PLANO MUNICIPAL DE AMBIENTE

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PLANO MUNICIPAL DE AMBIENTE"

Transcrição

1

2 Ribeira de Pena é um concelho aprazível e de grande beleza em termos das qualidades estéticas e visuais da paisagem, possui características únicas, pertencendo a Trás-os-Montes e Alto Douro mas também inclui uma área fronteiriça do Minho, razão pela qual tem como características o verde do Minho e os tons de castanhos e cinzentos da Trás-os-Montes, vales cavados por numerosos cursos de água e de montanhas abruptas. Dominado pela bacia hidrográfica do Tâmega, no seu curso médio, o concelho de Ribeira de Pena possui uma grande riqueza e variedade paisagística. Os vales profundos definidos pelo Tâmega e pelos seus afluentes, viçosos no seu verde intenso, têm uma expressão agrícola, cultural e de povoamento tipicamente minhota. Acima da cota dos 400 metros, a norte e a sul, encostas alterosas penetram em maciços rochosos tipicamente transmontanos. A Norte pelo concelho de Boticas, a Este pelo de Vila Real e Mondim de Basto e a Oeste pelo de Cabeceiras de Basto. O concelho de Ribeira de Pena é constituído por cinco freguesias (Alvadia, Canedo, Cerva/Limões, Ribeira de Pena-Salvador/Santo Aleixo de Além Tâmega e Santa Marinha) estendendo-se por uma área de cerca de 217,6 Km². RESÍDUOS O Município de Ribeira de Pena é responsável pela recolha e transporte e destino final dos resíduos sólidos urbanos e equiparados, através da prestação de serviços de duas empresas distintas, a Resinorte e Luságua. A empresa Luságua presta serviço dos resíduos indiferenciados, sendo que a cobertura da recolha de é praticamente total. Relativamente à recolha seletiva no Município, é realizada pela Resinorte que dispões de 27 ecopontos colocados e alguns vidrões. Este valor é diminuto relativamente ao número de aglomerados, no entanto, atendendo à densidade populacional e aos rácios praticados pela Resinorte não se prevê o aumento significativo do número destas infraestruturas. A empresa tem vindo a desenvolver vários esforços no sentido de melhorar os serviços de acessibilidade aos sistemas de recolha seletiva, tendo implementado o sistema de recolha portaa-porta de papel/cartão e plástico de embalagens na sede do concelho, e centro da vila de Cerva, sendo realizada uma vez por semana. No eu diz respeito aos resíduos volumosos (monstros/monos), que pelas suas características e dimensões, não podem ser depositados nos contentores, nem removidos nos circuitos normais de recolha, o município assegura gratuitamente aos munícipes a sua recolha através de marcação. O município dispõe ainda de oleões - contentores para deposição de óleos, e velões contentores para deposição de velas, cuja recolha é efetuada pela Reciol. Recolha indiferenciada ao longo do ano Total 2014 Total 2015 Total 2016

3 kg PLANO MUNICIPAL DE AMBIENTE Evolução da Produção de Resíduos no Concelho de Ribeira de Pena ABASTECIMENTO DE ÁGUA A qualidade da água fornecida aos consumidores é uma prioridade constante do Município de Ribeira de Pena. Todos os meses são realizadas análises para monitorizar a evolução da qualidade da água de acordo com o Programa de Controlo da Qualidade da Agua (PCQA) desenvolvido com base no Decreto-Lei nº306/2007, de 27 de agosto, aprovado pela ERSAR, entidade que superintende nesta área. Todas as amostras colhidas são posteriormente analisadas em laboratório. Este trabalho realiza-se continuamente em colaboração com a Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos e Autoridade de Saúde Local, com o objetivo de garantir em permanência a qualidade da água. Os resultados das análises são divulgados trimestralmente em editais. Mistura de RSU Monstros Vidro Papel/Cartão Plástico/Metal PARQUE AMBIENTAL DE RIBEIRA DE PENA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA O Município de Ribeira de Pena procedeu a uma intervenção na rede de iluminação pública nos centros urbanos de Salvador e Cerva e na artéria de ligação entre Balteiro e o Entroncamento, com vista a uma melhoria da eficiência energética. Esta ação teve início com a identificação dos pontos com maior consumo, das instalações com lâmpadas de grande potência, luminárias ineficientes, danificadas ou obsoletas, das instalações com níveis de iluminância excessivos ou desadequados em relação ao seu uso. A implementação de luminárias de tecnologia LED vai permitir uma melhoria da qualidade luminotécnica, que vai conferir maior segurança aos peões, maior comodidade aos condutores, maior realce dos espaços e monumentos, com menores custos de manutenção. Todavia, a principal vantagem desta substituição prende-se com o aumento da eficiência energética, uma vez que a diminuição do consumo de energia elétrica, reflete-se numa redução das emissões de dióxido de carbono associadas, com impactos positivos no ambiente, e numa poupança estimada na fatura da eletricidade do Município de ,00 por ano. O Parque Ambiental de Ribeira de Pena, localizado no lugar do Bucheiro, à entrada da vila, vem no seguimento de uma estratégia do Município centrada na preservação, promoção e divulgação dos recursos naturais e ambientais do concelho, tentando fazer de Ribeira de Pena uma referência no panorama do Turismo de Natureza. Nos 18 hectares do parque podemos encontrar várias espécies de fauna e flora, devidamente identificados, zonas arbóreas de espécies autóctones (pinheiro bravo, carvalho, vidoeiro, choupo, freixo, castanheiro, entre outras), dois centros de interpretação e uma oficina ambiental. Este parque, único no distrito de Vila Real, põe ainda à disposição do visitante uma área com plantas aromáticas e medicinais de várias espécies, que oportunamente serão secas, higienizadas e embaladas de forma adequada e postas à disposição do público, que as poderá adquirir a preço simbólico.

4 AÇÕES A IMPLEMENTAR SEGUNDO AS NECESSIDADES VERIFICADAS A. ASSEGURAR O SISTEMA DE SANEAMENTO E TRATAMENTO PARA TODOS Volume de água utilizado na rega dos espaços públicos/jardins (m3 /ha) Eliminar situações de descarga de efluentes (domésticos e industriais) diretamente nas linhas de água Melhorar a qualidade dos efluentes nos pontos de entrega (ETAR) Garantir a eficácia e a eficiência do sistema de recolha, drenagem e tratamento de águas residuais Assegurar o controlo das atividades que exercem pressão sobre o recurso hídrico Taxa de recolha e tratamento de águas residuais (%) Qualidade das linhas de água B. Sensibilização Como poupar água Sensibilizar a população para a escassez da água e mostrar como podem poupar este recurso utilizando-o de forma consciente. Diminuir as perdas na rede de abastecimento de água, Reutilizar as águas residuais tratadas (ETAR) em usos compatíveis (rega de espaços verdes, lavagens, descargas em instalações sanitárias) Assegurar a contabilização da água para rega dos espaços verdes/jardins Reutilizar as águas pluviais Promover o uso eficiente da água Proteger as águas subterrâneas enquanto reservas estratégicas em situações hídricas extremas (cheias e secas) Volume de água subterrânea captada em relação ao volume total (%) Perdas de água na rede de abastecimento pública (%) Extensão da rede reabilitada, renovada e remodelada (km) C. Encaminhamento de RCD Assegurar a existência de locais adequados para a localização das sucatas Contribuir para a legalização das sucatas existentes Eliminar a existência de entulhos Assegurar a fiscalização de despejo de entulhos Evitar a degradação do ambiente e da paisagem Deposição de resíduos em locais aleatórios (N.º de ocorrências) Locais degradados e/ou contaminados recuperados e/ou descontaminados (N.º) Ações de sensibilização (N.º) Quantidade de RCD recolhidos (m3) D. Contribuir para um sistema de recolha eficiente Promover a redução, reutilização, reciclagem e valorização dos resíduos Melhorar o encaminhamento dos resíduos Assegurar uma distribuição mais equitativa dos ecopontos Assegurar condições para incentivar a separação de resíduos Taxa de reciclagem (%) Taxa de reutilização (%) Ações de sensibilização e estímulo à reciclagem e reutilização de resíduos (N.º) Taxa de enchimento dos ecopontos (%)

5 E. Promover ações de divulgação e (in)formação (ver plano de atividades) Melhorar o nível cultural e sensibilização ambiental Reduzir o consumo de energia Reduzir o consumo de água Reduzir a produção de resíduos e aumentar a reciclagem Promover o uso de energias alternativas Evitar a utilização abusiva de agro-químicos e fertilizantes Ações de divulgação (N.º e população a participar) Manual de boas práticas (N.º de exemplares distribuídos) PLANO DE ATIVIDADES DE ÂMBITO AMBIENTAL PLANO DE AÇÃO MUNICIPAL PARA OS RESÍDUOS URBANOS EXPOSIÇÃO: POLÍTICA DOS 3R S + RECOLHA SELETIVA Ações de sensibilização em dias temáticos ou através de marcação no Parque Ambiental Destinatários: Alunos do Agrupamento de Escolas de Ribeira de Pena, Centros de Convívio, comerciantes ou comunidade em geral A implementação do plano de ação deverá ser monitorizada através de um conjunto de indicadores. O plano de monitorização deve ser assegurado através: Avaliar o desempenho dos indicadores; Assegurar a adaptabilidade das ações no tempo e no espaço; Divulgar a informação; Verificar a aceitação do público das ações adotadas; Apresentar relatórios de progresso. COMPOSTAGEM Ações de sensibilização em dias temáticos ou através de marcação no Parque Ambiental de Ribeira de Pena Destinatários: Alunos do Agrupamento de Escolas de Ribeira de Pena, Centros de Convívio, comerciantes ou comunidade em geral

6 DIA MUNDIAL DO AMBIENTE Ações de sensibilização e limpeza de zonas críticas do concelho Parceiros: CLDS+ Sol Nascente, Associação Penatitude, Juntas de Freguesia Associaram-se a esta iniciativa a RESINORTE, LUSÁGUA, GIPS, Equipas de Sapadores Florestais, Agrupamento de Escuteiros 540 de Cerva, Bombeiros Voluntários de Cerva e Ribeira de Pena, Casa do Povo de Cerva, e os grupos Rio Póio e Rota do Póio TT. SEMANA DA FLORESTA Ateliers de jardinagem nas escolas, caminhada pela floresta e confraternização no Parque de Merendas de Lamelas, apresentação da exposição ARVONTADE e representação da peça de teatro infantil Os Músicos da Aldeia Parceiros: Instituto de Conservação de Natureza e Florestas- ICNF, a Associação Florestal de Ribeira de Pena, os Bombeiros Voluntários de Cerva e Ribeira de Pena, o Agrupamento de Escolas de Ribeira de Pena, os GIPS e o Conselho Diretivo dos Baldios de Seirós Destinatários: Alunos do Agrupamento de Escolas de Ribeira de Pena e Centros de Convívio AMARELO POR UM SORRISO Campanha dinamizada pela Resinorte para a recolha de resíduos de plástico e metal.

7 SEMANA DA REFLORESTAÇÃO Exposição de trabalhos relativos às espécies autóctones do concelho, caminhada simbólica, plantação de árvores Destinatários: Centros de convívio, Grupo Desportivo de Ribeira de Pena Parceiros: Junta Freguesia de Salvador e Santo Aleixo de Além Tâmega, Junta de Freguesia de Canedo e Instituto de Conservação da Natureza e Florestas SEMANA EUROPEIA DA PREVENÇÃO DE RESÍDUOS Ações de sensibilização, atividades, workshops e ateliers no âmbito da redução de resíduos (recicláeis, óleos alimentares usados, medicamentos, raio-x, pneus, RCD, ) Destinatários: Alunos do Agrupamento de Escolas de Ribeira de Pena e Centros de Convívio DIA MUNDIAL DA ÁRVORE Demonstração de meios de 1ª intervenção de combate aos incêndios florestais e plantação de espécies autóctones. Destinatários: Alunos do Agrupamento de Escolas de Ribeira de Pena

8 APOIO A INICIATIVAS PARA A LIMPEZA DO CONCELHO AO LONGO DO ANO DIA INTERNACIONAL DA BIODIVERSIDADE Observação de aves no Parque ambiental do Bucheiro Destinatários: Alunos do Agrupamento de Escolas de Ribeira de Pena, Centros de Convívio, ou comunidade em geral WORKSHOP COGUMELOS DA RIBEIRA A atividade envolveu algumas apresentações, a identificação e apanha de cogumelos silvestres no campo, análise em grupo dos diversos exemplares colhidos e uma demonstração culinária com cogumelos. Destinatários: Comunidade em geral Parceiros: Agrupamento de Escolas de Ribeira de Pena, no âmbito da valorização dos recursos naturais. PEÇA PAI NATAL VERDE DA BETWEIEN. WORKSHOP SOBRE ENERGIA Workshop Emagreça a sua fatura de energia que incluiu sugestões para diminuir o consumo de energia e, consequentemente, reduzir o gasto na fatura de eletricidade, incidindo, em particular, na redução dos consumos associados ao modo de espera ( stand by ) e na escolha de equipamentos com maior eficiência energética. Organização: CLDS 3G Sol Nascente, Núcleo Local de Inserção e DECO - Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor. O projeto Pai Natal Verde tem como objetivo sensibilizar os mais novos para a preservação e sustentabilidade do ambiente, alertando-os principalmente para os excessos cometidos na época natalícia. Destinatários: Alunos do ensino pré-escolar e do primeiro ciclo do Agrupamento de Escolas de Ribeira de Pena e da Santas Casas de Cerva e Ribeira de Pena. Parceria: CLDS 3G Sol Nascente

9 APRESENTAÇÃO DO PLANO MUNICIPAL DE DEFESA DA FLORESTA CONTRA INCÊNDIOS O PMDFCI visa operacionalizar ao nível local e municipal as normas contidas na legislação de defesa da floresta contra incêndios florestais. Trata-se de um instrumento orientador, que inclui a programação das ações de prevenção e o modo de coordenação das entidades envolvidas em caso de incêndio florestal. A Comissão aprovou, por unanimidade, a proposta de Plano apresentada, e deliberou o envio do PMDFCI para o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas. ATIVIDADES A IMPLEMENTAR Destinatários: Alunos do Agrupamento de Escolas de Ribeira de Pena, Centros de Convívio, ou comunidade em geral DIA MUNDIAL DA TERRA Sensibilizar para o aquecimento global, efeito de estufa, extinção de espécies animais, aumento do nível dos oceanos, aumento do número de catástrofes naturais e escassez da água potável. DIA MUNDIAL DA ÁGUA Desenvolver atividades relacionadas com a água de forma a sensibilizar a população para a importância deste recurso BRIGADA ANTI-LIXEIRA Realizar ações de fiscalização às pequenas lixeiras clandestinas existentes no concelho LÂMPADAS DE BAIXO CONSUMO NA MINHA CASA Sensibilização da população na utilização de equipamento com baixo custo energético. Avaliação da implementação do plano de atividades O grau de implementação do plano de atividades será avaliado através uma metodologia de medição dos resultados das ações através de: Verificação do consumo de água; Avaliação da diminuição do consumo de energia; Verificação da diminuição de resíduos entregues para aterro e contabilização do aumento da reciclagem Avaliação da satisfação do Munícipes