Transcrição da Entrevista

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Transcrição da Entrevista"

Transcrição

1 Transcrição da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Praticante Igor Local: Núcleo de Arte Nise da Silveira Data: 05 de dezembro de 2013 Horário: 15:05 Duração da entrevista: 13min. 47seg. COR PRETA - Relatos do Entrevistado COR VERDE - Comentários da Entrevistadora Estou aqui com o Ícaro. Ícaro você tem quantos anos? Treze anos. 1. O que a Dança significa para vc? A Dança é expressada como uma arte para mostrar para as pessoas como a gente pensa, como a gente dança, como a gente vive o dia a dia. E a Dança representa quem eu sou, o que gosto, é a minha marca na vida, entende? Eu sempre dancei desde pequeno, sempre gostei e quando eu entrei aqui foi maravilhoso. Porque ela me dá conhecimento, formação e me sinto muito bem com ela, consegui até perder a minha timidez e isso me deu mais sensação de liberdade. A Minha mãe... Pode falar. Não... Sua mãe te incentivou? Minha mãe sim, incentivou bastante disse que os homens também podem dançar. Ai resolvi encarar e começar a dançar, mesmo sabendo que meus amigos iriam gozar comigo. 1

2 2. Você percebe se a dança ajudou a modificar a sua vida de alguma forma? Ajudou sim, muita coisa. Antes eu não tinha nada para fazer porque minha escola era de 7:15 às 11:45 e depois não tinha nada para fazer. Os professores não passavam dever de casa. A minha amiga depois me mostrou o Núcleo e aí eu comecei a fazer dança. A Dança ajudou-me a ocupar esse tempo livre.e com o tempo ela me ajudou comigo mesmo e a me relacionar melhor com meus amigos, foi ai que fiquei muito amigo, para todas as horas, sabe? Meus amigos sabem que podem contar comigo e eu com eles. Então na dança somos todos amigos e ajudamos uns aos outros, trabalhamos com uma grande equipe, assim aprendemos a ter solidariedade, a trabalhar com tranquilidade, respeito, tudo muito bom mesmo. So coisas positivas na dança. 3.Dançar transformou alguma coisa no corpo de você desde quando você começou a dançar? Para mim não. Porque eu sempre dancei, dancei desde que eu nasci... desde o primeiro ano que eu vim até agora eu não paro de dançar. Para mim não mudou nada... eu sempre fui magrinho assim desse jeito e sempre tive flexibilidade para dançar e tudo mais. E também, consegui trabalhar meus sentimentos na dança, consigo perceber que danço com muita emoção, tenho muitas vezes vontade de chorar porque chego aqui chateado por outros motivos e na hora de dançar fico emocionado, mas não é ruim não, é bom porque eu entro aqui triste e saio alegre. Ah, também fiquei mais flexível com as aulas e com mais coordenação nos movimentos, mas foi tudo com o treino. 4.Dançar trás sensações de melhor convivência com as pessoas que frequentam o Núcleo de Arte? Sim traz muito! Sinto bem estar, alegria de estar ao lado dos meus amigos. Eu ajudo meu parceiro a dançar melhor, a superar suas dificuldades na hora de fazer um movimento mais difícil. E a gente sabe mais e consegue ajudar um ao outro. 5.Você acha que a experiência de dançar possibilitou em você novas formas de sentir e expressar seus sentimentos e emoções? Sim como eu disse quando estamos dançando a música vai nos levando e a emoção vai fluindo, vou conseguindo sentir as emoções no meu corpo. E com ela ficamos mais sensíveis porque tem pessoas que não são assim, eu sou. Também, me sinto muito feliz aqui no núcleo, gosto de vim para cá e ficar com meus amigos e amigas, dançar 2

3 com eles, tudo isso me faz sentir alegre e cada vez mais apaixonado pela Dança, foi amor a primeira vista. 6. Em relação em casa? Você acha que mudou alguma coisa o fato de você dançar aqui no Núcleo de Arte? E influenciou no relacionamento em casa com os parentes? Sim, todo mundo mudou na minha família, me apoia meu jeito de dançar, às vezes minha tia leva para me conhecer e eu dou aula para eles (risos) para os amigos da minha tia para eles aprenderem a dançar melhor e isso me motivou muito. 7.Você acha que dançar pode ser um caminho para as pessoas serem valorizadas na sociedade, serem reconhecidas? A dança pode trazer isso? Uma profissão, uma valorização... Puxa, aquele bailarino dança muito! Você acha que pode ser o caminho? Sim, com certeza! As pessoas estão olhando para a gente, vendo o novo crescimento e assim elas começam a olhar pra gente de outra forma porque aprendemos algo na dança. 8.O Núcleo de Arte é importante para você? Por quê? Dê exemplos de algumas experiências que foram muito importantes para o seu crescimento aqui dentro. Sim. Porque antes eu tentava procurar academias de dança e não achava, não tinha nenhuma livre ou também era muito cara e eu não conseguia pagar, aí eu consegui achar aqui o Núcleo e comecei a dançar, gostei e frequento até hoje. Aqui consegui consegui desenvolver o meu ritmo, minha coordenação, meu equilibrio, a suavidade nos movjmentos e a força também. A dança me deu conhecimento porque assistimos filmes e ballet do mundo todo aqui, e estamos sempre aprendendo passos novos, tudo isto está sendo importante para mim. 9. O que significa esse espaço para você? Dançar aqui no Núcleo de Arte? Ah é muito bom... a professora me incentiva a dançar mais...até eu crescer e dar aula como ela...dar aula de professora e eu também quero ser professor de dança também. 10. Você acha que dançando você pode melhorar a convivência na sociedade? A Sociedade está incluída: escola, a igreja, os amigos do bairro onde vocês moram... Então você acha que melhora? Você vem aqui, você dançam e a dança pode transformar você e você vive na proposta... Você acha que melhora essa convivência sim ou não? 3

4 A gente vai para outros lugares dançar... as pessoas veem como a gente dança, fazemos amizade e muitas vezes, as pessoas tentam conhecer o local para também dançar com a gente. É muito bom! 11. O Núcleo de Arte é considerado um local que você consegue se modificar? Ou seja vê nele novas possibilidades de desenvolvimento artístico e profissional? De que forma? Sim, porque quando a gente vai dançando o ritmo vai envolvendo, e aí você vê que você conseguiu e aí você quer aprender mais e mais e aí você vai conseguindo e quer aprender mais e mais ainda... e aí vai... E vai sempre evoluindo ganhando capacidade de desenvolver o que você não conseguia fazer... você queria abrir o spacatto, mas você não conseguia e aí quando você vai treinando e treinando você vai e conseguiu...ou conseguiu mais do que você conseguia agora. 12. Você acha que a comunidade, comunidade que moram por aqui ou comunidade onde você mora, ou bairro onde você mora. Eles participam dos eventos aqui do Núcleo, vem assistir quando você vai dançar lá fora... eles vem sempre? Sim. Eu tento chamar as pessoas que eu conheço para assistir as minhas apresentações e dos meus amigos a dançar e também para motivar a virem aqui dançarem com a gente. 13. Você percebe se a escola poderia ser mais entrosada com o Núcleo de Arte? O que você acha que falta para melhorar essa ligação entre elas? Não percebo essa integração da esola com o núcleo, mas poderiam fazer os eventos juntos porque iria ficar até mais legal. 14. Vamos falar agora a respeito da sua professora de dança. Você acha que a sua professora de dança tem um papel importante para o seu crescimento artístico e pessoal. Sim ela ajudou muito, tinha movimentos que eu não conseguia fazer e ela Ígor é desse jeito, e ela pedia todo mundo para prestar atenção como que era, quando tinha pessoas errando e ela mostrava direitinho como que era. Para mim ela é muito bondosa, ela ensina bem, ensina bem porque ela sabe dançar bem. 15. O que de mais importante você aprendeu nas aulas de dança? Varias coisas como: as emoções, aprender a valorizar a dança, ter vários amigos, quanto mais pessoas chegarem aqui no Núcleo mais amigos a gente vai ter e vai ser muito melhor para as apresentações de dança. 4

5 16. O que menos vocês gosta nas aulas de dança? Pode ser em ralação a aula ou em exercícios da aula, atividades da própria dança em si ou pode ser em relação as pessoas que estão fazendo aula com você. O que você menos gosta aqui dentro? Eu não gosto porque a gente fica chamando a atenção dessa pessoa e ela não está nem ligando... eu falo Dança, dança aí ela tenta dançar e aí se ela errar uma coisa ela vai sentar no lugar e vai ficar olhando pra gente, desiste e no outro dia ela não vem mais. Muito obrigada! 5

Transcrição da Entrevista

Transcrição da Entrevista Transcrição da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Praticante Sonia Local: Núcleo de Arte Nise da Silveira Data: 5 de dezembro de 2013 Horário: 15:05 Duração da entrevista:

Leia mais

Transcrição da Entrevista

Transcrição da Entrevista Transcrição da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Praticante Fabrício Local: Núcleo de Arte do Neblon Data: 26.11.2013 Horário: 14h30 Duração da entrevista: 20min COR PRETA

Leia mais

Transcriça o da Entrevista

Transcriça o da Entrevista Transcriça o da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Ex Praticante Denise Local: Núcleo de Arte Albert Einstein Data: 03.12.2013 Horário: 10 h30 Duração da entrevista: 1h.

Leia mais

Transcrição da Entrevista

Transcrição da Entrevista Transcrição da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Ex Praticante Iago Local: Núcleo de Arte Copacabana Data: 29.11.2013 Horário: 9h25 Duração da entrevista: 1h. COR PRETA

Leia mais

Transcrição da Entrevista

Transcrição da Entrevista Transcrição da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Praticante Maria Local: Núcleo de Arte Grécia Data: 01.10.2013 Horário: 14h09 Duração da entrevista: 22min COR PRETA -

Leia mais

Anexo 1 Versão Provisória do Questionário. Questionário Corpo, Dança e Comunidade.

Anexo 1 Versão Provisória do Questionário. Questionário Corpo, Dança e Comunidade. Anexo 1 Versão Provisória do Questionário Questionário Corpo, Dança e Comunidade. Este questionário faz parte de um estudo de Doutorado em Dança associado à Faculdade de Motricidade Humana (Lisboa, Portugal)

Leia mais

MÃE, QUANDO EU CRESCER...

MÃE, QUANDO EU CRESCER... MÃE, QUANDO EU CRESCER... Dedico este livro a todas as pessoas que admiram e valorizam a delicadeza das crianças! Me chamo Carol, mas prefiro que me chamem de Cacau, além de ser um apelido que acho carinhoso,

Leia mais

Transcriça o da Entrevista

Transcriça o da Entrevista Transcriça o da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Ex Praticante Danilo Local: Núcleo de Arte Grécia Data: 08.10.2013 Horário: 14 h Duração da entrevista: 1h. COR PRETA

Leia mais

Anexo Entrevista G2.5

Anexo Entrevista G2.5 Entrevista G2.4 Entrevistado: E2.5 Idade: 38 anos Sexo: País de origem: Tempo de permanência em Portugal: Feminino Ucrânia 13 anos Escolaridade: Imigrações prévias: --- Ensino superior (professora) Língua

Leia mais

Suelen e Sua História

Suelen e Sua História Suelen e Sua História Nasci em Mogi da Cruzes, no maternidade Santa Casa de Misericórdia no dia 23 de outubro de 1992 às 18 horas. Quando eu tinha 3 anos de idade fui adotada pela tia da minha irmã, foi

Leia mais

Transcrição da Entrevista

Transcrição da Entrevista Transcrição da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Ex praticante David Local: Núcleo de Arte Neblon Data: 26.11.2013 Horário: 13h55 Duração da entrevista: 1h. COR PRETA

Leia mais

Anexo 2.2- Entrevista G1.2

Anexo 2.2- Entrevista G1.2 Entrevistado: E1.2 Idade: Sexo: País de origem: Tempo de permanência 53 anos Masculino Cabo-Verde 40 anos em Portugal: Escolaridade: 4ª classe Imigrações prévias : -- Língua materna: Outras línguas: Agregado

Leia mais

TRANSCRIÇÃO PRÉVIA PROJETO PROFALA TRANSCRITOR(A): Késsia Araújo 65ª ENTREVISTA (J.D.T.S) Cabo Verde

TRANSCRIÇÃO PRÉVIA PROJETO PROFALA TRANSCRITOR(A): Késsia Araújo 65ª ENTREVISTA (J.D.T.S) Cabo Verde TRANSCRIÇÃO PRÉVIA PROJETO PROFALA TRANSCRITOR(A): Késsia Araújo 65ª ENTREVISTA (J.D.T.S) Cabo Verde PERGUNTAS METALINGUÍSTICAS Doc.: J. quais são as línguas que você fala " Inf.: eu " (+) inglês né falo

Leia mais

Integração entre Serviços e Benefícios. VI Seminário Estadual de Gestores e trabalhadores da Política de Assistência Social Santa Catariana/ 2015

Integração entre Serviços e Benefícios. VI Seminário Estadual de Gestores e trabalhadores da Política de Assistência Social Santa Catariana/ 2015 Integração entre Serviços e Benefícios VI Seminário Estadual de Gestores e trabalhadores da Política de Assistência Social Santa Catariana/ 2015 A desproteção e a vulnerabilidade são multidimensionais

Leia mais

Essa data sempre será inesquecível. Seis de Março, 2016

Essa data sempre será inesquecível. Seis de Março, 2016 Essa data sempre será inesquecível. Seis de Março, 2016 Digamos onde acordou tudo alegre e assim permaneceu. Acho completamente impossível tentar descrever nas palavras o sentimento que sinto aqui dentro

Leia mais

Tânia Abrão. Coração de Mãe. Coração De Mãe

Tânia Abrão. Coração de Mãe. Coração De Mãe Coração de Mãe Coração De Mãe Página 1 Coração De Mãe 1º Edição Agosto de 2013 Página 2 Coração De Mãe 1º Edição È proibida à reprodução total ou parcial desta obra, por Qualquer meio e para qualquer fim

Leia mais

Minha História de amor

Minha História de amor Minha História de amor Hoje eu vou falar um pouco sobre a minha história de amor! Bem, eu namoro à distância faz algum tempinho. E não é uma distância bobinha não, são 433 km, eu moro em Natal-Rn, e ela

Leia mais

Anexo 4- Dados das entrevistas do Grupo II

Anexo 4- Dados das entrevistas do Grupo II Anexo 4- Dados das entrevistas do Grupo II Grupo II Informantes idade Sexo profissão escolaridade Tempo de imigração em Portugal Língua materna E2.1 42 Masc. Jardineiro 12º 12 anos Ucraniano E2.2 62 Fem.

Leia mais

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS RODRIGO DOS SANTOS

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS RODRIGO DOS SANTOS CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS RODRIGO DOS SANTOS (depoimento) 2013 CEME-ESEF-UFRGS FICHA TÉCNICA Projeto:

Leia mais

Transcrição da Entrevista

Transcrição da Entrevista Transcrição da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Professora: Cloudine Local: Núcleo de Arte Albert Eistein Data: 18 de junho Horário: 14h Duração da entrevista: 18min.

Leia mais

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS LÍGIA COSTA.

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS LÍGIA COSTA. CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS LÍGIA COSTA (depoimento) 2013 CEME-ESEF-UFRGS FICHA TÉCNICA Projeto: Garimpando

Leia mais

July: Eu também! Achei o máximo as coisas que ela faz. Vou pedir para a minha mãe fazer umas roupinhas novas. Estou pensando até em montar um guarda-r

July: Eu também! Achei o máximo as coisas que ela faz. Vou pedir para a minha mãe fazer umas roupinhas novas. Estou pensando até em montar um guarda-r Série Ao infinito e além... Sua vida além das estrelas! 4 a 8 anos Aprendendo a Viver! Conceito Viver a vida como se fosse o melhor presente. Versículo-chave Não desperdicem nenhum pouco desta maravilhosa

Leia mais

Em Círculos. Mateus Milani

Em Círculos. Mateus Milani Em Círculos Mateus Milani Que eu não perca a vontade de ter grandes amigos, mesmo sabendo que, com as voltas do mundo, eles acabam indo embora de nossas vidas Ariano Suassuna. Sinopse Círculos. A vida

Leia mais

Identificação. ML01 Duração da entrevista 21:39 Data da entrevista Ano de nascimento (Idade) 1953 (59) Local de nascimento/residência

Identificação. ML01 Duração da entrevista 21:39 Data da entrevista Ano de nascimento (Idade) 1953 (59) Local de nascimento/residência 1 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 Identificação ML01 Duração da entrevista 21:39 Data da entrevista 4-8-2012 Ano de nascimento (Idade) 1953 (59) Local de nascimento/residência

Leia mais

P/1 E qual a data do seu nascimento? Eu te ajudo. Já te ajudo. Dia 30 de março de 1984.

P/1 E qual a data do seu nascimento? Eu te ajudo. Já te ajudo. Dia 30 de março de 1984. museudapessoa.net P/1 Então, vamos lá. Eu queria que você me falasse seu nome completo. R Meu nome é Karen Fisher. P/1 E onde você nasceu, Karen? R Eu nasci aqui no Rio, Rio de Janeiro. P/1 Na cidade mesmo?

Leia mais

Real Brazilian Conversations #21 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com

Real Brazilian Conversations #21 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com Subjects on this conversation: How it is like to live in Uberlândia MG. Context: In this conversation André talks to his aunt Edmárcia, about the city of Uberlândia, in Minas Gerais state. She tells us

Leia mais

Real Brazilian Conversations #20 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com

Real Brazilian Conversations #20 Premium PDF Guide Brazilian Portuguese Podcast, by RLP reallylearnportuguese.com Subjects on this conversation: The city of Belo Horizonte Minas Gerais state. Context: In this conversation André and Guilherme talk about the city of Belo Horizonte, in Minas Gerais state. Cultural notes,

Leia mais

Transcrição de Entrevista nº 10

Transcrição de Entrevista nº 10 Transcrição de Entrevista nº 10 E Entrevistador E10 Entrevistado 10 Sexo Feminino Idade 31 anos Área de Formação Engenharia Informática E - Acredita que a educação de uma criança é diferente perante o

Leia mais

Olhando o Aluno Deficiente na EJA

Olhando o Aluno Deficiente na EJA Olhando o Aluno Deficiente na EJA ConhecendoJoice e Paula Lúcia Maria Santos Tinós ltinos@ffclrp.usp.br Apresentando Joice e Paula Prazer... Eu sou a Joice Eu sou a (...), tenho 18 anos, gosto bastante

Leia mais

Transcrição da Entrevista

Transcrição da Entrevista Transcrição da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Professora: Valéria Local: Núcleo de Arte Nise da Silveira Data: 12 de dezembro de 2012 Horário: 7:52 Duração da entrevista:

Leia mais

1.º C. 1.º A Os livros

1.º C. 1.º A Os livros 1.º A Os livros Os meus olhos veem segredos Que moram dentro dos livros Nas páginas vive a sabedoria, Histórias mágicas E também poemas. Podemos descobrir palavras Com imaginação E letras coloridas Porque

Leia mais

Protocolo da Entrevista a Anália

Protocolo da Entrevista a Anália Protocolo da Entrevista a Anália 1 Pedia-lhe que me contasse o que lhe aconteceu de importante desde que acabou a licenciatura até agora. Então, eu acabei o 4.º ano da licenciatura e tinha o 5.º ano que

Leia mais

coaching para o sucesso

coaching para o sucesso coaching para o sucesso Como o coaching pode trazer benefícios reais para vários segmentos da sua vida? O coaching é um processo de autoconhecimento que leva o cliente a perceber os seus talentos e o seu

Leia mais

Script de Ligação Ativa. Saiba como ligar para os seus contatos e gerar agendamentos para realizar uma apresentação de negócio.

Script de Ligação Ativa. Saiba como ligar para os seus contatos e gerar agendamentos para realizar uma apresentação de negócio. Script de Ligação Ativa. Saiba como ligar para os seus contatos e gerar agendamentos para realizar uma apresentação de negócio. Script de Ligação ativa. Temas. Como ligar para os seus amigos?. Como ligar

Leia mais

Roteiro: Kelson s, O lugar onde vivo.

Roteiro: Kelson s, O lugar onde vivo. Roteiro: Kelson s, O lugar onde vivo. SINOPSE: Kelson s : O Lugar onde Vivo Relato de quatro meninos de uma comunidade de baixa renda do Rio de Janeiro, falando a um entrevistador, do lugar onde vivem.

Leia mais

FICHA SOCIAL Nº 123 INFORMANTE: SEXO: IDADE: ESCOLARIZAÇÃO: LOCALIDADE: PROFISSÃO: DOCUMENTADORA: TRANSCRITORA: DIGITADORA: DURAÇÃO:

FICHA SOCIAL Nº 123 INFORMANTE: SEXO: IDADE: ESCOLARIZAÇÃO: LOCALIDADE: PROFISSÃO: DOCUMENTADORA: TRANSCRITORA: DIGITADORA: DURAÇÃO: FICHA SOCIAL Nº 123 INFORMANTE: M.A.M.B. SEXO: Masculino IDADE: 27 anos - Faixa II ESCOLARIZAÇÃO: 9 a 11 anos (2º grau incompleto) LOCALIDADE: Batateira - Zona Urbana PROFISSÃO: Comerciante DOCUMENTADORA:

Leia mais

Altos da Serra - Capítulo Altos da Serra. Novela de Fernando de Oliveira. Escrita por Fernando de Oliveira. Personagens deste Capítulo

Altos da Serra - Capítulo Altos da Serra. Novela de Fernando de Oliveira. Escrita por Fernando de Oliveira. Personagens deste Capítulo Altos da Serra - Capítulo 03 1 Altos da Serra Novela de Fernando de Oliveira Escrita por Fernando de Oliveira Personagens deste Capítulo Altos da Serra - Capítulo 03 2 CENA 01. CAPELA / CASAMENTO. INTERIOR.

Leia mais

coleção Conversas #5 Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça.

coleção Conversas #5 Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça. coleção Conversas #5 Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS da Editora AfroReggae nasceu com o desejo de facilitar diálogos que muitas vezes podem

Leia mais

Uma lição de vida. Graziele Gonçalves Rodrigues

Uma lição de vida. Graziele Gonçalves Rodrigues Uma lição de vida Graziele Gonçalves Rodrigues Ele: Sente sua falta hoje na escola, por que você não foi? Ela: É, eu tive que ir ao médico. Ele: Ah, mesmo? Por que? Ela: Ah, nada. Consultas anuais, só

Leia mais

29/03/2006. Discurso do Presidente da República

29/03/2006. Discurso do Presidente da República , Luiz Inácio Lula da Silva, na visita às futuras instalações do campus da Universidade Federal do Estado de São Paulo Guarulhos-SP, 29 de março de 2006 Meus queridos e minhas queridas companheiras da

Leia mais

1 COMO RENOVAR SEU GUARDA ROUPA SEM GASTAR R$1

1 COMO RENOVAR SEU GUARDA ROUPA SEM GASTAR R$1 1 COMO RENOVAR SEU GUARDA ROUPA SEM GASTAR R$1. 2 COMO RENOVAR SEU GUARDA ROUPA SEM GASTAR R$1 3 COMO RENOVAR SEU GUARDA ROUPA SEM GASTAR R$1 Prefácio São Paulo passa (ou será volta?), a contar com uma

Leia mais

Meu nome é César e hoje começam minhas aulas numa nova escola. Por causa disso, estou de péssimo

Meu nome é César e hoje começam minhas aulas numa nova escola. Por causa disso, estou de péssimo 1. Meu nome é César e hoje começam minhas aulas numa nova escola. Por causa disso, estou de péssimo humor. Todo ano é a mesma coisa: tenho que trocar de escola, de colegas, de professores, de bairro e,

Leia mais

Do Vácuo ao Encontro

Do Vácuo ao Encontro Do Vácuo ao Encontro INTRODUÇÃO Todos nós homens já passamos por situações constrangedoras de puxar conversa com uma bela mulher e não obtemos nada além de um Belo de um vácuo, eu mesmo já passei por isso.

Leia mais

Superando Seus Limites

Superando Seus Limites Superando Seus Limites Como Explorar seu Potencial para ter mais Resultados Mini Curso Parte I As Forças que controlam a sua vida Página 2 de 6 Como te falei, essa é a primeira etapa do mini-curso Superando

Leia mais

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão.

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão. REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO Código Entrevista: 3 Data: 18/10/2010 Hora: 19h00 Duração: 22:25 Local: Casa de Santa Isabel DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS Idade

Leia mais

(18/04/2008) (EU): OIE BB (VC): OIIIIIIIIIIIIIII (EU): TUDO CERTO (VC): TUDO CERTIN.. (EU): CONSEGUINDO LEVAR A VIDA REAL A SERIO AGORA?

(18/04/2008) (EU): OIE BB (VC): OIIIIIIIIIIIIIII (EU): TUDO CERTO (VC): TUDO CERTIN.. (EU): CONSEGUINDO LEVAR A VIDA REAL A SERIO AGORA? (18/04/2008) (EU): OIE BB (VC): OIIIIIIIIIIIIIII (EU): TUDO CERTO (VC): TUDO CERTIN.. (EU): CONSEGUINDO LEVAR A VIDA REAL A SERIO AGORA? (VC): HUAHSUASHUAHSUAHSUA SEI LÁ (EU): ENTENDO TUDO NO REAL TA DESABANDO

Leia mais

Os Principais Tipos de Objeções

Os Principais Tipos de Objeções Os Principais Tipos de Objeções Eu não sou como você" Você tem razão, eu não estou procurando por pessoas que sejam como eu. Sou boa no que faço porque gosto de mim como eu sou. Você vai ser boa no que

Leia mais

Como Ajudar o Mundo?

Como Ajudar o Mundo? Como Ajudar o Mundo? Todos dizem como salvar o mundo, mas será mesmo que fazem o que falam? André tem 8 anos. Certo dia estava em uma aula de ciências e sua professora disse que o mundo está sofrendo com

Leia mais

Identificação. F03 Duração da entrevista 18:12 Data da entrevista Ano de nascimento (Idade) 1974 (36) Local de nascimento/residência

Identificação. F03 Duração da entrevista 18:12 Data da entrevista Ano de nascimento (Idade) 1974 (36) Local de nascimento/residência 1 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 Identificação F03 Duração da entrevista 18:12 Data da entrevista 4-5-2011 Ano de nascimento (Idade) 1974 (36) Local de

Leia mais

Na Palma da Mão. Por: Alexandre d Oliveira

Na Palma da Mão. Por: Alexandre d Oliveira Na Palma da Mão Por: Alexandre d Oliveira Sinopse: A personagem busca entender as nuances da amizade, e aparentemente vemos estar desolada, devido o termino de algum relacionamento. E por isto busca a

Leia mais

Problemática 1 Percurso na vida associativa. Dimensões Entrevista E2 Análise

Problemática 1 Percurso na vida associativa. Dimensões Entrevista E2 Análise Problemática 1 Percurso na vida associativa Início da prática associativa (local e idade) Tipo de trabalho desenvolvido Associações que está envolvido «Comecei aqui na JS ( )» (P.1) «18 anos( )» (P. 2)

Leia mais

A Patricinha. Ninguém é realmente digno de inveja, e tantos são dignos de lástima! Arthur Schopenhauer

A Patricinha. Ninguém é realmente digno de inveja, e tantos são dignos de lástima! Arthur Schopenhauer Roleta Russa 13 A Patricinha Ninguém é realmente digno de inveja, e tantos são dignos de lástima! Arthur Schopenhauer Oi. Eu sou a Patrícia. Prazer. Você é?... Quer sentar? Aceita uma bebida, um chá, um

Leia mais

Parte Um Minha_Vida_Agora.indd 7 Minha_Vida_Agora.indd 7 11/06/ :19:05 11/06/ :19:05

Parte Um Minha_Vida_Agora.indd 7 Minha_Vida_Agora.indd 7 11/06/ :19:05 11/06/ :19:05 Parte Um Minha_Vida_Agora.indd 7 11/06/2012 16:19:05 Minha_Vida_Agora.indd 8 11/06/2012 16:19:06 1 Meu nome é Elizabeth, mas ninguém nunca me chamou assim. Meu pai deu uma olhada em mim quando nasci e

Leia mais

1.começo Eu Isabel franca moro com minha mãe chamada Helen,moramos numa cidade chamada nova lux gosto muito de morar com minha mãe mas o marido dela

1.começo Eu Isabel franca moro com minha mãe chamada Helen,moramos numa cidade chamada nova lux gosto muito de morar com minha mãe mas o marido dela anoitecer 1.começo Eu Isabel franca moro com minha mãe chamada Helen,moramos numa cidade chamada nova lux gosto muito de morar com minha mãe mas o marido dela chamado pio,bom o cara e legal mas tem um

Leia mais

Aexo 3 Dados das entrevistas do grupo 1

Aexo 3 Dados das entrevistas do grupo 1 Aexo 3 Dados das entrevistas do grupo 1 Grupo I Informantes idade Sexo profissão Escolarida de Tempo de imigração em Portugal Língua materna E1.1 51 anos Masc. -- 6ª classe 40 anos Crioulo cv E1.2 53 anos

Leia mais

Conhece a Ana. // Perfil

Conhece a Ana. // Perfil Conhece a Ana // Perfil Nome: Ana Rodrigues Idade: 21 anos Nacionalidade: Portuguesa Cidade: Caxarias/Ourém Escola: Escola Superior de Saúde (ESSLei) Curso: Licenciatura em Dietética País Escolhido: Lituânia

Leia mais

ESSÊNCIAS DE POESIAS. Cristina Goulart

ESSÊNCIAS DE POESIAS. Cristina Goulart ESSÊNCIAS DE POESIAS Cristina Goulart 1ª EDIÇÃO LONDRINA- PARANÁ 2013 1 TUDO SE MOVE EM TORNO DAS PALAVRAS. SUA VIDA, SEU MOMENTO E SUA CRIATIVIDADE. TUDO SE TRANSFORMA ATRAVÉS DE DEUS, SEU BEM MAIOR.

Leia mais

Transcrição da Entrevista

Transcrição da Entrevista Transcrição da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Professora: Lúcia Local: Núcleo de Arte Leblon Data:07/12/2013 Horário:15h Duração da entrevista: 31min. 7seg. COR PRETA

Leia mais

Você já ouviu a história de uma tal "garota legal"? Bem, se não, deixeme contar uma história:

Você já ouviu a história de uma tal garota legal? Bem, se não, deixeme contar uma história: Você já ouviu a história de uma tal "garota legal"? Bem, se não, deixeme contar uma história: Uma garota legal é alguém que se dedica de alma e coração em um relacionamento. Ela é alguém que poderia esperar

Leia mais

João Pedro Pinto Moreira 4º Ano EB1 Azenha Nova. A Pequena Diferença

João Pedro Pinto Moreira 4º Ano EB1 Azenha Nova. A Pequena Diferença João Pedro Pinto Moreira 4º Ano EB1 Azenha Nova A Pequena Diferença Era uma vez um menino chamado Afonso que nasceu no primeiro dia do ano de 2000. Era uma criança muito desejada por toda a família, era

Leia mais

A importante tarefa da criança: o brincar e sua função educativa. Thaís Fernanda C. Rodrigues

A importante tarefa da criança: o brincar e sua função educativa. Thaís Fernanda C. Rodrigues A importante tarefa da criança: o brincar e sua função educativa Thaís Fernanda C. Rodrigues Durante minhas observações vi que o imaginário e as brincadeiras das crianças do grupo 5A vespertino estavam

Leia mais

Pensamento Positivo. Pr. Rodrigo Moraes

Pensamento Positivo. Pr. Rodrigo Moraes Pensamento Positivo Pr. Rodrigo Moraes Pensamento Positivo Pastor Rodrigo Moraes Igreja Nova Aliança Ministério Atraindo Vidas Para Deus - AVD 2015 Prefácio Esta é uma obra com o intuito de mostrar com

Leia mais

TABUADA DAS OBJEÇÕES

TABUADA DAS OBJEÇÕES TABUADA DAS OBJEÇÕES Você já sentiu acuada, sem palavras ao ouvir alguma objeção de sua potencial iniciada!? As pessoas que você vai abordar são tão especiais quanto você e se elas disserem não, lembre-se

Leia mais

Toque Bem Paulo Chaves toquebem.com.br

Toque Bem Paulo Chaves toquebem.com.br Paulo Chaves toquebem.com.br Olá. Obrigado por ter curtido a nossa página no Facebook! Existem dezenas de dicas excelentes. O motivo de eu ter escolhido essas 6 foi bem simples: as 5 primeiras sempre são

Leia mais

EU TE OFEREÇO ESSAS CANÇÕES

EU TE OFEREÇO ESSAS CANÇÕES EU TE OFEREÇO ESSAS CANÇÕES Obra Teatral de Carlos José Soares Revisão Literária de Nonata Soares EU TE OFEREÇO ESSAS CANÇÕES Peça de Carlos José Soares Revisão Literária Nonata Soares Personagens: Ricardo

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 73 Discurso na cerimónia de inauguração

Leia mais

PROTOCOLO DA ENTREVISTA

PROTOCOLO DA ENTREVISTA [Legitimação da entrevista] Ent. Em relação ao primeiro bloco, o objetivo específico é conhecer as razões e motivações que levam a educadora a utilizar a metodologia do trabalho de projeto. A primeira

Leia mais

CARLA EGÍDIO LEMOS PSICÓLOGA. Autoestima.

CARLA EGÍDIO LEMOS PSICÓLOGA. Autoestima. CARLA EGÍDIO LEMOS PSICÓLOGA Autoestima Autoestima A baixa autoestima é, infelizmente, um estado muito comum. As pessoas geralmente se sentem inseguras, inadequadas, com dúvidas constantes, não têm certeza

Leia mais

Bárbara uma mulher de 25 anos, queria atrasar o livro de uma escritora famosa chamada Natália, Bárbara queria contar uns segredos bombásticos antes

Bárbara uma mulher de 25 anos, queria atrasar o livro de uma escritora famosa chamada Natália, Bárbara queria contar uns segredos bombásticos antes O ATAQUE NA PISCINA Bárbara uma mulher de 25 anos, queria atrasar o livro de uma escritora famosa chamada Natália, Bárbara queria contar uns segredos bombásticos antes de Natália, Bárbara não queria que

Leia mais

coleção Conversas #24 Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #24 Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. coleção Conversas #24 Eu Posso sou me G ay. curar? Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS da Editora AfroReggae nasceu com o desejo de facilitar

Leia mais

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão.

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão. REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO Código Entrevista: 8 Data: 28/10/2010 Hora: 13h00 Duração: 26:31 Local: Casa de Santa Isabel DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS Idade

Leia mais

O SMURF REPORTER. Os smu em fo

O SMURF REPORTER. Os smu em fo O SMURF REPORTER Os smurfs em foco Os smurfs em foco Os smurfs em foco Os smu em fo Tradução de Alexandre Boide Roteiro: Luc Parthoens e Thierry Culliford Arte: Ludo Borecki a1 Cores: Nine Culliford e

Leia mais

Fui à biblioteca tentar escolher. Um bom livro para ler. Mas era difícil descobrir. Aquele que me ia surpreender! Desisti da ideia de procurar

Fui à biblioteca tentar escolher. Um bom livro para ler. Mas era difícil descobrir. Aquele que me ia surpreender! Desisti da ideia de procurar Fui à biblioteca tentar escolher Um bom livro para ler Mas era difícil descobrir Aquele que me ia surpreender! Desisti da ideia de procurar E vim cá para fora brincar. Os meus amigos riam-se de mim E eu

Leia mais

MÓDULO SOMBRAS E PROJEÇÕES

MÓDULO SOMBRAS E PROJEÇÕES 5 MÓDULO SOMBRAS E PROJEÇÕES RELEMBRANDO... Sombra é tudo que nós não nos permitimos ser. Tudo que de alguma forma você renega dentro de você ou se limita. A projeção é uma transferência involuntária da

Leia mais

Autoria. Coordenação científica e programática. Ilustração e design. Sónia Costa

Autoria. Coordenação científica e programática. Ilustração e design. Sónia Costa Autoria Sónia Costa Licenciada em Ciências da Educação pela Universidade do Porto sonia.costa@am-live.pt Coordenação científica e programática Sónia Costa Licenciada em Ciências da Educação pela Universidade

Leia mais

www. brunopinheiro.me

www. brunopinheiro.me >>SE VOCÊ ESTA PENSANDO EM ENTRAR NA INTERNET PENSANDO EM VENDER, VAI SE DAR MAL >> ENTRE PENSANDO EM CONQUISTAR CLIENTES CONQUISTE, EDUCANDO-OS >> QUANDO VOCÊ CONQUISTA UM CLIENTE, VOCÊ TEM UM MULTICOMPRADOR

Leia mais

coleção Conversas #21 - ABRIL e t m o se? Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #21 - ABRIL e t m o se? Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. Sou bem que ele mais v coleção Conversas #21 - ABRIL 2015 - m o c está l e g i o h a que e l apenas por in e t. er e s se? Será Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça.

Leia mais

Preparação psicológica e emocional para o vestibular e concursos

Preparação psicológica e emocional para o vestibular e concursos Preparação psicológica e emocional para o vestibular e concursos A familiaridade com a palavra vestibular provavelmente surgiu na sua vida durante o ensino médio e possivelmente se transformou num gerador

Leia mais

como diz a frase: nois é grossa mas no fundo é um amor sempre é assim em cima da hora a pessoa muda numa hora ela fica com raiva, triste, feliz etc.

como diz a frase: nois é grossa mas no fundo é um amor sempre é assim em cima da hora a pessoa muda numa hora ela fica com raiva, triste, feliz etc. SEGUIR EM FRENTE seguir sempre em frente, nunca desistir dos seus sonhos todos nós temos seu nivel ou seja todos nós temos seu ponto fraco e siga nunca desistir e tentar até voce conseguir seu sonho se

Leia mais

E-Book - Postura no Altar Parte 3

E-Book - Postura no Altar Parte 3 E-Book - Postura no Altar Parte 3 Postura no Arte Postura dos Bailarinos e Ministros no Altar Parte 3 Esta é a terceira parte do nosso E-book POSTURA NO ALTAR Para quem ainda não baixou a primeira parte

Leia mais

COMO REALIZAR UMA SESSÃO DE CUIDADOS COM A PELE PERFEITA OBTENDO VENDAS E INÍCIOS

COMO REALIZAR UMA SESSÃO DE CUIDADOS COM A PELE PERFEITA OBTENDO VENDAS E INÍCIOS COMO REALIZAR UMA SESSÃO DE CUIDADOS COM A PELE PERFEITA OBTENDO VENDAS E INÍCIOS Ninguém acorda todos os dias sentindo-se entusiasmado. Entusiasmo é algo que todos nós temos que trabalhar para conquistar.

Leia mais

Pesquisa. Setembro 2014

Pesquisa. Setembro 2014 Pesquisa Setembro 2014 Perfil Quem é o nosso time? 66% está conosco há mais de 1 ano 69% são casadas 68% tem Filhos, 42% desses adolescentes Média de Idade 32 anos (20 a 56) 93% são mulheres 61% cursando

Leia mais

Anexo 2.8- Entrevista G2.3

Anexo 2.8- Entrevista G2.3 Entrevista G2.3 Entrevistado: E2.3 Idade: Sexo: País de origem: Tempo de permanência e 45 anos Masculino Ucrânia 14 anos m Portugal: Escolaridade: Imigrações prévias: Ensino superior Polónia Língua materna:

Leia mais

DECORAÇÃO DE INTERIORES

DECORAÇÃO DE INTERIORES 5 DICAS PRÁTICAS COMO SE ESPECIALIZAR EM DECORAÇÃO DE INTERIORES E FATURAR MAIS! Projeto da aluna Ana Chiste O QUE É O projeto #VivendoDeCoração veio com a força e a inspiração que só quem vive de coração

Leia mais

www.afiliadocurioso.com Este e-book pode ser compartilhado, porém, não pode ser editado. Direitos autoriais para: Fernando Martins da Silva Pode me chamar de Nando Olá, meu nome é Nando Silva. Não sou

Leia mais

Eu queria desejar a você toda a felicidade do mundo e Obrigado, vô.

Eu queria desejar a você toda a felicidade do mundo e Obrigado, vô. Parabéns para o Dan Tocou o telefone lá em casa. Meu pai atendeu na sala. Alô. Meu avô, pai do meu pai, do outro lado da linha, fez voz de quem não gostou da surpresa. Eu liguei pra dar parabéns ao Dan.

Leia mais

O DESAFIO RADICAL dessa semana será de oração. Veja o anexo da meditação e ajude a criança a cumprir cada etapa em cada dia.

O DESAFIO RADICAL dessa semana será de oração. Veja o anexo da meditação e ajude a criança a cumprir cada etapa em cada dia. 4 CRIANÇAS até 5 anos Nome: Ministério: INFORMAÇÕES 1) Fazer as meditações diariamente até o término do Sonho de Natal; 2) Memorizar (após decorar os versículos, a criança deve falar o versículo só de

Leia mais

29/11/2009. Entrevista do Presidente da República

29/11/2009. Entrevista do Presidente da República Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na chegada ao hotel Villa Itália Cascais-Portugal, 29 de novembro de 2009 Jornalista: (incompreensível) Presidente:

Leia mais

Mestrado: 2º Ciclo em Ensino de Educação Física nos Ensinos Básico e Secundário Disciplina: Psicologia Educacional Docente: Doutor Nuno Corte Real

Mestrado: 2º Ciclo em Ensino de Educação Física nos Ensinos Básico e Secundário Disciplina: Psicologia Educacional Docente: Doutor Nuno Corte Real Mestrado: 2º Ciclo em Ensino de Educação Física nos Ensinos Básico e Secundário Disciplina: Psicologia Educacional Docente: Doutor Nuno Corte Real Tema: Elaboração de uma peça de teatro - Promoção da Saúde,

Leia mais

Uma Aflição Imperial.

Uma Aflição Imperial. Uma Aflição Imperial. Amanda Silva C. Prefácio Uma aflição Imperial conta a história de uma garota chamada Anna que é diagnosticada com tipo raro de câncer leucemia sua mãe é paisagista e tem apenas um

Leia mais

Língua Por. ortuguesa. As Vontades

Língua Por. ortuguesa. As Vontades Nome: Ensino: F undamental 4 o ano urma: T Data: 10/8/2009 Língua Por ortuguesa As Vontades Eu tenho que achar um lugar pra esconder minhas vontades. Não digo vontade magra, pequenininha, que nem tomar

Leia mais

Unidade Pedras do Sol

Unidade Pedras do Sol Unidade Pedras do Sol OBJETIVO DO PROJETO Desenvolvimento de Líderes capazes de conduzir o negócio Mary Kay com excelência, liderando PELO EXEMPLO, PELO EXEMPLO E PELO EXEMPLO!!! META DA UNIDADE Formar

Leia mais

Pesquisa de opinião Você está satisfeito com a sua vida conjugal?

Pesquisa de opinião Você está satisfeito com a sua vida conjugal? Outubro, 2016 Pesquisa de opinião Você está satisfeito com a sua vida conjugal? Outubro, 2016 Introdução O Instituto do Casal realizou uma pesquisa online com 510 pessoas, entre homens e mulheres, entre

Leia mais

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ALINE PELLEGRINO II

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ALINE PELLEGRINO II CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ALINE PELLEGRINO II (depoimento) 2014 FICHA TÉCNICA ENTREVISTA CEDIDA PARA PUBLICAÇÃO NO REPOSITÓRIO DIGITAL

Leia mais

Arrasando no Fechamento

Arrasando no Fechamento Arrasando no Fechamento Nada acontece até que alguém venda algo. Mary Kay Ash Por que o Fechamento na Sessão é TÃO IMPORTANTE? Muitas vezes fazemos sessões maravilhosas e conseguimos realmente encantar

Leia mais

para todos! feliz ano-novo não... sopa pura?! então eu tenho que tomar sopa pura! pãozinho aqui em casa... porque não sabe ligar a tv...

para todos! feliz ano-novo não... sopa pura?! então eu tenho que tomar sopa pura! pãozinho aqui em casa... porque não sabe ligar a tv... feliz ano-novo para todos! *soluço* por que o seu irmãozinho está chorando? ele está vendo alguma coisa triste? não... é que ele fica deprimido porque não sabe ligar a tv... *suspiro* se existe uma coisa

Leia mais

AMA QUE É BOM! AMA, AMA QUE É BOM! AMA, AMA QUE VEM DE DOM! AMA, AMA QUE É BOM! AMA, AMA QUE VEM DE DOM!

AMA QUE É BOM! AMA, AMA QUE É BOM! AMA, AMA QUE VEM DE DOM! AMA, AMA QUE É BOM! AMA, AMA QUE VEM DE DOM! AMA QUE É BOM! Lugar: Itacaré (BA) Data: 10/12/2009. Estilo: Fado baiano Tom: Fá sustenido menor (F#m) Estúdio: 18/12/11 QUE É BOM! QUE VEM DE DOM! QUE É BOM! QUE VEM DE DOM! UM POUCO MAIS QUEM AMA NA

Leia mais

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS NILTON SANTOS DE ATHAYDE (depoimento) 2011 CEME-ESEF-UFRGS FICHA TÉCNICA Projeto:

Leia mais

COMO REALIZAR UMA SESSÃO DE CUIDADOS COM A PELE PERFEITA OBTENDO VENDAS E INÍCIOS

COMO REALIZAR UMA SESSÃO DE CUIDADOS COM A PELE PERFEITA OBTENDO VENDAS E INÍCIOS COMO REALIZAR UMA SESSÃO DE CUIDADOS COM A PELE PERFEITA OBTENDO VENDAS E INÍCIOS Ninguém acorda todos os dias sentindo-se entusiasmado. Entusiasmo é algo que todos nós temos que trabalhar para conquistar.

Leia mais

A minha vida sempre foi imaginar. Queria ter um irmãozinho para brincar...

A minha vida sempre foi imaginar. Queria ter um irmãozinho para brincar... O pequeno Will A minha vida sempre foi imaginar. Queria ter um irmãozinho para brincar... Então um dia tomei coragem e corri até mamãe e falei: - Mãeee queria tanto um irmãozinho, para brincar comigo!

Leia mais