RESIDÊNCIA UNIVERSITÁRIA DOS ÁLAMOS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "RESIDÊNCIA UNIVERSITÁRIA DOS ÁLAMOS"

Transcrição

1 RESIDÊNCIA UNIVERSITÁRIA DOS ÁLAMOS NOVAS INSTALAÇÕES CATÁLOGO PARA OFERTAS

2 Mais do que cama, mesa e roupa lavada o que já não seria pouco!, os Álamos têm sempre ido muito mais além de ser uma simples residência. Desde o início, com uma visão universal ( ), os Álamos são um verdadeiro polo de promoção cultural e social. Para isso são múltiplas as atividades de índole cultural e artística, de debate e de formação, de voluntariado e iniciativa, de solidariedade e de intercâmbio, que desde sempre se podem encontrar nos relatórios anuais. A identidade cristã é clara e conhecida por todos, sendo o fundamento de toda a atividade que se desenvolve, desejando que cada pessoa descubra no seu dia-a-dia o lugar do seu encontro com Deus. Os Álamos procuram ser uma casa, uma família onde existem responsabilidades partilhadas e direitos, onde cada um dos elementos tem tarefas; onde se vão repor energias, onde se partilham bons momentos e também os menos bons, onde se aprende de todos quando o todos não significa um ou dois, mas frequentemente mais de uma dezena! -, onde não se vive isolado nem das outras residentes, nem da Universidade, nem da sociedade, nem do País ou do mundo! Margarida Marcelino, diretora da residência 2

3 ALMOÇOS UNIDADES DISPONÍVEIS: 6230 de EUROS Todos os dias, usufruem das refeições servidas na residência não só as residentes, mas muitas outras pessoas que frequentam os Álamos. As refeições são um momento agradável do dia de todas, repleto de pequenos pormenores que facilitam a integração numa nova cidade e a dedicação ao estudo. A nova residência terá uma sala de jantar com capacidade para 44 pessoas. 3

4 SERVIÇOS DE APOIO UNIDADES DISPONÍVEIS: 1196 de EUROS Na Residência, proporcionamos um serviço de pensão completa, que inclui tratamento de roupa, limpeza dos quartos e zonas comuns e 4 refeições diárias. Este serviço é prestado pela Administração, que disporá de uma divisão devidamente equipada, de forma a poder continuar a tornar mais amável e acolhedor o ambiente dos Álamos 4

5 TERTÚLIAS UNIDADES DISPONÍVEIS: 168 de EUROS Desde conferências a cineforuns, passando pelo musical, sem esquecer o voluntariado, são algumas das atividades que se organizam nos Álamos. Assim, ao longo do percurso universitário, todas podem crescer em capacidade empreendedora, trabalho em equipa, atitudes solidárias, liderança pondo as suas capacidades e o seu trabalho ao serviço dos outros. 5

6 LUGAR PARA DESCANSAR UNIDADES DISPONÍVEIS: 326 de EUROS Para além do estudo intenso, fomenta-se nos Álamos um ambiente familiar, para o qual muito contribuem as tertúlias, que são momentos de convívio informal, em que se conta com a colaboração de todas. A nova residência contará, para além de uma sala de estar com capacidade para todas as residentes, de pequenas salas que fomentam o convívio. Adicionalmente, também vai dispor de um ginásio. 6

7 LUGAR PARA ESTUDAR UNIDADES DISPONÍVEIS: 57 de EUROS Nos Álamos, o Estudo é Tradição. Para isso, procura-se fomentar um clima de estudo intenso. Nas novas instalações haverá duas salas de estudo individual e uma sala de estudo em grupo. Adicionalmente, cada quarto tem uma mesa de estudo. O facto de haver universitárias de vários cursos proporciona um clima de entreajuda e facilita a troca de experiências. De um modo especial as alunas mais novas sabem que nos Álamos podem contar com o apoio de quem já passou pelo mesmo. 7

8 LUGAR PARA REZAR UNIDADES DISPONÍVEIS: 78 de EUROS Cada uma das universitárias que vive na residência ou a frequenta com regularidade é o centro de um percurso formativo personalizado que aponta para o seu amadurecimento completo. Por isso, além da formação humana, cultural e profissional, os Álamos oferecem a possibilidade de ter formação espiritual, confiada à Prelatura do Opus Dei, de modo a que aquelas que quiserem possam encontrar um sentido mais profundo na sua experiência da vida universitária. 8

9 QUARTOS UNIDADES DISPONÍVEIS: 21 de EUROS Ao longo destes anos, viveram e frequentaram os Álamos universitárias de vários pontos de Portugal e do mundo Angola, Índia, França, Finlândia, Bélgica, Brasil, Timor, Irlanda, Irão, Japão, Inglaterra, Itália, Espanha, China, Coreia As novas instalações da residência disporão de 31 quartos individuais. 9

10 CONFERÊNCIAS UNIDADES DISPONÍVEIS: 9 de EUROS A Universidade é uma época para alargar horizontes, para além do que cada estudante aprende no curso. Nesse sentido, ao longo do ano, organizamos nos Álamos conferências mensais com um convidado especial que nos vem falar sobre algum tema da atualidade, abrangendo um vasto leque de interesses. As novas instalações terão uma sala com capacidade para 70 pessoas. 10

11 Nos Álamos, cada divisão procura tornar o ambiente da residência propício para que cada uma das estudantes que cá passa, residente ou não, possa rentabilizar as suas potencialidades no plano profissional e social.

12 AJUDE-NOS A CONCRETIZAR ESTE PROJETO FAÇA UM DONATIVO IBAN: PT Envie um com os dados da transferência, bem como os dados para o recibo Todos os donativos, mesmo não correspondendo ao valores indicados neste catálogo, são bem-vindos Se quiser fazer donativos em espécie, por favor contacte-nos diretamente Contacte-nos:

ASSOCIAÇÃO CULTURAL DAS AREIAS. Relatório de Atividades

ASSOCIAÇÃO CULTURAL DAS AREIAS. Relatório de Atividades ASSOCIAÇÃO CULTURAL DAS AREIAS Relatório de Atividades 2014 A, constituída em 2008, prosseguiu os objectivos estatutários dirigindo as suas iniciativas e actividades ao desenvolvimento integral da pessoa

Leia mais

ASSOCIAÇÃO CULTURAL DAS AREIAS. Relatório de Actividades

ASSOCIAÇÃO CULTURAL DAS AREIAS. Relatório de Actividades ASSOCIAÇÃO CULTURAL DAS AREIAS Relatório de Actividades 2013 A, constituída em 2008, prosseguiu os objectivos estatutários dirigindo as suas iniciativas e actividades ao desenvolvimento integral da pessoa

Leia mais

CÂMARA HISPANO-PORTUGUESA DE COMÉRCIO E INDÚSTRIA. O seu Aliado no Mercado Ibérico

CÂMARA HISPANO-PORTUGUESA DE COMÉRCIO E INDÚSTRIA. O seu Aliado no Mercado Ibérico CÂMARA HISPANO-PORTUGUESA DE COMÉRCIO E INDÚSTRIA O seu Aliado no Mercado Ibérico A Câmara Hispano Portuguesa de Comércio e Indústria em Espanha (CHP) foi constituída no ano de 1970, como uma organização

Leia mais

TABELA DE FRETES MÉDIO PRATICADOS PARA ANGOLA REFERENTE AO MÊS DE JANEIRO Moeda: USD

TABELA DE FRETES MÉDIO PRATICADOS PARA ANGOLA REFERENTE AO MÊS DE JANEIRO Moeda: USD REPÚBLICA DE ANGOLA MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES BOLSA NACIONAL DE FRETE Sede: Palácio de Vidro, 5º andar; CX Postal 2223; Telefone +(244) 222-311339/40/41; Fax 222-310555- Luanda, Angola. TABELA DE FRETES

Leia mais

Propostas Empresa s. Aumente o Rendimento da sua empresa

Propostas Empresa s. Aumente o Rendimento da sua empresa Propostas Empresa s Aumente o Rendimento da sua empresa É uma vasta lista de atividades realizadas geralmente em formato outdoor com o objetivo de fomentar o espírito de equipa e, por essa via, melhorar

Leia mais

Re Nascer. PROPÓSITO Re Nascer

Re Nascer.  PROPÓSITO Re Nascer O nascimento é o momento em que o Ser dá início à vida. Em cada respiração define-se a existência duma nova vida. Em cada Expiração há morte... E em cada Inspiração há vida. Cada momento da nossa vida

Leia mais

O que é a União Europeia (UE)?

O que é a União Europeia (UE)? O que é a União Europeia (UE)? 28 Estados-Membros Mais de 500 milhões de habitantes Atuais candidatos à adesão à UE: Albânia, antiga República Iugoslava da Macedônia, Montenegro, Sérvia e Turquia Tratados

Leia mais

CARTA DE DIREITOS DOS CLIENTES

CARTA DE DIREITOS DOS CLIENTES CARTA DE DIREITOS DOS CLIENTES Capítulo 1º Objecto e âmbito A Carta de direitos e deveres dos clientes materializa o compromisso da APPACDM de Soure relativamente aos serviços e programas que envolvem

Leia mais

AÇÃO SOCIAL ESCOLAR Os Serviços de Acção Social da Universidade do Minho (SASUM) são uma unidade cuja missão é proporcionar aos estudantes as melhores condições de frequência do ensino superior, e condições

Leia mais

Luanda Bairro Cambamba I Um projecto de apoio a crianças e mulheres desfavorecidas

Luanda Bairro Cambamba I Um projecto de apoio a crianças e mulheres desfavorecidas Luanda Bairro Cambamba I Um projecto de apoio a crianças e mulheres desfavorecidas Janeiro Dezembro 2012 Ano I Um Projecto de: SCALABRINIANAS Congregação das Irmãs Missionárias de S. Carlos Borromeu Um

Leia mais

Alberto Umbelino Gonçalves

Alberto Umbelino Gonçalves CÂMARA HISPANO-PORTUGUESA DE COMÉRCIO E INDÚSTRIA Alberto Umbelino Gonçalves Membro Conselho Executivo da CHP A Câmara Hispano Portuguesa de Comércio e Indústria em Espanha (CHP) foi constituída no ano

Leia mais

ASSOCIAÇÃO CULTURAL DAS AREIAS Relatório de Actividades 2009

ASSOCIAÇÃO CULTURAL DAS AREIAS Relatório de Actividades 2009 ASSOCIAÇÃO CULTURAL DAS AREIAS Relatório de Actividades 2009 A, constituída em 2008, prosseguiu os objectivos estatutários dirigindo as suas iniciativas e actividades ao desenvolvimento integral da pessoa

Leia mais

Confraria dos Gastrónomos do Algarve Novimus Quod Manducamus

Confraria dos Gastrónomos do Algarve Novimus Quod Manducamus X Grande Capítulo a realizar em Lagoa A Doçaria e o Vinho de Lagoa A Confraria dos Gastrónomos do Algarve tendo em vista a promoção e confraternização do movimento Confrádico, tem a honra de o convidar

Leia mais

PROJECTO DE RESOLUÇÃO Nº 87/XI

PROJECTO DE RESOLUÇÃO Nº 87/XI PROJECTO DE RESOLUÇÃO Nº 87/XI Fixa a composição, distribuição e elenco dos Grupos Parlamentares de Amizade na XI Legislatura e procede à primeira alteração à Resolução da Assembleia da República n.º 6/2003,

Leia mais

uma marca portuguesa com certeza

uma marca portuguesa com certeza uma marca portuguesa com certeza, este nome pode ser curioso, mas garantimos que se vai divertir bastante connosco, como também com as nossos produtos e projetos. Somos uma marca portuguesa que pretende

Leia mais

In DOURO WINE EXPORT BUSINESS

In DOURO WINE EXPORT BUSINESS In DOURO WINE EXPORT BUSINESS POTENCIAR OS NEGÓCIOS E A EXPORTAÇÃO O In Douro Wine Export Business, realiza-se desde 2006 (anteriormente com a designação Festa do Vinho) e tem como objetivo principal proporcionar

Leia mais

Regulamento da Casa da Comareira de Góis

Regulamento da Casa da Comareira de Góis Regulamento da Casa da Comareira de Góis Artigo 1 Classificação 1.1 - A Casa da Comareira de Góis está classificada como Casa de Campo Turismo em Espaço Rural, pela DREC. 1.2 - A Casa da Comareira de Góis

Leia mais

ACORDO DE COOPERAÇÃO NO DOMÍNIO DA JUVENTUDE E DO DESPORTO

ACORDO DE COOPERAÇÃO NO DOMÍNIO DA JUVENTUDE E DO DESPORTO ACORDO DE COOPERAÇÃO NO DOMÍNIO DA JUVENTUDE E DO DESPORTO ----- ENTRE ----- A REPÚBLICA DE ANGOLA, A REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL, A REPÚBLICA DE CABO VERDE, A REPÚBLICA DA GUINÉ-BISSAU, A REPÚBLICA

Leia mais

ASSOCIAÇÃO CULTURAL DAS AREIAS. Relatório de Atividades

ASSOCIAÇÃO CULTURAL DAS AREIAS. Relatório de Atividades ASSOCIAÇÃO CULTURAL DAS AREIAS Relatório de Atividades 2015 A, constituída em 2008, prosseguiu os objectivos estatutários direcionando as suas iniciativas e atividades ao desenvolvimento de cada pessoa.

Leia mais

FORÚM DE GESTÃO DE PESSOAS Março / Porto (Portugal)

FORÚM DE GESTÃO DE PESSOAS Março / Porto (Portugal) FORÚM DE GESTÃO DE PESSOAS 29 30 Março / Porto (Portugal) www.highplay.pt INFORMAÇÃO Partilhe, descubra e explore o estado da arte na Gestão e Liderança de Pessoas. Este Fórum irá proporcionarlhe um momento

Leia mais

CHAMADA PARA SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA PARTICIPAR. NO PROGRAMA INnetCAMPUS

CHAMADA PARA SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA PARTICIPAR. NO PROGRAMA INnetCAMPUS CHAMADA PARA SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA PARTICIPAR NO PROGRAMA INnetCAMPUS O Programa INnetCAMPUS será desenvolvido com o apoio financeiro do Programa Erasmus + da Comissão Europeia. Trata-se de uma ação

Leia mais

5. TRANSFERÊNCIAS (PARTICULARES)

5. TRANSFERÊNCIAS (PARTICULARES) 5.1. Ordens de transferência Transferências Internas/Nacionais C/ operador 1. Para conta domiciliada na própria Instituição de Crédito Com o mesmo ordenante e beneficiário - Pontual e Isento Isento Permamente

Leia mais

Criamos ligações mundiais

Criamos ligações mundiais Criamos ligações mundiais Através do Global Business Centre, as empresas, os empresários e os pensadores inovadores do sul de Alberta passarão a ser conhecidos no mercado mundial. Por outro lado, as empresas

Leia mais

EXECUTIVO DA JUNTA DE FREGUESIA DE S. VICENTE BRAGA

EXECUTIVO DA JUNTA DE FREGUESIA DE S. VICENTE BRAGA JUNTA FREGUESIA DE S. VICENTE WWW.JF-SVICENTE.COM INFORMAÇÃO PERIÓDICA DO PRESIDENTE DA JUNTA, À ASSEMBLEIA DE FREGUESIA DE S. VICENTE, REFERENTE À SESSÃO ORDINÁRIA DE 18 DE ABRIL 2012. EXECUTIVO DA JUNTA

Leia mais

RESIDÊNCIAS DE QUALIDADE A PREÇOS ACESSÍVEIS

RESIDÊNCIAS DE QUALIDADE A PREÇOS ACESSÍVEIS RESIDÊNCIAS DE QUALIDADE A PREÇOS ACESSÍVEIS VISTA DE MAR, ACESSO DIRECTO À PRAIA, EXCELENTE GASTRONOMIA, EXPOSIÇÕES E CONFERÊNCIAS, CURSOS E WORKSHOPS, MÚSICA E TEATRO, CINEMA E DANÇA, DESPORTO E NATUREZ,

Leia mais

BPstat mobile inovação na difusão das estatísticas do Banco de Portugal

BPstat mobile inovação na difusão das estatísticas do Banco de Portugal BPstat mobile inovação na difusão das estatísticas do Banco de Portugal João Cadete de Matos Diretor do Departamento de Estatística 24 novembro 2015 Lisboa BPstat mobile Evolução da difusão estatística

Leia mais

Turismo de Habitação Portaria nº 937/2008, de 20 de Agosto

Turismo de Habitação Portaria nº 937/2008, de 20 de Agosto Turismo de Habitação Portaria nº 937/2008, de 20 de Agosto (atualizada em Outubrol 2016) Turismo de habitação 1. Imóvel antigo particular Imóvel que pelo seu valor arquitetónico, histórico ou artístico,

Leia mais

PROINSO lança o catálogo mais completo para o instalador fotovoltaico

PROINSO lança o catálogo mais completo para o instalador fotovoltaico PROINSO lança o catálogo mais completo para o instalador fotovoltaico O primeiro com mais de 500 produtos, disponível em ipad, iphone e Android O PROINSO SOLAR CATALOGUE é uma inovadora ferramenta de referência

Leia mais

Quarteto Gastronómico

Quarteto Gastronómico Quarteto Gastronómico Marcar a diferença O Quarteto Gastronómico, "Degustar por uma boa causa", foi o primeiro projeto de solidariedade social da attitude IPSS Associação de solidariedade social www.attitude.org.pt,

Leia mais

INQUÉRITO - PROJECTO DE TUTORIA A ESTUDANTES ERAMUS OUT

INQUÉRITO - PROJECTO DE TUTORIA A ESTUDANTES ERAMUS OUT INQUÉRITO - PROJECTO DE TUTORIA A ESTUDANTES ERAMUS OUT Desde já, agradecemos a sua participação nesta nova etapa do Projecto de Tutoria a Estudantes ERASMUS versão OUT. Com este inquérito, pretendemos

Leia mais

BAILIADO DA GRANDE LISBOA

BAILIADO DA GRANDE LISBOA Bailliage Grand Lisbonne FERNANDO MESSIAS Bailli /Président Av. João Crisóstomo, 30-2.º, 1050-127 Lisboa T. +351 21 0502053/ 21 3178440 F. +351 217958131 lm: +351 93 4205633 fm@@fernandomessias.pt Chaîne

Leia mais

CONCURSO A BOLSAS PARA RESIDÊNCIAS ARTÍSTICAS NA OFICINAS DO CONVENTO

CONCURSO A BOLSAS PARA RESIDÊNCIAS ARTÍSTICAS NA OFICINAS DO CONVENTO CONCURSO A BOLSAS PARA RESIDÊNCIAS ARTÍSTICAS NA OFICINAS DO CONVENTO APRESENTAÇÃO Está aberto o Concurso a Bolsas para Residências Artísticas na Oficinas do Convento Associação Cultural de Arte e Comunicação

Leia mais

VII JORNADAS PEDAGÓGICAS O PROFESSOR FAZ A DIFERENÇA NO DESEMPENHO ESCOLAR

VII JORNADAS PEDAGÓGICAS O PROFESSOR FAZ A DIFERENÇA NO DESEMPENHO ESCOLAR VII JORNADAS PEDAGÓGICAS O PROFESSOR FAZ A DIFERENÇA NO DESEMPENHO ESCOLAR Dias 30 de abril, 14 e 21 de maio de 2016 O aperfeiçoamento profissional dos professores não é um acontecimento, é um processo.

Leia mais

!!!!!!! Programa ñdesistas BOLSA DE APOIO SOCIAL A ALUNOS DO ENSINO SUPERIOR! REGULAMENTO

!!!!!!! Programa ñdesistas BOLSA DE APOIO SOCIAL A ALUNOS DO ENSINO SUPERIOR! REGULAMENTO Programa ñdesistas BOLSA DE APOIO SOCIAL A ALUNOS DO ENSINO SUPERIOR REGULAMENTO Ano letivo 2014-2015 Preâmbulo A Fundação Bissaya Barreto, instituição privada de utilidade pública (Diário do Governo,

Leia mais

Portugal é feito de todos nós Turismo de Portugal na BTL 2014

Portugal é feito de todos nós Turismo de Portugal na BTL 2014 Portugal é feito de todos nós Turismo de Portugal na BTL 2014 Portugal é feito de todos nós é o tema da participação do Turismo de Portugal na BTL Feira Internacional de Turismo, que se realiza de 12 a

Leia mais

:: REGULAMENTO :: :: ALOJAMENTO :: :: EQUIPAMENTO ::

:: REGULAMENTO :: :: ALOJAMENTO :: :: EQUIPAMENTO :: :: ALOJAMENTO :: :: REGULAMENTO :: 2 pisos com 48 quartos; 1 sala de convívio; 1 sala de estudo; 1 sala de estudo/mediateca; 1 lavandaria; 1 sala de engomar; Cozinha comum; Cantina. A Residencial Universitária

Leia mais

13. TRANSFERÊNCIAS (OUTROS CLIENTES) Ordens de transferência

13. TRANSFERÊNCIAS (OUTROS CLIENTES) Ordens de transferência 13. TRANSFERÊNCIAS (OUTROS CLIENTES) 13.1. Ordens de transferência Transferências Internas/Nacionais 1. Para conta domiciliada na própria Instituição de Crédito (internas) Com o mesmo ordenante e beneficiário

Leia mais

REFLEXOS DO CENÁRIO ECONÔMICO MUNDIAL SOBRE O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO

REFLEXOS DO CENÁRIO ECONÔMICO MUNDIAL SOBRE O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO REFLEXOS DO CENÁRIO ECONÔMICO MUNDIAL SOBRE O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO JOÃO CRUZ REIS FILHO SECRETÁRIO DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO Brasília/DF JULHO DE 2015 22 CENÁRIO POPULACIONAL

Leia mais

Missão: o que fazemos e porque existimos

Missão: o que fazemos e porque existimos Fundada em 1991. Estatutos, Artigo 4º: A Movijovem tem como objeto principal promover, apoiar e fomentar acções de mobilidade juvenil na sua vertente social, possibilitando aos jovens portugueses, em especial

Leia mais

#MídiaKit Fantástico mundo RP www.fantasticomundorp.com.br Relações Públicas Fantástico mundo RP Uma das atividades da área de Comunicação Social, profissão regulamentada por lei e que para seu exercício

Leia mais

Tema do Projeto Educativo: Quero ser grande e feliz

Tema do Projeto Educativo: Quero ser grande e feliz Tema do Projeto Educativo: Quero ser grande e feliz A primeira tarefa da educação é ensinar a ver É através dos olhos que as crianças tomam contacto com a beleza e o fascínio do mundo Os olhos têm de ser

Leia mais

CIRCULAR PA Nº /15 03/07/2015. ASSUNTO: Programa Equipas Nacionais S13 Uma equipa por trás de outra equipa

CIRCULAR PA Nº /15 03/07/2015. ASSUNTO: Programa Equipas Nacionais S13 Uma equipa por trás de outra equipa CIRCULAR PA Nº. 29 14/15 03/07/2015 DISTRIBUIÇÃO: Associações, Clubes P.A. ASSUNTO: Programa Equipas Nacionais S13 Uma equipa por trás de outra equipa Tendo em curso o processo de lançamento do Programa

Leia mais

COMPRAR A PORTUGAL FILEIRA TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO JAN 2016

COMPRAR A PORTUGAL FILEIRA TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO JAN 2016 COMPRAR A PORTUGAL FILEIRA TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO JAN 2016 PERFIL 3 INDICADORES CHAVE 4 VANTAGENS 5 COMPETITIVAS SETORES 6-9 DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE 7 TELECOMUNICAÇÕES 8 SERVIÇOS,

Leia mais

VISTO DE ESTADA TEMPORÁRIA: Intercâmbio de Estudantes, Estágio Profissional e Voluntariado

VISTO DE ESTADA TEMPORÁRIA: Intercâmbio de Estudantes, Estágio Profissional e Voluntariado VISTO DE ESTADA TEMPORÁRIA: Intercâmbio de Estudantes, Estágio Profissional e Voluntariado Documentação do Requerente Formulário de pedido de visto devidamente preenchido online (www.cgportugalemluanda.com)

Leia mais

O melhor ano da sua vida começa aqui

O melhor ano da sua vida começa aqui O melhor ano da sua vida começa aqui Hotel Régua Douro Largo da Estação da CP 5050-237 Peso da Régua REVEILLON 2016/2017 6ª Feira - 30 De Dezembro 2016 Check-In: Hotel Régua Douro Pacote de Rebuçados da

Leia mais

REQUERIMENTO PRESTAÇÕES POR ENCARGOS FAMILIARES ABONO DE FAMÍLIA PRÉ-NATAL E ABONO DE FAMÍLIA PARA CRIANÇAS E JOVENS

REQUERIMENTO PRESTAÇÕES POR ENCARGOS FAMILIARES ABONO DE FAMÍLIA PRÉ-NATAL E ABONO DE FAMÍLIA PARA CRIANÇAS E JOVENS REQUERIMENTO PRESTAÇÕES POR ENCARGOS FAMILIARES ABONO DE FAMÍLIA PRÉ-NATAL E ABONO DE FAMÍLIA PARA CRIANÇAS E JOVENS INFORMAÇÕES E INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO O requerimento deve ser preenchido manualmente.

Leia mais

VAGAS SERVIÇO VOLUNTÁRIO EUROPEU (SVE) PORTUGAL 2016

VAGAS SERVIÇO VOLUNTÁRIO EUROPEU (SVE) PORTUGAL 2016 VAGAS SERVIÇO VOLUNTÁRIO EUROPEU (SVE) PORTUGAL 2016 PROJETO ODEMIRA NA EUROPA Odemira na Europa é o projeto do Município de Odemira no âmbito do Serviço Voluntário Europeu, Erasmus + / Juventude em Ação-Mobilidade

Leia mais

CENTRO SOCIAL PAROQUIAL DE OEIRAS REGULAMENTO CENTRO DE DIA

CENTRO SOCIAL PAROQUIAL DE OEIRAS REGULAMENTO CENTRO DE DIA CENTRO SOCIAL PAROQUIAL DE OEIRAS REGULAMENTO CENTRO DE DIA Artigo 1º Definição 1. O Centro Social Paroquial de Oeiras com sede na Igreja Matriz de Oeiras, é uma Instituição Particular de Solidariedade

Leia mais

CONTRATO DE CONSTRUÇÃO DE STAND E PUBLICAÇÃO NO CATÁLOGO PARA PESSOA COLETIVA

CONTRATO DE CONSTRUÇÃO DE STAND E PUBLICAÇÃO NO CATÁLOGO PARA PESSOA COLETIVA PARA A PARTICIPAÇÃO NO VERA WORLD FINE ART FESTIVAL 15 PRAZO DE ENTREGA ATÉ 15 DE JULHO DE 2015 ENVIAR PARA VERA@VERAFESTIVAL.COM CONTRATO Lisboa, 2015 A Sociedade de responsabilidade limitada «Pensamentos

Leia mais

Pacotes para aproveitar o Natal e o Réveillon fora de casa

Pacotes para aproveitar o Natal e o Réveillon fora de casa Pacotes para aproveitar o Natal e o Réveillon fora de casa As festas de fim de ano trazem a oportunidade de momentos de lazer perto de família e amigos. Porém, para alguns, o Natal e o Réveillon, além

Leia mais

MEALHADA DEDICA SEMANA AO COMBATE À POBREZA E EXCLUSÃO SOCIAL

MEALHADA DEDICA SEMANA AO COMBATE À POBREZA E EXCLUSÃO SOCIAL MEALHADA DEDICA SEMANA AO COMBATE À POBREZA E EXCLUSÃO SOCIAL A Câmara Municipal da Mealhada vai dedicar a semana de 15 a 22 de outubro ao combate à pobreza e à exclusão social, promovendo diversas iniciativas,

Leia mais

Registo no Turismo de Portugal N.º Informações e Reservas para: Cofre Previdência Telf:

Registo no Turismo de Portugal N.º Informações e Reservas para: Cofre Previdência Telf: Registo no Turismo de Portugal N.º 2526 Informações e Reservas para: Cofre Previdência Telf: 213241060 Programa da Viagem: 1º Dia- ( Sáb.) Lisboa/ Fermentelos (Pateira de Fermentelos) Em hora e local a

Leia mais

Dentro da UFSM, ela cuida da Política de Assistência Estudantil (Decreto nº 7.234, de 19 de julho de 2010), que busca auxiliar na permanência dos

Dentro da UFSM, ela cuida da Política de Assistência Estudantil (Decreto nº 7.234, de 19 de julho de 2010), que busca auxiliar na permanência dos Dentro da UFSM, ela cuida da Política de Assistência Estudantil (Decreto nº 7.234, de 19 de julho de 2010), que busca auxiliar na permanência dos estudantes na educação superior pública federal. Oferece

Leia mais

União Europeia Docente: Pedro Moreira Ano Lectivo: 2012/2013

União Europeia Docente: Pedro Moreira Ano Lectivo: 2012/2013 União Europeia Docente: Pedro Moreira Ano Lectivo: 2012/2013 Como Nasceu a União Europeia? Depois da guerra...a paz, a solidariedade na Europa Em 1951, nasceu a primeira Comunidade - a Comunidade Europeia

Leia mais

Leitura em Vai e Vem. Projecto de promoção de leitura em família. Apresentação do projecto reunião de pais. Educação Pré-Escolar.

Leitura em Vai e Vem. Projecto de promoção de leitura em família. Apresentação do projecto reunião de pais. Educação Pré-Escolar. Projecto de promoção de leitura em família Apresentação do projecto reunião de pais 1 Colégio Santiago 2 A Leitura em Família e o Plano Nacional de Leitura O Plano Nacional de Leitura (PNL) tem como missão

Leia mais

A RIA FORMOSA E SUA ENVOLVÊNCIA

A RIA FORMOSA E SUA ENVOLVÊNCIA Uma saída pelágica é um passeio que pode ser considerado completamente diferente. Fazer uma saída para várias milhas mar adentro é uma experiência enriquecedora e faz-nos sempre perceber como somos pequenos

Leia mais

3. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (PARTICULARES) (ÍNDICE)

3. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (PARTICULARES) (ÍNDICE) 3.1. Cartões de crédito Redes onde o é Cartão BPI Prémio Cartão BPI e Multibanco Cartão BPI Gold e Multibanco Cartão BPI Campeões Cartão Visa FC Porto Cartão BPI Zoom Cartão ACPMaster Cartão BPI Premier

Leia mais

Tabela ALUNOS REGULARES ESTRANGEIROS MATRICULADOS NO MESTRADO POR PAÍS DE ORIGEM EM 2010

Tabela ALUNOS REGULARES ESTRANGEIROS MATRICULADOS NO MESTRADO POR PAÍS DE ORIGEM EM 2010 Tabela 3.26 - ALUNOS REGULARES ESTRANGEIROS MATRICULADOS NO MESTRADO POR PAÍS DE ORIGEM EM 2010 ALUNOS REGULARES / UNIDADE ALEMANHA - - - - - 1 - - - - 1 - - - - - - - - - 2 ANGOLA - - - - - - - 1-1 -

Leia mais

Contrato de adesão ao Programa Mundial de Oportunidades da Globo Deals

Contrato de adesão ao Programa Mundial de Oportunidades da Globo Deals Contrato de adesão ao Programa Mundial de Oportunidades da Globo Deals 1. OBJETO 1.1- Os presentes termos definem o processo de adesão ao Programa Mundial de Oportunidades da Globo Deals. Caso não concorde

Leia mais

LUA. Linha Universidade de Aveiro. Formação Básica. Março. 2011

LUA. Linha Universidade de Aveiro. Formação Básica. Março. 2011 1 1 LUA Linha Universidade de Aveiro Formação Básica. Março. 2011 2 Linha confidencial de estudantes para estudantes Síntese Histórica 1994 Peer Counselling Horário de funcionamento: 20h-8h 3 LUA-SL 2008

Leia mais

A Economia Portuguesa Dados Estatísticos Páginas DADOS ESTATÍSTICOS

A Economia Portuguesa Dados Estatísticos Páginas DADOS ESTATÍSTICOS DADOS ESTATÍSTICOS A Economia Portuguesa Dados Estatísticos Páginas I. DADOS NACIONAIS 1. POPULAÇÃO 1.1 População Residente por Sexo e Grupo Etário: Censos 1 1.2 População Residente - Estimativas 1 2.

Leia mais

Critério: MENOR PREÇO GLOBAL.

Critério: MENOR PREÇO GLOBAL. Cotação Prévia de Preço n 25/2016 Convênio nº 775707/2012 MTE/SENAES Projeto: Centro de Formação e Apoio a Assessoria Técnica em Economia Solidária da Região Sul CFES Regional Sul. Critério: MENOR PREÇO

Leia mais

CONVERGÊNCIA DOS PREÇOS MAS NÃO DOS SALÁRIOS E DE RENDIMENTOS ENTRE PORTUGAL E A UNIÃO EUROPEIA

CONVERGÊNCIA DOS PREÇOS MAS NÃO DOS SALÁRIOS E DE RENDIMENTOS ENTRE PORTUGAL E A UNIÃO EUROPEIA Convergência de preços mas não dos salários e dos rendimentos entre Portugal e a U.E. Pág. 1 CONVERGÊNCIA DOS PREÇOS MAS NÃO DOS SALÁRIOS E DE RENDIMENTOS ENTRE E A UNIÃO EUROPEIA RESUMO DESTE ESTUDO Em

Leia mais

Plano anual de atividades 2016 / 2017

Plano anual de atividades 2016 / 2017 Atividades Valências dinamizadoras Calendarização Objetivos Recursos humanos Recursos materiais Adaptação das crianças happy day setembro 2016 Fomentar o desenvolvimento da autonomia quer em relação ao

Leia mais

INFANTÁRIO O CÔCO SETEMBRO

INFANTÁRIO O CÔCO SETEMBRO INFANTÁRIO O CÔCO INFANTÁRIO O CÔCO SETEMBRO - 2012 Alvará nº. 9/95 UMA NOVA FORMA DE EDUCAR Com um espaço de aprox. 350m 2 de área coberta e de área de recreio de aprox. 60 m 2, formamos, com o nosso

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO CENTRO DE CONVÍVIO

REGULAMENTO INTERNO CENTRO DE CONVÍVIO REGULAMENTO INTERNO CENTRO DE CONVÍVIO CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1º Âmbito de aplicação O Centro de Convívio da Misericórdia de Machico é uma valência administrada pela Santa Casa da Misericórdia

Leia mais

Relatório Estatístico Mensal

Relatório Estatístico Mensal Relatório Estatístico Mensal Gestão de Patrimónios Janeiro 2016 Sede: Rua Castilho, 44-2º 1250-071 Lisboa Telefone: 21 799 48 40 Fax: 21 799 48 42 e.mail: info@apfipp.pt home page: www.apfipp.pt RELATÓRIO

Leia mais

Exmo. Sr. Ministro da Economia, da Inovação e do Desenvolvimento, Uma primeira palavra de boas-vindas à Universidade de Aveiro, e de

Exmo. Sr. Ministro da Economia, da Inovação e do Desenvolvimento, Uma primeira palavra de boas-vindas à Universidade de Aveiro, e de Exmo. Sr. Ministro da Economia, da Inovação e do Desenvolvimento, Exmo. Sr. Secretário de Estado da Energia e da Inovação, Exmo. Sr. Director Geral da Agência para a Energia, Caros membros da Comunidade

Leia mais

Ano Pastoral A MISSÃO COMO PROPÓSITO E A SINODALIDADE COMO MÉTODO

Ano Pastoral A MISSÃO COMO PROPÓSITO E A SINODALIDADE COMO MÉTODO Ano Pastoral 2015-2016 A MISSÃO COMO PROPÓSITO E A SINODALIDADE COMO MÉTODO Revisitando 2014-2015 O dia-a-dia da comunidade Catequese da Infância 23 Crianças receberam a 1ª Comunhão 8 Jovens de Profissão

Leia mais

A FORMAÇÃO DOS BLOCOS ECONÔMICOS

A FORMAÇÃO DOS BLOCOS ECONÔMICOS A FORMAÇÃO DOS BLOCOS ECONÔMICOS PROF. DE GEOGRAFIA: BIANCA 1º TRIM - GEOGRAFIA 2016 INTRODUÇÃO Para a formação dos blocos econômicos, os países firmam acordos comerciais, estabelecendo medidas que visam

Leia mais

A UNIÃO EUROPEIA E O DIÁLOGO INTERCULTURAL MNE DGAE

A UNIÃO EUROPEIA E O DIÁLOGO INTERCULTURAL MNE DGAE A UNIÃO EUROPEIA E O DIÁLOGO INTERCULTURAL O CAMINHO PARA A UNIÃO EUROPEIA O QUE SE COMEMORA NO ANO EUROPEU 2008 QUIZ O CAMINHO PARA A UNIÃO EUROPEIA No século XX, depois das Guerras Mundiais (a 2ª foi

Leia mais

INTERCÂMBIO & CURSOS NO EXTERIOR

INTERCÂMBIO & CURSOS NO EXTERIOR INTERCÂMBIO & CURSOS 1 NO EXTERIOR INTERCÂMBIO O que é intercâmbio? Quais as opções de idiomas que o cliente encontra na CVC? Quais os destinos de Cursos no Exterior que a CVC vende? DESTINOS CURSOS NO

Leia mais

OUTUBRO 2011 OUTUBRO NA ESCOLA E NO PAÍS... SALA DE ESTUDO S.O.S DÚVIDAS! EDIÇÃO N.º 2

OUTUBRO 2011 OUTUBRO NA ESCOLA E NO PAÍS... SALA DE ESTUDO S.O.S DÚVIDAS! EDIÇÃO N.º 2 EDIÇÃO N.º 2 OUTUBRO 2011 OUTUBRO NA ESCOLA E NO PAÍS... O mês de outubro está recheado de notícias que marcam a atualidade. Não só fomos informados da morte dos subsídios de férias e de natal Subimos

Leia mais

RYE Nome: Ana Carolina Bragança. Data: 28/10/2016. Patrocinado no Brasil pelo Rotary Club de: Guanabara-Galeão

RYE Nome: Ana Carolina Bragança. Data: 28/10/2016. Patrocinado no Brasil pelo Rotary Club de: Guanabara-Galeão RYE 2016-2017 Nome: Ana Carolina Bragança Data: 28/10/2016 Patrocinado no Brasil pelo Rotary Club de: Guanabara-Galeão Hospedado pelo Rotary Club de: Siracusa País: Itália Minha aventura começou no dia

Leia mais

Além da minha língua materna, falo

Além da minha língua materna, falo Turma (nível) Nasci em Aprendo português há Estou em Portugal há Além da minha língua materna, falo 77 Assinale com V (verdadeiro), F (falso) A sul do Tejo 1.É seguro que o tempo vai estar idêntico ao

Leia mais

MODELO PEDAGÓGICO. (Niza, 1989).

MODELO PEDAGÓGICO. (Niza, 1989). MODELO PEDAGÓGICO O modelo pedagógico do MEM afirma que o desenvolvimento da criança vai para além das atividades individuais de compreensão do mundo. A criança também se desenvolve a partir de contatos

Leia mais

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 89, DE 2015

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 89, DE 2015 PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 89, DE 2015 Altera o inciso XIII do art. 7º da Constituição Federal, para reduzir a jornada semanal de trabalho. As Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal,

Leia mais

Proposta de Protocolo

Proposta de Protocolo Proposta de Protocolo Prosegur Portugal Telecom PT P r o s e g u r T e c n o l o g i a A c t i v a R e s i d e n c i a l 1/03/2012 I. Prosegur no Mundo Em 2011, com mais de 600 sedes em todo o mundo, aproximadamente

Leia mais

Inovação & Serviço em Correias

Inovação & Serviço em Correias PT Inovação & Serviço em Correias Resumo da Ammeraal Beltech 1 Bem-Vindo à Ammeraal Beltech Factos e números Ammeraal Beltech é um fabricante líder de correias de transporte e processamento destinados

Leia mais

AVISO DO PRODUTO Aviso sobre um possível problema com o produto

AVISO DO PRODUTO Aviso sobre um possível problema com o produto Grupo de segurança de produto 1201 South Second Street Milwaukee, WI EUA 53204 productsafety@ra.rockwell.com AVISO DO PRODUTO Aviso sobre um possível problema com o produto Cód. cat. 20A, inversor CA PowerFlex

Leia mais

Associação para o Ensino, Formação e Desenvolvimento de Atividades Artísticas

Associação para o Ensino, Formação e Desenvolvimento de Atividades Artísticas Ofício das Artes Associação para o Ensino, Formação e Desenvolvimento de Atividades Artísticas A Ofício das Artes Associação para o Ensino, Formação e Desenvolvimento de Atividades Artísticas deu os seus

Leia mais

Envia-se em anexo, à atenção das delegações, o documento SWD(2016) 26 final.

Envia-se em anexo, à atenção das delegações, o documento SWD(2016) 26 final. Conselho da União Europeia Bruxelas, 16 de fevereiro de 2016 (OR. en) Dossiê interinstitucional: 2016/0030 (COD) 6225/16 ADD 2 ENER 29 CODEC 174 IA 6 PROPOSTA de: Secretário-Geral da Comissão Europeia,

Leia mais

OPORTUNIDADES PARA INOVAÇÃO NO BRASIL

OPORTUNIDADES PARA INOVAÇÃO NO BRASIL OPORTUNIDADES PARA INOVAÇÃO NO BRASIL Alvaro T. Prata Universidade Federal de Santa Catarina CONFERÊNCIA DE ABERTURA Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação para Agricultura: Academia e Indústria Florianópolis,

Leia mais

da Universidade Sénior de Alfândega da Fé

da Universidade Sénior de Alfândega da Fé Regulamento Interno da Universidade Sénior de Alfândega da Fé Capítulo I Natureza e Âmbito Artigo 1º Âmbito 1- O presente regulamento disciplina a criação e funcionamento da Universidade Sénior de Alfândega

Leia mais

O Sistema de Gestão de Responsabilidade Social

O Sistema de Gestão de Responsabilidade Social Securitas Portugal O Sistema de Gestão de Responsabilidade Social Agosto de 2016 1 O Sistema de Gestão da Responsabilidade Social A SECURITAS desenvolveu e implementou um Sistema de Gestão de aspetos de

Leia mais

- Copyright GRACE Maio Grupo de Reflexão e Apoio à Cidadania Empresarial Associação

- Copyright GRACE Maio Grupo de Reflexão e Apoio à Cidadania Empresarial Associação - Copyright GRACE Maio 2012 Grupo de Reflexão e Apoio à Cidadania Empresarial Associação Uni.Network Missão Promover a ligação e a aproximação entre as Entidades Académicas portuguesas e as Empresas na

Leia mais

A abordagem das despesas públicas em cultura no contexto europeu constitui o objecto desta Nota Estatística.

A abordagem das despesas públicas em cultura no contexto europeu constitui o objecto desta Nota Estatística. A abordagem das despesas públicas em cultura no contexto europeu constitui o objecto desta Nota Estatística. A informação apresentada pretende ser a síntese dos aspectos mais relevantes do trabalho publicado

Leia mais

DADOS ESTATÍSTICOS. EXPORTAÇÃO e EXPEDIÇÃO de VINHOS e PRODUTOS VÍNICOS JUNHO

DADOS ESTATÍSTICOS. EXPORTAÇÃO e EXPEDIÇÃO de VINHOS e PRODUTOS VÍNICOS JUNHO DADOS ESTATÍSTICOS EXPORTAÇÃO e EXPEDIÇÃO de VINHOS e PRODUTOS VÍNICOS JUNHO - 2010 Fonte: INE, IP Elaboração: IVV, IP - Departamento de Organização, Estudos de Mercado e Promoção (DOEMP) 1º semestre de

Leia mais

Capítulo I. Denominação/Natureza/Organização e afins

Capítulo I. Denominação/Natureza/Organização e afins REGULAMENTO Capítulo I Denominação/Natureza/Organização e afins O Lar de São Salvador é uma instituição particular com sede na Rua Joaquim Caetano Frazão n.º 34 A/B em Santarém. O Lar de São Salvador é

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS Relatório de avaliação Final. Melhorar os processos de comunicação interna para otimizar a gestão escolar.

ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS Relatório de avaliação Final. Melhorar os processos de comunicação interna para otimizar a gestão escolar. Relatório de avaliação Final AÇÃO DE MELHORIA N.º 1 Final ano letivo 2012-2013 Melhorar os processos de comunicação interna para otimizar a gestão escolar. Renovar a campanha de divulgação e utilização

Leia mais

Preçário MUNDITRANSFERS - INSTITUIÇÃO DE PAGAMENTOS E CAMBIOS, LDA. INSTITUIÇÃO DE PAGAMENTOS

Preçário MUNDITRANSFERS - INSTITUIÇÃO DE PAGAMENTOS E CAMBIOS, LDA. INSTITUIÇÃO DE PAGAMENTOS Preçário MUNDITRANSFERS - INSTITUIÇÃO DE PAGAMENTOS E CAMBIOS, LDA. INSTITUIÇÃO DE PAGAMENTOS Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de O Preçário completo

Leia mais

Município da Samba - Província de Luanda

Município da Samba - Província de Luanda Ficha de Projecto Dezembro/2006 Designação Projecto Integrado para o Desenvolvimento Sociocomunitário na Missão da Corimba - Município da Samba (Província de Luanda) Missão da Corimba - Sede Localização

Leia mais

Programa de acção comunitário em matéria de formação profissional

Programa de acção comunitário em matéria de formação profissional 1 Uma porta aberta para a Europa Programa de acção comunitário em matéria de formação profissional Albino Oliveira Serviço de Relações Internacionais da Universidade do Porto 2 1 Cinco tipos de Acção Mobilidade

Leia mais

CANTINAS SOCIAIS NO MUNICÍPIO DE GONDOMAR

CANTINAS SOCIAIS NO MUNICÍPIO DE GONDOMAR GONDOMAR CANTINAS SOCIAIS NO MUNICÍPIO DE GONDOMAR 2.ª FASE DE IMPLEMENTAÇÃO DO PROGRAMA DE EMERGÊNCIA ALIMENTAR MARÇO 2014 PREÂMBULO O presente documento procura identificar as repostas atualmente existentes

Leia mais

Ecoclubes. Juventude no Presente

Ecoclubes. Juventude no Presente Ecoclubes Juventude no Presente A Visão Procura-se jovem com um profundo desejo de mudar o mundo Espaço de participação juvenil, onde se promove a capacitação e organização dos jovens para que se assumam

Leia mais

GOLDEN VISA 7 PERGUNTAS

GOLDEN VISA 7 PERGUNTAS www.cameiralegal.com Lisbon London Brasília São Paulo Rio de Janeiro Hong Kong Beijing Shangai GOLDEN VISA 7 PERGUNTAS ESSENCIAIS SOBRE UM INVESTIMENTO INTELIGENTE 2016 1 - O que é o regime Golden Visa?

Leia mais

G PE AR I Gabinete de Planeamento, Estratégia, Avaliação_ e Relações Internacionais. Boletim Mensal de Economia Portuguesa. N.

G PE AR I Gabinete de Planeamento, Estratégia, Avaliação_ e Relações Internacionais. Boletim Mensal de Economia Portuguesa. N. Boletim Mensal de Economia Portuguesa N.º 09 setembro 2011 Gabinete de Estratégia e Estudos Ministério da Economia e do Emprego G PE AR I Gabinete de Planeamento, Estratégia, Avaliação_ e Relações Internacionais

Leia mais

há apenas um EVEnto...

há apenas um EVEnto... há apenas um EVEnto... ingredientes Que pode ser chamado da maior feira mundial do setor de alimentação fora do lar. BeBiDas uniformes equipamentos Onde você pode encontrar-se com mais de 67.000 profissionais

Leia mais

GASTRONOMIA SOLIDÁRIA

GASTRONOMIA SOLIDÁRIA GASTRONOMIA SOLIDÁRIA Sessenta e dois restaurantes a participam na 6. edição da Lisboa Restaurant Week, de 22 de setembro de outubro. Por cada refeição é oferecido um curo às instituições Mulheres de Vermelho

Leia mais