Condições contratuais gerais TVCABO?

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Condições contratuais gerais TVCABO?"

Transcrição

1 Condições contratuais gerais TVCABO? 1. OBJECTO 1.1. As presentes Condições Gerais regulam, em conjunto com os seus Anexos e os demais elementos referidos nas mesmas (conjuntamente Condições dos Produtos e Serviços TVCABO ou Contrato ) o fornecimento e a prestação, pela TVCABO Comunicações Multimédia, Lda. ( TVCABO ) ao Cliente, dos produtos e serviços de: (i) distribuição de programas televisivos adiante designado por Serviço de Televisão, serviço de retransmissão por cabo óptico (FTTH) ou cabo coaxial digital de canais de televisão; (ii) acesso à Internet em banda larga adiante designado por Serviço de Internet, serviço constituído pela transmissão de dados, por cabo, através do protocolo de comunicação TCP/IP ou outros e o acesso à rede Internet (doravante designados por Serviço ou Serviços ) São igualmente regulados os termos e condições aplicáveis à disponibilização, pela TVCABO ao Cliente, das infra-estruturas e equipamentos de suporte aos produtos e Serviços, (doravante Equipamento ou Equipamentos ) O Cliente poderá subscrever ao abrigo das presentes Condições Gerais e das Condições Específicas que lhes venham a ser aplicáveis outros produtos e serviços que a TVCABO tiver disponíveis na sua oferta em cada momento A adesão a um serviço, que poderá ser efectuada presencialmente, ao domicílio ou por qualquer meio à distância (Telefone, Internet ou outro), assim como a posterior utilização do mesmo, pressupõe o conhecimento e aceitação prévios, por parte do Cliente, do disposto no presente Contrato. 2. CONDIÇÕES DA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS 2.1. A prestação do(s) Serviço(s) está sujeita às seguintes condições: (a) o Cliente disponha de cobertura geográfica de rede no local pretendido para a instalação; (b) o Cliente tenha subscrito e fornecido todos os dados de preenchimento obrigatório das Condições Específicas, com veracidade, complementado pela entrega dos Documentos solicitados, de acordo com os procedimentos comerciais em vigor na TVCABO, e estes tenham sido aceites pela TVCABO; (c) que os equipamentos terminais do Cliente sejam compatíveis com a tecnologia utilizada para a prestação do(s) Serviço(s); (d) obtenção pelo Cliente junto de terceiros de autorizações eventualmente necessárias, não podendo a TVCABO poder ser responsabilizada pela inexistência das mesmas Para acesso a determinados Serviços, subscritos e identificados nas Condições Específicas, a TVCABO atribuirá ao Cliente, códigos de identificação pessoal (Nome de Utilizador/Username) e códigos de entrada (Passwords). Os códigos atribuídos pela TVCABO são pessoais e intransmissíveis, não cabendo à TVCABO qualquer responsabilidade pela sua divulgação ou utilização abusiva Os Serviços serão prestados de forma regular e contínua ao abrigo das Condições dos Produtos e Serviços TVCABO, sobre as quais o Cliente teve prévio conhecimento.

2 2.4. No âmbito do Serviço de Televisão, o Cliente terá acesso à generalidade dos canais que, em cada momento, integram o Serviço contratado, canais esses que serão distribuídos enquanto o respectivo sinal estiver disponível para retransmissão No âmbito do Serviço de Internet, as velocidades de acesso correspondem á capacidade máxima atingível nas transferências de informação (downstream e upstream) e não a velocidades garantidas O Cliente apenas poderá solicitar o downgrade ou o upgrade do Serviço de Internet uma vez por mês. Em caso de downgrade ou upgrade, os consumos de tráfego serão facturados de acordo com o preço aplicável ao Serviço activo na data em que os consumos foram efectuados. Se o Cliente tiver efectuado consumos adicionais ao abrigo de um Serviço com determinados limites de tráfego e posteriormente solicitar à TVCABO o upgrade para um Serviço com limites de tráfego mais elevados, o Cliente permanece obrigado ao pagamento dos consumos adicionais efectuados no âmbito do Serviço activo antes do upgrade A TVCABO disponibiliza ao Cliente os detalhes de consumo de tráfego on-line, mediante registo e autenticação na Área do Cliente (disponível através da página A TVCABO reserva-se ao direito de limitar a prestação do Serviço, quando atingido o limite de consumo de tráfego. 3. INSTALAÇÃO, LIGAÇÃO E ACTIVAÇÃO DOS PRODUTOS E SERVIÇOS 3.1. Salvo se existir impossibilidade técnica ou devido a outro motivo de força maior, os Serviços serão instalados, ligados e/ou activados no prazo máximo de 30 (trinta) dias a contar da data do pedido inicial de adesão válido efectuado pelo Cliente, ou por terceiros devidamente mandatados por aquele para o efeito, e/ou do pagamento dos preços devidos pela instalação, ligação e/ou activação dos mesmos. Quando não for possível a instalação, ligação ou activação dos Serviços no prazo referido no presente número ou quando se revele necessária a realização de trabalhos especiais, a TVCABO informará o Cliente do facto e a data de instalação, ligação ou activação será casuisticamente acordada entre a TVCABO e o Cliente Em caso de impossibilidade de prestar o Serviço por motivos técnicos ou outros não imputáveis à TVCABO, o Cliente pode solicitar o reembolso das quantias eventualmente já pagas, no prazo de 15 (quinze) dias a contar da data da comunicação de tal impossibilidade A TVCABO poderá recusar a instalação, ligação e/ou activação dos Serviços ou exigir a prestação de garantia nos casos seguintes: (a) incumprimento, pelo Cliente, de obrigações anteriormente celebradas com a TVCABO ou com outras Empresas que oferecem produtos e serviços semelhantes; (b) o Cliente não disponha de título legítimo do direito de ocupação do(s) local(ais) de instalação do Serviço; (c) o Serviço se destine a ser prestado por um período de tempo limitado, em virtude da realização de um evento específico; (d) o local de instalação do Serviço, indicado pelo Cliente, não integre o conceito legal de bem imóvel Constituem condições para a instalação, ligação e/ou activação dos Serviços as seguintes: (a) A instalação inclui o fornecimento e instalação do cabo necessário à rede de Cliente e acessórios de instalação (se solicitada a instalação com tomada) e respectiva ligação na morada de instalação; (b) O cabo será instalado à vista, salvo se o local já dispuser de infra-estruturas de passagem (sendo as

3 soluções especiais de instalação a pedido do Cliente objecto de orçamentação); (c) Às tomadas adicionais e outros Equipamentos adicionais, além dos previstos nas Condições Específicas, são aplicáveis os preços e as condições de fornecimento específicos em vigor O Cliente deverá assegurar o livre acesso do pessoal ao serviço da TVCABO, devidamente identificado, aos locais de instalação e estar presente (ou fazer-se representar por terceiro) no local e momento da instalação ou em qualquer deslocação do pessoal da TVCABO, de modo a que o respectivo acesso ao local seja assegurado, de forma a ser possível: (i) a instalação, ligação e/ou activação dos Produtos e Serviços; (ii) a manutenção e assistência técnica às infra-estruturas de rede, aos Serviços e Equipamentos; e (iii) a desmontagem e remoção de materiais e Equipamentos propriedade da TVCABO, em caso de desactivação/desligamento dos Serviços; e (iv) testes prévios de conectividade ou outros considerados necessários A instalação dos Serviços poderá implicar o desligamento do sistema de recepção de televisão pré-existente no local de instalação, tendo o Cliente disso conhecimento. O desligamento dos Serviços, por facto imputável ao Cliente exonera a TVCABO da obrigação de repor o sistema de recepção de televisão pré-existente no local de instalação. 4. EQUIPAMENTOS 4.1. O Equipamento será disponibilizado ao Cliente nas modalidades de compra, aluguer ou cedência temporária a título gratuito, sendo que: (a) em caso de compra, o Equipamento é propriedade do Cliente a partir da data de pagamento do respectivo valor; (b) em caso de aluguer ou cedência temporária a título gratuito, o Equipamento permanecerá propriedade da TVCABO, devendo o Cliente mantê-lo em perfeito estado de conservação, no local em que foi instalado e utilizá-lo de forma adequada, única e exclusivamente para os fins previstos nas respectivas Condições Específicas, abstendo-se de o ceder, disponibilizar a terceiros ou introduzir-lhe alterações No caso previsto na alínea a) do número anterior, a TVCABO concede ao Cliente uma garantia relativa ao Equipamento, nos termos da garantia concedida pelo respectivo fabricante ou um dos seus elementos, nos termos legais No caso previsto na alínea b) da condição 4.1., o Cliente obriga-se a indemnizar a TVCABO pelos prejuízos sofridos em caso de extravio ou inutilização do Equipamento, bem como de danos não resultantes de utilização normal O Cliente expressamente reconhece e aceita que, em caso de compra, a alteração do Equipamento, por motivo de avaria, não alarga o período de garantia para além do inicialmente estabelecido No âmbito do Serviço de Televisão, o Equipamento ( Descodificador ) funciona com um cartão de acesso ( Cartão ). O Cartão é sempre propriedade da TVCABO. É expressamente vedado ao Cliente copiar, adulterar ou alterar os códigos de acesso constantes do Cartão, sob pena de a TVCABO suspender o acesso do Cliente aos Serviços Independentemente do motivo e do momento em possa ocorrer a cessação de um Serviço a que esteja associado o Equipamento ou Cartão propriedade da TVCABO, o Cliente será sempre responsável pela sua devolução, a efectuar directamente nas instalações da TVCABO.

4 5. RESPONSABILIDADES DO CLIENTE 5.1. O Cliente é responsável pelo cumprimento das obrigações contraídas neste Contrato, ainda que o Serviço seja usufruído por terceiros, e a respeitar o cumprimento das normas de conduta e recomendações de utilização dos Serviços estabelecidas pela TVCABO, que se encontram disponíveis para consulta através da página O incumprimento do Cliente de alguma disposição das Condições dos Produtos e Serviços TVCABO e demais condições aplicáveis, implicam o pagamento pelo Cliente, de: (a) valor total da instalação, ligação e activação, caso as mesmas tenham sido objecto de promoção, bem como a retirada de Equipamentos instalados; (b) eventuais débitos pendentes e demais encargos associados ou demais danos sofridos pela TVCABO; (c) valor do Equipamento, propriedade da TVCABO, caso o Cliente não o devolva nos termos estabelecidos no presente Contrato Quando existam períodos mínimos de vigência, a cessação deste Contrato, ou qualquer acto do Cliente que impeça a prestação de Serviços antes do fim desses períodos, implica ainda por parte do Cliente o pagamento imediato de todas as mensalidades vencidas e vincendas até ao final do período de vigência O Cliente é responsável por informar de imediato a TVCABO quaisquer avarias do Serviço ou do Equipamento. 6. RESPONSABILIDADES DA TVCABO 6.1. A TVCABO é responsável por procurar, em cada momento, prestar o melhor serviço ao Cliente e optimizar as condições de acesso ao Serviço A TVCABO assegura ao Cliente, para participação de avarias ou outros, um serviço de atendimento, que funcionará nos termos divulgados nas facturas, folhetos informativos e na página Sempre que, para efeitos de resolução de avarias, seja necessário aceder ao local de instalação, a TVCABO acordará a mesma previamente com o Cliente A TVCABO não será responsável em caso de suspensão, interrupção ou alteração dos Serviços, quando tal seja devido a caso de força maior, caso fortuito, acção de terceiros ou de radiodifusores, rede de origem do canal de televisão, operador da rede básica de telecomunicações, ou outras situações que não controle e que impeçam ou prejudiquem o cumprimento deste Contrato A TVCABO não será responsável por quaisquer danos e/ou lucros cessantes sofridos pelo Cliente em caso de atrasos, falhas ou erros de transmissão, interrupções ou degradação do Serviço, deficiente recepção ou de não recepção de determinada emissão, ou outras que tenham implicação na recepção e emissão de sinal, sempre que tal se ficar a dever a falhas de energia eléctrica no abastecimento das suas redes, falhas de energia eléctrica no local de instalação dos Equipamentos de recepção dos Serviços ou ainda circunstâncias de força maior ou caso fortuito A TVCABO não será responsável pelo conteúdo da informação recebida através da Internet ou pela programação de cada canal de televisão.

5 7. PREÇOS, PAGAMENTO E CAUÇÃO 7.1. Os preços pela prestação dos Serviços são os constantes do tarifário em vigor em cada momento (disponível através da página A TVCABO poderá alterar os preços praticados ou modificar as condições de prestação do Serviço, mediante comunicação dirigida ao Cliente através dos meios previstos no ponto 10.1, com uma antecedência mínima de 15 (quinze) dias em relação à sua entrada em vigor O valor dos serviços deverá ser pago antecipadamente, sendo os ciclos de facturação definidos em períodos de 30 (trinta) dias, renovados automaticamente mediante pagamento pelo cliente de mais um ciclo de facturação e de eventuais outros débitos (a rever a linguagem ) O pagamento de facturas será efectuado até à data de vencimento da mesma, havendo mora do Cliente sempre que o prazo seja ultrapassado Em caso de mora no pagamento de quaisquer quantias devidas pelo Cliente, a TVCABO cobrará, sobre essas quantias e pelo período de duração da mora, juros á taxa legal aplicável, podendo cumulativamente suspender e/ou extinguir a prestação do Serviço Eventuais reclamações do Cliente não dão lugar à suspensão do pagamento de facturas, sendo essas reclamações resolvidas nos termos descritos nos pontos 11.1 e Poderá ser exigido a todo o tempo, ao Cliente, a prestação ou reforço de garantias, designadamente sobre a forma de caução ou outras, sempre que se verificar o incumprimento dos prazos de pagamento das facturas. 8. SUSPENSÃO E RESTABELECIMENTO, EXTINÇÃO, INTERRUPÇÃO TEMPORÁRIA 8.1. A TVCABO reserva-se o direito de suspender, total ou parcialmente, o acesso, pelo Cliente, aos Serviços quando: (a) o Cliente não efectue o pagamento dos serviços no prazo estabelecido nas mesmas; (b) o Cliente viole culposa e gravemente as Condições dos Produtos e Serviços TVCABO, ou qualquer utilizador o faça a partir do Equipamento instalado no Cliente; (c) o Cliente utilize o Serviço no âmbito de actividades ilícitas; (d) tal obrigação resulte de determinação imposta por autoridades administrativas ou de decisão proferida por autoridades judiciais; (e) ocorrência de caso fortuito ou de força maior; (f) o Cliente forneça dados falsos, incompletos, ou inexactos no preenchimento dos documentos relativos à prestação do Serviço; (g) se verifique uma degradação do Serviço motivada, designadamente, por uma alteração das condições de acesso; ou (h) tal seja necessário para garantir o bom funcionamento das infra-estruturas de suporte ao Serviço O acesso aos Serviços será restabelecido após a cessação do facto que deu origem à suspensão, ficando o Cliente sujeito ao pagamento do preço de restabelecimento/reactivação previsto no Preçário TVCABO em vigor A TVCABO poderá realizar acções de conservação, manutenção e desenvolvimento da sua rede de distribuição por cabo óptico (FTTH) ou cabo coaxial digital e sistemas de informação de suporte devendo, porém, quando for previsível a interrupção da prestação dos Serviços, informar o Cliente, por meio adequado.

6 9. VIGÊNCIA E CESSAÇÃO 9.1. O presente Contrato, celebrado na data indicada nas Condições Específicas, inicia a sua vigência a partir da data da activação dos Serviços A menos que expressamente indicado nas Condições Particulares, este Contrato é celebrado por 12 (doze) ciclos de facturação de 30 (trinta) dias cada, renovando-se automaticamente, por períodos iguais e sucessivos de 30 (trinta) dias O Cliente poderá denunciar o presente Contrato a qualquer momento, devendo para tal avisar por escrito a TVCABO, através de carta comprovadamente entregue à TVCABO e assinada pelo Cliente, com pelo menos 30 (trinta) dias de antecedência relativamente ao mês pretendido para a cessação da vigência, sem prejuízo do estabelecido nos pontos 5.2, alíneas a), b), c) e A TVCABO poderá denunciar o presente Contrato a qualquer momento, devendo para tal avisar o Cliente através dos meios previstos no ponto 10.1, com pelo menos 7 (sete) dias de antecedência relativamente ao início do mês pretendido para a cessação da vigência Em caso de cessação da oferta de qualquer Serviço, a TVCABO informará o Cliente através dos meios previstos no ponto 10.1, com uma antecedência mínima de 7 (sete) dias. 10. COMUNICAÇÕES E NOTIFICAÇÕES As comunicações escritas da TVCABO dirigidas ao Cliente poderão ser efectuadas: (a) através de envio de carta para a morada indicada pelo Cliente na adesão aos Serviços; (b) através de inserção da informação na factura dos Serviços; (c) através de inserção da informação num ou vários dos canais que compõem o Serviço de Televisão, desde que complementada com uma comunicação efectuada por um dos restantes meios previstos na presente cláusula; (d) através da inserção da informação em alertas publicados através do browser utilizado para navegação na Internet e endereçados aos Clientes; (e) através do envio de mensagens escritas (SMS) para o número telefónico do serviço telefónico móvel indicados pelo Cliente na adesão aos Serviços; (f) para um do(s) endereço(s) de correio electrónico fornecido(s) pelo Cliente à TVCABO, comprometendo-se o Cliente a assegurar a manutenção do(s) mesmo(s) para o efeito O Cliente poderá enviar comunicações escritas para a TVCABO para a morada: Av. dos Presidentes 68, CP4268, Maputo, Moçambique ou para o endereço de correio electrónico: A TVCABO e o Cliente convencionam que, para efeitos de recepção de citações ou notificações judiciais, se consideram domiciliados nos respectivos endereços (no caso do Cliente o endereço indicado na adesão aos Serviços no caso da TVCABO a morada da sede), devendo o Cliente comunicar à TVCABO qualquer alteração de morada e domicílio, mediante a entrega comprovada de carta à TV CABO, no prazo de 15 (quinze) dias após a referida alteração, sob pena de o Cliente se considerar citado no endereço inicialmente indicado.

7 11. RESOLUÇÃO DE LITÍGIOS, TRIBUNAL COMPETENTE E LEI APLICÁVEL Sem prejuízo do recurso aos tribunais e às entidades responsáveis pela defesa, o Cliente poderá reclamar perante a TVCABO de actos ou omissões que considere violadores das Condições dos Produtos e Serviços TVCABO, devendo fazê-lo, sob pena de caducidade do direito, no prazo de 60 (sessenta) dias após o conhecimento do facto que deu origem à violação, ficando a TVCABO obrigada a analisar as reclamações e a informar o Cliente da sua decisão no mesmo prazo, após a recepção da reclamação apresentada Para resolução de qualquer litígio relativo aos Produtos e Serviços fornecidos/prestados pela TVCABO, à interpretação ou à validade das Condições dos Produtos e Serviços TVCABO, as partes escolhem como competente o tribunal da comarca da morada de instalação Serviços. 12. DADOS PESSOAIS Os dados pessoais do Cliente e os dados relativos às comunicações electrónicas efectuadas por este através dos Serviços são processados e tratados informaticamente pela TVCABO ou pelas entidades que esta subcontrate para o efeito. Em caso de não pagamento das facturas emitidas pela TVCABO até à respectiva data limite de pagamento, a TVCABO poderá comunicar os dados pessoais do Cliente a empresas subcontratadas para a recuperação de créditos Os dados pessoais do Cliente solicitados na adesão aos Serviços necessários ao fornecimento e prestação dos Serviços são de fornecimento obrigatório, comprometendo-se o Cliente a informar a TVCABO de qualquer alteração relativa aos dados que tiver fornecido à TVCABO. A omissão ou inexactidão dos dados fornecidos pelo Cliente são da sua única e inteira responsabilidade A entidade responsável pelo tratamento dos dados pessoais é a TVCABO Comunicações Multimédia, Lda, sendo garantido ao Cliente o direito de acesso, rectificação ou eliminação dos seus dados pessoais. 13. GRAVAÇÃO E REGISTO DE COMUNICAÇÕES ELECTRÓNICAS As comunicações electrónicas efectuadas pelo Cliente poderão ser objecto de gravação e registo pela TVCABO, independentemente dos suportes ou canais de comunicação que sejam utilizados, para efeitos da transmissão, à TVCABO, de quaisquer indicações ou instruções respeitantes aos Produtos e Serviços, e bem assim para avaliação da qualidade do atendimento telefónico no âmbito da prestação do serviço de atendimento a clientes. A TVCABO poderá, neste âmbito, proceder à gravação de chamadas telefónicas efectuadas pelo Cliente As gravações e registos efectuados nos termos do número anterior poderão ser utilizados pela TVCABO para comprovar e justificar as instruções dadas pelo Cliente e as transacções comerciais/operações realizadas O Cliente poderá solicitar à TVCABO cópia ou transcrição escrita das comunicações gravadas, mediante pedido dirigido à TVCABO e o pagamento de uma comissão determinada por esta entidade.

GERAIS DOS PRODUTOS E SERVIÇOS ZON 51, 9000-090 1. OBJECTO

GERAIS DOS PRODUTOS E SERVIÇOS ZON 51, 9000-090 1. OBJECTO CONDIÇÕES GERAIS DOS PRODUTOS E SERVIÇOS ZON Madeira 1. OBJECTO 1.1 As presentes Condições Gerais regulam, em conjunto com os seus Anexos e os demais elementos referidos nas mesmas (conjuntamente Condições

Leia mais

PT PRIME - Soluções Empresariais de Telecomunicações e Sistemas, S.A., pessoa colectiva nº 502 840 757, com

PT PRIME - Soluções Empresariais de Telecomunicações e Sistemas, S.A., pessoa colectiva nº 502 840 757, com Prime Soluções Empresariais SEDE: Rua de Entrecampos, 28, 1749-076 Lisboa Nº de Pessoa Colectiva 502 M 757 - N' de Matricula 08537 C.R.C.L Capital Social de EUR.; 30 000 000. I/ -I- CONTRATO DE PRESTAÇÃO

Leia mais

Condições de Oferta dos Serviços STV

Condições de Oferta dos Serviços STV Condições de Oferta dos Serviços STV ÍNDICE 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRESTADOR...2 2. INFORMAÇÃO SOBRE OS SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS ACESSÍVEIS AO PÚBLICO... 2 2.1) SERVIÇO DE TELEFONE VOZ FIXA...

Leia mais

Uni Teldata - Telecomunicações, S.A.

Uni Teldata - Telecomunicações, S.A. Uni Teldata - Telecomunicações, S.A. Pessoa Coletiva nº 508 105 110 Capital Social: 1.000.000,00 CRC Chaves Matricula n.º 508 105 110 SEDE: Parque Tecnológico de Chaves Lote B4, Outeiro Seco 5400-673 Chaves

Leia mais

Condições Gerais de Prestação do Serviço Telefónico Acessível ao Público num Local Fixo através de Cartão Virtual de Chamadas 1.

Condições Gerais de Prestação do Serviço Telefónico Acessível ao Público num Local Fixo através de Cartão Virtual de Chamadas 1. Condições Gerais de Prestação do Serviço Telefónico Acessível ao Público num Local Fixo através de Cartão Virtual de Chamadas da MEO - Serviços de Comunicações e Multimédia, S.A., com sede na Av. Fontes

Leia mais

CONDIÇÕES DE OFERTA DO SERVIÇO PME MAX VOICE

CONDIÇÕES DE OFERTA DO SERVIÇO PME MAX VOICE INI CONDIÇÕES DE OFERTA DO SERVIÇO PME MAX VOICE Índice A. IDENTIFICAÇÃO DO PRESTADOR 3 1. PONTOS DE CONTACTO 3 B. INFORMAÇÃO SOBRE OS SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS ACESSÍVEIS AO PÚBLICO 4 1. CONDIÇÕES

Leia mais

Protocolo de colaboração entre a ANESPO Associação Nacional do Ensino Profissional e a DBG Gabinete de Aplicações Informáticas, Lda

Protocolo de colaboração entre a ANESPO Associação Nacional do Ensino Profissional e a DBG Gabinete de Aplicações Informáticas, Lda Protocolo de colaboração entre a ANESPO Associação Nacional do Ensino Profissional e a DBG Gabinete de Aplicações Informáticas, Lda Entre: ANESPO Associação Nacional do Ensino Profissional, com sede na

Leia mais

ARTIGO 1.º DEFINIÇÕES ARTIGO 2.º OBJECTO DO CONTRATO ARTIGO 3.º INÍCIO E DURAÇÃO DO CONTRATO. SEGURO REAL VIDA Condições Gerais

ARTIGO 1.º DEFINIÇÕES ARTIGO 2.º OBJECTO DO CONTRATO ARTIGO 3.º INÍCIO E DURAÇÃO DO CONTRATO. SEGURO REAL VIDA Condições Gerais ARTIGO 1.º DEFINIÇÕES 1. Para efeitos do presente contrato entende-se por: Seguradora: a Real Vida Seguros, S.A., que subscreve com o Tomador de Seguro o presente contrato; Tomador de Seguro: A entidade

Leia mais

CONTRATO DE ADESÃO DA SOLUÇÃO MEDICINA DIRETA

CONTRATO DE ADESÃO DA SOLUÇÃO MEDICINA DIRETA CONTRATO DE ADESÃO DA SOLUÇÃO MEDICINA DIRETA 1. DAS PARTES NEODEL TECNOLOGIA E SOFTWARE LTDA, com sede à Rua Alvorada, no. 64 Conjunto 42, Bairro Vila Olímpia, Cidade de São Paulo, SP, Cep: 04550-000,

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE ACESSO À "INTERNET" Minuta

CONDIÇÕES GERAIS DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET Minuta I CONDIÇÕES GERAIS DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE ACESSO À "INTERNET" Minuta O PRESENTE CONTRATO FOI APROVADO PELO INSTITUTO DAS COMUNICAÇÕES DE PORTUGAL, NOS TERMOS E PARA OS EFEITOS DO ARTIGO 9/2 DO DECRETO

Leia mais

Diário da República, 2.ª série N.º 13 19 de Janeiro de 2011 3935

Diário da República, 2.ª série N.º 13 19 de Janeiro de 2011 3935 Diário da República, 2.ª série N.º 13 19 de Janeiro de 2011 3935 Despacho n.º 1550/2011 A mais recente revisão regulamentar do sector do gás natural, concretizada através do Despacho n.º 4878/2010, de

Leia mais

Contrato de Assistência Técnica ao Programa pleon

Contrato de Assistência Técnica ao Programa pleon Contrato de Assistência Técnica ao Programa pleon dbgep/99999 Entre: -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

REAL PPR Condições Gerais

REAL PPR Condições Gerais Entre a, adiante designada por Segurador, e o Tomador do Seguro identificado nas Condições Particulares, estabelece-se o presente contrato de seguro que se regula pelas Condições Particulares e desta apólice,

Leia mais

CONDIÇÕES ESPECÍFICAS DO SERVIÇO DE COMUNICAÇÕES ELECTRÓNICAS ATRAVÉS DE FIBRA ÓPTICA

CONDIÇÕES ESPECÍFICAS DO SERVIÇO DE COMUNICAÇÕES ELECTRÓNICAS ATRAVÉS DE FIBRA ÓPTICA CONDIÇÕES ESPECÍFICAS DO SERVIÇO DE COMUNICAÇÕES ELECTRÓNICAS ATRAVÉS DE FIBRA ÓPTICA 1. Serviço 1.1. Para os efeitos das Condições Gerais (adiante Condições ), nomeadamente, da cláusula 1.1. o Serviço

Leia mais

VALOR GARANTIDO VIVACAPIXXI

VALOR GARANTIDO VIVACAPIXXI VALOR GARANTIDO VIVACAPIXXI CONDIÇÕES GERAIS CAPÍTULO I GENERALIDADES ARTº 1º - DEFINIÇÕES 1. Para os efeitos do presente contrato, considera-se: a) Companhia - a entidade seguradora,, que subscreve com

Leia mais

Nº Solicitação Nº cliente. Localidade. Localidade. Novo cliente Cliente já existente Indique aqui o seu número de telefone atual.

Nº Solicitação Nº cliente. Localidade. Localidade. Novo cliente Cliente já existente Indique aqui o seu número de telefone atual. contrato de adesão ao serviço MEO com telemóvel Mod.C/1001785 A preencher pelos nossos serviços Data provável de instalação Nº Solicitação Nº cliente Nº venda (PRT) Vendedor 1. IDENTIFICAÇÃO DO CLIENTE

Leia mais

CONTRATO DE FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉTRICA EM AT (Alta Tensão) CONDIÇÕES GERAIS

CONTRATO DE FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉTRICA EM AT (Alta Tensão) CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉTRICA EM AT (Alta Tensão) CONDIÇÕES GERAIS 1ª - Objeto do Contrato. 1. O presente Contrato tem por objeto o fornecimento de energia elétrica pela EDP Serviço Universal

Leia mais

PROPOSTA DE ADESÃO - CARTÃO DE DÉBITO

PROPOSTA DE ADESÃO - CARTÃO DE DÉBITO I1058 19.01.2016 Cartões de Crédito Particulares Agência/ OE Gestor Rede Ponto 24/ VISA Electron Private Exclusivo PROPOSTA DE ADESÃO - CARTÃO DE DÉBITO DAKI Pronto a Usar EU Não protocolado REFERÊNCIA

Leia mais

Nº venda (PRT): Nº Cliente. Localidade. Contribuinte. Localidade. Sim Não (passe para o ponto 4.2)

Nº venda (PRT): Nº Cliente. Localidade. Contribuinte. Localidade. Sim Não (passe para o ponto 4.2) contrato de adesão a serviços de comunicações eletrónicas Mod.C/1000600 A preencher pelos nossos serviços Data provável de instalação Nº venda (PRT): Nº Cliente Canal Vendedor 1. IDENTIFICAÇÃO DO CLIENTE

Leia mais

APÓLICEDEPROTECÇÃOJURÍDICA AGREGADOFAMILIAR CONDIÇÕES GERAIS

APÓLICEDEPROTECÇÃOJURÍDICA AGREGADOFAMILIAR CONDIÇÕES GERAIS APÓLICEDEPROTECÇÃOJURÍDICA AGREGADOFAMILIAR CONDIÇÕES GERAIS ARTIGO PRELIMINAR Entre a Companhia de Seguros Tranquilidade, S.A., adiante designada por Tranquilidade e o Tomador do Seguro mencionado nas

Leia mais

UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE MEDICINA DENTÁRIA CONCURSO PÚBLICO N.º 3.09 CADERNO DE ENCARGOS

UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE MEDICINA DENTÁRIA CONCURSO PÚBLICO N.º 3.09 CADERNO DE ENCARGOS UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE MEDICINA DENTÁRIA CONCURSO PÚBLICO N.º 3.09 CADERNO DE ENCARGOS (Conforme art.42º do Decreto Leinº18/2008 de 29 de Janeiro de 2008) Cláusula 1.ª Objecto 1. O presente

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELECTRÓNICAS DA OTNETVTEL CONDIÇÕES GERAIS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELECTRÓNICAS DA OTNETVTEL CONDIÇÕES GERAIS 1.OBJECTO 1.1 O presente Contrato tem como objetivo a regulação das relações entre as partes, na sequência da subscrição pelo Cliente dos serviços de comunicações eletrónicas disponibilizados pela OTNETVTEL,

Leia mais

contrato de adesão banda larga móvel

contrato de adesão banda larga móvel contrato de adesão banda larga móvel Mod.C/1000418 A preencher pelo ponto de venda ID pedido Canal Nº Conta Nº Cliente Vendedor 1. IDENTIFICAÇÃO DO CLIENTE preenchimento obrigatório Nome C. Cidadão/BI/Passaporte

Leia mais

Município do Funchal

Município do Funchal Concurso público para a aquisição de 1485 sinais de trânsito retroreflectorizados e 40 cones como dispositivos complementares para o Município do Funchal. CADERNO DE ENCARGOS - 1 - CADERNO DE ENCARGOS

Leia mais

Protecção Vida 55-85. Coberturas Base

Protecção Vida 55-85. Coberturas Base PROTECÇÃO VIDA Protecção Vida 55-85 Coberturas Base 1/10 T E M P O R Á R I O A N U A L R EN O V Á V E L Ramo Vida - Grupo C O N D I Ç Õ E S G E R A I S 2/10 Artigo 1º - DEFINIÇÕES Artigo 2º - DISPOSIÇÕES

Leia mais

Contrato de Fornecimento de Energia Elétrica Para Cooperantes / Clientes em BTE ao abrigo do regime do mercado liberalizado

Contrato de Fornecimento de Energia Elétrica Para Cooperantes / Clientes em BTE ao abrigo do regime do mercado liberalizado Cooperativa Elétrica de Loureiro, C.R.L. Contrato de Fornecimento de Energia Elétrica Para Cooperantes / Clientes em BTE ao abrigo do regime do mercado liberalizado Condições Gerais: 1ª Objeto do contrato.

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PELAS EMPRESAS TRANSITÁRIAS. 1 TEU transitário. Artigo 1º Definições. Artigo 2º Âmbito

CONDIÇÕES GERAIS DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PELAS EMPRESAS TRANSITÁRIAS. 1 TEU transitário. Artigo 1º Definições. Artigo 2º Âmbito Artigo 1º Definições Artigo 2º Âmbito Artigo 3º Aplicabilidade Artigo 4º Apresentação dos preços Artigo 5º Alteração dos preços Artigo 6º Revisão de preços e condições Artigo 7º Validade das propostas

Leia mais

Canal Nº Conta. Nº Cliente. Localidade

Canal Nº Conta. Nº Cliente. Localidade contrato de adesão a serviços de comunicações eletrónicas móveis Mod.C/1001261 A preencher pelos nossos serviços ID pedido Canal Nº Conta Nº Cliente Vendedor 1. IDENTIFICAÇÃO DO CLIENTE preenchimento obrigatório

Leia mais

Uni Teldata - Telecomunicações, S.A.

Uni Teldata - Telecomunicações, S.A. Uni Teldata - Telecomunicações, S.A. Pessoa Coletiva nº 508 105 110 Capital Social: 1.000.000,00 CRC Chaves Matricula n.º 508 105 110 SEDE: Parque Tecnológico de Chaves Lote B4, Outeiro Seco 5400-673 Chaves

Leia mais

Artigo Preliminar... 03. Capítulo I - Definições, Objecto e Garantias do Contrato, Âmbito Territorial e Exclusões

Artigo Preliminar... 03. Capítulo I - Definições, Objecto e Garantias do Contrato, Âmbito Territorial e Exclusões ÍNDICE CONDIÇÕES GERAIS Artigo Preliminar... 03 Capítulo I - Definições, Objecto e Garantias do Contrato, Âmbito Territorial e Exclusões Artigo 1.º - Definições... 03 Artigo 2.º - Objecto do contrato...

Leia mais

INFORMAÇÕES PRÉ-CONTRATUAIS PARA PARTICULARES RENTING GO EXPRESS

INFORMAÇÕES PRÉ-CONTRATUAIS PARA PARTICULARES RENTING GO EXPRESS INFORMAÇÕES PRÉ-CONTRATUAIS PARA PARTICULARES RENTING GO EXPRESS Valor da retribuição a pagar pelo Cliente 4ª Valor da retribuição a pagar pelo Cliente 1. Os serviços prestados pela LeasePlan em conformidade

Leia mais

Condições de Prestação do Serviço

Condições de Prestação do Serviço Conteúdo 1. Identificação do Prestador... 2 2. Serviços... 2 2.1. Descrição do Serviço e Possíveis Restrições... 2 2.1.1. Adesão ao serviço... 2 2.1.2. Equipamento... 2 2.1.3. Instalação e Ativação...

Leia mais

REGULAMENTO DE BENEFÍCIOS do Montepio Geral Associação Mutualista Título II DISPOSIÇÕES PARTICULARES - MODALIDADES INDIVIDUAIS

REGULAMENTO DE BENEFÍCIOS do Montepio Geral Associação Mutualista Título II DISPOSIÇÕES PARTICULARES - MODALIDADES INDIVIDUAIS Artigo 1.º (Definições e Interpretação) 1. Nesta Secção, os termos e expressões iniciados por maiúsculas têm o significado que lhes é atribuído no Título VI (Glossário) do Regulamento. 2. Em caso de conflito

Leia mais

Contrato de Comodato de Equipamentos

Contrato de Comodato de Equipamentos Contrato de Comodato de Equipamentos ELITEINFOR com sede na Cidade de Lagoa Grande / PE, na Rua Joaquim Nabuco, 175, Centro, CEP: 56395-000, inscrita no CNPJ sob n.º 13.636.627/0001-85, doravante denominado

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INFRA ESTRUTRA E DE TELEFONIA.

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INFRA ESTRUTRA E DE TELEFONIA. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INFRA ESTRUTRA E DE TELEFONIA. Pelo presente instrumento particular de Contrato de Prestação de Serviços de Telefonia (doravante designado simplesmente Contrato ) o

Leia mais

CONTRATO DE LICENÇA DE USO DE SOFTWARE

CONTRATO DE LICENÇA DE USO DE SOFTWARE CONTRATO DE LICENÇA DE USO DE SOFTWARE 1. Concessão da Licença: 2.1 - A LICENCIANTE, neste ato e pela melhor forma de direito, outorga ao LICENCIADO uma licença de uso, em caráter não exclusivo e intransferível,

Leia mais

1 INTRODUÇÃO 2 DEFINIÇÕES

1 INTRODUÇÃO 2 DEFINIÇÕES 1 INTRODUÇÃO 1.1 Os presentes Termos Gerais e Condições para Customer Care Packages (Pacotes de Serviços a Clientes) da Leica Geosystems ( Termos e Condições CCP ) aplicam-se exclusivamente aos Customer

Leia mais

Termos e Condições Gerais para utilizadores (desde setembro de 2015)

Termos e Condições Gerais para utilizadores (desde setembro de 2015) Termos e Condições Gerais para utilizadores (desde setembro de 2015) Estes Termos e Condições Gerais a seguir designados "TCG" regem os direitos e obrigações do utilizador no uso do website da Matool AG

Leia mais

RESUMO DAS CONDIÇÕES GERAIS EM PODER DA UNICRE SEGURO ONCOLOGIA APÓLICE Nº 3052 - DOENÇA GRUPO ARTIGO PRELIMINAR

RESUMO DAS CONDIÇÕES GERAIS EM PODER DA UNICRE SEGURO ONCOLOGIA APÓLICE Nº 3052 - DOENÇA GRUPO ARTIGO PRELIMINAR RESUMO DAS CONDIÇÕES GERAIS EM PODER DA UNICRE SEGURO ONCOLOGIA APÓLICE Nº 3052 - DOENÇA GRUPO ARTIGO PRELIMINAR O contrato de seguro estabelecido entre a GROUPAMA SEGUROS, S.A., adiante designada por

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO 0800 PROGRESSIVO CLÁUSULA PRIMEIRA DOCUMENTO INTEGRANTE DO CONTRATO

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO 0800 PROGRESSIVO CLÁUSULA PRIMEIRA DOCUMENTO INTEGRANTE DO CONTRATO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO 0800 PROGRESSIVO Pelo presente instrumento, de um lado a TELEFÔNICA BRASIL S.A., inscrita no CNPJ/MF sob o nº. 02.558.157/0001-62, com sede na Av. Engenheiro Luiz Carlos

Leia mais

Nome da Empresa (Máx.27 caracteres) Matrícula da viatura/ Nome do Utilizador (Máx 27 caracteres) Nome da Empresa (Máx.

Nome da Empresa (Máx.27 caracteres) Matrícula da viatura/ Nome do Utilizador (Máx 27 caracteres) Nome da Empresa (Máx. ELEMENTOS A GRAVAR NO CARTÃO 1 Matrícula da viatura/ Nome do Utilizador (Máx 27 caracteres) 2 Matrícula da viatura/ Nome do Utilizador (Máx 27 caracteres) 3 Matrícula da viatura/ Nome do Utilizador (Máx

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO NA MODALIDADE LOCAL PLANOS DE SERVIÇO CLARO FIXO.

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO NA MODALIDADE LOCAL PLANOS DE SERVIÇO CLARO FIXO. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO NA MODALIDADE LOCAL PLANOS DE SERVIÇO CLARO FIXO. Objeto O objeto do presente Contrato é a prestação, pela EMBRATEL, do Serviço Telefônico Fixo

Leia mais

Condições Gerais. versão 1.0 - Junho 2008

Condições Gerais. versão 1.0 - Junho 2008 Condições Gerais 1 versão 1.0 - Junho 2008 Condições da Teleroute 2 Obrigado por decidir tornar-se cliente da Teleroute. A Teleroute oferece vários produtos e serviços ao sector dos transportes. A nossa

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO DE COMUNICAÇÃO DE MULTIMIDA - (SCM)

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO DE COMUNICAÇÃO DE MULTIMIDA - (SCM) CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO DE COMUNICAÇÃO DE MULTIMIDA - (SCM) Nº Pelo presente instrumento de Prestação de Serviços de Comunicação de Multimídia, de um lado TRIXNET CNPJ 08.468.479/0001-05, com

Leia mais

Condições Gerais do Caixadirecta Empresas

Condições Gerais do Caixadirecta Empresas Condições Gerais do Caixadirecta Empresas Cláusula 1ª - Objecto As presentes condições gerais regulam o Caixadirecta Empresas, sem prejuízo das disposições legais aplicáveis e daquilo que for especialmente

Leia mais

PROCEDIMENTO POR NEGOCIAÇÃO, COM PUBLICAÇÃO PRÉVIA DE ANÚNCIO, PARA ARRENDAMENTO PARA A ACTIVIDADE DE RESTAURAÇÃO CADERNO DE ENCARGOS

PROCEDIMENTO POR NEGOCIAÇÃO, COM PUBLICAÇÃO PRÉVIA DE ANÚNCIO, PARA ARRENDAMENTO PARA A ACTIVIDADE DE RESTAURAÇÃO CADERNO DE ENCARGOS PROCEDIMENTO POR NEGOCIAÇÃO, COM PUBLICAÇÃO PRÉVIA DE ANÚNCIO, PARA ARRENDAMENTO PARA A ACTIVIDADE DE RESTAURAÇÃO CADERNO DE ENCARGOS CAPITULO I DISPOSIÇÕES GERAIS ARTIGO 1º Objeto O presente Procedimento

Leia mais

ÁGUAS DO CENTRO ALENTEJO, SA. PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LIMPEZA E DESOBSTRUÇÃO DE INFRAESTRUTURAS DA AdCA CADERNO DE ENCARGOS

ÁGUAS DO CENTRO ALENTEJO, SA. PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LIMPEZA E DESOBSTRUÇÃO DE INFRAESTRUTURAS DA AdCA CADERNO DE ENCARGOS ÁGUAS DO CENTRO ALENTEJO, SA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LIMPEZA E DESOBSTRUÇÃO DE INFRAESTRUTURAS DA AdCA CADERNO DE ENCARGOS Página 1 de 9 ÁGUAS DO CENTRO ALENTEJO, S.A. PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LIMPEZA

Leia mais

CONTRATO-MODELO. Reembolso dos custos. para projectos de demonstração (CE) (Versão montante fixo)

CONTRATO-MODELO. Reembolso dos custos. para projectos de demonstração (CE) (Versão montante fixo) CONTRATO-MODELO Reembolso dos custos para projectos de demonstração (CE) (Versão montante fixo) NB: O presente contrato é utilizado quando a contribuição comunitária consiste num montante fixo. A contribuição

Leia mais

MINUTA DE CONTRATO DE ATRIBUIÇÃO DE APOIOS FINANCEIROS A PESSOAS COLECTIVAS PRIVADAS SEM FINS LUCRATIVOS PROGRAMA MODELAR

MINUTA DE CONTRATO DE ATRIBUIÇÃO DE APOIOS FINANCEIROS A PESSOAS COLECTIVAS PRIVADAS SEM FINS LUCRATIVOS PROGRAMA MODELAR MINUTA DE CONTRATO DE ATRIBUIÇÃO DE APOIOS FINANCEIROS A PESSOAS COLECTIVAS PRIVADAS SEM FINS LUCRATIVOS PROGRAMA MODELAR Entre O Primeiro Outorgante, A Administração Regional de Saúde de. IP, adiante

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE VOZ SOBRE PROTOCOLO DE INTERNET VOIP PHONEX

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE VOZ SOBRE PROTOCOLO DE INTERNET VOIP PHONEX CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE VOZ SOBRE PROTOCOLO DE INTERNET VOIP PHONEX São partes deste Contrato: O CLIENTE devidamente qualificado na Proposta Comercial PHONEX parte integrante deste contrato,

Leia mais

Termos e Condições da One.com v.09 Os seguintes termos são aplicáveis na One.com a partir de 1 de Setembro de 2015. 1. Subscrição:

Termos e Condições da One.com v.09 Os seguintes termos são aplicáveis na One.com a partir de 1 de Setembro de 2015. 1. Subscrição: Termos e Condições da One.com v.09 Os seguintes termos são aplicáveis na One.com a partir de 1 de Setembro de 2015. 1. Subscrição: Uma subscrição de um espaço web da One.com oferece acesso aos servidores

Leia mais

TERMO DE COMPROMISSO

TERMO DE COMPROMISSO TERMO DE COMPROMISSO Pelo presente instrumento, de um lado Nicolai Coelho Consultoria em Comunicação LTDA, com sede na Rua Texas, 635, Brooklin, São Paulo - SP, inscrita no CNPJ sob o nº 10.825.469/0001-13,

Leia mais

NORMAS E CONDIÇÕES GERAIS DE FUNCIONAMENTO LOW COST PARKING

NORMAS E CONDIÇÕES GERAIS DE FUNCIONAMENTO LOW COST PARKING NORMAS E CONDIÇÕES GERAIS DE FUNCIONAMENTO LOW COST PARKING 1ª) DEFINIÇÕES 1) Para todos os efeitos as partes acordam as seguintes definições A) Empresa: Low Cost, Estacionamos por Si Lda. B) Parque Low

Leia mais

Normas de Contratação de Publicidade

Normas de Contratação de Publicidade Normas de Contratação de Publicidade Outdoors Eletrónicos (LEDS) e Mupi 1. Disposições Gerais 1.1 A contratação de publicidade a difundir pela Urbhorta EEM nos espaços publicitários (Outdoors eletrónicos

Leia mais

Termos e Condições Gerais de Vendas

Termos e Condições Gerais de Vendas Termos e Condições Gerais de Vendas 1º Escopo da aplicação (1) As condições a seguir são aplicáveis a todos os fornecimentos e serviços (por exemplo, instalações, projetos) da BrasALPLA. Estas condições

Leia mais

Direção Nacional Unidade Orgânica de Logística e Finanças Departamento de Logística. Caderno de Encargos

Direção Nacional Unidade Orgânica de Logística e Finanças Departamento de Logística. Caderno de Encargos Direção Nacional Unidade Orgânica de Logística e Finanças Departamento de Logística Caderno de Encargos Caderno de Encargos Cláusula 1.ª Objeto 1. O presente caderno de encargos compreende as cláusulas

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS. 3. Os comercializadores são responsáveis pelo cumprimento das obrigações decorrentes do acesso à RNTGN por parte dos seus clientes.

CONDIÇÕES GERAIS. 3. Os comercializadores são responsáveis pelo cumprimento das obrigações decorrentes do acesso à RNTGN por parte dos seus clientes. CONDIÇÕES GERAIS Cláusula 1ª Definições e siglas No âmbito do presente Contrato de Uso da Rede de Transporte, entende-se por: a) «Contrato» o presente contrato de uso da rede de transporte; b) «Agente

Leia mais

3. Suspensão do Serviço Condições Gerais de Prestação do Serviço Telefónico acessível ao público num local fixo 1. Objecto

3. Suspensão do Serviço Condições Gerais de Prestação do Serviço Telefónico acessível ao público num local fixo 1. Objecto Condições Gerais de Prestação do Serviço Telefónico acessível ao público num local fixo da PT PRIME-Soluções Empresariais de Telecomunicações e Sistemas, S.A., com sede na Av. Fontes Pereira de Melo, n.º

Leia mais

II. Celebração do contrato, as partes contratantes, limitações contratuais de responsabilidade e prescrição

II. Celebração do contrato, as partes contratantes, limitações contratuais de responsabilidade e prescrição Termos e condições gerais I. Âmbito de aplicação 1. Os seguintes termos e condições aplicam-se a qualquer uso de aluguer de quartos de hotel para alojamento, bem como todos os outros serviços e entregas

Leia mais

O que é o Contrato de Seguro?

O que é o Contrato de Seguro? O que é o Contrato de Seguro? O contrato de seguro é um acordo através do qual o segurador assume a cobertura de determinados riscos, comprometendo-se a satisfazer as indemnizações ou a pagar o capital

Leia mais

Descrição do Serviço Envio Fast-Track

Descrição do Serviço Envio Fast-Track TERMOS E CONDIÇÕES DO ENVIO PRIORITÁRIO(EP ou o Programa ) Considerando as cláusulas abaixo estipuladas, as partes acordam no seguinte: Para efeitos do presente Acordo, aplicam-se as seguintes definições:

Leia mais

A MEO pode ainda suspender, total ou parcialmente, a prestação de qualquer serviço nos seguintes casos:

A MEO pode ainda suspender, total ou parcialmente, a prestação de qualquer serviço nos seguintes casos: CONDIÇÕES GERAIS DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES As presentes Condições Gerais e o Formulário de Adesão a Serviços de Comunicações Eletrónicas ( Formulário ) visam regular os termos e condições

Leia mais

CONTRATO DE ASSINATURA, CESSÃO DE DIREITO DE USO, LICENÇA DE USO DE SOFTWARE E OUTRAS AVENÇAS.

CONTRATO DE ASSINATURA, CESSÃO DE DIREITO DE USO, LICENÇA DE USO DE SOFTWARE E OUTRAS AVENÇAS. CONTRATO DE ASSINATURA, CESSÃO DE DIREITO DE USO, LICENÇA DE USO DE SOFTWARE E OUTRAS AVENÇAS. MÓDULO SISTEMAS DE GESTÃO LTDA, com sede na cidade de Ribeirão Preto, Estado de São Paulo, na Rua Amapá, 309

Leia mais

DE VILA VELHA DE 1VIUNICIPAL

DE VILA VELHA DE 1VIUNICIPAL DE VILA VELHA DE 1VIUNICIPAL DE SERVIÇOS DE SEGUROS Entre o de Vila Velha de pessoa coletiva 506 642 798, representado pelo Presidente da Municipal, Miguel Ferro Pereira, casado, natural Vila Velha de

Leia mais

Prestação de Serviços Capítulo I. Disposições Gerais. Cláusula 1ª (Objecto)

Prestação de Serviços Capítulo I. Disposições Gerais. Cláusula 1ª (Objecto) Prestação de Serviços Capítulo I Disposições Gerais Cláusula 1ª (Objecto) O presente Caderno de Encargos compreende as cláusulas que têm por objecto principal a Prestação de Serviços de Fiscal Único. Cláusula

Leia mais

ANEXO I TERMO DE ADESÃO. Atenção: Leia cuidadosamente este contrato antes de se tornar um usuário do PMA

ANEXO I TERMO DE ADESÃO. Atenção: Leia cuidadosamente este contrato antes de se tornar um usuário do PMA ANEXO I TERMO DE ADESÃO Atenção: Leia cuidadosamente este contrato antes de se tornar um usuário do PMA INTERNET GRATUITA. 1. ÍNTEGRA DO TERMO 1.1. Os termos abaixo se aplicam aos serviços oferecidos pela

Leia mais

Contrato de Assistência Técnica Informática - ATI

Contrato de Assistência Técnica Informática - ATI Contrato de Assistência Técnica Informática - ATI Ao subscrever o presente contrato o cliente expressamente reconhece e aceita vincular-se ás seguintes condições gerais. Cláusula primeira Definições 1.

Leia mais

4- Sem prejuízo das demais obrigações previstas neste Contrato, a CMA obriga-se a:

4- Sem prejuízo das demais obrigações previstas neste Contrato, a CMA obriga-se a: Este Contrato de Prestação de Serviços de Comunicação Multimídia ( Contrato ) é celebrado entre CMA Consultoria, Métodos, Assessoria e Mercantil S.A., sociedade com sede na capital do Estado de São Paulo,

Leia mais

CAPITULO I Do Provedor do Cliente

CAPITULO I Do Provedor do Cliente REGULAMENTO E ESTATUTO DO PROVEDOR DO CLIENTE DA AGA INTERNATIONAL SA, SUCURSAL EM PORTUGAL (De acordo com a Norma Regulamentar n. 0 10/2009-R de 25 de Junho) Para efeitos do presente Regulamento, entende-se

Leia mais

SERVIÇOS MÍNIMOS BANCÁRIOS Novo regime

SERVIÇOS MÍNIMOS BANCÁRIOS Novo regime SERVIÇOS MÍNIMOS BANCÁRIOS Novo regime Lisboa, 2014 www.bportugal.pt http://clientebancario.bportugal.pt SERVIÇOS MÍNIMOS BANCÁRIOS 3.ª reedição, janeiro de 2016 Banco de Portugal Av. Almirante Reis, 71

Leia mais

ESTATUTO E REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE ESTATUTO E REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE. Data: 2016-01-14 Pág. 1 de 13

ESTATUTO E REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE ESTATUTO E REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE. Data: 2016-01-14 Pág. 1 de 13 ESTATUTO E REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE Data: 2016-01-14 Pág. 1 de 13 Artigo 1.º Âmbito Em cumprimento do disposto no Artigo 158.º, n.º 3, do Anexo I, da Lei n.º 147/2015, de 9 de setembro (que aprova

Leia mais

CARTÃO PRÉ-PAGO VISA KANDANDU

CARTÃO PRÉ-PAGO VISA KANDANDU [Imagem] CONTRATO DE ADESÃO CARTÃO PRÉ-PAGO VISA KANDANDU Órgão Nº de Entidade (NDE) Dados do Titular Nome Nome a gravar no cartão Nº de Conta - - Declaro serem verdadeiras todas as informações prestadas.

Leia mais

ESTATUTO E REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE. CAPÍTULO I Estatuto do Provedor

ESTATUTO E REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE. CAPÍTULO I Estatuto do Provedor ESTATUTO E REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE Artigo 1.º Âmbito Em cumprimento do disposto no Artigo 158.º, n.º 3, do Anexo I, da Lei n.º 147/2015, de 9 de setembro (que aprova o regime jurídico de acesso

Leia mais

CONTRATO DE FORNECIMENTO DE SMS (TORPEDOS DE TEXTO PARA TELEFONES MÓVEIS) E SISTEMA DE GERENCIAMENTO

CONTRATO DE FORNECIMENTO DE SMS (TORPEDOS DE TEXTO PARA TELEFONES MÓVEIS) E SISTEMA DE GERENCIAMENTO CONTRATO DE FORNECIMENTO DE SMS (TORPEDOS DE TEXTO PARA TELEFONES MÓVEIS) E SISTEMA DE GERENCIAMENTO Pelo presente instrumento particular de Contrato de Fornecimento de SMS (doravante designado simplesmente

Leia mais

SHLN Setor Hospitalar Local Norte Bl L sala 401 Centro Clínico Norte II. Asa Norte. Brasília/DF 70.770-905 Página 1

SHLN Setor Hospitalar Local Norte Bl L sala 401 Centro Clínico Norte II. Asa Norte. Brasília/DF 70.770-905 Página 1 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS DO CURSO DE ATUALIZAÇÃO EM MEDICINA DO TRABALHO Aluno(a): CPF: RG: DN: / / Domicílio: Bairro: Cidade: Estado: Tel: E mail: Pelo presente instrumento particular

Leia mais

CONTRATO DE ADESÃO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÃO MULTIMÍDIA

CONTRATO DE ADESÃO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÃO MULTIMÍDIA DAS PARTES ALPHA NOBILIS CONSULTORIA E SERVIÇOS LTDA., com sede na Praça Alpha Centauro, 54 cj. 212B- Alphaville- Santana de Parnaíba-SP, CEP 06541-075, inscrita no CNPJ/MF sob o n 03.593.006/0001-08,

Leia mais

3 Direito de revogação do utilizador final no que diz respeito a contratos de venda à distância - Política de cancelamento

3 Direito de revogação do utilizador final no que diz respeito a contratos de venda à distância - Política de cancelamento I. Termos e Condições Gerais de Venda da MAGIX Software GmbH Estado: junho 2014 1 Âmbito de aplicação 1. Todas as entregas, serviços e ofertas da MAGIX Software GmbH (de ora avante denominada MAGIX ) são

Leia mais

ARRENDAMENTO DO RESTAURANTE-BAR, NO RAMO DE ESTABELECIMENTO DE RESTAURAÇÃO, SITO NA PISCINA MUNICIPAL, RUA DR. EDMUNDO CURVELO, EM ARRONCHES

ARRENDAMENTO DO RESTAURANTE-BAR, NO RAMO DE ESTABELECIMENTO DE RESTAURAÇÃO, SITO NA PISCINA MUNICIPAL, RUA DR. EDMUNDO CURVELO, EM ARRONCHES 1 ARRENDAMENTO DO RESTAURANTE-BAR, NO RAMO DE ESTABELECIMENTO DE RESTAURAÇÃO, SITO NA PISCINA MUNICIPAL, RUA DR. EDMUNDO CURVELO, EM ARRONCHES CADERNO DE ENCARGOS Artigo 1.º Objeto A Câmara Municipal de

Leia mais

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO "PROGRAMA CARTÃO McCAFÉ GAIA FOJO"

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO PROGRAMA CARTÃO McCAFÉ GAIA FOJO REGULAMENTO DA PROMOÇÃO "PROGRAMA CARTÃO McCAFÉ GAIA FOJO" 1.1 O CARTÃO McCAFÉ GAIA FOJO é um programa de fidelização de clientes, criado, desenvolvido e administrado por MDGOLD, Lda., com sede na Travessa

Leia mais

Alargamento de Prazo das Linhas de Crédito PME Investe - Documento de divulgação - V.2

Alargamento de Prazo das Linhas de Crédito PME Investe - Documento de divulgação - V.2 1. Beneficiários: As empresas que tenham operações enquadradas ou já contratadas ao abrigo das Linhas de Crédito PME Investe e que à data de contratação do alargamento do prazo não tenham incidentes não

Leia mais

TERMO E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DA PLATAFORMA HELLO FARM

TERMO E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DA PLATAFORMA HELLO FARM TERMO E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DA PLATAFORMA HELLO FARM J HELLO FARM SERVIÇOS DE TECNOLOGIA LTDA., inscrita no CNPJ/MF sob o nº 23.694.884/0001-27, doravante denominada simplesmente como Hello Farm, adota

Leia mais

Publicado no Diário da República, I série, nº 218, de 10 de Dezembro AVISO N.º 09/2014 ASSUNTO: PUBLICIDADE DE PRODUTOS E SERVIÇOS FINACEIROS

Publicado no Diário da República, I série, nº 218, de 10 de Dezembro AVISO N.º 09/2014 ASSUNTO: PUBLICIDADE DE PRODUTOS E SERVIÇOS FINACEIROS Publicado no Diário da República, I série, nº 218, de 10 de Dezembro AVISO N.º 09/2014 ASSUNTO: PUBLICIDADE DE PRODUTOS E SERVIÇOS FINACEIROS Havendo necessidade de se estabelecerem os requisitos mínimos

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE TRANSPORTE DA XBS LOG, LDA.

TERMOS E CONDIÇÕES DE TRANSPORTE DA XBS LOG, LDA. TERMOS E CONDIÇÕES DE TRANSPORTE DA XBS LOG, LDA. 1. Noções Para efeitos dos presentes termos e condições que regulam o Contrato de Transporte celebrado entre a XBS e o Cliente, os termos abaixo indicados

Leia mais

CONDIÇÕES ESPECÍFICAS DOS LEILÕES MANHEIM SALVADOS

CONDIÇÕES ESPECÍFICAS DOS LEILÕES MANHEIM SALVADOS CONDIÇÕES ESPECÍFICAS DOS LEILÕES MANHEIM SALVADOS 1. Introdução Por favor, leia atentamente este documento. Nele constam as condições destinadas a regular a participação, licitação e compra e venda de

Leia mais

ENTIDADE REGULADORA DOS SERVIÇOS ENERGÉTICOS

ENTIDADE REGULADORA DOS SERVIÇOS ENERGÉTICOS ENTIDADE REGULADORA DOS SERVIÇOS ENERGÉTICOS DESPACHO N.º 7 094/2011 Através do despacho n.º 9 178/2008, de 28 de Março, foram aprovadas pela ERSE as condições gerais que integram o contrato de fornecimento

Leia mais

Regulamentos REGULAMENTO DE PROPINAS DA UPORTO

Regulamentos REGULAMENTO DE PROPINAS DA UPORTO Regulamentos REGULAMENTO DE PROPINAS DA UPORTO Aprovado pelo Conselho Geral da UPorto em 26 de Fevereiro de 2010 Alterado pelo Conselho Geral da UPorto em 18 de Março de 2011 Ao abrigo da Lei n.º 37/2003,

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO CLARO INTERNET CASA

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO CLARO INTERNET CASA TERMOS E CONDIÇÕES DE USO CLARO INTERNET CASA O presente termo tem a finalidade de regular as relações entre a CLARO S.A., empresa autorizatária do Serviço Móvel Pessoal, inscrita no CNPJ/MF sob o nº.

Leia mais

Regulamento de utilização dos Auditórios

Regulamento de utilização dos Auditórios Regulamento de utilização dos Auditórios REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DOS AUDITÓRIOS I DISPOSIÇÕES GERAIS 1. Âmbito O presente regulamento estabelece as condições de cedência e de utilização dos dois Auditórios

Leia mais

CONTRATO DE CESSÃO DE DIREITO DE USO (LICENÇA) DO BOMBIRÔ PLATAFORMA ONLINE E PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO RELACIONADOS

CONTRATO DE CESSÃO DE DIREITO DE USO (LICENÇA) DO BOMBIRÔ PLATAFORMA ONLINE E PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO RELACIONADOS CONTRATO DE CESSÃO DE DIREITO DE USO (LICENÇA) DO BOMBIRÔ PLATAFORMA ONLINE E PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO RELACIONADOS ATENÇÃO: Ao selecionar a opção Eu aceito os termos de licença e uso do BomBirô

Leia mais

PROPOSTA DE ADESÃO Clientes Empresa

PROPOSTA DE ADESÃO Clientes Empresa PROPOSTA DE ADESÃO Clientes Empresa BANCO CABOVERDIANO DE NEGÓCIOS BCNOnline Internet Telefone. Mobile. SMS Nº de contrato BCN online Ao BCN Banco Caboverdiano de Negócios, S.A. A presente proposta, depois

Leia mais

Plano Empresas Reforma

Plano Empresas Reforma Plano Empresas Reforma Condições gerais e especiais 1110599-01.20104 Pela protecção dos valores da vida. Liberty Seguros, S.A. - Av. Fontes Pereira de Melo, n.º 6 1069-001 Lisboa Telef. 808 243 000 - Fax

Leia mais

Ministério dos Petróleos

Ministério dos Petróleos Ministério dos Petróleos Decreto Executivo nº 197/08 de 16 de Setembro Considerando a necessidade do estabelecimento de disposições relativas ao estatuto das entidades inspectoras das redes e ramais de

Leia mais

REGULAMENTO DA BIBLIOTECA

REGULAMENTO DA BIBLIOTECA REGULAMENTO DA BIBLIOTECA O principal objectivo deste Regulamento é salvaguardar o interesse comum de todos os utentes e permitir que a Biblioteca execute as suas funções de forma eficiente e eficaz. Desta

Leia mais

REGULAMENTO CLUBE DE RELACIONAMENTO DROGARIA CATARINENSE

REGULAMENTO CLUBE DE RELACIONAMENTO DROGARIA CATARINENSE REGULAMENTO CLUBE DE RELACIONAMENTO DROGARIA CATARINENSE 1. PROGRAMA DE RELACIONAMENTO 1.1. O presente instrumento tem por objetivo regulamentar a participação dos clientes da COMPANHIA LATINO AMERICANA

Leia mais

INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DOS PORTADORES DE ARMAS (nos termos do Dec.-Lei n.º 72/2008, de 16 de Abril)

INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DOS PORTADORES DE ARMAS (nos termos do Dec.-Lei n.º 72/2008, de 16 de Abril) 25032010 INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DOS PORTADORES DE ARMAS (nos termos do Dec.-Lei n.º 72/2008, de 16 de Abril) SEGURADOR MAPFRE Seguros Gerais S. A. Sede Social:

Leia mais

é celebrado de boa fé, o presente contrato, cuja minuta foi homologada..., reciprocamente aceite, o qual se rege pelas cláusulas seguintes:

é celebrado de boa fé, o presente contrato, cuja minuta foi homologada..., reciprocamente aceite, o qual se rege pelas cláusulas seguintes: Minuta de Contrato de Comparticipação Financeira destinado à Execução de Projectos no âmbito do "Projecto Reequipamento Científico" da Fundação para a Ciência a Tecnologia Considerando: - o Regulamento

Leia mais

MUNICÍPIO DE REGUENGOS DE MONSARAZ

MUNICÍPIO DE REGUENGOS DE MONSARAZ MUNICÍPIO DE REGUENGOS DE MONSARAZ AJUSTE DIRETO AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE CONTRATAÇÃO DE ARTISTAS PARA OS EVENTOS A REALIZAR NO ÂMBITO DA CIDADE EUROPEIA DO VINHO CADERNO DE ENCARGOS ÍNDICE DISPOSIÇÕES

Leia mais

PROCESSO DE ATIVAÇÃO VIA INTERNET 1. Na homepage de www.bancobic.pt clique em Ativação BancoBIC Net.

PROCESSO DE ATIVAÇÃO VIA INTERNET 1. Na homepage de www.bancobic.pt clique em Ativação BancoBIC Net. BEM-VINDO AO BancoBIC NET. Através do BancoBIC Net pode aceder às suas contas no Banco BIC. Dispõe de um vasto leque de consultas e operações, sempre que quiser e em qualquer lugar, através da internet

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATANTE: Aqui designado apenas como a empresa que fez o cadastro pelo sistema de vendas online no site www.netflexfidelidade.com.br CONTRATADA: Openhaus Soluções Tecnológicas

Leia mais

UNIDADE ORGÂNICA DE GESTÃO FINANCEIRA E DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO SUBUNIDADE ORGÂNICA DE APROVISIONAMENTO - APV CADERNO DE ENCARGOS AJUSTE DIRETO

UNIDADE ORGÂNICA DE GESTÃO FINANCEIRA E DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO SUBUNIDADE ORGÂNICA DE APROVISIONAMENTO - APV CADERNO DE ENCARGOS AJUSTE DIRETO SUBUNIDADE ORGÂNICA DE APROVISIONAMENTO - APV CADERNO DE ENCARGOS AJUSTE DIRETO Aquisição de materiais de desgaste rápido, ferramentas e utensílios para diversos serviços na área da Produção e Manutenção

Leia mais