Id Nome da tarefa Duração %

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Id Nome da tarefa Duração %"

Transcrição

1 1 PONTE SOBRE O RIO TOCANTINS - Projeto de Reforço Estrutural 1667 dias 6% Qui 01/12/11 2 PRODUTOS FEL dias 51% Qui 01/12/11 3 Escopo do projeto 390 dias 100% Qui 01/12/11 4 FCE 5 dias 100% Qui 01/12/11 5 Declaração de Escopo do Projeto 20 dias 100% Qui 02/05/13 6 Avaliação econômica 10 dias 100% Qui 14/11/13 7 Relatório Econômico do Programa 10 dias 100% Qui 14/11/13 8 Estimativa de investimento 5 dias 100% Qui 28/11/13 9 Elaboração do CAPEX 5 dias 100% Qui 28/11/13 10 Comunicação 55 dias 91% Ter 17/09/13 11 Interfaces do Empreendimento 10 dias 100% Ter 17/09/13 12 Comunicação Interna e Externa / Matriz de Stakeholders 20 dias 100% Ter 01/10/13 13 Análise SWOT 10 dias 80% Ter 29/10/13 14 Plano de Comunicação do Projeto 15 dias 80% Ter 12/11/13 15 Encerramento 10 dias 100% Ter 10/09/13 16 Definições de período de operação assistida 5 dias 100% Ter 10/09/13 17 Critério de aceitação do projeto 5 dias 100% Ter 17/09/13 18 Engenharia Básica 131 dias 99% Qua 29/05/13 19 Monitoramento da Ponte 0 dias 100% Qua 29/05/13 20 Projeto Básico de Reforço da Infraestrutura 128 dias 100% Qui 30/05/13 21 Projeto Básico de Reforço da Superestrutura Rodoviária 128 dias 100% Qui 30/05/13 22 Análise Prévia Investigação e Monitoramento pela Projetista 20 dias 100% Ter 20/08/13 23 Projeto Básico da Superestrutura Ferroviária 55 dias 100% Ter 10/09/13 24 Planilha de Quantidades Consolidada 3 dias 100% Ter 26/11/13 25 Projeto de Canteiro e Acessos 12 dias 90% Ter 05/11/13 26 Elaboração Requisição Técnica (RT) para contração da Obra 10 dias 90% Ter 12/11/13 27 Gestão de Mudanças 5 dias 100% Qui 30/05/13 29/05 28 Plano de Gestão de Mudanças - Consolidação de todas as SM 5 dias 100% Qui 30/05/13 29 Obra 40 dias 100% Ter 15/10/13 30 Metodologia de Execução do Projeto 5 dias 100% Ter 03/12/13 31 Canteiro de obras 5 dias 100% Ter 26/11/13 32 Controle de acesso a obra, sinalização para veículos, instalações temporárias 5 dias 100% Ter 26/11/13 33 Soluções técnicas para eliminação das interferências e tie-ins 30 dias 100% Ter 15/10/13 34 Planejamento e Controle 1 dia 100% Sex 29/11/13 35 EAP até 3º Nível 1 dia 100% Sex 29/11/13 36 Cronograma de Implantação 0 dias 100% Sex 29/11/13 37 Riscos 4 dias 75% Ter 03/12/13 38 Relatório de análise qualitativa os risco do projeto 3 dias 80% Ter 03/12/13 39 Plano de ações definidas para o tratamento dos riscos e oportunidades identificados 1 dia 60% Sex 06/12/13 40 Saúde e Segurança 4 dias 100% Ter 03/12/13 41 Análise de riscos do projeto - APR 3 dias 100% Ter 03/12/13 42 Avaliação de requisitos legais 1 dia 100% Sex 06/12/13 43 Seguros 279 dias 4% Ter 26/11/13 44 Plano de Seguro definido 5 dias 100% Ter 26/11/13 45 Contratação Seguro do Projeto 120 dias 0% Seg 07/07/14 46 Suprimentos 295 dias 30% Seg 04/11/13 29/11 47 Plano de Suprimentos 29 dias 100% Seg 04/11/13 48 Modelo de Contratação 19 dias 100% Seg 04/11/13 do projeto externa Página 1

2 49 de Pacotes / Mapa de Suprimentos 10 dias 100% Sex 29/11/13 50 Contratação 206 dias 20% Sex 07/03/14 51 Desenvolvimento de documentação e envio a suprimentos 50 dias 80% Sex 07/03/14 52 Aprovação de RC 0 dias 0% Qui 15/05/14 53 Planejamento e Envio da Coleta 7 dias 0% Sex 16/05/14 54 Visita Técnica 0 dias 0% Sex 13/06/14 55 Esclarecimentos Técnicos e Comerciais 22 dias 0% Ter 27/05/14 56 Recebimento das Propostas 25 dias 0% Qui 26/06/14 57 Análise Preliminar das Propostas / Questionamentos 22 dias 0% Qui 31/07/14 58 Parecer Técnico Conclusivo 21 dias 0% Seg 01/09/14 59 Análise e Negociação Comercial 29 dias 0% Ter 30/09/14 60 Emissão do Relatório de Homologação 3 dias 0% Seg 10/11/14 61 Aprovação do Processo 20 dias 0% Qui 13/11/14 62 Assinatura do Contrato 0 dias 0% Sex 19/12/14 63 Licenciamento ambiental 260 dias 2% Sex 29/11/13 64 Identificação de todas as licenças e atualizações locais necessárias à execução das obras 6 dias 0% Sex 29/11/13 65 Procotolo para obtenção da LI junto ao órgão ambiental competente ou registro da situação 260 dias do processo 3% de solicitação Sex 29/11/13 66 Definição da Estratégia e ações para o licenciamento do projeto 10 dias 70% Sex 29/11/13 67 Consulta ao Órgão Ambiental 30 dias 0% Sex 13/12/13 68 Elaboração de Especificação Técnica 20 dias 0% Sex 27/12/13 69 Cotação 20 dias 0% Sex 24/01/14 70 Realização dos trabalhos em campo e Relatórios 80 dias 0% Sex 21/02/14 71 Protocolização junto ao IBAMA e obtenção da Licença 0 dias 0% Qui 12/06/14 72 Avaliação IBAMA 120 dias 0% Sex 13/06/14 73 Obtenção LI 0 dias 0% Qui 27/11/14 74 Engenharia Detalhada 145 dias 0% Ter 26/11/13 75 Documentos de Engenharia Detalhado 145 dias 0% Ter 26/11/13 76 Projeto Detalhado de Reforço da Infraestrutura 45 dias 0% Ter 26/11/13 77 Projeto Detalhado de Reforço da Superestrutura Rodoviária 70 dias 0% Ter 28/01/14 78 Projeto Detalhado de Reforço da Superestrutura Ferroviária 70 dias 0% Ter 28/01/14 79 Plano de Implantação do Sistema de Gestão da Manutenção 25 dias 0% Ter 01/04/14 80 PQ s - Planilhas de Quantidades 25 dias 0% Seg 31/03/14 81 Metodologia de Execução 30 dias 0% Ter 06/05/14 82 Metodologia de Execução projeto detalhado 30 dias 0% Ter 06/05/14 83 Implantação 816 dias 0% Seg 05/01/15 84 Obras Civis Ponte Rio Tocantins 9 dias 0% Seg 05/01/15 85 Emissão OS 7 dias 0% Seg 05/01/15 86 Assinatura da OS 0 dias 0% Ter 13/01/15 87 Kich-off 2 dias 0% Qua 14/01/15 88 Serviços Preliminares 215 dias 0% Qua 14/01/15 89 Mobilização de Pessoal e Equipamentos 60 dias 0% Qua 14/01/15 90 Instalações Provisórias e Canteiro de Obras 30 dias 0% Qua 04/03/15 91 Serviços Preliminares 40 dias 0% Qua 11/03/15 92 Planejamento método de implantação 80 dias 0% Sex 16/01/15 93 Avaliação prévia de implantação 0 dias 0% Qua 04/03/15 94 Aquisição e fabricação de estruturas metálicas 200 dias 0% Qua 04/02/15 95 Infraestruturar - Reforço 414 dias 0% Sex 05/06/15 96 Execução de reforço para os blocos P 15 e P dias 0% Sex 05/06/15 97 Execução de estacas escavadas com camisa perdida - bloco P15 76 dias 0% Sex 05/06/15 15/05 13/06 12/06 19/12 27/11 13/01 04/03 do projeto externa Página 2

3 98 Montagem de estrutura auxiliar para estaqueamento (transporte de materiais e equipamentos) 10 dias 0% Sex 05/06/15 99 Cravação de estaca metálica, com fornecimento do tubo - Ø 150cm e comprimento dias cm 0% Sex 19/06/ Colocação da perfuratriz Wirth e escavação em rocha. 2 dias 0% Qui 23/07/ Execução de estaca moldada "in loco", inclusive o fornecimento de todos os materiais 16 - Tipo dias ESCAVADA 0% EM ROCHA Seg 27/07/15 Ø 1500mm 102 Arrasamento/preparo de cabeça de estaca de concreto acima de Ø 80cm 8 dias 0% Seg 07/09/ Corte e preparo de cabeça de estaca metálica acima de Ø 80cm (Ø 150cm) 8 dias 0% Qua 09/09/ Execução de estacas escavadas com camisa perdida - bloco P28 57 dias 0% Qui 06/08/ Montagem de estrutura auxiliar para estaqueamento (transporte de materiais e equipamentos) 10 dias 0% Qui 06/08/ Cravação de estaca metálica, com fornecimento do tubo - Ø 150cm e comprimento dias cm 0% Sex 21/08/ Execução de estaca moldada "in loco", inclusive o fornecimento de todos os materiais 16 - Tipo dias ESCAVADA 0% EM ROCHA Qui 10/09/15 Ø 1500mm 108 Arrasamento/preparo de cabeça de estaca de concreto acima de Ø 80cm 8 dias 0% Seg 12/10/ Corte e preparo de cabeça de estaca metálica acima de Ø 80cm (Ø 150cm) 8 dias 0% Qua 14/10/ Ampliação de bloco para reforço estrutural - Bloco P15 - Lado A 99 dias 0% Seg 16/05/ Montagem de estrutura auxiliar para execução de formas e armação 20 dias 0% Seg 16/05/ Execução de formas e escoramento 20 dias 0% Seg 13/06/ Preparação de bloco inclusive perfuração para ancoragem de armadura 15 dias 0% Seg 11/07/ Armadura de reforço do bloco 15 dias 0% Seg 01/08/ Fornecimento e lançamento de concreto bombeado 5 dias 0% Seg 22/08/ Desforma e limpeza 7 dias 0% Sex 16/09/ Ensaio PDA bloco P15 3 dias 0% Ter 27/09/ Ampliação de bloco para reforço estrutural - Bloco P15 - Lado B 99 dias 0% Qui 16/06/ Montagem de estrutura auxiliar para execução de formas e armação 20 dias 0% Qui 16/06/ Execução de formas e escoramento 20 dias 0% Qui 14/07/ Preparação de bloco inclusive perfuração para ancoragem de armadura 15 dias 0% Qui 11/08/ Armadura de reforço do bloco 15 dias 0% Qui 01/09/ Fornecimento e lançamento de concreto bombeado 5 dias 0% Qui 22/09/ Desforma e limpeza 7 dias 0% Qua 19/10/ Ensaio PDA bloco P15 3 dias 0% Sex 28/10/ Ampliação de bloco para reforço estrutural - Bloco P28 - A 99 dias 0% Ter 19/07/ Montagem de estrutura auxiliar para execução de formas e armação 20 dias 0% Ter 19/07/ Execução de formas e escoramento 20 dias 0% Ter 16/08/ Preparação de bloco inclusive perfuração para ancoragem de armadura 15 dias 0% Ter 13/09/ Armadura de reforço do bloco 15 dias 0% Ter 04/10/ Fornecimento e lançamento de concreto bombeado 5 dias 0% Ter 25/10/ Desforma e limpeza 7 dias 0% Seg 21/11/ Ensaio PDA bloco P28 3 dias 0% Qua 30/11/ Ampliação de bloco para reforço estrutural - Bloco P28 - B 99 dias 0% Sex 19/08/ Montagem de estrutura auxiliar para execução de formas e armação 20 dias 0% Sex 19/08/ Execução de formas e escoramento 20 dias 0% Sex 16/09/ Preparação de bloco inclusive perfuração para ancoragem de armadura 15 dias 0% Sex 14/10/ Armadura de reforço do bloco 15 dias 0% Sex 04/11/ Fornecimento e lançamento de concreto bombeado 5 dias 0% Sex 25/11/ Desforma e limpeza 7 dias 0% Qui 22/12/ Ensaio PDA bloco P28 3 dias 0% Seg 02/01/ Infraestruturar - Recuperação 413 dias 0% Qua 25/03/ Recuperação das estacas existentes blocos P15 e P28-32 estacas 52 dias 0% Qua 25/03/ Limpeza das camisas metálicas (escovação/ jeteamento) 20 dias 0% Qua 25/03/ Pintura das camisas metálicas comprimento emerso (epóxi bi-componente) 16 dias 0% Qua 08/04/ Pintura das camisas metálicas comprimento submerso (epóxi bi-componente) 32 dias 0% Qua 22/04/15 do projeto externa Página 3

4 147 Recuperação das estacas existentes blocos P01 a P13, P15 a P27 e P29 a P dias 0% Qua 06/05/ Período 1 (estiagem) - 46 estacas 105 dias 0% Qua 06/05/ Limpeza para retirada de corrosão (lixamento / jeteamento) 85 dias 0% Qua 06/05/ Pintura das camisas metálicas (epóxi bi-componente) 85 dias 0% Qua 20/05/ Pintura das camisas metálicas submersas (epóxi bi-componente) 85 dias 0% Qua 03/06/ Período 2 (estiagem) - 77 estacas 105 dias 0% Seg 30/05/ Limpeza para retirada de corrosão (lixamento / jeteamento) 85 dias 0% Seg 30/05/ Pintura das camisas metálicas (epóxi bi-componente) 85 dias 0% Seg 13/06/ Pintura das camisas metálicas submersas (epóxi bi-componente) 85 dias 0% Seg 27/06/ Mesoestrutura - Recuperação 577 dias 0% Qua 22/04/ Preparo de superfície de concreto e recuperação 577 dias 0% Qua 22/04/ Pilares dias 0% Qua 22/04/ Montagem de estrutura de apoio para execução de atividades (andaime / plataformas) 128 dias 0% Qua 22/04/ Escarificação manual de concreto, corte com profundidade até 3cm 128 dias 0% Qua 29/04/ Limpeza de superfície de concreto com jato de água 128 dias 0% Qua 06/05/ Aplicação de argamassa para nivelamento, regularização ou enchimento tipo SIKA GROUT 128 ou dias similar 0% Qua 13/05/ Pilares dias 0% Seg 16/11/ Montagem de estrutura de apoio para execução de atividades (andaime / plataformas) 128 dias 0% Seg 16/11/ Escarificação manual de concreto, corte com profundidade até 3cm 128 dias 0% Seg 23/11/ Limpeza de superfície de concreto com jato de água 128 dias 0% Seg 23/11/ Aplicação de argamassa para nivelamento, regularização ou enchimento tipo SIKA GROUT 128 ou dias similar 0% Seg 23/11/ Pilares dias 0% Qui 26/05/ Montagem de estrutura de apoio para execução de atividades (andaime / plataformas) 128 dias 0% Qui 26/05/ Escarificação manual de concreto, corte com profundidade até 3cm 128 dias 0% Qui 02/06/ Limpeza de superfície de concreto com jato de água 128 dias 0% Qui 09/06/ Aplicação de argamassa para nivelamento, regularização ou enchimento tipo SIKA GROUT 128 ou dias similar 0% Qui 16/06/ Pilares dias 0% Ter 20/12/ Montagem de estrutura de apoio para execução de atividades (andaime / plataformas) 128 dias 0% Ter 20/12/ Escarificação manual de concreto, corte com profundidade até 3cm 128 dias 0% Ter 27/12/ Limpeza de superfície de concreto com jato de água 128 dias 0% Ter 03/01/ Aplicação de argamassa para nivelamento, regularização ou enchimento tipo SIKA GROUT 128 ou dias similar 0% Ter 10/01/ Superestrutura Ferroviária - Reforço 664 dias 0% Qua 04/03/ Reforço nos trechos 1,2,4,5 (Chapa de Fundo) 637 dias 0% Qua 04/03/ Reforço nos trechos 5(Chapa de Fundo) 178 dias 0% Qua 04/03/ Montagem de chapa metálica 108 dias 0% Qua 04/03/ Chumbador em aço (stud bolt) 108 dias 0% Qua 29/04/ Argamassa para nivelamento GROUT 110 dias 0% Seg 08/06/ Forma 90 dias 0% Seg 08/06/ Aplicação 45 dias 0% Seg 07/09/ Reforço nos trechos 4 (Chapa de Fundo) 178 dias 0% Seg 28/09/ Montagem de chapa metálica 108 dias 0% Seg 28/09/ Chumbador em aço (stud bolt) 108 dias 0% Seg 23/11/ Argamassa para nivelamento GROUT 110 dias 0% Qui 31/12/ Forma 90 dias 0% Qui 31/12/ Aplicação 45 dias 0% Qui 31/03/ Reforço nos trechos 3 (Chapa de Fundo) 115 dias 0% Qui 21/04/ Montagem de chapa metálica 45 dias 0% Qui 21/04/16 do projeto externa Página 4

5 194 Chumbador em aço (stud bolt) 45 dias 0% Qui 16/06/ Argamassa para nivelamento GROUT 50 dias 0% Qui 21/07/ Forma 30 dias 0% Qui 21/07/ Aplicação 15 dias 0% Qui 08/09/ Reforço nos trechos 2 (Chapa de Fundo) 178 dias 0% Qui 18/08/ Montagem de chapa metálica 108 dias 0% Qui 18/08/ Chumbador em aço (stud bolt) 108 dias 0% Qui 13/10/ Argamassa para nivelamento GROUT 110 dias 0% Ter 22/11/ Forma 90 dias 0% Ter 22/11/ Aplicação 45 dias 0% Ter 21/02/ Reforço nos trechos 1 (Chapa de Fundo) 158 dias 0% Ter 03/01/ Montagem de chapa metálica 108 dias 0% Ter 14/03/ Chumbador em aço (stud bolt) 108 dias 0% Ter 17/01/ Argamassa para nivelamento GROUT 110 dias 0% Ter 03/01/ Forma 90 dias 0% Ter 03/01/ Aplicação 35 dias 0% Ter 18/04/ Reforço nos trechos 1,2,4,5 (Seção mista até 2m) 489 dias 0% Seg 14/09/ Reforço nos trechos 5 (Seção mista até 2m) 50 dias 0% Seg 14/09/ Reforço seção mista até 2m dos apoios (Viga seção I ref. chapa de fundo pós grout) 30 dias 0% Seg 14/09/ Montagem de estrutura metálica (mesa superior 150mm x 25mm, alma de 200mm 30 x dias 16mm, mesa 0% inferior 250mm Seg 14/09/15 x 25mm) 214 Reforço dos enrijecedores de apoio (pilares de todos apoios trecho 1,2,4,5) 20 dias 0% Seg 26/10/ Montagem de perfil L 20 dias 0% Seg 26/10/ Reforço nos trechos 4 (Seção mista até 2m) 50 dias 0% Qui 07/04/ Reforço seção mista até 2m dos apoios (Viga seção I ref. chapa de fundo pós grout) 30 dias 0% Qui 07/04/ Montagem de estrutura metálica (mesa superior 150mm x 25mm, alma de 200mm 30 x dias 16mm, mesa 0% inferior 250mm Qui 07/04/16 x 25mm) 219 Reforço dos enrijecedores de apoio (pilares de todos apoios trecho 1,2,4,5) 20 dias 0% Qui 19/05/ Montagem de perfil L 20 dias 0% Qui 19/05/ Reforço nos trechos 3 (Seção mista até 2m) 18 dias 0% Qui 18/08/ Reforço seção mista até 2m dos apoios (Viga seção I ref. chapa de fundo pós grout) 10 dias 0% Qui 18/08/ Montagem de estrutura metálica (mesa superior 150mm x 25mm, alma de 200mm 10 x dias 16mm, mesa 0% inferior 250mm Qui 18/08/16 x 25mm) 224 Reforço dos enrijecedores de apoio (pilares de todos apoios trecho 1,2,4,5) 8 dias 0% Qui 01/09/ Montagem de perfil L 8 dias 0% Qui 01/09/ Reforço nos trechos 2 (Seção mista até 2m) 50 dias 0% Ter 28/02/ Reforço seção mista até 2m dos apoios (Viga seção I ref. chapa de fundo pós grout) 30 dias 0% Ter 28/02/ Montagem de estrutura metálica (mesa superior 150mm x 25mm, alma de 200mm 30 x dias 16mm, mesa 0% inferior 250mm Ter 28/02/17 x 25mm) 229 Reforço dos enrijecedores de apoio (pilares de todos apoios trecho 1,2,4,5) 20 dias 0% Ter 11/04/ Montagem de perfil L 20 dias 0% Ter 11/04/ Reforço nos trechos 1 (Seção mista até 2m) 50 dias 0% Sex 19/05/ Reforço seção mista até 2m dos apoios (Viga seção I ref. chapa de fundo pós grout) 30 dias 0% Sex 19/05/ Montagem de estrutura metálica (mesa superior 150mm x 25mm, alma de 200mm 30 x dias 16mm, mesa 0% inferior 250mm Sex 19/05/17 x 25mm) 234 Reforço dos enrijecedores de apoio (pilares de todos apoios trecho 1,2,4,5) 20 dias 0% Sex 30/06/ Montagem de perfil L 20 dias 0% Sex 30/06/ Reforço nos trechos 1,2,3,4,5 486 dias 0% Seg 09/11/ Troca do aparelho de apoio P1 26 dias 0% Seg 09/11/ Montagem de estrutura de apoio para execução de atividades (viga deslizante / andaime 15 dias / plataformas) 0% Seg 09/11/ Travamento e estabilização dos pilares 10 dias 0% Seg 30/11/ Troca do apoio Elevação - macaqueamento da ponte 1 dia 0% Seg 14/12/15 do projeto externa Página 5

6 241 Troca do aparelho de apoio P10 26 dias 0% Ter 15/12/ Montagem de estrutura de apoio para execução de atividades (viga deslizante / andaime 15 dias / plataformas) 0% Ter 15/12/ Travamento e estabilização dos pilares 10 dias 0% Ter 05/01/ Troca do apoio Elevação - macaqueamento da ponte 1 dia 0% Ter 19/01/ Troca do aparelho de apoio P11 26 dias 0% Qui 19/05/ Montagem de estrutura de apoio para execução de atividades (viga deslizante / andaime 15 dias / plataformas) 0% Qui 19/05/ Travamento e estabilização dos pilares 10 dias 0% Qui 09/06/ Troca do apoio Elevação - macaqueamento da ponte 1 dia 0% Qui 23/06/ Troca do aparelho de apoio P20 26 dias 0% Sex 24/06/ Montagem de estrutura de apoio para execução de atividades (viga deslizante / andaime 15 dias / plataformas) 0% Sex 24/06/ Travamento e estabilização dos pilares 10 dias 0% Sex 15/07/ Troca do apoio Elevação - macaqueamento da ponte 1 dia 0% Sex 29/07/ Troca do aparelho de apoio P23 26 dias 0% Ter 13/12/ Montagem de estrutura de apoio para execução de atividades (viga deslizante / andaime 15 dias / plataformas) 0% Ter 13/12/ Travamento e estabilização dos pilares 10 dias 0% Ter 03/01/ Troca do apoio Elevação - macaqueamento da ponte 1 dia 0% Ter 17/01/ Troca do aparelho de apoio P33 26 dias 0% Qua 18/01/ Montagem de estrutura de apoio para execução de atividades (viga deslizante / andaime 15 dias / plataformas) 0% Qua 18/01/ Travamento e estabilização dos pilares 10 dias 0% Qua 08/02/ Troca do apoio Elevação - macaqueamento da ponte 1 dia 0% Qua 22/02/ Troca do aparelho de apoio P35 26 dias 0% Sex 07/07/ Montagem de estrutura de apoio para execução de atividades (viga deslizante / andaime 15 dias / plataformas) 0% Sex 07/07/ Travamento e estabilização dos pilares 10 dias 0% Sex 28/07/ Troca do apoio Elevação - macaqueamento da ponte 1 dia 0% Sex 11/08/ Troca do aparelho de apoio P41 26 dias 0% Seg 14/08/ Montagem de estrutura de apoio para execução de atividades (viga deslizante / andaime 15 dias / plataformas) 0% Seg 14/08/ Travamento e estabilização dos pilares 10 dias 0% Seg 04/09/ Troca do apoio Elevação - macaqueamento da ponte 1 dia 0% Seg 18/09/ Superestrutura Ferroviária - Recuperação 60 dias 0% Sex 28/07/ Junta de dilatação metálica rodoferroviária 60 dias 0% Sex 28/07/ Preparação de sede para instalação da junta metálica 30 dias 0% Sex 28/07/ Junta/dispositivo em pente metálico 30 dias 0% Sex 08/09/ Superestrutura Rodoviária - Reforço 577 dias 0% Qua 22/04/ Reforço da diagonal e travessa das mãos francesas do trecho 1,2,4, dias 0% Qua 22/04/ Montagem de chapas metálicas 500 dias 0% Qua 22/04/ Reforço da diagonal e travessa das mãos francesas do trecho dias 0% Qua 22/03/ Montagem de chapas metálicas 77 dias 0% Qua 22/03/ Superestrutura Rodoviária - Recuperação 155 dias 0% Ter 13/12/ Juntas de dilatação e/ ou vedação 155 dias 0% Ter 13/12/ Trecho 1 31 dias 0% Ter 13/12/ Execução de lábio Polimérico 2,5x3,0cm (reforço de bordas) para aplicação de junta Jeene 15 dias 0% Ter 13/12/ Preparação de sede para aplicação de junta Jeene 15 dias 0% Ter 03/01/ Instalação de junta elástica Jeene 1 dia 0% Ter 24/01/ Trecho 2 31 dias 0% Qua 25/01/ Execução de lábio Polimérico 2,5x3,0cm (reforço de bordas) para aplicação de junta Jeene 15 dias 0% Qua 25/01/ Preparação de sede para aplicação de junta Jeene 15 dias 0% Qua 15/02/ Instalação de junta elástica Jeene 1 dia 0% Qua 08/03/ Trecho 3 31 dias 0% Qui 09/03/17 do projeto externa Página 6

7 289 Execução de lábio Polimérico 2,5x3,0cm (reforço de bordas) para aplicação de junta Jeene 15 dias 0% Qui 09/03/ Preparação de sede para aplicação de junta Jeene 15 dias 0% Qui 30/03/ Instalação de junta elástica Jeene 1 dia 0% Qui 20/04/ Trecho 4 31 dias 0% Sex 21/04/ Execução de lábio Polimérico 2,5x3,0cm (reforço de bordas) para aplicação de junta Jeene 15 dias 0% Sex 21/04/ Preparação de sede para aplicação de junta Jeene 15 dias 0% Sex 12/05/ Instalação de junta elástica Jeene 1 dia 0% Sex 02/06/ Trecho 5 31 dias 0% Seg 05/06/ Execução de lábio Polimérico 2,5x3,0cm (reforço de bordas) para aplicação de junta Jeene 15 dias 0% Seg 05/06/ Preparação de sede para aplicação de junta Jeene 15 dias 0% Seg 26/06/ Instalação de junta elástica Jeene 1 dia 0% Seg 17/07/ Drenagem 577 dias 0% Qua 22/04/ Recuperação de coletores (buzinotes) 577 dias 0% Qua 22/04/ Instalação de tubulação de PVC 577 dias 0% Qua 22/04/ Recuperação de Pavimentação (CBUQ) 96 dias 0% Sex 07/07/ Trecho 1 21 dias 0% Sex 07/07/ Escarifricação de pavimento e CBUQ existente 16 dias 0% Sex 07/07/ Aplicação ne nova camada de CBUQ 5 dias 0% Seg 31/07/ Trecho 2 21 dias 0% Seg 07/08/ Escarifricação de pavimento e CBUQ existente 16 dias 0% Seg 07/08/ Aplicação ne nova camada de CBUQ 5 dias 0% Ter 29/08/ Trecho 3 12 dias 0% Ter 05/09/ Escarifricação de pavimento e CBUQ existente 9 dias 0% Ter 05/09/ Aplicação ne nova camada de CBUQ 3 dias 0% Seg 18/09/ Trecho 4 21 dias 0% Qui 21/09/ Escarifricação de pavimento e CBUQ existente 16 dias 0% Qui 21/09/ Aplicação ne nova camada de CBUQ 5 dias 0% Sex 13/10/ Trecho 5 21 dias 0% Sex 20/10/ Escarifricação de pavimento e CBUQ existente 16 dias 0% Sex 20/10/ Aplicação ne nova camada de CBUQ 5 dias 0% Seg 13/11/ Sinalização viária vertical e horizontal 31 dias 0% Sex 13/10/ Sinalização viária horizontal 5 dias 0% Seg 20/11/ Sinalização viária vertical 31 dias 0% Sex 13/10/ Instalações elétricas 102 dias 0% Sex 07/07/ Preparo e instalações elétricas 102 dias 0% Sex 07/07/ Serviços complementares 40 dias 0% Ter 03/10/ Limpeza da obra 40 dias 0% Ter 03/10/ Desmobilização 60 dias 0% Ter 28/11/ Desmobilização de pessoal e equipemantos 60 dias 0% Ter 28/11/17 do projeto externa Página 7

Manutenção da Ponte Tocantins Estrada de Ferro Carajás / Km 724 + 806 - Marabá / PA

Manutenção da Ponte Tocantins Estrada de Ferro Carajás / Km 724 + 806 - Marabá / PA Manutenção da Ponte Tocantins Estrada de Ferro Carajás / Km 724 + 806 - Marabá / PA Introdução A Vale é a empresa que mais investe em logística no Brasil. Ao longo dos anos, temos trabalhado para aprimorar

Leia mais

Área1 0,60 Forma1 2,87 Área2 0,47 Forma2 3,09 Dist1 2,90 Dist2 2,00 Dist3 16,00. Volume Concreto Fck = 35 MPa 41,01 m³ Peso de 1 Viga 25,63 Ton

Área1 0,60 Forma1 2,87 Área2 0,47 Forma2 3,09 Dist1 2,90 Dist2 2,00 Dist3 16,00. Volume Concreto Fck = 35 MPa 41,01 m³ Peso de 1 Viga 25,63 Ton AMPLIAÇÃO DA PONTE SOBRE O RIO PONTAL I DADOS: Vão da Ponte: 42,15 m Seção Existente 10,10 m Seção Nova 14,80 m Nº de tramos 2,00 und SUPERESTRUTURA VIGAS LONGARINAS A SEREM IMPLANTADAS (20,90 m) Área1

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL REI PREFEITURA DE CAMPUS - SETOR DE OBRAS COMPOSIÇÃO DO BDI PARA OBRA DE CONSTRUÇÃO DO PRÉDIO DO CAMAT - 1ª etapa

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL REI PREFEITURA DE CAMPUS - SETOR DE OBRAS COMPOSIÇÃO DO BDI PARA OBRA DE CONSTRUÇÃO DO PRÉDIO DO CAMAT - 1ª etapa UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL REI PREFEITURA DE CAMPUS - SETOR DE OBRAS COMPOSIÇÃO DO BDI PARA OBRA DE CONSTRUÇÃO DO PRÉDIO DO CAMAT - 1ª etapa (BÔNUS E DESPESAS INDIRETAS) Itens de valor percentual

Leia mais

A B Emissão Inicial VTF ACF ACF UNN 16/01/14. B B Incluído item 5 VTF ACF ACF UNN 21/01/14. 0 C Aprovado Vale VTF ACF ACF UNN 30/01/14

A B Emissão Inicial VTF ACF ACF UNN 16/01/14. B B Incluído item 5 VTF ACF ACF UNN 21/01/14. 0 C Aprovado Vale VTF ACF ACF UNN 30/01/14 PROJETO L448/9 REFORÇO ESTRUTURAL - 1/12 REVISÕES TE: TIPO EMISSÃO A - PRELIMINAR B - PARA APROVAÇÃO C - PARA CONHECIMENTO D - PARA COTAÇÃO E - PARA CONSTRUÇÃO F - CONFORME COMPRADO G - CONFORME CONSTRUÍDO

Leia mais

AMPLIAÇÃO DA PONTE SOBRE O RIO PONTAL I DADOS: Vão da Ponte: 42,15 m Seção Existente 10,10 m Seção Nova 14,80 m Nº de tramos 2,00 und SUPERESTRUTURA

AMPLIAÇÃO DA PONTE SOBRE O RIO PONTAL I DADOS: Vão da Ponte: 42,15 m Seção Existente 10,10 m Seção Nova 14,80 m Nº de tramos 2,00 und SUPERESTRUTURA AMPLIAÇÃO DA PONTE SOBRE O RIO PONTAL I DADOS: Vão da Ponte: 42,15 m Seção Existente 10,10 m Seção Nova 14,80 m Nº de tramos 2,00 und SUPERESTRUTURA VIGAS LONGARINAS A SEREM IMPLANTADAS (20,90 m) Área1

Leia mais

SISTEMA DE TRATAMENTO DE ÁGUA DE LAVAGEM DE FILTROS E LODO DE ETA DO MUNICÍPIO DE ITAPIRA-SP PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

SISTEMA DE TRATAMENTO DE ÁGUA DE LAVAGEM DE FILTROS E LODO DE ETA DO MUNICÍPIO DE ITAPIRA-SP PLANILHA ORÇAMENTÁRIA ITEM INSTITUIÇÃO VALOR VALOR UN. VALOR DESCRIÇÃO UNID QUANT CÓDIGO (UNITÁRIO) BDI 25% TOTAL Sistema de Recuperação de Águas de Lavagem dos Filtros e Sedimentabilidade dos Sólidos - ALVENARIA 1 SERVIÇOS

Leia mais

TechCon - Engenharia e Consultoria Ltda.

TechCon - Engenharia e Consultoria Ltda. Projetos e Consultoria em Estruturas Offshore Elaboração de Projetos de Içamento Offshore e Cursos conforme API A TechCon Engenharia e Consultoria elabora projetos e consultoria em içamento offshore para

Leia mais

O MELHOR PROJETO DE FUNDAÇÕES?

O MELHOR PROJETO DE FUNDAÇÕES? O MELHOR PROJETO DE FUNDAÇÕES? Sob a ótica do... Projetista estrutural Consultor de fundações Executor das fundações Equipe de obra Gerenciador da obra Proprietário da obra Empreendedor/investidor Órgãos

Leia mais

PONTE ESTAIADA SOBRE O RIO NEGRO

PONTE ESTAIADA SOBRE O RIO NEGRO SRMM Secretaria de Desenvolvimento Sustentável da Região Metropolitana de Manaus UGPSUL Unidade Gestora do Programa de Desenvolvimento e Integração da Região Sul da Cidade de Manaus PONTE ESTAIADA SOBRE

Leia mais

IMPORTÂNCIA ECONÔMICA. Objetivo: O que são? Fundações. O que são? FUNDAÇÕES. Classificação

IMPORTÂNCIA ECONÔMICA. Objetivo: O que são? Fundações. O que são? FUNDAÇÕES. Classificação PCC-2435 ecnologia da Construção de Edifícios I FUNDAÇÕES AULAS 5 e 6 DEPARAMENO DE ENGENHARIA DE CONSRUÇÃO CIVIL PCC 2435 - ecnologia da Construção de Edifícios I Profs. Luiz Sergio Franco, Mercia M.

Leia mais

TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO

TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO Curso Técnico de Edificações Profª Engª Civil Alexandra Müller Barbosa EMENTA Estudos de procedimentos executivos: Estruturas portantes, Elementos vedantes, Coberturas, Impermeabilização,

Leia mais

ESTACAS HÉLICE CONTÍNUA, PROVAS DE CARGA ESTÁTICA e ENSAIOS DINÂMICOS. Eng. Marcio Abreu de Freitas GEOFIX FUNDAÇÕES

ESTACAS HÉLICE CONTÍNUA, PROVAS DE CARGA ESTÁTICA e ENSAIOS DINÂMICOS. Eng. Marcio Abreu de Freitas GEOFIX FUNDAÇÕES 1 ESTACAS HÉLICE CONTÍNUA, PROVAS DE CARGA ESTÁTICA e ENSAIOS DINÂMICOS Eng. Marcio Abreu de Freitas GEOFIX FUNDAÇÕES 2 ÍNDICE: 1) Estacas Hélice Continua 2) Provas de Carga Estática 3) Ensaios Dinâmicos

Leia mais

ANEXO I - MEMORIAL DESCRITIVO

ANEXO I - MEMORIAL DESCRITIVO ANEXO I - MEMORIAL DESCRITIVO RAMPA NAÚTICA DE ARAGARÇAS-GO O presente memorial descritivo tem por objetivo fixar normas específicas para CONSTRUÇÃO DE UMA RAMPA NAÚTICA - RIO ARAGUAIA, em área de 3.851,89

Leia mais

2013 2014 2015 2016 2017 J J A S O N D J F M A M J J A S O N D J F M A M J J A S O N D J F M A M J J A S O N D J F M A M J J 01/07

2013 2014 2015 2016 2017 J J A S O N D J F M A M J J A S O N D J F M A M J J A S O N D J F M A M J J A S O N D J F M A M J J 01/07 ESTALEIRO EISA ALAGOAS S.A. - CRONOGRMA DE CONSTRUÇÃO 45,96 meses 1 LICENÇA AMBIENTAL 29,51 meses 1.1 LICENÇA PRÉVIA 0 meses 1.2 LICENÇA DE INSTALAÇÃO 5,33 meses 1.2.1 PROJETOS EXECUTIVOS 4 meses 1.2.2

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO RELATIVO AOS SERVIÇOS DE RECUPERAÇÃO E AMPLIAÇÃO DA PONTE SOBRE O RIO PULADOR

MEMORIAL DESCRITIVO RELATIVO AOS SERVIÇOS DE RECUPERAÇÃO E AMPLIAÇÃO DA PONTE SOBRE O RIO PULADOR MEMORIAL DESCRITIVO RELATIVO AOS SERVIÇOS DE RECUPERAÇÃO E AMPLIAÇÃO DA PONTE SOBRE O RIO PULADOR O presente memorial destina-se a descrever os serviços e materiais a serem utilizados na recuperação da

Leia mais

VALOR (R$) - c/ BDI 12.675.927,42 74,64% 15.818.304,02 74,67% 4.307.581,46 25,36% 5.366.018,71 25,33% 16.983.508,88 21.184.322,73

VALOR (R$) - c/ BDI 12.675.927,42 74,64% 15.818.304,02 74,67% 4.307.581,46 25,36% 5.366.018,71 25,33% 16.983.508,88 21.184.322,73 LOCAL OBRA : RIO VERDE : CANALIZAÇÃO E PISTAS MARGINAIS - CÓRREGO SAPO R E S U M O D O O R Ç A M E N T O SERVIÇO VALOR (R$) - s/ % VALOR (R$) - c/ % 1.0 - CANAL 1.1 - TERRAPLENAGEM... 5.269.441,44 31,03%

Leia mais

3ª ETAPA DE CONCESSÕES RODOVIÁRIAS - FASE 1

3ª ETAPA DE CONCESSÕES RODOVIÁRIAS - FASE 1 BNDES 3ª ETAPA DE CONCESSÕES RODOVIÁRIAS - FASE 1 Sistema Rodoviário Federal - Minas Gerais GO BA DISTRITO FEDERAL MINAS GERAIS GOIÁS BR 116 BR 040 BR 381 ES PROJETO TRECHO NORTE BR-381 SP RJ Produto 3B

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA DE GESTÃO DE EMPREENDIMENTOS - TE DEPARTAMENTO DE VALORAÇAO PARA EMPREENDIMENTOS - TEV

SUPERINTENDÊNCIA DE GESTÃO DE EMPREENDIMENTOS - TE DEPARTAMENTO DE VALORAÇAO PARA EMPREENDIMENTOS - TEV COMPANHIA DE SANEAMENTO BÁSICO DO ESTADO DE SÃO PAULO SABESP BANCO DE PREÇOS DE OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA BRO/2011 SUPERINTENDÊNCIA DE GESTÃO DE EMPREENDIMENTOS - TE DEPARTAMENTO DE VALORAÇAO PARA

Leia mais

QUESTIONAMENTO 03 Vide Respostas abaixo

QUESTIONAMENTO 03 Vide Respostas abaixo QUESTIONAMENTO 03 Vide Respostas abaixo Seguem os pontos para os quais foram solicitados esclarecimentos: Referente ao CGC: 1) CGC item 1.13 Quanto ao item 1.13 do CGC, a alínea (a) informa que o CONTRATANTE

Leia mais

CONSÓRCIO ETDI RNEST

CONSÓRCIO ETDI RNEST CONSÓRCIO ETDI RNEST O CONSÓRCIO ETDI - RNEST O Consórcio é formado por duas empresas: EGESA Engenharia: Com forte atuação no mercado de construção civil pesada, com obras nos mais diversos estados brasileiros,

Leia mais

Câmara Municipal de Itajubá

Câmara Municipal de Itajubá . - ÁREA EXTERNA 1.0 SERVIÇOS PRELIMINARES R$ 35.063,79 PLACA DA OBRA DE ACORDO COM A LEI MUNICIPAL Nº. 2551 DE 06/07/2005, IIO-PLA-005 1.1 MODELO REFERÊNCIA PMI/SEMUP, INCLUSIVE O FORNECIMENTO, UNID 1,00

Leia mais

E S T A D O D O M A T O G R O S S O. Prefeitura Municipal de Jaciara

E S T A D O D O M A T O G R O S S O. Prefeitura Municipal de Jaciara MEMORIAL DESCRITIVO REDE CEGONHA - HOSPITAL MUNICIPAL JACIARA/MT O presente memorial descritivo define diretrizes referentes à reforma do espaço destinado a Programa REDE CEGONHA no Hospital Municipal

Leia mais

17:46. Departamento de Construção Civil FUNDAÇÕES INDIRETAS MOLDADAS IN LOCO (PARTE 2)

17:46. Departamento de Construção Civil FUNDAÇÕES INDIRETAS MOLDADAS IN LOCO (PARTE 2) FUNDAÇÕES INDIRETAS MOLDADAS IN LOCO (PARTE 2) Prof. Dr. Marcelo Medeiros Grupo de Materiais de Construção Versão 2013 1 Fundações indiretas profundas 1. Pré-moldadas 2. Moldadas in loco Prof. Dr. Marcelo

Leia mais

TEC 159 TECNOLOGIA DAS CONSTRUÇÕES I

TEC 159 TECNOLOGIA DAS CONSTRUÇÕES I TEC 159 TECNOLOGIA DAS CONSTRUÇÕES I Aula 9 Fundações Parte 1 Cristóvão C. C. Cordeiro O que são? São elementos estruturais cuja função é a transferência de cargas da estrutura para a camada resistente

Leia mais

PLANILHA DE ORÇAMENTO PARA OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA

PLANILHA DE ORÇAMENTO PARA OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA MUNICÍPIO: INDAIAL PLANILHA DE ORÇAMENTO PARA OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA PROJETO: PAVIMENTAÇÃO INTERTRAVADA COM BLOCO DE CONCRETO LOCALIZAÇÃO: TRECHO: RUA MINAS GERAIS (EST. 0+00 PP) AO PARQUE MUNICIPAL

Leia mais

Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária Orçamento: LICITANTE- ARAGUAIA ENGENHARIA LTDA. DIRETORIA DE ENGENHARIA E MEIO AMBIENTE

Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária Orçamento: LICITANTE- ARAGUAIA ENGENHARIA LTDA. DIRETORIA DE ENGENHARIA E MEIO AMBIENTE Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária Orçamento: Folha: LICITANTE- ARAGUAIA ENGENHARIA LTDA. DIRETORIA DE ENGENHARIA E MEIO AMBIENTE GL.04/105.91/00816/02 Data de Emissão: SUPERINTENDÊNCIA

Leia mais

DIRETORIA DE ENGENHARIA - DEN

DIRETORIA DE ENGENHARIA - DEN 01 CANTEIRO DE OBRAS 0,00 CANTEIRO DE OBRAS EM BARRACÃO PARA ESCRITÓRIO TIPO A5, CONSTANDO DE CERCA DE 6 FIOS, BARRACÃO ABERTO, SANITÁRIOS E CHUVEIROS, REFEITÓRIO, ALOJAMENTO E MOBILIZAÇÃO E 01.01 DESMOBILIZAÇÃO

Leia mais

ESTACAS HÉLICE CONTÍNUA, PROVAS DE CARGA ESTÁTICA e ENSAIOS DINÂMICOS. Eng. Marcio Abreu de Freitas GEOFIX FUNDAÇÕES

ESTACAS HÉLICE CONTÍNUA, PROVAS DE CARGA ESTÁTICA e ENSAIOS DINÂMICOS. Eng. Marcio Abreu de Freitas GEOFIX FUNDAÇÕES 1 ESTACAS HÉLICE CONTÍNUA, PROVAS DE CARGA ESTÁTICA e ENSAIOS DINÂMICOS Eng. Marcio Abreu de Freitas GEOFIX FUNDAÇÕES 2 ÍNDICE: 1) Estacas Hélice Continua 2) Provas de Carga Estática 3) Ensaios Dinâmicos

Leia mais

FS-06. Fossa séptica. Componentes. Código de listagem. Atenção. FS-06-01 (L=3,00m) FS-06-02 (L=3,80m) FS-06-03 (L=5,40m) 01 27/12/10

FS-06. Fossa séptica. Componentes. Código de listagem. Atenção. FS-06-01 (L=3,00m) FS-06-02 (L=3,80m) FS-06-03 (L=5,40m) 01 27/12/10 - -03 1/5 - -03 2/5 - -03 3/5 - -03 4/5 DESCRIÇÃO Constituintes Lastro de concreto magro, traço 1:4:8, cimento, areia e brita. Fundo e vigas de concreto armado, moldados in loco: - Fôrmas de tábuas de

Leia mais

FATEC - SP Faculdade de Tecnologia de São Paulo. ESTACAS DE CONCRETO PARA FUNDAÇÕES - carga de trabalho e comprimento

FATEC - SP Faculdade de Tecnologia de São Paulo. ESTACAS DE CONCRETO PARA FUNDAÇÕES - carga de trabalho e comprimento FATEC - SP Faculdade de Tecnologia de São Paulo ESTACAS DE CONCRETO PARA FUNDAÇÕES - carga de trabalho e comprimento Prof. Manuel Vitor Curso - Edifícios ESTACAS PRÉ-MOLDADAS DE CONCRETO NBR 6122/1996

Leia mais

Fundações Indiretas. Tipos de Fundações. Fundações Indiretas. Tipos de fundações

Fundações Indiretas. Tipos de Fundações. Fundações Indiretas. Tipos de fundações Universidade Federal do Espírito Santo Centro Tecnológico Departamento de Engenharia Civil Tecnologia da Construção Civil I Tipos de fundações Profa. Geilma Lima Vieira geilma.vieira@gmail.com Tipos de

Leia mais

IMPERMEABILIZAÇÃO EM EDIFICAÇÕES

IMPERMEABILIZAÇÃO EM EDIFICAÇÕES IMPERMEABILIZAÇÃO EM EDIFICAÇÕES Necessidade da impermeabilização Introdução a Impermeabilização Projeto de impermeabilização Execução de impermeabilização 1 - A NECESSIDADE DA IMPERMEABILIZAÇÃO Problemas

Leia mais

Definições. Armação. Armação ou Armadura? Armação: conjunto de atividades relativas à preparação e posicionamento do aço na estrutura.

Definições. Armação. Armação ou Armadura? Armação: conjunto de atividades relativas à preparação e posicionamento do aço na estrutura. Definições Armação ou Armadura? Armação: conjunto de atividades relativas à preparação e posicionamento do aço na estrutura. Armadura: associação das diversas peças de aço, formando um conjunto para um

Leia mais

PRÉ-FABRICAÇÃO EM OBRAS DE ALVENARIA ESTRUTURAL

PRÉ-FABRICAÇÃO EM OBRAS DE ALVENARIA ESTRUTURAL PRÉ-FABRICAÇÃO EM OBRAS DE ALVENARIA ESTRUTURAL APRESENTAÇÃO REALIZAÇÃO A portoferraz... Ser referência no mercado imobiliário, desenvolvendo projetos que transformem a ocupação urbana, de maneira criativa

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO OBRA: PONTE MISTA DE 18,00M DE COMPRIMENTO E 4,20M DE LARGURA

MEMORIAL DESCRITIVO OBRA: PONTE MISTA DE 18,00M DE COMPRIMENTO E 4,20M DE LARGURA MEMORIAL DESCRITIVO OBRA: PONTE MISTA DE 18,00M DE COMPRIMENTO E 4,20M DE LARGURA LOCAL: PONTE DOS CÓRREGOS. OBJETIVO: O Objetivo principal deste Memorial é demonstrar e descrever todas e quaisquer informações

Leia mais

OBRAS DE TERRA MUROS DE ARRIMO OU DE CONTENÇÃO

OBRAS DE TERRA MUROS DE ARRIMO OU DE CONTENÇÃO OBRAS DE TERRA MUROS DE ARRIMO OU DE CONTENÇÃO CURSO: Engenharia Civil SÉRIE: 10º Semestre DISCIPLINA: Obras de Terra CARGA HORÁRIA SEMANAL: 02 aulas-hora CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 40 aulas-hora 1.DEFINIÇÕES

Leia mais

Catálogo de Produtos FÔRMAS E ESCORAMENTOS

Catálogo de Produtos FÔRMAS E ESCORAMENTOS Catálogo de Produtos FÔRMAS E ESCORAMENTOS Apresentação Fundada no ano de 000, a TEMEC Terra Maquinas Equipamentos e Construções LTDA é uma empresa especializada no fornecimento de Soluções de Engenharia

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO DE SERVIÇO

ESPECIFICAÇÃO DE SERVIÇO ESPECIFICAÇÃO DE SERVIÇO TUBULÕES A CÉU ABERTO Grupo de Serviço OBRAS D ARTE ESPECIAIS Código DERBA-ES-OAE-06/01 1. OBJETIVO Esta especificação de serviço define os critérios que orientam a cravação e

Leia mais

FORMAS E ARMADURAS. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I

FORMAS E ARMADURAS. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I FORMAS E ARMADURAS Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I CUSTO DA ESTRUTURA (SABBATINI, et. Al, 2007) CUSTO DOS ELEMENTOS DA ESTRUTURA

Leia mais

Obras do Sistema de Esgotamento Sanitário Rondonópolis MT

Obras do Sistema de Esgotamento Sanitário Rondonópolis MT Obras do Sistema de Esgotamento Sanitário Rondonópolis MT Sistema Condominial de Esgotamento Sanitário Elmo Locatelli Ltda. PAC/BNDES BACIA C Jardim Esmeralda Vila Planalto Jardim Novo Horizonte BACIA

Leia mais

UTILIZAÇÃO DE GEOWEB COMO REFORÇO DE BASE PARA TRÁFEGO DE EQUIPAMENTOS SOBRE SOLO MOLE SÃO PAULO SP

UTILIZAÇÃO DE GEOWEB COMO REFORÇO DE BASE PARA TRÁFEGO DE EQUIPAMENTOS SOBRE SOLO MOLE SÃO PAULO SP UTILIZAÇÃO DE GEOWEB COMO REFORÇO DE BASE PARA TRÁFEGO DE EQUIPAMENTOS SOBRE SOLO MOLE SÃO PAULO SP Autor: Departamento Técnico - Atividade Bidim Distribuidor: Ramalho Comercial Ltda. PERÍODO 1998 Revisado

Leia mais

ESTADO DO PARÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE AUGUSTO CORRÊA C.N.P.J. 04.873.600/0001-15 PRAÇA SÃO MIGUEL Nº 60 CEP: 68610-000. Assunto:

ESTADO DO PARÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE AUGUSTO CORRÊA C.N.P.J. 04.873.600/0001-15 PRAÇA SÃO MIGUEL Nº 60 CEP: 68610-000. Assunto: Assunto: MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS PARA EXECUÇÃO DE PONTE EM CONCRETO ARMADO DE ACESSO A VILA DE PERIMIRIM EM AUGUSTO CORRÊA/PA. 1 MEMORIAL DESCRITIVO OBSERVAÇÕES GERAIS / LOCALIZAÇÃO

Leia mais

PLANILHA DE SERVIÇOS GERAIS DE OBRA

PLANILHA DE SERVIÇOS GERAIS DE OBRA 1 PRELIMINARES 1.1 Instalações do canteiro de obra vb 1,00 5.000,00 5.000,00 90,09 1.2 Placa de obra 2,00m x 3,00m, conforme orietações da administração vb 1,00 550,00 550,00 9,91 SUB TOTAL PRELIMINARES

Leia mais

2.5.1 Tecnologia de formas de madeira convencionais

2.5.1 Tecnologia de formas de madeira convencionais 34 2.5 Tecnologia empregada Nesta seção, inicialmente, serão expostas as nomenclaturas empregadas nas peças componentes das formas e escoramento em madeira, conforme a bibliografia descreve. A seguir,

Leia mais

Alta produtividade Engenharia de projetos Qualidade assegurada Certificado de garantia Sigilo industrial Confiabilidade.

Alta produtividade Engenharia de projetos Qualidade assegurada Certificado de garantia Sigilo industrial Confiabilidade. Há mais de 46 anos no mercado, a Torcisão iniciou as suas atividades no desenvolvimento de materiais para a indústria automobilística, que exigia um rigoroso controle técnico e de qualidade. Em 2006, com

Leia mais

Ministério da Educação Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação - FNDE Coordenação Geral de Infraestrutural Educacional CGEST

Ministério da Educação Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação - FNDE Coordenação Geral de Infraestrutural Educacional CGEST Ministério da Educação Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação - FNDE Coordenação Geral de Infraestrutural Educacional CGEST MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO PADRÃO PARA QUADRA POLIESPORTIVA COBERTA COM

Leia mais

SOBRE A TABELA DE CUSTOS:

SOBRE A TABELA DE CUSTOS: SOBRE A TABELA DE CUSTOS: As composições de custos unitários de serviços aqui apresentadas integram o banco de dados de composições genéricas da PINI resumido no livro TCPO14 - Tabelas de Composições de

Leia mais

FATEC - SP Faculdade de Tecnologia de São Paulo

FATEC - SP Faculdade de Tecnologia de São Paulo FATEC - SP Faculdade de Tecnologia de São Paulo Disciplina: EXECUÇÃO DA ESTRUTURA DE CONCRETO professor: Manuel Vitor critério de avaliação: (P1 + P2)/2 + 0,2xSemin. Programa: - leitura, interpretação

Leia mais

SUPORTE TÉCNICO SOBRE LIGHT STEEL FRAME

SUPORTE TÉCNICO SOBRE LIGHT STEEL FRAME Sistema de ds A SOLUÇÃO INTELIGENTE PARA A SUA OBRA SUPORTE TÉCNICO SOBRE LIGHT STEEL FRAME www.placlux.com.br VOCÊ CONHECE O SISTEMA CONSTRUTIVO LIGHT STEEL FRAME? VANTAGENS LIGHT STEEL FRAME MENOR CARGA

Leia mais

TRABALHO PRÁTICO. Objetivo: acompanhamento da execução de uma obra de um edifício.

TRABALHO PRÁTICO. Objetivo: acompanhamento da execução de uma obra de um edifício. TRABALHO PRÁTICO Objetivo: acompanhamento da execução de uma obra de um edifício. Grupos: grupos de TRÊS ou QUATRO participantes, necessariamente todos da mesma turma (Turma AC - manhã e Turma BD - tarde

Leia mais

DINOP / CENOP LOGÍSTICA CURITIBA (PR) ESCLARECIMENTO N.º 03

DINOP / CENOP LOGÍSTICA CURITIBA (PR) ESCLARECIMENTO N.º 03 Curitiba, 12 de Dezembro de 2014. DINOP / CENOP LOGÍSTICA CURITIBA (PR) ESCLARECIMENTO N.º 03 TOMADA DE PREÇOS 2014/15001(7419) - Contratação de reforma, sem ampliação, incluindo pavimentação, alvenaria,

Leia mais

TOTAL GERAL OBRAS CIVIS COM BDI MÉDIO INDICADO PELO TCU CONFORME TABELA 17 DA RESOLUÇÃO TC 025.990/2008-2 (24,50%) 100,00% 2.046.

TOTAL GERAL OBRAS CIVIS COM BDI MÉDIO INDICADO PELO TCU CONFORME TABELA 17 DA RESOLUÇÃO TC 025.990/2008-2 (24,50%) 100,00% 2.046. DE PARTE DOS BLOCOS "SALAS DE AULA", "CENTRO DE LIDERANÇA" E "ALOJAMENTO PROFESSORES - BLOCO 6" NA ESCOLA SESC DE ENSINO MÉDIO ITEM DISCRIMINAÇÃO % DO TOTAL PREÇO TOTAL 01 SERVIÇOS PRELIMINARES 26,56%

Leia mais

Estaca Strauss CONCEITO

Estaca Strauss CONCEITO CONCEITO A estaca Strauss é uma fundação de concreto (simples ou armado), moldada no local e executada com revestimento metálico recuperável. Pode ser empregada em locais confinados ou terrenos acidentados,

Leia mais

ÍNDICE. ... 26 5.3.2.2.Qualidade do Ar... 27 5.3.2.3.Nível de Ruído... 28

ÍNDICE. ... 26 5.3.2.2.Qualidade do Ar... 27 5.3.2.3.Nível de Ruído... 28 ÍNDICE I 1.APRESENTAÇÃO... 1 2.IDENTIFICAÇÃO DO EMPREENDEDOR, CONSTRUTOR E CONSULTORES...... 3 2.1.Empreendedor... 3 2.2.Construtor... 3 2.3.Consultorias Ambientais... 3 3.EQUIPE TÉCNICA... 4 3.1.Coordenadores...

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS ANEXO I REFERENTE AO EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS Nº 004/2013 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Página 1 de 10 Serviços de Terraplanagem na Subestação de Interligação à Rede Básica Construção de novo Bay de Saída

Leia mais

RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO

RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ COORDENAÇÃO DE ENGENHARIA CIVIL CAMPUS CAMPO MOURÃO ENGENHARIA CIVIL ALLAN CARLOS DAMASCENO MARCHINI RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO Relatório de

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMAÇARISECRETARIA DA INFRAESTRUTURA

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMAÇARISECRETARIA DA INFRAESTRUTURA ITEM REFER. ESPECIFICAÇÕES UN QUANT P. UNIT. MELHORAMENTO, RECONSTRUÇÃO E REFORMA DO SISTEMA VIÁRIO NO DISTRITO DE ABRANTES. 1.0 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.0.1 ORSE 0004 1.0.2 1.1.4.27 1.0.3 SINAPI 12488

Leia mais

RELATÓRIO DE PROJETOS DE INVESTIMENTOS 2º TRIMESTRE DE 2009

RELATÓRIO DE PROJETOS DE INVESTIMENTOS 2º TRIMESTRE DE 2009 PSBJ- Programa de Saneamento da Barra da Tijuca, Jacarepaguá e Recreio dos Bandeirantes RELATÓRIO DE PROJETOS DE INVESTIMENTOS 2º TRIMESTRE DE 2009 As obras (tanto as concluídas quanto as em andamento)

Leia mais

APLICAÇÃO DE GEOWEB EM REVESTIMENTO DE CANAL AEROPORTO INTERNACIONAL GUARULHOS SP

APLICAÇÃO DE GEOWEB EM REVESTIMENTO DE CANAL AEROPORTO INTERNACIONAL GUARULHOS SP APLICAÇÃO DE GEOWEB EM REVESTIMENTO DE CANAL AEROPORTO INTERNACIONAL GUARULHOS SP Autor: Departamento Técnico - Atividade Bidim Distribuidor: Ramalho Comercial Ltda. PERÍODO 2006/2007 Revisado ABRIL 2011

Leia mais

MEMORIAL DE CÁLCULO DOS QUANTITATIVOS E DESCRITIVO ITEM COMP COMPOSIÇÃO DESCRIÇÃO UNID. CÁLCULO AUDITÓRIO TRECHO EXTERNO COBERTA 1

MEMORIAL DE CÁLCULO DOS QUANTITATIVOS E DESCRITIVO ITEM COMP COMPOSIÇÃO DESCRIÇÃO UNID. CÁLCULO AUDITÓRIO TRECHO EXTERNO COBERTA 1 Orçamento: 78 Tabela: SEINFRA CE VERSÃO 0. DESONERADA Data da Elaboração: 0/0/0 AUDITÓRIO TRECHO EXTERNO COBERTA..... C0 DEMOLIÇÃO DE CALHAS M.* SERVIÇOS AUXILIARES C LOCAÇÃO MENSAL DE ANDAIME METÁLICO

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO DE SERVIÇO

ESPECIFICAÇÃO DE SERVIÇO ESPECIFICAÇÃO DE SERVIÇO ESTACAS METÁLICAS Grupo de Serviço OBRAS D ARTE ESPECIAIS Código DERBA-ES-OAE-08/01 1. OBJETIVO Esta especificação de serviço define os critérios que orientam a utilização de estacas

Leia mais

ISF 219: PROJETO DE PASSARELA PARA PEDESTRES. O Projeto de passarela para pedestres será desenvolvido em duas fases:

ISF 219: PROJETO DE PASSARELA PARA PEDESTRES. O Projeto de passarela para pedestres será desenvolvido em duas fases: ISF 219: PROJETO DE PASSARELA PARA PEDESTRES 1. OBJETIVO Definir e especificar os serviços constantes do Projeto de Passarela para Pedestres em Projetos de Engenharia Ferroviária. 2. FASES DO PROJETO O

Leia mais

SUMÁRIO. 1 As máquinas possibilitam a construção 1. 4 Solos e rochas 94. 5 Equipamentos para compactação e estabilização do terreno 118

SUMÁRIO. 1 As máquinas possibilitam a construção 1. 4 Solos e rochas 94. 5 Equipamentos para compactação e estabilização do terreno 118 SUMÁRIO 1 As máquinas possibilitam a construção 1 Ser competitivo 1 A história dos equipamentos de construção 3 O setor da construção civil 10 Segurança 11 Os contratos de construção civil 13 O planejamento

Leia mais

REV MODIFICAÇÃO DATA PROJETISTA DESENHISTA APROVO. Desenhista: MARCOS HENRIQUE C. COELHO SITIO ÀREA DO SITIO ESTRUTURAL

REV MODIFICAÇÃO DATA PROJETISTA DESENHISTA APROVO. Desenhista: MARCOS HENRIQUE C. COELHO SITIO ÀREA DO SITIO ESTRUTURAL REV MODIFICAÇÃO DATA PROJETISTA DESENHISTA APROVO Coordenador: Contato: CREA/UF: Autor do Projeto Resp. Técnico: CREA/UF: Co-Autor: CREA/UF: MARGARET SIEGLE 4522D/ES HELTON DE B. COUTINHO 5058D/ES MARCOS

Leia mais

PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA

PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA Parede de Concreto 29/04/2015 1 PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA OBJETIVO - reduzir o déficit habitacional 2009 MCMV Início do Programa 2010 MCMV I 1.000.000 de unid. contratadas 2011/14 MCMV II 2.400.000

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DA FAIXA DE DOMÍNIO Autorização para Implantação de Ductos para Petróleo, Combustíveis Derivados e Etanol.

ADMINISTRAÇÃO DA FAIXA DE DOMÍNIO Autorização para Implantação de Ductos para Petróleo, Combustíveis Derivados e Etanol. fls. 1/5 ÓRGÃO: DIRETORIA DE ENGENHARIA MANUAL: ADMINISTRAÇÃO DA FAIXA DE DOMÍNIO Autorização para Implantação de Ductos para Petróleo, Combustíveis Derivados e Etanol. PALAVRAS-CHAVE: Faixa de Domínio,

Leia mais

tecfix EP quartzolit Adesivo para ancoragem à base de resina epóxi Boletim Técnico tecfix EP quartzolit Pág. 1 de 7

tecfix EP quartzolit Adesivo para ancoragem à base de resina epóxi Boletim Técnico tecfix EP quartzolit Pág. 1 de 7 Pág. 1 de 7 Adesivo para ancoragem à base de resina epóxi 1. Descrição: Produto bicomponente, pré-dosado, à base de epóxi, isento de estireno e não retrátil, disposto em bisnaga com câmaras independentes,

Leia mais

Estado de Mato Grosso PREFEITURA MUNICIPAL DE PRIMAVERA DO LESTE Secretaria Municipal de Infraestrutura Departamento de Engenharia

Estado de Mato Grosso PREFEITURA MUNICIPAL DE PRIMAVERA DO LESTE Secretaria Municipal de Infraestrutura Departamento de Engenharia MEMORIAL DESCRITIVO CONSTRUÇÃO DE ROTATÓRIAS, CANTEIROS E FAIXAS ELEVADAS EM DIVERSAS VIAS PÚBLICAS DO MUNICÍPIO Local 1: BORGUETTI; Local 2: Local 3: - RUA DO COMÉRCIO, ENTRE AV. INÁCIO CASTELLI E RUA

Leia mais

Obras do Sistema de Esgotamento Sanitário Rondonópolis MT

Obras do Sistema de Esgotamento Sanitário Rondonópolis MT Obras do Sistema de Esgotamento Sanitário Rondonópolis MT Sistema Condominial de Esgotamento Sanitário Elmo Locatelli Ltda PAC/BNDES BACIA D-E Vila Olinda Instalações dos dispositivos de sinalização para

Leia mais

CONSTRUÇÃO - BLOCO DE PESQUISADORES - PAVIMENTO TÉRREO

CONSTRUÇÃO - BLOCO DE PESQUISADORES - PAVIMENTO TÉRREO ANEXO XII PLANILHA ORÇAMENTÁRIA PLANILHA DE ORÇAMENTO UNIDADE: Embrapa Algodão Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária- Embrapa Coordenadoria de Engenharia e Arquitetura-CEN/DRM OBRA: AMPLIAÇÃO DOS

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAPITÃO - RS

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAPITÃO - RS PREFEITURA MUNICIPAL DE CAPITÃO - RS CAPEAMENTO DIVERSAS RUAS LOCAL: CAPITÃO - RS RUAS EXTENSÃO (m) LARGURA (m) CONCORDÂNCIAS (m2) CANTEIRO (m2) ÁREA TOTAL (m2) RUA 20 DE JULHO 221,00 9,50 4,00 2.103,50

Leia mais

REBAIXAMENTO DO LENÇOL FREÁTICO

REBAIXAMENTO DO LENÇOL FREÁTICO Índice 1 Rebaixamento por Poços Injetores e Bombas Submersas 2 Método construtivo 3 Rebaixamento à Vácuo 4 Norma 5 Método construtivo 6 Equipe de trabalho 1 Rebaixamento Por Poços Rebaixamento por poços

Leia mais

CRONOGRAMA FÍSICO-FINANCEIRO

CRONOGRAMA FÍSICO-FINANCEIRO Serviço: 1ª FASE DO LABORATÓRIO DE ESCOAMENTOS DE MULTIFÁSICOS INDUSTRIAIS - ESTRUTURA E COBERTURA DATA: 9 de novembro de 2010 CRONOGRAMA FÍSICO-FINANCEIRO DESCRIÇÃO UNID. QUANT. PREÇO MAT. (UNIT.)(R$)

Leia mais

KODEC DO BRASIL SOLUÇÕES CONSTRUTIVAS

KODEC DO BRASIL SOLUÇÕES CONSTRUTIVAS CONSTRUTIVAS EDIÇÃO-1890-002 A CONSTRUTIVAS A solução e experiência aliadas em só lugar com grandes projetos executados em todo territorio nacional em obras de construção pesada desde infraestrutura, construção

Leia mais

Obras do Sistema de Esgotamento Sanitário Rondonópolis MT

Obras do Sistema de Esgotamento Sanitário Rondonópolis MT Obras do Sistema de Esgotamento Sanitário Rondonópolis MT Sistema Condominial de Esgotamento Sanitário Elmo LocatelliLtda PAC/OGU BACIA LUZ D AYARA Sinalização das ruas onde serão realizadas as escavações

Leia mais

Obras do Sistema de Esgotamento Sanitário Rondonópolis MT

Obras do Sistema de Esgotamento Sanitário Rondonópolis MT Obras do Sistema de Esgotamento Sanitário Rondonópolis MT Sistema Condominial de Esgotamento Sanitário Elmo Locatelli Ltda PAC/BNDES BACIA A Coletor Marechal Rondon BACIA D-E Parque Universitário Dispositivos

Leia mais

Blumenau, maio de 2010.

Blumenau, maio de 2010. INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE ORÇAMENTOS E CRONOGRAMAS Blumenau, maio de 2010. 1. RESUMO... 3 2. OBJETIVO... 3 3. INTRODUÇÃO... 3 4. COMPOSIÇÃO DO ORÇAMENTO... 4 4.1. SERVIÇOS PRELIMINARES/TÉCNICOS...

Leia mais

ESGOTAMENTO ESPECIFICAÇÕES OBJETIVO... 2 CONSIDERAÇÕES GERAIS... 2 CONSIDERAÇÕES ESPECÍFICAS... 2

ESGOTAMENTO ESPECIFICAÇÕES OBJETIVO... 2 CONSIDERAÇÕES GERAIS... 2 CONSIDERAÇÕES ESPECÍFICAS... 2 1/7 SUMÁRIO OBJETIVO... 2 CONSIDERAÇÕES GERAIS... 2 CONSIDERAÇÕES ESPECÍFICAS... 2 01 ESGOTAMENTO COM BOMBAS... 3 02 REBAIXAMENTO DE LENÇOL FREÁTICO COM PONTEIRAS FILTRANTES... 3 03 REBAIXAMENTO DE LENÇOL

Leia mais

MÉTODO/TÉCNICA CONSTRUTIVA

MÉTODO/TÉCNICA CONSTRUTIVA CONCEITO É uma estaca de pequeno diâmetro concretada in loco, cuja perfuração é realizada por rotação ou roto-percussão (no caso de rochas), em direção vertical ou inclinada. Utilizada para reforço de

Leia mais

DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTO

DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTO DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTO ANEXO II CRITÉRIOS DE MEDIÇÃO E PAGAMENTO RESERVATÓRIO APOIADO 1000 m³ BAIRRO DOM BOSCO 1 I - INTRODUÇÃO O presente documento estabelece o procedimento para o pagamento

Leia mais

Rebaixamento do Lençol Freático

Rebaixamento do Lençol Freático Rebaixamento do Lençol Freático Índice 1. Rebaixamento por Poços 2. Bombas Submersas 3. Rebaixamento à Vácuo 4. Norma 5. Método construtivo 6. Equipe de trabalho 1. Rebaixamento Por Poços Rebaixamento

Leia mais

Construção Civil I Execução de Fundações Indiretas

Construção Civil I Execução de Fundações Indiretas Construção Civil I Execução de Fundações Indiretas Estaca a Trado Rotativo O trado é cravado no solo por meio de um torque; Quando o trado está cheio, é sacado e retirado o solo; Quando a cota de assentamento

Leia mais

Departamento de Estradas e Rodagem de Minas Gerais

Departamento de Estradas e Rodagem de Minas Gerais Departamento de Estradas e Rodagem de Minas Gerais Diretoria de Infra-Estrutura Manual de Fiscalização de Obras e Vias Rurais Rodovia: Contrato: Lista de Verificação das Principais Atividades do Eng. Fiscal

Leia mais

FUNDAÇÃO PROFESSOR MARTINIANO FERNANDES- IMIP HOSPITALAR - HOSPITAL DOM MALAN

FUNDAÇÃO PROFESSOR MARTINIANO FERNANDES- IMIP HOSPITALAR - HOSPITAL DOM MALAN 25% 1.0 SERVIÇOS PRELIMINARES R$ 12.734,82 1.1 COTAÇÃO MOBILIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS, FERRAMENTAS E PESSOAL. M² 200,00 2,57 3,21 642,50 1.2 74220/001 TAPUME DE CHAPA DE MADEIRA COMPENSADA, E= 6MM, COM PINTURA

Leia mais

MINI-CURSO Gerenciamento de Projetos para Economistas

MINI-CURSO Gerenciamento de Projetos para Economistas MINI-CURSO Gerenciamento de Projetos para Economistas ECONOMISTA - RIVAS ARGOLO 2426/D 62 9905-6112 RIVAS_ARGOLO@YAHOO.COM.BR Objetivo deste mini curso : Mostrar os benefícios do gerenciamento de projetos

Leia mais

FINALIDADE DESTA ESPECIFICAÇÃO

FINALIDADE DESTA ESPECIFICAÇÃO SESC PANTANAL HOTEL SESC PORTO CERCADO POSTO DE PROTEÇÃO AMBIENTAL SÃO LUIZ BARÃO DE MELGAÇO/MT ESTRUTURAS METÁLICAS PARA COBERTURA DE BARRACÃO DEPÓSITO MEMORIAL DESCRITIVO ANEXO VI 1. FINALIDADE DESTA

Leia mais

Resíduos da Construção Civil INEA DIRETORIA DE LICENCIAMENTO AMBIENTAL (DILAM)

Resíduos da Construção Civil INEA DIRETORIA DE LICENCIAMENTO AMBIENTAL (DILAM) Resíduos da Construção Civil INEA DIRETORIA DE LICENCIAMENTO AMBIENTAL (DILAM) Legislação e Normas Resolução CONAMA n 307 de 04 de Maio de 2002 Estabelece diretrizes, critérios e procedimentos para a gestão

Leia mais

RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO

RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ COORDENAÇÃO DE ENGENHARIA CIVIL - CAMPUS CAMPO MOURÃO ENGENHARIA CIVIL RAFAEL NUNES DA COSTA RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO Relatório de Estágio

Leia mais

TORRE ESTAIADA ESPECIFICAÇÃO DOS MATERIAIS CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS ACESSÓRIOS

TORRE ESTAIADA ESPECIFICAÇÃO DOS MATERIAIS CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS ACESSÓRIOS TORRE ESTAIADA A torre estaiada é a solução mais econômica por atingir grandes alturas e com elevada capacidade de carga, porém exige-se disponibilidade de terreno para sua instalação. Possui seção transversal

Leia mais

Obras do Sistema de Esgotamento Sanitário Rondonópolis MT

Obras do Sistema de Esgotamento Sanitário Rondonópolis MT Obras do Sistema de Esgotamento Sanitário Rondonópolis MT Sistema Condominial de Esgotamento Sanitário Elmo Locatelli Ltda PAC/BNDES BACIA D-E Vila Olinda Parque Universitário Sinalização ao longo das

Leia mais

Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária

Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária Nº: 2.0 ARQUITETURA E URBANISMO 2.1.1 2.1.1.1 DEMOLIÇÃO, RETIRADAS E REMOÇÕES 2.1.1.1.1 REMOÇÃO DE TELHAS EXISTENTES 2.1.1.1.1.1 REMOÇÃO DE TELHAS 161333 ICC - Salvador - Mão de Obra 53 2.1.1.1.2 REMOÇÃO

Leia mais

ASC. Prof. Danilo Toledo Ramos

ASC. Prof. Danilo Toledo Ramos ASC Prof. Danilo Toledo Ramos Fundações Profundas (Indiretas) Segundo a NBR 6122/1996: Elementos de fundação que transmitem a carga ao terreno pela base (resistência de ponta), por sua superfície lateral

Leia mais

ORÇAMENTO BÁSICO PARA MANUTENÇÃO PREDIAL DA INSPETORIA REGIONAL DE PAU DOS FERROS - IRPF

ORÇAMENTO BÁSICO PARA MANUTENÇÃO PREDIAL DA INSPETORIA REGIONAL DE PAU DOS FERROS - IRPF Página 1/5 01 SERVIÇOS PRELIMINARES 6,10% 2.852,73 01.01 MOBILIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E PESSOAL (0001/CREA_ATUALIZADO INSUMOS un 1,00 500,00 650,00 650,00 01.02 DESMOBILIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E PESSOAL

Leia mais

Relatório de Acompanhamento de obra

Relatório de Acompanhamento de obra Prezado(a) Sr. Daniel e Maria Carolina, Relatório de Acompanhamento de obra Nesta etapa, os trabalhos foram concentrados na execução da alvenaria e o conjunto de tarefas necessárias para a execução da

Leia mais

escoramento Sistema de Escoramento Metálico

escoramento Sistema de Escoramento Metálico escoramento Sistema de Escoramento Metálico para Lajes e Vigas. ESCORAMENTO MECAN Pela facilidade de montagem e versatilidade, o escoramento metálico Mecan permite montagens rápidas e seguras, proporcionando

Leia mais

Transformando aço, conduzindo soluções. Lajes Mistas Nervuradas

Transformando aço, conduzindo soluções. Lajes Mistas Nervuradas Transformando aço, conduzindo soluções. Lajes Mistas Nervuradas TUPER Mais de 40 anos transformando aço e conduzindo soluções. A Tuper tem alta capacidade de transformar o aço em soluções para inúmeras

Leia mais

DIRETRIZES EXECUTIVAS DE SERVIÇOS PARA

DIRETRIZES EXECUTIVAS DE SERVIÇOS PARA DIRETRIZES EXECUTIVAS DE SERVIÇOS PARA ES-C01 ESTRUTURAS DE ARRIMO 1 DOCUMENTO DE CIRCULAÇÃO EXTERNA ÍNDICE PÁG. 1. OBJETO E OBJETIVO...3 2. S...3 3. CONSIDERAÇÕES INICIAIS...3 4. MUROS DE CONCRETO ARMADO...4

Leia mais

Anexo - IV. Manual de Contratação de Serviços de Construção de Infra-estrutura de Redes de Fibras Ópticas

Anexo - IV. Manual de Contratação de Serviços de Construção de Infra-estrutura de Redes de Fibras Ópticas Anexo - IV Manual de Contratação de Serviços de Construção de Infra-estrutura de Redes de Fibras Ópticas Elaborado por: Data : 30/06/2005 Revisado por: Data: / / Fanton & Fanton Unidade Administrativa:

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE SINOP DEPARTAMENTO DE

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE SINOP DEPARTAMENTO DE ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE SINOP DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL CONCEITO Estacas são importantes e comuns elementos

Leia mais

SINALIZAÇÃO PARA REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE GÁS NATURAL DIRTEC

SINALIZAÇÃO PARA REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE GÁS NATURAL DIRTEC Rev. 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 DIRTEC ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ET-SUL-007.04 Rev. 12 CIA DE GÁS DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL 1 de 15 REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE GÁS NATURAL ÍNDICE DE REVISÕES DESCRIÇÃO E/OU

Leia mais