GIZ/Ute Thiermann. Organização. Ministério do. Ministério da

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "GIZ/Ute Thiermann. Organização. Ministério do. Ministério da"

Transcrição

1 GIZ/Ute Thiermann Apoio Parceiro Realização Organização Ministério do Ministério da

2 SOBRE O EVENTO Em parceria com a Câmara Brasil-Alemanha, a Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ), por meio do Ministério de Cooperação Econômica e Desenvolvimento (BMZ), realizará o Dia da Indústria Alemã de Energia Solar Heliotérmica (HLT). A DKTI (Iniciativa Alemã de Tecnologia e Clima) é a contribuição alemã para financiamento de tecnologias destinadas a combater as mudanças climáticas. A iniciativa Unidades Solar Térmicas para geração de eletricidade destina-se ao fomento das tecnologias CSP (Concentrated Solar Power) como um programa de política de inovação no Brasil. No "Dia da Indústria Alemã de Energia Solar Heliotérmica (HLT)", empresas na cadeia de valor da Alemanha e do Brasil terão a oportunidade de se apresentar para um público profissional e fazer contatos. Os cientistas de ambos os países também são convidados a contatar empresas e fazer contatos para a pesquisa orientada para a aplicação em futuras oportunidades de carreira. Palestras inovadoras e debates com representantes de entidades públicas relevantes fornecerão insights sobre esta indústria altamente promissora, discutindo os desafios para o desenvolvimento futuro. O objetivo do evento é fornecer insights sobre este segmento industrial altamente promissora e discutir os desafios para o desenvolvimento futuro. A programação será dividida em duas partes: WORKSHOPS Ocorrerão apresentações de especialistas (com tradução simultânea) sobre os temas; a indústria da HLT na Alemanha, potencial de projetos no Brasil e parcerias entre empresas e instituições dos dois países. MATCHMAKING Será organizado um matchmaking na parte da tarde do evento (rodada de discussões) entre os participantes, visando troca de informações, discussão de projetos e parcerias.

3 PROGRAMAÇÃO 18 DE MARÇO 09:00-09:30 Abertura BMZ/Embaixada Alemã, GIZ, AHK, MCTI 09:30-10:10 Estado da arte da tecnologia heliotérmica (Concentrated Solar Power - CSP) Dr. Reiner Buck, Centro Aeroespacial Alemão 10:10-10:50 Visão geral dos recentes desenvolvimentos no armazenamento térmico para usinas heliotérmicas Dr. Günter Schneider, Enolcon 10:50-11:10 Coffee Break 11:10-11:50 Exposição do cenário nacional para o desenvolvimento de usinas heliotérmicas no Brasil Dr. Günter Schneider, Enolcon 11:50-12:35 Discussão 12:35-14:00 Almoço 14:00-16:00 Energia heliotérmica na África do Sul - state of the art Prof. Johannes Lodewikus Vanniekerk, Universidade de Stellenbosch Frank Dinter, Universidade de Stellenbosch 19 DE MARÇO 09:00-09:30 Abertura MDIC, ANNEL, BNDES 09:30-10:10 Estado da arte da tecnologia heliotérmica em calhas parabólicas Markus Balz, sbp 10:10-10:50 Estado da tecnologia heliotérmica Fresnel Dr. Andreas Häberle, PSE 10:50-11:10 Coffee Break 11:10-11:50 Medições solares José Bione de Melo Filho, Gerente da Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (CHESF) 11:50-12:35 Discussão 12:35-14:00 Almoço 14:00-16:00 Desenvolvimento das carreiras acadêmicas e técnicas da tecnologia heliotérmica no Brasil Josef Rösner, GFA, Projeto Energia Héliotermica

4 PALESTRANTES DR. ANDREAS HÄBERLE Doutor em física pelo Instituto Fraunhofer em Sistemas de Energia Solar Freiburg, trabalhou com concentrating solar thermal collectors, antes de fundar a empresa spin-off PSE, onde é CEO. Campos de atuação: energia heliotérmica com foco especial na produção de energia solar por calor de processos industriais e refrigeração solar / padronização de testes para pesquisas na área solar, instituições modelo e desenvolvimento de produtos / consultoria com visitas técnicas in loco, estudos de viabilidade e projetos de monitoramento / conferências na área solar: realização de conferências científicas de alto nível para a comunidade solar. DR. GUNTHER SCHNEIDER Diretor e acionista da Enolcon desde Anteriormente, foi engenheiro na EnBW, gerente de projetos e, posteriormente, presidente do conselho de M + W Zander Europa (hoje M + W), Koch Transporttechnik (hoje FLSmidth) e Fortum Energie (hoje E.ON). No âmbito do seu trabalho, foi responsável pela implantação, desenvolvimento e concepção de várias usinas de energia (convencionais e solares) em todo o mundo. Ativamente envolvido no campo de sistemas de armazenamento de energia, é o responsável pelo desenvolvimento da enolcon-httess. JOSÉ BIONE DE MELO FILHO Graduação em Engenharia Elétrica, Mestrado em Automação Industrial, Doutorado em Tecnologias Energéticas e Nucleares e Pós-doutorado em Energia Renovável no CIEMAT-Espanha. Atualmente, professor do Mestrado de Tecnologia da Energia da Universidade de Pernambuco, Coordenador do Laboratório de Energia Solar da UPE, Gerente da Divisão de Eficiência Energética e Desenvolvimento Tecnológico da Chesf, Gerente da Planta Fotovoltaica de 3 MWp em Petrolina da Chesf. Tendo diversos artigos técnicos publicados em periódicos e revistas. MARKUS BALZ Engenheiro civil, especializado em estruturas leves e energia heliotérmica. Após sua graduação na Universidade de Ciências Aplicadas e Instituto de Estruturas Leves em Stuttgart, trabalhou no escritório Happold (Bath, Reino Unido), em 2002 na consultoria Schlaich Bergermann, e em 2009 tornou-se Diretor Geral da SBP Sonne.

5 PROF. JOHANNES LODEWIKUS VANNIEKERK Professor no Departamento de Engenharia Mecânica e Mecatrônica da Universidade de Stellenbosch. PhD pela Universidade da Califórnia, em Berkeley. Atua como diretor do Centro de Estudos em Energias Renováveis e Sustentáveis, estabelecido em 2006 e financiado pelo Departamento de Ciência e Tecnologia, Eskom e Sasol. Possui grande interesse em energia solar, eólica e dos mares. Engenheiro profissional registrado no Conselho de Engenharia Sul-Africano, exerce a profissão de consultor para a indústria há mais de 15 anos. Publicou mais de 14 artigos em revistas internacionais com arbitragem, e apresentou uma série de documentos em conferências internacionais. Membro da Instituição Sul-Africana de Engenharia Mecânica, Southern African Acoustics Institute, Academia Sul-Africano de Engenheiros, também é membro da Sociedade Americana de Engenheiros Mecânicos, Sociedade de Energia Sustentável da África do Sul e membro do conselho da Sociedade Internacional de Energia Solar. JOSEPH W. ROESNER Possui MBA e muitos anos de consultoria na cooperação para o desenvolvimento internacional no âmbito da formação profissional, desenvolvimento econômico sustentável e utilização do potencial de sinergia na cooperação entre várias empresas, instituições e parceiros. Sua experiência no desenvolvimento de curriculos, atualizando as descrições de trabalho e a transição para uma educação baseada em competências é reconhecido internacionalmente. Atualmente, trabalha para o GfA como coordenador do componente de formação e educação de projetos DKTI CSP (usinas heliotérmicas para gerar eletricidade). DR. REINER BUCK Engenheiro Mecânico, recebeu titulação de doutor em 2000 pela Universidade de Stuttgart, sobre o tema "Mass Flow Instabilities in Volumetric Receiver-Reactors". Trabalha no Centro Aeroespacial Alemão desde 1986 com diferentes tecnologias solares, foco em sistemas de torres de energia solar. Desde 2003, lidera a área de pesquisa "sistemas solares de alta temperatura", do departamento de pesquisa solar do Centro Aeroespacial Alemão em Stuttgart, Alemanha. A partir de 2011 chefia o departamento de "Point Focusing Systems" dentro do Instituto de Pesquisa Solar do Centro Aeroespacial Alemão. Seus campo de atuação é em torres de sistemas solares e ferramentas de simulação.

6 MATCHMAKING Consiste em uma plataforma para formação de novas parcerias. Atores chaves do Brasil e Alemanha se reúnem para melhorar a troca de conhecimentos entre a pesquisa e a prática, para iniciar novas parcerias e discutir oportunidades de negócios. A organização e infraestrutura do evento foi projetada para facilitar o contato pessoal entre os participantes. Todos os perfis serão exibidos na área de recepção, o que torna mais fácil para os participantes a identificação de parceiros e potenciais assuntos de interesse para discussão e cooperação futura. Data: 18 e 19 de março de 2014 Local: Club Transatlântico (Rua José Guerra, 130 Chácara Sto Antônio) Informações e inscrições: Apoio Parceiro Realização Organização Ministério do Ministério da

Projeto Heliotérmica da GIZ no Brasil

Projeto Heliotérmica da GIZ no Brasil Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ) GmbH Cooperação Alemã para o Desenvolvimento Sustentável Projeto Heliotérmica da GIZ no Brasil Jörgdieter Anhalt Integration / GIZ Coordenador

Leia mais

Alemanha e Brasil: Parceiros para o Desenvolvimento Sustentável

Alemanha e Brasil: Parceiros para o Desenvolvimento Sustentável Alemanha e Brasil: Parceiros para o Desenvolvimento Sustentável Por quê? Em nenhum outro país do mundo existem especialmente para a proteção do clima e tantas espécies de plantas e animais como conservação

Leia mais

Conferência Nacional para Energia Solar. Colóquio Solar. Colóquio e Conferência Nacional

Conferência Nacional para Energia Solar. Colóquio Solar. Colóquio e Conferência Nacional Colóquio e Conferência Nacional Encontro técnico-econômico para desenvolvimento e aplicação de projetos de energia solar na matriz energética brasileira Conferência Nacional para Energia Solar 28 de abril

Leia mais

INFORMAÇÕES GERAIS. Datas: 19 e 20 de agosto de 2015

INFORMAÇÕES GERAIS. Datas: 19 e 20 de agosto de 2015 APRESENTAÇÃO O verão de 2015 demostrou, mais uma vez, de forma clara o quanto o País precisa rever sua dependência do setor hidrelétrico. Segundo previsões do Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas

Leia mais

Catálogo de Patrocínio

Catálogo de Patrocínio Catálogo de Patrocínio 1 Prefácio O Dia da Engenharia Alemã, tradicional evento da VDI-Brasil, já está em sua 6ª edição e este ano terá como tema Energia 2030: Tendências e Tecnologias do Amanhã. O evento

Leia mais

ENERGIA RENOVÁVEIS & EFICIÊNCIA ENERGÉTICA

ENERGIA RENOVÁVEIS & EFICIÊNCIA ENERGÉTICA ENERGIA RENOVÁVEIS & EFICIÊNCIA ENERGÉTICA SUPERINTENDÊNCIA DE PROJETOS DE GERAÇÃO (SPG) CHESF 1 TEMAS ABORDADOS PERFIL DA CHESF MATRIZ ENERGÉTICA FONTES DE ENERGIA RENOVÁVEIS & NUCLEAR ASPECTOS ECONÔMICOS

Leia mais

Fórum e Exposição Energias Renováveis e Alternativas no Cone Sul- ERACS

Fórum e Exposição Energias Renováveis e Alternativas no Cone Sul- ERACS Fórum e Exposição Energias Renováveis e Alternativas no Cone Sul- ERACS Apresentação O Fórum e Exposição Energias Renováveis e Alternativas no Cone Sul- ERACS ocorrerá nos dias 13, 14 e 15 de outubro de

Leia mais

i-nopa PROGRAMA NOVAS PARCERIAS INTEGRADAS CAPES/DAAD/GIZ EDITAL Nº. 057/2013

i-nopa PROGRAMA NOVAS PARCERIAS INTEGRADAS CAPES/DAAD/GIZ EDITAL Nº. 057/2013 i-nopa PROGRAMA NOVAS PARCERIAS INTEGRADAS / EDITAL Nº. 057/2013 A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, Fundação Pública, criada pela Lei nº. 8.405, de 09 de janeiro de 1992, modificada

Leia mais

Visita Técnica Energia Solar

Visita Técnica Energia Solar Visita Técnica Energia Solar Relatório 23 a 27 de setembro de 2013 Conteúdo Contexto 3 Objetivo 3 Membros da Delegação 4 Instituições visitadas e resultados das visitas 6 Anexos 13 2 Contexto A Deutsche

Leia mais

18 de novembro de 2009 Colóquio Solar NATAL-RN 11 de dezembro de 2009 Conferência Nacional para Energia Solar SÃO PAULO-SP

18 de novembro de 2009 Colóquio Solar NATAL-RN 11 de dezembro de 2009 Conferência Nacional para Energia Solar SÃO PAULO-SP Colóquio e Conferência Nacional Encontro técnico-econômico para desenvolvimento e aplicação de projetos de energia solar na matriz energética brasileira 18 de novembro de 2009 Colóquio Solar NATAL-RN 11

Leia mais

A VISÃO do ENERGYIN Motivos da sua criação & Objectivos

A VISÃO do ENERGYIN Motivos da sua criação & Objectivos Pólo da Competitividade e Tecnologia da Energia (PCTE) O papel do PCTE na energia solar em Portugal 8 e 9 de Fevereiro de 2010 António Mano - EDP Antonio.ermidamano@edp.pt A VISÃO do ENERGYIN Motivos da

Leia mais

Programa Plataformas Tecnológicas PLATEC II PORTAL COLABORATIVO. Raimar van den Bylaardt Gerente de Tecnologia - IBP

Programa Plataformas Tecnológicas PLATEC II PORTAL COLABORATIVO. Raimar van den Bylaardt Gerente de Tecnologia - IBP Programa Plataformas Tecnológicas PLATEC II PORTAL COLABORATIVO Raimar van den Bylaardt Gerente de Tecnologia - IBP POR QUE PLATAFORMAS TECNOLÓGICAS? agregar informações aproximar a oferta e a demanda

Leia mais

TECNOLOGIA SOLAR TERMOELÉTRICA E FOTOVOLTAICA NO BRASIL E NO MUNDO

TECNOLOGIA SOLAR TERMOELÉTRICA E FOTOVOLTAICA NO BRASIL E NO MUNDO TECNOLOGIA SOLAR TERMOELÉTRICA E FOTOVOLTAICA NO BRASIL E NO MUNDO Prof. Chigueru Tiba Grupo de Pesquisas em Fontes Alternativas de Energia Grupo FAE UFPE-BR Recife, 28 de Maio de 2015. 28/5/2015 1 pau

Leia mais

Financiamento para SUSTENTABILIDADE

Financiamento para SUSTENTABILIDADE Financiamento para SUSTENTABILIDADE POSICIONAMENTO DO SANTANDER Gerar RESULTADOS para o negócio e para todos, com práticas de gestão e soluções financeiras transformadoras que perenizem o meio ambiente

Leia mais

Confira. Formados 2014. nesta edição

Confira. Formados 2014. nesta edição Recepção de volta às aulas para calouros e professores Local: SATC Data: 14/02/2014 No dia 14/02, primeiro dia de aula na Faculdade SATC, os calouros dos cursos de Engenharias, Tecnologias, Jornalismo,

Leia mais

RENEX SOUTH AMERICA 2014

RENEX SOUTH AMERICA 2014 RENEX SOUTH AMERICA 2014 O mercado sul-americano de energia renovável em um só lugar 26a 28 Novembro 2014 Porto Alegre - 14h às 20h no Centro de Eventos FIERGS Entre em contato e acompanhe a RENEX pelas

Leia mais

EUREM.NET (treinamento e network de gestores de energia) é um projeto do Programa Europeu Energia Inteligente.

EUREM.NET (treinamento e network de gestores de energia) é um projeto do Programa Europeu Energia Inteligente. Informações gerais OBJETIVO Gasto com energia é uma das principais preocupações para as empresas. Em uma economia global e competitiva a empresa que conseguir produzir com qualidade e a um menor preço

Leia mais

Cimeira Africana de Infraestrutura Resiliente ao Clima

Cimeira Africana de Infraestrutura Resiliente ao Clima União Africana Entico Events Limited Cimeira Africana de Infraestrutura Resiliente ao Clima África: Em Direção ao Desenvolvimento de uma Infraestrutura Resiliente NOTA DE CONCEITO 27-29 abril 2015 Sede

Leia mais

RELATÓRIO DE MISSÃO INTERNACIONAL À ALEMANHA

RELATÓRIO DE MISSÃO INTERNACIONAL À ALEMANHA RELATÓRIO DE MISSÃO INTERNACIONAL À ALEMANHA Participantes: Dr. Roberto Simões, presidente do CDN (Conselho Deliberativo Nacional) e Dr. Carlos Alberto dos Santos, Diretor Técnico do Sebrae Nacional. Objetivo:

Leia mais

Regulamento do projeto "50 Telhados"

Regulamento do projeto 50 Telhados Regulamento do projeto "50 Telhados" Iniciativa Novembro de 2013 Sumário 1. Contextualização... 3 2. Missão do projeto 50 Telhados... 3 3. Objetivo... 3 4. Benefícios para empresas/clientes/cidades participantes...

Leia mais

Consumo e geração de energia equilibrados

Consumo e geração de energia equilibrados Consumo e geração de energia equilibrados Consumo e geração de energia equilibrados Em Portugal, a rede de transporte de energia foi concebida tendo em conta a produção maciça e contínua de energia proveniente

Leia mais

REDES LEEN DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA COBEE 2015. Tecnologia e Sustentabilidade na Construção Civil. Todos os direitos reservados

REDES LEEN DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA COBEE 2015. Tecnologia e Sustentabilidade na Construção Civil. Todos os direitos reservados REDES LEEN DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA COBEE 2015 1 Expandir oferta x reduzir consumo 9 9 Barreiras 10 10 Ideia Redes de Eficiência Energética LEEN GmbH (Learning Energy Efficiency Networks) PSR Spinoff do

Leia mais

A Atuação da Finep em Energia e Tecnologias Limpas DENE

A Atuação da Finep em Energia e Tecnologias Limpas DENE A Atuação da Finep em Energia e Tecnologias Limpas DENE Agenda FINEP Departamento de Energia e Tecnologias Limpas DENE Programas Setoriais Inova Energia A Finep A Finep é uma empresa pública vinculada

Leia mais

Instruções para o Encaminhamento do Planejamento do Atendimento aos Sistemas Isolados e Apresentação de Projetos de Referência

Instruções para o Encaminhamento do Planejamento do Atendimento aos Sistemas Isolados e Apresentação de Projetos de Referência Relatório do Consultor: Instruções para o Encaminhamento do Planejamento do Atendimento aos Sistemas Isolados e Apresentação de Projetos de Referência Elaborado por: Danilo de Brito Lima Para: Agência

Leia mais

Cooperação Financeira Alemã: Financiamento de Energias Renováveis

Cooperação Financeira Alemã: Financiamento de Energias Renováveis Cooperação Financeira Alemã: Financiamento de Energias Renováveis Jens Wirth Seminário Energia + Limpa Florianópolis 13/05/2014 Bank aus Verantwortung Quem é o KfW? Banco de fomento da República Federal

Leia mais

FACULDADE DE ENGENHARIA Centro de Convenções FAAP São Paulo - Brasil. 30 de maio de 2012 08h30-17h30. Público Alvo. Organizadores

FACULDADE DE ENGENHARIA Centro de Convenções FAAP São Paulo - Brasil. 30 de maio de 2012 08h30-17h30. Público Alvo. Organizadores FACULDADE DE ENGENHARIA Centro de Convenções FAAP São Paulo - Brasil 30 de maio de 2012 08h30-17h30 Público Alvo Indústria, governo, pesquisadores, especialistas, técnicos, profissionais da área de meio

Leia mais

Simpósio Internacional Excelência em Produção: A Produção Inteligente

Simpósio Internacional Excelência em Produção: A Produção Inteligente Simpósio Internacional Excelência em Produção: A Produção Inteligente Prefácio A VDI-Brasil não só se preocupa com os avanços na tecnologia, mas também, em encontrar soluções sobre como produzir mais de

Leia mais

Regulamento do projeto "50 Telhados"

Regulamento do projeto 50 Telhados Regulamento do projeto "50 Telhados" Iniciativa Fevereiro de 2014 Sumário 1. Contextualização... 3 2. Missão do projeto 50 Telhados... 3 3. Objetivo... 3 3.1. Pequenas cidades... 3 4. Benefícios para empresas/clientes/cidades

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DE TECNOLOGIA CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DE TECNOLOGIA CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DE TECNOLOGIA CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA A ENGENHARIA ELÉTRICA NA UFSCar O Curso de Engenharia Elétrica iniciou no ano de 2009, com o objetivo

Leia mais

Diretrizes do Fundo Solar: Apoio a microgeração fotovoltaica. Promovido por

Diretrizes do Fundo Solar: Apoio a microgeração fotovoltaica. Promovido por Diretrizes do Fundo Solar: Apoio a microgeração fotovoltaica Promovido por Texto atualizado em 22 de Maio de 2013 Índice 1. Contextualização... 3 2. Objetivo... 3 3. Público-Alvo... 3 4. Entidades promotoras...

Leia mais

Energia Solar Térmica Ponto da situação e caminhos para 2020

Energia Solar Térmica Ponto da situação e caminhos para 2020 Energia Solar Térmica Ponto da situação e caminhos para 2020 João Farinha Mendes ENERGIA 2020 Um objectivo a 10 anos 8-9 Fevereiro 2010 2 As Energias Renováveis no Programa do XVIII Governo - Objectivos

Leia mais

Núcleo Regional de Minas Gerais: o desafio de se tornar um fórum de discussão sobre barragens

Núcleo Regional de Minas Gerais: o desafio de se tornar um fórum de discussão sobre barragens Núcleo Regional de Minas Gerais: o desafio de se tornar um fórum de discussão sobre barragens Reportagem: CLÁUDIA RODRIGUES BARBOSA Newsletter CBDB - O que diferencia o Núcleo Regional de Minas Gerais

Leia mais

Departamento de Avaliação Avaliação Ex-post 2010 - Resumo

Departamento de Avaliação Avaliação Ex-post 2010 - Resumo Departamento de Avaliação Avaliação Ex-post 2010 - Resumo Apoio à modernização do SENAI (Projeto TecnoTrans), Brasil Edição: Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ) GmbH Departamento

Leia mais

Reed Exhibitions Alcantara Machado & Reed Expositions France

Reed Exhibitions Alcantara Machado & Reed Expositions France Reed Exhibitions Alcantara Machado & Reed Expositions France Estrutura do grupo Reed Elsevier REED EXHIBITIONS Alcance Global 500 eventos por ano 43 países 43 setores da economia 7 milhões de visitantes

Leia mais

Energia Solar. Aquecimento Solar e Geração Fotovoltaica

Energia Solar. Aquecimento Solar e Geração Fotovoltaica Energia Solar Aquecimento Solar e Geração Fotovoltaica Profa. Elizabeth Marques Duarte Pereira Centro Universitário UNA Belo Horizonte, 04/06/2014 Parcerias: CEMIG/Eletrobras/FAPEMIG/ Embaixada Britânica

Leia mais

Departamento Nacional do SENAI

Departamento Nacional do SENAI Departamento Nacional do SENAI Rede SENAI Ferramentaria Luiz Eduardo Leão Inovação e Tendências Moldes ABM 0º Encontro da Cadeia de Ferramentas, Moldes e Matrizes São Paulo 09 de agosto de 202 Desafio

Leia mais

Elbia Melo. Presidente Executiva ABEEólica

Elbia Melo. Presidente Executiva ABEEólica Cenário e Perspectivas para o Segmento de Energia Eólica Elbia Melo Presidente Executiva ABEEólica 84 Associados 2 84 Associados 3 Energia Eólica no Mundo 4 Ranking Mundial 1 China 75,56 2 EUA 60,01 3

Leia mais

SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO. Missão. Objetivo Geral

SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO. Missão. Objetivo Geral Curso: ENGENHARIA ELÉTRICA SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO Missão O Curso de Engenharia Elétrica da Universidade Estácio de Sá tem por missão formar engenheiros com sólidos e atualizados conhecimentos científicos

Leia mais

Disciplina: Fontes Alternativas de Energia

Disciplina: Fontes Alternativas de Energia Disciplina: Fontes Alternativas de Parte 1 Fontes Renováveis de 1 Cronograma 1. Fontes renováveis 2. Fontes limpas 3. Fontes alternativas de energia 4. Exemplos de fontes renováveis 1. hidrelétrica 2.

Leia mais

Introdução A Engenharia Da Computação

Introdução A Engenharia Da Computação Introdução A Engenharia Da Computação AULA I Slide 1 O Que é Engenharia? [De engenho + -aria.] Substantivo feminino 1.Arte de aplicar conhecimentos científicos e empíricos e certas habilitações específicas

Leia mais

Perspectivas da Energia Solar e o Apoio do BNDES ao Setor

Perspectivas da Energia Solar e o Apoio do BNDES ao Setor Perspectivas da Energia Solar e o Apoio do BNDES ao Setor Segundo Fórum Canal Energia/COGEN - Julho de 2013 - Potencial da Energia Solar Fonte: SOLARWORLD 2 Perspectivas da Energia Solar Fonte: The German

Leia mais

Ciência sem Fronteiras : O Programa Brasileiro de Mobilidade Científica no CNPq/MCT

Ciência sem Fronteiras : O Programa Brasileiro de Mobilidade Científica no CNPq/MCT Ciência sem Fronteiras : O Programa Brasileiro de Mobilidade Científica no CNPq/MCT Objetivos Avanço da ciência brasileira em tecnologia, inovação e competitividade, através da expansão da mobilidade internacional:

Leia mais

Proteção e Uso Sustentável das Florestas Tropicais

Proteção e Uso Sustentável das Florestas Tropicais Proteção e Uso Sustentável das Florestas Tropicais Estado Atual e perspectivas Cooperação Alemã para o Desenvolvimento Sustentável Contribuições para políticas públicas Seminário Nacional Diálogos sobre

Leia mais

Projeto Megawatt Solar Usina Solar Fotovoltaica no Edifício Sede da ELETROSUL

Projeto Megawatt Solar Usina Solar Fotovoltaica no Edifício Sede da ELETROSUL Projeto Megawatt Solar Usina Solar Fotovoltaica no Edifício Sede da ELETROSUL Luis Felipe Pozzatti Chefe do Setor de Estudos de Novos Potenciais luis.pozzatti@eletrosul.gov.br Eletrosul Segmentos: transmissão

Leia mais

Energia e T r e mosolar mosolar A Potência da Nova Matriz Energética Mundial Mundial

Energia e T r e mosolar mosolar A Potência da Nova Matriz Energética Mundial Mundial Energia Termosolar A Potência da Nova Matriz Energética Mundial Termosolar Única Matriz 100% Limpa 100% Abundante 100% Renovável Agora, uma Matriz 100% Competitiva Energia Termosolar O mundo a está adotando

Leia mais

Criando Oportunidades

Criando Oportunidades Criando Oportunidades Clima, Energia & Recursos Naturais Agricultura & Desenvolvimento Rural Mercados de Trabalho & Sector Privado e Desenvolvimento Sistemas Financeiros Comércio & Integração Regional

Leia mais

INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A ESTRATÉGIA DO SENAI PARA APOIAR A COMPETITIVIDADE DA INDÚSTRIA BRASILEIRA

INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A ESTRATÉGIA DO SENAI PARA APOIAR A COMPETITIVIDADE DA INDÚSTRIA BRASILEIRA INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A ESTRATÉGIA DO SENAI PARA APOIAR A COMPETITIVIDADE DA INDÚSTRIA BRASILEIRA Inovação é o que distingue um líder de um seguidor. Steven Paul Jobs Grandes ideias mudam o mundo. Missão

Leia mais

IV Reunião das Administradoras de ZPE. Brasília, 15 de abril de 2015

IV Reunião das Administradoras de ZPE. Brasília, 15 de abril de 2015 IV Reunião das Administradoras de ZPE Brasília, 15 de abril de 2015 I. Atuação da RENAI Roteiro: II. Possibilidades de parceria RENAI - ZPEs Parte I RENAI O que é a RENAI? Rede Nacional de Informações

Leia mais

TÉRMICO DELTASTORE SISTEMAS DE ARMAZENAMENTO DE ENERGIA TÉRMICA. ECO biopowe r ECO ARMAZENAMENTO PARA APLICAÇÃO PÚBLICA, INDUSTRIAL E AGRÍCOLA

TÉRMICO DELTASTORE SISTEMAS DE ARMAZENAMENTO DE ENERGIA TÉRMICA. ECO biopowe r ECO ARMAZENAMENTO PARA APLICAÇÃO PÚBLICA, INDUSTRIAL E AGRÍCOLA ARMAZENAMENTO TÉRMICO DELTASTORE SISTEMAS DE ARMAZENAMENTO DE ENERGIA TÉRMICA PARA APLICAÇÃO PÚBLICA, INDUSTRIAL E AGRÍCOLA INVENTIVE BY NATURE ECO biopowe r Precis ão alem ã, energia brasileira! www.ecobiopower.com.br

Leia mais

Investimento em inovação para elevar a produtividade e a competitividade da economia brasileira:

Investimento em inovação para elevar a produtividade e a competitividade da economia brasileira: Plano Inova Empresa Inovação e desenvolvimento econômico Investimento em inovação para elevar a produtividade e a competitividade da economia brasileira: Ampliação do patamar de investimentos Maior apoio

Leia mais

Transformando resíduos em energia Geração de biogás a partir de resíduos orgânicos

Transformando resíduos em energia Geração de biogás a partir de resíduos orgânicos Transformando resíduos em energia Geração de biogás a partir de resíduos orgânicos Conteúdo Biogás: Definição, características e matérias primas Panorama sobre o mercado de biogás na Alemanha Perspectivas

Leia mais

Inscrições PLM-SUMMIT 2013. PLM e Manufatura Digital para a Cadeia Automotiva. www.plm-summit.com

Inscrições PLM-SUMMIT 2013. PLM e Manufatura Digital para a Cadeia Automotiva. www.plm-summit.com PLM-SUMMIT 2013 PLM e Manufatura Digital para a Cadeia Automotiva 12-13 março - 8h30 às 17h00 Auditório ABINEE Av Paulista, 1439-6º Andar São Paulo SP Brasil Inscrições www.plm-summit.com Mudanças no Mundo

Leia mais

Inovação Tecnológica e Transferência de Tecnologia SENAI-BA / CIMATEC

Inovação Tecnológica e Transferência de Tecnologia SENAI-BA / CIMATEC Núcleo de Inovação Tecnológica - NIT Inovação Tecnológica e Transferência de Tecnologia SENAI-BA / CIMATEC Profª. Maria do Carmo Oliveira Ribeiro, MSc. Coord. Núcleo de Inovação Tecnológica NIT SENAI-BA

Leia mais

MBA em Energias Renováveis e Eficiência Energética - NOVO

MBA em Energias Renováveis e Eficiência Energética - NOVO MBA em Energias Renováveis e Eficiência Energética - NOVO Apresentação Previsão de Início - Setembro Inscrições em Breve - Turma 01 - Campus Stiep Este curso de especialização constitui-se numa oportunidade

Leia mais

Relatório Anual de Atividades

Relatório Anual de Atividades Relatório Anual de Atividades 2014 INSTITUTO IDEAL Instituto para o Desenvolvimento de Energias Alternativas na América Latina Diretoria Mauro Passos Ricardo Rüther (UFSC) João Tavares Pinho (UFPA) Administração:

Leia mais

Projeto 3.10 - Residência em Software

Projeto 3.10 - Residência em Software Projeto 3.10 - Residência em Software Augusto Sampaio 1. Objetivos e justificativas O Programa de Residência em Software no Estado de Pernambuco iniciou em fevereiro de 2002 com o objetivo de treinar e

Leia mais

ENTERPRISE EUROPE NETWORK. Título: Empresa da Eslováquia certificada especializada na produção de painéis fotovoltaicos de alta qualidade.

ENTERPRISE EUROPE NETWORK. Título: Empresa da Eslováquia certificada especializada na produção de painéis fotovoltaicos de alta qualidade. Tipo de parceria:joint venture Empresa da Eslováquia certificada especializada na produção de painéis fotovoltaicos de alta qualidade. Empresa da Eslováquia certificadaespecializada na produção de painéis

Leia mais

Treinamento inter-company de Inteligência Estratégica

Treinamento inter-company de Inteligência Estratégica A Crescendo Consultoria tem o prazer de convidá-lo dia 07/04 em São Paulo para o: Treinamento inter-company de Inteligência Estratégica Como estruturar concretamente na sua organização um dispositivo de

Leia mais

Contributo para o quase zero de energia no edificado

Contributo para o quase zero de energia no edificado Energia nos EDIFÌCIOS: 40 % da energia primária consumida Contributo para o quase zero de energia no edificado 24% das emissões de GEE 30% do consumo de electricidade (per capita: 1,5 MWh/ano) Edifícios

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO CORPO DOCENTE CURRÍCULOS

PROJETO PEDAGÓGICO CORPO DOCENTE CURRÍCULOS PROJETO PEDAGÓGICO CORPO DOCENTE Ivan Eduardo Chabu João Pizysieznig Filho Jorge Manuel de Souza Rosa Lineu Belico dos Reis Luiz Carlos Dalprat Franco Marcio Takata Rafael Lincoln Pratts Milanés Ricardo

Leia mais

Power Future 2009 - Exposição Internacional e Seminário das Energias Alternativas e Renováveis - Câmara Brasil-Portugal no Ceará

Power Future 2009 - Exposição Internacional e Seminário das Energias Alternativas e Renováveis - Câmara Brasil-Portugal no Ceará Campinas, 27 de Abril de 2009. (Número 562) Todas as edições do NIPEenergia estão disponíveis na íntegra no site do NIPE: www.nipeunicamp.org.br! EVENTOS Termoeletricidade 2009 27 e 28 de Abril de 2009

Leia mais

Mineirão Solar Copa 2014

Mineirão Solar Copa 2014 Mineirão Solar Copa 2014 Modelo de Governança do Projeto Copa 2014 Núcleo de Gestão Coordenador EpR Comitê Executivo Coordenador EpR Escritório de Gerenciamento de Projetos Copa 2014 no EpR Segundo Decretos

Leia mais

IV Fórum da Terra. " Mudança Climática o Desafio do Século XXI

IV Fórum da Terra.  Mudança Climática o Desafio do Século XXI IV Fórum da Terra " Mudança Climática o Desafio do Século XXI Mariana Luz CEBRI Centro Brasileiro de Relações Internacionais Rio de Janeiro, 25 de Outubro de 2011 Economia verde como desafio global Economia

Leia mais

DESAFIO À INTERNACIONALIZAÇÃO DE EBT S PROJETO PILOTO

DESAFIO À INTERNACIONALIZAÇÃO DE EBT S PROJETO PILOTO Autores: Beatrice Maria Zanellato Fonseca Mayer Leandro Carioni Laercio Aniceto Silva Maria Angélica Jung Marques Maria Gorete T. S. Hoffmann Alexandre M. Steinbruch XX Seminário Nacional de Parques Tecnológicos

Leia mais

Geração Elétrica Total. Cenário de Referência (2007)

Geração Elétrica Total. Cenário de Referência (2007) Geração Elétrica Total Cenário de Referência (2007) Greenpeace Brasil Somos uma organização global e independente que atua para defender o meio ambiente e promover a paz, inspirando as pessoas a mudarem

Leia mais

Plataforma bilateralbiogás

Plataforma bilateralbiogás Wirtschafts- und WissenschaftsZentrum Brasilien-Deutschland e.v., Berlin Centro Empresarial e Cientifico Brasil Alemanha Plataforma bilateralbiogás Brasil-Alemanha Parcerias na área de energias renováveis

Leia mais

PROPOSTA DE PATROCÍNIO

PROPOSTA DE PATROCÍNIO PROPOSTA DE PATROCÍNIO CONFERÊNCIA E FEIRA INTERNACIONAL RIO 3 World Climate & Energy Event LAREF 2003 Latin America Renewable Energy Fair Hotel Glória 1º a 5 de dezembro de 2003 Rio de Janeiro, RJ, Brasil

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO 1 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO Resolução n 96/ 2011 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Graduação em Engenharia de Energias

Leia mais

WORKSHOP PERSPECTIVAS E DESAFIOS DA ENERGIA NUCLEAR NA MATRIZ ELÉTRICA DO BRASIL

WORKSHOP PERSPECTIVAS E DESAFIOS DA ENERGIA NUCLEAR NA MATRIZ ELÉTRICA DO BRASIL WORKSHOP PERSPECTIVAS E DESAFIOS DA ENERGIA NUCLEAR NA MATRIZ ELÉTRICA DO BRASIL GESEL / SINERGIA / EDF A OPÇÃO NUCLEAR PARA GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA NO BRASIL Altino Ventura Filho Secretário de Planejamento

Leia mais

A escolha é sempre sua. O conhecimento é a nossa contribuição.

A escolha é sempre sua. O conhecimento é a nossa contribuição. A escolha é sempre sua. O conhecimento é a nossa contribuição. TURMA 3 Master in Business Administration Especialização Lato-Sensu GESTÃO ESTRATÉGICA DA PRODUÇÃO E QUALIDADE GESTÃO FARMACEUTICA EMPRESARIAL

Leia mais

Rexroth 4EE Rexroth para Eficiência Energética

Rexroth 4EE Rexroth para Eficiência Energética Rexroth 4EE Rexroth para Eficiência Energética Procurando reduzir gastos com energia? Por que não aumentar a produtividade ao mesmo tempo? Reduzir os custos operacionais usando a energia com eficiência

Leia mais

SECRETARIA DE INOVAÇÃO

SECRETARIA DE INOVAÇÃO SECRETARIA DE INOVAÇÃO EDITAL Nº 01, DE 30 DE JANEIRO DE 2013 SEGUNDA CHAMADA PARA A APRESENTAÇÃO DE PROPOSTAS DE COOPERAÇÃO TECNOLÓGICA ENTRE BRASIL E ISRAEL O SECRETÁRIO DE INOVAÇÃO DO MINISTÉRIO DO

Leia mais

Promoção da energia fotovoltaica (PV) através da otimização da monitorização. Newsletter 3

Promoção da energia fotovoltaica (PV) através da otimização da monitorização. Newsletter 3 Promoção da energia fotovoltaica (PV) através da otimização da monitorização Newsletter 3 Setembro 2014 Introdução O Projeto Promoção da energia fotovoltaica (PV) através da otimização da monitorização

Leia mais

É A VEZ DA ENERGIA SOLAR

É A VEZ DA ENERGIA SOLAR FÓRUM DO CLUBE DE ENGENHARIA SOBRE RIQUEZAS E PROBLEMAS DO SEMIÁRIDO É A VEZ DA ENERGIA SOLAR Palestrante: Eng. Prof. Dr. José Bione de Melo Filho ROTEIRO 1. Introdução 2. Energia solar e suas tecnologias

Leia mais

Apresentação CEI. Perspectivas no mercado de energia fotovoltaica

Apresentação CEI. Perspectivas no mercado de energia fotovoltaica Apresentação CEI Perspectivas no mercado de energia fotovoltaica A CEI é produtora independente de energia em MG, com 9 usinas em operação, 15 empreendimentos hidrelétricos em desenvolvimento (130MW) e

Leia mais

Colóquio Solar Apresenta. SolarInvest 2013. Quinto Encontro Nacional de Política Energética e Industrial para Energia Solar no Brasil

Colóquio Solar Apresenta. SolarInvest 2013. Quinto Encontro Nacional de Política Energética e Industrial para Energia Solar no Brasil Colóquio Solar Apresenta SolarInvest 2013 Quinto Encontro Nacional de Política Energética e Industrial para Energia Solar no Brasil 15 e 16 de abril, Grand Hotel Mercure Parque do Ibirapuera - São Paulo

Leia mais

EDITAL DE CHAMADA DE PROPOSTAS DE PROJETOS DE P&D NA ÁREA DE GERAÇÃO RENOVÁVEL

EDITAL DE CHAMADA DE PROPOSTAS DE PROJETOS DE P&D NA ÁREA DE GERAÇÃO RENOVÁVEL EDITAL DE CHAMADA DE PROPOSTAS DE PROJETOS DE P&D NA ÁREA DE GERAÇÃO RENOVÁVEL Aplicação massiva de Geração Distribuída Solar em diferentes tipologias de telhados na cidade de Campinas Sumário 1 Apresentação...

Leia mais

Posição da indústria química brasileira em relação ao tema de mudança climática

Posição da indústria química brasileira em relação ao tema de mudança climática Posição da indústria química brasileira em relação ao tema de mudança climática A Abiquim e suas ações de mitigação das mudanças climáticas As empresas químicas associadas à Abiquim, que representam cerca

Leia mais

Soluções Schneider Electric voltadas à Eficiência Energética

Soluções Schneider Electric voltadas à Eficiência Energética Soluções Schneider Electric voltadas à Eficiência Energética Sistemas para Gerenciamento de Energia Fundação Santo André 25/03/08 Por: Eng. André F. Obst Depto. de Eficiência Energética Objetivo Entender

Leia mais

CONCLIMA São Paulo 11/9/2013

CONCLIMA São Paulo 11/9/2013 CTI e políticas públicas: algumas ligações e ideias básicas CONCLIMA São Paulo 11/9/2013 Sergio Margulis Secretário de Desenvolvimento Sustentável Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da

Leia mais

CONGRESSO ECOGERMA 2009. Local: Hotel Transamérica - Centro de Convenções (Av. Nações Unidas, 18591 - Sto. Amaro - São Paulo/SP)

CONGRESSO ECOGERMA 2009. Local: Hotel Transamérica - Centro de Convenções (Av. Nações Unidas, 18591 - Sto. Amaro - São Paulo/SP) CONGRESSO ECOGERMA 2009 Data: 12 e 13 de março de 2009 Local: Hotel Transamérica - Centro de Convenções (Av. Nações Unidas, 18591 - Sto. Amaro - São Paulo/SP) Estrutura do evento: Três simpósios temáticos

Leia mais

MBA ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL. Arcos Dorados

MBA ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL. Arcos Dorados MBA ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL Arcos Dorados MBA ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL Sustentabilidade deixou de ser uma escolha e tornou-se premissa fundamental para a competitividade

Leia mais

Galvão Energia Evolução das Fontes de Energia Renováveis no Brasil. V Conferência Anual da RELOP

Galvão Energia Evolução das Fontes de Energia Renováveis no Brasil. V Conferência Anual da RELOP Galvão Energia Evolução das Fontes de Energia Renováveis no Brasil V Conferência Anual da RELOP Lisboa, 01.Jun.2012 Agenda O Acionista Grupo Galvão 03 A Empresa Galvão Energia 04 A evolução das fontes

Leia mais

Prof. Marcos Aurélio Vasconcelos de Freitas (mfreitas@ivig.coppe.ufrj.br) Instituto Virtual Internacional de Mudanças Globais IVIG/COPPE/UFRJ

Prof. Marcos Aurélio Vasconcelos de Freitas (mfreitas@ivig.coppe.ufrj.br) Instituto Virtual Internacional de Mudanças Globais IVIG/COPPE/UFRJ Formação e Capacitação de Recursos Humanos p/exploração de Recursos Energéticos e Geração de Energia Prof. Marcos Aurélio Vasconcelos de Freitas (mfreitas@ivig.coppe.ufrj.br) Instituto Virtual Internacional

Leia mais

I SEMINÁRIO IBRACON SOBRE O ENSINO DE ENGENHARIA CIVIL

I SEMINÁRIO IBRACON SOBRE O ENSINO DE ENGENHARIA CIVIL I SEMINÁRIO IBRACON SOBRE O ENSINO DE ENGENHARIA CIVIL OBJETIVO DEBATER A QUALIDADE E A ATUALIDADE DO ENSINO DE ENGENHARIA CIVIL NO BRASIL VISANDO INICIAR PROJETOS DE ATUALIZAÇÃO NA LEGISLAÇÃO QUE REGE

Leia mais

Comitê de líderes empresariais da Mobilização Empresarial pela Inovação - MEI. Apresentação do projeto de energia solar de Tanquinho

Comitê de líderes empresariais da Mobilização Empresarial pela Inovação - MEI. Apresentação do projeto de energia solar de Tanquinho Comitê de líderes empresariais da Mobilização Empresarial pela Inovação - MEI Apresentação do projeto de energia solar de Tanquinho 1 1 A CPFL A CPFL é o maior grupo no setor de energia elétrica e tem

Leia mais

Projeto Smart Energy Paraná e a sua Plataforma Tecnológica

Projeto Smart Energy Paraná e a sua Plataforma Tecnológica Semana da Engenharia 2014 Projeto Smart Energy Paraná e a sua Plataforma Tecnológica Celso Fabricio de Melo Junior IEP Dez/2014 Projeto Smart Energy Paraná e a sua Plataforma Tecnológica O PSE Paraná Conceito

Leia mais

DEMANDA GT. Arranjos alternativos para geração eólica

DEMANDA GT. Arranjos alternativos para geração eólica DEMANDA GT Arranjos alternativos para geração eólica OBJETIVOS Desenvolver uma turbina eólica de eixo vertical de pás fixas, de pequeno porte e custo reduzido. Realizar ensaios de rendimento do equipamento

Leia mais

Título da Apresentação. ABINEE GS Sistemas Fotovoltaicos

Título da Apresentação. ABINEE GS Sistemas Fotovoltaicos Título da Apresentação ABINEE GS Sistemas Fotovoltaicos 30 de janeiro de 2013 Agenda A FINEP Escopo de Atuação e Prioridades Projetos Apoiáveis Brasil Sustentável A FINEP A FINEP Agência Brasileira da

Leia mais

Diversificação da Matriz Elétrica Nacional. João Mello A&C Energia

Diversificação da Matriz Elétrica Nacional. João Mello A&C Energia Diversificação da Matriz Elétrica Nacional João Mello A&C Energia Agenda 1. O Momento Atual 2. O Efeito Tarifário 3. As Perspectivas com Novas Fontes 4. Considerações Finais Agenda 1. O Momento Atual 2.

Leia mais

Resumo do Projeto Implementação do Centro de Treinamento Eólico (CTEO)

Resumo do Projeto Implementação do Centro de Treinamento Eólico (CTEO) Dados do Projeto Título do Projeto: Departamento Regional do Ceará CFP Waldyr Diogo de Siqueira Fortaleza/ CEARÁ Resumo do Projeto Implementação do Centro de Treinamento Eólico (CTEO) Descrição (Resumo

Leia mais

Palestrante: Ruberval Baldini. Rio de Janeiro - 2015

Palestrante: Ruberval Baldini. Rio de Janeiro - 2015 Palestrante: Ruberval Baldini A ABEAMA iniciou suas atividades no Brasil em 1992 durante a Rio 92 com a Missão de Difundir, Apoiar, Incentivar e Implementar o uso de Energia Renovável das fontes com 98

Leia mais

Relatório da Viagem de Inspeção Tecnológica ISOMAX/TERRA-SOL na Europa

Relatório da Viagem de Inspeção Tecnológica ISOMAX/TERRA-SOL na Europa Relatório da Viagem de Inspeção Tecnológica ISOMAX/TERRA-SOL na Europa 30/07/09 A Delegacao foi recebida pelo Sr. Edmond D. Krecké, Licenciador Mundial e criador da Technologia Climatização Natural ISOMAX

Leia mais

A escolha é sempre sua. O conhecimento é a nossa contribuição.

A escolha é sempre sua. O conhecimento é a nossa contribuição. A escolha é sempre sua. O conhecimento é a nossa contribuição. TURMA 3 Master in Business Administration Especialização Lato-Sensu GESTÃO ESTRATÉGICA DA PRODUÇÃO E QUALIDADE GESTÃO FARMACEUTICA EMPRESARIAL

Leia mais

CURSO DE EXTENSÃO GESTÃO DE PESSOAS NA ORGANIZAÇÃO CONTEMPORÂNEA

CURSO DE EXTENSÃO GESTÃO DE PESSOAS NA ORGANIZAÇÃO CONTEMPORÂNEA 1 Gestão de pessoas na organização contemporânea FIA Veduca 40h Sobre o curso O curso trabalhará com os participantes uma compreensão das tendências e desafios para a gestão de pessoas, procurando traçar

Leia mais

Todas as edições do NIPEenergia estão disponíveis na íntegra no site do NIPE: www.nipeunicamp.org.br

Todas as edições do NIPEenergia estão disponíveis na íntegra no site do NIPE: www.nipeunicamp.org.br NIPEenergia De: NIPEenergia Enviado em: sexta-feira, 13 de janeiro de 2012 17:24 Para: nipeenergia@nipeunicamp.org.br Assunto: NIPEenergia - Número 836 Anexos: folder_curso.pdf

Leia mais

Projeto Escola Solar

Projeto Escola Solar Projeto Escola Solar Projeto Escola Solar Por Walder Antonio Teixeira Introdução O que vem a ser uma Escola Solar? Demos o nome de Escola Solar para o nosso projeto, pois utilizamos a prática com energia

Leia mais

Ações CAIXA para promover a Eficiência Energética e a Geração Distribuída

Ações CAIXA para promover a Eficiência Energética e a Geração Distribuída Fórum de Eficiência Energética e Geração Distribuída ANEEL 2015 Ações CAIXA para promover a Eficiência Energética e a Geração Distribuída Mara Luísa Alvim Motta Gerente Executiva Gerência Nacional de Sustentabilidade

Leia mais

Fórum sobre Eficiência Energética e Geração Distribuída

Fórum sobre Eficiência Energética e Geração Distribuída Dep. Engeharia Mecânica Escola Politécnica Universidade de São Paulo Fórum sobre Eficiência Energética e Geração Distribuída Experiências de Sucesso e Perspectivas: a Percepção da Academia Escola Politécnica

Leia mais