IV Encontro Estadual UMP 2011 Atuação da UMP-BA em Salvador-BA PARIPE -Vila Solidaria Mar Azul - Credito Solidário -236 Moradias-

Leia mais

RELATÓRIO REFERENTE AO MÊS DE MAIO DE 2011

RELATÓRIO REFERENTE AO MÊS DE MAIO DE 2011 RELATÓRIO REFERENTE AO MÊS DE MAIO DE 2011 Em maio, a AMAERJ ocupou espaços jornalísticos em veículos como O Globo, Jornal do Commercio, O Dia, Estado de Minas, Diário do Comércio, G1, CBN e Consultor

Leia mais

FONTE: Ministério das Cidades, DENATRAN Departamento Nacional de Trânsito, RENAVAM Registro Nacional de Veículos Automotores - JUNHO 2009 Congestionamentos Poluição Ambiental Sonora Visual Cobrança

Leia mais

Três exemplos de sistematização de experiências

Três exemplos de sistematização de experiências Três exemplos de sistematização de experiências Neste anexo, apresentamos alguns exemplos de propostas de sistematização. Estes exemplos não são reais; foram criados com propósitos puramente didáticos.

Leia mais

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS Julho de 2015 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte

Leia mais

FORMULÁRIO DE CADASTRAMENTO/ENTIDADES /ORGANIZAÇÕES DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

FORMULÁRIO DE CADASTRAMENTO/ENTIDADES /ORGANIZAÇÕES DE ASSISTÊNCIA SOCIAL FORMULÁRIO DE CADASTRAMENTO/ENTIDADES /ORGANIZAÇÕES DE ASSISTÊNCIA SOCIAL DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Denominação: Endereço: Número: Bairro: Distrito Município: CEP: Telefone: Fax: Caixa Postal Correio Eletrônico

Leia mais

O Programa de Investimentos em Logística: Um Projeto Estratégico do Estado Brasileiro

O Programa de Investimentos em Logística: Um Projeto Estratégico do Estado Brasileiro O Programa de Investimentos em Logística: Um Projeto Estratégico do Estado Brasileiro Bernardo Figueiredo Presidente da Empresa Brasileira de Planejamento e Logística Logística e Desenvolvimento Econômico

Leia mais

Os ativistas do Espaço de Unidade de Ação e de diversas entidades sindicais, populares, estudantis, coletivos e partidos políticos reunidos no

Os ativistas do Espaço de Unidade de Ação e de diversas entidades sindicais, populares, estudantis, coletivos e partidos políticos reunidos no Os ativistas do Espaço de Unidade de Ação e de diversas entidades sindicais, populares, estudantis, coletivos e partidos políticos reunidos no Encontro Nacional dos Lutadores e Lutadoras em São Paulo no

Leia mais

Ministério da Saúde Conselho Nacional de Saúde/CNS

Ministério da Saúde Conselho Nacional de Saúde/CNS Ministério da Saúde Conselho Nacional de Saúde/CNS Ministério da Saúde Conselho Nacional de Saúde/CNS Comissão Nacional de Ética em Pesquisa 256ª Reunião Ordinária CNS Jorge Alves de Almeida Venancio 09/04/2014

Leia mais

Telefonia Móvel. Audiência Pública da Comissão de Defesa do Consumidor Requerimentos 03/2011 e 05/2011 24 de março de 2011

Telefonia Móvel. Audiência Pública da Comissão de Defesa do Consumidor Requerimentos 03/2011 e 05/2011 24 de março de 2011 Telefonia Móvel Audiência Pública da Comissão de Defesa do Consumidor Requerimentos 03/2011 e 05/2011 24 de março de 2011 Sumário Base de clientes Investimentos Empregos gerados Competição Preço dos serviços

Leia mais

O jornal comunitário como instrumento de reconhecimento social. Moema Novais Costa 1 Angelo Sottovia Aranha 2

O jornal comunitário como instrumento de reconhecimento social. Moema Novais Costa 1 Angelo Sottovia Aranha 2 O jornal comunitário como instrumento de reconhecimento social Moema Novais Costa 1 Angelo Sottovia Aranha 2 RESUMO O Voz do Nicéia é um projeto de extensão da Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação

Leia mais

Planeta Faminto - Uma Campanha de Valorização da Agricultura Brasileira

Planeta Faminto - Uma Campanha de Valorização da Agricultura Brasileira Planeta Faminto - Uma Campanha de Valorização da Agricultura Brasileira Mauricio Russomanno Vice Presidente Divisão Proteção de Cultivos Contexto Como conscientizar a população sobre a importância da agricultura

Leia mais

Prof. Thiago Oliveira

Prof. Thiago Oliveira Prof. Thiago Oliveira Depois da 2ª Guerra Mundial o Brasil passou por um período de grandes transformações no campo da política, economia e sociedade, superando o Estado Novo de Getúlio e experimentando

Leia mais

ESCOLHA DE DIRIGENTES ESCOLARES EM MINAS GERAIS: TRAJETÓRIA HISTÓRICA, IMPASSES E PERSPECTIVAS Marcelo Soares Pereira da Silva Universidade Federal

ESCOLHA DE DIRIGENTES ESCOLARES EM MINAS GERAIS: TRAJETÓRIA HISTÓRICA, IMPASSES E PERSPECTIVAS Marcelo Soares Pereira da Silva Universidade Federal ESCOLHA DE DIRIGENTES ESCOLARES EM MINAS GERAIS: TRAJETÓRIA HISTÓRICA, IMPASSES E PERSPECTIVAS Marcelo Soares Pereira da Silva Universidade Federal de Uberlândia A discussão sobre a importância da participação

Leia mais

Resumo de Notícias. Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Telecomunicações e Operadoras de Mesas Telefônicas no Estado do Espírito Santo

Resumo de Notícias. Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Telecomunicações e Operadoras de Mesas Telefônicas no Estado do Espírito Santo Portal da CUT 21/01/2015 Papel da CUT e dos movimentos é combater retrocesso Para presidente da Central, apostar na derrubada da economia para conter inflação coloca em risco o emprego e as conquistas

Leia mais

Título Produção Quantidade Palavras chaves Resumo. 67 slides, uma fita k7 e roteiro audiovisual. Apenas cópia.

Título Produção Quantidade Palavras chaves Resumo. 67 slides, uma fita k7 e roteiro audiovisual. Apenas cópia. Título Produção Quantidade Palavras chaves Resumo A história que não foi contada 67 slides, uma fita k7 e roteiro Trabalho escravo, abolição. Trata sobre a formação do trabalho escravo, os trabalhos aos

Leia mais

CARTILHA DE MOBILIZAÇÃO E GREVE

CARTILHA DE MOBILIZAÇÃO E GREVE CARTILHA DE MOBILIZAÇÃO E GREVE ESPECIAL GREVE Este documento contém todas as orientações básicas que um servidor em greve inclusive em estágio probatório deve saber para não ser prejudicado em nenhuma

Leia mais

PROJETO GERAL DA SIGNIS/BRASIL - Triênio 2011/2013

PROJETO GERAL DA SIGNIS/BRASIL - Triênio 2011/2013 PROJETO GERAL DA SIGNIS/BRASIL - Triênio 2011/2013 Signis Brasil Associação católica de comunicação foi criada no Brasil, no dia 2 de dezembro de 2010, em Assembleia, que aprovou seus estatutos e elegeu

Leia mais

Investe-se muito pouco em saneamento, o que torna a universalização muito distante.

Investe-se muito pouco em saneamento, o que torna a universalização muito distante. Nossa Realidade 57% da população brasileira não possui coleta de esgoto (SNIS 2008) O Brasil é o 9º colocado no ranking mundial da vergonha com 13 milhões de habitantes sem acesso a banheiro (OMS/UNICEF)

Leia mais

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS Agosto de 2014 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte

Leia mais

Programa de Descentralização da Gestão dos Trens Urbanos

Programa de Descentralização da Gestão dos Trens Urbanos Programa de Descentralização da Gestão dos Trens Urbanos O que é Objetivos Modelo Estratégia do Modelo Adotado Implementação Crítica Proposta de um novo modelo Execução orçamentária dos trens metropolitanos

Leia mais

JORNAL 427.579,13 - RÁDIO 271.938,42 - REVISTA - - TV - - OUTRAS MÍDIAS - - INTERNET - - PRODUÇÃO E EDIÇÃO DE ANÚNCIOS - -

JORNAL 427.579,13 - RÁDIO 271.938,42 - REVISTA - - TV - - OUTRAS MÍDIAS - - INTERNET - - PRODUÇÃO E EDIÇÃO DE ANÚNCIOS - - PRODUÇÃO FORNECEDORES VEÍCULOS CUSTOS NOVEMBRO/2011 (em R$) WHITE PROPAGANDA TALK COMUNICAÇÃO JORNAL 427.579,13 - RÁDIO 271.938,42 - REVISTA - - TV - - OUTRAS MÍDIAS - - INTERNET - - PRODUÇÃO E EDIÇÃO

Leia mais