Escrito por Sáb, 18 de Julho de :00 - Última atualização Qui, 13 de Dezembro de :18

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Escrito por Sáb, 18 de Julho de :00 - Última atualização Qui, 13 de Dezembro de :18"

Transcrição

1 TRIBUNAL ECLESIÁSTICO Dte // Dda Libelo da Autora (Parte Demandante) Meu nome é XXX XXXX Dte, nasci em JesuCity no dia 00 de mês de Ano, e resido na RUA N, CEP. No dia de 27 de Mês de 1983 na Igreja Nossa Senhora dos Anjos pertencente à Diocese de JesuCity casei-me com XXX Dda, nascido em JesuCity no dia 14 de mês de Ano e residente em RUA N, CEP. 1 / 5

2 Conhecemos-nos no Verão de ANO. Eu, e minha amiga Fulana fomos a um bar tomar uma bebida, porque estava muito calor. Quando estávamos no bar conversando XXX Dda estava em uma mesa em frente a nossa, não tinha reparado, mas a minha amiga me disse que ele estava olhando para mim desde quando nós tínhamos chegado naquele lugar. Como ele viu que estávamos sozinhas, aproximou-se e perguntou se ele e seu amigo poderiam sentar conosco. Nós dissemos que não tinha problema, e começamos a conversar, e eu fiquei muita impressionada com seu jeito educado e conversador. Ficamos umas duas horas conversando, mas como eu tinha que viajar no outro dia bem cedo, falei que deveria ir embora. Ele então se ofereceu para nos levar para casa; nós dissemos que não, e que iríamos tomar o ônibus, porque morávamos perto. Então XXX Dda pediu o nosso telefone, o meu e da minha amiga para nos telefonar um outro dia. Isto foi na sexta- feira. Quando eu cheguei de viagem no domingo depois do almoço, minha mãe me disse que um moço com o nome de Andrea havia me telefonado três vezes depois que eu havia saído. Realmente naquele dia ele me ligou no começo da noite, dizendo que queria sair comigo para nos conhecermos melhor. Eu disse para XXX Dda que era muito cedo para sairmos sozinhos, pois só havíamos nos encontrado uma única vez. Mas de tanto ele insistir eu consentir em sair. Fomos a um restaurante e ele disse que simpatizou muito comigo, estava gostando de mim e queria pedir para namorar comigo. Eu nunca tinha namorado sério antes, pois era jovem e só paquerava. Na época eu tinha 19 anos e ele 22. Mas aceitei porque para mim seria uma experiência nova, ele ligava para mim todos os dias, e algumas vezes três e até 4 vezes por dia, e nos encontrávamos 3 vezes por semana, isto durante 1 ano e 2 meses. Mas depois deste tempo comecei a perceber que os nossos encontros foram diminuindo e XXX Dda ligava muito pouco para mim. Decidimos terminar o namoro porque achávamos que não nos amávamos mais. Ficamos separados por 09 meses. Mas em mês de ANO, XXX Dda me procurou dizendo que 2 / 5

3 me amava e não estava conseguindo permanecer longe de mim, e falou que queria a reconciliação e iria comprar as alianças para ficarmos noivos. Tudo isto me deixou espantada, mas como nestes 09 meses não consegui namorar outro porque achava que realmente amava XXX Dda, acabei aceitando o noivado, concretizado em duas semanas. Eu acreditava que poderia levar o noivado com o XXX Dda mais a sério do que no tempo de namoro já que era um compromisso mais sério, pois me sentia mais madura. Houve intimidade, mas não tínhamos um bom entrosamento, a maioria das vezes era frustrante, pelo menos da minha parte. Nunca tivemos um bom relacionamento sexual, mas eu imaginava que poderia mudar com o tempo. Eu achava que seria bom o casamento, pois seria uma vida estável, não teria que me preocupar com certas coisas e também com o costume do dia a dia, e pensei também na proteção que o casamento me pudesse proporcionar, já que eu não me dava bem com o meu pai. Então resolvemos nos casar, marcamos o casamento para o dia 00 de Mês de ANO às 8h no Civil e às 21h na Igreja. No dia do casamento não houve nenhum problema, mas fiquei sabendo que na noite anterior do casamento houve uma festa de despedida de solteiro para Dda com seus amigos, e que também estavam presentes algumas moças e Dda havia bebido muito e fazia algumas brincadeiras com as moças. Posso dizer que na noite do nosso casamento não houve lua de mel. Porque tudo foi muito bonito na celebração na Igreja, percebi que Dda estava cansando e um pouco ausente devido à comemoração da noite anterior. Fui falar com Dda quando chegamos ao nosso novo lar e acabamos discutindo e não dormimos juntos. No outro dia acabamos conversando com mais calma e então consumamos o nosso matrimônio. Em nossa vida sexual, como já havia dito no período de noivado já existia o fato de não nos darmos bem, e com o tempo foi piorando, já que nós trabalhávamos e não queríamos filhos tão cedo. Quase não tínhamos tempo para conversarmos durante a semana, e no fim de semana Dda ia para o bar com seus amigos ou ia jogar futebol. Aquilo foi me dando um profundo vazio e comecei a sentir que Dda não se importava mais para mim e não tinha sentido aquele casamento. Este tormento durou três anos. Vendo tudo isso acontecer perdi o interesse pela vida e pelo próprio casamento. Vieram os problemas psicológicos, e eu e o Dda fomos fazer tratamento psicológico para casais. Dda era uma pessoa muito machista, prepotente e muito 3 / 5

4 narcisista. Assim, por fim, não tínhamos mais um bom relacionamento, nossa vida sexual não mais existia, pois sempre me lembrava de tudo o que havia acontecido. Tudo isso prejudicou mais ainda a nossa vida conjugal a partir daí, para mim só existia obrigações do lar. O casamento durou 2 anos, eu já pensava na hipótese da separação, mas ele tomou a iniciativa, ele quis conversar comigo, mas no momento que ele quis conversar eu não quis, iria conversar em um outro momento, o desespero subiu à sua cabeça, não esperou e foi arrumando as coisas para ir embora. Depois de um mês ele tentou a reconciliação, mas eu não aceitei, pois não queria fazer o que fiz no período de namoro. Hoje vivo com outro homem, tenho a certeza de que o amo de verdade e que sou correspondida afetivamente e efetivamente. Com ele tenho uma filha, de quem me orgulho muito. Hoje tenho uma família que sempre sonhei ter, nosso amor nos completa e formamos um só coração. Quanto ao estado civil, separei-me de Parte Dda em sentença proferida em 00 de Mês de ANO. JesuCity, 00 de Mês de ANO. Parte Dte 4 / 5

5 5 / 5

MÃE, QUANDO EU CRESCER...

MÃE, QUANDO EU CRESCER... MÃE, QUANDO EU CRESCER... Dedico este livro a todas as pessoas que admiram e valorizam a delicadeza das crianças! Me chamo Carol, mas prefiro que me chamem de Cacau, além de ser um apelido que acho carinhoso,

Leia mais

Minha História de amor

Minha História de amor Minha História de amor Hoje eu vou falar um pouco sobre a minha história de amor! Bem, eu namoro à distância faz algum tempinho. E não é uma distância bobinha não, são 433 km, eu moro em Natal-Rn, e ela

Leia mais

Um amor inacabado. Beatriz conversando com Rafael. No mesmo instante, Alison fala para Cecília:

Um amor inacabado. Beatriz conversando com Rafael. No mesmo instante, Alison fala para Cecília: Gabriele Fernanda Cordeiro Barbosa Um amor inacabado Você sente algo por ela sim. Vai falar com ela! Beatriz conversando com Rafael. No mesmo instante, Alison fala para Cecília: Vamos, Ceci, vai lá falar

Leia mais

A minha vida sempre foi imaginar. Queria ter um irmãozinho para brincar...

A minha vida sempre foi imaginar. Queria ter um irmãozinho para brincar... O pequeno Will A minha vida sempre foi imaginar. Queria ter um irmãozinho para brincar... Então um dia tomei coragem e corri até mamãe e falei: - Mãeee queria tanto um irmãozinho, para brincar comigo!

Leia mais

Capítulo 1. Just look into my eyes 1

Capítulo 1. Just look into my eyes 1 Capítulo 1 Just look into my eyes 1 Não, Marcelo, você não nasceu de mim! Ela disse. Falou o que eu queria-temia escutar. Falou. As palavras foram claras. Sem sombras. Sem dúvidas. A confirmação ali, naquela

Leia mais

o casamento do fazendeiro

o casamento do fazendeiro o casamento do fazendeiro ERA uma fez um fazendeiro que ele sempre dia mania de ir na cidade compra coisas mais ele tinha mania de ir sempre de manha cedo um dia ele acordou se arrumou e foi pra cidade,

Leia mais

Nina e Nena. Cláudia Marczak 2013

Nina e Nena. Cláudia Marczak 2013 Nina e Nena Cláudia Marczak 2013 1 2 Nina e Nena Cláudia Marczak Capa: Cláudia Marczak Revisão: Everton Machado 3 4 Este livro é dedicado a todos aqueles que amam incondicionalmente. 5 6 Odiava rosas.

Leia mais

COMPOSITOR CÍCERO BAHIA

COMPOSITOR CÍCERO BAHIA SALVADOR(BA), 28/08/99 ESTÚDIO: 15/11/2003 ESTILO: ROMÂNTICO TOM: C (DÓ MAIOR) EU CHEGO LÁ EU VOU TE AMAR. NO TEMPO CERTO EU VOU COLHENDO OS FRUTOS MADUROS E VOU VIVENDO. NA CONJUNÇÃO DA LUA VOU SELECIONANDO

Leia mais

Uma lição de vida. Graziele Gonçalves Rodrigues

Uma lição de vida. Graziele Gonçalves Rodrigues Uma lição de vida Graziele Gonçalves Rodrigues Ele: Sente sua falta hoje na escola, por que você não foi? Ela: É, eu tive que ir ao médico. Ele: Ah, mesmo? Por que? Ela: Ah, nada. Consultas anuais, só

Leia mais

O Rapaz e a Guitarra Mágica

O Rapaz e a Guitarra Mágica O Rapaz e a Guitarra Mágica Conto linha-a-linha Autoria: todas as turmas da Escola E.B. 2,3 de Palmeira Data: 21 a 25 de Março de 2011 Local de realização: Biblioteca Escolar Era uma vez um menino chamado

Leia mais

Tudo começou um Belo dia, onde meus amigos me chamaram pra ir em uma escola, eu tinha uns 14 anos e gostava de ficar conhecendo novas pessoas, então

Tudo começou um Belo dia, onde meus amigos me chamaram pra ir em uma escola, eu tinha uns 14 anos e gostava de ficar conhecendo novas pessoas, então Nossa História Tudo começou um Belo dia, onde meus amigos me chamaram pra ir em uma escola, eu tinha uns 14 anos e gostava de ficar conhecendo novas pessoas, então eu aceitei o convite e fui com eles chegando

Leia mais

A vida por trás das redes sociais

A vida por trás das redes sociais A vida por trás das redes sociais Colégio Marista João Paulo II Eu e as redes socias #Embuscadealgumascurtidas Uma reflexão sobre a legitimação do eu através das redes sociais Breno Amorim,Caio Christovam

Leia mais

Ela respondeu -pode ser liguem pra duda e falei vem aqui em casa amanha pra festa do pijama ela disse -claro No dia seguinte Elas chegaram cedo entao

Ela respondeu -pode ser liguem pra duda e falei vem aqui em casa amanha pra festa do pijama ela disse -claro No dia seguinte Elas chegaram cedo entao amizade louca Tava bem tarde pra pensar em amigas porque e dificil pensar em amizade verdadeira que as vezes pode se torna uma coisa bem amorosa... As vezes penso em pessoas que não são reais como uma

Leia mais

Meditação Sala Azul. SEMANA 35 Heróis da Bíblia: Daniel Parte 1 Versículos para Decorar (Estamos usando a Bíblia na Nova Versão Internacional NVI)

Meditação Sala Azul. SEMANA 35 Heróis da Bíblia: Daniel Parte 1 Versículos para Decorar (Estamos usando a Bíblia na Nova Versão Internacional NVI) Meditação Sala Azul Nome: Idade: Professor: Contato do Professor: SEMANA 35 Heróis da Bíblia: Daniel Parte 1 Versículos para Decorar (Estamos usando a Bíblia na Nova Versão Internacional NVI) Versículo

Leia mais

Após esse relato, como a equipe percebe Miguel?

Após esse relato, como a equipe percebe Miguel? 1 Relato da mãe de Miguel Miguel levantou- se correndo, não quis tomar café e nem ligou para o bolo que eu havia feito especialmente para ele. Só apanhou o maço de cigarros e a caixa de fósforos. Não quis

Leia mais

Perdi Seu Olhar. Anderson Borba Chaves

Perdi Seu Olhar. Anderson Borba Chaves Perdi Seu Olhar Anderson Borba Chaves 1 Perdi Seu Olhar foi um pequeno conjunto de letras de música que comecei a escrever desde o ano 2000. Em alguns anos seguintes, até ter seu registro definitivo, acabei

Leia mais

BONS Dias. Ano Pastoral Educativo Colégio de Nossa Senhora do Alto. Com Maria Desperta a. Luz. que há em TI

BONS Dias. Ano Pastoral Educativo Colégio de Nossa Senhora do Alto. Com Maria Desperta a. Luz. que há em TI BONS Dias Com Maria Desperta a Luz que há em TI 2ª feira, dia 12 de dezembro de 2016 III Semana (11 de dezembro): ALEGRAR Ontem, a Igreja celebrou o domingo da alegria: Jesus está para chegar e só Ele

Leia mais

Você já ouviu a história de uma tal "garota legal"? Bem, se não, deixeme contar uma história:

Você já ouviu a história de uma tal garota legal? Bem, se não, deixeme contar uma história: Você já ouviu a história de uma tal "garota legal"? Bem, se não, deixeme contar uma história: Uma garota legal é alguém que se dedica de alma e coração em um relacionamento. Ela é alguém que poderia esperar

Leia mais

Mas, na verdade, os estudos não eram sua grande paixão, gostava mesmo das farras, da diversão que o dinheiro lhe proporcionava e de cultuar seu belo

Mas, na verdade, os estudos não eram sua grande paixão, gostava mesmo das farras, da diversão que o dinheiro lhe proporcionava e de cultuar seu belo 1 O início de tudo Tudo se passou há muito tempo. Filho de família rica, Estêvão sempre teve tudo de que precisava para suprir suas necessidades. Logo que nasceu, foi cercado de muito amor e carinho por

Leia mais

Altos da Serra - Capítulo Altos da Serra. Novela de Fernando de Oliveira. Escrita por Fernando de Oliveira. Personagens deste Capítulo

Altos da Serra - Capítulo Altos da Serra. Novela de Fernando de Oliveira. Escrita por Fernando de Oliveira. Personagens deste Capítulo Altos da Serra - Capítulo 03 1 Altos da Serra Novela de Fernando de Oliveira Escrita por Fernando de Oliveira Personagens deste Capítulo Altos da Serra - Capítulo 03 2 CENA 01. CAPELA / CASAMENTO. INTERIOR.

Leia mais

ANTES NUNCA, DO QUE TARDE DEMAIS! Obra Teatral de Carlos José Soares

ANTES NUNCA, DO QUE TARDE DEMAIS! Obra Teatral de Carlos José Soares AN O ANTES NUNCA, DO QUE TARDE DEMAIS! Obra Teatral de Carlos José Soares o Literária ata Soares OC. ento Social. Dois casais discutem a vida conjugal, sofrendo a influências mútuas. Os temas casamento,

Leia mais

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão.

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão. REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO Código Entrevista: 7 Data: 22/10/2010 Hora: 19h30 Duração: 30:43 Local: Casa de Santa Isabel DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS Idade

Leia mais

Em Círculos. Mateus Milani

Em Círculos. Mateus Milani Em Círculos Mateus Milani Que eu não perca a vontade de ter grandes amigos, mesmo sabendo que, com as voltas do mundo, eles acabam indo embora de nossas vidas Ariano Suassuna. Sinopse Círculos. A vida

Leia mais

PETRA NASCEU COMO TODAS AS CRIANÇAS. ERA UMA

PETRA NASCEU COMO TODAS AS CRIANÇAS. ERA UMA A menina PETRA NASCEU COMO TODAS AS CRIANÇAS. ERA UMA menina alegre e muito curiosa. O que a diferenciava das outras crianças é que desde muito pequenina ela passava horas na Floresta do Sol conversando

Leia mais

Era uma vez uma princesa. Ela era a mais bela

Era uma vez uma princesa. Ela era a mais bela Era uma vez uma princesa. Ela era a mais bela do reino. Era também meiga, inteligente e talentosa. Todos a admiravam. Todos queriam estar perto dela. Todos queriam fazê-la feliz, pois o seu sorriso iluminava

Leia mais

Ligue o som e clique pra avançar QUANDO O TEU(TUA) FILHO(A) DISSER: PAI, MÃE NÃO SE METAM NA MINHA VIDA!

Ligue o som e clique pra avançar QUANDO O TEU(TUA) FILHO(A) DISSER: PAI, MÃE NÃO SE METAM NA MINHA VIDA! Ligue o som e clique pra avançar QUANDO O TEU(TUA) FILHO(A) DISSER: PAI, MÃE NÃO SE METAM NA MINHA VIDA! Texto criado por um sacerdote. Hoje que estou aprofundando meus estudos teológicos na Família, seus

Leia mais

Transcrição da Entrevista

Transcrição da Entrevista Transcrição da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Praticante Sonia Local: Núcleo de Arte Nise da Silveira Data: 5 de dezembro de 2013 Horário: 15:05 Duração da entrevista:

Leia mais

Àhistória de uma garota

Àhistória de uma garota Àhistória de uma garota Gabriele é uma menina cheio de sonhos ela morava com sua mãe Maria seu pai Miguel Gabriele sofre muito ela tem apena 13 anos e já sofre Deus de quando ela era pequena a história

Leia mais

Agradecimentos. Sobretudo, agradeço a Deus pela inspiração que me faculta para extravasar tudo que eu sinto nos momentos de devaneio;

Agradecimentos. Sobretudo, agradeço a Deus pela inspiração que me faculta para extravasar tudo que eu sinto nos momentos de devaneio; Índice 01 Índice; 02 Agradecimentos; 03 Senhor... 04 Sigmund Freud; 05 Para Tânia; 06 DEUS sobre todas as coisas; 07 Alucinações; 08 Visão Geral; 09 A escritora; 15 O velho casarão; 20 Mês de agosto; 25

Leia mais

Conhece a Ana. // Perfil

Conhece a Ana. // Perfil Conhece a Ana // Perfil Nome: Ana Rodrigues Idade: 21 anos Nacionalidade: Portuguesa Cidade: Caxarias/Ourém Escola: Escola Superior de Saúde (ESSLei) Curso: Licenciatura em Dietética País Escolhido: Lituânia

Leia mais

Versão RECONTO. O Principezinho. PLIP003 De Antoine De Saint Exupéry

Versão RECONTO. O Principezinho. PLIP003  De Antoine De Saint Exupéry O Principezinho De Antoine De Saint Exupéry Versão RECONTO Adaptação e revisão de texto Judite Vieira e Maria da Luz Simão Escola Secundária Afonso Lopes Vieira Leiria PLIP003 www.plip.ipleiria.pt Este

Leia mais

Lilico, Coelho. Atrapalhado. Matias Miranda

Lilico, Coelho. Atrapalhado. Matias Miranda Matias Miranda Lilico, Um Coelho Atrapalhado Matias Miranda Dedico este livro a você que esta lendo. Jesus te ama e eu também! Lilico era um coelho muito atrapalhado que vivia com sua mãe, seu pai e seus

Leia mais

Prólogo. Até onde você iria por amor; O que você seria capaz de fazer por amor.

Prólogo. Até onde você iria por amor; O que você seria capaz de fazer por amor. Prólogo Até onde você iria por amor; O que você seria capaz de fazer por amor. Em uma fazenda de gado; Afastada, a uns 15 km de uma pequena cidade. Nasce uma menina. Ela veio ao mundo, dando muito trabalho,

Leia mais

Era domingo e o céu estava mais

Era domingo e o céu estava mais Estórias de Iracema Maria Helena Magalhães Ilustrações de Veridiana Magalhães Era domingo e o céu estava mais azul que o azul mais azul que se possa imaginar. O sol de maio deixava o dia ainda mais bonito

Leia mais

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ALINE PELLEGRINO II

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ALINE PELLEGRINO II CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ALINE PELLEGRINO II (depoimento) 2014 FICHA TÉCNICA ENTREVISTA CEDIDA PARA PUBLICAÇÃO NO REPOSITÓRIO DIGITAL

Leia mais

Nº 5 C Natal e Sagrada Família

Nº 5 C Natal e Sagrada Família Nº 5 C Natal e Sagrada Família Esta semana celebramos nascimento de Jesus, no dia de Natal e depois a festa da Sagrada Família. A Sagrada Família é composta por Maria, José e o Menino Jesus. A Sagrada

Leia mais

Os Principais Tipos de Objeções

Os Principais Tipos de Objeções Os Principais Tipos de Objeções Eu não sou como você" Você tem razão, eu não estou procurando por pessoas que sejam como eu. Sou boa no que faço porque gosto de mim como eu sou. Você vai ser boa no que

Leia mais

PSY: Você também tratou muito dela quando viviam as duas. A: Depois não percebe que tem de ir apresentável! Só faz o que lhe apetece!

PSY: Você também tratou muito dela quando viviam as duas. A: Depois não percebe que tem de ir apresentável! Só faz o que lhe apetece! Anexo 3 SESSÃO CLÍNICA - A PSY: Então como tem andado? A:Bem. Fomos as três a Fátima, foi giro. Correu bem, gosto de ir lá. Tirando a parte de me chatear com a minha irmã, mas isso já é normal. Anda sempre

Leia mais

Os e mails de Amy começaram no fim de julho e continuaram

Os e mails de Amy começaram no fim de julho e continuaram CAPÍTULO UM Os e mails de Amy começaram no fim de julho e continuaram chegando durante todo o verão. Cada um deixava Matthew um pouco mais tenso: Para: mstheworld@gmail.com Assunto: Estou feliz! Acabo

Leia mais

Momento com Deus Crianças de 07 a 08 anos NOME: DATA: 25/05//2014 RUTE

Momento com Deus Crianças de 07 a 08 anos NOME: DATA: 25/05//2014 RUTE Momento com Deus Crianças de 07 a 08 anos NOME: DATA: 25/05//2014 RUTE Versículos para Decorar: 1- Seja o seu sim, sim, e o seu não, não ; o que passar disso vem do Maligno. Mateus 5:37 2- Pois vocês sabem

Leia mais

Transcrição de Entrevista nº 10

Transcrição de Entrevista nº 10 Transcrição de Entrevista nº 10 E Entrevistador E10 Entrevistado 10 Sexo Feminino Idade 31 anos Área de Formação Engenharia Informática E - Acredita que a educação de uma criança é diferente perante o

Leia mais

Link da matéria :

Link da matéria : Link da matéria : http://www.dicasdemulher.com.br/conselhos-que-um-divorciado-gostaria-de-ter-recebidoantes-de-casar/ DICAS DE MULHER DICAS DE COMPORTAMENTO 20 conselhos que um divorciado gostaria de ter

Leia mais

A Patricinha. Ninguém é realmente digno de inveja, e tantos são dignos de lástima! Arthur Schopenhauer

A Patricinha. Ninguém é realmente digno de inveja, e tantos são dignos de lástima! Arthur Schopenhauer Roleta Russa 13 A Patricinha Ninguém é realmente digno de inveja, e tantos são dignos de lástima! Arthur Schopenhauer Oi. Eu sou a Patrícia. Prazer. Você é?... Quer sentar? Aceita uma bebida, um chá, um

Leia mais

A Procura. de Kelly Furlanetto Soares

A Procura. de Kelly Furlanetto Soares A Procura de Kelly Furlanetto Soares Peça escrita durante a Oficina Regular do Núcleo de Dramaturgia SESI PR. Teatro Guaíra, sob orientação de Andrew Knoll, no ano de 2012. 1 Cadeiras dispostas como se

Leia mais

Nº 15 B - 2º Domingo da Quaresma

Nº 15 B - 2º Domingo da Quaresma Nº 15 B - 2º Domingo da Quaresma 1.3.2015 Estamos no segundo Domingo da Quaresma, e as leituras de hoje têm vários temas para pensarmos, que nos podem ajudar a mudar para sermos melhores, como Jesus nos

Leia mais

DEIXA-ME SENTIR TUA ALMA ATRAVÉS DO TEU CALOROSO ABRAÇO

DEIXA-ME SENTIR TUA ALMA ATRAVÉS DO TEU CALOROSO ABRAÇO EU AMO VOCÊ: DEIXA-ME SENTIR TUA ALMA ATRAVÉS DO TEU CALOROSO ABRAÇO Cleber Chaves da Costa 1 O amor é paciente, o amor é benigno, não é invejoso; o amor não é orgulhoso, não se envaidece; não é descortês,

Leia mais

FAÇA A SUA ESCOLHA JOSUÉ

FAÇA A SUA ESCOLHA JOSUÉ Filho está na hora de ir à igreja, vamos! Você já leu sua Bíblia hoje? Então, vamos logo. FAÇA A SUA ESCOLHA JOSUÉ 24.14-16 Talvez você também vá à igreja ou leia a Bíblia porque sua mãe (ou alguém outro)

Leia mais

AS 4 COLUNAS DO MDA PROJETO PURÊ DE BATATAS

AS 4 COLUNAS DO MDA PROJETO PURÊ DE BATATAS AS 4 COLUNAS DO MDA PROJETO PURÊ DE BATATAS Esta é a primeira das 4 Colunas do MDA. Neste projeto, o objetivo principal é obter comunhão entre os irmãos das células, das redes e da Igreja, como um todo.

Leia mais

Bento XVI explica a Eucaristia às crianças

Bento XVI explica a Eucaristia às crianças Início - De Roma - Bento XVI explica a Eucaristia às crianças Bento XVI explica a Eucaristia às crianças 22.6.2011 Encontro do Papa Bento XVI com mais de cem mil crianças da primeira Comunhão, 15-10-2005:

Leia mais

Deixo meus olhos Falar

Deixo meus olhos Falar Tânia Abrão Deixo meus olhos Falar 1º Edição Maio de 2013 WWW.perse.com.br 1 Tânia Abrão Biografia Tânia Abrão Mendes da Silva Email: Tania_morenagata@hotmail.com Filha de Benedito Abrão e Ivanir Abrão

Leia mais

A Rata Era uma vez uma rata que estava sozinha na toquinha. Ela morava com sua mãe e seu padrasto no castelo do rei, ela não tinha medo de nada.

A Rata Era uma vez uma rata que estava sozinha na toquinha. Ela morava com sua mãe e seu padrasto no castelo do rei, ela não tinha medo de nada. Era Uma Vez A Rata Era uma vez uma rata que estava sozinha na toquinha. Ela morava com sua mãe e seu padrasto no castelo do rei, ela não tinha medo de nada. A ratinha tinha uma felpa de ferro e pensava

Leia mais

Fábrica de vassouras, sala imensa com mesas compridas e cerca de cinquenta funcionários. Eles estão em pé montando vassouras em cima das mesas.

Fábrica de vassouras, sala imensa com mesas compridas e cerca de cinquenta funcionários. Eles estão em pé montando vassouras em cima das mesas. 1. AMOR QUASE IMPOSSÍVEL Fabiano Meinerz SINOPSE: Valdemar é um rapaz de 20 anos, cabelos escuros e curtos. que trabalha na fábrica de vassouras Odim (bem próxima à nossa escola). Guilherme, o filho mais

Leia mais

Ilustrações de L. Bandeira

Ilustrações de L. Bandeira Ilustrações de L. Bandeira maior brejo do mundo - MIOLO.indd 3 20/11/2012 14:22:17 Ofereço este trabalho aos amigos Valter e Rosangela, pois se fazem criança e brincam comigo nos momentos mais difíceis

Leia mais

Relações Interpessoais Por David Batty

Relações Interpessoais Por David Batty Relações Interpessoais Por David Batty Caderno de estudo Estudos em Grupo Para Novos Cristãos 2 RELAÇÕES INTERPESSOAIS Caderno de estudo Primeira edição em português Por David Batty Copyright 1979,1985,1982,1996,2000,

Leia mais

FACULDADE DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA DO MARANHÃO - FACEMA. ACADÊMICO: FRANCISCO EDUARDO RAMOS DA SILVA. FACILITADOR

FACULDADE DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA DO MARANHÃO - FACEMA. ACADÊMICO: FRANCISCO EDUARDO RAMOS DA SILVA. FACILITADOR FACULDADE DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA DO MARANHÃO - FACEMA. ACADÊMICO: FRANCISCO EDUARDO RAMOS DA SILVA. FACILITADOR RELATÓRIO DE VIVÊNCIA CAXIAS MA 2016 1 RELATÓRIO DE VIVÊNCIA O VER-SUS é um projeto que

Leia mais

A rapariga e o homem da lua

A rapariga e o homem da lua A rapariga e o homem da lua (conto tradicional do povo tchuktchi) Viveu outrora, entre o povo Tchuktchi, um homem que só tinha uma filha. A filha era a melhor das ajudas que o pai podia ter. Passava o

Leia mais

O que já foi um verdadeiro romance O que seria do amor sem o encontro romântico ou um passeio de mãos dadas pela pracinha, sem a inocência do

O que já foi um verdadeiro romance O que seria do amor sem o encontro romântico ou um passeio de mãos dadas pela pracinha, sem a inocência do Namorar Namorar é o amor, o amor que se compartilha, o amor que se vive, o amor que é mágico, é estar com quem se gosta, com quem se ama... Às vezes, você se esquece do mundo, só pensa na pessoa amada

Leia mais

Capitulo 1 A história de Richard. Setembro 2012

Capitulo 1 A história de Richard. Setembro 2012 O amor, como ele é? Capitulo 1 A história de Richard. Setembro 2012 A história relatada neste livro, é sobre seu primeiro amor, seu primeiro encontro com a felicidade. Pode parecer um pouco poético e engraçado,

Leia mais

Da eternidade do amor

Da eternidade do amor Da eternidade do amor Mensagem do Dia Da Eternidade do Amor A mensagem do dia fala de amor Mensagem do dia Da eternidade do Amor Por Paulo Roberto Gaefke Eu conheço bem a sua vida. Engraçado como isso

Leia mais

Filha, agora que vais casar tens de tratar bem do teu marido, ter a comida sempre pronta, dar banho e não recusar ter relações sexuais sempre que ele

Filha, agora que vais casar tens de tratar bem do teu marido, ter a comida sempre pronta, dar banho e não recusar ter relações sexuais sempre que ele Filha, agora que vais casar tens de tratar bem do teu marido, ter a comida sempre pronta, dar banho e não recusar ter relações sexuais sempre que ele quiser. É isso Rosa, se ele arranjar uma mulher fora,

Leia mais

ALDO CALVET TEATRO. CARMELA - ( Corta ) Sem percorrer o mundo e sem experimentar a vida?

ALDO CALVET TEATRO. CARMELA - ( Corta ) Sem percorrer o mundo e sem experimentar a vida? SUBLIME MENTIRA PERSONAGENS: GISELA - mãe CARMELA - filha CONRADO - o noivo JÚLIA - criada CENÁRIO: Sala de residência de família abastada. ÉPOCA: 1928 AÇÃO: São Luis do Maranhão TRECHOS: Drama romântico

Leia mais

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão.

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão. REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO Código Entrevista: 3 Data: 18/10/2010 Hora: 19h00 Duração: 22:25 Local: Casa de Santa Isabel DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS Idade

Leia mais

1º Edição

1º Edição Sensações 1º Edição WWW.Perse.com.br Página 1 Codinome: Tabrao Email: Tania_morenagata@hotmail.com Nasceu no dia 09 de Agosto de 1984 Natural da cidade de Lapa - PR Reside a Rua Francisco Veloso, 282 Ponta

Leia mais

Godofredo e Geralda sentados na mesa no centro do palco.

Godofredo e Geralda sentados na mesa no centro do palco. Cena 1 Cenário Cena Musica Som e luz Restaurante: Duas mesas, cada uma com duas cadeiras. Uma no centro e outra no inicio do palco, castiçais com velas no centro das mesas. Godofredo e Geralda sentados

Leia mais

Os Perigos da Floresta

Os Perigos da Floresta Rubens de Almeida Oliveira Os Perigos da Floresta Editora BPA Biblioteca Popular de Afogados Texto e Pesquisa de Imagens RUBENS DE ALMEIDA OLIVEIRA Os Perigos da Floresta RECIFE -PE JAN/2007 Coordenação

Leia mais

Meu nome é César e hoje começam minhas aulas numa nova escola. Por causa disso, estou de péssimo

Meu nome é César e hoje começam minhas aulas numa nova escola. Por causa disso, estou de péssimo 1. Meu nome é César e hoje começam minhas aulas numa nova escola. Por causa disso, estou de péssimo humor. Todo ano é a mesma coisa: tenho que trocar de escola, de colegas, de professores, de bairro e,

Leia mais

Em um belo dia,sentada no parque Melany conversava com Murilo por mensagens pois eram colegas de classe. Os dois se colocaram nos problemas um do

Em um belo dia,sentada no parque Melany conversava com Murilo por mensagens pois eram colegas de classe. Os dois se colocaram nos problemas um do Coraçãoroubado Em um belo dia,sentada no parque Melany conversava com Murilo por mensagens pois eram colegas de classe. Os dois se colocaram nos problemas um do outro e durante um tempo não contaram para

Leia mais

[:pb]áfrica na Universidade: O encontro da República Democrática do Congo com Minas [:]

[:pb]áfrica na Universidade: O encontro da República Democrática do Congo com Minas [:] [:pb]áfrica na Universidade: O encontro da República Democrática do Congo com Minas [:] por Por Dentro da África - segunda-feira, novembro 28, 2016 http://www.pordentrodaafrica.com/artigos/africa-na-universidade-o-encontro-do-congo-com-minas

Leia mais

Era dia 28 de Março de 2017, ainda uma noite fria surpreendentemente e havia um rapaz mais ou menos alto cabelo quase careca, olhos verdes azulados e

Era dia 28 de Março de 2017, ainda uma noite fria surpreendentemente e havia um rapaz mais ou menos alto cabelo quase careca, olhos verdes azulados e Era dia 28 de Março de 2017, ainda uma noite fria surpreendentemente e havia um rapaz mais ou menos alto cabelo quase careca, olhos verdes azulados e lábios um bocado grossos. No dia seguinte era o seu

Leia mais

PRÓLOGO. Dezembro de 1993

PRÓLOGO. Dezembro de 1993 PRÓLOGO Dezembro de 1993 Krickitt dirigiu-se-lhe o terapeuta em voz calma, sabe onde está? Krickitt pensou por um instante antes de responder. Phoenix. Muito bem, Krickitt. Sabe em que ano está? 1965.

Leia mais

Filhos, Uma Necessidade? Protesto!

Filhos, Uma Necessidade? Protesto! Filhos, Uma Necessidade? Protesto! Algumas informações do nosso contexto Casais demoram mais para ter filhos. Casais preferem se limitar a apenas um filho. Alguns casais optam por não ter filhos pois pode

Leia mais

Desafios de Deus em meio as decepções

Desafios de Deus em meio as decepções Desafios de Deus em meio as decepções Evangelho de João Capítulo 21 Em algum momento entre 2006 e 2007 1 Depois disso Jesus apareceu novamente aos seus discípulos, à margem do mar de Tiberíades. Foi assim:

Leia mais

Luis Carlos de Miranda

Luis Carlos de Miranda minha vida Luis Carlos de Miranda Ola tenho uma historia um pouco triste mais ao mesmotemou muito interessante de de conhheser como o leitor ja comece a obiservar nao tenho estudo e resolvi escrever sem

Leia mais

Encontro Nacional de Jovens 2009 (II) Qua, 25 de Novembro de :00

Encontro Nacional de Jovens 2009 (II) Qua, 25 de Novembro de :00 O Encontro Nacional de Jovens 2009 foi um momento muito especial para a juventude carismática do Brasil. Preparados para anunciar o início de um novo tempo, o florescer de uma nova primavera, os jovens

Leia mais

OS COMBOIOS QUE VÃO PARA ANTUÉRPIA

OS COMBOIOS QUE VÃO PARA ANTUÉRPIA OS COMBOIOS QUE VÃO PARA ANTUÉRPIA Em janeiro eu estava em Bruxelas, nos subúrbios, numa casa sobre a linha férrea. Os comboios faziam estremecer o meu quarto. Fora-se o natal. Algo desaparecera, uma coisa

Leia mais

DE PERSEGUIDOR A SEGUIDOR

DE PERSEGUIDOR A SEGUIDOR Bíblia para crianças apresenta DE PERSEGUIDOR A SEGUIDOR Escrito por: Edward Hughes Ilustradopor:Janie Forest Adaptado por: Ruth Klassen O texto bíblico desta história é extraído ou adaptado da Bíblia

Leia mais

A Ressurreição de Jesus

A Ressurreição de Jesus A Ressurreição de Jesus Fonte: Lc 24,13-32 ; 24, 50-53; Jo 20,24-29; 21,1-15 Introdução: Antes de morrer, Jesus disse que iria ressuscitar, mas nem todos entenderam! Domingo, de manhã cedo, Maria Madalena

Leia mais

As histórias de Amor da Bíblia!

As histórias de Amor da Bíblia! - Abraão era já de idade muito avançada e o SENHOR tinha-o abençoado de muitas maneiras. Um dia disse ao mais velho dos seus criados, que era quem olhava por tudo o que pertencia a Abraão: - Quero que

Leia mais

A Menina Que Deixou. De Sonhar. Autora: Waleska Alves

A Menina Que Deixou. De Sonhar. Autora: Waleska Alves A Menina Que Deixou De Sonhar Autora: Waleska Alves 1. Era uma vez uma linda menina que sonhava com o natal, todas as noites antes de dormi ela olhava pela janela de seu quarto e imaginava papai noel em

Leia mais

Subsídio conceitual para o Dia da Bíblia. Maria deu à luz um filho. E José deu a ele o nome de Jesus. (Mc 1,25)

Subsídio conceitual para o Dia da Bíblia. Maria deu à luz um filho. E José deu a ele o nome de Jesus. (Mc 1,25) Subsídio conceitual para o Dia da Bíblia Maria deu à luz um filho. E José deu a ele o nome de Jesus. (Mc 1,25) Natal, uma palavra que guarda sentido em si mesma, um sinal da vida e da alegria em meio à

Leia mais

UMA HISTÓRIA DE AMOR

UMA HISTÓRIA DE AMOR UMA HISTÓRIA DE AMOR Nunca fui de acreditar nessa história de amor "á primeira vista", até conhecer Antonio. Eu era apenas uma menina, que vivia um dia de cada vez sem pretensões de me entregar novamente,

Leia mais

Conte sua Historia. Ganhador da Campanha. Hoje posso dizer que quando a agente sonha a Cooperata realiza

Conte sua Historia. Ganhador da Campanha. Hoje posso dizer que quando a agente sonha a Cooperata realiza 1 Conte sua Historia Hoje posso dizer que quando a agente sonha a Cooperata realiza Filial: 98 Matricula: 9800147 CPF: 038.564.184-23 Nome: NICÉIA MARIA DE LIMA Cheguei aos 30 anos com meu carrão, realizei

Leia mais

Eu queria desejar a você toda a felicidade do mundo e Obrigado, vô.

Eu queria desejar a você toda a felicidade do mundo e Obrigado, vô. Parabéns para o Dan Tocou o telefone lá em casa. Meu pai atendeu na sala. Alô. Meu avô, pai do meu pai, do outro lado da linha, fez voz de quem não gostou da surpresa. Eu liguei pra dar parabéns ao Dan.

Leia mais

Pensamentos, Frases e Emoções. Alguns Achados e perdidos de um coração

Pensamentos, Frases e Emoções. Alguns Achados e perdidos de um coração Pensamentos, Frases e Emoções Alguns Achados e perdidos de um coração Pensamentos, Frases e Emoções... - Alguns Achados e perdidos de um coração - Versão Light Volume II Jonas Reis Correa Série Poesias,

Leia mais

Nota do editor. Das artimanhas masculinas para levar uma mulher à cama aos

Nota do editor. Das artimanhas masculinas para levar uma mulher à cama aos Nota do editor Das artimanhas masculinas para levar uma mulher à cama aos desgastes da rotina conjugal, os relacionamentos amorosos sempre forneceram um vasto material de inspiração para Luis Fernando

Leia mais

Era mais uma das frases de Hannah. Quando perguntei pra ela o que fazer se alguém viesse comprar briga comigo, ela res pondeu: Ninguém vai matar

Era mais uma das frases de Hannah. Quando perguntei pra ela o que fazer se alguém viesse comprar briga comigo, ela res pondeu: Ninguém vai matar Billie EU ESTAVA ME COMPORTANDO bem fazia uma semana. Só tinha me metido em uma briga, o que devia ser um recorde pra mim. Estava na cara que aquilo não ia durar muito. Estava passando pelo estacionamento

Leia mais

Como Usar Este Manual? Capítulo 1 Leitura Inicial Capítulo 2 Encarando a Realidade Capítulo 3 Vivendo Sob Uma Aliança...

Como Usar Este Manual? Capítulo 1 Leitura Inicial Capítulo 2 Encarando a Realidade Capítulo 3 Vivendo Sob Uma Aliança... SUMÁRIO Como Usar Este Manual?... 13 Capítulo 1 Leitura Inicial... 17 Capítulo 2 Encarando a Realidade... 27 Capítulo 3 Vivendo Sob Uma Aliança... 31 Capítulo 4 Relacionar-Se Bem é um Mandamento... 37

Leia mais

5 dicas poderosas para acender a chama do amor

5 dicas poderosas para acender a chama do amor 5 dicas poderosas para acender a chama do amor Você dorme de pijama todos os dias? Cuidado Depois de um tempo, o relacionamento acaba quase sempre na rotina e se deixar, acaba até o interesse de um pelo

Leia mais

Esta é uma história verídica, narrada por John Powell, S.J., professor de Teologia da Fé, da Loyola University de Chicago, EUA.

Esta é uma história verídica, narrada por John Powell, S.J., professor de Teologia da Fé, da Loyola University de Chicago, EUA. Esta é uma história verídica, narrada por John Powell, S.J., professor de Teologia da Fé, da Loyola University de Chicago, EUA. Um dia, há muitos anos atrás, eu estava de pé na porta da sala, esperando

Leia mais

Esta história foi criada por: Milton Aberto Eggers Junior, Autor de todo esse livro.

Esta história foi criada por: Milton Aberto Eggers Junior, Autor de todo esse livro. 1 Esta história foi criada por: Milton Aberto Eggers Junior, Autor de todo esse livro. Agradecimentos para: minha namorada, Gabriela Antonio Severino e para minha mãe, Maria Dionéia de Camargo, e para

Leia mais

Dança ao ritmo da existência

Dança ao ritmo da existência www.possibilidade.pt Dança ao ritmo da existência! Dança ao ritmo da existência, Página 1 Aquilo que eu gostava de vos dizer é algo que, quando eu era muito novo, ouvia o meu pai dizer quando discursava.

Leia mais

MINHA VIDA E A CABANA

MINHA VIDA E A CABANA Reflexões a partir de anseios do coração humano presentes no livro "A Cabana" IGREJA PRESBITERIANA DE BARÃO GERALDO Nos domingos de novembro e dezembro, 19 horas inesperado. Insuportável. Indescritível.

Leia mais

Este livro pertence a

Este livro pertence a Cristais em meus olhos Este livro pertence a Em seu consultório, a médica está explicando tudo sobre cistinose para Bruno. Seu corpo é feito de milhares e milhares de células pequeninas, ela disse. Imagine

Leia mais

PEÇA TEATRAL: DEU A LOUCA EM ROMEU E JULIETA

PEÇA TEATRAL: DEU A LOUCA EM ROMEU E JULIETA PEÇA TEATRAL: DEU A LOUCA EM ROMEU E JULIETA Personagens: NARRADORA: ROMEU: JULIETA: MERCUTIO: FREI LOURENÇO: CAPULETO (Pai de Julieta): SENHORA CAPULETO (Mãe de Julieta): CARLOTA (Irmã de Julieta): AMA

Leia mais

TABUADA DAS OBJEÇÕES

TABUADA DAS OBJEÇÕES TABUADA DAS OBJEÇÕES Você já sentiu acuada, sem palavras ao ouvir alguma objeção de sua potencial iniciada!? As pessoas que você vai abordar são tão especiais quanto você e se elas disserem não, lembre-se

Leia mais

Fragmentos de Amor Eduardo Baqueiro

Fragmentos de Amor Eduardo Baqueiro Fragmentos de Amor Eduardo Baqueiro Interessante nosso caso! Nosso amor parece ter encontrado a pitada certa O tempero no ponto exato, Pois não é doce demais, tampouco salgado... Ele é algo difícil de

Leia mais

* Nascimento: 03/10/1948

* Nascimento: 03/10/1948 Alcindino José de Oliveira * Nascimento: 03/10/1948 Falecimento: 11/05/2012 Quem nos conta a história de Alcindino José de Oliveira é sua filha Renata de Oliveira. Alcindino nasceu em 3 de outubro de 1948,

Leia mais

História de marione drogada

História de marione drogada História de marione drogada INTODUÇÃO: Essa história é de uma adolesente que conviveu com nosco a bastante tempo espero que gostem já que me ajudaram a dar os primeiros contos... Marione: Filha única de

Leia mais

Daniel Duarte. 1 a edição

Daniel Duarte. 1 a edição Daniel Duarte 1 a edição Rio de Janeiro 2016 Agradecimentos Agradeço ao Thiago, que me encontrou pela internet adentro e acreditou neste projeto, e que em tão pouco tempo se tornou uma pessoa muito especial

Leia mais