1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 413/ CPL 04 SESACRE

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 413/2014 - CPL 04 SESACRE"

Transcrição

1 1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 413/ CPL 04 SESACRE OBJETO: Aquisição de Equipamentos, Mobiliários, Eletroeletrônicos e Eletrodomésticos, para atender as Necessidades da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), Porte III, da Baixada da Sobral. A PREGOEIRA DA COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CPL 04 comunica aos interessados que o Pregão SRP acima mencionado, publicado no Diário Oficial do Estado nº , Diário Oficial da União nº 62, Seção 3 Pag. 202 e no Jornal A Gazeta, todos de 01/04/2014, e na Internet no site: retificado nos termos abaixo: 1 ) RETIFICAÇÃO NO TERMO DE REFERENCIA ONDE SE LÊ: ITEM 02 AUTOCLAVE 100 LITROS, com as seguintes Especificações Técnicas Mínimas: CAPACIDADE DA CÂMARA: 100 litros PROJETO E FABRICAÇÃO: A autoclave deverá ser projetada e fabricada com base nas Normas Técnicas Brasileiras conforme: - ABNT NBR /2003, NBR /2001, ASME entre outras. VOLTAGEM: 220 volts trifásico 60Hz. FUNCIONAMENTO: Equipada com controlador lógico programável, microprocessado, ocorrendo esterilização por meio de vapor saturado com aquecimento elétrico em caldeira geradora acoplada junto à câmara. CÂMARA INTERNA: Deverá ser preferencialmente retangular, com capacidade mínima de 134 litros, e construída totalmente com chapas qualificadas de aço inoxidável (conforme Norma Brasileira NBR :2003 Esterilização Esterilizadores a vapor com vácuo, para produtos de saúde Sub- Item 4.3.2), devidamente certificados e tratados, perfis soldados por processos mig / tig por profissionais qualificados, deverá conter um único dreno de descarga localizado a não mais de 300 mm da borda da porta do esterilizador (conforme Norma Brasileira NBR :2003 Esterilização Esterilizadores a vapor com vácuo, para produtos de saúde Sub-Item ). CÂMARA EXTERNA: Deverá ser construída com chapas qualificadas de aço inoxidável (conforme Norma Brasileira NBR :2003 Esterilização Esterilizadores a vapor com vácuo, para produtos de saúde Sub-Item 4.3.2), dimensionadas para assegurar perfeita homogeneidade térmica na câmara interna e dobradas/ soldadas de modo a proporcionar robustez e resistência estrutural. ISOLAMENTO TÉRMICO DAS CÂMARAS: A autoclave deverá ter um conjunto da câmara interna e externa, envolvido por manta de isolação construída em material específico, com espessura para assegurar homogeneidade térmica e garantir baixa dissipação de calor ao 1 / 6

2 ambiente (conforme Norma Brasileira NBR :2003 Esterilização Esterilizadores a vapor com vácuo, para produtos de saúde Sub-Item ). PORTA: A autoclave deverá ter uma porta para carga e descarga de materiais; SISTEMA DE FECHAMENTO: Equipado com dispositivo de fechamento manual, através de volante central termo isolante que deverá movimentar uniformemente as alavancas. CONSTRUÇÃO DA PORTA E ACESSÓRIOS: O material de construção da porta e seus acessórios deverão ser em aço inoxidável (conforme Norma Brasileira NBR :2003 Esterilização Esterilizadores a vapor com vácuo, para produtos de saúde Sub-Item 4.3.2), com perfis mistos, acabamento polido brilhante; SISTEMA DE VEDAÇÃO DA PORTA: O sistema de vedação deverá ser por guarnição de material adequado, sem a necessidade de compressor e ou rede de ar para acioná-la; ISOLAMENTO E SISTEMA DE SEGURANÇA DAS PORTAS: As portas deverão ter isolamento térmico por manta mineral e revestimento de proteção construída chapa de aço inoxidável, para garantir a baixa condutividade térmica e segurança contra os riscos de saúde de seus operadores/ usuários, devendo evitar contato direto no conjunto de fechamento da porta; ESTRUTURA EXTERNA/GABINETE: A estrutura externa/ gabinete deverá ser construída/ o em aço inoxidável (conforme Norma Brasileira NBR :2003 Esterilização Esterilizadores a vapor com vácuo, para produtos de saúde Sub-Item 4.3.2), com acabamento escovado, para proporcionar assepsia e conservação de limpeza; COMANDO: O comando microprocessado da autoclave deve ser totalmente automático, sem nenhuma necessidade de intervenção do operador; PAINEL: O Painel da autoclave deverá ser composto por chaves, sinalizadores, manômetros, manovacuômetros, indicador digital de pressão, tempo e temperatura de 100ºC a 134ºC, alarmes audiovisuais e outros para proporcionar indicar o processo de esterilização e bom funcionamento do equipamento. SISTEMA HIDRÁULICO: A autoclave deverá ter os seguintes componentes mínimos: filtros em bronze, bomba de água, bomba de vácuo, válvulas de retenção, válvulas solenóides, válvulas de esfera, purgadores termostáticos, tubulações da linha, tubulações, conexões das linhas e outros para proporcionar eficácia no funcionamento do equipamento. SISTEMA DE SEGURANÇA: O equipamento deverá ser construído com dispositivos de segurança para todos os parâmetros, tais como: Transdutores de pressão, válvulas de pressão, termostatos, controle de nível de água, fusíveis, alarmes audiovisuais, impossibilidade de inicio do ciclo caso a(s) porta(s) não estejam fechadas corretamente e outros que possam garantir a segurança para o local de trabalho e seus operadores. DIMENSÕES INTERNAS MÍNIMAS: Capacidade de 100 litros; Dimensões externas não superiores: Altura 1600 mm x largura 700 mm x profundidade 1150 mm. Acessórios que deverão acompanhar a autoclave: 01 (um) cesto ou 01(um) rack interno, ambos deverão ser construídos em aço inox; 01 (um) sistema de purificação de água por osmose reversa com produção de água de no mínimo 16 l/h (litros por hora), todo conjunto deve ser montado em um painel contendo chave geral luminosa, manômetro, bomba injetora para pressurização do sistema, válvulas de controle. Deverá ser acompanhada de reservatório de no mínimo 100 litros com controle de nível instalado no seu interior, dinâmica quando o nível mínimo de água no reservatório de 2 / 6

3 água tratada for atingido, o sistema deve acionar para a produção de água de osmose reversa até o nível máximo do reservatório; Manual de instruções em português. LEIA-SE: ITEM 02 - AUTOCLAVE 100 LITROS AUTOCLAVE HORIZONTAL CAPACIDADE (MINIMA)100 LITROS CAPACIDADE DA CÂMARA (MÍNIMA): 100 litros PROJETO E FABRICAÇÃO: A autoclave deverá ser projetada e fabricada com base nas Normas Técnicas Brasileiras conforme: - ABNT NBR /2003, NBR /2001, ASME entre outras. VOLTAGEM: 220 volts trifásico 60Hz. FUNCIONAMENTO:Equipada com controlador lógico programável, microprocessado, ocorrendo esterilização por meio de vapor saturado com aquecimento elétrico em caldeira geradora acoplada junto à câmara. CÂMARA INTERNA: Deverá ser preferencialmente retangular, com capacidade aproximada de 134 litros, e construídatotalmente com chapas qualificadas de aço inoxidável (conforme Norma Brasileira NBR :2003 Esterilização Esterilizadores a vapor com vácuo, para produtos de saúde Sub-Item 4.3.2), devidamente certificados e tratados, perfis soldados por processos mig / tig por profissionais qualificados, deverá conter um único dreno de descarga localizado a não mais de 300 mm da borda da porta do esterilizador (conforme Norma Brasileira NBR :2003 Esterilização Esterilizadores a vapor com vácuo, para produtos de saúde). CÂMARA EXTERNA: Deverá ser construída com chapas qualificadas de aço inoxidável (conforme Norma Brasileira NBR :2003 Esterilização Esterilizadores a vapor com vácuo, para produtos de saúde Sub-Item 4.3.2), dimensionadas para assegurar perfeita homogeneidade térmica na câmara interna e dobradas/ soldadas de modo a proporcionar robustez e resistência estrutural. ISOLAMENTO TÉRMICO DAS CÂMARAS: A autoclave deverá ter um conjunto da câmara interna e externa, envolvido por manta de isolação construída em material específico, com espessura para assegurar homogeneidade térmica e garantir baixa dissipação de calor ao ambiente (conforme Norma Brasileira NBR : / 6

4 Esterilização Esterilizadores a vapor com vácuo, para produtos de saúde Sub-Item ). PORTA:equipamento deverá possuir no mínimo uma porta, tipo guilhotina, com abertura e fechamento automático através de sistema pneumático ou similar, dotadas de sistema de segurança conraantiesmagamento mecânico e eletrônico. Deve possuir sistema mecânico que garanta em caso de falha dos sistema eletrônicos a impossibilidade de abertura das portas quando ainda exista pressão positiva dentro da câmara interna. Possuir sistema que permita abertura manual do compartimento em caso de falha deenergia elétrica.a porta deverá ser confeccionada: paredes externas em aço inoxidável AISI- 304 ou qualidade superior, paredes internas onde haverá contato com o agente esterilizante,deverá ser confeccionada em aço inoxidável AISI-316L ou qualidade superior. O sistema de vedação da porta deverá ser realizado através de guarnição de silicone pressurizada por ar comprimido fornecido pelo licitante. ESTRUTURA EXTERNA/GABINETE: A estrutura externa gabinete deverá ser construída em aço inoxidável (conformenorma Brasileira NBR :2003 Esterilização Esterilizadores a vapor com vácuo, para produtos de saúde Sub-Item 4.3.2), com acabamento escovado, para proporcionar assepsia e conservação de limpeza. COMANDO:O comando microprocessado da autoclave deve ser totalmente automático, sem nenhuma necessidade de intervenção do operador; PAINEL:O Painel da autoclave deverá ser composto por chaves, sinalizadores, manômetros, manovacuômetros, indicador digital de pressão, tempo e temperatura de 100ºC a 134ºC, alarmes audiovisuais e outros para proporcionar indicar o processo de esterilização e bom funcionamento do equipamento. SISTEMAHIDRÁULICO: A autoclave deverá ter os seguintes componentes mínimos: filtros em bronze, bomba de água, bomba de vácuo, válvulas de retenção, válvulas solenóides, válvulas de esfera, purgadores termostáticos, tubulações da linha, tubulações, conexões das linhas e outros para proporcionar eficácia no funcionamento do equipamento. SISTEMA DE SEGURANÇA: O equipamento deverá ser construído com dispositivos de segurança para todos os parâmetros, tais como: Transdutores de pressão, válvulas de pressão, termostatos, controle de nível de água, fusíveis,alarmes audiovisuais, impossibilidade 4 / 6

5 de inicio do ciclo caso a(s) porta(s) não estejam fechadas corretamente e outros que possam garantir a segurança para o local de trabalho e seus operadores. DIMENSÕES INTERNAS MÍNIMAS: Capacidade mínima de 100 litros; DIMENSÕES EXTERNAS NÃO SUPERIORES: Altura 1600 mm x largura 700 mm x profundidade 1150 mm. ACESSÓRIOS: ão da carga dentro da câmara de esterilização, construído em aço inoxidável AISI-316 ou qualidade superior, com acabamento sanitário. quantidade necessária que permita realização de dois carregamentos completos de acordo com a capacidade de carga do equipamento. apresentar: Produção compatível com o consumo da autoclave; Reservatório com sistema de controle de nível; Pré - filtro para sedimentos; Filtro de carvão ativado; Pós Filtro Membranas de Osmose Reversa; Sistema automático de funcionamento; Sistema automático de proteção contra falta de água. ssor com capacidade para atender a demanda de ar comprimido da Autoclave. CARACTERÍSTICAS ELÉTRICAS ão de alimentação: 220 V trifásico. ência de alimentação: 60 Hz CARACTERÍSTICAS MECÂNICAS R :2003. ACESSÓRIOS funcionamento solicitado. 5 / 6

6 GARANTIA MÍNIMA: Declaração de garantia de 12 (doze) meses para o equipamento, contados a partir da data do Recebimento Definitivo. CERTIFICAÇÕES E DOCUMENTOS QUE DEVERÃO ACOMPANHAR O EQUIPAMENTO NA ENTREGA: ão do equipamento com validade mínima de 01 ano. ão / operação do equipamento; 2. DATA DE ABERTURA Passará a conter a seguinte redação: Data e horário da abertura da sessão: 29/04/2014 às 14:30 horas/min. Período de Retirada do Edital: 14/04 à 28/04/2014. As demais informações contidas no Edital continuam inalteradas. Rio Branco-AC, 10 de abril de Mabel Cristina Souza de Freitas Pregoeira da Consta no processo a via original devidamente assinada 6 / 6

EQUIPAMENTO ESTERILIZADOR - Autoclave Horizontal - Especificação Técnica

EQUIPAMENTO ESTERILIZADOR - Autoclave Horizontal - Especificação Técnica EQUIPAMENTO ESTERILIZADOR - Autoclave Horizontal - Especificação Técnica Descrição Geral: Equipamento esterilizador horizontal automático para esterilização por vapor saturado de alta temperatura com duas

Leia mais

AUTOCLAVE HORIZONTAL HOSPITALAR AUTOMÀTICA, ELÉTRICA, COM CAPACIDADE MÍNIMA DE 300 LITROS - B.

AUTOCLAVE HORIZONTAL HOSPITALAR AUTOMÀTICA, ELÉTRICA, COM CAPACIDADE MÍNIMA DE 300 LITROS - B. AUTOCLAVE HORIZONTAL HOSPITALAR AUTOMÀTICA, ELÉTRICA, COM CAPACIDADE MÍNIMA DE 300 LITROS - B. Descrição Básica: Autoclave horizontal, automática com comando microprocessado, elétrica, com câmara dupla

Leia mais

AUTOCLAVE HORIZONTAL HOSPITALAR AUTOMÀTICA, ELÉTRICA, COM CAPACIDADE MÌNIMA DE 520 LITROS B3.

AUTOCLAVE HORIZONTAL HOSPITALAR AUTOMÀTICA, ELÉTRICA, COM CAPACIDADE MÌNIMA DE 520 LITROS B3. AUTOCLAVE HORIZONTAL HOSPITALAR AUTOMÀTICA, ELÉTRICA, COM CAPACIDADE MÌNIMA DE 520 LITROS B3. Descrição Básica: Autoclave horizontal, automática com comando microprocessado, elétrica, com câmara dupla

Leia mais

CHECK LIST PARA AQUISIÇÃO DE AUTOCLAVE À VAPOR

CHECK LIST PARA AQUISIÇÃO DE AUTOCLAVE À VAPOR Informações Principais Registro no Ministério da Saúde Capacidade em Litros Dimensões externas (L X A X P) Peso do equipamento Dimensões da câmara (L X A X P) Dispõe de jaqueta Tipo de aço da câmara Tipo

Leia mais

PROPOSTA. Pregão. Proposta(s) Item: 0001 Descrição: Autoclave, coforme edital. Quantidade: 4 Unidade de Medida: Unidade

PROPOSTA. Pregão. Proposta(s) Item: 0001 Descrição: Autoclave, coforme edital. Quantidade: 4 Unidade de Medida: Unidade PROPOSTA Pregão Órgão: Prefeitura Municipal de Eldorado do Sul Número: PR 190/2012 Número do Processo: PR 190/2012 Unidade de Compra: Secretaria da Saúde Proposta(s) Item: 0001 Descrição: Autoclave, coforme

Leia mais

1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO SRP Nº 105 2009 ISE AQUISIÇÃO DE MATERIAL PERMANENTE

1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO SRP Nº 105 2009 ISE AQUISIÇÃO DE MATERIAL PERMANENTE Comissão Permanente de Licitação CPL 0 1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO SRP Nº 105 009 ISE AQUISIÇÃO DE MATERIAL PERMANENTE A PREGOEIRA DA COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CPL 0 comunica aos interessados que o Pregão

Leia mais

1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO SRP Nº 1167 2012 CPL 04 SESACRE

1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO SRP Nº 1167 2012 CPL 04 SESACRE 1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO SRP Nº 1167 2012 CPL 04 SESACRE OBJETO: Contratação de empresa para prestação de serviços de fornecimento de Gases Medicinais, com a locação e instalação de um GERADOR DE GASES MEDICINAIS:

Leia mais

RESPOSTA A IMPUGNAÇÃO

RESPOSTA A IMPUGNAÇÃO PREFEITURA DO MUNICIPIO DE PORTO VELHO SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO DA SAÚDE EQUIPE DE PREGÃO 01 DESIG. ATO 05/2015 DOM 5078 de 27/10/2015 RESPOSTA A IMPUGNAÇÃO Processo

Leia mais

CONSTRUÇÃO O desenho, os materiais e a construção dos equipamentos obedecem, às especificações

CONSTRUÇÃO O desenho, os materiais e a construção dos equipamentos obedecem, às especificações SELEÇÃO Espaço útil da câmara -340 / 340-P Ø600 x 1200 mm -510 / 510-P Ø600 x 1800 mm -1500 Ø900 x 2400 mm -2300 Ø900 x 3600 mm -4200 Ø1500 x 2400 mm -6300 Ø1500 x 3600 mm -8500 Ø1500 x 4800 mm Alimentação

Leia mais

TERMODEREFERENCIA COTAÇÃOPRÉVIADEPREÇONQ001/2012 TIPO: MENORPREÇO

TERMODEREFERENCIA COTAÇÃOPRÉVIADEPREÇONQ001/2012 TIPO: MENORPREÇO C.N.P.].: 18.632.315/0001-17 - Inst: Estadual: isento Declarado de Utilidade Pública: Federal n 2.732 - EstaduaL- no8.039 - Municipal n 1.500.\ ' ". TERMODEREFERENCIA COTAÇÃOPRÉVIADEPREÇONQ001/2012 TIPO:

Leia mais

Autoclaves Horizontais

Autoclaves Horizontais Autoclaves Horizontais Hospitalares (mod. 9209) e Industriais (mod. 9206) Porta Deslizante Sistema de fechamento muito prático e seguro, podendo ter o acionamento manual ou automático por meio de porta

Leia mais

LAVADORAS CATÁLOGO DIGITAL

LAVADORAS CATÁLOGO DIGITAL LAVADORAS CATÁLOGO DIGITAL Lavadora de Bebedouro Imagem Ilustrativa - mesas opcionais Lavadora desenvolvida especificamente para higienização de gaiolas e bebedouros em biotérios, já acondicionados em

Leia mais

COCÇÃO GOURMET. Equipamentos Profissionais a gás e elétricos

COCÇÃO GOURMET. Equipamentos Profissionais a gás e elétricos COCÇÃO GOURMET Equipamentos Profissionais a gás e elétricos 1 QUEIMADORES PARA LINHA GOURMET Com tecnologia e sofisticação a Berta incluiu e toda Linha de cocção gourmet, os queimadores gourmet e super

Leia mais

VEMAQ 10-1 - CARACTERÍSTICAS CONSTRUTIVAS 1.1 - APRESENTAÇÃO

VEMAQ 10-1 - CARACTERÍSTICAS CONSTRUTIVAS 1.1 - APRESENTAÇÃO Equipamento: COLETOR COMPACTADOR DE LIXO 10 m³ Modelo : CCL-10 Aplicação: Coleta de resíduos domésticos e/ou industriais,selecionados ou não Fabricante: VEMAQ - Indústria Mecânica de Máquinas Ltda 1 -

Leia mais

Divinolândia 19 de agosto de 2013

Divinolândia 19 de agosto de 2013 Divinolândia 19 de agosto de 2013 Prezados senhores interessados Esta comissão de Julgamento de Licitação do Conderg Hospital Regional de Divinolândia, esclarece através deste, alterações feita no Edital

Leia mais

PROPOSTA. Pregão. Proposta(s) Item: 0001 Descrição: Câmara, conforme edital Quantidade: 1 Unidade de Medida: Unidade

PROPOSTA. Pregão. Proposta(s) Item: 0001 Descrição: Câmara, conforme edital Quantidade: 1 Unidade de Medida: Unidade PROPOSTA Pregão Órgão: Prefeitura Municipal de Esteio Número: 075/2012 Número do Processo: 9358/2012 Unidade de Compra: PREFEITURA MUNICIPAL DE ESTEIO Proposta(s) Item: 0001 Descrição: Câmara, conforme

Leia mais

Megabloc Manual Técnico

Megabloc Manual Técnico Bomba Padronizada Monobloco Manual Técnico Ficha técnica Manual Técnico Todos os direitos reservados. Os conteúdos não podem ser divulgados, reproduzidos, editados nem transmitidos a terceiros sem autorização

Leia mais

ANEXO XVII PLANO DE MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS E EDIFICAÇÕES

ANEXO XVII PLANO DE MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS E EDIFICAÇÕES ANEXO XVII PLANO DE MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS E EDIFICAÇÕES Complexo Esportivo de Deodoro Edital 1.10 1. Instalações Hidráulicas e Sanitárias Os serviços de manutenção de instalações hidráulicas e sanitárias,

Leia mais

MS TECNOPON CÂMARAS CLIMÁTICAS

MS TECNOPON CÂMARAS CLIMÁTICAS CÂMARAS CLIMÁTICAS MS TECNOPON Prezado Cliente: MS TECNOPON Instrumentação Agradecemos V.S.a. pela confiança depositada em nossa Empresa, no momento da aquisição deste aparelho. Estamos certos de que lhe

Leia mais

MODELO P UL. Válvula de Governo e Alarme. Descrição do Produto. Operação. Especificações

MODELO P UL. Válvula de Governo e Alarme. Descrição do Produto. Operação. Especificações Válvula de Governo e Alarme MODELO P UL Descrição do Produto As válvulas de governo e alarme são dispositivos de retenção instalados entre o sistema de abastecimento e a linha de combate à incêndio. Em

Leia mais

AUTOCLAVE VERTICAL MODELO 415

AUTOCLAVE VERTICAL MODELO 415 AUTOCLAVE VERTICAL MODELO 415 Revisão: 03/05 Edição: 02/05 Ref.: 415.400.550 ÍNDICE 1 - Identificação do Equipamento... 01 2 - Características Técnicas... 01 3 - Partes e Acessórios... 03 4 - Precauções,

Leia mais

CONJUNTOS DE FACAS DE AR WINDJET

CONJUNTOS DE FACAS DE AR WINDJET CONJUNTOS DE FACAS WINDJET CONJUNTO DE FACAS WINDJET SOPRADORES CONJUNTOS DE FACAS WINDJET SUMÁRIO Página Visão geral dos pacotes de facas de ar Windjet 4 Soprador Regenerativo 4 Facas de ar Windjet 4

Leia mais

NORMA TÉCNICA N o 18 SISTEMAS DE CHUVEIROS AUTOMÁTICOS

NORMA TÉCNICA N o 18 SISTEMAS DE CHUVEIROS AUTOMÁTICOS ANEXO XVIII AO DECRETO N o 3.950, de 25 de janeiro de 2010. NORMA TÉCNICA N o 18 SISTEMAS DE CHUVEIROS AUTOMÁTICOS 1. OBJETIVO Esta Norma Técnica visa a adequar o texto da norma NBR 10897, que dispõe sobre

Leia mais

Soluções para produção de Oxigênio Medicinal

Soluções para produção de Oxigênio Medicinal Soluções para produção de Oxigênio Medicinal Page1 O propósito da BHP é de fornecer ao hospital uma usina de oxigênio dúplex e enchimento de cilindros para tornar o hospital totalmente independente do

Leia mais

SUPLEMENTO Nº 03. 1. Com referência ao Pregão Eletrônico PE.GCM.A.00175.2013, informamos que este Suplemento visa alterar:

SUPLEMENTO Nº 03. 1. Com referência ao Pregão Eletrônico PE.GCM.A.00175.2013, informamos que este Suplemento visa alterar: PE.GCM.A.0075.203 /6 SUPLEMENTO Nº 03. Com referência ao Pregão Eletrônico PE.GCM.A.0075.203, informamos que este Suplemento visa alterar:.. Edital, Seção V, Anexo II, Formulário 02 Acessórios e Ferramentas

Leia mais

CONTEÚDO: Capítulo 4. Válvulas Industriais. Email: vendas@jefferson.ind.br Fone: 016 3622-5744/3622-9851 Site: www.jefferson.ind.

CONTEÚDO: Capítulo 4. Válvulas Industriais. Email: vendas@jefferson.ind.br Fone: 016 3622-5744/3622-9851 Site: www.jefferson.ind. CONTEÚDO: Capítulo 4 Válvulas Industriais Email: vendas@jefferson.ind.br Fone: 016 3622-5744/3622-9851 Site: 1 VÁLVULAS DEFINIÇÃO: DISPOSITIVOS DESTINADOS A ESTABELECER, CONTROLAR E INTERROMPER O FLUXO

Leia mais

Instruções de Montagem / Operação / Manutenção. Porta de Explosão

Instruções de Montagem / Operação / Manutenção. Porta de Explosão Intensiv-Filter do Brasil Ltda. Av. Água Fria, 648 - Sala 01 CEP 02332.000 - Santana - São Paulo - Brasil Fone: +55 11 6973-2041 / Fax: +55 11 6283 6262 e-mail: intensiv@intensiv-filter.com.br Instruções

Leia mais

1. No Termo de Referência Será incluída a seguinte planilha:

1. No Termo de Referência Será incluída a seguinte planilha: 1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO SRP Nº 57/11 - CPL 0 - DERACRE Objeto: contratação de empresa especializada para prestar serviços de assistência técnica de natureza preventiva e corretiva por chamada avulsa, com

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Calibrador Eletrônico de Pneus Arfox Júnior. Rev.0

MANUAL DO USUÁRIO. Calibrador Eletrônico de Pneus Arfox Júnior. Rev.0 MANUAL DO USUÁRIO RUA DO POMAR, 95/97 - VILA DAS MERCÊS 04162-080 SÃO PAULO - SP FONE/FAX: (011) 2165-1221 Site: www.control-liq.com.br - e-mail: atendimento@control-liq.com.br Calibrador Eletrônico de

Leia mais

Anexo III - ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS. ITEM ESPECIFICAÇÃO UNIDADE VALOR 01 Tanque c/ equipamento combinado c/capacidade para 6m³ litros

Anexo III - ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS. ITEM ESPECIFICAÇÃO UNIDADE VALOR 01 Tanque c/ equipamento combinado c/capacidade para 6m³ litros Anexo III - ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS ITEM ESPECIFICAÇÃO UNIDADE VALOR 01 Tanque c/ equipamento combinado c/capacidade para 6m³ litros 01 (Instalado sobre reboque agrícola). 1 1 TANQUE RESERVATÓRIO: Tanque

Leia mais

TANQUES DE ARMAZENAMENTO E AQUECIMENTO DE ASFALTO E COMBUSTÍVEL

TANQUES DE ARMAZENAMENTO E AQUECIMENTO DE ASFALTO E COMBUSTÍVEL TANQUES DE ARMAZENAMENTO E AQUECIMENTO DE ASFALTO E COMBUSTÍVEL TANQUES DE ARMAZENAMENTO E AQUECIMENTO DE ASFALTO E COMBUSTÍVEL A ampla linha de tanques de armazenamento e aquecimento de asfalto da Terex

Leia mais

Sistemas de Esterilização

Sistemas de Esterilização Sistemas de Esterilização Esterilizadores a vapor Série HB Feel the innovation 0123 Esterilizadores a vapor Equipamentos de alta qualidade para aplicações hospitalares e laboratoriais. Uma tecnologia inovadora

Leia mais

IMPLANTAÇÃO ENGENHARIA IND. E COM. LTDA. Q -110-111. R.02 16-02-2005, folha 1 de 5.

IMPLANTAÇÃO ENGENHARIA IND. E COM. LTDA. Q -110-111. R.02 16-02-2005, folha 1 de 5. R.02 16-02-2005, folha 1 de 5. Sistema Simples de Queima de Biogás para Estações de Tratamento de Efluentes. Projetado e construído para operar com a vazão total unidade, porém necessitando de um sistema

Leia mais

PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO EM AQUECIMENTO SOLAR ABRAVA/DASOL 2011

PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO EM AQUECIMENTO SOLAR ABRAVA/DASOL 2011 PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO EM AQUECIMENTO SOLAR ABRAVA/DASOL 2011 MÓDULO 2 Projetista SAS Pequeno Porte Passo a Passo de Instalação ABRAVA -São Paulo,Maio de 2011 Luciano Torres Pereira Leonardo Chamone Cardoso

Leia mais

BOOSTER BOOSTER? Benefícios e vantagens PORQUE COMPRAR UM

BOOSTER BOOSTER? Benefícios e vantagens PORQUE COMPRAR UM Linha BOOSTER Agilidade, confiabilidade e eficiência BOOSTER Os compressores Schulz modelo SB, possuem como função principal elevar a pressão da rede de baixa pressão para até 40 bar (580 psi). Benefícios

Leia mais

Linha. Booster. Soluções em Bombeamento

Linha. Booster. Soluções em Bombeamento Linha Booster Booster ESTAÇÃO PRESSURIZADORA TIPO BOOSTER MOVÉL As Estações Pressurizadoras IMBIL do tipo Booster Móvel são utilizadas nos segmentos de Saneamento, Empresas Estaduais, Municipais, SAAEs,

Leia mais

Sua solução - todos os dias

Sua solução - todos os dias Sua solução - todos os dias A produção de um leite de qualidade depende de diversos fatores, entre eles a higiene da ordenha e do tanque, a manutenção dos equipamentos, a disponibilidade de um ambiente

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS LICITAÇÃO Nº PP03060001/2013. Item Especificação Unid Vr. Unit Vr. Total

ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS LICITAÇÃO Nº PP03060001/2013. Item Especificação Unid Vr. Unit Vr. Total ANEXO III 1 ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS LICITAÇÃO Nº PP03060001/2013 Item Especificação Unid Vr. Unit Vr. Total 1 CAMINHÃO TOCO COM CAPACIDADE DE CARGA ÚTIL VARIANDO DE 10.000 A 12.000KG. DEVERÁ COMPOR

Leia mais

Homologado pelos fabricantes de equipamentos

Homologado pelos fabricantes de equipamentos Homologado pelos fabricantes de equipamentos Confiabilidade e durabilidade são indispensáveis. A suspensão de uma sessão de radioterapia ou a perda de hélio em uma ressonância magnética precisam ser evitadas

Leia mais

PROPOSTA. Pregão. Proposta(s)

PROPOSTA. Pregão. Proposta(s) PROPOSTA Pregão Órgão: Prefeitura Municipal de Santana do Livramento Número: 020/2012 Número do Processo: 009710/2012 Unidade de Compra: Prefeitura Municipal de Sant'Ana do Livramento Proposta(s) Item:

Leia mais

FIPAI Fundação para o Incremento da Pesquisa e do Aperfeiçoamento Industrial Tomada de Preço nº. 003/2013 Processo Finep nº 01.09.0563.

FIPAI Fundação para o Incremento da Pesquisa e do Aperfeiçoamento Industrial Tomada de Preço nº. 003/2013 Processo Finep nº 01.09.0563. ESPECIFICAÇÕES DOS EQUIPAMENTOS LOTE 01 Especificar Sistema de Geração de Ar Comprimido, incluindo compressor, secador por adsorção e filtros coalescentes Diagrama Pneumático. Confirmar detalhes com equipe

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE PERNAMBUCO Procuradoria-Geral de Justiça ATA DE REGISTRO DE PREÇOS

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE PERNAMBUCO Procuradoria-Geral de Justiça ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Processo SIIG nº 0009881-8/2011. Processo Licitatório nº 013/2011 Pregão Presencial nº 004/2011 Ata de Registro de Preços nº 004/2011 Validade da Ata: 12 (doze) meses. Aos sete

Leia mais

CADERNO DE ENCARGOS E ESPECIFICAÇÕES GERAIS

CADERNO DE ENCARGOS E ESPECIFICAÇÕES GERAIS CADERNO DE ENCARGOS E ESPECIFICAÇÕES GERAIS Instalação do sistema de geração de ozônio na piscina coberta do Centro de Atividades do SESC Ceilândia. Brasília-DF COMAP/DIAD Página 1 BASES TÉCNICAS PARA

Leia mais

Operações Unitárias. Válvulas. Prof. Dr. Gabriel Leonardo Tacchi Nascimento

Operações Unitárias. Válvulas. Prof. Dr. Gabriel Leonardo Tacchi Nascimento Operações Unitárias Válvulas Prof. Dr. Gabriel Leonardo Tacchi Nascimento Válvulas São dispositivos destinados a estabelecer, controlar e interromper o fluxo de fluidos nas tubulações. Há diversas formas

Leia mais

PRESSURIZADOR PL - 9 MANUAL DE INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO, FUNCIONAMENTO E GARANTIA. ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR 0800 0 17 28 44 www.lorenzetti.com.

PRESSURIZADOR PL - 9 MANUAL DE INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO, FUNCIONAMENTO E GARANTIA. ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR 0800 0 17 28 44 www.lorenzetti.com. PRESSURIZADOR ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR 0800 0 17 28 44 www.lorenzetti.com.br Lorenzetti S.A. Indústrias Brasileiras Eletrometalúrgicas Av. Presidente Wilson, 1230 - CEP 03107-901 Mooca - São Paulo - SP

Leia mais

1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO POR REGISTRO DE PREÇOS nº. 199 2008 CPL 02 SEE MANUTENÇÃO INSTALAÇÕES PREDIAIS

1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO POR REGISTRO DE PREÇOS nº. 199 2008 CPL 02 SEE MANUTENÇÃO INSTALAÇÕES PREDIAIS 1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO POR REGISTRO DE PREÇOS nº. 199 2008 CPL 02 SEE MANUTENÇÃO INSTALAÇÕES PREDIAIS O PREGOEIRO DA COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CPL 02 comunica aos interessados que o Pregão acima

Leia mais

AUTOCLAVES SS. Autoclave VITALE. 12 Litros R$: 3.260,00 à vista. ou 10 x R$: 326,00 sem juros. 21 Litros R$: 4.330,00 à vista

AUTOCLAVES SS. Autoclave VITALE. 12 Litros R$: 3.260,00 à vista. ou 10 x R$: 326,00 sem juros. 21 Litros R$: 4.330,00 à vista SHOPPING DA BELEZA AUTOCLAVES SS TELE-VENDAS 3542-1030 / 3542-1803 DISTRIBUIDOR AUTORIZADO Autoclave AMORA 4 Litros R$: 1.999,00 à vista ou 10 x R$: 215,00 Autoclave Amora - Cristófoli 4 Litros Autoclave

Leia mais

Estamos apresentando nossa proposta em resposta a sua carta convite enviada em 13/05/08.

Estamos apresentando nossa proposta em resposta a sua carta convite enviada em 13/05/08. Rio de Janeiro, 11 de junho de 2008 A Aquastore A/c. Eng.Jano Grossmann End. Bairro. Cid. Rio de Janeiro Est. RJ Tel. (0xx21) 2523-7582 CEL. 9418-6179 e-mail. janog@aquastore.com.br Ref.: Proposta comercial

Leia mais

Serie FKR-D-BR-60 D A 355 a 630 Serie FKR-D-BR-45 D A 200 a 315. TROX DO BRASIL LTDA. Fone: (11) 3037-3900 Fax: (11) 3037-3910

Serie FKR-D-BR-60 D A 355 a 630 Serie FKR-D-BR-45 D A 200 a 315. TROX DO BRASIL LTDA. Fone: (11) 3037-3900 Fax: (11) 3037-3910 4/1.3/BR/1 Damper Corta Fogo Serie FKR-D-BR-60 D A 355 a 630 Serie FKR-D-BR-45 D A 200 a 315 Testado no Instituto de Pesquisas Tecnológicas IPT - São Paulo Conforme a Norma NBR 6479/1992 Vedação da aleta

Leia mais

Válvulas Automáticas de Controle e Fluxo

Válvulas Automáticas de Controle e Fluxo Válvulas Automáticas de Controle e Fluxo As válvulas automáticas são utilizadas em processos de automação ou acionamento remoto para controle de fluxo de líquidos e gases, e também nos processos de dosagem

Leia mais

Proteja a qualidade do seu leite Tanques resfriadores DeLaval

Proteja a qualidade do seu leite Tanques resfriadores DeLaval DeLaval Brasil Rodovia Campinas Mogi-Mirim - KM 133,10 - S/N Bairro Roseira - Jaguariúna/SP - CEP: 13820-000 Telefone: (19) 3514-8201 comunicacao@delaval.com www.delaval.com.br Sua revenda DeLaval Proteja

Leia mais

Conheça nossa empresa

Conheça nossa empresa Conheça nossa empresa Empresa Damaeq Integridade, Vontade de Superar-se, Satisfação do Cliente. Varredora Coletora Rebocável. A varredora Mecânica Coletora de Lixo Damaeq, é ideal para varrição de ruas,

Leia mais

IT - 18 SISTEMA DE CHUVEIROS AUTOMÁTICOS

IT - 18 SISTEMA DE CHUVEIROS AUTOMÁTICOS IT - 18 SISTEMA DE CHUVEIROS AUTOMÁTICOS SUMÁRIO ANEXO 1 Objetivo A - Hidrantes de recalque do sistema de chuveiros automáticos 2 Aplicação B Sinalização dos Hidrantes de Recalque do Sistema de chuveiros

Leia mais

Esterilizador a vapor com vácuo - aspectos mecânicos e de instrumentação necessários para obtenção de um artigo estéril.

Esterilizador a vapor com vácuo - aspectos mecânicos e de instrumentação necessários para obtenção de um artigo estéril. Esterilizador a vapor com vácuo - aspectos mecânicos e de instrumentação necessários para obtenção de um artigo estéril. Por Gerson R. Luqueta Objetivo: O presente artigo tem como objetivo apresentar aos

Leia mais

Resfriadores Evaporativos BRISBOX

Resfriadores Evaporativos BRISBOX Características do Produto: Resfriadores Evaporativos BRISBOX BRISBOX Aplicações Resfriadores evaporativos Munters, possuem uma ótima performance energética e podem ser aplicados em: Bingos; Boates; Academias;

Leia mais

1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO POR REGISTRO DE PREÇOS N 715 2012 CPL 04 SESACRE OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAL MÉDICO HOSPITALAR.

1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO POR REGISTRO DE PREÇOS N 715 2012 CPL 04 SESACRE OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAL MÉDICO HOSPITALAR. 1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO POR REGISTRO PREÇOS N 715 2012 CPL 04 SESACRE OBJETO: AQUISIÇÃO MATERIAL MÉDICO HOSPITALAR. A PREGOEIRA DA COMISSÃO PERMANENTE LICITAÇÃO CPL 04 comunica aos interessados que o Pregão

Leia mais

CENTRO DE TREINAMENTO DANCOR MÓDULO I - BOMBAS

CENTRO DE TREINAMENTO DANCOR MÓDULO I - BOMBAS CENTRO DE TREINAMENTO DANCOR MÓDULO I - BOMBAS DANCOR S.A INDÚSTRIA MECÂNICA Professor: José Luiz Fev/2012 CENTRO DE TREINAMENTO DANCOR 1- BOMBAS D ÁGUA (MÁQUINAS DE FLUXO): 1.1 DEFINIÇÃO Máquinas de fluxo

Leia mais

Pack Tempérys. Tempérys. Ventilação de conforto com regulação integrada > ventilação. caixas com bateria de aquecimento integrada e auto-regulada

Pack Tempérys. Tempérys. Ventilação de conforto com regulação integrada > ventilação. caixas com bateria de aquecimento integrada e auto-regulada ventilação Tempérys caixa de insuflação com revestimento duplo e bateria de aquecimento eléctrico Pack Tempérys caixa de insuflação + caixa de extracção com revestimento duplo, sistema de comando e de

Leia mais

Local: Av. Getúlio Vargas, nº. 300, Sobreloja, Cep. 69900-660 - Centro - Rio Branco Acre.

Local: Av. Getúlio Vargas, nº. 300, Sobreloja, Cep. 69900-660 - Centro - Rio Branco Acre. 2ª RETIFICAÇÃO PREGAO PRESENCIAL Nº. 128 2009 CPL 05 SETUL aquisição de equipamentos e materiais permanentes, para implantação dos Núcleos Produtivos Comunitários de Artesanato no Estado do Acre, nos municípios:

Leia mais

INDICE. Pag.2. Pag.3. Pag.4. Pag.5-6. Pag.7. Acessórios complementares

INDICE. Pag.2. Pag.3. Pag.4. Pag.5-6. Pag.7. Acessórios complementares INDICE Separador de Gorduras em PEAD para montagem apoiada: modelo KESSEL Euro G para aspiração directa ou aspiração à distância Separador de Gorduras em PEAD para montagem apoiada: modelo KESSEL Euro

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO N.º 50/15 RETIFICADO EM 07/12/2015

EDITAL DE PREGÃO N.º 50/15 RETIFICADO EM 07/12/2015 SERVIÇO AUTÔNOMO DE ÁGUA E ESGOTO - SAAE CNPJ: 21.260.443/0001-91 - Inscrição Estadual: isento Rua Nonô Ventura, 394, CEP 35680-205, Bairro Lourdes - Itaúna/MG EDITAL DE PREGÃO N.º 50/15 RETIFICADO EM

Leia mais

ESCOPO DA ACREDITAÇÃO ABNT NBR ISO/IEC 17025 ENSAIO

ESCOPO DA ACREDITAÇÃO ABNT NBR ISO/IEC 17025 ENSAIO Norma de Origem: NIT-DICLA-013 Folha: 1 / 09 RAZÃO SOCIAL/DESIGNAÇÃO DO LABORATÓRIO INSTITUTO DE PESQUISAS TECNOLÓGICAS DO ESTADO DE SÃO PAULO S.A. IPT CENTRO TECNOLÓGICO DO AMBIENTE CONSTRUÍDO - CETAC

Leia mais

STIC HI VAC II. MODELOS E CAPACIDADES A família HIVAC II é composta por esterilizadores de pequeno, médio e grande porte.

STIC HI VAC II. MODELOS E CAPACIDADES A família HIVAC II é composta por esterilizadores de pequeno, médio e grande porte. SELEÇÃO Espaço útil da câmara (médio) B0110-140 - 460 x 460 x 660 mm B0110-200 - 460 x 660 x 660 mm B0110-263 - 460 x 460 x 1245 mm B0110-370 - 460 x 660 x 1245 mm B0110-418 - 660 x 660 x 960 mm B0110-542

Leia mais

Central de Produção de Energia Eléctrica

Central de Produção de Energia Eléctrica Central de Produção de Energia Eléctrica Ref.ª CPEE Tipo 1 Tipo 2 Tipo 3 Tipo 4 Tipo 5 5 a 25 kva 25 a 150 kva 150 a 500 kva 500 a 1.000 kva 1.000 a 2.700 kva Pág. 1 ! Combustível Diesel! Frequência 50

Leia mais

Chiller Industrial Quando confiabilidade faz a diferença

Chiller Industrial Quando confiabilidade faz a diferença Chiller Industrial Quando confiabilidade faz a diferença Produzidos com os melhores componentes disponíveis no mundo e projetados com foco em economia de energia e facilidade de operação e manutenção,

Leia mais

MANUAL TÉCNICO. (Proteção Periférica Primária e Secundária)

MANUAL TÉCNICO. (Proteção Periférica Primária e Secundária) MANUAL TÉCNICO (Proteção Periférica Primária e Secundária). 2 SUMÁRIO Proteção Periférica Primária e Secundária...03 Descrição Técnica...04 Sistema de Ancoragem...06 Norma Regulamentadora NR-18...07 Atualização

Leia mais

AMBIENTAL MS PROJETOS EQUIPAMENTOS E SISTEMAS

AMBIENTAL MS PROJETOS EQUIPAMENTOS E SISTEMAS AMBIENTAL MS PROJETOS EQUIPAMENTOS E SISTEMAS MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO SISTEMA DE APROVEITAMENTO DE ÁGUA PLUVIAL MS TAC 4000 REV.02 2 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO AO SISTEMA DE TRATAMENTO PARA REUSO....

Leia mais

DRENO ECOLÓGICO. Dreno Ecológico de Condensado

DRENO ECOLÓGICO. Dreno Ecológico de Condensado DRENO ECOLÓGICO Dreno Ecológico de Condensado O problema O ar comprimido é uma fonte de energia essencial, amplamente utilizada em toda a indústria. Por ser uma ferramenta que oferece segurança, potência

Leia mais

Manual do Usuário. Produto LUBE-SEAL. Versão: LUBE-SEAL Manual V1.0 Data: 13/10/2006 Escrito por: Marcelo da Silveira Petter Prada dos Santos

Manual do Usuário. Produto LUBE-SEAL. Versão: LUBE-SEAL Manual V1.0 Data: 13/10/2006 Escrito por: Marcelo da Silveira Petter Prada dos Santos Manual do Usuário Produto Versão: Manual V1.0 Data: 13/10/2006 Escrito por: Marcelo da Silveira Petter Prada dos Santos SUMÁRIO SUMÁRIO 2 1. TERMOS E CONVENÇÕES 4 2. INFORMAÇÕES GERAIS 5 2.1. Dados do

Leia mais

NRO EXPEDIENTE : 069544.2000.14-0

NRO EXPEDIENTE : 069544.2000.14-0 SUBSECRETARIA DA ADMINISTRACAO CENTRAL DE LICITACOES-CELIC FOLHA- 001 DATA -10/09/2015 HORA - 10:57:58 EDITAL DE LICITACAO DE MENOR PRECO - PREGAO ELETRONICO ATRAVES DA LEI ESTADUAL 13.191/09 E SUJEITANDO-SE

Leia mais

1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO POR REGISTRO DE PREÇOS N 881 2011 CPL 03 DETRAN/AC

1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO POR REGISTRO DE PREÇOS N 881 2011 CPL 03 DETRAN/AC 1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO POR REGISTRO DE PREÇOS N 881 2011 CPL 03 DETRAN/AC OBJETO: Aquisição de máquina de sinalização horizontal (pintura a frio), com Carreta para transporte do Equipamento e Martelete

Leia mais

Válvula de Governo e Alarme 2.1/2 e 3

Válvula de Governo e Alarme 2.1/2 e 3 DESCRIÇÃO: A Válvula de Alarme Modelo E atua como um dispositivo de alarme de fluxo de água em sistemas espargidores de tubo úmido. O projeto permite instalação sob condições de fornecimento de pressão

Leia mais

Linha de Saneamento. Engineering GREAT Solutions. Soluções de Alta Perfomance

Linha de Saneamento. Engineering GREAT Solutions. Soluções de Alta Perfomance Linha de Saneamento Engineering GREAT Solutions Soluções de Alta Perfomance IMI Interativa / Válvulas para Saneamento Válvula Borboleta Série WR A válvula borboleta de alta performance Série WR foi projetada

Leia mais

ÍNDICE. 11. Instalação do CONTROLADOR ELETRO ELETRÔNICO E SENSORES...31. 13. Capa TÉRMICA...33

ÍNDICE. 11. Instalação do CONTROLADOR ELETRO ELETRÔNICO E SENSORES...31. 13. Capa TÉRMICA...33 ÍNDICE 1. PRODUTO SORIA...04 2. ALGUMAS VANTAGENS...05 3. PRODUTO SORIA...06 4. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS...07 5. KIT DE INSTALAÇÃO...08 6. ACESSÓRIOS...09 7. DIMENSIONAMENTO DOS COLETORES...10 8. Dimensionamento

Leia mais

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA CORPO DE BOMBEIROS MILITAR COMANDO GERAL

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA CORPO DE BOMBEIROS MILITAR COMANDO GERAL 1 OBJETIVO: Padronizar os diversos tipos de sistemas de bomba de incêndio das edificações, seus requisitos técnicos, componentes, esquemas elétricos-hidráulicos e memória de cálculo, de acordo com os parâmetros

Leia mais

Sprinklers, Válvulas e Acessórios

Sprinklers, Válvulas e Acessórios A Argus é uma empresa brasileira, especializada em segurança e proteção contra incêndio, com sede em Vinhedo/SP. Embora nova, a Argus é uma empresa com muita experiência. Seus sócios em conjunto somam

Leia mais

Sistemas Ar Comprimido. Aplicações medicinais e de respiração. www.fargon.com.br

Sistemas Ar Comprimido. Aplicações medicinais e de respiração. www.fargon.com.br Sistemas Ar Comprimido Aplicações medicinais e de respiração www.fargon.com.br Apresentação Sistemas personalizados de ar comprimido Fabricados para atender necessidades específicas de aplicação de ar

Leia mais

Tecnologia solar de alta eficiência para aquecimento de água

Tecnologia solar de alta eficiência para aquecimento de água [ Ar ] [ Água ] [ Terra ] Tecnologia Solar [ Buderus ] Tecnologia solar de alta eficiência para aquecimento de água Coletores Logasol Controladores Logamatic Estação Logasol Vasos de expansão Bomba circuladora

Leia mais

PROJETO EXECUTIVO MEMORIAL DESCRITIVO

PROJETO EXECUTIVO MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO EXECUTIVO MEMORIAL DESCRITIVO DAS INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS DO RESTAURANTE E VESTIÁRIOS Rev. 0: 09/01/13 1. INTRODUÇÃO Este memorial visa descrever os serviços e especificar os materiais do projeto

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES TURBO ELÉTRICO PRP-5000 E PRP-2008 E PRP-2010EN PRP-2012EN. www.progas.com.br www.braesi.com.br

MANUAL DE INSTRUÇÕES TURBO ELÉTRICO PRP-5000 E PRP-2008 E PRP-2010EN PRP-2012EN. www.progas.com.br www.braesi.com.br MANUAL DE INSTRUÇÕES TURBO ELÉTRICO Progás Indústria Metalúrgica Ltda. Av. Eustáquio Mascarello, Desvio Rizzo Caxias do Sul RS Brasil Fone: 000.. www.progas.com.br e mail: progas@progas.com.br Data de

Leia mais

CATÁLOGO 800035-A Observações sobre as fichas técnicas

CATÁLOGO 800035-A Observações sobre as fichas técnicas CATÁLOGO 800035-A sobre as fichas técnicas Os dados constantes nas fichas técnicas a seguir podem sofrer alterações sem prévio aviso. Alguns modelos possuem pequenas alterações em seus projetos construtivos,

Leia mais

Válvulas solenoides de 2/2 vias servo operadas tipo EV220B 15 50

Válvulas solenoides de 2/2 vias servo operadas tipo EV220B 15 50 Catálogo técnico Válvulas solenoides de 2/2 vias servo operadas tipo EV220B 15 50 EV220B 15 50 é um programa universal de válvula solenoide de 2/2 vias indiretamente servo-operada. O corpo da válvula em

Leia mais

Modalidade: PREGÃO PRESENCIAL PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº. 245/2009. Período de retirada do edital: 06/01/2010 a 15/01/2010 - (www.licitacao.ac.gov.

Modalidade: PREGÃO PRESENCIAL PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº. 245/2009. Período de retirada do edital: 06/01/2010 a 15/01/2010 - (www.licitacao.ac.gov. 2ª RETIFICAÇÃO PREGAO POR REGISTRO DE PRECOS N 245 2009 CPL 05 - SEGOV AQUISIÇÃO DE BANDEIRAS OFICIAIS, ATENDENDO A DEMANDA DA SEGOV, SOLICITADO ATRAVÉS DO Nº 661/DGI/SEGOV/2009. O PREGOEIRO DA COMISSÃO

Leia mais

Explicação dos Tipos de Válvula Solenóide

Explicação dos Tipos de Válvula Solenóide Explicação dos Tipos Válvula Solenói Todas as válvulas da Danfoss possuem agora uma signação que talha sua estrutura e operação.vários números e letras finem se a válvula é operada diretamente ou servocontrolada,

Leia mais

FILTRO COALESCENTE PARA GLP FASE VAPOR MODELO : F G L 5000 E. Manual de Informações Técnicas, Instalação e Manutenção

FILTRO COALESCENTE PARA GLP FASE VAPOR MODELO : F G L 5000 E. Manual de Informações Técnicas, Instalação e Manutenção Página1 UTILIZAÇÃO FILTRO COALESCENTE PARA GLP FASE VAPOR MODELO : F G L 5000 E Manual de Informações Técnicas, Instalação e Manutenção Para remoção de Oleína (*) em sistemas que utilizam GLP. Segundo

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO Detector / Sensor de Fumaça Autônomo Rede AC e Bateria - Com Saída Rele NA/NF - Código: AFDFAR. O detector de Fumaça código AFDFAR é um equipamento que deve ser instalado no teto ou na parede das edificações

Leia mais

Boletim da Engenharia 14

Boletim da Engenharia 14 Boletim da Engenharia 14 Como trocar o óleo dos compressores parafuso abertos e semi-herméticos 10/03 No boletim da engenharia nº13 comentamos sobre os procedimentos para troca de óleo dos compressores

Leia mais

DTGHV_20130524. Características e especificações técnicas sujeitas a alterações sem prévio aviso./ Fotos meramente ilustrativas. pág.

DTGHV_20130524. Características e especificações técnicas sujeitas a alterações sem prévio aviso./ Fotos meramente ilustrativas. pág. DT_20130524 GUILHOTINA HIDRÁULICA DE ÂNGULO VARIÁVEL MARCA NEWTON LINHA Características e especificações técnicas sujeitas a alterações sem prévio aviso./ Fotos meramente ilustrativas. pág. 1/5 DT_20130524

Leia mais

A foto mostra o Climatizador Vesper com o deslocamento de ar em banda larga espalhando a névoa evaporativa com ampla dispersão.

A foto mostra o Climatizador Vesper com o deslocamento de ar em banda larga espalhando a névoa evaporativa com ampla dispersão. Climatização Ambiental Apresentação Os climatizadores Vesper utilizam os Ventiladores Vesper que são fabricados há mais de 50 anos e dispoem dos mais variados modelos e tipos que vão de 46 cm a 1 (um)

Leia mais

Sistemas de Esterilização

Sistemas de Esterilização Sistemas de Esterilização Autoclave a vapor e formaldeído para uso hospitalar Feel the innovation 0123 steam Formaldehyde sterilizers hospital AppliCAtioN Autoclave a vapor e formaldeído para uso hospitalar

Leia mais

NORMAS DE SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIOS INSTRUÇÃO NORMATIVA (IN 017/DAT/CBMSC) SISTEMA DE ÁGUA NEBULIZADA (MULSIFYRE)

NORMAS DE SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIOS INSTRUÇÃO NORMATIVA (IN 017/DAT/CBMSC) SISTEMA DE ÁGUA NEBULIZADA (MULSIFYRE) ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE ESTADO DA SEGURANÇA PÚBLICA CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DIRETORIA DE ATIVIDADES TÉCNICAS - DAT NORMAS DE SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIOS INSTRUÇÃO NORMATIVA (IN 017/DAT/CBMSC)

Leia mais

CADERNO DE MOBILIÁRIO EXTERNO FÓRUM CÍVEL DO TJ-GO

CADERNO DE MOBILIÁRIO EXTERNO FÓRUM CÍVEL DO TJ-GO ESTADO DE GOIÁS PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DIRETORIA DOS SETORES DE OBRAS, SERVIÇOS, RECURSOS MATERIAIS E PROJETOS ESPECIAIS COMISSÃO TÉCNICA DE AVALIAÇÃO DE AMOSTRAS CADERNO DE MOBILIÁRIO EXTERNO

Leia mais

Memorial Descritivo CHUVEIROS AUTOMÁTICOS

Memorial Descritivo CHUVEIROS AUTOMÁTICOS 1/8 GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO ESTADO DO AMAPÁ DIVISÃO DE SERVIÇOS TÉCNICOS SEÇÃO DE ANÁLISE DE PROJETOS 1. Normas de referência: NBR 10.897-ABNT 1.1. Outras normas: 2. Nome

Leia mais

Aquecedor Solar. Catalogo_Aquecedor_Solar 009.indd 1 29/03/2010 15:47:15

Aquecedor Solar. Catalogo_Aquecedor_Solar 009.indd 1 29/03/2010 15:47:15 Aquecedor Solar Catalogo_Aquecedor_Solar 009.indd 1 29/03/2010 15:47:15 Aquecedores de Água a Gás Pisos Condicionadores de Ar Catalogo_Aquecedor_Solar 009.indd 2 29/03/2010 15:47:21 SUA VIDA COM KOMECO

Leia mais

RECEBIMENTO DEFINITIVO

RECEBIMENTO DEFINITIVO RECEBIMENTO DEFINITIVO HORÁRIO DE INÍCIO: LOCAL: LOCOMOTIVA Nº: HORÁRIO DE TÉRMINO: PAÍS: DATA: OK? OBS. COM O MOTOR DIESEL DESLIGADO: ITENS DO SISTEMA MECÂNICO, TRUQUE, HIDRÁULICO E PNEUMÁTICO: 1 - Inspecionar

Leia mais

CATÁLOGO INSTITUCIONAL SET. 2008 CATÁLOGO INSTITUCIONAL MEGAFORT INDUSTRIAL HIDRÁULICA LTDA. CILINDROS HIDRÁULICOS

CATÁLOGO INSTITUCIONAL SET. 2008 CATÁLOGO INSTITUCIONAL MEGAFORT INDUSTRIAL HIDRÁULICA LTDA. CILINDROS HIDRÁULICOS CATÁLOGO INSTITUCIONAL SET. 2008 CATÁLOGO INSTITUCIONAL MEGAFORT INDUSTRIAL HIDRÁULICA LTDA. CILINDROS HIDRÁULICOS Em processo de certificação ISO-9001/2000 A EMPRESA Estamos apresentando a MEGAFORT INDUSTRIAL

Leia mais

AR CONDICIONADO. Componentes

AR CONDICIONADO. Componentes AR CONDICIONADO AR CONDICIONADO Basicamente, a exemplo do que ocorre com um refrigerador (geladeira), a finalidade do ar condicionado é extrair o calor de uma fonte quente, transferindo-o para uma fonte

Leia mais

CALDEIRA A VAPOR. Caldeira para a Fábrica de Produtos Biológicos

CALDEIRA A VAPOR. Caldeira para a Fábrica de Produtos Biológicos CALDEIRA A VAPOR Caldeira para a Fábrica de Produtos Biológicos Aquisição: Caldeira com capacidade de geração de 4.000 kg/h/vapor, referência Aalborg ou equivalente, flamo-tubular, modelo da caldeira:

Leia mais