TABELA DE SERVIÇOS BÁSICOS LIBRA TERMINAIS SANTOS (vigência a partir de 01/07/2012 Valores expressos em Reais)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TABELA DE SERVIÇOS BÁSICOS LIBRA TERMINAIS SANTOS (vigência a partir de 01/07/2012 Valores expressos em Reais)"

Transcrição

1 TABELA DE SERVIÇOS BÁSICOS LIBRA TERMINAIS SANTOS (vigência a partir de 01/07/2012 Valores expressos em Reais) A ARMAZENAGEM DE IMPORTAÇÃO: A.1 CONTÊINERES FCL/FCL (PERÍODOS DE 7 DIAS OU FRAÇÃO) Fixo A período 192,17 0,65 % CIF A período 1,30 % CIF A período e subseqüentes 2,60 % CIF A 1.4 Valor mínimo, por Contêiner H/H, para o 1º período 192, , ,00 A 1.5 Valor mínimo, por Contêiner H/H, por cada período subseqüente 2.450, ,00 No primeiro período de armazenagem será cobrada uma parcela fixa e uma parcela variável de armazenagem Para as cargas com excesso nas dimensões (OOG), sob rodas ou em contêiner, será cobrado um adicional de 200% nos itens de Armazenagem. A armazenagem e movimentação destas cargas deverão ser negociadas com 10 dias de antecedência a descarga do navio. Cargas químicas com classificação IMO, cargas sujeitas a autorização da ANVISA ou outros órgãos anuentes terão um acréscimo de 100% nos serviços de armazenagem e gerenciamento de risco. A.2 CONTÊINERES FCL/LCL (PERÍODOS DE 7 DIAS OU FRAÇÃO) MUDANÇA DE REGIME Fixo A período 192,17 0,65 % CIF A período 1,30 % CIF A período e subseqüentes 2,60 % CIF A 2.4 Valor mínimo, por Contêiner H/H, para o 1º período 192, , ,00 A 2.5 Valor mínimo, por Contêiner H/H, por cada período subseqüente 2.450, ,00 No primeiro período de armazenagem será cobrada uma parcela fixa e uma parcela variável de armazenagem Para as cargas com excesso nas dimensões (OOG), carga solta será cobrado um adicional de 200% nos itens de armazenagem. A armazenagem e movimentação destas cargas deverão ser negociadas com 10 dias de antecedência a descarga do navio. Cargas químicas com classificação IMO, cargas sujeitas a autorização da ANVISA ou outros órgãos anuentes terão um acréscimo de 100% nos serviços de armazenagem e gerenciamento de risco.

2 A.3 CARGA CONSOLIDADA (PERÍODOS DE 7 DIAS OU FRAÇÃO): Fixo A período por lote B/L 134,52 0,65 % CIF A período por lote B/L 1,30 % CIF A período e subseqüentes por lote B/L 2,60 % CIF A 3.4 Carga solta por 01 (um) lote B/L 1º período, valor mínimo, por lote, B/L 134, ,00 A 3.5 Carga solta por 02 (dois) lotes - B/L 1º período, valor mínimo por lote B/L 134,52 560,00 A 3.6 Carga solta por 03 (três) ou mais lotes B/L 1º. Período valor mínimo por lote B/L 134,52 450,00 A 3.7 A 3.8 Carga solta por 01 (um) lote B/L por cada período subsequente valor mínimo por lote B/L Carga solta por 02 (dois) lotes B/L por cada período subsequente valor mínimo por lote - B/L 1.320,00 660,00 A 3.9 Carga solta por 03 ( três) ou mais lotes - B/L por cada período subsequente valor mínimo por lote B/L 570,00 No primeiro período de armazenagem será cobrada uma parcela fixa e uma parcela variável de armazenagem Para as cargas com excesso nas dimensões (OOG), carga solta será cobrado um adicional de 100% nos itens de Armazenagem. Cargas químicas com classificação IMO, cargas sujeitas a autorização da ANVISA ou outros órgãos anuentes, terão um acréscimo de 100% nos serviços de armazenagem e gerenciamento de risco. B ARMAZENAGEM DE EXPORTAÇÃO: B.1 CONTÊINERES (POR CONTÊINER - PERÍODOS DE 5 DIAS OU FRAÇÃO) B 1.1 Período livre de pre-stacking de 07 dias (sujeito a alteração) B 1.2 2º período 622,83 757,25 B 1.3 3º período 678,09 805,08 B 1.4 4º e subseqüentes 767,72 879,75 B 1.5 Carga solta (sem período livre, sujeito à disponibilidade e autorização do terminal) 54,86 por MT B 1.6 Carga solta valor mínimo por lote por período (sujeito à disponibilidade e autorização do terminal) 343,57 B.2 ADICIONAL A ARMAZENAGEM DE EXPORTAÇÃO CONTÊINERES COM EXCESSO (POR CONTÊINER): B 2.1 Período livre de pre-stacking cobrança de cargas com excesso 772,06 965,06 B 2.2 2º período e subseqüentes de 5 dias ou fração (sujeito à disponibilidade e autorização do terminal) 1.171, ,52 B 2.3 Carga solta por período de cinco (05) dias ou fração (sem período livre): sujeito à disponibilidade e autorização do terminal 63,46 por t ou m³ NOTA: Valores cobrados cumulativamente ao item B.1

3 B.3 ADICIONAL ARMAZENAGEM DE EXPORTAÇÃO CONTÊINERES (CARGAS COM CLASSIFICAÇÃO IMO, CARGAS SUJEITAS A AUTORIZAÇÃO DA ANVISA OU OUTROS ÓRGÃOS ANUENTES POR CONTÊINER) B 3.1 B 3.2 B o ao 7 o dia de armazenagem após entrega do contêiner, inclusive dia da entrega 154,41 193,00 8 o ao 12 o dia de armazenagem ou fração: sujeito à disponibilidade e autorização do terminal 168,90 212,31 13 o ao 17 o dia de armazenagem ou fração: sujeito à disponibilidade e autorização do terminal 186,74 227,75 B º ao 22 o dia de armazenagem ou fração e períodos subseqüentes de 05 dias: sujeito à disponibilidade e autorização do terminal 215,69 251,88 B 3.5 Carga solta por período de cinco (05) dias ou fração (sem período livre): sujeito à disponibilidade e autorização do terminal 17,73 por t ou m³ NOTA: Valores cobrados cumulativamente ao item B.1 B.4 RECEBIMENTO ANTECIPADO - CONTÊINERES (SUJEITO A AUTORIZAÇÃO PRÉVIA, por contêiner): B 4.1 Período de 07 dias (sujeito a alteração) 616,26 719,66 C SERVIÇOS COMPLEMENTARES: C.1 MOVIMENTAÇÃO DE CARGA (HANDLING / RECEBIMENTO / ENTREGA): C 1.1 Movimentação rodoviária, por contêiner cheio: 200,00 200,00 C 1.2 Movimentação ferroviária, por contêiner cheio: 206,81 266,78 C 1.3 Contêiner adicional para cargas OOG (sem uso de equipamentos especiais) 42,68 por t ou m³ C 1.4 Valor mínimo a ser faturado no item C 1.3 (por contêiner) 198,74 C 1.5 Carga Solta, por lote B/L 42,68 por t ou m³ C 1.6 Valor mínimo a ser faturado no item C 1.5 ( por lote B/L) 198,74 C 1.7 Movimentação rodoviária, por contêiner vazio (após período livre de 24 horas): 53,77 69,35 C 1.8 Movimentação ferroviária, por contêiner vazio: 82,73 106,71 C.2 DESOVA IMPORTAÇÃO (SUJEITO A AUTORIZAÇÃO PRÉVIA): C 2.1 Carga solta por lote - B/L 35,76 por t ou m³ C 2.2 Carga solta - valor mínimo de cobrança, por lote B/L 119,19 C 2.3 Desova Mecânica de contêineres, com empilhadeiras de garfos até 4 t 689,33 827,20 C 2.4 Não cumprimento da janela de agendamento (válido para agendamentos de desova de importação), por contêiner 137,86 177,85 C 2.5 Desova de contêineres processos judiciais (inclui movimentação interna, desova e devolução de contêiner vazio) 6.077, ,90 Desova de contêineres com equipamentos especiais Valores sob consulta. Cargas químicas com classificação IMO acréscimo de 100% nos serviços de desova.

4 C.3 POSICIONAMENTO DE CONTÊINERES / CARGA SOLTA C 3.1 Por contêiner 400,00 800,00 C 3.2 Contêiner - permanência na área de conferência (12 horas livres por períodos de 24 horas) 200,00 400,00 C 3.3 Carga solta por lote B/L 21,67 por t ou m³ C 3.4 Carga solta por lote B/L valor mínimo 124,60 C 3.5 Carga solta - por lote B/L - permanência na área de conferência (12 horas livres por períodos de 24 horas) 59,59 C.4 POSICIONAMENTO PARA INSPEÇÃO PARA VERIFICAÇÃO DE MADEIRA PORT. 499 C 4.1 Por contêiner 400,00 800,00 C 4.2 Contêiner - permanência na área de conferência (12 horas livres por períodos de 24 horas) 200,00 400,00 C 4.3 Carga solta por lote B/L 21,67 por t ou m³ C 4.4 Carga solta por lote B/L - valor mínimo 124,60 C 4.5 Carga solta por lote B/L - permanência na área de conferência (12 horas livres, por período de 24 horas) 59,59 C.5 SERVIÇOS DE EXPURGO: C 5.1 Por contêiner 610,06 825,13 C 5.2 Carga solta por lote B/L 43,34 por m³ C 5.3 Carga solta - por lote B/L - valor mínimo 325,05 C 5.4 C 5.5 Contêiner - permanência na área de conferência (12 horas livres por períodos de 24 horas) por contêiner 200,00 400,00 Carga solta - permanência na área de conferência (12 horas livres- por períodos de 24 horas) por lote B/L 130,02 C.6 LIBERAÇÃO EM DTA (ATÉ 48H DA ENTRADA IPA) C 6.1 DTA Rodoviária 1.625,25 Unidade C 6.2 DTA Ferroviária 1.625,25 Unidade C 6.3 DTA Carga Solta por MT ou fração 35,19 Por MT Valor mínimo a ser faturado por lote 896,13 Por lote C.6.4 Adicional para cargas com excesso OOG 100% 100% C 6.5 Adicional para cargas com classificação IMO, cargas sujeitas a autorização da ANVISA ou outros órgãos anuentes. 45% 45 % NOTA: No caso de documentação da DTA - PATIO entregue FORA DO PRAZO de 48 horas ÚTEIS, serão cobrados os itens correspondentes à armazenagem da carga.

5 C.7 POSTERGADA DE IMPORTAÇÃO: C 7.1 Fechamento DTE posterior por contêineres 462,91 597,15 C 7.2 Segregação e entrega posterior, contêineres por períodos de 24 horas ou fração 462,91 597,15 C 7.3 Carga solta por períodos de 24 horas ou fração (por MT ou fração) 33,41 33,41 C.7.4 Valor mínimo a ser cobrado após 1º período de 24 horas 462,91 597,15 C 7.5 Adicional para cargas com excesso OOG 100% 100% C 7.6 Adicional para cargas com classificação IMO, cargas sujeitas a autorização da ANVISA ou outros órgãos anuentes. 45% 45% Item C.7.1 será cobrado cumulativo ao item C.7.2 caso o contêiner não seja retirado no prazo estipulado. Conforme o disposto na Lei 8.630/93 e GAB nº 29/96, cargas de importação devem ser descarregadas diretamente para veículos do operador do Recinto Alfandegado, evitando a sua permanência nas áreas de operação das embarcações. Entretanto, a Libra Terminais Santos se reserva o direito de conceder período de carência de 24 horas para a retirada. C.8 TRANSFERÊNCIA DE CONTÊINERES E CARGAS EM REGIME DE DT C 8.1 Serviço de entrega imediata de contêiner 112,14 Por und. C 8.2 Serviço de entrega imediata de carga solta 34,56 t ou m³ O valor é faturado em obediência aos parâmetros estabelecidos pela CODESP e cobrado conforme autorização dada pelo Juízo da 3ª Vara Federal do Distrito Federal, no processo nº Fica, no entanto, ressalvado o direito da Libra Terminais S/A em cobrar a diferença de aumentos autorizados pela CODESP, de correção monetária e de adicional de cargas perigosas, após julgamento da procedência da ação judicial mencionada. C.9 FORNECIMENTO DE CERTIFICADOS OU RELATÓRIOS: C 9.1 Por certificado 137,86 C 9.2 Emissão de ticket de pesagem por solicitação do cliente via website 66,17 C.10 CONEXÃO DE TOMADAS E MONITORAMENTO REEFER C 10.1 Por contêiner ao dia, 134,43 173,41 C 10.2 Adicional Hot-stuffing por contêiner ao dia, 134,43 173,41 Para contêineres em "hot-stuffing" (unidades admitidas no terminal apresentando temperatura acima da requerida pela carga, informada através de documentação fornecida, por tempo superior a 8 horas após admissão - 1º monitoramento) será cobrado um adicional diário para monitoramento/plug in/out de contêineres refrigerados, até que a temperatura atinja 1 grau acima do set-point. Nos dias subsequentes, a cobrança será pelo valor normal. Os valores do item C.10 poderão sofrer alterações em conseqüência de variações nas tarifas públicas de fornecimento de energia.

6 C.11 PESAGEM UTILIZAÇÃO DE BALANÇAS C 11.1 Repesagem de contêiner 206,81 C 11.2 Pesagem carga solta - por lote B/L 7,04 por t ou m³ C 11.3 Pesagem carga solta - por lote B/L valor mínimo 19,50 C 11.4 Repesagem de carga solta - por lote B/L 43,34 Contêineres: nos casos de repesagem serão cobradas duas movimentações e o transporte interno. Carga solta: nos casos de repesagem serão cobradas duas movimentações. C.12 SOBRESTADIA DE VAGÕES FERROVIÁRIOS: C 12.1 Por vagão ferroviário nas áreas internas do arrendatário por cada período de 24 horas, por razões alheias ao arrendatário. 320,54 320,54 C.13 PALETIZAÇÃO DE CARGAS C 13.1 Por pallet 119,19 por unid. C 13.2 Re-embalagem de cargas/cintagem, 70,43 por unid. C 13.3 Streach mecanizado 81,26 por unid. C.14 ARMAZENAGEM DE CONTÊINERES VAZIOS: C 14.1 Armazenagem de contêineres vazios, por dia de estadia: 103,40 144,77 C 14.2 Armazenagem de contêineres tanque vazios, por dia de estadia 130,96 172,33 NOTA: Item C.14.1 e C.14.2 serão cobrados cumulativamente aos itens correspondentes à importação e à exportação. C.15 CANCELAMENTO DE EMBARQUE: C 15.1 Cancelamento de embarque de contêiner e retirada do terminal: 441,17 565,25 NOTA: Na desistência de embarque a carga perde todos os direitos do pre-stacking. C.16 ROLAGEM DE CONTÊINERES/MUDANÇA DE PORTO OU NAVIO: C 16.1 Contêineres 411,52 534,78 NOTA: Na falta de informação do novo navio no ato da rolagem, serão cobradas as rolagens adicionais. C.17 FORNECIMENTO DE FOTOGRAFIAS (ARQUIVO ELETRÔNICO): C 17.1 Por contêiner cheio ou vazio, veículo ou lote fotografado (Inclui 5 fotos). 256,42 C 17.2 Fotos adicionais (por foto) 59,48

7 C.18 ESTUFAGEM DE CONTÊINERES: C 18.1 Mecânica Sob Consulta C 18.2 Manual Sob Consulta C.19 SOBRESTADIA DE VEÍCULOS RODOVIÁRIOS COM CARGA: C 19.1 Permanência de veículo na área do terminal após término do carregamento, por razões alheias ao arrendatário, por hora ou fração 9,61 C.20 UTILIZAÇÃO DE PLATAFORMA DE CONTENÇÃO DE RESÍDUOS QUÍMICOS: C 20.1 Utilização de equipamentos do terminal na contenção emergencial de resíduos químicos vazando de contêineres de exportação ou importação. Serão acrescentados os custos administrativos e despesas de redestinação dos resíduos, por dia ou fração ,20 C.21 ABERTURA DE CONTÊINER PARA VISTORIA C 21.1 Contêineres 89,61 C.22 RECEBIMENTO DE CARGAS EM REGIME ESPECIAL C 22.1 Conclusão de trânsito aduaneiro / DTA Rodoviário 261,94 C 22.2 Conclusão de trânsito aduaneiro / DTA Ferroviário 379,13 C 22.3 Presença de carga entrega cargas não desembaraçadas por contêiner 199,91 C.23 RECEBIMENTO DE CONTÊINER E DOCUMENTO APÓS FECHAMENTO DO DEADLINE LATE-ARRIVAL C 23.1 Contêineres 217,50 C.24 IMPORTAÇÃO: AGENDAMENTO DE ENTREGA C 24.1 Contêiner - entrega de cargas fora da janela agendamento expresso 598,75 por contêiner C 24.2 Contêiner - não cumprimento da janela de agendamento, por contêiner 137,86 177,85 C 24.3 Carga solta entrega de cargas fora da janela agendamento expresso por lote- B/L 403,47 C 24.4 Carga solta não cumprimento da janela de agendamento, por lote B/L 108,35 C.25 ETIQUETAGEM / ROTULAGEM C 25.1 Por evento 0,54 por unid.

8 C.26 LIMPEZA SIMPLES C 26.1 Por Contêiner 113,77 130,02 C 26.2 Carga solta - por lote-b/l 7,58 por t ou m³ C.26.3 Carga solta - valor mínimo por lote- B/L 32,51 NOTA: Limpeza química se necessária será realizado no depot do armador. C.27 LONAGEM CARGA SOLTA FORA DE PADRÃO C 27.1 Carga solta - por lote B/L 16,25 m³ C 27.2 Carga solta - valor mínimo por lote-b/l 260,04 C.28 INSPEÇÃO NÃO INVASIVA DE CONTÊINERES - UTILIZAÇÃO DE SCANNER C.28.1 Por contêiner 162,53 162,53 D TRANSPORTE DE CONTÊINERES: D.1 TRANSPORTE CONTÊINERES CHEIOS D 1.1 Carga solta - transferência interna (Operador / IPA Libra) por lote-b/l 27,09 por t ou m³ D 1.2 Carga solta - transferência interna (Operador / IPA Libra) valor mínimo por lote-b/l 130,02 D 1.3 Carga solta - Santos / Santos por lote-b/l 32,51 por t ou m³ D 1.4 Carga solta - Santos / Santos valor mínimo por lote-b/l 379,23 D 1.5 Carga solta - Santos / Guarujá e Cubatão por lote- B/L 43,34 por t ou m³ D 1.6 Carga solta - Santos / Guarujá valor mínimo por lote-b/l 487,58 D 1.7 Contêiner - transferência interna Libra (Operador / IPA Contêineres) 158,42 226,45 D 1.8 Contêiner cheio Santos / Santos. 538,62 663,99 D 1.9 Contêiner cheio Santos / Guarujá 829, ,78 D 1.10 Contêiner cheio Santos / Cubatão 827, ,18 Ad Valorem: 0,20% do valor declarado da mercadoria. Pedágios: conforme concessionária. Impostos: serão acrescidos nos valores acima de acordo com a legislação vigente. Cargas químicas com classificação IMO acréscimo de 35% nos serviços de transporte.

9 D.2 TRANSPORTE CONTÊINERES VAZIOS D 2.1 Carga solta - Santos / Santos ou Guarujá valor mínimo por lote-b/l 70,43 D 2.2 Contêiner vazio Santos / Santos 414,51 414,51 D 2.3 Contêiner vazio Santos / Guarujá 765,07 765,07 D 2.4 Contêiner vazio Santos / Cubatão 459,30 459,30 Pedágios: conforme concessionária. Impostos: serão acrescidos nos valores acima de acordo com legislação vigente. A Libra Terminais Santos terá até 02 (dois) dias úteis livres da cobrança de demurrage ou sobrestadia, subseqüentes à data da operação finalizada para a devolução do contêiner vazio no depósito designado pelo armador. E. DISPOSIÇÕES GERAIS: E.1 Da Tabela de Preços Esta tabela de preços é válida por prazo indeterminado, podendo sofrer alterações a qualquer momento sem prévio aviso. E.2 Do Pagamento Importação: o pagamento das faturas será à vista, contra a retirada da(s) mercadoria(s) ou contêiner(s) da Libra Terminais Santos. Exportação: o pagamento das faturas será à vista, contra prestação dos serviços à(s) mercadoria(s) ou contêiner(s) na Libra Terminais Santos. Cargas já nacionalizadas dentro do período de armazenagem que não forem retiradas no prazo de 07 dias sofrerão um acréscimo de 50% sobre o valor total de armazenagem. Após o pagamento das taxas devidas, as mercadorias ou contêineres deverão ser retirados pelo consignatário ou preposto até o final do período acordado e seguindo as regras de agendamento, não havendo franquia para carregamento. Caso a mercadoria não seja retirada, será cobrada a perda de agendamento e nos casos de solicitação de janela, acrescido da nova armazenagem em dobro. No caso da impossibilidade da retirada de lotes grandes no período da franquia, deverá ser feita uma comunicação por escrito a Libra Terminais Santos, a qual analisará as justificativas e eventualmente concederá prorrogação do prazo normal. Gerenciamento de risco: será cobrado 0,5% do valor declarado da mercadoria armazenada. Serão integralmente repassadas as taxas cobradas pelos Operadores Portuários na retirada de cargas (entrega imediata, postergada e outros). Os valores acima serão acrescidos de 1,65% de PIS, 7,60% de COFINS e ISS conforme legislação vigente. E.3 Notas Complementares Quaisquer casos não diretamente contemplados nas tabelas de preços aqui apresentadas serão objetos de negociação específica entre as partes interessadas. Não ocorrendo saída da carga no prazo máximo de 90 dias, contados da entrada na Libra Terminais Santos, serão cobrados os valores mínimos da tabela de armazenagem e serviços adicionais nesta proposta. Os valores devidos a Libra Terminais Santos em razão do abandono de mercadorias serão cobrados dos respectivos proprietários, inclusive os ressarcimentos por despesas incorridas na prestação dos serviços em questão de Leilão ou na eventual destruição das mercadorias que a repartição aduaneira determine. A Libra Terminais Santos não se responsabiliza por atrasos na liberação de mercadorias caso seja constatada a ausência de recolhimento de tributos legais ou por causa do não atendimento às outras disposições legais vigentes.

TABELA DE SERVIÇOS BÁSICOS LIBRA TERMINAIS SANTOS (vigência a partir de 01/12/2013 Valores expressos em Reais)

TABELA DE SERVIÇOS BÁSICOS LIBRA TERMINAIS SANTOS (vigência a partir de 01/12/2013 Valores expressos em Reais) TABELA DE SERVIÇOS BÁSICOS LIBRA TERMINAIS SANTOS (vigência a partir de 01/12/2013 Valores expressos em Reais) A ARMAZENAGEM DE IMPORTAÇÃO: A.1 CONTÊINERES FCL (PERÍODOS DE 7 DIAS OU FRAÇÃO) Fixo A 1.1

Leia mais

Tabela Pública de Serviços

Tabela Pública de Serviços Tabela Pública de Serviços Sumário Serviços para Contêineres de Importação... 3 Serviços para Carga Desunitizada de Importação... 6 Serviços para Contêineres de Exportação.... 9 Serviços para Contêineres

Leia mais

Tabela Pública de Serviços. (vigência a partir de 16/01/2016 Valores expressos em Reais)

Tabela Pública de Serviços. (vigência a partir de 16/01/2016 Valores expressos em Reais) Tabela Pública de Serviços (vigência a partir de 16/01/2016 Valores expressos em Reais) Sumário Serviços para Contêineres de Importação... 3 Serviços para Carga Desunitizada de Importação... 6 Serviços

Leia mais

Tabela Pública de Serviços

Tabela Pública de Serviços Tabela Pública de Serviços Sumário Serviços para Contêineres de Importação... 3 Serviços para Carga Desunitizada de Importação... 5 Serviços para Contêineres de Exportação.... 7 Serviços para Contêineres

Leia mais

TABELA DE SERVIÇOS BÁSICOS LIBRA TERMINAIS RIO

TABELA DE SERVIÇOS BÁSICOS LIBRA TERMINAIS RIO TABELA DE SERVIÇOS BÁSICOS LIBRA TERMINAIS RIO (vigência a partir de 01/07/2012 Valores expressos em Reais) A ARMAZENAGEM DE IMPORTAÇÃO: A.1 CONTÊINERES / CARGA GERAL (períodos de 7 dias ou fração): Fixo

Leia mais

Tabela Pública de Serviços

Tabela Pública de Serviços Tabela Pública de Serviços Sumário Serviços para Contêineres de Importação... 3 Serviços para Carga Desunitizada de Importação... 5 Serviços para Contêineres e Cargas Soltas de Exportação... 7 Serviços

Leia mais

TABELA DE SERVIÇOS BÁSICOS LIBRA TERMINAIS RIO

TABELA DE SERVIÇOS BÁSICOS LIBRA TERMINAIS RIO TABELA DE SERVIÇOS BÁSICOS LIBRA TERMINAIS RIO (vigência a partir de 25/02/2014 Valores expressos em Reais) A ARMAZENAGEM DE IMPORTAÇÃO: A.1 CONTÊINERES / CARGA GERAL (períodos de 7 dias ou fração): Fixo

Leia mais

Tabela de preços dos serviços oferecidos e prestados pela Bandeirantes Logística Integrada. Vigência a partir de 02/01/2015

Tabela de preços dos serviços oferecidos e prestados pela Bandeirantes Logística Integrada. Vigência a partir de 02/01/2015 Tabela de preços dos serviços oferecidos e prestados pela Bandeirantes Logística Integrada. Vigência a partir de 02/01/2015 IMPORTAÇÃO CONTAINER LCL/FCL PERÍODO DE 10 DIAS OU FRAÇÃO. 1. Armazenagem FCL

Leia mais

PREÇOS ARMAZENAGEM E SERVIÇOS

PREÇOS ARMAZENAGEM E SERVIÇOS 1. IMPORTAÇÃO 1.1. ARMAZENAGEM: A Contêineres (R$/Contêiner) Até o 10º dia (por período) 290,00 355,00 Do 11º ao 15º dia (por período) 275,00 325,00 Do 16º ao 20º dia (por período) 305,00 357,00 Do 21º

Leia mais

Armazenagem Container 20 Pés Container 40 Pés Cadastramento por B/L R$ 210,00 R$ 210,00

Armazenagem Container 20 Pés Container 40 Pés Cadastramento por B/L R$ 210,00 R$ 210,00 TABELA DE PREÇOS SERVIÇOS DE TERMINAL ALFANDEGADO (IMPORTAÇÃO) Transporte Costado Navio Operador Portuário até a Transbrasa Container 20 Pés Container 40 Pés Margem Direita R$ 430,00 R$ 460,00 Margem Esquerda

Leia mais

TABELA DE PREÇOS E SERVIÇOS

TABELA DE PREÇOS E SERVIÇOS TABELA DE PREÇOS E SERVIÇOS Esta TABELA DE PREÇOS E SERVIÇOS será aplicada a todos os usuários que na data da prestação do serviço não tenham assinado um acordo individual com a BTP - Brasil Terminal Portuário.

Leia mais

Tabela de Preços dos serviços oferecidos e prestados pelo ECOPORTO SANTOS, Vigência a partir de 01/06/2014

Tabela de Preços dos serviços oferecidos e prestados pelo ECOPORTO SANTOS, Vigência a partir de 01/06/2014 1. ARMAZENAGEM Tabela de Preços dos serviços oferecidos e prestados pelo ECOPORTO SANTOS, Vigência a partir de 01/06/2014 1.1. ARMAZENAGEM DE IMPORTAÇÃO 1.1.1 CONTÊINERES MUDANÇA DE REGIME/CARGA LCL Pelo

Leia mais

TABELA DE PREÇOS E CONDIÇÕES COMERCIAIS ESTRUTURA DE SERVIÇOS E PREÇOS

TABELA DE PREÇOS E CONDIÇÕES COMERCIAIS ESTRUTURA DE SERVIÇOS E PREÇOS TABELA DE PREÇOS E CONDIÇÕES COMERCIAIS Vigência: 15/03/2014 a 14/03/2015 ESTRUTURA DE SERVIÇOS E PREÇOS OPERAÇÃO PORTUÁRIA - Tarifas devidas pelo armador, agente de navegação ou requisitante - A. OPERAÇÃO

Leia mais

LOCALFRIO S.A. ARMAZÉNS GERAIS FRIGORÍFICOS

LOCALFRIO S.A. ARMAZÉNS GERAIS FRIGORÍFICOS LOCALFRIO S.A. ARMAZÉNS GERAIS FRIGORÍFICOS TARIFA DE SERVIÇOS Matriz: CNPJ: 58.317.751/0001-16 NIRE: 35.300.117.441; Filial: São Paulo SP Armazém Frigorífico CNPJ: 58.317.751/0007-01 NIRE: 35.902.660.232;

Leia mais

Agradecemos a oportunidade de apresentar nossa Tabela de Preços - Longo Curso e Cabotagem, conforme abaixo.

Agradecemos a oportunidade de apresentar nossa Tabela de Preços - Longo Curso e Cabotagem, conforme abaixo. CONVICON - CONTEINERES DE VILA DO CONDE S/A CNPJ: 06.013.760/0001-10 I.E: 15.235.534-0 End. Rod. PA. 481 S/N Km21 - Barcarena - Cep.: 68447-000 - Cx. P.: 82 Tel: (091) 3322-7575 Home page: www.santosbrasil.com.br

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇAO DE SERVIÇOS EM TERMINAL ALFANDEGADO MEDIANTE CONDIÇÕES ABAIXO. SERVIÇOS DE TERMINAL ALFANDEGADO (IMPORTAÇÃO)

CONTRATO DE PRESTAÇAO DE SERVIÇOS EM TERMINAL ALFANDEGADO MEDIANTE CONDIÇÕES ABAIXO. SERVIÇOS DE TERMINAL ALFANDEGADO (IMPORTAÇÃO) CONTRATO DE PRESTAÇAO DE SERVIÇOS EM TERMINAL ALFANDEGADO MEDIANTE CONDIÇÕES ABAIXO. SERVIÇOS DE TERMINAL ALFANDEGADO (IMPORTAÇÃO) Transporte - Remoção Costado Navio Operador Portuário até a Transbrasa

Leia mais

Tabela de Preços Armazenagem e Serviços Acessórios Versão 19.1 - Válida a partir de 01/05/2015

Tabela de Preços Armazenagem e Serviços Acessórios Versão 19.1 - Válida a partir de 01/05/2015 Tabela de Preços Armazenagem e Serviços Acessórios Versão 19.1 - Válida a partir de 01/05/2015 ARMAZENAGEM 1 - Armazenagem de Importação - Contêiner e Carga Solta Do Valor CIF 1º período de 7 dias ou fração

Leia mais

TABELA DE PREÇOS E SERVIÇOS 2014

TABELA DE PREÇOS E SERVIÇOS 2014 TABELA DE PREÇOS E SERVIÇOS 2014 Av. Beira Mar 5, n 2900 - Figueira do Pontal - Cep: 89249-000 ITAPOÁ / SANTA CATARINA Prezados clientes, Esta tabela de preços e serviços será aplicada a todos os usuários

Leia mais

TABELA DE SERVIÇOS BÁSICOS APM TERMINALS ITAJAÍ. (vigência a partir de 01/01/2015 Valores Expressos em Reais)

TABELA DE SERVIÇOS BÁSICOS APM TERMINALS ITAJAÍ. (vigência a partir de 01/01/2015 Valores Expressos em Reais) TABELA DE SERVIÇOS BÁSICOS APM TERMINALS ITAJAÍ (vigência a partir de 01/01/2015 Valores Expressos em Reais) A Armazenagem de Importação (carga contêinerizada) www.apmterminals.com.br 1º Período Período

Leia mais

ECOPORTO SANTOS S.A. TERMARES TERMINAIS MARÍTIMOS ESPECIALIZADOS LTDA. TABELA GERAL DE PREÇOS DE SERVIÇOS VIGÊNCIA A PARTIR DE 01/07/2015

ECOPORTO SANTOS S.A. TERMARES TERMINAIS MARÍTIMOS ESPECIALIZADOS LTDA. TABELA GERAL DE PREÇOS DE SERVIÇOS VIGÊNCIA A PARTIR DE 01/07/2015 ECOPORTO SANTOS S.A. TERMARES TERMINAIS MARÍTIMOS ESPECIALIZADOS LTDA. TABELA GERAL DE PREÇOS DE SERVIÇOS VIGÊNCIA A PARTIR DE 01/07/2015 1. ARMAZENAGEM DE EXPORTAÇÃO 1.1 CONTÊINERES EMBARCADOS NO ECOPORTO

Leia mais

Tabela de Preços Aplicados pela Santos Brasil no TECON SANTOS

Tabela de Preços Aplicados pela Santos Brasil no TECON SANTOS Tabela de Preços Aplicados pela Santos Brasil no A partir de 01.01.2013 Rev1 Esta tabela de preços será aplicada a todos os usuários que, na data da prestação do serviço, não possuírem acordo individual

Leia mais

TABELA DE PREÇOS E SERVIÇOS 2016

TABELA DE PREÇOS E SERVIÇOS 2016 TABELA DE PREÇOS E SERVIÇOS 2016 Av. Beira Mar 5, n 2900 - Figueira do Pontal - Cep: 89249-000 ITAPOÁ / SANTA CATARINA IMPORTANTE: Após dois anos sem reajustes nos valores da Tabela de Preços e Serviços,

Leia mais

LOCALFRIO S.A. ARMAZÉNS GERAIS FRIGORÍFICOS

LOCALFRIO S.A. ARMAZÉNS GERAIS FRIGORÍFICOS LOCALFRIO S.A. ARMAZÉNS GERAIS FRIGORÍFICOS TARIFA DE SERVIÇOS Matriz: CNPJ: 58.317.751/0001-16 NIRE: 35.300.117.441; Filial: São Paulo SP Armazém Frigorífico CNPJ: 58.317.751/0007-01 NIRE: 35.902.660.232

Leia mais

Tabela de preços pag 1. Atracação. TABELA B Tarifa de operação por conteiner Preço (R$)

Tabela de preços pag 1. Atracação. TABELA B Tarifa de operação por conteiner Preço (R$) Tabela de preços pag 1 TABELA A Utilização Instalação e Acostamento Preço (R$) Atracação *Por metro Linear/Navio per de 12h ; A taxa mínima a cobrar será de 60 metros por periodo, por embarcação 5,00 TABELA

Leia mais

TABELA DE PREÇOS E SERVIÇOS 2015

TABELA DE PREÇOS E SERVIÇOS 2015 TABELA DE PREÇOS E SERVIÇOS 2015 Av. Beira Mar 5, n 2900 - Figueira do Pontal - Cep: 89249-000 ITAPOÁ / SANTA CATARINA Prezados clientes, Esta tabela de preços e serviços será aplicada a todos os usuários

Leia mais

R I O G R A N D E S. A.

R I O G R A N D E S. A. ESTRUTURA DE SERVIÇOS E PREÇOS A. UTILIZAÇÃO DAS INSTALAÇÕES DE ACOSTAGEM (CAIS/DEFENSAS) A.1. Ocupação do cais de acostagem por embarcação, incluindo serviços de atracação, desatracação e uso de defensas.

Leia mais

DE PREÇOS APLICADOS. pela Santos Brasil no TECON SANTOS

DE PREÇOS APLICADOS. pela Santos Brasil no TECON SANTOS TABELA DE PREÇOS APLICADOS pela Santos Brasil no Santos Brasil no A partir de 01.01.2015 Rev1 (29.01.2015) Esta tabela de preços será aplicada a todos os usuários que, na data da prestação do serviço,

Leia mais

TERMINAL DE VILA VELHA TVV ESTRUTURA DE SERVIÇOS E PREÇOS Válida a partir de 18/02/2013 Versão 01.2013

TERMINAL DE VILA VELHA TVV ESTRUTURA DE SERVIÇOS E PREÇOS Válida a partir de 18/02/2013 Versão 01.2013 A. SERVIÇOS INTEGRADOS DE MOVIMENTAÇÃO DE CONTÊINERES BOX RATE Este serviço inclui todos os custos envolvidos para a operação básica de contêineres de importação ou exportação, em navios full container,

Leia mais

PLANILHA REFERENCIAL DE CUSTO DE TRANSPORTE DE CONTÊINER

PLANILHA REFERENCIAL DE CUSTO DE TRANSPORTE DE CONTÊINER PLANILHA REFERENCIAL DE CUSTO DE TRANSPORTE DE CONTÊINER PLANILHA REFERENCIAL DE CUSTOS PARA O TRANSPORTE DE CONTÊINER julho-11 Percurso de ida e volta Contêiner até 25 t Contêiner acima de 25 t até 30

Leia mais

Por tonelada líquida de registro (TLR) de embarcação destinada ao transporte de passageiros, turismo e recreio, na área do Porto Organizado

Por tonelada líquida de registro (TLR) de embarcação destinada ao transporte de passageiros, turismo e recreio, na área do Porto Organizado Tabela I Utilização da Infraestrutura de Acesso Aquaviário (Taxas devidas pelo armador ou agente) No. Espécie Incidência Valor() 1. Carregamento, descarga ou baldeação, por tonelada ou fração 3,73 2. Carregamento,

Leia mais

TABELA I. Por tonelada de porte bruto das embarcações que adentrarem ao Porto com outros fins que não a movimentação de cargas, atracadas ou não.

TABELA I. Por tonelada de porte bruto das embarcações que adentrarem ao Porto com outros fins que não a movimentação de cargas, atracadas ou não. TABELA I UTILIZAÇÃO DA INFRAESTRUTURA DE PROTEÇÃO E ACESSO AQUAVIÁRIO PORTUÁRIA TAXAS DEVIDAS PELO ARMADOR 1. Por Tonelagem de Porte Bruto das Embarcações Por unidade 1.1 Na movimentação de contêineres

Leia mais

A. UTILIZAÇÃO DAS INSTALAÇÕES DE ACOSTAGEM (CAIS/DEFENSAS) Pág. 1 B. MOVIMENTAÇÃO DE CONTAINERS NAS OPERAÇÕES DE NAVIOS Pág. 2 B.1.

A. UTILIZAÇÃO DAS INSTALAÇÕES DE ACOSTAGEM (CAIS/DEFENSAS) Pág. 1 B. MOVIMENTAÇÃO DE CONTAINERS NAS OPERAÇÕES DE NAVIOS Pág. 2 B.1. A. UTILIZAÇÃO DAS INSTALAÇÕES DE ACOSTAGEM (CAIS/DEFENSAS) Pág. 1 B. MOVIMENTAÇÃO DE CONTAINERS NAS OPERAÇÕES DE NAVIOS Pág. 2 B.1. Operação a bordo Pág. 2 B.2. Operação em terra Pág. 3 B.3. Utilização

Leia mais

LOCALFRIO S.A. ARMAZÉNS GERAIS FRIGORÍFICOS

LOCALFRIO S.A. ARMAZÉNS GERAIS FRIGORÍFICOS LOCALFRIO S.A. ARMAZÉNS GERAIS FRIGORÍFICOS TARIFA DE SERVIÇOS Matriz: CNPJ: 58.317.751/0001-16 NIRE: 35.300.117.441; Filial: São Paulo SP Armazém Frigorífico CNPJ: 58.317.751/0007-01 NIRE: 35.902.660.232;

Leia mais

Tabela de Preços - Serviços prestados pela EMBRAPORT

Tabela de Preços - Serviços prestados pela EMBRAPORT Tabela de Preços - Serviços prestados pela EMBRAPORT ITEM DESCRIÇÃO UNIDADE 1 CARGAS DE IMPORTAÇÃO - REGIME FCL 1.1 Armazenagem 1.1.1 1º Período 7 dias corridos 0,50% % CIF 1.1.2 2º Período 7 dias corridos

Leia mais

TABELA DE PREÇOS DO TERMINAL PORTUÁRIO DO PECÉM Vigência: 01 DE JULHO DE 2015

TABELA DE PREÇOS DO TERMINAL PORTUÁRIO DO PECÉM Vigência: 01 DE JULHO DE 2015 TABELA DE PREÇOS DO Vigência: 01 DE JULHO DE 2015 TABELA A - PREÇOS DOS SERVIÇOS PRESTADOS OU DISPONIBILIZADOS PELA CEARÁPORTOS 100.000 SERVIÇOS OPERACIONAIS O prestador de serviço credenciado deverá pagar

Leia mais

GRUPO Serviço Valores Janeiro 2014 20" STD R$ 241,22 40" STD R$ 411,94 20" OOG R$ 360,85 40" OOG R$ 617,93 20" IMO R$ 241,22 40" IMO R$ 411,94

GRUPO Serviço Valores Janeiro 2014 20 STD R$ 241,22 40 STD R$ 411,94 20 OOG R$ 360,85 40 OOG R$ 617,93 20 IMO R$ 241,22 40 IMO R$ 411,94 Tabela de Preços Máximos TCP Válida a partir de 01/01/2014 Esta Tabela de Preços de Serviços será aplicada a todos os usuários, que, na data do faturamento do serviço, não possuírem acordo individual com

Leia mais

GRUPO Serviço Valores Janeiro 2015

GRUPO Serviço Valores Janeiro 2015 01. Movimentação de Contêineres 20" Std R$ 257,12 40" Std R$ 439,09 20" OOG R$ 384,63 40" OOG R$ 658,65 20" IMO R$ 257,12 40" IMO R$ 439,09 Observações dos serviços do Grupo 01: 01.1 - Os preços acima

Leia mais

DETALHAMENTO PARA APLICAÇÃO DOS SERVIÇOS ELENCADOS NA NOVA TABELA DE PREÇOS ESPECÍFICOS DE VIRACOPOS

DETALHAMENTO PARA APLICAÇÃO DOS SERVIÇOS ELENCADOS NA NOVA TABELA DE PREÇOS ESPECÍFICOS DE VIRACOPOS Página 1 de 5 Acesso de Veículos ao Pátio de Manobras Permissão de entrada e saída de veículos ao pátio de manobras para fins de entrega ou retirada de carga. Cobrança única por caminhão por acesso. Alteração

Leia mais

Tabela de Preços para Serviços de Pátio, Armazenagem, Complementares e Correlatos

Tabela de Preços para Serviços de Pátio, Armazenagem, Complementares e Correlatos Tabela de Preços para Serviços de Pátio, Armazenagem, Complementares e Correlatos ITEM DESCRIÇÃO UNIDADE 1 CARGAS DE IMPORTAÇÃO - REGIME FCL 1.1 Armazenagem 1.1.1 1º Período 7 dias corridos 0,50% % CIF

Leia mais

OBS: o que está grifado em amarelo foi suprimido da resolução na versão do dia 29/02.

OBS: o que está grifado em amarelo foi suprimido da resolução na versão do dia 29/02. NORMA QUE ESTABELECE PARÂMETROS REGULATÓRIOS A SEREM OBSERVADOS NA PRESTAÇÃO DOS SERVIÇOS DE MOVIMENTAÇÃO E ARMAZENAGEM DE CONTÊINERES E VOLUMES, EM INSTALAÇÕES DE USO PÚBLICO, NOS PORTOS ORGANIZADOS -

Leia mais

PORTO ORGANIZADO DE PORTO VELHO TARIFA PORTUÁRIA VIGÊNCIA: 07/05/2015.

PORTO ORGANIZADO DE PORTO VELHO TARIFA PORTUÁRIA VIGÊNCIA: 07/05/2015. 1 SOCIEDADE DE PORTOS E HIDROVIAS DO PORTO ORGANIZADO DE PORTO VELHO TARIFA PORTUÁRIA VIGÊNCIA: 07/05/2015. RESOLUÇÃO Nº 4.093-ANTAQ, DE 07/05/2015. (ANTAQ-Agência Nacional de Transportes Aquaviário) PORTO

Leia mais

DETALHAMENTO PARA APLICAÇÃO DOS SERVIÇOS ELENCADOS NA NOVA TABELA DE PREÇOS ESPECÍFICOS DE VIRACOPOS

DETALHAMENTO PARA APLICAÇÃO DOS SERVIÇOS ELENCADOS NA NOVA TABELA DE PREÇOS ESPECÍFICOS DE VIRACOPOS Página 1 de 6 Acesso de Veículos ao Pátio de Manobras Permissão de entrada e saída de veículos ao pátio de manobras (área restrita) para fins de descarregamento ou carregamento de cargas. Cobrança por

Leia mais

CATEGORIA A - SERVIÇOS EM OPERAÇÃO DE IMPORTAÇÃO DE CONTAINER E DE CARGA SOLTA 1. TRANSPORTE

CATEGORIA A - SERVIÇOS EM OPERAÇÃO DE IMPORTAÇÃO DE CONTAINER E DE CARGA SOLTA 1. TRANSPORTE A Estrutura de Serviços e Preços (Tabela Pública 2014) da HIPER EXPORT, descreve os serviços prestados pelo terminal e os preços máximos que poderão ser cobrados. A Tabela Pública 2014 está dividida em

Leia mais

TARIFA DO PORTO DE SUAPE

TARIFA DO PORTO DE SUAPE SUAPE COMPLEXO INDUSTRIAL PORTUÁRIO TARIFA DO PORTO DE SUAPE Homologada pela RESOLUÇÃO Nº 4.091, DE 7 DE MAIO DE 2015 (D.O.U. de 08.05.15) TABELA 1 UTILIZAÇÃO DA INFRAESTRUTURA MARÍTIMA (Taxas devidas

Leia mais

TABELA PÚBLICA DE SERVIÇOS LIBRA TERMINAIS SANTOS. (vigência a partir de 16/01/2016 Valores expressos em Reais)

TABELA PÚBLICA DE SERVIÇOS LIBRA TERMINAIS SANTOS. (vigência a partir de 16/01/2016 Valores expressos em Reais) TABELA PÚBLICA DE SERVIÇOS LIBRA TERMINAIS SANTOS (vigência a partir de 16/01/2016 Valores expressos em Reais) SUMÁRIO SERVIÇOS PARA CONTÊINERES DE IMPORTAÇÃO... 3 SERVIÇOS PARA CARGA DESUNITIZADA DE IMPORTAÇÃO...

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM ARMAZENAGEM

DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM ARMAZENAGEM DISTRIBUIÇÃO E DEFINIÇÃO DE Gerenciar eficazmente o espaço tridimensional de um local adequado e seguro, colocado à disposição para a guarda de mercadorias que serão movimentadas rápida e facilmente, com

Leia mais

Tabela Pública de Serviços. (vigência a partir de 11/09/2017 Valores expressos em Reais)

Tabela Pública de Serviços. (vigência a partir de 11/09/2017 Valores expressos em Reais) Tabela Pública de Serviços (vigência a partir de 11/09/2017 Valores expressos em Reais) Sumário Serviços para Contêineres de Importação... 3 Serviços para Carga Desunitizada de Importação... 6 Serviços

Leia mais

DE PREÇOS APLICADOS. no TERMINAL DE VEÍCULOS

DE PREÇOS APLICADOS. no TERMINAL DE VEÍCULOS TABELA DE PREÇOS APLICADOS no TERMINAL DE VEÍCULOS A partir de 06.07.2015 Esta tabela de preços será aplicada a todos os usuários que, na data da prestação do serviço, não possuírem acordo individual com

Leia mais

Tabela Pública de Serviços

Tabela Pública de Serviços Tabela Pública de Serviços Sumário Serviços para Contêineres de Importação... 3 Serviços para Carga Desunitizada de Importação... 5 Serviços para Contêineres de Exportação.... 7 Serviços para Contêineres

Leia mais

Tabela Pública de Serviços. (vigência a partir de 16/01/2016 Valores expressos em Reais)

Tabela Pública de Serviços. (vigência a partir de 16/01/2016 Valores expressos em Reais) Tabela Pública de Serviços (vigência a partir de 16/01/2016 Valores expressos em Reais) Sumário Serviços para Contêineres de Importação........................ 3 Serviços para Carga Desunitizada de Importação...................

Leia mais

REGULAMENTO PARA OPERACIONALIZAÇÃO DA VENDA DE CONTRATO DE OPÇÃO DE COMPRA DE PRODUTOS AGROPECUÁRIOS N.º 005/04

REGULAMENTO PARA OPERACIONALIZAÇÃO DA VENDA DE CONTRATO DE OPÇÃO DE COMPRA DE PRODUTOS AGROPECUÁRIOS N.º 005/04 REGULAMENTO PARA OPERACIONALIZAÇÃO DA VENDA DE CONTRATO DE OPÇÃO DE COMPRA DE PRODUTOS AGROPECUÁRIOS N.º 005/04 A Companhia Nacional de Abastecimento Conab, empresa pública federal vinculada ao Ministério

Leia mais

TABELA DE PREÇOS APLICADOS

TABELA DE PREÇOS APLICADOS TABELA DE PREÇOS APLICADOS no TERMINAL DE VEÍCULOS A partir de 01.01.2016 Esta tabela de preços será aplicada a todos os usuários que, na data da prestação do serviço, não possuírem acordo individual com

Leia mais

Tabela Pública de Serviços. (vigência a partir de 09/01/2018 Valores expressos em Reais)

Tabela Pública de Serviços. (vigência a partir de 09/01/2018 Valores expressos em Reais) Tabela Pública de Serviços (vigência a partir de 09/01/2018 Valores expressos em Reais) Sumário Serviços para Contêineres de Importação... 3 Serviços para Carga Desunitizada de Importação... 6 Serviços

Leia mais

TARIFA PORTUÁRIA DO PORTO DE ILHÉUS

TARIFA PORTUÁRIA DO PORTO DE ILHÉUS SECRETARIA DE PORTOS DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA TARIFA PORTUÁRIA DO PORTO DE ILHÉUS TAXAS, PREÇOS, FRANQUIAS E OBSERVAÇÕES Resolução nº 4.093 ANTAQ, de 07/05/2015 Vigência: 15/05/2015 TABELA I - UTILIZAÇÃO

Leia mais

Distribuição: Diretor/ Gerentes/ Chefes / Unidades

Distribuição: Diretor/ Gerentes/ Chefes / Unidades 1 de 5 Assunto: CONDIÇÕES GERAIS DE VENDAS Distribuição: Diretor/ Gerentes/ Chefes / Unidades 1. Conceito 2. Abrangência 3. Documentos Relacionados 4. Regras Gerais 4.1. Pedido e Fornecimento 4.1.1. Pedido

Leia mais

Tabela Pública de Serviços. (Vigência a partir de 16/01/2016 Valores expressos em Reais)

Tabela Pública de Serviços. (Vigência a partir de 16/01/2016 Valores expressos em Reais) Tabela Pública de Serviços (Vigência a partir de 16/01/2016 Valores expressos em Reais) Sumário Serviços para Contêineres de Importação... 3 Serviços para Carga Desunitizada de Importação... 5 Serviços

Leia mais

TERMINAIS FERROVIÁRIOS DE MERCADORIAS DE LEIXÕES E DA BOBADELA REGULAMENTO DE ACESSO E TARIFA DE UNIDADES DE TRANSPORTE INTERMODAL (UTI)

TERMINAIS FERROVIÁRIOS DE MERCADORIAS DE LEIXÕES E DA BOBADELA REGULAMENTO DE ACESSO E TARIFA DE UNIDADES DE TRANSPORTE INTERMODAL (UTI) TERMINAIS FERROVIÁRIOS DE MERCADORIAS DE LEIXÕES E DA BOBADELA REGULAMENTO DE ACESSO E TARIFA DE UNIDADES DE TRANSPORTE INTERMODAL (UTI) Artigo 1.º Objeto Pelo presente estabelece-se as condições que regem

Leia mais

PORTO 24 HORAS. Complexo portuário santista

PORTO 24 HORAS. Complexo portuário santista FIESP/CONSIC PORTO 24 HORAS Complexo portuário santista José Cândido Senna, Coordenador do Comitê de Usuários dos Portos e. Aeroportos do Estado de São Paulo - COMUS São Paulo, 16 de agosto de 2011 Participação

Leia mais

PORTO DE VITÓRIA Abaixo estão as Tabelas com as tarifas referentes à utilização da infra-estrutura portuária dos portos da Codesa.

PORTO DE VITÓRIA Abaixo estão as Tabelas com as tarifas referentes à utilização da infra-estrutura portuária dos portos da Codesa. PORTO DE VITÓRIA Abaixo estão as Tabelas com as tarifas referentes à utilização da infra-estrutura portuária dos portos da Codesa. - TABELA I - Proteção e Acesso ao Porto - TABELA II - Instalações de Acostagem

Leia mais

FAQ - PERGUNTAS MAIS FREQUENTES

FAQ - PERGUNTAS MAIS FREQUENTES 1. Como o despachante será informado sobre o bloqueio da carga para inspeção fitossanitária pelo MAPA? R. Caberá ao recinto alfandegado informar o bloqueio da carga, ficando a cargo do recinto a melhor

Leia mais

Profa. Lérida Malagueta. Unidade IV SISTEMÁTICA DE

Profa. Lérida Malagueta. Unidade IV SISTEMÁTICA DE Profa. Lérida Malagueta Unidade IV SISTEMÁTICA DE IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO Importação Importar consiste em uma operação de compra de produtos no mercado exterior e sua respectiva entrada em um país Necessidade

Leia mais

Tabela Pública de Serviços. (Vigência a partir de 20/04/2017 Valores expressos em Reais)

Tabela Pública de Serviços. (Vigência a partir de 20/04/2017 Valores expressos em Reais) Tabela Pública de Serviços (Vigência a partir de 20/04/2017 Valores expressos em Reais) Sumário Serviços para Contêineres de Importação... 3 Serviços para Carga Desunitizada de Importação... 5 Serviços

Leia mais

TABELA PÚBLICA DE SERVIÇOS LIBRA TERMINAIS RIO. (vigência a partir de 16/01/2016 Valores expressos em Reais)

TABELA PÚBLICA DE SERVIÇOS LIBRA TERMINAIS RIO. (vigência a partir de 16/01/2016 Valores expressos em Reais) TABELA PÚBLICA DE SERVIÇOS LIBRA TERMINAIS RIO (vigência a partir de 16/01/2016 Valores expressos em Reais) SUMÁRIO SERVIÇOS PARA CONTÊINERES DE IMPORTAÇÃO... 3 SERVIÇOS PARA CARGA DESUNITIZADA DE IMPORTAÇÃO...

Leia mais

5 Levantamento e Análise dos Fluxos Logísticos de Processos de Importação Desembaraçados no Rio de Janeiro.

5 Levantamento e Análise dos Fluxos Logísticos de Processos de Importação Desembaraçados no Rio de Janeiro. 52 5 Levantamento e Análise dos Fluxos Logísticos de Processos de Importação Desembaraçados no Rio de Janeiro. Este Capítulo abordará a análise dos dados efetuados em 150 processos aduaneiros de importação

Leia mais

Formação de Analista em Comércio Exterior

Formação de Analista em Comércio Exterior Formação de Analista em Comércio Exterior com Pós Graduação Objetivo: Habilitar os participantes para exercer a profissão de Analista de Comércio Exterior e trabalhar com a análise das operações, planejamento,

Leia mais

OBJETIVO DEFINIÇÕES. Para os efeitos deste Manual, define-se como: I MAPA: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento;

OBJETIVO DEFINIÇÕES. Para os efeitos deste Manual, define-se como: I MAPA: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento; OBJETIVO O sistema SIGVIG instituído pelo MAPA destina-se a atender a necessidade de gerenciamento e controle do recebimento, envio e fiscalização das mercadorias importadas e exportadas através dos portos,

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO TC CASH 36

CONDIÇÕES GERAIS DO TC CASH 36 Página 1 de 7 CONDIÇÕES GERAIS DO TC CASH 36 I INFORMAÇÕES INICIAIS SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: HSBC Empresa de Capitalização (Brasil) S.A. CNPJ: 33.425.075/0001-73 TC CASH 36 MODALIDADE: TRADICIONAL PROCESSO

Leia mais

A Diretoria Executiva, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, considerando:

A Diretoria Executiva, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, considerando: Resolução n.º 001, de 25 de agosto de 2015. Estabelece normas para uso das instalações públicas de armazenagem do Porto Organizado de Imbituba e dá outras providências. A Diretoria Executiva, no uso de

Leia mais

CIRCULAR Nº 3.330. Art. 2º Esta Circular entra em vigor na data de sua publicação. Este texto não substitui o publicado no DOU e no Sisbacen.

CIRCULAR Nº 3.330. Art. 2º Esta Circular entra em vigor na data de sua publicação. Este texto não substitui o publicado no DOU e no Sisbacen. CIRCULAR Nº 3.330 Altera o Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI). A Diretoria Colegiada do Banco Central do Brasil, em sessão extraordinária realizada em 27 de outubro de 2006,com

Leia mais

TÍTULO 17 VENDA DE PONTAS DE ESTOQUE DA CONAB Documento 2 - Edital de Venda de Pontas de Estoque

TÍTULO 17 VENDA DE PONTAS DE ESTOQUE DA CONAB Documento 2 - Edital de Venda de Pontas de Estoque REGULAMENTO DE VENDA CONAB/DIRAB/DECEG Nº 001/97 A COMPANHIA NACIONAL DE ABASTECIMENTO-CONAB, empresa pública federal vinculada ao Ministério da Agricultura e do Abastecimento, torna público as condições

Leia mais

Tabela I. Tabela II. Tabela V

Tabela I. Tabela II. Tabela V TARIFÁRIO DO PORTO DE NATAL Tabela I Tabela II Utilização da Infraestrutura de Proteção e Acesso Aquaviário; Taxas Devidas pelo Armador ou Seu Agente Marítimo; Utilização da Infraestrutura de Acostagem;

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO CAP FIADOR I INFORMAÇÕES INICIAIS. SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: Brasilcap Capitalização S.A. CNPJ: 15.138.043/0001-05 II GLOSSÁRIO

CONDIÇÕES GERAIS DO CAP FIADOR I INFORMAÇÕES INICIAIS. SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: Brasilcap Capitalização S.A. CNPJ: 15.138.043/0001-05 II GLOSSÁRIO CONDIÇÕES GERAIS DO CAP FIADOR I INFORMAÇÕES INICIAIS SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: Brasilcap Capitalização S.A. CNPJ: 15.138.043/0001-05 CAP FIADOR MODALIDADE: Tradicional PROCESSO SUSEP Nº: 15414.005233/2011-75

Leia mais

Tabela Pública de Serviços. (Vigência a partir de 27/11/2017 Valores expressos em Reais)

Tabela Pública de Serviços. (Vigência a partir de 27/11/2017 Valores expressos em Reais) Tabela Pública de Serviços (Vigência a partir de 27/11/2017 Valores expressos em Reais) Condições específicas poderão ser negociadas, de acordo com volumes e características específicas dos serviços prestados.

Leia mais

Superintendência de Regulação Econômica e Acompanhamento de Mercado

Superintendência de Regulação Econômica e Acompanhamento de Mercado Superintendência de Regulação Econômica e Acompanhamento de Mercado PORTARIA Nº 63, DE 13 DE JANEIRO DE 2015. Reajusta as tarifas aeroportuárias de embarque, conexão, pouso e permanência, domésticas e

Leia mais

REGULAMENTO Promoção Planos Locais Empresas

REGULAMENTO Promoção Planos Locais Empresas REGULAMENTO Promoção Planos Locais Empresas Esta promoção é realizada pela TELEFÔNICA BRASIL S/A, com sede na Rua Martiniano de Carvalho, nº 851 São Paulo, inscrita no CNPJ/MF nº 02.558.157/0001-62 (doravante

Leia mais

Termos e Condições (Português)

Termos e Condições (Português) Termos e Condições (Português) I BOOKINGS DE EXPORTAÇÃO MARÍTIMA Antes do carregamento do container, por gentileza entrar em contato com o terminal e verificar se o booking encontra-se registrado e o levante

Leia mais

PROMOÇÃO VIVO CONTROLE MÓVEL COM CARTÃO DE CRÉDITO

PROMOÇÃO VIVO CONTROLE MÓVEL COM CARTÃO DE CRÉDITO PROMOÇÃO VIVO CONTROLE MÓVEL COM CARTÃO DE CRÉDITO DISPOSIÇÕES GERAIS DA PROMOÇÃO 1.1. A promoção Vivo Controle Móvel no Cartão de Crédito é realizada pela Telefônica Brasil S/A, que oferece os benefícios

Leia mais

TARIFA PORTUÁRIA DOS PORTOS DE SALVADOR E ARATU-CANDEIAS

TARIFA PORTUÁRIA DOS PORTOS DE SALVADOR E ARATU-CANDEIAS SECRETARIA DE PORTOS DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA TARIFA PORTUÁRIA DOS PORTOS DE SALVADOR E ARATU-CANDEIAS TAXAS, PREÇOS, FRANQUIAS E OBSERVAÇÕES Resolução Nº 4.093 ANTAQ 07/05/2015 Vigência 15/05/2015

Leia mais

REGULAMENTO PARA OPERACIONALIZAÇÃO DA OFERTA DE SUBVENÇÃO AO PRÊMIO DO SEGURO RURAL-SPSR N.º 006/04

REGULAMENTO PARA OPERACIONALIZAÇÃO DA OFERTA DE SUBVENÇÃO AO PRÊMIO DO SEGURO RURAL-SPSR N.º 006/04 REGULAMENTO PARA OPERACIONALIZAÇÃO DA OFERTA DE SUBVENÇÃO AO PRÊMIO DO SEGURO RURAL-SPSR N.º 006/04 A Companhia Nacional de Abastecimento Conab, empresa pública federal vinculada ao Ministério da Agricultura,

Leia mais

Tabela Pública de Serviços. (Vigência a partir de 19/02/2018 Valores expressos em Reais)

Tabela Pública de Serviços. (Vigência a partir de 19/02/2018 Valores expressos em Reais) Tabela Pública de Serviços (Vigência a partir de 19/02/2018 Valores expressos em Reais) Condições específicas poderão ser negociadas, de acordo com volumes e características específicas dos serviços prestados.

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PU 12 meses 1 sorteio, pagamento variável Modalidade: Incentivo Processo SUSEP: 15414.003760/2011-45

CONDIÇÕES GERAIS PU 12 meses 1 sorteio, pagamento variável Modalidade: Incentivo Processo SUSEP: 15414.003760/2011-45 CONDIÇÕES GERAIS PU 12 meses 1 sorteio, pagamento variável Modalidade: Incentivo Processo SUSEP: 15414.003760/2011-45 1. Glossário Subscritor é quem adquire o Título, assumindo o compromisso de efetuar

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 2389 - ANTAQ, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2012.

RESOLUÇÃO Nº 2389 - ANTAQ, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2012. RESOLUÇÃO Nº 2389 - ANTAQ, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2012. APROVA A NORMA QUE ESTABELECE PARÂMETROS REGULATÓRIOS A SE- REM OBSERVADOS NA PRESTAÇÃO DOS SERVIÇOS DE MOVIMENTAÇÃO E ARMAZENAGEM DE CONTÊINERES

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO PESSOA JURÍDICA

CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO PESSOA JURÍDICA CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO PESSOA JURÍDICA I INFORMAÇÕES INICIAIS SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: BRADESCO CAPITALIZAÇÃO S/A. CNPJ: 33.010.851/0001-74 PÉ QUENTE BRADESCO PESSOA JURÍDICA PLANO PU

Leia mais

MANUAL CROSS DOCKING ESTUFAGEM / EXPORTAÇÃO MANUAL CROSS DOCKING 1

MANUAL CROSS DOCKING ESTUFAGEM / EXPORTAÇÃO MANUAL CROSS DOCKING 1 MANUAL CROSS DOCKING ESTUFAGEM / EXPORTAÇÃO MANUAL CROSS DOCKING 1 OBJETIVO A prestação de serviços de Estufagem passa a fazer parte das atividades comerciais Embraport por meio da operação Cross Docking.

Leia mais

Gestão de Operações Portuárias com Pós Graduação

Gestão de Operações Portuárias com Pós Graduação Gestão de Operações Portuárias com Pós Graduação Objetivo: Capacitar o participante para gerir as rotinas e operações logísticas em um porto ou terminal portuário voltado para a movimentação interna, importação

Leia mais

Procedimentos - Documentação. Fazendo a diferença para sempre fazer melhor.

Procedimentos - Documentação. Fazendo a diferença para sempre fazer melhor. Procedimentos - Documentação Fazendo a diferença para sempre fazer melhor. Documentação Descarga Importação 1. Presença de carga: Presença de carga automática para B/L master com destino final Itapoá no

Leia mais

2. COMO IMPORTAR 1 PLANEJAMENTO 2 CONTATOS COM POTENCIAIS FORNECEDORES 3 IDENTIFICAR NCM, TRATAMENTO ADMINISTRATIVO E TRIBUTÁRIO.

2. COMO IMPORTAR 1 PLANEJAMENTO 2 CONTATOS COM POTENCIAIS FORNECEDORES 3 IDENTIFICAR NCM, TRATAMENTO ADMINISTRATIVO E TRIBUTÁRIO. 1 2 2. COMO IMPORTAR 2.1. FLUXOGRAMA DE IMPORTAÇÃO 1 PLANEJAMENTO A fase de planejamento das importações é geralmente parte integrante do planejamento geral da empresa para atender sua necessidade de máquinas,

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO PRIME

CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO PRIME CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO PRIME I INFORMAÇÕES INICIAIS SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: BRADESCO CAPITALIZAÇÃO S/A CNPJ: 33.010.851/0001-74 PÉ QUENTE BRADESCO PRIME PLANO PM 48/48 P - MODALIDADE:

Leia mais

REGULAMENTO PARA OPERACIONALIZAÇÃO DA VENDA DE PRODUTOS AGROPECUÁRIOS DOS ESTOQUES PÚBLICOS N.º 004/ 04

REGULAMENTO PARA OPERACIONALIZAÇÃO DA VENDA DE PRODUTOS AGROPECUÁRIOS DOS ESTOQUES PÚBLICOS N.º 004/ 04 REGULAMENTO PARA OPERACIONALIZAÇÃO DA VENDA DE PRODUTOS AGROPECUÁRIOS DOS ESTOQUES PÚBLICOS N.º 004/ 04 A Companhia Nacional de Abastecimento - Conab, empresa pública federal vinculada ao Ministério da

Leia mais

Passos na Importação Roteiro Básico. Eduardo Leoni Machado Fevereiro/2012

Passos na Importação Roteiro Básico. Eduardo Leoni Machado Fevereiro/2012 Roteiro Básico Eduardo Leoni Machado Fevereiro/2012 1º Passo Efetuar contatos com fornecedor (exportador). 2º Passo Formalizar as negociações com fornecedor (exportador). 3º Passo Negociar a condição de

Leia mais

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO Art. 1º Este documento, doravante denominado Regulamento de Empréstimo, estabelece os direitos e as obrigações da Boticário Prev, dos Participantes e Assistidos, para a concessão

Leia mais

PORTOS DE BELÉM, OUTEIRO, MIRAMAR, VILA DO CONDE, SANTARÉM, ITAITUBA, ÓBIDOS, ALTAMIRA, SÃO FRANCISCO E MARABÁ. Nº Espécie e Incidência...

PORTOS DE BELÉM, OUTEIRO, MIRAMAR, VILA DO CONDE, SANTARÉM, ITAITUBA, ÓBIDOS, ALTAMIRA, SÃO FRANCISCO E MARABÁ. Nº Espécie e Incidência... TARIFA COMPANHIA DOCAS DO PARÁ PORTOS DE BELÉM, OUTEIRO, MIRAMAR, VILA DO CONDE, SANTARÉM, ITAITUBA, ÓBIDOS, ALTAMIRA, SÃO FRANCISCO E MARABÁ Tabela I - Utilização da Infraestrutura Aquaviária (Tarifas

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DE VENDA Versão 04

CONDIÇÕES GERAIS DE VENDA Versão 04 CONDIÇÕES GERAIS DE VENDA Versão 04 1. As vendas dos produtos da Aperam Inox América do Sul serão efetuadas de acordo com as presentes condições gerais de vendas, ressalvada eventual alteração dos termos

Leia mais

EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO INFORMAÇÕES E PROCEDIMENTOS BÁSICOS. CM Claudia Mainardi ccmainardi@cmcomex.com.br ccmainardi@gmail.com

EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO INFORMAÇÕES E PROCEDIMENTOS BÁSICOS. CM Claudia Mainardi ccmainardi@cmcomex.com.br ccmainardi@gmail.com EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO INFORMAÇÕES E PROCEDIMENTOS BÁSICOS Providências básicas para iniciar atividades no comércio exterior Ser registrado no RADAR Registro de Exportadores e importadores na Receita Federal;

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS CONFIANÇA CAP

CONDIÇÕES GERAIS CONFIANÇA CAP CONDIÇÕES GERAIS CONFIANÇA CAP CONDIÇÕES GERAIS DO CONFIANÇA CAP CONDIÇÕES GERAIS CONFIANÇA CAP Versão: 05/2013 Proc. SUSEP 15414.004330/2012-21 CONDIÇÕES GERAIS DO CONFIANÇA CAP SUMÁRIO I - INFORMAÇÕES

Leia mais

(Vigência a partir de 07/03/ Valores expressos em Reais) (vigência a partir de xx/02/ Valores expressos em Reais)

(Vigência a partir de 07/03/ Valores expressos em Reais) (vigência a partir de xx/02/ Valores expressos em Reais) (Vigência a partir de 07/03/2019 - Valores expressos em Reais) Condições especificas poderão ser negociadas, de acordo com o volume e características especificas dos serviços prestados. (vigência a partir

Leia mais

Dispõe sobre o transporte rodoviário de cargas por conta de terceiros e mediante remuneração e revoga a Lei nº 6.813, de 10 de julho de 1980.

Dispõe sobre o transporte rodoviário de cargas por conta de terceiros e mediante remuneração e revoga a Lei nº 6.813, de 10 de julho de 1980. LEI Nº 11.442, de 05/01/2007 Dispõe sobre o transporte rodoviário de cargas por conta de terceiros e mediante remuneração e revoga a Lei nº 6.813, de 10 de julho de 1980. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço

Leia mais

RESOLUÇÃO N 3.518. Documento normativo revogado pela Resolução 3.919, de 25/11/2010.

RESOLUÇÃO N 3.518. Documento normativo revogado pela Resolução 3.919, de 25/11/2010. RESOLUÇÃO N 3.518 Documento normativo revogado pela Resolução 3.919, de 25/11/2010. Disciplina a cobrança de tarifas pela prestação de serviços por parte das instituições financeiras e demais instituições

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 38/15 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 38/15 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA PREGÃO ELETRÔNICO Nº 38/15 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA 1. Especificação do Serviço 1.1 Contratação de empresa especializada na prestação de serviços de Seguro de Vida em Grupo e de Auxílio Funeral para

Leia mais