IV. LISTAS DE ENTIDADES

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "IV. LISTAS DE ENTIDADES"

Transcrição

1 Anexo à Instrução nº 28/99 IV. LISTAS DE ENTIDADES 1. As listas de entidades constituem uma ferramenta de apoio à correcta classificação sectorial das contrapartes das operações registadas no âmbito das Estatísticas Monetárias e Financeiras. 2. As listas de entidades contemplam os seguintes sectores institucionais: Sector Financeiro (sector ); e Sector Público Administrativo (sector ). A desagregação de cada um destes sectores está conforme a Tabela S - Sectores Institucionais deste anexo, que tem por base o enquadramento proporcionado pelo Sistema Europeu de Contas Nacionais e Regionais (SEC 95). Sempre que se julgou pertinente, procedeu-se a uma desagregação institucional maior do que a mencionada na tabela. O Banco de Portugal é responsável pela actualização da lista das Instituições Financeiras Monetárias nacionais e nesse pressuposto contribui para a manutenção da lista exaustiva das referidas entidades em actividade em cada um dos Estados Membros da União Europeia. Essa lista, que também é utilizada para identificar as contrapartes para efeitos das operações de política monetária, encontra-se disponível no site do Banco Central Europeu, estando sujeita a uma actualização mensal. 3. Sempre que uma instituição tiver como contraparte uma entidade dos sectores acima mencionados que não esteja incluída nas listagens em vigor e sobre a qual existam dúvidas quanto à sua classificação sectorial deve a instituição em causa contactar a Área de Estatísticas Monetárias e Financeiras do Departamento de Estatística do Banco de Portugal, fornecendo todos os elementos de que disponha e que julgue serem importantes para a atribuição da classificação. 4. Em relação à ventilação do sector não residente, foi desenvolvido, a nível Comunitário, um exercício que contempla a definição de um conjunto de linhas orientadoras para a identificação dos sectores institucionais dos vários Estados Membros (vide Money and Banking Statistics Sector Manual ). Paralelamente, a lista de Instituições Financeiras Monetárias referida no ponto 2 permite a identificação de todas as entidades em actividade nos outros Estados Membros da União Europeia (www.ecb.int escolhendo as seguintes opções de uma forma sequencial MFIs and Assets seguida de Access to the Download area and mailing list e finalmente Monetary Financial Institutions (MFIs) data e fazendo o download da informação para todos os países). 5. As listas, que foram realizadas com base na informação disponível no Banco de Portugal em Junho de 1999 (com excepção da referente às Instituições Financeiras Monetárias que se reporta a 13 de Setembro de 1999), encontram-se estruturadas da seguinte forma:

2 A. SECTOR FINANCEIRO ( ) A.1. Instituições Financeiras Monetárias ( ) A.1.1. Banco de Portugal ( ) A.1.2. Outras Instituições Financeiras Monetárias ( ) A Bancos A Caixas Económicas A Caixas de Crédito Agrícola Mútuo A Fundos do Mercado Monetário A.2. Instituições Financeiras não Monetárias ( ) A.2.1. Outros Intermediários Financeiros e Auxiliares Financeiros ( ) A Outros Intermediários Financeiros A Sociedades de Factoring A Sociedades de Investimento A Sociedades de Locação Financeira A Sociedades Financeiras para Aquisições a Crédito A Fundos de Investimento (excepto Fundos do Mercado Monetário) A Fundos de Investimento Mobiliários A Fundos de Investimento Imobiliários A Sociedades de Capital de Risco A Sociedades de Desenvolvimento Regional A Sociedades Emitentes ou Gestoras de Cartões de Crédito A Sociedades Financeiras de Corretagem A Sociedades Gestoras de Participações Sociais A Outros A Auxiliares Financeiros A Agências de Câmbios A Sociedades Administradoras de Compras em Grupo A Sociedades Corretoras A Sociedades Gestoras de Fundos de Investimento A Sociedades Gestoras de Fundos de Investimento Mobiliários A Sociedades Gestoras de Fundos de Investimento Imobiliários A Sociedades Gestoras de Patrimónios A Sociedades Mediadoras do Mercado Monetário e do Mercado de Câmbios A Sociedades Gestoras de Fundos de Pensões A Corretores de Seguros A Instituições sem Fins Lucrativos ao Serviço de Instituições Financeiras A Outros A.2.2. Companhias de Seguros e Fundos de Pensões ( ) A Companhias de Seguros A Sociedades Anónimas

3 A Sociedades Mútuas A Sucursais A Com Sede na União Europeia A Com Sede Fora da União Europeia A Fundos de Pensões B. SECTOR PÚBLICO ADMINISTRATIVO ( ) B.1. Administração Central ( ) B.1.1. Estado ( ) B.1.2. Fundos e Serviços Autónomos ( ) B.2. Sector Público Administrativo Excepto Administração Central ( ) B.2.1. Administração Regional ( ) B Açores ( ) B Conta da Região Autónoma dos Açores B Fundos e Serviços Autónomos B Madeira ( ) B Conta da Região Autónoma da Madeira B Fundos e Serviços Autónomos B.2.2. Administração Local ( ) B.2.3. Segurança Social ( ) B A Nível Nacional B A Nível Regional B A Nível Local

4 A. SECTOR FINANCEIRO ( ) A.1. Instituições Financeiras Monetárias ( ) A.1.1. Banco de Portugal ( ) A.1.2. Outras Instituições Financeiras Monetárias ( ) A Bancos 1 Œ ABN Amro Bank, N.V. Œ Argentaria, Caja Postal Y Banco Hipotecario, SA Œ BAI - Banco Africano de Investimentos, SARL (Sucursal em Portugal) Œ Banco Alves Ribeiro, SA Œ Banco Atlântico, SA (Espanha) - Sucursal em Portugal Œ Banco Bilbao Vizcaya (Portugal), SA Œ Banco BPI, SA Œ Banco Cetelem, SA - Sucursal Œ Banco Chemical Finance, SA Œ Banco Comercial dos Açores, SA Œ Banco Comercial Português, SA Œ Banco de Investimento Global, SA Œ Banco de Investimento Imobiliário, SA Œ Banco de Negócios Argentária, SA (Sucursal em Portugal) Œ Banco do Brasil, SA Œ Banco Efisa, SA Œ Banco Espírito Santo de Investimento, SA Œ Banco Espírito Santo, SA Œ Banco Expresso Atlântico, SA Œ Banco Finantia, SA Œ Banco Internacional de Crédito, SA Œ Banco Itaú Europa, SA Œ Banco Madesant - Sociedade Unipessoal, SA Œ Banco Mello de Investimentos, SA Œ Banco Mello Imobiliário, SA Œ Banco Mello, SA Œ Banco Nacional Ultramarino, SA Œ Banco Pinto & Sotto Mayor, SA Œ Banco Português de Investimento, SA Œ Banco Português do Atlântico, SA Œ Banco Privado Português, SA Œ Banco Rural Europa, SA

5 Œ Banco Sabadell, SA Œ Banco Santander Portugal, SA Œ Banco Totta & Açores, SA Œ BANIF - Banco Internacional do Funchal, SA Œ Bank Brussels Lambert - Sucursal em Portugal Œ Bankboston Latino Americano (Sociedade Unipessoal), SA Œ Banque Nationale de Paris Œ Banque PSA Finance Holding (Sucursal em Portugal) Œ Barclays Bank, PLC Œ BNC - Banco Nacional de Crédito Imobiliário, SA Œ BPN - Banco Português de Negócios, SA Œ BSN - Banco Santander de Negócios Portugal, SA Œ Caixa Geral de Depósitos, SA Œ Caja de Ahorros de Salamanca Y Soria - Sucursal Operativa Œ Caja de Ahorros Municipal de Vigo - Caixavigo Œ Central - Banco de Investimento, SA Œ CISF - Banco de Investimento, SA Œ Citibank Portugal, SA Œ Credibanco - Banco de Crédito Pessoal, SA Œ Credifin - Banco de Crédito ao Consumo, SA Œ Crédit Lyonnais Portugal, SA Œ Crédito Predial Português, SA Œ Deutsche Bank (Portugal), SA Œ FCE Bank Plc Œ Finibanco, SA Œ Général Bank Œ Imi Bank (International), SA Œ Interbanco, SA Œ Selectibanque, SA Œ Sygma Banque Œ The Bank of Tokyo-Mitsubishi, Ltd A Caixas Económicas Œ Caixa Económica da Associação de Socorros Mútuos de Empregados no Comércio de Lisboa Œ Caixa Económica da Guarda Œ Caixa Económica da Misericórdia de Angra do Heroísmo Œ Caixa Económica da Misericórdia de Ponta Delgada Œ Caixa Económica do Porto Œ Caixa Económica Montepio Geral Œ Caixa Económica Social

6 A Caixas de Crédito Agrícola Mútuo Œ Caixa Central - Caixa Central de Crédito Agrícola Mútuo, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo Beira Centro, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo da Área Metropolitana do Porto, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo da Batalha, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo da Chamusca, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo da Costa Verde, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo da Figueira da Foz, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo da Guarda, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo da Murtosa, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo da Região de Bragança, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo da Região do Fundão e Sabugal, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo da Terra Quente, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo da Zona do Pinhal, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo das Serras de Ansião, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Abrunheira, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Águeda, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Aguiar da Beira, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Albergaria-A-Velha, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Albufeira, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Alcácer do Sal, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Alcáçovas e Viana do Alentejo, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Alcanhões, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Alcobaça, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Alcochete, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Alcoutim, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Alenquer, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Alijó e Murça, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Aljezur, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Aljustrel e Almodôvar, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Alte, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Alter do Chão, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Amarante, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Amares, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Anadia, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Armamar e Moimenta da Beira, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Arouca, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Arronches, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Arruda dos Vinhos, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Aveiro, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Avis, CRL

7 Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Azambuja, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Baião, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Barcelos, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Beja e Mértola, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Benavente, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Bombarral, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Borba, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Cabeceiras de Basto, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Cadaval, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Campo Maior, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Cantanhede, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Carregal do Sal, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Castelo Branco, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Castro Daire, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Celorico da Beira, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Cinfães, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Coimbra, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Coruche, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Elvas, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Entre Tejo e Sado, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Estarreja, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Estremoz, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Évora, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Fafe, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Favaios, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Felgueiras, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Ferreira do Alentejo, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Figueiró dos Vinhos, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Fornos de Algodres, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Guimarães, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Idanha-A-Nova e Penamacor, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Ílhavo, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Lafões, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Lagoa, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Lamego, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Leiria, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Loures, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Lourinhã, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Mafra, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Mangualde, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Mira, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Mogadouro e Vimioso, CRL

8 Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Monforte, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Montalegre, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Montemor-O-Novo, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Mora, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Mortágua, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Nelas, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Oliveira de Azeméis, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Oliveira do Bairro, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Oliveira do Hospital, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Ovar, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Paredes, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Penalva do Castelo, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Pernes, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Pombal, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Ponte de Sor, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Portalegre, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Porto de Mós, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Póvoa de Varzim, Vila do Conde e Esposende, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de S. João da Pesqueira, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Sabrosa, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Salvaterra de Magos, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Samora Correia, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Santa Marta de Penaguião e Mesão Frio, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Santiago do Cacém, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Santo Tirso, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de S. Bartolomeu de Messines e S. Marcos da Serra, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de São Pedro do Sul, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de São Teotónio, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Sátão, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Seia, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Sernancelhe, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Sever do Vouga, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Silves, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Sintra e Litoral, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Sobral de Monte Agraço, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Sousel, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Tabuaço, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Tarouca, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Tavira, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Terras de Miranda do Douro, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Torres Vedras, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Tramagal, CRL

9 Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Vagos, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Vale de Cambra, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Valpaços, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Vila do Bispo, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Vila Franca das Naves, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Vila Franca de Xira, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Vila Nova de Anços, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Vila Nova de Famalicão, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Vila Nova de Paiva, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Vila Nova de Tazém, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Vila Real de Santo António - Castro Marim, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Vila Verde e de Terras do Bouro, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Vila Viçosa, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Viseu-Tondela, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Algarve-Centro, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Alto Corgo e Tâmega, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Alto Guadiana, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Alto Minho, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Barlavento Algarvio, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Cartaxo, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Concelho da Feira, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Concelho de Mealhada, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Concelho de Pinhel, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Guadiana Interior, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Minho, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Norte Alentejano, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Peso da Régua, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Ribatejo Centro, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Ribatejo Norte, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Ribatejo Sul, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Vale do Sousa e Baixo Tâmega, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo dos Açores, CRL Œ Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Caldas da Rainha, Óbidos e Peniche, CRL A Fundos do Mercado Monetário À data da publicação desta lista nenhum fundo de investimento foi integrado nesta categoria. Os fundos de investimento que venham a ser classificados como fundos do mercado monetário serão oportunamente identificados.

10 A.2. Instituições Financeiras não Monetárias ( ) A.2.1. Outros Intermediários Financeiros e Auxiliares Financeiros ( ) A Outros Intermediários Financeiros A Sociedades de Factoring Œ BNP-Factor - Companhia Internacional de Aquisição de Créditos, SA Œ BPI Factor - Sociedade Portuguesa de Factoring, SA Œ Euroges - Aquisição de Créditos a Curto Prazo, SA Œ Factoring Atlântico, SA Œ Heller Factoring Portuguesa, SA Œ Lusofactor - Sociedade de Factoring, SA Œ MC-Factor, Sociedade Internacional de Aquisição de Crédito, SA Œ Nacional Factoring, SA Œ Sociedade Credit Lyonnais Eurofactoring, SA A Sociedades de Investimento Œ BFE Investimentos - Sociedade de Investimentos, SA Œ Caixa Investimentos, Sociedade de Investimento, SA Œ PME Investimentos - Sociedade de Investimento, SA Œ S.P.G.M. - Sociedade de Investimento, SA A Sociedades de Locação Financeira Œ BBV Leasing - Sociedade de Locação Financeira, SA Œ Besleasing Imobiliária - Sociedade de Locação Financeira, SA Œ Besleasing Mobiliária - Sociedade de Locação Financeira, SA Œ BPI Leasing - Sociedade de Locação Financeira, SA Œ Caterpillar Financial Corporacion Financiera Sociedad Anonima Establecimiento Financiero de Crédito - Sucursal em Portugal Œ Comercial Leasing, SA Œ DB Leasing - Sociedade de Locação Financeira Mobiliária, SA Œ Fiat Leasing Portugal - Sociedade de Locação Financeira Mobiliária, SA Œ Gest Leasing - Sociedade de Locação Financeira Mobiliária, SA Œ IBM Financiamento - Sociedade de Locação Financeira Mobiliária, SA Œ Imoleasing - Sociedade de Locação Financeira Imobiliária, SA Œ Leasimo - Sociedade de Locação Financeira, SA Œ Leasing Atlântico, SA Œ Locapor - Companhia Portuguesa de Locação Financeira Mobiliária, SA

11 Œ MC-Leasing, Sociedade de Locação Financeira, SA Œ MC-Loc, Sociedade de Locação Financeira, SA Œ Mello Leasing - Sociedade de Locação Financeira, SA Œ Mundileasing - Sociedade de Locação Financeira, SA Œ Nacional Leasing - Locação Financeira, SA Œ Santander Leasing - Sociedade de Locação Financeira, SA Œ Sociedade Europeia de Leasing - S.E.L., SA Œ Sofinloc - Sociedade Financeira de Locação, SA Œ Tottaleasing - Sociedade de Locação Financeira Mobiliária, SA Œ Woodchester Leasing, SA A Sociedades Financeiras para Aquisições a Crédito Œ Bansander de Financiaciones, SA (Bansafina) Establecimiento Financiero de Credito (Sucursal em Portugal) Œ BPA Credinova - Sociedade de Financiamento de Aquisições a Crédito, SA Œ Cargeste - Sociedade Financeira para Aquisições a Crédito, SA Œ Cetelem, SFAC, SA Œ Compagnie Financiere pour la Distribuition, Cofidis Œ Credibom, Sociedade Financeira para Aquisições a Crédito, SA Œ Crediflash - Sociedade Financeira para Aquisições a Crédito, SA Œ DB Crédito - Sociedade Financeira para Aquisições a Crédito, SA Œ Euro-SFAC - Sociedade Financeira para Aquisições a Crédito, SA Œ Fiat Crédito Portugal, SA Œ Fiber - Sociedade Financeira para Aquisições a Crédito, SA Œ Finicrédito - SFAC, SA Œ General Motors Acceptance Corporation de Portugal - Serviços Financeiros, SA Œ Ibercrédito - Sociedade Financeira para Aquisições a Crédito, SA Œ MC - SFAC, Sociedade Financeira para Aquisição a Crédito, SA Œ Mello Crédito - Sociedade Financeira para Aquisições a Crédito, SA Œ Mundicre - Sociedade Financeira para Aquisições a Crédito, SA Œ Peninsular - Sociedade Financeira para Aquisições a Crédito, SA Œ Renault Gest - Sociedade Financeira para Aquisições a Crédito, SA Œ Soficre - Sociedade Financeira para Aquisições a Crédito, SA Œ Sofivenda - Sociedade de Financiamento de Vendas a Crédito, SA Œ Tecnicrédito - Financiamento de Aquisições a Crédito, SA Œ Vendal Crédito - Sociedade Financeira para Aquisições a Crédito, SA Œ Woodchester - SFAC - Sociedade Financeira para Aquisições a Crédito, SA

12 A Fundos de Investimento (excepto Fundos do Mercado Monetário) A Fundos de Investimento Mobiliários Œ AF Eurocarteira / AF INVESTIMENTOS - FM Œ AF Investimentos Acções América ( AGF ) / AF INVESTIMENTOS - FM Œ AF Investimentos Acções Europa ( AGF ) / AF INVESTIMENTOS - FM Œ AF Investimentos Acções Portugal ( AGF ) / AF INVESTIMENTOS - FM Œ AF Investimentos Obrigações ( AGF ) / AF INVESTIMENTOS - FM Œ AF Investimentos Taxa Fixa ( AGF ) / AF INVESTIMENTOS - FM Œ AF Mercados Emergentes / AF INVESTIMENTOS - FM Œ AF Portfolio Internacional / AF INVESTIMENTOS - FM Œ AF Rendimento Mensal / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Aforro Fipor / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Atlântico Acções / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Atlântico Obrigações / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Atlântico Taxa Fixa / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Barclays Curto Prazo - Fundo de Tesouraria / BARCLAYS FUNDOS Œ Barclays F.P.R. / BARCLAYS FUNDOS Œ Barclays Global - FUNDO DE FUNDOS / BARCLAYS FUNDOS Œ Barclays Premier Acções Portugal ( AGF ) / BARCLAYS FUNDOS Œ Barclays Premier Obrigações Portugal ( AGF ) / BARCLAYS FUNDOS Œ Barclays Premier Tesouraria - FT ( AGF ) / BARCLAYS FUNDOS Œ Barclays Rendimento - FT / BARCLAYS FUNDOS Œ BBV Disponível - Fundo de Tesouraria / BBV GEST Œ BBV Global / BBV GEST Œ BBV Obrigações / BBV GEST Œ BBV PPA / BBV GEST Œ BCP Acções / AF INVESTIMENTOS - FM Œ BCP Euro Taxa Fixa / AF INVESTIMENTOS - FM Œ BCP Obrigações / AF INVESTIMENTOS - FM Œ BIC PPR - Plano Particular de Reforma / ESAF - FM Œ BIC Tesouraria - Fundo de Tesouraria / ESAF - FM Œ BNC Rendimento / BNC GERFUNDOS Œ BNC Valor / BNC GERFUNDOS Œ BNU Acções / INVESTIL Œ BNU Capital FRIE / BNU CAPITAL Œ BNU Fundo de Fundos / INVESTIL Œ BNU Fundo de Fundos II / INVESTIL Œ BNU Fundo de Fundos III / INVESTIL Œ BNU Gestão Activa Acções ( AGF ) / INVESTIL Œ BNU Gestão Activa Obrigações ( AGF ) / INVESTIL Œ BNU Gestão Activa Tesouraria - FT ( AGF ) / INVESTIL Œ BNU Internacional / INVESTIL Œ BNU Obrigações / INVESTIL Œ BNU Oriente Crescimento / INVESTIL Œ BNU PPA / INVESTIL Œ BNU Prestigio / INVESTIL Œ BNU Renda Mensal / INVESTIL

13 Œ BNU Rendimento / INVESTIL Œ BNU Tesouraria - Fundo de Tesouraria / INVESTIL Œ BPI Acções / BPI FUNDOS Œ BPI América / BPI FUNDOS Œ BPI Bonds / BPI FUNDOS Œ BPI Capitalização / BPI FUNDOS Œ BPI Curto Prazo - Fundo de Tesouraria / BPI FUNDOS Œ BPI Euro Taxa Fixa / BPI FUNDOS Œ BPI Eurobrigações / BPI FUNDOS Œ BPI Eurocapital / BPI FUNDOS Œ BPI Eurocash - Fundo de Tesouraria / BPI FUNDOS Œ BPI Europa / BPI FUNDOS Œ BPI Eurovalor / BPI FUNDOS Œ BPI Gestão Global - Fundo de Fundos / BPI FUNDOS Œ BPI Global / BPI FUNDOS Œ BPI I FRIE / INTER RISCO Œ BPI Liquidez - Fundo de Tesouraria / BPI FUNDOS Œ BPI Poupança Acções - PPA / BPI FUNDOS Œ BPI Reforma Investimento - PPR / BPI FUNDOS Œ BPI Reforma Segura - PPR / BPI FUNDOS Œ BPI Reforma Valorização PPR / BPI FUNDOS Œ BPI Renda Mensal / BPI FUNDOS Œ BPI Rendimento - Fundo de Tesouraria / BPI FUNDOS Œ BPI Taxa Variável / BPI FUNDOS Œ BPI Tesouraria - Fundo de Tesouraria / BPI FUNDOS Œ Caixagest Acções Portugal / CAIXAGEST Œ Caixagest Euroacções ( AGF ) / CAIXAGEST Œ Caixagest Eurobrigações ( AGF ) / CAIXAGEST Œ Caixagest Internacional / CAIXAGEST Œ Caixagest Interobrigações ( AGF ) / CAIXAGEST Œ Caixagest Lusoacções ( AGF ) / CAIXAGEST Œ Caixagest Maxivalor / CAIXAGEST Œ Caixagest Multivalor / CAIXAGEST Œ Caixagest Renda Acumulada / CAIXAGEST Œ Caixagest Renda Mensal / CAIXAGEST Œ Caixagest Rendimento / CAIXAGEST Œ Caixagest Taxa Fixa / CAIXAGEST Œ Caixagest Valorização / CAIXAGEST Œ Capital Portugal / MC FUNDOS Œ Credit Bond - Fundo de Obrigações / SGFIM - CREDIT LYONNAIS Œ Credit Cash - Fundo de Tesouraria / SGFIM - CREDIT LYONNAIS Œ Credit Curto Prazo - Fundo de Tesouraria / SGFIM - CREDIT LYONNAIS Œ Credit Lyonnais Acções - Fundo de Fundos / SGFIM - CREDIT LYONNAIS Œ Credit Taxa Variável - Fundo de Obrigações / SGFIM - CREDIT LYONNAIS Œ DB Investimento / DB FUNDOS Œ Espírito Santo Acções Europa / ESAF - FM Œ Espírito Santo All Stars / ESAF - FM Œ Espírito Santo Capitalização / ESAF - FM Œ Espírito Santo Carteira - Fundo de Fundos / ESAF - FM Œ Espírito Santo Carteira Capital - Fundo de Fundos / ESAF - FM

14 Œ Espírito Santo Carteira Delta - Fundo de Fundos / ESAF - FM Œ Espírito Santo Carteira Focus - Fundo de Fundos / ESAF - FM Œ Espírito Santo Carteira Matrix - Fundo de Fundos / ESAF - FM Œ Espírito Santo Carteira Maximum - Fundo de Fundos / ESAF - FM Œ Espírito Santo Carteira Mix - Fundo de Fundos / ESAF - FM Œ Espírito Santo Carteira Omega - Fundo de Fundos / ESAF - FM Œ Espírito Santo Carteira Plus - Fundo de Fundos / ESAF - FM Œ Espírito Santo Carteira Síntese - Fundo de Fundos / ESAF - FM Œ Espírito Santo Curto Prazo - Fundo de Tesouraria / ESAF - FM Œ Espírito Santo Euro Fundo / ESAF - FM Œ Espírito Santo Fixed Income / ESAF - FM Œ Espírito Santo Fundo Obrigações Europa / ESAF - FM Œ Espírito Santo Liquidez - FT / ESAF - FM Œ Espírito Santo Mercados Emergentes / ESAF - FM Œ Espírito Santo Monetário - Fundo de Tesouraria / ESAF - FM Œ Espírito Santo Money Market - FT / ESAF - FM Œ Espírito Santo Multibond / ESAF - FM Œ Espírito Santo Obrigações Global / ESAF - FM Œ Espírito Santo Opção Conservadora - FF / ESAF - FM Œ Espírito Santo Opção Dinâmica - FF / ESAF - FM Œ Espírito Santo Overseas - FF / ESAF - FM Œ Espírito Santo Portfolio - Fundo de Fundos / ESAF - FM Œ Espírito Santo Portfolio Dinâmico / ESAF - FM Œ Espírito Santo Portfolio I - FF / ESAF - FM Œ Espírito Santo Portugal Acções / ESAF - FM Œ Espírito Santo Portugal Index / ESAF - FM Œ Espírito Santo Poupança em Acções- PPA / ESAF - FM Œ Espírito Santo Renda Mensal / ESAF - FM Œ Espírito Santo Renda Trimestral / ESAF - FM Œ Espírito Santo Tesouraria - Fundo de Tesouraria / ESAF - FM Œ Espírito Santo Top Ranking - FF / ESAF - FM Œ Estratégia Mais - Fundo de Fundos / ESAF - FM Œ Estratégia Moderada - Fundo de Fundos / ESAF - FM Œ Europa Acções ( AGF ) / MELLO ACTIVOS FINANCEIROS Œ Europa Obrigações ( AGF ) / MELLO ACTIVOS FINANCEIROS Œ F. Turismo FCR / F. TURISMO Œ Finibond - Mercados Emergentes / FINIVALOR Œ Finicapital / FINIVALOR Œ Finifundo BLUE CHIPS / FINIVALOR Œ Finifundo SMALL CAPS / FINIVALOR Œ Finiglobal / FINIVALOR Œ Finirendimento / FINIVALOR Œ Fipor Poupança Investimento / AF INVESTIMENTOS - FM Œ FRIE Fomento Exterior / INTER RISCO Œ FRIE FREP / RISFOMENTO Œ FRIE Pedip II / ES CAPITAL Œ FT Caixagest Gestão Cambial ( AGF ) / CAIXAGEST Œ FT Caixagest Gestão Monetária ( AGF ) / CAIXAGEST Œ FT. AF Empresas - Gestão de Tesouraria / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Fundo de Acções Banif Acções / BANIFUNDOS

15 Œ Fundo de Fundos Modelo Alfa / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Fundo de Fundos Modelo Beta / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Fundo de Fundos AF Global Mais / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Fundo de Fundos Atlântico Global / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Fundo de Fundos Atlântico Global I / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Fundo de Fundos BCP Global / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Fundo de Fundos BCP Global I / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Fundo de Fundos BSN Portfolio / SANTANDER Œ Fundo de Fundos Caixagest Investimento / CAIXAGEST Œ Fundo de Fundos Caixagest Investimento II / CAIXAGEST Œ Fundo de Fundos Caixagest Investimento III / CAIXAGEST Œ Fundo de Fundos Caixagest Investimento IV / CAIXAGEST Œ Fundo de Fundos Modelo Delta / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Fundo de Fundos Multinvestimento / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Fundo de Fundos Multinvestimento I / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Fundo de Obrigações Banif Taxa Fixa / BANIFUNDOS Œ Fundo de Poupança Acções Banif PPA / BANIFUNDOS Œ Fundo de Poupança Acções Santander PPA / SANTANDER Œ Fundo de Poupança em Acções Barclays FPA / BARCLAYS FUNDOS Œ Fundo de Tesouraria Atlântico Tesouraria / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Fundo de Tesouraria Banif Tesouraria / BANIFUNDOS Œ Fundo de Tesouraria BCP Curto Prazo / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Fundo de Tesouraria Caixagest Curto Prazo / CAIXAGEST Œ Fundo de Tesouraria Caixagest Moeda / CAIXAGEST Œ Fundo de Tesouraria Caixagest Multidivisa / CAIXAGEST Œ Fundo de Tesouraria Caixagest Tesouraria / CAIXAGEST Œ Fundo de Tesouraria M Liquidez / MELLO ACTIVOS FINANCEIROS Œ Fundo de Tesouraria MG Monetário / MG FUNDOS Œ Fundo de Tesouraria MG Tesouraria / MG FUNDOS Œ Fundo de Tesouraria Santander Novo Fundo / SANTANDER Œ Gestão Activa - Fundo de Fundos / ESAF - FM Œ Invest / INVESTIL Œ Invest Obrigações / INVESTIL Œ IPE Capital I FRIE / IPE CAPITAL Œ IPE Capital Retex FRIE / IPE CAPITAL Œ Luso Acções / SANTANDER Œ Luso Capital / SANTANDER Œ Luso Valor / SANTANDER Œ M Acções Europa / MELLO ACTIVOS FINANCEIROS Œ M Acções Portugal / MELLO ACTIVOS FINANCEIROS Œ M Capital / MELLO ACTIVOS FINANCEIROS Œ M Gestão Global - FF / MELLO ACTIVOS FINANCEIROS Œ M Rendimento / MELLO ACTIVOS FINANCEIROS Œ M. Desenvolvimento FRIE / BANCO MELLO Œ M. Inovação FCR / BANCO MELLO Œ Mealheiro Fipor / AF INVESTIMENTOS - FM Œ MG Acções / MG FUNDOS Œ MG Obrigações / MG FUNDOS Œ MG Renda Mensal / MG FUNDOS Œ MG Taxa Fixa / MG FUNDOS

16 Œ Norpedip FRIE / PME CAPITAL Œ Norpedip Retex FRIE / PME CAPITAL Œ Novo Fundo Capital / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Novo Fundo Obrigações / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Obrigações 7 / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Pedip BNU Capital FCR / BNU CAPITAL Œ PME BNU Capital FCR / BNU CAPITAL Œ Portugal Acções / DB FUNDOS Œ Postal Acções / MELLO ACTIVOS FINANCEIROS Œ Postal Capitalização / MELLO ACTIVOS FINANCEIROS Œ Postal Fundo de Tesouraria / MELLO ACTIVOS FINANCEIROS Œ Postal Gestão Global - FF / MELLO ACTIVOS FINANCEIROS Œ Postal Rendimento / MELLO ACTIVOS FINANCEIROS Œ PPA Atlântico- Fundo de Poupança em Acções / AF INVESTIMENTOS - FM Œ PPA BCP / AF INVESTIMENTOS - FM Œ PPA Caixagest Valorização Fiscal / CAIXAGEST Œ PPA Finibanco - Fundo de Poupança em Acções / FINIVALOR Œ PPA Grupo BPI / BPI FUNDOS Œ PPA M Poupança / MELLO ACTIVOS FINANCEIROS Œ Privado Agressivo - FF / PRIVADO FUNDOS Œ Privado Agressivo / PRIVADO FUNDOS Œ Privado Crescimento - FF / PRIVADO FUNDOS Œ Privado Crescimento / PRIVADO FUNDOS Œ Privado Rendimento - FF / PRIVADO FUNDOS Œ Promindústria FRIE / PROMINDÚSTRIA Œ Raiz Crescimento / CENTRAL FUNDOS Œ Raiz Global / CENTRAL FUNDOS Œ Raiz Poupança em Acções / CENTRAL FUNDOS Œ Raiz Poupança Reforma / CENTRAL FUNDOS Œ Raiz Rendimento / CENTRAL FUNDOS Œ Raiz Tesouraria - Fundo de Tesouraria / CENTRAL FUNDOS Œ Raiz Valorização / CENTRAL FUNDOS Œ Redes e Comunicações 2003 / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Rendimento Fipor / AF INVESTIMENTOS - FM Œ Santander - FPR / SANTANDER Œ Santander Acções Portugal / SANTANDER Œ Santander Capital 2001 / SANTANDER Œ Santander Capital 2002 / SANTANDER Œ Santander Iberfundo Acções / SANTANDER Œ Santander Multidiversificação / SANTANDER Œ Santander Multinvest / SANTANDER Œ Santander Multipoupança / SANTANDER Œ Santander Obrigações / SANTANDER Œ Sulpedip FRIE / SULPEDIP Œ Sulpedip Retex FRIE / SULPEDIP Œ Sulpedip Tiec FRIE / SULPEDIP Œ Uniacções Europa / MC FUNDOS Œ Uniacções Internacionais / MC FUNDOS Œ Uniacções Portugal / MC FUNDOS Œ Unibanca / MC FUNDOS

17 Œ Unibonds / MC FUNDOS Œ Unicarteira Agressivo - FF / MC FUNDOS Œ Unicarteira Conservador - FF / MC FUNDOS Œ Unicarteira Misto - FF / MC FUNDOS Œ Unicarteira Protecção - FF / MC FUNDOS Œ Unidivida Pública / MC FUNDOS Œ Unidivisas - FT / MC FUNDOS Œ Uniglobal I / MC FUNDOS Œ Uniglobal II / MC FUNDOS Œ Uniobrigações / MC FUNDOS Œ Uniobrigações Agressivo / MC FUNDOS Œ UniPPA - Plano de Poupança em Acções / MC FUNDOS Œ UniPPR - Plano de Poupança Reforma / MC FUNDOS Œ Uniprivatizações / MC FUNDOS Œ Unisemestre / MC FUNDOS Œ Unitaxa Fixa / MC FUNDOS Œ Unitelecom / MC FUNDOS Œ Unitesouraria - FT / MC FUNDOS A Fundos de Investimento Imobiliários Œ Amorim / GESTAMORIM Œ BCM Predial 1 / AF INVESTIMENTOS - FI Œ BNC Predifundo / BNC PREDIFUNDOS Œ Bonança 1 / AF INVESTIMENTOS - FI Œ Correia e Viegas / CORREIA & VIEGAS Œ Efisa Imobiliário / BANCO EFISA Œ Fimes / GESFIMO Œ Finimobiliário / FINIMUS Œ Finipredial / FINIMUS Œ Fundimo / FUNDIMO Œ Fundo Aberto de Investimento Imobiliário Gestão Imobiliária / AF INVESTIMENTOS - FI Œ Fundo de Investimento Imobiliário Fechado Imorenda / TDF Œ Fundo de Investimento Imobiliário Fechado Selecto I / SELECTA Œ Fundo de Investimento Imobiliário Fechado TDF / TDF Œ Fundo de Investimento Imobiliário Fechado Turístico / F. TURISMO Œ Fundo de Investimento Imobiliário Império / IMOPOLIS Œ Fundo de Valores e Investimentos Prediais (VIP) / SILVIP Œ Fundo Imobiliário Fechado Renda Predial / TDF Œ Fundo Imobiliário Fechado Vila Galé / VILA GALÉ GEST Œ Fundo Imosonae Dois / SONAEGEST Œ GEF 2 / GEF Œ GEF I / GEF Œ Geoger - Fundo de Investimento Imobiliário / GEOGER Œ Geril Imobiliário - Gerimo / GICES Œ Gespatrimónio Rendimento / ESAF - FI Œ Gestimo / IMORENDIMENTO Œ Grupo BFE Imobiliário / SOFINAC Œ Hispano Imobiliário 2 / AF INVESTIMENTOS - FI

18 Œ Imocapital Aberto - FII Aberto / AF INVESTIMENTOS - FI Œ Imofomento / SOFINAC Œ Imopólis I / IMOPOLIS Œ Imosotto Acumulação / IMOSOTTO Œ Imosotto Rendimento / IMOSOTTO Œ Imovest / IMOVEST Œ Margueira Capital / MARGUEIRA Œ Maxirent / REFUNDOS Œ Mello Imobiliário / IMOPOLIS Œ Portfolio Imobiliário / AF INVESTIMENTOS - FI Œ Prestigeste Um / GESFIMO Œ Primeiro Imobiliário / PRIMEIRO IMOBILIÁRIO Œ Tottafimo 1 / TOTTAFIMO Œ UBP Imo 1 / BANCO MELLO Œ Urbifundo - Fundo de Investimento Imobiliário / URBIFUNDO A Sociedades de Capital de Risco Œ BNU Capital - Sociedade de Capital de Risco, SA Œ CISF Risco - Companhia de Capital de Risco, SA Œ Comptris - Companhia Portuguesa de Capital de Risco, SA Œ E. S. Capital - Sociedade de Capital de Risco, SA Œ F. Turismo - Capital de Risco, SA Œ Inter Risco - Sociedade de Capital de Risco, SA Œ IPE Capital - Sociedade de Capital de Risco, SA Œ PME Capital - Sociedade Portuguesa de Capital de Risco, SA Œ SPR - Sociedade Portuguesa de Capital de Risco, SA A Sociedades de Desenvolvimento Regional Œ Finantejo - Sociedade de Desenvolvimento Regional do Ribatejo, SA Œ Sodera - Sociedade de Desenvolvimento Regional do Alentejo, SA Œ Soset - Sociedade de Desenvolvimento Regional da Península de Setúbal, SA A Sociedades Emitentes ou Gestoras de Cartões de Crédito Œ Crediplus - Companhia Portuguesa de Cartões de Crédito para a Distribuição, SA Œ Unicre - Cartão Internacional de Crédito, SA A Sociedades Financeiras de Corretagem Œ Argentaria Valores - Sociedade Financeira de Corretagem, SA Œ Ascor - Dealer, Sociedade Financeira de Corretagem, SA Œ BBV Interactivos (Portugal) - Sociedade Financeira de Corretagem, SA Œ BPI Dealer - Sociedade Financeira de Corretagem, SA Œ BSN-Dealer - Sociedade Financeira de Corretagem, SA Œ CISF Dealer - Sociedade Financeira de Corretagem, SA

19 Œ Corretora Atlântico - Sociedade Financeira de Corretagem, SA Œ Espírito Santo Dealer - Sociedade Financeira de Corretagem, SA Œ Mello Valores - Sociedade Financeira de Corretagem, SA Œ Midas Investimentos - Sociedade Financeira de Corretagem, SA Œ NCO Dealer - Sociedade Financeira de Corretagem, SA Œ Sofin - Sociedade Financeira Internacional de Corretagem (Dealers), SA A Sociedades Gestoras de Participações Sociais 2 Œ A. F. - Investimentos SGPS, SA Œ Alves Ribeiro - Investimentos Financeiros, SGPS, SA Œ B.P.P. Sociedade Gestora de Participações Sociais, Sociedade Unipessoal (B.P.P. SGPS), Lda Œ Banif (Açores) - Sociedade Gestora de Participações Sociais, SA Œ Banif-Investimentos - SGPS, SA Œ BCP - Empresas, SGPS, Lda Œ BCP - IF, SGPS, Sociedade Unipessoal, Lda Œ BMI - Sociedade Gestora de Participações Sociais, Unipessoal, Limitada Œ BPI - SGPS, SA Œ Chemical - Sociedade Gestora de Participações Sociais, SA Œ Citico - Sociedade Gestora de Participações Sociais, Lda Œ Cofinoga (Portugal) - SGPS, SA Œ Compta - Sociedade Gestora de Participações Sociais, SA Œ Esaf - Espírito Santo Activos Financeiros, SGPS, SA Œ Espart - Espírito Santo Participações Financeiras (S.G.P.S.), SA Œ Finifundos - Gestão de Activos, SGPS, SA Œ Finigest - S.G.P.S., SA Œ Fipar - Sociedade Gestora de Participações Sociais, SA Œ FNB - Investimentos SGPS, SA Œ Imoloc - Sociedade Gestora de Participações Sociais, SA Œ Itaúsa Portugal - Sociedade Gestora de Participações Sociais, SA Œ Leasefactor SGPS, SA Œ MC - Gestão de Activos, SGPS, SA Œ MC - Gestão de Empresas de Crédito, SGPS, SA Œ Mello Activos Financeiros - SGPS, SA Œ Mello Financiamento Especializado, Sociedade Gestora de Participações Sociais, Sociedade Unipessoal, Lda Œ Midas Participações - SGPS, SA Œ NCO SGPS, SA Œ P & I - Propriedade e Investimento, SGPS, SA Œ Peninsular Investimentos, SGPS, SA Œ Quarenta Mais Quatro - S.G.P.S., Lda Œ Refrap - Sociedade Gestora de Participações Sociais, SA Œ Renault Gest - Sociedade Gestora de Participações Sociais, SA Œ Spasa - Sociedade de Participações Atlântico, S.G.P.S., SA Œ Tecnicrédito SGPS, SA Œ VIC (SGPS), SA Œ Woodchester Credit Lyonnais Holdings Portugal SGPS, Lda

20 A Outros Œ Credivalor - Sociedade Parabancária de Valorização de Créditos, SA Œ Finangeste - Empresa Financeira de Gestão e Desenvolvimento, SA Œ Instituto Nacional de Habitação - INH Œ Mercedes Benz Credit Estabelecimiento Financiero de Credito, SA - Sucursal em Portugal Œ Pastor Servicios Financieros, Establecimiento Financiero de Credito, SA - Sucursal em Portugal Œ Union de Créditos Inmobiliários, SA, Establecimiento Financiero de Crédito (Sociedad Unipersonal) - Sucursal em Portugal A Auxiliares Financeiros A Agências de Câmbios Œ A.C.V. - Agência de Câmbios de Vilamoura, Lda Œ Agência de Câmbios - J. R. Peixe Rei & Companhia Limitada (Sucessores) Œ Agência de Câmbios Central, Lda Œ Agência de Câmbios Cunha, Lda Œ Agência de Câmbios O. Neves, Lda Œ Agência de Câmbios, A. S., SA Œ Cambialis - Agência de Câmbios, Lda Œ Capital Câmbios - Agência de Câmbios, SA Œ Carvalho & Rebelo - Agência de Câmbios, Lda Œ Cotacâmbios - Agência de Câmbios, SA Œ Euro - Agência de Câmbios, Lda Œ Europonto - Agência de Câmbios, Lda Œ Frederico - Agência de Câmbios, Lda Œ Gabriel de Carvalho - Agência de Câmbios, Lda Œ Galturcâmbios - Agência de Câmbios, Lda Œ Isalgarve - Agência de Câmbios, Lda Œ Mercâmbios - Agência de Câmbios, Lda Œ Mundial - Agência de Câmbios, Lda Œ Mundicâmbios - Agência de Câmbios, Lda Œ Oura Câmbios - Agência de Câmbios, Lda Œ Portocâmbios Agência de Câmbios, SA Œ Realcâmbios - Agência de Câmbios, Limitada Œ T. F. - Agência de Câmbios, Lda Œ Unicâmbio - Agência de Câmbios, SA Œ V. I. - Agência de Câmbios, Lda Œ Valençacâmbios - Agência de Câmbios, SA Œ Vicâmbios - Agência de Câmbios, Lda A Sociedades Administradoras de Compras em Grupo Œ Lubritex - Sociedade Administradora de Compras em Grupo, SA Œ Lusogrupos - Administração e Gestão de Compras em Grupo, SA Œ Norgrupo - Sociedade Administradora de Compras em Grupo, SA

IV. LISTAS DE ENTIDADES

IV. LISTAS DE ENTIDADES Anexo à Instrução nº 14/99 IV. LISTAS DE ENTIDADES 1. As presentes listas são uma ferramenta de apoio à correcta classificação sectorial das contrapartes das operações registadas no âmbito das Estatísticas

Leia mais

IV. LISTAS DE ENTIDADES

IV. LISTAS DE ENTIDADES Anexo à Instrução nº 33/2000 IV. LISTAS DE ENTIDADES 1. As listas de entidades constituem uma ferramenta de apoio à correcta classificação sectorial das contrapartes das operações registadas no âmbito

Leia mais

PROSPECTO SIMPLIFICADO Actualizado a 31 de Janeiro de 2005

PROSPECTO SIMPLIFICADO Actualizado a 31 de Janeiro de 2005 PROSPECTO SIMPLIFICADO Actualizado a 31 de Janeiro de 2005 Fundo de Investimento Mobiliário RAIZ POUPANÇA ACÇÕES Tipo de Fundo: Fundo de Poupança em Acções Início de Actividade: 21 de Novembro de 1995

Leia mais

Anexo à Instrução nº 43/97 LISTAS DE ENTIDADES

Anexo à Instrução nº 43/97 LISTAS DE ENTIDADES Anexo à Instrução nº 43/97 LISTAS DE ENTIDADES As presentes listas são uma ferramenta de apoio à correcta classificação sectorial das contrapartes das operações registadas no âmbito das Estatísticas Monetárias

Leia mais

Empresas de Seguros Nacionais

Empresas de Seguros Nacionais Empresas de Seguros Nacionais empresas de seguros nacionais ACP-MOBILIDADE SOCIEDADE DE SEGUROS DE ASSISTÊNCIA, A ACP-Mobilidade - Sociedade de Seguros de Assistência,, foi constituída para explorar o

Leia mais

COMPOSIÇÃO DO GRUPO CRÉDITO AGRÍCOLA

COMPOSIÇÃO DO GRUPO CRÉDITO AGRÍCOLA COMPOSIÇÃO DO GRUPO CRÉDITO AGRÍCOLA 133 1. Caixa Central e Empresas do Grupo CAIXA CENTRAL DE CRÉDITO AGRÍCOLA MÚTUO, C.R.L. Tel.: 213 809 900 Fax: 213 8 861 CRÉDITO AGRÍCOLA INFORMÁTICA - SISTEMAS DE

Leia mais

COMPOSIÇÃO 06 DO GRUPO

COMPOSIÇÃO 06 DO GRUPO 06 COMPOSIÇÃO 06 COMPOSIÇÃO 1. Caixa Central e Empresas do Grupo CAIXA CENTRAL DE CRÉDITO AGRÍCOLA MÚTUO, C.R.L. Rua Castilho, 233-233 A 1099-004 LISBOA Tel.: 213 809 900 Fax: 213 855 861 CRÉDITO AGRÍCOLA

Leia mais

05 Composition of the Group

05 Composition of the Group Composition of the Group 294 1. CAIXA CENTRAL AND GROUP COMPANIES CAIXA CENTRAL DE CRÉDITO AGRÍCOLA MÚTUO, C.R.L. Rua Castilho, 233-233 A 1099-004 LISBOA Tel.: 213 809 900 Fax: 213 855 861 CRÉDITO AGRÍCOLA

Leia mais

Information on the videoconferencing equipment in the courts of Portugal

Information on the videoconferencing equipment in the courts of Portugal Information on the videoconferencing equipment in the courts Portugal No Court name & city Equipment type and make 1 Abrantes Tribunal Judicial 3 2 Abrantes Tribunal do Trabalho 1 3 Águeda Juízo de Instrução

Leia mais

ANEXO II. Página 1 ORDEM TIPO DE C. CLASSE CONCELHO TEM SISTEMA?

ANEXO II. Página 1 ORDEM TIPO DE C. CLASSE CONCELHO TEM SISTEMA? ORDEM TIPO DE C. CLASSE CONCELHO TEM SISTEMA? 2 C. Predial 1 VISEU NÃO 0 C. Predial/Comercial 1 BRAGANÇA NÃO 0 C. Civil/Predial/Comercial 2 VILA NOVA DE CERVEIRA NÃO 0 C. Predial/Comercial 1 VIANA DO CASTELO

Leia mais

Listagem de delegações da IGAC por ordem alfabética

Listagem de delegações da IGAC por ordem alfabética ÁGUEDA AGUIAR DA BEIRA ALBERGARIA-A-VELHA ALBUFEIRA ALCÁCER DO SAL ALCANENA ALCOBAÇA ALCOCHETE ALCOUTIM ALENQUER ALFÂNDEGA DA FÉ ALJEZUR ALJUSTREL ALMADA ALMEIDA ALMEIRIM ALMODÔVAR ALTER DO CHÃO AMADORA

Leia mais

DESAGREGAÇÃO DE ASSOCIADOS 1 ASSOCIADOS POR ESPECIALIDADE E CONSELHO REGIONAL

DESAGREGAÇÃO DE ASSOCIADOS 1 ASSOCIADOS POR ESPECIALIDADE E CONSELHO REGIONAL DESAGREGAÇÃO DE ASSOCIADOS Notas: 1 O conselho geral deliberou, em reunião de 15 de outubro, nos termos do n.º 2 do artigo 11.º do EOSAE, agregar as delegações distritais de Beja, Évora e Portalegre numa

Leia mais

HISTÓRICO DAS EMPRESAS DE SEGUROS ESTABELECIDAS EM PORTUGAL ENTRE 1975 E 2011

HISTÓRICO DAS EMPRESAS DE SEGUROS ESTABELECIDAS EM PORTUGAL ENTRE 1975 E 2011 HISTÓRICO DAS EMPRESAS DE SEGUROS ESTABELECIDAS EM PORTUGAL ENTRE 1975 E 2011 GISELA LAGES 1 1 Departamento de Autorizações e Registo do ISP INTRODUÇÃO O documento que ora se apresenta é resultado de

Leia mais

QZP-10 Z1 BRAGA (03) VIANA DO CASTELO (16) PORTO (13) TÂMEGA (22) Z2 DOURO SUL (20) VILA REAL (17) BRAGANÇA (04)

QZP-10 Z1 BRAGA (03) VIANA DO CASTELO (16) PORTO (13) TÂMEGA (22) Z2 DOURO SUL (20) VILA REAL (17) BRAGANÇA (04) QZP-10 Z1 BRAGA (03) VIANA DO CASTELO (16) PORTO (13) TÂMEGA (22) Z2 DOURO SUL (20) VILA REAL (17) BRAGANÇA (04) Z3 ENTRE DOURO E VOUGA (21) AVEIRO (01) VISEU (18) Z4 COIMBRA (06) LEIRIA (10) Z5 CASTELO

Leia mais

Lista Integral das Empresas de Seguros

Lista Integral das Empresas de Seguros Lista Integral das Empresas de Seguros (ordem alfabética) Lista Integral das Empresas de Seguros (ordem alfabética) A Pátria, Companhia de Seguros A Social Companhia Portuguesa de Seguros, S.A. A.M.A.

Leia mais

Entidades Intermunicipais. Entidade Intermunicipal Designação Munícipios População. Comunidade Intermunicipal do Alto Minho

Entidades Intermunicipais. Entidade Intermunicipal Designação Munícipios População. Comunidade Intermunicipal do Alto Minho Intermunicipal Intermunicipal Intermunicipal Área Metropolitana Intermunicipal Intermunicipal do Alto Minho Intermunicipal do Cávado Área Metropolitana do Porto Intermunicipal do Ave Intermunicipal do

Leia mais

Global Map of Irrigation Areas PORTUGAL

Global Map of Irrigation Areas PORTUGAL NUTS3-region NUTS2-region irrigation Area actually (ha) irrigated (ha) Alentejo Central Alentejo 42 675 22 287 Alentejo Litoral Alentejo 40 289 14 427 Alto Alentejo Alentejo 39 974 20 993 Baixo Alentejo

Leia mais

https://www.portaldasfinancas.gov.pt/pt/main.jsp

https://www.portaldasfinancas.gov.pt/pt/main.jsp DISTRITO ANGRA DO HEROISMO 1901 ANGRA DO HEROISMO 0,500 % 0,300 % 0,80 % 1902 CALHETA (AÇORES) 0,800 % 0,500 % 0,80 % 1903 SANTA CRUZ DA GRACIOSA 0,500 % 0,300 % 0,80 % 1904 VELAS 0,500 % 0,300 % 0,80

Leia mais

Barreiro 0,00% Fafe 0,25% Meda 0,25% Penalva do Castelo 0,25% São Vicente 0,00% Vila Nova de Foz Côa 0,00% Batalha 0,25% Faro 0,25% Melgaço 0,00%

Barreiro 0,00% Fafe 0,25% Meda 0,25% Penalva do Castelo 0,25% São Vicente 0,00% Vila Nova de Foz Côa 0,00% Batalha 0,25% Faro 0,25% Melgaço 0,00% Município Taxa Município Taxa Município Taxa Município Taxa Município Taxa Município Taxa Município Taxa Abrantes 0,25% Boticas 0,25% Figueiró dos Vinhos 0,00% Mirandela 0,25% Pombal 0,25% Sertã 0,25%

Leia mais

Denominação Anterior VS Situação Actual

Denominação Anterior VS Situação Actual Denominação Anterior VS LISTA DAS SEGURADORAS (inclui alterações de denominação, fusões, transferências de carteira, cisões) A Social Companhia Portuguesa de Seguros, S.A. Abeille Vie Société Anonyme d

Leia mais

Decreto-Lei n.º 78/84, de 8 de Março Estabelece a Classificação dos Municípios do Continente e das Regiões Autónomas

Decreto-Lei n.º 78/84, de 8 de Março Estabelece a Classificação dos Municípios do Continente e das Regiões Autónomas Decreto-Lei n.º 78/84, de 8 de Março Estabelece a Classificação dos Municípios do Continente e das Regiões Autónomas Por expressa determinação do Código Administrativo, no seu artigo 6.º, a classificação

Leia mais

DISTRITO CONCELHO DIA HORA Localidade LOCAL Morada VIANA DO CASTELO BRAGA PORTO VILA REAL BRAGANÇA

DISTRITO CONCELHO DIA HORA Localidade LOCAL Morada VIANA DO CASTELO BRAGA PORTO VILA REAL BRAGANÇA DISTRITO CONCELHO DIA HORA Localidade LOCAL Morada BRAGANÇA VILA REAL PORTO BRAGA VIANA DO CASTELO ARCOS DE VALDEVEZ 10 de Maio de 2003 14h e 30m Braga Casa dos Crivos Orfeão de Braga CAMINHA 10 de Maio

Leia mais

Provedores dos clientes

Provedores dos clientes Provedores dos clientes Ace European Group Limited ACP Mobilidade - Sociedade de Seguros de Assistência, S.A. ADA, Ayuda del Automovilista, S.A. de Seguros y Reaseguros Dra. Ada Pereira Nunes dos Santos

Leia mais

Portugal Mapas e Números

Portugal Mapas e Números Plano Anual de Atividades 2011-12 Portugal Mapas e Números Código da atividade ogf3 Destinatários Toda a comunidade educativa da ESSM Intervenientes Responsáveis Prof. Augusto Cebola e Prof. Jorge Damásio

Leia mais

RENDA MÁXIMA ADMITIDA PARA O ANO DE 2015 DE ACORDO COM A PORTARIA N.º 1190/2010, DE 18 DE NOVEMBRO (ORDENADA POR MUNICÍPIO)

RENDA MÁXIMA ADMITIDA PARA O ANO DE 2015 DE ACORDO COM A PORTARIA N.º 1190/2010, DE 18 DE NOVEMBRO (ORDENADA POR MUNICÍPIO) ABRANTES MÉDIO TEJO 334,00 468,00 589,00 AGUEDA BAIXO VOUGA 368,00 501,00 645,00 AGUIAR DA BEIRA DÃO LAFÕES 334,00 468,00 589,00 ALANDROAL ALENTEJO CENTRAL 368,00 501,00 645,00 ALBERGARIA-A-VELHA BAIXO

Leia mais

QUADRO I. LISTA DO PRAZO MÉDIO DE PAGAMENTO REGISTADO POR MUNICÍPIO EM DEZEMBRO DE 2013

QUADRO I. LISTA DO PRAZO MÉDIO DE PAGAMENTO REGISTADO POR MUNICÍPIO EM DEZEMBRO DE 2013 VILA REAL DE SANTO ANTÓNIO 317 303 716 996 1.601 RIBEIRA BRAVA 127 127 125 123 1.558 PORTIMÃO 1.088 1.140 797 780 1.057 SANTA CRUZ 518 515 566 595 1.049 ALIJÓ 202 208 206 203 827 ÉVORA 541 623 867 843

Leia mais

Provedores dos clientes

Provedores dos clientes Provedores dos clientes Ace European Group Limited Açoreana Seguros, S.A. ACP Mobilidade - Sociedade de Seguros de Assistência, S.A. ADA, Ayuda del Automovilista, S.A. de Seguros y Reaseguros Dra. Ada

Leia mais

PMP (n.º dias) a 31-12-2007

PMP (n.º dias) a 31-12-2007 (N.º 20 - Resolução de Conselho de Ministros n.º 34/, publicada no DR n.º 38, 1.ª série, de 22 de Fevereiro) Ordenado por ordem decrescente do PMP em 31-12- a 30-09- a 31-12- VILA FRANCA DO CAMPO 158 182

Leia mais

ADESÃO PLENA AO CNIACC

ADESÃO PLENA AO CNIACC ADESÃO PLENA AO 1. Banco CTT, S.A. 2. Banco BNP Paribas Personal Finance, S.A. 3. Banco Mais, S.A. 4. Banco Popular Portugal, S.A. 5. Popular Franchising, S.A. 6. Pharmacontinente Saúde e Higiene, S.A.

Leia mais

Ofício-Circulado 20007, de 19/03/1999 - Direcção de Serviços do IRC

Ofício-Circulado 20007, de 19/03/1999 - Direcção de Serviços do IRC Ofício-Circulado 0, de //99 - Direcção de Serviços do IRC Taxas de Derrama lançada para cobrança em 99 (Exercício de 98) Ofício-Circulado 0, de //99 - Direcção de Serviços do IRC Taxas de Derrama lançada

Leia mais

Código - Designação Serviço Finanças

Código - Designação Serviço Finanças 01-AVEIRO 19-AGUEDA 4 01-AVEIRO 27-ALBERGARIA-A-VELHA 2 01-AVEIRO 35-ANADIA 3 01-AVEIRO 43-AROUCA 3 01-AVEIRO 51-AVEIRO-1. 1 01-AVEIRO 60-CASTELO DE PAIVA 1 01-AVEIRO 78-ESPINHO 1 01-AVEIRO 86-ESTARREJA

Leia mais

ALOJAMENTOS OFICIAIS PARA ANIMAIS DE COMPANHIA - CENTROS DE RECOLHA OFICIAIS (CRO) AUTORIZADOS

ALOJAMENTOS OFICIAIS PARA ANIMAIS DE COMPANHIA - CENTROS DE RECOLHA OFICIAIS (CRO) AUTORIZADOS 1 ABRANTES LVT INTERMUNICIPAL S PT 05 002 CGM in situ 2 ÁGUEDA C MUNICIPAL PT 03 004 CGM 3 AGUIAR DA BEIRA C INTERMUNICIPAL PT 03 005 CGM SÁTÃO 4 ALCANENA LVT INTERMUNICIPAL PT 05 005 CGM TORRES NOVAS

Leia mais

(Primeira Verificação e Verificação Periódica) Distribuição de Instrumentos e Sistemas de Medição por Zonas Geográficas

(Primeira Verificação e Verificação Periódica) Distribuição de Instrumentos e Sistemas de Medição por Zonas Geográficas ORGANISMOS DE VERIFICAÇÃO METROLÓGICA QUALIFICADOS PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES DE CONTROLO METROLÓGICO LEGAL (Primeira Verificação e Verificação Periódica) Distribuição de Instrumentos e Sistemas de Medição

Leia mais

INFORMAÇÃO TÉCNICA N.º 16/2013. Taxas de derrama a cobrar em 2013 Oficio Circulado n.º 20165

INFORMAÇÃO TÉCNICA N.º 16/2013. Taxas de derrama a cobrar em 2013 Oficio Circulado n.º 20165 INFORMAÇÃO TÉCNICA N.º 16/2013 Taxas de derrama a cobrar em 2013 Oficio Circulado n.º 20165 Com a publicação do Ofício Circulado n.º 20165, do passado dia 5 de Março, foram divulgadas a relação dos municípios

Leia mais

Categorias em análise: Hardware, Software, Serviços TI e Serviços Telecomunicações.

Categorias em análise: Hardware, Software, Serviços TI e Serviços Telecomunicações. RELATÓRIO LOCAL Despesa TIC no Sector Financeiro Oportunidades num Sector em Reestruturação INTRODUÇÃO IDC Portugal: Centro Empresarial Torres de Lisboa, Rua Tomas da Fonseca, Torre G, 1600-209 Lisboa

Leia mais

Função autónoma responsável pela gestão de reclamações (Lista em atualização)

Função autónoma responsável pela gestão de reclamações (Lista em atualização) Função autónoma responsável pela gestão de reclamações (Lista em atualização) Ace Europe Group Limited Sucursal em Portugal Departamento de gestão de reclamações e qualidade de negócio Quinta da Fonte

Leia mais

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS Diário da República, 1.ª série N.º 73 14 de Abril de 2008 2193 PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS Decreto-Lei n.º 68/2008 de 14 de Abril Nos termos do Programa do XVII Governo Constitucional considera

Leia mais

Função autónoma responsável pela gestão de reclamações (Lista em atualização)

Função autónoma responsável pela gestão de reclamações (Lista em atualização) Função autónoma responsável pela gestão de reclamações (Lista em atualização) Ace Europe Group Limited Sucursal em Portugal Departamento de e Qualidade de Negócio Quinta da Fonte Edf. D. Manuel I Piso

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA O PREENCHIMENTO DO

INSTRUÇÕES PARA O PREENCHIMENTO DO INSTRUÇÕES PARA O PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO PEDIDO DE HABITAÇÃO O presente documento pretende apoiá-lo/a no preenchimento do formulário Pedido de Habitação, informando que os campos identificados com

Leia mais

NPC DESIGNAÇÃO INÍCIO DE ACTIVIDADE FIM DE ACTIVIDADE 980350964 ACE EUROPEAN GROUP LIMITED - SUCURSAL EM PORTUGAL 20-03-2007

NPC DESIGNAÇÃO INÍCIO DE ACTIVIDADE FIM DE ACTIVIDADE 980350964 ACE EUROPEAN GROUP LIMITED - SUCURSAL EM PORTUGAL 20-03-2007 A.2.2. COMPANHIAS DE SEGUROS E FUNDOS DE PENSÕES Actualizado em Junho 2007 A.2.2.1. COMPANHIAS DE SEGUROS NPC DESIGNAÇÃO INÍCIO DE ACTIVIDADE FIM DE ACTIVIDADE 980350964 ACE EUROPEAN GROUP LIMITED - SUCURL

Leia mais

Medidas de Rendibilidade e Risco

Medidas de Rendibilidade e Risco 30 de Setembro de 2014 Nº 118 Medidas de Rendibilidade e Risco Com a Colaboração da: FUNDOS DE INVESTIMENTO MOBILIÁRIO E FUNDOS DE PENSÕES ABERTOS 31 Agosto 2014 Classificações Número Montantes F.I.M.

Leia mais

Memorando apresentado pelo ME sobre "recrutamento e colocação de professores"

Memorando apresentado pelo ME sobre recrutamento e colocação de professores Federação Nacional dos Professores www.fenprof.pt Memorando apresentado pelo ME sobre "recrutamento e colocação de professores" 0. QUESTÃO PRÉVIA SOBRE A NEGOCIAÇÃO Em primeiro lugar, a FENPROF pretende

Leia mais

Apresentação dos Fundos Revitalizar Sessão de apresentação - NERSANT. Março, 2014

Apresentação dos Fundos Revitalizar Sessão de apresentação - NERSANT. Março, 2014 Apresentação dos Fundos Revitalizar Sessão de apresentação - NERSANT Março, 2014 A OxyCapital gere dois fundos (FRE e FRC) e está a lançar um fundo Mezzanine para oportunidades híbridas de dívida/capital

Leia mais

Atividade Seguradora - Prémios de Seguro Direto 2011

Atividade Seguradora - Prémios de Seguro Direto 2011 Atividade Seguradora - Prémios de Seguro Direto 2011 16 janeiro 2012 No ano de 2011 o volume da produção de seguro direto em Portugal atingiu os 11,6 mil milhões de euros, dos quais cerca de 92,3% diz

Leia mais

Atividade Seguradora Prémios de Seguro Direto 2013

Atividade Seguradora Prémios de Seguro Direto 2013 Atividade Seguradora Prémios de Seguro Direto 2013 (atualizado em 23 de janeiro de 2014) No ano de 2013 o volume da produção de seguro direto em Portugal foi ligeiramente superior a 13 mil milhões de euros,

Leia mais

Função autónoma responsável pela gestão de reclamações

Função autónoma responsável pela gestão de reclamações Função autónoma responsável pela gestão de reclamações ACP Mobilidade - Sociedade de Seguros de Assistência, S.A. Área de gestão de reclamações apoioclientes@acp.pt ADA, Ayuda del Automovilista, S.A. de

Leia mais

Centro de Informação, Mediação, Provedoria e Arbitragem de Seguros

Centro de Informação, Mediação, Provedoria e Arbitragem de Seguros Centro de Informação, Mediação, Provedoria e Arbitragem de Seguros SERVIÇO DE PROVEDORIA RELATÓRIO DE ACTIVIDADES - ANO DE 2012 Nos termos do disposto no artigo 14º do Regulamento do Serviço de Provedoria

Leia mais

A lista actualizada de sociedades de seguros encontra-se na página de internet do Instituto de Seguros de Portugal, em http://www.isp.

A lista actualizada de sociedades de seguros encontra-se na página de internet do Instituto de Seguros de Portugal, em http://www.isp. BANCO DE PORTUGAL Última atualização: setembro 2014 Last update: setembro 2014 S.12 SOCIEDADES FINANCEIRAS S.128 e S.129 SOCIEDADES DE SEGUROS E FUNDOS DE PENSÕES / INSURANCE CORPORATIONS AND PENSION FUNDS

Leia mais

Lista de Associados. > Hospital do Montijo + Hospital Nossa Senhora do Rosário, EPE CENTRO HOSPITALAR DE ENTRE O DOURO E VOUGA, EPE

Lista de Associados. > Hospital do Montijo + Hospital Nossa Senhora do Rosário, EPE CENTRO HOSPITALAR DE ENTRE O DOURO E VOUGA, EPE ADMINISTRAÇÃO CENTRAL DO SISTEMA DE SAÚDE (ACSS) ARS DE LISBOA E VALE DO TEJO, IP ARS DO ALENTEJO, IP ARS DO ALGARVE, IP ARS DO CENTRO, IP ARS DO NORTE, IP CENTRO DE MEDICINA E REABILITAÇÃO DA REGIÃO CENTRO

Leia mais

Reabilitação de Coberturas em Tribunais

Reabilitação de Coberturas em Tribunais Gouveia (Seia / Coimbra) Grândola (Santiago do Cacém / Évora) Inaugurado em 10/10/1982 Guarda (Guarda / Coimbra) Inaugurado em 27/04/1953 Guimarães (Guimarães / Porto) Arq. Luís Benavente Inaugurado em

Leia mais

Função autónoma responsável pela gestão de reclamações (Lista em atualização)

Função autónoma responsável pela gestão de reclamações (Lista em atualização) Função autónoma responsável pela gestão de reclamações (Lista em atualização) Ace Europe Group Limited Sucursal em Portugal Departamento de e Qualidade de Negócio Quinta da Fonte Edf. D. Manuel I Piso

Leia mais

Para conhecimento e informação aos interessados, divulga-se a lista de Municípios, com a

Para conhecimento e informação aos interessados, divulga-se a lista de Municípios, com a Classificação: 2 O 5. O 5. O 2 Segurança: 1-AT autoridade tributária e aduaneira Processo: 428/2014 DIREÇÃO DE SERViÇOS DO IMPOSTO SOBRE O RENDIMENTO DAS PESSOAS COLETIVAS Oficio Circulado N,o: 20170 de

Leia mais

Serviços disponibilizados pelas autarquias através do Balcão do Empreendedor Informação atualizada no dia 18 de junho 2012 Grupo Entidade Formalidade

Serviços disponibilizados pelas autarquias através do Balcão do Empreendedor Informação atualizada no dia 18 de junho 2012 Grupo Entidade Formalidade Serviços disponibilizados pelas autarquias através do Balcão do Empreendedor Informação atualizada no dia 18 de junho 2012 Grupo Entidade Formalidade Acampamento ocasional Câmara Municipal de Braga Acampamento

Leia mais

Taxas de derrama em cobrança em 2014 corrigidas pelas Finanças

Taxas de derrama em cobrança em 2014 corrigidas pelas Finanças s de derrama em cobrança em 2014 corrigidas pelas Finanças Após publicação do ofício circulado nº 20170 de 2014-03-1, a Autoridade Tributária emitiu novo ofício circulado o nº20171/2014 de 25-03-2014 no

Leia mais

3.º SUPLEMENTO II SÉRIE ÍNDICE. Ministério das Finanças. Ministério da Educação e Ciência PARTE C. Quinta-feira, 10 de abril de 2014 Número 71

3.º SUPLEMENTO II SÉRIE ÍNDICE. Ministério das Finanças. Ministério da Educação e Ciência PARTE C. Quinta-feira, 10 de abril de 2014 Número 71 II SÉRIE Quinta-feira, 10 de abril de 2014 Número 71 ÍNDICE 3.º SUPLEMENTO PARTE C Ministério das Finanças Gabinete do Secretário de Estado das Finanças: Declaração de retificação n.º 404-A/2014: Retifica

Leia mais

Perfil sociodemográfico Real delivery Painel IR % Total painelistas: 10.382 90,7% Sexo Homem 4.231

Perfil sociodemográfico Real delivery Painel IR % Total painelistas: 10.382 90,7% Sexo Homem 4.231 1 / 14 Painel de Banca Portugal Características Tamanho painel (ISO): 32.637 Pessoas perfiladas (ISO): 11.557 Taxa de resposta estimada (ISO): 41% Atualizado: 15/12/2014 Tamanho (ISO): o número de participantes

Leia mais

PARTE C PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS. 26092-(2) Diário da República, 2.ª série N.º 175 8 de setembro de 2015

PARTE C PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS. 26092-(2) Diário da República, 2.ª série N.º 175 8 de setembro de 2015 26092-(2) Diário da República, 2.ª série N.º 175 8 de setembro de 2015 PARTE C PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS Gabinete do Secretário de Estado da Administração Local Despacho n.º 10123-A/2015 Considerando

Leia mais

Atividade Seguradora - Prémios de Seguro Direto 2014

Atividade Seguradora - Prémios de Seguro Direto 2014 Atividade Seguradora - Prémios de Seguro Direto 2014 (atualizado em 15 de janeiro de 2015) No ano de 2014, o volume da produção de seguro direto em Portugal foi de 14,3 mil milhões de euros, refletindo

Leia mais

Teresa Almeida Pinto http://cidades.projectotio.net

Teresa Almeida Pinto http://cidades.projectotio.net Amigas das Pessoas Idosas Teresa Almeida Pinto http://cidades.projectotio.net Associação Valorização Intergeracional e Desenvolvimento Activo Amigas das Pessoas Idosas cidades I Estudo nacional sobre amigabilidade

Leia mais

Mais se solicita brevidade no envio da referida lista de candidatos a peritos locais da avaliação geral, se possível até final próxima semana.

Mais se solicita brevidade no envio da referida lista de candidatos a peritos locais da avaliação geral, se possível até final próxima semana. Documento recebido da Autoridade Tributária relativamente ao processo de seleção de peritos locais de avaliação geral a selecionar por Serviço de Na sequência dos contactos efetuados sobre o assunto em

Leia mais

Âmbito de Aplicação... 3 Promotores... 3 Enquadramento Territorial... 3

Âmbito de Aplicação... 3 Promotores... 3 Enquadramento Territorial... 3 Linha de Apoio I Território, Destinos e Produtos Ficha Informativa - Junho 2007 Índice Âmbito de Aplicação... 3 Promotores... 3 Enquadramento Territorial... 3 Desenvolvimento de Pólos Turísticos... 3 Desenvolvimento

Leia mais

Consulta de Vagas disponíveis para o concurso IM 2009 - A Formação Específica. ANATOMIA PATOLÓGICA Hospitais Universidade de Coimbra - E.P.E.

Consulta de Vagas disponíveis para o concurso IM 2009 - A Formação Específica. ANATOMIA PATOLÓGICA Hospitais Universidade de Coimbra - E.P.E. Hospitais Universidade de Coimbra - E.P.E. Hospital Central de Faro - E.P.E. Instituto Português Oncologia de Lisboa Hospital Central do Funchal Hospital Central do Funchal Preferencial Hospital Curry

Leia mais

Apresentação dos Fundos Revitalizar Sessão de apresentação TORRES INOV-E. 26 de Março, 2014

Apresentação dos Fundos Revitalizar Sessão de apresentação TORRES INOV-E. 26 de Março, 2014 Apresentação dos Fundos Revitalizar Sessão de apresentação TORRES INOV-E 26 de Março, 2014 A OxyCapital gere dois fundos (FRE e FRC) e estáa lançar um fundo Mezzanine para oportunidades híbridas de dívida/capital

Leia mais

CAPELANIAS HOSPITALARES estimativa de despesas (mensais e anuais) do Estado com vencimentos dos capelães

CAPELANIAS HOSPITALARES estimativa de despesas (mensais e anuais) do Estado com vencimentos dos capelães Estimativa (por aproximação grosseira e por defeito) do custo mensal para o Estado de cada capelão em funções nos estabelecimentos de saúde civis (nota: capelães coordenadores auferem vencimentos mais

Leia mais

< 5 4,28 5,57 5,86 6,41 20,48 5 a 10 4,65 6,05 6,14 6,98 28,79

< 5 4,28 5,57 5,86 6,41 20,48 5 a 10 4,65 6,05 6,14 6,98 28,79 Serviço Standard Serviço Especial Peso (Kg) 1 2 3 4 5 Entrega até às 18:00H GRUPOL10H GRUPOL13H GRUPOLSAB GRUPOLMA Entrega até às 10:00H do dia seguinte Entrega até às 13:00H do dia seguinte Entrega ao

Leia mais

DESIGNAÇÃO / FIM DE ATIVIDADE / FISCAL NUMBER NAME

DESIGNAÇÃO / FIM DE ATIVIDADE / FISCAL NUMBER NAME BANCO DE PORTUGAL Última atualização: setembro 2015 Last update: September 2015 S.12 SOCIEDADES FINANCEIRAS / / FINANCIAL CORPORATIONS S.124 FUNDOS DE INVESTIMENTO (EXCETO FUNDOS DO MERCADO MONETÁRIO)

Leia mais

Abertas candidaturas à Linha de Crédito PME Investe VI

Abertas candidaturas à Linha de Crédito PME Investe VI Abertas candidaturas à Linha de Crédito PME Investe VI No seguimento do quadro de apoios concedidos às empresas portuguesas no âmbito das linhas de apoio PME Investe, estão abertas a partir de 18 de Junho

Leia mais

Centros de Recursos. Profissional de Vila Real TORRE DE MONCORVO. Centro de Emprego de Barcelos BARCELOS APACI

Centros de Recursos. Profissional de Vila Real TORRE DE MONCORVO. Centro de Emprego de Barcelos BARCELOS APACI DELEGAÇÃO REGIONAL DO NORTE Profissional de Vila Real VILA REAL TORRE DE MONCORVO A2000 ARDAD Centro de Emprego do Baixo Ave VILA NOVA DE FAMALICÃO ACIP SANTO TIRSO Centro de Emprego de Barcelos BARCELOS

Leia mais

Anexo à Instrução nº 2/96

Anexo à Instrução nº 2/96 Anexo à Instrução nº 2/96 VIII. LISTA DE ENTIDADES SECTOR FINANCEIRO PORTUGUÊS A tabela que se segue possui a ventilação utilizada na organização das listas de entidades do sector financeiro agora apresentadas.

Leia mais

Itinerários Complementares

Itinerários Complementares Itinerários Complementares Viana do Castelo IC28 Bragança IC14 Braga Trofa Vila do Conde Santo Tirso Paços de Ferreira IC25 Matosinhos IC1 IC23 IC2 Espinho Paredes Valongo Porto IC24 Gondomar IC29 Porto

Leia mais

Vistos Gold em Portugal Autorização de Residência para Investidores

Vistos Gold em Portugal Autorização de Residência para Investidores Vistos Gold em Portugal Autorização de Residência para Investidores O programa Vistos Gold, lançado pelas autoridades portuguesas, é um método rápido para investidores estrangeiros obterem uma licença

Leia mais

BANIF - SGPS S.A. ASSEMBLEIA GERAL DE 14 DE OUTUBRO DE 2011 Alínea b) do n.º 1 do Art.º 289.º do CÓDIGO DAS SOCIEDADES COMERCIAIS

BANIF - SGPS S.A. ASSEMBLEIA GERAL DE 14 DE OUTUBRO DE 2011 Alínea b) do n.º 1 do Art.º 289.º do CÓDIGO DAS SOCIEDADES COMERCIAIS BANIF - SGPS S.A. Sociedade Aberta Matriculada na Conservatória do Registo Comercial do Funchal Sede Social: Rua de João Tavira, 30 9004 509 Funchal Capital Social: 570.000.000 Euros * Número único de

Leia mais

Itinerários Principais

Itinerários Principais Itinerários Principais Bragança Viana do Castelo Braga IP9 Vila Real IP4 Porto Aveiro IP3 Viseu IP5 Guarda Coimbra Leiria Castelo Branco IP6 Santarém IP2 Portalegre IP1 Lisboa Setúbal IP7 Évora IP8 Beja

Leia mais

Bloom Consulting. Digital Demand. Countries Regions and Cities. Digital Demand - D2. A Atratividade Online dos Municípios Portugueses.

Bloom Consulting. Digital Demand. Countries Regions and Cities. Digital Demand - D2. A Atratividade Online dos Municípios Portugueses. - D2 A Atratividade Online dos Municípios Portugueses Portugal Bem-vindo! Since 2003 Introdução ao A Bloom Consulting desenvolveu a ferramenta (D2) de forma a obter todos os dados relevantes sobre o comportamento

Leia mais

BANIF - SGPS, SA ASSEMBLEIA GERAL ANUAL DE 31 DE MARÇO DE 2003. Alínea b) do nº 1 do Artº 289º do CÓDIGO DAS SOCIEDADES COMERCIAIS

BANIF - SGPS, SA ASSEMBLEIA GERAL ANUAL DE 31 DE MARÇO DE 2003. Alínea b) do nº 1 do Artº 289º do CÓDIGO DAS SOCIEDADES COMERCIAIS BANIF - SGPS, SA Sociedade com o capital aberto ao investimento do público Sede Social: Rua de João Tavira, 30 9004-509 Funchal Capital Social: 200.000.000 Euros - Pessoa Colectiva nº 511 029 730 Matrícula

Leia mais

1 do Art.º º 289.º º do CÓDIGO DAS SOCIEDADES COMERCIAIS MESA DA ASSEMBLEIA GERAL. Presidente: Prof. Doutor LUÍS MANUEL MOREIRA DE CAMPOS E CUNHA

1 do Art.º º 289.º º do CÓDIGO DAS SOCIEDADES COMERCIAIS MESA DA ASSEMBLEIA GERAL. Presidente: Prof. Doutor LUÍS MANUEL MOREIRA DE CAMPOS E CUNHA BANIF - SGPS S.A. Sociedade Aberta Matriculada na Conservatória do Registo Comercial do Funchal Sede Social: Rua de João Tavira, 30 9004 509 Funchal Capital Social: 570.000.000 Euros * Número único de

Leia mais

PME Investe III - Sector do Turismo. Linha de Apoio às Empresas da Região OESTE

PME Investe III - Sector do Turismo. Linha de Apoio às Empresas da Região OESTE PME Investe III - Sector do Turismo Linha de Apoio às Empresas da Região OESTE Objectivos Esta Linha de Crédito, sem juros e com garantias a custo reduzido, visa apoiar as empresas do sector do turismo,

Leia mais

PME Investe III Sector do Turismo

PME Investe III Sector do Turismo PME Investe III Sector do Turismo Linha Turismo de Habitação e Turismo em Espaço Rural Beneficiários Poderão beneficiar desta linha as empresas que: Comprovem ser Micro e Pequenas Empresas através da certificação

Leia mais

Centro de Informação, Mediação, Provedoria e Arbitragem de Seguros. Relatório de Actividades do Serviço de Provedoria. Ano de 2014

Centro de Informação, Mediação, Provedoria e Arbitragem de Seguros. Relatório de Actividades do Serviço de Provedoria. Ano de 2014 Relatório de Actividades do Serviço de Provedoria Ano de 2014 1. Actividade desenvolvida pelo Serviço de Provedoria O Serviço de Provedoria do Cliente de Seguros visa a disponibilização de uma solução

Leia mais

Estatísticas das redes e serviços de alta velocidade. Preâmbulo

Estatísticas das redes e serviços de alta velocidade. Preâmbulo Estatísticas das redes e serviços de alta velocidade Preâmbulo 1. Tendo em conta que: a) desde o final de 2007 que o Governo assumiu o desenvolvimento das redes de nova geração (RGN) como uma prioridade

Leia mais

1. TOMADOR DO SEGURO/ SEGURADO Poderão contratar este seguro os Colaboradores, incluindo os seus familiares directos.

1. TOMADOR DO SEGURO/ SEGURADO Poderão contratar este seguro os Colaboradores, incluindo os seus familiares directos. Ficha técnica 1. TOMADOR DO SEGURO/ SEGURADO Poderão contratar este seguro os Colaboradores, incluindo os seus familiares directos. São considerados familiares directos: - o cônjuge, desde que viva em

Leia mais

PME Investe III Sector do Turismo

PME Investe III Sector do Turismo PME Investe III Sector do Turismo Linha de Apoio à Tesouraria Beneficiários Poderão beneficiar desta linha as empresas que: Tenham um volume de facturação anual inferior a 150 milhões de euros Desenvolvam

Leia mais

Emergência de instrumentos e mecanismos de liderança a e participação em territórios rios de baixa densidade

Emergência de instrumentos e mecanismos de liderança a e participação em territórios rios de baixa densidade Emergência de instrumentos e mecanismos de liderança a e participação em territórios rios de baixa densidade O caso dos PROVERE Joaquim Felício CCDRC/MAIS CENTRO Coimbra, 24 novembro 2014 1 política pública

Leia mais

Concordância Geográfica de Riscos Extremos de Morte e de Internamento Hospitalar em Portugal Continental (2000-2004)

Concordância Geográfica de Riscos Extremos de Morte e de Internamento Hospitalar em Portugal Continental (2000-2004) Concordância Geográfica de Riscos Extremos de Morte e de Internamento Hospitalar em Portugal Continental (2000-2004) http:// www.insa.pt Concordância Geográfica de Riscos Extremos de Morte e de Internamento

Leia mais

Onde e como se vive em Portugal 2011

Onde e como se vive em Portugal 2011 Onde e como se vive em Portugal 2011 25 de junho de 2013 Onde e como se vive em Portugal 2011 De acordo com os resultados definitivos dos Censos 2011 na região de Lisboa regista-se a maior densidade populacional,

Leia mais

ASSEMBLEIA GERAL ANUAL DE 30 DE MARÇO DE 2007. Alínea b) do nº 1 do Artº 289º do CÓDIGO DAS SOCIEDADES COMERCIAIS

ASSEMBLEIA GERAL ANUAL DE 30 DE MARÇO DE 2007. Alínea b) do nº 1 do Artº 289º do CÓDIGO DAS SOCIEDADES COMERCIAIS 1 BANIF - SGPS, SA Sociedade aberta * Sede Social: Rua de João Tavira, 30 9004-509 Funchal Capital Social: 250.000.000 Euros Número único de matrícula e Pessoa Colectiva nº 511 029 730 ASSEMBLEIA GERAL

Leia mais

Sistema Integrado de Gestão de Resíduos de Equipamentos Eléctricos e Electrónicos -Amb3E - Victor Sousa Uva Amb3E

Sistema Integrado de Gestão de Resíduos de Equipamentos Eléctricos e Electrónicos -Amb3E - Victor Sousa Uva Amb3E Sistema Integrado de Gestão de Resíduos de Equipamentos Eléctricos e Electrónicos -Amb3E - Victor Sousa Uva Amb3E Vila Real, 21 de Fevereiro de 2007 Agenda 1. Enquadramento Legal 2. Amb3E 3. Centros de

Leia mais

GUIA PRÁTICO ISENÇÃO/REDUÇÃO DA TAXA CONTRIBUTIVA REGIÕES COM PROBLEMAS DE INTERIORIDADE INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P

GUIA PRÁTICO ISENÇÃO/REDUÇÃO DA TAXA CONTRIBUTIVA REGIÕES COM PROBLEMAS DE INTERIORIDADE INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P GUIA PRÁTICO ISENÇÃO/REDUÇÃO DA TAXA CONTRIBUTIVA REGIÕES COM PROBLEMAS DE INTERIORIDADE INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Isenção/Redução da Taxa Contributiva Regiões

Leia mais

Parceria 5àsec - La Redoute 1 de Janeiro a 28 de Fevereiro 2015

Parceria 5àsec - La Redoute 1 de Janeiro a 28 de Fevereiro 2015 Parceria 5àsec - La Redoute 1 de Janeiro a 28 de Fevereiro 2015 Nome Loja Cidade Distrito ÁGUEDA PINGO DOCE ÁGUEDA Distrito Aveiro ALBERGARIA-A-VELHA RUA ALBERGARIA A VELHA Distrito Aveiro AVEIRO GLICÍNIAS

Leia mais

1712 Diário da República, 1.ª série N.º 54 18 de Março de 2009

1712 Diário da República, 1.ª série N.º 54 18 de Março de 2009 1712 Diário da República, 1.ª série N.º 54 18 de Março de 2009 Portaria n.º 273/2009 de 18 de Março O Programa do XVII Governo Constitucional define que «o sistema [de saúde] deve ser reorganizado a todos

Leia mais

PME Investe III Sector do Turismo

PME Investe III Sector do Turismo PME Investe III Sector do Turismo Linha Turismo de Habitação e Turismo em Espaço Rural Objectivos Esta Linha de Crédito, criada no âmbito da Linha Específica PME Investe III do Sector do Turismo, visa

Leia mais

INATEL TURISMO PARA TODOS 267 A PREÇOS ECONÓMICOS

INATEL TURISMO PARA TODOS 267 A PREÇOS ECONÓMICOS www.inatel.pt FUNDAÇÃO INATEL TURISMO PARA TODOS PORTUGAL 2013 Desde 267 INCLUI: TRANSPORTE TERRESTRE + 5 NOITES ALOJAMENTO, REFEIÇÕES, PASSEIOS, ANIMAÇÃO E SEGURO. Descubra o que Portugal tem de melhor

Leia mais

ÉPOCA BALNEAR 2011 ACESSIBILIDADE NAS ZONAS BALNEARES PORTUGUESAS NO ÂMBITO DO PROJECTO PRAIA ACESSÍVEL, PRAIA PARA TODOS REGIÃO HIDROGRÁFICA DO NORTE

ÉPOCA BALNEAR 2011 ACESSIBILIDADE NAS ZONAS BALNEARES PORTUGUESAS NO ÂMBITO DO PROJECTO PRAIA ACESSÍVEL, PRAIA PARA TODOS REGIÃO HIDROGRÁFICA DO NORTE ÉPOCA BALNEAR 2011 ACESSIBILIDADE NAS ZONAS BALNEARES PORTUGUESAS NO ÂMBITO DO PROJECTO PRAIA ACESSÍVEL, PRAIA PARA TODOS REGIÃO HIDROGRÁFICA DO NORTE Caminha V. Praia de Âncora costeira C/ cadeira anfíbia

Leia mais

RELATÓRIO PRELIMINAR Lista das propostas de candidaturas a autorizar por NUT III

RELATÓRIO PRELIMINAR Lista das propostas de candidaturas a autorizar por NUT III www.arlindovsky.net RELATÓRIO PRELIMINAR Lista das propostas de candidaturas a autorizar por NUT III NUT III (do CQEP) Designação da Entidade Promotora Pontuação Final Alentejo Central Centro de Emprego

Leia mais