ISO 9001:2008 FS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ISO 9001:2008 FS"

Transcrição

1 Novos Procedimentos ART e Acervo Técnico ISO 9001:2008 FS

2 NOVOS PROCEDIMENTOS DE REGISTRO DE ART E ACERVO TÉCNICO A partir de 1º de janeiro de 2011, o formulário de Anotação de Responsabilidade Técnica- ART e seu cadastramento via Internet serão unificados nacionalmente. A ART foi instituída pelo Congresso Nacional em 7 de dezembro de 1977, através da Lei Federal nº 6496/77. A Resolução nº 1025 do Confea, em vigor desde 1º de janeiro de 2010, estabelece novos procedimentos de r e g i s t r o s d e A n o t a ç ã o d e Responsabilidade Técnica ART e Acervo Técnico. Fique atento! 31 de dezembro de 2010 é o último dia para resgatar o acervo técnico das atividades desenvolvidas anterior a dezembro de 2009.

3 O QUE É ART? A Anotação de Responsabilidade Técnica ART, é um instrumento que define para os efeitos legais os responsáveis técnicos pela execução de obras ou prestação de quaisquer serviços de E n g e n h a r i a, A r q u i t e t u r a, Agronomia e áreas afins, objeto do contrato. As atividades registradas na ART devem ser compatíveis com as atribuições profissionais. É também um instrumento de v a l o r i z a ç ã o p r o f i s s i o n a l, constituindo-se a base do Acervo Técnico que habilita o profissional a participar de processos licitatórios. QUEM CADASTRA ART? O cadastro da ART é feito exclusivamente no site do Crea- ES e é de reponsabilidade do profissional ou da empresa executante na qual mantenha vínculo desde que devidamente autorizado e efetivado pelo profissional, por meio de login e senha pessoal e intransferível. QUANDO É DEVIDO O REGISTRO DA ART? A ART relativa à execução de obra ou prestação de serviço deve ser registrada ANTES do início da respectiva atividade, de acordo com as informações constantes do contrato firmado entre as partes, sendo vedado o registro de ART relativa à execução de obra ou a prestação de serviço concluído, cuja atividade técnica tenha sido iniciada após 1º de janeiro de 2010 data de vigor da Resolução nº 1025/2009. A execução de obra ou a prestação de serviços CONCLUÍDOS será objeto de ART de laudo, parecer ou relatório. Estes serviços concluídos são objeto de Resolução específica do Confea. A ART referente à execução de obras ou à prestação de serviços, cujos serviços contidos no contrato abranjam mais de uma circunscrição, pode ser registrada em qualquer dos Creas da jurisdição onde for realizada a atividade, desde que o profissional e a empresa possuam visto/registro no respectivo Regional. QUANDO É EFETIVADO O REGISTRO DA ART? Após o pagamento do valor devido.

4 QUANDO É DEVIDO O REGISTRO DE ART EM ADITIVOS CONTRATUAIS? Nos casos de contratos de manutenção/conservação de: rodovias, linhas de distribuição, parques, jardins, coleta seletiva de resíduos, elevadores e escadas rolantes, etc. ou por prorrogação de prazo com acréscimo de serviços estabelecidos no contrato primitivo. QUEM RECOLHE A TAXA DA ART? Compete ao profissional o devido recolhimento do valor relativo ao registro no Crea-ES em cuja jurisdição for exercida a atividade, nos seguintes casos: Quando o profissional for contratado como autônomo diretamente por pessoa física ou jurídica; Quando o profissional for o proprietário do empreendimento ou empresário. Em se tratando de Empresa Executante caberá ao profissional cadastrar a ART no sistema eletrônico e a empresa efetuar o recolhimento da taxa do valor relativo ao registro da ART no Crea-ES em cuja circunscrição for exercida a atividade. QUEM É O RESPONSÁVEL PELA GUARDA DA ART? A guarda da via assinada da ART será de responsabilidade do Profissional e do Contratante, nos registros de ARTs efetivados a partir de 1º de janeiro de Nos casos de solicitação de Acervo Técnico o profissional deverá apresentar a ART devidamente assinada para guarda neste Conselho Regional junto ao processo de Certidão de Acervo Técnico - CAT.

5 TIPOS DE ARTs OBRA E SERVIÇO Para registros de obras/serviços referentes a projetos, laudos, execuções, montagens, avaliações etc. CARGO E FUNÇÃO Para registros relativos ao vínculo com pessoa jurídica para desempenhar Cargo e Função Técnica. COMPLEMENTAR Para detalhar as atividades técnicas e prorrogar prazo, desde que não implique na modificação das características do objeto ou da atividade contratada. DE SUBSTITUIÇÃO Necessidade de corrigir dados que impliquem na modificação do objeto ou da Atividade Técnica contratada e para corrigir erros de preenchimento de ART. MÚLTIPLA Para registros de serviços relacionados a obras/serviços de rotina, Receituário Agronômico, inspeção veicular e outros. (Deverá ser assinado termo de compromisso com o Crea-ES, antes dos registros de ARTs, exceto para Receituário Agronômico).

6 CLASSIFICAÇÃO DE ARTs ART INDIVIDUAL Atividade, objeto do contrato, é desenvolvida por um único profissional. ART DE CO-AUTORIA Atividade Técnica de objeto de contrato único, desenvolvida em conjunto por mais de um profissional da mesma competência. ART CO-RESPONSABILIDADE Atividade Técnica caracterizada como executiva, objeto único, desenvolvida em conjunto por mais de um profissional da mesma competência. ART DE EQUIPE Diversas Atividades complementares, objeto de contrato único, desenvolvidas em conjunto por mais de um profissional com competências diferenciadas.

7 DA NULIDADE DE ART A ART é tornada nula quando: For verificada lacuna no preenchimento, erro ou inexatidão insanáveis de qualquer dado da ART; For verificada incompatibilidade entre as atividades desenvolvidas e as atribuições profissionais do responsável técnico à época do registro da ART; For caracterizado que o profissional emprestou seu nome a pessoas físicas ou jurídicas sem sua real participação nas atividades descritas na ART, após decisão transitada em julgado; DO CANCELAMENTO DE ART A ART será cancelada quando: Nenhuma das atividades descritas na ART forem executadas. O contrato não for executado. O cancelamento da ART deverá ser requerido ao Crea-ES pelo profissional, pela pessoa jurídica contratada ou pelo contratante, exigindo-se a exposição do motivo da solicitação. For caracterizada outra forma de exercício ilegal da profissão; For caracterizada a apropriação de atividade técnica desenvolvida por outro profissional habilitado; For indeferido o requerimento de regularização da obra ou serviço a ela relacionado. O Crea-ES deverá comunicar ao profissional, à pessoa jurídica contratada (se for o caso) e ao contratante os motivos que levaram à anulação da ART.

8 BAIXA DE ART Todas as atividades técnicas registradas pelos profissionais por meio de ART, estão sujeitas obrigatoriamente a comunicação de baixa ao Crea. TIPOS DE BAIXAS Por Conclusão A baixa da ART deve ser requerida ao Crea-ES pelo profissional por meio eletrônico, através de sua senha e login. A baixa poderá ser requerida pelo contratante ou pela pessoa jurídica contratada através de formulário próprio disponível no site, desde que instruída com informações suficientes que comprovem a inércia do Profissional em requerê-la. Por Rescisão Contratual (Distrato) A baixa por distrato deverá ser solicitada ao Crea-ES imediatamente após o afastamento do profissional: Por iniciativa do profissional: por meio de solicitação formal, apresentando parecer técnico descrevendo a fase em que se encontra a obra/serviço. Por iniciativa do contratante: por meio de solicitação formal, anexando cópia da rescisão contratual (se for o caso), acompanhado de parecer técnico descrevendo a fase em que se encontra a obra e a ART do novo responsável técnico (substituição).

9 Por Paralisação O profissional deverá encaminhar ao Conselho solicitação informando em que fase a obra/serviço foi paralisada. Em caso de substituição de responsável técnico: O novo responsável técnico deverá anotar ART vinculada a ART principal, recolhendo taxa especial caso não haja alteração da empresa executante. Em caso de substituição de empresa executante: Deverá ser efetivado o registro de ART pelo responsável técnico, recolhendo a taxa em função do valor do novo contrato.

10 Contrato que abrange diversas circunscrições A ART relativa à execução de obras ou à prestação de serviços que abranjam circunscrições de diversos Creas deve ser registrada antes do início da respectiva atividade técnica, de acordo com as informações constantes do contrato firmado entre as partes, da seguinte forma: A ART referente à execução de obras ou à prestação serviços que abranjam mais de uma unidade da federação pode ser registrada em qualquer dos Creas onde for realizada a atividade; A ART referente à prestação de serviço cujo objeto encontra-se em outra unidade da federação pode ser registrada no Crea desta circunscrição ou no Crea onde for realizada a atividade profissional; Casos de contrato que abrangem diversas circunscrições não eximem a necessidade da empresa e profissionais possuírem registro/visto nos Creas onde estão sendo executados os serviços. CONTRATO A ART referente à execução de obras ou à prestação de serviços executados remotamente a partir de um centro de operações deve ser registrada no Crea em cuja circunscrição se localizar o centro de operações.

11 O QUE É ACERVO TÉCNICO? O Acervo Técnico é o conjunto das atividades desenvolvidas ao longo da vida do profissional, compatíveis com suas atribuições e registradas no Crea-ES por meio de ARTs - Anotações de Responsabilidade Técnica. O QUE É CERTIDÃO DE ACERVO TÉCNICO CAT? A Certidão de Acervo Técnico CAT é o instrumento que certifica, para os efeitos legais, que consta dos assentamentos do Crea-ES a ART - Anotação da Responsabilidade Técnica pelas atividades consignadas no Acervo Técnico do profissional, desde que devidamente comprovada a efetiva execução dos serviços. PARA QUE SERVE O ACERVO TÉCNICO? Para comprovar capacitação profissional. OBSERVAÇÕES A CAT constituirá prova de capacidade técnico-profissional da pessoa jurídica somente se o responsável técnico indicado estiver a ela vinculado como integrante de seu quadro técnico. É vedada a emissão de Certidão de Acervo Técnico CAT em nome de PESSOA JURÍDICA. A capacidade técnico-profissional de uma pessoa jurídica é representada pelo conjunto dos acervos técnicos dos profissionais integrantes de seu quadro técnico. É facultado ao Crea-ES, a qualquer momento, exigir documentos complementares que entender cabíveis, ficando o profissional obrigado à sua apresentação, sob pena de indeferimento do requerimento. RESGATE DE ACERVO TÉCNICO Os profissionais terão até 31 de dezembro de 2010 para requerer junto ao Crea-ES resgate de Acervo Técnico das atividades técnico-profissionais CONCLUÍDAS até 31 de dezembro de A partir de 1º de janeiro de 2011 é vedado o resgate de Acervo Técnico.

12 TIPOS DE CAT CERTIDÃO DE ACERVO TÉCNICO Sem registro em atestado. Com registro em atestado. De obra/serviço prestado para pessoa física, na qualidade de profissional autônomo. De obra/serviço em se tratando de incorporação ou obra própria. De atividade executada por profissional no desempenho de cargo/função técnica por instituição pública ou privada que não tenha como atividade fim Engenharia. Em se tratando de incorporação com a interveniência de agente financeiro. Em se tratando de consórcio. Em se tratando de obra/serviço no desempenho de cargo/função desenvolvido no exterior. Em se tratando de sub-contratação ou sub-empreitada. REGISTRO DE ATESTADO É facultado ao profissional requerer o registro de atestado fornecido por pessoa física ou jurídica de direito público ou privado contratante, com o objetivo de fazer prova de aptidão para desempenho de atividade pertinente e compatível em características, quantitativas, qualitativas e prazos. Definição: O Atestado é a declaração fornecida pela contratante da obra ou serviço, pessoa física ou jurídica de direito público ou privado, que atesta a execução de obra ou prestação de serviço e identifica seus elementos quantitativos e qualitativos, o local e o período de execução, os responsáveis técnicos envolvidos e as atividades técnicas executadas. A documentação necessária a ser apresentada na aquisição de acervo técnico para cada caso acima mencionado está disponível no site

13 FICHA TÉCNICA Realização Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Espírito Santo - Crea-ES Elaboração Grupo de Trabalho (GT) 1025/09 Coordenador: Eng. Mecânico Flavio Lobato La Rocca Eng. Civil Bruno Barbiero Moraes - Eng. Agrônomo Leonardo Coser Boynard Gleison dos Santos - Jeferson de Carvalho - Marcos Perini Muniz Rita de Fátima Souza Rosa - Thais Marinho T. G. Lucena - Vandeir Almeida do Rosário Colaboradores Jornalista Alcione Vazzoler Amélia Helena Gomes Eng. Civil José Maria Cola dos Santos Eng. Agrônomo José Adilson de Oliveira Projeto Gráfico Isadora Fialho Nicoláo Ilustrações Gió Diretoria Presidente Eng. Civil e Seg. Trab. Luis Fiorotti 1º vice presidente Téc. em Edif. e Arquiteta e Urbanista Rosimara Pimentel 2º vice presidente Eng. Eletricista Eduardo Luiz Henriques Diretor Administrativo Eng. Eletricista e Seg. Trab Áureo Buzatto Diretor Financeiro Eng. Mecânico Geral Rossoni Sisquini Vice diretor administrativo Eng. Agrônomo e Seg. Trab Álvaro João Bridi Vice diretor financeiro Arquiteto e Urbanista Douglas Cerqueira Gonçalves

14 ISO 9001:2008 FS Av. César Hilal, nº 700 Bento Ferreira, Vitória-ES C E P : Tel.: (27) creaes. org. br w w w. c r e a e s. o r g. b r

RESOLUÇÃO Nº 1025/09 CONFEA. Dispõe sobre a Anotação de Responsabilidade Técnica e o Acervo Técnico Profissional.

RESOLUÇÃO Nº 1025/09 CONFEA. Dispõe sobre a Anotação de Responsabilidade Técnica e o Acervo Técnico Profissional. RESOLUÇÃO Nº 1025/09 CONFEA Dispõe sobre a Anotação de Responsabilidade Técnica e o Acervo Técnico Profissional. Procedimentos para registro, baixa, cancelamento e anulação da ART e registro do Atestado

Leia mais

Anotação de Responsabilidade Técnica - ART

Anotação de Responsabilidade Técnica - ART Anotação de Responsabilidade Técnica - ART ART: FUNDAMENTO LEGAL A ART É O INSTRUMENTO QUE DEFINE, PARA OS EFEITOS LEGAIS, OS RESPONSÁVEIS TÉCNICOS PELO DESENVOLVIMENTO DE ATIVIDADE TÉCNICA NO ÂMBITO DAS

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 40, DE 26 DE OUTUBRO DE 2018.

RESOLUÇÃO Nº 40, DE 26 DE OUTUBRO DE 2018. RESOLUÇÃO Nº 40, DE 26 DE OUTUBRO DE 2018. Dispõe sobre o Termo de Responsabilidade Técnica e o Acervo Técnico Profissional, e dá outras providências O CONSELHO FEDERAL DE TÉCNICOS INDUSTRIAIS - CFT, no

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 1.025, DE 30 DE OUTUBRO DE 2009.

RESOLUÇÃO Nº 1.025, DE 30 DE OUTUBRO DE 2009. RESOLUÇÃO Nº 1.025, DE 30 DE OUTUBRO DE 2009. Dispõe sobre a Anotação de Responsabilidade Técnica e o Acervo Técnico Profissional, e dá outras providências. O CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA

Leia mais

O que é o Acervo Técnico de um profissional e quando posso solicitá-lo? Quais ARTs fazem parte do Acervo Técnico do profissional?

O que é o Acervo Técnico de um profissional e quando posso solicitá-lo? Quais ARTs fazem parte do Acervo Técnico do profissional? O que é o Acervo Técnico de um profissional e quando posso solicitá-lo? Considera-se Acervo Técnico do profissional toda a experiência por ele adquirida ao longo de sua vida profissional, compatível com

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 1025/09 CONFEA. Dispõe sobre a Anotação de Responsabilidade Técnica e o Acervo Técnico Profissional.

RESOLUÇÃO Nº 1025/09 CONFEA. Dispõe sobre a Anotação de Responsabilidade Técnica e o Acervo Técnico Profissional. RESOLUÇÃO Nº 1025/09 CONFEA Dispõe sobre a Anotação de Responsabilidade Técnica e o Acervo Técnico Profissional. PROCEDIMENTOS Registro Baixa Cancelamento Anulação da ART Registro do Atestado Emissão da

Leia mais

Dispõe sobre a Anotação de Responsabilidade Técnica e o Acervo Técnico Profissional e dá outras providências.

Dispõe sobre a Anotação de Responsabilidade Técnica e o Acervo Técnico Profissional e dá outras providências. Resolução nº 1.023, do CONFEA, de 30 de maio de 2008. RESOLUÇÃO Nº 1.023, DO CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA - CONFEA, DE 30 DE MAIO DE 2008. Dispõe sobre a Anotação de Responsabilidade

Leia mais

Para saber tudo sobre a Nova Resolução acesse: CONFEA: CREA-PA:

Para saber tudo sobre a Nova Resolução acesse: CONFEA:  CREA-PA: Para saber tudo sobre a Nova Resolução acesse: CONFEA: www.confea.org.br/normativos CREA-PA: www.creapa.com.br Sede: Tv. Doutor Moraes, 194 - Nazaré - Belém PA - CEP: 66.035-080 Ouvidoria: ouvidoria@creapa.com.br

Leia mais

ART- ANOTAÇÃO DE RESPONSABILIDADE TÉCNICA. Superintendência de Fiscalização - SUPFIS

ART- ANOTAÇÃO DE RESPONSABILIDADE TÉCNICA. Superintendência de Fiscalização - SUPFIS ART- ANOTAÇÃO DE RESPONSABILIDADE TÉCNICA Superintendência de Fiscalização - SUPFIS ART- ANOTAÇÃO DE RESPONSABILIDADE TÉCNICA Procedimento obrigatório por lei Registro pela Internet: 100% eletrônico Comodidade

Leia mais

Manual de Procedimentos Operacionais. Requerimento de ART e Acervo Técnico

Manual de Procedimentos Operacionais. Requerimento de ART e Acervo Técnico Check List CAT sem registro de atestado CAT sem registro de atestado Preenchimento Se não houver dados, será solicitado o preenchimento. Se contiver rasura ou estiver ilegível, deverá ser recusado o requerimento.

Leia mais

Dados da ART divergindo com os dados da documentação apresentada, deverão ser corrigidos através de ART de correção e/ou substitutiva.

Dados da ART divergindo com os dados da documentação apresentada, deverão ser corrigidos através de ART de correção e/ou substitutiva. O QUE É ACERVO TÉCNICO? O Acervo Técnico é o conjunto das atividades desenvolvidas ao longo da vida do profissional, compatíveis com suas atribuições desde que registradas no Crea por meio de ARTs -Anotações

Leia mais

A NOVA ART E ACERVO TÉCNICO. Resolução 1025/2009 Substitui a Resolução 1023/2008

A NOVA ART E ACERVO TÉCNICO. Resolução 1025/2009 Substitui a Resolução 1023/2008 A NOVA ART E ACERVO TÉCNICO Resolução 1025/2009 Substitui a Resolução 1023/2008 OBJETIVOS DA ART ART Sociedade Profissionais Creas Órgãos Públicos Identificação do Responsável Técnico Constituição do Acerto

Leia mais

PROCEDIMENTO OPERACIONAL ANALISAR DOCUMENTAÇÃO (CAT)

PROCEDIMENTO OPERACIONAL ANALISAR DOCUMENTAÇÃO (CAT) PAGINA: 1 / 12 O Acervo Técnico é o conjunto das atividades desenvolvidas ao longo da vida do profissional, compatíveis com suas atribuições e registradas no Crea por meio de ART - Anotação de Responsabilidade

Leia mais

Apresentação. Diretoria Eng. Agrônomo Helder Paulo Carnielli Presidente do Crea-ES

Apresentação. Diretoria Eng. Agrônomo Helder Paulo Carnielli Presidente do Crea-ES Diretoria 2015 Eng. Agrônomo Helder Paulo Carnielli Presidente Eng. Mecânico e de Seg. do Trabalho Fred Rosalém Heliodoro 1º Vice-presidente Eng. Agronômo Álvaro João Bridi 2º Vice-presidente Eng. Civil

Leia mais

ART ANOTAÇÃO DE RESPONSABILIDADE TÉCNICA 2011

ART ANOTAÇÃO DE RESPONSABILIDADE TÉCNICA 2011 ART ANOTAÇÃO DE RESPONSABILIDADE TÉCNICA TABELA 01 Contrato VALORES PARA PAGAMENTO COM CONTRATOS FORMALIZADOS Faixa Valor do Contrato Taxa 1ª Até 8.000,00 33,00 2ª De 8.000,01 a 15.000,00 83,00 3ª De 15.000,01

Leia mais

ATO ADMINISTRATIVO Nº 21 DE 08 DE DEZEMBRO 2010.

ATO ADMINISTRATIVO Nº 21 DE 08 DE DEZEMBRO 2010. ATO ADMINISTRATIVO Nº 21 DE 08 DE DEZEMBRO 2010. Dispõe sobre os valores de Anuidades de Pessoas Físicas e Jurídicas, de Anotação de Responsabilidade Técnica ART, de Serviços e de Multas no exercício de

Leia mais

Ética, Profissão e Cidadania Professor Paulo Sérgio Walenia. 10/18/2017 UTFPR Campus Curitiba DAELT Ética, Profissão e Cidadania 1

Ética, Profissão e Cidadania Professor Paulo Sérgio Walenia. 10/18/2017 UTFPR Campus Curitiba DAELT Ética, Profissão e Cidadania 1 Ética, Profissão e Cidadania Professor Paulo Sérgio Walenia 1 Nesta aula os seguintes assuntos serão abordados: Lei Resoluções Modelo de 2 LEI 6496/77 Institui a "Anotação de Responsabilidade Técnica"

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL ANEXO DA DECISÃO PL/SP Nº 1022/2014 ATO ADMINISTRATIVO Nº 28/2014 Dispõe sobre os valores de Anuidades de Pessoas Físicas e Jurídicas, de Anotação de Responsabilidade Técnica - ART, de Serviços e de Multas

Leia mais

1º São requisitos preliminares para o registro de que trata o caput deste artigo : (1) a) b) c) d)

1º São requisitos preliminares para o registro de que trata o caput deste artigo : (1) a) b) c) d) Publicada no D.O.U. - 15/12/93 Seção 1 RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 148, DE 26 DE NOVEMBRO DE 1993 (Alterada pela Resolução Normativa CFA n.º 179, de 25/04/96) (Revogada pela Resolução Normativa CFA nº 304,

Leia mais

CÂMARA ESPECIALIZADA DE ENGENHARIA CIVIL. Julgamento de Processos

CÂMARA ESPECIALIZADA DE ENGENHARIA CIVIL. Julgamento de Processos 1 II - PROCESSOS DE ORDEM A II. I - REQUER CERTIDÃO DE ACERVO TECNICO 2 UGI MOGI GUAÇU Nº de Ordem 1 Proposta CAT (fl.17) Processo/Interessado A-868/1995 V3 Relator JOSÉ FLORIANO DE AZEVEDO MARQUES NETO

Leia mais

Eng. Civil Viviane Riveros Silva Oliveira Líder da Área de Fiscalização do CREA-TO

Eng. Civil Viviane Riveros Silva Oliveira Líder da Área de Fiscalização do CREA-TO Eng. Civil Viviane Riveros Silva Oliveira Líder da Área de Fiscalização do CREA-TO Agente Administrativa da área Registro e Cadastro 2012-2016 Líder da área de Registro e ART 2012-2016 Líder de Área de

Leia mais

CREA-ES CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA DO ESPÍRITO SANTO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL

CREA-ES CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA DO ESPÍRITO SANTO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL ATO NORMATIVO Nº 36, DE 7 DE DEZEMBRO DE 2010 Dispõe sobre os valores de registro de ART devidas ao Crea-ES, para o exercício de 2011 e dá outras providências. O CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA

Leia mais

ATO ADMINISTRATIVO Nº 27/ 2013

ATO ADMINISTRATIVO Nº 27/ 2013 ATO ADMINISTRATIVO Nº 27/ 2013 Dispõe sobre os valores de Anuidades de Pessoas Físicas e Jurídicas, de Anotação de Responsabilidade Técnica - ART, de Serviços e de Multas no exercício de 2014. CONSELHO

Leia mais

CREA-ES CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO ESPÍRITO SANTO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL

CREA-ES CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO ESPÍRITO SANTO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL ATO NORMATIVO Nº 53, DE 04 DE DEZEMBRO DE 2012 Dispõe sobre as alterações das tabelas de valores referentes ao registro de ART, Serviços, Multas e Anuidades de Pessoas Físicas e Jurídicas devidas ao Crea-ES,

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 464, DE

RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 464, DE RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 464, DE 22-04-2015 DOU 06-05-2015 Dispõe sobre a criação de Acervos Técnicos de Pessoas Físicas e Pessoas Jurídicas registradas nos CRAs, por meio do Registro de Comprovação

Leia mais

ENTIDADES DE FISCALIZAÇÃO DO EXERCÍCIO DAS PROFISSÕES LIBERAIS CONSELHO FEDERAL DE ADMINISTRAÇÃO RESOLUÇÃO NORMATIVA Nº 464, DE 22 DE ABRIL DE 2015

ENTIDADES DE FISCALIZAÇÃO DO EXERCÍCIO DAS PROFISSÕES LIBERAIS CONSELHO FEDERAL DE ADMINISTRAÇÃO RESOLUÇÃO NORMATIVA Nº 464, DE 22 DE ABRIL DE 2015 ENTIDADES DE FISCALIZAÇÃO DO EXERCÍCIO DAS PROFISSÕES LIBERAIS CONSELHO FEDERAL DE ADMINISTRAÇÃO RESOLUÇÃO NORMATIVA Nº 464, DE 22 DE ABRIL DE 2015 Dispõe sobre a criação de Acervos Técnicos de Pessoas

Leia mais

REGISTRO DE PESSOA JURÍDICA. Especialidades

REGISTRO DE PESSOA JURÍDICA. Especialidades REGISTRO DE PESSOA JURÍDICA Especialidades OBJETIVO: A padronização dos procedimentos de inclusão, alteração e cancelamento de registros, em todas as UGI s, UOP s e UPS s, visando o melhoramento contínuo

Leia mais

ATO ADMINISTRATIVO Nº 24 DE 27 DE DEZEMBRO 2011.

ATO ADMINISTRATIVO Nº 24 DE 27 DE DEZEMBRO 2011. ATO ADMINISTRATIVO Nº 24 DE 27 DE DEZEMBRO 2011. Dispõe sobre os valores de Anuidades de Pessoas Físicas e Jurídicas, de Anotação de Responsabilidade Técnica ART, de Serviços e de Multas no exercício de

Leia mais

CONSIDERANDO o disposto no 1º, do art. 30, da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993;

CONSIDERANDO o disposto no 1º, do art. 30, da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993; Publicado no D.O.U. nº 84 de 22/04/2015, Seção 1 pag. 78 Publicado no DOU nº 211, 03/11/2016, Seção 1 pag. 75 RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 464, DE 22 DE ABRIL DE 2015 (Alterada pela Resolução Normativa 489,

Leia mais

1 de :03

1 de :03 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DE GOIÁS CREA-GO RELATÓRIO E VOTO FUNDAMENTADO CREA-GO Processo: 215454/2012 Folha: Assinat.: Órgão Plenário Processo n. 215454/2012

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho BAIXA DE ANOTAÇÃO DE RESPONSABILIDADE TÉCNICA IT. 44 00 1 / 5 1. OBJETIVO Estabelecer diretrizes para solicitação de baixa de Anotação de Responsabilidade Técnica ART. 2. DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA IT 01

Leia mais

ENTENDIMENTO Nº. 11/2001 CÂMARA ESPECIALIZADA DE ENGENHARIA INDUSTRIAL - CEEI

ENTENDIMENTO Nº. 11/2001 CÂMARA ESPECIALIZADA DE ENGENHARIA INDUSTRIAL - CEEI ENTENDIMENTO Nº. 11/2001 CÂMARA ESPECIALIZADA DE ENGENHARIA INDUSTRIAL - CEEI Dispõe sobre o registro de Acervo Técnico e emissão da Certidão de Acervo Técnico CAT no CREA-CE A CÂMARA ESPECIALIZADA DE

Leia mais

ATO ADMINISTRATIVO Nº 26, 13 DE DEZEMBRO DE 2012

ATO ADMINISTRATIVO Nº 26, 13 DE DEZEMBRO DE 2012 ATO ADMINISTRATIVO Nº 26, 13 DE DEZEMBRO DE 2012 Dispõe sobre os valores de Anuidades de Pessoas Físicas e Jurídicas, de Anotação de Responsabilidade Técnica - ART, de Serviços e de Multas no exercício

Leia mais

RESOLUÇÃO CFB N. 186/2017.

RESOLUÇÃO CFB N. 186/2017. RESOLUÇÃO CFB N. 186/2017. Institui o Registro de Comprovação de Aptidão para Desempenho de Atividades de Biblioteconomia RCA, de Pessoas Físicas e Jurídicas e dá outras providências. O Conselho Federal

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO PARANÁ CREA-PR

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO PARANÁ CREA-PR Atualizado em 18/10/2017 ITENS MÍNIMOS QUE DEVEM CONSTAR NO ATESTADO DE CAPACIDADE TÉCNICA PARA FINS DE CERTIDÃO DE ACERVO TÉCNICO NOTAS IMPORTANTES PARA TODOS OS ATESTADOS: 1. Os atestados emitidos por

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 304, DE 6 DE ABRIL DE 2005

RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 304, DE 6 DE ABRIL DE 2005 Publicada no D.O.U. n.º 93, de 17/05/2005 Seção 1 Página 66 RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 304, DE 6 DE ABRIL DE 2005 Cria o Acervo Técnico-Profissional de Pessoas Físicas e o Acervo Técnico- Cadastral de

Leia mais

CREA-ES CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO ESPÍRITO SANTO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL

CREA-ES CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO ESPÍRITO SANTO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL ATO NORMATIVO Nº 57, DE 12 DE NOVEMBRO DE 2013 Dispõe sobre as alterações das tabelas de valores referentes ao registro de ART, Serviços, Multas e Anuidades de Pessoas Físicas e Jurídicas devidas ao Crea-ES,

Leia mais

ATO NORMATIVO Nº. 32/09

ATO NORMATIVO Nº. 32/09 ATO NORMATIVO Nº. 32/09 Dispõe sobre os valores das anuidades de pessoas físicas a serem pagas ao Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Estado do Espírito Santo - Crea-ES para o exercício

Leia mais

MANUAL DE PREENCHIMENTO DE ART OBRA OU SERVIÇO/DEFENSORIA

MANUAL DE PREENCHIMENTO DE ART OBRA OU SERVIÇO/DEFENSORIA MANUAL DE PREENCHIMENTO DE ART OBRA OU SERVIÇO/DEFENSORIA A ART relativa à execução de obra ou à prestação de serviço, objeto de contrato único, deve ser registrada antes do início da respectiva atividade

Leia mais

DEFINE FORMULÁRIO DE RECEITA AGRONÔMICA INFORMATIZADA E REGULAMENTA A IMPRESSÃO : E UTILIZAÇÃO DO RECEITUÁRIO PERSONALIZADO

DEFINE FORMULÁRIO DE RECEITA AGRONÔMICA INFORMATIZADA E REGULAMENTA A IMPRESSÃO : E UTILIZAÇÃO DO RECEITUÁRIO PERSONALIZADO Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Espírito Santo Av. César Hilal, 700-1º andar - Bento Ferreira - Vitória - ES CEP 290-522-232 Tel.: (27) 3334-9900 FAX: (27) 3324-3644 CEEA DEFINE

Leia mais

Ficha Técnica. Manual de Procedimentos Operacionais. Supervisão. Comissão de Organização, Normas e Procedimentos CONP. Elaboração

Ficha Técnica. Manual de Procedimentos Operacionais. Supervisão. Comissão de Organização, Normas e Procedimentos CONP. Elaboração 1 Referência Ficha Técnica Manual de Procedimentos Operacionais Resolução n 1.025, de 30 de outubro de 2009 Revisão 00 Data 00/00/2009 Supervisão Comissão de Organização, Normas e Procedimentos CONP Elaboração

Leia mais

INSTRUÇÃO DA PRESIDÊNCIA Nº 166, DE 24 DE JULHO DE 2014.

INSTRUÇÃO DA PRESIDÊNCIA Nº 166, DE 24 DE JULHO DE 2014. INSTRUÇÃO DA PRESIDÊNCIA Nº 166, DE 24 DE JULHO DE 2014. Estabelece procedimentos administrativos para fins de Registro de Atestado de obra/serviço no Crea-RS, conforme disposto na Resolução do Confea

Leia mais

Alterações do Ato Normativo 01/2017

Alterações do Ato Normativo 01/2017 Alterações do Ato Normativo 01/2017 TIPIFICAÇÃO DAS ARTS : CONCEITO I - ART de obra ou serviço, relativa à execução de obras ou prestação de serviços inerentes às profissões abrangidas pelo Sistema Confea/Crea;

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA Resolução nº 1.852, de 28 de maio de 2011. Dispõe sobre os documentos comprobatórios do exercício profissional no âmbito do Sistema COFECON/CORECONs. O, no uso da atribuição que lhe confere a Lei n.º 1.411

Leia mais

Perguntas e Respostas Frequentes Sobre A.R.T 2ª Edição (Versão Eletrônica)

Perguntas e Respostas Frequentes Sobre A.R.T 2ª Edição (Versão Eletrônica) 0 Perguntas e Respostas Frequentes Sobre A.R.T 2ª Edição (Versão Eletrônica) 1 COPYRIGHT 2012 INSTITUTO BRASILEIRO DE AUDITORIA DE ENGENHARIA IBRAENG-CE CAPA E DIAGRAMAÇÃO Rodrigo Meneses REVISÃO Rejane

Leia mais

R E S O L U Ç Ã O 1024/ CONFEA LIVRO DE ORDEM

R E S O L U Ç Ã O 1024/ CONFEA LIVRO DE ORDEM R E S O L U Ç Ã O 1024/2009 - CONFEA LIVRO DE ORDEM NÃO HÁ DEFESA ADEQUADA, A NÃO SER A ESTUPIDEZ, PARA A RESISTÊNCIA AO IMPACTO DE UMA NOVA IDÉIA P. W. Bridgman A FISCALIZAÇÃO ATUANTE EVITA FRAUDE; A

Leia mais

D E L I B E R A Ç Ã O Nº 1 4 D O C R Q I V R E G I Ã O D E 0 4 / 0 9 /

D E L I B E R A Ç Ã O Nº 1 4 D O C R Q I V R E G I Ã O D E 0 4 / 0 9 / (Aprovada na Sessão Plenária Nº1.143ª) Dispõe sobre o registro de atestados, declarações, certidões e outros fornecidos por pessoas jurídicas de direito público ou privado referente à comprovação de aptidão

Leia mais

IMPUGNAÇÃO AO PREGÃO PRESENCIAL Nº 004/2017

IMPUGNAÇÃO AO PREGÃO PRESENCIAL Nº 004/2017 1 SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL SENAR-AR/PB Administração Regional da Paraíba ILUSTRÍSSIMO(A) SENHOR(A) Pregoeiro(a) do SENAR-PB IMPUGNAÇÃO AO PREGÃO PRESENCIAL Nº 004/2017 A ÁLAMO SEGURANÇA ELETRÔNICA

Leia mais

TABELAS DE ANUIDADES 2015

TABELAS DE ANUIDADES 2015 1 Resolução nº. 528/2011, do Confea, alterada pela Resolução nº. 1.058/2014 Anuidade Profissional Art. 2º A anuidade profissional é devida a partir de 1º de janeiro de cada ano, podendo a mesma ser cobrada

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA RESOLUÇÃO Nº 1.852, DE 28 DE MAIO DE 2011. Dispõe sobre os documentos comprobatórios do exercício profissional no âmbito do Sistema COFECON/CORECONs. O CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA, no uso da atribuição

Leia mais

CAU/MS EXERCÍCIO PROFISSIONAL FISCALIZAÇÃO ÉTICA ORIENTAÇÃO REGULAMENTAÇÃO ATENDIMENTO VALORIZAÇÃO DA ARQUITETURA DISCIPLINA INFORMAÇÃO

CAU/MS EXERCÍCIO PROFISSIONAL FISCALIZAÇÃO ÉTICA ORIENTAÇÃO REGULAMENTAÇÃO ATENDIMENTO VALORIZAÇÃO DA ARQUITETURA DISCIPLINA INFORMAÇÃO W W W. C A U M S. G O V. B R CAU/MS CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DE MATO GROSSO DO SUL EXERCÍCIO PROFISSIONAL DISCIPLINA INFORMAÇÃO FISCALIZAÇÃO ÉTICA ORIENTAÇÃO REGULAMENTAÇÃO ATENDIMENTO VALORIZAÇÃO

Leia mais

ATO NORMATIVO 24/ 07

ATO NORMATIVO 24/ 07 ATO NORMATIVO 24/ 07 Dispõe sobre os valores das anuidades de pessoas físicas a serem pagas ao Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Estado do Espírito Santo - Crea-ES para o exercício

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 517, DE 24 DE SETEMBRO DE 2010

RESOLUÇÃO Nº 517, DE 24 DE SETEMBRO DE 2010 RESOLUÇÃO Nº 517, DE 24 DE SETEMBRO DE 2010 Fixa os valores de registro de ART e dá outras providências. O CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA Confea, no uso das atribuições que lhe

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA CONFEA RESOLUÇÃO Nº 1.049, DE 27 DE SETEMBRO DE 2013

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA CONFEA RESOLUÇÃO Nº 1.049, DE 27 DE SETEMBRO DE 2013 RESOLUÇÃO Nº 1.049, DE 27 DE SETEMBRO DE 2013 Altera as tabelas de valores referentes ao registro de Anotação de Responsabilidade Técnica, serviços, multas e anuidades de pessoas físicas e jurídicas. O

Leia mais

DECISÃO nº. 01/ RECURSO ADMINISTRATIVO

DECISÃO nº. 01/ RECURSO ADMINISTRATIVO 1 DECISÃO nº. 01/2018 - RECURSO ADMINISTRATIVO PROCESSO Nº. 23125.019294/2016-16 REFERÊNCIA: RDC Eletrônico nº 06/2017 OBJETO: CONCLUSÃO DA AMPLIAÇÃO DO BLOCO DE LETRAS, ARTES E COMUNICAÇÃO DA UNIFAP RECORRENTE:

Leia mais

COMO PREENCHER ART DE OBRA E SERVIÇO A POSTERIORI SISTEMA CREAÁGIL

COMO PREENCHER ART DE OBRA E SERVIÇO A POSTERIORI SISTEMA CREAÁGIL COMO PREENCHER ART DE OBRA E SERVIÇO A POSTERIORI SISTEMA CREAÁGIL 1 OBJETIVO: Apresentar procedimentos para o preenchimento de Anotação de Responsabilidade Técnica - ART de Obra e Serviço a Posteriori

Leia mais

ATO ADMINISTRATIVO Nº 15, DE 12 DEZEMBRO DE 2008.

ATO ADMINISTRATIVO Nº 15, DE 12 DEZEMBRO DE 2008. ATO ADMINISTRATIVO Nº 15, DE 12 DEZEMBRO DE 2008. Dispõe sobre os valores de Anuidades de Pessoas Físicas e Jurídicas, de Anotação de Responsabilidade Técnica ART de Serviços e de Multas no exercício de

Leia mais

ATO NORMATIVO Nº 1, DE 16 DE JUNHO DE 2000

ATO NORMATIVO Nº 1, DE 16 DE JUNHO DE 2000 ATO NORMATIVO Nº 1, DE 16 DE JUNHO DE 2000 Dispõe sobre a documentação a ser exigida para o registro e a expedição da Certidão de Acervo Técnico aos profissionais do Sistema CONFEA/CREA-SP. O Conselho

Leia mais

Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia

Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia Introdução PROFISSÕES REGULAMENTADAS O QUE SÃO? POR QUE EXISTEM? CONSELHOS PROFISSIONAIS O QUE SÃO? O QUE FAZEM? Profissões regulamentadas * Medicina

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 35, DE 25 DE OUTUBRO DE 2018.

RESOLUÇÃO Nº 35, DE 25 DE OUTUBRO DE 2018. RESOLUÇÃO Nº 35, DE 25 DE OUTUBRO DE 2018. Dispõe sobre o registro de pessoas jurídicas nos Conselhos Regionais de Técnicos Industriais O CONSELHO FEDERAL DE TÉCNICOS INDUSTRIAIS - CFT, no uso das atribuições

Leia mais

PORTARIA Nº 113, DE 22 DE NOVEMBRO DE 2007.

PORTARIA Nº 113, DE 22 DE NOVEMBRO DE 2007. PORTARIA Nº 113, DE 22 DE NOVEMBRO DE 2007. Implementar os valores das anuidades, taxas, emolumentos e multas devidos ao Crea-RS por pessoas físicas e jurídicas para o exercício de 2008. O PRESIDENTE DO

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 1.018, DE 8 DE DEZEMBRO DE 2006.

RESOLUÇÃO Nº 1.018, DE 8 DE DEZEMBRO DE 2006. RESOLUÇÃO Nº 1.018, DE 8 DE DEZEMBRO DE 2006. Dispõe sobre os procedimentos para registro das instituições de ensino superior e das entidades de classe de profissionais de nível superior ou de profissionais

Leia mais

Atestado de Capacidade Técnica

Atestado de Capacidade Técnica Atestado de Capacidade Técnica ATESTADO DE CAPACIDADE TÉCNICA O atestado é a declaração fornecida pelo contratante da obra ou serviço, pessoa física ou jurídica de direito público ou privado, que atesta

Leia mais

EDITAL Nº 001/2.019 CADASTRO DE FORNECEDORES DE BENS, PRESTADORES DE SERVIÇOS E EMPREITEIROS DE OBRAS E SERVIÇOS

EDITAL Nº 001/2.019 CADASTRO DE FORNECEDORES DE BENS, PRESTADORES DE SERVIÇOS E EMPREITEIROS DE OBRAS E SERVIÇOS EDITAL Nº 001/2.019 CADASTRO DE FORNECEDORES DE BENS, PRESTADORES DE SERVIÇOS E EMPREITEIROS DE OBRAS E SERVIÇOS O Município de Itapecerica da Serra torna público, para conhecimento dos interessados que

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA CONFEA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA CONFEA RESOLUÇÃO Nº 1.058, DE 26 DE SETEMBRO DE 2014. Altera as Resoluções nº 479, de 2003; 524, 528, 529 e 530, de 2011 e revoga a Resolução nº 1049, de 2013. O CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA Confea,

Leia mais

NOVA ART E ACERVO TÉCNICO

NOVA ART E ACERVO TÉCNICO MANUAL DE PROCEDIMENTOS OPERACIONAIS NOVA ART E ACERVO TÉCNICO SEMINÁRIO SOBRE ART E ACERVO TÉCNICO Se houver interesse, encaminhar dúvidas ou sugestões de melhoria da versão preliminar até 03/12/2009

Leia mais

CREA-ES CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO ESPÍRITO SANTO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL

CREA-ES CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO ESPÍRITO SANTO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL ATO NORMATIVO 056/2013 Dispõe sobre registro e fiscalização de atividades de Engenharia de Segurança do Trabalho O CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO ESPÍRITO SANTO Crea-ES, no uso das atribuições

Leia mais

ATO NORMATIVO Nº. 33/09

ATO NORMATIVO Nº. 33/09 ATO NORMATIVO Nº. 33/09 Dispõe sobre os valores das anuidades de pessoas jurídicas a serem pagas ao Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Estado do Espírito Santo Crea- ES para o

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA CONFEA RESOLUÇÃO Nº 523, DE 3 DE OUTUBRO DE 2011

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA CONFEA RESOLUÇÃO Nº 523, DE 3 DE OUTUBRO DE 2011 RESOLUÇÃO Nº 523, DE 3 DE OUTUBRO DE 2011 Fixa os valores de registro da Anotação de Responsabilidade Técnica ART e dá outras providências. O CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA CONFEA,

Leia mais

ESTADO DO TOCANTINS PREFEITURA DE COLINAS DO TOCANTINS Comissão Permanente de Licitação

ESTADO DO TOCANTINS PREFEITURA DE COLINAS DO TOCANTINS Comissão Permanente de Licitação EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA PARA CADASTRO DE FORNECEDORES O Município de Colinas do Tocantins, Estado do Tocantins, com fundamento nos artigos 34 a 37 da Lei nº 8.666/93 e demais alterações, torna público

Leia mais

ENGENHARIA A RECIPROCIDADE E MUDANÇAS NA LEGISLAÇÃO BRASILEIRA

ENGENHARIA A RECIPROCIDADE E MUDANÇAS NA LEGISLAÇÃO BRASILEIRA ENGENHARIA A RECIPROCIDADE E MUDANÇAS NA LEGISLAÇÃO BRASILEIRA ENGENHARIA Barragem de Itaipu, uma das maiores obras de engenharia do mundo Breve Histórico do Sistema Confea/Crea Principais razões que motivaram

Leia mais

O Sistema Confea/ Crea

O Sistema Confea/ Crea O Sistema Confea/Crea é regido pela Lei nº 5.194, de 24/dez/1966. O Sistema Confea/ Crea O Conselho Federal e os Conselhos Regionais são autarquias* dotadas de personalidade jurídica de direito público,

Leia mais

Programa de Capacitação de Agentes Fiscais SANTA MARIA: 14/08/2013

Programa de Capacitação de Agentes Fiscais SANTA MARIA: 14/08/2013 Programa de Capacitação de Agentes Fiscais SANTA MARIA: 14/08/2013 CONCEITOS RESÍDUO: Resíduos nos estados sólido, semi-sólido ou líquido resultantes de atividades industriais, domésticas, hospitalar,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA CONFEA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA CONFEA ANEXO DA DECISÃO PL-2041/2015 (Atualização dos valores de anuidades, serviços e multas para o exercício 2016) SERVIÇOS As taxas de serviços devidas ao Confea e aos Creas no exercício 2016 constam na tabela

Leia mais

COMO PREENCHER ART DE OBRA E SERVIÇO SISTEMA CREAÁGIL

COMO PREENCHER ART DE OBRA E SERVIÇO SISTEMA CREAÁGIL COMO PREENCHER ART DE OBRA E SERVIÇO SISTEMA CREAÁGIL 1 OBJETIVO: Apresentar procedimentos para o preenchimento de Anotação de Responsabilidade Técnica - ART de Obra e Serviço on-line pelo Portal CreaÁgil.

Leia mais

RESOLUÇÃO CONFEA Nº 1.094, de 31/10/2017

RESOLUÇÃO CONFEA Nº 1.094, de 31/10/2017 RESOLUÇÃO CONFEA Nº 1.094, de 31/10/2017 Dispõe sobre a adoção do Livro de Ordem de obras e serviços das profissões abrangidas pelo Sistema CONFEA/CREA. O CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA - CONFEA,

Leia mais

FISCALIZAÇÃO DAS ATIVIDADES DE ELABORAÇÃO DE PROJETOS E EXECUÇÃO DE INSTALAÇÕES ELÉTRICAS E DE TELECOMUNICAÇÕES EM EDIFICAÇÕES.

FISCALIZAÇÃO DAS ATIVIDADES DE ELABORAÇÃO DE PROJETOS E EXECUÇÃO DE INSTALAÇÕES ELÉTRICAS E DE TELECOMUNICAÇÕES EM EDIFICAÇÕES. Av. César Hilal, 700-1º andar - Bento Ferreira - Vitória - ES CEP 29050-662 Tel.: (27) 3334-9900 FAX: (27) 3324-3644 CEEE FISCALIZAÇÃO DAS ATIVIDADES DE ELABORAÇÃO DE PROJETOS E EXECUÇÃO DE INSTALAÇÕES

Leia mais

ATO ADMINISTRATIVO Nº 09, DE 13 DEZEMBRO DE 2007.

ATO ADMINISTRATIVO Nº 09, DE 13 DEZEMBRO DE 2007. ATO ADMINISTRATIVO Nº 09, DE 13 DEZEMBRO DE 2007. Dispõe sobre os valores de Anuidades de Pessoas Físicas e Jurídicas, Anotação de Responsabilidade Técnica ART, Taxas de Serviços e Multas no exercício

Leia mais

Sistema Confea/Crea, Atuação Profissional e ART. Engº Agrônomo Gustavo de Faria Freitas

Sistema Confea/Crea, Atuação Profissional e ART. Engº Agrônomo Gustavo de Faria Freitas Sistema Confea/Crea, Atuação Profissional e ART Engº Agrônomo Gustavo de Faria Freitas Conselhos Profissionais Autarquias federais criadas para regulamentar e fiscalizar o exercício profissional (OAB e

Leia mais

A. I e IV. B. II e III. C. III e IV. D. I, II e III. E. I, II e IV. Regulamentação do exercício da profissão de engenheiro e direitos autorais.

A. I e IV. B. II e III. C. III e IV. D. I, II e III. E. I, II e IV. Regulamentação do exercício da profissão de engenheiro e direitos autorais. QUESTÃO 6 (Questão 14 - ENADE 2011) O acervo técnico profissional é regulamentado pela Resolução CONFEA Nº 1.025, de 30 de outubro de 2009. A Certidão de Acervo Técnico (CAT) é o instrumento que certifica,

Leia mais

Introdução à Engenharia

Introdução à Engenharia Introdução à Engenharia gandhiferrari@gmail.com http://www.facebook.com/profgandhiferrari http://www.twitter.com/gandhiferrari http://profgandhiferrari.wordpress.com O que é o Sistema CONFEA / CREA / MÚTUA

Leia mais

Ficha Técnica. Manual de Procedimentos Operacionais. Supervisão. Comissão de Organização, Normas e Procedimentos CONP. Documento original

Ficha Técnica. Manual de Procedimentos Operacionais. Supervisão. Comissão de Organização, Normas e Procedimentos CONP. Documento original 1 Referência Ficha Técnica Manual de Procedimentos Operacionais Resolução n 1.025, de 30 de outubro de 2009 Revisão 01 Data 28/01/2011 Supervisão Comissão de Organização, Normas e Procedimentos CONP Documento

Leia mais

Prefeitura Municipal de Aratuípe publica:

Prefeitura Municipal de Aratuípe publica: Prefeitura Municipal de 1 Ano VI Nº 1685 Prefeitura Municipal de publica: Resposta ao Pedido de Impugnação Processo Administrativo Nº. 493/2018 Pregão Presencial N O. 013/2018 - Objeto: Locação de estruturas

Leia mais

Decisão da Câmara Especializada de Engenharia Elétrica (CEEE-RJ )

Decisão da Câmara Especializada de Engenharia Elétrica (CEEE-RJ ) Reunião : Ordinária N : 4 : Extraordinária N : Decisão da Câmara Especializada : CEEE/RJ nº 432/2017 Referência : Processo nº 2017500121/Protocolo nº 2017500121 Interessado : LIGHT SERVIÇOS DE ELETRICIDADE

Leia mais

CONTROLE DE EXPEDIÇÃO DE ATOS NORMATIVOS DO CREA-PE

CONTROLE DE EXPEDIÇÃO DE ATOS NORMATIVOS DO CREA-PE CONTROLE DE EXPEDIÇÃO DE ATOS NORMATIVOS DO CREA-PE ATO Nº DATA DE EXPEDIÇÃO EMENTA/ASSUNTO SITUAÇÃO ATUAL 001/82 24/09/1982 002/82 24/09/1982 003/83 07/12/1983 "Dispõe sobre o registro de empresas de

Leia mais

CREA-SP CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA DE SÃO PAULO

CREA-SP CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA DE SÃO PAULO 01 CREA-SP CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA DE SÃO PAULO 02 No Brasil, existem profissões: Regulamentadas E não regulamentadas O Estado regulamenta uma profissão se entender que

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO FERREIRA

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO FERREIRA CADASTRO DE FORNECEDORES INSTRUÇÕES GERAIS. 1. OBJETIVO Estabelecer normas e procedimentos para efeito de habilitação em licitações da Prefeitura Municipal de Porto Ferreira, nos termos da Lei Federal

Leia mais

Anteprojeto de Resolução sobre Registro de Responsabilidade Técnica (RRT)

Anteprojeto de Resolução sobre Registro de Responsabilidade Técnica (RRT) Anteprojeto de Resolução sobre Registro de Responsabilidade Técnica (RRT) Comissão de Exercício Profissional CEP-CAU/BR Fevereiro de 2017 1. Histórico - base de dados e informações 1º Encontro Temático

Leia mais

Djalma Campos Guimarães Filho

Djalma Campos Guimarães Filho Palestra CREA-SP Djalma Campos Guimarães Filho CREA-SP Para acessar o sistema CREANet, é necessário que seu navegador (browser) não restrinja a exibição de Popups. Clique aqui para saber como configurar

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA COMISSÃO DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO Nº 017/2013 TOMADA DE PREÇO Nº 001/2013 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA Apresentamos a seguir a descrição e metodologia a ser aplicada nos serviços que integram o

Leia mais

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA INDICAÇÃO DE RESPONSÁVEL TÉCNICO (Cópias e originais ou cópias autenticadas) 1- Requerimento; 2- Indicação de responsável

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA INDICAÇÃO DE RESPONSÁVEL TÉCNICO (Cópias e originais ou cópias autenticadas) 1- Requerimento; 2- Indicação de responsável DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA INDICAÇÃO DE RESPONSÁVEL TÉCNICO (Cópias e originais ou cópias autenticadas) 1- Requerimento; 2- Indicação de responsável (eis) técnico (s) para atividades técnicas da Empresa

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. O projeto deverá seguir os critérios do projeto básico estabelecido pela Comissão Especial de Obras do CAU/AL (arquivo básico).

TERMO DE REFERÊNCIA. O projeto deverá seguir os critérios do projeto básico estabelecido pela Comissão Especial de Obras do CAU/AL (arquivo básico). 1. OBJETO E JUSTIFICATIVA. TERMO DE REFERÊNCIA Este termo de referência visa estabelecer os critérios mínimos para contratação de profissional e/ou empresa especializada e habilitada para apresentação

Leia mais

CERTIDÃO DE REGULARIDADE E QUITAÇÃO - CRQ

CERTIDÃO DE REGULARIDADE E QUITAÇÃO - CRQ CERTIDÃO DE REGULARIDADE E QUITAÇÃO - CRQ A CRQ será fornecida, mediante requerimento da pessoa jurídica registrada (Resolução CFN 378 de 28 de dezembro de 2005). O número de certidões a serem emitidas

Leia mais

CONDIÇÕES E INSTRUÇÕES PARA CADASTRAMENTO e/ou CREDENCIAMENTO DE FORNECEDORES

CONDIÇÕES E INSTRUÇÕES PARA CADASTRAMENTO e/ou CREDENCIAMENTO DE FORNECEDORES CONDIÇÕES E INSTRUÇÕES PARA CADASTRAMENTO e/ou CREDENCIAMENTO DE FORNECEDORES 1. DEFINIÇÃO E OBJETIVO 1.1. O objetivo desta instrução é fornecer informações básicas aos interessados em obter seu cadastramento

Leia mais

Anexo da Decisão PL 1758/2017

Anexo da Decisão PL 1758/2017 SERVIÇOS Anexo da Decisão PL 1758/2017 (Atualização dos valores de anuidades, serviços e multas para o exercício 2018) As taxas de serviços devidas ao Confea e aos Creas no exercício 2018 constam na tabela

Leia mais

ANOTAÇÃO DA RESPONSABILIDADE TÉCNICA - ART

ANOTAÇÃO DA RESPONSABILIDADE TÉCNICA - ART ANOTAÇÃO DA RESPONSABILIDADE TÉCNICA - ART Conforme Resolução CFN 576 de 19 de novembro de 2016 a Anotação de Responsabilidade Técnica (ART) é o ato administrativo realizado pelo Conselho Regional de Nutricionistas,

Leia mais