REGULAMENTO DE CREDENCIAMENTO DE PESSOAS JURÍDICAS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS DE CONSULTORIA, INSTRUTORIA EM PROJETOS.

Save this PDF as:
Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REGULAMENTO DE CREDENCIAMENTO DE PESSOAS JURÍDICAS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS DE CONSULTORIA, INSTRUTORIA EM PROJETOS."

Transcrição

1 REGULAMENTO DE CREDENCIAMENTO DE PESSOAS JURÍDICAS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS DE CONSULTORIA, INSTRUTORIA EM PROJETOS. TOLEDO-PR

2 Página 2 de 6 1. OBJETIVO 1.1 O presente regulamento objetiva efetivar o Credenciamento de Pessoas Jurídicas que indicarão profissionais para integrar o Cadastro de Consultores e Instrutores do INSTITUTO MAYTENUS, para prestação de serviços nas áreas de conhecimento inerentes aos objetivos sociais do INSTITUTO MAYTENUS. 2. CONDIÇÕES PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS 2.1. Podem prestar serviços ao INSTITUTO MAYTENUS pessoas jurídicas legalmente constituídas no País, operando nos termos da legislação vigente, cuja finalidade e ramo de atuação estejam em consonância com o objetivo deste Credenciamento Profissionais que ainda não estejam vinculados a empresas ou que pertençam a empresas cuja natureza não permita a prestação de serviços de instrutoria e consultoria poderão fazer sua inscrição e participar do processo de avaliação da capacidade técnica, tendo ciência de que a prestação de serviços somente poderá ocorrer após a regularização da atividade empresarial A participação neste Credenciamento implica na aceitação integral e irrestrita das condições estabelecidas neste regulamento. 3. ETAPAS DO PROCESSO DE CREDENCIAMENTO 3.1. O processo de credenciamento se dará de acordo com as seguintes etapas: 1ª etapa: Inscrição 2ª etapa: Seleção dos profissionais 3ª etapa: Formalização do contrato de prestação de serviços 3.2. Para participar da primeira e segunda etapas do processo de credenciamento o profissional não precisa ter empresa constituída porém, se aprovado no processo seletivo, deve constituir empresa visto que este Credenciamento visa o credenciamento de pessoas jurídicas. 4. PRIMEIRA ETAPA: INSCRIÇÃO 4.1. O profissional que desejar prestar serviços ao INSTITUTO MAYTENUS na condição de instrutor ou consultor deverá manifestar sua intenção entregando ao INSTITUTO MAYTENUS, no endereço mencionado no Preâmbulo, os seguintes documentos: a) Ficha de Inscrição Preenchida b) Curriculum Vitae impresso e assinado; c) Cópia dos diplomas de graduação, pós-graduação, especialização, mestrado e/ou doutorado e certificados de cursos; d) Relato de sua experiência profissional; e) Declaração do profissional conforme modelo em anexo (1); (elaborar modelo). f) Cópia dos seguintes documentos pessoais: Carteira de identidade; Cadastro da Pessoa Física - CPF É imprescindível a assinatura do profissional ao final do seu currículo pois, tratasse de declaração de veracidade dos dados relatados na experiência profissional em substituição a documentos comprobatórios. 5. SEGUNDA ETAPA: PROCESSO DE SELEÇÃO

3 Página 3 de A avaliação do profissional candidato somente ocorre quando o INSTITUTO MAYTENUS necessita do tipo de serviço que o profissional pretende prestar no que diz respeito à natureza da atividade: instrutoria ou consultoria, assim como na área de conhecimento para a(s) qual(ais) buscou credenciamento O INSTITUTO MAYTENUS entra em contato por Carta Registrada com Aviso de Recebimento convocando os profissionais inscritos, de acordo com a demanda específica para aumentar o quadro de consultores ou instrutores A avaliação dos candidatos ocorre em duas fases eliminatórias: Primeira fase: Avaliação de conhecimento técnico; A avaliação do conhecimento técnico do candidato é feita a partir da análise da experiência anterior relatada no currículo, da análise do relato de experiência entregue no ato da inscrição e de outros instrumentos como entrevista técnica ou prova escrita de conhecimento específico Segunda fase: Avaliação de habilidades e atitudes A avaliação de habilidades e atitudes é realizada por meio de atividades práticas e presenciais e tem como objetivo identificar o perfil profissional adequado a prestar serviços inerentes aos objetivos sociais do INSTITUTO MAYTENUS (ver Estatuto Social em ) A avaliação será realizada por Comissão de Avaliação e/ou por profissionais designados pelo Conselho Diretor do Instituto Maytenus Após a comunicação dos resultados de qualquer uma das fases de avaliação, o candidato, poderá solicitar, por escrito, esclarecimento no prazo de dois dias úteis a contar da data de comunicação de seus resultados. 6. TERCEIRA ETAPA: FORMALIZAÇÃO DA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS 6.1. A documentação da Pessoa Jurídica é entregue somente pelos candidatos aprovados no processo de seleção Os profissionais aprovados no processo de seleção são convocados a entregar ao INSTITUTO MAYTENUS os documentos, a seguir listados, para proceder à formalização do contrato de prestação de serviços DOCUMENTOS PARA HABILITAÇÃO JURÍDICA Ato constitutivo, Estatuto ou Contrato Social e sua última alteração, devidamente registrados, em se tratando de Sociedades Empresariais, e, no caso de sociedades por ações, acompanhado de documento de eleição de seus administradores; ou Inscrição do Ato Constitutivo, no caso de Sociedades Civis acompanhada de prova de diretoria em exercício; Alteração onde conste o nome do (s) atual (ais) responsável (eis) legal (ais) da imprensa, caso não conste em nenhum dos documentos acima referidos Caso o profissional tenha vínculo empregatício com a empresa, deverá comprová-lo por meio de fotocópia autenticada da CTPS (folha de identificação e folha onde consta o registro). O registro deve ser de função/cargo compatível com a habilidade requerida no

4 Página 4 de 6 edital DOCUMENTOS DE REGULARIDADE FISCAL PESSOA JURÍDICA Prova de inscrição no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas CNPJ com validade igual ou posterior à data de entrega Prova de inscrição no Cadastro de Contribuintes Municipal, relativo ao domicílio ou sede da empresa, pertinente ao seu ramo de atividade e compatível com o objeto contratual Provas de regularidade para com a Fazenda Municipal, com validade igual ou posterior à data de entrega Prova de regularidade relativa à Seguridade Social (Certidão Negativa de Débito CND), demonstrando situação regular no cumprimento de obrigações previdenciárias, expedida pelo INSS, com prazo de validade igual ou posterior à data de entrega Provas de regularidade para com a Fazenda Federal, com validade igual ou posterior à data de entrega: a) Certidão de Regularidade de Tributos Federais; b) Certidão de Regularidade de Dívida Ativa Prova de regularidade junto ao FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) emitida pela Caixa Econômica Federal, com validade igual ou posterior à data de entrega Toda a documentação poderá ser apresentada em fotocópias, inclusive os documentos obtidos via Internet, observado o seu prazo de validade Em nenhuma hipótese será permitida a apresentação de protocolos, em substituição os documentos exigidos Todos os documentos deverão estar dentro do prazo de sua respectiva validade. Os documentos para os quais o prazo de validade não estiver mencionado expressamente somente serão aceitos dentro do prazo máximo de 90 (noventa) dias, contados da data de sua respectiva emissão A elaboração do contrato de prestação de serviços ficará condicionada à análise da presença e validade dos documentos relacionados neste item. 7. ENTREGA DOS DOCUMENTOS 7.1. O Envelope contendo a documentação de inscrição do profissional e os relativos à pessoa jurídica descritos no ítem 6, deve ser entregue na Sede do Instituto Maytenus, no endereço descrito no preâmbulo pessoalmente com protocolo ou via correios com A.R.. 8. DESABILITAÇÃO/DESCLASSICAÇÃO DO PROFISSIONAL E DESCREDENCIAMENTO/INABILITAÇÃO DA PESSOA JURÍDICA 8.1. Estará automaticamente desclassificado do processo de seleção o profissional que: a) não apresentar curriculum vitae ou que não traga informações que permitam sua avaliação; b) não apresentar o relato de experiência; c) não preencher ou deixar de apresentar os demais anexos solicitados;

5 Página 5 de 6 d) ao se comprovar inveracidade das informações apresentadas; e) não comparecer para realizar as etapas de avaliação presenciais; f) for reprovado em qualquer uma das etapas do processo de avaliação ou desistir durante o mesmo Estará automaticamente desabilitado o profissional que: a) receber avaliações desfavoráveis por parte do INSTITUTO MAYTENUS; b) violar no todo ou em parte as normas do Regimento Interno; c) não cumprir integralmente o estabelecido no contrato de prestação de serviços Estará automaticamente inabilitada/descredenciada a empresa que: a) não apresentar a documentação solicitada; b) deixar de atender as exigências integrais deste Edital; c) perder, no decurso do contrato, todos os profissionais aprovados no processo de seleção. 9. PREÇO, FORMA E CONDIÇÕES DE PAGAMENTO 9.1. A remuneração pelos serviços prestados será negociada com o contratado dentro dos limites impostos por Norma Interna e o valor não pode ultrapassar o teto máximo de R$ 70,00 (sessenta reais) à hora, com exceção de alguns programas específicos, que poderão ter preço diferenciado, desde que autorizado pelo Conselho Diretor do Instituto Maytenus As despesas inerentes á realização dos trabalhos, o INSITUTO MAYTENUS ou o contratante do Projeto reembolsará o contratado, através do profissional habilitado, mediante prestação de contas nas seguintes condições: Deslocamento, Alimentação e hospedagem: reembolso mediante nota fiscal, devidamente autorizado pelo Coordenador do Projeto com limites de valores estabelecidos no orçamento do projeto. Estas notas fiscais devem acompanhar o Recibo Específico do Projeto O INSTITUTO MAYTENUS não se responsabilizará por despesas originárias pelo profissional e que não constem no orçamento do projeto Os pagamentos dos trabalhos executados e reembolsos serão efetuados de acordo com a execução e fluxo de recebimento dos recursos do projeto e mediante apresentação correta dos comprovantes exigidos no item Para os pagamentos dos trabalhos executados os relatórios (relatório descritivo e PCA - Planilha de Controle de Atividades) e demais comprovantes de execução do serviço (ex. listas de presença) deverão ser entregues ao coordenador do projeto que os enviará ao Escritório do INSTITUTO MAYTENUS juntamente com o PCC (planilha de controle de Coordenação). Ao receber esta documentação o INSTITUTO MAYTENUS solicitará ao prestador de serviço emissão da Nota Fiscal e efetuará o pagamento de acordo com o item 9.3. Os pagamentos somente serão efetuados por depósito em conta corrente da empresa prestadora dos serviços. Ou via cheque nominal a ser retirado na Sede do Instituto mediante apresentação de recibo Para os reembolsos de despesas os documentos listados no item 9.2 deverão ser entregues ao Coordenador do Projeto ou instância designada pelo coordenador. O pagamento será efetuado na conta corrente da pessoa física do profissional habilitado A Nota fiscal deve ser preenchida com as seguintes informações: a) natureza do serviço prestado, discriminando: a empresa atende os requisitos do artigo 157 da Ordem de Serviço INSS/DAF n.º 100/03 ;

6 Página 6 de 6 b) especificação dos serviços realizados; c) valor total, com a dedução dos Impostos na fonte; 10. DISPOSIÇÕES FINAIS Todos os profissionais que ao final do processo de seleção forem aprovados serão credenciados para prestar serviço ao INSTITUTO MAYTENUS não existindo um número mínimo ou máximo de profissionais A qualquer tempo pode ser alterado, suspenso ou cancelado o credenciamento da empresa que deixar de satisfazer às exigências estabelecidas no presente Regulamento e aos padrões de qualidade adotados pelo INSTITUTO MAYTENUS As empresas e os profissionais candidatos são responsáveis, em qualquer época, pela fidelidade e legitimidade das informações constantes nos documentos apresentados A participação no presente credenciamento importa na aceitação integral e irretratável das normas contidas neste Regulamento O INSTITUTO MAYTENUS pode, a qualquer tempo, excluir, incluir ou alterar as áreas de conhecimento para credenciamento e, também, alterar a forma de informações requerida nos anexos e neste Regulamento, sem que isto represente um novo processo de credenciamento, desde que o motivo seja para adequar o instrumento de credenciamento à necessidade de atender a variedade de demanda dos projetos.

REGULAMENTO DO CREDENCIAMENTO PARA COMPOR O CADASTRO DE CONSULTORES DO MOVIMENTO CATARINENSE PARA EXCELÊNCIA

REGULAMENTO DO CREDENCIAMENTO PARA COMPOR O CADASTRO DE CONSULTORES DO MOVIMENTO CATARINENSE PARA EXCELÊNCIA REGULAMENTO DO CREDENCIAMENTO PARA COMPOR O CADASTRO DE CONSULTORES DO MOVIMENTO CATARINENSE PARA EXCELÊNCIA O processo de credenciamento acontecerá de acordo com as etapas abaixo, a serem aplicadas a

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 001/2012 EDITAL DE CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA JURÍDICA TIPO: MELHOR TÉCNICA

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 001/2012 EDITAL DE CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA JURÍDICA TIPO: MELHOR TÉCNICA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 001/2012 EDITAL DE CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA JURÍDICA TIPO: MELHOR TÉCNICA O Centro de Estudos de Cultura Contemporânea CEDEC, entidade privada sem fins lucrativos,

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ITAÚNA - MG Edital de Chamamento para Cadastro nº 01/2013

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ITAÚNA - MG Edital de Chamamento para Cadastro nº 01/2013 PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ITAÚNA - MG Edital de Chamamento para Cadastro nº 01/2013 Edital de convocação de Pessoas Jurídicas para inscrição e atualização do Cadastro de Fornecedores do Município de Itaúna.

Leia mais

ATO CONVOCATÓRIO 008 2014. OBJETO: Credenciamento de Examinadores

ATO CONVOCATÓRIO 008 2014. OBJETO: Credenciamento de Examinadores ATO CONVOCATÓRIO 008 2014 OBJETO: Credenciamento de Examinadores O INSTITUTO QUALIDADE MINAS, pessoa jurídica de Direito privado sem fins lucrativos, qualificada como Organização da Sociedade Civil de

Leia mais

SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO RIO DE JANEIRO SEBRAE/RJ. CONCORRÊNCIA No 01/03 EDITAL DE CREDENCIAMENTO

SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO RIO DE JANEIRO SEBRAE/RJ. CONCORRÊNCIA No 01/03 EDITAL DE CREDENCIAMENTO 1 SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SEBRAE/RJ 1. DA CONVOCAÇÃO: CONCORRÊNCIA No 01/03 EDITAL DE CREDENCIAMENTO SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO

Leia mais

a) Relação explícita do pessoal técnico especializado, adequado e disponível para a realização do

a) Relação explícita do pessoal técnico especializado, adequado e disponível para a realização do 2. CONDIÇÕES PARA CREDENCIAMENTO 2.1. Poderão participar deste Credenciamento, as empresas que: 2.1.1 Atendam a todas as exigências deste Edital, inclusive quanto à documentação constante deste instrumento

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE CREDENCIAMENTO 01/14

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE CREDENCIAMENTO 01/14 A COMPANHIA DE GÁS DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL - SULGÁS, com sede na cidade de Porto Alegre/RS, à Rua Sete de Setembro, 1069 5º andar, Bairro Centro Histórico - CEP: 90010-191, com fundamento no artigo

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS ESCOLA DE ENGENHARIA CIVIL

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS ESCOLA DE ENGENHARIA CIVIL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS ESCOLA DE ENGENHARIA CIVIL Regulamento Específico do Curso de Especialização em Gestão e Tecnologia de Produção de Edifícios - CEGT CAPÍTULO I DAS FINALIDADES

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Programa de Estudos Pós-Graduados em Economia da Mundialização e do Desenvolvimento (PUC-SP / SORBONNE)

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Programa de Estudos Pós-Graduados em Economia da Mundialização e do Desenvolvimento (PUC-SP / SORBONNE) EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO 1/2013 Coordenador Prof. Dr. José Nicolau Pompeo Vice-Coordenador Prof. Dr. Jason T. Borba Estarão abertas, no período de 01/10/2012 a 30/10/2012, as inscrições para o processo

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 017/2007 TIPO: MENOR PREÇO

CARTA CONVITE Nº 017/2007 TIPO: MENOR PREÇO CARTA CONVITE Nº 017/2007 TIPO: MENOR PREÇO PROCESSO Nº 017/2007 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO DATA: 22/08/2007 HORÁRIO: 10:00 HORAS LOCAL: Universidade de Brasília Campus Universitário Darcy Ribeiro

Leia mais

EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº 017/2013.

EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº 017/2013. EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº 017/2013. O PREFEITO MUNICIPAL DE GAURAMA, torna público para o conhecimento dos interessados, que às 15:00 horas do dia 18 de março de 2013, nas dependências do Salão Nobre

Leia mais

Estado: CEP: Fone: Fax: CONTA PARA PAGAMENTO Banco: Agência: Conta Corrente: REPRESENTANTE CREDENCIADO (PREENCHIMENTO DA CÂMARA MUNICIPAL)

Estado: CEP: Fone: Fax: CONTA PARA PAGAMENTO Banco: Agência: Conta Corrente: REPRESENTANTE CREDENCIADO (PREENCHIMENTO DA CÂMARA MUNICIPAL) EMPRESA INTERESSADA Nome/Razão Social: Nome Fantasia: E-mail: E-mail vendas: Site na web: N.º INSCRIÇÃO CNPJ: Estadual: Junta Comercial: Municipal: ENDEREÇO Endereço: Nº: Bairro: Cidade: Estado: CEP: Fone:

Leia mais

EDITAL CONCORRÊNCIA PARA AQUISIÇÃO DE POTENCIAL CONSTRUTIVO

EDITAL CONCORRÊNCIA PARA AQUISIÇÃO DE POTENCIAL CONSTRUTIVO EDITAL CONCORRÊNCIA PARA AQUISIÇÃO DE POTENCIAL CONSTRUTIVO PRAZO PARA A ENTREGA DA DOCUMENTAÇÃO: 15/07/2015, 17H30MIN LOCAL: Sede Administrativa do SINDUSCON-PR, à Rua João Viana Seiler, nº 116 Parolin

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL 007/2016

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL 007/2016 Quinta feira, 3 de Março de 2016 Ano:XXII Edição N.: 4999 Poder Executivo Secretaria Municipal de Saúde Hospital Municipal Odilon Behrens PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL 007/2016 O Hospital Municipal

Leia mais

EDITAL PARA CREDENCIAMENTO DE FUNDO DE INVESTIMENTOS E SEUS RESPECTIVOS GESTORES/ADMINISTRADORES

EDITAL PARA CREDENCIAMENTO DE FUNDO DE INVESTIMENTOS E SEUS RESPECTIVOS GESTORES/ADMINISTRADORES EDITAL PARA CREDENCIAMENTO DE FUNDO DE INVESTIMENTOS E SEUS RESPECTIVOS GESTORES/ADMINISTRADORES GOIÁS- EDITAL N.º 003/2014 O GOIÁS, por meio de seu Gestor (a) Grasiene Teobalda De Oliveira, torna público

Leia mais

3.3. Aos interessados no credenciamento Pessoa Física:

3.3. Aos interessados no credenciamento Pessoa Física: EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº. 001/2014 CREDENCIAMENTO DE PROFISSIONAIS PESSOAS JURÍDICAS E FISICAS DA ÁREA MÉDICA, ODONTOLÓGICA E HOSPITALAR. CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL DE SAÚDE CENTRO OESTE DO PARANÁ

Leia mais

INSCRIÇÃO ESTADUAL 1ª ETAPA Últimas Alterações

INSCRIÇÃO ESTADUAL 1ª ETAPA Últimas Alterações ICMS - PARANÁ INSCRIÇÃO ESTADUAL 1ª ETAPA Últimas Alterações CONTEÚDO 1. INTRODUÇÃO 2. CONSIDERAÇÕES 3. PASSO A PASSO DA INSCRIÇÃO CONFORME NORMA PROCEDIMENTO FISCAL 089/2006 4. SOLICITAÇÃO DA INSCRIÇÃO

Leia mais

ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO 2015. 1A EDITAL Nº 01

ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO 2015. 1A EDITAL Nº 01 ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO 2015. 1A EDITAL Nº 01 João Pessoa, 2014 Sumário Admissão de alunos para os cursos de Pós-Graduação A DeVry João Pessoa, estabelecimento de ensino superior, situado

Leia mais

2ª CHAMADA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015

2ª CHAMADA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015 PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE PORTO VELHO SECRETARIA MUNICIPAL DE SERVIÇOS BÁSICOS SEMUSB 2ª CHAMADA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015 Edital de chamamento público para formalização de convênio com

Leia mais

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES DECRETO Nº 8.407 DE 18/12/2014 REGULAMENTA O CADASTRAMENTO DE PESSOAS FÍSICAS E JURÍDICAS NA DIVISÃO DE CADASTRO DE FORNECEDORES E PRESTADORES DE SERVIÇOS DICAD, SETOR INTEGRANTE DA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

PROJETO BÁSICO DE LICITAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE DE FORNECIMENTO DE CARTÕES MAGNÉTICOS DE ALIMENTAÇÃO E REFEIÇÃO COM CARGAS MENSAIS. EDITAL n.

PROJETO BÁSICO DE LICITAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE DE FORNECIMENTO DE CARTÕES MAGNÉTICOS DE ALIMENTAÇÃO E REFEIÇÃO COM CARGAS MENSAIS. EDITAL n. PROJETO BÁSICO DE LICITAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE DE FORNECIMENTO DE CARTÕES MAGNÉTICOS DE ALIMENTAÇÃO E REFEIÇÃO COM CARGAS MENSAIS EDITAL n. 005/2013 TOMADA DE PREÇO n. 001/2013 Item 01. Requisitos básicos

Leia mais

EDITAL Nº 35/2013 SELEÇÃO PARA FORMAÇÃO DE CADASTRO RESERVA DE TÉCNICOS PARA EXECUÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA E EXTENSÃO RURAL

EDITAL Nº 35/2013 SELEÇÃO PARA FORMAÇÃO DE CADASTRO RESERVA DE TÉCNICOS PARA EXECUÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA E EXTENSÃO RURAL EDITAL Nº 35/2013 SELEÇÃO PARA FORMAÇÃO DE CADASTRO RESERVA DE TÉCNICOS PARA EXECUÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA E EXTENSÃO RURAL O Instituto Agropolos do Ceará, CNPJ 04.867.567/0001-10, torna

Leia mais

SESSÂO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona n.º 1.200, 7º andar São Paulo SP Horário: 10h30 horas do dia 03 de Agosto de 2009

SESSÂO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona n.º 1.200, 7º andar São Paulo SP Horário: 10h30 horas do dia 03 de Agosto de 2009 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD. PAULISTA CEP

Leia mais

CREDENCIAMENTO DE EMPRESAS DE CONSULTORIA GERÊNCIA EXECUTIVA DE RELAÇÕES COM O MERCADO GERÊNCIA DE RESPONSABILIDADE SOCIAL EDITAL DE CHAMAMENTO

CREDENCIAMENTO DE EMPRESAS DE CONSULTORIA GERÊNCIA EXECUTIVA DE RELAÇÕES COM O MERCADO GERÊNCIA DE RESPONSABILIDADE SOCIAL EDITAL DE CHAMAMENTO CREDENCIAMENTO DE EMPRESAS DE CONSULTORIA GERÊNCIA EXECUTIVA DE RELAÇÕES COM O MERCADO GERÊNCIA DE RESPONSABILIDADE SOCIAL EDITAL DE CHAMAMENTO Contratação de Empresas de Consultoria para Prestação de

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL/SMAR Nº 002/2013

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL/SMAR Nº 002/2013 1 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL/SMAR Nº 002/2013 A Secretaria de Municipal de Administração e Recursos Humanos do Município de Santa Teresa faz saber que fará realizar o Processo Seletivo Simplificado,

Leia mais

Art. 2º Este Ato Administrativo entra em vigor na data de sua assinatura, revogadas as disposições em contrário.

Art. 2º Este Ato Administrativo entra em vigor na data de sua assinatura, revogadas as disposições em contrário. ATO ADMINISTRATIVO REITORIA Nº 15/2015 Aprova o Edital do Processo Seletivo do Programa de Integralização de Créditos para a Conclusão do Curso Superior de Teologia Vestibular 2º semestre de 2015 O REITOR

Leia mais

CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE COMISSÃO DE AVALIAÇÃO E MONITORAMENTO DE PROJETOS DO FMDCA EDITAL N 02/2014

CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE COMISSÃO DE AVALIAÇÃO E MONITORAMENTO DE PROJETOS DO FMDCA EDITAL N 02/2014 CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE COMISSÃO DE AVALIAÇÃO E MONITORAMENTO DE PROJETOS DO FMDCA EDITAL N 02/2014 EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS PARA FINANCIAMENTO COM RECURSOS

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TRIÂNGULO MINEIRO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TRIÂNGULO MINEIRO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TRIÂNGULO MINEIRO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO - CEAD Nº 009/2013 Seleção Simplificada de Tutores Presenciais modalidade Educação

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ REITORIA DE GRADUAÇÃO COLÉGIO UNIVERSITÁRIO GERALDO REIS EDITAL Nº 002/ 2015

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ REITORIA DE GRADUAÇÃO COLÉGIO UNIVERSITÁRIO GERALDO REIS EDITAL Nº 002/ 2015 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ REITORIA DE GRADUAÇÃO COLÉGIO UNIVERSITÁRIO GERALDO REIS EDITAL Nº 002/ 2015 SORTEIO PARA ADMISSÃO DE ALUNOS AO COLÉGIO UNIVERSITÁRIO GERALDO

Leia mais

MUNICÍPIO DE PORTO FERREIRA Estado de São Paulo DIVISÃO DE SUPRIMENTOS Seção de Licitações e Contratos

MUNICÍPIO DE PORTO FERREIRA Estado de São Paulo DIVISÃO DE SUPRIMENTOS Seção de Licitações e Contratos INSTRUÇÕES GERAIS PARA OBTENÇÃO DO C.R.C. (CERTIFICADO DE REGISTRO CADASTRAL), CONFORME DISPOSTO NA LEI Nº 8.666/93 1. CADASTRAMENTO 1.1 PROCEDIMENTO 1.1.1 A empresa interessada em obter o Certificado

Leia mais

REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES COM RECURSOS PÚBLICOS FUNDAÇÃO SICREDI

REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES COM RECURSOS PÚBLICOS FUNDAÇÃO SICREDI REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES COM RECURSOS PÚBLICOS FUNDAÇÃO SICREDI A FUNDAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL E CULTURAL DO SISTEMA DE CRÉDITO COOPERATIVO FUNDAÇÃO SICREDI, institui o presente

Leia mais

CURSO DE PSICOLOGIA REGIMENTO DO CONCURSO PARA PROFESSOR ÁREA: PSICOLOGIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL

CURSO DE PSICOLOGIA REGIMENTO DO CONCURSO PARA PROFESSOR ÁREA: PSICOLOGIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL CURSO DE PSICOLOGIA REGIMENTO DO CONCURSO PARA PROFESSOR ÁREA: PSICOLOGIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL A COORDENAÇÃO DO CURSO DE PSICOLOGIA, conforme Portaria nº 1100/2012, e o NÚCLEO DOCENTE ESTRUTURANTE

Leia mais

PROJETO SETORIAL CONVÊNIO SOFTEX / APEX 2014 2016

PROJETO SETORIAL CONVÊNIO SOFTEX / APEX 2014 2016 Campinas, 15 de outubro de 2014. EDITAL PARA CONTRATAÇÃO DE AUDITORIA EXTERNA INDEPENDENTE PROJETO SETORIAL CONVÊNIO SOFTEX / APEX 2014 2016 Prezados Senhores, A Associação para Promoção da Excelência

Leia mais

Art. 2º Esta Resolução entra em vigor na data de sua assinatura. São Bernardo do Campo, 14 de março de 2013 PROF. DR. MARCIO DE MORAES REITOR

Art. 2º Esta Resolução entra em vigor na data de sua assinatura. São Bernardo do Campo, 14 de março de 2013 PROF. DR. MARCIO DE MORAES REITOR RESOLUÇÃO CONSUN Nº 04/2013 Aprova Edital do Processo Seletivo do Programa de integralização de créditos para a conclusão do Curso Superior de Teologia 2º semestre de 2013 na modalidade a distância O Conselho

Leia mais

INSTRUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 01/2006, ATUALIZADA EM 7 DE FEVEREIRO 2012

INSTRUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 01/2006, ATUALIZADA EM 7 DE FEVEREIRO 2012 INSTRUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 01/2006, ATUALIZADA EM 7 DE FEVEREIRO 2012 REGRAS E CRITÉRIOS PARA O FUNCIONAMENTO DAS OPERAÇÕES DE CONTAS A PAGAR ATRAVÉS DA FADEX TERESINA PI, FEVEREIRO DE 2012 INSTRUÇÃO

Leia mais

EDITAL Nº 379, DE 07 DE JULHO DE 2015

EDITAL Nº 379, DE 07 DE JULHO DE 2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO EDITAL Nº 379, DE 07 DE JULHO DE 2015 A DIRETORA DE ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAL DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA

Leia mais

Rayley Guida de Souza Campos Luzza Superintendente

Rayley Guida de Souza Campos Luzza Superintendente EDITAL DE CREDENCIAMENTO N 002/2015 PREÂMBULO O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural - Administração Regional do Tocantins - SENAR- AR/TO, inscrito no CNPJ/MF sob o n 04.253.770/0001-05, com sede na

Leia mais

ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO 2015.2A GASTRONOMIA EDITAL Nº 18.2A GASTRONOMIA

ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO 2015.2A GASTRONOMIA EDITAL Nº 18.2A GASTRONOMIA ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO 2015.2A GASTRONOMIA EDITAL Nº 18.2A GASTRONOMIA SUMÁRIO 1. Da validade 3 2. Das inscrições 3 3. Das entrevistas, avaliação de currículo e de histórico escolar

Leia mais

EDITAL RM. Nº 03/2008

EDITAL RM. Nº 03/2008 EDITAL RM. Nº 03/2008 EDITAL E NORMAS DO CONCURSO DE SELEÇÃO PARA OS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO PARA MÉDICOS NA ÁREA DA CARDIOLOGIA E DE APERFEIÇOAMENTO NA ÁREA DE NEONATOLOGIA A Pró-Reitoria de Pós-Graduação

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Língua Portuguesa

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Língua Portuguesa EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO 2º/2014 Coordenador: Prof. Dr. João Hilton Sayeg de Siqueira Vice-Coordenadora: Prof. Dra. Jeni Silva Turazza Estarão abertas, no período de U14/04/2014U a U05/05/2014U,

Leia mais

Estado da Paraíba Prefeitura Municipal de João Pessoa Secretaria de Desenvolvimento Social EDITAL DE SELEÇÃO N.º 001/2014

Estado da Paraíba Prefeitura Municipal de João Pessoa Secretaria de Desenvolvimento Social EDITAL DE SELEÇÃO N.º 001/2014 Estado da Paraíba Prefeitura Municipal de João Pessoa Secretaria de Desenvolvimento Social EDITAL DE SELEÇÃO N.º 001/2014 Cumprindo o que determina a Lei Municipal 11.608/2008 que instituiu o Programa

Leia mais

ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO 2014.2A EDITAL Nº 07. Recife,2014

ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO 2014.2A EDITAL Nº 07. Recife,2014 ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO 2014.2A EDITAL Nº 07 Recife,2014 Sumário Edital nº 9 - Admissão de alunos para os cursos de Pós-Graduação A Faculdade Boa Viagem (FBV/Devry), estabelecimento de

Leia mais

EDITAL PARA PROCESSO DE RECRUTAMENTO & SELEÇÃO DE DOCENTES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA E ARQUITETURA DA UNIVERSIDADE ESTÁCIO DE SÁ

EDITAL PARA PROCESSO DE RECRUTAMENTO & SELEÇÃO DE DOCENTES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA E ARQUITETURA DA UNIVERSIDADE ESTÁCIO DE SÁ EDITAL PARA PROCESSO DE RECRUTAMENTO & SELEÇÃO DE DOCENTES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA E ARQUITETURA DA UNIVERSIDADE ESTÁCIO DE SÁ A Universidade Estácio de Sá (UNESA) divulga processo seletivo

Leia mais

PROCESSO DE RECRUTAMENTO, SELEÇÃO E ADMISSÃO DE PESSOAL TÉCNICO-ADMINISTRATIVO E D I T A L Nº 018/VR - SM0/10

PROCESSO DE RECRUTAMENTO, SELEÇÃO E ADMISSÃO DE PESSOAL TÉCNICO-ADMINISTRATIVO E D I T A L Nº 018/VR - SM0/10 PROCESSO DE RECRUTAMENTO, SELEÇÃO E ADMISSÃO DE PESSOAL TÉCNICO-ADMINISTRATIVO E D I T A L Nº 018/VR - SM0/10 O Vice-Reitor da Universidade do Oeste de Santa Catarina Campus de São Miguel do Oeste SC,

Leia mais

CARTA CONVITE 1. OBJETO:

CARTA CONVITE 1. OBJETO: CARTA CONVITE 1. OBJETO: O presente processo tem por objeto a Prestação de Serviços na Área de Projetos Ambientais Revisão de Projetos de Adequação de Propriedades Rurais e Elaboração de Pré-Diagnóstico

Leia mais

EDITAL Nº 086/2013. Linhas de Pesquisa Educação Contextualizada para a Convivência com o Semiárido Letramento e Comunicação Intercultural

EDITAL Nº 086/2013. Linhas de Pesquisa Educação Contextualizada para a Convivência com o Semiárido Letramento e Comunicação Intercultural Salvador, Bahia Sábado e Domingo 7 e 8 de Setembro de 2013 Ano XCVIII N os 21.230 e 21.231 EDITAL Nº 086/2013 O REITOR DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA (UNEB), no uso de suas atribuições regimentais,

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA OS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO 2014.2A ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO 2014.2A EDITAL Nº 03

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA OS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO 2014.2A ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO 2014.2A EDITAL Nº 03 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA OS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO 2014.2A ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO 2014.2A EDITAL Nº 03 TERESINA, 2014 Edital nº 02 - Admissão de alunos para os cursos de Pós-Graduação

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA ODONTOLÓGICA

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA ODONTOLÓGICA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA ODONTOLÓGICA Modelo de contrato Protegido pela Lei nº 9.610, de 19/02/1998 - Lei de Direitos Autorais IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES CONTRATANTES CONTRATANTE:(Nome

Leia mais

RESOLUÇÃO UnC-CONSUN 001/2015

RESOLUÇÃO UnC-CONSUN 001/2015 RESOLUÇÃO UnC-CONSUN 001/2015 Aprovar ad referendum do Conselho Universitário- CONSUN, o Regulamento para a Pós-Graduação Lato Sensu da Universidade do Contestado - UnC. A Presidente do Conselho Universitário

Leia mais

UNIVERSIDADE COMUNITÁRIA REGIONAL DE CHAPECÓ UNOCHAPECÓ CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DOCENTE N.

UNIVERSIDADE COMUNITÁRIA REGIONAL DE CHAPECÓ UNOCHAPECÓ CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DOCENTE N. UNIVERSIDADE COMUNITÁRIA REGIONAL DE CHAPECÓ UNOCHAPECÓ CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DOCENTE N.º 011/2005 Informações: 0** 49 33218181 http://www.unochapeco.edu.br

Leia mais

RESPOSTAS A PERGUNTAS MAIS FREQUENTES DA SOCIEDADE (inciso VI do art. 8º da Lei nº 12.527/2011) SUMÁRIO. 1. Registro Profissional...

RESPOSTAS A PERGUNTAS MAIS FREQUENTES DA SOCIEDADE (inciso VI do art. 8º da Lei nº 12.527/2011) SUMÁRIO. 1. Registro Profissional... SUMÁRIO 1. Registro Profissional... 2 2. Isenção de Anuidade... 3 3. Transferência de Regional... 4 4. Cancelamento de Registro (Pessoa Física)... 5 5. Reativação de Registro Profissional... 6 6. Parcelamento

Leia mais

CARTILHA FORNECEDOR ENDEREÇO PARA ENVIO DE DOCUMENTOS:

CARTILHA FORNECEDOR ENDEREÇO PARA ENVIO DE DOCUMENTOS: CARTILHA FORNECEDOR ENDEREÇO PARA ENVIO DE DOCUMENTOS: Prefeitura Municipal de Almirante Tamandaré do Sul Setor de Licitações Rua Mário Linck, nº. 352, Centro Almirante Tamandaré do Sul/RS CEP 99523-000

Leia mais

FUNDAÇÃO DE APOIO CIENTÍCO E TECNOLÓGICO DO TOCANTINS NÚCLEO DE GESTÃO DE PESSOAS

FUNDAÇÃO DE APOIO CIENTÍCO E TECNOLÓGICO DO TOCANTINS NÚCLEO DE GESTÃO DE PESSOAS EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL Nº 01/2016 A Fundação de Apoio Científico e Tecnológico do Tocantins FAPTO, personalidade jurídica de direito privado, CNPJ: 06.343.763/0001-11, situada à Orla 14, Praia da

Leia mais

EDITAL N.º 016/2016 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSANTES NO CURSO DE PÓS- GRADUAÇÃO MODALIDADE LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO EM AGRONEGÓCIO

EDITAL N.º 016/2016 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSANTES NO CURSO DE PÓS- GRADUAÇÃO MODALIDADE LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO EM AGRONEGÓCIO PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSANTES NO CURSO DE PÓS- GRADUAÇÃO MODALIDADE LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO EM AGRONEGÓCIO O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA, no uso de suas atribuições legais e estatutárias,

Leia mais

Art. 2º Este Ato Administrativo entra em vigor na data de sua assinatura, revogadas as disposições em contrário.

Art. 2º Este Ato Administrativo entra em vigor na data de sua assinatura, revogadas as disposições em contrário. ATO ADMINISTRATIVO REITORIA Nº 16/2015 Aprova o Edital do Processo Seletivo dos Cursos Superiores na modalidade a Distância Vestibular 2º Semestre de 2015 O REITOR DA UNIVERSIDADE METODISTA DE SÃO PAULO,

Leia mais

EDITAL DE CHAMAMENTO Nº 001/2015

EDITAL DE CHAMAMENTO Nº 001/2015 EDITAL DE CHAMAMENTO Nº 001/2015 O Município de Rio Quente, Estado de Goiás, por sua Secretaria de Turismo, Cultura e Eventos, torna público, para conhecimento dos interessados que estarão abertas, no

Leia mais

EDITAL / CONVITE - 2016. TIPO DE LICITAÇÃO: Técnica e menor valor global REGIME DE EXECUÇÃO: Prestação de serviços

EDITAL / CONVITE - 2016. TIPO DE LICITAÇÃO: Técnica e menor valor global REGIME DE EXECUÇÃO: Prestação de serviços ANFIP - Associação Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil SBN Qd. 01 Bl. H Ed. ANFIP Brasília DF - CEP 70040-907 Fone (61) 3251 8100 Fax (61) 3326 6078 EDITAL / CONVITE - 2016 TIPO

Leia mais

LINHA DE PESQUISA 2 - Atenção Integral em Perinatologia

LINHA DE PESQUISA 2 - Atenção Integral em Perinatologia Edital nº 01/2015 A Direção da Maternidade Escola da Universidade Federal do Rio de Janeiro, a pedido da Coordenação do Mestrado Profissional em Saúde Perinatal, torna público que, no período compreendido

Leia mais

SETE BRASIL PARTICIPAÇÕES S.A.

SETE BRASIL PARTICIPAÇÕES S.A. SETE BRASIL PARTICIPAÇÕES S.A. CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO REGIMENTO INTERNO DOS COMITÊS COMITÊ DE AUDITORIA APROVADO PELO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO EM 24 DE SETEMBRO DE 2014 SUMÁRIO I INTRODUÇÃO 3 II OBJETO

Leia mais

ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO 2015.1B EDITAL Nº 2

ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO 2015.1B EDITAL Nº 2 ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO 2015.1B EDITAL Nº 2 SUMÁRIO 1. Da validade 3 2. Das inscrições 3 3. Das entrevistas, avaliação de currículo e de histórico escolar 3 4. Da classificação 4 5. Do

Leia mais

EDITAL TOMADA DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE TUBOS DE CONCRETO

EDITAL TOMADA DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE TUBOS DE CONCRETO PREFEITURA MUNICIPAL DE SOLEDADE SECRETARIA MUNICIPAL DE OBRAS E AGRICULTURA EDITAL TOMADA DE PREÇOS Nº 38/2015 TIPO MENOR PREÇO EDITAL TOMADA DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE TUBOS DE CONCRETO O PREFEITO MUNICIPAL

Leia mais

ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO 2015.2B EDITAL Nº 20

ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO 2015.2B EDITAL Nº 20 ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO 2015.2B EDITAL Nº 20 SUMÁRIO 1. Da validade 3 2. Das inscrições 3 3. Das entrevistas, avaliação de currículo e de histórico escolar 3 4. Da classificação 4 5.

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 012/2007

CARTA CONVITE Nº 012/2007 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP: 01405-001 - DEPTO DE COMPRAS - 8º ANDAR. CARTA

Leia mais

Conselho Regional de Economia da Paraíba 21ª Região

Conselho Regional de Economia da Paraíba 21ª Região EDITAL DE LICITAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE CONTADOR PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS CONTÁBEIS E DE ASSESSORIA CONTÁBIL PARA O CONSELHO REGIONAL DE ECONOMIA 21ª REGIÃO PARAÍBA CONVITE Nº 002/2016

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 019/2016-UAB-UEM

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 019/2016-UAB-UEM EDITAL Nº 019/2016-UAB-UEM A Coordenadora da UAB da Universidade Estadual de Maringá, no uso das atribuições, TORNA PÚBLICO: A abertura de inscrições do processo seletivo para contratação e formação de

Leia mais

EDITAL Nº 60 /Unoesc/2011

EDITAL Nº 60 /Unoesc/2011 EDITAL Nº 60 /Unoesc/2011 Dispõe sobre processo de seleção externa de funcionários técnico-administrativos para atuarem na Universidade do Oeste de Santa Catarina - Unoesc, na Unoesc Campus de Joaçaba.

Leia mais

O PREFEITO DE GOIÂNIA, no uso de suas atribuições legais, e CAPÍTULO I DO FUNDO MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER

O PREFEITO DE GOIÂNIA, no uso de suas atribuições legais, e CAPÍTULO I DO FUNDO MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER 1 Gabinete do Prefeito DECRETO Nº 4139, DE 11 DE SETEMBRO DE 2013. Regulamenta o Fundo Municipal de Esporte e Lazer e o Incentivo ao Esporte e Lazer e dá outras providências. O PREFEITO DE GOIÂNIA, no

Leia mais

SELEÇÃO 2016/1 PROCESSO SELETIVO PARA CURSOS DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA (FICs) PRESENCIAIS

SELEÇÃO 2016/1 PROCESSO SELETIVO PARA CURSOS DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA (FICs) PRESENCIAIS EDITAL Nº 010/CCEI, DE 04 DE NOVEMBRO DE 2015. SELEÇÃO 2016/1 PROCESSO SELETIVO PARA CURSOS DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA (FICs) PRESENCIAIS DA ABERTURA O DIRETOR-GERAL DO CAMPUS CEILÂNDIA DO INSTITUTO

Leia mais

ATOS DA FMEL - FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER DE ITAJAÍ EDITAL Nº. 004/2013 LEI MUNICIPAL DE INCENTIVO AO ESPORTE

ATOS DA FMEL - FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER DE ITAJAÍ EDITAL Nº. 004/2013 LEI MUNICIPAL DE INCENTIVO AO ESPORTE ATOS DA FMEL - FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER DE ITAJAÍ EDITAL Nº. 004/2013 LEI MUNICIPAL DE INCENTIVO AO ESPORTE O Superintendente da Fundação Municipal de Esporte e Lazer de Itajaí, no uso de

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO DE SELEÇÃO SESC SANTA CATARINA

EDITAL DE PROCESSO DE SELEÇÃO SESC SANTA CATARINA EDITAL DE PROCESSO DE SELEÇÃO SESC SANTA CATARINA O presente documento tem como objetivo disponibilizar a divulgação oficial das condições estabelecidas pelo SESC Santa Catarina para regulamentação dos

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 08/2014 EDITAL PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTENTE TÉCNICO I E II (TÉCNICO JÚNIOR)

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 08/2014 EDITAL PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTENTE TÉCNICO I E II (TÉCNICO JÚNIOR) COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 08/2014 EDITAL PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTENTE TÉCNICO I E II (TÉCNICO JÚNIOR) Tipo: Melhor Técnica O Instituto Brasileiro de Administração Municipal - IBAM, associação

Leia mais

CONCORRÊNCIA CONJUNTA Nº 22/2009 PERGUNTAS E RESPOSTAS

CONCORRÊNCIA CONJUNTA Nº 22/2009 PERGUNTAS E RESPOSTAS CONCORRÊNCIA CONJUNTA Nº 22/2009 PERGUNTAS E RESPOSTAS 1. O item 3.4.1 do Edital pede que a licitante apresente o Ato constitutivo da sociedade, devidamente registrado/averbado na Ordem dos Advogados do

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PARA MESTRADO, DOUTORADO E DOUTORADO DIRETO 1º SEMESTRE 2014

EDITAL DE SELEÇÃO PARA MESTRADO, DOUTORADO E DOUTORADO DIRETO 1º SEMESTRE 2014 EDITAL DE SELEÇÃO PARA MESTRADO, DOUTORADO E DOUTORADO DIRETO 1º SEMESTRE 2014 Normas do Processo de Seleção para os Cursos de Mestrado, Doutorado e Doutorado Direto do Programa de Pós-Graduação em Energia

Leia mais

EDITAL COMPLEMENTAR AO EDITAL UFU/PROGRAD Nº 01 - Edital de Solicitação de Matrícula

EDITAL COMPLEMENTAR AO EDITAL UFU/PROGRAD Nº 01 - Edital de Solicitação de Matrícula EDITAL COMPLEMENTAR AO EDITAL UFU/PROGRAD Nº 01 - Edital de Solicitação de Matrícula A Universidade Federal de Uberlândia (UFU) torna pública a divulgação do Edital Complementar ao Edital UFU/PROGRAD Nº

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação Matemática

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação Matemática EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO 1º/2015 Coordenador: Prof. Dr. Saddo Ag Almouloud Vice-Coordenadora: Profa. Dra. Barbara Lutaif Bianchini Estarão abertas, no período de 01/10/2014 a 24/10/2014, as inscrições

Leia mais

ESTADO DO ACRE PREFEITURA MUNICIPAL DE FEIJÓ COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

ESTADO DO ACRE PREFEITURA MUNICIPAL DE FEIJÓ COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Processo nº 038/2015 EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO PARA SELEÇÃO DE TERRENO N.º 004/2015. O MUNICIPIO DE FEIJÓ, com sede à Avenida Plácido de Castro nº. 672, Centro, no Município de Feijó-Ac, inscrita no

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 059/2012-UAB-UEM

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 059/2012-UAB-UEM EDITAL Nº 059/2012-UAB-UEM A Coordenadora da UAB da Universidade Estadual de Maringá, no uso das atribuições, TORNA PÚBLICO: A abertura de inscrições do processo seletivo para contratação de TUTOR (PRESENCIAL)

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL Nº 09/2016

EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL Nº 09/2016 EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL Nº 09/2016 A Fundação de Apoio Científico e Tecnológico do Tocantins FAPTO, personalidade jurídica de direito privado, CNPJ: 06.343.763/0001-11, situada à Orla 14, Praia da

Leia mais

RESOLUÇÃO DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE PSICOLOGIA E ACUPUNTURA SOBRAPA Nº 01/2007

RESOLUÇÃO DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE PSICOLOGIA E ACUPUNTURA SOBRAPA Nº 01/2007 RESOLUÇÃO DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE PSICOLOGIA E ACUPUNTURA SOBRAPA Nº 01/2007 Institui o Plano de Trabalho para execução da certificação da especialização em Acupuntura do profissional psicólogo pela

Leia mais

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 01/14 -Processo nº 1.120-

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 01/14 -Processo nº 1.120- EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 01/14 -Processo nº 1.120- O SEPREM Serviço de Previdência Municipal de Itapetininga, com sede na Rua Monsenhor Soares, 65, centro, no Município de Itapetininga, Estado de

Leia mais

EDITAL DE CREDENCIAMENTO N 001/2016 - IPMT

EDITAL DE CREDENCIAMENTO N 001/2016 - IPMT EDITAL DE CREDENCIAMENTO N 001/2016 - IPMT CREDENCIAMENTO DE INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS E SIMILARES, SOCIEDADES CORRETORAS, DISTRIBUIDORAS DE TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS E PESSOAS JURÍDICAS QUE ATUEM COMO

Leia mais

3. No ato da inscrição o candidato deverá apresentar cópia dos documentos abaixo especificados, acompanhados dos originais, para conferência:

3. No ato da inscrição o candidato deverá apresentar cópia dos documentos abaixo especificados, acompanhados dos originais, para conferência: EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PUBLICO Nº 42/2011 Processo Seletivo para preenchimento de vagas, em caráter temporário, no Quadro de Pessoal na Administração Pública Municipal. A Prefeita Municipal De Seara,

Leia mais

CURSO TÉCNICO 1SEM13 TÉCNICO DE SOLDAGEM EDITAL DO PROCESSO SELETIVO UNIFICADO. Cursos Técnicos 1

CURSO TÉCNICO 1SEM13 TÉCNICO DE SOLDAGEM EDITAL DO PROCESSO SELETIVO UNIFICADO. Cursos Técnicos 1 CURSO TÉCNICO 1SEM13 TÉCNICO DE SOLDAGEM EDITAL DO PROCESSO SELETIVO UNIFICADO 1. Das Inscrições 1.1 As inscrições para o processo seletivo para ingresso no Curso Técnico de Soldagem (no período noturno)

Leia mais

Edital nº 01/2012. Seleção Simplificada de Professores para Atividade de Extensão

Edital nº 01/2012. Seleção Simplificada de Professores para Atividade de Extensão FUNDAÇÃO DE APOIO CIENTÍCO E TECNOLÓGICO DO TOCANTINS FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO TOCANTINS Edital nº 01/2012 Seleção Simplificada de Professores para Atividade de Extensão A Fundação Universidade do Tocantins

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO SISTEMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL/UAB. EDITAL nº027/2013

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO SISTEMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL/UAB. EDITAL nº027/2013 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO SISTEMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL/UAB EDITAL nº07/0 EDITAL DE SELEÇÃO DE TUTORES PRESENCIAIS PARA PROVIMENTO DAS VAGAS EXISTENTES E PARA

Leia mais

1. HISTÓRICO E OBJETIVOS... 2

1. HISTÓRICO E OBJETIVOS... 2 UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO ESCOLA SUPERIOR DE DESENHO INDUSTRIAL INCUBADORA DE EMPRESAS DE DESIGN I EDITAL DE SELEÇÃO DA INCUBADORA DE EMPRESAS DE DESIGN ANO 2012 SUMÁRIO 1. HISTÓRICO E OBJETIVOS...

Leia mais

1.3. Aos futuros egressos do referido curso será outorgado o título de Mestre em Planejamento e uso de Recursos Renováveis.

1.3. Aos futuros egressos do referido curso será outorgado o título de Mestre em Planejamento e uso de Recursos Renováveis. EDITAL N o 001/2013/PPGPUR-So SELEÇÃO DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PLANEJAMENTO E USO DE RECURSOS RENOVÁVEIS PARA O CURSO DE MESTRADO ACADÊMICO PROCESSO SELETIVO 1º SEMESTRE/2014

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ RESOLUÇÃO Nº 17/CEPE, DE 03 DE MAIO DE 2006 Aprova normas para os cursos de especialização da Universidade Federal do Ceará. O Reitor da UNIVERSIDADE

Leia mais

E D I T A L Nº 15/UNOESC - R/2008

E D I T A L Nº 15/UNOESC - R/2008 E D I T A L Nº 15/UNOESC - R/2008 Dispõe sobre a Seleção de Pessoal, para atuar junto ao quadro de funcionários da UNOESC/Joaçaba. A Universidade do Oeste de Santa Catarina Unoesc, mantida pela Fundação

Leia mais

INSTITUTO CHAPADA DE EDUCAÇÃO E PESQUISA. Regulamento de Compras e Contratos

INSTITUTO CHAPADA DE EDUCAÇÃO E PESQUISA. Regulamento de Compras e Contratos INSTITUTO CHAPADA DE EDUCAÇÃO E PESQUISA Regulamento de Compras e Contratos A presidente do ICEP no uso de suas atribuições e de acordo com lei 9.790/99 e decreto 3.100, torna público o Regulamento de

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 175, de 09 de dezembro de 2009.

RESOLUÇÃO Nº 175, de 09 de dezembro de 2009. RESOLUÇÃO Nº 175, de 09 de dezembro de 2009. ALTERAR E ESTABELECER NOVAS PROVIDÊNCIAS À RESOLUÇÃO Nº 119/2007 DO CMDCA. O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Florianópolis, no

Leia mais

ATO CONVOCATÓRIO 002 2013. OBJETO: Credenciamento de Consultores

ATO CONVOCATÓRIO 002 2013. OBJETO: Credenciamento de Consultores ATO CONVOCATÓRIO 002 2013 OBJETO: Credenciamento de Consultores O INSTITUTO QUALIDADE MINAS, pessoa jurídica de Direito privado sem fins lucrativos, qualificada como Organização da Sociedade Civil de Interesse

Leia mais

EDITAL PPGA Nº. 02 /2013

EDITAL PPGA Nº. 02 /2013 1 EDITAL PPGA Nº. 02 /2013 SELEÇÃO DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO PARA O CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL EM ADMINISTRAÇÃO ÁREA DE CONCENTRAÇÃO ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

Leia mais

Publicado no D.O.U. nº 84 de 22/04/2015, Seção 1 pag. 78 RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 464, DE 22 DE ABRIL DE 2015

Publicado no D.O.U. nº 84 de 22/04/2015, Seção 1 pag. 78 RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 464, DE 22 DE ABRIL DE 2015 Publicado no D.O.U. nº 84 de 22/04/2015, Seção 1 pag. 78 RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 464, DE 22 DE ABRIL DE 2015 Dispõe sobre a criação de Acervos Técnicos de Pessoas Físicas e Pessoas Jurídicas registradas

Leia mais

E D I T A L PROGRAMA DE APROVEITAMENTO DE ESTUDOS EM TEOLOGIA

E D I T A L PROGRAMA DE APROVEITAMENTO DE ESTUDOS EM TEOLOGIA E D I T A L Prot. FAJE 15/2015 PROGRAMA DE APROVEITAMENTO DE ESTUDOS EM TEOLOGIA Nos termos do presente Edital e de acordo com a Portaria de 01/12/2011 (Prot. 32/2011), torno público que estão abertas

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB. Edital Nº 54, de 22 de julho de 2010

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB. Edital Nº 54, de 22 de julho de 2010 Edital Nº 54, de 22 de julho de 2010 A Coordenadora da UAB da Universidade Estadual de Maringá, no uso das atribuições, TORNA PÚBLICO A abertura de inscrições para o processo seletivo de TUTORIA (Tutor

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO INSTITUTO DE ENERGIA. EDITAL CPG-IEE005/2014 Abertura do Processo Seletivo para Mestrado e Doutorado para

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO INSTITUTO DE ENERGIA. EDITAL CPG-IEE005/2014 Abertura do Processo Seletivo para Mestrado e Doutorado para UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO INSTITUTO DE ENERGIA EDITAL CPG-IEE005/2014 Abertura do Processo Seletivo para Mestrado e Doutorado para Ingresso no Programa de Pós-Graduação em Energia do Instituto de Energia

Leia mais

EDITAL Nº 001/2016 1 DO CURSO, MODALIDADE,DURAÇÃO EM SEMESTRES,ATOSAUTORIZATIVOS,VAGA

EDITAL Nº 001/2016 1 DO CURSO, MODALIDADE,DURAÇÃO EM SEMESTRES,ATOSAUTORIZATIVOS,VAGA Vestibular 2016.1 EDITAL Nº 001/2016 A Diretora da Faculdade Afonso Mafrense (FAM), no uso de suas atribuições legais e regimentais, baseada no Regimento Geral da FAM, após aprovar o curso e respectivas

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO VERA CRUZ

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO VERA CRUZ ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO VERA CRUZ SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL DE LICITAÇÃO Nº 01/2010 MODALIDADE CONVITE PROCESSO Nº 058/2010 Contratação de serviços

Leia mais

O CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE, no exercício de suas atribuições legais e regimentais,

O CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE, no exercício de suas atribuições legais e regimentais, RESOLUÇÃO CFC N.º 1.389/12 Dispõe sobre o Registro Profissional dos Contadores e Técnicos em Contabilidade. O CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE, no exercício de suas atribuições legais e regimentais, RESOLVE:

Leia mais