CONCORRÊNCIA SENAC 04/2011 PROJETO DE SOLUÇÃO E FORNECIMENTO DE EQUIPAMENTOS DE SEGURANÇA DO TIPO APPLIANCE DE FIREWALL EDITAL

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CONCORRÊNCIA SENAC 04/2011 PROJETO DE SOLUÇÃO E FORNECIMENTO DE EQUIPAMENTOS DE SEGURANÇA DO TIPO APPLIANCE DE FIREWALL EDITAL"

Transcrição

1 CONCORRÊNCIA SENAC 04/2011 PROJETO DE SOLUÇÃO E FORNECIMENTO DE EQUIPAMENTOS DE SEGURANÇA DO TIPO APPLIANCE DE FIREWALL 1 EDITAL O Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial SENAC-BA- Administração Regional, torna público a Concorrência - 04/2011, estando previsto o recebimento dos envelopes contendo a Documentação para Habilitação, Proposta Técnica e Proposta de Preço para as 15 (quinze) horas do dia 01/03/2011, momento previsto para o início do ato de abertura dos envelopes contendo a Documentação para Habilitação, na Av. Tancredo Neves, 1109 Edf. Casa do Comércio Caminho das Arvores, Salvador BA. 1. CONDIÇÕES GERAIS 1.1 A presente Licitação será regida com base na Resolução Senac 845/2006 publicada no D.O.U de 23/02/2006, e se processará obedecendo aos termos estabelecidos neste Edital. 1.2 Somente poderão participar da presente Licitação as empresas cujo ramo de atividade declarado no Contrato Social seja compatível com o objeto da mesma, sendo vedada a participação de dirigente ou funcionário do Senac Departamento Nacional, empresas reunidas em consórcio e cooperativas. 1.3 Quando, por motivo de suspensão do expediente do Senac Departamento Nacional, não se realizar o ato do recebimento de envelopes e abertura dos envelopes que contêm os Documentos de Habilitação relativos à presente Licitação, fica acordado que a realização do mesmo ocorrerá, no horário já estabelecido, no primeiro dia útil posterior à data fixada neste Edital. 1.4 Os Licitantes deverão analisar os documentos da presente Licitação e respeitar todos os requisitos e condições neles contidos quando da preparação das Propostas Técnicas e de Preços. A alegação de ignorância dos mesmos não será aceita como razão válida para o seu não cumprimento. 2. OBJETO DA LICITAÇÃO 2.1 A presente Concorrência, DO TIPO MENOR PREÇO, tem como objetivo a contratação de pessoa jurídica habilitada especializada para Projeto de Solução e Fornecimento de Equipamentos de Segurança do Tipo Appliance de Firewall, conforme especificações descritas nos Anexos I para atender as diversas Unidades do SENAC Departamento Regional da Bahia, conforme local de instalação contido no ANEXO IV. 3. APRESENTAÇÃO DOS ENVELOPES 3.1 As empresas Licitantes deverão apresentar três envelopes lacrados, distintos, um contendo os Documentos de Habilitação, outro contendo a Proposta Técnica e outro contendo Proposta de Preço, os quais, externamente, além da identificação do licitante, deverão conter os seguintes dizeres: 1

2 2 Ao SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL SENAC BA CONCORRÊNCIA - SENAC 04/2011. Envelope "A" DOCUMENTOS PARA HABILITAÇÃO Ao SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL - SENAC BA CONCORRÊNCIA - SENAC 04/2011. Envelope "B" PROPOSTA TÉCNICA/PREÇO 3.2 Não será admitido o encaminhamento de Documentos de Habilitação, Proposta Técnica/Preço via fac-simile, ou outro meio que não o previsto no item 3.1. Os envelopes poderão ser entregues por correio ou ainda, mediante protocolo, até as 15 horas do dia 01/03/2011 na Av. Tancredo Neves,1109 Edf. Casa do Comércio Caminho das Árvores, Salvador BA. 4. DOCUMENTOS PARA HABILITAÇÃO 4.1 HABILITAÇÃO (Envelope A ) Registro Comercial, no caso de empresa individual Ato constitutivo, estatuto ou contrato social em vigor com as últimas alterações, devidamente registrado no órgão competente, em se tratando de sociedades comerciais, e, no caso de sociedades por ações, acompanhado de documentos de eleição de seus administradores Inscrição do ato constitutivo, no caso de sociedades civis, acompanhada de prova de diretoria em exercício. 4.2 QUALIFICAÇÃO ECONÔMICA-FINANCEIRA Certidão Negativa de Falência expedida pelo Distribuidor da sede do licitante, ou de execução patrimonial, emitida a menos de 180 dias da data de recebimento dos envelopes (preâmbulo do edital). 4.3 REGULARIDADE FISCAL E TRABALHISTA Prova de inscrição no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas CNPJ Prova de inscrição no Cadastro de Contribuintes Estadual e Municipal, se houver, relativo à sede da empresa licitante, pertinente ao seu ramo de atividade e compatível com o objeto contratual. 2

3 Prova de regularidade para com a fazenda federal, estadual e municipal, da sede do licitante, na forma da lei, compreendendo os seguintes documentos: a) Quanto a Divida Ativa da União; b) Quanto aos Tributos e Contribuições Federais; c) Quanto as Fazendas Municipal e Estadual; d) Relativa à Seguridade Social (CND INSS). e) Certificado de Regularidade de Situação junto ao Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (CRS-FGTS). 4.4 QUALIFICAÇÃO TÉCNICA ANEXO V Modelo de Aceitação do Edital, em papel timbrado da empresa Licitante, declarando ter tomado conhecimento e examinado, cuidadosamente, os documentos desta Licitação e de ter integralmente compreendido e aceito as condições estabelecidas. 5. ABERTURA DOS ENVELOPES CONTENDO OS DOCUMENTOS PARA HABILITAÇÃO E RECEBIMENTO DOS ENVELOPES CONTENDO AS PROPOSTAS TÉCNICAS/PREÇOS. 5.1 Os envelopes contendo os Documentos de Habilitação serão abertos pela Comissão Permanente de Licitação, na presença dos representantes credenciados das empresas Licitantes. O não comparecimento do representante da empresa não invalida a sua participação, porém resulta em anuência tácita às decisões tomadas pela Comissão Especial de Licitação, registradas em ata. 5.2 Caberá aos Licitantes presentes, no ato de abertura dos envelopes contendo os Documentos de Habilitação, rubricar e examinar todos os documentos apresentados, juntamente com os membros da Comissão Permanente de Licitação. 5.3 Ao final da reunião será lavrada uma Ata, na qual serão mencionadas todas as ocorrências inerentes à referida reunião, sendo a mesma rubricada pelos membros da Comissão Permanente de Licitação e pelos Licitantes presentes. 5.4 A Comissão Permanente de Licitação recolherá os envelopes contendo os documentos para Habilitação das empresas Licitantes, os quais serão rubricados por todos os presentes em seus respectivos lacres, sendo declarada inabilitada a empresa que descumprir quaisquer das exigências contidas no item 4. Ficando arquivados no processo licitatório. 5.5 Posteriormente, a Comissão Permanente de Licitação analisará as propostas técnica/preço, sendo declarada inabilitada a empresa que descumprir quaisquer das exigências do edital. 3

4 4 5.6 A Comissão Permanente de Licitação comunicará por escrito, após análise dos Documentos de Habilitação apresentados, as empresas habilitadas e inabilitadas, justificadamente, informando data para abertura dos envelopes contendo as Propostas Técnicas/Preços. 5.7 A partir da comunicação do resultado da análise dos Documentos de Habilitação apresentados pelas empresas Licitantes, os envelopes contendo as Propostas Técnica/Preços das empresas inabilitadas ficarão à disposição das mesmas para retirada, pelo prazo de 05 (cinco) dias úteis. Após este prazo, os envelopes serão destruídos pela Comissão Permanente de Licitação. 5.8 Em nenhuma hipótese será concedido prazo para a apresentação de Documentos de Habilitação exigidos, que não tenham sido entregues na sessão própria. 6. APRESENTAÇÃO E ABERTURA DAS PROPOSTAS DE PREÇOS (Envelope B ) 6.1 A proposta de preços deverá, obrigatoriamente, ser apresentada em papel timbrado da empresa Licitante, datilografada ou digitada, assinada por seu representante legal, em envelope lacrado, com nome da empresa proponente, o número desta Concorrência e a inscrição PROPOSTA DE PREÇO. O não comparecimento do representante da empresa não invalida a sua participação, porém resulta em anuência tácita às decisões tomadas pela Comissão Permanente de Licitação, registradas em ata. 6.2 Na proposta deverão constar à descrição completa dos produtos, por item, contido no Anexo III, constar que a empresa esta de acordo e ciente com todas as especificações dos demais Anexos, parte integrante deste Edital; a) É obrigatório apresentação de todas as especificações técnicas detalhadas para todos os itens que estarão compondo a proposta, e, se possível, com os catálogos em anexo. 6.3 Conter o valor unitário e total dos itens em moeda nacional corrente, incluídos todos os impostos, os encargos sociais, trabalhistas, previdenciários, fiscais e comerciais, gastos com transporte, embalagens, fretes, taxas e outras despesas de qualquer natureza, que se façam indispensáveis ao cumprimento do objeto, bem como, deduzidos quaisquer descontos que venham a ser concedidos, constituindo-se assim, na única remuneração devida; 6.4 Os envelopes contendo as Propostas de Preços serão abertos pela Comissão Permanente de Licitação, na presença dos representantes credenciados das empresas Licitantes. 4

5 5 6.5 Caberá aos Licitantes presentes, no ato de abertura dos envelopes contendo as Propostas de Preços, rubricar e examinar todas as folhas das Propostas apresentadas, juntamente com os membros da Comissão Permanente de Licitação. 6.6 Ao final da reunião será lavrada uma Ata, na qual se mencionarão todas as ocorrências inerentes à referida reunião, sendo a mesma rubricada pelos membros da Comissão Permanente de Licitação e pelos Licitantes presentes. 6.7 As propostas apresentadas em desacordo com as condições e especificações constantes desta Licitação serão desclassificadas. 7. VALIDADE DA PROPOSTA 7.1 As propostas serão válidas até o resultado final da licitação indicando a empresa vencedora que firmará contrato com o SENAC-BA, exceto se houver manifestação contrária formal do licitante, por meio de correspondência dirigida à Comissão Permanente de Licitação, caracterizando seu declínio em continuar na Licitação. 8. CONSIDERAÇÕES FINAIS: 8.1 A empresa que deixar de apresentar a documentação exigida no envelope, será automaticamente inabilitada, não se admitindo, sob qualquer pretexto, a concessão de prazo para a complementação desses documentos; tal inabilitação ocorrerá a qualquer tempo, mesmo quando ultrapassada a fase de habilitação, sem que caiba qualquer reclamação por parte da Licitante, salvo nos casos em que tais documentos tiverem fácil acesso na internet. Antes da apresentação de suas propostas, as licitantes deverão tomar conhecimento das normas e diretrizes do SENAC/BA relacionadas com o presente Edital, providenciando a obtenção de todas as informações necessárias sobre as condições, estado de conservação e peculiaridades dos locais de instalação do cabeamento, e que deverão ser devidamente consideradas na composição dos preços de sua Proposta Comercial. 8.2 Os documentos apresentados deverão estar válidos na data de recebimento dos envelopes. A validade corresponderá ao prazo fixado nos próprios documentos. 8.3 Quando o órgão emitente for omisso em relação ao prazo de validade dos documentos, considerar-se-á o prazo de validade de 90 (noventa) dias. Contados da data de emissão dos mesmos. 8.4 Quando houver prorrogação do Edital, a validade dos documentos exigidos para a habilitação deverá ser a inicialmente marcada para a abertura do certame. 5

6 6 8.5 Os documentos exigidos poderão ser apresentados em original, cópia autenticada. 8.6 Os documentos emitidos pela INTERNET desde que apresentados no original, não necessitam de autenticação; 8.7 Antes da homologação do resultado da licitação, a comissão poderá solicitar o original do documento que houver sido apresentado em cópia autenticada, a fim de sanar qualquer dúvida porventura existente. 8.8 Havendo divergência entre o valor numérico e por extenso, unitário e total, prevalecerá aquele que for menor; desde que não seja inexeqüível. 8.9 O CNPJ da Nota Fiscal de fornecimento deverá ser o mesmo constante da Proposta Comercial apresentada; 8.10 O pagamento será efetuado no mínimo 20 (vinte) dias, após a conclusão do serviço, mediante apresentação da Nota Fiscal de fornecimento/serviço, acompanhada do recebimento, assinado por servidor designado pelo SENAC DR/BA, sendo vedada à negociação de faturas ou títulos de crédito com instituições financeiras O SENAC DR/BA não se enquadra como contribuinte do ICMS, devendo a Licitante computar em seus preços, a alíquota plena; a) Para materiais oriundos de outros estados, a empresa fornecedora deverá destacar 17% do ICMS, devido à Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia não dispensar a diferença de alíquota; 8.12 A execução do serviço será mediante assinatura do Contrato de Prestação de Serviços, conforme Anexo VI. 9. ABERTURA E JULGAMENTO DAS PROPOSTAS 9.1 Respeitando o disposto no subitem 1.1 deste Instrumento, a Comissão Permanente de Licitação, abrirá o envelope dos Licitantes e divulgará o valor de cada proposta, cujos documentos serão rubricados posteriormente pelos representantes das Licitantes presentes e pelos membros da Comissão. 9.2 Critério - A Comissão Permanente de Licitação, após verificar se as propostas atendem às exigências estabelecidas neste Edital e excluir as que divergem, passará ao julgamento e classificação das aprovadas, obedecendo ao critério da modalidade TIPO MENOR PREÇO GLOBAL. 6

7 7 9.3 Empate - No caso de empate entre duas ou mais propostas, a classificação dar-se-á obrigatoriamente por sorteio, logo após a constatação do empate, na presença dos Licitantes; 9.4 Quando todas as Licitantes forem inabilitadas ou todas as propostas forem desclassificadas, a Comissão poderá fixar as Licitantes o prazo de 3 (três) dias úteis para a apresentação de nova documentação ou proposta; 9.5 Serão desclassificadas as propostas que não atendam às exigências do ato convocatório, bem como as que contenham valores manifestamente inexeqüíveis, excessivos, simbólicos, irrisórios ou iguais a zero. 10. DAS PENALIDADES 10.1 Ao participar da licitação, o proponente estará sujeito a penalidade pelos atos de seu preposto ou representante, inclusive por conduta inapropriada, recusa da proposta, falha, irregularidade, não cumprimento de prazo ou outros casos, a critério do SENAC DR/BA, que venham a frustrar ou inviabilizar o objeto da presente licitação; a) Suspensão temporária de participação em licitação e impedimento de contratar com o SENAC DR/BA, por prazo não superior a 02 (dois) anos, de acordo com a decisão da Presidência da Entidade; b) A empresa que deixar de realizar por qualquer motivo o serviço pelo qual foi vencedor, poderá, sujeitar-se às penalidades da resolução SENAC 845/2006; de quando ocorrer empate no próximo Convite, não terá o direito de participar c) do sorteio, sendo excluída de imediato, assim como o atestado de capacidade técnica será fornecido com ressalvas. 11 DOS RECURSOS 11.1 A concorrente poderá apresentar recurso da decisão da Comissão Permanente de Licitação, desde quando, devidamente fundamentado, no prazo de 02 (dois) dias úteis; 11.2 Quaisquer argumentos ou subsídios concernente à defesa da empresa, que pretender reconsideração, total ou parcial, das decisões da Comissão Permanente de Licitação, deverão ser apresentados por escrito, exclusivamente, anexados ao recurso próprio e protocolados no Setor de Protocolo do SENAC DR/BA; 11.3 Os recursos serão julgados no prazo de até 10 (dez) dias, contados da data final, para sua interposição, pela autoridade competente, ou por quem esta delegar competência. 12 DAS DISPOSIÇÕES GERAIS 12.1 Outras informações poderão ser obtidas junto à Comissão Permanente de Licitação, no horário das 09:00 às 12:30 e das 14:30 às 17:00 horas, de segunda à sexta-feira, através do 7

8 8 até 05 (cinco) dias anteriores à data de recebimento do ENVELOPE I - PROPOSTA COMERCIAL e ENVELOPE II - DOCUMENTAÇÃO; 12.2 A Comissão Permanente de Licitação poderá, no interesse do SENAC DR/BA em manter o caráter competitivo desta licitação, relevar omissões puramente formais nos documentos e propostas apresentadas pelos Licitantes, desde que não comprometam a lisura do certame e possam ser sanadas em prazo fixado pela mesma, sendo vedada à inclusão de documentos que deveriam constar originalmente do ato de abertura O prazo de validade da proposta, inclusive preços, não deverá ser inferior a no mínimo 60 (sessenta) dias, não sendo indicado o prazo de validade, fica subentendido como de 60 (sessenta) dias Os casos omissos e as dúvidas suscitadas serão dirimidos pela Comissão Permanente de Licitação, que decidirá, com base na legislação própria; 12.5 As normas disciplinadoras do certame licitatório serão sempre interpretadas em favor da ampliação da disputa entre os interessados, desde que, não comprometam o interesse da Administração, a finalidade e a segurança do serviço; 12.6 Os interessados deverão observar, cuidadosamente, se o exemplar do Edital está completo, com folhas numeradas e acompanhadas dos Anexos I, II, III, IV e V Salvaguardando os interesses do SENAC DR/BA, sem que caiba aos participantes qualquer reclamação ou indenização, esta licitação poderá ser: adiada, revogada ou anulada Não poderão participar das licitações e nem contratar com o SENAC DR/BA, dirigentes ou empregados da Entidade Informações verbais não têm nenhuma validade legal; Os itens da proposta de preço deverão estar na mesma ordem dos itens do Edital Qualquer pronunciamento por parte das Licitantes, quando lhes for concedida a palavra, deverá ser feito por seu preposto devidamente credenciado, com documento próprio fornecido pelo SENAC DR/BA no decorrer do certame. O referido documento será parte integrante da ata lavrada e circunstanciada no final da abertura do certame A Comissão Permanente de Licitação poderá a qualquer momento solicitar informações, esclarecimentos ou explicações para sanar dúvidas. 8

9 9 13. OBRIGAÇÕES E RESPONSABILIDADES DA CONTRATADA 13.1 Proceder à entrega dos equipamentos e a prestação dos serviços rigorosamente no prazo pactuado, bem como cumprir todas as demais obrigações impostas por este Edital e seus anexos Manter o local do serviço permanentemente limpo e organizado; 13.3 Executar os serviços, preferencialmente, em dias úteis e no horário comercial, ficando as atividades que causem grande impacto, a se realizarem em horário especial, previamente acordado junto a Gerência de Tecnologia da Informação do SENAC/BA; 13.4 A CONTRATADA se obriga, durante a execução dos serviços, a não prejudicar o funcionamento das atividades normais da Unidade do SENAC/BA; 13.5 Contratar, por sua conta, todos os seguros exigidos ou que venham a ser exigido por Lei e que incidam direta ou indiretamente sobre o objeto deste Edital; 13.6 Promover, por sua conta, a cobertura, através de seguro, dos riscos a que se julgar exposta em vista das responsabilidades que lhe cabem na execução do objeto deste Edital, devendo reparar e indenizar danos de qualquer natureza causados ao SENAC/BA ou a terceiros, provenientes da ação ou omissão sua ou de seus prepostos, na execução dos serviços contratados ou deles decorrentes; 13.7 As despesas decorrentes do transporte pessoal administrativo e técnico, bem como de operários, serão de responsabilidade da CONTRATADA; 13.8 Os transportes de materiais e equipamentos referentes à execução do projeto será de responsabilidade da CONTRATADA; 13.9 As despesas decorrentes de estadia e alimentação de pessoal no local de realização do projeto serão de responsabilidade da CONTRATADA; Os empregados da empresa CONTRATADA deverão vestir-se de maneira adequada, com uniforme padronizado pela própria empresa e portar documento de identificação profissional, sempre visível A empresa CONTRATADA será responsável pelo comportamento moral e profissional de seus empregados, cabendo-lhe responder integralmente por todos os danos ou atos ilícitos resultantes de ação ou omissão dos mesmos; A execução dos serviços todos os equipamentos, instrumentos, ferramentas e acessórios necessários, serão fornecidos pela empresa CONTRATADA, sem qualquer ônus para o CONTRATANTE, inclusive todos os equipamentos de proteção individual (EPI) e proteção coletiva; 9

10 A empresa CONTRATADA manterá sigilo absoluto sobre quaisquer dados, informações, documentos e especificações técnicas do CONTRATANTE que a ela venham ser confiados ou que venha ter acesso em razão do contrato, deve também zelar pela veracidade de todas as informações que irão compor a documentação dos serviços realizados, não podendo, sob qualquer pretexto, revelá-los, divulgá-los, reproduzi-los ou deles dar conhecimento a quaisquer terceiros estranhos a este contrato; Fica definida a responsabilidade exclusiva da empresa CONTRATADA, em qualquer situação, quanto ao atendimento das recomendações técnicas definidas e à homologação do serviço, sendo que qualquer dano que venha a ocorrer nos equipamentos a serem instalados ou vinculados aos pontos de rede constituídos ou remanejados, serão de inteira responsabilidade da empresa CONTRATADA, sendo atribuída a esta todas as providencias e custos necessários para a recuperação ou substituição dos equipamentos danificados, desde que comprovadamente tenham sido ocasionados em função de falhas ou não cumprimento das recomendações definidas; Compete ainda a Licitante vencedora: a) Prestar todo e qualquer esclarecimento ou informação solicitada pela fiscalização do SENAC/BA; b) Garantir acesso, a qualquer tempo, da fiscalização do SENAC/BA aos locais de execução dos serviços; c) Cientificar, imediatamente, a fiscalização do SENAC/BA de qualquer ocorrência anormal ou acidente que se verificar durante a execução dos serviços; d) Corrigir, prontamente, quaisquer erros ou imperfeições dos trabalhos, atendendo assim, as reclamações, exigências ou observações feitas pela fiscalização do SENAC/BA; e) Fornecer garantia mínima de 36 (trinta e seis) meses, contados a partir da aceitação dos serviços, objeto deste Edital. 14. PRAZO DE EXECUÇÃO DO PROJETO 14.1 O prazo para execução dos serviços objeto do presente Edital será de 45 (quarenta e cinco) dias, contados a partir da data de recebimento da Ordem de Serviços O prazo estabelecido neste Contrato somente poderá ser prorrogado mediante solicitação por escrito da CONTRATADA, devidamente aceita pela CONTRATANTE e nos seguintes casos: a) Alteração das especificações pela CONTRATANTE; b) Superveniência de fato excepcional ou imprevisível, estranho à vontade das partes, que altere, fundamentalmente, as condições de execução do Contrato; c) Interrupção da execução do Contrato ou diminuição do ritmo de trabalho, por ordem e no interesse da CONTRATANTE; 10

11 11 d) Impedimento de execução do Contrato por fato ou ato de terceiros, reconhecido pela CONTRATANTE em documento contemporâneo à sua ocorrência; e) Omissão ou atraso de providências a cargo da CONTRATANTE, inclusive quanto aos pagamentos previstos de que resulte, diretamente, impedimento ou retardamento na execução do Contrato, sem prejuízo das sanções legais aplicáveis aos responsáveis. 15. DOS ANEXOS Fazem parte integrante deste Edital, os seguintes ANEXOS contidos em DVD-R: a) ANEXO I Especificações Técnicas. b) ANEXO II Planilha Orçamentária c) ANEXO III Modelo de Aceitação de Edital d) ANEXO IV Local de Execução e Instalação dos Serviços e) ANEXO V Minuta de Contrato Salvador, 11 de fevereiro de Atenciosamente, Luis Carlos Abreu Sampaio de Souza Superintendente de Administração e Finanças. 11

12 12 CONCORRÊNCIA Nº 04/2011 EDITAL A PRESENTE LICITAÇÃO SERÁ REGIDA PELA RESOLUCÃO SENAC 845/2006. Considerações Preliminares ANEXO I ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Este memorial detalha os equipamentos e serviços de solução de segurança baseada em appliance. Considerações Gerais do projeto 1. Solução de segurança(appliance) Firewall - A Empresa licitante deverá implantar, fornecer, treinar e configurar uma solução de segurança baseada em solução de firewall do tipo appliance e demais ferramentas necessárias para promover a segurança das redes Corporativa e Acadêmica do SENAC/BA, incluindo serviços de instalação, customização, suporte técnico e treinamento, de acordo com as condições estabelecidas neste edital. 2. O SENAC/BA pretende com esta contratação atender a necessidade de aquisição de um Sistema de Proteção Corporativo ininterruptamente ativo e de alta disponibilidade, com a adequação de suas funcionalidades, fazendo frente ao crescente número de acessos e novos tipos de ataques que a todo o momento assolam a Internet Mundial, através da implementação de um esquema de alta disponibilidade (high avaliability) do produto de Firewall provendo também condição de balanceamento de carga (load balancing) para as conexões recebidas, estabelecimento e otimização de conexões VPN. 3. O emprego da solução de Firewall deve possibilitar monitorar e controlar o tráfego de dados que circula entre a rede local e a Internet, estabelecendo um único canal de entrada e saída entre aqueles ambientes, permitindo a proteção da rede local (Intranet) contra ações de crackers. 4. A solução deverá prover proteção integrada de antivírus, anti-spyware, antispam, anti-adware, anti-keylogger, filtro de conteúdo Web. 5. Os equipamentos eletroeletrônicos devem aceitar tensão elétrica de entrada 110V, ou Bivolt e atender a norma NBR Todos os materiais a serem utilizados deverão ser devidamente relacionados quanto às necessidades, conforme projeto, ficando por conta de cada Licitante o 12

13 13 levantamento do quantitativo final em sua proposta comercial. O SENAC/BA não ressarcirá qualquer despesa sobre materiais faltantes nos levantamentos. 7. Deverão ser especificados na planilha orçamentária todos os produtos e serviços necessários para execução deste projeto. Deve ser informado para cada produto: marca do Fabricante, modelo (referência), quantidade, preço unitário e preço total. 8. No envelope da proposta técnica deve esta contida o catálogo do Fabricante de cada produto com a especificação técnica dos produtos ofertados. 9. Antes do início da execução dos serviços, Contratada deverá apresentar a relação do pessoal que permanecerá nas dependências do prédio onde serão executados os serviços, à Coordenação de T.I. do SENAC/BA. 10. Qualquer dano causado pela Contratada ou seus prepostos seja por imperícia, acidente ou negligência, deverá ser reparado de imediato. 11. Qualquer alteração no projeto, que se faça necessária no decorrer dos serviços, deverá ter aprovação prévia do SENAC antes de ser efetuada. Qualificação Técnica 1. Comprovar, através de documentos específicos, ter a empresa Licitante fornecido, a contento, em qualidade similar à exigida neste Edital, a pelo menos 02 (dois) órgãos públicos ou empresas privadas nos últimos 05(cinco) anos. Esses documentos deverão ser emitidos, em papel timbrado, pelos órgãos públicos ou empresas privadas que foram atendidas. 2. A empresa licitante deverá apresentar declaração do fabricante da solução de Aplliance de Firewall, informando que a mesma estar capacitada para instalar, configurar e dar todo suporte necessário ao SENAC/BA para o perfeito funcionamento das licenças e dos equipamentos de Firewall, bem como, declarar que a mesma tem técnico(s) treinado(s) pelo próprio fabricante. 3. Apresentar certificado de capacitação técnica expedido pelo fabricante da solução de Firewall e VPN baseada em Appliance, de no mínimo, 01 (um) técnico(engenheiro, Analista ou Técnico Especialista). O técnico deverá treinar, instalar e configurar os equipamentos de acordo com a configuração a ser informada pelo corpo Técnico do SENAC/BA. Este técnico deverá ser qualificado em Segurança de Redes de Computadores. 4. A(s) certificação(ões) técnica apresentada pelo licitante (Técnicos) deve ter a data da certificação emitida há no máximo dois anos. 13

14 14 Exigências em Relação aos Equipamentos 1. Todos os equipamentos e respectivos acessórios, e cabeamento especificados neste edital deverão ser novos, estarem em linha de produção do Fabricante e em perfeitas condições para sua instalação e operação imediata. Não serão aceitos produtos e equipamentos descontinuados pelos seus respectivos Fabricantes. Todos os equipamentos devem ser do mesmo Fabricante não sendo aceito nenhum tipo de garantia solidária. 2. Deverão ser entregues em embalagem individual lacrada, adequadamente protegida para transporte do mesmo com segurança. 3. Os equipamentos e respectivos acessórios, e cabeamento deverão estar em conformidade com a presente especificação técnica, podendo o SENAC/BA se reservar o direito de executar testes de desempenho antes do aceite final. 4. Os custos com os testes e ensaios ora mencionados, incluindo o transporte do equipamento amostrado do local de entrega no SENAC/BA, serão integralmente assumidos pela Empresa proponente. 5. Deverá ser, sempre que requeiro pelo SENAC/BA, disponibilizado pessoal qualificado para prestar informações e/ou acompanhar os testes e ensaios no equipamento em suas dependências a ser indicado pelo SENAC/BA, sem ônus para o SENAC/BA. 6. A impossibilidade da realização dos testes e/ou ensaios do equipamento por omissão e/ou falta de informações técnicas por parte da Empresa proponente constituirá motivo para a não aceitação do equipamento e desclassificação da Empresa. 7. Na eventualidade de não aprovação parcial ou total do equipamento, bem como a não conformidade com estas especificações, determinadas através dos testes e/ou ensaios realizados, a Empresa será automaticamente desclassificada. 8. Em caso de dano parcial ou total do equipamento por decorrência da realização dos testes e verificações caberá a Empresa proponente sua substituição por outro de mesmas características técnicas, sem quaisquer ônus para o SENAC/BA. 9. Os equipamentos eletroeletrônicos devem atender a norma NBR

15 15 Especificação dos Ativos para Solução de Segurança(appliance) Firewall I. Especificação Técnica do Appliance O equipamento a ser descrito têm a finalidade de atender o projeto de Tecnologia da Informação do SENAC/BA, no quesito Segurança e Gerência de Rede, possibilitando o eficaz gerenciamento e controle dos links de Internet, gerenciamento, estabelecimento e otimização de conexões VPN, gerenciamento unificado de ameaças combinadas com prevenção de intrusão, antivírus, anti-spyware, anti-spam e filtro de conteúdo web integradas. As soluções de appliance deverão atender as Unidades do SENAC Casa do Comércio(rede administrativa e rede acadêmica), Aquidabã, Misericórdia, Feira de Santana, Porto Seguro e Vitória da Conquista ambos de forma independente e com equipamentos específicos para cada rede e Unidade do SENAC. Os appliances da Casa do Comércio devem possuir maior capacidade de throughput de firewall devido ser o Datacenter de todo o regional, desta forma é especificado com requisitos diferenciado das demais Unidades Operativas do SENAC/BA. A solução de segurança deve permitir gerenciamento on-line e centralizado de todos os appliances a partir de qualquer unidade do SENAC/BA. Além dos equipamentos e especificações técnicas da Solução de Segurança descritos a seguir, é de responsabilidade da Empresa licitante ofertar e prever a contemplação de outros equipamentos, cabos, módulos, conversores, softwares e licenças, hardware e/ou acessórios necessários para atender ao pleno funcionamento e com segurança apropriada para as informações e toda a rede de computadores do SENAC/BA devendo ser descriminado na proposta técnica/preço e entregue a Comissão de licitação na data predeterminada do recebimento dos envelopes. Quantidade mínima de Appliance Firewall por Unidade SENAC: 02(dois) equipamentos do mesmo Fabricante e modelo para Casa do Comércio, 01(um) equipamento do mesmo Fabricante e modelo para Misericórdia, 01(um) equipamento do mesmo Fabricante e modelo para Aquidabã, 01(um) equipamento do mesmo Fabricante e modelo para Feira de Santana/BA, 01(um) equipamento do mesmo Fabricante e modelo para Porto Seguro/BA. 01(um) equipamento do mesmo Fabricante e modelo para Vitória da Conquista/BA. Quantidade mínima de Appliance de Gerenciamento: 01(um) equipamento do mesmo Fabricante dos appliance de firewall e compatível, a ser instalado na Casa do Comércio. 15

16 16 1. DESCRIÇÃO GERAL DOS EQUIPAMENTOS 1.1 Prover monitoramento e controle de acessos, sendo capaz de bloquear acessos não autorizados; 1.2 Prover conectividade com os serviços disponibilizados, internos e externos; 1.3 Ser compatível com a base de usuários existente (Active Directory); 1.4 Prover recurso de VPN de forma segura; 1.5 Prover proteção aos serviços web disponibilizados pelo SENAC/BA; 1.6 Prover balanceamento de links de Internet com operadores de telecomunicação distintas, mínimo de 02(dois) links WANs; 1.7 Prover gerenciamento on-line e centralizado de todos os appliances em qualquer site do SENAC/BA, sem a necessidade de ter um Técnico localmente no local de instalação do appliance para gerenciamento; 1.8 Deverá possuir alta disponibilidade(ha), trabalhando no esquema de redundância do tipo Ativo-Ativo com divisão de carga, com todas as licenças de software habilitadas para tal, sem perda de conexões em caso de falha de um dos nós; 1.9 Ser baseado em Appliance (não serão aceitos equipamentos de propósito genérico [PC s ou servidores] sobre os quais se pode instalar e/ou executar um sistema operacional regular como Microsoft Windows, FreeBSD, SUN solaris, Apple OS-X o GNU/Linux); 1.10 Cada equipamento do SENAC Casa do Comércio deve possuir performance Firewall(mínimo) de 6.5(seis e meio)gbps; 1.11 Cada equipamento dos SENAC Aquidabã, Misericórdia, Feira de Santana, Porto Seguro e Vitória da Conquista deve possuir performance Firewall(mínimo) de 1.5(um e meio)gbps; 1.12 Deve ser proposto um Appliance especifico de Gerenciamento centralizado(item 2.3) que permita a realização das atividades de configuração e monitoramento de todos os appliances de segurança propostos nos itens 2.1 e 2.2 que deverá ser instalado no SENAC Casa do Comércio; 1.13 Deve possuir solução integrada e gerenciamento unificado para proteção contra ameaças de intrusão(ips), antivírus, anti-spyware, anti-adware, anti-keyloger e anti-spam Possuir solução integrada de filtro de conteúdo Web; 1.15 Gerenciamento através de interface Web e linha de comando no idioma Português(Brasil) e/ou Inglês (EUA) Ser montável em rack padrão 19 polegadas, incluso respectivo kit de rack Deve possuir fonte de alimentação interna com tensão nominal de entrada: 110V ou Bivolt Todos os equipamentos devem ser do mesmo Fabricante. 2. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS (CARACTERÍSTICAS MÍNIMAS) 2.1. Appliance firewall de segurança Datacenter Local de Instalação: SENAC Casa do Comércio As demais características e recursos descritos abaixo devem estar contidos e serem atendidos por um único appliance componente do sistema e que serão instalados no SENAC Casa do Comércio: 16

17 O hardware ofertado deverá ser equipamento específico para segurança de rede, do tipo appliance, acompanhado de software, firmware e demais acessórios necessários a sua instalação, configuração e operação completas para um número irrestrito de usuários; Todos os equipamentos a serem fornecidos para a solução devem ser apropriados para instalação em rack padrão de 19 polegadas, sem adaptações, e acompanhados de todas as ferragens, trilhos, parafusos e cabos necessários para sua instalação; A fonte de alimentação deve ser bi-volt, com chaveamento automático ou manual, permitindo a alimentação em redes 110VAC e 220VAC; Deve possuir e ser fornecido com fontes de alimentação redundantes; Possuir pelo menos 1(uma) porta USB para fins de atualização e backup do S.O Mínimo de 20 (vinte) interfaces Gigabit Ethernet 10/100/1000Mbps; A solução deverá ser em appliance, hardware e software integrados; A solução oferecida deve ser contemplada em tecnologia appliance, não sendo aceitas soluções baseadas em sistemas operacionais de uso geral, tais como UNIX, Windows NT, Windows 2003/2008 ou versões do Linux ou BSD; O equipamento deve estar apto para alta disponibilidade, sem a utilização de equipamentos externos, permitindo a utilização dos 2 (dois) appliances, contemplando todos os módulos e licenças para tal funcionalidade, em modo ativo/ativo com balanceamento de carga. Em caso de falha de uma das unidades a outra unidade deverá assumir todas as funcionalidades, não havendo perda de nenhuma das conexões ativas e a transição destas conexões entre as duas unidades deve ser completamente transparente para o usuário final; Equipamento deve ser fornecido com os módulos de memória RAM na capacidade máxima de expansão suportado; Performance mínima de firewall (com tráfego de pacotes largos) de 6.5(seis e meio)gbps; Performance mínima de firewall (com tráfego IMIX) de 2(dois) Gbps; Performance mínima de IPS(intrusion prevention system) de 900(novecentos) Mbps; Performance mínima de Antivírus de 300(trezentos) Mbps; Performance mínima de VPN IPSEC de 1.5(um e meio) Gbps; Suportar pelo menos (quinhentas mil) sessões concorrentes; Suportar pelo menos (vinte mil) conexões por segundo; Permitir configurar e funcionar simultaneamente com três tipos de rede: LAN, WAN e DMZ; Devem ler listadas na proposta todas as licenças necessárias para habilitar todas as funcionalidades descritas neste documento para prazo mínimo de 36 (trinta e seis) meses que é o período de garantia da solução. Caso alguma licença seja de uso perpétuo, o fato também deve ser informado; As licenças deverão habilitar todas as funcionalidades aqui mencionadas, inclusive atualizações dos softwares (sistema operacional), filtro de conteúdo Web, bases de assinaturas IPS e anti-spam; Durante o período de 36 (trinta e seis meses) deverá ser permitido a atualização de quaisquer software (inclusive sistema operacional) integrantes do appliance sem nenhum ônus adicional para o SENAC; 17

18 Possibilidade de renovação de todas as licenças após o final do período de garantia Suportar a configuração de diferentes níveis de administração da ferramenta (no mínimo 3 níveis com privilégios diferentes de acesso); Possuir interface web que permita a configuração de todas as funcionalidades do equipamento (criação/alteração/remoção de regras de bloqueio, NAT/PAT, IPS, VPN, filtro de conteúdo web, anti-spam e anti-malware); A console deverá ser acessível através do protocolo HTTPS; Possuir interface de linha de comando (CLI) para configuração de todas as funcionalidades do equipamento caso não haja console de gerência centralizada instalada; A CLI deverá ser acessível através de protocolo ssh v2 (no mínimo); Implementar aplicação de regras de bloqueio/liberação de pacotes, NAT/PAT, inspeção de intrusão de todo tráfego passante e realizar conexão VPN-IPSEC; Deverá possuir capacidade de adicionamento de rotas estáticas; Deverá possuir capacidade de adicionamento de rotas dinâmicas através dos protocolos RIPv2, BGP e OSPF; Deve possuir capacidade de agregação de links através do protocolo 802.3ad (LACP); Deve suportar o encaminhamento e análise de tráfego em jumbo frame (de até 9000 bytes); Deverá realizar o encaminhamento de pacotes DHCP (DHCP relay); Deverá implementar o protocolo 802.1q, permitindo criação de interfaces (mínimo de 120) para encaminhamento e filtragem de pacotes de diferentes VLAN s através de uma mesma interface; Deve possuir a capacidade de realizar marcação de pacotes (através de DiffServ) e priorização de tráfego; Deve possuir a capacidade de realizar traffic shapping; Deverá possuir mecanismo de prevenção de ataques DoS (Denial of Service) e DDOS (Distributed Denial of Service); Deve possuir mecanismo de proteção de pacotes mal formados; Deve permitir as seguintes ações ao tráfego monitorado: bloquear, permitir, alertar e capturar; Deve possuir a capacidade de identificar e bloquear tráfego de aplicações de mensagens instantâneas e transferência de arquivos do tipo P2P com suporte mínimos às aplicações AOL Instant Messenger, MSN Messenger, Yahoo!Messenger, ICQ, Gnutella, Kazaa, edonkey (mesmo que o tráfego esteja tunelado, por exemplo, através do protocolo http); Possuir suporte a TCP stream reassembly; Permitir configuração de link redundante com prestadora de serviço de internet de backup; Capacidade de criação de regras de bloqueio/permissão de tráfego de dados baseado, no mínimo, em informações de cabeçalho IP (endereço IP origem/destino), informações de cabeçalho TCP (porta TCP de origem/destino), informações de cabeçalho UDP (portas UDP origem/destino); As regras de bloqueio/permissão de tráfego citadas devem suportar criação das mesmas integradas com o Active Direcory, podendo o administrador bloquear/permitir tráfego de usuários e grupos de usuários; 18

19 Gerar informações de log do tráfego de dados, em tempo real, informando quais dados foram aceitos e quais foram bloqueados e para cada registro informar qual regra efetuou o bloqueio/aceitação; Deverá possuir tratamento para as regras de tráfego H.323/SIP; Deverá permitir a visualização, em tempo real, de todas conexões IP, TCP e UDP que se encontram ativas através do firewall, bem como a remoção de qualquer uma destas sessões ou conexões; Realizar as funções do item anterior de modo statefull (armazenando informações de estado dos pacotes); Possuir capacidade de realizar NAT (Network Address Translation) de origem (SNAT) e destino (DNAT) do tipo 1:1, 1:muitos, muitos:1, muitos:muitos e PAT (Port Address Translation) quaisquer pacotes que entram e saem; Permitir criação de NAT/PAT estático e NAT/PAT dinâmico; Deve realizar tratamento de NAT de tráfego H.323 e SIP; Deve implementar pelo menos 8000 (oito mil) políticas de segurança; Deve possuir mecanismo que permita ao administrador verificar se o firewall está fazendo NAT de determinado pacote; Deve possuir capacidade de realizar sniffing do tráfego passante em tempo real para fins de depuração; Deve possuir interface gráfica para a criação de objetos, políticas de bloqueio/liberação de pacotes e regras de NAT (SNAT/DNAT); Deve implementar capacidade de VPN (Virtual Private Network) IPSEC (IP Security) para conexões do tipo client-to-site e site-to-site; Suportar no mínimo 2500 sessões simultâneas de VPN IPSEC com licenciamento perpétuo; Deve implementar no mínimo os métodos de criptografia AES 256bits e 3DES 168bits; Deve suportar autenticação do cliente através de informação de login/senha; Deve suportar autenticação na VPN através de login/senha do Active Directory; Deve suportar autenticação do cliente através de certificados digitais X.509; Deve suportar autenticação do cliente através de servidor RADIUS; Deve suportar topologia tipo estrela ou mesh para conexões site-to-site; Deve possuir sistema de detecção e prevenção de intrusão (IPS) integrado que analise todo tráfego passante; As licenças oferecidas para habilitar o módulo IPS deve ser ofertada com serviço de atualização permanente de filtros de ataques e vulnerabilidades por 36 (trinta e seis) meses (período de garantia do equipamento); Capacidade de monitoração de sessões de rede, atuando em modo stateful inspection, sendo capaz de bloquear ataques ou tráfego não autorizado ou suspeito; Possuir assinaturas de detecção baseadas em vulnerabilidades, permitindo a detecção de ataques desconhecidos e variantes de ataques sem a necessidade de assinaturas específicas; Possuir análise e decodificação de pelo menos 80 protocolos da camada 2 a 7 do modelo de referência OSI; Realizar a detecção de anomalias e validação de protocolos; Possuir a capacidade de decodificação de múltiplos formatos de Unicode; Funcionalidade para bloquear ataques em tempo real; 19

20 O bloqueio de uma tentativa de invasão não deverá afetar os demais usuários, nem fluxos de um mesmo usuário. Apenas o fluxo nocivo deverá ser bloqueado; O sistema deverá possibilitar a atualização automática das assinaturas através de download seguro via Web; Permitir customização de respostas à intrusões e modificação de ações de resposta; Gerar sumários de relatórios das atividades registradas; Fornecer suporte ao gerenciamento de incidentes através de relatórios técnicos e gerenciais pré-definidos, com detalhamento das informações coletadas; Capacidade de enviar alerta via SMTP (envio de s para um ou mais usuários); Capacidade de enviar alertas via SNMP (traps SNMP para o sistema de gerenciamento da rede); Capacidade de gravar todos os eventos em log no próprio equipamento; Possuir ferramentas de configuração com interface gráfica; Deve possuir capacidade de criar/habilitar regras independentes para cada segmento de rede monitorado; Deverá possuir funcionalidade de sistema de antivírus que tenha capacidade de fazer a verificação de tráfego em busca de malwares; Deverá realizar inspeção, no mínimo, nos protocolos HTTP, SMTP, POP3, IMAP e FTP; Deverá possuir funcionalidade de filtro de conteúdo Web; Deverá possuir licenciamento para o funcionamento do módulo de web-filter por pelo menos 36 (trinta e seis) meses; Deverá permitir a customização das listas negras e brancas de URLs; O controle de conteúdo poderá ser definido para cada URL o seu bloqueio, log ou bloqueio e log; Deverá permitir a definição customizada de sites não definidos no banco de URLS Deverá permitir a criação customizadas de URL a partir de registros padrão; Deverá permitir uso do filtro de URL integrado com o Active Directory; Deverá possuir funcionalidade de anti-spam; Deverá possuir licenciamento para o funcionamento do módulo de anti-spam por pelo menos 36 (trinta e seis) meses; Deverá possuir mecanismo de inspeção de tráfego com recurso de detecção e bloqueio anti-spyware, anti-adware e anti-keylogger; Deve possuir capacidade de ser gerenciado pela solução de gerência centralizada do item 2.3; Deve ser do mesmo fabricante da solução de gerenciamento centralizado (item 2.3); Deve possuir capacidade de enviar para a solução de gerência centralizada as informações de log que permitam ao administrador da solução de gerência centralizada realizar a pesquisa por determinadas informações; Será exigido um prazo mínimo de 36 (trinta e seis) meses para garantia de funcionamento; Esse prazo de garantia deverá ser o mesmo caso seja necessária utilização de outros hardwares/softwares da solução; 20

CONCORRÊNCIA SENAC 04/2011 PROJETO DE SOLUÇÃO E FORNECIMENTO DE EQUIPAMENTOS DE SEGURANÇA DO TIPO APPLIANCE DE FIREWALL EDITAL

CONCORRÊNCIA SENAC 04/2011 PROJETO DE SOLUÇÃO E FORNECIMENTO DE EQUIPAMENTOS DE SEGURANÇA DO TIPO APPLIANCE DE FIREWALL EDITAL CONCORRÊNCIA SENAC 04/2011 PROJETO DE SOLUÇÃO E FORNECIMENTO DE EQUIPAMENTOS DE SEGURANÇA DO TIPO APPLIANCE DE FIREWALL 1 EDITAL O Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial SENAC-BA- Administração Regional,

Leia mais

CONVITE Nº 45/2010 EDITAL A PRESENTE LICITAÇÃO SERÁ REGIDA PELA RESOLUCÃO SENAC 845/2006.

CONVITE Nº 45/2010 EDITAL A PRESENTE LICITAÇÃO SERÁ REGIDA PELA RESOLUCÃO SENAC 845/2006. CONVITE Nº 45/2010 EDITAL A PRESENTE LICITAÇÃO SERÁ REGIDA PELA RESOLUCÃO SENAC 845/2006. 1. DA LICITAÇÃO 1.1 O SENAC DR/BA, Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial, Pessoa Jurídica de Direito Privado,

Leia mais

SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO RIO DE JANEIRO SEBRAE/RJ. CONCORRÊNCIA No 01/03 EDITAL DE CREDENCIAMENTO

SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO RIO DE JANEIRO SEBRAE/RJ. CONCORRÊNCIA No 01/03 EDITAL DE CREDENCIAMENTO 1 SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SEBRAE/RJ 1. DA CONVOCAÇÃO: CONCORRÊNCIA No 01/03 EDITAL DE CREDENCIAMENTO SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO

Leia mais

CONVITE Nº 14/2010. DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 01 / 06 / 2010 às 15 horas

CONVITE Nº 14/2010. DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 01 / 06 / 2010 às 15 horas CONVITE Nº 14/2010 DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 01 / 06 / 2010 às 15 horas 01. DISPOSIÇÕES INICIAIS 1.1 O Senac Departamento Nacional torna público que, na Seção de Material,

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 005/2008 M I N U T A

CARTA CONVITE Nº 005/2008 M I N U T A IMPORTANTE : PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA 1ª REGIÃO

CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA 1ª REGIÃO 1 CARTA CONVITE n.º 001/2011 São Paulo, 20 de outubro de 2011. O CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA - 1ª REGIÃO, nos termos da autorização constante no Processo Administrativo em epígrafe, vem, por intermédio

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 002/2010

CARTA CONVITE Nº 002/2010 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS EDITAL DE CARTA CONVITE 027/2015 A PREFEITA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA, torna público, para conhecimento dos interessados, que no dia 20 DE NOVEMBRO DE 2015, às 10 horas, reunirse-á a Comissão Permanente

Leia mais

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF Ref: Aviso de Edital ADG nº 003/2014 publicado em 28/10/2014. 1 1. OBJETO A

Leia mais

1.1 O recebimento dos envelopes dar-se-á até às 14:00h do dia 09 de março de 2010, pela Comissão Permanente de Licitação, no endereço acima citado.

1.1 O recebimento dos envelopes dar-se-á até às 14:00h do dia 09 de março de 2010, pela Comissão Permanente de Licitação, no endereço acima citado. EDITAL DE CARTA CONVITE N 02/2010 CRM-PR OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORIA PARA O DESENVOLVIMENTO E SUPERVISÃO DE PROJETO DE TELEMEDICINA, VIDEOCONFERÊNCIA E EDUCAÇÃO CONTINUADA PARA

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviços de suporte técnico para a Ferramenta de Scanner de Vulnerabilidades de Aplicações Web Acunetix

TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviços de suporte técnico para a Ferramenta de Scanner de Vulnerabilidades de Aplicações Web Acunetix TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviços de suporte técnico para a Ferramenta de Scanner de Vulnerabilidades de Aplicações Web Acunetix, e, atualização de novas versões e das vulnerabilidades detectáveis.

Leia mais

I - LOCAL DE ENTREGA DOS ENVELOPES:

I - LOCAL DE ENTREGA DOS ENVELOPES: EDITAL de LICITAÇÃO MODALIDADE: CARTA CONVITE N.º 17/2013 Data da abertura dos envelopes: Dia: 25/10/2013 Horário: 13:00 horas Data limite para entrega dos envelopes: Dia: 25/10/2013 Horário: 13:00 horas

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 028/2009 M I N U T A

CARTA CONVITE Nº 028/2009 M I N U T A IMPORTANTE : PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JARDIM PAULISTA

Leia mais

CONVITE 25/2010. DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 17 / 08 / 2010 às 15 horas

CONVITE 25/2010. DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 17 / 08 / 2010 às 15 horas CONVITE 25/2010 DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 17 / 08 / 2010 às 15 horas 01. DISPOSIÇÕES INICIAIS 1.1 O Senac Departamento Nacional torna público que, na Seção de Material,

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2.

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2. IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM 03 (TRÊS) DIAS DE ANTECEDENCIA NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP: 01405-001

Leia mais

CONVITE N o 20/2010 DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 16/07/2010 às 15 horas

CONVITE N o 20/2010 DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 16/07/2010 às 15 horas CONVITE N o 20/2010 DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 16/07/2010 às 15 horas 01. DISPOSIÇÕES INICIAIS 1.1 O Senac Departamento Nacional torna público que, na Seção de Material,

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO IICA/NEAD Nº 005/2008 Data: 29/02/2008. EMPRESA CONVIDADA: Telefone: Fax: Endereço: Cidade: Estado:

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO IICA/NEAD Nº 005/2008 Data: 29/02/2008. EMPRESA CONVIDADA: Telefone: Fax: Endereço: Cidade: Estado: SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO IICA/NEAD Nº 005/2008 Data: 29/02/2008 EMPRESA CONVIDADA: Telefone: Fax: Endereço: Cidade: Estado: Prezado (a) Senhor (a), O Projeto de Cooperação para Apoio às Políticas e à Participação

Leia mais

Comunicado Cetip n 007/2015 16 de janeiro de 2015

Comunicado Cetip n 007/2015 16 de janeiro de 2015 Comunicado Cetip n 007/2015 16 de janeiro de 2015 Assunto: Leilão de Alienação de Direitos Sobre Créditos Acumulados de ICMS Módulo de Negociação por Leilão Cetip Net Plataforma Eletrônica. O diretor-presidente

Leia mais

CONVITE Nº 033/2009. DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 09/12/2009 às 14 horas

CONVITE Nº 033/2009. DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 09/12/2009 às 14 horas CONVITE Nº 033/2009 DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 09/12/2009 às 14 horas 01. DISPOSIÇÕES INICIAIS 1.1 O Senac Departamento Nacional torna público que, na Seção de Material,

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA. DIE GIE Documento1 1/12

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA. DIE GIE Documento1 1/12 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA DIE GIE Documento1 1/12 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA OBJETO / ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS / QUANTIDADE 1. OBJETO: 1.1 Aquisição de Firewalls Appliance (hardware dedicado) com throughput

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 023/2009

CARTA CONVITE Nº 023/2009 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO COORDENADORIA-GERAL DE LICITAÇÕES ATENÇÃO

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO COORDENADORIA-GERAL DE LICITAÇÕES ATENÇÃO 1 ATENÇÃO As empresas interessadas em participar deste Convite, deverão passar um fax para a Coordenadoria Geral de Licitação (24) 3339-9038/3339-9071, confirmando a retirada deste edital pela internet.

Leia mais

FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014.

FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014. FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014. Emissão: 09/12/2014. Abertura: 29/12/2014. Horário: 10:00 H. O Fundo de Previdência dos Servidores Municipais

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014

EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014 EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014 O CONSELHO REGIONAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA DA 7ª REGIÃO CREF7/DF, Autarquia Federal, criada pela Lei nº 9.696/98, torna público

Leia mais

ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 07/13 CREMEB

ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 07/13 CREMEB ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 07/13 CREMEB 1 -DO OBJETO Constitui objeto da presente licitação a aquisição de 70 (setenta) licenças de software antivírus coorporativo para

Leia mais

ATO CONVOCATÓRIO 020/2011

ATO CONVOCATÓRIO 020/2011 ATO CONVOCATÓRIO 020/2011 Processo de Contratação de Prestação de Serviço MODALIDADE: CONCORRÊNCIA CRITÉRIO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO E CAPACIDADE TÉCNICA DATA LIMITE PARA ENTREGA DE ORÇAMENTO: 21/07/2011

Leia mais

Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO

Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO Processo...: 8/2015 Modalidade.: Convite Número...: 6/2015

Leia mais

4.1. 15 (quinze) dias após a entrega do equipamento e aceite da respectiva nota Fiscal pelo CONTRATANTE;

4.1. 15 (quinze) dias após a entrega do equipamento e aceite da respectiva nota Fiscal pelo CONTRATANTE; TERMO DE REFERÊNCIA OBJETIVANDO A LOCAÇÃO DE GERADOR JUSTIFICATIVA PARA CONTRATAÇÃO DO SERVIÇO A realização dos eventos RECGASTRÔ Food Truck no Parque e Mercado do Artesão, ambos no Parque Santana, situado

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS RETIFICADA

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS RETIFICADA ANEXO VIII Referente ao Edital de Pregão Presencial nº. 020/2014 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS RETIFICADA Página 1 de 6 Página 1 de 6 OBJETO : Constitui objeto deste Pregão a Aquisição de Sistema Firewall, conforme

Leia mais

CONVITE Nº 11/2010. DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 13 / 05 / 2010 às 15 horas

CONVITE Nº 11/2010. DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 13 / 05 / 2010 às 15 horas CONVITE Nº 11/2010 DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 13 / 05 / 2010 às 15 horas 01. DISPOSIÇÕES INICIAIS 1.1 O Senac Departamento Nacional torna público que, na Seção de Material,

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 013/2007 PROCESSO N.º 1.612/2007

CARTA CONVITE Nº 013/2007 PROCESSO N.º 1.612/2007 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP: 01405-001 - DEPTO DE COMPRAS - 8º ANDAR. Regime

Leia mais

Perguntas e Respostas

Perguntas e Respostas Gerenciamento do Tráfego de Internet Edital de Licitação PREGÃO PRESENCIAL Nº 34/2010 Processo SAP nº 4180/2010 Perguntas e Respostas Página 1 /15 Pergunta n o 1: Os dispositivos de filtro de conteúdo

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE CARTA CONVITE N.º 006/2006

EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE CARTA CONVITE N.º 006/2006 2 EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE CARTA CONVITE N.º 006/2006 TIPO: DATA DE ABERTURA HORÁRIO LOCAL MENOR PREÇO 04/12/2006 10 HORAS SALA DE REUNIÃO 1 - DO OBJETO DA LICITAÇÃO 1.1 A COMISSÃO PERMANNTE DE LICITAÇÃO

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG)

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG) COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG) NORMAS DE CREDENCIAMENTO PARA INSTITUIÇÕES BANCÁRIAS 1. DA FINALIDADE

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICIPIO DE ITATIBA DO SUL COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS N 003/2013

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICIPIO DE ITATIBA DO SUL COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS N 003/2013 EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS N 003/2013 O Município de Itatiba do Sul, Estado do Rio Grande do Sul, torna público para o conhecimento dos interessados, que em conformidade com a Lei Federal n.º 8.666/93

Leia mais

Projeto n 14593/2014 - Escritório Nacional do CATAFORTE - Negócios Sustentáveis em Redes Solidárias COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 06/2015

Projeto n 14593/2014 - Escritório Nacional do CATAFORTE - Negócios Sustentáveis em Redes Solidárias COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 06/2015 Projeto n 14593/2014 - Escritório Nacional do CATAFORTE - Negócios Sustentáveis em Redes Solidárias COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 06/2015 1. PREÂMBULO O CEADEC - Centro de Estudos e Apoio ao Desenvolvimento,

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 3ª Região (SP, MS)

CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 3ª Região (SP, MS) CARTA CONVITE Nº: 008/2013. São Paulo, 04 de junho de 2.013. Processo n.º 042-05/2013 Tipo: MENOR PREÇO Firma: A/C: E-mail: Convidamos a referida empresa a apresentar proposta para atendimento do objeto

Leia mais

EDITAL DE TOMADA DE PREÇO N.º 004/2015. Objeto

EDITAL DE TOMADA DE PREÇO N.º 004/2015. Objeto EDITAL DE TOMADA DE PREÇO N.º 004/2015 O Município de Benjamin Constant do Sul - RS, em conformidade com a Lei Federal n.º 8.666/93 e suas alterações, torna público para conhecimento dos interessados a

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Convite nº 081/2007 Fls.

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Convite nº 081/2007 Fls. Convite nº 081/2007 Fls. 1 CARTA CONVITE Processo nº 11784/05 Convite nº 081/2007 Entrega Envelopes até o dia: 15 de junho de 2007, às 14h00. Abertura Envelopes dia: 15 de junho de 2007, às 14h30. A COMISSÃO

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS ANEXO VIII Referente ao Edital de Pregão Presencial nº. 020/2014 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Página 1 de 6 Página 1 de 6 1. OBJETO: 1.1. Constitui objeto deste pregão a AQUISIÇÃO DE SISTEMA FIREWALL, conforme

Leia mais

Estado do Amazonas PREFEITURA MUNICIPAL DE TONANTINS CNPJ: 04.628.608/0001-16 Endereço: Rua Leopoldo Peres, s/n Centro, Tonantins AM

Estado do Amazonas PREFEITURA MUNICIPAL DE TONANTINS CNPJ: 04.628.608/0001-16 Endereço: Rua Leopoldo Peres, s/n Centro, Tonantins AM EDITAL CONVITE Nº 002/2015 1 PREÂMBULO 1.1. A, através da COMISSÃO MUNICIPAL DE LICITAÇÃO CML, adiante denominada simplesmente CML, CONVIDA essa firma para participar do certame licitatório, na modalidade

Leia mais

Termo de Referência. Aquisição de servidores para camada de banco de dados. Diretoria de Infra-Estrutura de TIC DIT

Termo de Referência. Aquisição de servidores para camada de banco de dados. Diretoria de Infra-Estrutura de TIC DIT Termo de Referência Aquisição de servidores para camada de banco de dados. Termo de Referência Aquisição de Servidores Tipo 1A-1B para camada de Banco de Dados / Alta Disponibilidade RQ DEPI nº 11/2009

Leia mais

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO COORDENADORIA-GERAL DE LICITAÇÕES ATENÇÃO

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO COORDENADORIA-GERAL DE LICITAÇÕES ATENÇÃO 1 ATENÇÃO As empresas interessadas em participar deste Convite, deverão passar um fax para a Coordenadoria Geral de Licitação (24) 3339-9038/3339-9071 ou email cgl@vr.rj.gov.br, confirmando a retirada

Leia mais

PROCESSO Nº. 650081044 EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº. 060/2011 RECEBIMENTO DAS PROPOSTAS DE CREDENCIAMENTO

PROCESSO Nº. 650081044 EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº. 060/2011 RECEBIMENTO DAS PROPOSTAS DE CREDENCIAMENTO PROCESSO Nº. 650081044 EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº. 060/2011 RECEBIMENTO DAS PROPOSTAS DE CREDENCIAMENTO Data: A partir do dia 22/06/2011 Local: FAPEU SETOR DE LICITAÇÃO (Campus Universitário s/nº, Trindade,

Leia mais

ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 04/14 CREMEB

ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 04/14 CREMEB ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 04/14 CREMEB 1 - DO OBJETO Constitui objeto da presente licitação a aquisição de: 1.1-08 (oito) LICENÇAS modalidade MICROSOFT OPEN, sendo: 01

Leia mais

CONSULTA PÚBLICA Nº 002/2015. Objeto: TI SECURE WEB GATEWAY, SERVIÇO DE INSTALAÇÃO E TREINAMENTO

CONSULTA PÚBLICA Nº 002/2015. Objeto: TI SECURE WEB GATEWAY, SERVIÇO DE INSTALAÇÃO E TREINAMENTO CONSULTA PÚBLICA Nº 002/2015 TI SECURE WEB GATEWAY, SERVIÇO DE INSTALAÇÃO E TREINAMENTO ESCLARECIMENTOS AOS QUESTIONAMENTOS APRESENTADOS PELAS EMPRESAS INTERESSADAS País: BRASIL Nome do Projeto: PLANO

Leia mais

CRITÉRIO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO E QUALIDADE DO PRODUTO. DATA LIMITE PARA ENTREGA DE ORÇAMENTO: 30 de setembro de 2013

CRITÉRIO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO E QUALIDADE DO PRODUTO. DATA LIMITE PARA ENTREGA DE ORÇAMENTO: 30 de setembro de 2013 ATO CONVOCATÓRIO 35/2013 Processo de Contratação de Empresa Prestadora de Serviços MODALIDADE: CONCORRÊNCIA ESPECIAL CRITÉRIO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO E QUALIDADE DO PRODUTO DATA LIMITE PARA ENTREGA

Leia mais

É desejável que o Proponente apresente sua proposta para ANS considerando a eficiência e conhecimento do seu produto/serviço.

É desejável que o Proponente apresente sua proposta para ANS considerando a eficiência e conhecimento do seu produto/serviço. 1 Dúvida: PROJETO BÁSICO Item 4.1.1.1.2 a) Entendemos que o Suporte aos usuários finais será realizado pelo PROPONENTE através de um intermédio da CONTRATANTE, que deverá abrir um chamado específico para

Leia mais

CRITÉRIO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO E CAPACIDADE TÉCNICA/QUALIDADE DO PRODUTO

CRITÉRIO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO E CAPACIDADE TÉCNICA/QUALIDADE DO PRODUTO ATO CONVOCATÓRIO 025-23 Processo de Compra de Equipamentos e Prestação de Serviço MODALIDADE: CONCORRÊNCIA CRITÉRIO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO E CAPACIDADE TÉCNICA/QUALIDADE DO PRODUTO DATA LIMITE PARA

Leia mais

ATO CONVOCATÓRIO 21/2013. Processo para Contratação de Empresa Prestadora de Serviço

ATO CONVOCATÓRIO 21/2013. Processo para Contratação de Empresa Prestadora de Serviço ATO CONVOCATÓRIO 21/2013 Processo para Contratação de Empresa Prestadora de Serviço MODALIDADE: CONCORRÊNCIA CRITÉRIO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO E CAPACIDADE TÉCNICA DATA LIMITE PARA ENTREGA DE ORÇAMENTO:

Leia mais

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL 1. DA ENTREGA DA DOCUMENTAÇÃO 1.1. Os interessados em se inscrever e/ou renovar o Registro Cadastral junto ao GRB deverão encaminhar a documentação a seguir estabelecida,

Leia mais

CONVITE Nº 017/2006 Processo nº 05351/2006

CONVITE Nº 017/2006 Processo nº 05351/2006 CONVITE Nº 017/2006 Processo nº 05351/2006 O Tribunal de Contas do Estado do Tocantins, por intermédio da Comissão Permanente de Licitação, instituída pelas Portarias nº 1.262, de 14 de dezembro de 2005

Leia mais

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO VII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 033/2015 Termo de Referência 1. OBJETO Renovação de licenças de Solução Corporativa do Antivírus Avast, com serviço de suporte técnico e atualização de versão, manutenção

Leia mais

DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES LICITAÇÃO MODALIDADE TOMADA DE PREÇOS MENOR PREÇO EDITAL Nº 001/2009 TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2009

DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES LICITAÇÃO MODALIDADE TOMADA DE PREÇOS MENOR PREÇO EDITAL Nº 001/2009 TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2009 DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES LICITAÇÃO MODALIDADE TOMADA DE PREÇOS MENOR PREÇO ORIGEM DA TOMADA DE PREÇOS: EDITAL Nº 001/2009 TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2009 - PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 2009.40.38.00182

Leia mais

PESQUISA DE PREÇO DE MERCADO Nº 001/2015 TIPO: MENOR PREÇO

PESQUISA DE PREÇO DE MERCADO Nº 001/2015 TIPO: MENOR PREÇO PESQUISA DE PREÇO DE MERCADO Nº 001/2015 TIPO: MENOR PREÇO O INSTITUTO PATRÍCIA GALVÃO, inscrito no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica do Ministério da Fazenda sob o nº CNPJ 05.408.004/0001-27, associação

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA Nº 10/2014, REFERENTE AO CONVÊNIO SICONV Nº 794450/2013

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA Nº 10/2014, REFERENTE AO CONVÊNIO SICONV Nº 794450/2013 TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA Nº 10/2014, REFERENTE AO CONVÊNIO SICONV Nº 794450/2013 O Instituto Tribos Jovens, associação civil sem fins lucrativos, com sede em Porto Seguro/BA, na Rua Saldanha

Leia mais

ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA

ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA CONCORRÊNCIA DIRAT/CPLIC 001/2007 1 ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA ESTABELECE, RESPONSABILIDADES DIVERSAS, TIPOS E HORÁRIO DE COBERTURA DE SUPORTE, E DEMAIS RESPONSABILIDADES DA CONTRATADA RELATIVAS

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2006

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2006 ! " TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2006 PROCESSO Nº 1.825/2005 Regime Jurídico: Lei nº 8.666/93, alterações e normas complementares Tipo de Licitação: MENOR PREÇO Modalidade: TOMADA DE PREÇOS O CONSELHO REGIONAL

Leia mais

EDITAL DE CHAMAMENTO PARA COTAÇÃO DE PREÇO

EDITAL DE CHAMAMENTO PARA COTAÇÃO DE PREÇO EDITAL DE CHAMAMENTO PARA COTAÇÃO DE PREÇO O Secretário Municipal de Saúde do Município de Araucária, Estado do Paraná, torna público, para conhecimento de todos os interessados, o CHAMAMENTO PÚBLICO,

Leia mais

CONVITE: 003 /08 DE 19 DEFEVEREIRO DE 2008 ENCERRAMENTO e ABERTURA: - 06 DE MARÇO DE 2008-10:00 h

CONVITE: 003 /08 DE 19 DEFEVEREIRO DE 2008 ENCERRAMENTO e ABERTURA: - 06 DE MARÇO DE 2008-10:00 h CONVITE: 003 /08 DE 19 DEFEVEREIRO DE 2008 ENCERRAMENTO e ABERTURA: - 06 DE MARÇO DE 2008-10:00 h 1.0.OBJETO 1.1 Contratação de Empresa Especializada para Locação, Implantação, Treinamento de Pessoal e

Leia mais

AV. BRASÍLIA, 1057 FONE: 054-3356 1244. Edital de Licitação

AV. BRASÍLIA, 1057 FONE: 054-3356 1244. Edital de Licitação Edital de Licitação Modalidade.:Tomada de Preço Numero...:0006/15 DATA DA ABERTURA DA LICITAÇÃO: 11/02/2015 DATA ABERTURA DAS PROPOSTAS..: 04/03/2015 HORARIO...: 14:00 Fornecedor.: Endereço...: CGCMF...:

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 002/2015

PROCESSO SELETIVO Nº 002/2015 PROCESSO SELETIVO Nº 002/2015 INSTITUTO DE GESTÃO EM SAÚDE INSTITUTO GERIR, Associação sem fins lucrativos, inscrito no CNPJ sob o nº 14.963.977/0001-19, qualificado como Organização Social pelo Estado

Leia mais

Termo de Referência. (Storage) do ambiente de Migração, composta pelo do subsistema de disco IBM DS8300.

Termo de Referência. (Storage) do ambiente de Migração, composta pelo do subsistema de disco IBM DS8300. Termo de Referência Expansão da solução s de armazenamento (Storage) do ambiente de Migração, composta pelo do subsistema de disco IBM DS8300. Termo de Referência Expansão da solução de armazenamento do

Leia mais

1 de 5 Firewall-Proxy-V4 :: MANTENDO O FOCO NO SEU NEGÓCIO ::

1 de 5 Firewall-Proxy-V4 :: MANTENDO O FOCO NO SEU NEGÓCIO :: 1 de 5 Firewall-Proxy-V4 D O C U M E N T A Ç Ã O C O M E R C I A L FIREWALL, PROXY, MSN :: MANTENDO O FOCO NO SEU NEGÓCIO :: Se o foco do seu negócio não é tecnologia, instalar e manter por conta própria

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE COMPRA DE PRODUTOS PELA KSR AUTOMOTIVE INDÚSTRIA DO BRASIL LTDA.

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE COMPRA DE PRODUTOS PELA KSR AUTOMOTIVE INDÚSTRIA DO BRASIL LTDA. TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE COMPRA DE PRODUTOS PELA KSR AUTOMOTIVE INDÚSTRIA DO BRASIL LTDA. 1 ÍNDICE GERAL 1 OBJETO 3 2 SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO E PROPOSTA COMERCIAL 3 3 PEDIDO DE COMPRA E AUTORIZAÇÃO

Leia mais

DISPENSA DE LICITAÇÃO ELETRÔNICA Nº. 18319

DISPENSA DE LICITAÇÃO ELETRÔNICA Nº. 18319 Processo nº. 200910267000429 Data da Realização: 09/12/2009 Horário: 09:00 horas Local: www.comprasnet.go.gov.br DISPENSA DE LICITAÇÃO ELETRÔNICA Nº. 18319 A FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA DO ESTADO DE

Leia mais

ENDEREÇO: CIDADE: ESTADO:

ENDEREÇO: CIDADE: ESTADO: CONVIDADO / CGC: CARTA CONVITE CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA DE TELECOMUNICAÇÕES E COMUNICAÇÃO DE DADOS PARA A PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE FRAME-RELAY PARA CONECTIVIDADE DA REDE DE DADOS DO À DO SERPRO.

Leia mais

Segurança na Rede Local Redes de Computadores

Segurança na Rede Local Redes de Computadores Ciência da Computação Segurança na Rede Local Redes de Computadores Disciplina de Desenvolvimento de Sotware para Web Professor: Danilo Vido Leonardo Siqueira 20130474 São Paulo 2011 Sumário 1.Introdução...3

Leia mais

Comissão Permanente de Licitações TERMO DE COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇOS N.º 25/2014 CO. 29106

Comissão Permanente de Licitações TERMO DE COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇOS N.º 25/2014 CO. 29106 TERMO DE COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇOS N.º 25/2014 CO. 29106 A PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA, órgão administrativo do MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, torna público que realizará COTAÇÃO

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 017/2014 UnC PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO CIVIL E AFINS CAMPUS CONCÓRDIA SC.

CARTA CONVITE Nº 017/2014 UnC PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO CIVIL E AFINS CAMPUS CONCÓRDIA SC. 1 CARTA CONVITE Nº 017/2014 UnC PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO CIVIL E AFINS CAMPUS CONCÓRDIA SC. 1 - PREÂMBULO 1.1 - A Fundação Universidade do Contestado, através do seu Departamento de Compras,

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM TRANSPORTE DE VALORES.

TERMO DE REFERÊNCIA OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM TRANSPORTE DE VALORES. TERMO DE REFERÊNCIA OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM TRANSPORTE DE VALORES. JUSTIFICATIVA O Museu do Amanhã será uma das âncoras do plano de revitalização da região portuária da cidade

Leia mais

1. Alterar os itens 1.3, 1.3.1, 1.5 e 1.5.1 e acrescentar item 1.3.2 da Cláusula Primeira do Contrato, com a seguinte redação:

1. Alterar os itens 1.3, 1.3.1, 1.5 e 1.5.1 e acrescentar item 1.3.2 da Cláusula Primeira do Contrato, com a seguinte redação: PRIMEIRO ADITIVO AO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS E FORNECIMENTO DE INFRA-ESTRUTURA DE ACESSO A SERVIÇOS INTERNET DE BANDA ESTREITA DIAL PROVIDER Pelo presente instrumento particular, de um lado, na

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 004/2012

PROCESSO SELETIVO Nº 004/2012 PROCESSO SELETIVO Nº 004/2012 O Instituto de Gestão e Humanização IGH, torna público para conhecimento dos interessados, que fará realizar Processo Seletivo objetivando a contratação de serviços de Coleta,

Leia mais

DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: 41.20.02 MOBILIÁRIO EM GERAL - R$ 16.000,00 (Dezesseis mil reais).

DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: 41.20.02 MOBILIÁRIO EM GERAL - R$ 16.000,00 (Dezesseis mil reais). PROCESSO N.º 003/2013 LICITAÇÃO Nº 003/2013-CONVITE TIPO: MENOR PREÇO POR LOTE À EMPRESA: ENDEREÇO: O Conselho Regional de Administração-CRA, através de sua Comissão Permanente de Licitação, nos termos

Leia mais

EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº 001/2014 PROCESSO Nº 001/2014

EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº 001/2014 PROCESSO Nº 001/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº 001/2014 PROCESSO Nº 001/2014 Encerramento: às 17:00 horas do dia 30 de setembro de 2014 Abertura dos Envelopes: às 8:00 horas do dia 01 de outubro de 2014 A SANTA CASA DE

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE IPIRANGA DO SUL Estado do Rio Grande do Sul Rua do Comércio, 124 IPIRANGA DO SUL RS EDITAL DE LICITAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE IPIRANGA DO SUL Estado do Rio Grande do Sul Rua do Comércio, 124 IPIRANGA DO SUL RS EDITAL DE LICITAÇÃO EDITAL DE LICITAÇÃO Modalidade...: Tomada de Preços Número...: 008/2014 Número da Modalidade: 003/2014 Data de Abertura da Licitação...: 20/02/2014 Data de Abertura das Propostas..: 14/03/2014 Horário...:

Leia mais

EDITAL ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS - ABAS CONVITE Nº 003/2008

EDITAL ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS - ABAS CONVITE Nº 003/2008 EDITAL ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS - ABAS CONVITE Nº 003/2008 Ref.: Convênio n 001/2008: Convênio celebrado entre a Agência Nacional de Águas - ANA e Associação Brasileira de Águas Subterrâneas

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. 1. Objeto. 2. Antecedentes. 3. Objeto da Licitação

TERMO DE REFERÊNCIA. 1. Objeto. 2. Antecedentes. 3. Objeto da Licitação TERMO DE REFERÊNCIA 1. Objeto 1.1. Contratação de empresa especializada em auditoria de tecnologia da informação e comunicações, com foco em segurança da informação na análise de quatro domínios: Processos

Leia mais

CNPJ: 25.466.087/0001-18 ATO CONVOCATÓRIO EDITAL DE CONCORRÊNCIA ESPECIAL Nº PCGV 2011030011

CNPJ: 25.466.087/0001-18 ATO CONVOCATÓRIO EDITAL DE CONCORRÊNCIA ESPECIAL Nº PCGV 2011030011 ATO CONVOCATÓRIO EDITAL DE CONCORRÊNCIA ESPECIAL Nº PCGV 2011030011 1 PREÂMBULO. O INSTITUTO DE COOPERAÇÃO E EDUCAÇÃO AO DESENVOLVIMENTO (INCED) é instituição qualificada como Organização da Sociedade

Leia mais

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DE RONDÔNIA SENAR-AR/RO CNPJ Nº. 04.293.236/0001-14

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DE RONDÔNIA SENAR-AR/RO CNPJ Nº. 04.293.236/0001-14 AVISO DE LICITAÇÃO O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural Administração Regional de Rondônia SENAR-AR/RO, comunica aos interessados que no dia 11/11/2010, ás 09:30 hs, ocorrerá a ABERTURA DOS ENVELOPES

Leia mais

Av. Presidente Vargas, 1261 CEP: 20071-004 - Centro - Rio de Janeiro Tel: +55 (21) 2532-2661

Av. Presidente Vargas, 1261 CEP: 20071-004 - Centro - Rio de Janeiro Tel: +55 (21) 2532-2661 TERMO DE REFERÊNCIA OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PROJETO DOS SISTEMAS DE CFTV DA BIBLIOTECA PARQUE ESTADUAL DE MANGUINHOS BPM JUSTIFICATIVA A Biblioteca Parque Estadual de Manguinhos é um

Leia mais

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DO ESTADO DE SANTA CATARINA

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DO ESTADO DE SANTA CATARINA CARTA CONVITE N 005/2015 SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL - ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DE SANTA CATARINA - SENAR-AR/SC Edital de Convite nº. 005/2015 1 - Preâmbulo 1.1 - O Serviço Nacional de Aprendizagem

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I

TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I. OBJETO.. Aquisição de memórias para servidores corporativos da Seção Judiciária do Espírito Santo. 2. ESPECIFICAÇÕES MÍNIMAS Lote Módulo de Memória de 52 Megabytes para servidores

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 01/2011

CARTA CONVITE Nº 01/2011 CARTA CONVITE Nº 01/2011 O CONSELHO REGIONAL DE FISIOTERAPIA E TERAPIA OCUPACIONAL DA 10ª REGIÃO CREFITO-10, Estado de Santa Catarina, através de sua Comissão Permanente de Licitação, designada pela Portaria

Leia mais

Conselho Regional de Economia da Paraíba 21ª Região

Conselho Regional de Economia da Paraíba 21ª Região EDITAL DE LICITAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE CONTADOR PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS CONTÁBEIS E DE ASSESSORIA CONTÁBIL PARA O CONSELHO REGIONAL DE ECONOMIA 21ª REGIÃO PARAÍBA CONVITE Nº 002/2016

Leia mais

confinados, sala de máquinas, berços pátios de estocagem, pátios de armazenamento, galpões, áreas externas, sistemas de esgoto.

confinados, sala de máquinas, berços pátios de estocagem, pátios de armazenamento, galpões, áreas externas, sistemas de esgoto. TERMO DE REFERÊNCIA OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE CONTROLE DE VETORES E PRAGAS A SER EXECUTADO NO MUSEU DO AMANHÃ. JUSTIFICATIVA O Museu do Amanhã será

Leia mais

PROJETO BÁSICO PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS ACADÊMICOS NA ÁREA DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA

PROJETO BÁSICO PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS ACADÊMICOS NA ÁREA DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA PROJETO BÁSICO PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS ACADÊMICOS NA ÁREA DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA IMPLEMENTAÇÃO DE PROJETO DE CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO LATU SENSO EM EFICIÊNCIA ENERGÉTICA PARA COMPOR O PROGRAMA DE EFICIÊNCIA

Leia mais

PREGÃO SESC/AN Nº 15/0072 PG EDITAL

PREGÃO SESC/AN Nº 15/0072 PG EDITAL PREGÃO SESC/AN Nº 15/0072 PG EDITAL O SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO ADMINISTRAÇÃO NACIONAL, entidade de direito privado, sem fins lucrativos, comunica a realização de licitação na modalidade PREGÃO ELETRÔNICO,

Leia mais

CRITÉRIO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO E CAPACIDADE TÉCNICA/QUALIDADE DO PRODUTO. DATA LIMITE PARA ENTREGA DE ORÇAMENTO: 16 de setembro de 2014

CRITÉRIO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO E CAPACIDADE TÉCNICA/QUALIDADE DO PRODUTO. DATA LIMITE PARA ENTREGA DE ORÇAMENTO: 16 de setembro de 2014 ATO CONVOCATÓRIO 13/2014 Processo de Compra de Materiais MODALIDADE: CONCORRÊNCIA CRITÉRIO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO E CAPACIDADE TÉCNICA/QUALIDADE DO PRODUTO DATA LIMITE PARA ENTREGA DE ORÇAMENTO: 16

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS EDITAL Nº 008/2015

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS EDITAL Nº 008/2015 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS EDITAL Nº 008/2015 CONVÊNIO Nº: 812779/2014 SDH/PR PROCESSO LICITATÓRIO Nº: 012/2015 TIPO: Cotação prévia de preços / Menor preço OBJETO: Contratação de Seguro contra Acidentes

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO

CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO PROCESSO Nº 003/2014 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO DATA: 22/08/2014 HORÁRIO: 10h00min LOCAL: Universidade de Brasília Campus Universitário Darcy Ribeiro Edifício

Leia mais

SP 22/2010-DF/DVCA-20 TOMADA DE PREÇOS PROCESSO 04.001301.10.48 ÍNDICE. PARTE I - Normas Especiais. PARTE II - Normas Gerais

SP 22/2010-DF/DVCA-20 TOMADA DE PREÇOS PROCESSO 04.001301.10.48 ÍNDICE. PARTE I - Normas Especiais. PARTE II - Normas Gerais SP 22/2010-DF/DVCA-20 TOMADA DE PREÇOS PROCESSO 04.001301.10.48 ÍNDICE ADVERTÊNCIAS PARTE I - Normas Especiais PARTE II - Normas Gerais ANEXO I - a) Planilha Orçamentária b) Especificação Técnica Material

Leia mais

EEEP PROFESSOR GUSTAVO AUGUSTO LIMA E-mail: eeepgustavolima@escola.ce.gov.br Lavras da Mangabeira Ceará

EEEP PROFESSOR GUSTAVO AUGUSTO LIMA E-mail: eeepgustavolima@escola.ce.gov.br Lavras da Mangabeira Ceará MINUTA DO CONVITE Nº 030/2014. Natureza da Despesa: SERVIÇOS PESSOA JURÍDICA 3390390091 - REPASSE PARA MANUTENÇÃO DE ESCOLAS Data de Emissão: 29/09/2013 Data da Licitação: 09/10/2014 Hora da Licitação:

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE ARROIO DOS RATOS Departamento de Compras e Licitações

Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE ARROIO DOS RATOS Departamento de Compras e Licitações EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE Nº. 006/2014 O MUNICÍPIO DE ARROIO DOS RATOS, através da Secretaria Municipal de Administração, sito o Largo do Mineiro, Nº. 195, torna público que estará realizando licitação

Leia mais

OFERTA PÚBLICA DE COMPRA E VENDA DE ENERGIA ELÉTRICA

OFERTA PÚBLICA DE COMPRA E VENDA DE ENERGIA ELÉTRICA OFERTA PÚBLICA DE COMPRA E VENDA DE ENERGIA ELÉTRICA EDITAL DE LEILÃO - CGTEE Nº 002/2014 OFERTA PÚBLICA DE COMPRA E VENDA DE ENERGIA ELÉTRICA EDITAL DE LEILÃO CGTEE Nº 002/2014 1. CONSIDERAÇÕES INICIAIS

Leia mais

PROAPPS Security Data Sheet Professional Appliance / Apresentação

PROAPPS Security Data Sheet Professional Appliance / Apresentação O ProApps Security O ProApps Security é um componente da suíte de Professional Appliance focada na segurança de sua empresa ou rede. A solução pode atuar como gateway e como solução IDS/IPS no ambiente.

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 016/2008

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 016/2008 CENTRO DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 016/2008 Anexo II 1 DO OBJETO 1.1 - Prestação de serviços de suporte técnico assistido

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 10/2008

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 10/2008 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 10/2008 ATA DO REGISTRO DE PREÇOS CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DO RAMO DE PRESTAÇÃO DE

Leia mais

Edital de Credenciamento 003/2012

Edital de Credenciamento 003/2012 1/5 Edital de Credenciamento 003/2012 1 DO OBJETO: 1.1. O presente Termo tem por objetivo o credenciamento de Instituições Financeiras autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil, para prestação

Leia mais

TERMO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO 769/CIENTEC/2013

TERMO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO 769/CIENTEC/2013 TERMO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO 769/CIENTEC/2013 1. DO TERMO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO 1.1 A Fundação de Ciência e Tecnologia, torna público o presente Termo de Dispensa de Licitação, autorizada no expediente

Leia mais