gerenciamento Gerenciamento da cor de cor na pré-impressão e impressão digital Ary Luiz Bon Alberto Sanches Lopes

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "gerenciamento Gerenciamento da cor de cor na pré-impressão e impressão digital Ary Luiz Bon Alberto Sanches Lopes"

Transcrição

1 Gerenciamento da cor na pré-impressão e impressão digital Ary Luiz Bon Alberto Sanches Lopes

2 Gerenciamento da cor na pré-impressão e impressão digital Apresentação em 5 partes Filosofia de trabalho do. Elementos do. Vantagens do ICC. Elementos do ICC. Uso de softwares de perfil. Ary Luiz Bon Alberto Sanches Lopes

3 ICC = Automatização do Controle da COR Ary Luiz Bon 1

4 Histórias do desktop... Tudo o que é informatizado e digital tem mais tecnologia... Impressão digital tem menos problemas que impressão convencional porque é mais avançada... Com o avanço, as cores saem mais corretas na impressão... Será que tem alguma verdade nestas afirmativas...?

5 ICC é lindo... 1) você descola um perfil... 2) instala o perfil... 3)... printa o arquivo... VOILÁ...! cores lindas e perfeitas. (...just push play). (...e nas fadinhas e duendes, você acredita...?)

6 Filosofia : Usar ICC é automatizar o Controle da Cor... mas quando se fala de automatizar, já não significa controlar...? NÃO SENHOR...! Controlar é o mesmo que GERENCIAR, e automatizar é PRODUZIR EM GRANDE QUANTIDADE. Promessas da Indústria informática... WYSIWYG / USER FRIENDLY / PLUG & PLAY Não precisa ser cientista aeroespacial... Promessas jamais feitas o computador - faz para você... (MENTIRA...!!!) Não se controla o que não se conhece.

7 Automatizar...?... o computador foi inventado para automatizar coisas... O problema de controlar a cor é um problema de estabelecer referências adequadas e conduzir ações conforme estas referências. Tem coisas que são automatizáveis, e tem coisas que NÃO SÃO.

8 Controle...? controle (da qualidade) se opõe a : Conhecimento opiniões, interpretação, tentativa-e êrro, envolve: especificações valores tolerâncias Controle Medição Ação

9 Controlar...? Conhecer, Medir, Agir Medir para qualidade = Unidades, Grandezas, Tolerâncias... para controlar um sistema, é adequado pensar em ferramentas sistêmicas (ou seja, automação). Entretanto... : Ação: Automatizável Medição: Semi-automatizável Conhecimento: Não automatizável

10 Automatizar...? Conhecimento = não automatizável! No contexto da automação, controle envolve a RESPONSABILIDADE!!! Controle Controle... e Ação = esta, Automatizável fica Medição = no campo semi-automatizável do conhecimento

11 Automatizar: PILOTO AUTOMÁTICO Assim como um avião BOEING, há inúmeros controles a configurar na reprodução das cores Igualmente, há a responsabilidade pelo vôo seguro, decolagem, pouso, e a possibilidade do piloto automático como há responsabilidade, NÃO DÁ PRA DEMITIR O PILOTO!!!

12 Padronização da impressão Antes de automatizar, algumas ações precisam estar definidas com suas variáveis pré-condicionadas por rotinas envolvendo: Norma regra, princípio ou medida estabelecidas como denominador comum por uma entidade representativa e aplicável de forma ampla em um mercado Especificação descrição detalhada ou critério de projeto e execução Método modo, técnica ou processo de execução.

13 Que está envolvido no das cores? 2 Automatizar o que? O sistema tradicional e o ICC envolvem os mesmos conceitos.

14 Que é...? Gerenciamento de Cor Em diferentes momentos, ações gerenciais da cor devem ocorrer. Calibração: linearização Caracterização: mapeamento ou roteamento Correção: conversão Estas Ações utilizam CURVAS,TABELAS, REGRAS - para o relacionamento entre os dispositivos, referente às cores

15 Calibração Também chamado LINEARIZAR Significa zerar um sistema, ou remover / compensar quaisquer variáveis que afetem o funcionamento Estudo de Linearidade requisitado 60 ganho resposta input Output A calibração se refere sempre ao dispositivo individual, e não ao sistema

16 Caracterização Roteamento de gamut: medição densitométrica e colorimétrica de um dispositivo funcionando sob dadas condições, localização no espaço. Comportamento deste dispositivo enquanto quantidades, Colorimetria desvios e equilíbrio 0,8 (neutralidade) 1 Para caracterizar, préviamente é necessário CALIBRAR 6 2 0, % 75% 50% 25%

17 Correção es Em artes gráficas, 3 significados: adequar a imagem ao projeto gráfico enquanto especificação do cliente fazer coincidirem as cores entre diversos tipos de impressão ou espaços fazer compensações para adequar as limitações colorimétricas das tintas e substratos e a imagem a reproduzir Para corrigir / converter, é necessário conhecer a CARACTERÍSTICA Conversão

18 O que é que eu ganho com isso? 3 Qual a vantagem do ICC sobre o convencional das cores?

19 O ambiente Desktop e o de Artes Gráficas elementos: dispositivos (scanner / vídeo / saídas) drivers (interpretadores para conexão) objetivos de saída (diferentes por job) O computador não entende cores. As informações (dados) entram como sequências em código, a partir da interpretação do dispositivo. Cada dispositivo interpreta e codifica diferentemente as cores, conforme sua construção e tipo.

20 Espaços : Cada dispositivo engloba uma quantidade es, dentro do que o olho humano pode ver. espaços de diversos dispositivos. olho humano monitor #1 monitor #2 impressora #1 impressora#2

21 Um exemplo Todas as Tvs estão recebendo o MESMO sinal mas as cores estão diferentes... Todas as Tvs dão saída em RGB Os gamuts diferem (colorimetria) Os gammas diferem (densitometria)

22 Gamuts tamanho espacial A visualização de gamuts em 3D é difícil de interpretar analíticamente, mas permite comparação entre dois dispositivos

23 Diferentes objetivos de Publicação Além das diferenças de gamut... Para cada sistema de impressão, diferentes maneiras e requerimentos de gerenciar a cor. Impressão tradicional (com matriz) Impressão eletrônica (sem matriz) Impressão virtual (sem matriz, sem substrato)

24 Independência de dispositivo Cada scanner, monitor, impressora tem comportamentos peculiares. História do Originalmente, sistemas fechados Posteriormente obtida através de roteiros PS utilizando CRDs Extendida ao desktop através do esfôrço de normalização do ColorSync, mais tarde adotado como ICC

25 Vantagens Gerenciamento uma vez, impressão de fotografias em múltiplos dispositivos diferentes Mais opções de roteiros de produção baseados na estrutura existente Viabilização da publicação remota Uniformização da referencia, menos trabalho de pré-impressão. Dificuldades: Cores especiais requerem esforço especial (dá trabalho...)

26 Como implementar o ICC? Como funciona? 4

27 Que está envolvido no uso de perfis ICC? Evolução da viabilidade de controle através de perfis Cada software = diferente. PostScript = CRDs exportáveis CMM = módulo no sistema operacional Perfis = duas condições instrumentos de menor custo software para gerar perfil Que falta agora?

28 Padrão ICC (=ISO) Elementos do sistema CMM (módulos de ) Subsistemas do sistema operacional = MS-ICM, Apple ColorSync, Adobe Cmm, etc... Perfis (Curvas, tabelas, matrizes) Perfis de dispositivo entrada / monitor / saída Perfis de conexão (links) Perfis de Conversão de Espaços Perfis Abstratos (referência entre espaços de conexão de curvas) Perfis Nomeados (chamam por CMM preferidos)

29 METODOLOGIA ICC Objetivo : automatizar a CONVERSÃO ou Correção es. (ref = L,a,b ou X,Y,Z) RGB para RGB RGB para CMYK CMYK para CMYK... outros... Usuário estabelece um MODO de Conversão Fotográfico (Perceptivo) Colorimétrico (absoluto / relativo) de Saturação Nào é boa prática deixar aos perfis o encargo de calibrar os dispositivos (ajustes densitométicos).

30 Como conseguir perfis? 1) Genéricos Se seu resultado não puder ser também genérico, não use esta opção!!! 2) Específicos adiquiridos com equipamentos OK para scanners (+) ou (-) para impressoras digitais Inviável para monitores e impressoras tradicionais 3) Softwares de profiling e instrumentos de leitura A única opção com 100% de possibilidade de exatidão na reprodução es.

31 Como utilizar? 1) Usar Softwares que reconhecem ICC. SO e Aplicativos devidamente configurados 2) Obter perfis de todos os dispositivos disponíveis. Todo o roteiro de trabalho pré-definido 3) SEMPRE se utilizam PARES de Perfis. Software deve sempre converter DE e PARA

32 Opções de workflow Roteiros de Trabalho Rotinas CMYK trabalho partindo de Scanners CMYK Rotinas RGB trabalho totalmente em RGB até o posicionamento das fotos na página Rotinas PostScript conversões diretamente no RIP Rotinas CMM automatização das conversões entre os espaços

33 Sequência de trabalho Rotinas utilizando com software de Profiling

34 Porque corrigir cores? O computador não entende cores. As informações (dados) entram na forma de sequências em código, a partir da interpretação do dispositivo. Cada dispositivo interpreta e codifica diferentemente as cores, conforme sua construção e tipo. A conversão deve ser feita entre os espaços.

35 Rotina utilizando Instrumentos com software de Profiling 1) gerar profile p/ o scanner abrir imagem escaneada do IT-8 ajustar o registro no monitor criar e salvar a curva ICC. configurar a curva (tipo transformação, linearização espaço de referência, limites referência e resolução es).

36 Rotina utilizando Instrumentos com software de Profiling 2) gerar curva característica para o monitor Linearizar o monitor (ajustar gama e ponto branco) Caracterizar o monitor (definir limites rgb) Importante: A finalidade deste passo é fazer com que o monitor simule o resultado final desejado.

37 Rotina utilizando Instrumentos com software de Profiling 3) gerar curva característica p/ impressora 3a) configurar o sistema Selecionar o tipo de test form (FTA, IT8, CMYK ou RGB uniformes, CMYK ou RGB impressora) Selecionar a quantidade de amostras do test form Selecionar Otimização (linearização) do test form Salvar o nome do projeto Configurar o Espectrofotômetro (tipo, nome, porta de comunicação)

38 Rotina utilizando Instrumentos com software de Profiling 3b) fazer as leituras Imprimir a escala de cinza (composta ou separada) de 25 amostras Usar esta escala para calibrar no instrumento. Imprimir o Test form escolhido. Ler o test form no espectrofotômetro. 3c) gerar a curva característica selecionar o formato desejado = curvas ICC, tabelas de separação do Photoshop ou Dicionários de renderização CRD PostScript. Salvar o resultado conforme o formato desejado, nas pastas adequadas.

39 Configuração da Conversão Softwares de perfil mais avançados permitem ajuste fino da construção do perfil Ajustar tipo de espectrofotômetro e porta Ajustar geração de preto e limite total de tinta Ajustar neutralização de cinza Ajustar Roteamento das cores (cada software de perfil executa diferentemente). Modo: Colorimétrico, de Saturação ou Perceptivo Parametros: Tolerância (delta E) Gama e fatror de escala do Gamut Extrapolação de Gamut: Nível e Fator de Transição..

40 Ajustes da conversão Fotográfica ou Perceptiva Detalhe de altas luzes (adaptação de Ponto Branco) Detalhe de Sombra (adaptação de Ponto Negro) Limite de Sombras O fator de transição ajustado para a conversão (linearidade da transformação ) interfere bastante nos limites da reprodução, daí a necessidade destes ajustes

41 Ajustes de Suavização da Tabela Usada para afinar a leitura do instrumento (remover picos) Definição do Raio de ação Dimensões a suavizar (a e b, ou L, a e b) Entradas (opções de itens a suavizar) Controle do Branco / Controle do Preto

42 Ajustes da tabela Default do perfil ICC Pré-ajuste para os modos de conversão os perfis podem incluir diversas tabelas internamente. Curvas ICC armazenam todos os ajustes de modo Tabelas de Separação do Photoshop e CRDs PostScript armazenam apenas um modo, a selecionar. No Photoshop é usual o modo Perceptivo mas outros modos podem ser aplicados. Idealmente deve-se conhecer as tabelas a aplicar.

43 Ajustes de Alteração de tonalidade no perfil Nos softwares que permitem edição do perfil; ajustar a faixa do espaço onde a edição será necessária quantificar a área em termos de Luminosidade, saturação e tonalidade definir o angulo de translado (mudança de tom) da área selecionada definida para dentro do gamut da impressora. Remoção de efeitos de casting.

44 Gratos pela atenção...

CMs - Gestão de cor. josé gomes ferreira

CMs - Gestão de cor. josé gomes ferreira josé gomes ferreira CMs - Gestão de cor APRESENTAÇÃO A Gestão de Cor da captura à impressão! Conhecer e compreender a teoria da cor para a gestão de cor. A Luz e a sua natureza, os espaços de cor, etc.

Leia mais

Referência de cores Fiery

Referência de cores Fiery 2014 Electronics For Imaging. As informações nesta publicação estão cobertas pelos termos dos Avisos de caráter legal deste produto. 11 de junho de 2014 Conteúdo 3 Conteúdo Introdução à referência de cores

Leia mais

Aula 6 Fundamentos da fotografia digital

Aula 6 Fundamentos da fotografia digital Aula 6 Fundamentos da fotografia digital Fundamentos da fotografia digital: Câmeras digitais CCD e CMOS Resolução Armazenamento Softwares para edição e manipulação de imagens digitais: Photoshop e Lightroom

Leia mais

CALIBRAÇÃO DO SISTEMA - SCANNER MONITOR 2 CLÁUDIO MELO

CALIBRAÇÃO DO SISTEMA - SCANNER MONITOR 2 CLÁUDIO MELO GESTÃO DE CORES - OBJECTIVOS DA GESTÃO DE COR A NECESSIDADE DE UM SISTEMA DE GESTÃO DE COR (CMS) OS PERFIS DE COR A CRIAÇÃO DE PERFIS OS MODELOS DE COR 1 GESTÃO DE CORES - OBJECTIVOS DA GESTÃO DE COR A

Leia mais

Associação dos Agentes de Fornecedores de Equipamentos e Insumos para a Indústria Gráfica.

Associação dos Agentes de Fornecedores de Equipamentos e Insumos para a Indústria Gráfica. Associação dos Agentes de Fornecedores de Equipamentos e Insumos para a Indústria Gráfica. Planejamento & Sucesso de um Trabalho Gráfico Alexandre Keese alekeese@dtp.com.br Editor da Revista Desktop e

Leia mais

Guia de qualidade de cores

Guia de qualidade de cores Página 1 de 5 Guia de qualidade de cores O Guia de qualidade de cores ajuda você a entender como as operações disponíveis na impressora podem ser usadas para ajustar e personalizar a saída colorida. Menu

Leia mais

Fechamento de arquivos em CorelDraw

Fechamento de arquivos em CorelDraw Fechamento de arquivos em CorelDraw Fechamento de arquivos no CorelDraw X5 Para fechar um arquivo a partir do CorelDraw X5, assim como de qualquer outro aplicativo, precisamos inicialmente observar se

Leia mais

Provas com a mesma tecnologia, integridade de pontos e retículas do seu processo de impressão

Provas com a mesma tecnologia, integridade de pontos e retículas do seu processo de impressão Provas com a mesma tecnologia, integridade de pontos e retículas do seu processo de impressão Com Chromedot você tem provas com pontos idênticos aos do CTP, fotocompositora ou clichê com lineatura de até

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA FECHAMENTO E ENVIO DE ARQUIVOS DE JORNAIS PARA IMPRESSÃO

PROCEDIMENTOS PARA FECHAMENTO E ENVIO DE ARQUIVOS DE JORNAIS PARA IMPRESSÃO PROCEDIMENTOS PARA FECHAMENTO E ENVIO DE ARQUIVOS DE JORNAIS PARA IMPRESSÃO JANEIRO/2012 Introdução Este guia descreve os padrões, formatos e procedimentos a serem adotados na preparação e fechamento de

Leia mais

Guia de geração de arquivos PDF

Guia de geração de arquivos PDF Guia de geração de arquivos PDF Elaboração: SAJ/CAIP/SEATE Projeto gráfico: SID/CIPE/SEPED 1 CRIAÇÃO DE ARQUIVO PDF A PARTIR DO EDITOR DE TEXTOS 1) Se o editor de textos utilizado for o Writer, do LibreOffice,

Leia mais

Manipulação Digital de Imagens Recursos Básicos de Tratamento

Manipulação Digital de Imagens Recursos Básicos de Tratamento Manipulação Digital de Imagens Recursos Básicos de Tratamento 1 Antes de mais nada, é extremamente necessário lembrar que para tratar uma imagem é necessário que o monitor de seu computador esteja calibrado

Leia mais

Impressão em cores. Fiery Network Controller para DocuColor 240/250

Impressão em cores. Fiery Network Controller para DocuColor 240/250 Fiery Network Controller para DocuColor 240/250 Impressão em cores Neste documento, referências à DocuColor 242/252/260 devem ser referências à DocuColor 240/250. 2007 Electronics for Imaging, Inc. As

Leia mais

Epson Professional Imaging Gerenciamento de cores

Epson Professional Imaging Gerenciamento de cores Epson Professional Imaging Gerenciamento de cores Impressão com perfis ICC Aviso de direitos autorais Todos os direitos reservados. Esta publicação não pode ser integral ou parcialmente reproduzida, arquivada

Leia mais

Xerox EX Print Server Powered by Fiery para a Xerox igen 150 Press. Impressão em cores

Xerox EX Print Server Powered by Fiery para a Xerox igen 150 Press. Impressão em cores Xerox EX Print Server Powered by Fiery para a Xerox igen 150 Press Impressão em cores 2013 Electronics For Imaging. As informações nesta publicação estão contempladas pelos Avisos de caráter legal deste

Leia mais

Fiery Color Server. Referência de cores Fiery

Fiery Color Server. Referência de cores Fiery Fiery Color Server Referência de cores Fiery 2007 Electronics for Imaging, Inc. As informações desta publicação estão cobertas pelos termos dos Avisos de caráter legal deste produto. 45066674 01 de outubro

Leia mais

Explicação, Vantagens e Comparação com Sistemas de Prova Tradicionais

Explicação, Vantagens e Comparação com Sistemas de Prova Tradicionais Livro branco: PROVA DIGITAL Explicação, Vantagens e Comparação com Sistemas de Prova Tradicionais O presente livro branco introduz a prova digital e explica o seu valor para a obtenção de cores consistentes

Leia mais

Assine e coloque seu número de inscrição no quadro abaixo. Preencha, com traços firmes, o espaço reservado a cada opção na folha de resposta.

Assine e coloque seu número de inscrição no quadro abaixo. Preencha, com traços firmes, o espaço reservado a cada opção na folha de resposta. 1 Prezado(a) candidato(a): Assine e coloque seu número de inscrição no quadro abaixo. Preencha, com traços firmes, o espaço reservado a cada opção na folha de resposta. Nº de Inscrição Nome PROVA DE CONHECIMENTOS

Leia mais

Otimize o fluxo de trabalho para impressão e acabamento de grande formato

Otimize o fluxo de trabalho para impressão e acabamento de grande formato Otimize o fluxo de trabalho para impressão e acabamento de grande formato i-cut Suite Elimine erros, poupe tempo e reduza o desperdício com o i-cut Suite. O i-cut Suite é um conjunto de softwares de pré-impressão

Leia mais

Digitalização. Copiadora e Impressora WorkCentre C2424

Digitalização. Copiadora e Impressora WorkCentre C2424 Digitalização Este capítulo inclui: Digitalização básica na página 4-2 Instalando o driver de digitalização na página 4-4 Ajustando as opções de digitalização na página 4-5 Recuperando imagens na página

Leia mais

Versão 3.2. 1. Apresentação. Parte I. Vivaldo Armelin Júnior

Versão 3.2. 1. Apresentação. Parte I. Vivaldo Armelin Júnior Versão 3.2 2010 1. Apresentação Parte I Vivaldo Armelin Júnior Esta é a janela principal do BrOffice Impress. Um programa para edição de apresentações, que é livre, seu código é aberto e ainda... grátis.

Leia mais

Novo Guia de uso rápido do PROJUDI

Novo Guia de uso rápido do PROJUDI 1. O que é o PROJUDI? Novo Guia de uso rápido do PROJUDI O Processo Judicial Digital PROJUDI, também chamado de processo virtual ou de processo eletrônico, pode ser definido como um software que reproduz

Leia mais

Leia-me Criação de perfis de saída personalizados para a controladora de impressão Fiery usando o Fiery Color Profiler Suite: System 9R2

Leia-me Criação de perfis de saída personalizados para a controladora de impressão Fiery usando o Fiery Color Profiler Suite: System 9R2 Leia-me Criação de perfis de saída personalizados para a controladora de impressão Fiery usando o Fiery Color Profiler Suite: System 9R2 Este documento descreve o processo de criação de um perfil de saída

Leia mais

2 de maio de 2014. Remote Scan

2 de maio de 2014. Remote Scan 2 de maio de 2014 Remote Scan 2014 Electronics For Imaging. As informações nesta publicação estão cobertas pelos termos dos Avisos de caráter legal deste produto. Conteúdo 3 Conteúdo...5 Acesso ao...5

Leia mais

Fiery Color Server SERVER & CONTROLLER SOLUTIONS. Glossário

Fiery Color Server SERVER & CONTROLLER SOLUTIONS. Glossário Fiery Color Server SERVER & CONTROLLER SOLUTIONS Glossário 2004 Electronics for Imaging, Inc. As informações nesta publicação estão cobertas pelos termos das Avisos de caráter legal deste produto. 45044849

Leia mais

CONFIGURAÇÃO SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS 7

CONFIGURAÇÃO SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS 7 CONFIGURAÇÃO SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS 7 Check list de configuração do windows 7 Check Ordem Descrição 1 Windows Embedded 7 com template "Application Compatibility " 2 Drivers 3 Memória virtual 4 Ajustar

Leia mais

Notas de versão do cliente

Notas de versão do cliente Notas de versão do cliente Fiery Color Profiler Suite, v4.7.2 Este documento contém informações importantes sobre esta versão. Não se esqueça de fornecer essas informações a todos os usuários antes de

Leia mais

Taxa de Gravação da Memória RAM (MegaBytes / segundo) G5 2.7 Ghz (Mac) Linux Kernel 2.6 2799 1575

Taxa de Gravação da Memória RAM (MegaBytes / segundo) G5 2.7 Ghz (Mac) Linux Kernel 2.6 2799 1575 21 4 Análise É necessária uma análise criteriosa, que busque retornar as questões primordiais sobre o que é realmente preciso para a aquisição de uma plataforma de produção gráfica digital profissional.

Leia mais

Mac OSX. HP Designjet 4000ps. Printing Guide

Mac OSX. HP Designjet 4000ps. Printing Guide Mac OSX HP Designjet 4000ps Printing Guide Conteúdo 1 Como...3... instalo o driver...3... adiciono uma impressora...3 configuro a conectividade Firewire...4 uso IP over Firewire (IP sobre Firewire) (apenas

Leia mais

2 Editoração Eletrônica

2 Editoração Eletrônica 8 2 Editoração Eletrônica A década de 80 foi um marco na história da computação. Foi quando a maioria dos esforços dos desenvolvedores, tanto de equipamentos, quanto de programas, foram direcionados para

Leia mais

Instruções de instalação e remoção para os drivers de impressora PostScript e PCL do Windows Versão 8

Instruções de instalação e remoção para os drivers de impressora PostScript e PCL do Windows Versão 8 Instruções de instalação e remoção para os drivers de impressora PostScript e PCL do Windows Versão 8 Este arquivo ReadMe contém as instruções para a instalação dos drivers de impressora PostScript e PCL

Leia mais

ArcSoft MediaConverter

ArcSoft MediaConverter ArcSoft MediaConverter User Manual Português 1 201004 Índice Índice... 2 1. Índice... 3 1.1 Requisitos do sistema... 4 1.2 Extras... 4 2. Convertendo arquivos... 7 2.1 Passo1: Selecionar mídia... 7 2.1.1

Leia mais

O que há de novo no PaperPort 12? O PaperPort 12 possui uma grande variedade de novos e valiosos recursos que ajudam a gerenciar seus documentos.

O que há de novo no PaperPort 12? O PaperPort 12 possui uma grande variedade de novos e valiosos recursos que ajudam a gerenciar seus documentos. Bem-vindo! O Nuance PaperPort é um pacote de aplicativos para gerenciamento de documentos da área de trabalho que ajuda o usuário a digitalizar, organizar, acessar, compartilhar e gerenciar documentos

Leia mais

GMG Soluções de software para Gerenciamento de Cor e Prova

GMG Soluções de software para Gerenciamento de Cor e Prova GMG Soluções de software para Gerenciamento de Cor e Prova GMG O Padrão em Gerenciamento de cor e Prova 25 anos de experiencia na industria de artes gráficas particularmente no campo de gerenciamento de

Leia mais

Gerenciamento de Cores e Controle de Processos na Impressão Offset

Gerenciamento de Cores e Controle de Processos na Impressão Offset Gerenciamento de Cores e Controle de Processos na Impressão Offset Desaos da Impressão Offset Complexo tratamento de arquivos Diferentes resultados de cores Pressões de tempo e custos { São utilizados

Leia mais

IMPORTÂNCIA DO GERENCIAMENTO DE CORES PARA O DESIGN GRÁFICO

IMPORTÂNCIA DO GERENCIAMENTO DE CORES PARA O DESIGN GRÁFICO IMPORTÂNCIA DO GERENCIAMENTO DE CORES PARA O DESIGN GRÁFICO Rodrigo Holdschip Pós-Graduação em Desenho Industrial, FAAC, Unesp Bauru, SP, Brasil rodrigoholdschip@yahoo.com.br Dr. João Fernando Marar Departamento

Leia mais

Fiery EXP8000 Color Server SERVER & CONTROLLER SOLUTIONS. Impressão em cores

Fiery EXP8000 Color Server SERVER & CONTROLLER SOLUTIONS. Impressão em cores Fiery EXP8000 Color Server SERVER & CONTROLLER SOLUTIONS Impressão em cores 2005 Electronics for Imaging, Inc. As informações nesta publicação estão cobertas pelos termos dos Avisos de caráter legal deste

Leia mais

INSTALAÇÃO E USO DO ASSINADOR LIVRE. Índice:

INSTALAÇÃO E USO DO ASSINADOR LIVRE. Índice: Proposto por: Marcos Stallone Santos / Karla Ferreira Moreira Analisado por: Aprovado por: Índice: 1 - O Assinador Livre:...2 2 - Pré-requisitos para instalação:...2 3 - Download e Instalação do Assinador

Leia mais

Sphinx Scanner Informações gerais V 5.1.0.8

Sphinx Scanner Informações gerais V 5.1.0.8 Sphinx Scanner Informações gerais V 5.1.0.8 Pré-requisitos: Possuir modalidade scanner no software Sphinx A SPHINX Brasil propõe uma solução de leitura automática de questionários por scanner. O Sphinx

Leia mais

Fiery E100 Color Server. Impressão em cores

Fiery E100 Color Server. Impressão em cores Fiery E100 Color Server Impressão em cores 2011 Electronics For Imaging, Inc. As informações nesta publicação estão cobertas pelos termos dos Avisos de caráter legal deste produto. 45098264 09 de agosto

Leia mais

CorelDRAW. versões 11,12 e X3

CorelDRAW. versões 11,12 e X3 CorelDRAW versões 11,12 e X3 No menu Arquivo (File), escolha Imprimir (Print) Na divisão Geral Selecione a impressora Acrobat Distiller ( setar a porta da impressora no Painel de Controle/Impressoras/Preferências/

Leia mais

Calibração, Qualificação Internacional e Aparência Compartilhada de impressos.

Calibração, Qualificação Internacional e Aparência Compartilhada de impressos. Calibração, Qualificação Internacional e Aparência Compartilhada de impressos. Pontos Chaves 35 anos de experiência em flexografia. Unidades em locais estratégicos. Mais de 140 colaboradores. Sempre em

Leia mais

PLANO DA SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM CURSOS TÉCNICOS. Walter André de Almeida Pires. Silveira

PLANO DA SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM CURSOS TÉCNICOS. Walter André de Almeida Pires. Silveira PLANO DA SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM CURSOS TÉCNICOS 1. Identificação Curso Técnico em Informática Unidade São José Coordenador da S.A Walter André de Almeida Pires Unidade(s) Curricular(es) Envolvida(s)

Leia mais

PASSO PASSO PREPARO DE ARQUIVOS PARA IMPRESSÃO

PASSO PASSO PREPARO DE ARQUIVOS PARA IMPRESSÃO PREPARO DE ARQUIVOS PARA IMPRESSÃO INTRODUÇÃO Para que possamos apresentar o desempenho correto e agilidade na produção gráfica, o conteúdo deste manual orienta o preparo de arquivos para envio e início

Leia mais

Special Effects for Print. Design em uma nova dimensão com o Process Metallic Color System por Color-Logic

Special Effects for Print. Design em uma nova dimensão com o Process Metallic Color System por Color-Logic Special Effects for Print Design em uma nova dimensão com o Process Metallic Color System por Color-Logic Process Metallic Color System O sistema Process Metallic Color System (Sistema de Cores Metálicas

Leia mais

Fiery Color Profiler Suite

Fiery Color Profiler Suite 2015 Electronics For Imaging. As informações nesta publicação estão cobertas pelos termos dos Avisos de caráter legal deste produto. 19 de março de 2015 Conteúdo 3 Conteúdo Fiery Color Profiler Suite...9

Leia mais

Universidade de São Paulo Biblioteca Digital de Teses e Dissertações. MANUAL DO USUÁRIO Conversão de arquivos para PDF

Universidade de São Paulo Biblioteca Digital de Teses e Dissertações. MANUAL DO USUÁRIO Conversão de arquivos para PDF Universidade de São Paulo MANUAL DO USUÁRIO Conversão de arquivos para PDF Centro de Informática de São Carlos 2013 Versão 2.2 Última atualização: 07/05/2013 UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Reitor Vice-Reitor

Leia mais

A pré-impressão ponto por ponto. Goiânia, maio de 2008

A pré-impressão ponto por ponto. Goiânia, maio de 2008 A pré-impressão ponto por ponto Goiânia, maio de 2008 Definição A pré-impressão é a técnica de preparação do original para possibilitar a sua reprodução por meio de um processo de impressão. CRIAÇÃO PRÉ-IMPRESSÃO

Leia mais

PUBLICIDADE & PROPAGANDA PRODUÇÃO GRÁFICA

PUBLICIDADE & PROPAGANDA PRODUÇÃO GRÁFICA PRODUÇÃO GRÁFICA PUBLICIDADE & PROPAGANDA Prova Semestral --> 50% da nota final. Sistema de avaliação Atividades em laboratório --> 25% da nota final Exercícios de práticos feitos nos Laboratórios de informática.

Leia mais

Fotografia digital. Aspectos técnicos

Fotografia digital. Aspectos técnicos Fotografia digital Aspectos técnicos Captura CCD (Charge Coupled Device) CMOS (Complementary Metal OxideSemiconductor) Conversão de luz em cargas elétricas Equilíbrio entre abertura do diafragma e velocidade

Leia mais

e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica

e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica Página1 e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa Página2 Índice 1. O que é Nota Fiscal de Serviço eletrônica

Leia mais

Manual de Usuário da Impressora Sethi3D AiP A3

Manual de Usuário da Impressora Sethi3D AiP A3 Manual de Usuário da Impressora Sethi3D AiP A3 Versão 1.00 Sumário Geral... 3 Características da Impressora:... 3 Características técnicas:... 3 Suporte do rolo de filamento... 4 Colocando o filamento

Leia mais

Manual para conversão de Teses e Dissertações em PDF

Manual para conversão de Teses e Dissertações em PDF Manual para conversão de Teses e Dissertações em PDF 1 - Introdução Todas as Teses e Dissertações apresentadas pelos alunos de Mestrado e Doutorado da PUC-Rio deverão ser convertidas em arquivos no formato

Leia mais

Conceitos do Photoshop. Bitmap image Formatos de arquivos Memória Escalas de cores

Conceitos do Photoshop. Bitmap image Formatos de arquivos Memória Escalas de cores Conceitos do Photoshop Bitmap image Formatos de arquivos Memória Escalas de cores Bitmap Image Conceito de pixel Imagem bitmap x imagem vetorial Pixel x bits Resolução de tela e imagem 72 pixel/inch 300

Leia mais

PROCESSO EXTERNO DE CERTIFICAÇÃO

PROCESSO EXTERNO DE CERTIFICAÇÃO 1 de 7 1. OBJETIVO Este procedimento estabelece o processo para concessão, manutenção, exclusão e extensão da certificação de processo gráfico de acordo com a norma ABNT NBR 15936-1. 2. DEFINIÇÕES Para

Leia mais

O PaperPort 12 Special Edition (SE) possui uma grande variedade de novos e valiosos recursos que ajudam a gerenciar seus documentos.

O PaperPort 12 Special Edition (SE) possui uma grande variedade de novos e valiosos recursos que ajudam a gerenciar seus documentos. Bem-vindo! O Nuance PaperPort é um pacote de aplicativos para gerenciamento de documentos da área de trabalho que ajuda o usuário a digitalizar, organizar, acessar, compartilhar e gerenciar documentos

Leia mais

O PRIMEIRO MONITOR GRÁFICO AUTO- CALIBRÁVEL

O PRIMEIRO MONITOR GRÁFICO AUTO- CALIBRÁVEL O PRIMEIRO MONITOR GRÁFICO AUTO- CALIBRÁVEL O monitor EIZO ColorEdge CG245W, é o primeiro monitor gráfico com sensor interno de calibração. Com o dispositivo interno, é possível agendar dia e hora para

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Software de Ferramenta de Backup

MANUAL DO USUÁRIO. Software de Ferramenta de Backup MANUAL DO USUÁRIO Software de Ferramenta de Backup Software Ferramenta de Backup Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. Este manual serve como referência para

Leia mais

Fiery QX100 para igen4. Fiery Graphic Arts Package

Fiery QX100 para igen4. Fiery Graphic Arts Package Fiery QX100 para igen4 Fiery Graphic Arts Package 2009 Electronics for Imaging, Inc. As informações nesta publicação estão cobertas pelos termos dos Avisos de caráter legal deste produto. 45074097 24 de

Leia mais

Guia do Wattbike Expert Software para Iniciantes

Guia do Wattbike Expert Software para Iniciantes Guia do Wattbike Expert Software para Iniciantes 1 Índice Introdução............................................... 3 Conexão do software ao Computador de Desempenho Wattbike tela padrão Polar e edição

Leia mais

Gerenciamento de cor. 7.2 Calibração do scanner utilizando a calibração IT8 de SilverFast

Gerenciamento de cor. 7.2 Calibração do scanner utilizando a calibração IT8 de SilverFast Botão para a abertura do diálogo de calibração IT8 colorido: A calibração IT8 está ativa cinza: A calibração IT8 está desativada O botão IT8 somente está visível, se a função estiver liberada!.2 Calibração

Leia mais

MANUAL DE IMPLEMENTAÇÃO DO MÓDULO NOTA FISCAL ELETRONICA

MANUAL DE IMPLEMENTAÇÃO DO MÓDULO NOTA FISCAL ELETRONICA MANUAL DE IMPLEMENTAÇÃO DO MÓDULO NOTA FISCAL ELETRONICA MARKANTY INFORMÁTICA Sistemas para Automação Comercial Gestão Empresarial e Fábrica de Software (Específicos) Princípios de nossos Profissionais:

Leia mais

G-Bar IGV. Instalação Versão 4.0

G-Bar IGV. Instalação Versão 4.0 G-Bar Software para Gerenciamento de Centrais de Corte e Dobra de Aço IGV Software Interpretador/ Gerenciador/ Visualizador de dados digitais de projetos CAD-TQS Instalação Versão 4.0 Manual do Usuário

Leia mais

Centro de Controle e Comando

Centro de Controle e Comando AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL SOLUÇÕES CORPORATIVAS CENTRO DE CONTROLE E MONITORAMENTO SOFTWARE E SISTEMAS PERSONALIZADOS e Comando Operacional Logístico Monitoramento 1 PROJETOS COMPLETOS Desenvolvimento completo

Leia mais

A versão colorida deste artigo pode ser baixado do site www.ceramicaindustrial.org.br

A versão colorida deste artigo pode ser baixado do site www.ceramicaindustrial.org.br O Controle De Qualidade No Processo De Impressão Digital Em Cerâmica: A Utopia Possível http://dx.doi.org/10.4322/cerind.2014.043 A versão colorida deste artigo pode ser baixado do site www.ceramicaindustrial.org.br

Leia mais

Guia do designer para gerenciamento de cores

Guia do designer para gerenciamento de cores Guia do designer para gerenciamento de cores no CorelDRAW Graphics Suite X5 por Gennady Petrov Corel Corporation 2010 Copyright 2010 Corel Corporation. Todos os direitos reservados. Guia do designer para

Leia mais

Manual Backup Online. Manual do Usuário. Versão 1.0.1. Copyright Backup Online 2014. https://backuponlinegvt.com.br

Manual Backup Online. Manual do Usuário. Versão 1.0.1. Copyright Backup Online 2014. https://backuponlinegvt.com.br Manual Backup Online Manual do Usuário Versão 1.0.1 Copyright Backup Online 2014 https://backuponlinegvt.com.br 1 Manual Backup Online 1 Índice 1 Índice... 2 2 Backup Online...Erro! Indicador não definido.

Leia mais

GABARITO - B. manuel@carioca.br

GABARITO - B. manuel@carioca.br NOÇÕES DE INFORMÁTICA EDITORA FERREIRA PROVA MPRJ -TÉCNICO ADMINISTRATIVO - TADM NCE-UFRJ CORREÇÃO - GABARITO COMENTADO Considere que as questões a seguir referem-se a computadores com uma instalação padrão

Leia mais

29 de abril de 2014. Fiery Driver para Mac OS

29 de abril de 2014. Fiery Driver para Mac OS 29 de abril de 2014 Fiery Driver para Mac OS 2014 Electronics For Imaging. As informações nesta publicação estão cobertas pelos termos dos Avisos de caráter legal deste produto. Conteúdo 3 Conteúdo...5

Leia mais

Digitalização para PC

Digitalização para PC 1 Criarumperfildedigitalização... 2 Usar o utilitário ScanBack....................... 2 UseaspáginasdaWebnoMarkNet... 4 Personalizar configurações de parapc... 7 Criar um perfil de digitalização parapc

Leia mais

Especificações Técnicas - Dicas, evitando erros

Especificações Técnicas - Dicas, evitando erros Especificações Técnicas - Dicas, evitando erros Recomendações que evitam os erros mais freqüentes Nunca utilize quadricromia para textos em preto, para evitar problemas de registro na impressão. Evite

Leia mais

Software LabX UV/VIS. Software de PC LabX UV/VIS. Dinamize Seu Fluxo de Trabalho UV/VIS

Software LabX UV/VIS. Software de PC LabX UV/VIS. Dinamize Seu Fluxo de Trabalho UV/VIS Software LabX UV/VIS Software de PC LabX UV/VIS Software LabX UV/VIS Dinamize Seu Fluxo de Trabalho UV/VIS Otimização do Fluxo de Trabalho Dinamize Seu Fluxo de Trabalho UV/VIS Simplifique, Torne Eficiente

Leia mais

MVREP- Manual do Gerador de Relatórios. ÍNDICE

MVREP- Manual do Gerador de Relatórios. ÍNDICE ÍNDICE ÍNDICE... 1 CAPÍTULO 01 PREPARAÇÃO DO AMBIENTE... 2 1.1 IMPORTAÇÃO DO DICIONÁRIO DE DADOS... 2 CAPÍTULO 02 CADASTRO E CONFIGURAÇÃO DE RELATÓRIOS... 4 2.1 CADASTRO DE RELATÓRIOS... 4 2.2 SELEÇÃO

Leia mais

HP Mobile Printing para Pocket PC

HP Mobile Printing para Pocket PC HP Mobile Printing para Pocket PC Guia de Iniciação Rápida O HP Mobile Printing para Pocket PC permite imprimir mensagens de e-mail, anexos e arquivos em uma impressora Bluetooth, de infravermelho ou de

Leia mais

DESAFIOS OPERACIONAIS E METROLÓGICOS DA MEDIÇÃO POR COORDENADAS NO AMBIENTE DE MANUFATURA DIGITAL

DESAFIOS OPERACIONAIS E METROLÓGICOS DA MEDIÇÃO POR COORDENADAS NO AMBIENTE DE MANUFATURA DIGITAL II CIMMEC 2º CONGRESSO INTERNACIONAL DE METROLOGIA MECÂNICA DE 27 A 30 DE SETEMBRO DE 2011 Natal, Brasil DESAFIOS OPERACIONAIS E METROLÓGICOS DA MEDIÇÃO POR COORDENADAS NO AMBIENTE DE MANUFATURA DIGITAL

Leia mais

Tutorial Gerar arquivo PDF. Gerando um documento pdf com várias imagens 1- Inserir imagem no Word

Tutorial Gerar arquivo PDF. Gerando um documento pdf com várias imagens 1- Inserir imagem no Word Tutorial Gerar arquivo PDF. Com o objetivo de simplificar e diminuir o tamanho de arquivos anexos nos projetos, elaboramos um pequeno tutorial mostrando como gerar um único arquivo no formato pdf contendo

Leia mais

Sumário 1. SOBRE O NFGoiana DESKTOP... 3 1.1. Apresentação... 3 1.2. Informações do sistema... 3 1.3. Acessando o NFGoiana Desktop... 3 1.4.

Sumário 1. SOBRE O NFGoiana DESKTOP... 3 1.1. Apresentação... 3 1.2. Informações do sistema... 3 1.3. Acessando o NFGoiana Desktop... 3 1.4. 1 Sumário 1. SOBRE O NFGoiana DESKTOP... 3 1.1. Apresentação... 3 1.2. Informações do sistema... 3 1.3. Acessando o NFGoiana Desktop... 3 1.4. Interface do sistema... 4 1.4.1. Janela Principal... 4 1.5.

Leia mais

Santa Cruz do Sul, outubro de 2015.

Santa Cruz do Sul, outubro de 2015. MANUAL DO USUÁRIO Santa Cruz do Sul, outubro de 2015. Adilson Ben da Costa & Ederson Luis Posselt Programa de Pós-graduação em Sistemas e Processos Industriais, Universidade de Santa Cruz do Sul (UNISC),

Leia mais

Automação de Bancada Pneumática

Automação de Bancada Pneumática Instituto Federal Sul-rio-grandense Campus Pelotas - Curso de Engenharia Elétrica Automação de Bancada Pneumática Disciplina: Projeto Integrador III Professor: Renato Allemand Equipe: Vinicius Obadowski,

Leia mais

Como Gerar documento em PDF com várias Imagens

Como Gerar documento em PDF com várias Imagens Como Gerar documento em PDF com várias Imagens Para Gerar documento em PDF com várias Imagens, temos que seguir dois passos: 1. Inserir Imagens no Word 2. Gerar PDF a partir de documento do Word 1- Inserir

Leia mais

Tipos de Sistemas Distribuídos

Tipos de Sistemas Distribuídos (Sistemas de Informação Distribuída e Pervasivos) Sistemas Distribuídos Mauro Lopes Carvalho Silva Professor EBTT DAI Departamento de Informática Campus Monte Castelo Instituto Federal de Educação Ciência

Leia mais

Informática Aplicada a Radiologia

Informática Aplicada a Radiologia Informática Aplicada a Radiologia Apostila: Imagem Digital parte I Prof. Rubens Freire Rosa Imagem na forma digital A representação de Imagens na forma digital nos permite capturar, armazenar e processar

Leia mais

e-nota C Consulta de Nota Fiscal eletrônica

e-nota C Consulta de Nota Fiscal eletrônica Página1 e-nota C Consulta de Nota Fiscal eletrônica Manual do Usuário Produzido por Informática Educativa Página2 Índice Nota Fiscal eletrônica... 03 Safeweb e-nota C... 04 Documentos eletrônicos... 08

Leia mais

Procedimento de anexação de peças e envio

Procedimento de anexação de peças e envio 2014 Manual prático de Ajuizamento de Petições Intercorrentes Portal Processual Eletrônico Procedimento de anexação de peças e envio Orientações gerais para anexar arquivos e enviar petições intercorrentes

Leia mais

ScanTo3D. www.istsistemas.com.br

ScanTo3D. www.istsistemas.com.br ScanTo3D www.istsistemas.com.br O ScanTo3D do SolidWorks permite abrir dados escaneados por qualquer scanner (arquivos de malha ou nuvem de pontos) ou dados de curva de software matemáticos, preparar os

Leia mais

josé gomes ferreira http://www.jgferreira.com email: info@jgferreira.com

josé gomes ferreira http://www.jgferreira.com email: info@jgferreira.com josé gomes ferreira ELEARNING FORMAÇÃO FOTOGRAFIA CONSULTORIA FORMULÁRIOS APOIO TÉCNICO PRÉ-IMPRESSÃO http://www.jgferreira.com email: info@jgferreira.com Ex. mos Senhor(es) josé gomes ferreira APRESENTAÇÃO

Leia mais

Manual do Usuário Nextel Cloud. Manual do Usuário. Versão 1.0.1. Copyright Nextel 2014. http://nextelcloud.nextel.com.br

Manual do Usuário Nextel Cloud. Manual do Usuário. Versão 1.0.1. Copyright Nextel 2014. http://nextelcloud.nextel.com.br Manual do Usuário Versão 1.0.1 Copyright Nextel 2014 http://nextelcloud.nextel.com.br 1 1 Nextel Cloud... 3 2 Instalação do Nextel Cloud... 4 3 Configuração e uso dos componentes Nextel Cloud... 6 3.1

Leia mais

Notas de versão do cliente Fiery Color Profiler Suite, versão 4.6.1

Notas de versão do cliente Fiery Color Profiler Suite, versão 4.6.1 Notas de versão do cliente Fiery Color Profiler Suite, versão 4.6.1 Este documento contém informações importantes sobre esta versão. Lembre-se de fornecer essas informações a todos os usuários antes de

Leia mais

Como Converter Arquivos.DOC em PDF

Como Converter Arquivos.DOC em PDF Como Converter Arquivos.DOC em PDF Conceito de Arquivo PDF O formato PDF (Portable Document Format), nativo do Adobe Acrobat, é considerado o sucessor do arquivo, chamado fechado (PRN, PS ou EPS). No Brasil

Leia mais

Manual do Usuário Nextel Cloud. Manual do Usuário. Versão 1.0.1. Copyright Nextel 2014. http://nextelcloud.nextel.com.br

Manual do Usuário Nextel Cloud. Manual do Usuário. Versão 1.0.1. Copyright Nextel 2014. http://nextelcloud.nextel.com.br Manual do Usuário Nextel Cloud Manual do Usuário Versão 1.0.1 Copyright Nextel 2014 http://nextelcloud.nextel.com.br 1 Manual do Usuário Nextel Cloud 1 Índice 1 Índice... 2 2 Nextel Cloud... 3 3 Instalação

Leia mais

Daniel Gondim. Informática

Daniel Gondim. Informática Daniel Gondim Informática Microsoft Windows Sistema Operacional criado pela Microsoft, empresa fundada por Bill Gates e Paul Allen. Sistema Operacional Programa ou um conjunto de programas cuja função

Leia mais

Empresa GÊNIO INFORMÁTICA

Empresa GÊNIO INFORMÁTICA 0 Empresa Com mais de 15 anos de experiência no mercado, GÊNIO INFORMÁTICA é líder em seu segmento e se destaca na prestação de serviços em redes de computadores e instalação de CFTV (Câmeras de segurança).

Leia mais

Plano de Aula - Windows 8 - cód.5235 24 Horas/Aula

Plano de Aula - Windows 8 - cód.5235 24 Horas/Aula Plano de Aula - Windows 8 - cód.5235 24 Horas/Aula Aula 1 Capítulo 1 - Introdução ao Windows 8 Aula 2 1 - Introdução ao Windows 8 1.1. Novidades da Versão...21 1.2. Tela de Bloqueio...21 1.2.1. Personalizar

Leia mais

1.1. Gerenciamento de usuários e permissões. Suporta vários níveis de gerenciamento, gerenciamento de usuários e configuração de permissões.

1.1. Gerenciamento de usuários e permissões. Suporta vários níveis de gerenciamento, gerenciamento de usuários e configuração de permissões. CAMERA IP SERIE AV O CMS é uma central de gerenciamento de DVRs, é responsável por integrar imagens de DVRs distintos, com ele é possível realizar comunicação bidirecional, vídeo conferência, função mapa

Leia mais

Manual Software Controle de Jukebox. Manual. Software Controle de Jukebox

Manual Software Controle de Jukebox. Manual. Software Controle de Jukebox Manual Software Controle de Jukebox Versão 1.0 2014 Sumário 1. Principais Características... 2 2. Software Controle de Jukebox... 3 I. Tela Principal... 4 1 Data Cobrança... 4 2 Linha... 4 3 Cobrador...

Leia mais

Versão 1.0 09/10. Xerox ColorQube 9301/9302/9303 Serviços de Internet

Versão 1.0 09/10. Xerox ColorQube 9301/9302/9303 Serviços de Internet Versão 1.0 09/10 Xerox 2010 Xerox Corporation. Todos os direitos reservados. Direitos reservados de não publicação sob as leis de direitos autorais dos Estados Unidos. O conteúdo desta publicação não pode

Leia mais

SST - PPP. 11.8.x. abril de 2015. Versão: 4.0

SST - PPP. 11.8.x. abril de 2015. Versão: 4.0 SST - PPP 11.8.x abril de 2015 Versão: 4.0 1 Sumário 1 Objetivo... 4 2 Como utilizar esse material em seus estudos de Atendimento Clínico... 4 3 Introdução... 5 4 PPP... 6 4.1 Principais botões do sistema...

Leia mais

Porque as. cores mudam?

Porque as. cores mudam? Porque as cores mudam? O que são cores? As cores não existem materialmente. Não possuem corpo, peso e etc. As cores correspondem à interpretação que nosso cérebro dá a certo tipo de radiação eletro-magnética

Leia mais

Instruções de uso do TABNET. Linha, Coluna e Conteúdo

Instruções de uso do TABNET. Linha, Coluna e Conteúdo O Tabnet, aplicativo desenvolvido pelo Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (DATASUS), permite ao usuário fazer tabulações de bases de dados on-line e foi gentilmente cedido para disponibilização

Leia mais

Importância do GED. Implantação de um Sistema de GED

Importância do GED. Implantação de um Sistema de GED Implantação de um Sistema de GED Gerenciamento Eletrônico de Documentos Importância do GED O GED tem uma importante contribuição na tarefa da gestão eficiente da informação; É a chave para a melhoria da

Leia mais