O ROMANCE POLICIAL PARA JOVENS: A SAGA DETETIVESCA DE OS KARAS EM DROGA DE AMERICANA! DE PEDRO BANDEIRA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O ROMANCE POLICIAL PARA JOVENS: A SAGA DETETIVESCA DE OS KARAS EM DROGA DE AMERICANA! DE PEDRO BANDEIRA"

Transcrição

1 O ROMANCE POLICIAL PARA JOVENS: A SAGA DETETIVESCA DE OS KARAS EM DROGA DE AMERICANA! DE PEDRO BANDEIRA ROSIANE CRISTINA DE SOUZA (UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ), ROSA MARIA GRACIOTTO SILVA (UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ). Resumo Detentor de prêmios como Jabuti, APCA, Adolfo Aizen e Altamente Recomendável, pela Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil, Pedro Bandeira tem contribuído para a sistematização do gênero literário voltado para a infância e juventude e, principalmente, angariado um número substancial de leitores, como atestam os mais de vinte milhões de exemplares vendidos no mercado livreiro. Dentre sua produção, que privilegia o jovem leitor, ocupa um lugar de destaque a série Os Karas, que teve seu início no ano de em 1983 com a publicação de A Droga da Obediência e que, atualmente, é composta por outros títulos: Pântano de sangue, Anjo da morte, A Droga do amor, Droga de Americana! e Droga Virtual. Através de um diálogo com o romance policial, a série Os Karas promove uma adequação do gênero ao leitor adolescente, como se observa pelos recursos estéticos de construção do texto, assim como pela inserção de jovens protagonistas dotados de grande inteligência, curiosidade e senso de justiça como detetives capazes de elucidar os crimes revelados na trama. Com o intuito de tornar evidente a adequação promovida por Pedro Bandeira no gênero policial para jovens é que propomos, neste trabalho, um estudo sobre Droga de Americana!, obra publicada em Palavras-chave: romance policial, literatura juvenil, Pedro Bandeira. 1. INTRODUÇÃO AO ROMANCE POLICIAL Segundo Reimão (1983), o Romance Policial teve seu início no século XIX, por volta do ano de 1840, com as narrativas de Edgar Alan Poe. O autor aproveitou o momento propício: o ambiente de moradia das pessoas era as grandes cidades industriais, a ambientação era composta por labirintos de ruas, grandes multidões e lugares desconhecidos, além de fechados e macabros. A polícia que protegia a população era composta por ex-criminosos e condenava mais por queixas do que por provas. Tal realidade desencadeou grande facilidade para se cometer crimes e cada vez mais os jornais se aproveitavam da curiosidade mórbida da população por fatos trágicos que eram noticiados nas primeiras páginas dos diários. Poe ao observar a situação real deu origem às suas narrativas com assassinatos brutais, criando o extraordinário detetive Dupin capaz de solucionar o enigma dos crimes. Dessa forma o gênero policial caiu no gosto do público leitor. Esse tipo de narrativa tem características próprias, como a presença de um detetive inteligentíssimo, uma vítima e um criminoso inteligente e frio. A narrativa conta com a presença de pensamentos lógicos do detetive e exige isso do seu leitor. Com o passar do tempo o romance policial teve suas modificações e alguns autores desenvolveram o romance policial da Série Negra, que possui diferenciação na caracterização das personagens e ambiente, além de conduzir as investigações de forma diferente. De acordo com Lajolo e Zilberman (1987), o sucesso do gênero chega ao público infanto-juvenil brasileiro por volta da década de 1960 devido à ampla divulgação que os livros passaram a ter a esse público específico. Os autores

2 passam, então, a escrever esse gênero com a adaptação necessária, a fim de conquistar as crianças e jovens. Normalmente são histórias que envolvem questões relacionadas ao universo infanto-juvenil, com criminosos adultos e detetives jovens e inteligentes. Características essenciais e presentes em Droga de Americana!, obra analisada a seguir, escrita pelo autor Pedro Bandeira e de grande sucesso entre os jovens. 2. DROGA DE AMERICANA! Publicado em 1999, o livro Droga de Americana!, de Pedro Bandeira, integra a série "Os Karas", que teve seu início com A droga da obediência, em A obra tem como foco a história do seqüestro da filha do presidente dos Estados Unidos, quando esta veio ao Brasil para uma apresentação de ginástica olímpica no Colégio Elite, ao lado de sua amiga Magrí. Apesar da alta proteção destinada à menina, dois criminosos entraram no colégio para seqüestrá-la, mas a confundiram com Magrí e acabaram por levá-la no lugar da americana. Então, o grupo dos Karas, similar às outras obras da série, entrou em ação para salvar a vida de Magrí e colocar os seqüestradores na cadeia. Ao fazer a leitura do livro Droga de Americana!, é possível perceber que o autor criou um grupo de detetives composto por adolescentes que detém alto nível de inteligência, sendo que cada um dos integrantes possui determinada característica que o destaca dos demais. Juntas, essas qualidades específicas se aglutinam, fazendo com que o grupo chegue a um nível quase perfeito, possibilitando-lhe força capaz de deter o vilão. O grupo, formado por quatro meninos e uma menina, criou um nome próprio para eles: "Karas", o contrário de "coroas" e "caretas", simbolizando a modernidade jovem em que se situam os adolescentes que investigam crimes e combatem criminosos. As qualidades específicas de cada um dos personagens pertencentes ao grupo são expostas ao longo da trama: Miguel, possuidor de arguta inteligência, lidera o grupo dos Karas e também o grêmio do Colégio Elite, o que faz dele um ótimo pensador no que se refere a distribuir tarefas aos que melhor podem executá-las: -[...] Crânio você é o nosso especialista em códigos. Trate de decifrar a mensagem o mais rápido possível. Chumbinho fica para ajudar. Calú volte para a porta da área esportiva, de olho em novidades. Eu e Peggy ficaremos aqui por perto, de guarda, para que ninguém perturbe Crânio e Chumbinho enquanto trabalham. Vamos lá, Karas! (BANDEIRA, 1999, p. 122). - Me diga uma coisa, Miguel - continuou o menino, sem responder à pergunta -, você que é presidente do grêmio do colégio. Por acaso a comissão de festas resolveu colocar um alto-falante no telhado dos vestiários para as festas juninas? - Alto falante? É claro que não. A festa vai ser no pátio de recreio do colegial. (BANDEIRA, 1999, P. 134).

3 Calú é o melhor ator do grupo de teatro do Colégio Elite, o que permite ao jovem o manejo de técnicas de maquiagem e grande talento em momentos em que é necessário providenciar disfarces para o grupo: "No alto da árvore, o jovem ator dos Karas começou a planejar a maquiagem de Peggy. A menina teria de ficar irreconhecível, ainda que o próprio pai trombasse com ela na rua" (BANDEIRA, 1999, p. 110). Crânio, por sua vez, possui alto grau de inteligência, o que permite aos Karas o desvendamento de códigos secretos e importantes: "O geninho dos Karas franziu a testa, concentrando-se.[...] No guardanapo, o geninho dos Karas havia escrito: E- L-I-T-E! A boca de Chumbinho escancarou-se. Crânio era demais!" (BANDEIRA, 1999, p. 133). Magrí, a única menina a integrar o grupo dos Karas, encontra-se em perfeito estado físico e também costuma pensar e agir rápido, o que possibilita que o grupo tenha por perto uma solucionadora de problemas de última hora, contando ainda com sua resistência física e psicológica para situações difíceis: De fato a americana era boa atleta, assim como algumas das outras ginastas brasileiras presentes, mas a platéia tinha vibrado mesmo com a apresentação de Magrí, que parecia não ter peso ao evoluir nas barras assimétricas e na ginástica de solo. - Que maravilha! - exclamara uma senhora. - Essa é que é a americana? (BANDEIRA, 1999, p ). Sacudiu a cabeça debaixo d'água. Mesmo sob o impacto de um susto como aquele, mesmo sob o efeito do gás, seu raciocínio era o raciocínio de um Kara. E a presença de espírito de Magrí era a da garota mais inteligente e corajosa que alguém já viu. Só havia uma coisa a fazer: Preciso salvar Peggy!' (BANDEIRA, 1999, p. 30). Chumbinho, o mais jovem dos integrantes do grupo, tem como característica principal sua audácia e coragem, enfrentando qualquer situação, principalmente se lhe for proibida: "Chumbinho estava de pé, com o sistema nervoso pronto para a ação, como um ratinho ao ouvir um miado. A surpresa do primeiro momento logo dava lugar à iniciativa e à coragem de um perfeito membro do grupo dos Karas" (BANDEIRA, 1999, p ). Essas qualidades do menino intensificam-se quando necessita empreender todo o esforço possível, para que consiga salvar sua amiga Magrí: "Somente a presença de espírito e a inteligência de um verdadeiro Kara explicariam a presteza com que Chumbinho chegara àquela conclusão e agira do único modo possível para preservar a vida de Magrí".(BANDEIRA, 1999, p. 36). O grupo como um todo, possui uma característica em comum: eles adoram aventuras reais e perigosas, em que possam ajudar as pessoas e o mundo a ficarem livres de criminosos internacionais que ameaçam a paz e a vida das pessoas:

4 Chumbinho sentia como se os Karas tivessem sido esquecidos dentro do sarcófago de alguma múmia. Há quanto tempo o grupo dos Karas não se envolvia em uma daquelas enrascadas que fariam tremer os adultos mais valentes! Há um tempão não se falava mais em lutas secretas e arriscadíssimas contra vilões fabulosos que o garoto Chumbinho ansiava por voltar a combater (BANDEIRA, 1999, p. 15). Teatro... Puxa vida! Era bem outro o tipo de peça que eu gostaria de representar agora!', o sangue circulava forte por suas artérias ao pensar nos amigos, ao pensar nos Karas. Viver de verdade é muito melhor do que representar. Quando é que os Karas vão entrar em ação novamente'? (BANDEIRA, 1999, p. 25). Pedro Bandeira ao adaptar o gênero policial para o público jovem faz com que seja um grupo de adolescentes que tentam desvendar um mistério ou ato criminoso desde que este fato os atinja de forma direta e particular: Na mente aguda de Chumbinho, a única hipótese cabível para ver ali, perto dos seus joelhos, o corpo nu da filha do presidente americano, e para não ver nem sombra de Magrí, revelou-se claramente. Magrí! Seqüestraram Magrí no lugar de Peggy! Os bandidos se confundiram! Mas... e quando eles descobrirem o engano? Barbaridade! Vão matar Magrí na certa!' (BANDEIRA, 1999, p. 33). O mistério a ser resolvido é desenvolvido de forma rápida, já que o narrador abre a história apresentando ao leitor o motivo da investigação dos jovens. Esse recurso é de importância fundamental na narrativa policial juvenil, de forma a interessar e prender à leitura o público alvo: - I'm the president daughter! What do you think you're doing? Eu sou a filha do presidente! O que você pensa que está fazendo? Estas foram as últimas palavras de Magrí no momento em que estava sendo seqüestrada em pleno vestiário do Colégio Elite... (BANDEIRA, 1999, p. 7-8). Após o autor ter demonstrado ao seu leitor quais são as principais características de cada um dos integrantes dos karas é a vez de apresentar uma divisão de tarefas feita pelo grupo, para que cada um possa ficar responsável de cumprir aquilo que melhor poderia, de acordo com sua especialidade, o que demonstra os benefícios de se trabalhar em equipe:

5 - [...] Crânio você é o nosso especialista em códigos. Trate de decifrar a mensagem o mais rápido possível. Chumbinho fica para ajudar. Calu, volte para a porta da área esportiva, de olho em novidades. Eu e Peggy ficaremos aqui por perto, de guarda, para que ninguém perturbe Crânio e Chumbinho enquanto trabalham. Vamos lá, Karas! (BANDEIRA, 1999, p. 122). Uma outra característica de extrema necessidade no romance policial juvenil é a presença de um detetive adulto, que tem por finalidade conceder o efeito de verossimilhança ao texto. Todavia, notamos que ele é apenas um coadjuvante, visto que os detetives principais são os adolescentes do grupo dos "Karas". Esse detetive apresenta as características da Série Negra que, descritas por Reimão (1983), normalmente é falível, rude, vulgar, áspero e deselegante. Assim, é exatamente desta forma com que se apresenta o detetive Andrade, com certo desleixo, vestindo roupas surradas, suado e um tanto rude: - Um gelato, signore? - a dona da lanchonete que prosperava a olhos vistos devido à contribuição das mesadas dos estudantes do Colégio Elite, que ficava bem ali em frente, recebia simpaticamente o policial careca, de terno amarrotado. - Nós temos um sorvete especial. Fabricação própria [...] (BANDEIRA, 1999, p. 26). Empurrando os que o empurravam, um detetive gordo, careca e suarento ouvia o desencontro de palpites e tentava concentrar-se para descobrir qualquer informação mais sólida que viesse de dentro da escola. Repentinamente, deu-se conta: Magrí! Ela estava lá dentro! Será que fizeram alguma coisa com Magrí?' (BANDEIRA, 1999, p. 48). Esse detetive, apesar de ser secundário, fica com toda a glória no final, apesar de ter sido os jovens que desvendaram o caso, pois os adolescentes preferem permanecer no anonimato a fim de continuarem com as próximas investigações: Do Alasca à Austrália, quem ligasse a televisão só veria locutores comentando a inteligência e a valentia daquele humilde policial brasileiro, que havia superado as mais fabulosas máquinas de investigação do planeta, libertando Peggy MacDermott sem um arranhão e ainda prendendo os responsáveis pelo seqüestro (BANDEIRA, 1999, p. 173).

6 Segundo Boileau e Narcejac (1991), os detetives das narrativas clássicas de enigma são infalíveis, não cometendo erros nem falhas em seu diagnóstico, são capazes de desvendar toda a estrutura montada pelo criminoso. Do grupo dos Karas, o que mais se aproxima dessas características é o Crânio, que possui uma inteligência elevada e funciona como o cérebro da turma, é o responsável pelo desvendamento dos maiores enigmas: O geninho dos Karas franziu a testa, concentrando-se. [...] No guardanapo, o geninho dos Karas havia escrito: E-L-I-T-E! A boca de Chumbinho escancarou-se. Crânio era demais! Tinha descoberto que, substituindo o código tênis-polar por um código inventado na hora, o código MIGUEL-CRÂNYO, Magri criara a palavra "Yorty" para dizer aos Karas que ela estava... no Elite! (BANDEIRA, 1999: ). Outro elemento que se assemelha à narrativa de enigma clássica, exposto por Boileau e Narcejac (1991), e que está presente na narrativa em questão, é a grande inteligência do criminoso, e essa se faz extremamente necessária para que os enigmas sejam complicados de se resolver, aproximando o criminoso do detetive inteligente, sendo o último o único capaz de se igualar a ele e desvendar os mistérios. Um outro fator a observar é que na narrativa policial juvenil o criminoso é um adulto, enquanto os detetives são adolescentes. No caso, o vilão era a pessoa de maior confiança da vítima, que por lutar por sua causa, deixa de pensar na pessoa que ele mais gostava e que também mais tinha carinho e respeito para com ele: Enquanto era carregado por cerca de oito policiais brasileiros, Sherman Blake gritava: - Perdoe-me Peggy! Perdoe-me! Mas você precisa compreender. A América está acima de tudo! Está acima da minha própria vida! Está acima até de sua vidinha preciosa, querida, que eu tanto amo! Compreenda que não há sacrifícios que a grandeza da América não justifique! Até mesmo a sua morte, minha querida Peggy, até mesmo a sua morte! (BANDEIRA, 1999, p. 169). Uma das principais características da narrativa policial, explanada por Van Dine (1928, apud: BOILEAU E NARCEJAC, 1991), é a presença de cadáveres, a fim de demonstrar toda a crueldade de que o vilão é capaz e provocar no leitor o sentimento de raiva e vingança. Em Droga de Americana! esse aspecto surge já na abertura da história: "Estranhas gravatas vermelhas, pegajosas, escorriam do pescoço de cada um deles, maculando-lhes o branco das camisas. Os dois sisudos e mal-encarados agentes de segurança da filha do presidente dos Estados Unidos tinham sido praticamente degolados..." (BANDEIRA, 1999, p. 7). Na narrativa policial de Pedro Bandeira, os detetives mirins não têm problemas econômicos, condição que lhes proporciona maior flexibilidade para desvendar os crimes e os mistérios que investigam: "- Um gelato, signore? - a dona da

7 lanchonete que prosperava a olhos vistos devido à contribuição das mesadas dos estudantes do Colégio Elite, que ficava bem ali em frente, recebia simpaticamente o policial careca, de terno amarrotado" (BANDEIRA, 1999, p. 26). A par da trama policial, o autor propicia que o leitor reflita sobre questões que afloram no âmbito da sociedade contemporânea, expondo os fatos sob a perspectiva do outro, como podemos observar, por exemplo, na concepção que o estrangeiro tem da polícia brasileira: - A polícia do Brasil não serve para nada, mister Android! Leve seu pessoal daqui e vá cuidar do transito, que é melhor![...]- O senhor é um policial do Brasil, é? E quais as providências que vocês tomaram? Sua maldita aeronáutica não tem helicópteros, não tem aviões para perseguir o helicóptero dos seqüestradores? Vocês não têm sequer um radar para rastrear o helicóptero? [...] - Só ouviu?- cortou Blake, malcriado.- O senhor não viu nada? O senhor é cego? Só há cegos na policia de seu país? Será que vocês aprenderam com os palermas do Hooper, é? (BANDEIRA, 1999, p ). O leitor é levado a refletir, também, sobre a falta de privacidade que ronda as pessoas famosas, e ao modo como o público acredita que eles sejam desprovidos de sentimentos e preocupações: - Em toda a minha vida política, Augusto, nunca consegui me acostumar com essa atitude da imprensa, que pensa que pessoas como nós tem respostas para tudo - lembrou MacDermott.- Será que ninguém nota que somos gente como as outras? Que temos família, que queremos a felicidade de nossos filhos como qualquer pessoa? Que temos os mesmos sonhos? As mesmas esperanças? [...] -E as mesmas dúvidas também, Wilbur - acrescentou Rodrigues Lobo, que tratava o colega americano como se fossem velhos amigos.- Esse pessoal exige demais de nós. Muito mais do que somos capazes de fazer! [...] Concordo plenamente, Augusto. Enquanto as relações internacionais forem ditadas pelo poder da ganância, só as coisas ruins serão exportadas. E é isso que eu quero mudar! (BANDEIRA, 1999: 38-39). Aflora do texto de Bandeira uma crítica à manipulação que os países ricos exercem sobre os pobres e também quanto ao poder bélico desses países e suas prováveis conseqüências. O autor tenta mostrar ao leitor o quanto as armas e as guerras fazem mal ao mundo e que essa não é a melhor solução para se resolver problemas: "É chegada a hora de as nações ricas do mundo descobrirem que seu poder não terá o menor sentido enquanto houver outras nações à margem do progresso, outros povos mergulhados na fome, na ignorância e na miséria!"(bandeira, 1999, p. 157). Mais adiante, a voz do autor funde-se ao discurso do presidente americano que conclama os cidadãos para novas atitudes: - Meus irmãos do mundo inteiro! Nosso sonho de paz nunca será possível enquanto um país poderoso como os Estados Unidos ainda insistirem em manter um arsenal

8 nuclear, capaz de arrasar o planeta milhares de vezes, uma depois da outra, e enquanto conservarmos um estoque de armas químicas e biológicas capazes de impor epidemias mortais às populações inocentes de outros países. Por isso, precisamos ter coragem de, unilateralmente, destruir por completo essas armas antes que elas nos destruam! Proponho um desmantelamento total das armas nucleares, químicas e biológicas do mundo inteiro, a começar pelas nossas, as armas dos Estados Unidos. Nesse momento, meus assessores estão distribuindo à imprensa um mapa do meu país, com a localização de todos os arsenais, laboratórios e fábricas de artefatos nucleares, químicos e biológicos. Convido a Organização das Nações Unidas para que envie comissões de fiscalização para testemunhar a destruição das armas do Juízo Final. O Apocalipse, nunca!! (BANDEIRA, 199, p ). 3. CONSIDERAÇÕES FINAIS Os livros que compõem a série "Os Karas" de Pedro Bandeira, e entre eles Droga de Americana!, têm alcançado um significativo sucesso no mercado livreiro, demonstrando a sua aceitação pelo público leitor, constituído de adolescentes e jovens. Dialogando com o romance policial de enigma e da série negra, as narrativas policiais da série "Os karas" promovem uma adequação do gênero ao leitor adolescente, como se observa pelos recursos estéticos de construção do texto, assim como pela inserção de jovens protagonistas, como detetives capazes de elucidar os crimes revelados na trama. Assim, se a presença de um enigma a ser desvendado é capaz de estimular o leitor à leitura, Bandeira, ao adaptar a narrativa policial para o jovem leitor, acrescentou outros elementos capazes de seduzir o leitor. E, entre eles, encontra-se o detetive responsável pela solução do enigma que deixa de ser o adulto, para dar vez ao jovem. Entretanto, dadas as suas peculiaridades, um só não é suficiente e Bandeira cria, então, um grupo, em que somadas as qualidades de cada um, tem-se o retrato de um detetive corajoso, ético, ágil, solidário, que busca a justiça e o bem comum. É o que observamos no livro Droga de Americana! O leitor vendo-se refletido e representado pelos personagens adolescentes, sente-se muito mais próximo do mundo representado e, com isso, com maior possibilidade de interagir com o texto e de identificar com os heróis, como almeja o autor, em suas considerações ao finalizar a obra: "É você, são vocês que terão de enfrentar o futuro, com uma sólida consciência ética, honesta, corajosa e solidária. Como eu coloquei na boca de Miguel, no fim da história, contra tanta coisa, a favor de tanta coisa eu tenho de lutar! Ah, a vida é um trabalho para os Karas!'(BANDEIRA, 1999:192). REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS: BANDEIRA, Pedro. Droga de Americana!. São Paulo: Moderna, 1999.

9 BOILEAU, Pierre; NARCEJAC, Thomas. O Romance Policial. Tradução de Valter Kehdi. São Paulo: Ática, LAJOLO, Marisa; ZILBERMAN, Regina. Literatura Infantil Brasileira História & Histórias. 3ª edição. São Paulo: Ática, REIMÃO, Sandra Lúcia. O que é Romance Policial. São Paulo: Brasiliense, 1983.

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a João do Medo Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a mamãe dele. Um dia, esse menino teve um sonho ruim com um monstro bem feio e, quando ele acordou, não encontrou mais

Leia mais

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão.

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão. REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO Código Entrevista: 2 Data: 18/10/2010 Hora: 16h00 Duração: 23:43 Local: Casa de Santa Isabel DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS Idade

Leia mais

12:00 Palestra: Jesus confia nos Jovens -Por isso entrega sua mãe - Telmo

12:00 Palestra: Jesus confia nos Jovens -Por isso entrega sua mãe - Telmo 2:00 Palestra: Jesus confia nos Jovens -Por isso entrega sua mãe - Telmo Amados de Deus, a paz de Jesus... Orei e pensei muito para que Jesus me usasse para poder neste dia iniciar esta pregação com a

Leia mais

Indice. Bullying O acaso... 11

Indice. Bullying O acaso... 11 Indice Bullying O acaso... 11 Brincadeira de mau gosto. Chega! A história... 21 O dia seguinte... 47 A paixão... 53 O reencontro... 61 O bullying... 69 9 Agosto/2010 O acaso Terça-feira. O sol fazia um

Leia mais

PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS

PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS BANCO DE QUESTÕES - PORTUGUÊS - 8º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ============================================================================================== BRINCADEIRA Começou

Leia mais

Superando Seus Limites

Superando Seus Limites Superando Seus Limites Como Explorar seu Potencial para ter mais Resultados Minicurso Parte VI A fonte do sucesso ou fracasso: Valores e Crenças (continuação) Página 2 de 16 PARTE 5.2 Crenças e regras!

Leia mais

Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências

Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências boletim Jovem de Futuro ed. 04-13 de dezembro de 2013 Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências O Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013 aconteceu de 26 a 28 de novembro.

Leia mais

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008 Humberto Cordeiro Carvalho admitido pela companhia em 1 de julho de 1981. Eu nasci em 25 de maio de 55 em Campos do Goytacazes. FORMAÇÃO Segundo grau Escola

Leia mais

Quanto mais. 15º Plano de aula. 1-Citação as semana: Quanto mais enfrentamos nossos medos, mais eles diminuem.

Quanto mais. 15º Plano de aula. 1-Citação as semana: Quanto mais enfrentamos nossos medos, mais eles diminuem. 15º Plano de aula 1-Citação as semana: Quanto mais enfrentamos nossos medos, mais eles diminuem. 2-Meditação da semana: Meditação para superar o medo 3-História da semana: Abrindo a porta 4-Música da semana:

Leia mais

Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil

Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil Apresentaremos 4 lições, que mostram algum personagem Bíblico, onde as ações praticadas ao longo de sua trajetória abençoaram a vida de muitas

Leia mais

Para gostar de pensar

Para gostar de pensar Rosângela Trajano Para gostar de pensar Volume III - 3º ano Para gostar de pensar (Filosofia para crianças) Volume III 3º ano Para gostar de pensar Filosofia para crianças Volume III 3º ano Projeto editorial

Leia mais

Região. Mais um exemplo de determinação

Região. Mais um exemplo de determinação O site Psicologia Nova publica a entrevista com Úrsula Gomes, aprovada em primeiro lugar no concurso do TRT 8 0 Região. Mais um exemplo de determinação nos estudos e muita disciplina. Esse é apenas o começo

Leia mais

A CRIAÇÃO DO MUNDO-PARTE II

A CRIAÇÃO DO MUNDO-PARTE II Meditação Crianças de 10 a 11 anos NOME: DATA: 03/03/2013 PROFESSORA: A CRIAÇÃO DO MUNDO-PARTE II Versículos para decorar: 1 - O Espírito de Deus me fez; o sopro do Todo-poderoso me dá vida. (Jó 33:4)

Leia mais

A jornada do herói. A Jornada do Herói

A jornada do herói. A Jornada do Herói A Jornada do Herói Artigo de Albert Paul Dahoui Joseph Campbell lançou um livro chamado O herói de mil faces. A primeira publicação foi em 1949, sendo o resultado de um longo e minucioso trabalho que Campbell

Leia mais

- Você sabe que vai ter que falar comigo em algum momento, não sabe?

- Você sabe que vai ter que falar comigo em algum momento, não sabe? Trecho do romance Caleidoscópio Capítulo cinco. 05 de novembro de 2012. - Você sabe que vai ter que falar comigo em algum momento, não sabe? Caçulinha olha para mim e precisa fazer muita força para isso,

Leia mais

Arthur de Carvalho Jaldim Rubens de Almeida Oliveira CÃO ESTELAR. EDITORA BPA Biblioteca Popular de Afogados

Arthur de Carvalho Jaldim Rubens de Almeida Oliveira CÃO ESTELAR. EDITORA BPA Biblioteca Popular de Afogados Arthur de Carvalho Jaldim Rubens de Almeida Oliveira O CÃO ESTELAR EDITORA BPA Biblioteca Popular de Afogados Texto e Pesquisa de Imagens Arthur de Carvalho Jaldim e Rubens de Almeida Oliveira O CÃO ESTELAR

Leia mais

UMA VIDA DE PAZ, PACIÊNCIA E AMABILIDADE EM UM MUNDO HOSTIL.

UMA VIDA DE PAZ, PACIÊNCIA E AMABILIDADE EM UM MUNDO HOSTIL. UMA VIDA DE PAZ, PACIÊNCIA E AMABILIDADE EM UM MUNDO HOSTIL. Como sabemos o crescimento espiritual não acontece automaticamente, depende das escolhas certas e na cooperação com Deus no desenvolvimento

Leia mais

Concurso Literário. O amor

Concurso Literário. O amor Concurso Literário O Amor foi o tema do Concurso Literário da Escola Nova do segundo semestre. Durante o período do Concurso, o tema foi discutido em sala e trabalhado principalmente nas aulas de Língua

Leia mais

Chantilly, 17 de outubro de 2020.

Chantilly, 17 de outubro de 2020. Chantilly, 17 de outubro de 2020. Capítulo 1. Há algo de errado acontecendo nos arredores dessa pequena cidade francesa. Avilly foi completamente afetada. É estranho descrever a situação, pois não encontro

Leia mais

OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES

OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES Introdução ao tema A importância da mitologia grega para a civilização ocidental é tão grande que, mesmo depois de séculos, ela continua presente no nosso imaginário. Muitas

Leia mais

Manual de Aplicação do Jogo da Escolha. Um jogo terapêutico para jovens usuários de drogas

Manual de Aplicação do Jogo da Escolha. Um jogo terapêutico para jovens usuários de drogas Manual de Aplicação do Jogo da Escolha Um jogo terapêutico para jovens usuários de drogas 1 1. Como o jogo foi elaborado O Jogo da Escolha foi elaborado em 1999 pelo Centro de Pesquisa em Álcool e Drogas

Leia mais

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade.

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade. A Palavra de Deus 2 Timóteo 3:16-17 Pois toda a Escritura Sagrada é inspirada por Deus e é útil para ensinar a verdade, condenar o erro, corrigir as faltas e ensinar a maneira certa de viver. 17 E isso

Leia mais

JÓ Lição 05. 1. Objetivos: Jô dependeu de Deus com fé; as dificuldades dele o deu força e o ajudou a ficar mais perto de Deus.

JÓ Lição 05. 1. Objetivos: Jô dependeu de Deus com fé; as dificuldades dele o deu força e o ajudou a ficar mais perto de Deus. JÓ Lição 05 1 1. Objetivos: Jô dependeu de Deus com fé; as dificuldades dele o deu força e o ajudou a ficar mais perto de Deus. 2. Lição Bíblica: Jô 1 a 42 (Base bíblica para a história e o professor)

Leia mais

KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 28/10/15

KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 28/10/15 KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 28/10/15 A mentira não agrada a Deus Principio: Quando mentimos servimos o Diabo o Pai da mentira. Versículo: O caminho para vida é de quem guarda o ensino, mas o que abandona

Leia mais

Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri.

Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri. Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri.com Página 1 1. HISTÓRIA SUNAMITA 2. TEXTO BÍBLICO II Reis 4 3.

Leia mais

Alô, alô. www.bibliotecapedrobandeira.com.br

Alô, alô. www.bibliotecapedrobandeira.com.br Alô, alô Quero falar com o Marcelo. Momento. Alô. Quem é? Marcelo. Escuta aqui. Eu só vou falar uma vez. A Adriana é minha. Vê se tira o bico de cima dela. Adriana? Que Adriana? Não se faça de cretino.

Leia mais

Introdução: Satisfazendo a fome espiritual 05

Introdução: Satisfazendo a fome espiritual 05 Sumário Introdução: Satisfazendo a fome espiritual 05 Série 1: Lidando com o Estresse Estresse 1: Novos lugares, Novas situações estressantes 12 Estresse 2: O sonho impossível 18 Estresse 3: No calor do

Leia mais

RECADO AOS PROFESSORES

RECADO AOS PROFESSORES RECADO AOS PROFESSORES Caro professor, As aulas deste caderno não têm ano definido. Cabe a você decidir qual ano pode assimilar cada aula. Elas são fáceis, simples e às vezes os assuntos podem ser banais

Leia mais

Perdão. Fase 7 - Pintura

Perdão. Fase 7 - Pintura SERM7.QXD 3/15/2006 11:18 PM Page 1 Fase 7 - Pintura Sexta 19/05 Perdão Porque, se vocês perdoarem as pessoas que ofenderem vocês, o Pai de vocês, que está no Céu também perdoará vocês. Mas, se não perdoarem

Leia mais

Carnaval 2014. A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível

Carnaval 2014. A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível Carnaval 2014 A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível Nesta noite vamos fazer uma viagem! Vamos voltar a um tempo que nos fez e ainda nos faz feliz, porque afinal como

Leia mais

Em algum lugar de mim

Em algum lugar de mim Em algum lugar de mim (Drama em ato único) Autor: Mailson Soares A - Eu vi um homem... C - Homem? Que homem? A - Um viajante... C - Ele te viu? A - Não, ia muito longe! B - Do que vocês estão falando?

Leia mais

Lembro-me do segredo que ela prometeu me contar. - Olha, eu vou contar, mas é segredo! Não conte para ninguém. Se você contar eu vou ficar de mal.

Lembro-me do segredo que ela prometeu me contar. - Olha, eu vou contar, mas é segredo! Não conte para ninguém. Se você contar eu vou ficar de mal. -...eu nem te conto! - Conta, vai, conta! - Está bem! Mas você promete não contar para mais ninguém? - Prometo. Juro que não conto! Se eu contar quero morrer sequinha na mesma hora... - Não precisa exagerar!

Leia mais

Histórico do livro Menino brinca de boneca?

Histórico do livro Menino brinca de boneca? Histórico do livro Menino brinca de boneca? Menino brinca de boneca? foi lançado em 1990, com grande aceitação de público e crítica, e vem sendo referência de trabalho para profissionais, universidades,

Leia mais

Lucas Zanella. Collin Carter. & A Civilização Sem Memórias

Lucas Zanella. Collin Carter. & A Civilização Sem Memórias Lucas Zanella Collin Carter & A Civilização Sem Memórias Sumário O primeiro aviso...5 Se você pensa que esse livro é uma obra de ficção como outra qualquer, você está enganado, isso não é uma ficção. Não

Leia mais

Palavras do autor. Escrever para jovens é uma grande alegria e, por que não dizer, uma gostosa aventura.

Palavras do autor. Escrever para jovens é uma grande alegria e, por que não dizer, uma gostosa aventura. Palavras do autor Escrever para jovens é uma grande alegria e, por que não dizer, uma gostosa aventura. Durante três anos, tornei-me um leitor voraz de histórias juvenis da literatura nacional, mergulhei

Leia mais

Os encontros de Jesus. sede de Deus

Os encontros de Jesus. sede de Deus Os encontros de Jesus 1 Jo 4 sede de Deus 5 Ele chegou a uma cidade da Samaria, chamada Sicar, que ficava perto das terras que Jacó tinha dado ao seu filho José. 6 Ali ficava o poço de Jacó. Era mais ou

Leia mais

5 ADOLESCÊNCIA. 5.1. Passagem da Infância Para a Adolescência

5 ADOLESCÊNCIA. 5.1. Passagem da Infância Para a Adolescência 43 5 ADOLESCÊNCIA O termo adolescência, tão utilizado pelas classes médias e altas, não costumam fazer parte do vocabulário das mulheres entrevistadas. Seu emprego ocorre mais entre aquelas que por trabalhar

Leia mais

MENSAGEM DOS PRESIDENTES MASTER 2015

MENSAGEM DOS PRESIDENTES MASTER 2015 MENSAGEM DOS PRESIDENTES MASTER 2015 RL: Rodrigo Luna CB: Claudio Bernardes CB Senhoras e senhores. Sejam bem-vindos à solenidade de entrega do Master Imobiliário. É uma honra poder saudar nossos convidados

Leia mais

Como utilizar este caderno

Como utilizar este caderno INTRODUÇÃO O objetivo deste livreto é de ajudar os grupos da Pastoral de Jovens do Meio Popular da cidade e do campo a definir a sua identidade. A consciência de classe, ou seja, a consciência de "quem

Leia mais

mundo. A gente não é contra branco. Somos aliados, queremos um mundo melhor para todo mundo. A gente está sentindo muito aqui.

mundo. A gente não é contra branco. Somos aliados, queremos um mundo melhor para todo mundo. A gente está sentindo muito aqui. Em 22 de maio de 2014 eu, Rebeca Campos Ferreira, Perita em Antropologia do Ministério Público Federal, estive na Penitenciária de Médio Porte Pandinha, em Porto Velho RO, com os indígenas Gilson Tenharim,

Leia mais

Patrícia Engel Secco Ilustrações Christian Held

Patrícia Engel Secco Ilustrações Christian Held Patrícia Engel Secco Ilustrações Christian Held Projeto Gráfico Ilustra Online Revisão Trisco Comunicação Uma história de amor pelo nosso planeta. Coordenação Editorial Ler é Fundamental Produções e Projetos

Leia mais

ESTATUDO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE

ESTATUDO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE ESTATUDO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE (*) ANGELA GUADAGNIN A sociedade de forma organizada conquistou na constituição que os direitos das crianças e adolescentes fossem um dever a ser implantado e respeitado

Leia mais

Estudo de Caso. Cliente: Rafael Marques. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses

Estudo de Caso. Cliente: Rafael Marques. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses Estudo de Caso Cliente: Rafael Marques Duração do processo: 12 meses Coach: Rodrigo Santiago Minha idéia inicial de coaching era a de uma pessoa que me ajudaria a me organizar e me trazer idéias novas,

Leia mais

7 E o Espírito é o que dá testemunho, porque o Espírito é a verdade. 8 Porque três são os que dão testemunho: o Espírito, e a água, e o sangue; e

7 E o Espírito é o que dá testemunho, porque o Espírito é a verdade. 8 Porque três são os que dão testemunho: o Espírito, e a água, e o sangue; e I João 1 1 O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que contemplamos e as nossas mãos apalparam, a respeito do Verbo da vida 2 (pois a vida foi manifestada, e nós

Leia mais

Sal da TERRA e luz do MUNDO

Sal da TERRA e luz do MUNDO Sal da TERRA e luz do MUNDO Sal da terra e luz do mundo - jovens - 1 Apresentação pessoal e CMV Centro Missionário Providência Canto: vós sois o sal da terra e luz do mundo... MOTIVAÇÃO: Há pouco tempo

Leia mais

JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE

JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE A Novena de Natal deste ano está unida à Campanha da Fraternidade de 2013. O tema Fraternidade e Juventude e o lema Eis-me aqui, envia-me, nos leva para o caminho da JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE Faça a

Leia mais

O que fazer em meio às turbulências

O que fazer em meio às turbulências O que fazer em meio às turbulências VERSÍCULO BÍBLICO Façam todo o possível para viver em paz com todos. Romanos 12:18 OBJETIVOS O QUÊ? (GG): As crianças assistirão a um programa de auditório chamado Geração

Leia mais

Jornalista: Eu queria que o senhor comentasse (incompreensível)?

Jornalista: Eu queria que o senhor comentasse (incompreensível)? Entrevista concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, após cerimônia de apresentação dos resultados das ações governamentais para o setor sucroenergético no período 2003-2010 Ribeirão

Leia mais

Revista Sul-americana de Filosofia e Educação RESAFE A FILOSOFIA E A NOVIDADE DO PENSAMENTO

Revista Sul-americana de Filosofia e Educação RESAFE A FILOSOFIA E A NOVIDADE DO PENSAMENTO 83 Relato de experiência A FILOSOFIA E A NOVIDADE DO PENSAMENTO Vânia Mesquita 1 Resumo: O presente relato busca introduzir a discussão sobre o filosofar em sala de aula como uma importante possibilidade

Leia mais

A DIVERSIDADE NA ESCOLA

A DIVERSIDADE NA ESCOLA Tema: A ESCOLA APRENDENDO COM AS DIFERENÇAS. A DIVERSIDADE NA ESCOLA Quando entrei numa escola, na 1ª série, aos 6 anos, tinha uma alegria verdadeira com a visão perfeita, não sabia ler nem escrever, mas

Leia mais

coleção Conversas #17 - DEZEMBRO 2014 - u s a r Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #17 - DEZEMBRO 2014 - u s a r Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. coleção Conversas #17 - DEZEMBRO 2014 - Sou so profes r a, Posso m a s n ão parar d aguento m e ai ensinar s? d a r a u la s Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. A

Leia mais

CARTA DA TERRA PARA CRIANÇAS

CARTA DA TERRA PARA CRIANÇAS 1 CARTA DA TERRA A Carta da Terra é uma declaração de princípios fundamentais para a construção de uma sociedade que seja justa, sustentável e pacífica. Ela diz o que devemos fazer para cuidar do mundo:

Leia mais

0 21 anos: Fase do amadurecimento biológico 21 42 anos: Fase do amadurecimento psicológico mais de 42 anos: Fase do amadurecimento espiritual

0 21 anos: Fase do amadurecimento biológico 21 42 anos: Fase do amadurecimento psicológico mais de 42 anos: Fase do amadurecimento espiritual Por: Rosana Rodrigues Quando comecei a escrever esse artigo, inevitavelmente fiz uma viagem ao meu passado. Lembrei-me do meu processo de escolha de carreira e me dei conta de que minha trajetória foi

Leia mais

Uma narrativa, uma história e um imaginário. Fernanda Cielo* 1

Uma narrativa, uma história e um imaginário. Fernanda Cielo* 1 Uma narrativa, uma história e um imaginário. Fernanda Cielo* 1 Meu nome é Maria Bonita, sou mulher de Vírgulino Ferreira- vulgo Lampiãofaço parte do bando de cangaceiros liderados por meu companheiro.

Leia mais

TEXTO RETIRADO DO LIVRO: RESILIÊNCIA COMO SUPERAR PRESSÕES E ADVERSIDADES NO TRABALHO

TEXTO RETIRADO DO LIVRO: RESILIÊNCIA COMO SUPERAR PRESSÕES E ADVERSIDADES NO TRABALHO TEXTO RETIRADO DO LIVRO: RESILIÊNCIA COMO SUPERAR PRESSÕES E ADVERSIDADES NO TRABALHO O QUE PODEMOS APRENDER com a experiência de vida de pessoas resilientes é que, para enfrentar situações difíceis, é

Leia mais

Trabalho Finanças Estudos Lazeres Amigos Romance Família Espiritual Saúde

Trabalho Finanças Estudos Lazeres Amigos Romance Família Espiritual Saúde 1) A nossa Vida é composta por diversas vivências, nas quais avaliamos a nossa percepção de Felicidade. De zero a dez, que nota você dá para a sua SATISFAÇÃO ATUAL em cada uma das vivências da tabela abaixo?

Leia mais

Dedico este livro a todas as MMM S* da minha vida. Eu ainda tenho a minha, e é a MMM. Amo-te Mãe!

Dedico este livro a todas as MMM S* da minha vida. Eu ainda tenho a minha, e é a MMM. Amo-te Mãe! Dedico este livro a todas as MMM S* da minha vida. Eu ainda tenho a minha, e é a MMM. Amo-te Mãe! *MELHOR MÃE DO MUNDO Coaching para Mães Disponíveis, www.emotionalcoaching.pt 1 Nota da Autora Olá, Coaching

Leia mais

Quando começou a pensar na alfabetização, em 1962, Paulo Freire trazia mais de 15 anos de

Quando começou a pensar na alfabetização, em 1962, Paulo Freire trazia mais de 15 anos de PAULO FREIRE E A ALFABETIZAÇÃO Vera Lúcia Queiroga Barreto 1 Uma visão de alfabetização que vai além do ba,be,bi,bo,bu. Porque implica uma compreensão crítica da realidade social, política e econômica

Leia mais

Você, no entanto, pode nos ajudar!

Você, no entanto, pode nos ajudar! Este livro pode ser adquirido por educação, negócios, vendas ou uso promocional. Embora toda precaução tenha sido tomada na preparação deste livro, o autor não assume nenhuma responsabilidade por erros

Leia mais

coleção Conversas #6 Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça.

coleção Conversas #6 Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça. coleção Conversas #6 Eu Posso com a s fazer próprias justiça mãos? Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS da Editora AfroReggae nasceu com o desejo

Leia mais

PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO. Fome e Sede

PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO. Fome e Sede PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO HISTÓRIA BÍBLICA: Mateus 18:23-34 Nesta lição, as crianças vão ouvir a Parábola do Servo Que Não Perdoou. Certo rei reuniu todas as pessoas que lhe deviam dinheiro.

Leia mais

coleção Conversas #7 - ABRIL 2014 - f o? Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça.

coleção Conversas #7 - ABRIL 2014 - f o? Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça. Eu quero não parar coleção Conversas #7 - ABRIL 2014 - de consigo.o usar que eu drogas f o? aç e Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS da Editora

Leia mais

HERÓIS SEM ROSTOS - A Saga do Imigrante para os EUA Autor: Dirma Fontanezzi - dirma28@hotmail.com

HERÓIS SEM ROSTOS - A Saga do Imigrante para os EUA Autor: Dirma Fontanezzi - dirma28@hotmail.com HERÓIS SEM ROSTOS - A Saga do Imigrante para os EUA Autor: Dirma Fontanezzi - dirma28@hotmail.com TRECHO: A VOLTA POR CIMA Após me formar aos vinte e seis anos de idade em engenharia civil, e já com uma

Leia mais

A Ana e o Alex contra os falsificadores

A Ana e o Alex contra os falsificadores A Ana e o Alex contra os falsificadores A Ana e o Alex são da mesma turma e muito bons amigos. Estão sempre a viver aventuras incríveis e situações emocionantes. Juntos formam uma dupla experiente! Ana:

Leia mais

coleção Conversas #22 - maio 2015 - Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #22 - maio 2015 - Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. coleção Conversas #22 - maio 2015 - assistente social. agora? Sou E Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS da Editora AfroReggae nasceu com o desejo

Leia mais

Você sabia que... Alguns fatos sobre o meu país

Você sabia que... Alguns fatos sobre o meu país Brasil Você sabia que... A pobreza e a desigualdade causam a fome e a malnutrição. Os alimentos e outros bens e serviços básicos que afetam a segurança dos alimentos, a saúde e a nutrição água potável,

Leia mais

Rotary International Distrito 4570 Programa de Intercâmbio Internacional de Jovens

Rotary International Distrito 4570 Programa de Intercâmbio Internacional de Jovens Rotary International Distrito 4570 Programa de Intercâmbio Internacional de Jovens Depoimentos de Intercambistas Brasileiros 2 Carolina Castro foi aos Estados Unidos em 2011 Programa Longa Duração O ano

Leia mais

SEU GUIA DEFINITIVO PARA PLANEJAR E EXECUTAR DE UMA VEZ POR TODAS SEU SONHO ENGAVETADO

SEU GUIA DEFINITIVO PARA PLANEJAR E EXECUTAR DE UMA VEZ POR TODAS SEU SONHO ENGAVETADO FAÇA ACONTECER AGORA MISSÃO ESPECIAL SEU GUIA DEFINITIVO PARA PLANEJAR E EXECUTAR DE UMA VEZ POR TODAS SEU SONHO ENGAVETADO RENATA WERNER COACHING PARA MULHERES Página 1 Q ue Maravilha Começar algo novo

Leia mais

Um pro logo que ha de fazer algum sentido mais a frente

Um pro logo que ha de fazer algum sentido mais a frente Um pro logo que ha de fazer algum sentido mais a frente De entre todas as coisas que podem entupir os canos lá em casa, um mamífero do Ártico com excesso de peso é provavelmente a pior. Isto porque, embora

Leia mais

coleção Conversas #10 - junho 2014 - Respostas que podem estar sendo feitas para algumas perguntas Garoto de Programa por um.

coleção Conversas #10 - junho 2014 - Respostas que podem estar sendo feitas para algumas perguntas Garoto de Programa por um. coleção Conversas #10 - junho 2014 - Eu sou Estou garoto num de programa. caminho errado? Respostas para algumas perguntas que podem estar sendo feitas Garoto de Programa por um. A Coleção CONVERSAS da

Leia mais

09/09/2004. Discurso do Presidente da República

09/09/2004. Discurso do Presidente da República , Luiz Inácio Lula da Silva, na solenidade de recepção da delegação brasileira que participou das Olimpíadas de Atenas Palácio do Planalto, 09 de setembro de 2004 Meu caro Grael, Meu querido René Simões,

Leia mais

LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS

LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS 1 LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS Lc 19 1 Jesus entrou em Jericó e estava atravessando a cidade. 2 Morava ali um homem rico, chamado Zaqueu, que era chefe dos cobradores

Leia mais

AS MULHERES DE JACÓ Lição 16

AS MULHERES DE JACÓ Lição 16 AS MULHERES DE JACÓ Lição 16 1 1. Objetivos: Ensinar que Jacó fez trabalho duro para ganhar um prêmio Ensinar que se nós pedirmos ajuda de Deus, Ele vai nos ajudar a trabalhar com determinação para obter

Leia mais

FORMAR-SE. Há em muitas de nossas falas, quando terminamos um ciclo, algo que ocorre muito

FORMAR-SE. Há em muitas de nossas falas, quando terminamos um ciclo, algo que ocorre muito FORMAR-SE Senhoras e senhores, Há em muitas de nossas falas, quando terminamos um ciclo, algo que ocorre muito na cultura, algo que tem a profunda marca antropológica dos rituais: a celebração de uma passagem,

Leia mais

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA DESENGANO FADE IN: CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA Celular modelo jovial e colorido, escovas, batons e objetos para prender os cabelos sobre móvel de madeira. A GAROTA tem 19 anos, magra, não

Leia mais

"A felicidade consiste em preparar o futuro, pensando no presente e esquecendo o passado se foi triste"

A felicidade consiste em preparar o futuro, pensando no presente e esquecendo o passado se foi triste "A felicidade consiste em preparar o futuro, pensando no presente e esquecendo o passado se foi triste" John Ruskin "O Instituto WCF-Brasil trabalha para promover e defender os direitos das crianças e

Leia mais

Os encontros de Jesus O cego de nascença AS TRÊS DIMENSÕES DA CEGUEIRA ESPIRITUAL

Os encontros de Jesus O cego de nascença AS TRÊS DIMENSÕES DA CEGUEIRA ESPIRITUAL 1 Os encontros de Jesus O cego de nascença AS TRÊS DIMENSÕES DA CEGUEIRA ESPIRITUAL 04/03/2001 N Jo 9 1 Jesus ia caminhando quando viu um homem que tinha nascido cego. 2 Os seus discípulos perguntaram:

Leia mais

Dinâmicas para Jovens - Brincadeiras para Jovens Atividades para grupos. Quem sou eu? Dinâmica de Apresentação para Grupo de Jovens

Dinâmicas para Jovens - Brincadeiras para Jovens Atividades para grupos. Quem sou eu? Dinâmica de Apresentação para Grupo de Jovens Disponível no site Esoterikha.com: http://bit.ly/dinamicas-para-jovens Dinâmicas para Jovens - Brincadeiras para Jovens Atividades para grupos As dinâmicas de grupo já fazem parte do cotidiano empresarial,

Leia mais

Como conseguir um Marido Cristão Em doze lições

Como conseguir um Marido Cristão Em doze lições Como conseguir um Marido Cristão Em doze lições O. T. Brito Pág. 2 Dedicado a: Minha filha única Luciana, Meus três filhos Ricardo, Fernando, Gabriel e minha esposa Lúcia. Pág. 3 Índice 1 é o casamento

Leia mais

Crianças e Meios Digitais Móveis TIC KIDS ONLINE NO TEMPO DOS MEIOS MÓVEIS: OLHARES DO BRASIL PARA CRIANÇAS DE 11-12 ANOS

Crianças e Meios Digitais Móveis TIC KIDS ONLINE NO TEMPO DOS MEIOS MÓVEIS: OLHARES DO BRASIL PARA CRIANÇAS DE 11-12 ANOS Crianças e Meios Digitais Móveis Lisboa, 29 de novembro de 2014 TIC KIDS ONLINE NO TEMPO DOS MEIOS MÓVEIS: OLHARES DO BRASIL PARA CRIANÇAS DE 11-12 ANOS Educação para o uso crítico da mídia 1. Contexto

Leia mais

Você quer ser um Discípulo de Jesus?

Você quer ser um Discípulo de Jesus? Você quer ser um Discípulo de Jesus? A História do povo de Israel é a mesma história da humanidade hoje Ezequel 37:1-4 Eu senti a presença poderosa do Senhor, e o seu Espírito me levou e me pôs no meio

Leia mais

Discurso do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia em comemoração ao Dia Internacional da Mulher

Discurso do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia em comemoração ao Dia Internacional da Mulher , Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia em comemoração ao Dia Internacional da Mulher Palácio do Planalto, 12 de março de 2003 Minha cara ministra Emília Fernandes, Minha cara companheira Benedita da

Leia mais

Roteiro para curta-metragem. Aparecida dos Santos Gomes 6º ano Escola Municipalizada Paineira NÃO ERA ASSIM

Roteiro para curta-metragem. Aparecida dos Santos Gomes 6º ano Escola Municipalizada Paineira NÃO ERA ASSIM Roteiro para curta-metragem Aparecida dos Santos Gomes 6º ano Escola Municipalizada Paineira NÃO ERA ASSIM SINOPSE José é viciado em drogas tornando sua mãe infeliz. O vício torna José violento, até que

Leia mais

TESTE VOCACIONAL PROF. BRUNO AUGUSTO COLÉGIO SÃO JOSÉ

TESTE VOCACIONAL PROF. BRUNO AUGUSTO COLÉGIO SÃO JOSÉ TESTE VOCACIONAL PROF. BRUNO AUGUSTO COLÉGIO SÃO JOSÉ S I S T E M A P O S I T I V O D E E N S I N O Na escola, você prefere assuntos ligados à: a) Arte, esportes e atividades extracurriculares b) Biologia

Leia mais

Ler em família: viagens partilhadas (com a escola?)

Ler em família: viagens partilhadas (com a escola?) Ler em família: viagens partilhadas (com a escola?) Ação nº41/2012 Formadora: Madalena Moniz Faria Lobo San-Bento Formanda: Rosemary Amaral Cabral de Frias Introdução Para se contar histórias a crianças,

Leia mais

LEMA: EU VIM PARA SERVIR (Mc 10,45) TEMA: FRATERNIDADE: IGREJA E SOCIEDADE

LEMA: EU VIM PARA SERVIR (Mc 10,45) TEMA: FRATERNIDADE: IGREJA E SOCIEDADE LEMA: EU VIM PARA SERVIR (Mc 10,45) TEMA: FRATERNIDADE: IGREJA E SOCIEDADE Introdução A CF deste ano convida-nos a nos abrirmos para irmos ao encontro dos outros. A conversão a que somos chamados implica

Leia mais

Semana Missionária Salesiana II Manda-me, Senhor!

Semana Missionária Salesiana II Manda-me, Senhor! 2ª feira, 23 de fevereiro: Empenho missionário de D. Bosco Bom dia! Hoje iremos aprofundar uma das cenas que será representada na cerimónia de abertura dos jogos nacionais salesianos. Vamos falar sobre

Leia mais

AULA CRIATIVA DE HISTÓRIA - FOLCLORE

AULA CRIATIVA DE HISTÓRIA - FOLCLORE AULA CRIATIVA DE HISTÓRIA - FOLCLORE Mesmo não acreditando na Educação Criativa, o professor pode fazer uma experiência para ver o resultado. É o caso da professora deste relato. Glorinha Aguiar glorinhaaguiar@uol.com.br

Leia mais

Lição 10 Batismo Mergulhando em Jesus

Lição 10 Batismo Mergulhando em Jesus Ensino - Ensino 11 - Anos 11 Anos Lição 10 Batismo Mergulhando em Jesus História Bíblica: Mateus 3:13 a 17; Marcos 1:9 a 11; Lucas 3:21 a 22 João Batista estava no rio Jordão batizando as pessoas que queriam

Leia mais

Palestra tudo O QUE VOCE. precisa entender. Abundância & Poder Pessoal. sobre EXERCICIOS: DESCUBRA SEUS BLOQUEIOS

Palestra tudo O QUE VOCE. precisa entender. Abundância & Poder Pessoal. sobre EXERCICIOS: DESCUBRA SEUS BLOQUEIOS Palestra tudo O QUE VOCE sobre precisa entender Abundância & Poder Pessoal EXERCICIOS: DESCUBRA SEUS BLOQUEIOS Como aprendemos hoje na palestra: a Lei da Atração, na verdade é a Lei da Vibracao. A frequência

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 05 DE AGOSTO PALÁCIO DO PLANALTO

Leia mais

por Adelita Roseti Frulane

por Adelita Roseti Frulane A Companhia da Imaculada e São Domingos Sávio por Adelita Roseti Frulane Em 28 de dezembro de 1854, em Roma, o Papa Pio IX proclamou o Dogma de Fé da Imaculada Conceição de Maria Santíssima. E em Turim,

Leia mais

cartilha direitos humanos layout:layout 1 2008-09-05 13:42 Página 1 CAPA

cartilha direitos humanos layout:layout 1 2008-09-05 13:42 Página 1 CAPA cartilha direitos humanos layout:layout 1 2008-09-05 13:42 Página 1 CAPA cartilha direitos humanos layout:layout 1 2008-09-05 13:42 Página 2 TODOS SÃO IGUAIS PERANTE A LEI* *Artigo 5º da Constituição Brasileira

Leia mais

Por Tiago Bastos 1. 3 Dicas Infalíveis Para Ganhar Dinheiro Online

Por Tiago Bastos 1. 3 Dicas Infalíveis Para Ganhar Dinheiro Online Por Tiago Bastos 1 3 Dicas Infalíveis Para Ganhar Dinheiro Online 3 Dicas Infalíveis Para Ganhar Dinheiro Online Se não pode subir a montanha, torne-se uma. Por Tiago Bastos 2 3 Dicas Infalíveis Para Ganhar

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 68 Discurso na cerimónia de lançamento

Leia mais

OSVALDO. Como também foi determinante a motivação e a indicação feita por um professor.

OSVALDO. Como também foi determinante a motivação e a indicação feita por um professor. OSVALDO Bom dia! Meu nome é Osvaldo, tenho 15 anos, sou de Santa Isabel SP (uma cidadezinha próxima à Guarulhos) e, com muito orgulho, sou bolsista ISMART! Ingressei no ISMART este ano e atualmente estou

Leia mais

Voluntariado nas Organizações de Terceiro Setor Marisa Seoane Rio Resende *

Voluntariado nas Organizações de Terceiro Setor Marisa Seoane Rio Resende * Voluntariado nas Organizações de Terceiro Setor Marisa Seoane Rio Resende * Voluntariado é a expressão da participação da sociedade na vida pública mais significativa da atualidade. Os movimentos de participação

Leia mais