em série e aplica à associação uma ddp de 220V. O que é 0,5A. Calcule a resistência elétrica R L da lâmpa- acontece com as lâmpadas? da.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "em série e aplica à associação uma ddp de 220V. O que é 0,5A. Calcule a resistência elétrica R L da lâmpa- acontece com as lâmpadas? da."

Transcrição

1 FÍSIC - ELETICIDDE - SSOCIÇÃO DE ESISTOES S ESPOSTS ESTÃO NO FINL DOS EXECÍCIOS.. Um resistor de e um resistor de são associados 9. Um resistor de resistência elétrica tem dissipação em série e à associação aplica-se uma ddp de 00V. nominal de W. Determine: a) Qual a resistência equivalente da associação? a) a máxima ddp à qual pode ser submetido; b) Qual a intensidade de corrente na associação? b) a máxima corrente que pode percorrê-lo. c) Qual a ddp em cada resistor associado? 0. Um eletricista compra três lâmpadas com as seguintes 2. Entre os pontos e 2 do circuito da figura mantém-se a características: L (200W - 0V), L 2 (00W - 0V) e ddp de 0V. O cursor C está no ponto médio entre os L 3 (25W - 0V). seguir, ele associa as três lâmpadas pontos 3 e 4; a intensidade da corrente através da lâmpada em série e aplica à associação uma ddp de 220V. O que é 0,5. Calcule a resistência elétrica L da lâmpa- acontece com as lâmpadas? da. C 4 L Ω 3. Dois resistores de resistências elétricas respectivamente iguais a e, ao serem associados em série, são percorridos por uma corrente de intensidade 2. Determine: a) a resistência equivalente da associação; b) a ddp a que a associação está submetida; c) a ddp em cada resistor associado. 4. ssociam-se em série dois resistores de resistências = 7Ω e 2 = e à associação aplica-se uma ddp de 20V. a) Qual a resistência equivalente da associação? b) Qual a intensidade de corrente na associação? c) Qual a ddp em cada resistor associado? 5. Ligam-se em série três resistores de resistências elétricas, respectivamente 200Ω, 0,5kΩ e MΩ (MΩ = 0 6 Ω). Sendo a corrente nos resistores 0,, calcule a ddp aplicada na associação. 6. figura representa um reostato de pontos. Na situação esquematizada, o resistor de é percorrido por corrente de intensidade 2. Determine: a) a ddp entre os terminais e ; b) a intensidade de corrente no resistor de quando a chave Ch é ligada nos pontos 4, 5 e 6; c) a máxima resistência elétrica do reostato. 3 2 Ch Um resistor de resistência elétrica 2 tem dissipação nominal 00W. Calcule: a) a máxima ddp à qual ele poderá ser ligado; b) a máxima corrente que pode percorrê-lo. 8. Duas lâmpadas, uma de 0W - 0V e outra de 00W - 0V, são ligadas em série a uma tomada de 220V. O que acontece com as lâmpadas?. Um resistor de e um resistor de são associados em paralelo e à associação aplica-se uma ddp de 00V. a) Qual a resistência equivalente da associação? b) Qual a intensidade de corrente em cada resistor? c) Qual a intensidade de corrente na associação? 2. Em uma associação, é um aquecedor onde está gravado (200W - 00V) e F um fusível de resistência desprezível que suporta uma corrente elétrica máxima de 3. Calcule o menor valor da resistência de um resistor que se pode ligar em paralelo com o aquecedor sem queimar o fusível que estará ligado na entrada do circuito. 3. Um fio condutor homogêneo, de seção transversal constante de área e comprimento l, tem resistência elétrica. Esse fio é dividido em 0 pedaços iguais que são ligados em paralelo, formando um cabo cuja resistência vale C. Calcule a relação entre c e. 4. ssocia-se em paralelo dois resistores de resistências = e 2 = 30Ω e à associação aplica-se uma ddp de 20V. a) Qual a resistência equivalente da associação? b) Quais as intensidades de corrente em cada resistor? c) Qual a intensidade de corrente na associação? 5. Três lâmpadas de incandescências iguais estão associadas em paralelo e a ddp entre os terminais da associação é mantida constante. Se uma das lâmpadas queimar, o que ocorrerá com a intensidade de corrente em cada uma das outras? 6. Em uma residência são ligados em paralelo, simultaneamente, 2 lâmpadas de 00W cada uma, um ferro elétrico de 720W, um chuveiro de 2400W, um aquecedor de 200W e um liquidificador de 360W. ddp constante na residência é de 20V. Calcule a intensidade da corrente que atravessa o fusível que protege o circuito. 7. Várias lâmpadas idênticas estão ligadas em paralelo a uma rede de alimentação de 0V. Sabendo-se que a corrente elétrica que percorre cada lâmpada é de 6, pergunta-se: ua aronesa, sala Praça Seca

2 a) Qual a potência dissipada em cada lâmpada? b) Se a instalação das lâmpadas estiver protegida por um fusível que suporta até 5, quantas lâmpadas podem, no máximo, ser ligadas? 8. Você dispõe de várias lâmpadas idênticas, de 60W - 20V, e de uma fonte de tensão capaz de manter em seus terminais, sob quaisquer condições, uma diferença de potencial constante e igual a 20V. Considere as lâmpadas funcionando normalmente, isto é, com seu brilho máximo. Calcule quantas lâmpadas, no máximo, podem ser ligadas a essa fonte sem queimar um fusível de 5 que protege a rede. 9. O sistema de aquecimento de um chuveiro elétrico está representado na figura. Com a chave na posição inverno o chuveiro dissipa 2200W, enquanto na posição verão dissipa 00W. tensão na rede de alimentação é de 0V; admitindo que os valores dessas resistências não variam com a temperatura, responda. a) Qual o valor da corrente, que passa pelo fio de a- limentação do chuveiro quando este é ligado na posição inverno? b) Qual o valor das resistências e 2? Verão Inverno Dada a associação na figura, calcule a resistência e- quivalente entre os pontos e. 0, 0, 2. No circuito elétrico esquematizado ao lado tem-se i 2 = 2,0. Determine: i 4,0Ω i 2 i 3 a) a intensidade da corrente i ; b) a diferença de potencial entre os pontos e. 22. No circuito esquematizado, a ddp entre os terminais e vale 00V. Determine: 7, a) a resistência equivalente entre os pontos e ; b) a intensidade de corrente no resisto r de 7,; c) a intensidade de corrente em cada um dos resistores de. FÍSIC - ELETICIDDE - SSOCIÇÃO DE ESISTOES 23. O resistor de do circuito esquematizado é percorrido por corrente de intensidade 3. Determine: a) a resistência equivalente entre os pontos e ; b) a ddp entre os terminais e do circuito; c) a intensidade da corrente que percorre os resistores de e. 24. Calcule a resistência equivalente das associações da figura abaixo entre os terminais e. I) II) III) IV) 7Ω i 2 ua aronesa, sala Praça Seca 40Ω 40Ω 25. Na associação da figura, a ddp entre e C é 20V. 9Ω 7Ω C a) Qual a ddp entre e? b) Qual a intensidade de corrente em cada resistência de? 26. Na associação da figura, sendo i = 6, calcule i. i

3 27. Entre os terminais e da figura aplica-se a ddp de 200V. Calcule as intensidades de corrente em cada resistor. FÍSIC - ELETICIDDE - SSOCIÇÃO DE ESISTOES b) C D c) C D d) C D 28. ddp entre os terminais e do circuito esquematizado vale 80V. Determine: a) a intensidade de corrente no resistor de ; b) a ddp no resistor de ; c) a intensidade de corrente em cada um dos resistores de. 29. O resistor de da associação esquematizada é percorrido por corrente de intensidade 4. Determine: 2, a) a resistência equivalente entre os terminais e ; b) a ddp entre os pontos e ; c) a intensidade de corrente no resistor de e em cada um dos resistores de. 30. Dada a associação na figura, calcule a resistência e- quivalente entre os terminais e. C 8Ω 33. Calcule a resistência equivalente das associações das figuras entre os terminais e : a) b) c) d) 8Ω 8Ω 7Ω 8Ω 8Ω 3. Para a associação esquematizada, determine a resistência equivalente entre os terminais e. D C 32. Têm-se três resistores iguais, de resistência, uma fonte que mantém entre e a ddp de 0V e fios de resistência nula. Qual a intensidade de corrente em cada resistor nas situações das figuras, segundo as colocações dos fios de resistência nula? a) C D e) f) 0, 0, 3 ua aronesa, sala Praça Seca

4 g) h) 0, 7Ω 8Ω FÍSIC - ELETICIDDE - SSOCIÇÃO DE ESISTOES 39. s especificações de 4 lâmpadas ligadas em paralelo em um lustre são: 0W - 0V. Pretende-se utilizar uma outra lâmpada que dissipe a mesma potência das 4 lâmpadas juntas, mas sob uma tensão de 220V. a) Quais as características da nova lâmpada? b) Em qual das duas situações a corrente total será maior? Justifique. 40. Na associação da figura, sendo i = 5, calcule: i C i 60Ω 34. Um resistor de resistência elétrica, submetido à ddp U, é percorrido por certa corrente elétrica. ssociandose em série com outro resistor de resistência = e aplicando-se à associação a mesma ddp U, a intensidade da corrente cai a 4 do valor anterior. Calcule o valor da resistência. 35. Um ferro elétrico foi projetado para ser ligado a uma ddp de 0V e dissipar a potência de 440W. Para que possa ser utilizado na ddp de 220V, é necessário, por exemplo, ligá-lo com um resistor em série. Calcule a resistência elétrica deste resistor adicional. 36. O sistema esquematizado, com terminais e, é constituído por quatro fios condutores de resistências idênticas. O sistema recebe em corrente com intensidade I = 8,0. Calcule as intensidades das correntes I e I 2. I 2 I I I 37. Um fusível é um interruptor elétrico de proteção que queima, desligando o circuito, quando a corrente ultrapassa certo valor. rede elétrica de 0V de uma casa é protegida por fusível de 5. Dispõe-se dos seguintes equipamentos: um aquecedor de água de 2200W, um ferro de passar de 770W, e lâmpadas de 00W. a) Quais desses equipamentos podem ser ligados na rede elétrica, um de cada vez, sem queimar o fusível? b) Se apenas lâmpadas de 00W são ligadas na rede elétrica, qual o número máximo dessas lâmpadas que podem ser ligadas simultaneamente sem queimar o fusível de 5? 38. Um ebulidor elétrico pode funcionar com um ou com dois resistores idênticos de mesma resistência. o funcionar apenas com um resistor, uma certa quantidade de água entra em ebulição em t 0 minutos. Em quanto tempo entrará em ebulição um volume igual de água se o aquecedor funcionar com os dois resistores ligados: a) em paralelo? b) em série? i 40Ω a) as intensidades das correntes i e i ; b) a ddp entre e. 4. Entre os pontos e da associação mantém-se a ddp de 20V. Sendo i = 3,2, calcule a resistência. i 42. Para o circuito da figura, a ddp entre e vale 320V. Calcule a ddp entre os pontos D e. 40Ω 00Ω C 00Ω D 00Ω Na associação da figura aplica-se entre e a ddp de 00V. Calcule a potência dissipada na associação. 60Ω 60Ω 44. Dado o circuito da figura, calcule a resistência equivalente entre e. 45. Um circuito elétrico é composto por lâmpadas de 5V ligadas, em série, a uma fonte de 220V. Para que não se queimem, o número mínimo de lâmpadas nesse circuito deve ser: a) 24 b) 44 c) 54 d) 64 e) 74 4 ua aronesa, sala Praça Seca

5 46. ssociam-se em série dois resistores, sendo = 4,0Ω e 2 = 6,0Ω. tensão medida entre os terminais do primeiro é U = 60V. corrente i 2 e a tensão U 2 no segundo resistor, respectivamente, valem: a) 0 e 60V c) 5 e 45V b) 5 e 90V d) 0 e 40V 47. Três lâmpadas com as seguintes características L (25W - 0V), L 2 (00W - 0V) e L 3 (200W - 0V) são conectadas da maneira representada na figura e, em seguida, o conjunto é ligado a uma tomada de 220V. ssim fazendo, qual (ou quais) das lâmpadas vai (vão) queimar? L L 2 L 3 Tomada de 220V FÍSIC - ELETICIDDE - SSOCIÇÃO DE ESISTOES 5. Em uma associação de resistores diferentes em paralelo: a) a ddp é igual em todos eles, e a maior resistência dissipa a maior potência. b) a corrente e a ddp são as mesmas em todos os resistores. c) as correntes e as potências dissipadas são inversamente proporcionais aos valores das resistências. d) a resistência equivalente é a soma das resistências da associação. e) nenhuma das anteriores. 52. Um fio resistivo homogêneo de comprimento l, seção reta constante e resistência, é cortado em três pedaços iguais para formar um feixe. resistência do feixe vale: a) b) c) d) e) a) L apenas c) L e L 2 apenas e) L, L 2 e L 3 b) L 3 apenas d) L 2 e L 3 apenas 48. Você dispõe de duas lâmpadas, uma de 25W - 25V e outra de 200W - 25V. Você liga essas lâmpadas, conectadas em série, a uma tomada de 25V, e observa que: a) a lâmpada de 25W queima. b) a lâmpada de 200W queima. c) a lâmpada de 25W tem brilho quase normal e a lâmpada de 200W não chega a acender. d) a lâmpada de 25W não chega a acender e a lâmpada de 200W tem brilho quase normal. e) as duas lâmpadas acendem com brilho normal. 49. Uma lâmpada de filamento incandescente foi projetada para ser ligada a uma fonte de ddp 20V, dissipando, então, 00W. Para que essa lâmpada tenha o mesmo desempenho quando ligada a uma fonte de 240V é necessário usá-la com uma resistência em série. potência que será dissipada nessa resistência adicional será: a) 50W c) 20W e) diferente dessas b) 00W d) 200W 50. especificação de fábrica garante que uma lâmpada, ao ser submetida a uma tensão de 20V, tem potência de 00W. O circuito da figura pode ser utilizado para controlar a potência da lâmpada, variando-se a resistência. Para que a lâmpada funcione com uma potência de 25W, a resistência deve ser igual a: a) 2 b) 3 c) 7 d) 4 e) 288Ω Lâmpada 20V 53. Na associação de resistores da figura, os valores de I e de são, respectivamente: 4 6 I 0V 60W a) 8 e c),6 e e) 80 e 60Ω b) 5 e 8Ω d) 2,5 e 54. Determine a intensidade da corrente que atravessa o resistor 2 da figura, quando a tensão entre os pontos e for igual a V e as resistências, 2 e 3 forem i- guais a. a) V b) V V c) d) 2V 3 e) nenhuma das anteriores 55. Numa casa estão instaladas as duas lâmpadas e representadas na figura. Podemos afirmar corretamente que: 0V 00W a) resistência elétrica da lâmpada é maior do que a da lâmpada. b) corrente elétrica que passa através da lâmpada é maior do que a corrente que passa através da lâmpada. c) Depois de um determinado tempo acesas, podemos dizer que a lâmpada terá dissipado mais energia do que a lâmpada. 5 ua aronesa, sala Praça Seca

6 d) Se os filamentos das duas lâmpadas são de mesmo material e mesma espessura, podemos dizer que o filamento da lâmpada é mais comprido do que o filamento da lâmpada. e) Como a voltagem a que estão submetidas as duas lâmpadas é a mesma, podemos dizer que ambas vão consumir a mesma energia em kwh. 56. figura representa, em (I), uma associação de três resistores iguais,, ligados a uma tensão U, percorrida por uma corrente elétrica i s. Em (II) estão representados os mesmos resistores numa associação em paralelo, ligada à mesma tensão U, percorrida pela corrente i p. Pode-se afirmar que é válida a relação: i s I U i p U II a) i s = 9 ip c) i s = i p e) i s = 9i p b) i s = 3 ip d) i s = 3i p 57. Nos esquemas, todos os resistores são idênticos. Pelo esquema, a potência dissipada é de 20 watts. Pelo esquema 2, a potência dissipada é, em watts, igual a: 20V Esquema 20V Esquema 2 a) 2,5 b) 5,0 c) 0 d) 40 e) No circuito elétrico representado no esquema, a corrente no resistor de é de 4 e no de é de 2. Nessas condições, a resistência do resistor e a tensão U aplicada entre os pontos C e D valem, respectivamente: 2 C D 4 U a) e 42V c) e 8V e) 9Ω e 72V b) e 36V d) 8Ω e 5V 59. Para o circuito da figura são dados os seguintes valores: i 3 = 0,4 (corrente através de 3 ) i 4 =,2 (corrente através de 4 ) V = 3,6V (ddp aplicada em ) V 2 = 6V (ddp aplicada em 2 ) Podemos deduzir que os valores dos resistores, 2, 3, 4, em ohm, são respectivamente: FÍSIC - ELETICIDDE - SSOCIÇÃO DE ESISTOES 2V a) 3; 7,5; 5; 2 d) 7,5; 2; 3; 0 b),8; 5; 3; 0 e),8; 7,5; 5; 0 c) 3;,2; 2; Determine a resistência equivalente, entre os terminais e, do circuito. Todos os resistores têm resistências iguais a. C E O espostas. a) 2 b) 4 c) 20V, 80V a) b) 20V c) 8V e 2V 4. a) b) 0 c) 70V e 50V 5. 00V 6. a) 6V b) respectivamente ; 0,6; 0,4 c) 7. a) 0V b) 0,9. 8. Na lâmpada de 0W, a ddp é maior que a nominal (200V > 0V), assim ela apresentará brilho acima do normal e logo queimará. Na de 00W, a ddp é menor que a nominal (20V < 0V) e seu brilho será menor que o normal. Entretanto, quando a lâmpada de 0W queimar, a de 00W apagará, pois o circuito ficará aberto. 9. a) 3,6V b) 0,36 0. lâmpada de 25w dá um brilho intenso e a seguir queima e as outras dão brilho fraco e a seguir apagam.. a) ; b) 20 e 5; c) Ω a) b) 6 e 4 c) 0 5. umentará a) 60w b) a) 20 b) e 20. 2, 2. a) 5,0 b) 50V. 22. a) b) 0 c) a) 8Ω b) 24V c) ; I) 3, II) 0,7 III) IV) Ω a) 24V b) ua aronesa, sala Praça Seca

7 FÍSIC - ELETICIDDE - SSOCIÇÃO DE ESISTOES a) 0 b) 30V c) a) b) 40V c) 2, a) 3,3 b) 5 c) 0 d) a) 2, b) c) d) e) f) g) h) 2,7Ω , 36. I = 6 e I 2 = a) O ferro de passar e as lâmpadas. Se o aquecedor for ligado o fusível queima. b) 6 lâmpadas T a) b) 2T a) 44000w - 220V, isto é: = b) Na ª 40. a) 2, 3 b) 220V V w 44. 2, 45. b 46. b 47. a 48. c 49. b 50. d 5. c 52. a 53. a 54. a 55. a 56. a 57. b 58. e 59. a ua aronesa, sala Praça Seca

Questão 4. Questão 5. Questão 6

Questão 4. Questão 5. Questão 6 Questão 1 Por uma bateria de f.e.m. (E) e resistência interna desprezível, quando ligada a um pedaço de fio de comprimento Ø e resistência R, passa a corrente i (figura 1). Quando o pedaço de fio é cortado

Leia mais

Turma: _3º ANO FG e TI

Turma: _3º ANO FG e TI COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 1ª Etapa 2012 Disciplina: FÍSICA Ano: 2012 Professor (a): Marcos Vinicius Turma: _3º ANO FG e TI Caro aluno, você está recebendo o conteúdo

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS DE ELETRODINÂMICA

LISTA DE EXERCÍCIOS DE ELETRODINÂMICA csjose@csjose.com.br Aluno(a) Nº Série: 3º Ensino Médio Turma 1ª Unidade Disciplina: FÍSICA Data / /. Professor(a) : Antônio Barreto O S e n h o r t e a b e n ç o e e t e g u a r d e v o l t e p a r a

Leia mais

Exercícios de Física Associação de Resistores

Exercícios de Física Associação de Resistores Questão 01 - Dada a associação de resistores abaixo, a resistência equivalente entre os terminais A e B vale: b) 4 A e 250 Ω c) 1 A e 150 Ω d) 5 A e 100 Ω Questão 03 - Calcule a resistência equivalente

Leia mais

EXERCÍCIOS - ELETRODINÂMICA

EXERCÍCIOS - ELETRODINÂMICA EXERCÍCIOS - ELETRODINÂMICA Prof. Patricia Caldana 1. Uma corrente elétrica de intensidade igual a 5 A percorre um fio condutor. Determine o valor da carga que passa através de uma secção transversal em

Leia mais

NOME: N CADERNO DE RECUPERAÇÃO DE FÍSICA I 3º ANO EM TURMA 232 PROFº FABIANO 1º BIMESTRE

NOME: N CADERNO DE RECUPERAÇÃO DE FÍSICA I 3º ANO EM TURMA 232 PROFº FABIANO 1º BIMESTRE 1925 *** COLÉGIO MALLET SOARES *** 2017 92 ANOS DE TRADIÇÃO, RENOVAÇÃO E QUALIDADE DEPARTAMENTO DE ENSINO DATA: / / NOTA: NOME: N CADERNO DE RECUPERAÇÃO DE FÍSICA I 3º ANO EM TURMA 232 PROFº FABIANO 1º

Leia mais

Professor: Gabriel Alves

Professor: Gabriel Alves Professor: Gabriel Alves Questão 01 - (IFPE/2016) Em muitas casas brasileiras, para um maior conforto, é comum ter instalado um chuveiro elétrico. Seu funcionamento se dá graças à resistência presente

Leia mais

2 - Qual a potência em Watts de um motor de uma 3,50 hp?

2 - Qual a potência em Watts de um motor de uma 3,50 hp? INSTITUTO EDUCACIONAL SÃO JOÃO DA ESCÓCIA NOME: N o DATA: / /2016 CURSO: Eletrônica DISCIPLINA: Eletricidade Básica PROFESSOR: João Carlos Data da entrega: 03 de Maio de 2016 1 - Suponha que um determinado

Leia mais

EXERCÍCIOS PROPOSTOS DE RECAPITULAÇÃO

EXERCÍCIOS PROPOSTOS DE RECAPITULAÇÃO P. 155 Um resistor de resistência elétrica, submetido à ddp U, é percorrido por uma corrente elétrica. ssociando-o em série com outro resistor de resistência e 5 12 C e aplicando-se a essa associação a

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL SESC CIDADANIA

CENTRO EDUCACIONAL SESC CIDADANIA CENTRO EDUCACIONAL SESC CIDADANIA Professor: Vilson Mendes Lista de exercícios de Física I Lista 6 Associação de resistores ENSINO MÉDIO NOTA: Aluno (: Data SÉRIE/TURMA 3ª 1. Em cada um dos esquemas abaixo,

Leia mais

Capítulo 7: Associação de Resistores

Capítulo 7: Associação de Resistores Capítulo 7: Associação de Resistores Os resistores podem ser associados basicamente de dois modos distintos: em série e em paralelo. Ambos os modos de associação podem estar presentes: temos um associação

Leia mais

LÓGICO CURSOS ALIADOS LISTA DE EXERCÍCIOS DE FÍSICA (ELETRODINÂMICA_1) PROFESSOR: EWERTON BARROS

LÓGICO CURSOS ALIADOS LISTA DE EXERCÍCIOS DE FÍSICA (ELETRODINÂMICA_1) PROFESSOR: EWERTON BARROS LÓGICO CURSOS ALIADOS LISTA DE EXERCÍCIOS DE FÍSICA (ELETRODINÂMICA_1) PROFESSOR: EWERTON BARROS 01) Um certo tipo de lâmpada incandescente comum, de potência nominal 170 W e tensão nominal 130 V, apresenta

Leia mais

Capítulo 7: Associação de Resistores

Capítulo 7: Associação de Resistores Capítulo 7: Associação de Resistores Os resistores podem ser associados basicamente de dois modos distintos: em série e em paralelo. Ambos os modos de associação podem estar presentes: temos um associação

Leia mais

Física Eletrodinâmica Fácil [20 Questões]

Física Eletrodinâmica Fácil [20 Questões] Física Eletrodinâmica Fácil [0 Questões] 01 - (ITA SP) Sendo dado que 1J = 0,39 cal, o valor que melhor expressa, em calorias, o calor produzido em 5 minutos de funcionamento de um ferro elétrico, ligado

Leia mais

Aula 8.2 Conteúdo: Associação de resistores em paralelo, potência elétrica de uma associação em paralelo de resistores. INTERATIVIDADE FINAL

Aula 8.2 Conteúdo: Associação de resistores em paralelo, potência elétrica de uma associação em paralelo de resistores. INTERATIVIDADE FINAL Aula 8.2 Conteúdo: Associação de resistores em paralelo, potência elétrica de uma associação em paralelo de resistores. Habilidades: Diferenciar as formas de associação de resistores, bem como determinar

Leia mais

Física C Extensivo V. 5

Física C Extensivo V. 5 GABAITO Física C Extensivo V. 5 Exercícios 0) a) = 4 + = 6 Ω 06) = Ω b) V = 48 = 6 i = A c) = = 4. = V V = V =. = 6 V d) P = P = 4. = 6 w P = P =. = 08 w e) P total = P + P = 44 w f) gerador ideal P fornecida

Leia mais

COLÉGIO SHALOM Ensino Médio 3 Ano Prof.º: Wesley Disciplina Física Aluno (a):. No.

COLÉGIO SHALOM Ensino Médio 3 Ano Prof.º: Wesley Disciplina Física Aluno (a):. No. COLÉGIO SHALOM Ensino Médio 3 Ano Prof.º: Wesley Disciplina Física Aluno (a):. No. Trabalho de Recuperação Data: Valor: Temas: - Força elétrica - Resistores - Associação de resistores - Geradores elétricos

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS 01 3º ANO PROF. FELIPE KELLER ELETROSTÁTICA

LISTA DE EXERCÍCIOS 01 3º ANO PROF. FELIPE KELLER ELETROSTÁTICA LISTA DE EXERCÍCIOS 01 3º ANO PROF. FELIPE KELLER ELETROSTÁTICA 1 (UNIFESP) Um condutor é percorrido por uma corrente elétrica de intensidade i = 800 ma. Conhecida a carga 19 elétrica elementar, e = 1,6

Leia mais

Eletrodinânica - Exercícios

Eletrodinânica - Exercícios Eletrodinânica - Exercícios Professor Walescko 13 de outubro de 2005 Sumário 1 Exercícios 1 2 Vestibulares UFRGS 7 3. O gráfico representa a corrente elétrica i em função da diferença de potencial V aplicada

Leia mais

1. Arthur monta um circuito com duas lâmpadas idênticas e conectadas à mesma bateria, como mostrado nesta figura:

1. Arthur monta um circuito com duas lâmpadas idênticas e conectadas à mesma bateria, como mostrado nesta figura: 1. Arthur monta um circuito com duas lâmpadas idênticas e conectadas à mesma bateria, como mostrado nesta figura: Considere nula a resistência elétrica dos fios que fazem a ligação entre a bateria e as

Leia mais

U = U 1 + U 2 + U 3. I = i 1 = i 2 = i 3. R eq = R 1 + R 2 + R 3. R eq = resistência equivalente (Ω) U = ddp da associação (V)

U = U 1 + U 2 + U 3. I = i 1 = i 2 = i 3. R eq = R 1 + R 2 + R 3. R eq = resistência equivalente (Ω) U = ddp da associação (V) Acesse. www.professorarnon.com Eletricidade Básica. Associação de Resistências em Série Vários resistores estão associados em série quando são ligados um em seguida do outro, de modo a serem percorridos

Leia mais

Circuito Elétrico. 5.1 Circuito Elétrico Simples. 5.2 Circuito Elétrico Série

Circuito Elétrico. 5.1 Circuito Elétrico Simples. 5.2 Circuito Elétrico Série Capítulo 5 Circuito Elétrico 5.1 Circuito Elétrico Simples Um circuito elétrico é um caminho fechado formado por, no mínimo, 3 componentes, ou seja, um componente que cria e mantém uma ddp (fonte); um

Leia mais

Exercícios de Física Eletrodinâmica

Exercícios de Física Eletrodinâmica Exercícios de Física Eletrodinâmica Lista elaborada pelo Professor Fernando Valentim nandovalentim@yahoo.com.br 01. No circuito da figura, o gerador é ideal. A intensidade da corrente elétrica que passa

Leia mais

SIMULADO DE CORRENTE ELÉTRICA

SIMULADO DE CORRENTE ELÉTRICA SIMULADO DE CORRENTE ELÉTRICA 1 T.1 (MACK) Dois fios, A e B, constituídos por massas iguais do mesmo cobre, são submetidos à mesma diferença de potencial e mantidos à mesma temperatura. O fio A tem o dobro

Leia mais

Exercícios 6 1. real 2. Resp: 3. o sentido convencional Resp: 4. Resp: 5. (a) (b) (c) Resp: (b) (c) Resp:

Exercícios 6 1. real 2. Resp: 3. o sentido convencional Resp: 4. Resp: 5. (a) (b) (c) Resp: (b) (c) Resp: Exercícios 6 1. A corrente elétrica real através de um fio metálico é constituída pelo movimento de: a) Cargas positivas do maior para o menor potencial. b) Cargas positivas. c) Elétrons livres no sentido

Leia mais

Sala de Estudos FÍSICA Lucas 2 trimestre Ensino Médio 3º ano classe: Prof.LUCAS Nome: nº Sala de Estudos Potência e Energia Elétrica

Sala de Estudos FÍSICA Lucas 2 trimestre Ensino Médio 3º ano classe: Prof.LUCAS Nome: nº Sala de Estudos Potência e Energia Elétrica Sala de Estudos FÍSICA Lucas 2 trimestre Ensino Médio 3º ano classe: Prof.LUCAS Nome: nº Sala de Estudos Potência e Energia Elétrica 1. (Enem 2010) Todo carro possui uma caixa de fusíveis, que são utilizados

Leia mais

ATENÇÃO! FORMULÁRIO. a) a corrente elétrica que atravessa esse chuveiro; b) quanto, em reais, é consumido por esse chuveiro durante um mês de 30 dias.

ATENÇÃO! FORMULÁRIO. a) a corrente elétrica que atravessa esse chuveiro; b) quanto, em reais, é consumido por esse chuveiro durante um mês de 30 dias. FÍSICA AVALIAÇÃO RAFAEL III UNIDADE Aluno(a): COMENTADA Série: 2 a Ensino Médio Turma: A / B / C / D / E Data: 10/09/2016 1. A prova é composta de 05 questões abertas e 02 questões objetivas. 2. Não será

Leia mais

Física. Eletrodinâmica. Ano a ano ENEM

Física. Eletrodinâmica. Ano a ano ENEM ENEM 2013-2016 Física Eletrodinâmica Ano a ano ENEM 2 120 1,5 90 1 60 0,5 30 0 2013 2014 2015 2016 0 Eletrodinâmica - Parte 1 Total Questões Questão 01 - (ENEM/2013) O chuveiro elétrico é um dispositivo

Leia mais

Lista de Potência Elétrica

Lista de Potência Elétrica Lista de Potência Elétrica 1. Em uma residência estão instalados os seguintes aparelhos: 10 lâmpadas (100 W cada uma), 1 batedeira elétrica (100 W), 2 geladeiras (500 W cada uma) e três televisores (100

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA RN CAMPUS: CURSO: ALUNO:

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA RN CAMPUS: CURSO: ALUNO: INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA RN CAMPUS: CURSO: ALUNO: DISCIPLINA: FÍSICA II PROFESSOR: EDSON JOSÉ ASSOCIAÇÃO DE RESISTORES 1. (UNIFEI MG/2008) No circuito, todos os resistores apresentam

Leia mais

Fís. Monitores: Caio Rodrigues

Fís. Monitores: Caio Rodrigues Fís. Professor: Leonardo Gomes Monitores: Caio Rodrigues Exercícios sobre associação de resistores 09 ago RESUMO Em série Associar resistores em série significa ligá-los em sequência, ou seja, por um mesmo

Leia mais

FÍSICA - 2 o ANO MÓDULO 20 POTÊNCIA E ENERGIA ELÉTRICA REVISÃO

FÍSICA - 2 o ANO MÓDULO 20 POTÊNCIA E ENERGIA ELÉTRICA REVISÃO FÍSICA - 2 o ANO MÓDULO 20 POTÊNCIA E ENERGIA ELÉTRICA REVISÃO Como pode cair no enem Não havendo aumento no preço do kwh nem nos impostos embutidos, você deverá pagar sua próxima conta de luz em torno

Leia mais

Q t. A corrente elétrica corresponde ao fluxo de elétrons. Os elétrons vão para o polo positivo de um gerador (pilha ou bateria)

Q t. A corrente elétrica corresponde ao fluxo de elétrons. Os elétrons vão para o polo positivo de um gerador (pilha ou bateria) Eletrodinâmica A eletrodinâmica está presente em praticamente todos os lugares da vida moderna. As instalações elétricas e suas lâmpadas, aquecedores fazem parte do cotidiano do homem moderno. Para exames

Leia mais

4. Variando-se a ddp aplicada a um condutor e medindo-se as intensidades de corrente, obtêm-se os resultados da tabela abaixo:

4. Variando-se a ddp aplicada a um condutor e medindo-se as intensidades de corrente, obtêm-se os resultados da tabela abaixo: AS RESPOSTAS ESTÃO NO FINAL DOS EXERCÍCIOS. 1. Um resistor tem resistência igual a 50Ω, sob ddp U = 60V. Calcule a intensidade de corrente que o atravessa. 2. Um resistor ôhmico, quando submetido a uma

Leia mais

Sala de Estudos FÍSICA Lucas 3 trimestre Ensino Médio 2º ano classe: Prof.LUCAS Nome: nº Sala de Estudos Geradores, Receptores e Potência Elétrica

Sala de Estudos FÍSICA Lucas 3 trimestre Ensino Médio 2º ano classe: Prof.LUCAS Nome: nº Sala de Estudos Geradores, Receptores e Potência Elétrica Sala de Estudos FÍSICA Lucas 3 trimestre Ensino Médio 2º ano classe: Prof.LUCAS Nome: nº Sala de Estudos Geradores, Receptores e Potência Elétrica 1. (Espcex (Aman) 2013) A pilha de uma lanterna possui

Leia mais

O circuito elétrico em série é um divisor de tensão.

O circuito elétrico em série é um divisor de tensão. 01 O circuito elétrico em série é um divisor de tensão. Como as lâmpadas são idênticas, tem-se: U 1 = U 2 = U 3 = U 4 = U = lâmpada i Assim: U 1 + U 2 + U 3 + U 4 = 220 4U = 220 U = 55 V esposta: A 1 02

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RN CAMPUS: CURSO: ALUNO:

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RN CAMPUS: CURSO: ALUNO: INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RN CAMPUS: CURSO: ALUNO: DISCIPLINA: FÍSICA PROFESSOR: EDSON JOSÉ LEIS DE ÔHM 1. Um chuveiro elétrico é submetido a uma ddp de 220V, sendo percorrido

Leia mais

Física II - AV 1 (parte 2.2) 3º período de Eng. Civil Prof. Dr. Luciano Soares Pedroso Data: / /2014 valor: 10 pontos Aluno (a) Turma

Física II - AV 1 (parte 2.2) 3º período de Eng. Civil Prof. Dr. Luciano Soares Pedroso Data: / /2014 valor: 10 pontos Aluno (a) Turma Física II - AV (parte 2.2) 3º período de Eng. Civil Prof. Dr. Luciano Soares Pedroso Data: / /204 valor: 0 pontos Aluno (a)turma _. Considere que um determinado estudante, utilizando resistores disponíveis

Leia mais

Física Eletrodinâmica Médio [20 Questões]

Física Eletrodinâmica Médio [20 Questões] Física Eletrodinâmica Médio [20 Questões] 01 - (FCM MG) A figura abaixo mostra uma resistência de imersão (ebulidor) mergulhada num recipiente com água, interligada num amperímetro ideal; os terminais

Leia mais

Colégio Municipal Walter Francklin

Colégio Municipal Walter Francklin Colégio Municipal Walter Francklin Professor Fabiano P. de Oliveira Alunos: n.ºs 3ºAno Lista de Exercícios de Física 1) Uma sala é iluminada por uma lâmpada incandescente de 100w. Supondo que somente 10%

Leia mais

Eletrodinâmica REVISÃO ENEM CORRENTE ELÉTRICA

Eletrodinâmica REVISÃO ENEM CORRENTE ELÉTRICA REVISÃO ENEM Eletrodinâmica CORRENTE ELÉTRICA Corrente elétrica em um condutor é o movimento ordenado de suas cargas livres devido a ação de um campo elétrico estabelecido no seu interior pela aplicação

Leia mais

NOME: N RECUPERAÇÃO PARALELA DE FÍSICA I - TURMA 232 PROFº RODRIGO 1º BIMESTRE (VALENDO 2 PONTOS) FAZER EM PAPEL ALMAÇO COM LETRA LEGÍVEL)

NOME: N RECUPERAÇÃO PARALELA DE FÍSICA I - TURMA 232 PROFº RODRIGO 1º BIMESTRE (VALENDO 2 PONTOS) FAZER EM PAPEL ALMAÇO COM LETRA LEGÍVEL) 1925 *** COLÉGIO MALLET SOARES *** 2015 90 ANOS DE TRADIÇÃO, RENOVAÇÃO E QUALIDADE DEPARTAMENTO DE ENSINO DATA: / / NOTA: NOME: N RECUPERAÇÃO PARALELA DE FÍSICA I - TURMA 232 PROFº RODRIGO 1º BIMESTRE

Leia mais

Médio. Física. Exercícios de Revisão I

Médio. Física. Exercícios de Revisão I Nome: n o : Médio E nsino: S érie: T urma: Data: 3 a Prof(a): Ivo Física Exercícios de Revisão I Exercícios referentes aos capítulos 5 e 6 (livro 3). As resoluções dos exercícios (1 a 7) devem ser fundamentadas

Leia mais

Aluno: Disciplina: FÍSICA. Data: ELETROSTÁTICA

Aluno: Disciplina: FÍSICA. Data: ELETROSTÁTICA LISTA DE EXERCÍCIOS ELETRICIDADE ENSINO MÉDIO Aluno: Série: 3 a Professor: EDUARDO Disciplina: FÍSICA Data: ELETROSTÁTICA 1) (Unicamp-SP) Duas cargas elétricas Q 1 e Q 2 atraem-se quando colocadas próximas

Leia mais

I = corrente elétrica medida em Ampères (A) t = tempo em segundos

I = corrente elétrica medida em Ampères (A) t = tempo em segundos Eletrodinâmica ELETRODINÂMICA: Carga Elétrica: Q = n.e Corrente Elétrica: I = Q / t Q = carga elétrica medida em Coulombs (C) n = número de elétrons ou prótons e = carga de um elétron = 1,6 10-19 Coulombs

Leia mais

1. (Enem 98) Na figura a seguir está esquematizado um tipo de usina utilizada na geração de eletricidade.

1. (Enem 98) Na figura a seguir está esquematizado um tipo de usina utilizada na geração de eletricidade. COLETÂNEA ENEM PROF. SAMUEL DEGTIAR 1. (Enem 98) Na figura a seguir está esquematizado um tipo de usina utilizada na geração de eletricidade. Analisando o esquema, é possível identificar que se trata de

Leia mais

Eletricidade Aula 2. Circuitos elétricos e suas propriedades

Eletricidade Aula 2. Circuitos elétricos e suas propriedades Eletricidade Aula 2 Circuitos elétricos e suas propriedades O Resistor Podemos construir um componente que possua um valor desejado de resistência o resistor. Os resistores podem ser construídos para ter

Leia mais

FÍSICA - 2 o ANO MÓDULO 24 CIRCUITOS ELÉTRICOS EXERCÍCIOS PARTE 1

FÍSICA - 2 o ANO MÓDULO 24 CIRCUITOS ELÉTRICOS EXERCÍCIOS PARTE 1 FÍSICA - 2 o ANO MÓDULO 24 CIRCUITOS ELÉTRICOS EXERCÍCIOS PARTE 1 Como pode cair no enem (ENEM) Considere a seguinte situação hipotética: ao preparar o palco para a apresentação de uma peça de teatro,

Leia mais

Cap06: Resistores Os resistores são elementos de circuito cuja principal propriedade é a resistência elétrica.

Cap06: Resistores Os resistores são elementos de circuito cuja principal propriedade é a resistência elétrica. Cap06: Resistores Os resistores são elementos de circuito cuja principal propriedade é a resistência elétrica. 6.1 considerações iniciais 6.2 Resistencia elétrica. Lei de Ohm. 6.3 Lei de Joule. 6.4 Resistividade

Leia mais

NOME: N CADERNO DE RECUPERAÇÃO DE FÍSICA I 3º ANO EM TURMA 232 PROFº FABIANO 1º BIMESTRE

NOME: N CADERNO DE RECUPERAÇÃO DE FÍSICA I 3º ANO EM TURMA 232 PROFº FABIANO 1º BIMESTRE 1925 *** COLÉGIO MALLET SOARES *** 2016 91 ANOS DE TRADIÇÃO, RENOVAÇÃO E QUALIDADE DEPARTAMENTO DE ENSINO DATA: / / NOTA: NOME: N CADERNO DE RECUPERAÇÃO DE FÍSICA I 3º ANO EM TURMA 232 PROFº FABIANO 1º

Leia mais

NATUREZA DA ATIVIDADE: EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO - ELETRODINÂMICA DISCIPLINA: FÍSICA ASSUNTO: POTÊNCIA ELÉTRICA

NATUREZA DA ATIVIDADE: EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO - ELETRODINÂMICA DISCIPLINA: FÍSICA ASSUNTO: POTÊNCIA ELÉTRICA ESCOLA ESTADUAL JOÃO XXIII A Escola que a gente quer é a Escola que a gente faz! NATUREZA DA ATIVIDADE: EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO - ELETRODINÂMICA DISCIPLINA: FÍSICA ASSUNTO: POTÊNCIA ELÉTRICA Educando para

Leia mais

ELETRODINÂMICA A) 4, B) 6, C) 2, D) 1,0.10-3

ELETRODINÂMICA A) 4, B) 6, C) 2, D) 1,0.10-3 QUESTÃO 01 No circuito mostrado no diagrama, todos os resistores são ôhmicos, o gerador e o amperímetro são ideais e os fios de ligação têm resistência elétrica desprezível. A intensidade da corrente elétrica

Leia mais

wlad 2. O circuito elétrico seguinte é constituído por três lâmpadas L 1, L 2 e L 3, que são idênticas, e ligadas a uma bateria ε.

wlad 2. O circuito elétrico seguinte é constituído por três lâmpadas L 1, L 2 e L 3, que são idênticas, e ligadas a uma bateria ε. 1. O circuito elétrico de um certo dispositivo é formado por duas pilhas ideais idênticas, de tensão V cada uma, três lâmpadas incandescentes ôhmicas e idênticas L 1, L 2 e L 3, uma chave e fios condutores

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE. Técnico Integrado em Informática. Resposta: Resposta:

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE. Técnico Integrado em Informática. Resposta: Resposta: INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE 4ª Lista de Exercícios Eletricidade Instrumental Técnico Integrado em Informática Aluno (a): Ano/Série: Matrícula: Professor:

Leia mais

CIRCUITOS ELETRICOS I: RESISTORES, GERADOR E 1ª LEI DE OHM CIÊNCIAS DA NATUREZA: FÍSICA PROFESSOR: DONIZETE MELO Página 1

CIRCUITOS ELETRICOS I: RESISTORES, GERADOR E 1ª LEI DE OHM CIÊNCIAS DA NATUREZA: FÍSICA PROFESSOR: DONIZETE MELO Página 1 Diretoria Regional de Ensino de Araguaína Colégio Estadual Campos Brasil Tocantins - Brasil Um circuito elétrico pode ser definido como uma interligação de componentes básicos formando pelo menos um caminho

Leia mais

Técnico em Edificações Instalações Hidráulicas e Elétricas

Técnico em Edificações Instalações Hidráulicas e Elétricas Técnico em Edificações Instalações Hidráulicas e Elétricas Antônio Vieira Representação Gráfica Representação Gráfica Representação Gráfica Representação Gráfica Representação Gráfica Representação Gráfica

Leia mais

NOME: N O : TURMA: PROFESSOR: Glênon Dutra

NOME: N O : TURMA: PROFESSOR: Glênon Dutra Circuitos Elétricos DISCIPLINA: Física NOME: N O : TURMA: PROFESSOR: Glênon Dutra DATA: NOTA: ASS: - Circuito Simples: Esquema: Bateria: Corrente elétrica i Resistência: i = corrente elétrica V = d.d.p.

Leia mais

wlad 2. O gráfico abaixo apresenta a medida da variação de potencial em função da corrente que passa em um circuito elétrico.

wlad 2. O gráfico abaixo apresenta a medida da variação de potencial em função da corrente que passa em um circuito elétrico. 1. Suponha um fio cilíndrico de comprimento L, resistividade ρ 1 e raio da seção transversal circular R. Um engenheiro eletricista, na tentativa de criar um fio cilíndrico menor em dimensões físicas, mas

Leia mais

NOME: N CADERNO DE REC. PARALELA DE FÍSICA I - TURMA PROFº FABIANO 2º BIMESTRE

NOME: N CADERNO DE REC. PARALELA DE FÍSICA I - TURMA PROFº FABIANO 2º BIMESTRE 1925 *** COLÉGIO MALLET SOARES *** 2016 91 ANOS DE TRADIÇÃO, RENOVAÇÃO E QUALIDADE DEPARTAMENTO DE ENSINO DATA: / / NOTA: NOME: N CADERNO DE REC. PARALELA DE FÍSICA I - TURMA 232 - PROFº FABIANO 2º BIMESTRE

Leia mais

Aula 17. Página 1 de 10

Aula 17. Página 1 de 10 ula 17 1. (Fuvest 01) Energia elétrica gerada em Itaipu é transmitida da subestação de Foz do Iguaçu (Paraná) a Tijuco Preto (São Paulo), em alta tensão de 750 kv, por linhas de 900 km de comprimento.

Leia mais

Lista de Exercícios 2 ELBE1. Entregar os exercícios 4, 5, 7, 12 e 18 no dia da prova (em uma folha separada).

Lista de Exercícios 2 ELBE1. Entregar os exercícios 4, 5, 7, 12 e 18 no dia da prova (em uma folha separada). MNSTÉRO DA EDUCAÇÃO NSTTUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CÊNCA E TECNOLOGA DE SÃO PAULO CAMPUS DE PRESDENTE EPTÁCO Curso Técnico em Eletrotécnica Lista de Exercícios 2: Eletricidade Básica (ELBE1) Professor: Fernando

Leia mais

Respostas Finais Lista 6. Corrente Elétrica e Circuitos de Corrente Contínua ( DC )

Respostas Finais Lista 6. Corrente Elétrica e Circuitos de Corrente Contínua ( DC ) Respostas Finais Lista 6 Corrente Elétrica e Circuitos de Corrente Contínua ( DC ) Q 26.3) Essa diferença esta mais associada à energia entregue à corrente de um circuito por algum tipo de bateria e à

Leia mais

Centro Educacional ETIP

Centro Educacional ETIP Centro Educacional ETIP Atividade: Verificação de Aprendizagem 1 Trimestre/2014 Data: Professor: Leandro Nota: Valor : [0,0 2,0] Nome do(a) aluno(a): Nº Turma: INSTRUÇÕES Preencha corretamente o cabeçalho

Leia mais

FÍSICA POTÊNCIA E ENERGIA, ASSOCIAÇÃO DE RESISTORES POTÊNCIA E ENERGIA ELÉTRICA

FÍSICA POTÊNCIA E ENERGIA, ASSOCIAÇÃO DE RESISTORES POTÊNCIA E ENERGIA ELÉTRICA FÍSICA Prof. Bruno POTÊNCIA E ENERGIA, ASSOCIAÇÃO DE RESISTORES POTÊNCIA E ENERGIA ELÉTRICA 1. (Uerj 2015) No esquema abaixo, está representada a instalação de uma torneira elétrica. De acordo com as informações

Leia mais

Prof. Sergio Abrahão 38

Prof. Sergio Abrahão 38 Principais ligações num circuito Os diferentes modos que podemos utilizar para interligar os elementos elétricos, formando um circuito elétrico, são chamados de associações. Podemos ter associação em série,

Leia mais

RESISTOR É O ELEMENTO DE CIRCUITO CUJA ÚNICA FUNÇÃO É CONVERTER A ENERGIA ELÉTRICA EM CALOR.

RESISTOR É O ELEMENTO DE CIRCUITO CUJA ÚNICA FUNÇÃO É CONVERTER A ENERGIA ELÉTRICA EM CALOR. Resistores A existência de uma estrutura cristalina nos condutores que a corrente elétrica percorre faz com que pelo menos uma parte da energia elétrica se transforme em energia na forma de calor, as partículas

Leia mais

Exercícios de Física Eletrodinâmica Lista 2

Exercícios de Física Eletrodinâmica Lista 2 Exercícios de Física Eletrodinâmica Lista 2 Lista elaborada pelo Professor Fernando Valentim nandovalentim@yahoo.com.br 3. O filamento de uma lâmpada incandescente, submetido a uma tensão U, é percorrido

Leia mais

Apostila de Física 27 Associação de Resistores

Apostila de Física 27 Associação de Resistores Apostila de Física 27 Associação de Resistores 1.0 Associação de Resistores em Série Os resistores estão ligados um em seguida do outro São percorridos pela mesma corrente. Ou todos os resistores funcionam,

Leia mais

FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL II PROF JOÃO RODRIGO ESCALARI ESQ. - EXERCÍCIOS DE FÍSICA II GERADORES E LEI DE POULIETT

FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL II PROF JOÃO RODRIGO ESCALARI ESQ. - EXERCÍCIOS DE FÍSICA II GERADORES E LEI DE POULIETT FÍSIC GERL E EXPERIMENTL II PROF JOÃO RODRIGO ESCLRI - 2012 ESQ. - EXERCÍCIOS DE FÍSIC II GERDORES E LEI DE POULIETT 1. 4. figura representa um trecho de um circuito percorrido por uma corrente com intensidade

Leia mais

EXERCÍCIOS DE ELETRICIDADE

EXERCÍCIOS DE ELETRICIDADE EXERCÍCIOS DE ELETRICIDADE Revisão de Eletricidade (Física) do Ensino Médio A - Corrente e Tensão Elétrica 1. Numa seção reta de um condutor de eletricidade, passam 12 C a cada minuto. Nesse condutor,

Leia mais

Física Ciências da Computação 2.o sem/ Aula 3 - pág.1/5

Física Ciências da Computação 2.o sem/ Aula 3 - pág.1/5 Conceitos O mundo do aprendizado é tão amplo e a alma humana, tão limitada! Quebramos a cabeça para puxar apenas uma pontinha da cortina que cobre o infinito. Maria Mitchell Resistor: Dispositivo elétrico

Leia mais

INSTITUTO SÃO JOSÉ - RSE LISTA PREPARATÓRIA PARA PROVA DO TERCEIRO TRIMESTRE

INSTITUTO SÃO JOSÉ - RSE LISTA PREPARATÓRIA PARA PROVA DO TERCEIRO TRIMESTRE 1. (Unesp) Mediante estímulo, 2 10 íons de K atravessam a membrana de uma célula nervosa em 1,0 milisegundo. Calcule a intensidade dessa corrente elétrica, sabendo-se que a carga elementar é 1,6 10 ª C.

Leia mais

2 bimestre - Volume 3, Capítulo 6

2 bimestre - Volume 3, Capítulo 6 Página 1 de 6 2 bimestre - Volume 3, Capítulo 6 Testes propostos 2º bimestre 1. (UFC-CE) Um pássaro pousa em um dos fios de uma linha de transmissão de energia elétrica. O fio conduz uma corrente elétrica

Leia mais

TAREFA DE FÍSICA Prof. Álvaro 3ª Série

TAREFA DE FÍSICA Prof. Álvaro 3ª Série TAREFA DE FÍSICA Prof. Álvaro 3ª Série Site 02 01 - (Mackenzie SP) No circuito desenhado abaixo, a intensidade de corrente elétrica contínua que passa pelo resistor de 50 é de 80 ma. A força eletromotriz

Leia mais

Electricidade e Electrónica

Electricidade e Electrónica Electricidade e Electrónica Exercícios adicionais Exercícios de Aplicação e Avaliação 1- Um chuveiro eléctrico foi construído para operar sob a tensão de 110 V. Para liga-lo a uma tensão de 220 V, sem

Leia mais

2º) Um fio condutor possui 1,0 mm de diâmetro, um comprimento de 2,0 m e uma resistência de 50 mω. Qual a resistividade do material?

2º) Um fio condutor possui 1,0 mm de diâmetro, um comprimento de 2,0 m e uma resistência de 50 mω. Qual a resistividade do material? Exercícios 2º Lei de Ohm e Potência elétrica 1º) Um trilho de aço de bonde elétrico possuí uma área de seção transversal de 56 cm². Qual a resistência de 10 km de trilho? A resistividade do aço é 3x10-7

Leia mais

Etapa 1: Questões relativas aos resultados Lei de Ohm. 1.1 A partir dos dados tabelados, calcule o valor médio da resistência do resistor.

Etapa 1: Questões relativas aos resultados Lei de Ohm. 1.1 A partir dos dados tabelados, calcule o valor médio da resistência do resistor. Respostas Questões relativas ao resultado Etapa 1: Questões relativas aos resultados Lei de Ohm 1.1 A partir dos dados tabelados, calcule o valor médio da resistência do resistor. Resposta: O valor encontrado

Leia mais

Física Eletrodinâmica Difícil [10 Questões]

Física Eletrodinâmica Difícil [10 Questões] Física Eletrodinâmica Difícil [10 Questões] 01 - (ITA SP) Numa prática de laboratório, um estudante conectou uma bateria a uma resistência, obtendo uma corrente i 1. Ligando em série mais uma bateria,

Leia mais

t RESOLUÇÃO COMECE DO BÁSICO

t RESOLUÇÃO COMECE DO BÁSICO t RESOLÇÃO COMECE DO BÁSICO SOLÇÃO CB. 01 Para ser resistor ôhmico o gráfico deve ser linear. Neste caso, a linearidade se observa no trecho BC. SOLÇÃO CB. 0 ' r '. i ( Equação 10 7 r'.4 4r 48 do receptor)

Leia mais

8) Considere o circuito:

8) Considere o circuito: ESCOLA ESTADUAL JOÃO XXIII A Escola que a gente quer é a Escola que a gente faz! NATUREZA DA ATIVIDADE: EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO - ELETRODINÂMICA DISCIPLINA: FÍSICA ASSUNTO: ASSOCIAÇÃO DE RESISTORES CIRCUITOS

Leia mais

3 Médio Disciplinas Professores Natureza Trimestre/Ano Data da entrega Valor

3 Médio Disciplinas Professores Natureza Trimestre/Ano Data da entrega Valor Nome Nº Ano/Série Ensino Turma 3 Médio Disciplinas Professores Natureza Trimestre/Ano Data da entrega Valor Física Carlos A8/TI 2º/201]6 02/08/2016 5,0 Introdução: Querido(a) aluno(a), Este material foi

Leia mais

COLÉGIO PEDRO II CAMPUS CENTRO FÍSICA 3ª SÉRIE 2ª CERTIFICAÇÃO 2ª chamada

COLÉGIO PEDRO II CAMPUS CENTRO FÍSICA 3ª SÉRIE 2ª CERTIFICAÇÃO 2ª chamada COLÉGIO PEDRO II CAMPUS CENTRO FÍSICA 3ª SÉRIE 2ª CERTIFICAÇÃO 2ª chamada Professores: Osmar Preussler e Pedro Terra Coordenador: Sérgio Lima TURMA: NOTA NOME: NÚMERO: QUESTÕES OBJETIVAS 1. Dois trens

Leia mais

Lista de exercícios de física - 3º ano Leis de Ohm e associação de resistores

Lista de exercícios de física - 3º ano Leis de Ohm e associação de resistores Lista de exercícios de física - 3º ano Leis de Ohm e associação de resistores 1. (Uerj 017) Pela seção de um condutor metálico submetido a uma tensão elétrica, atravessam 18 4,0 10 elétrons em 0 segundos.

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO 2º TRIMESTRE FÍSICA

LISTA DE EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO 2º TRIMESTRE FÍSICA LISTA DE EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO 2º TRIMESTRE FÍSICA ALUNO(a): Nº: SÉRIE: 2ª TURMA: UNIDADE: VV JC JP PC DATA: / /2017 Obs.: Esta lista deve ser entregue resolvida no dia da prova de recuperação. Valor:

Leia mais

Resistor e resistência

Resistor e resistência LEIS DE OHM Resistor e resistência O resistor é um dispositivo cujas principais funções são: dificultar a passagem da corrente elétrica e transformar energia elétrica em energia térmica por efeito Joule.

Leia mais

Sendo assim a diferença de potencial entre os pontos inicial e final do circuito é igual à:

Sendo assim a diferença de potencial entre os pontos inicial e final do circuito é igual à: SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS COMANDO DE ENSINO POLICIAL MILITAR COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR SARGENTO NADER ALVES DOS SANTOS SÉRIE/ANO: 3º TURMA(S):

Leia mais

1 - (UCSal-BA) Um resistor de 100 Ω é percorrido por uma corrente elétrica de 20 ma. A ddp entre os terminais do resistor, em volts, é igual a:

1 - (UCSal-BA) Um resistor de 100 Ω é percorrido por uma corrente elétrica de 20 ma. A ddp entre os terminais do resistor, em volts, é igual a: 1 - (UCSal-BA) Um resistor de 100 Ω é percorrido por uma corrente elétrica de 20 ma. A ddp entre os terminais do resistor, em volts, é igual a: a) 2,0 b) 5,0 c) 2,0. 10 d) 2,0. 10 3 e) 5,0. 10 3 2 - (Uneb-BA)

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO ANHANGUERA DE CAMPO GRANDE. ENGENHARIA DE CONTROLE E AUTOMAÇÃO. ATPS. Circuitos resistivos. Lei de Ohm.

CENTRO UNIVERSITÁRIO ANHANGUERA DE CAMPO GRANDE. ENGENHARIA DE CONTROLE E AUTOMAÇÃO. ATPS. Circuitos resistivos. Lei de Ohm. CENTRO UNIVERSITÁRIO ANHANGUERA DE CAMPO GRANDE. ENGENHARIA DE CONTROLE E AUTOMAÇÃO Nome: Luciano dos Santos Benevides RA: 3773769606 ATPS. Circuitos resistivos. Lei de Ohm. CAMPO GRANDE-MS 2013 Nome:

Leia mais

Curso: E.M. TURMA: 2101 e 2102 DATA:

Curso: E.M. TURMA: 2101 e 2102 DATA: EXERCÍCIOS ON LINE 2º Bimestre DISCIPLINA: Física II PROFESSOR(A): Eduardo R Emmerick Curso: E.M. TURMA: 2101 e 2102 DATA: NOME: Nº.: 01) Vamos supor que temos uma partícula carregada com carga q = 4 μc

Leia mais

LISTA PRÉ-ENEM FÍSICA ELÉTRICA PROF. ORLANDO

LISTA PRÉ-ENEM FÍSICA ELÉTRICA PROF. ORLANDO LISTA PRÉ-ENEM FÍSICA ELÉTRICA PROF. ORLANDO 01 - (ENEM) Entre as inúmeras recomendações dadas para a economia de energia elétrica em uma residência, destacamos as seguintes: - Substitua lâmpadas incandescentes

Leia mais

Como o gráfico de V x i é uma reta, os dois condutores obedecem à Lei de Ohm, isto é, possuem resistência elétrica constante. tg A = RA.

Como o gráfico de V x i é uma reta, os dois condutores obedecem à Lei de Ohm, isto é, possuem resistência elétrica constante. tg A = RA. primorando os Conhecimentos de Eletricidade ista 6 eis de Ohm Prof.: Célio Normando 1. (PUC-MG/2001) Uma tensão de 12 volts aplicada a uma resistência de 3,0Ω produzirá uma corrente de: a) 36 c) 4,0 b)

Leia mais

Lista de Exercícios 3 ano Rec II TRIM 2017

Lista de Exercícios 3 ano Rec II TRIM 2017 Lista de Exercícios 3 ano Rec II TRIM 2017 1. (UFRRJ) O gráfico a seguir representa a curva de uma bateria de certa marca de automóvel. 4. (UFRJ) O gráfico a seguir representa a curva característica de

Leia mais

ELETRODINÂMICA. Prof. Patricia Caldana

ELETRODINÂMICA. Prof. Patricia Caldana ELETRODINÂMICA Prof. Patricia Caldana Ao se estudarem situações onde as partículas eletricamente carregadas deixam de estar em equilíbrio eletrostático passamos à situação onde há deslocamento destas cargas

Leia mais

Notas de Aula ELETRICIDADE BÁSICA

Notas de Aula ELETRICIDADE BÁSICA Notas de ula ELETICIDDE ÁSIC Salvador, gosto de 2005. . Conceitos ásicos Fundamentais Estrutura tômica figura.0 é a representação esquemática de um átomo de ohr. Elétron () Núcleo( ou 0) Este átomo é composto

Leia mais

Energia e fenómenos elétricos

Energia e fenómenos elétricos Energia e fenómenos elétricos 1. Associa o número do item da coluna I à letra identificativa do elemento da coluna II. Estabelece a correspondência correta entre as grandezas elétricas e os seus significados.

Leia mais

Lei de Ohm: associação de resistores e capacitores

Lei de Ohm: associação de resistores e capacitores Lei de Ohm: associação de resistores e capacitores Na figura abaixo, exemplificamos um circuito simples, onde aplicamos uma fonte de energia (V), ligada a um resistor (R) e que resultará em uma corrente

Leia mais

EXERCÍCIOS. 2 Explique detalhadamente a Lei de Ohm (V = R.I). 3 Explique detalhadamente a chamada segunda Lei de Ohm (P = V.I).

EXERCÍCIOS. 2 Explique detalhadamente a Lei de Ohm (V = R.I). 3 Explique detalhadamente a chamada segunda Lei de Ohm (P = V.I). EXERCÍCIOS 1 Quais são os símbolos e unidades de medição das seguintes grandezas elétricas: a) Tensão elétrica; b) Corrente elétrica; c) Resistência elétrica; d) Potência elétrica; e) Energia elétrica.

Leia mais

CORRECÇÃO. 1 pilha; 1 interruptor; 3 lâmpadas; 1 resistência

CORRECÇÃO. 1 pilha; 1 interruptor; 3 lâmpadas; 1 resistência 4 DISCIPLINA C.F.Q. 9ºANO Março 2011 CORRECÇÃO 1. Indica três regras de segurança e de prevenção de acidentes na utilização de equipamento eléctrico. Não manusear equipamentos eléctricos com as mãos molhadas,

Leia mais

Medida da resistência elétrica

Medida da resistência elétrica Medida da resistência elétrica 1 Fig.31.1 31.1. No circuito da Fig. 31.1 o amperímetro e o voltímetro são reais (isto é, R A 0 e R V ). Eles fornecem, respectivamente, as leituras i e U. Podemos afirmar

Leia mais

ELETRICIDADE. Eletrodinâmica. Eletrostática. Eletromagnetismo

ELETRICIDADE. Eletrodinâmica. Eletrostática. Eletromagnetismo ELETRICIDADE Eletrodinâmica Eletrostática Eletromagnetismo Átomo Núcleo Prótons carga positiva (+e). Nêutrons carga neutra. Eletrosfera Eletrons carga negativa (-e). Carga Elétrica Elementar e = 1,6 x

Leia mais