Tutorial para atividades do Trabalho Prático da disciplina DCC 603 Engenharia de Software

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Tutorial para atividades do Trabalho Prático da disciplina DCC 603 Engenharia de Software"

Transcrição

1 Tutorial para atividades do Trabalho Prático da disciplina DCC 603 Engenharia de Software Antes de iniciar o tutorial, baixar os seguintes arquivos da página do Prof. Wilson: Plataforma reutilizável: Linha de base da iteração C2: Descompactar os arquivos baixados em uma pasta de sua escolha. Atividade 1 Configurando os Modelos UML e artefatos de gestão 1 Abrir o RSA 7.5 e criar um novo Workspace. 2 Importar, sem copiar, o Projeto Perfis (que contém o perfil de UML) da pasta dos componentes reutilizáveis. Para isso: Acionar o menu Arquivo > Importar e escolher Projetos Existentes no Espaço de Trabalho, como na figura abaixo. Acionar Avançar>

2 Encontrar a pasta onde foi descompactado o arquivo com a plataforma e escolher a pasta Perfis, como ilustrado abaixo: 3 Repetir o passo 2 para o projeto Modelos localizado dentro da pasta da plataforma reutilizável, mas agora, marcando a opção Copiar Projetos no Espaço de Trabalho. 4 Renomear o projeto importado no passo 3 para Praxis.Modelos. 5 Marcar os dois Modelos (Praxis Modelo da solução e Mapeador) do Projeto Praxis.Modelos como somente leitura, através do botão direito do mouse, Propriedades e depois marcar a opção Somente Leitura. 6 Repetir o passo 2 para os projetos Modelos e Gestão localizados na linha de base da iteração C1, mas marcando a opção Copiar Projetos no Espaço de Trabalho. Ao final, a lista de projetos na visualização Explorador de Projeto deve se parecer com a figura abaixo:

3 Atividade 2 Reproduzir o Modelo do Problema do Merci. Nesta atividade utilizaremos o RSA para reproduzir uma parte do Modelo do Problema do merci, aprendendo como utilizar a ferramenta para criar elementos e diagramas UML. Assumiremos que o seu workspace está da forma como deveria ao final da atividade 1 (acima). Criando um novo modelo e aplicando o perfil de UML do Praxis 1 Criar um modelo UML vazio no Workspace, com o nome de sua escolha. Para isso, vá ao menu Arquivo > Novo > Projeto... Na tela que se abre, escolha a opção Projeto UML e depois em Avançar. Na tela seguinte, digite o nome do seu modelo, como por exemplo, <nome do produto> Modelo do Problema e depois clique em Avançar. Na tela seguinte, escolha para criar seu modelo com base em um modelo vazio e preencha o nome do arquivo, como ilustrado abaixo. Clique em Concluir. 2 Por padrão, o RSA cria um pacote e não um modelo. Para converter o pacote recém criado (figura abaixo) em um modelo, clicar com o botão direito nele, e acionar o comando Refatorar > Converter Pacote em Modelo.

4 3 Aplicar o perfil de modelagem do Praxis. Isso permitirá que apliquemos estereótipos do Praxis para os elementos de modelagem, como classes, atividades, associações e outros. Para aplicar o perfil, selecione o modelo recém criado e vá na visualização Propriedades. Dentro desta visualização, escolha a aba lateral chamada Perfis, como ilustrado abaixo. 4 Clique no comando Incluir Perfil e escolha o perfil do Praxis, selecionando a opção Perfil no Espaço de Trabalho, como ilustrado abaixo. Clique em Ok. Ignorar o aviso clicando em OK.

5 5 Aplicar o estereótipo <<systemmodel>> no seu modelo. Para isso, selecione o na árvore do projeto (Project Explorer) e verifique a visualização Propriedades. Escolha a aba lateral Estereótipos, como ilustrado abaixo. Clique em Aplicar Estereótipos e marque a opção systemmodel cujo perfil é o Standard. Note que após aplicar o estereótipo, seu modelo ganhou um adorno <<systemmodel>> na frente de seu nome na árvore do projeto. Isso ocorrerá sempre que aplicar estereótipos nos elementos de modelagem.

6 Montando a estrutura de pacotes e pastas padrão do Praxis no seu modelo 1 Utilizando o botão direito do mouse, acione o comando Incluir UML > Pacote para criar pacotes em seu modelo, até que fique igual ao do Merci, como ilustrado abaixo. Não preocupar com os diagramas neste momento. 2 Vá até a pasta onde está a raiz do seu modelo no sistema de e replique a estrutura de pastas do Merci. Para saber onde está o arquivo, clique com o botão direito no modelo e acione Properties (obs: veja que isso é diferente da visualização Propriedades). A tela abaixo se abrirá.

7 A raiz do seu modelo está informada em Local (na tela acima). Acessar esta pasta no Windows Explorer e reproduzir as pastas do Merci, como na figura abaixo. Obs: Apenas porque estamos copiando o exemplo do merci, neste caso, copiar os anexos (arquivos dentro das pastas) para sua estrutura de diretórios também. Não faça isso no seu trabalho. Você deve usar os gabaritos que estão na plataforma do Praxis, que vêm vazios. Incluindo os anexos de descrição geral Nesta etapa incluiremos os anexos de descrição geral do Merci no seu novo modelo. Para isso, primeiro temos que habilitar a visualização de anexos na árvore do projeto. 1 Na visualização Explorador de Projeto, acione o comando Customizar Visualização, como exibido na figura abaixo.

8 2 Desmarcar a opção Elementos UML na aba Filtros, como ilustrado na figura abaixo. Clique em OK. 3 Agora, adicione um a um os anexos de descrição geral no Pacote Visão de Requisitos\Descrição geral, da mesma forma que está no Merci. Para isso, clicar com o botão direito do mouse no pacote correto e acionar Incluir UML > URL. Na tela que se abrirá, marcar a opção Utilize a representação de caminho relativo para todas as referências de arquivo.

9 4 Clicar em Procurar e escolher um dos arquivos que foram copiados. Repita para os outros 2 anexos. Note que 1 anexo fica no pacote Perspectiva do Produto e os outros dois no pacote Descrição Geral. Criando caso de uso e atores Nesta etapa criaremos um diagrama, um ator, um caso de uso, uma associação entre eles e depois arrastaremos os elementos para os pacotes corretos. 1 Escolha aleatoriamente um dos pacotes dentro do pacote Visão de requisitos\requisitos funcionais, como por exemplo, Administração. 2 Com o botão direito do mouse no pacote escolhido, acionar Incluir Diagrama > Diagrama de Caso de Uso e o nomeie de Visão Geral. Este diagrama tem o objetivo de mostrar todos os casos de uso do pacote e o relacionamento deles com os atores. 3 Clicar duas vezes no diagrama criado para visualizá lo. Utilizando a paleta de elementos UML, adicionar um ator, um caso de uso e uma associação entre eles. Seu diagrama deverá ficar como abaixo. 4 Renomear o caso de uso para o caso de uso que deseja imitar, como por exemplo, Gestão de usuários. Para isso, basta clicar sobre ele no diagrama e começar a digitar o novo nome. Renomear o ator também, colocando o nome correto para o caso de uso escolhido. No caso da Gestão de usuários, ele se chama Gerente. 5 Aplicar os estereótipos corretos para o caso de uso e para o ator, assim como feito para o modelo (View Properties, aba Stereotypes). O caso de uso deve receber o estereótipo <<appusecase>> e o ator <<useractor>>. Ao final, seu diagrama deve ficar como o abaixo. 6 Agora, note que todos os elementos criados no diagrama estão, na árvore do projeto, no mesmo pacote que o diagrama. No entanto, cada elemento tem seu pacote correto. Nesse caso, o ator deve ser movido (arrastado) para o pacote Visão de requisitos\descrição geral\usuários e sistemas externos.

10 7 Criar um diagrama de Caso de uso no pacote onde o ator foi movido, chamado Visão Geral. Abra o diagrama criado e arraste o ator, da árvore do projeto, para o diagrama. Note que um mesmo elemento da árvore pode estar em mais de um diagrama do modelo, sem necessidade de duplicá lo. Isso é um erro muito comum dos alunos, que frequentemente duplicam o elemento na árvore. Obs: Nessa atividades não documentaremos os elementos UML, mas no trabalho prático, TODOS os elementos da UML em seu modelo, incluindo os pacotes, devem estar documentados. Isso é feito na visualização Propriedades, aba Documentação.

11 Criando os fluxos de casos de uso Uma das grandes modificações no Praxis 3.0 é a utilização de diagramas de atividade para modelar os fluxos de evento de um caso de uso. Na versão anterior, tudo era feito textualmente em um arquivo anexo ao caso de uso. Tomaremos aqui, como base, o caso de uso Gestão de usuários para realizar o tutorial, mas você pode fazer com qualquer outro. 1 No caso de uso que você criou na etapa anterior, clicar com o botão direito do mouse e acionar Incluir Diagrama > Diagrama de Atividade). Nomear a atividade recém criada dentro do caso de uso de Visão geral. Note que já é criado automaticamente dentro da atividade, um diagrama de atividades da UML. Renomeá lo para Visão Geral. 2 Criar todas as pré condições e pós condições do caso de uso escolhido. Para criá las clicar com o botão direito do mouse no caso de uso e acionar Incluir UML > Restrição. 3 Nomear as restrições criadas com os mesmos nomes do caso de uso de exemplo. No caso desse tutorial, Invocação e Consistência com a realidade. Por hora, seu caso de uso deverá ficar assim na árvore do modelo: 4 Colocar os estereótipos corretos nas restrições (<<precondition>> e <<postcondition>>). Invocação é <<precondition>> e Consistência com a realidade <<postcondition>>. 5 Para documentar restrições não o fazemos no campo Documentação como para os outros elementos. As restrições são documentadas na aba Geral, da visualização Propriedades. Abaixo ilustramos a documentação da Invocação (pré condição do caso de uso). Faça isso para as outras restrições que você criou.

12 6 Abrir o diagrama de atividades dentro da atividade Visão geral e arrastar as restrições para o diagrama. Por convenção, a pré condição fica na parte de cima do diagrama e as póscondições na parte de baixo. Seu diagrama deverá ficar como o abaixo. Vamos agora criar os fluxos de evento, que são representados por atividades com estereótipo apropriado. Para exemplificar, usaremos o fluxo alternativo Inclusão de novo usuário. 7 Clicar com o botão direito do mouse no caso de uso e acionar Incluir UML > Diagrama de Atividade, nomeando a para Inclusão de novo usuário. Renomear também o diagrama dentro da atividade para este mesmo nome. 8 Aplicar o estereótipo <<altflow>> na atividade que acabou de criar. 9 Adicionar duas Partições (raias) no diagrama do fluxo alternativo. Para isso basta arrastar o elemento da paleta para o diagrama dentro da atividade. 10 Uma das raias deverá ter o nome do produto e a outra o nome do ator do caso de uso. No caso do Merci, uma se chama Merci e a outra Gerente, que é o ator do caso de uso Gestão de usuários que estamos imitando. O seu diagrama deverá ficar como abaixo.

13 11 No caso da raia que representa o ator, devemos formalizar esse conceito. Para isso basta arrastar o ator correto da árvore do projeto e soltar sobre o nome da partição que possui o mesmo nome do ator. Note que o nome da raia mudou para Gerente:Gerente. 12 Utilizar os elementos da paleta e reproduzir o diagrama de atividades do fluxo de Inclusão de novo usuário. Você utilizará os elementos abaixo no caso desse fluxo. Inicial Final da Atividade Ação Fluxo 13 Criar uma restrição para o fluxo do caso de uso Inclusão de novo usuário. Estereotipá la com <<precondition>> e incluir sua documentação. Depois arrastar a restrição para o topo do diagrama. 13 Ao final, seu diagrama deverá ficar como abaixo.

14 14 Por fim, abrir o diagrama da atividade Visão Geral, arrastar o fluxo alternativo Inclusão de novo usuário) para dentro desse diagrama. Ao fazer isso, um novo elemento de UML é criado: CallBehaviorAction, que representa uma chamada ao comportamento da atividade (ou fluxo alternativo). Estereotipar esse CallBehaviorAction com o mesmo estereótipo da atividade que ele representa, ou seja, <<altflow>>. Ao final, seu diagrama ficará como abaixo:

15 Repetir os passos de 2 a 14 para outro fluxo do seu caso de uso. Criando as classes de análise e realizações dos casos de uso Como você já está um pouco familiarizado com o uso da ferramenta, diminuiremos o nível de detalhes do tutorial. Nessa etapa criaremos as classes de entidade, controle e fronteira que colaborarão para realizar as funcionalidades descritas nos diagramas de atividade. 1 No Pacote Visão de Análise > Estrutura > Administração, reproduzir os elementos que estão nesse mesmo pacote no Merci. São os pacotes Estoque e Usuários e dentro deles algumas classes (Incluir UML > Classe). 2 Aplicar os estereótipos corretos nas classes: <<boundary>>, que representam as telas do sistema, <<control>> que são classes que concentram as regras de negócio e lógicas mais complexas e <<persistententity>> que são as entidades que normalmente serão persistidas em banco de dados. 3 Alguns estereótipos do Praxis possuem atributos, como <<boundary>> e <<persistententity>>. Esses atributos devem sempre ser preenchidos. Para isso, vá na visualização Propriedades, aba Estereótipos e preencha os na tabela Propriedades do Estereótipo, como ilustrado abaixo. Para cada classe, criar também APENAS os atributos como no exemplo. NÃO criar as operações. 4 Crie também os diagramas do tipo Diagrama de Formulário Livre dentro desses pacotes e replique o conteúdo deles, criando as associações entre as classes através do diagrama. Como já temos nossas classes que colaborarão com troca de mensagens para realizar os fluxos dos casos de uso, vamos agora representar essa colaboração entre elas. 5 No pacote Visão de Análise\Realizações\Administração, crie uma colaboração (Incluir UML > Colaboração) e a nomeie como Gestão de usuários. Aplicar o estereótipo <<analysiscollaboration>> nela.

16 6 Crie um Diagrama de Formulário Livre nesse mesmo pacote, chamado visão geral. Nesse diagrama, arrastar a colaboração criada e o caso de uso que estamos modelando (nesse exemplo, Gestão de usuários). Criar uma dependência do tipo realização que sai da colaboração e aponta para o caso de uso. Esse tipo de dependência fica no grupo Classe, na paleta. Seu diagrama deverá ficar como abaixo. 7 O Praxis possui vários padrões para exibição dos elementos nos diagramas, que devem ser respeitados. No caso das colaborações, devem ser exibidos na forma icônica. Para isso, vá no diagrama, clique com o botão direito do mouse na colaboração e acione Filtros > Estilo de Estereótipo e Visibilidade > Estereótipo : Imagem de Forma, como mostra a figura abaixo. Por fim, vamos adicionar os atores, classes de entidade, fronteira e controle como atributos da colaboração, representando os participantes que realizam as funcionalidades do caso de uso. 8 No exemplo da gestão de usuários, criaremos 4 atributos com os nomes g, tru, tu e u, que representarão, respectivamente, Gerente (ator), Tratador de usuários (controle), Tela de usuários (fronteira) e Usuário (entidade persistente). Para fazer a associação entre o atributo da colaboração e o que ele representa, usar a visualização Propriedades, aba Geral e preencher o campo Tipo. Abaixo ilustramos o preenchimento do atributo u com a entidade Usuário.

17 Note que o atributo deve ser alterado para visibilidade pública (Public). Realizando os fluxos de evento do caso de uso Essa é a útlima etapa da análise no Modelo do Problema. O objetivo é mostrar como os atores, fronteiras (telas), controladores e entidades colaborarão para realizar cada um dos fluxos de evento. Essa é uma atividade muito parecida com a programação em uma linguagem, mas num nível mais alto de abstração. Tentaremos identificar quais as operações cada classe possuirá. As operações representam serviços (ou responsabilidades) de cada classe, no conceito de Orientação a Objetos. A realização, que no Praxis é modelada como interações, mostra como cada funcionalidade de um fluxo do caso de uso será realizado pelo sistema através de troca de mensagens (chamadas às operações) entre as classes. Para cada fluxo do caso de uso que estamos realizando, devemos criar uma Interação dentro da colaboração (criada na etapa anterior) com o mesmo estereótipo do fluxo de caso de uso que ela realiza. Dentro de cada Interação, criamos um diagrama de seqüência da UML. Nesse diagrama, cada classe participante é representado por uma raia. As setas entre as linhas de cada raia representam uma chamada de operação de uma classe para a outra. Reproduzir uma Interação do caso de uso que realizou, criando o diagrama de seqüência da mesma forma que no exemplo. NÃO COPIAR, para praticar o uso da ferramenta. Ao fim, um diagrama de seqüência de uma interação deverá ficar como o da figura abaixo, que ilustra a realização do fluxo alternativo Inclusão de novo usuário. Nesse diagrama, poderemos ver o ator (Gerente) enviando uma mensagem Novo para a Tela de Usuários. Ao criar essa mensagem, uma operação com o mesmo nome será criada na classe Tela de Usuários. No Praxis, uma mensagem do ator para a tela representa o clique de um botão.

18 Referências Todo este material é baseado naquele utilizado por Cássia Rodrigues de Carvalho F. Leite, em seu estágio de docência, 2º semestre de 2009 e no material elaborado por Vítor Alcântara Batista no curso de Especialização em Engenharia de Software do DCC/UFMG.

Instalação - SGFLeite 1

Instalação - SGFLeite 1 Instalação SGFLeite Sistema Gerenciador de Fazenda de Leite Instalação - SGFLeite 1 Resumo dos Passos para instalação do Sistema Este documento tem como objetivo auxiliar o usuário na instalação do Sistema

Leia mais

Tutoriais de apoio para a migração do e-mail @pmmc.com.br para @se-pmmc.com.br Atualização: 30/04/2014

Tutoriais de apoio para a migração do e-mail @pmmc.com.br para @se-pmmc.com.br Atualização: 30/04/2014 Tutoriais de apoio para a migração do e-mail @pmmc.com.br para @se-pmmc.com.br Atualização: 30/04/2014 Sumário Introdução... 3 1. Redirecionando e-mails novos... 4 2. Fazendo backup e encaminhando e-mails

Leia mais

Instalando o Sysloc versão 2.9.2 manualmente

Instalando o Sysloc versão 2.9.2 manualmente Instalando o Sysloc versão 2.9.2 manualmente Você só deverá instalar o Sysloc manualmente se a instalação automática não funcionar. Normalmente você vai utilizar o instalador do Sysloc e tudo funcionará,

Leia mais

Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos

Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos Neste capítulo nós iremos examinar as características da interface do gerenciador de arquivos Konqueror. Através dele realizaremos as principais operações com arquivos

Leia mais

TUTORIAL PARA IMPORTAÇÃO DE E-MAILS DE CONTAS UAB PARA CONTAS GMAIL

TUTORIAL PARA IMPORTAÇÃO DE E-MAILS DE CONTAS UAB PARA CONTAS GMAIL TUTORIAL PARA IMPORTAÇÃO DE E-MAILS DE CONTAS UAB PARA CONTAS GMAIL 2 Acesse a conta do Gmail para a qual você deseja copiar os e- mails de sua conta UAB e clique no ícone Configurações. No menu que se

Leia mais

Núcleo de Tecnologias Interativas de Aprendizagem.

Núcleo de Tecnologias Interativas de Aprendizagem. Núcleo de Tecnologias Interativas de Aprendizagem. TUTORIAL MOODLE Titulo: Primeiro Acesso a Plataforma MOODLE. Autor: NUTEIA Data de Criação: 03 / 02 / 2008. Atualizado em: 16 / 03 / 2012. 1ª Etapa 01

Leia mais

MANUAL WEBMAIL HORDE-V.01 IBILCE/UNESP

MANUAL WEBMAIL HORDE-V.01 IBILCE/UNESP MANUAL WEBMAIL HORDE-V.01 IBILCE/UNESP ÍNDICE 01 - COMO UTILIZAR SEU EMAIL...02 02 CONFIGURANDO PARA SEMPRE QUE ABRIR O EMAIL ABRIR A CAIXA DE ENTRADA...03 03 - COMO LER OS EMAILS...05 04 - COMO RETIRAR

Leia mais

Aprenda como instalar o plugin EclipseUML no Eclipse e como utilizá-lo para fazer engenharia reversa de seu código-fonte.

Aprenda como instalar o plugin EclipseUML no Eclipse e como utilizá-lo para fazer engenharia reversa de seu código-fonte. Omondo EclipseUML Ricardo Rodrigues Lecheta Aprenda como instalar o plugin EclipseUML no Eclipse e como utilizá-lo para fazer engenharia reversa de seu código-fonte. Introdução Neste tutorial será apresentado

Leia mais

MANUAL DO ANIMAIL 1.0.0.1142 Terti Software

MANUAL DO ANIMAIL 1.0.0.1142 Terti Software O Animail é um software para criar campanhas de envio de email (email Marketing). Você pode criar diversas campanhas para públicos diferenciados. Tela Principal do sistema Para melhor apresentar o sistema,

Leia mais

Vamos criar uma nova Página chamada Serviços. Clique em Adicionar Nova.

Vamos criar uma nova Página chamada Serviços. Clique em Adicionar Nova. 3.5 Páginas: Ao clicar em Páginas, são exibidas todas as páginas criadas para o Blog. No nosso exemplo já existirá uma página com o Título Página de Exemplo, criada quando o WorPress foi instalado. Ao

Leia mais

Clique no botão novo

Clique no botão novo Tutorial para uso do programa Edilim Criado pela profª Carina Turk de Almeida Correa 1- Abra o programa Edilim. Clique no botão novo, como mostrado abaixo: Clique no botão novo 2- Todos os arquivos a serem

Leia mais

MANUAL DE NAVEGAÇÃO DO MILLENNIUM BUSINESS

MANUAL DE NAVEGAÇÃO DO MILLENNIUM BUSINESS MANUAL DE NAVEGAÇÃO DO MILLENNIUM BUSINESS 1 Conteúdo Apresentação... 3 1 Página Principal do Sistema... 4 2 Telas de busca... 8 3 Teclas de Navegação... 11 4 Tela de Menu de Relatório... 12 5 Telas de

Leia mais

Qlik Sense Cloud. Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados.

Qlik Sense Cloud. Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Qlik Sense Cloud Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Qlik, QlikTech,

Leia mais

Manual de Utilização COPAMAIL. Zimbra Versão 8.0.2

Manual de Utilização COPAMAIL. Zimbra Versão 8.0.2 Manual de Utilização COPAMAIL Zimbra Versão 8.0.2 Sumário ACESSANDO O EMAIL... 1 ESCREVENDO MENSAGENS E ANEXANDO ARQUIVOS... 1 ADICIONANDO CONTATOS... 4 ADICIONANDO GRUPOS DE CONTATOS... 6 ADICIONANDO

Leia mais

FAQ. Erros, e dúvidas frequentes

FAQ. Erros, e dúvidas frequentes FAQ Erros, e dúvidas frequentes Sumário ERROS CONHECIDOS... 2 1. Botões desabilitados ou Congelados... 2 Resolução 2... 2 2. Erro de cadastro... 3 3. Célula com o campo #VALOR... 3 4. Erro em tempo de

Leia mais

SSE 3.0. Guia Rápido. Módulo Secretaria. Nesta Edição

SSE 3.0. Guia Rápido. Módulo Secretaria. Nesta Edição SSE 3.0 Guia Rápido Módulo Secretaria Nesta Edição 1 Acessando o Módulo Secretaria 2 Cadastros Auxiliares 3 Criação de Modelos Definindo o Layout do Modelo Alterando o Layout do Cabeçalho 4 Parametrização

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Compartilhamento de Arquivos no Google Drive Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Utilização do Google Grupos Introdução...

Leia mais

Orientações para o uso do Mozilla Thunderbird

Orientações para o uso do Mozilla Thunderbird Orientações para o uso do Mozilla Thunderbird Mozilla Thunderbird O Mozilla Thunderbird é um software livre feito para facilitar a leitura, o envio e o gerenciamento de e-mails. Índice Configurando o Mozilla

Leia mais

PRINCÍPIOS DE INFORMÁTICA PRÁTICA 08 1. OBJETIVO 2. BASE TEÓRICA. 2.1 Criando Mapas no Excel. 2.2 Utilizando o Mapa

PRINCÍPIOS DE INFORMÁTICA PRÁTICA 08 1. OBJETIVO 2. BASE TEÓRICA. 2.1 Criando Mapas no Excel. 2.2 Utilizando o Mapa PRINCÍPIOS DE INFORMÁTICA PRÁTICA 08 1. OBJETIVO Aprender a utilizar mapas, colocar filtros em tabelas e a criar tabelas e gráficos dinâmicos no MS-Excel. Esse roteiro foi escrito inicialmente para o Excel

Leia mais

Usar Atalhos para a Rede. Logar na Rede

Usar Atalhos para a Rede. Logar na Rede GUIA DO USUÁRIO: NOVELL CLIENT PARA WINDOWS* 95* E WINDOWS NT* Usar Atalhos para a Rede USAR O ÍCONE DA NOVELL NA BANDEJA DE SISTEMA Você pode acessar vários recursos do software Novell Client clicando

Leia mais

Tutorial de animação quadro a quadro

Tutorial de animação quadro a quadro Tutorial de animação quadro a quadro quadro a quadro é uma técnica que consiste em utilizar imagens ou fotografias diferentes de um mesmo objeto para simular o seu movimento. Nesse caso, trata-se de relatar

Leia mais

Como renomear/mudar de local arquivos sem perder referencias na montagem. Renomear Arquivos

Como renomear/mudar de local arquivos sem perder referencias na montagem. Renomear Arquivos Como renomear/mudar de local arquivos sem perder referencias na montagem. Quando utilizamos o SolidWorks nem sempre o nome que inicialmente inserimos em um determinado componente será o mesmo ao término

Leia mais

Vamos criar uma nova Página chamada Serviços. Clique em Adicionar Nova.

Vamos criar uma nova Página chamada Serviços. Clique em Adicionar Nova. 3.5 Páginas: Ao clicar em Páginas, são exibidas todas as páginas criadas para o Blog. No nosso exemplo já existirá uma página com o Título Página de Exemplo, criada quando o WorPress foi instalado. Ao

Leia mais

O computador organiza os programas, documentos, músicas, fotos, imagens em Pastas com nomes, tudo separado.

O computador organiza os programas, documentos, músicas, fotos, imagens em Pastas com nomes, tudo separado. 1 Área de trabalho O Windows XP é um software da Microsoft (programa principal que faz o Computador funcionar), classificado como Sistema Operacional. Abra o Bloco de Notas para digitar e participar da

Leia mais

Como criar pastas personalizadas e novas peças no Toolbox

Como criar pastas personalizadas e novas peças no Toolbox Como criar pastas personalizadas e novas peças no Toolbox Neste tutorial apreenderemos como inserir uma nova pasta no toolbox, inserir novas peças na biblioteca do toolbox e criar propriedades personalizadas

Leia mais

Informática Básica para o PIBID

Informática Básica para o PIBID Universidade Federal Rural do Semi Árido Programa Institucional de Iniciação à Docência Informática Básica para o PIBID Prof. Dr. Sílvio Fernandes Roteiro O Tamanho e Resolução de imagens O Compactação

Leia mais

Manual. Pedido Eletrônico

Manual. Pedido Eletrônico Manual Pedido Eletrônico ÍNDICE 1. Download... 3 2. Instalação... 4 3. Sistema de Digitação SantaCruz... 8 3.1. Configuração... 8 4. Utilização do Sistema Digitação SantaCruz... 11 4.1. Atualizar cadastros...11

Leia mais

Base de Conhecimento Notes

Base de Conhecimento Notes Base de Conhecimento Notes DTI Divisão de Atenção ao Cliente Acesso aos Formulários Institucionais Renovação de Certificado Erro no servidor : Seu certificado expirou. Localização do arquivo ID através

Leia mais

Bem vindo! Esta é a tela inicial do Webmail da Universidade federal de Juiz de Fora. O link de acesso é: http://correio.ufjf.edu.

Bem vindo! Esta é a tela inicial do Webmail da Universidade federal de Juiz de Fora. O link de acesso é: http://correio.ufjf.edu. Manual WebMail 1. Tela inicial... pág. 2 2. Caixa de Entrada... pág. 2 3. A pasta Lidas... pág. 3 4. Criando sua assinatura... pág. 3 5. Enviar Mensagens... pág. 3 6. Anexando arquivos... pág. 4 7. Adicionando

Leia mais

Continuação. 32. Inserir uma imagem da GALERIA CLIP-ART

Continuação. 32. Inserir uma imagem da GALERIA CLIP-ART Continuação 32. Inserir uma imagem da GALERIA CLIP-ART a) Vá para o primeiro slide da apresentação salva no item 31. b) Na guia PÁGINA INICIAL, clique no botão LAYOUT e selecione (clique) na opção TÍTULO

Leia mais

CONHECENDO A ÁREA DE TRABALHO DO WINDOWS 7

CONHECENDO A ÁREA DE TRABALHO DO WINDOWS 7 CONHECENDO A ÁREA DE TRABALHO DO WINDOWS 7 A Área de trabalho é a principal área exibida na tela quando se liga o computador e faz logon no Windows. É onde se exibe tudo o que é aberto (programas, pastas,

Leia mais

Veja abaixo um exemplo de como os dados são mostrados quando usamos o

Veja abaixo um exemplo de como os dados são mostrados quando usamos o Objeto DataGridView O controle DataGridView é um dos objetos utilizados para exibir dados de tabelas de um banco de dados. Ele está disponível na guia de objetos Data na janela de objetos do vb.net. Será

Leia mais

Aula 03 PowerPoint 2007

Aula 03 PowerPoint 2007 Aula 03 PowerPoint 2007 Professor: Bruno Gomes Disciplina: Informática Básica Curso: Gestão de Turismo Sumário da aula: 1. Abrindo o PowerPoint; 2. Conhecendo a Tela do PowerPoint; 3. Criando uma Nova

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Criação de Formulários no Google Drive Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Criação de Formulários no Google Drive Introdução...

Leia mais

MANUAL BACKUP XDENTAL 2012

MANUAL BACKUP XDENTAL 2012 MANUAL BACKUP XDENTAL 2012 Sumário CONFIGURANDO BACKUP... 2 ESCOLHENDO O TAMANHO DO ARQUIVO DE BACKUP... 4 CONFIGURANDO HORÁRIO DE INÍCIO DO BACKUP... 5 CONFIGURANDO BACKUP AO INICIAR O SISTEMA XDENTAL...

Leia mais

COMO INSTALAR O CATÁLOGO

COMO INSTALAR O CATÁLOGO Este guia tem por finalidade detalhar as etapas de instalação do catálogo e assume que o arquivo de instalação já foi baixado de nosso site. Caso não tenho sido feita a etapa anterior favor consultar o

Leia mais

PROFORMAÇÃO II Pré-Inscrição

PROFORMAÇÃO II Pré-Inscrição PROFORMAÇÃO II Pré-Inscrição A CNP desenvolveu o programa Pré-Inscrição que objetiva registrar as informações da Ficha de Inscrição dos professores cursistas que participarão do Proformação II. As instruções

Leia mais

GUIA INTEGRA SERVICES E STATUS MONITOR

GUIA INTEGRA SERVICES E STATUS MONITOR GUIA INTEGRA SERVICES E STATUS MONITOR 1 - Integra Services Atenção: o Integra Services está disponível a partir da versão 2.0 do software Urano Integra. O Integra Services é um aplicativo que faz parte

Leia mais

Funções básicas Cronograma Cronograma Funções Básicas

Funções básicas Cronograma Cronograma Funções Básicas Funções Básicas Fevereiro 2015 - 1) Selecionar o menu Portfólio > Projetos, clique para janela projetos abrir. 2) Selecione botão incluir para abrir um projeto. Preencha os campos obrigatórios nos Dados

Leia mais

REP idx. Manual de integração com Ponto Secullum 4

REP idx. Manual de integração com Ponto Secullum 4 REP idx Manual de integração com Ponto Secullum 4 Esse manual é fornecido da forma como está e as informações nele contidas estão sujeitas a mudanças sem aviso prévio. As imagens neste manual são unicamente

Leia mais

Follow-Up Acompanhamento Eletrônico de Processos (versão 3.0) Manual do Sistema. 1. Como acessar o sistema Requisitos mínimos e compatibilidade

Follow-Up Acompanhamento Eletrônico de Processos (versão 3.0) Manual do Sistema. 1. Como acessar o sistema Requisitos mínimos e compatibilidade do Sistema Índice Página 1. Como acessar o sistema 1.1 Requisitos mínimos e compatibilidade 03 2. Como configurar o Sistema 2.1 Painel de Controle 2.2 Informando o nome da Comissária 2.3 Escolhendo a Cor

Leia mais

Como Configurar Caixas de Entradas Separadas.

Como Configurar Caixas de Entradas Separadas. Como Configurar Caixas de Entradas Separadas. 1 Passo: Clique em Ferramentas. Selecione Regras para mensagens. Selecione E-mail. 2 Passo: Na janela Regras para mensagens. Clique em Nova.. 3 Passo: Na tela

Leia mais

O sistema operacional recomendado deve ser o Windows 2003, Windows 2000 ou Windows XP (nessa ordem de recomendação).

O sistema operacional recomendado deve ser o Windows 2003, Windows 2000 ou Windows XP (nessa ordem de recomendação). Módulo Nota Fiscal Eletrônica Sispetro Roteiro de Instalação Módulo Autenticador NFE Pré-Requisitos O sistema operacional recomendado deve ser o Windows 2003, Windows 2000 ou Windows XP (nessa ordem de

Leia mais

15 4 Operação Avançada do Sistema: Inclusão de Nota Fiscal e seus relacionamentos

15 4 Operação Avançada do Sistema: Inclusão de Nota Fiscal e seus relacionamentos 15 4 Operação Avançada do Sistema: Inclusão de Nota Fiscal e seus relacionamentos Agora vamos fazer algo mais complexo, que vai demonstrar várias das facilidades do sistema. Vamos Incluir uma Nota Fiscal

Leia mais

INSTRUÇÕESPARA INSTALAÇÃO COMPLETA CLIENTE ORACLE E SISTEMA PERGAMUM

INSTRUÇÕESPARA INSTALAÇÃO COMPLETA CLIENTE ORACLE E SISTEMA PERGAMUM INSTRUÇÕESPARA INSTALAÇÃO COMPLETA CLIENTE ORACLE E SISTEMA PERGAMUM Estas instruções devem ser utilizadas para os micros que foram formatados ou nunca tiveram a versão do sistema Pergamum instalada antes.

Leia mais

Manual SAGe Versão 1.2 (a partir da versão 12.08.01)

Manual SAGe Versão 1.2 (a partir da versão 12.08.01) Manual SAGe Versão 1.2 (a partir da versão 12.08.01) Submissão de Relatórios Científicos Sumário Introdução... 2 Elaboração do Relatório Científico... 3 Submissão do Relatório Científico... 14 Operação

Leia mais

Utilizando o correio eletrônico da UFJF com Thunderbird e IMAP

Utilizando o correio eletrônico da UFJF com Thunderbird e IMAP Utilizando o correio eletrônico da UFJF com Thunderbird e IMAP O cliente de e-mail web utilizado pela UFJF é um projeto OpenSource que não é desenvolvido pela universidade. Por isso, pode ocorrer que alguns

Leia mais

Manual Instalação Pedido Eletrônico

Manual Instalação Pedido Eletrônico Manual Instalação Pedido Eletrônico 1 Cliente que não utiliza o Boomerang, mas possui um sistema compatível. 1.1 Instalação do Boomerang Inserir o CD no drive do computador, clicar no botão INICIAR e em

Leia mais

Laboratório de ENGSOF Estudo de Caso. Prof. André Pereira, MSC, PMP

Laboratório de ENGSOF Estudo de Caso. Prof. André Pereira, MSC, PMP Laboratório de ENGSOF Estudo de Caso Aula de Hoje: Desenvolver um sistema UML inteiro: Aplicação Banco Online. Nosso Estudo de Caso! RSA V7.5 O que será feito para o projeto? 1) Criando um Projeto UML:

Leia mais

SIAP - Sistema de Apoio ao Professor

SIAP - Sistema de Apoio ao Professor Introdução O SIAP, Sistema de Apoio ao Professor, é um programa que vai contribuir, de forma decisiva, com o cotidiano escolar de alunos, professores, gestores e funcionários administrativos. Com a implantação

Leia mais

SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO ÊXITO GESTÃO DE PROCESSOS. Dividir Arquivo com Winrar

SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO ÊXITO GESTÃO DE PROCESSOS. Dividir Arquivo com Winrar 1 Acesse a pagina http://www.win-rar.com/index.php?id=970&dl=/rar/ wrar393br.exe&btn=1, clique no ícone Download Now. 2 Ao clicar faça Download do Software, ao concluir o download de um duplo clique no

Leia mais

IMPORTANTE: O sistema Off-line Dr.Micro é compatível com os navegadores Mozilla Firefox e Internet Explorer.

IMPORTANTE: O sistema Off-line Dr.Micro é compatível com os navegadores Mozilla Firefox e Internet Explorer. CONFIGURANDO O SISTEMA OFFLINE DR.MICRO IMPORTANTE: O sistema Off-line Dr.Micro é compatível com os navegadores Mozilla Firefox e Internet Explorer. 1- Ao acessar a plataforma online a opção Minha Escola

Leia mais

Superintendência Regional de Ensino de Ubá - MG Núcleo de Tecnologia Educacional NTE/Ubá. LibreOffice Impress Editor de Apresentação

Superintendência Regional de Ensino de Ubá - MG Núcleo de Tecnologia Educacional NTE/Ubá. LibreOffice Impress Editor de Apresentação Superintendência Regional de Ensino de Ubá - MG Núcleo de Tecnologia Educacional NTE/Ubá LibreOffice Impress Editor de Apresentação Iniciando o Impress no Linux Educacional 4 1. Clique no botão 'LE' no

Leia mais

Podemos também definir o conteúdo dos menus da página inicial. Clique em Menus, Main Menu.

Podemos também definir o conteúdo dos menus da página inicial. Clique em Menus, Main Menu. Podemos também definir o conteúdo dos menus da página inicial. Clique em Menus, Main Menu. Como padrão será mostrado o Menu Home. Ao clicar em Home, podemos definir como deverão ser mostrados os conteúdos

Leia mais

INSTALAÇÃO DO CHEF FOODS NET

INSTALAÇÃO DO CHEF FOODS NET INSTALAÇÃO DO CHEF FOODS NET Obs.: Caso já possua um programa compactador de arquivo pular a etapa 1. 1 - Compactador de Arquivo Para instalar o Chef Foods Net você precisa de um programa descompactador

Leia mais

Procedimentos de Implantação ireport x Protheus

Procedimentos de Implantação ireport x Protheus Índice 1. INTRODUÇÃO... 2 2. CONFIGURAÇÃO... 2 1.1 Configurando o Protheus... 2 2.2 Configurando o ireports no Protheus... 2 2.3 Incluindo relatórios no Protheus... 4 3. CONFIGURANDO E UTILIZANDO O IREPORT

Leia mais

Manual de Utilização. Versão 1.0.1

Manual de Utilização. Versão 1.0.1 Manual de Utilização Versão 1.0.1 Conteúdo 1 Funções do Conhecimento... 3 1.1 Restaurar... 3 1.2 Localiza Certificado... 4 1.3 Exibir Mensagem Vencimento Certificado... 4 1.4 Execução Server... 5 1.5 Configurações

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA ACADÊMICA NÚCLEO DE EDUCAÇÃO EM AMBIENTES DIGITAIS NEAD

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA ACADÊMICA NÚCLEO DE EDUCAÇÃO EM AMBIENTES DIGITAIS NEAD 0 CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA ACADÊMICA NÚCLEO DE EDUCAÇÃO EM AMBIENTES DIGITAIS NEAD ORIENTAÇÕES SOBRE USO DO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM (MOODLE) PARA DISPONIBILIZAÇÃO

Leia mais

Tutorial Administrativo (Backoffice)

Tutorial Administrativo (Backoffice) Manual - Software ENTRANDO NO SISTEMA BACKOFFICE Para entrar no sitema Backoffice, digite no seu navegador de internet o seguinte endereço: http://pesquisa.webbyapp.com/ Entre com o login e senha. Caso

Leia mais

96 cartuchos simultâneos ou não. Copiar e Colar Cartucho: O usuário poderá copiar e colar os cartuchos, e até mesmo colar o cartucho selecionado em um outro perfil. Além de ter o recurso para mudar a cor

Leia mais

Microsoft Office PowerPoint 2007

Microsoft Office PowerPoint 2007 INTRODUÇÃO AO MICROSOFT POWERPOINT 2007 O Microsoft Office PowerPoint 2007 é um programa destinado à criação de apresentação através de Slides. A apresentação é um conjunto de Sides que são exibidos em

Leia mais

Tutorial SGCD. 1. Efetuando Login no Sistema. 2. Criando uma nova página. 3. Editando uma página já existente

Tutorial SGCD. 1. Efetuando Login no Sistema. 2. Criando uma nova página. 3. Editando uma página já existente Tutorial SGCD 1. Efetuando Login no Sistema 2. Criando uma nova página 3. Editando uma página já existente 4. Anexando arquivos em páginas e no menu esquerdo 5. Colocando Imagens em páginas 6. Colocando

Leia mais

Faculdade Boa Viagem Sistemas de Informação Gerenciais EXERCÍCIO PASSO-A-PASSO PEDIDOS E CONTROLE DE ESTOQUE. Microsoft Access.

Faculdade Boa Viagem Sistemas de Informação Gerenciais EXERCÍCIO PASSO-A-PASSO PEDIDOS E CONTROLE DE ESTOQUE. Microsoft Access. Faculdade Boa Viagem Sistemas de Informação Gerenciais EXERCÍCIO PASSO-A-PASSO PEDIDOS E CONTROLE DE ESTOQUE Microsoft Access Professor: M.Sc. Joel da Silva Recife-PE 2006 FBV Controle de Estoque passo-a-passo

Leia mais

www.proteq.com.br/download/sac/receita/safenetauthenticationclientrfbx32-8.1-sp2.msi (token SafeNet e-gov - Plataforma Windows 32).

www.proteq.com.br/download/sac/receita/safenetauthenticationclientrfbx32-8.1-sp2.msi (token SafeNet e-gov - Plataforma Windows 32). Instalação e-token do Governo Federal para acesso ao SIAPE. Baixe os arquivos de instalação de leitura do e-token GD StarSign em: www.comprasnet.gov.br/ajuda/certificacaodigital.html A tela que abrira

Leia mais

Passo a Passo - Como Migrar do Emissor de NF-E Versão 2.0 para a Versão 3.10

Passo a Passo - Como Migrar do Emissor de NF-E Versão 2.0 para a Versão 3.10 Passo a Passo - Como Migrar do Emissor de NF-E Versão 2.0 para a Versão 3.10 Prezado Contribuinte, sugerimos manter o emissor para NF-e leiaute versão 2.0 instalado para fins de consulta dos documentos

Leia mais

Office 365 Manual Outlook 365 Web Application

Office 365 Manual Outlook 365 Web Application Office 365 Manual Outlook 365 Web Application Requisitos para usar o Office 365: Ter instalado pelo menos a versão 7 do Internet Explorer, Mozilla Firefox 15, Google Chrome 21 ou Safari no Mac. O que é

Leia mais

Backup de E-mails Utilizando o Outlook Express

Backup de E-mails Utilizando o Outlook Express Backup de E-mails Utilizando o Outlook Express Uma grande dúvida dos usuários do e-mail da Universidade Federal do Piauí é a realização de backups. Uma forma de realizar o backup é configurar programas

Leia mais

ALBUM DE FOTOGRAFIAS NO POWER POINT

ALBUM DE FOTOGRAFIAS NO POWER POINT ALBUM DE FOTOGRAFIAS NO POWER POINT O PowerPoint é uma poderosa ferramenta que faz parte do pacote Office da Microsoft. O principal uso desse programa é a criação de apresentação de slides, para mostrar

Leia mais

1 UNIT Universidade do Trabalhador Dr. Abel dos Santos Nunes

1 UNIT Universidade do Trabalhador Dr. Abel dos Santos Nunes 1 UNIT Universidade do Trabalhador Dr. Abel dos Santos Nunes Janelas são estruturas do software que guardam todo o conteúdo exibido de um programa, cada vez que um aplicativo é solicitado à janela do sistema

Leia mais

SOLUÇÃO PARA PROBLEMAS COM VÍRUS EM PENDRIVE NO SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS XP OBS: Antes de inicializar, faça um BACKUP de seu pendrive!

SOLUÇÃO PARA PROBLEMAS COM VÍRUS EM PENDRIVE NO SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS XP OBS: Antes de inicializar, faça um BACKUP de seu pendrive! SOLUÇÃO PARA PROBLEMAS COM VÍRUS EM PENDRIVE NO SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS XP OBS: Antes de inicializar, faça um BACKUP de seu pendrive! 1 - Após realizar o backup, formate o pendrive como fat32. Clique

Leia mais

Manual (Office 365) Para acesso ao sistema de e-mails, os passos iniciais continuam os mesmos.

Manual (Office 365) Para acesso ao sistema de e-mails, os passos iniciais continuam os mesmos. Histórico de Alterações Versão Data Autor Função Descrição 1 14/09/2012 Roberto Gouveia Analista de Help Desk Criação inicial 2 19/11/2013 Roberto Gouveia Analista de Help Desk Atualização A partir de

Leia mais

TISSNet Instalando e Configurando Schemas

TISSNet Instalando e Configurando Schemas Objetivos Gerais: Este documento tem por objetivo, instruir os credenciados da C. S. ASSISTANCE no processo de instalação e configuração do aplicativo TISSNet, facilitando desta forma o controle e envio

Leia mais

BH PARK Software de Estacionamento

BH PARK Software de Estacionamento BH PARK Software de Estacionamento WWW.ASASSOFTWARES.COM.BR Índice 1 Informações Básicas... 1 1.1 Sair da aplicação... 1 1.2 Travar aplicação... 1 1.3 Licenciando a aplicação... 1 1.4 Contrato de Manutenção...

Leia mais

Gerente de Tecnologia: Ricardo Alexandre F. de Oliveira Marta Cristiane Pires M. Medeiros Mônica Bossa dos Santos Schmid WORD 2007

Gerente de Tecnologia: Ricardo Alexandre F. de Oliveira Marta Cristiane Pires M. Medeiros Mônica Bossa dos Santos Schmid WORD 2007 WORD 2007 PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE LONDRINA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO GERÊNCIA DE TECNOLOGIA Gerente de Tecnologia: Ricardo Alexandre F. de Oliveira Marta Cristiane Pires M. Medeiros Mônica Bossa

Leia mais

TUTORIAL PARA ATUALIZAÇÃO DO PORTAL DO TJRN

TUTORIAL PARA ATUALIZAÇÃO DO PORTAL DO TJRN Poder Judiciário do Estado do Rio Grande do Norte TUTORIAL PARA ATUALIZAÇÃO DO PORTAL DO TJRN Agosto/2012 Versão 1.0 1. ACESSANDO O PORTAL Acesse o site do TJ no endereço www.tjrn.jus.br Observação: utilize

Leia mais

Como Gerar documento em PDF com várias Imagens

Como Gerar documento em PDF com várias Imagens Como Gerar documento em PDF com várias Imagens Para Gerar documento em PDF com várias Imagens, temos que seguir dois passos: 1. Inserir Imagens no Word 2. Gerar PDF a partir de documento do Word 1- Inserir

Leia mais

Melhor do que driblar os vírus de pendrive, é não pegá-los! Mas como fazer isto?

Melhor do que driblar os vírus de pendrive, é não pegá-los! Mas como fazer isto? Melhor do que driblar os vírus de pendrive, é não pegá-los! Mas como fazer isto? Por padrão, a maioria dos pendrives vêm formatados com o padrão conhecido como FAT32. Este padrão já meio antigo, é muito

Leia mais

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet.

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet. Conteúdo 1. Descrição geral 2 2. Resumo das funcionalidades 3 3. Efetuar cadastro no sistema 4 4. Acessar o sistema 6 5. Funcionalidades do menu 7 5.1 Dados cadastrais 7 5.2 Grupos de usuários 7 5.3 Funcionários

Leia mais

Manual das funcionalidades Webmail AASP

Manual das funcionalidades Webmail AASP Manual das funcionalidades Webmail AASP 1. Configurações iniciais 2. Regras 3. Histórico da conta 4. Autorresposta 5. Dados de acesso (alterando senha de acesso) 6. Identidade (assinatura) 7. Redirecionamento

Leia mais

MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO

MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO Diretoria de Vigilância Epidemiológica/SES/SC 2006 1 Módulo 04 - Exportação e Importação de Dados Manual do SINASC Módulo Exportador Importador Introdução O Sistema SINASC

Leia mais

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Estoque)

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Estoque) SuperStore Sistema para Automação de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Estoque) Contato: (34) 9974-7848 http://www.superstoreudi.com.br superstoreudi@superstoreudi.com.br SUMÁRIO 1 ACERTO DE ESTOQUE...

Leia mais

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1 MANUAL DO USUÁRIO Índice 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 2.1. Instalação... 4 2.1.1. Servidor - Computador Principal... 4 2.1.2. Estação - Computador na Rede... 6 2.1.3. Estação - Mapeamento

Leia mais

LIBERAÇÃO DA PASTA ARQUIVOS DE PROGRAMA

LIBERAÇÃO DA PASTA ARQUIVOS DE PROGRAMA LIBERAÇÃO DA PASTA ARQUIVOS DE PROGRAMA Antes de fazer a instalação em rede é correto executar no servidor: a) Instalação do Firebird. b) Instalação do Sistema Gerencial GG4 c) Habilitação do sistema.

Leia mais

NewAgent enterprise-brain

NewAgent enterprise-brain Manual NewAgent enterprise-brain Configuração Manual NewAgent enterprise-brain Configuração Este manual de uso irá ajudá-lo na utilização de todas as funções administrativas que a NewAgent possui e assim,

Leia mais

Sistemas Operacionais. Curso Técnico Integrado Profa: Michelle Nery

Sistemas Operacionais. Curso Técnico Integrado Profa: Michelle Nery Sistemas Operacionais Curso Técnico Integrado Profa: Michelle Nery Conteúdo Programático Virtual Box Instalação do Virtual Box Instalação do Extension Pack Criando uma Máquina Virtual Instalando o Windows

Leia mais

Novas Funcionalidades do MyABCM v.4.0

Novas Funcionalidades do MyABCM v.4.0 Novas Funcionalidades do MyABCM v.4.0 Seguem abaixo as novas funcionalidades e melhorias do MyABCM e um resumo de como utilizar essas funcionalidades. 1. Nova funcionalidade para aplicação de fatores de

Leia mais

Word 1 - Introdução 1.1 - Principais recursos do word 1.2 - A janela de documento 1.3 - Tela principal

Word 1 - Introdução 1.1 - Principais recursos do word 1.2 - A janela de documento 1.3 - Tela principal Word 1 - Introdução O Word para Windows ou NT, é um processador de textos cuja finalidade é a de nos ajudar a trabalhar de maneira mais eficiente tanto na elaboração de documentos simples, quanto naqueles

Leia mais

PASSO A PASSO MOVIE MAKER

PASSO A PASSO MOVIE MAKER PASSO A PASSO MOVIE MAKER Nesta etapa, você deverá apresentar o programa e ajudá-los a montarem o filme. Veja como é fácil. Siga as instruções do passo-a-passo: DICA O que é o Movie Maker? Com o Microsoft

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Manual de Utilização Google Grupos Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Utilização do Google Grupos Introdução... 3 Página

Leia mais

Conexão nativa com banco de dados no Delphi

Conexão nativa com banco de dados no Delphi Conexão nativa com banco de dados no Delphi I N S T A L A N D O O Z E O S L I B Esta apresentação é parte da aula desenvolvida e ministrada pelo professor Leonardo Cabral larback aos alunos do 3º módulo

Leia mais

Instalação da chave pública para o webmail do ICB

Instalação da chave pública para o webmail do ICB Instalação da chave pública para o webmail do ICB Documento criado em 22 de junho de 2009. Prezado usuário (a) do Webmail do ICB, O ICB conta hoje com um sistema de webmail, baseado em software livre,

Leia mais

Banco de Dados BrOffice Base

Banco de Dados BrOffice Base Banco de Dados BrOffice Base Autor: Alessandro da Silva Almeida Disponível em: www.apostilando.com 27/02/2011 CURSO TÉCNICO EM SERVIÇO PÚBLICO Apostila de Informática Aplicada - Unidade VI Índice Apresentação...

Leia mais

A U T O R I Z O R R I GUIA DE INSTALAÇÃO W E B. Versão: 1.02 Agosto/2006 Versão: AW 4.004.006

A U T O R I Z O R R I GUIA DE INSTALAÇÃO W E B. Versão: 1.02 Agosto/2006 Versão: AW 4.004.006 A U T O R I Z A D O R W E B B I O M E T R I A GUIA DE INSTALAÇÃO Versão: 1.02 Agosto/2006 Versão: AW 4.004.006 ÍNDICE INTRODUÇÃO... 3 UTILIZANDO A BIOMETRIA... 4 INSTALAÇÃO... 5 CADASTRO DA DIGITAL...15

Leia mais

SUMÁRIO TUTORIAL DO HQ. 2 DICAS PEDAGÓGICAS:. 2 DOWNLOAD DA INSTALAÇÃO. 2 PASSO 1 FORMULÁRIO PARA DOWNLOAD. 2 PASSO 2 ESCOLHENDO A VERSÃO.

SUMÁRIO TUTORIAL DO HQ. 2 DICAS PEDAGÓGICAS:. 2 DOWNLOAD DA INSTALAÇÃO. 2 PASSO 1 FORMULÁRIO PARA DOWNLOAD. 2 PASSO 2 ESCOLHENDO A VERSÃO. SUMÁRIO TUTORIAL DO HQ... 2 DICAS PEDAGÓGICAS:... 2 DOWNLOAD DA INSTALAÇÃO... 2 PASSO 1 FORMULÁRIO PARA DOWNLOAD... 2 PASSO 2 ESCOLHENDO A VERSÃO... 3 PASSO 3 INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO... 4 CRIANDO NOVAS

Leia mais

Trecho retirando do Manual do esocial Versão 1.1

Trecho retirando do Manual do esocial Versão 1.1 Trecho retirando do Manual do esocial Versão 1.1 A rotina de acesso direto ao XML do S-1000, o usuário pode encontrar na opção de cadastro de Empresas do SIP. Sempre que o usuário localizar a figura ao

Leia mais

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO 1 ÍNDICE 1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO... 3 1.1 REQUISITOS BASICOS DE SOFTWARE... 3 1.2 REQUISITOS BASICOS DE HARDWARE... 3 2 EXECUTANDO O INSTALADOR... 3 2.1 PASSO 01... 3 2.2 PASSO

Leia mais

WEB COLABORADOR. Envio e Recebimento de arquivos de consignação

WEB COLABORADOR. Envio e Recebimento de arquivos de consignação TUTORIAL Envio e Recebimento de arquivos de consignação Para acessar o Web Colaborador e transferir arquivos de consignação, entre com os dados de CNPJ, usuário e senha, nos campos correspondentes. Regras

Leia mais

1- Tela inicial do AUTOCAD 2013

1- Tela inicial do AUTOCAD 2013 1- Tela inicial do AUTOCAD 2013 2- Clique em NOVO 3- Para mudar a cor do fundo digite OP (de options): Se quiser veja o vídeo ilustrativo desse procedimento: http://www.youtube.com/watch?v=g7kig_yhpx4

Leia mais