DIVAS CAPÍTULO 11 PÁG.: 0 1 DIVAS. Novela de RÔMULO GUILHERME. Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME. Personagens deste capítulo: BERNARDO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DIVAS CAPÍTULO 11 PÁG.: 0 1 DIVAS. Novela de RÔMULO GUILHERME. Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME. Personagens deste capítulo: BERNARDO"

Transcrição

1 DIVAS CAPÍTULO 11 PÁG.: 0 1 DIVAS Novela de RÔMULO GUILHERME Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME Personagens deste capítulo: BERNARDO BRITNEY PHELIPE ARRUDA ISABELA WHITNEY KENEDY NATASHA COLODATO REGINALDO JULIANO EUGÊNIA

2 DIVAS CAPÍTULO 11 PÁG.: 0 2 CENA 01. HOTEL LONDRES/QUARTO BERNARDO/CORREDOR/INT/NOITE Continuação imediata da última cena do capítulo anterior. Bernardo e Arruda. BERNARDO ARRUDA (animado) Onde a Evelin está? Vem comigo que eu te mostro. CENA 02. MANSÃO WHITNEY/CARRO /INT/NOITE Evelin revira sua bolsa, procurando seu celular. Deixei meu celular no quarto do Bernardo... Evelin liga o carro e parte de volta pro hotel. CENA 03. HOSPITAL/ENFERMARIA/INT/NOITE Tina está recostada na cama de Kenedy, acariciando seu cabelo, enquanto ele joga no seu tablet. Insert da cena 12, do capítulo 10 KENEDY (chamando) Mãe... mãe... Tina continua distraída. KENEDY (firme) Mãe! Tina volta a si. Oi, filho! KENEDY Que você tem, mãe? Tá distraída, pensativa. Não é nada não, Kenedy. Tava pensando em tudo o que aconteceu. KENEDY E o Bernardo, mãe? Não ligou? Seu irmão ligou sim, Kenedy. Mas preferi não falar nada com ele. Mas ele perguntou como você estava, se está tudo bem... KENEDY Você não quis preocupar ele, né? Que bom que você me entendeu. Eu tenho certeza que se ele soubesse do que aconteceu, largaria tudo, pegaria o primeiro avião e viria correndo pra cá. KENEDY Tomará que eu saia logo daqui e que ele volte logo. Sabe quem perguntou sobre você, que está muito

3 DIVAS CAPÍTULO 11 PÁG.: 0 3 KENEDY KENEDY preocupada? Quem, mãe? A Laura. Tina é surpreendida com o que Kenedy fala. KENEDY KENEDY (solta) Por que você não casa com o Miro, mãe? Aí eu e a Laura seriamos irmãos. Que ideia, filho! Ele está sozinho e você também, mãe. Tenho certeza que vocês se dariam muito bem. Casamento não é assim não, Kenedy. Envolve muitas coisas. É uma decisão muito séria! Mas que seria muito legal se fossemos uma única família isso seria, viu! CENA 04. MANSÃO COLODATO/ESCRITÓRIO/INT/NOITE Colodato entra nervoso, soltando fogo pelas ventas, deixando a porta encostada. Colodato se serve de uma boa dose de uísque, tentando se acalmar. Juliano passa e escuta. COLODATO (bravo) Aquela desgraçada da Natasha... Quem ela pensa que é pra me ameaçar, me chantagear daquela forma?! (t) Precisa dar um jeito de calar a poca daquela vadia ordinária. Ela é capaz de arruinar minhas investidas na Simone, que pode até não querer nada comigo se souber que me envolvi com aquela cachorra! CENA 05. MANSÃO COLODATO/COLODATO/INT/NOITE Juliano fica curioso com o que escuta. JULIANO Quem é essa Natasha?... Tenho que descobrir isso, já que pode ser muito interessante pra mim, pros meus planos... Juliano é surpreendido por Britney. BRITNEY (repreendendo) Escutando atrás da porta, Juliano? Que coisa feia!

4 DIVAS CAPÍTULO 11 PÁG.: 0 4 Juliano fica meio que sem reação. JULIANO Tava só passando e achei que seu pai estaria precisando de alguma coisa. BRITNEY A mim você não engana, Juliano. Sei que por trás dessa sua cara de bom moço, tem uma fera, uma cobra, pronta pra dar o bote, pra atacar. JULIANO Não viaja, Britney. Se preocupa com seu queridinho Bernardo e me deixa em paz. (provoca) Eu aposto que ele já se arranjou com alguma inglesinha bem jeitosa... BRITNEY Você tá sabendo de alguma coisa, Juliano? O Bernardo está com alguém? JULIANO Desiste dele, Britney! Vocês nunca ficaram juntos. (t) Cê você não fosse tão chatinha, mimadinha, até que eu investiria em você... Boa noite! Juliano sobe pro seu quarto. BRITNEY (brava) Idiota! Britney fica remoendo o que Juliano lhe disse. CENA 06. MANSÃO COLODATO/QUARTO CINDY/INT/NOITE Cindy e Britney. CINDY Você vai cair na pilha do Juliano? BRITNEY Mas ele falou de uma forma... CINDY Ele falou isso só pra te provocar, irmã! BRITNEY Mas se for verdade mesmo, se eu descobrir, eu mato, com as minhas próprias mãos, essa mulher que está com o Bernardo! CENA 07. APTO DE PHELIPE/SALA/INT/NOITE Whitney e Phelipe estão jantando. PHELIPE Eu espero realmente que você esteja certa, Whitney Maria!

5 DIVAS CAPÍTULO 11 PÁG.: 0 5 WHITNEY PHELIPE Detesto quando você me chama assim. (debochando) Seu nome, minha linda. WHITNEY PHELIPE WHITNEY PHELIPE WHITNEY PHELIPE WHITNEY PHELIPE Conheço minha filha, Phelipe. Sei que ela ficou muito mexida com a mentira que eu disse. E é isso que está acabando comigo, ter mentido pra Evelin da forma como eu fiz, inventando algo terrível. Quem vê até acredita que você é uma santa, como mostra ser. Todo mundo erra na vida. Errei muitas vezes, já me arrependi/ (corta) E vai continuar errando. Mentindo, enganando, pensando apenas em você, em primeiro lugar, pra só depois pensar no outros. Foi assim quando você deu o golpe nas suas amigas e agora, quando está forçando sua filha a se casar comigo, para não ser prejudicada, ser presa! (brava) Para, Phelipe! Para! Você sabe como me deixar mais mal do que já estou. (t) Em vez de ficar me criticando, deveria me agradecer por eu ter conseguido o que você quer. Ainda não sei se conseguiu, já que não ouvi daquela linda boca da Evelin que ela aceita se casar comigo. Mas agora é só uma questão de tempo. Dela consegui raciocinar direito, diante de tudo o que eu te disse, e aceitar o seu pedido. (t) E quando isso acontecer quero todas as provas que você tem contra mim, que pode me levar pra cadeia. Só o que me importa agora, só o que quero é concretizar esse meu desejo de anos: ter a Evelin como minha esposa, como minha mulher!

6 DIVAS CAPÍTULO 11 PÁG.: 0 6 CENA 08. BAIRRO ENCANTADO/EXT/NOITE Corta para: CENA 09. SOBRADO /COZINHA/INT/NOITE Isabela está sentada, tomando um pouco de água, se acalmando. ISABELA Só falta agora a Monalisa ficar aparecendo pra mim...(t) Que inferno! Nem depois de morta ela me dá paz, consegue me dar sossego! Isabela toma mais um pouco de água. Laura aparece. ISABELA (tom) O que você quer, Laura? Tá tudo bem, tia? ISABELA Tá sim, tudo ótimo! Não parece. Aquele seu grito foi pavoroso, parece até que viu fantasma. ISABELA Só me assustei com uma barata. Foi só isso. Agora me deixa sozinha, Laura. Laura fica encarando Isabela. Você tá mentindo! Isabela levanta, furiosa. ISABELA (nervosa) Como você ousa falar assim comigo, garota? Sou sua tia! Me respeita! Laura fica intimidada. Miro chega e estranha o clima Tudo bem, por aqui? Laura abraça Miro. Demorou, pai! É porque passei numa pizzaria e estava esperando a pizza ficar pronta. ISABELA Foi só isso mesmo? Esperando a pizza ficar pronta? Miro apenas olha pra Isabela, sem lhe responder. Minha boca encheu de água de vontade de comer pizza.

7 DIVAS CAPÍTULO 11 PÁG.: 0 7 ISABELA Isabela vai pro quarto. Tá lá na sala. Vamos? Vou pro meu quarto. Minha cabeça está explodindo... Bom apetite pra vocês! CENA 10. SOBRADO /SALA/INT/NOITE Miro e Laura comem pizza com as mãos mesmo, bem a vontades. Era o sabor preferido da sua mãe... E o meu também. Agora você tem que descobrir o sabor preferido da Tina. Como assim, filha? Eu posso ser criança, mas percebo muitas coisas, pai. Eu sei que você é muito espera, Laura. E mesmo você não dizendo claramente, eu sei que está rolando algum sentimento com a mãe do Kenedy. E eu quero muito, de verdade mesmo, que de certo. Quero sua felicidade. A felicidade da nossa família! Laura levanta de onde está e abraça forte Miro, que retribui, emocionado, o abraço da filha. CENA 11. APTO DE NATASHA/QUARTO/INT/NOITE Reginaldo e Natasha acabam de transar. Eles compartilham um cigarro, enquanto recuperam suas energias. REGINALDO Então você acha que ele vai te dar mesmo a grana que você pediu? NATASHA Eu tenho certeza. Pra evitar escandá-lo o Colodato é capaz de tudo. Além do mais pedi apenas cinco mil. Não faz nem cócegas na fortuna que ele tem. REGINALDO É bom você ficar esperta, Natasha. Como você mesma disse, pra evitar escandá-lo ele é capaz de tudo. NATASHA O que você está querendo dizer com isso, Reginaldo? REGINALDO Deixa pra lá... Foi apenas algo que passou pela minha cabeça. Mas não quero te assustar. (t) Agora

8 DIVAS CAPÍTULO 11 PÁG.: 0 8 NATASHA chega desse assunto. Estou pronto pro segundo tempo já e você? Já estou pegando fogo... Reginaldo parte pra cima de Natasha, que se entrega completamente. CENA 12. MANSÃO COLODATO/ESCRITÓRIO/INT/NOITE Colodato fuma seu charuto, pensativo. Eugênia entra. EUGÊNIA Precisando de alguma coisa, Colodato. COLODATO Ficar sozinho, Eugênia. Só isso que eu preciso! EUGÊNIA Quer que seu sirva seu jantar? COLODATO Não estou com fome. Agora me deixa sozinho, com meus pensamentos... estou precisando apenas da companhia deles. EUGÊNIA Tudo bem então. COLODATO Vai se deitar. Está tarde, já! EUGÊNIA Boa noite. Se precisar pode me chamar. Eugênia lança um último olhar pra cima de Colodato, antes de sair. CENA 13. MANSÃO COLODATO/QUARTO EUGÊNIA/INT/NOITE Eugênia segura uma foto de Colodato. Passa a mão sobre ela, como se o estivesse tocando. EUGÊNIA (emocionada) Se você soubesse o que se passa no meu coração, Colodato... CENA 14. HOTEL LONDRES/FRENTE/EXT/MADRUGADA Bernardo e Arruda acabam de sair do hotel. BERNARDO Ela é a mulher da minha vida. Não posso perda lá. Eu preciso muito encontrá-la. ARRUDA Vou te levar pro paraíso. BERNARDO Nem perguntei: quem é você? ARRUDA Um amigo, que só está querendo te ajudar. Evelin chega nesse momento, arruinando os planos de Arruda.

9 DIVAS CAPÍTULO 11 PÁG.: 0 9 BERNARDO BERNARDO (surpreso) Evelin? Voltou pra mim? Esqueci meu celular no seu quarto, Bernardo. Então aquele bilhete é o que você realmente pretende fazer? Não piore ainda mais as coisas, Bernardo. Está sendo muito difícil pra mim também, pois mesmo tendo sido tão rápido o nosso envolvimento, foi muito intenso, verdadeiro. Nunca me entreguei tão profundamente pra alguém, como me entreguei pra você! Arruda segura no braço de Bernardo. BERNARDO ARRUDA (estranhando) Que isso, cara? Me solta! Fica quetinho... Arruda levanta um pouco a blusa, deixando a mostra a arma que está na sua cintura. ARRUDA ARRUDA BERNARDO ARRUDA Qualquer gracinha eu mato sua namoradinha, Bernardo. (assustada) Pode levar minha bolsa, meu carro. Só não faça nada contra a gente. Não quero nada disso. (t) Você não tinha nada que aparecer agora, menina. Estava tudo dando certo. Mas já que veio, vou ter te que te levar também. Pra onde? Cala a boca e entra no carro. Se gritarem mato vocês dois aqui mesmo! Arruda conduz Bernardo e Evelin em direção ao seu carro, onde um homem no volante os aguarda. Eles entram. CENA 15. CARRO ARRUDA/INT/MADRUGADA Arruda, Bernardo e Evelin no banco de trás. O homem que está no volante liga o carro e parte apressado. BERNARDO O que você vai fazer com a gente? ARRUDA Logo, logo, vocês vão descobrir! Bernardo e Evelin se olham, assustados. Bernardo pega na mão de Evelin e segura

10 DIVAS CAPÍTULO 11 PÁG.: 0 10 firme. Evelin olha pro gesto que ele realiza e coloca sua outra mão sobre a dele. CENA 16. LONDRES/RUAS/EXT/MADRUGADA O carro de Arruda ganha velocidade pelas ruas. Corta para: CENA 17. LUGAR DESERTO/MARGEM DO RIO TAMISA/EXT/MADRUGADA Arruda aponta sua arma para Bernardo, que protege Evelin com seu corpo. O carro onde eles vieram está um pouco mais a frente. O homem que veio dirigindo está na espreita, observando qualquer movimento estranho, dando cobertura para arruda. ARRUDA Eu não tenho nada contra você, Bernardo. Muito menos contra você, Evelin. Mas negócio são negócios. BERNARDO De onde você nós conhece? Por que vai fazer isso com a gente? Não te fizemos nada. (desespera) Por favor não nos mata! Eu tenho dinheiro, posso te dar o que você quiser. ARRUDA Eu não volto atrás nos compromissos que assumi. Vim de muito longe para cumprir essa missão. BERNARDO Deixa ela ir embora. Não faça nada contra ela. ARRUDA É bonito ver o amor de vocês. Mas o destino de vocês já estão traçados e coube a mim ser o carrasco de duas pessoas tão bonitas como vocês! Arruda engatilha sua arma. CENA 18. HOSPITAL/ENFERMARIA/INT/MADRUGADA Tina, que dorme ao lado de Kenedy, acorda assusta, com uma angústia, aperto no seu coração. Que sensação estranha... Tina olha para Kenedy, que dorme como um anjo. Ela lhe faz um afago. Tomará a Deus que esteja tudo bem com o Bernardo!

11 DIVAS CAPÍTULO 11 PÁG.: 011 CENA 19. MANSÃO WHITNEY/QUARTO /INT/MADRUGADA Whitney acaba de abrir a porta do quarto e vê a cama arrumada. Whitney estranha e fica preocupada. CENA 20. HOTEL/QUARTO BERNARDO/INT/MADRUGADA O celular de evelin começa a tocar. É uma ligação de whitney. CENA 21. MANSÃO WHITNEY/SALA/INT/MADRUGADA Whitney está no telefone, ligando para Evelin. Por fim desiste e desliga. WHITNEY Não atende! (preocupada) Onde você está, Evelin? CENA 22. LUGAR DESERTO/MARGEM DO RIO TAMISA/EXT/MADRUGADA Continuação da cena 17. Bernardo olha pra Evelin. BERNARDO Te amo! Vou te amar pra sempre! ARRUDA Qual dos dois eu mato primeiro? Vendo que a vida de Evelin está em perigo, Bernardo cria coragem e parte pra cima de Arruda. Arruda acaba sendo mais rápido e atira em Bernardo. (grita) Nãooooo!!! Bernardo olha pra onde a bala lhe acertou. Coloca a mão no ferimento e vai perdendo as forças. Evelin corre pra lhe amparar. (chorando) Não morre, Bernardo! Bernardo mal consegue falar. BERNARDO (com muita dor) Eu morro feliz, porque conheci você, Evelin. Tenho certeza que você é a mulher da minha vida. Pena que não tivemos tanto tempo pra viver esse amor! Evelin beija Bernardo. Arruda se aproxima de Evelin e lhe puxa. ARRUDA Vem! Evelin reluta pra ir e começa a agredir Arruda. O homem segura Evelin por trás e

12 DIVAS CAPÍTULO 11 PÁG.: 0 12 Arruda lhe dá uma coronhada com a arma. A visão de Evelin escure e ela desmaia. Corta para: FIM DO CAPÍTULO

Em algum lugar de mim

Em algum lugar de mim Em algum lugar de mim (Drama em ato único) Autor: Mailson Soares A - Eu vi um homem... C - Homem? Que homem? A - Um viajante... C - Ele te viu? A - Não, ia muito longe! B - Do que vocês estão falando?

Leia mais

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA DESENGANO FADE IN: CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA Celular modelo jovial e colorido, escovas, batons e objetos para prender os cabelos sobre móvel de madeira. A GAROTA tem 19 anos, magra, não

Leia mais

Fantasmas da noite. Uma peça de Hayaldo Copque

Fantasmas da noite. Uma peça de Hayaldo Copque Fantasmas da noite Uma peça de Hayaldo Copque Peça encenada dentro de um automóvel na Praça Roosevelt, em São Paulo-SP, nos dias 11 e 12 de novembro de 2011, no projeto AutoPeças, das Satyrianas. Direção:

Leia mais

PERSONAGENS DESTE CAPÍTULO.

PERSONAGENS DESTE CAPÍTULO. Roteiro de Telenovela Brasileira Central de Produção CAPÍTULO 007 O BEM OU O MAL? Uma novela de MHS. PERSONAGENS DESTE CAPÍTULO. AGENOR ALBERTO FERNANDO GABRIELE JORGE MARIA CLARA MARIA CAMILLA MARÍLIA

Leia mais

ENTRE FERAS CAPÍTULO 16 NOVELA DE: RÔMULO GUILHERME ESCRITA POR: RÔMULO GUILHERME

ENTRE FERAS CAPÍTULO 16 NOVELA DE: RÔMULO GUILHERME ESCRITA POR: RÔMULO GUILHERME ENTRE FERAS CAPÍTULO 16 NOVELA DE: RÔMULO GUILHERME ESCRITA POR: RÔMULO GUILHERME CENA 1. HOSPITAL. QUARTO DE. INTERIOR. NOITE Fernanda está dormindo. Seus pulsos estão enfaixados. Uma enfermeira entra,

Leia mais

MEU TIO MATOU UM CARA

MEU TIO MATOU UM CARA MEU TIO MATOU UM CARA M eu tio matou um cara. Pelo menos foi isso que ele disse. Eu estava assistindo televisão, um programa idiota em que umas garotas muito gostosas ficavam dançando. O interfone tocou.

Leia mais

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a João do Medo Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a mamãe dele. Um dia, esse menino teve um sonho ruim com um monstro bem feio e, quando ele acordou, não encontrou mais

Leia mais

DIVAS CAPÍTULO 03 PAG.: 01 DIVAS. Novela de RÔMULO GUILHERME. Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME. Personagens deste capítulo BERNARDO

DIVAS CAPÍTULO 03 PAG.: 01 DIVAS. Novela de RÔMULO GUILHERME. Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME. Personagens deste capítulo BERNARDO DIVAS CAPÍTULO 03 PAG.: 01 DIVAS Novela de RÔMULO GUILHERME Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME Personagens deste capítulo BERNARDO EVELIN PIQUITITA WHITNEY YVETE BRITNEY EUGÊNIA KENEDY COLODATO ISABELA

Leia mais

Titulo - VENENO. Ext Capital de São Paulo Noite (Avista-se a cidade de cima, forrada de prédios, algumas luzes ainda acesas).

Titulo - VENENO. Ext Capital de São Paulo Noite (Avista-se a cidade de cima, forrada de prédios, algumas luzes ainda acesas). Titulo - VENENO Ext Capital de São Paulo Noite (Avista-se a cidade de cima, forrada de prédios, algumas luzes ainda acesas). Corta para dentro de um apartamento (O apartamento é bem mobiliado. Estofados

Leia mais

Geração Graças Peça: Os Cofrinhos

Geração Graças Peça: Os Cofrinhos Geração Graças Peça: Os Cofrinhos Autora: Tell Aragão Personagens: Voz - não aparece mendigo/pessoa Nervosa/Ladrão faz os três personagens Menina 1 Menina 2 Voz: Era uma vez, duas irmãs que ganharam dois

Leia mais

MERGULHO de Betina Toledo e Thuany Motta

MERGULHO de Betina Toledo e Thuany Motta MERGULHO de Betina Toledo e Thuany Motta Copyright Betina Toledo e Thuany Motta Todos os direitos reservados juventudecabofrio@gmail.com Os 13 Filmes 1 MERGULHO FADE IN: CENA 1 PRAIA DIA Fotografia de

Leia mais

O Coração Sujo. Tuca Estávamos falando sobre... hm, que cheiro é esse? Tuca Parece cheiro de gambá morto afogado no esgoto.

O Coração Sujo. Tuca Estávamos falando sobre... hm, que cheiro é esse? Tuca Parece cheiro de gambá morto afogado no esgoto. O Coração Sujo Personagens - Tuca - Teco - Tatá - Tia Tuca e Tatá estão conversando. Teco chega. Teco Oi, meninas, sobre o que vocês estão falando? Tuca Estávamos falando sobre... hm, que cheiro é esse?

Leia mais

Transcriça o da Entrevista

Transcriça o da Entrevista Transcriça o da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Ex praticante Clarice Local: Núcleo de Arte Grécia Data: 08.10.2013 Horário: 14h Duração da entrevista: 1h COR PRETA

Leia mais

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele O Plantador e as Sementes Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele sabia plantar de tudo: plantava árvores frutíferas, plantava flores, plantava legumes... ele plantava

Leia mais

LIÇÃO 8 MANSIDÃO: Agir com mansidão com todos

LIÇÃO 8 MANSIDÃO: Agir com mansidão com todos Lição 3: Alegria LIÇÃO 8 MANSIDÃO: Agir com mansidão com todos RESUMO BÍBLICO Gálatas 5:23; Gálatas 6:1; 2 Timóteo 2:25; Tito 3; 1 Pedro 3:16 Como seres humanos estamos sempre à mercê de situações sobre

Leia mais

P/1 Seu Ivo, eu queria que o senhor começasse falando seu nome completo, onde o senhor nasceu e a data do seu nascimento.

P/1 Seu Ivo, eu queria que o senhor começasse falando seu nome completo, onde o senhor nasceu e a data do seu nascimento. museudapessoa.net P/1 Seu Ivo, eu queria que o senhor começasse falando seu nome completo, onde o senhor nasceu e a data do seu nascimento. R Eu nasci em Piúma, em primeiro lugar meu nome é Ivo, nasci

Leia mais

O Convite. Roteiro de Glausirée Dettman de Araujo e. Gisele Christine Cassini Silva

O Convite. Roteiro de Glausirée Dettman de Araujo e. Gisele Christine Cassini Silva O Convite Roteiro de Glausirée Dettman de Araujo e Gisele Christine Cassini Silva FADE OUT PARA: Int./Loja de sapatos/dia Uma loja de sapatos ampla, com vitrines bem elaboradas., UMA SENHORA DE MEIA IDADE,

Leia mais

Qual o Sentido do Natal?

Qual o Sentido do Natal? Qual o Sentido do Natal? Por Sulamita Ricardo Personagens: José- Maria- Rei1- Rei2- Rei3- Pastor 1- Pastor 2- Pastor 3-1ª Cena Uma música de natal toca Os personagens entram. Primeiro entram José e Maria

Leia mais

TESTE DE ELENCO COM UMA CENA. Por VINICIUS MOURA

TESTE DE ELENCO COM UMA CENA. Por VINICIUS MOURA TESTE DE ELENCO COM UMA CENA Por VINICIUS MOURA * Embora seja uma cena que contenha dois atores os candidatos serão avaliados individualmente. Os critérios de avaliação se darão a partir da performace

Leia mais

INVERNO Um roteiro de Mikael Santiago 25/05/2009

INVERNO Um roteiro de Mikael Santiago 25/05/2009 INVERNO Um roteiro de Mikael Santiago 25/05/2009 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS COPYRIGHT MIKAEL SANTIAGO mikael@mvirtual.com.br RUA ITUVERAVA, 651/305 JACAREPAGUÁ RIO DE JANEIRO - RJ (21)9879-4890 (21)3186-5801

Leia mais

Sei... Entra, Fredo, vem tomar um copo de suco, comer um biscoito. E você também, Dinho, que está parado aí atrás do muro!

Sei... Entra, Fredo, vem tomar um copo de suco, comer um biscoito. E você também, Dinho, que está parado aí atrás do muro! Capítulo 3 N o meio do caminho tinha uma casa. A casa da Laila, uma menina danada de esperta. Se bem que, de vez em quando, Fredo e Dinho achavam que ela era bastante metida. Essas coisas que acontecem

Leia mais

Uma Conexão Visual entre Trabalhadores da Lavoura de Cana-de-Açúcar, no Brasil, e Suas Famílias

Uma Conexão Visual entre Trabalhadores da Lavoura de Cana-de-Açúcar, no Brasil, e Suas Famílias 1/35 Pai, Estou Te Esperando Uma Conexão Visual entre Trabalhadores da Lavoura de Cana-de-Açúcar, no Brasil, e Suas Famílias Fotos de Emma Raynes, 2007 2/35 Retratos dos Trabalhadores da Lavoura de Cana-de-Açúcar

Leia mais

Não é o outro que nos

Não é o outro que nos 16º Plano de aula 1-Citação as semana: Não é o outro que nos decepciona, nós que nos decepcionamos por esperar alguma coisa do outro. 2-Meditação da semana: Floresta 3-História da semana: O piquenique

Leia mais

Roteiro para curta-metragem. Nathália da Silva Santos 6º ano Escola Municipalizada Paineira TEMPESTADE NO COPO

Roteiro para curta-metragem. Nathália da Silva Santos 6º ano Escola Municipalizada Paineira TEMPESTADE NO COPO Roteiro para curta-metragem Nathália da Silva Santos 6º ano Escola Municipalizada Paineira TEMPESTADE NO COPO SINOPSE Sérgio e Gusthavo se tornam inimigos depois de um mal entendido entre eles. Sérgio

Leia mais

Alô, alô. www.bibliotecapedrobandeira.com.br

Alô, alô. www.bibliotecapedrobandeira.com.br Alô, alô Quero falar com o Marcelo. Momento. Alô. Quem é? Marcelo. Escuta aqui. Eu só vou falar uma vez. A Adriana é minha. Vê se tira o bico de cima dela. Adriana? Que Adriana? Não se faça de cretino.

Leia mais

Geração Graças Peça: A ressurreição da filha de Jairo

Geração Graças Peça: A ressurreição da filha de Jairo Geração Graças Peça: A ressurreição da filha de Jairo Autora: Tell Aragão Personagens: Carol (faz só uma participação rápida no começo e no final da peça) Mãe - (só uma voz ela não aparece) Gigi personagem

Leia mais

HISTÓRIA DE SÃO PAULO. Alunos: Tatiana Santos Ferreira, Joyce Cruvello Barroso, Jennifer Cristine Silva Torres dos Santos, Sabrina Cruz. 8ª série.

HISTÓRIA DE SÃO PAULO. Alunos: Tatiana Santos Ferreira, Joyce Cruvello Barroso, Jennifer Cristine Silva Torres dos Santos, Sabrina Cruz. 8ª série. EE Bento Pereira da Rocha HISTÓRIA DE SÃO PAULO Alunos: Tatiana Santos Ferreira, Joyce Cruvello Barroso, Jennifer Cristine Silva Torres dos Santos, Sabrina Cruz. 8ª série. História 1 CENA1 Mônica chega

Leia mais

Sal, Pimenta, Alho e Noz Moscada.

Sal, Pimenta, Alho e Noz Moscada. Sal, Pimenta, Alho e Noz Moscada. Cláudia Barral (A sala é bastante comum, apenas um detalhe a difere de outras salas de apartamentos que se costuma ver ordinariamente: a presença de uma câmera de vídeo

Leia mais

Os dois foram entrando e ROSE foi contando mais um pouco da história e EDUARDO anotando tudo no caderno.

Os dois foram entrando e ROSE foi contando mais um pouco da história e EDUARDO anotando tudo no caderno. Meu lugar,minha história. Cena 01- Exterior- Na rua /Dia Eduardo desce do ônibus com sua mala. Vai em direção a Rose que está parada. Olá, meu nome é Rose sou a guia o ajudara no seu projeto de história.

Leia mais

Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa

Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa Olhando as peças Histórias de Deus:Gênesis-Apocalipse 3 a 6 anos Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa História Bíblica: Gênesis 41-47:12 A história de José continua com ele saindo da prisão

Leia mais

Luís Norberto Pascoal

Luís Norberto Pascoal Viver com felicidade é sucesso com harmonia e humildade. Luís Norberto Pascoal Agradecemos aos parceiros que investem em nosso projeto. ISBN 978-85-7694-131-6 9 788576 941316 Era uma vez um pássaro que

Leia mais

BOLA NA CESTA. Roteiro para curta-metragem de Marcele Linhares

BOLA NA CESTA. Roteiro para curta-metragem de Marcele Linhares BOLA NA CESTA Roteiro para curta-metragem de Marcele Linhares 25/04/2012 SINOPSE Essa é a história de Marlon Almeida. Um adolescente que tem um pai envolvido com a criminalidade. Sua salvação está no esporte.

Leia mais

DIVAS CAPÍTULO 02 PÁG.: 01 DIVAS. Novela de RÔMULO GUILHERME. Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME. Personagens deste capítulo BERNARDO

DIVAS CAPÍTULO 02 PÁG.: 01 DIVAS. Novela de RÔMULO GUILHERME. Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME. Personagens deste capítulo BERNARDO DIVAS CAPÍTULO 02 PÁG.: 01 DIVAS Novela de RÔMULO GUILHERME Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME Personagens deste capítulo BERNARDO DJALMA EVELIN LAURA TINA BRUNO COLODATO JULIANO CINDY ISABELA BRITNEY

Leia mais

QUASE NADA Peça de Marcos Barbosa marcosbarbosa@hotmail.com

QUASE NADA Peça de Marcos Barbosa marcosbarbosa@hotmail.com QUASE NADA Peça de Marcos Barbosa marcosbarbosa@hotmail.com Antônio, Sara, Vânia e César. Sala da casa de Antônio e Sara. 1 Um longo silêncio. ANTÔNIO. Vai me deixar falando sozinho? Sara o fita e fica

Leia mais

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997.

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. 017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. Acordei hoje como sempre, antes do despertador tocar, já era rotina. Ao levantar pude sentir o peso de meu corpo, parecia uma pedra. Fui andando devagar até o banheiro.

Leia mais

Palavras do autor. Escrever para jovens é uma grande alegria e, por que não dizer, uma gostosa aventura.

Palavras do autor. Escrever para jovens é uma grande alegria e, por que não dizer, uma gostosa aventura. Palavras do autor Escrever para jovens é uma grande alegria e, por que não dizer, uma gostosa aventura. Durante três anos, tornei-me um leitor voraz de histórias juvenis da literatura nacional, mergulhei

Leia mais

DIVAS CAPÍTULO 05 PÁG.: 01 DIVAS. Novela de RÔMULO GUILHERME. Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME. Personagens deste capítulo BERNARDO

DIVAS CAPÍTULO 05 PÁG.: 01 DIVAS. Novela de RÔMULO GUILHERME. Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME. Personagens deste capítulo BERNARDO DIVAS CAPÍTULO 05 PÁG.: 01 DIVAS Novela de RÔMULO GUILHERME Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME Personagens deste capítulo BERNARDO CHARLES BRITNEY MARIANA PHELIPE ROXETTE MIRO ISABELA TINA COLODATO

Leia mais

MALDITO. de Kelly Furlanetto Soares. Peça escritadurante a Oficina Regular do Núcleo de Dramaturgia SESI PR.Teatro Guaíra, no ano de 2012.

MALDITO. de Kelly Furlanetto Soares. Peça escritadurante a Oficina Regular do Núcleo de Dramaturgia SESI PR.Teatro Guaíra, no ano de 2012. MALDITO de Kelly Furlanetto Soares Peça escritadurante a Oficina Regular do Núcleo de Dramaturgia SESI PR.Teatro Guaíra, no ano de 2012. 1 Em uma praça ao lado de uma universidade está sentado um pai a

Leia mais

Sinopse I. Idosos Institucionalizados

Sinopse I. Idosos Institucionalizados II 1 Indicadores Entrevistados Sinopse I. Idosos Institucionalizados Privação Até agora temos vivido, a partir de agora não sei Inclui médico, enfermeiro, e tudo o que for preciso de higiene somos nós

Leia mais

Superando Seus Limites

Superando Seus Limites Superando Seus Limites Como Explorar seu Potencial para ter mais Resultados Minicurso Parte VI A fonte do sucesso ou fracasso: Valores e Crenças (continuação) Página 2 de 16 PARTE 5.2 Crenças e regras!

Leia mais

www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak

www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak Entrevista com Ezequiel Quem é você? Meu nome é Ezequiel, sou natural do Rio de Janeiro, tenho 38 anos, fui

Leia mais

Efêmera (título provisório) Por. Ana Julia Travia e Mari Brecht

Efêmera (título provisório) Por. Ana Julia Travia e Mari Brecht Efêmera (título provisório) Por Ana Julia Travia e Mari Brecht anaju.travia@gmail.com mari.brecht@gmail.com INT. SALA DE - DIA. VÍDEO DE Números no canto da tela: 00 horas Vídeo na TV., 22, com seus cabelos

Leia mais

Roteiro para curta-metragem. Aparecida dos Santos Gomes 6º ano Escola Municipalizada Paineira NÃO ERA ASSIM

Roteiro para curta-metragem. Aparecida dos Santos Gomes 6º ano Escola Municipalizada Paineira NÃO ERA ASSIM Roteiro para curta-metragem Aparecida dos Santos Gomes 6º ano Escola Municipalizada Paineira NÃO ERA ASSIM SINOPSE José é viciado em drogas tornando sua mãe infeliz. O vício torna José violento, até que

Leia mais

ROTEIRO: O LUGAR ONDE EU VIVO

ROTEIRO: O LUGAR ONDE EU VIVO ROTEIRO: O LUGAR ONDE EU VIVO Ideia: Produção realizada a partir de um fato marcante e em algumas situações ocorre a mesclagem entre narrações e demonstrações de cenas. Personagens: A filha da doméstica

Leia mais

HISTÓRIA DE LINS. - Nossa que cara é essa? Parece que ficou acordada a noite toda? Confessa, ficou no face a noite inteira?

HISTÓRIA DE LINS. - Nossa que cara é essa? Parece que ficou acordada a noite toda? Confessa, ficou no face a noite inteira? HISTÓRIA DE LINS EE PROF.PE. EDUARDO R. de CARVALHO Alunos: Maria Luana Lino da Silva Rafaela Alves de Almeida Estefanny Mayra S. Pereira Agnes K. Bernardes História 1 Unidas Venceremos É a história de

Leia mais

TÉRMINUS. AVCTORIS DIREITO AUTORAL & COPYRIGHT - Rafael Martins de Oliveira. CAPA Diego de Oliveira Castro. EDITORAÇÃO Diego de Oliveira Castro

TÉRMINUS. AVCTORIS DIREITO AUTORAL & COPYRIGHT - Rafael Martins de Oliveira. CAPA Diego de Oliveira Castro. EDITORAÇÃO Diego de Oliveira Castro AVCTORIS DIREITO AUTORAL & COPYRIGHT - Rafael Martins de Oliveira CAPA Diego de Oliveira Castro EDITORAÇÃO Diego de Oliveira Castro TÉRMINUS REVISÃO Rafael Martins de Oliveira Oliveira, Rafael Martins,

Leia mais

FIM DE SEMANA. Roteiro de Curta-Metragem de Dayane da Silva de Sousa

FIM DE SEMANA. Roteiro de Curta-Metragem de Dayane da Silva de Sousa FIM DE SEMANA Roteiro de Curta-Metragem de Dayane da Silva de Sousa CENA 1 EXTERIOR / REUNIÃO FAMILIAR (VÍDEOS) LOCUTOR Depois de uma longa semana de serviço, cansaço, demoradas viagens de ônibus lotados...

Leia mais

Chantilly, 17 de outubro de 2020.

Chantilly, 17 de outubro de 2020. Chantilly, 17 de outubro de 2020. Capítulo 1. Há algo de errado acontecendo nos arredores dessa pequena cidade francesa. Avilly foi completamente afetada. É estranho descrever a situação, pois não encontro

Leia mais

DIVAS CAPÍTULO 04 PÁG.: 01 DIVAS. Novela de RÔMULO GUILHERME. Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME. Personagens deste capítulo BERNARDO

DIVAS CAPÍTULO 04 PÁG.: 01 DIVAS. Novela de RÔMULO GUILHERME. Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME. Personagens deste capítulo BERNARDO DIVAS CAPÍTULO 04 PÁG.: 01 DIVAS Novela de RÔMULO GUILHERME Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME Personagens deste capítulo BERNARDO PIQUITITA EVELIN KENEDY WHITNEY COLODATO TINA JULIANO MIRO ARRUDA EUGÊNIA

Leia mais

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008 Humberto Cordeiro Carvalho admitido pela companhia em 1 de julho de 1981. Eu nasci em 25 de maio de 55 em Campos do Goytacazes. FORMAÇÃO Segundo grau Escola

Leia mais

FUGA de Beatriz Berbert

FUGA de Beatriz Berbert FUGA de Beatriz Berbert Copyright Beatriz Berbert Todos os direitos reservados juventudecabofrio@gmail.com Os 13 Filmes 1 FUGA FADE IN: CENA 1 PISCINA DO CONDOMÍNIO ENTARDECER Menina caminha sobre a borda

Leia mais

Atividades Lição 5 ESCOLA É LUGAR DE APRENDER

Atividades Lição 5 ESCOLA É LUGAR DE APRENDER Atividades Lição 5 NOME: N º : CLASSE: ESCOLA É LUGAR DE APRENDER 1. CANTE A MÚSICA, IDENTIFICANDO AS PALAVRAS. A PALAVRA PIRULITO APARECE DUAS VEZES. ONDE ESTÃO? PINTE-AS.. PIRULITO QUE BATE BATE PIRULITO

Leia mais

1-PORTO SEGURO-BAHIA-BRASIL

1-PORTO SEGURO-BAHIA-BRASIL 1-PORTO SEGURO-BAHIA-BRASIL LUGAR: EUNÁPOLIS(BA) DATA: 05/11/2008 ESTILO: VANEIRÃO TOM: G+ (SOL MAIOR) GRAVADO:16/10/10 PORTO SEGURO BAHIA-BRASIL VOCÊ É O BERÇO DO NOSSO PAIS. PORTO SEGURO BAHIA-BRASIL

Leia mais

Quem te fala mal de. 10º Plano de aula. 1-Citação as semana: Quem te fala mal de outra pessoa, falará mal de ti também." 2-Meditação da semana:

Quem te fala mal de. 10º Plano de aula. 1-Citação as semana: Quem te fala mal de outra pessoa, falará mal de ti também. 2-Meditação da semana: 10º Plano de aula 1-Citação as semana: Quem te fala mal de outra pessoa, falará mal de ti também." Provérbio Turco 2-Meditação da semana: Mestre conselheiro- 6:14 3-História da semana: AS três peneiras

Leia mais

MARIANA: Fátima? Você tem certeza que seu pai vai gostar? Ele é meio careta, apesar de que é uma linda homenagem.

MARIANA: Fátima? Você tem certeza que seu pai vai gostar? Ele é meio careta, apesar de que é uma linda homenagem. Pais e filhos 1º cena: música ambiente (início da música pais e filhos legião urbana - duas pessoas entram com um mural e começam a confeccionar com frases para o aniversário do pai de uma delas (Fátima),

Leia mais

Harmonizando a família

Harmonizando a família Harmonizando a família Narrador: Em um dia, como tantos outros, como e em vários lares a, mãe está em casa cuidando dos afazeres doméstic os, tranqüilamente. Porém c omo vem ac ontec endo há muito tempo,

Leia mais

CABOCLO D AGUA. Por. Andre Rohling.

CABOCLO D AGUA. Por. Andre Rohling. CABOCLO D AGUA. Por Andre Rohling. (47)8818-2914. andrerohling@hotmail.com www.facebook/andre.rohling 1 CENA-EXT-CAMPO-NOITE-19H10MIN. Noite de lua cheia, era bastante claro devido à luz da lua, faróis

Leia mais

Fim. Começo. Para nós, o tempo começou a ter um novo sentido.

Fim. Começo. Para nós, o tempo começou a ter um novo sentido. Fim. Começo. Para nós, o tempo começou a ter um novo sentido. Assim que ela entrou, eu era qual um menino, tão alegre. bilhete, eu não estaria aqui. Demorei a vida toda para encontrá-lo. Se não fosse o

Leia mais

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma.

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. PERTO DE TI Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. Jesus! Perto de ti, sou mais e mais. Obedeço a tua voz. Pois eu sei que tu és Senhor, o

Leia mais

DIANA + 3. Roteiro de Henry Grazinoli

DIANA + 3. Roteiro de Henry Grazinoli DIANA + 3 Roteiro de Henry Grazinoli EXT. CALÇADA DO PORTINHO DIA Sombra de Pablo e Dino caminhando pela calçada do portinho de Cabo Frio. A calçada típica da cidade, com suas ondinhas e peixes desenhados.

Leia mais

Carnaval 2014. A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível

Carnaval 2014. A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível Carnaval 2014 A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível Nesta noite vamos fazer uma viagem! Vamos voltar a um tempo que nos fez e ainda nos faz feliz, porque afinal como

Leia mais

Prefeito de São Bernardo do Campo: Hoje tem um show no Cedesc, às 18 horas (incompreensível).

Prefeito de São Bernardo do Campo: Hoje tem um show no Cedesc, às 18 horas (incompreensível). , Luiz Inácio Lula da Silva, durante a inauguração da República Terapêutica e do Consultório de Rua para Dependentes Químicos e outras ações relacionadas ao Plano Integrado de Enfrentamento ao Crack São

Leia mais

Tempo para tudo. (há tempo para todas as coisas por isso eu preciso ouvir meus pais)

Tempo para tudo. (há tempo para todas as coisas por isso eu preciso ouvir meus pais) Tempo para tudo (há tempo para todas as coisas por isso eu preciso ouvir meus pais) Família é ideia de Deus, geradora de personalidade, melhor lugar para a formação do caráter, da ética, da moral e da

Leia mais

8 Passos para o Recrutamento Eficaz. Por Tiago Simões

8 Passos para o Recrutamento Eficaz. Por Tiago Simões 8 Passos para o Recrutamento Eficaz Por Tiago Simões Uma das coisas que aprendi na indústria de marketing de rede é que se você não tem um sistema de trabalho que comprovadamente funcione, muito provavelmente

Leia mais

Lembro-me do segredo que ela prometeu me contar. - Olha, eu vou contar, mas é segredo! Não conte para ninguém. Se você contar eu vou ficar de mal.

Lembro-me do segredo que ela prometeu me contar. - Olha, eu vou contar, mas é segredo! Não conte para ninguém. Se você contar eu vou ficar de mal. -...eu nem te conto! - Conta, vai, conta! - Está bem! Mas você promete não contar para mais ninguém? - Prometo. Juro que não conto! Se eu contar quero morrer sequinha na mesma hora... - Não precisa exagerar!

Leia mais

INTERTÍTULO: DIANA + 1 FADE IN EXT. PRAIA/BEIRA MAR DIA

INTERTÍTULO: DIANA + 1 FADE IN EXT. PRAIA/BEIRA MAR DIA DIANA + 3 INTERTÍTULO: DIANA + 1 FADE IN EXT. PRAIA/BEIRA MAR DIA Pablo, rapaz gordinho, 20 anos, está sentado na areia da praia ao lado de Dino, magrinho, de óculos, 18 anos. Pablo tem um violão no colo.

Leia mais

Ernest Hemingway Colinas como elefantes brancos

Ernest Hemingway Colinas como elefantes brancos Ernest Hemingway Colinas como elefantes brancos As colinas do outro lado do vale eram longas e brancas. Deste lado, não havia sombra nem árvores e a estação ficava entre duas linhas de trilhos sob o sol.

Leia mais

Onde você vai encontrar as suas futuras iniciadas?????

Onde você vai encontrar as suas futuras iniciadas????? Há 16 anos quando entrou na MK, a consagrada Diretora Nacional, Gloria Mayfield, não sabia como chegar ao topo, hoje ela dá o seguinte conselho. As lições que eu aprendi na Mary Kay para me tornar uma

Leia mais

A Virada: contenido. Lecciones 1-100 de A Virada. A Gente. acabou de acontecer, acabei de comprar, acabei de chegar. Adverbios & Adjetivos

A Virada: contenido. Lecciones 1-100 de A Virada. A Gente. acabou de acontecer, acabei de comprar, acabei de chegar. Adverbios & Adjetivos A Virada: contenido Lecciones 1-100 de A Virada A Gente ACABAR de Adverbios & Adjetivos A gente vai acabou de acontecer, acabei de comprar, acabei de chegar fácil (adjective) facilmente (adverb) Adverbios

Leia mais

Vamos falar de amor? Amornizando!

Vamos falar de amor? Amornizando! Vamos falar de amor? Amornizando! Personagens 1) Neide Tymus (Regente); 2) Sérgio Tymus (Marido Neide); 3) Nelida (Filha da Neide); 4) Primeiro Coralista; 5) Segundo Coralista; 6) Terceiro Coralista; 7)

Leia mais

Crianças e Meios Digitais Móveis TIC KIDS ONLINE NO TEMPO DOS MEIOS MÓVEIS: OLHARES DO BRASIL PARA CRIANÇAS DE 11-12 ANOS

Crianças e Meios Digitais Móveis TIC KIDS ONLINE NO TEMPO DOS MEIOS MÓVEIS: OLHARES DO BRASIL PARA CRIANÇAS DE 11-12 ANOS Crianças e Meios Digitais Móveis Lisboa, 29 de novembro de 2014 TIC KIDS ONLINE NO TEMPO DOS MEIOS MÓVEIS: OLHARES DO BRASIL PARA CRIANÇAS DE 11-12 ANOS Educação para o uso crítico da mídia 1. Contexto

Leia mais

Lista de Diálogo - Cine Camelô

Lista de Diálogo - Cine Camelô Lista de Diálogo - Cine Camelô Oi amor... tudo bem? Você falou que vinha. É, eu tô aqui esperando. Ah tá, mas você vai vir? Então tá bom vou esperar aqui. Tá bom? Que surpresa boa. Oh mano. Aguá! Bolha!

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil

Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil Apresentaremos 4 lições, que mostram algum personagem Bíblico, onde as ações praticadas ao longo de sua trajetória abençoaram a vida de muitas

Leia mais

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES:

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES: Atividades gerais: Verbos irregulares no - ver na página 33 as conjugações dos verbos e completar os quadros com os verbos - fazer o exercício 1 Entrega via e-mail: quarta-feira 8 de julho Verbos irregulares

Leia mais

10 segredos para falar inglês

10 segredos para falar inglês 10 segredos para falar inglês ÍNDICE PREFÁCIO 1. APENAS COMECE 2. ESQUEÇA O TEMPO 3. UM POUCO TODO DIA 4. NÃO PRECISA AMAR 5. NÃO EXISTE MÁGICA 6. TODO MUNDO COMEÇA DO ZERO 7. VIVA A LÍNGUA 8. NÃO TRADUZA

Leia mais

TEXTO: Texto Warley di Brito A TURMA DA ZICA. (Esta é uma versão adaptada, da turma do zico)

TEXTO: Texto Warley di Brito A TURMA DA ZICA. (Esta é uma versão adaptada, da turma do zico) TEXTO: Texto Warley di Brito A TURMA DA ZICA (Esta é uma versão adaptada, da turma do zico) Januária setembro/2011 CENÁRIO: Livre, aberto, porém, deve se haver por opção uma cadeira, uma toalha e uma escova

Leia mais

A TURMA DO ZICO EM: CUIDADO COM A DENGUE

A TURMA DO ZICO EM: CUIDADO COM A DENGUE Texto: Warley di Brito A TURMA DO ZICO EM: CUIDADO COM A DENGUE Personagens: Zico, Zefinha, Paulinha e sua mãe Bastiana Cenário: A esquete acontece no quintal da casa da mãe de Zico, para a montagem do

Leia mais

ANDERSON CAVALCANTE. Meu pai, meu herói

ANDERSON CAVALCANTE. Meu pai, meu herói ANDERSON CAVALCANTE Meu pai, meu herói Dedicatória Ao meu pai, Eraldo, meu herói e minha referência de vida. 5 Agradecimentos A Deus, por sempre me ajudar a cumprir minha missão. A todos os pais que são

Leia mais

PECADO ORIGINAL Capítulo 23 PECADO ORIGINAL. Novela de. Rômulo Guilherme. Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME

PECADO ORIGINAL Capítulo 23 PECADO ORIGINAL. Novela de. Rômulo Guilherme. Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME PECADO ORIGINAL Novela de Rômulo Guilherme Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME CENA 01/IGREJA/FRENTE/EXT/DIA CONTINUAÇÃO DA ÚLTIMA CENA DO CAPÍTULO ANTERIOR. REBECA PERDE AS FORÇAS POR UM MOMENTO E SE

Leia mais

Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008 Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Meu nome é Alexandre da Silva França. Eu nasci em 17 do sete de 1958, no Rio de Janeiro. FORMAÇÃO Eu sou tecnólogo em processamento de dados. PRIMEIRO DIA

Leia mais

Unidade 4: Obedeça ao Senhor Neemias e o muro

Unidade 4: Obedeça ao Senhor Neemias e o muro Histórias do Velho Testamento 3 a 6 anos Histórias de Deus:Gênesis-Apocalipse Unidade 4: Obedeça ao Senhor Neemias e o muro O Velho Testamento está cheio de histórias que Deus nos deu, espantosas e verdadeiras.

Leia mais

SEU GUIA DEFINITIVO PARA PLANEJAR E EXECUTAR DE UMA VEZ POR TODAS SEU SONHO ENGAVETADO

SEU GUIA DEFINITIVO PARA PLANEJAR E EXECUTAR DE UMA VEZ POR TODAS SEU SONHO ENGAVETADO FAÇA ACONTECER AGORA MISSÃO ESPECIAL SEU GUIA DEFINITIVO PARA PLANEJAR E EXECUTAR DE UMA VEZ POR TODAS SEU SONHO ENGAVETADO RENATA WERNER COACHING PARA MULHERES Página 1 Q ue Maravilha Começar algo novo

Leia mais

Tudo que você precisa saber a respeito de Deus está esta escrito no Salmo 23. Tudo que você precisa saber a teu respeito está escrito no Salmo 23.

Tudo que você precisa saber a respeito de Deus está esta escrito no Salmo 23. Tudo que você precisa saber a teu respeito está escrito no Salmo 23. Tema: DEUS CUIDA DE MIM. Texto: Salmos 23:1-6 Introdução: Eu estava pesando, Deus um salmo tão poderoso até quem não está nem ai prá Deus conhece uns dos versículos, mas poderosos da bíblia e o Salmo 23,

Leia mais

10 coisas que cachorros ensinam sobre o que de fato importa

10 coisas que cachorros ensinam sobre o que de fato importa 10 coisas que cachorros ensinam sobre o que de fato importa Cães são uma fonte constante de amor e diversão, mas, além disso, nos ensinam algumas das maiores lições de nossas vidas Debbie Gisonni, do Cachorro:

Leia mais

Para gostar de pensar

Para gostar de pensar Rosângela Trajano Para gostar de pensar Volume III - 3º ano Para gostar de pensar (Filosofia para crianças) Volume III 3º ano Para gostar de pensar Filosofia para crianças Volume III 3º ano Projeto editorial

Leia mais

AUTO DE NATAL OUTRO NATAL

AUTO DE NATAL OUTRO NATAL AUTO DE NATAL OUTRO NATAL Escrito em conjunto com Cristina Papa para montagem pelo curso Técnico Ator 2007/2008 do SENAC Araraquara-SP, sob supervisão do professor Carlos Fonseca. PERSONAGENS: CORO / NARRADORES

Leia mais

Os encontros de Jesus. sede de Deus

Os encontros de Jesus. sede de Deus Os encontros de Jesus 1 Jo 4 sede de Deus 5 Ele chegou a uma cidade da Samaria, chamada Sicar, que ficava perto das terras que Jacó tinha dado ao seu filho José. 6 Ali ficava o poço de Jacó. Era mais ou

Leia mais

mundo. A gente não é contra branco. Somos aliados, queremos um mundo melhor para todo mundo. A gente está sentindo muito aqui.

mundo. A gente não é contra branco. Somos aliados, queremos um mundo melhor para todo mundo. A gente está sentindo muito aqui. Em 22 de maio de 2014 eu, Rebeca Campos Ferreira, Perita em Antropologia do Ministério Público Federal, estive na Penitenciária de Médio Porte Pandinha, em Porto Velho RO, com os indígenas Gilson Tenharim,

Leia mais

JOSÉ DE SOUZA CASTRO 1

JOSÉ DE SOUZA CASTRO 1 1 JOSÉ DE SOUZA CASTRO 1 ENTREGADOR DE CARGAS 32 ANOS DE TRABALHO Transportadora Fácil Idade: 53 anos, nascido em Quixadá, Ceará Esposa: Raimunda Cruz de Castro Filhos: Marcílio, Liana e Luciana Durante

Leia mais

- Você sabe que vai ter que falar comigo em algum momento, não sabe?

- Você sabe que vai ter que falar comigo em algum momento, não sabe? Trecho do romance Caleidoscópio Capítulo cinco. 05 de novembro de 2012. - Você sabe que vai ter que falar comigo em algum momento, não sabe? Caçulinha olha para mim e precisa fazer muita força para isso,

Leia mais

Amar Dói. Livro De Poesia

Amar Dói. Livro De Poesia Amar Dói Livro De Poesia 1 Dedicatória Para a minha ex-professora de português, Lúcia. 2 Uma Carta Para Lúcia Querida professora, o tempo passou, mas meus sonhos não morreram. Você foi uma pessoa muito

Leia mais

O Menino do Futuro. Dhiogo José Caetano

O Menino do Futuro. Dhiogo José Caetano O Menino do Futuro Dhiogo José Caetano 1 Início da história Tudo começa em uma cidade pequena do interior de Goiás, com o nome de Uruana. Havia um garoto chamado Dhiogo San Diego, um pequeno inventor que

Leia mais

5 ADOLESCÊNCIA. 5.1. Passagem da Infância Para a Adolescência

5 ADOLESCÊNCIA. 5.1. Passagem da Infância Para a Adolescência 43 5 ADOLESCÊNCIA O termo adolescência, tão utilizado pelas classes médias e altas, não costumam fazer parte do vocabulário das mulheres entrevistadas. Seu emprego ocorre mais entre aquelas que por trabalhar

Leia mais

Meninas Nhe nhe. Eu Aff Chegando lá. Eu Gente estou com um mau pressentimento

Meninas Nhe nhe. Eu Aff Chegando lá. Eu Gente estou com um mau pressentimento Eu e umas amigas íamos viajar. Um dia antes dessa viagem convidei minhas amigas para dormir na minha casa. Nós íamos para uma floresta que aparentava ser a floresta do Slender-Man mas ninguém acreditava

Leia mais

Concurso Literário. O amor

Concurso Literário. O amor Concurso Literário O Amor foi o tema do Concurso Literário da Escola Nova do segundo semestre. Durante o período do Concurso, o tema foi discutido em sala e trabalhado principalmente nas aulas de Língua

Leia mais

UMA PIZZA CHAMADA DESEJO. por. Rodrigo Ferrari. Versão final 02/09/2011

UMA PIZZA CHAMADA DESEJO. por. Rodrigo Ferrari. Versão final 02/09/2011 UMA PIZZA CHAMADA DESEJO por Rodrigo Ferrari Versão final 02/09/2011 rodrigoferrari@gmail.com (21)9697.0419 Iluminados, no fundo do palco, BLANCHE e o. O Médico veste um jaleco branco, estetoscópio, óculos

Leia mais

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão.

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão. REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO Código Entrevista: 2 Data: 18/10/2010 Hora: 16h00 Duração: 23:43 Local: Casa de Santa Isabel DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS Idade

Leia mais

Arthur de Carvalho Jaldim Rubens de Almeida Oliveira CÃO ESTELAR. EDITORA BPA Biblioteca Popular de Afogados

Arthur de Carvalho Jaldim Rubens de Almeida Oliveira CÃO ESTELAR. EDITORA BPA Biblioteca Popular de Afogados Arthur de Carvalho Jaldim Rubens de Almeida Oliveira O CÃO ESTELAR EDITORA BPA Biblioteca Popular de Afogados Texto e Pesquisa de Imagens Arthur de Carvalho Jaldim e Rubens de Almeida Oliveira O CÃO ESTELAR

Leia mais