Administração de infraestrutura Zope/Plone

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Administração de infraestrutura Zope/Plone"

Transcrição

1 2012 Administração de infraestrutura Zope/Plone Apostila para treinamento presencial

2 Este material é de livre uso e divulgação desde que preservada as citações de suas fontes. As autorizações devem ser solicitadas para: Apostila de Treinamento ZOPE /Plone Apostila de treinamento presencial de Zope e Plone nível 200 Apostila Curso de Zope/Plone Versão 1.1 Março de 2012 Palavras chave: Zope, Python, Plone, curso, treinamento, instalação 1

3 CONTROLE DE VERSÕES Versão Data Autor(es) Alterações /11/2011 ProdutivaTI Criação do documento /01/2012 Produtiva TI Revisão pelo Instrutor /01/2012 ProdutivaTI Liberação da versão /03/2012 Produtiva TI Revisão e ajuste do material Agradecimentos: Lucas Aquino Tania Moreira Douglas Soares de Andrade, autor da palestra Otimizando Portais Plone A comunidade Plone que nos ajudou a produzir este material. 2

4 Sumário SOBRE O TREINAMENTO... 5 CAPITULO Introdução... 6 CONCEITOS BÁSICOS DO ZOPE/PLONE... 8 PYTHON ZOPE PLONE ARQUITETURA REQUISITOS PARA INSTALAÇÃO DO PLONE PACOTES NECESSÁRIOS NESTE CAPÍTULO VOCÊ VIU REVISÃO DO CAPÍTULO REVISÃO DO CAPÍTULO 1 (respostas) EXERCÍCIOS DO CAPÍTULO Laboratório CAPITULO Introdução INTRODUÇÃO A SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO EM ZOPE/PLONE GERENCIAMENTO DE USUÁRIOS SEGURANÇA PERMISSÕES PADRÃO INTERFACE DE GERENCIAMENTO ZOPE (ZMI) COMO CRIAR UM NOVO USUÁRIO/GRUPO POLÍTICA PARA CRIAÇÃO E MANUTENÇÃO

5 PAPÉIS LOCAIS E COMPARTILHAMENTO CONTROLE DE ACESSO POR MEIO DE WORKFLOW NESTE CAPÍTULO VOCÊ VIU REVISÃO DO CAPÍTULO REVISÃO DO CAPÍTULO 2 (respostas) Laboratório CAPITULO Introdução OTIMIZAÇÃO DE DESEMPENHO PARÂMETROS QUE PODEM SER AJUSTADOS ZEO VARNISH plone.app.caching - Políticas de cache DESCRIÇÃO DAS POLÍTICAS DE CACHE QUANDO APLICAR CADA TIPO DE POLÍTICA BACKUP e RESTORE REPOZO REVISÃO DO CAPÍTULO EXERCÍCIOS DO CAPÍTULO REVISÃO DO CAPÍTULO 3 (respostas) Laboratório

6 SOBRE O TREINAMENTO 5

7 CAPITULO 1 Introdução Vamos conceituar todas as ferramentas que serão usadas nesse curso. Plone, um Sistema Gerenciador de Conteúdo (CMS - Content Management System) livre e de código aberto, escrito em Python e que roda utilizando o servidor de aplicações Zope. Seu principal objetivo é facilitar a criação, edição, publicação e distribuição de informação. Focado no usuário com pouco conhecimento técnico, apresenta uma plataforma intuitiva. Zope, um ambiente para a construção e gerenciamento de aplicações Web com foco no seu conteúdo. Ele interpreta os fragmentos de códigos ZPT e DTML em seus templates e gera uma saída HTML compreensível para qualquer navegador Web Python, uma linguagem de programação de alto nível, interpretada, imperativa, orientada a objetos, de tipagem dinâmica e forte. Atualmente possui um modelo de desenvolvimento comunitário, aberto e gerenciado pela organização sem fins lucrativos Python Software Foundation Além de especificações de instalação, pré-requisitos e sistema operacionais. Sabendo que para instalar os produtos necessita ter acesso como usuário root e internet. 6

8 Neste Capítulo você verá Introdução a: o SGC o Zope o Plone o Python o Arquitetura Requisitos de instalação do Plone 4 o Sistema Operacional o Hardware o Pacotes necessários o Atualizações 7

9 CONCEITOS BÁSICOS DO ZOPE/PLONE Sistema de Gestão de Conteúdo (SGC) - do inglês Content Management Systems (CMS) é um sistema gestor de websites, e intranets que integra ferramentas necessárias para gerir (inserir, editar e excluir) conteúdos on line sem a necessidade de programação de código, cujo objetivo é estruturar e facilitar a criação, administração, distribuição, publicação e disponibilidade da informação. Uma boa vantagem em usar o Plone é a grande quantidade de funções presentes através de complementos (galerias de fotos, gerenciadores de enquetes, gerenciadores de formulários) que podem ser agregados ao SGC. Um CMS é semelhante a um framework (um esqueleto) de website pré-estruturado, com recursos básicos de: usuabilidade, visualização e administração já prontamente disponíveis. É um sistema que permite a criação, armazenamento e administração de conteúdos de forma dinâmica, através de uma interface de acesso via Internet. 8

10 Um CMS permite que a empresa tenha total autonomia sobre o conteúdo e evolução da sua presença na internet e dispense a assistência de terceiros ou empresas especializadas para manutenções de rotina. Nem mesmo é preciso um funcionário dedicado (webmaster), pois cada membro da equipe poderá gerir seu próprio conteúdo, diminuindo os custos com recursos humanos. A habilidade necessária para trabalhar com um CMS não vai muito além dos conhecimentos necessários para um usuário de um simples editor de texto. Com soluções prontas e totalmente customizáveis reduz o tempo de implementação, porque permite que o esforço se concentre em soluções específicas e na produção do layout. É possível construir um site completo, com diversas funcionalidades, sem a necessidade de desenvolver códigos complexos em linguagem de programação. Outra facilidade é que possui sistema de workflow, segurança e funções pré-configuradas e suporte a várias línguas, permitindo que a sua administração seja desmistificada. Com uma comunidade numerosa, recebe em construção e manutenção, a contribuição de desenvolvedores em todo o mundo. Um aspecto importante, é que mesmo sendo uma ferramenta muito intuitiva, o Plone ainda abre espaço para uma grande customização de sua aparência e estrutura de navegação. Há a possibilidade de personalizar o site através da escolha de cores, imagens e posicionamentos de diversos componentes. Ainda, num nível mais avançado, a utilização do Plone dá conta da implementação de novas funcionalidades por parte de desenvolvedores de software, que podem ser agregadas a estrutura já existente. 9

11 PYTHON Python é uma linguagem de programação de alto nível, interpretada, imperativa, orientada a objetos, de tipagem dinâmica e forte. Foi lançada por Guido van Rossum em Atualmente possui um modelo de desenvolvimento comunitário, aberto e gerenciado pela organização sem fins lucrativos Python Software Foundation. Apesar de várias partes da linguagem possuírem padrões e especificações formais, a linguagem como um todo não é formalmente especificada. O padrão de fato é a implementação CPython. A linguagem foi projetada com a filosofia de enfatizar a importância do esforço do programador sobre o esforço computacional. Prioriza a legibilidade do código sobre a velocidade ou expressividade. Combina uma sintaxe concisa e clara com os recursos poderosos de sua biblioteca padrão e por módulos e frameworks desenvolvidos por terceiros. 10

12 ZOPE Zope é um ambiente para a construção e gerenciamento de aplicações Web com foco no seu conteúdo. Ele interpreta os fragmentos de códigos ZPT e DTML em seus templates e gera uma saída HTML compreensível para qualquer navegador Web. Ou seja, as páginas de um servidor Zope são geradas dinamicamente, no momento em que o servidor recebe o pedido do browser, mesclando esses dois componentes. O Zope CMF (Content Management Framework) prevê uma plataforma poderosa e customizavel para construção de aplicações de ger ência de conteúdo com o Zope. Os objetos que o Zope publica na Web são escritos em linguagem Python e armazenados em seu banco de dados, orientado a objetos, o ZODB (Zope Object Database).Dessa forma, tudo o que aparece em um site Zope, como por exemplo, páginas web, imagens, links ou arquivos, são objetos e armazenados por padrão em banco de dados. O Zope é um ambiente bastante amigável e tem características muito importantes que o fazem se destacar: 11

13 Mapeia e acessa objetos passados na URL do navegador, respeitando as permissões de segurança e de acesso; Armazena as versões antigas de um objeto, o que permite desfazer alterações, controlar versões de documentos colaborativos e revisões. O Zope só interpreta códigos escritos em DTML ou ZPT. O que não estiver nesses padrões é repassado para o navegador. Isso permite que estruturas escritas em Javascript, CSS, etc, passam ser utilizadas normalmente. Pode ser usado em todas as plataformas: Unix, Linux, Mac OS e em todas as versões do Window 12

14 PLONE O Plone é um Sistema Gerenciador de Conteúdo (CMS - Content Management System) livre e de código aberto, escrito em Python e que roda utilizando o servidor de aplicações Zope. Seu principal objetivo é facilitar a criação, edição, publicação e distribuição de informação. Focado no usuário com pouco conhecimento técnico, apresenta uma plataforma intuitiva. 13

15 ARQUITETURA 14

16 REQUISITOS PARA INSTALAÇÃO DO PLONE 4 O Plone 4 possui uma instalação automática que já inclui tudo o que é necessário para que ele seja executado. O instalador está acessível para download em e disponível para os seguintes sistemas operacionais: Linux BSD Windows 15

17 OS X É necessário que o servidor onde vai ocorrer a instalação tenha acesso a internet e que o usuário possua credenciais de administrador na máquina, ou ao menos as seguintes permissões: Acesso ao console de comando Permissão para executar serviços e processos no servidor Permissão para habilitar portas no servidor Os requisitos de hardware dependem da quantidade de sites que compõem o portal, previsão de acessos simultâneos e da infraestrutura de segurança, entretanto para um portal com 100 acessos simultâneos é necessário que o servidor possua ao menos: Processos de 2 núcleos com no mínimo 1.2 GHZ. 500 GB de espaço em HD. 2 GB de memória RAM 16

18 PACOTES NECESSÁRIOS Seu ambiente deve estar com o acesso à internet configurado. [Os comandos a seguir foram criados para o Ubuntu. Pequenas adaptações podem ser necessárias para outros ambientes] Para executar os comandos abaixo você precisará ter acesso a privilégios de root. 1. Atualizar a lista de pacotes: $ sudo aptitude update 2. Instalar as bibliotecas padrões para compilação (gcc e outros, que serão necessários mais adiante): $ sudo aptitude install build-essential $ sudo apt-get install gcc g++ make 17

19 $ sudo apt-get install subversion git $ sudo apt-get install zlib1g-dev $ sudo apt-get install python-setuptools $ sudo apt-get install libjpeg libjpeg-dev libfreetype6 libfreetype6-dev zlib1g-dev $ python -vv -c "import _imaging" 3. Instalar virtualenv $ git clone https://github.com/collective/buildout.python OU baixar ZIP no mesmo endereco $ cd buildout.python $ python bootstrap.py $ bin/buildout -vv 4. Criar o ambiente env(virtualenv) $ ~/buildout.python/bin/virtualenv26 ~/virtualpy26 --no-site-packages $ cd ~/virtualpy26/bin Ativando o virtualenv: $ source./activate (virtualpy26)$ 5. Criar buildout de instalação. (virtualpy26)$./easy_install zopeskel ==

20 (virtualpy26)$ sudo ln -s /usr/lib/i386-linux-gnu/libjpeg.so /usr/lib (virtualpy26)$ sudo ln -s /usr/lib/i386-linux-gnu/libfreetype.so /usr/lib (virtualpy26)$ sudo ln -s /usr/lib/i386-linux-gnu/libz.so /usr/lib (virtualpy26)$./pip install -U PIL note :: (virtualpy26)$./paster create --list-templates (virtualpy26)$./paster create -t plone4_buildout plone4 Versão do Plone (virtualpy26)$ mkdir ~/instancias (virtualpy26)$ mv plone4 ~/instancias 6. Instalação do Plone 4 Criar um backup do buildout: (virtualpy26)$ mkdir ~/bkp (virtualpy26)$ cp -r ~/instancia/plone4 ~/bkp Acessar o buildout de instalação do Plone 4: (virtualpy26)$ cd ~/instancia/plone4 19

21 (virtualpy26)$ python bootstrap.py (virtualpy26)$ bin/buildout -vv Após processo de baixar e instalar os pacotes, iniciar o servico do Zope: (virtualpy26)$ ~/instancia/plone4/bin/instance fg note :: Caso não funcione a imagem (virtualpy26)$ wget (virtualpy26)$ tar -zxvf Imaging tar.gz (virtualpy26)$ cd Imaging (virtualpy26)$ python setup.py install 20

22 NESTE CAPÍTULO VOCÊ VIU Introdução a: o Zope e Plone O Plone é um Sistema Gerenciador de Conteúdo (CMS - Content Management System) livre e de código aberto, escrito em Python e que roda utilizando o servidor de aplicações Zope. o Python Python é uma linguagem de programação de alto nível, interpretada, imperativa, orientada a objetos, de tipagem dinâmica e forte. Foi lançada por Guido van Rossum em o Arquitetura O Plone é um gerenciador de conteúdo, escrito em Python, que roda sob o servidor de aplicações Zope, utilizando o framework CMF Content Management Framework. 21

23 Requisitos de instalação do Plone 4 o Sistema Operacional Linux, Windows e MacOS. o Hardware 1.2GHz, 2GB RAM e 500GB de HD. o Pacotes necessários e Atualizações Bibliotecas padrões para compilação Virtualenv PIL Zopeskel 22

24 REVISÃO DO CAPÍTULO 1 01) O Plone é: a. Linguagem de programação b. Software proprietário para desenvolvimento de sites c. CMS d. Servidor de Aplicações 02) O Python é: a. Linguagem de programação b. Software proprietário para desenvolvimento de sites c. CMS d. Servidor de Aplicações 03) O Zope é: a. Linguagem de programação b. Software proprietário para desenvolvimento de sites c. CMS d. Servidor de Aplicações 04) O Plone pode ser instalado em (selecione todas as corretas) a. Windows b. Linux c. Mac OS d. ios 05) É correto afirmar que: a. O Plone é uma linguagem de programação de fácil aprendizagem. b. O Python é utilizado para fazer gestão de conteúdo c. O Zope nada mais é do que um framework para desenvolvimento de sistemas d. O Zope tem CMF 23

25 REVISÃO DO CAPÍTULO 1 (respostas) 01) O Plone é: a. Linguagem de programação b. Software proprietário para desenvolvimento de sites c. CMS d. Servidor de Aplicações 02) O Python é: a. Linguagem de programação b. Software proprietário para desenvolvimento de sites c. CMS d. Servidor de Aplicações 03) O Zope é: a. Linguagem de programação b. Software proprietário para desenvolvimento de sites c. CMS d. Servidor de Aplicações 04) O Plone pode ser instalado em (selecione todas as corretas) a. Windows b. Linux c. Mac OS d. ios 05) É correto afirmar que: a. O Plone é uma linguagem de programação de fácil aprendizagem. b. O Python é utilizado para fazer gestão de conteúdo c. O Zope nada mais é do que um framework para desenvolvimento de sistemas d. O Zope tem CMF 24

26 EXERCÍCIOS DO CAPÍTULO 1 Laboratório 1 01) Criar uma nova instalação da instância do Plone 4, utilizando o virtualenv e o buildout. 02) Altere o acesso da porta padrão 8080 de acesso HTTP para a porta ) Adicionar novo Plone Site com o id: portal_dev 25

27 CAPITULO 2 Introdução Mostraremos algumas maneiras possíveis para melhorar a segurança do seu Plone site, além dos tipos de usuários possíveis, adicionando papéis e permissões. Criando grupos e workflows. A segurança do Zope/Plone se dá com um bom gerenciamento dos papéis atribuídos, sendo posto de forma correta para não fugir do controle o manuseio dos conteúdos do seu Plone site. O administrador do Plone site deve seguir uma forma melhor distribuída dos seus papéis e permissões, também criando grupos que são formas convenientes de administrar papéis (assim como permissões) para uma grande quantidade de usuários simultaneamente. Os papéis padrões são: Member, Manager e Reviewer. Existem também alguns papéis nativos, como Owner e Anonymous e Authenticated. As permissões mais comuns são View, Modify portal content, Access contents information e List folder contents. Workflows servem para dois propósitos - representar a evolução de um pedaço de conteúdo, desde a criação, através dos ciclos de revisão, até o estado final, e para controlar as permissões para o conteúdo em cada estado. 26

28 Neste Capítulo você verá Introdução a: o Segurança da Informação em Zope/Plone Gerenciamento de Usuários: o Permissões Padrão o Criar Usuários o Criar Grupos o Papéis locais e Compartilhamento o Controle de acesso por meio de Workflow 27

29 INTRODUÇÃO A SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO EM ZOPE/PLONE O Plone utiliza uma combinação de permissões de baixo nível, papéis, papéis locais e fluxos de trabalho (sistema de workflow) para gerenciar as permissões dos objetos. Entender isso ajudará a gerenciar como e por quem seu site Plone é acessado. 28

30 GERENCIAMENTO DE USUÁRIOS SEGURANÇA O Plone utiliza uma combinação de permissões de baixo nível, papéis, papéis locais, grupos e fluxos de trabalho (sistema de workflow) para gerenciar as permissões dos objetos. Entender isso ajudará a gerenciar como e por quem o seu site Plone é acessado. Permissões são objetos de baixo nível - elas especificam o que um usuário A pode fazer exatamente, mas não B em um determinado contexto. Permissões são usadas como guardas no acesso a métodos, scripts, templates, transições de workflow e algumas vezes em componentes individuas na página. A segurança do Zope/Plone se da com um bom gerenciamento dos papéis atribuídos, sendo posto de forma correta para não fugir do controle o manuseio do conteúdo do 29

31 portal. O administrador do portal deve seguir uma forma melhor distribuída das permissões. 30

32 PERMISSÕES PADRÃO Permissões são atribuídas a papéis de usuários (user roles), não a usuários individualmente. Logo, costuma-se dizer que, na pasta X, qualquer usuário com 'RandomRole' tem permissão para modificar o conteúdo do portal. Os papéis padrões são: Anonymous (anônimo) Autehticated (autenticado) Contributor (Colaborador) Editor Manager (Administrador) Member (Membro) Owner (Dono) Reader (Leitor) Reviwer (Revisor) 31

33 Algumas deles são nativos, como Owner, Anonymous e Authenticated. O papel ANONYMOUS é atribuído a todo usuário que não está autenticado. A maioria dos membros de um portal possui o papel de MEMBER, mas isso não é garantido. OWNER somente se aplica quando o atual usuário é o dono de um determinado conteúdo. As permissões mais comuns são: View Modify portal content Access contents information List folder contents Conhecidas como as "CMF Core permissions", localizadas no arquivo 'Products.CMFCore.permissions.py em variáveis como 'View' e 'ModifyPortalContent'. Em geral, a maioria dos tipos de conteúdo usam essas permissões para acessar e modificar dados. 32

34 INTERFACE DE GERENCIAMENTO ZOPE (ZMI) Na Interface de Gerenciamento do Zope (ZMI), quase todos os objetos possuem uma aba 'Security', nela podemos verificar uma longa listagem de permissões atribuídas a papéis. A maioria delas está marcada com 'Acquire permission settings', significando que as permissões concedidas a estes papéis são as mesmas do objeto pai. Definições de segurança no Zope são aditivas, logo se você mantiver a opção 'Acquire' marcada e adicionar outros papéis, você obterá os papéis configurados para os níveis superiores (objeto pai) somados aos papéis configurados neste nível. Você pode parar essa aquisição hereditária de regras desmarcando a opção 'Acquire'. Na maioria dos casos, você não irá modificar permissões dessa forma, exceto ao configurar padrões globais para permissões diferentes das permissões centrais acima. O auto-registro, ou seja, a permissão para que os próprios usuários se registrem no site, não vem mais habilitada como em versões anteriores do Plone. Logo, só administradores do site podem adicionar novos usuários inicialmente. 33

35 Você pode livremente adicionar papéis conforme sua necessidade. Como membros podem possuir mais de um papel simultaneamente, você provavelmente só precisa se preocupar com um subconjunto de permissões quando se trata de atribui-las para um novo papel. Use o formulário na parte inferior da guia 'Security' na raiz do portal para adicionar e remover papéis. Usuários podem ser associados a papéis manualmente usando a pasta de usuários 'acl_users' / 'portal_role_manager' na raiz de sua instância Plone. Entretanto, é mais comum e indicado atribuir papéis a grupos e então adicionar usuários nos grupos, como descrito na próxima seção. 34

36 COMO CRIAR UM NOVO USUÁRIO/GRUPO POLÍTICA PARA CRIAÇÃO E MANUTENÇÃO Administração de infraestrutura Zope/Plone O Plone adiciona o conceito de um grupo de usuários ao modelo básico de segurança do Zope. Grupos são formas convenientes de administrar papéis (assim como permissões) para uma grande quantidade de usuários simultaneamente. Usuários podem estar em grupos - gerenciados por meio da tela de administração de usuários e grupos nas Configurações do Site. Papéis podem ser atribuídos a grupos de acordo com a necessidade - todos os usuários neste grupo receberão o papel atribuído ao grupo. É bastante incomum que somente um usuário receba determinado papel. É mais provável que grupos de usuários possuam os mesmos papéis no portal - e mesmo quando existe apenas um usuário (por exemplo, apenas um gestor do site), é valido criar um grupo para atender a possibilidade de haver mais usuários no futuro. Como os usuário podem estar 35

37 em vários grupos ao mesmo tempo, você pdoe ter um controle preciso sobre as permissões e classificações de usuários que utilizam esse mecanismo. Por padrão o Plone vem com dois grupos administrators e reviewers e na criação de um novo usuário já vem a opção de adicioná-los nestes grupos. No capítulo anterior mostramos como criar novos papéis no portal. Utilizando a ferramenta de administração de usuários e grupos nas Configurações do Site, você pode facilmente associar papéis a grupos simplesmente marque as caixas relevantes e salve. Para associar usuários ao grupo, clique no grupo pesquise, marque os usuários relevantes e clique no botão adicionar. Uma vez dentro de um grupo, o usuário ganhará todos os papéis atribuídos para aquele grupo além de quaisquer papéis atribuídos apenas para aquele usuário. 36

38 PAPÉIS LOCAIS E COMPARTILHAMENTO Frequentemente você necessitará dar permissões específicas a um usuário ou grupo em uma área peculiar do seu site, mas não em todo ele. A aba 'Compartilhamento' em um conteúdo padrão do Plone é o que dá a você diferentes permissões em diferentes áreas. Se ela não é exibida, você pode localizá-la adicionando ao final da URL. No formulário de papéis locais, você pode pesquisar por outros usuários ou grupos e associar-lhes papéis, além de poder isolar as permissões locais desmarcando a herança de níveis superiores. Atualmente os papéis locais podem ser adicionados em um nível mais baixo na árvore de aquisição, mas não poderão ser retirados. Significa que, se você dá a um usuário permissões de gerente (um papel global) em '/stuff', não há como previni-lo de ter permissões de gerente em '/stuff/documents'. 37

39 CONTROLE DE ACESSO POR MEIO DE WORKFLOW Administração de infraestrutura Zope/Plone Na maioria dos casos, workflows, geridos através da ferramenta portal_workflow, são a forma correta de gerenciamento de permissões em seu conteúdo. Estados do Workflow são exibidos em objetos contidos no menu drop-down Estado no canto superior-direito, na aba visão de um conteúdo que você possua permissão para editar. A lista deste menu são as transições que você pode utilizar entre os estados do workflow. Por exemplo, para mover de private (estado padrão) para o published você utiliza a transição publish. Todo tipo de conteúdo ou não possui workflow (raro) ou possui exatamente um associado a ele. Isso é configurado através da ferramenta portal_workflow. A aba de conteúdo desta ferramenta na ZMI exibe os workflows instalados atualmente. Você pode adicionar ou modificar workflows através dessa GUI. Lembre-se de configurar o estado padrão, transições e permitir transições entre os estados. 38

40 O mecanismo do workflow irá gerenciar certo número de permissões e configurá-las corretamente quando o estado de um objeto é mudado. É importante atualizar as configurações de segurança clicando em Update security settings na base da aba Workflows dentro de portal_workflow na ZMI. Desta forma, workflows servem para dois propósitos - representar a evolução de um pedaço de conteúdo, desde a criação, através dos ciclos de revisão, até o estado final, e para controlar as permissões para o conteúdo em cada estado. Se você tem necessidades particulares, você deve criar um novo, configurar os estados e transições necessárias, fazer o workflow gerenciar um certo conjunto de permissões e configurar o mapeamento de papéis-permissões para cada estado no workflow. Você pode controlar quem tem a liberdade de alterar as permissões 39

41 NESTE CAPÍTULO VOCÊ VIU 40

42 REVISÃO DO CAPÍTULO 2 01) É uma das maneiras de manter a Segurança do Zope/Plone: a. Manter poucos usuários b. Não permitir criação de grupos c. Bom gerenciamento dos papéis atribuídos, sendo posto de forma correta para não fugir do controle o manuseio dos conteúdos. 02) São "papéis" padrão: a. 'Member'; 'Manager' b. 'View'; 'Modify' c. 'Member'; 'View' d. 'Anonymous'; 'Modify' 03) Quando criamos um novo usuário, por padrão qual papel ele recebe: a. Member b. View c. Anonymous d. Administrador 04) É correto afirmar que: a. Quando dentro de um grupo, o usuário ganhará todos os papéis atribuídos para aquele grupo além de quaisquer papéis atribuídos apenas para aquele usuário. b. Não conseguimos administrar papéis por Grupos c. As permissões mais comuns são 'View', 'Anonymous' d. Você não pode adicionar papéis apenas por necessidade 05) É incorreto afirmar que: a. Grupos são formas convenientes de administrar papéis b. workflows, geridos através da ferramenta portal_workflow, são a forma correta de gerenciamento de permissões em seu conteúdo. c. É bastante incomum que somente um usuário receba determinado papel d. Todo tipo de conteúdo ou não possui workflow (raro) ou possui um ou mais associado(s) a ele. 41

43 REVISÃO DO CAPÍTULO 2 (respostas) 01) É uma das maneiras de manter a Segurança do Zope/Plone: a. Manter poucos usuários b. Não permitir criação de grupos c. Bom gerenciamento dos papéis atribuídos, sendo posto de forma correta para não fugir do controle o manuseio dos conteúdos 02) São "papéis" padrão: a. 'Member'; 'Manager' b. 'View'; 'Modify' c. 'Member'; 'View' d. 'Anonymous'; 'Modify' 03) Quando criamos um novo usuário, por padrão qual papel ele recebe: a. Member b. View c. Anonymous d. Administrador 04) É correto afirmar que: a. Quando dentro de um grupo, o usuário ganhará todos os papéis atribuídos para aquele grupo além de quaisquer papéis atribuídos apenas para aquele usuário. b. Não conseguimos administrar papéis por Grupos c. As permissões mais comuns são 'View', 'Anonymous' d. Você não pode adicionar papéis apenas por necessidade 05) É incorreto afirmar que: a. Grupos são formas convenientes de administrar papéis b. workflows, geridos através da ferramenta portal_workflow, são a forma correta de gerenciamento de permissões em seu conteúdo. c. É bastante incomum que somente um usuário receba determinado papel d. Todo tipo de conteúdo ou não possui workflow (raro) ou possui um ou mais associado(s) a ele. 42

44 Laboratório 02 01) Acessar o Plone Site: portal_dev 02) Adicionar item, do tipo Pasta: o Título: Biblioteca 03) Criar os seguintes grupos: o Grupo de Gestores de conteúdos (grupo-gestores) Papel de Colaborador o Grupo da Biblioteca (grupo-biblioteca) Papel local de acesso à pasta biblioteca o Grupo de Editores (grupo-editores) Papel de Reviewer 43

45 04) Atribua os papéis e permissões corretos a cada grupo, de acordo com sua destinação. 05) Crie os usuários e os inclua nos respectivos grupos: o João não o inclua em nenhum grupo o José e Maria Grupo de Gestores de conteúdos o Catatau e Zé Colmeia Grupo da Biblioteca o William e Fatima - Grupo de Editores 06) Acesse o site com cada um dos usuários e verifique o resultado. 44

46 CAPITULO 3 Introdução Vamos mostrar como otimizar o desempenho do seu Plone site, utilizando um servidor de cache (Varnish). Neste capítulo também explicaremos o que são Políticas de cache. O conteúdo deste treinamento tem como premissa que as otimizações relativas a hardware, como arquitetura de disco, paginação de memória, entre outras, sistema operacional, banco de dados e rede foram realizadas e estão operando em seu estado ótimo. Apenas questões relativas ao desempenho do Plone serão tratadas neste capítulo. 45

47 Neste Capítulo você verá Otimização de desempenho: o Parâmetros ajustáveis o Varnish Políticas de Cache: o Descrição das políticas de Cache o Quando aplicar cada tipo de política Procedimento de backup 46

48 OTIMIZAÇÃO DE DESEMPENHO PARÂMETROS QUE PODEM SER AJUSTADOS Instâncias da solução instaladas no Front-End, devem utilizar um servidor de cache. Os servidores ZOPE podem ser escalados horizontalmente através da inclusão de um balanceamento de cargas e o acesso aos arquivos organizado, com maior desempenho e redundância com o uso de um servidor destinado a este fim. 47

49 SERVIDOR DE CACHE - SQUID - VANISH BALANCEAMENTO DE CARGA - Pound - Hardware ZOPE Servidor ZEO 48

50 ZEO Arquivos e imagens no ZODB: configurar o BLOB (Binary Large Objects) padrão no Plone 4, para armazenar os arquivos e as imagens no sistema de arquivos do servidor ou em um ponto de rede. Códigos: utilizar getobject apenas em último caso, em todos os outros casos, utilize as informações que já estão disponíveis no catálogo ou crie novos índices. Cuidado com a mega ultra power resolução de um problema. Não reinvente a roda, utilize a forma de resolver um problema e/ou código do próprio Zope/Plone. Otimizar a infraestrutura de rede e dos servidores, em especial os subsistemas de disco para aqueles sistemas com uso intensivo de dados dinâmicos. Zope: utilizar um core do processador por instância. Para utilizar melhor a capacidade do processador é necessário utilizar um servidor ZEO (Zope Enterprise Objects) com várias instâncias e deixar o kernel determinar pra onde cada processo vai. Desabilitar o profiler (debug) quando o portal for para produção. 49

51 O ZEO (Zope Enterprise Objects)é um sistema de balanceamento de carga utilizado pelo ZOPE. O servidor ZEO é um servidor de armazenamento que permite a múltiplas instâncias do ZOPE conectarem a uma única base de dados, por padrão, o ZODB.(Zope Object Data Base). 50

INTRODUÇÃO À OTIMIZAÇÃO

INTRODUÇÃO À OTIMIZAÇÃO INTRODUÇÃO À OTIMIZAÇÃO ZOPE / PLONE Escalando o Zope Definida configuração de hardware, existem três maneiras de aumentar o desempenho de um site Plone: Diminuir a carga no Zope usando mecanismos de cache

Leia mais

Fase III Iteração II

Fase III Iteração II Fase III Iteração II Gerenciamento de Usuários e Workflow do Portal 1) Introdução Para que um portal ofereça um eficiente gerenciamento de conteúdo é necessário que as funções dos usuários e os processos

Leia mais

Construindo portais com Plone. Módulo Workflow

Construindo portais com Plone. Módulo Workflow Construindo portais com Plone Módulo Workflow Introdução Workflow = fluxo de trabalho Um workflow é uma série de interações que devem ocorrer para se completar uma tarefa. Qualquer organização possui workflows:

Leia mais

Introdução ao Plone. terça-feira, 4 de agosto de 15

Introdução ao Plone. terça-feira, 4 de agosto de 15 Introdução ao Plone Sumário O que é Gestão de Conteúdo O que é Conteúdo Principais características de um CMS O que é o Plone Tipos de conteúdo no Plone Metadados Templates Interface do portal Gestão de

Leia mais

Conteúdo. Curso de Introdução ao Plone. O que é Plone. Parte I Conceitos básicos

Conteúdo. Curso de Introdução ao Plone. O que é Plone. Parte I Conceitos básicos Curso de Introdução ao Plone Conteúdo Parte I - Conceitos básicos Parte II - Interface do Plone Parte III - Gerenciamento de usuários Modulo A Instrutores Carlos Alberto Alves Meira Laurimar Gonçalves

Leia mais

Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008

Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008 Goiânia, 16/09/2013 Aluno: Rafael Vitor Prof. Kelly Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008 Objetivo Esse tutorial tem como objetivo demonstrar como instalar e configurar o IIS 7.0 no Windows Server

Leia mais

Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008

Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008 Goiânia, 16/09/2013 Aluno: Rafael Vitor Prof. Kelly Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008 Objetivo Esse tutorial tem como objetivo demonstrar como instalar e configurar o IIS 7.0 no Windows Server

Leia mais

Fase III Iteração IV

Fase III Iteração IV Fase III Iteração IV Sistema de Previsão do Tempo, Integração com os sistemas do Interlegis e Validação 1) Introdução Na penúltima fase de implementação foram desenvolvidos sistemas para Previsão do Tempo,

Leia mais

Utilizaremos a última versão estável do Joomla (Versão 2.5.4), lançada em

Utilizaremos a última versão estável do Joomla (Versão 2.5.4), lançada em 5 O Joomla: O Joomla (pronuncia-se djumla ) é um Sistema de gestão de conteúdos (Content Management System - CMS) desenvolvido a partir do CMS Mambo. É desenvolvido em PHP e pode ser executado no servidor

Leia mais

Instalação do Sistema. Treinamento OTRS Help Desk

Instalação do Sistema. Treinamento OTRS Help Desk Instalação do Sistema Treinamento OTRS Help Desk Sumário Instalação... 3 Recomendações...3 Requisitos de Instalação...5 Preparando a Instalação no CentOS 6.5 (64 bits)...5 Preparando a Instalação no Ubuntu

Leia mais

Curso de Capacitação em Gerenciador de Conteúdo PLONE

Curso de Capacitação em Gerenciador de Conteúdo PLONE Curso de Capacitação em Gerenciador de Conteúdo PLONE 1 Índice Dicas iniciais O que é o Plone? 3 Formulário de Solicitação 6 Acesso ao Plone 6 Configurações do Site 14 Inserindo Conteúdo Inserir Pastas

Leia mais

IBM Business Process Manager Versão 7 Release 5. Guia de Instalação do Complemento do IBM Business Process Manager para Microsoft SharePoint

IBM Business Process Manager Versão 7 Release 5. Guia de Instalação do Complemento do IBM Business Process Manager para Microsoft SharePoint IBM Business Process Manager Versão 7 Release 5 Guia de Instalação do Complemento do IBM Business Process Manager para Microsoft SharePoint ii Instalando Manuais PDF e o Centro de Informações Os manuais

Leia mais

Curso de Introdução ao Plone. Instrutores Carlos Alberto Alves Meira Erick Gallani

Curso de Introdução ao Plone. Instrutores Carlos Alberto Alves Meira Erick Gallani Curso de Introdução ao Plone Instrutores Carlos Alberto Alves Meira Erick Gallani Conteúdo Parte I - Conceitos básicos Parte II - Interface do Plone Parte III - Gerenciamento de usuários Parte IV - Criação

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Se ainda tiver dúvidas entre em contato com a equipe de atendimento: Por telefone: 0800 642 3090 Por e-mail atendimento@oisolucoespraempresas.com.br Introdução... 3 1. O que é o programa Oi Backup Empresarial?...

Leia mais

Fase II. Especificação do Portal Modelo para Casas Legislativas

Fase II. Especificação do Portal Modelo para Casas Legislativas Fase II Especificação do Portal Modelo para Casas Legislativas 1) Introdução Atualmente, muitas Casas Legislativas disponibilizam à sua comunidade um portal estruturado, mas que muitas vezes não possui

Leia mais

TCM Informática Rua Senador Ivo D'Aquino, 121 Bairro: Lagoa da Conceição 88062-050 Florianópolis, SC Brasil Fone +55 48 3334-8877 Fax +55 48

TCM Informática Rua Senador Ivo D'Aquino, 121 Bairro: Lagoa da Conceição 88062-050 Florianópolis, SC Brasil Fone +55 48 3334-8877 Fax +55 48 1.1 Roteiro para Instalação do Software 1.1.1 Servidor 1.1.1.1 Requisitos de Hardware Servidor de pequeno porte Servidor dedicado: Processador: 500Mhz Memória RAM: 256MB Hard Disk: 20 ou 40GB (7.500rpm)

Leia mais

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Criação de backups importantes... 3 3. Reinstalação do Sisloc... 4 Passo a passo... 4 4. Instalação da base de dados Sisloc...

Leia mais

Shavlik Protect. Guia de Atualização

Shavlik Protect. Guia de Atualização Shavlik Protect Guia de Atualização Copyright e Marcas comerciais Copyright Copyright 2009 2014 LANDESK Software, Inc. Todos os direitos reservados. Este produto está protegido por copyright e leis de

Leia mais

Guia de administração. BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange. Versão: 4.1 Service pack: 4B

Guia de administração. BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange. Versão: 4.1 Service pack: 4B BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange Versão: 4.1 Service pack: 4B SWD-313211-0911044452-012 Conteúdo 1 Gerenciando contas de usuários... 7 Adicionar uma conta de usuário... 7 Adicionar

Leia mais

SGCD 2.2. Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico

SGCD 2.2. Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico Atualizado em 13/AGO/2012 Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico No final de 2007, o Serviço Técnico de Informática da UNESP Marília, disponibilizou para a comunidade acadêmica e administrativa o Sistema

Leia mais

Sistema Gerenciador de Conteúdo OpenCms: um caso de sucesso no CEFET-MG

Sistema Gerenciador de Conteúdo OpenCms: um caso de sucesso no CEFET-MG Sistema Gerenciador de Conteúdo OpenCms: um caso de sucesso no CEFET-MG Marco T. A. Rodrigues*, Paulo E. M. de Almeida* *Departamento de Recursos em Informática Centro Federal de Educação Tecnológica de

Leia mais

Guia passo a passo de introdução ao Microsoft Windows Server Update Services

Guia passo a passo de introdução ao Microsoft Windows Server Update Services Guia passo a passo de introdução ao Microsoft Windows Server Update Services Microsoft Corporation Publicação: 14 de março de 2005 Autor: Tim Elhajj Editor: Sean Bentley Resumo Este documento fornece instruções

Leia mais

SGCD 2.0 Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico

SGCD 2.0 Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico Atualizado em 24/08/2011 No final de 2007, o Serviço Técnico de Informática da UNESP Marília, disponibilizou para a comunidade acadêmica e administrativa o Sistema

Leia mais

Guia de Inicialização para o Windows

Guia de Inicialização para o Windows Intralinks VIA Versão 2.0 Guia de Inicialização para o Windows Suporte 24/7/365 da Intralinks EUA: +1 212 543 7800 Reino Unido: +44 (0) 20 7623 8500 Consulte a página de logon da Intralinks para obter

Leia mais

5 O Joomla: Web Apache Banco de Dados MySQL http://www.joomla.org/ - 55 -

5 O Joomla: Web Apache Banco de Dados MySQL http://www.joomla.org/ - 55 - 5 O Joomla: O Joomla (pronuncia-se djumla ) é um Sistema de Gestão de Conteúdos (Content Management System - CMS) desenvolvido a partir do CMS Mambo. É desenvolvido em PHP e pode ser executado no servidor

Leia mais

Faça seu portal voar usando o plone.app.caching. Fabiano Weimar dos Santos [Xiru] xiru@xiru.org

Faça seu portal voar usando o plone.app.caching. Fabiano Weimar dos Santos [Xiru] xiru@xiru.org Faça seu portal voar usando o plone.app.caching Fabiano Weimar dos Santos [Xiru] xiru@xiru.org Roteiro Um pouco sobre mim... Cache É importante? Histórico plone.app.caching Demo Faça seu site voar com

Leia mais

NOMES: Leonardo Claro Diego Lage Charles Tancredo Márcio Castro

NOMES: Leonardo Claro Diego Lage Charles Tancredo Márcio Castro NOMES: Leonardo Claro Diego Lage Charles Tancredo Márcio Castro O MySQL Cluster é versão do MySQL adaptada para um ambiente de computação distribuída, provendo alta disponibilidade e alta redundância utilizando

Leia mais

Procedimentos para Instalação do Sisloc

Procedimentos para Instalação do Sisloc Procedimentos para Instalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Instalação do Sisloc... 3 Passo a passo... 3 3. Instalação da base de dados Sisloc... 16 Passo a passo... 16 4. Instalação

Leia mais

SCPIWeb. SCPIWebDespRec Aplicação Web para Consulta de Despesas e Receitas ( Lei Complementar nº 131 de 27 Maio de 2009 )

SCPIWeb. SCPIWebDespRec Aplicação Web para Consulta de Despesas e Receitas ( Lei Complementar nº 131 de 27 Maio de 2009 ) 2010 SCPIWebDespRec Aplicação Web para Consulta de Despesas e Receitas ( Lei Complementar nº 131 de 27 Maio de 2009 ) SCPIWebCotacao Aplicação Web para Cotação de Preços via Internet Resumo de Instruções

Leia mais

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1 MANUAL DO USUÁRIO Índice 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 2.1. Instalação... 4 2.1.1. Servidor - Computador Principal... 4 2.1.2. Estação - Computador na Rede... 6 2.1.3. Estação - Mapeamento

Leia mais

Todos os direitos reservados para Alfamídia Prow. AVISO DE RESPONSABILIDADE

Todos os direitos reservados para Alfamídia Prow. AVISO DE RESPONSABILIDADE Todos os direitos reservados para Alfamídia Prow. AVISO DE RESPONSABILIDADE As informações contidas neste material de treinamento são distribuídas NO ESTADO EM QUE SE ENCONTRAM, sem qualquer garantia,

Leia mais

A opção de CMS que vem crescendo rápido. Bruno Gomes Cláudio Barbosa Cláudio Gomes

A opção de CMS que vem crescendo rápido. Bruno Gomes Cláudio Barbosa Cláudio Gomes A opção de CMS que vem crescendo rápido Bruno Gomes Cláudio Barbosa Cláudio Gomes Uma evolução do Mambo, o Joomla! é um gerenciador de conteúdo open source baseado em PHP e MySQL que possui um bom número

Leia mais

Guia de instalação e configuração do Alteryx Server

Guia de instalação e configuração do Alteryx Server Guia de referência Guia de instalação e configuração do Alteryx Server v 1.5, novembro de 2015 Sumário Guia de instalação e configuração do Alteryx Server Sumário Capítulo 1 Visão geral do sistema... 5

Leia mais

INSTALAÇÃO DO MICROSOFT SQL SERVER 2008 R2

INSTALAÇÃO DO MICROSOFT SQL SERVER 2008 R2 INSTALAÇÃO DO MICROSOFT SQL SERVER 2008 R2 Neste item aprenderemos a instalar o Microsoft SQL SERVER 2008 R2 e a fazer o Upgrade de versões anteriores do SQL SERVER 2008 R2. Também veremos as principais

Leia mais

SENADO FEDERAL Secretaria Especial do Interlegis - SINTER Subsecretaria de Tecnologia da Informação - SSTIN. Produto: ATU-PM

SENADO FEDERAL Secretaria Especial do Interlegis - SINTER Subsecretaria de Tecnologia da Informação - SSTIN. Produto: ATU-PM Produto: ATU-PM Jacson Tiola da Silva Termo de Referência no 128543 Contrato Número no 2008/000485 Brasília, 11 de Agosto de 2008 1 Sumário 1) Introdução...3 2) Especificação da instalação e configuração

Leia mais

Introdução... 1. Instalação... 2

Introdução... 1. Instalação... 2 ONTE DO Introdução... 1 O que é IPP?... 1 Qual é a função de um software Samsung IPP?... 1 Instalação... 2 Requisitos do sistema... 2 Instalar o software Samsung IPP... 2 Desinstalar o software Samsung

Leia mais

Para continuar, baixe o linux-vm aqui: http://www.gdhpress.com.br/downloads/linux-vm.zip

Para continuar, baixe o linux-vm aqui: http://www.gdhpress.com.br/downloads/linux-vm.zip Se, assim como a maioria, você possui um único PC ou notebook, uma opção para testar as distribuições Linux sem precisar mexer no particionamento do HD e instalar o sistema em dualboot, é simplesmente

Leia mais

Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos

Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos Neste capítulo nós iremos examinar as características da interface do gerenciador de arquivos Konqueror. Através dele realizaremos as principais operações com arquivos

Leia mais

Instalação do VOL Backup para Desktops

Instalação do VOL Backup para Desktops Este é o guia de instalação e configuração da ferramenta VOL Backup para desktops. Deve ser seguido caso você queira instalar ou reinstalar o VOL Backup em sistemas Windows 2000, XP, Vista ou 7, 32 ou

Leia mais

Guia Sphinx: instalação, reposição e renovação

Guia Sphinx: instalação, reposição e renovação Sphinx : software para coleta e análise de dados acadêmicos e gerenciais. Tecnologia e informação para a decisão! Copyright Sphinx Todos direitos reservados Guia Sphinx: instalação, reposição e renovação

Leia mais

Universidade Federal da Fronteira Sul Campus Chapecó Sistema Operacional

Universidade Federal da Fronteira Sul Campus Chapecó Sistema Operacional Universidade Federal da Fronteira Sul Campus Chapecó Sistema Operacional Elaboração: Prof. Éverton Loreto everton@uffs.edu.br 2010 Objetivo Conhecer as características e recursos do Sistema Operacional

Leia mais

XXIV SEMANA MATEMÁTICA

XXIV SEMANA MATEMÁTICA XXIV SEMANA ACADÊMICA DA MATEMÁTICA Minicurso: Produção de Páginas Web para Professores de Matemática Projeto de Extensão: Uma Articulação entre a Matemática e a Informática como Instrumento para a Cidadania

Leia mais

Manual de Instalação do Agente Citsmart

Manual de Instalação do Agente Citsmart 16/08/2013 Manual de Instalação do Agente Citsmart Fornece orientações necessárias para efetuar a instalação do Agente Citsmart. Versão 1.9 21/11/2014 Visão Resumida Data Criação 21/11/2014 Versão Documento

Leia mais

MANUAL DE SOFTWARE ARKITOOL 2012

MANUAL DE SOFTWARE ARKITOOL 2012 MANUAL DE SOFTWARE ARKITOOL 2012 Editado por: Idéias e programas, S.L. San Román de los Montes 25-Março-2012. ARKITool, Arkiplan, Além disso ARKITool são marcas comerciais de idéias e programas, S.L. REQUISITOS

Leia mais

O sistema operacional recomendado deve ser o Windows 2003, Windows 2000 ou Windows XP (nessa ordem de recomendação).

O sistema operacional recomendado deve ser o Windows 2003, Windows 2000 ou Windows XP (nessa ordem de recomendação). Módulo Nota Fiscal Eletrônica Sispetro Roteiro de Instalação Módulo Autenticador NFE Pré-Requisitos O sistema operacional recomendado deve ser o Windows 2003, Windows 2000 ou Windows XP (nessa ordem de

Leia mais

UNIVERSIDADE TECNOLOGIA FEDERAL DO PARANÁ. Owncloud SERVIÇO DE COMPARTILHAMENTO EM NUVEM. Manual

UNIVERSIDADE TECNOLOGIA FEDERAL DO PARANÁ. Owncloud SERVIÇO DE COMPARTILHAMENTO EM NUVEM. Manual UNIVERSIDADE TECNOLOGIA FEDERAL DO PARANÁ Owncloud SERVIÇO DE COMPARTILHAMENTO EM NUVEM Manual DIRETORIA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DIRGTI 2015 Sumário 1. Introdução... 3 2. Acessando o serviço...

Leia mais

MANUAL DE ADMINISTRAÇÃO DO SOFTWARE E COMUNIDADES DO PORTAL DO SOFTWARE PÚBLICO BRASILEIRO. Em construção

MANUAL DE ADMINISTRAÇÃO DO SOFTWARE E COMUNIDADES DO PORTAL DO SOFTWARE PÚBLICO BRASILEIRO. Em construção MANUAL DE ADMINISTRAÇÃO DO SOFTWARE E COMUNIDADES DO PORTAL DO SOFTWARE PÚBLICO BRASILEIRO Em construção Índice 1. Introdução 2. Cadastrar e Logar no Portal 3. Plataforma de redes Sociais Noosfero 3.1.

Leia mais

LEI DE ACESSO A INFORMAÇÃO DIREITO DO CIDADÃO

LEI DE ACESSO A INFORMAÇÃO DIREITO DO CIDADÃO DESCRIÇÃO DO SIGAI O SIGAI (Sistema Integrado de Gestão do Acesso à Informação) é uma solução de software que foi desenvolvida para automatizar os processos administrativos e operacionais visando a atender

Leia mais

Treinamento Plone. Unirio

Treinamento Plone. Unirio Treinamento Plone Unirio Autenticando no Site Ao abrir o site Plone, no canto superior direito você verá a aba acessar. Clique nela. Autenticando no Site Autenticando no Site Ao clicá-la, abrirá uma janela

Leia mais

Elaborado por SIGA EPCT. Projeto SIGA EPCT: Manual de Instalação apt-get para Solução de Relatórios Personalizados

Elaborado por SIGA EPCT. Projeto SIGA EPCT: Manual de Instalação apt-get para Solução de Relatórios Personalizados Elaborado por SIGA EPCT Projeto SIGA EPCT: Manual de Instalação apt-get para Solução de Relatórios Personalizados Versão Outubro - 2011 Sumário 1 Introdução 2 2 Algumas observações 3 3 Obtendo e instalando

Leia mais

Módulo e-rede OpenCart v1.0. Manual de. Instalação do Módulo. estamos todos ligados

Módulo e-rede OpenCart v1.0. Manual de. Instalação do Módulo. estamos todos ligados Módulo e-rede OpenCart v1.0 Manual de Instalação do Módulo estamos todos ligados 01 02 03 04 Introdução 3 Versão 3 Requerimentos 3 Manual de instalação 4 05 06 4.1 vqmod 4 4.2 Instalação e ativação do

Leia mais

Extensão ez Open Document Format (ezodf) Documentação. versão 2.0. experts em Gestão de Conteúdo

Extensão ez Open Document Format (ezodf) Documentação. versão 2.0. experts em Gestão de Conteúdo Extensão ez Open Document Format (ezodf) Documentação versão 2.0 Conteúdo 1. Introdução... 3 2 1.1 Público alvo... 3 1.2 Convenções... 3 1.3 Mais recursos... 3 1.4 Entrando em contato com a ez... 4 1.5

Leia mais

Procedimentos para Instalação do SISLOC

Procedimentos para Instalação do SISLOC Procedimentos para Instalação do SISLOC Sumário 1. Informações Gerais...3 2. Instalação do SISLOC...3 Passo a passo...3 3. Instalação da Base de Dados SISLOC... 11 Passo a passo... 11 4. Instalação de

Leia mais

Sistema de Atendimento v1.3 Manual de Instalação v1.0

Sistema de Atendimento v1.3 Manual de Instalação v1.0 Sistema de Atendimento v1.3 Manual de Instalação v1.0 Brasília, 29 de junho de 2010 Sumário Licença deste Documento...3 Introdução ao Sistema de Atendimento...4 Características e módulos...4 Arquitetura...5

Leia mais

ADOBE FLASH PLAYER 10.3 Gerenciador de configurações locais

ADOBE FLASH PLAYER 10.3 Gerenciador de configurações locais ADOBE FLASH PLAYER 10.3 Gerenciador de configurações locais PRERELEASE 03/07/2011 Avisos legais Avisos legais Para consultar avisos legais, acesse o site http://help.adobe.com/pt_br/legalnotices/index.html.

Leia mais

Conteúdo. Introdução ao Sistema Gestor de Conteúdo. Compartilhamento. Parte V Compartilhamento

Conteúdo. Introdução ao Sistema Gestor de Conteúdo. Compartilhamento. Parte V Compartilhamento Introdução ao Sistema Gestor de Conteúdo Conteúdo Parte V - Compartilhamento Parte VI - Entendendo o Workflow Instrutores Carlos Alberto Alves Meira Erick Gallani Modulo B Parte VII - Portlets Parte VIII

Leia mais

INTRODUÇÃO. A SKA preparou este documento técnico com o objetivo de auxiliar seus clientes a realizar a instalação do SolidWorks 2009.

INTRODUÇÃO. A SKA preparou este documento técnico com o objetivo de auxiliar seus clientes a realizar a instalação do SolidWorks 2009. Guia de Instalação do SolidWorks 2009 INTRODUÇÃO A SKA preparou este documento técnico com o objetivo de auxiliar seus clientes a realizar a instalação do SolidWorks 2009. O SolidWorks pode ser instalado

Leia mais

MOODLE é o acrónimo de "Modular Object-Oriented Dynamic Learning Environment. Executado em um AVA - Ambiente Virtual de Apresendizagem;

MOODLE é o acrónimo de Modular Object-Oriented Dynamic Learning Environment. Executado em um AVA - Ambiente Virtual de Apresendizagem; MOODLE é o acrónimo de "Modular Object-Oriented Dynamic Learning Environment Software livre, de apoio à aprendizagem; Executado em um AVA - Ambiente Virtual de Apresendizagem; A expressão designa ainda

Leia mais

Helder da Rocha. Criação de. Web Sites II. Servidor Web Aplicações Web Programas CGI e SSI. Rev.: CWS2-04-2000/01 A4

Helder da Rocha. Criação de. Web Sites II. Servidor Web Aplicações Web Programas CGI e SSI. Rev.: CWS2-04-2000/01 A4 Helder da Rocha Criação de Web Sites II Servidor Web Aplicações Web Programas CGI e SSI Rev.: CWS2-04-2000/01 A4 Copyright 2000 por Helder Lima Santos da Rocha. Todos os direitos reservados. Os direitos

Leia mais

Cursos de Magento. 2013 Gugliotti Consulting

Cursos de Magento. 2013 Gugliotti Consulting Cursos de Magento F U N D A M E N T O S D E M A G E N T O C O M M E R C E C U R S O E M V Í D E O - A U L A S M Ó D U L O 2 F T O 2 Fundamentos de Magento Commerce Módulo 2 Aula 1 Configuração da plataforma

Leia mais

WampServer. O ícone do mesmo aparecerá no rodapé do monitor, próximo ao. Language => portuguese.

WampServer. O ícone do mesmo aparecerá no rodapé do monitor, próximo ao. Language => portuguese. 5 O Joomla: O Joomla (pronuncia-se djumla ) é um Sistema de Gestão de Conteúdos (Content Management System - CMS) desenvolvido a partir do CMS Mambo. É desenvolvido em PHP e pode ser executado no servidor

Leia mais

MANUAL PARA USO DO SISTEMA GCO Gerenciador Clínico Odontológico

MANUAL PARA USO DO SISTEMA GCO Gerenciador Clínico Odontológico MANUAL PARA USO DO SISTEMA GCO Gerenciador Clínico Odontológico O GCO é um sistema de controle de clínicas odontológicas, onde dentistas terão acesso a agendas, fichas de pacientes, controle de estoque,

Leia mais

Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br

Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br Índice Como acessar o Moodle Editando seu PERFIL Editando o curso / disciplina no Moodle Incluindo Recursos

Leia mais

Curso de Joomla na Prática

Curso de Joomla na Prática Curso de Joomla na Prática Joomla! (pronuncia-se djumla) é um CMS (Content Management System) desenvolvido a partir do Mambo. É escrito em PHP e roda no servidor web Apache ou IIS e banco de dados MySQL.

Leia mais

Symantec Backup Exec 2010. Guia de Instalação Rápida

Symantec Backup Exec 2010. Guia de Instalação Rápida Symantec Backup Exec 2010 Guia de Instalação Rápida 20047221 Instalação do Backup Exec Este documento contém os seguintes tópicos: Requisitos do sistema Antes da instalação Sobre a conta de serviço do

Leia mais

Instruções de Instalação do IBM SPSS Modeler (Licença de Usuário Autorizado)

Instruções de Instalação do IBM SPSS Modeler (Licença de Usuário Autorizado) Instruções de Instalação do IBM SPSS Modeler (Licença de Usuário Autorizado) Índice Instruções de Instalação....... 1 Requisitos do sistema........... 1 Código de autorização.......... 1 Instalando...............

Leia mais

SENADO FEDERAL Secretaria Especial do Interlegis SINTER Subsecretaria de Tecnologia da Informação SSTIN. Produto I: ATU SAAP

SENADO FEDERAL Secretaria Especial do Interlegis SINTER Subsecretaria de Tecnologia da Informação SSTIN. Produto I: ATU SAAP Produto I: ATU SAAP Documento de projeto do novo sistema. Modelo de Dados, Casos de Usos e Interface Gráfica do Sistema Pablo Nogueira Oliveira Termo de Referência nº 129275 Contrato Número 2008/000988

Leia mais

INTRODUÇÃO. A SKA preparou este documento técnico com o objetivo de auxiliar seus clientes a realizar a instalação do SolidWorks 2010.

INTRODUÇÃO. A SKA preparou este documento técnico com o objetivo de auxiliar seus clientes a realizar a instalação do SolidWorks 2010. Guia de Instalação do SolidWorks 2010 INTRODUÇÃO A SKA preparou este documento técnico com o objetivo de auxiliar seus clientes a realizar a instalação do SolidWorks 2010. O SolidWorks pode ser instalado

Leia mais

TUTORIAL DE INSTALAÇÃO Windows Server 2003 32 Bits. Rua Maestro Cardim, 354 - cj. 121 CEP 01323-001 - São Paulo - SP (11) 3266-2096

TUTORIAL DE INSTALAÇÃO Windows Server 2003 32 Bits. Rua Maestro Cardim, 354 - cj. 121 CEP 01323-001 - São Paulo - SP (11) 3266-2096 TUTORIAL DE INSTALAÇÃO Windows Server 2003 32 Bits Índice Geral Antes de Começar 2 Instalação do MS-IIS 6 4 Instalação do MS-IIS 6 Resources Kit 6 Instalação do PHP 7 Instalação do ZEND Optimizer 8 Instalação

Leia mais

Expandindo um banco de dados SQL de ICM

Expandindo um banco de dados SQL de ICM Expandindo um banco de dados SQL de ICM Índice Introdução Pré-requisitos Requisitos Componentes Utilizados Convenções Fundamentos Expanda o espaço com uso do ICMDBA Quando usar o gerenciador de empreendimento

Leia mais

ArcGIS for Server: Administração e Configuração do Site (10.2)

ArcGIS for Server: Administração e Configuração do Site (10.2) ArcGIS for Server: Administração e Configuração do Site (10.2) Duração: 3 dias (24 horas) Versão do ArcGIS: 10.2 Material didático: Inglês Descrição Projetado para administradores, este curso ensina como

Leia mais

Noções de. Microsoft SQL Server. Microsoft SQL Server

Noções de. Microsoft SQL Server. Microsoft SQL Server Noções de 1 Considerações Iniciais Basicamente existem dois tipos de usuários do SQL Server: Implementadores Administradores 2 1 Implementadores Utilizam o SQL Server para criar e alterar base de dados

Leia mais

LICENCIAMENTO V14 USANDO REPRISE LICENSE MANAGER

LICENCIAMENTO V14 USANDO REPRISE LICENSE MANAGER LICENCIAMENTO V14 USANDO REPRISE LICENSE MANAGER V14 de BricsCAD vem com um novo sistema de licenciamento, com base na tecnologia de licenciamento de Reprise Software. Este novo sistema oferece um ambiente

Leia mais

CA Clarity Agile. Guia de Implementação. Release 13.3.00

CA Clarity Agile. Guia de Implementação. Release 13.3.00 CA Clarity Agile Guia de Implementação Release 13.3.00 A presente documentação, que inclui os sistemas de ajuda incorporados e os materiais distribuídos eletronicamente (doravante denominada Documentação),

Leia mais

Manual de Instalação

Manual de Instalação Manual de Instalação Produto: n-mf Xerox Versão do produto: 4.7 Autor: Bárbara Vieira Souza Versão do documento: 1 Versão do template: Data: 09/04/01 Documento destinado a: Parceiros NDDigital, técnicos

Leia mais

Objetos e métodos internos do Zope. Apostila

Objetos e métodos internos do Zope. Apostila 2012 Objetos e métodos internos do Zope Apostila Este material é de livre uso e divulgação desde que preservada as citações de suas fontes. Apostila de Treinamento ZOPE /Plone Objetos e métodos internos

Leia mais

Qlik Sense Desktop. Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados.

Qlik Sense Desktop. Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Qlik Sense Desktop Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Qlik, QlikTech,

Leia mais

Versão 1.0 Janeiro de 2011. Xerox Phaser 3635MFP Plataforma de interface extensível

Versão 1.0 Janeiro de 2011. Xerox Phaser 3635MFP Plataforma de interface extensível Versão 1.0 Janeiro de 2011 Xerox Phaser 3635MFP 2011 Xerox Corporation. XEROX e XEROX e Design são marcas da Xerox Corporation nos Estados Unidos e/ou em outros países. São feitas alterações periodicamente

Leia mais

Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04

Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04 Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04 Autor: Alexandre F. Ultrago E-mail: ultrago@hotmail.com 1 Infraestrutura da rede Instalação Ativando o usuário root Instalação do Webmin Acessando o Webmin

Leia mais

4.0 SP2 (4.0.2.0) maio 2015 708P90911. Xerox FreeFlow Core Guia de Instalação: Windows 8.1 Update

4.0 SP2 (4.0.2.0) maio 2015 708P90911. Xerox FreeFlow Core Guia de Instalação: Windows 8.1 Update 4.0 SP2 (4.0.2.0) maio 2015 708P90911 2015 Xerox Corporation. Todos os direitos reservados. Xerox, Xerox com a marca figurativa e FreeFlow são marcas da Xerox Corporation nos Estados Unidos e/ou em outros

Leia mais

Laboratório de Redes de Computadores e Sistemas Operacionais

Laboratório de Redes de Computadores e Sistemas Operacionais Laboratório de Redes de Computadores e Sistemas Operacionais Serviços de Servidor TCP/IP Fabricio Breve Internet Information Services (IIS) Conjunto de serviços baseados em TCP/IP executados em um mesmo

Leia mais

Manual de Instalação do OASIS

Manual de Instalação do OASIS Manual de Instalação do OASIS SISTEMA DE GESTÃO DE PROJETO, DEMANDA E SERVIÇO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO OASIS Versão 2.0 Introdução Esse manual tem como objetivo auxiliar aos usuários nos procedimentos

Leia mais

Campus - Cachoeiro Curso Técnico de Informática. Sistema de Arquivos. Prof. João Paulo de Brito Gonçalves

Campus - Cachoeiro Curso Técnico de Informática. Sistema de Arquivos. Prof. João Paulo de Brito Gonçalves Campus - Cachoeiro Curso Técnico de Informática Sistema de Arquivos Prof. João Paulo de Brito Gonçalves Introdução É com o sistema de arquivos que o usuário mais nota a presença do sistema operacional.

Leia mais

MozyPro Guia do administrador Publicado: 2013-07-02

MozyPro Guia do administrador Publicado: 2013-07-02 MozyPro Guia do administrador Publicado: 2013-07-02 Sumário Prefácio: Prefácio...vii Capítulo 1: Apresentação do MozyPro...9 Capítulo 2: Noções básicas sobre os Conceitos do MozyPro...11 Noções básicas

Leia mais

Fábio Rocha de Araújo & Felipe Rocha de Araújo. 30 de janeiro de 2012

Fábio Rocha de Araújo & Felipe Rocha de Araújo. 30 de janeiro de 2012 Laboratório de Processamento de Sinais Laboratório de Sistemas Embarcados Universidade Federal do Pará 30 de janeiro de 2012 Introdução Conhecendo o Joomla! Administrando extensões Joomla! e criando Módulos

Leia mais

Ferramenta: Spider-CL. Manual do Usuário. Versão da Ferramenta: 1.1. www.ufpa.br/spider

Ferramenta: Spider-CL. Manual do Usuário. Versão da Ferramenta: 1.1. www.ufpa.br/spider Ferramenta: Spider-CL Manual do Usuário Versão da Ferramenta: 1.1 www.ufpa.br/spider Histórico de Revisões Data Versão Descrição Autor 14/07/2009 1.0 15/07/2009 1.1 16/07/2009 1.2 20/05/2010 1.3 Preenchimento

Leia mais

Configuração de Digitalizar para E-mail

Configuração de Digitalizar para E-mail Guia de Configuração de Funções de Digitalização de Rede Rápida XE3024PT0-2 Este guia inclui instruções para: Configuração de Digitalizar para E-mail na página 1 Configuração de Digitalizar para caixa

Leia mais

Manual de Utilização do PLONE (Gerenciador de página pessoal)

Manual de Utilização do PLONE (Gerenciador de página pessoal) Manual de Utilização do PLONE (Gerenciador de página pessoal) Acessando o Sistema Para acessar a interface de colaboração de conteúdo, entre no endereço http://paginapessoal.utfpr.edu.br. No formulário

Leia mais

É o UniNorte facilitando a vida de nossos docentes e discentes.

É o UniNorte facilitando a vida de nossos docentes e discentes. ACESSO REMOTO Através do Acesso Remoto o aluno ou professor poderá utilizar em qualquer computador que tenha acesso a internet todos os programas, recursos de rede e arquivos acadêmicos utilizados nos

Leia mais

Instalação e Configuração do CollabNet Subversion Edge

Instalação e Configuração do CollabNet Subversion Edge Instalação e Configuração do CollabNet Subversion Edge 1) Descrição O Subversion Edge é um pacote da distribuição do Subversion SCM, que foi criado e distribuido pela empresa CollabNet com o objetivo de

Leia mais

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO 1 ÍNDICE 1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO... 3 1.1 REQUISITOS BASICOS DE SOFTWARE... 3 1.2 REQUISITOS BASICOS DE HARDWARE... 3 2 EXECUTANDO O INSTALADOR... 3 2.1 PASSO 01... 3 2.2 PASSO

Leia mais

Introdução ao Sistema. Características

Introdução ao Sistema. Características Introdução ao Sistema O sistema Provinha Brasil foi desenvolvido com o intuito de cadastrar as resposta da avaliação que é sugerida pelo MEC e que possui o mesmo nome do sistema. Após a digitação, os dados

Leia mais

Configurando o IIS no Server 2003

Configurando o IIS no Server 2003 2003 Ser ver Enterprise Objetivo Ao término, você será capaz de: 1. Instalar e configurar um site usando o IIS 6.0 Configurando o IIS no Server 2003 Instalando e configurando o IIS 6.0 O IIS 6 é o aplicativo

Leia mais

Requisitos dos postos de usuário para utilizar os aplicativos da Adquira

Requisitos dos postos de usuário para utilizar os aplicativos da Adquira Requisitos dos postos de usuário para utilizar os aplicativos da Adquira 30/08/2007 Autor: Carlos Torrijos Martín Versão 1.10 1.- Introdução 3 2.- Requisitos Hardware dos equipamentos 4 3.- Requisitos

Leia mais

Software de gerenciamento do sistema Intel. Guia do usuário do Pacote de gerenciamento do servidor modular Intel

Software de gerenciamento do sistema Intel. Guia do usuário do Pacote de gerenciamento do servidor modular Intel Software de gerenciamento do sistema Intel do servidor modular Intel Declarações de Caráter Legal AS INFORMAÇÕES CONTIDAS NESTE DOCUMENTO SÃO RELACIONADAS AOS PRODUTOS INTEL, PARA FINS DE SUPORTE ÀS PLACAS

Leia mais

Servidor de OpenLAB Data Store A.02.01 Lista de Preparação do Local. Objetivo do Procedimento. Responsabilidades do cliente

Servidor de OpenLAB Data Store A.02.01 Lista de Preparação do Local. Objetivo do Procedimento. Responsabilidades do cliente Servidor Lista de Preparação de OpenLAB do Data Local Store A.02.01 Objetivo do Procedimento Assegurar que a instalação do Servidor de OpenLAB Data Store pode ser concluída com sucesso por meio de preparação

Leia mais

FAT32 ou NTFS, qual o melhor?

FAT32 ou NTFS, qual o melhor? FAT32 ou NTFS, qual o melhor? Entenda quais as principais diferenças entre eles e qual a melhor escolha O que é um sistema de arquivos? O conceito mais importante sobre este assunto, sem sombra de dúvidas,

Leia mais

Symantec Backup Exec 12.5 for Windows Servers. Guia de Instalação Rápida

Symantec Backup Exec 12.5 for Windows Servers. Guia de Instalação Rápida Symantec Backup Exec 12.5 for Windows Servers Guia de Instalação Rápida 13897290 Instalação do Backup Exec Este documento contém os seguintes tópicos: Requisitos do sistema Antes de instalar Sobre a conta

Leia mais

Aula 1 - Introdução e configuração de ambiente de desenvolvimento

Aula 1 - Introdução e configuração de ambiente de desenvolvimento Aula 1 - Introdução e configuração de ambiente de desenvolvimento Olá, seja bem-vindo à primeira aula do curso para desenvolvedor de Android, neste curso você irá aprender a criar aplicativos para dispositivos

Leia mais