INSTITUTO PRESBITERIANO MACKENZIE. Ref.: Edital de Recrutamento 10/17 Público-alvo: Todos os colaboradores de todas as unidades e candidatos externos

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "INSTITUTO PRESBITERIANO MACKENZIE. Ref.: Edital de Recrutamento 10/17 Público-alvo: Todos os colaboradores de todas as unidades e candidatos externos"

Transcrição

1 Ref.: Edital de Recrutamento 10/17 Público-alvo: Todos os colaboradores de todas as unidades e candidatos externos Cargo: Gerente de Tecnologia da Informação Horário: Horário comercial, de segunda à sexta-feira Local de trabalho: Rua da Consolação, nº 896, Higienópolis, São Paulo/SP. Remuneração: Compatível com a prática de mercado. Atribuições: ü Desdobrar objetivos e metas para cada área/segmento de TI, identificando junto à sua diretoria todas as diretrizes estratégicas da organização, envolvendo aspectos de gestão corporativa, acadêmica e de novos negócios, visando segmentar e priorizar as demandas de desenvolvimento e inovações tecnológicas; ü Gerenciar o desenvolvimento, operação e manutenção de toda a infraestrutura de TI da instituição (servidores, redes, banco de dados, sistemas, estações de trabalho, mobilidade, laboratórios de informática acadêmicos entre outros), planejando ações e metas conforme entendimento de necessidades das áreas clientes, estruturando medidores de desempenho para cada processo, visando atender aspectos de qualidade e eficiência dos recursos tecnológicos; ü Garantir o atendimento das demandas de desenvolvimento e manutenção de sistemas, em termos de hardware e software, conduzindo e acompanhando o mapeamento e entendimento dos processos de acadêmicos e corporativos (RH, Financeiro, Controladoria, Marketing, Compras, etc.) e suas necessidades de otimização, simplificação de rotinas, automação, agilidade, segurança de dados e mobilidade de sistemas, com vistas à minimização de custos administrativos e operacionais, melhor gestão de tempo e integridade das informações; ü Garantir a aplicação de políticas de segurança da informação, fazendo cumprir as regras de governança para acessos, controle e revisão de senhas, medidas de proteção da rede, programação segura, aplicação de testes, análises de invasão, mapeamento e análise sistêmica de riscos e dimensionamento de seus impactos, assim como elaboração e aplicação de planos de contingências, visando evitar fraudes, acessos indevidos, perda de dados, indisponibilidade dos sistemas e prejuízos aos negócios; ü Gerenciar todos os recursos tecnológicos digitais essencialmente utilizados no meio acadêmico (salas de aula, auditórios, laboratórios, eventos etc.), avaliando necessidades de aquisição e operação para cada segmento acadêmico em âmbito global da instituição, dimensionando estes

2 recursos e planejando orçamentos para atendimento de todas as demandas existentes e estabelecidas em planejamento estratégico; ü Garantir alta disponibilidade e performance da operação e serviços de TI para públicos internos e externos em termos hardware e software, validando e desenvolvendo indicadores para segurança das informações; recursos de infraestrutura; gestão de backup; mapeamento e monitoração de servidores, telecomunicações e sistemas; tratamento de ocorrências e controle de chamados, promovendo mais ações preventivas e menos corretivas, visando constante funcionalidade das operações e negócios; ü Promover o mapeamento e controle dos processos de TI atuais e desenvolvidos, gerando históricos de intervenções e de riscos e ganhos gerados para cada projeto automatizado, implementando e administrando um modelo de governança de TI, que busque alinhar os processos do setor de tecnologia, organizando a demanda da equipe e estabelecendo procedimentos e serviços necessários à criação de ferramentas que agreguem valor aos negócios de toda a organização; ü Garantir inovações para o parque tecnológico da instituição, participando e/ou promovendo eventos do segmento para benchmark, avaliando funcionalidades e premissas de eficiência e eficácia e custos x benefícios para a instituição, planejando as ações de inovação, consolidando relatórios e submetendo-os para validações da diretoria, para fins de tomada de decisões sobre investimentos em tecnologias; ü Avaliar as demandas de desenvolvimento, customização e/ou manutenção dos recursos de hardware, software e telecomunicações, identificando as necessidades de alocação de parceiros terceiros; ü Conduzir uma equipe na disponibilização e análise de escopo técnico e de avaliação de qualidade de entregas, validando as predefinições que melhor atendam às necessidades internas e apresentando à área de compras, para as devidas negociações comerciais e fechamento de contratos de prestação de produtos ou de serviços, respondendo posteriormente pela gestão destes serviços até a entrega final; ü Fazer cumprir a política de suporte técnico a usuários, garantindo que a equipe de TI formalize os chamados e seus atendimentos, envolvendo treinamentos de operacionalização, apoio na utilização de recursos de hardware e software tanto por clientes internos (áreas técnicas, administrativas e acadêmicas) e clientes externos (alunos e parceiros), formatando os indicadores de desempenho desses serviços, monitorando os níveis de qualidade de atendimento, necessidades de elaboração de planos de ação para ações preventivas e minimização de ações corretivas; ü Responder pelas aprovações do sistema que envolvem aquisições e/ou movimentações de recursos técnicos, materiais e humanos requeridos pela área para atendimento de demandas corporativas e operacionais, e apresentar as justificativas devidas das aquisições e/ou movimentações, submetendo-as para as devidas validações da diretoria;

3 ü Gerenciar o orçamento da área de atuação, fazendo-o cumprir, com parâmetros definidos, e justificar eventuais variações de orçamento, para reporte à alta gestão; ü Gerenciar o desenvolvimento contínuo da equipe, buscando o mapeamento e definição de possibilidades de desenvolvimento e crescimento na carreira, promovendo novos desafios e possibilidades de job rotation, avaliando o desempenho técnico e comportamental de cada colaborador, emitindo feedback e atuando como coach para cada um deles, de forma a assegurar o atendimento das demandas da área e atender expectativas de crescimento da Instituição e das pessoas. Conhecimentos Técnicos Requeridos: ü Conhecimento em Gestão de Segurança das Informações e Telecomunicações; ü Conhecimento em Infraestruturas de TI; ü Conhecimento em Gestão de Processos e de Contratos. Requisitos: ü Curso superior em uma dessas áreas: Ciências da Computação, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Engenharia da Computação e afins. Desejável: Especialização e/ou Mestrado nas áreas correlatas (Administração, Gestão de Negócios, Tecnologia, dentre outras); ü Possuir experiência comprovada de, no mínimo, 5 anos no segmento, em instituição educacional ou empresarial de grande porte. Observações Finais: ü Os interessados deverão enviar um CV com o título GER.GERTI + NOME para o ü Data limite para inscrição: 17/07/2017 (não serão aceitas inscrições após essa data); ü Maiores informações: Diego/Talita/Joyce/Jéssica Telefones: /8367 ou /7622. São Paulo, 20 de junho de TONY GERALDO CARNEIRO JOSÉ FRANCISCO HINTZE JR

4 Superintendente de Gestão de Pessoas e Suprimentos Diretor de Desenvolvimento Humano e Infraestrutura

5 Ref.: Edital de Recrutamento 10/17 Público-alvo: Todos os colaboradores de todas as unidades e candidatos externos Cargo: Gerente de Tecnologia da Informação Horário: Horário comercial, de segunda à sexta-feira Local de trabalho: Rua da Consolação, nº 896, Higienópolis, São Paulo/SP Remuneração: Compatível com a prática de mercado Atribuições: ü Desdobrar objetivos e metas para cada área/segmento de TI, considerando as diretrizes estratégicas de cada diretoria e desenvolvendo uma gestão coorporativa que segmente e priorize as demandas por desenvolvimento e inovações tecnológicas tanto da academia quanto dos novos negócios; ü Gerenciar o desenvolvimento, operação e manutenção de toda a infraestrutura de TI da Instituição (servidores, redes, banco de dados, sistemas, estações de trabalho, mobilidade, laboratórios de informática acadêmicos entre outros), planejando ações e metas conforme necessidades das áreas clientes e estruturando medidores de desempenho para cada processo de tal forma que os recursos tecnológicos sejam reconhecidos por sua qualidade e eficiência; ü Garantir o atendimento das demandas de desenvolvimento e manutenção de sistemas, em termos de hardware e software, conduzindo e acompanhando o entendimento dos colaboradores de setores acadêmicos e corporativos (RH, Financeiro, Controladoria, Marketing, Compras, etc.) dos processos desses setores, que deverão ser mapeados, bem como deverão ser observadas suas necessidades de otimização, simplificação de rotinas, automação, agilidade, segurança de dados e mobilidade de sistemas, com vistas à minimização de custos administrativos e operacionais, melhor gestão de tempo e manutenção da integridade das informações; ü Garantir a aplicação de políticas de segurança da informação, fazendo cumprir as regras de governança para acessos, controle e revisão de senhas, medidas de proteção da rede, programação segura, aplicação de testes, análises de invasão, mapeamento e análise sistêmica de riscos e dimensionamento de seus impactos, assim como elaboração e aplicação de planos de contingências, visando evitar fraudes, acessos indevidos, perda de dados, indisponibilidade dos sistemas e prejuízos aos negócios; ü Gerenciar todos os recursos tecnológicos digitais essencialmente utilizados no meio acadêmico (salas de aula, auditórios, laboratórios, eventos etc.), avaliando necessidades de aquisição e operação de sistemas para cada segmento acadêmico em âmbito global da Instituição,

6 dimensionando os recursos adquiridos e planejando orçamentos para atendimento de todas as demandas existentes e estabelecidas em planejamento estratégico; ü Garantir alta disponibilidade e performance da operação e serviços de TI para públicos internos e externos em termos de hardware e software, validando e desenvolvendo indicadores para segurança das informações, recursos de infraestrutura, gestão de backup, mapeamento e monitoração de servidores, telecomunicações e sistemas, tratamento de ocorrências e controle de chamados, com o objetivo de promover mais ações preventivas e menos corretivas, mantendo constante funcionalidade das operações e negócios; ü Promover o mapeamento e controle dos processos de TI atuais e que serão desenvolvidos, mantendo históricos de intervenções e mapeando riscos e ganhos gerados pelos processos, para cada projeto automatizado, de tal forma que seja implementado e administrado um modelo de governança de TI que alinhe os processos do setor de tecnologia, organize a demanda da equipe e estabeleça procedimentos e serviços necessários à criação de ferramentas que agreguem valor aos negócios de toda a Instituição; ü Garantir inovações para o parque tecnológico da Instituição, participando e/ou promovendo eventos do segmento para benchmark, avaliando funcionalidades e premissas de eficiência e eficácia e custos x benefícios para a Instituição, planejando as ações de inovação, consolidando relatórios e submetendo-os para validações da diretoria, para fins de tomada de decisões sobre investimentos em tecnologias; ü Avaliar as demandas de desenvolvimento, customização e/ou manutenção dos recursos de hardware, software e telecomunicações, identificando as necessidades de alocação de parceiros terceiros; ü Conduzir uma equipe na disponibilização e análise de escopo técnico e de avaliação de qualidade de entregas, validando as predefinições que melhor atendam às necessidades internas e apresentando à área de compras tanto a avaliação como a análise, para os aspectos apontados nos documentos serem considerados nas devidas negociações comerciais e fechamento de contratos de prestação de produtos ou de serviços, de forma também que todo o processo de aquisição e entrega final desses serviços sejam melhor geridos; ü Fazer cumprir a política de suporte técnico a usuários, garantindo que a equipe de TI formalize os chamados e seus atendimentos, preparando-a, para isso, com treinamentos que a tornem hábil na operacionalização e no apoio ao usuário que utiliza recursos de hardware e software, seja ele cliente interno (áreas técnicas, administrativas e acadêmicas) ou externo (alunos e parceiros), para que, assim, os indicadores de desempenho desses serviços sejam formatados, os níveis de qualidade de atendimento monitorados, planos de ações preventivas elaborados e ações corretivas minimizadas;

7 ü Responder pelas aprovações do sistema que envolvem aquisições e/ou movimentações de recursos técnicos, materiais e humanos requeridos pela área para atendimento de demandas corporativas e operacionais, e apresentar as justificativas devidas das aquisições e/ou movimentações, submetendo-as para as devidas validações da diretoria; ü Gerenciar o orçamento da área de atuação, fazendo-o cumprir, com parâmetros definidos, e justificar eventuais variações de orçamento, para reporte à alta gestão; ü Gerenciar o desenvolvimento contínuo da equipe, buscando o mapeamento e definição de possibilidades de desenvolvimento e crescimento na carreira, promovendo novos desafios e possibilidades de job rotation, avaliando o desempenho técnico e comportamental de cada colaborador, emitindo feedback e atuando como coach para cada um deles, de forma a assegurar o atendimento das demandas da área e atender expectativas de crescimento da Instituição e das pessoas. Conhecimentos Técnicos Requeridos: ü Conhecimento em Gestão de Segurança das Informações e Telecomunicações; ü Conhecimento em Infraestruturas de TI; ü Conhecimento em Gestão de Processos e de Contratos. Requisitos: ü Curso superior em uma dessas áreas: Ciências da Computação, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Engenharia da Computação e afins. Desejável: Especialização e/ou Mestrado nas áreas correlatas (Administração, Gestão de Negócios, Tecnologia, dentre outras); ü Possuir experiência comprovada de, no mínimo, 5 anos no segmento, em instituição educacional ou empresarial de grande porte. Observações Finais: ü Os interessados deverão enviar um CV com o título GER.GERTI + NOME para o ü Data limite para inscrição: 10/07/2017 (não serão aceitas inscrições após essa data); ü Maiores informações: Diego/Talita/Joyce/Jéssica Telefones: /8367 ou /7622. São Paulo, 20 de junho de 2017.

8 TONY GERALDO CARNEIRO Superintendente de Gestão de Pessoas e Suprimentos JOSÉ FRANCISCO HINTZE JR Diretor de Desenvolvimento Humano e Infraestrutura

Gestão da Tecnologia da Informação

Gestão da Tecnologia da Informação TLCne-051027-P0 Gestão da Tecnologia da Informação Disciplina: Governança de TI São Paulo, Agosto de 2012 0 Sumário TLCne-051027-P1 Conteúdo desta Aula Continuação do Domínio de Processos PO (PO4, PO5

Leia mais

Quem somos. Porque ABCCorp? Referencias

Quem somos. Porque ABCCorp? Referencias 1 Quem somos 2 Porque ABCCorp? 3 Referencias Trabalhamos como você! Experiência não somente acadêmica, sobre o teu segmento; Entendemos suas expectativas Valorizamos e garantimos o teu investimento com

Leia mais

adequadas ao contexto econômico-financeiro e institucional das empresas;

adequadas ao contexto econômico-financeiro e institucional das empresas; 1. Objetivo Aumentar a eficiência e competitividade das empresas do Sistema Eletrobrás, através da integração da logística de suprimento de bens e serviços, visando o fortalecimento de seu poder de compra

Leia mais

Gestão da Tecnologia da Informação

Gestão da Tecnologia da Informação TLCne-051027-P0 Gestão da Tecnologia da Informação Disciplina: Governança de TI São Paulo, Novembro de 2012 0 Sumário TLCne-051027-P1 Conteúdo desta Aula Finalizar o conteúdo da Disciplina Governança de

Leia mais

Amplo domínio de Processos e Rotinas de acordo com a lotação, tais como: Financeiros/Vendas/Logística/Fiscal/Contábil Negociação

Amplo domínio de Processos e Rotinas de acordo com a lotação, tais como: Financeiros/Vendas/Logística/Fiscal/Contábil Negociação DESCRIÇÃO DE CARGO ANALISTA PERFORMANCE E ATENDIMENTO Elaborado por CC&G Gestão de Pessoas (consultoria) Data 08/11/2010 Última revisão por CC&G Gestão de Pessoas (consultoria) Data 08/02/2011 Homologação

Leia mais

D. (49) N, 2º

D. (49) N, 2º CONTROLLER (CÓDIGO 1896) Para empresa de médio porte Atividades a serem desenvolvidas: - Análise de produtividade da fábrica; - Elaborar e apresentar as análises de indicadores de resultados; - Análise

Leia mais

INSTITUTO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS VALE DO PARANAPANEMA LTDA CNPJ: / FACULDADES INTEGRADAS DE TAGUAÍ

INSTITUTO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS VALE DO PARANAPANEMA LTDA CNPJ: / FACULDADES INTEGRADAS DE TAGUAÍ VALE DO PARANAPANEMA LTDA CNPJ: 19.412.711/0001-30 POLÍTICA DE AQUISIÇÃO, ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO (TI) TAGUAÍ SP 2015 Política de Aquisição, Atualização e Manutenção

Leia mais

UNIVERSIDADE CEUMA PROCESSO SELETIVO MANUAL DO CANDIDATO

UNIVERSIDADE CEUMA PROCESSO SELETIVO MANUAL DO CANDIDATO UNIVERSIDADE CEUMA PROCESSO SELETIVO MANUAL DO CANDIDATO Este manual é para você que busca desenvolver seus potenciais. Venha ser um EMPRESÁRIO JÚNIOR MAS O QUE É UMA EMPRESA JÚNIOR? Uma empresa júnior

Leia mais

PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS

PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS 1. INTRODUÇÃO A Faculdade Fleming dispõe atualmente de infraestrutura de Tecnologia da Informação com rede de computadores que interliga em torno de 300

Leia mais

17 de novembro de Como a Controladoria pode melhorar a performance da empresa: insights da prática e das pesquisas

17 de novembro de Como a Controladoria pode melhorar a performance da empresa: insights da prática e das pesquisas 17 de novembro de 2016 Como a Controladoria pode melhorar a performance da empresa: insights da prática e das pesquisas Agenda Nossa missão Estrutura Processo Orçamentário Orçamento Matricial Despesas

Leia mais

Política de Sustentabilidade do Grupo Neoenergia

Política de Sustentabilidade do Grupo Neoenergia Política de Sustentabilidade do Grupo Neoenergia 1 Índice: 1. Introdução 2. Objetivo 3. Abrangência e público-alvo 4. Referências 5. Valores 6. Princípios de Sustentabilidade 7. Responsabilidades 8. Atualização

Leia mais

VAGAS PARA CHAPECÓ EMPRESA NO RAMO DE TELECOMUNICAÇÃO CONTRATA:

VAGAS PARA CHAPECÓ EMPRESA NO RAMO DE TELECOMUNICAÇÃO CONTRATA: CONSULTOR DE VENDAS Vagas: Chapecó e Lages VAGAS PARA CHAPECÓ EMPRESA NO RAMO DE TELECOMUNICAÇÃO CONTRATA: Efetuar a gestão de relacionamento com o cliente; Desenvolver e prospectar soluções de negócios;

Leia mais

R.H - Descrição de Cargos

R.H - Descrição de Cargos CARGO: Auxiliar Contábil Sumário: R.H - Descrição de Cargos Desenvolver trabalhos na área de contabilidade especificamente na tarefa de contabilização dos documentos, levantando requisitos, obedecendo

Leia mais

Projeto Descrição de Cargos 2016

Projeto Descrição de Cargos 2016 Projeto Descrição de Cargos 2016 Sumário 1. Objetivos do Projeto; 2. Etapas do Projeto; 3. Conceitos para Descrição de Cargos; 4. Acesso ao Sistema; 5. O Formulário. OBJETIVOS DO PROJETO Principais objetivos

Leia mais

CARGO E REQUISITO DESCRIÇÃO DOS CARGOS DE CARREIRA

CARGO E REQUISITO DESCRIÇÃO DOS CARGOS DE CARREIRA CARGO E REQUISITO Advogado Completo em Direito com inscrição na OAB DESCRIÇÃO DOS CARGOS DE CARREIRA Representar e defender judicialmente e extra judicialmente a Fundação. Analisar e elaborar pareceres

Leia mais

SoftExpert HDM Suite

SoftExpert HDM Suite HDM Suite Desenvolvendo talentos para a excelência. Desafios Solução Benefícios www.softexpert.com.br Como sua empresa transforma a gestão de desempenho individual em um processo real e eficiente? www.softexpert.com.br

Leia mais

EDITAL Nº 024/ PROCESSO DE BUSCA PARA PREENCHIMENTO DE UMA VAGA PARA FUNÇÃO GRATIFICADA DE COORDENADOR DE RECURSOS HUMANOS

EDITAL Nº 024/ PROCESSO DE BUSCA PARA PREENCHIMENTO DE UMA VAGA PARA FUNÇÃO GRATIFICADA DE COORDENADOR DE RECURSOS HUMANOS EDITAL Nº 024/2012 - PROCESSO DE BUSCA PARA PREENCHIMENTO DE UMA VAGA PARA FUNÇÃO GRATIFICADA DE COORDENADOR DE RECURSOS HUMANOS O Instituto de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá IDSM está selecionando

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO 2016 EDITAL Nº 02/2016

EDITAL PROCESSO SELETIVO 2016 EDITAL Nº 02/2016 EDITAL PROCESSO SELETIVO 2016 EDITAL Nº 02/2016 A Empresa Júnior Politech Projetos e Consultoria, da escola Politécnica do Centro Universitário do Leste de Minas Gerais- UNILESTE comunica a comunidade

Leia mais

Planejamento Estratégico de TI do MEC

Planejamento Estratégico de TI do MEC Planejamento Estratégico de TI do MEC Merched Cheheb de Oliveira Diretor Diretoria de Tecnologia da Informação Secretaria Executiva Ministério da Educação MEC E mail: merched.oliveira@mec.gov.br Outubro

Leia mais

Segurança e Controle em Sistemas de Informação. Profa. Ellen Francine ICMC-USP

Segurança e Controle em Sistemas de Informação. Profa. Ellen Francine ICMC-USP Segurança e Controle em Sistemas de Informação Profa. Ellen Francine ICMC-USP 11/09: nem tudo está sob controle Com o ataque contra o World Trade Center e Pentágono, todo transporte aéreo e terrestre foi

Leia mais

VISÃO 2020 SER RECONHECIDO COMO A MELHOR SOLUÇÃO EM SERVIÇOS INTEGRADOS PARA O DESENVOLVIMENTO DA INDÚSTRIA PROPÓSITO JUNTOS PELO DESENVOLVIMENTO

VISÃO 2020 SER RECONHECIDO COMO A MELHOR SOLUÇÃO EM SERVIÇOS INTEGRADOS PARA O DESENVOLVIMENTO DA INDÚSTRIA PROPÓSITO JUNTOS PELO DESENVOLVIMENTO VISÃO 2020 SER RECONHECIDO COMO A MELHOR SOLUÇÃO EM SERVIÇOS INTEGRADOS PARA O DESENVOLVIMENTO DA INDÚSTRIA PROPÓSITO JUNTOS PELO DESENVOLVIMENTO Garantir a sustentabilidade financeira Assegurar a eficiência

Leia mais

Seja bem-vindo ao nosso Portfólio Digital. A Blueway Nossos diferenciais Clientes O que fazemos Contato

Seja bem-vindo ao nosso Portfólio Digital. A Blueway Nossos diferenciais Clientes O que fazemos Contato Seja bem-vindo ao nosso Portfólio Digital 1 2 3 4 A Blueway Nossos diferenciais Clientes O que fazemos Contato 1 Blueway Nossa organização Somos a Blueway, uma consultoria que atua na transformação organizacional

Leia mais

Versão online:

Versão online: Versão online: www.profissionalenegocios.com.br Empresas Participantes Perfil das Empresas Participantes Perfil das Empresas Participantes Proporção RH x Total 1,8% Perfil das Empresas Participantes Proporção

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. Unidade VI Planejamento Estratégico de TI. Luiz Leão

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. Unidade VI Planejamento Estratégico de TI. Luiz Leão Luiz Leão luizleao@gmail.com http://www.luizleao.com Conteúdo Programático 6.1 Governança de tecnologia da Informação 6.2 Planejamento e Controle da TI 6.3 O Papel Estratégico da TI para os Negócios 6.4

Leia mais

EDITAL - PROCESSO SELETIVO PLANEJ PARA MEMBROS EFETIVOS

EDITAL - PROCESSO SELETIVO PLANEJ PARA MEMBROS EFETIVOS EDITAL - PROCESSO SELETIVO PLANEJ 2017.2 PARA MEMBROS EFETIVOS A PLANEJ faz saber aos interessados que, no período de 03 de julho de 2017 iniciarão as inscrições para o Processo Seletivo PLANEJ 2017.2

Leia mais

Sustentabilidade. Gestão

Sustentabilidade. Gestão Inovação Solução Completa em Tecnologia da Informação Unimed. Sustentabilidade Competitividade Solução Gestão Integração Capacitação Solução Completa em Tecnologia da Informação Unimed. Processos, pessoas

Leia mais

OBJETIVOS E INDICADORES ESTRATÉGICOS

OBJETIVOS E INDICADORES ESTRATÉGICOS OBJETIVOS E INDICADORES ESTRATÉGICOS PERSPECTIVA: TRE/RN e Sociedade Objetivo 1: Primar pela satisfação do cliente de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) Descritivo: Conhecer e ouvir o cliente

Leia mais

EDITAL N.º 17/2016 ANEXO I TRILHAS DE APRENDIZAGEM DO PFGC. Competência: Visão Estratégica

EDITAL N.º 17/2016 ANEXO I TRILHAS DE APRENDIZAGEM DO PFGC. Competência: Visão Estratégica 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS JOÃO PESSOA PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE GESTORES

Leia mais

Fonte : sistemaerp.org

Fonte : sistemaerp.org Fonte : sistemaerp.org O QUE É SISTEMA ERP? ERP- ENTERPRISE RESOURCE PLANNING É um sistema de gestão empresarial que gerencia as informações relativas aos processos operacionais, administrativos e gerenciais

Leia mais

4º Seminário FEBRABAN sobre CONTROLES INTERNOS. Paulo Sérgio Neves de Souza Banco Central do Brasil Departamento de Supervisão Bancária

4º Seminário FEBRABAN sobre CONTROLES INTERNOS. Paulo Sérgio Neves de Souza Banco Central do Brasil Departamento de Supervisão Bancária 4º Seminário FEBRABAN sobre CONTROLES INTERNOS Paulo Sérgio Neves de Souza Banco Central do Brasil Departamento de Supervisão Bancária Novos Desafios para Controles Internos Modelo de Supervisão do BCB

Leia mais

Auditoria de controles organizacionais. Prof. Dr. Joshua Onome Imoniana

Auditoria de controles organizacionais. Prof. Dr. Joshua Onome Imoniana Auditoria de controles organizacionais Prof. Dr. Joshua Onome Imoniana Definição de controles organizacionais Os controles organizacionais e operacionais são os controles administrativos instalados nos

Leia mais

Apresentação Processo Seletivo

Apresentação Processo Seletivo Apresentação A SofTeam Empresa Júnior de Computação, uma organização constituída e gerida pelos alunos do Departamento de Computação da Universidade Federal de Sergipe, tem a enorme satisfação de anunciar

Leia mais

Estrutura de Gerenciamento de Risco de Mercado

Estrutura de Gerenciamento de Risco de Mercado Estrutura de Gerenciamento de Risco de Mercado 1. DEFINIÇÃO DE RISCO DE MERCADO Em conformidade com as disposições da Resolução nº 3.464/07, do Conselho Monetário Nacional, define-se como risco de mercado

Leia mais

Serviços. Os serviços são decorrentes dos projetos e processos das empresas. Origem do Serviço. Orientação Freqüência Ação Resultado

Serviços. Os serviços são decorrentes dos projetos e processos das empresas. Origem do Serviço. Orientação Freqüência Ação Resultado Kompaso Kompaso objetiva o aperfeiçoamento das práticas de produção e gestão através de serviços e ferramentas personalizados para cada empreendimento. Kompaso é a palavra em esperanto que significa bússola,

Leia mais

Prof. Luiz Eduardo G. Martins. Coordenadoria Executiva do CETI Coordenadoria de Gestão da Informação - ProPlan

Prof. Luiz Eduardo G. Martins. Coordenadoria Executiva do CETI Coordenadoria de Gestão da Informação - ProPlan Prof. Luiz Eduardo G. Martins Coordenadoria Executiva do CETI Coordenadoria de Gestão da Informação - ProPlan São Paulo Fevereiro/2014 Histórico Junho/2013 - CETI inicia discussão sobre possível mudança

Leia mais

SISTEMA FIEP. Nosso I é de Indústria

SISTEMA FIEP. Nosso I é de Indústria SISTEMA FIEP Nosso I é de Indústria Vídeo de 1:35 SISTEMA INDÚSTRIA LIDERADO PELA CNI SISTEMA INDÚSTRIA 2 Colégio SESI Internacional + 4.000 Colaboradores + 90 Unidades 7 Institutos SENAI de Tecnologia

Leia mais

Introdução aos Sistemas de Informação nas Empresas

Introdução aos Sistemas de Informação nas Empresas Introdução aos Sistemas de Informação nas Empresas Esse capitulo estuda o referencial do conhecimento de SI necessário aos usuários finais das empresas e abordagem revista sobre desdobramentos-chaves no

Leia mais

MBA EXECUTIVO INTERNACIONAL EM GESTÃO DE NEGÓCIOS

MBA EXECUTIVO INTERNACIONAL EM GESTÃO DE NEGÓCIOS MBA EXECUTIVO INTERNACIONAL EM GESTÃO DE NEGÓCIOS OBJETIVOS DO CURSO O objetivo geral do Curso de Pós-graduação Lato Sensu MBA Executivo Internacional em Gestão de Negócios é de capacitar os profissionais

Leia mais

Fatec São Caetano do Sul Antonio Russo Credenciada pela Portaria CEE/GP nº 223 de 28/04/2008, DOE SP de 29/04/2008

Fatec São Caetano do Sul Antonio Russo Credenciada pela Portaria CEE/GP nº 223 de 28/04/2008, DOE SP de 29/04/2008 EXAME DE SUFICIÊNCIA DE CONHECIMENTOS PARA OS CURSOS DE TECNOLOGIA DA FATEC SÃO CAETANO DO SUL - EDITAL 001/2017 - A Diretora da Unidade FATEC São Caetano do Sul Antonio Russo, no uso de suas atribuições

Leia mais

Fatec São Caetano do Sul Antonio Russo Credenciada pela Portaria CEE/GP nº 223 de 28/04/2008, DOE SP de 29/04/2008

Fatec São Caetano do Sul Antonio Russo Credenciada pela Portaria CEE/GP nº 223 de 28/04/2008, DOE SP de 29/04/2008 EXAME DE SUFICIÊNCIA DE CONHECIMENTOS PARA OS CURSOS DE TECNOLOGIA DA FATEC SÃO CAETANO DO SUL - EDITAL 2017/2 - A Diretora da Unidade FATEC São Caetano do Sul Antonio Russo, no uso de suas atribuições

Leia mais

RH e Folha de Pagamento Soluções que agregam valor ao seu negócio. People Knowledge Technology

RH e Folha de Pagamento Soluções que agregam valor ao seu negócio. People Knowledge Technology RH e Folha de Pagamento Soluções que agregam valor ao seu negócio People Knowledge Technology Nós Trabalhamos para o seu Sucesso Há duas décadas a Datamace se dedica ao desenvolvimento de soluções integradas

Leia mais

PROGRAMA PÓS-FLEX 2017 UNIVERSIDADE POSITIVO CÂMPUS SEDE - ECOVILLE CALENDÁRIO GERAL

PROGRAMA PÓS-FLEX 2017 UNIVERSIDADE POSITIVO CÂMPUS SEDE - ECOVILLE CALENDÁRIO GERAL PRESENCIAL E A DISTÂNCIA COMPLETA COM VOCÊ PROGRAMA PÓS-FLEX 2017 UNIVERSIDADE POSITIVO CÂMPUS SEDE - ECOVILLE CALENDÁRIO GERAL CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO ÁREA DE NEGÓCIOS, GESTÃO AMBIENTAL E ENGENHARIA

Leia mais

Auxiliar Pessoal - Chapecó/SC Benefícios: Descrição: Turno: Horário: Requisitos: Ref.: Técnico em Informática - Chapecó/SC Benefícios: Descrição:

Auxiliar Pessoal - Chapecó/SC Benefícios: Descrição: Turno: Horário: Requisitos: Ref.: Técnico em Informática - Chapecó/SC Benefícios: Descrição: Interessados devem cadastrar currículo gratuitamente no site www.mdrh.com.br e candidatar-se a vaga de interesse ou enviar e-mail: mdrh@mdrh.com.br ou seleção@mdrh.com.br Mais informações pelo telefone

Leia mais

POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL PRSA

POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL PRSA AGORACRED S/A SCFI. Rua das Palmeiras, 685, Ed. Contemporâneo Empresarial. Salas 1002,1003, 1007 a 1011, Santa Lucia, Vitória, ES. Tel.(27) 40090200 http://www.agoracred.com.br/ POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE

Leia mais

Governança aplicada à Gestão de Pessoas

Governança aplicada à Gestão de Pessoas Governança de pessoal: aperfeiçoando o desempenho da administração pública Governança aplicada à Gestão de Pessoas Ministro substituto Marcos Bemquerer Brasília DF, 15 de maio de 2013 TCU Diálogo Público

Leia mais

Gestão da Tecnologia da Informação

Gestão da Tecnologia da Informação TLCne-051027-P0 Gestão da Tecnologia da Informação Disciplina: Governança de TI São Paulo, Setembro de 2012 0 Sumário TLCne-051027-P1 Conteúdo desta Aula Conclusão do Domínio de Processos PO (PO7 e PO8)

Leia mais

Você gostaria de ter um espaço aberto para trocar idéias sobre...

Você gostaria de ter um espaço aberto para trocar idéias sobre... Você gostaria de ter um espaço aberto para trocar idéias sobre... Este bate papo que tivemos foi, na verdade, para inaugurar o Programa Sua carreira; Sua vida profissional; Dicas para o auto-desenvolvimento;

Leia mais

DESENHO DE CARGOS E TAREFAS

DESENHO DE CARGOS E TAREFAS Faculdade de Tecnologia SENAC GO Gestão de Pessoas Professor: Itair Pereira da Silva Grupo: Luís Miguel Nogueira de Resende, Valdivino de Carvalho, Rodrigo Neres Magalhães e Venicyus Venceslencio da Paz.

Leia mais

PLANO DE CAPACITAÇÃO DOCENTE TÍTULO I DOS OBJETIVOS

PLANO DE CAPACITAÇÃO DOCENTE TÍTULO I DOS OBJETIVOS PLANO DE CAPACITAÇÃO DOCENTE TÍTULO I DOS OBJETIVOS Artigo 1º. O Plano de Qualificação Docente tem por objetivo o aprimoramento profissional dos professores da FACULDADE JAUENSE, de modo a promover a melhoria

Leia mais

DA INDUSTRIA, no uso de suas atribuições legais, regulamentares e regimentais,

DA INDUSTRIA, no uso de suas atribuições legais, regulamentares e regimentais, RESOLU ÇÃO N 0212005 NOVA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL DO DEPARTAMENTO NACIONAL 1)0 SESI - APROVA E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS - O PRESIDENTE DO DO SERVIÇO SOCIAL DA INDUSTRIA, no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

PROCESSO GESTÃO DE ATIVOS DE TI Versão 1.0 GERÊNCIA CORPORATIVA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

PROCESSO GESTÃO DE ATIVOS DE TI Versão 1.0 GERÊNCIA CORPORATIVA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PROCESSO GESTÃO DE ATIVOS DE TI Versão 1.0 GERÊNCIA CORPORATIVA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. MACROPROCESSO... 4 3. DIAGRAMA DE ESCOPO DO PROCESSO GESTÃO DE ATIVOS DE TI... 5

Leia mais

EDITAL N.º 16/2016 ANEXO I TRILHAS DE APRENDIZAGEM DO PFGC. Competência: Visão Estratégica

EDITAL N.º 16/2016 ANEXO I TRILHAS DE APRENDIZAGEM DO PFGC. Competência: Visão Estratégica 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS JOÃO PESSOA PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE GESTORES

Leia mais

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ DIRETORIA DE GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ DIRETORIA DE GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ DIRETORIA DE GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Plano de Capacitação dos Servidores de TI 2016-2017 1 Não é possív el exibir esta imagem no momento. 2 1. INTRODUÇÃO

Leia mais

CONTRATOS. Reduza seus Custos com TI sem perder a qualidade.

CONTRATOS. Reduza seus Custos com TI sem perder a qualidade. CONTRATOS Reduza seus Custos com TI sem perder a qualidade. Conheça a FNC IT A FNC é uma empresa especializada em oferecer soluções completas e dinâmicas em tecnologia da informação para o mercado corporativo,

Leia mais

A Implantação do Sistema do Sistema da Qualidade e os requisitos da Norma ISO NBR 9001:2000

A Implantação do Sistema do Sistema da Qualidade e os requisitos da Norma ISO NBR 9001:2000 1. A Norma NBR ISO 9001:2000 A Implantação do Sistema do Sistema da Qualidade e os requisitos da Norma ISO NBR 9001:2000 A ISO International Organization for Standardization, entidade internacional responsável

Leia mais

Gestão de Pessoas HCM

Gestão de Pessoas HCM Gestão de Pessoas HCM Com o Gestão de Pessoas da Senior, você terá uma das ferramentas mais completas do mercado para gerenciar pessoas de forma integrada e atualizada às obrigações trabalhistas, previdenciárias

Leia mais

Componentes de SIs. Pessoas Organiz. Tecnologia

Componentes de SIs. Pessoas Organiz. Tecnologia Universidade Federal do Vale do São Francisco Curso de Administração Tecnologia e Sistemas de Informação - 03 Prof. Jorge Cavalcanti jorge.cavalcanti@univasf.edu.br www.univasf.edu.br/~jorge.cavalcanti

Leia mais

COBIT (Control Objectives for Information and Related Tecnology)

COBIT (Control Objectives for Information and Related Tecnology) COBIT (Control Objectives for Information and Related Tecnology) Mestrado em Gestão estratégicas de Organizações Disciplina: Sistemas de Informação e Novas Tecnologias Organizacionais Professor: M.Sc.

Leia mais

RESPEITO PELO INDIVÍDUO AS 3 ALEGRIAS

RESPEITO PELO INDIVÍDUO AS 3 ALEGRIAS 2017 PRODUZINDO SONHOS E COMPARTILHANDO ALEGRIAS Acreditamos no poder dos sonhos e na capacidade de realização das pessoas! Nossas operações A Honda atua há mais de 65 anos mantendo-se como uma marca de

Leia mais

Projeto G7 Implantando o gerenciamento de serviços de TI no BACEN

Projeto G7 Implantando o gerenciamento de serviços de TI no BACEN Projeto G7 Implantando o gerenciamento de serviços de TI no BACEN Marcelo Garrido de Oliveira Chefe Adjunto do Deinf - BACEN AGENDA ALGUMAS PREMISSAS O DEINF O PROJETO G7 PRÓXIMOS PASSOS 2 ALGUMAS PREMISSAS

Leia mais

CURSO: ADMINISTRAÇÃO

CURSO: ADMINISTRAÇÃO CURSO: ADMINISTRAÇÃO EMENTAS - 2016.1 1º PERÍODO DISCIPLINA: MATEMÁTICA APLICADA A ADMINISTRAÇÃO Equações do primeiro e segundo graus com problemas. Problemas aplicando sistemas; sistemas com três incógnitas

Leia mais

PROJETOS. Reduza seus Custos com TI sem perder a qualidade.

PROJETOS. Reduza seus Custos com TI sem perder a qualidade. PROJETOS Reduza seus Custos com TI sem perder a qualidade. Conheça a FNC IT A FNC é uma empresa especializada em oferecer soluções completas e dinâmicas em tecnologia da informação para o mercado corporativo,

Leia mais

POLÍTICA DE AQUISIÇÃO DE BENS E SERVIÇOS

POLÍTICA DE AQUISIÇÃO DE BENS E SERVIÇOS 13/5/2016 Informação Pública ÍNDICE 1 OBJETIVO... 3 2 ABRANGÊNCIA... 3 3 REFERÊNCIA... 3 4 PRINCÍPIOS... 4 5 DIRETRIZES... 5 6 RESPONSABILIDADES... 6 7 INFORMAÇÕES DE CONTROLE... 8 13/5/2016 Informação

Leia mais

Sumário. 1. Política de Sustentabilidade da Rede D Or São Luiz Objetivos Abrangência Diretrizes...2

Sumário. 1. Política de Sustentabilidade da Rede D Or São Luiz Objetivos Abrangência Diretrizes...2 Rede D Or São Luiz Sumário 1. Política de Sustentabilidade da Rede D Or São Luiz...2 1.1. Objetivos...2 1.2. Abrangência...2 1.3. Diretrizes...2 Diretriz Econômica...2 Diretriz Social...3 Diretriz Ambiental...4

Leia mais

Gestão de Desempenho: a experiência do Grupo Águas do Brasil

Gestão de Desempenho: a experiência do Grupo Águas do Brasil Gestão de Desempenho: a experiência do Grupo Águas do Brasil Agenda Objetivos da G. Desempenho Conceitos estruturantes O Modelo concebido para o grupo Águas do Brasil Relato da Experiência e dos Resultados

Leia mais

Plano de Desenvolvimento Institucional

Plano de Desenvolvimento Institucional Plano de Desenvolvimento Institucional Âmbito de atuação Missão Visão Elementos Duráveis Princípios Elementos Mutáveis (periodicamente) Análise Ambiental Objetivos Estratégicos Metas Planos de Ação PDI

Leia mais

PROCESSO SELETIVO EDITAL Nº 01/201 7 CRESCER CONSULTORIAS

PROCESSO SELETIVO EDITAL Nº 01/201 7 CRESCER CONSULTORIAS ANEXO VI DAS ATRIBUIÇÕES GERAIS DOS CARGOS PERFIL DE COMPETÊNCIAS E DESEMPENHO CARGO ANALISTA / FUNÇÃO ANALISTA DE COOPERATIVISMO E MONITORAMENTO Missão do Cargo: Desenvolver atividades técnicas e prestar

Leia mais

PLANO DE AQUISIÇÃO, MANUTENÇÃO E ATUALIZAÇÃO DOS EQUIPAMENTOS DE LABORATÓRIO

PLANO DE AQUISIÇÃO, MANUTENÇÃO E ATUALIZAÇÃO DOS EQUIPAMENTOS DE LABORATÓRIO PLANO DE AQUISIÇÃO, MANUTENÇÃO E ATUALIZAÇÃO DOS EQUIPAMENTOS DE LABORATÓRIO Novembro/2016 Aprovado pela Resolução CONSEPE nº. 24/2016 em 24/11/2016. 1 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO 03 2 OBJETIVOS 03 3 AQUISIÇÃO

Leia mais

I WORKSHOP DE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DA GESTÃO DE PESSOAS DA USP

I WORKSHOP DE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DA GESTÃO DE PESSOAS DA USP I WORKSHOP DE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DA GESTÃO DE PESSOAS DA USP NOVEMBRO 2010 Propostas de MISSÃO para a Gestão de Pessoas da USP Criar condições para o engajamento pessoal e profissional dos servidores

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSTITUTO DE INFORMÁTICA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSTITUTO DE INFORMÁTICA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSTITUTO DE INFORMÁTICA REGIMENTO INTERNO DA FÁBRICA DE SOFTWARE DO INSTITUTO DE INFORMÁTICA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS TÍTULO I DA NATUREZA

Leia mais

Razões de Fracasso e Sucesso de Projetos

Razões de Fracasso e Sucesso de Projetos Razões de Fracasso e Sucesso de Projetos Agenda Filme O Reino Perdido Contexto Atual - CHAOS Report Conceitos Fundamentais Projeto Projeto versus Operação Gerenciamento de Projetos Stakeholders Sucesso

Leia mais

Universidade Federal de Uberlândia - NOVAS VAGAS PARA DIVULGAÇÃO - 27/08/2014

Universidade Federal de Uberlândia - NOVAS VAGAS PARA DIVULGAÇÃO - 27/08/2014 Universidade Federal de Uberlândia - NOVAS VAGAS PARA DIVULGAÇÃO - 27/08/2014 Olá, Envio abaixo novas vagas para divulgação em murais e sistemas online. Obrigado! ENGENHEIRO DE VENDAS Local: São Paulo/SP

Leia mais

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE Visão Geral dos O é fundamental para o gerenciamento de um ambiente de TI, uma vez que a eficácia é seriamente comprometida se uma organização não souber quais ativos de software ela possui, onde estão

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 002/2014

PROCESSO SELETIVO Nº 002/2014 PROCESSO SELETIVO Nº 002/2014 O SESCOOP/SC Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado de Santa Catarina, entidade com personalidade jurídica de direito privado, torna pública a abertura

Leia mais

ANEXO I. Curso Superior completo de Graduação em Administração de Empresas. Registro no órgão de classe.

ANEXO I. Curso Superior completo de Graduação em Administração de Empresas. Registro no órgão de classe. ANEXO I 1 Cargo/ Função Descrição sumária do cargo / Pré - requisitos ADVOGADO ----- Representar e defender os interesses da Prodemge. Atuar preventivamentet apresentando soluções/alternativas adequadas

Leia mais

FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ PROJETO NACIONAL DE AÇÕES PÚBLICO PRIVADAS PARA BIODIVERSIDADE PROBIO II

FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ PROJETO NACIONAL DE AÇÕES PÚBLICO PRIVADAS PARA BIODIVERSIDADE PROBIO II FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ PROJETO NACIONAL DE AÇÕES PÚBLICO PRIVADAS PARA BIODIVERSIDADE PROBIO II TERMO DE REFERÊNCIA BOLSA No. 008/2013/Fiocruz/ProbioII APOIO CIENTÍFICO E VALOR MENSAL: R$ 2.000,00 (Dois

Leia mais

Customização e Implantação da Solução Project Explorer para CNI Versão em Espanhol

Customização e Implantação da Solução Project Explorer para CNI Versão em Espanhol Customização e Implantação da Solução Project Explorer para CNI Versão em Espanhol Brasília 06/11/2008 CDIS Empresa especializada em desenvolvimento de sistemas e consultoria em gerência de projetos SUMÁRIO

Leia mais

Gestão de Acesso e Segurança

Gestão de Acesso e Segurança Gestão de Acesso e Segurança COM A SOLUÇÃO EM CLOUD, VOCÊ GARANTE SEGURANÇA, PERFORMANCE E DISPONIBILIDADE PARA O SEU NEGÓCIO. A Senior dispõe de todas as soluções em cloud, atuando na modalidade SaaS,

Leia mais

POLÍTICA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, AUTOMAÇÃO E TELECOMUNICAÇÃO DAS EMPRESAS ELETROBRAS. 2ª Versão

POLÍTICA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, AUTOMAÇÃO E TELECOMUNICAÇÃO DAS EMPRESAS ELETROBRAS. 2ª Versão POLÍTICA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, AUTOMAÇÃO E TELECOMUNICAÇÃO DAS EMPRESAS ELETROBRAS 2ª Versão Sumário 1 Objetivo... 3 2 Conceitos... 3 3 Princípios... 4 4 Diretrizes... 5 5 Responsabilidades... 5

Leia mais

O PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 24ª REGIÃO, no uso de suas atribuições regimentais,

O PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 24ª REGIÃO, no uso de suas atribuições regimentais, PORTARIA TRT/GP/DGCA Nº 38/2016 Define a Política de Gerenciamento da Central de Serviços de Tecnologia da Informação e Comunicações do Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região. O PRESIDENTE DO TRIBUNAL

Leia mais

Robinson Silva. Resumo. Experiência. Consultor / Em busca de um novo projeto

Robinson Silva. Resumo. Experiência. Consultor / Em busca de um novo projeto Robinson Silva Consultor / Em busca de um novo projeto rls50@yahoo.com.br Resumo A mais de 20 anos, atuando no seguimento do vestuário, tendo como áreas de atuação, a área técnica de máquina equipamentos,

Leia mais

12:24. Implantação. Implantações bem-sucedidas garantem o sucesso contínuo de contratos de

12:24. Implantação. Implantações bem-sucedidas garantem o sucesso contínuo de contratos de As empresas estão buscando cada vez mais visibilidade e controle de sua operação através de tecnologias que demonstrem resultados e desburocratizem processos internos. A Cabtec atua na oferta e gestão

Leia mais

A Mongeral Aegon é a seguradora mais antiga do Brasil em atividade contínua;

A Mongeral Aegon é a seguradora mais antiga do Brasil em atividade contínua; QUEM SOMOS A Mongeral Aegon é a seguradora mais antiga do Brasil em atividade contínua; Especializada em Vida e Previdência, possui portfólio completo para assegurar nossos clientes e seus familiares dos

Leia mais

Centralizada gerenciamento corporativo tem autoridade de tomada de decisão de TI para a organização toda

Centralizada gerenciamento corporativo tem autoridade de tomada de decisão de TI para a organização toda AULA 3 CENTRALIZAÇÃO OU DESCENTRALIZAÇÃO DA TI Centralizada gerenciamento corporativo tem autoridade de tomada de decisão de TI para a organização toda Descentralizada gerenciamento divisional tem autoridade

Leia mais

Cada um dos projetos executados pelo Funbio conta com uma Gerência de Projeto, cujas atribuições e responsabilidades são:

Cada um dos projetos executados pelo Funbio conta com uma Gerência de Projeto, cujas atribuições e responsabilidades são: TERMO DE REFERÊNCIA nº 011/2017 Contratação de pessoa física para a função de GERENTE DE PROJETOS da Superintendência de Programas para atendimento às demandas dos projetos apoiados pelo Fundo Brasileiro

Leia mais

Política de Compliance

Política de Compliance Política de Compliance Junho 2017 POLÍTICA DE COMPLIANCE 1. OBJETIVO Esta Política estabelece princípios, diretrizes e funções de compliance em todos os níveis da FALCONI Consultores de Resultados, bem

Leia mais

É a proximidade que nos faz enxergar com o mesmo olhar de nossos clientes. AOXTI

É a proximidade que nos faz enxergar com o mesmo olhar de nossos clientes. AOXTI É a proximidade que nos faz enxergar com o mesmo olhar de nossos clientes. AOXTI Fones: (11) 3431-8113 * 4044-8144 * 4044-7448 Email: comercial@aoxti.com.br www.aoxti.com.br Apresentação Síntese das Atividades

Leia mais

Gestão de Indicadores. 1ª Reunião do Subgrupo de Gestão do CSC

Gestão de Indicadores. 1ª Reunião do Subgrupo de Gestão do CSC Gestão de Indicadores 1ª Reunião do Subgrupo de Gestão do CSC Setembro 2014 Empresas Participantes Agenda 1. Estrutura da Área 2. Indicadores 3. Desafios 4. Comentários Estrutura da Área Em grande parte

Leia mais

Planejamento Sistêmico Estratégico AGB PEIXE VIVO Produto #2. Estruturas Sistêmicas Inicial e Parciais GMAP UNISINOS

Planejamento Sistêmico Estratégico AGB PEIXE VIVO Produto #2. Estruturas Sistêmicas Inicial e Parciais GMAP UNISINOS Planejamento Sistêmico Estratégico AGB PEIXE VIVO Produto #2 Estruturas Sistêmicas Inicial e Parciais GMAP UNISINOS Estrutura inicial apresentada Capacidade Negociação c/as Partes Interessadas Crescimento

Leia mais

MANUAL DE RISCO OPERACIONAL TERRA NOVA GESTÃO E ADMINISTRAÇÃO DE NEGOCIOS LTDA.

MANUAL DE RISCO OPERACIONAL TERRA NOVA GESTÃO E ADMINISTRAÇÃO DE NEGOCIOS LTDA. MANUAL DE RISCO OPERACIONAL TERRA NOVA GESTÃO E ADMINISTRAÇÃO DE NEGOCIOS LTDA. 1 Sumário Introdução...3 Definições...3 Gerenciamento de Risco...3 Apoio ao Gerenciamento...4 Escopo de Atuação de Risco...4

Leia mais

CRONOGRAMA CARGOS, VAGAS E FUNÇÕES. BELO HORIZONTE E REGIÃO METROPOLITANA CENTRO DE EDUCAÇÃO INFANTIL SESC CONTAGEM/BETIM

CRONOGRAMA CARGOS, VAGAS E FUNÇÕES. BELO HORIZONTE E REGIÃO METROPOLITANA CENTRO DE EDUCAÇÃO INFANTIL SESC CONTAGEM/BETIM Atividade CRONOGRAMA Período Divulgação no Site 11/06/2017 Prazo para cadastro de currículos 11/06/2017 a 18/06/2017 Publicação da relação de candidatos habilitados para realização da prova Até 21/06/2017

Leia mais

Soluções Corporativas Eduardo Pitombo

Soluções Corporativas Eduardo Pitombo Soluções Corporativas Eduardo Pitombo Nossa Missão Desenvolver soluções de educação customizadas para empresas públicas e privadas, que contribuam diretamente para a melhoria das competências de seus funcionários

Leia mais

COLEGIADO DE CURSOS FACULDADE UNA DE BETIM. Resolução nº 16 de 21 de novembro de 2016

COLEGIADO DE CURSOS FACULDADE UNA DE BETIM. Resolução nº 16 de 21 de novembro de 2016 COLEGIADO DE CURSOS Resolução nº 16 de 21 de novembro de 2016 Institui a Política de Extensão no âmbito da Faculdade Una de Betim e dá outras providências. A Presidente do Colegiado de Cursos da Faculdade

Leia mais

CICLO MCT. Mentoring, Coaching e Training. Coordenador Estratégico de IES

CICLO MCT. Mentoring, Coaching e Training. Coordenador Estratégico de IES CICLO MCT Mentoring, Coaching e Training Coordenador Estratégico de IES Ciclo MCT Mentoring, Coaching e Training Coordenador Estratégico de IES Mentoring Inspira o participante a melhorar seu desempenho

Leia mais

Os processos de segurança da informação devem assegurar a integridade, a disponibilidade e a confidencialidade dos ativos de informação da Apex.

Os processos de segurança da informação devem assegurar a integridade, a disponibilidade e a confidencialidade dos ativos de informação da Apex. 1 POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO Disposições Gerais Os sistemas de informação, a infraestrutura tecnológica, os arquivos de dados e as informações internas ou externas, são considerados importantes

Leia mais

Política de Sustentabilidade das Empresas Eletrobras

Política de Sustentabilidade das Empresas Eletrobras Política de Sustentabilidade das Empresas Eletrobras Declaração Nós, das empresas Eletrobras, comprometemo-nos a contribuir efetivamente para o desenvolvimento sustentável das áreas onde atuamos e das

Leia mais

A Grow RH. êxito, qualidade e agilidade, garantindo a

A Grow RH. êxito, qualidade e agilidade, garantindo a A Grow RH Oriunda de um dos maiores grupos de RH do Brasil, a Grow RH atua há 13 anos na área de consultoria em Recursos Humanos. Temos como clientes empresas e profissionais de diversos segmentos e portes,

Leia mais

Treinamento Processos: Da Identificação ao Alinhamento com a Estratégia Proposta Técnica e Comercial: BPMExp

Treinamento Processos: Da Identificação ao Alinhamento com a Estratégia Proposta Técnica e Comercial: BPMExp Treinamento Processos: Da Identificação ao Alinhamento com a Estratégia Proposta Técnica e Comercial: BPMExp 15-0067-01 Att. Sr. Antonio Campoi Superintendência de Clientes Preparado para: Em: São Paulo,

Leia mais

Nº: PGS Pág.: 1 de 11

Nº: PGS Pág.: 1 de 11 Nº: PGS-3209-51-01 Pág.: 1 de 11 Responsável Técnico: Ana Lucia Silva Taveira Gerência de Saúde, Segurança e Fertilizantes. Público-alvo: Empregados próprios e prestadores de serviços das unidades da Vale

Leia mais

CURSO DE ATUALIZAÇÃO

CURSO DE ATUALIZAÇÃO CURSO DE ATUALIZAÇÃO Gestão das Condições de Trabalho e Saúde dos Trabalhadores da Saúde DESENVOLVIMENTO DA GESTÃO DO TRABALHO E SAÚDE DO TRABALHADOR DA SAÚDE Adryanna Saulnier Bacelar Moreira Márcia Cuenca

Leia mais