INSTITUTO PRESBITERIANO MACKENZIE. Ref.: Edital de Recrutamento 10/17 Público-alvo: Todos os colaboradores de todas as unidades e candidatos externos

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "INSTITUTO PRESBITERIANO MACKENZIE. Ref.: Edital de Recrutamento 10/17 Público-alvo: Todos os colaboradores de todas as unidades e candidatos externos"

Transcrição

1 Ref.: Edital de Recrutamento 10/17 Público-alvo: Todos os colaboradores de todas as unidades e candidatos externos Cargo: Gerente de Tecnologia da Informação Horário: Horário comercial, de segunda à sexta-feira Local de trabalho: Rua da Consolação, nº 896, Higienópolis, São Paulo/SP. Remuneração: Compatível com a prática de mercado. Atribuições: ü Desdobrar objetivos e metas para cada área/segmento de TI, identificando junto à sua diretoria todas as diretrizes estratégicas da organização, envolvendo aspectos de gestão corporativa, acadêmica e de novos negócios, visando segmentar e priorizar as demandas de desenvolvimento e inovações tecnológicas; ü Gerenciar o desenvolvimento, operação e manutenção de toda a infraestrutura de TI da instituição (servidores, redes, banco de dados, sistemas, estações de trabalho, mobilidade, laboratórios de informática acadêmicos entre outros), planejando ações e metas conforme entendimento de necessidades das áreas clientes, estruturando medidores de desempenho para cada processo, visando atender aspectos de qualidade e eficiência dos recursos tecnológicos; ü Garantir o atendimento das demandas de desenvolvimento e manutenção de sistemas, em termos de hardware e software, conduzindo e acompanhando o mapeamento e entendimento dos processos de acadêmicos e corporativos (RH, Financeiro, Controladoria, Marketing, Compras, etc.) e suas necessidades de otimização, simplificação de rotinas, automação, agilidade, segurança de dados e mobilidade de sistemas, com vistas à minimização de custos administrativos e operacionais, melhor gestão de tempo e integridade das informações; ü Garantir a aplicação de políticas de segurança da informação, fazendo cumprir as regras de governança para acessos, controle e revisão de senhas, medidas de proteção da rede, programação segura, aplicação de testes, análises de invasão, mapeamento e análise sistêmica de riscos e dimensionamento de seus impactos, assim como elaboração e aplicação de planos de contingências, visando evitar fraudes, acessos indevidos, perda de dados, indisponibilidade dos sistemas e prejuízos aos negócios; ü Gerenciar todos os recursos tecnológicos digitais essencialmente utilizados no meio acadêmico (salas de aula, auditórios, laboratórios, eventos etc.), avaliando necessidades de aquisição e operação para cada segmento acadêmico em âmbito global da instituição, dimensionando estes

2 recursos e planejando orçamentos para atendimento de todas as demandas existentes e estabelecidas em planejamento estratégico; ü Garantir alta disponibilidade e performance da operação e serviços de TI para públicos internos e externos em termos hardware e software, validando e desenvolvendo indicadores para segurança das informações; recursos de infraestrutura; gestão de backup; mapeamento e monitoração de servidores, telecomunicações e sistemas; tratamento de ocorrências e controle de chamados, promovendo mais ações preventivas e menos corretivas, visando constante funcionalidade das operações e negócios; ü Promover o mapeamento e controle dos processos de TI atuais e desenvolvidos, gerando históricos de intervenções e de riscos e ganhos gerados para cada projeto automatizado, implementando e administrando um modelo de governança de TI, que busque alinhar os processos do setor de tecnologia, organizando a demanda da equipe e estabelecendo procedimentos e serviços necessários à criação de ferramentas que agreguem valor aos negócios de toda a organização; ü Garantir inovações para o parque tecnológico da instituição, participando e/ou promovendo eventos do segmento para benchmark, avaliando funcionalidades e premissas de eficiência e eficácia e custos x benefícios para a instituição, planejando as ações de inovação, consolidando relatórios e submetendo-os para validações da diretoria, para fins de tomada de decisões sobre investimentos em tecnologias; ü Avaliar as demandas de desenvolvimento, customização e/ou manutenção dos recursos de hardware, software e telecomunicações, identificando as necessidades de alocação de parceiros terceiros; ü Conduzir uma equipe na disponibilização e análise de escopo técnico e de avaliação de qualidade de entregas, validando as predefinições que melhor atendam às necessidades internas e apresentando à área de compras, para as devidas negociações comerciais e fechamento de contratos de prestação de produtos ou de serviços, respondendo posteriormente pela gestão destes serviços até a entrega final; ü Fazer cumprir a política de suporte técnico a usuários, garantindo que a equipe de TI formalize os chamados e seus atendimentos, envolvendo treinamentos de operacionalização, apoio na utilização de recursos de hardware e software tanto por clientes internos (áreas técnicas, administrativas e acadêmicas) e clientes externos (alunos e parceiros), formatando os indicadores de desempenho desses serviços, monitorando os níveis de qualidade de atendimento, necessidades de elaboração de planos de ação para ações preventivas e minimização de ações corretivas; ü Responder pelas aprovações do sistema que envolvem aquisições e/ou movimentações de recursos técnicos, materiais e humanos requeridos pela área para atendimento de demandas corporativas e operacionais, e apresentar as justificativas devidas das aquisições e/ou movimentações, submetendo-as para as devidas validações da diretoria;

3 ü Gerenciar o orçamento da área de atuação, fazendo-o cumprir, com parâmetros definidos, e justificar eventuais variações de orçamento, para reporte à alta gestão; ü Gerenciar o desenvolvimento contínuo da equipe, buscando o mapeamento e definição de possibilidades de desenvolvimento e crescimento na carreira, promovendo novos desafios e possibilidades de job rotation, avaliando o desempenho técnico e comportamental de cada colaborador, emitindo feedback e atuando como coach para cada um deles, de forma a assegurar o atendimento das demandas da área e atender expectativas de crescimento da Instituição e das pessoas. Conhecimentos Técnicos Requeridos: ü Conhecimento em Gestão de Segurança das Informações e Telecomunicações; ü Conhecimento em Infraestruturas de TI; ü Conhecimento em Gestão de Processos e de Contratos. Requisitos: ü Curso superior em uma dessas áreas: Ciências da Computação, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Engenharia da Computação e afins. Desejável: Especialização e/ou Mestrado nas áreas correlatas (Administração, Gestão de Negócios, Tecnologia, dentre outras); ü Possuir experiência comprovada de, no mínimo, 5 anos no segmento, em instituição educacional ou empresarial de grande porte. Observações Finais: ü Os interessados deverão enviar um CV com o título GER.GERTI + NOME para o ü Data limite para inscrição: 17/07/2017 (não serão aceitas inscrições após essa data); ü Maiores informações: Diego/Talita/Joyce/Jéssica Telefones: /8367 ou /7622. São Paulo, 20 de junho de TONY GERALDO CARNEIRO JOSÉ FRANCISCO HINTZE JR

4 Superintendente de Gestão de Pessoas e Suprimentos Diretor de Desenvolvimento Humano e Infraestrutura

5 Ref.: Edital de Recrutamento 10/17 Público-alvo: Todos os colaboradores de todas as unidades e candidatos externos Cargo: Gerente de Tecnologia da Informação Horário: Horário comercial, de segunda à sexta-feira Local de trabalho: Rua da Consolação, nº 896, Higienópolis, São Paulo/SP Remuneração: Compatível com a prática de mercado Atribuições: ü Desdobrar objetivos e metas para cada área/segmento de TI, considerando as diretrizes estratégicas de cada diretoria e desenvolvendo uma gestão coorporativa que segmente e priorize as demandas por desenvolvimento e inovações tecnológicas tanto da academia quanto dos novos negócios; ü Gerenciar o desenvolvimento, operação e manutenção de toda a infraestrutura de TI da Instituição (servidores, redes, banco de dados, sistemas, estações de trabalho, mobilidade, laboratórios de informática acadêmicos entre outros), planejando ações e metas conforme necessidades das áreas clientes e estruturando medidores de desempenho para cada processo de tal forma que os recursos tecnológicos sejam reconhecidos por sua qualidade e eficiência; ü Garantir o atendimento das demandas de desenvolvimento e manutenção de sistemas, em termos de hardware e software, conduzindo e acompanhando o entendimento dos colaboradores de setores acadêmicos e corporativos (RH, Financeiro, Controladoria, Marketing, Compras, etc.) dos processos desses setores, que deverão ser mapeados, bem como deverão ser observadas suas necessidades de otimização, simplificação de rotinas, automação, agilidade, segurança de dados e mobilidade de sistemas, com vistas à minimização de custos administrativos e operacionais, melhor gestão de tempo e manutenção da integridade das informações; ü Garantir a aplicação de políticas de segurança da informação, fazendo cumprir as regras de governança para acessos, controle e revisão de senhas, medidas de proteção da rede, programação segura, aplicação de testes, análises de invasão, mapeamento e análise sistêmica de riscos e dimensionamento de seus impactos, assim como elaboração e aplicação de planos de contingências, visando evitar fraudes, acessos indevidos, perda de dados, indisponibilidade dos sistemas e prejuízos aos negócios; ü Gerenciar todos os recursos tecnológicos digitais essencialmente utilizados no meio acadêmico (salas de aula, auditórios, laboratórios, eventos etc.), avaliando necessidades de aquisição e operação de sistemas para cada segmento acadêmico em âmbito global da Instituição,

6 dimensionando os recursos adquiridos e planejando orçamentos para atendimento de todas as demandas existentes e estabelecidas em planejamento estratégico; ü Garantir alta disponibilidade e performance da operação e serviços de TI para públicos internos e externos em termos de hardware e software, validando e desenvolvendo indicadores para segurança das informações, recursos de infraestrutura, gestão de backup, mapeamento e monitoração de servidores, telecomunicações e sistemas, tratamento de ocorrências e controle de chamados, com o objetivo de promover mais ações preventivas e menos corretivas, mantendo constante funcionalidade das operações e negócios; ü Promover o mapeamento e controle dos processos de TI atuais e que serão desenvolvidos, mantendo históricos de intervenções e mapeando riscos e ganhos gerados pelos processos, para cada projeto automatizado, de tal forma que seja implementado e administrado um modelo de governança de TI que alinhe os processos do setor de tecnologia, organize a demanda da equipe e estabeleça procedimentos e serviços necessários à criação de ferramentas que agreguem valor aos negócios de toda a Instituição; ü Garantir inovações para o parque tecnológico da Instituição, participando e/ou promovendo eventos do segmento para benchmark, avaliando funcionalidades e premissas de eficiência e eficácia e custos x benefícios para a Instituição, planejando as ações de inovação, consolidando relatórios e submetendo-os para validações da diretoria, para fins de tomada de decisões sobre investimentos em tecnologias; ü Avaliar as demandas de desenvolvimento, customização e/ou manutenção dos recursos de hardware, software e telecomunicações, identificando as necessidades de alocação de parceiros terceiros; ü Conduzir uma equipe na disponibilização e análise de escopo técnico e de avaliação de qualidade de entregas, validando as predefinições que melhor atendam às necessidades internas e apresentando à área de compras tanto a avaliação como a análise, para os aspectos apontados nos documentos serem considerados nas devidas negociações comerciais e fechamento de contratos de prestação de produtos ou de serviços, de forma também que todo o processo de aquisição e entrega final desses serviços sejam melhor geridos; ü Fazer cumprir a política de suporte técnico a usuários, garantindo que a equipe de TI formalize os chamados e seus atendimentos, preparando-a, para isso, com treinamentos que a tornem hábil na operacionalização e no apoio ao usuário que utiliza recursos de hardware e software, seja ele cliente interno (áreas técnicas, administrativas e acadêmicas) ou externo (alunos e parceiros), para que, assim, os indicadores de desempenho desses serviços sejam formatados, os níveis de qualidade de atendimento monitorados, planos de ações preventivas elaborados e ações corretivas minimizadas;

7 ü Responder pelas aprovações do sistema que envolvem aquisições e/ou movimentações de recursos técnicos, materiais e humanos requeridos pela área para atendimento de demandas corporativas e operacionais, e apresentar as justificativas devidas das aquisições e/ou movimentações, submetendo-as para as devidas validações da diretoria; ü Gerenciar o orçamento da área de atuação, fazendo-o cumprir, com parâmetros definidos, e justificar eventuais variações de orçamento, para reporte à alta gestão; ü Gerenciar o desenvolvimento contínuo da equipe, buscando o mapeamento e definição de possibilidades de desenvolvimento e crescimento na carreira, promovendo novos desafios e possibilidades de job rotation, avaliando o desempenho técnico e comportamental de cada colaborador, emitindo feedback e atuando como coach para cada um deles, de forma a assegurar o atendimento das demandas da área e atender expectativas de crescimento da Instituição e das pessoas. Conhecimentos Técnicos Requeridos: ü Conhecimento em Gestão de Segurança das Informações e Telecomunicações; ü Conhecimento em Infraestruturas de TI; ü Conhecimento em Gestão de Processos e de Contratos. Requisitos: ü Curso superior em uma dessas áreas: Ciências da Computação, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Engenharia da Computação e afins. Desejável: Especialização e/ou Mestrado nas áreas correlatas (Administração, Gestão de Negócios, Tecnologia, dentre outras); ü Possuir experiência comprovada de, no mínimo, 5 anos no segmento, em instituição educacional ou empresarial de grande porte. Observações Finais: ü Os interessados deverão enviar um CV com o título GER.GERTI + NOME para o ü Data limite para inscrição: 10/07/2017 (não serão aceitas inscrições após essa data); ü Maiores informações: Diego/Talita/Joyce/Jéssica Telefones: /8367 ou /7622. São Paulo, 20 de junho de 2017.

8 TONY GERALDO CARNEIRO Superintendente de Gestão de Pessoas e Suprimentos JOSÉ FRANCISCO HINTZE JR Diretor de Desenvolvimento Humano e Infraestrutura

Amplo domínio de Processos e Rotinas de acordo com a lotação, tais como: Financeiros/Vendas/Logística/Fiscal/Contábil Negociação

Amplo domínio de Processos e Rotinas de acordo com a lotação, tais como: Financeiros/Vendas/Logística/Fiscal/Contábil Negociação DESCRIÇÃO DE CARGO ANALISTA PERFORMANCE E ATENDIMENTO Elaborado por CC&G Gestão de Pessoas (consultoria) Data 08/11/2010 Última revisão por CC&G Gestão de Pessoas (consultoria) Data 08/02/2011 Homologação

Leia mais

Regulamento PROGRAMA TRAINEE GRUPO CINDAPA

Regulamento PROGRAMA TRAINEE GRUPO CINDAPA Regulamento PROGRAMA TRAINEE GRUPO CINDAPA 2018 SUMÁRIO 1 QUEM SOMOS 2 A MARCA DA SEGURANÇA 2 MISSÃO 2 VISÃO 2 VALORES 2 O PROGRAMA 3 OBJETIVO 3 VAGAS 3 REQUISITOS 3 CONHECIMENTOS 3 HABILIDADES 4 ATITUDES

Leia mais

SIMULADO 01 Governança de TI

SIMULADO 01 Governança de TI SIMULADO 01 Governança de TI 1 - Qual das seguintes é a preocupação mais importante do gerenciamento de TI? a. Manter a TI funcionando b. Fazer com que a tecnologia funcione corretamente c. Manter-se atualizado

Leia mais

17 de novembro de Como a Controladoria pode melhorar a performance da empresa: insights da prática e das pesquisas

17 de novembro de Como a Controladoria pode melhorar a performance da empresa: insights da prática e das pesquisas 17 de novembro de 2016 Como a Controladoria pode melhorar a performance da empresa: insights da prática e das pesquisas Agenda Nossa missão Estrutura Processo Orçamentário Orçamento Matricial Despesas

Leia mais

MANUAL DA QUALIDADE MQ SGQ 01-12

MANUAL DA QUALIDADE MQ SGQ 01-12 MANUAL DA QUALIDADE ALTERAÇÕES: ÚLTIMA(s) ALTERACÃO(s) V: DATA: Alteração geral do documento 12 09/02/2018 ANALISE CRÍTICA E APROVAÇÃO: ANALISADO CRITICAMENTE E APROVADO POR: DATA: 02/02/2018 Nome: Valdenice

Leia mais

D. (49) N, 2º

D. (49) N, 2º CONTROLLER (CÓDIGO 1896) Para empresa de médio porte Atividades a serem desenvolvidas: - Análise de produtividade da fábrica; - Elaborar e apresentar as análises de indicadores de resultados; - Análise

Leia mais

Manual de Políticas Internas RSC ENGENHARIA

Manual de Políticas Internas RSC ENGENHARIA Manual de Políticas Internas RSC ENGENHARIA Sumário 1 INTRODUÇÃO...3 2- DEFINIÇÃO...3 3- OBJETIVO...3 4 - PROVIMENTO DE PESSOAL...4 4.1 PRINCÍPIOS...4 5 REMUNERAÇÃO E BENEFICIOS...4 5.1 PRINCIPIOS...5

Leia mais

Gestão da Tecnologia da Informação

Gestão da Tecnologia da Informação TLCne-051027-P0 Gestão da Tecnologia da Informação Disciplina: Governança de TI São Paulo, Agosto de 2012 0 Sumário TLCne-051027-P1 Conteúdo desta Aula Continuação do Domínio de Processos PO (PO4, PO5

Leia mais

adequadas ao contexto econômico-financeiro e institucional das empresas;

adequadas ao contexto econômico-financeiro e institucional das empresas; 1. Objetivo Aumentar a eficiência e competitividade das empresas do Sistema Eletrobrás, através da integração da logística de suprimento de bens e serviços, visando o fortalecimento de seu poder de compra

Leia mais

Gestão da Tecnologia da Informação

Gestão da Tecnologia da Informação TLCne-051027-P0 Gestão da Tecnologia da Informação Disciplina: Governança de TI São Paulo, Novembro de 2012 0 Sumário TLCne-051027-P1 Conteúdo desta Aula Finalizar o conteúdo da Disciplina Governança de

Leia mais

R.H - Descrição de Cargos

R.H - Descrição de Cargos CARGO: Auxiliar Contábil Sumário: R.H - Descrição de Cargos Desenvolver trabalhos na área de contabilidade especificamente na tarefa de contabilização dos documentos, levantando requisitos, obedecendo

Leia mais

GESTÃO DE PESSOAS 2019

GESTÃO DE PESSOAS 2019 TENDÊNCIAS EM GESTÃO DE PESSOAS 2019 10 ANOS DE ESTUDO Katia Moreno e José Antonio Silva Amostra da Pesquisa 63 empresas participantes 32 setores representados 80% dos respondentes são diretores ou gerentes

Leia mais

PLANO DE INFORMÁTICA

PLANO DE INFORMÁTICA PLANO DE INFORMÁTICA ITAPEVI 2019 1 PLANO DE INFORMÁTICA REGULAMENTO E SEGURANÇA NA TECNOLOGIA DE COMUNICAÇÃO E/OU INFORMAÇÃO Independente da área de atuação de um bom profissional nos dias atuais a FAEESP

Leia mais

Sustentabilidade. Gestão

Sustentabilidade. Gestão Inovação Solução Completa em Tecnologia da Informação Unimed. Sustentabilidade Competitividade Solução Gestão Integração Capacitação Solução Completa em Tecnologia da Informação Unimed. Processos, pessoas

Leia mais

UNIVERSIDADE CEUMA PROCESSO SELETIVO MANUAL DO CANDIDATO

UNIVERSIDADE CEUMA PROCESSO SELETIVO MANUAL DO CANDIDATO UNIVERSIDADE CEUMA PROCESSO SELETIVO MANUAL DO CANDIDATO Este manual é para você que busca desenvolver seus potenciais. Venha ser um EMPRESÁRIO JÚNIOR MAS O QUE É UMA EMPRESA JÚNIOR? Uma empresa júnior

Leia mais

VAGAS PARA CHAPECÓ EMPRESA NO RAMO DE TELECOMUNICAÇÃO CONTRATA:

VAGAS PARA CHAPECÓ EMPRESA NO RAMO DE TELECOMUNICAÇÃO CONTRATA: CONSULTOR DE VENDAS Vagas: Chapecó e Lages VAGAS PARA CHAPECÓ EMPRESA NO RAMO DE TELECOMUNICAÇÃO CONTRATA: Efetuar a gestão de relacionamento com o cliente; Desenvolver e prospectar soluções de negócios;

Leia mais

ANÚNCIO DE CONCURSO. Recrutamento de Estagiário. Programa NOSiEstágio 002/2018

ANÚNCIO DE CONCURSO. Recrutamento de Estagiário. Programa NOSiEstágio 002/2018 ANÚNCIO DE CONCURSO Recrutamento de Estagiário Programa NOSiEstágio 002/2018 O Núcleo Operacional da Sociedade de Informação, Entidade Pública Empresarial (NOSI, E.P.E) em parceria com o Instituto do Emprego

Leia mais

Quem somos. Porque ABCCorp? Referencias

Quem somos. Porque ABCCorp? Referencias 1 Quem somos 2 Porque ABCCorp? 3 Referencias Trabalhamos como você! Experiência não somente acadêmica, sobre o teu segmento; Entendemos suas expectativas Valorizamos e garantimos o teu investimento com

Leia mais

Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas de Belo Horizonte PLANO DE AQUISIÇÃO, MANUTENÇÃO E ATUALIZAÇÃO DOS EQUIPAMENTOS DE LABORATÓRIO.

Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas de Belo Horizonte PLANO DE AQUISIÇÃO, MANUTENÇÃO E ATUALIZAÇÃO DOS EQUIPAMENTOS DE LABORATÓRIO. PLANO DE AQUISIÇÃO, MANUTENÇÃO E ATUALIZAÇÃO DOS EQUIPAMENTOS DE LABORATÓRIO Agosto/2018 1 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO 03 2 OBJETIVOS 03 3 AQUISIÇÃO E/OU ATUALIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS PARA OS LABORATÓRIOS 04 4.

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº 02 /2018 SELEÇÃO DE PESQUISADORES

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº 02 /2018 SELEÇÃO DE PESQUISADORES CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº 02 /2018 SELEÇÃO DE PESQUISADORES PROJETO: Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação para a Automação de Serviços Públicos no âmbito da Jornada da Transformação dos Serviços

Leia mais

Segurança e Controle em Sistemas de Informação. Profa. Ellen Francine ICMC-USP

Segurança e Controle em Sistemas de Informação. Profa. Ellen Francine ICMC-USP Segurança e Controle em Sistemas de Informação Profa. Ellen Francine ICMC-USP 11/09: nem tudo está sob controle Com o ataque contra o World Trade Center e Pentágono, todo transporte aéreo e terrestre foi

Leia mais

Projeto Descrição de Cargos 2016

Projeto Descrição de Cargos 2016 Projeto Descrição de Cargos 2016 Sumário 1. Objetivos do Projeto; 2. Etapas do Projeto; 3. Conceitos para Descrição de Cargos; 4. Acesso ao Sistema; 5. O Formulário. OBJETIVOS DO PROJETO Principais objetivos

Leia mais

RAD Desenvolvimento de Sistemas de Informação

RAD Desenvolvimento de Sistemas de Informação RAD1604 - Desenvolvimento de Sistemas de Informação Prof. Ildeberto A. Rodello rodello@fearp.usp.br Profa. Silvia Dallavalle de Pádua dallavalle.silvia@gmail.com 1 Bibliografia p LAUDON, K. C; LAUDON,

Leia mais

POLÍTICA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

POLÍTICA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO POLÍTICA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 01/06/2018 INFORMAÇÃO PÚBLICA SUMÁRIO 1 OBJETIVO... 3 2 ABRANGÊNCIA... 3 3 REFERÊNCIAS... 3 4 REGRAS GERAIS... 3 5 RESPONSABILIDADES... 7 6 DISPOSIÇÕES FINAIS... 7

Leia mais

AUDITORIA INTERNA COM ABORDAGEM NA AVALIAÇÃO DOS PROCESSOS ORGANIZACIONAIS

AUDITORIA INTERNA COM ABORDAGEM NA AVALIAÇÃO DOS PROCESSOS ORGANIZACIONAIS AUDITORIA INTERNA COM ABORDAGEM NA AVALIAÇÃO DOS PROCESSOS ORGANIZACIONAIS Prof. Sergio Vidal dos Santos Dias - MsC Formação Acadêmica Mestre em Ciências Contábeis - UERJ MBA em Auditoria e Controladoria

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº 02/2018 SELEÇÃO DE PESQUISADORES

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº 02/2018 SELEÇÃO DE PESQUISADORES CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº 02/2018 SELEÇÃO DE PESQUISADORES PROJETO: Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação para a Automação de Serviços Públicos no âmbito da Jornada da Transformação dos Serviços 1.

Leia mais

CARGO E REQUISITO DESCRIÇÃO DOS CARGOS DE CARREIRA

CARGO E REQUISITO DESCRIÇÃO DOS CARGOS DE CARREIRA CARGO E REQUISITO Advogado Completo em Direito com inscrição na OAB DESCRIÇÃO DOS CARGOS DE CARREIRA Representar e defender judicialmente e extra judicialmente a Fundação. Analisar e elaborar pareceres

Leia mais

Núcleo Operacional da Sociedade de Informação NOSi, EPE

Núcleo Operacional da Sociedade de Informação NOSi, EPE ANÚNCIO DE CONCURSO Recrutamento de Estagiário Data de Publicação: 17/01/2017 Local: Praia Prazo para a Submissão de Candidaturas: até 31/01/2017 Designação do serviço: Estágio Local da prestação: Praia,

Leia mais

Política de Compliance

Política de Compliance Política de Compliance Junho 2017 POLÍTICA DE COMPLIANCE 1. OBJETIVO Esta Política estabelece princípios, diretrizes e funções de compliance em todos os níveis da FALCONI Consultores de Resultados, bem

Leia mais

MBA Marketing Digital e Mídias Sociais

MBA Marketing Digital e Mídias Sociais MBA Marketing Digital e Mídias Sociais Coordenador: Dr. Giancarlo Leite Certificado: Especialista MBA em Marketing Digital e Mídias Sociais. Duração: 1 ano e 3 meses Carga Horária: 450 h (360 de aulas

Leia mais

Gestão de Ativos de TI. Fabrício Feres

Gestão de Ativos de TI. Fabrício Feres Gestão de Ativos de TI Fabrício Feres Apresentação Mais de 15 anos de experiência com GA de TI; Atualmente Líder de EUC na VLI Logística; Gerente de Operações e de Gestão de ativos na Sonda IT; Mais de

Leia mais

Serviços. Os serviços são decorrentes dos projetos e processos das empresas. Origem do Serviço. Orientação Freqüência Ação Resultado

Serviços. Os serviços são decorrentes dos projetos e processos das empresas. Origem do Serviço. Orientação Freqüência Ação Resultado Kompaso Kompaso objetiva o aperfeiçoamento das práticas de produção e gestão através de serviços e ferramentas personalizados para cada empreendimento. Kompaso é a palavra em esperanto que significa bússola,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE CASTANHAL FACULDADE DE COMPUTAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE CASTANHAL FACULDADE DE COMPUTAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE CASTANHAL FACULDADE DE COMPUTAÇÃO PGRAD/LABINFRA CHAMADA PARA SELEÇÃO DE BOLSISTA 1. DO OBJETIVO A presente chamada visa selecionar

Leia mais

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO INTERNO Nº 04/2018

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO INTERNO Nº 04/2018 COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO INTERNO Nº 04/2018 A Diretora de Gestão de Pessoas e Performance do Instituto de Atenção Básica e Avançada à Saúde IABAS, no uso de suas atribuições legais, considerando

Leia mais

Política de Gestão de Pessoas

Política de Gestão de Pessoas Política de Gestão de Pessoas Versão 1.00 FOLHA DE CONTROLE Título Política de Gestão de Pessoas Número de versão 1 Status Lançamento Autoria Superintendência de Recursos Humanos - SURH Instrumento de

Leia mais

EDITAL N.º 17/2016 ANEXO I TRILHAS DE APRENDIZAGEM DO PFGC. Competência: Visão Estratégica

EDITAL N.º 17/2016 ANEXO I TRILHAS DE APRENDIZAGEM DO PFGC. Competência: Visão Estratégica 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS JOÃO PESSOA PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE GESTORES

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ REITORIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ REITORIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ REITORIA Portaria nº 4117 de 27 de setembro de 2017. O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ, no uso de suas atribuições legais e estatutárias e considerando:

Leia mais

Numeração Acordo N Data Autor

Numeração Acordo N Data Autor Contrato de Disponibilidade Proprietário do documento: Gerente de Negociação: Controle de Versões MercadoMaster.Com Isadora Fidelis Partes envolvidas: Gerência [ MercadoMaster.Com ] Versão Data Autor Notas

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº 03/2018 FRAMEWORK SELEÇÃO DE PESQUISADORES

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº 03/2018 FRAMEWORK SELEÇÃO DE PESQUISADORES CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº 03/2018 FRAMEWORK SELEÇÃO DE PESQUISADORES PROJETO: Aprimoramento do Framework de Soluções de Tecnologia da Informação para o Ministério das Comunicações 1. PROJETO SELECIONA

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO 2016 EDITAL Nº 02/2016

EDITAL PROCESSO SELETIVO 2016 EDITAL Nº 02/2016 EDITAL PROCESSO SELETIVO 2016 EDITAL Nº 02/2016 A Empresa Júnior Politech Projetos e Consultoria, da escola Politécnica do Centro Universitário do Leste de Minas Gerais- UNILESTE comunica a comunidade

Leia mais

Estágio em RH SLC Agrícola

Estágio em RH SLC Agrícola Estágio em RH SLC Agrícola Cadastro de funcionários no PO AG; Encaminhar formulário de Cadastro de Fornecedor para área de Cadastro; Organização e controle do arquivo morto; Auxílio na concessão, comunicados

Leia mais

INSTITUTO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS VALE DO PARANAPANEMA LTDA CNPJ: / FACULDADES INTEGRADAS DE TAGUAÍ

INSTITUTO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS VALE DO PARANAPANEMA LTDA CNPJ: / FACULDADES INTEGRADAS DE TAGUAÍ VALE DO PARANAPANEMA LTDA CNPJ: 19.412.711/0001-30 POLÍTICA DE AQUISIÇÃO, ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO (TI) TAGUAÍ SP 2015 Política de Aquisição, Atualização e Manutenção

Leia mais

Segurança da Informação ISO/IEC ISO/IEC 27002

Segurança da Informação ISO/IEC ISO/IEC 27002 Segurança da Informação ISO/IEC 27001 ISO/IEC 27002 ISO/IEC 27001 Prover um modelo para estabelecer, implantar, operar, monitorar, rever, manter e melhorar um Sistema de Gestão da Segurança da Informação.

Leia mais

Gestão de Pessoas HCM

Gestão de Pessoas HCM Gestão de Pessoas HCM Com o Gestão de Pessoas da Senior, você terá uma das ferramentas mais completas do mercado para gerenciar pessoas de forma integrada e atualizada às obrigações trabalhistas, previdenciárias

Leia mais

Gestão da Tecnologia da Informação

Gestão da Tecnologia da Informação TLCne-051027-P0 Gestão da Tecnologia da Informação Disciplina: Governança de TI São Paulo, Setembro de 2012 0 Sumário TLCne-051027-P1 Conteúdo desta Aula Conclusão do Domínio de Processos PO (PO7 e PO8)

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. Unidade VI Planejamento Estratégico de TI. Luiz Leão

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. Unidade VI Planejamento Estratégico de TI. Luiz Leão Luiz Leão luizleao@gmail.com http://www.luizleao.com Conteúdo Programático 6.1 Governança de tecnologia da Informação 6.2 Planejamento e Controle da TI 6.3 O Papel Estratégico da TI para os Negócios 6.4

Leia mais

Matéria sobre a Pesquisa: de- rh-para

Matéria sobre a Pesquisa:  de- rh-para Matéria sobre a Pesquisa: www.isk.com.br/perspectivas-de de- rh-para para-2017 EmpresasParticipantes Perfil das Empresas Participantes 2% 23% Origem de Capital 37% Nacional Segmento de Atuação Multinacional

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. 2. QUANTIDADE E TIPO DA VAGA: 1 Bolsa

TERMO DE REFERÊNCIA. 2. QUANTIDADE E TIPO DA VAGA: 1 Bolsa TERMO DE REFERÊNCIA 1. TÍTULO DO PROJETO: Aperfeiçoamento da Gestão da Secretaria de Atenção à Saúde, por meio do ID do Projeto/Subprojeto: VPGDI-004-FIO-16 2. QUANTIDADE E TIPO DA VAGA: 1 Bolsa 3. OBJETIVO

Leia mais

RESPEITO PELO INDIVÍDUO AS 3 ALEGRIAS

RESPEITO PELO INDIVÍDUO AS 3 ALEGRIAS 2017 PRODUZINDO SONHOS E COMPARTILHANDO ALEGRIAS Acreditamos no poder dos sonhos e na capacidade de realização das pessoas! Nossas operações A Honda atua há mais de 65 anos mantendo-se como uma marca de

Leia mais

Versão online:

Versão online: Versão online: www.profissionalenegocios.com.br Empresas Participantes Perfil das Empresas Participantes Perfil das Empresas Participantes Proporção RH x Total 1,8% Perfil das Empresas Participantes Proporção

Leia mais

POLÍTICA DE GESTÃO, INTEGRIDADE, RISCOS E CONTROLES INTERNOS MGI MINAS GERAIS PARTICIPAÇÕES S.A.

POLÍTICA DE GESTÃO, INTEGRIDADE, RISCOS E CONTROLES INTERNOS MGI MINAS GERAIS PARTICIPAÇÕES S.A. POLÍTICA DE GESTÃO, INTEGRIDADE, RISCOS E CONTROLES INTERNOS MGI MINAS GERAIS PARTICIPAÇÕES S.A. 1 SUMÁRIO 1. OBJETIVO... 3 2. ABRANGÊNCIA... 4 3. DEFINIÇÕES... 4 4. FUNDAMENTAÇÃO... 5 5. REVISÃO DESTA

Leia mais

EDITAL - PROCESSO SELETIVO PLANEJ PARA MEMBROS EFETIVOS

EDITAL - PROCESSO SELETIVO PLANEJ PARA MEMBROS EFETIVOS EDITAL - PROCESSO SELETIVO PLANEJ 2017.2 PARA MEMBROS EFETIVOS A PLANEJ faz saber aos interessados que, no período de 03 de julho de 2017 iniciarão as inscrições para o Processo Seletivo PLANEJ 2017.2

Leia mais

Você gostaria de ter um espaço aberto para trocar idéias sobre...

Você gostaria de ter um espaço aberto para trocar idéias sobre... Você gostaria de ter um espaço aberto para trocar idéias sobre... Este bate papo que tivemos foi, na verdade, para inaugurar o Programa Sua carreira; Sua vida profissional; Dicas para o auto-desenvolvimento;

Leia mais

PLANO DE CONTINUIDADE (CONTINGÊNCIA) DE NEGÓCIOS

PLANO DE CONTINUIDADE (CONTINGÊNCIA) DE NEGÓCIOS PLANO DE CONTINUIDADE (CONTINGÊNCIA) DE NEGÓCIOS 1) Objetivo O plano de de negócios da MacroInvest se destina a estabelecer um conjunto de procedimentos que deverão ser seguidos na ocorrência de situações

Leia mais

PLANO DIRETOR DE INFORMÁTICA

PLANO DIRETOR DE INFORMÁTICA A Diretoria Geral no uso de suas atribuições legais TORNA PÚBLICO o Plano Diretor de Informática da Faculdade Ortodoxa, aprovado pelo Órgão Competente, como se segue: PLANO DIRETOR DE INFORMÁTICA Independente

Leia mais

EDITAL Nº 024/ PROCESSO DE BUSCA PARA PREENCHIMENTO DE UMA VAGA PARA FUNÇÃO GRATIFICADA DE COORDENADOR DE RECURSOS HUMANOS

EDITAL Nº 024/ PROCESSO DE BUSCA PARA PREENCHIMENTO DE UMA VAGA PARA FUNÇÃO GRATIFICADA DE COORDENADOR DE RECURSOS HUMANOS EDITAL Nº 024/2012 - PROCESSO DE BUSCA PARA PREENCHIMENTO DE UMA VAGA PARA FUNÇÃO GRATIFICADA DE COORDENADOR DE RECURSOS HUMANOS O Instituto de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá IDSM está selecionando

Leia mais

PROGRAMA PÓS-FLEX 2017 UNIVERSIDADE POSITIVO CÂMPUS SEDE - ECOVILLE CALENDÁRIO GERAL

PROGRAMA PÓS-FLEX 2017 UNIVERSIDADE POSITIVO CÂMPUS SEDE - ECOVILLE CALENDÁRIO GERAL PRESENCIAL E A DISTÂNCIA COMPLETA COM VOCÊ PROGRAMA PÓS-FLEX 2017 UNIVERSIDADE POSITIVO CÂMPUS SEDE - ECOVILLE CALENDÁRIO GERAL CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO ÁREA DE NEGÓCIOS, GESTÃO AMBIENTAL E ENGENHARIA

Leia mais

Auditoria de controles organizacionais. Prof. Dr. Joshua Onome Imoniana

Auditoria de controles organizacionais. Prof. Dr. Joshua Onome Imoniana Auditoria de controles organizacionais Prof. Dr. Joshua Onome Imoniana Definição de controles organizacionais Os controles organizacionais e operacionais são os controles administrativos instalados nos

Leia mais

EDITAL N.º 16/2016 ANEXO I TRILHAS DE APRENDIZAGEM DO PFGC. Competência: Visão Estratégica

EDITAL N.º 16/2016 ANEXO I TRILHAS DE APRENDIZAGEM DO PFGC. Competência: Visão Estratégica 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS JOÃO PESSOA PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE GESTORES

Leia mais

4. DESCRIÇÃO DAS NORMAS E PROCEDIMENTOS OPERACIONAIS

4. DESCRIÇÃO DAS NORMAS E PROCEDIMENTOS OPERACIONAIS 1. OBJETIVO 1.1. Determinar diretrizes e responsabilidades nos processos de aquisição de bens, serviços e/ou materiais indiretos e/ou diretos utilizados pela Rodobens Comunicação Empresarial. 1.2. Assegurar

Leia mais

Apresentação Processo Seletivo

Apresentação Processo Seletivo Apresentação A SofTeam Empresa Júnior de Computação, uma organização constituída e gerida pelos alunos do Departamento de Computação da Universidade Federal de Sergipe, tem a enorme satisfação de anunciar

Leia mais

UMA ESTRATÉGIA PARA A SUA EMPRESA

UMA ESTRATÉGIA PARA A SUA EMPRESA COMPLIANCE UMA ESTRATÉGIA PARA A SUA EMPRESA COMPLIANCE - UMA ESTRATÉGIA PARA A SUA EMPRESA Conceito, visão e objetivos; Aplicação e controle; Controles internos - conceitos; Inside information - comunicar;

Leia mais

Soluções em Gestão e Certificações

Soluções em Gestão e Certificações Soluções em Gestão e Certificações Apresentação Empresa Nascemos assim A Onoma Gestão Digital é uma empresa que nasceu do sonho de seus fundadores de inovar a gestão de Qualidade e Produtividade das empresas.

Leia mais

Componentes de SIs. Pessoas Organiz. Tecnologia

Componentes de SIs. Pessoas Organiz. Tecnologia Universidade Federal do Vale do São Francisco Curso de Administração Tecnologia e Sistemas de Informação - 03 Prof. Jorge Cavalcanti jorge.cavalcanti@univasf.edu.br www.univasf.edu.br/~jorge.cavalcanti

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº008 /2018 SELEÇÃO DE PESQUISADORES

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº008 /2018 SELEÇÃO DE PESQUISADORES CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº008 /2018 SELEÇÃO DE PESQUISADORES PROJETO: Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação para a Automação de Serviços Públicos no âmbito da Jornada da Transformação dos Serviços

Leia mais

DESCRIÇÃO DE CARGO CBO:

DESCRIÇÃO DE CARGO CBO: MISSÃO DO CARGO Responder pelas estratégias de campanhas, liderando as ações utilizando e desenvolvendo conhecimento específico sobre os temas ou casos bem como articulando parceiros, organizações da sociedade

Leia mais

Edital n 2/2018 Processo Seletivo

Edital n 2/2018 Processo Seletivo EDITAL DE PROCESSO SELETIVO N 2/2018 Edital n 2/2018 Processo Seletivo A Gestão 2018 da ArqTec Empresa Júnior de Arquitetura e Tecnologias, associação civil sem fins econômicos faz saber que estão abertas

Leia mais

POLÍTICA DE CONFORMIDADE (COMPLIANCE)

POLÍTICA DE CONFORMIDADE (COMPLIANCE) (COMPLIANCE) EXERCÍCIO 2017 (COMPLIANCE) 1. OBJETIVO A Política de Conformidade (Compliance) estabelece princípios, diretrizes e funções de conformidade em todos os níveis da CRECE, considerando estes

Leia mais

SICONV CE CADASTRO GERAL DE PARCEIROS

SICONV CE CADASTRO GERAL DE PARCEIROS CADASTRO GERAL DE PARCEIROS AGENDA 1. Contextualização 2. SICONV-Ceará: Ferramenta de Suporte ao Processo de Transferência de Recursos Financeiros 1. Contextualização 1.1 Projeto de Controle Interno Preventivo

Leia mais

Avaliando e Implementando um Programa de Qualidade e Melhoria da Auditoria. Mesa de Debates SP 05/04/2013

Avaliando e Implementando um Programa de Qualidade e Melhoria da Auditoria. Mesa de Debates SP 05/04/2013 Avaliando e Implementando um Programa de Qualidade e Melhoria da Auditoria. Mesa de Debates SP 05/04/2013 Sumário A. Introdução. B. Implementando o QAIP C. Avaliação da Qualidade Introdução - QAIP- Programa

Leia mais

Auxiliar Pessoal - Chapecó/SC Benefícios: Descrição: Turno: Horário: Requisitos: Ref.: Técnico em Informática - Chapecó/SC Benefícios: Descrição:

Auxiliar Pessoal - Chapecó/SC Benefícios: Descrição: Turno: Horário: Requisitos: Ref.: Técnico em Informática - Chapecó/SC Benefícios: Descrição: Interessados devem cadastrar currículo gratuitamente no site www.mdrh.com.br e candidatar-se a vaga de interesse ou enviar e-mail: mdrh@mdrh.com.br ou seleção@mdrh.com.br Mais informações pelo telefone

Leia mais

Plano de Cargos e Salários

Plano de Cargos e Salários ASSOCIAÇÃO DE MÚSICOS, ARRANJADORES E REGENTES/ SOCIEDADE MUSICAL BRASILEIRA AMAR/SOMBRÁS Plano de Cargos e Salários Apresentação do plano de administração de Cargos e Salários ADMINISTRAÇÃO 2015 Conteúdo

Leia mais

Políticas Corporativas

Políticas Corporativas 1 IDENTIFICAÇÃO Título: Restrições para Uso: POLÍTICA DE CONTROLES INTERNOS Acesso Controle Livre Reservado Confidencial Controlada Não Controlada Em Revisão 2 - RESPONSÁVEIS Etapa Área Responsável Cargo

Leia mais

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ DIRETORIA DE GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ DIRETORIA DE GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ DIRETORIA DE GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Plano de Capacitação dos Servidores de TI 2016-2017 1 Não é possív el exibir esta imagem no momento. 2 1. INTRODUÇÃO

Leia mais

SoftExpert HDM Suite

SoftExpert HDM Suite HDM Suite Desenvolvendo talentos para a excelência. Desafios Solução Benefícios www.softexpert.com.br Como sua empresa transforma a gestão de desempenho individual em um processo real e eficiente? www.softexpert.com.br

Leia mais

12:24. Implantação. Implantações bem-sucedidas garantem o sucesso contínuo de contratos de

12:24. Implantação. Implantações bem-sucedidas garantem o sucesso contínuo de contratos de As empresas estão buscando cada vez mais visibilidade e controle de sua operação através de tecnologias que demonstrem resultados e desburocratizem processos internos. A Cabtec atua na oferta e gestão

Leia mais

Nº: PGS Pág.: 1 de 11

Nº: PGS Pág.: 1 de 11 Nº: PGS-3209-51-01 Pág.: 1 de 11 Responsável Técnico: Ana Lucia Silva Taveira Gerência de Saúde, Segurança e Fertilizantes. Público-alvo: Empregados próprios e prestadores de serviços das unidades da Vale

Leia mais

PROCESSO GESTÃO DE ATIVOS DE TI Versão 1.0 GERÊNCIA CORPORATIVA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

PROCESSO GESTÃO DE ATIVOS DE TI Versão 1.0 GERÊNCIA CORPORATIVA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PROCESSO GESTÃO DE ATIVOS DE TI Versão 1.0 GERÊNCIA CORPORATIVA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. MACROPROCESSO... 4 3. DIAGRAMA DE ESCOPO DO PROCESSO GESTÃO DE ATIVOS DE TI... 5

Leia mais

Planejamento Estratégico de TI do MEC

Planejamento Estratégico de TI do MEC Planejamento Estratégico de TI do MEC Merched Cheheb de Oliveira Diretor Diretoria de Tecnologia da Informação Secretaria Executiva Ministério da Educação MEC E mail: merched.oliveira@mec.gov.br Outubro

Leia mais

PESQUISA REALIZADA COM OS PARTICIPANTES DO 14º SEMINÁRIO NACIONAL DE GESTÃO DE PROJETOS

PESQUISA REALIZADA COM OS PARTICIPANTES DO 14º SEMINÁRIO NACIONAL DE GESTÃO DE PROJETOS PESQUISA REALIZADA COM OS PARTICIPANTES DO 14º SEMINÁRIO NACIONAL DE GESTÃO DE PROJETOS APRESENTAÇÃO O perfil do profissional de projetos CENÁRIO Pesquisa realizada durante o 14 Seminário Nacional de Gestão

Leia mais

Política Controles Internos

Política Controles Internos Política Controles 1. Objetivo Esta política estabelece diretrizes e responsabilidades para a implementação e manutenção do Sistema de Controles integrado ao Gerenciamento de Risco Operacional aplicável

Leia mais

PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS.

PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS. PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS. 1. INTRODUÇÃO As Faculdades Integradas Rui Barbosa dispõe atualmente de infraestrutura de Tecnologia da Informação com rede de computadores que interliga

Leia mais

Conselho Regional de Medicina

Conselho Regional de Medicina Conselho Regional de Medicina Defendendo a medicina, protegendo a sociedade PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO 2014-2015 Apresentação dos Resultados Produtos Etapas de trabalho: Produto 01 Produto 02 Produto 03

Leia mais

Governança aplicada à Gestão de Pessoas

Governança aplicada à Gestão de Pessoas Governança de pessoal: aperfeiçoando o desempenho da administração pública Governança aplicada à Gestão de Pessoas Ministro substituto Marcos Bemquerer Brasília DF, 15 de maio de 2013 TCU Diálogo Público

Leia mais

Universidade Federal de Uberlândia - NOVAS VAGAS PARA DIVULGAÇÃO - 27/08/2014

Universidade Federal de Uberlândia - NOVAS VAGAS PARA DIVULGAÇÃO - 27/08/2014 Universidade Federal de Uberlândia - NOVAS VAGAS PARA DIVULGAÇÃO - 27/08/2014 Olá, Envio abaixo novas vagas para divulgação em murais e sistemas online. Obrigado! ENGENHEIRO DE VENDAS Local: São Paulo/SP

Leia mais

PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS

PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS 1. INTRODUÇÃO A Faculdade Fleming dispõe atualmente de infraestrutura de Tecnologia da Informação com rede de computadores que interliga em torno de 300

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº 04 / FRAMEWORK SELEÇÃO DE PESQUISADORES

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº 04 / FRAMEWORK SELEÇÃO DE PESQUISADORES CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº 04 /2018 - FRAMEWORK SELEÇÃO DE PESQUISADORES PROJETO: Aprimoramento do Framework de Soluções de Tecnologia da Informação para o Ministério das Comunicações 1. PROJETO SELECIONA

Leia mais

Gerencial Industrial ISO 9000

Gerencial Industrial ISO 9000 Gerencial Industrial ISO 9000 Objetivo: TER UMA VISÃO GERAL DO UM SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE: PADRÃO ISO 9000 Qualidade de Processo Qualidade do produto não se atinge de forma espontânea. A qualidade

Leia mais

ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO Nº 001/2016

ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO Nº 001/2016 ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO Nº 00/206 Manaus, 5 de fevereiro de 206 O Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento (IMED) torna pública a abertura do Processo Seletivo Nº 00/206 para as vagas abaixo

Leia mais

ANEXO I. Curso Superior completo de Graduação em Administração de Empresas. Registro no órgão de classe.

ANEXO I. Curso Superior completo de Graduação em Administração de Empresas. Registro no órgão de classe. ANEXO I 1 Cargo/ Função Descrição sumária do cargo / Pré - requisitos ADVOGADO ----- Representar e defender os interesses da Prodemge. Atuar preventivamentet apresentando soluções/alternativas adequadas

Leia mais

PROGRAMA PÓS-FLEX 2017 UNIVERSIDADE POSITIVO CÂMPUS SEDE - ECOVILLE CALENDÁRIO GERAL

PROGRAMA PÓS-FLEX 2017 UNIVERSIDADE POSITIVO CÂMPUS SEDE - ECOVILLE CALENDÁRIO GERAL PRESENCIAL E A DISTÂNCIA COMPLETA COM VOCÊ PROGRAMA PÓS-FLEX 2017 UNIVERSIDADE POSITIVO CÂMPUS SEDE - ECOVILLE CALENDÁRIO GERAL CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO ÁREA DE NEGÓCIOS, GESTÃO AMBIENTAL E ENGENHARIA

Leia mais

Gestão de Desempenho: a experiência do Grupo Águas do Brasil

Gestão de Desempenho: a experiência do Grupo Águas do Brasil Gestão de Desempenho: a experiência do Grupo Águas do Brasil Agenda Objetivos da G. Desempenho Conceitos estruturantes O Modelo concebido para o grupo Águas do Brasil Relato da Experiência e dos Resultados

Leia mais

5 hábitos que a área de RH deve abandonar em Raquel Oliveira Diretora LATAM de Produto e Estratégia de Vendas para Learning, SAP Brasil

5 hábitos que a área de RH deve abandonar em Raquel Oliveira Diretora LATAM de Produto e Estratégia de Vendas para Learning, SAP Brasil 5 hábitos que a área de RH deve abandonar em 2015 Raquel Oliveira Diretora LATAM de Produto e Estratégia de Vendas para Learning, SAP Brasil Um lugar à mesa, mas sem visibilidade Mesmo empresas que dão

Leia mais

Uma completa solução para gestão de Recursos Humanos, desenvolvida pela Metadados e totalmente integrada ao Consinco ERP.

Uma completa solução para gestão de Recursos Humanos, desenvolvida pela Metadados e totalmente integrada ao Consinco ERP. CONSINCO RH Uma completa solução para gestão de Recursos Humanos, desenvolvida pela Metadados e totalmente integrada ao Consinco ERP. Uma empresa são as pessoas que nela trabalham e que podem desenvolver

Leia mais

Este documento é propriedade exclusiva da Santa Casa da Misericórdia do Porto. Data: 01/06/18 - v01 ; Classificação Doc.: Pública

Este documento é propriedade exclusiva da Santa Casa da Misericórdia do Porto. Data: 01/06/18 - v01 ; Classificação Doc.: Pública D E C L A R A Ç Ã O D E S E G U R A N Ç A C O R P O R A T I V A 2 0 1 8 S A N T A C A S A D A M I S E R I C Ó R D I A D O P O R T O Este documento é propriedade exclusiva da Santa Casa da Misericórdia

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 002/2014

PROCESSO SELETIVO Nº 002/2014 PROCESSO SELETIVO Nº 002/2014 O SESCOOP/SC Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado de Santa Catarina, entidade com personalidade jurídica de direito privado, torna pública a abertura

Leia mais

Manual de regras, procedimentos e controles internos ICVM 558/15

Manual de regras, procedimentos e controles internos ICVM 558/15 Manual de regras, procedimentos e controles internos ICVM 558/15 Atualizado em Maio de 2019 Sumário 1. Introdução... 3 2. Relatório Anual de Controles Internos... 3 3. Publicação de Informações Obrigatórias...

Leia mais