COBERTURAS. Professoras: Natália e Verônica

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "COBERTURAS. Professoras: Natália e Verônica"

Transcrição

1 COBERTURAS Professoras: Natália e Verônica

2 DEFINIÇÃO A cobertura de uma estrutura tem a múltipla função de proteger a construção contra agentes externos, definir os aspectos arquitetônicos da estrutura e garantir o escoamento das águas de chuva. Características desejadas de uma cobertura: impermeabilidade, resistência e esforços mecânicos, leveza, rapidez de secagem, durabilidade, facilidade de construção e manutenção.

3 PROJETO DE COBERTURAS Principais fatores envolvidos no Projeto de uma Cobertura: Forma de cobertura desejada; Elementos que compõe sua estrutura; Quantidade de águas; Tipos de telhas e inclinação; Calhas.

4 PROJETO DE COBERTURAS

5 As coberturas podem ser: Aparentes com beiral; TIPOS DE COBERTURAS Beiral: Parte da cobertura que avança além dos alinhamentos das paredes externas. Beiral inclinado (laje) Beiral reto (laje) Beiral em madeira

6 TIPOS DE COBERTURAS As coberturas podem ser: Aparentes sem beiral;

7 TIPOS DE COBERTURAS As coberturas podem ser: Embutidas com calha e platibanda.

8 ESTRUTURA DO TELHADO Madeiramento As coberturas devem ser estruturadas para vencer vãos e suportar seu peso próprio, além de outras cargas incidentes. Armação é a parte estrutural propriamente dita do telhado, consistido de tesoura (de madeira, metálica, treliça, etc) e demais acessórios (cantoneiras, parafusos, chapas). A tesoura é o principal elemento de sustentação, sendo responsável por transferir o peso do telhado para os pilares ou paredes da casa;

9 ESTRUTURA DO TELHADO Madeiramento Caibros são vigas mais finas apoiadas transversalmente sobre as terças. Sua declividade é que determina a inclinação do telhado. Ripas - são vigas ainda mais finas apoiadas transversalmente sobre as terças (portanto no mesmo sentido das terças). Sobre elas assentam-se as telhas. O espaçamento entre as ripas depende do tipo de telha.

10 ESTRUTURA DO TELHADO Madeiramento Trama é o conjunto das peças de madeira que formam o lastro sobre o qual se assentam as telhas. Terças são vigotas longitudinais apoiadas sobre as tesouras. A terça mais alta do telhado é chamada cumeeira e a que se apóia sobre pilares é o frechal.

11 ESTRUTURA DO TELHADO

12 Tesouras: As tesouras funcionam como elementos de absorção das cargas do telhado. ESTRUTURA DO TELHADO

13 ESTRUTURA DO TELHADO

14 ESTRUTURA DO TELHADO Em construções de até 4m de largura, as terças e cumeeira podem se apoiar somente nas paredes laterais. Caso essa dimensão seja maior, é necessária a colocação de apoios chamados de PONTALETES.

15 Caimentos do Telhado ESTRUTURA DO TELHADO

16 Perspectiva do Telhado com as Tesouras ESTRUTURA DO TELHADO

17 ESTRUTURA DO TELHADO Perspectiva do Telhado com as Tesouras e as Terças

18 ESTRUTURA DO TELHADO Perspectiva do Telhado com as Tesouras, as Terças e Caibros

19 ESTRUTURA DO TELHADO Perspectiva do Telhado com as Tesouras, Terças, Caibros e Ripas

20 Corte A-A ESTRUTURA DO TELHADO

21 Corte B-B ESTRUTURA DO TELHADO

22 CLASSIFICAÇÃO DO TELHADO As coberturas são formadas por planos inclinados denominados de águas.

23 CLASSIFICAÇÃO DO TELHADO

24 COBERTURAS COM ÁGUAS INTERLIGADAS

25 COBERTURAS COM ÁGUAS INTERLIGADAS 1. Os espigões formam ângulos de 45 graus com as paredes, saindo dos cantos externos; 2. As águas furtadas formam ângulos de 45 graus com as paredes e saem dos cantos internos; 3. As cumeeiras são paralelas a duas paredes e eqüidistantes destas; 4. O encontro entre uma linha de cumeeira e uma linha de água furtada determina uma linha de espigão que forma um ângulo reto com a água furtada. Resultado: mesma inclinação em todos os panos do telhado e pé direito externo constante na edificação.

26 COBERTURAS COM ÁGUAS INTERLIGADAS Algumas regras devem ser observadas: 1. Para cada bloco haverá uma cumeeira; 2. De cada extremidade da cumeeira saem, no mínimo duas linhas; 3. As cumeeiras devem se situar no meio do vão;

27 COBERTURAS COM ÁGUAS INTERLIGADAS 4. Os espigões são bissetrizes dos ângulos internos menores de 180⁰;

28 COBERTURAS COM ÁGUAS INTERLIGADAS 5. Os rincões/ águas furtadas são bissetrizes dos ângulos externos menores que 180⁰.

29 DETERMINANDO A INCLINAÇÃO As inclinações são anotações indispensáveis no projeto, são descritas em porcentagem (%). A inclinação ideal do telhado em geral é especificada pelo fabricante da telha a ser utilizada, e pode ter uma grande variação, chegando até 60%. Vale lembrar, que acima dos 40% de inclinação, devem-se tomar maiores cuidados para garantir a estabilidade do telhado. Os telhados de maior inclinação são ideais para regiões que nevam, por isso em nosso caso adotam-se telhados de menores inclinações.

30 DETERMINANDO A INCLINAÇÃO Entendendo melhor a inclinação do telhado: A inclinação de um telhado, deve ser uma razão entre a altura e a largura de seu vão. Observe o desenho abaixo.

31 TIPOS DE TELHAS Existe uma diversidade de modelos de telhas no mercado, variando de uma região para outra. Cada modelo possui um limite mínimo e máximo de inclinação que não pode estar abaixo dessa marca, pois isso permitiria o retorno da água para a parte interna da residência. Para escolher o modelo, é necessário observar se o tipo de telha se adapta à inclinação do projeto do telhado. Antes de adquirir as telhas é preciso ficar atento se o material passou por ensaios de resistência.

32 Telhas Cerâmicas TIPOS DE TELHAS A INCLINAÇÃO DAS TELHAS CERÂMICAS VARIAM ENTRE 20% A 60%

33 Telhas Cerâmicas TIPOS DE TELHAS

34 Telhas Cerâmicas TIPOS DE TELHAS

35 TIPOS DE TELHAS Telhas Fibrocimento É constituída de cimento + fibras minerais de amianto. O percentual de amianto deve ser inferior a 10%, por se tratar de um material cancerígeno. Suas principais vantagens são: a economia de estrutura ( não precisa de madeiramento intenso ), rapidez de montagem e a capacidade de atravessar grandes vãos. A fixação da telha na estrutura é feita com parafusos e ganchos.

36 Telhas Fibrocimento TIPOS DE TELHAS

37 Telhas Esmaltadas TIPOS DE TELHAS Apresentam boa impermeabilidade e variedade de cores. Fabricadas em cerâmica e disponíveis nos mesmos modelos das telhas com esse material, passam por um processo de aplicação de uma cobertura de esmalte em cada peça. Após a queima, a telha se torna vitrificada e impermeável, ficando mais resistente às condições do tempo. Outro ponto forte do material é que não desbota com o tempo.

38 Telhas Esmaltadas TIPOS DE TELHAS

39 TIPOS DE TELHAS Telhas de Concreto Alta durabilidade, boa impermeabilidade e encaixes perfeitos são as vantagens das telhas fabricadas em concreto, que também podem ser encontradas em diversas cores. Assim como os outros tipos de telhas, é preciso ficar atento quanto à inclinação do telhado. As de concreto necessitam de uma inclinação mínima de 30%.

40 Telhas de Concreto TIPOS DE TELHAS

41 TIPOS DE TELHAS Telhas de vidro É uma boa opção para levar mais luminosidade a ambientes internos. Fabricadas com formatos ondulados ou nos mesmos modelos e tamanhos das telhas cerâmicas e de concreto, são ideais para cobertura de jardins internos, corredores e outros locais onde não há janelas. Telhas de vidro possuem inclinação mínima de 30%.

42 CALHAS É um elemento de canalização que recebe águas pluviais dos telhados, evitando o seu escoamento para locais indesejáveis. As mais comuns são feitas de chapa de aço galvanizado e PVC, mas também podem ser de cobre, alumínio, fibrocimento, pré-fabricadas de concreto ou construídas in loco.

43 CALHAS Para evitar problemas de infiltrações pelo telhado, é preciso fazer escoarem as águas da chuva. Como o telhado é inclinado, já há um direcionamento natural das águas. O sistema de captação compõe-se de calhas, condutores e rufos. As calhas mais comuns são as de PVC e as de chapas galvanizadas (mais baratas). Elas ficam instaladas ao longo do beiral e levam a água até o condutor (tubo de queda). O rufo é uma peça de plástico ou de cobre para arrematar o telhado quando este encontra uma parede. Evitando que a região de encontro entre um telhado e uma parede seja um ponto de infiltração.

44 COBERTURAS Algumas situações podem resultar no uso de águas em diferentes planos, como: pés-direitos de alturas variadas, mistura de tipos de cobertura (com e sem lajes), quando há mais de um pavimento ou quando o terreno possui uma topografia em vários níveis.

45 COBERTURAS

46 COBERTURAS

47 COBERTURAS

48 telhados.html

TELHADOS COBERTURAS. Elementos e tipos para se definir a Planta de Cobertura. Profª Dayane Cristina Alves Ferreira

TELHADOS COBERTURAS. Elementos e tipos para se definir a Planta de Cobertura. Profª Dayane Cristina Alves Ferreira TELHADOS COBERTURAS Elementos e tipos para se definir a Planta de Cobertura. Profª Dayane Cristina Alves Ferreira dayengcivil@yahoo.com.br Cobertura O TELHADO é uma categoria de COBERTURA, em geral caracterizado

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE. Professor: João Carmo

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE. Professor: João Carmo INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE Professor: João Carmo INTRODUÇÃO O TELHADO é uma categoria de COBERTURA, em geral caracterizado por possuir um ou mais planos

Leia mais

Universidade de Pernambuco Escola Politécnica de Pernambuco DISCIPLINA. Construção Civil II

Universidade de Pernambuco Escola Politécnica de Pernambuco DISCIPLINA. Construção Civil II Curso: Engenharia Civil Universidade de Pernambuco Escola Politécnica de Pernambuco DISCIPLINA Construção Civil II Aula 08 Coberturas em telhados Prof. Dr. Alberto Casado Lordsleem Jr. Sumário Aula 08

Leia mais

Prof. Carlos Barbosa Goiânia/ out 2010

Prof. Carlos Barbosa Goiânia/ out 2010 TELHAS DE FIBROCIMENTO Prof. Carlos Barbosa Goiânia/ out 2010 TELHAS DE FIBROCIMENTO Telhas de materiais diversos : alumínio, zinco, papelão, asfalto, fibras vegetais, pets,etc. Chapas onduladas: Leves

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ARQUITETURA E URBANISMO. AUT 186 Aula Cobertura / Telhado Resumo

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ARQUITETURA E URBANISMO. AUT 186 Aula Cobertura / Telhado Resumo UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ARQUITETURA E URBANISMO AUT 186 Aula Cobertura / Telhado Resumo 08/05/2017 TELHADO Conjunto estanque constituído de telhas, peças complementares e acessórios, apoiado

Leia mais

OLINDA. Eternit S.A. - R. Dr. Fernandes Coelho, 85-8º and. - São Paulo - SP - CEP Tel.

OLINDA.  Eternit S.A. - R. Dr. Fernandes Coelho, 85-8º and. - São Paulo - SP - CEP Tel. OLINDA www.eternit.com.br Eternit S.A. - R. Dr. Fernandes Coelho, 85-8º and. - São Paulo - SP - CEP 05423-040 - Tel.: (11) 3038-3838 O charme e a originalidade da cor. Sua cor é o maior diferencial, possibilitando

Leia mais

Faculdade Sudoeste Paulista Curso de Engenharia Civil Técnicas da Construção Civil

Faculdade Sudoeste Paulista Curso de Engenharia Civil Técnicas da Construção Civil AULA 13 - COBERTURA O telhado compõe-se da estrutura, cobertura e dos condutores de águas pluviais. - A estrutura: é o elemento de apoio da cobertura, que pode ser: de madeira, metálica, etc... - A cobertura:

Leia mais

índice Fases básicas da obra 3 Importância da estrutura .4 Mapa estrutural 5 Alvenaria 7 Cobertura 8 Acabamento 9 Como escolher o cimento

índice Fases básicas da obra 3 Importância da estrutura .4 Mapa estrutural 5 Alvenaria 7 Cobertura 8 Acabamento 9 Como escolher o cimento índice Fases básicas da obra...3 Importância da estrutura...4 Mapa estrutural...5 Alvenaria...7 Cobertura...8 Acabamento...9 Como escolher o cimento...10 Portfólio...12 Dicas...14 Uma obra passa por dezenas

Leia mais

TELHAMENTO E SERVIÇOS COMPLEMENTARES PARA COBERTURA

TELHAMENTO E SERVIÇOS COMPLEMENTARES PARA COBERTURA SINAPI SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL CADERNOS TÉCNICOS DE COMPOSIÇÕES PARA TELHAMENTO E SERVIÇOS COMPLEMENTARES PARA COBERTURA LOTE 1 Versão: 001 Vigência: 06/2016

Leia mais

O charme e a originalidade da cor.

O charme e a originalidade da cor. TELHA OLINDA O charme e a originalidade da cor. Sua cor é o maior diferencial, possibilitando um novo padrão estético para uso residencial. Alia um ótimo efeito visual à praticidade das telhas Eternit,

Leia mais

COBERTURA DE TELHADO COBERTURA DE TELHADO COBERTURA DE TELHADO COBERTURA EM TELHADO. Telhamento: vedação. Trama : sustentação das telhas

COBERTURA DE TELHADO COBERTURA DE TELHADO COBERTURA DE TELHADO COBERTURA EM TELHADO. Telhamento: vedação. Trama : sustentação das telhas Telhamento: vedação Telhamento: vedação TELHAS DE POLIPROPILENO a) francesa Meneguetti (2001) c) romana b) capa e canal Telhamento: vedação COBERTURA EM TELHADO ardósia concreto cerâmica concreto PARTES

Leia mais

RECEITA PRÁTICA PARA UMA BOA INSTALAÇÃO

RECEITA PRÁTICA PARA UMA BOA INSTALAÇÃO RECEITA PRÁTICA PARA UMA BOA INSTALAÇÃO Madeiramento: Verifique se os ripões ou sarrafos foram bem fixados e distribuídos sobre os caibros com o espaçamento correto para o assentamento e fixação das telhas

Leia mais

1.4. Sistemas estruturais em madeira

1.4. Sistemas estruturais em madeira 1.4. Sistemas estruturais em madeira 1.4.1. Análise estrutural Estuda as estruturas se preocupando basicamente com a determinação dos esforços e das deformações a que elas estão submetidas quando solicitadas

Leia mais

Instalações Hidráulicas Prediais

Instalações Hidráulicas Prediais Instalações Hidráulicas Prediais Sistemas Prediais de Águas Pluviais Prof.: Guilherme Nanni Grabowski Água Pluvial Deve: Captar, Conduzir e Destinar adequadamente as águas de chuva que precipitam nos edifícios.

Leia mais

Telhas GraviColor. Beleza e modernidade para o seu projeto.

Telhas GraviColor. Beleza e modernidade para o seu projeto. Telhas GraviColor Beleza e modernidade para o seu projeto. Telhas GraviColor Estilo, inovação e qualidade. As Telhas GraviColor chegam ao mercado trazendo o rústico com design inovador, dando um toque

Leia mais

29/04/2014. Professor

29/04/2014. Professor UniSALESIANO Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium Curso de Engenharia Civil Disciplina: Introdução a Engenharia Civil Elementos de Vedações Área de Construção Civil Prof. Dr. André Luís Gamino

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS COMPLE MENTARES

CATÁLOGO DE PEÇAS COMPLE MENTARES CATÁLOGO DE PEÇAS COMPLE MENTARES TELHA UNIVERSAL (4mm)...5 11.1 Superior / Inferior...5 2TELHA ONDULADA (5, 6 e 8mm)...6 2.1 Cumeeira Normal...6 2.2 Cumeeira Universal...7 2.3 Cumeeira Shed...8 2.4 Cumeeira

Leia mais

SINAPI SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL CADERNOS TÉCNICOS DE COMPOSIÇÕES PARA ESTRUTURA E TRAMA PARA COBERTURA

SINAPI SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL CADERNOS TÉCNICOS DE COMPOSIÇÕES PARA ESTRUTURA E TRAMA PARA COBERTURA SINAPI SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL CADERNOS TÉCNICOS DE COMPOSIÇÕES PARA ESTRUTURA E TRAMA PARA COBERTURA LOTE 1 Versão: 005 Vigência: 12/2015 Última atualização:

Leia mais

SINAPI SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL CADERNOS TÉCNICOS DE COMPOSIÇÕES PARA ESTRUTURA E TRAMA PARA COBERTURA

SINAPI SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL CADERNOS TÉCNICOS DE COMPOSIÇÕES PARA ESTRUTURA E TRAMA PARA COBERTURA SINAPI SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL CADERNOS TÉCNICOS DE COMPOSIÇÕES PARA ESTRUTURA E TRAMA PARA COBERTURA LOTE 1 Versão: 005 Vigência: 12/2015 Última atualização:

Leia mais

COBERTURAS. CEG218 Desenho arquitetônico I Prof. Márcio Carboni. UFPR - DEGRAF - CEG218 DESENHO ARQUITETÔNICO I - Prof.

COBERTURAS. CEG218 Desenho arquitetônico I Prof. Márcio Carboni. UFPR - DEGRAF - CEG218 DESENHO ARQUITETÔNICO I - Prof. COBERTURAS CEG218 Desenho arquitetônico I Prof. Márcio Carboni UFPR - DEGRAF - CEG218 DESENHO ARQUITETÔNICO I - Prof. Márcio Carboni 1 ASPECTOS GERAIS As coberturas respondem a algumas funções: Proteção

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SÃO PAULO Campus Presidente Epitácio

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SÃO PAULO Campus Presidente Epitácio INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SÃO PAULO Campus Presidente Epitácio Coberturas 1. Tipos de Cobertura 2. Elementos do Telhado 3. Tipos de Telhas 4. Inclinação da Telha 5. Desenho da

Leia mais

Estruturas de Madeira. Telhados. É a parte superior das construções, destina-se a dar-lhes proteção.

Estruturas de Madeira. Telhados. É a parte superior das construções, destina-se a dar-lhes proteção. Estruturas de Madeira Telhados É a parte superior das construções, destina-se a dar-lhes proteção. Funções básicas: Proteção das partes internas da instalação, contra o sol excessivo, chuva, neve, etc.

Leia mais

Coberturas. Coberturas. Prof. Marcos Valin Jr

Coberturas. Coberturas. Prof. Marcos Valin Jr Prof. Marcos Valin Jr A cobertura é a parte superior da construção que serve de proteção contra o sol, a chuva, os ventos, o calor, o frio, poeiras e gases do meio ambiente. www.mvalin.com.br 1 Exigências

Leia mais

MODELO COPPO VÊNETO- Telhas Cimentelha. Dimensões e Características. Madeiramento

MODELO COPPO VÊNETO- Telhas Cimentelha. Dimensões e Características. Madeiramento MODELO COPPO VÊNETO- Telhas Cimentelha Dimensões e Características Madeiramento Utilização de Terminais Normas para o projeto Colocação da cumeeira Ficha técnica da telha: Comprimento 420 mm Largura 330

Leia mais

CANALETE 49. Eternit S.A. - R. Dr. Fernandes Coelho, 85-8º and. - São Paulo - SP - CEP Tel.

CANALETE 49.  Eternit S.A. - R. Dr. Fernandes Coelho, 85-8º and. - São Paulo - SP - CEP Tel. CANALETE 49 www.eternit.com.br Eternit S.A. - R. Dr. Fernandes Coelho, 85-8º and. - São Paulo - SP - CEP 05423-040 - Tel.: (11) 3038-3838 O perfil estrutural inteligente. O Canalete 49 é uma peça estrutural

Leia mais

TELHADOS E COBERTURAS 2017/1

TELHADOS E COBERTURAS 2017/1 TELHADOS E COBERTURAS 2017/1 Escola de Artes e Arquitetura ESCOLA EDGAR ALBUQUERQUE GRAEFF CURSO de ARQUITETURA e URBANISMO PLANO DE ENSINO Ramo: PROJETO Sequência: Disciplina Optativas Disciplina: Telhados

Leia mais

Coberturas. Fonte: Disponível em: <https://pt.wikiarquitectura.com/index.php/ficheiro:gimnasio_tokio_28.jpg>, acesso em 05/05/2016

Coberturas. Fonte: Disponível em: <https://pt.wikiarquitectura.com/index.php/ficheiro:gimnasio_tokio_28.jpg>, acesso em 05/05/2016 Coberturas Fonte: Disponível em: , acesso em 05/05/2016 Cobertura Subsistema da edificação, geralmentedisposto no topo da construção,

Leia mais

LAJES PRÉ-MOLDADAS. GRADUAÇÃO Florestal AULA. Prof. Adriano Wagner Ballarin Prof. Marco Antonio Martin Biaggioni. Construções Rurais

LAJES PRÉ-MOLDADAS. GRADUAÇÃO Florestal AULA. Prof. Adriano Wagner Ballarin Prof. Marco Antonio Martin Biaggioni. Construções Rurais LAJES PRÉ-MOLDADAS Prof. Adriano Wagner Ballarin Prof. Marco Antonio Martin Biaggioni GRADUAÇÃO Florestal AULA 10 Aula 10b Lajes pré-moldadas 1 1. Definições São estruturas de concreto armado ou mistas,

Leia mais

CATÁLOGO TÉCNICO ISDRALIT TELHAS DE FIBROCIMENTO

CATÁLOGO TÉCNICO ISDRALIT TELHAS DE FIBROCIMENTO CATÁLOGO TÉCNICO ISDRALIT TELHAS DE FIBROCIMENTO APRESENTAÇÃO Com mais de cinco décadas de história, a Isdralit foi a primeira empresa lançada pelo Grupo Isdra, fundada em 1951 e iniciando as suas atividades

Leia mais

Economia e qualidade para as mais variadas coberturas.

Economia e qualidade para as mais variadas coberturas. Economia e qualidade para as mais variadas coberturas. A telha Tropical é uma excelente opção para coberturas residenciais e comerciais. Oferece leveza e resistência com facilidade de manuseio. De fixação

Leia mais

TELHA ETERMAX 6 e 8 mm

TELHA ETERMAX 6 e 8 mm Qualidade aliada à versatilidade Atende às mais variadas soluções arquitetônicas, vencendo grandes vãos livres com segurança e resistência. Oferece a grande vantagem de ser mais leve quando comparada aos

Leia mais

TopComfort Brasilit TEMPERATURA AGRADÁVEL E MUITO MAIS CONFORTO.

TopComfort Brasilit TEMPERATURA AGRADÁVEL E MUITO MAIS CONFORTO. TopComfort Brasilit NOVA TELHA TÉRMICA DE FIBROCIMENTO TEMPERATURA AGRADÁVEL E MUITO MAIS CONFORTO. TopComfort Telhas Térmicas de Fibrocimento A Brasilit inovou outra vez. Agora, a linha de fibrocimento

Leia mais

Prefeitura Municipal de São Miguel das Missões Construção de Lavanderia na UBS/Bairro Alegria PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

Prefeitura Municipal de São Miguel das Missões Construção de Lavanderia na UBS/Bairro Alegria PLANILHA ORÇAMENTÁRIA 3.3 73942/002 Prefeitura Municipal de São Miguel das Missões 1. SERVIÇOS PRELIMINARES R$ 355,38 1.1 73801/001 DEMOLICAO DE PISO DE ALTA RESISTENCIA M² 8,25 R$ 17,84 R$ 22,30 R$ 183,98 1.2 LOCACAO CONVENCIONAL

Leia mais

GARRAFAS PLÁSTICAS PET (POLITEREFTALATO DE ETILENO) FICHA CATALOGRÁFICA-20- DATA: JUNHO/2011.

GARRAFAS PLÁSTICAS PET (POLITEREFTALATO DE ETILENO) FICHA CATALOGRÁFICA-20- DATA: JUNHO/2011. Tecnologias, sistemas construtivos e tipologias para habitações de interesse social em reassentamentos. GARRAFAS PLÁSTICAS PET (POLITEREFTALATO DE ETILENO) FICHA CATALOGRÁFICA-20- DATA: JUNHO/2011. Tecnologias,

Leia mais

FIT, Marítima, Plana e Coppo Venetto

FIT, Marítima, Plana e Coppo Venetto INFORMATIVO TÉCNICO TELHAS 10.4 FIT, Marítima, Plana e Coppo Venetto FIT Marítima Plana Coppo Venetto FIT Marítima Plana Coppo Venetto Peso Seco: 3,9 kg Espessura: 12 mm 250 kg Peso: 4,7 kg Espessura:

Leia mais

Instalações Hidráulicas/Sanitárias Água Pluvial

Instalações Hidráulicas/Sanitárias Água Pluvial Instalações Hidráulicas/Sanitárias Água Pluvial INTRODUÇÃO A água da chuva causa danos: à durabilidade das construções; à boa aparência das construções. A água de chuva deve ser coletada e transportada

Leia mais

Obrigada por escolher Massima Telha Gres.

Obrigada por escolher Massima Telha Gres. Manual Técnico Obrigada por escolher Massima Telha Gres. A MASSIMA Telha Gres é o que há de mais moderno no mercado atualmente e, além de proteger sua edificação da ação de agentes atmosféricos como a

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO DA 2ª ETAPA DA CONSTRUÇÃO DO BLOCO DE DIREITO

MEMORIAL DESCRITIVO DA 2ª ETAPA DA CONSTRUÇÃO DO BLOCO DE DIREITO MEMORIAL DESCRITIVO DA 2ª ETAPA DA CONSTRUÇÃO DO BLOCO DE DIREITO OBRA: CONSTRUÇÃO-BLOCO DIREITO PROPRIETÁRIO: FUNDAÇAO INTEGRADA MUNICIPAL DE ENSINO SUPERIOR DE MINEIROS (FIMES) ENDEREÇO OBRA:RUA 22 ESQ.

Leia mais

TRAPEZIO

TRAPEZIO ONDULADA 17-100 TRAPEZIO 25-1026 TRAP 40-1020 TRAP 40-980 TRAP 100-952 Telha Termo-Acústica CUIDADOS NO RECEBIMENTO Ao receber o material, telhas em aço galvanizado ou galvalume, verificar se as mesmas

Leia mais

MANUAL DE SISTEMA ESTRUTURAL METÁLICO LEVE P/ TELHADOS ENGRADAMENTOS METÁLICOS

MANUAL DE SISTEMA ESTRUTURAL METÁLICO LEVE P/ TELHADOS ENGRADAMENTOS METÁLICOS MANUAL DE SISTEMA ESTRUTURAL METÁLICO LEVE P/ TELHADOS ENGRADAMENTOS METÁLICOS O presente manual se refere ao sistema estrutural metálico leve para coberturas ou engradamentos metálicos fabricado pela

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO ARQUITETÔNICO

MEMORIAL DESCRITIVO ARQUITETÔNICO MEMORIAL DESCRITIVO ARQUITETÔNICO PROPRIETÁRIO: Município de Três Arroios OBRA: Pavilhão em concreto armado, coberto com estrutura metálica, destinado a Ginásio de Esportes (1ª etapa) LOCAL: Parte do lote

Leia mais

Professora: Engª Civil Silvia Romfim

Professora: Engª Civil Silvia Romfim Professora: Engª Civil Silvia Romfim CONTRAVENTAMENTO ESTRUTURA DE COBERTURA As telhas se apóiam sobre as ripas que se apóiam sobre os caibros Que transmitem toda carga para as treliças(tesoura). que se

Leia mais

Limpeza do terreno m 2 Área de ocupação, mais 3m em toda a periferia ou o total. Locação da obra m 2 Área do primeiro pavimento da obra.

Limpeza do terreno m 2 Área de ocupação, mais 3m em toda a periferia ou o total. Locação da obra m 2 Área do primeiro pavimento da obra. CRITÉRIOS PARA MEDIÇÃO DOS SERVIÇOS Limpeza do terreno m 2 Área de ocupação, mais 3m em toda a periferia ou o total. Locação da obra m 2 Área do primeiro pavimento da obra. Em obras muito extensas ou recortadas,

Leia mais

Praticidade Confianca Compromisso. Guia de Instalação Onduline. Para telhas Clássica (2,00 x 0,95 m) e Design DUO (2,00 x 1,05 m)

Praticidade Confianca Compromisso. Guia de Instalação Onduline. Para telhas Clássica (2,00 x 0,95 m) e Design DUO (2,00 x 1,05 m) Guia de Instalação Onduline Para telhas Clássica (2,00 x 0,95 m) e Design DUO (2,00 x 1,05 m) Praticidade Confianca Compromisso, 0800 0 245 260 - www.onduline.com.br 1. Inclinação A inclinação recomendada

Leia mais

Ondina Plus Brasilit. Catálogo Técnico

Ondina Plus Brasilit. Catálogo Técnico Ondina Plus Brasilit Catálogo Técnico TECNOLOGIA CRFS: CIMENTO REFORÇADO COM FIO SINTÉTICO. A ALTERNATIVA SEGURA DA BRASILIT PARA A SUBSTITUIÇÃO DEFINITIVA DO AMIANTO. Seguindo uma tendência mundial, e

Leia mais

TUTORIAL MINHA CASA MINHA VIDA. Fone: FEVEREIRO

TUTORIAL MINHA CASA MINHA VIDA. Fone: FEVEREIRO TUTORIAL MINHA CASA MINHA VIDA O Template MCMV O Template MCMV Minha Casa Minha Vida tem como objetivo fornecer um arquivo BIM (Building Information Modeling) com Famílias e Famílias de Sistemas adaptados

Leia mais

CAPÍTULO I INTRODUÇÃO AO ESTUDO DOS TELHADOS. 1. Introdução

CAPÍTULO I INTRODUÇÃO AO ESTUDO DOS TELHADOS. 1. Introdução MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SETOR DE CIÊNCIAS EXATAS DEPARTAMENTO DE EXPRESSÃO GRÁFICA Professora Deise Maria Bertholdi Costa Disciplina CD027 - Expressão Gráfica I Curso Engenharia

Leia mais

Fibrotex Brasilit. Catálogo Técnico

Fibrotex Brasilit. Catálogo Técnico Fibrotex Brasilit Catálogo Técnico TECNOLOGIA CRFS: CIMENTO REFORÇADO COM FIO SINTÉTICO. A ALTERNATIVA SEGURA DA BRASILIT PARA A SUBSTITUIÇÃO DEFINITIVA DO AMIANTO. Seguindo uma tendência mundial, e em

Leia mais

AULA - 05 GEOMETRIA DO TELHADO

AULA - 05 GEOMETRIA DO TELHADO Código da Disciplina CCE0047 AULA - 05 GEOMETRIA DO TELHADO e-mail: prof.clelia.fic@gmail.com Um telhado é constituído de duas ou mais faces inclinadas que são conhecidas por "águas". Linhas (retas) principais

Leia mais

Coberturas em Telhados TC-038

Coberturas em Telhados TC-038 Coberturas em Telhados TC-038 Cobertura Chama-se vulgarmente de telhado qualquer tipo de cobertura em uma edificação. Porém, o telhado, rigorosamente, é apenas uma categoria de cobertura, em geral caracterizado

Leia mais

O Sistema de Cobertura Metálica Roll-on

O Sistema de Cobertura Metálica Roll-on O Sistema de Cobertura Metálica Roll-on Histórico -Roll-on é o exclusivo sistema de cobertura metálica criado e desenvolvido pela Marko e utilizado desde 1979 para variados tipos de edificações e vãos.

Leia mais

KALHETÃO 90. Catálogo Técnico

KALHETÃO 90. Catálogo Técnico KALHETÃO 90 Catálogo Técnico Características Gerais Kalhetão 90 De fibrocimento sem amianto, com tecnologia CRFS (Cimento Reforçado com Fios Sintéticos), o Kalhetão 90 conta com um perfil moderno, que

Leia mais

Termossifão pressurizado (EA8893) Manual de instruções. Manual de instruções. Termossifão pressurizado (EA8893)

Termossifão pressurizado (EA8893) Manual de instruções. Manual de instruções. Termossifão pressurizado (EA8893) Manual de instruções Termossifão pressurizado (EA8893) Índice 1. Parâmetros... 3 2. Precauções... 4 3. Informação técnica... 5 3.1. Componentes... 5 3.2. Informação técnica... 5 4. Componentes e dimensões...

Leia mais

CÁLCULOS TELHADO. Prof. Eliseu Figueiredo Neto

CÁLCULOS TELHADO. Prof. Eliseu Figueiredo Neto CÁLCULOS TELHADO Prof. Eliseu Figueiredo Neto TELHADO 1) Conhecer o peso de cada telha; 2) Calcular quantas telhas vão. Telhado de meia água de 50 m2, quantas telhas de cerâmica eu usarei e qual o peso

Leia mais

Sistemas estruturais em Aço MÓDULO. Galpões em estrutura de aço

Sistemas estruturais em Aço MÓDULO. Galpões em estrutura de aço Sistemas estruturais em Aço MÓDULO Galpões em estrutura de aço 61 Módulo 6 Índice - Módulo 6 11.1. Elementos estruturais e de vedação que compõem o galpão Estrutura principal 11.1.2. Coberturas 11.1.2.1.

Leia mais

GUIÃO TÉCNICO Sistema de Subtelha Soutuile. Copyright Construlink.com - Todos os direitos reservados.

GUIÃO TÉCNICO Sistema de Subtelha Soutuile. Copyright Construlink.com - Todos os direitos reservados. GUIÃO TÉCNICO Sistema de Subtelha Soutuile FICHA TÉCNICA Cimianto Nº 080 Nº de pág.: 7 20 de Janeiro de 2003 Sistema de Subtelha Soutuile CIMIANTO SUBTELHA SOUTUILE Especialmente concebida para servir

Leia mais

EM UM PROJETO DE COBERTURA, DEVEM SER CONSIDERADOS:

EM UM PROJETO DE COBERTURA, DEVEM SER CONSIDERADOS: COBERTURA Funciona como elemento essencial de abrigo para os espaços internos de uma edificação. Sua forma e construção devem controlar a passagem de água, ar e calor. Deve ser estruturado de forma a vencer

Leia mais

built build to ANDAIMES COBERTURAS

built build to ANDAIMES COBERTURAS uilt build to ANDAIMES ANDAIMES COBERTURAS Andaime_coberturas 178 Empresa Projetos Produtos Andaimes e coberturas COBERTURAS T74 Building Sistema de coberturas modulares temporárias de duas águas, feitas

Leia mais

Estruturas de concreto Armado I. Aula II Pré-Dimensionamento

Estruturas de concreto Armado I. Aula II Pré-Dimensionamento Estruturas de concreto Armado I Aula II Pré-Dimensionamento Fonte / Material de Apoio: Apostila Fundamentos do Concreto e Projeto de Edifícios Prof. Libânio M. Pinheiro UFSCAR Apostila Projeto de Estruturas

Leia mais

CAPÍTULO 02: Ações em Estruturas de Madeira

CAPÍTULO 02: Ações em Estruturas de Madeira CAPÍTULO 02: Ações em Estruturas de Madeira 2.1 Introdução Neste capítulo serão abordadas as principais ações atuantes em estruturas de madeira para coberturas. 2.2 Aspectos gerais das ações em estruturas

Leia mais

AULA - 05 GEOMETRIA DO TELHADO

AULA - 05 GEOMETRIA DO TELHADO Código da Disciplina CCE0047 AULA - 05 GEOMETRIA DO TELHADO e-mail: prof.clelia.fic@gmail.com Um telhado é constituído de duas ou mais faces inclinadas que são conhecidas por "águas". Linhas (retas) principais

Leia mais

AULA - 06 GEOMETRIA DO TELHADO

AULA - 06 GEOMETRIA DO TELHADO GEOMETRIA DESCRITIVA Código da Disciplina CCE0887 AULA - 06 GEOMETRIA DO TELHADO e-mail: prof.clelia.fic@gmail.com GEOMETRIA DESCRITIVA GEOMETRIA DESCRITIVA Um telhado é constituído de duas ou mais faces

Leia mais

Critérios de Medição e Levantamento de Quantitativo

Critérios de Medição e Levantamento de Quantitativo Senai Dendezeiros Área de Construção Civil Critérios de Medição e Levantamento de Quantitativo Unidade Curricular: Orçamento de Obras e Controle de Custos Aula 05 Emanuele Cristian Fer Critério de medição

Leia mais

200888 Técnicas das Construções I COBERTURA. Prof. Carlos Eduardo Troccoli Pastana pastana@projeta.com.br (14) 3422-4244 AULA 9

200888 Técnicas das Construções I COBERTURA. Prof. Carlos Eduardo Troccoli Pastana pastana@projeta.com.br (14) 3422-4244 AULA 9 200888 Técnicas das Construções I COBERTURA Prof. Carlos Eduardo Troccoli Pastana pastana@projeta.com.br (14) 3422-4244 AULA 9 Objetivos: Escolher a estrutura de telhado adequada para cada tipo de telha;

Leia mais

DESENHO ARQUITETÔNICO PROFESSORA ELIZABETH CORREIA SUMARA QUERINO ROBERTO DÁLESSANDRO

DESENHO ARQUITETÔNICO PROFESSORA ELIZABETH CORREIA SUMARA QUERINO ROBERTO DÁLESSANDRO DESENHO ARQUITETÔNICO PROFESSORA ELIZABETH CORREIA SUMARA QUERINO ROBERTO DÁLESSANDRO COBERTURA -TELHADOS Cobertura: É a parte superior da construção e serve de proteção contra o sol, a chuva, intempéries,

Leia mais

Concepções estruturais. Professores: Nádia Forti João Carlos Rocha Braz

Concepções estruturais. Professores: Nádia Forti João Carlos Rocha Braz Concepções estruturais Professores: Nádia Forti João Carlos Rocha Braz Tipos de perfis utilizados em estruturas metálicas Os perfis de aço podem ser obtidos pelos seguintes métodos: laminação; solda; dobramento

Leia mais

31/10/2013. - De superfícies planas. - De superfícies curvas. A forma dos telhados está relacionada com o número de águas que o mesmo possui...

31/10/2013. - De superfícies planas. - De superfícies curvas. A forma dos telhados está relacionada com o número de águas que o mesmo possui... 1 2 COBERTURAS A cobertura é a parte superior da construção que serve de proteção contra o sol, a chuva, os ventos etc. São classificadas segundo os sistemas construtivos e materiais utilizados. TELHADO.

Leia mais

TH 030- Sistemas Prediais Hidráulico Sanitários

TH 030- Sistemas Prediais Hidráulico Sanitários Universidade Federal do Paraná Engenharia Civil TH 030- Sistemas Prediais Hidráulico Sanitários Aula 25 Sistema Predial de Águas Pluviais Profª Heloise G. Knapik 1 Instalações prediais de águas pluviais

Leia mais

Formas e Escoramentos ECONOMIA, QUALIDADE E SEGURANÇA NOSSO OBJETIVO: ATENDER BEM PARA ATENDER SEMPRE

Formas e Escoramentos ECONOMIA, QUALIDADE E SEGURANÇA NOSSO OBJETIVO: ATENDER BEM PARA ATENDER SEMPRE ECONOMIA, QUALIDADE E SEGURANÇA NOSSO OBJETIVO: ATENDER BEM PARA ATENDER SEMPRE VIGAS H20 Utilizada como viga principal no nosso sistema de escoramento, a Viga H20 é um material de ponta na construção

Leia mais

ELEMENTOS DE ARQUITETURA E URBANISMO

ELEMENTOS DE ARQUITETURA E URBANISMO ELEMENTOS DE ARQUITETURA E URBANISMO REPRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE ARQUITETURA Faculdade de Tecnologia e Ciências - FTC Unidade Vitória da Conquista BA Colegiado de Engenharia Civil Prof. Philipe do Prado

Leia mais

L U M I N U M MANUAL TÉCNICO. Francisco Ceará Barbosa, Campo dos Amarais - Campinas - SP

L U M I N U M MANUAL TÉCNICO. Francisco Ceará Barbosa, Campo dos Amarais - Campinas - SP L U M I N U M MANUAL TÉCNICO Francisco Ceará Barbosa, 859 - Campo dos Amarais - Campinas - SP - 1.08-00 fibralit.com.br - PABX: 19 16 000 - DDG: 0800 701 0809 - luminum@fibralit.com.br PROPRIEDADES DOS

Leia mais

COBERTURAS. Treliças Estruturas: Metálica Telha Auto Portante Espacial. Concreto

COBERTURAS. Treliças Estruturas: Metálica Telha Auto Portante Espacial. Concreto COBERTURAS Madeira Tirantes Treliças Estruturas: Metálica Telha Auto Portante Espacial Concreto Em telhas de barro/metálicas/fibrocimento Proteções: Em lajes Concreto Tijolos Domos, etc. Shed Terça Pestana

Leia mais

TELHA CANALETE 49 8 mm

TELHA CANALETE 49 8 mm O perfil estrutural inteligente. O Canalete 49 é uma peça estrutural capaz de proporcionar grandes vãos livres com menor estrutura de apoio. Seu perfil de linhas retas confere classe e beleza às coberturas

Leia mais

FLEXÍVEIS Suportam deformações de amplitude variável, dependendo de seu reforço à tração.

FLEXÍVEIS Suportam deformações de amplitude variável, dependendo de seu reforço à tração. IMPERMEABILIZAÇÃO Têm a função de proteger a edificação contra patologias que poderão surgir como possível infiltração de água. Classificação RÍGIDAS Baixa capacidade de deformação FLEXÍVEIS Suportam deformações

Leia mais

Orçamento: RESIDENCIA - ANDRE CONGONHAS

Orçamento: RESIDENCIA - ANDRE CONGONHAS Orçamento: RESIDENCIA - ANDRE CONGONHAS Orçamento parcial nº 1 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.1 m2 Corte de capoeira fina a foice 900,000 0,19 171,00 1.2 m2 Raspagem e limpeza manual de terreno 900,000 0,63 567,00

Leia mais

TÓPICOS ESPECIAIS ECIVIL I ALVENARIA ESTRUTURAL PAREDES. Estruturas Mistas - Profas Maria Regina Leggerini / Sílvia Baptista Kalil

TÓPICOS ESPECIAIS ECIVIL I ALVENARIA ESTRUTURAL PAREDES. Estruturas Mistas - Profas Maria Regina Leggerini / Sílvia Baptista Kalil 1 TÓPICOS ESPECIAIS ECIVIL I ALVENARIA ESTRUTURAL PAREDES CONCEITO: São elementos estruturais laminares (uma das dimensões muito menor do que as outras duas), apoiadas de modo contínuo em sua base. 2 TIPOLOGIA:

Leia mais

CATÁLOGO. Linha MEDITERRÂNEA TÉCNICO. Linha COLONIAL TELHA TOP TEM NOME TELHA TOP É SÓ

CATÁLOGO. Linha MEDITERRÂNEA TÉCNICO. Linha COLONIAL TELHA TOP TEM NOME TELHA TOP É SÓ CATÁLOGO TÉCNICO Linha MEDITERRÂNEA Linha COLONIAL TELHA TOP TEM NOME TELHA TOP É SÓ TELHA TOP TEM NOME A Top Telha tem o prazer de apresentar seus mais novos acabamentos para a telha cerâmica de cor natural:

Leia mais

Onda 50 Brasilit. Catálogo Técnico

Onda 50 Brasilit. Catálogo Técnico Onda 50 Brasilit Catálogo Técnico TECNOLOGIA CRFS: CIMENTO REFORÇADO COM FIOS SINTÉTICOS. A ALTERNATIVA SEGURA DA BRASILIT PARA A SUBSTITUIÇÃO DEFINITIVA DO AMIANTO. Seguindo uma tendência mundial, e em

Leia mais

7. COBERTURA. 7.1 Oitões. A cobertura é formada por duas águas e terá sua estrutura (terça, caibro e ripas) sustentada pelos oitões.

7. COBERTURA. 7.1 Oitões. A cobertura é formada por duas águas e terá sua estrutura (terça, caibro e ripas) sustentada pelos oitões. 7. COBERTURA A cobertura é formada por duas águas e terá sua estrutura (terça, caibro e ripas) sustentada pelos oitões. 7.1 Oitões Os oitões são formados por quatro paredes transversais paralelas apoiados

Leia mais

DESENHO TÉCNICO REPRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE ARQUITETURA

DESENHO TÉCNICO REPRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE ARQUITETURA DESENHO TÉCNICO REPRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE ARQUITETURA Faculdade de Tecnologia e Ciências - FTC Unidade Vitória da Conquista BA Colegiado de Engenharia Civil Prof. Philipe do Prado Santos PROJETOS ARQUITETÔNICOS

Leia mais

TELHAbras. Telha Romana Esmaltada

TELHAbras. Telha Romana Esmaltada Telha Romana Esmaltada As Telhas Romanas Esmaldata Telhabras são resistentes, bonitas e com excelente custobenefício para sua obra. Com baixo peso e baixa absorção de água, trazem a economia que você espera

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS Formas metálicas para produção de pré-fabricados de concreto

CATÁLOGO DE PRODUTOS Formas metálicas para produção de pré-fabricados de concreto CATÁLOGO DE PRODUTOS Formas metálicas para produção de pré-fabricados de concreto EMPRESA 2 EMPRESA POLÍTICA DA QUALIDADE Fundada em 2014, a Formatec Tecnologia em Formas Metálicas está Instalada no município

Leia mais

ebook Manual Pingadeiras

ebook Manual Pingadeiras ebook Manual Telha de Aço ebook Manual Pingadeiras Tire suas dúvidas técnicas sobre o assunto 1 ONDE UTILIZAR As peças de aço com formato de pingadeiras são utilizadas largamente na construção civil com

Leia mais

Estruturas Metálicas

Estruturas Metálicas Estruturas Metálicas DIMENSIONAMENTO, DETALHAMENTO E QUANTIFICAÇÃO DA TESOURA METÁLICA www.metalica.com.br www.cosipa.com.br www.usiminas.com.br Edilberto Borja/Marcio Varela NOMENCLATURA COBERTURA METÁLICA

Leia mais

Professora: Engª Civil Silvia Romfim

Professora: Engª Civil Silvia Romfim Professora: Engª Civil Silvia Romfim PARTES CONSTITUINTES DE UMA COBERTURA Pode-se dizer que a cobertura é subdividida em cinco principais partes: 1. Pelo telhado, composto por vários tipos de telhas;

Leia mais

Telhas Shingle e Acessórios para Telhado. Sua casa em alto estilo.

Telhas Shingle e Acessórios para Telhado. Sua casa em alto estilo. Telhas Shingle e Acessórios para Telhado Sua casa em alto estilo. Telhas Shingle Você coberto de qualidade a vida toda. PROTEÇÃO +TECNOLOGIA PROTEÇÃO AR +LEVE LEVE GARANTIA GARANTIA +A PARTIR DE ANOS

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVO SÃO JOAQUIM

ESTADO DE MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVO SÃO JOAQUIM - TIPO 02 - ÁREA = 2,73 m² BDI 19,69% 1,1969 1.0 SERVIÇOS PRELIMINARES. SUB TOTAL 112,67 1.1 74077/001 LOCACAO CONVENCIONAL DE OBRA, ATRAVÉS DE GABARITO DE TABUAS CORRIDAS PONTALETADAS, SEM REAPROVEITAMENTO

Leia mais

Aços Longos. Soluções Lajes

Aços Longos. Soluções Lajes Aços Longos Soluções Lajes Soluções Lajes Entre os desafios da engenharia civil, o sistema construtivo de lajes deve atender à eficiência estrutural, visando a soluções seguras, economicamente viáveis

Leia mais

COBERTURA DAS INSTALAÇÕES

COBERTURA DAS INSTALAÇÕES COBERTURA DAS INSTALAÇÕES OBJETIVO: Identificar para as coberturas as suas funções básicas, formas elementares e especiais, composição, dimensionamento simplificado e processo de cobertura. A cobertura,

Leia mais

Soluções para Autoconstrução Praticidade, economia e agilidade na sua obra

Soluções para Autoconstrução Praticidade, economia e agilidade na sua obra Aços Longos Soluções para Autoconstrução Praticidade, economia e agilidade na sua obra Arame Recozido Trançadinho Recozido Prático Sapatas Recozido Fácil Pregos Treliças Nervuradas Murfor Produto Belgo

Leia mais

Eternit. Mais de meio século em produtos de sua confiança e respeito ao meio ambiente. Aplicação Ideal

Eternit. Mais de meio século em produtos de sua confiança e respeito ao meio ambiente. Aplicação Ideal Versatilidade e resistência a toda prova. A telha Ondulada é um produto de grande versatilidade para coberturas e fechamentos laterais em obras de qualquer porte. Vence grandes áreas de telhado com rapidez

Leia mais

PROJETO-AVICULTURA COLONIAL AVIÁRIO PARA 500 AVES DE CORTE

PROJETO-AVICULTURA COLONIAL AVIÁRIO PARA 500 AVES DE CORTE PROJETO-AVICULTURA COLONIAL AVIÁRIO PARA 500 AVES DE CORTE CLIENTE-EMBRAPA CLIMA TEMPERADO ONSTRUÇÃO Projeto - Avicultura Colonial Aviário para 500 aves de corte Cliente Embrapa Clima Temperado Junho,

Leia mais

Ondina Brasilit. Catálogo Técnico

Ondina Brasilit. Catálogo Técnico Ondina Brasilit Catálogo Técnico TECNOLOGIA CRFS: CIMENTO REFORÇADO COM FIO SINTÉTICO. A ALTERNATIVA SEGURA DA BRASILIT PARA A SUBSTITUIÇÃO DEFINITIVA DO AMIANTO. Seguindo uma tendência mundial, e em respeito

Leia mais

PESQUISA DE MATERIAIS DE ACABAMENTO FORROS E TETOS. Aquiles Fernandes Pinho

PESQUISA DE MATERIAIS DE ACABAMENTO FORROS E TETOS. Aquiles Fernandes Pinho PESQUISA DE MATERIAIS DE ACABAMENTO FORROS E TETOS Aquiles Fernandes Pinho 1 TETOS: FABRICANTE: PRODUTO: TIPO DE USO: Knauf D112 Unidirecional Revestimento do Forro DESCRIÇÃO: Utiliza uma estrutura metálica

Leia mais

Guia Prático de Instalação Completo Forro NexaLux. Revisão: 2

Guia Prático de Instalação Completo Forro NexaLux. Revisão: 2 Guia Prático de Instalação Completo Forro NexaLux Revisão: 2 Guia Prático de Instalação Nexacustic Cuidados Iniciais Cuidados iniciais: Os produtos Nexacustic foram desenvolvidos para aplicação em ambientes

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA - MG Curso de Engenharia Civil. EXPRESSÃO GRÁFICA III Diagramas de cobertura Telhados SUMÁRIO

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA - MG Curso de Engenharia Civil. EXPRESSÃO GRÁFICA III Diagramas de cobertura Telhados SUMÁRIO PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA - MG Curso de Engenharia Civil EXPRESSÃO GRÁFICA III Diagramas de cobertura Telhados SUMÁRIO 1 COBERTURA DAS EDIFICAÇÕES...3 2 TIPOS DE TELHAS...14 3 ESTRUTURA DAS COBERTURAS...18

Leia mais

PÁGINA Município da Marinha Grande DATA IMPRESSÃO 1 MAPA DE QUANTIDADES DO PROJECTO 2015/07/06

PÁGINA Município da Marinha Grande DATA IMPRESSÃO 1 MAPA DE QUANTIDADES DO PROJECTO 2015/07/06 1 MAPA DE QUANTIDADES DO PROJECTO 2015/07/06 1 1.1 DESMATAÇÃO E DECAPAGEM Corte e remoção de árvore, extração de troco e raízes com posterior enchimento e 1.000 U compactação da abertura com terra da própria

Leia mais

Tecnologia da Construção Civil - I Estruturas de concreto. Roberto dos Santos Monteiro

Tecnologia da Construção Civil - I Estruturas de concreto. Roberto dos Santos Monteiro Tecnologia da Construção Civil - I Estruturas de concreto Estruturas de concreto As estruturas das edificações, sejam eles de um ou vários pavimentos, são constituídas por diversos elementos cuja finalidade

Leia mais

MANUAL DE ATUALIZAÇÃO DO CADASTRO IMOBILIÁRIO DE ACORDO COM A PLANTA GENÉRICA DE VALORES

MANUAL DE ATUALIZAÇÃO DO CADASTRO IMOBILIÁRIO DE ACORDO COM A PLANTA GENÉRICA DE VALORES MANUAL DE ATUALIZAÇÃO DO CADASTRO IMOBILIÁRIO DE ACORDO COM A PLANTA GENÉRICA DE VALORES LEI COMPLEMENTAR nº.44 DE 17 DE DEZEMBRO DE 2015 MANUAL DE ATUALIZAÇÃO DO CADASTRO IMOBILIÁRIO Este manual tem por

Leia mais

Introdução vigas mesas. comportamento laje maciça grelha.

Introdução vigas mesas. comportamento laje maciça grelha. Introdução - Uma laje nervurada é constituida de por um conjunto de vigas que se cruzam, solidarizadas pelas mesas. - Esse elemento estrutural terá comportamento intermediário entre o de laje maciça e

Leia mais