GIZ/Ute Thiermann. Organização. Ministério do. Ministério da

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "GIZ/Ute Thiermann. Organização. Ministério do. Ministério da"

Transcrição

1 GIZ/Ute Thiermann Apoio Parceiro Realização Organização Ministério do Ministério da

2 SOBRE O EVENTO Em parceria com a Câmara Brasil-Alemanha, a Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ), por meio do Ministério de Cooperação Econômica e Desenvolvimento (BMZ), realizará o Dia da Indústria Alemã de Energia Solar Heliotérmica (HLT). A DKTI (Iniciativa Alemã de Tecnologia e Clima) é a contribuição alemã para financiamento de tecnologias destinadas a combater as mudanças climáticas. A iniciativa Unidades Solar Térmicas para geração de eletricidade destina-se ao fomento das tecnologias CSP (Concentrated Solar Power) como um programa de política de inovação no Brasil. No "Dia da Indústria Alemã de Energia Solar Heliotérmica (HLT)", empresas na cadeia de valor da Alemanha e do Brasil terão a oportunidade de se apresentar para um público profissional e fazer contatos. Os cientistas de ambos os países também são convidados a contatar empresas e fazer contatos para a pesquisa orientada para a aplicação em futuras oportunidades de carreira. Palestras inovadoras e debates com representantes de entidades públicas relevantes fornecerão insights sobre esta indústria altamente promissora, discutindo os desafios para o desenvolvimento futuro. O objetivo do evento é fornecer insights sobre este segmento industrial altamente promissora e discutir os desafios para o desenvolvimento futuro. A programação será dividida em duas partes: WORKSHOPS Ocorrerão apresentações de especialistas (com tradução simultânea) sobre os temas; a indústria da HLT na Alemanha, potencial de projetos no Brasil e parcerias entre empresas e instituições dos dois países. MATCHMAKING Será organizado um matchmaking na parte da tarde do evento (rodada de discussões) entre os participantes, visando troca de informações, discussão de projetos e parcerias.

3 PROGRAMAÇÃO 18 DE MARÇO 09:00-09:30 Abertura BMZ/Embaixada Alemã, GIZ, AHK, MCTI 09:30-10:10 Estado da arte da tecnologia heliotérmica (Concentrated Solar Power - CSP) Dr. Reiner Buck, Centro Aeroespacial Alemão 10:10-10:50 Visão geral dos recentes desenvolvimentos no armazenamento térmico para usinas heliotérmicas Dr. Günter Schneider, Enolcon 10:50-11:10 Coffee Break 11:10-11:50 Exposição do cenário nacional para o desenvolvimento de usinas heliotérmicas no Brasil Dr. Günter Schneider, Enolcon 11:50-12:35 Discussão 12:35-14:00 Almoço 14:00-16:00 Energia heliotérmica na África do Sul - state of the art Prof. Johannes Lodewikus Vanniekerk, Universidade de Stellenbosch Frank Dinter, Universidade de Stellenbosch 19 DE MARÇO 09:00-09:30 Abertura MDIC, ANNEL, BNDES 09:30-10:10 Estado da arte da tecnologia heliotérmica em calhas parabólicas Markus Balz, sbp 10:10-10:50 Estado da tecnologia heliotérmica Fresnel Dr. Andreas Häberle, PSE 10:50-11:10 Coffee Break 11:10-11:50 Medições solares José Bione de Melo Filho, Gerente da Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (CHESF) 11:50-12:35 Discussão 12:35-14:00 Almoço 14:00-16:00 Desenvolvimento das carreiras acadêmicas e técnicas da tecnologia heliotérmica no Brasil Josef Rösner, GFA, Projeto Energia Héliotermica

4 PALESTRANTES DR. ANDREAS HÄBERLE Doutor em física pelo Instituto Fraunhofer em Sistemas de Energia Solar Freiburg, trabalhou com concentrating solar thermal collectors, antes de fundar a empresa spin-off PSE, onde é CEO. Campos de atuação: energia heliotérmica com foco especial na produção de energia solar por calor de processos industriais e refrigeração solar / padronização de testes para pesquisas na área solar, instituições modelo e desenvolvimento de produtos / consultoria com visitas técnicas in loco, estudos de viabilidade e projetos de monitoramento / conferências na área solar: realização de conferências científicas de alto nível para a comunidade solar. DR. GUNTHER SCHNEIDER Diretor e acionista da Enolcon desde Anteriormente, foi engenheiro na EnBW, gerente de projetos e, posteriormente, presidente do conselho de M + W Zander Europa (hoje M + W), Koch Transporttechnik (hoje FLSmidth) e Fortum Energie (hoje E.ON). No âmbito do seu trabalho, foi responsável pela implantação, desenvolvimento e concepção de várias usinas de energia (convencionais e solares) em todo o mundo. Ativamente envolvido no campo de sistemas de armazenamento de energia, é o responsável pelo desenvolvimento da enolcon-httess. JOSÉ BIONE DE MELO FILHO Graduação em Engenharia Elétrica, Mestrado em Automação Industrial, Doutorado em Tecnologias Energéticas e Nucleares e Pós-doutorado em Energia Renovável no CIEMAT-Espanha. Atualmente, professor do Mestrado de Tecnologia da Energia da Universidade de Pernambuco, Coordenador do Laboratório de Energia Solar da UPE, Gerente da Divisão de Eficiência Energética e Desenvolvimento Tecnológico da Chesf, Gerente da Planta Fotovoltaica de 3 MWp em Petrolina da Chesf. Tendo diversos artigos técnicos publicados em periódicos e revistas. MARKUS BALZ Engenheiro civil, especializado em estruturas leves e energia heliotérmica. Após sua graduação na Universidade de Ciências Aplicadas e Instituto de Estruturas Leves em Stuttgart, trabalhou no escritório Happold (Bath, Reino Unido), em 2002 na consultoria Schlaich Bergermann, e em 2009 tornou-se Diretor Geral da SBP Sonne.

5 PROF. JOHANNES LODEWIKUS VANNIEKERK Professor no Departamento de Engenharia Mecânica e Mecatrônica da Universidade de Stellenbosch. PhD pela Universidade da Califórnia, em Berkeley. Atua como diretor do Centro de Estudos em Energias Renováveis e Sustentáveis, estabelecido em 2006 e financiado pelo Departamento de Ciência e Tecnologia, Eskom e Sasol. Possui grande interesse em energia solar, eólica e dos mares. Engenheiro profissional registrado no Conselho de Engenharia Sul-Africano, exerce a profissão de consultor para a indústria há mais de 15 anos. Publicou mais de 14 artigos em revistas internacionais com arbitragem, e apresentou uma série de documentos em conferências internacionais. Membro da Instituição Sul-Africana de Engenharia Mecânica, Southern African Acoustics Institute, Academia Sul-Africano de Engenheiros, também é membro da Sociedade Americana de Engenheiros Mecânicos, Sociedade de Energia Sustentável da África do Sul e membro do conselho da Sociedade Internacional de Energia Solar. JOSEPH W. ROESNER Possui MBA e muitos anos de consultoria na cooperação para o desenvolvimento internacional no âmbito da formação profissional, desenvolvimento econômico sustentável e utilização do potencial de sinergia na cooperação entre várias empresas, instituições e parceiros. Sua experiência no desenvolvimento de curriculos, atualizando as descrições de trabalho e a transição para uma educação baseada em competências é reconhecido internacionalmente. Atualmente, trabalha para o GfA como coordenador do componente de formação e educação de projetos DKTI CSP (usinas heliotérmicas para gerar eletricidade). DR. REINER BUCK Engenheiro Mecânico, recebeu titulação de doutor em 2000 pela Universidade de Stuttgart, sobre o tema "Mass Flow Instabilities in Volumetric Receiver-Reactors". Trabalha no Centro Aeroespacial Alemão desde 1986 com diferentes tecnologias solares, foco em sistemas de torres de energia solar. Desde 2003, lidera a área de pesquisa "sistemas solares de alta temperatura", do departamento de pesquisa solar do Centro Aeroespacial Alemão em Stuttgart, Alemanha. A partir de 2011 chefia o departamento de "Point Focusing Systems" dentro do Instituto de Pesquisa Solar do Centro Aeroespacial Alemão. Seus campo de atuação é em torres de sistemas solares e ferramentas de simulação.

6 MATCHMAKING Consiste em uma plataforma para formação de novas parcerias. Atores chaves do Brasil e Alemanha se reúnem para melhorar a troca de conhecimentos entre a pesquisa e a prática, para iniciar novas parcerias e discutir oportunidades de negócios. A organização e infraestrutura do evento foi projetada para facilitar o contato pessoal entre os participantes. Todos os perfis serão exibidos na área de recepção, o que torna mais fácil para os participantes a identificação de parceiros e potenciais assuntos de interesse para discussão e cooperação futura. Data: 18 e 19 de março de 2014 Local: Club Transatlântico (Rua José Guerra, 130 Chácara Sto Antônio) Informações e inscrições: Apoio Parceiro Realização Organização Ministério do Ministério da

Projeto Heliotérmica da GIZ no Brasil

Projeto Heliotérmica da GIZ no Brasil Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ) GmbH Cooperação Alemã para o Desenvolvimento Sustentável Projeto Heliotérmica da GIZ no Brasil Jörgdieter Anhalt Integration / GIZ Coordenador

Leia mais

Alemanha e Brasil: Parceiros para o Desenvolvimento Sustentável

Alemanha e Brasil: Parceiros para o Desenvolvimento Sustentável Alemanha e Brasil: Parceiros para o Desenvolvimento Sustentável Por quê? Em nenhum outro país do mundo existem especialmente para a proteção do clima e tantas espécies de plantas e animais como conservação

Leia mais

Catálogo de Patrocínio

Catálogo de Patrocínio Catálogo de Patrocínio 1 Prefácio O Dia da Engenharia Alemã, tradicional evento da VDI-Brasil, já está em sua 6ª edição e este ano terá como tema Energia 2030: Tendências e Tecnologias do Amanhã. O evento

Leia mais

Conferência Nacional para Energia Solar. Colóquio Solar. Colóquio e Conferência Nacional

Conferência Nacional para Energia Solar. Colóquio Solar. Colóquio e Conferência Nacional Colóquio e Conferência Nacional Encontro técnico-econômico para desenvolvimento e aplicação de projetos de energia solar na matriz energética brasileira Conferência Nacional para Energia Solar 28 de abril

Leia mais

SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO. Missão. Objetivo Geral

SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO. Missão. Objetivo Geral Curso: ENGENHARIA ELÉTRICA SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO Missão O Curso de Engenharia Elétrica da Universidade Estácio de Sá tem por missão formar engenheiros com sólidos e atualizados conhecimentos científicos

Leia mais

COOPERAÇÃO ENTRE PORTUGAL E ANGOLA EM C&T

COOPERAÇÃO ENTRE PORTUGAL E ANGOLA EM C&T A cooperação Bilateral Angola - Portugal: estado atual e reforço futuro WORKSHOP PROGRAMA HORIZONTE 2020: COOPERAÇÃO EM INVESTIGAÇÃO E INOVAÇÃO ENTRE ANGOLA E A UNIÃO EUROPEIA Luanda, 3 e 4 de outubro

Leia mais

FACULDADE DE ENGENHARIA Centro de Convenções FAAP São Paulo - Brasil. 30 de maio de 2012 08h30-17h30. Público Alvo. Organizadores

FACULDADE DE ENGENHARIA Centro de Convenções FAAP São Paulo - Brasil. 30 de maio de 2012 08h30-17h30. Público Alvo. Organizadores FACULDADE DE ENGENHARIA Centro de Convenções FAAP São Paulo - Brasil 30 de maio de 2012 08h30-17h30 Público Alvo Indústria, governo, pesquisadores, especialistas, técnicos, profissionais da área de meio

Leia mais

REDES LEEN DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA COBEE 2015. Tecnologia e Sustentabilidade na Construção Civil. Todos os direitos reservados

REDES LEEN DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA COBEE 2015. Tecnologia e Sustentabilidade na Construção Civil. Todos os direitos reservados REDES LEEN DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA COBEE 2015 1 Expandir oferta x reduzir consumo 9 9 Barreiras 10 10 Ideia Redes de Eficiência Energética LEEN GmbH (Learning Energy Efficiency Networks) PSR Spinoff do

Leia mais

Resumo do Projeto Implementação do Centro de Treinamento Eólico (CTEO)

Resumo do Projeto Implementação do Centro de Treinamento Eólico (CTEO) Dados do Projeto Título do Projeto: Departamento Regional do Ceará CFP Waldyr Diogo de Siqueira Fortaleza/ CEARÁ Resumo do Projeto Implementação do Centro de Treinamento Eólico (CTEO) Descrição (Resumo

Leia mais

Política Ambiental janeiro 2010

Política Ambiental janeiro 2010 janeiro 2010 5 Objetivo Orientar o tratamento das questões ambientais nas empresas Eletrobras em consonância com os princípios da sustentabilidade. A Política Ambiental deve: estar em conformidade com

Leia mais

Regulamento do projeto "50 Telhados"

Regulamento do projeto 50 Telhados Regulamento do projeto "50 Telhados" Iniciativa Novembro de 2013 Sumário 1. Contextualização... 3 2. Missão do projeto 50 Telhados... 3 3. Objetivo... 3 4. Benefícios para empresas/clientes/cidades participantes...

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DE TECNOLOGIA CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DE TECNOLOGIA CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DE TECNOLOGIA CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA A ENGENHARIA ELÉTRICA NA UFSCar O Curso de Engenharia Elétrica iniciou no ano de 2009, com o objetivo

Leia mais

Regulamento do projeto "50 Telhados"

Regulamento do projeto 50 Telhados Regulamento do projeto "50 Telhados" Iniciativa Fevereiro de 2014 Sumário 1. Contextualização... 3 2. Missão do projeto 50 Telhados... 3 3. Objetivo... 3 3.1. Pequenas cidades... 3 4. Benefícios para empresas/clientes/cidades

Leia mais

PROPOSTA DE PATROCÍNIO

PROPOSTA DE PATROCÍNIO PROPOSTA DE PATROCÍNIO CONFERÊNCIA E FEIRA INTERNACIONAL RIO 3 World Climate & Energy Event LAREF 2003 Latin America Renewable Energy Fair Hotel Glória 1º a 5 de dezembro de 2003 Rio de Janeiro, RJ, Brasil

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DO EVENTO

PROGRAMAÇÃO DO EVENTO PROGRAMAÇÃO DO EVENTO Dia 08/08 // 09h00 12h00 PLENÁRIA Nova economia: includente, verde e responsável Nesta plenária faremos uma ampla abordagem dos temas que serão discutidos ao longo de toda a conferência.

Leia mais

RECONHECENDO a geometria variável dos sistemas de pesquisa e desenvolvimento dos países membros do BRICS; ARTIGO 1: Autoridades Competentes

RECONHECENDO a geometria variável dos sistemas de pesquisa e desenvolvimento dos países membros do BRICS; ARTIGO 1: Autoridades Competentes MEMORANDO DE ENTENDIMENTO SOBRE A COOPERAÇÃO EM CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO ENTRE OS GOVERNOS DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL, FEDERAÇÃO DA RÚSSIA, REPÚBLICA DA ÍNDIA, REPÚBLICA POPULAR DA CHINA E

Leia mais

Reed Exhibitions Alcantara Machado & Reed Expositions France

Reed Exhibitions Alcantara Machado & Reed Expositions France Reed Exhibitions Alcantara Machado & Reed Expositions France Estrutura do grupo Reed Elsevier REED EXHIBITIONS Alcance Global 500 eventos por ano 43 países 43 setores da economia 7 milhões de visitantes

Leia mais

PROFILE RESUMIDO LIDERANÇA DAS EQUIPES

PROFILE RESUMIDO LIDERANÇA DAS EQUIPES PROFILE RESUMIDO LIDERANÇA DAS EQUIPES A Prima Consultoria A Prima Consultoria é uma empresa regional de consultoria em gestão, fundamentada no princípio de entregar produtos de valor para empresas, governo

Leia mais

Política Ambiental do Sistema Eletrobrás

Política Ambiental do Sistema Eletrobrás Política Ambiental do Sistema Eletrobrás POLÍTICA AMBIENTAL DO SISTEMA ELETROBRÁS 5 OBJETIVO Orientar o tratamento das questões ambientais nas empresas do Sistema Eletrobrás em consonância com os princípios

Leia mais

PRÉMIO EMPREENDEDORISMO INOVADOR NA DIÁSPORA PORTUGUESA

PRÉMIO EMPREENDEDORISMO INOVADOR NA DIÁSPORA PORTUGUESA PRÉMIO EMPREENDEDORISMO INOVADOR NA DIÁSPORA PORTUGUESA 2015 CONSTITUIÇÃO DO JÚRI Joaquim Sérvulo Rodrigues Membro da Direcção da COTEC Portugal, Presidente do Júri; Carlos Brazão Director Sénior de Vendas

Leia mais

Programa Plataformas Tecnológicas PLATEC II PORTAL COLABORATIVO. Raimar van den Bylaardt Gerente de Tecnologia - IBP

Programa Plataformas Tecnológicas PLATEC II PORTAL COLABORATIVO. Raimar van den Bylaardt Gerente de Tecnologia - IBP Programa Plataformas Tecnológicas PLATEC II PORTAL COLABORATIVO Raimar van den Bylaardt Gerente de Tecnologia - IBP POR QUE PLATAFORMAS TECNOLÓGICAS? agregar informações aproximar a oferta e a demanda

Leia mais

I REUNIÃO DE MINISTROS DA ENERGIA DA COMUNIDADE DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA. Cascais, 23 de junho de 2015. Declaração de Cascais

I REUNIÃO DE MINISTROS DA ENERGIA DA COMUNIDADE DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA. Cascais, 23 de junho de 2015. Declaração de Cascais I REUNIÃO DE MINISTROS DA ENERGIA DA COMUNIDADE DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA Cascais, 23 de junho de 2015 Declaração de Cascais Os Ministros responsáveis pela Energia da Comunidade dos Países de Língua

Leia mais

Ciência sem Fronteiras : O Programa Brasileiro de Mobilidade Científica no CNPq/MCT

Ciência sem Fronteiras : O Programa Brasileiro de Mobilidade Científica no CNPq/MCT Ciência sem Fronteiras : O Programa Brasileiro de Mobilidade Científica no CNPq/MCT Objetivos Avanço da ciência brasileira em tecnologia, inovação e competitividade, através da expansão da mobilidade internacional:

Leia mais

Inovação Tecnológica e Transferência de Tecnologia SENAI-BA / CIMATEC

Inovação Tecnológica e Transferência de Tecnologia SENAI-BA / CIMATEC Núcleo de Inovação Tecnológica - NIT Inovação Tecnológica e Transferência de Tecnologia SENAI-BA / CIMATEC Profª. Maria do Carmo Oliveira Ribeiro, MSc. Coord. Núcleo de Inovação Tecnológica NIT SENAI-BA

Leia mais

IV Fórum da Terra. " Mudança Climática o Desafio do Século XXI

IV Fórum da Terra.  Mudança Climática o Desafio do Século XXI IV Fórum da Terra " Mudança Climática o Desafio do Século XXI Mariana Luz CEBRI Centro Brasileiro de Relações Internacionais Rio de Janeiro, 25 de Outubro de 2011 Economia verde como desafio global Economia

Leia mais

MBA ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL. Arcos Dorados

MBA ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL. Arcos Dorados MBA ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL Arcos Dorados MBA ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL Sustentabilidade deixou de ser uma escolha e tornou-se premissa fundamental para a competitividade

Leia mais

Capacitação e Inserção de Profissionais no Setor Energético. Prof. Alexandro Vladno da Rocha

Capacitação e Inserção de Profissionais no Setor Energético. Prof. Alexandro Vladno da Rocha Capacitação e Inserção de Profissionais no Setor Energético Prof. Alexandro Vladno da Rocha Outubro / 2013 Agenda Estrutura e Atuação do IFRN; Estrutura Básica dos Cursos; Cursos na Área de Energia; Perfil

Leia mais

Criando Oportunidades

Criando Oportunidades Criando Oportunidades Clima, Energia & Recursos Naturais Agricultura & Desenvolvimento Rural Mercados de Trabalho & Sector Privado e Desenvolvimento Sistemas Financeiros Comércio & Integração Regional

Leia mais

Mesa Redonda Novas agendas de atuação e os perfis profissionais em bibliotecas universitárias

Mesa Redonda Novas agendas de atuação e os perfis profissionais em bibliotecas universitárias Mesa Redonda Novas agendas de atuação e os perfis profissionais em bibliotecas universitárias Profa. Dra. Lillian Maria Araújo de Rezende Alvares Coordenadora-Geral de Pesquisa e Manutenção de Produtos

Leia mais

A Atuação da Finep em Energia e Tecnologias Limpas DENE

A Atuação da Finep em Energia e Tecnologias Limpas DENE A Atuação da Finep em Energia e Tecnologias Limpas DENE Agenda FINEP Departamento de Energia e Tecnologias Limpas DENE Programas Setoriais Inova Energia A Finep A Finep é uma empresa pública vinculada

Leia mais

ENERGIA RENOVÁVEIS & EFICIÊNCIA ENERGÉTICA

ENERGIA RENOVÁVEIS & EFICIÊNCIA ENERGÉTICA ENERGIA RENOVÁVEIS & EFICIÊNCIA ENERGÉTICA SUPERINTENDÊNCIA DE PROJETOS DE GERAÇÃO (SPG) CHESF 1 TEMAS ABORDADOS PERFIL DA CHESF MATRIZ ENERGÉTICA FONTES DE ENERGIA RENOVÁVEIS & NUCLEAR ASPECTOS ECONÔMICOS

Leia mais

EUREM.NET (treinamento e network de gestores de energia) é um projeto do Programa Europeu Energia Inteligente.

EUREM.NET (treinamento e network de gestores de energia) é um projeto do Programa Europeu Energia Inteligente. Informações gerais OBJETIVO Gasto com energia é uma das principais preocupações para as empresas. Em uma economia global e competitiva a empresa que conseguir produzir com qualidade e a um menor preço

Leia mais

i-nopa PROGRAMA NOVAS PARCERIAS INTEGRADAS CAPES/DAAD/GIZ EDITAL Nº. 057/2013

i-nopa PROGRAMA NOVAS PARCERIAS INTEGRADAS CAPES/DAAD/GIZ EDITAL Nº. 057/2013 i-nopa PROGRAMA NOVAS PARCERIAS INTEGRADAS / EDITAL Nº. 057/2013 A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, Fundação Pública, criada pela Lei nº. 8.405, de 09 de janeiro de 1992, modificada

Leia mais

Banco Interamericano de Desenvolvimento Patrick Doyle Patrickd@iadb.org. Agosto 2015

Banco Interamericano de Desenvolvimento Patrick Doyle Patrickd@iadb.org. Agosto 2015 Banco Interamericano de Desenvolvimento Patrick Doyle Patrickd@iadb.org Agosto 2015 Desde 1959 A principal fonte de financiamento para o desenvolvimento da América Latina e Caribe 26 Países Conta com 26

Leia mais

Proteção e Uso Sustentável das Florestas Tropicais

Proteção e Uso Sustentável das Florestas Tropicais Proteção e Uso Sustentável das Florestas Tropicais Estado Atual e perspectivas Cooperação Alemã para o Desenvolvimento Sustentável Contribuições para políticas públicas Seminário Nacional Diálogos sobre

Leia mais

A VISÃO do ENERGYIN Motivos da sua criação & Objectivos

A VISÃO do ENERGYIN Motivos da sua criação & Objectivos Pólo da Competitividade e Tecnologia da Energia (PCTE) O papel do PCTE na energia solar em Portugal 8 e 9 de Fevereiro de 2010 António Mano - EDP Antonio.ermidamano@edp.pt A VISÃO do ENERGYIN Motivos da

Leia mais

Projeto: Rede MERCOSUL de Tecnologia

Projeto: Rede MERCOSUL de Tecnologia ANEXO XIII XXXIII REUNIÓN ESPECIALIZADA DE CIENCIA Y TECNOLOGÍA DEL MERCOSUR Asunción, Paraguay 1, 2 y 3 de junio de 2005 Gran Hotel del Paraguay Projeto: Rede MERCOSUL de Tecnologia Anexo XIII Projeto:

Leia mais

Projetos Nova Alvorada do Sul - MS

Projetos Nova Alvorada do Sul - MS Projetos Nova Alvorada do Sul - MS Projeto Cursos Profissionalizantes Para atender à demanda de profissionais das indústrias de Nova Alvorada do Sul e região, a Comissão Temática de Educação elaborou o

Leia mais

RELATÓRIO DE MISSÃO INTERNACIONAL À ALEMANHA

RELATÓRIO DE MISSÃO INTERNACIONAL À ALEMANHA RELATÓRIO DE MISSÃO INTERNACIONAL À ALEMANHA Participantes: Dr. Roberto Simões, presidente do CDN (Conselho Deliberativo Nacional) e Dr. Carlos Alberto dos Santos, Diretor Técnico do Sebrae Nacional. Objetivo:

Leia mais

4, 5 e 6 de novembro - 2008. O Maior Encontro Sobre Investimentos e Desenvolvimento do Mercado Imobiliário Latino Americano

4, 5 e 6 de novembro - 2008. O Maior Encontro Sobre Investimentos e Desenvolvimento do Mercado Imobiliário Latino Americano O Maior Encontro Sobre Investimentos e Desenvolvimento do Mercado Imobiliário Latino Americano 4, 5 e 6 de novembro - 2008 São Paulo - Transamérica Expo Center www.cityscapelatinamerica.com.br 3,000 participantes

Leia mais

Apresentação Seminário Química e Desenvolvimento Sustentável Seminário Química e Desenvolvimento Sustentável

Apresentação Seminário Química e Desenvolvimento Sustentável Seminário Química e Desenvolvimento Sustentável Seminário: Química e Desenvolvimento Sustentável Dia Mundial do Meio Ambiente 05 de Junho de 2012 08h30-21h30 Centro de Convenções da FAAP São Paulo Brasil Organizadores da FAAP Centro de Estudos de Energia

Leia mais

Diretrizes curriculares nacionais e os projetos pedagógicos dos cursos de graduação

Diretrizes curriculares nacionais e os projetos pedagógicos dos cursos de graduação Diretrizes curriculares nacionais e os projetos pedagógicos dos cursos de graduação Curso de Atualização Pedagógica Julho de 2010 Mediador: Adelardo Adelino Dantas de Medeiros (DCA/UFRN) Diretrizes Curriculares

Leia mais

NOTA METODOLÓGICA. 1. Introdução. A presente Nota Metodológica tem como principal objetivo apresentar os seguintes pontos:

NOTA METODOLÓGICA. 1. Introdução. A presente Nota Metodológica tem como principal objetivo apresentar os seguintes pontos: NOTA METODOLÓGICA Título do trabalho: Apoio à Reflexão e Conceção de possíveis ações de Investigação e Desenvolvimento (I&D) a nível nacional e internacional do Centro das Energias Renováveis e Manutenção

Leia mais

Resumo de Editais Abertos Capes

Resumo de Editais Abertos Capes Resumo de Editais Abertos Capes www.capes.gov.br/editais/abertos Programa Capes/MINCyT O objetivo do Programa Capes/MINCyT é estimular, por meio de projetos conjuntos de pesquisa, o intercâmbio de docentes

Leia mais

Metas e Linhas de Ação do CRESESB

Metas e Linhas de Ação do CRESESB Metas e Linhas de Ação do CRESESB Missão do CRESESB Promover o desenvolvimento das energias solar e eólica através da difusão de conhecimentos, da ampliação do diálogo entre as entidades envolvidas e do

Leia mais

CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DE ENERGIAS INTELIGENTES E FEIRA TECNOLÓGICA EDIÇÃO 2015

CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DE ENERGIAS INTELIGENTES E FEIRA TECNOLÓGICA EDIÇÃO 2015 CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DE ENERGIAS INTELIGENTES E FEIRA TECNOLÓGICA EDIÇÃO 2015 SUMÁRIO EXECUTIVO Data do Evento: 19 a 21 de outubro de 2015 Local: Hotel Bourbon Cataratas Convention & Spa / Foz do

Leia mais

Núcleo Regional de Minas Gerais: o desafio de se tornar um fórum de discussão sobre barragens

Núcleo Regional de Minas Gerais: o desafio de se tornar um fórum de discussão sobre barragens Núcleo Regional de Minas Gerais: o desafio de se tornar um fórum de discussão sobre barragens Reportagem: CLÁUDIA RODRIGUES BARBOSA Newsletter CBDB - O que diferencia o Núcleo Regional de Minas Gerais

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ CENTRO DE TECNOLOGIA PDI 2015-2019. Agosto-2014

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ CENTRO DE TECNOLOGIA PDI 2015-2019. Agosto-2014 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ CENTRO DE TECNOLOGIA PDI 2015-2019 Agosto-2014 2 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO - UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ - PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO E ORÇAMENTO

Leia mais

POLOS DE INOVAÇÃO Institutos Federais Brasília, junho de 2013

POLOS DE INOVAÇÃO Institutos Federais Brasília, junho de 2013 Ministério da Educação POLOS DE INOVAÇÃO Institutos Federais Brasília, junho de 2013 ATIVIDADE ECONÔMICA (organizações empresariais e comunitárias) IMPACTOS: PD&I Aumento da competitividade industrial

Leia mais

RENEX SOUTH AMERICA 2014

RENEX SOUTH AMERICA 2014 RENEX SOUTH AMERICA 2014 O mercado sul-americano de energia renovável em um só lugar 26a 28 Novembro 2014 Porto Alegre - 14h às 20h no Centro de Eventos FIERGS Entre em contato e acompanhe a RENEX pelas

Leia mais

PROGRAMAÇÃO PRELIMINAR - CASA ALEMÃ: A CASA ECOEFICIENTE

PROGRAMAÇÃO PRELIMINAR - CASA ALEMÃ: A CASA ECOEFICIENTE PROGRAMAÇÃO PRELIMINAR - CASA ALEMÃ: A CASA ECOEFICIENTE * Programação sujeita a disponibilidade dos palestrantes SEMINÁRIO: ENERGIA SOLAR 13 de abril de 2010 09h00-09h15 09h15-09h45 09h45-10h15 10h15-10h45

Leia mais

DESAFIO À INTERNACIONALIZAÇÃO DE EBT S PROJETO PILOTO

DESAFIO À INTERNACIONALIZAÇÃO DE EBT S PROJETO PILOTO Autores: Beatrice Maria Zanellato Fonseca Mayer Leandro Carioni Laercio Aniceto Silva Maria Angélica Jung Marques Maria Gorete T. S. Hoffmann Alexandre M. Steinbruch XX Seminário Nacional de Parques Tecnológicos

Leia mais

Power Future 2009 - Exposição Internacional e Seminário das Energias Alternativas e Renováveis - Câmara Brasil-Portugal no Ceará

Power Future 2009 - Exposição Internacional e Seminário das Energias Alternativas e Renováveis - Câmara Brasil-Portugal no Ceará Campinas, 27 de Abril de 2009. (Número 562) Todas as edições do NIPEenergia estão disponíveis na íntegra no site do NIPE: www.nipeunicamp.org.br! EVENTOS Termoeletricidade 2009 27 e 28 de Abril de 2009

Leia mais

Visita Técnica Energia Solar

Visita Técnica Energia Solar Visita Técnica Energia Solar Relatório 23 a 27 de setembro de 2013 Conteúdo Contexto 3 Objetivo 3 Membros da Delegação 4 Instituições visitadas e resultados das visitas 6 Anexos 13 2 Contexto A Deutsche

Leia mais

Cooperação Financeira Alemã: Financiamento de Energias Renováveis

Cooperação Financeira Alemã: Financiamento de Energias Renováveis Cooperação Financeira Alemã: Financiamento de Energias Renováveis Jens Wirth Seminário Energia + Limpa Florianópolis 13/05/2014 Bank aus Verantwortung Quem é o KfW? Banco de fomento da República Federal

Leia mais

Empresa #1. O que a empresa busca no Brasil. Parceiros

Empresa #1. O que a empresa busca no Brasil. Parceiros Empresa #1 A empresa oferece a gama completa de serviços de engenharia, do design ao fornecimento de peças de protótipos. Entre os serviços prestados, estão o desenvolvimento e a construção, simulação,

Leia mais

CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE ENGENHARIA CIVIL

CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE ENGENHARIA CIVIL CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE ENGENHARIA CIVIL Alcyr de Morisson Faria Neto (Especialista) Regime de Trabalho: Horista Área de conhecimento: Ciências Sociais Aplicadas Qualificação profissional: Arquitetura

Leia mais

5 Objetivos Principais

5 Objetivos Principais A Rainforest Business School Escola de Negócios Sustentáveis de Floresta Tropical Instituto de Estudos Avançados Universidade de São Paulo (USP) Programa de Pesquisa Amazônia em Transformação (AmazonIEA)

Leia mais

Fórum e Exposição Energias Renováveis e Alternativas no Cone Sul- ERACS

Fórum e Exposição Energias Renováveis e Alternativas no Cone Sul- ERACS Fórum e Exposição Energias Renováveis e Alternativas no Cone Sul- ERACS Apresentação O Fórum e Exposição Energias Renováveis e Alternativas no Cone Sul- ERACS ocorrerá nos dias 13, 14 e 15 de outubro de

Leia mais

O Novo Perfil da Siderurgia no Brasil Dinheiro Vivo

O Novo Perfil da Siderurgia no Brasil Dinheiro Vivo O Novo Perfil da Siderurgia no Brasil Dinheiro Vivo O 27º Fórum de Debates Projeto Brasil discutirá a siderurgia nacional. Manter o crescimento do setor no país, agregar valor aos produtos da siderurgia

Leia mais

Treinamento inter-company de Inteligência Estratégica

Treinamento inter-company de Inteligência Estratégica A Crescendo Consultoria tem o prazer de convidá-lo dia 07/04 em São Paulo para o: Treinamento inter-company de Inteligência Estratégica Como estruturar concretamente na sua organização um dispositivo de

Leia mais

Política Ambiental das Empresas Eletrobras

Política Ambiental das Empresas Eletrobras Política Ambiental das Empresas Eletrobras Versão 2.0 16/05/2013 Sumário 1 Objetivo... 3 2 Princípios... 3 3 Diretrizes... 3 3.1 Diretrizes Gerais... 3 3.1.1 Articulação Interna... 3 3.1.2 Articulação

Leia mais

18 de novembro de 2009 Colóquio Solar NATAL-RN 11 de dezembro de 2009 Conferência Nacional para Energia Solar SÃO PAULO-SP

18 de novembro de 2009 Colóquio Solar NATAL-RN 11 de dezembro de 2009 Conferência Nacional para Energia Solar SÃO PAULO-SP Colóquio e Conferência Nacional Encontro técnico-econômico para desenvolvimento e aplicação de projetos de energia solar na matriz energética brasileira 18 de novembro de 2009 Colóquio Solar NATAL-RN 11

Leia mais

Competitividade, economia e sociedade Valorização das Pessoas e qualificação profissional

Competitividade, economia e sociedade Valorização das Pessoas e qualificação profissional Competitividade, economia e sociedade Valorização das Pessoas e qualificação profissional Ângelo Sarmento, Membro do Conselho de Administração da EDP Distribuição Lisboa, Junho de 2015 EDP Distribuição:

Leia mais

Sistema Dual Técnico de Formação Profissional

Sistema Dual Técnico de Formação Profissional + Iniciativa: Sistema Dual Técnico de Formação Profissional O Ensino Dual Técnico de Formação Profissional existe na Alemanha desde o século XIX, e tem como objetivo a formação de jovens de forma bem sucedida.

Leia mais

Promoção da energia fotovoltaica (PV) através da otimização da monitorização. Newsletter 3

Promoção da energia fotovoltaica (PV) através da otimização da monitorização. Newsletter 3 Promoção da energia fotovoltaica (PV) através da otimização da monitorização Newsletter 3 Setembro 2014 Introdução O Projeto Promoção da energia fotovoltaica (PV) através da otimização da monitorização

Leia mais

1º Fórum Latino-Americano de Engenharia. UNILA Foz do Iguaçu

1º Fórum Latino-Americano de Engenharia. UNILA Foz do Iguaçu 1º Fórum Latino-Americano de Engenharia UNILA Foz do Iguaçu 1º Fórum Latino-Americano de Engenharia UNILA Foz do Iguaçu Universidade Federal do Rio Grande do Sul Escola de Engenharia Paulo Smith Schneider

Leia mais

NOVAS TECNOLOGIAS. INTERNET pesquisa em direito e tecnologia E SUAS POSSIBILIDADES NA CIDADE 24 E 25 DE SETEMBRO

NOVAS TECNOLOGIAS. INTERNET pesquisa em direito e tecnologia E SUAS POSSIBILIDADES NA CIDADE 24 E 25 DE SETEMBRO NOVAS TECNOLOGIAS INTERNET pesquisa em direito e tecnologia E SUAS POSSIBILIDADES NA CIDADE 24 E 25 DE SETEMBRO 2015 TEXTO DE APRESENTAÇÃO SOBRE O SEMINÁRIO SOBRE O INTERNETLAB POR QUE FAZER ESSE EVENTO?

Leia mais

CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MANUTENÇÃO INDUSTRIAL ANO 2015

CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MANUTENÇÃO INDUSTRIAL ANO 2015 CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MANUTENÇÃO INDUSTRIAL ANO 2015 Anderson José Costa Sena (Mestre) Regime de Trabalho: Tempo Integral Qualificação Profissional: Engenharia Elétrica Doutorando

Leia mais

Anexo V - A. Proposta de um Novo Programa de Trabalho e Funcionamento da RECYT

Anexo V - A. Proposta de um Novo Programa de Trabalho e Funcionamento da RECYT Anexo V - A Proposta de um Novo Programa de Trabalho e Funcionamento da RECYT Breve Histórico A Reunião Especializada em Ciência e Tecnologia do MERCOSUL RECYT, criada em 1992, realizou a sua primeira

Leia mais

Curso de Graduação em Engenharia de Controle e Automação

Curso de Graduação em Engenharia de Controle e Automação UFSC Universidade Federal de Santa Catarina DAS Departamento de Automação e Sistemas Curso de Graduação em Engenharia de Controle e Automação Prof. Max Hering de Queiroz Coordenador de Curso Agenda 1.

Leia mais

Gestão de Departamentos Jurídicos Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração

Gestão de Departamentos Jurídicos Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração 1 Porque Educação Executiva Insper A dinâmica do mundo corporativo atual exige profissionais multidisciplinares, capazes de interagir e formar conexões com diferentes áreas da empresa e entender e se adaptar

Leia mais

Simpósio Internacional Excelência em Produção: A Produção Inteligente

Simpósio Internacional Excelência em Produção: A Produção Inteligente Simpósio Internacional Excelência em Produção: A Produção Inteligente Prefácio A VDI-Brasil não só se preocupa com os avanços na tecnologia, mas também, em encontrar soluções sobre como produzir mais de

Leia mais

POLÍTICAS PÚBLICAS DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA E

POLÍTICAS PÚBLICAS DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA E POLÍTICAS PÚBLICAS DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO CARTA SÃO PAULO 2006 1 CARTA SÃO PAULO 2006 Visão para inovação, competitividade e renda. Reunidos na cidade de São Paulo-SP, no dia 25 de agosto de

Leia mais

Bioeconomy Science Center (BioSC) Centro de Competência em Pesquisa para a Bioeconomia Alemanha / Renânia do Norte-Vestfália (NRW)

Bioeconomy Science Center (BioSC) Centro de Competência em Pesquisa para a Bioeconomia Alemanha / Renânia do Norte-Vestfália (NRW) Bioeconomy Science Center (BioSC) Centro de Competência em Pesquisa para a Bioeconomia Alemanha / Renânia do Norte-Vestfália (NRW) Bioeconomia Objetivo: produtos e serviços (inovativos) ecologicamente

Leia mais

Departamento Nacional do SENAI

Departamento Nacional do SENAI Departamento Nacional do SENAI Rede SENAI Ferramentaria Luiz Eduardo Leão Inovação e Tendências Moldes ABM 0º Encontro da Cadeia de Ferramentas, Moldes e Matrizes São Paulo 09 de agosto de 202 Desafio

Leia mais

INFORMAÇÕES GERAIS. Datas: 19 e 20 de agosto de 2015

INFORMAÇÕES GERAIS. Datas: 19 e 20 de agosto de 2015 APRESENTAÇÃO O verão de 2015 demostrou, mais uma vez, de forma clara o quanto o País precisa rever sua dependência do setor hidrelétrico. Segundo previsões do Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas

Leia mais

Ciência sem Fronteiras Alemanha (CsF) Oferta curricular para bolsistas CsF. Programa de Engenharia de Processos Resumo

Ciência sem Fronteiras Alemanha (CsF) Oferta curricular para bolsistas CsF. Programa de Engenharia de Processos Resumo Bernburg Dessau Köthen Hochschule Anhalt Fachbereich Angewandte Biowissenschaften und Prozesstechnik Ciência sem Fronteiras Alemanha (CsF) Oferta curricular para bolsistas CsF Departamento de Biociências

Leia mais

Fórum sobre Eficiência Energética e Geração Distribuída

Fórum sobre Eficiência Energética e Geração Distribuída Dep. Engeharia Mecânica Escola Politécnica Universidade de São Paulo Fórum sobre Eficiência Energética e Geração Distribuída Experiências de Sucesso e Perspectivas: a Percepção da Academia Escola Politécnica

Leia mais

Posição da indústria química brasileira em relação ao tema de mudança climática

Posição da indústria química brasileira em relação ao tema de mudança climática Posição da indústria química brasileira em relação ao tema de mudança climática A Abiquim e suas ações de mitigação das mudanças climáticas As empresas químicas associadas à Abiquim, que representam cerca

Leia mais

Cimeira Africana de Infraestrutura Resiliente ao Clima

Cimeira Africana de Infraestrutura Resiliente ao Clima União Africana Entico Events Limited Cimeira Africana de Infraestrutura Resiliente ao Clima África: Em Direção ao Desenvolvimento de uma Infraestrutura Resiliente NOTA DE CONCEITO 27-29 abril 2015 Sede

Leia mais

ENGENHARIA DA PRODUÇÃO 2.0

ENGENHARIA DA PRODUÇÃO 2.0 ENGENHARIA DA PRODUÇÃO 2.0 SOBRE O CURSO Mercados dinâmicos demandam profissionais com formação completa e abrangente, aptos a liderarem equipes multidisciplinares em empresas de todos os setores econômicos

Leia mais

Todas as edições do NIPEenergia estão disponíveis na íntegra no site do NIPE: www.nipeunicamp.org.br

Todas as edições do NIPEenergia estão disponíveis na íntegra no site do NIPE: www.nipeunicamp.org.br NIPEenergia De: NIPEenergia Enviado em: sexta-feira, 13 de janeiro de 2012 17:24 Para: nipeenergia@nipeunicamp.org.br Assunto: NIPEenergia - Número 836 Anexos: folder_curso.pdf

Leia mais

Todas as edições do NIPEenergia estão disponíveis na íntegra no site do NIPE: www.nipeunicamp.org.br

Todas as edições do NIPEenergia estão disponíveis na íntegra no site do NIPE: www.nipeunicamp.org.br Campinas, 31 de Janeiro de 2011. (Número 763) Todas as edições do NIPEenergia estão disponíveis na íntegra no site do NIPE: www.nipeunicamp.org.br SIGA O NIPE PELO TWITTER! O NIPE/Unicamp agora está no

Leia mais

Smart Cities Portugal

Smart Cities Portugal Smart Cities Portugal A rede Smart Cities Portugal tem por objetivo promover o trabalho em rede numa lógica inter-cluster, para o desenvolvimento e produção de soluções urbanas inovadoras para smart cities,

Leia mais

Comprometidos com o Futuro da Educação

Comprometidos com o Futuro da Educação Comprometidos com o Futuro da Educação Comprometidos com o Futuro da Educação Educação Assim se Constroem as Grandes Nações A educação é vital para criar uma cultura baseada na excelência. A demanda por

Leia mais

A iniciativa eportuguêse e oportunidades para os países de língua portuguesa

A iniciativa eportuguêse e oportunidades para os países de língua portuguesa A iniciativa eportuguêse e oportunidades para os países de língua portuguesa BIREME/OPAS/OMS - São Paulo 1 eportuguêse Iniciativas para fortalecer a informação em saúde nos países de língua portuguesa

Leia mais

Mineirão Solar Copa 2014

Mineirão Solar Copa 2014 Mineirão Solar Copa 2014 Modelo de Governança do Projeto Copa 2014 Núcleo de Gestão Coordenador EpR Comitê Executivo Coordenador EpR Escritório de Gerenciamento de Projetos Copa 2014 no EpR Segundo Decretos

Leia mais

Prof. Marcos Aurélio Vasconcelos de Freitas (mfreitas@ivig.coppe.ufrj.br) Instituto Virtual Internacional de Mudanças Globais IVIG/COPPE/UFRJ

Prof. Marcos Aurélio Vasconcelos de Freitas (mfreitas@ivig.coppe.ufrj.br) Instituto Virtual Internacional de Mudanças Globais IVIG/COPPE/UFRJ Formação e Capacitação de Recursos Humanos p/exploração de Recursos Energéticos e Geração de Energia Prof. Marcos Aurélio Vasconcelos de Freitas (mfreitas@ivig.coppe.ufrj.br) Instituto Virtual Internacional

Leia mais

Pessoas e Negócios em Evolução

Pessoas e Negócios em Evolução Empresa: Atuamos desde 2001 nos diversos segmentos de Gestão de Pessoas, desenvolvendo serviços diferenciados para empresas privadas, associações e cooperativas. Prestamos serviços em mais de 40 cidades

Leia mais

KIT DE TREINAMENTO SWITCH Gestão Integrada das Águas Urbanas na Cidade do Futuro. 12 th ICUD Porto Alegre Rio Grande do Sul 15 de setembro de 2011

KIT DE TREINAMENTO SWITCH Gestão Integrada das Águas Urbanas na Cidade do Futuro. 12 th ICUD Porto Alegre Rio Grande do Sul 15 de setembro de 2011 KIT DE TREINAMENTO SWITCH Gestão Integrada das Águas Urbanas na Cidade do Futuro 12 th ICUD Porto Alegre Rio Grande do Sul 15 de setembro de 2011 Sophia Picarelli ICLEI LACS - Secretariado para América

Leia mais

Abrangência do Programa de Expansão do ITA

Abrangência do Programa de Expansão do ITA Abrangência do Programa de Expansão do ITA Programa de Expansão do ITA EDUCAÇÃO (Ensino e Pesquisa) INOVAÇÃO (P,D & I) Projetos Cooperações ITA Projeto Cooperações Infraestrutura 5 IFES Centro de Inovação

Leia mais

C O N V I T E. LOCAL: Espaço de Eventos do Shopping Center Limeira (Avenida Carlos Kuntz Busch, 800, acesso também pelo km 150 da Rodovia Anhanguera)

C O N V I T E. LOCAL: Espaço de Eventos do Shopping Center Limeira (Avenida Carlos Kuntz Busch, 800, acesso também pelo km 150 da Rodovia Anhanguera) C O N V I T E A Prefeitura Municipal de Limeira, por intermédio da Secretaria de Desenvolvimento, Turismo e Inovação, tem o prazer de convidar V. Senhoria para participar das atividades pertinentes ao

Leia mais

Módulo Internacional em Administração

Módulo Internacional em Administração MÓDULO INTERNACIONAL Módulo Internacional em Administração Data de Realização: 21 a 30 de agosto de 2015 Convênio.................... 3 Apresentação................... 3 Universidade da Califórnia..............

Leia mais

PLANO DE GESTÃO 2015-2017

PLANO DE GESTÃO 2015-2017 UNIFAL-MG FACULDADE DE CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS PLANO DE GESTÃO 2015-2017 Profa. Fernanda Borges de Araújo Paula Candidata a Diretora Profa. Cássia Carneiro Avelino Candidata a Vice Diretora Índice Apresentação...

Leia mais

RIG CREW BAY. Sua Porta de Entrada para o Mercado Offshore. Copyright 2015 Rig Crew Bay. Todos os direitos reservados.

RIG CREW BAY. Sua Porta de Entrada para o Mercado Offshore. Copyright 2015 Rig Crew Bay. Todos os direitos reservados. RIG CREW BAY Sua Porta de Entrada para o Mercado Offshore #nossaspalestras A RIG CREW BAY desenvolve, a cada semestre, uma série de palestras com temas de grande relevância, pertinentes ao cenário atual

Leia mais

Energia 2030 1ª parte. Cláudio Monteiro Professor da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto

Energia 2030 1ª parte. Cláudio Monteiro Professor da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto Energia 2030 1ª parte Cláudio Monteiro Professor da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto ENERGIA 2030 Os Desafios Os três vértices do desafio ECONOMIA Competitividade, sustentabilidade económica,

Leia mais

BNDESPAR INGRESSA NO CAPITAL SOCIAL DA RENOVA ENERGIA

BNDESPAR INGRESSA NO CAPITAL SOCIAL DA RENOVA ENERGIA BNDESPAR INGRESSA NO CAPITAL SOCIAL DA RENOVA ENERGIA Por meio de um investimento estratégico de até R$314,7 milhões, a BNDESPAR ingressa no capital social da Renova Energia. Parceria de Longo Prazo A

Leia mais

Diretrizes do Fundo Solar: Apoio a microgeração fotovoltaica. Promovido por

Diretrizes do Fundo Solar: Apoio a microgeração fotovoltaica. Promovido por Diretrizes do Fundo Solar: Apoio a microgeração fotovoltaica Promovido por Texto atualizado em 22 de Maio de 2013 Índice 1. Contextualização... 3 2. Objetivo... 3 3. Público-Alvo... 3 4. Entidades promotoras...

Leia mais

Audiência Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI) Senado Federal

Audiência Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI) Senado Federal Audiência Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI) Senado Federal Brasília 22 de março o de 2009 Inovação Chave para a competitividade das empresas e o desenvolvimento do país Determinante para o aumento

Leia mais