ACIDENTES NA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ACIDENTES NA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA"

Transcrição

1 ACIDENTES NA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA Luiz Carlos Bleggi Torres Fernanda Marder Torres A maioria das informações contidas neste texto foram retiradas e baseadas no site da ONG Criança Segura, conforme citado nas referências bibliográficas. Toda criança vive constantemente exposta a perigos. Negar a existência deles é fugir da realidade. Criar um meio ambiente artificial isento de perigos é impraticável e mesmo impossível. Os pais ou responsáveis e os professores devem tornar-se atentos aos fatores que podem levar a acidentes e aprender como preveni-los. A proteção passiva por si só não é suficiente. A criança, tão cedo quanto possível, deve ser ensinada a compreender os riscos que corre. As lesões não intencionais ou os acidentes acontecem durante um lapso de supervisão ou porque um mecanismo de segurança não foi utilizado (cinto de segurança, capacete etc.). Nesse sentido, dois erros são frequentemente cometidos pelos adultos: 1) Atribuir à criança mais inteligência do que ela possui. 2) Achar que ela é incapaz de pensar e aprender por si própria. No grupo de crianças de 1 a 14 anos, lesões envolvendo veículos automotores, afogamento, quedas e queimaduras provocam no Brasil cerca de mortes e mais de 119 mil hospitalizações anualmente, segundo dados do Ministério da Saúde, configurando-se como uma séria questão de saúde pública. Estima-se que 90% dessas lesões podem ser prevenidas a partir da combinação de 243

2 educação, modificações no meio ambiente, modificações de engenharia e criação e cumprimento de legislação e regulamentações específicas. (ONG Criança Segura Safe Kids Brasil). ATROPELAMENTO Poucas crianças menores de 14 anos de idade podem lidar seguramente com o trânsito de veículos e meios de transportes (carros, motos, bicicletas, skates, patinetes, carroças etc.) porque: 1) Têm dificuldade de estimar a velocidade com que os veículos e os outros meios de transporte estão se movendo, a que distância eles estão e quanto tempo levam para alcançá-las, criando problemas para o reconhecimento e para a reação ao perigo; 2) Crianças entre 5 e 9 anos de idade são atropeladas nas ruas e entradas de garagens próximas às suas casas quando correm entre carros estacionados ou quando caminham na beira da rua ou atravessam no meio da quadra ou na frente de um carro que está sendo manobrado, principalmente quando o carro dá a ré, pois a altura delas está no ponto cego do motorista. A independência faz parte do desenvolvimento da criança e os adultos, muitas vezes, querem apoiar essa crescente autoestima. No entanto, o ato de atravessar a rua, crianças não devem ser deixadas sozinhas. O risco de ocorrer um acidente pode ser reduzido com o exemplo dos adultos e com o ensino de um comportamento seguro para pedestres. Protegendo a criança O mais importante para ensinar um comportamento de pedestre seguro é praticá-lo você mesmo: atravessar as ruas olhando para ambos os lados, respeitar os sinais de trânsito e faixas para pedestres e, antes de atravessar na frente dos veículos, fazer contato visual com os motoristas para ter certeza de que eles viram você. Não permitir que uma criança menor de 10 anos atravesse a rua sozinha. A supervisão de um adulto é vital até que ela demonstre habilidade e capacidade de reconhecer o perigo do tráfego de veículos. Segurar sempre a sua mão, firme, pelo pulso enquanto estiverem caminhando na rua. Proibir que as crianças brinquem nas entradas de garagens, nos quintais sem cerca ou muros, nas ruas ou estacionamentos, principalmente ao entardecer e ao anoitecer. 244

3 Fazer com que as crianças sempre usem o mesmo trajeto para destinos comuns como a escola. Caminhar com seu filho ou alunos para encontrar o caminho mais seguro com menos ruas para atravessar e menor fluxo de automóveis. Para evitar atropelamentos durante à noite, use lanternas ou materiais refletivos nas roupas da criança. Não deixar a criança atravessar a rua saindo por entre os carros estacionados ou após descer do ônibus ou carro, nem sair de trás de árvores, arbustos, muros e portões (os motoristas não enxergam as crianças). Conscientizar a criança de que não deve correr atrás da bola, do cachorro ou de alguém diretamente para a rua sem parar no meio-fio ou beira da rua. Orientar a criança a caminhar de frente para o sentido do tráfego nas calçadas ou nos caminhos, o mais à esquerda possível. Observar os carros que estão virando ou dando ré. Caminhar em fila única sempre que estiver com mais crianças. Ao desembarcar do ônibus, esperar que o veículo pare totalmente para descer e aguardar que ele se afaste para atravessar a rua. Ensinar o seguinte para as crianças: parar no meio-fio ou na margem da rua; olhar para os dois lados antes de atravessar, acelerar o passo e continuar olhando para os lados enquanto atravessa; atravessar nas esquinas usando os sinais de trânsito e as faixas para pedestres. ACIDENTES COM VEÍCULOS Os acidentes de trânsito são responsáveis pelo maior número de mortes de crianças e adolescentes na faixa etária de 1 a 14 anos no Brasil. A maneira como a criança viaja no carro é tão importante quanto a velocidade do veículo, as condições da estrada e as condições do motorista. Por isso, houve a necessidade de criarem-se regras para o transporte das crianças no país. A Resolução 277 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), publicada em maio de 2008, regulamentou o transporte de crianças em veículos. Segundo a norma, crianças de até 7 (sete) anos e meio devem ser transportadas obrigatoriamente no banco traseiro e em dispositivos de 245

4 retenção de acordo com a idade. Em 2010, no dia 1º de setembro, iniciaram-se as ações de fiscalização por parte dos órgãos de trânsito. Protegendo a criança Para transitar em veículos automotores, os menores de dez anos deverão ser transportados nos bancos traseiros usando individualmente cinto de segurança ou sistema de retenção equivalente 1. Muitas colisões acontecem próximo à área de destino e origem ou em ruas com baixos limites de velocidade. Por isso é importante usar a cadeira sempre, mesmo em pequenas distâncias. Nunca sair de carro com crianças sem estes sistemas de retenção, mesmo que seja para ir até a esquina. Uma cadeirinha de má qualidade ou instalada de modo inadequado não cumpre a função de proteção à criança. Os modelos de cadeirinhas confiáveis e seguros são aqueles que estão de acordo com as normas técnicas do país de fabricação e origem, com selo de qualidade e segurança. Entretanto, não basta apenas comprar um desses artigos para garantir a segurança da criança. É essencial usar cadeiras certificadas, apropriadas ao peso da criança e que se adaptem devidamente ao seu veículo. É importante instalar o equipamento de acordo com as instruções do manual. A maioria das cadeiras e assentos de segurança é instalada de forma incorreta. Certificar-se de que a cadeirinha possui o selo do Inmetro. Esta é a garantia de que o produto foi testado e pode resistir a um acidente. Se o produto não possuir a certificação, não compre. Na hora de comprar a cadeirinha Existem 3 (três) tipos de assentos de segurança para os carros de passeio brasileiros. Conchinhas: para crianças de até 9 (nove) meses ou até cerca de 10 (dez) quilos. Reversíveis: para crianças de 9 (nove) meses a 4 (quatro) anos ou entre 9 (nove) e 20 (vinte) quilos. 246

5 Assentos elevatórios (boosters): para crianças de 4 (quatro) anos a 12 (doze) anos ou de até 1,45 metros de altura. * Quando a criança medir mais de 1,45 metros de altura, deverá andar no banco de trás usando o cinto de três pontos do carro, sem a cadeirinha. CRIANÇA SOZINHA NO CARRO Para a criança, o carro pode ser um verdadeiro brinquedo a ser explorado e o porta-malas pode tornar-se o local perfeito para a brincadeira de esconde-esconde. O acesso da criança ao veículo quando está sozinha e sem supervisão ativa de um adulto pode colocá-la em sérios riscos. A criança pode ficar presa no veículo, correndo sérios perigos como a asfixia e queimaduras, ou acabar provocando e sofrendo um acidente se soltar o freio de mão intencionalmente. A mudança de rotina também pode levar o adulto a esquecer o bebê (ou a criança) dentro do carro por horas, gerando consequências muito graves. Um bebê (ou criança) esquecido dentro de um carro, com uma temperatura externa de 38ºC, pode ficar exposto a uma temperatura de até 60ºC dentro do veículo. Esta criança pode sofrer queimaduras graves e paradas cardíaca e respiratória. Por isso, é importante adotar medidas de prevenção para evitar que isto aconteça. Protegendo a Criança Nunca deixar a criança sozinha dentro do carro, mesmo com o vidro levemente aberto. Colocar algo que você vá precisar em sua próxima parada, como bolsas, o almoço, uma mochila ou uma maleta, no chão do banco de trás onde a criança está sentada. Esse ato simples pode prevenir o esquecimento acidental da criança caso ela esteja dormindo. Ao mudar sua rotina para deixar as crianças na creche ou na escola, seja cuidadoso. Peça para a creche te avisar caso seu filho não chegue ao local após alguns minutos do horário que você costuma deixá-lo. Sempre trancar as portas e o porta-malas do veículos, especialmente em casa. Mantenha as chaves e os controles automáticos do carro fora do alcance das crianças. Observar as crianças de perto quando próximas a veículos, especialmente no momento de carregar e descarregar o carro. Certificar-se que todas as crianças já estão acomodadas devidamente nos dispositivos de retenção (bebê conforto, cadeirinha, assento de elevação) quando o motor do carro já 247

6 estiver em funcionamento. Isso limitará o acesso das crianças ao controle das janelas. Nunca deixar as crianças sem supervisão. Certificar-se de que todas as crianças deixaram o veículo quando chegar ao seu destino. Supervisionar também as crianças que estiverem dormindo. Nunca deixar o carro sozinho com o motor ligado e as portas destravadas. Crianças curiosas podem entrar e engatar o veículo. Assim como qualquer corda ou cabo, os cintos do carro também podem representar riscos para a criança. Não permitir que elas brinquem com eles. Acionar as travas de segurança resistentes a crianças. Manter o encosto do banco de trás travado para ajudar a prevenir que as crianças vão ao porta-malas por dentro do carro. Se uma criança sumir, checar o carro e o porta-malas em primeiro lugar. Se você vir uma criança sozinha dentro de um carro, ligue para o 190 imediatamente. Ensinando a Criança Ensinar as crianças a nunca brincarem dentro de veículos, pois ele serve exclusivamente para transporte. Orientar as crianças que os porta-malas são usados apenas para o transporte de carga e não são locais seguros para brincar. Ensinar as crianças mais velhas como desabilitar as travas das portas de trás pela porta do motorista caso fiquem presas não-intencionalmente no veículo. Uma criança que está aprendendo a andar não saberá como ir para o banco da frente para sair do carro. Mostrar para as crianças mais velhas como localizar e utilizar a trava de emergência do porta-malas que existe nos modelos de carros mais modernos. AFOGAMENTO Em um país como nosso, em que a temperatura é amena ou quente boa parte do ano e onde existem muitos rios, represas, lagos, lagoas e praias, além de piscinas que estão em lugares como parques, clubes, condomínios e casas, o cuidado com as crianças que frequentam estes espaços deve ser reforçado. 248

7 Os afogamentos podem ocorrer em diversos locais como: rios, piscinas, mar, valetas, poços, bacias, baldes e vasos sanitários. Acontecem quando as crianças são deixadas soltas sem supervisão e de forma rápida e silenciosa. Entretanto, é importante salientar que os perigos estão também em ambientes familiares, tais como: piscinas, baldes e banheiras. Uma criança que começou a andar recentemente, por exemplo, pode afogar-se em 2,5 cm de profundidade de água. Uma grande parte das crianças que se afogam em piscinas estava em casa ou em clubes e ficou fora da vista dos pais ou responsáveis por menos de 5 minutos. Protegendo a Criança Esvaziar baldes, bacias e piscinas plásticas imediatamente após o uso. Guardá-los virados para baixo e fora do alcance de crianças. Despejar a água antes de retirar a criança da banheira e esconder a tampa de modo que a criança não possa preparar o seu próprio banho. Nunca deixar uma criança com menos de 3 (três) anos sozinha na banheira, mesmo quando ela já se senta bem. Durante o banho, não atender ao telefone e nem à porta. Manter a tampa do vaso sanitário fechada e usar trancas nos banheiros e casinhas. Não deixar as crianças mergulharem sem terem aprendido antes técnicas de mergulho. Crianças devem aprender a nadar com instrutores qualificados ou em escolas de natação especializadas. Se os pais ou responsáveis não sabem nadar, devem aprender também. Cuidar com troncos e galhos escondidos no fundo dos lagos e lagoas e com a profundidade local. Crianças devem aprender a nadar e usar sempre coletes salva-vidas. Procure saber quais amigos da criança ou vizinhos possuem piscina. Certifique-se de que a criança será cuidada por um adulto enquanto visita o amigo. A criança deve sempre nadar com um companheiro. Nadar sozinha é muito perigoso. Evitar locais com aglomerações na água para que ninguém caia ou mergulhe sobre os outros. Nunca deixar uma criança sem supervisão dentro ou próximo de água, mesmo em piscinas rasas. Um adulto deve sempre supervisioná-las de forma ativa e constante. As piscinas devem ser protegidas com cercas de no mínimo 1,5 metros que não possam ser escaladas e portões com cadeados ou trava de segurança que dificultem o acesso dos pequenos. 249

8 Grande parte dos afogamentos com bebês acontece em banheiras. Na faixa etária até dois anos, até vasos sanitários e baldes podem ser perigosos. Nunca deixar as crianças, sem vigilância, próximas a pias, vasos sanitários, banheiras, baldes e recipientes com água. Evitar brinquedos e outros atrativos próximos à piscina e reservatórios de água. Bóias e outros equipamentos infláveis passam uma falsa segurança. Eles podem estourar, virar a qualquer momento e ser levados pela correnteza. O ideal é a criança usar sempre um colete salva-vidas quando estiver em embarcações, próxima a rios, represas, mares, lagos e piscinas, e quando estiver praticando esportes aquáticos. Muitos casos de afogamentos aconteceram com pessoas que achavam que sabiam nadar. Não superestime a habilidade de crianças e adolescentes. Ensinando a criança Sempre nadar com um companheiro adulto. Nadar sozinho é muito perigoso. Respeitar as placas de proibição nas praias, os guarda-vidas e verificar as condições das águas abertas. Não brincar de empurrar, dar caldo dentro da água ou simular que está se afogando. Saber ligar para um número de emergência e passar as informações de localização e do que está acontecendo em caso de perigo SUFOCAÇÃO OU ENGASGAMENTO Em 2009, segundo dados do Ministério da Saúde, 761 crianças de até 14 anos foram vítimas deste tipo de acidente. Até os 4 anos de idade, a criança está muito exposta a este risco pois é nesta fase que se inicia a exploração do mundo ao redor por meios dos cinco sentidos (tato, audição, olfato, paladar e visão). Dentre os acidentes, a sufocação (obstrução das vias aéreas) é a primeira causa de morte em bebês de até um ano. Protegendo a Criança Bebês devem dormir em colchão firme, DE BARRIGA PARA CIMA, cobertos até a altura do peito com lençol ou manta presos embaixo do colchão e os bracinhos para fora. 250

9 O colchão deve estar bem preso ao berço (não mais que dois dedos de espaço entre o berço e o colchão) e sem qualquer embalagem plástica. Na hora de dormir, evitar o excesso de roupas e fraldas no bebê. Remover do berço todos os brinquedos, travesseiros e objetos macios quando o bebê estiver dormindo, para reduzir o risco de asfixia. Ter muita cautela em relação ao berço. Procurar berços certificados pelo Inmetro, conforme as normas de segurança da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). Ficar atento às grades de proteção do berço, que devem estar fixas e não devem ter mais que 6 cm de distância entre elas. Comprar somente brinquedos apropriados para a criança. Verificar as indicações de idade no selo do Inmetro. Tenha certeza de que o piso está livre de objetos pequenos como botões, colar de contas, bolas de gude, moedas, tachinhas. Tirar esses e outros pequenos itens do alcance do bebê. Considerar a utilização de um testador para determinar essas partes pequenas de brinquedos que oferecem risco de engasgamento para crianças de até 4 anos. Utilizar uma embalagem plástica de filme fotográfico como referência, pois ela possui o diâmetro (3 cm) aproximado da garganta da criança e poderá alertar para o risco de forma bastante visual; Considerar a compra de cortinas ou persianas sem cordas para evitar que crianças menores corram o risco de estrangulamento. Na hora da alimentação, cortar os alimentos em pedaços bem pequenos. QUEDAS As quedas representam a principal causa de internação entre os acidentes com crianças e adolescentes de até 14 anos no Brasil. Isso quer dizer que a queda caracteriza-se como o acidente que mais gera hospitalização de nossas crianças. A maior parte dos acidentes é resultante de quedas de escadas, telhados, muros, cercas, cavalos, carroças, tratores e carretas, bicicletas, patins, patinetes e skates. Características físicas próprias do desenvolvimento da criança favorecem as quedas, como o tamanho e o peso da cabeça em relação ao corpo, que acabam facilitando o desequilíbro. 251

10 Protegendo a Criança Cada criança necessita de um tipo de prevenção de acidentes de acordo com alguns fatores que podem interferir, tais como: tipo de casa e localização; cercanias da casa; nível socioeconômico; com quem ela fica; o trajeto da criança para a escola; como é a sua escola; estágio do desenvolvimento e o nível de atividade da criança. Entre crianças de 1 a 4 anos, acontecem com frequência razoável quedas de móveis, da cama, de equipamentos de recreação, de degraus, de escadas e de altura. Entre 5 e 14 nos, são mais frequentes acidentes relacionados a atividades recreativas e esportivas. Em grande parte das cidades brasileiras, existem edificações cobertas apenas por laje. Essas lajes exercem grande atração entre crianças das diferentes faixas etárias, constituindo um local onde realizam diversas atividades e brincadeiras. É um local muito perigoso para a realização dessas brincadeiras, pois com frequência ocorrem quedas com traumatismos variados, que geram lesões graves e alta taxa de mortalidade. A queda de objetos pesados sobre a criança, como televisores, por exemplo, também pode causar lesões graves e até a morte. A televisão costuma ser muito atrativa para os pequenos, com tantos botões, imagens e sons. A criança tanto pode mexer sozinha no eletrodoméstico como equilibrar-se nele para levantar do chão, causando a queda da TV ou qualquer outro objeto pesado sobre ela. Por isso, supervisione sempre a criança, mesmo que em uma atividade a princípio sem riscos como assistir à TV. Certifique-se de que os móveis, além de fixos e estáveis, podem suportar bem o peso do aparelho Ensinando a Criança As crianças devem brincar em locais seguros. Escadas, sacadas e lajes não são lugares para brincar. Explicar às crianças os perigos de andar em tratores, carretas e carroças sem a supervisão de adultos e ensinar-lhes como se comportar. 252

11 Usar portões de segurança no topo e na base das escadas. Caso a escada seja aberta, instalar redes ao longo dela. Instalar grades ou redes de proteção nas janelas, sacadas e mezaninos. Crianças com menos de 6 anos não devem dormir em beliches. Se não tiver escolha, colocar grades de proteção nas laterais. Manter camas, armários e outros móveis longe das janelas, pois podem facilitar que crianças os escalem e se debrucem para fora do prédio ou casa. Bicicleta é um veículo, não um brinquedo. Ao andar de bicicleta, skate ou patins, o uso de equipamentos de segurança como capacete e joelheira é fundamental. Cuidar com pisos escorregadios e colocar antiderrapante nos tapetes. Deve-se sempre observar as crianças quando estiverem brincando nos parquinhos. Verificar se os brinquedos estão em boas condições e se são adequados à idade da criança. Não permitir que a criança pule dos equipamentos recreativos. Alerte-a para a função do brinquedo: por exemplo, escalar e descer pelo lado correto. Manter uma mão segurando o bebê durante a troca de fraldas. Nunca deixar um bebê sozinho em mesas, camas ou outros móveis, mesmo que seja por pouco tempo. Não permitir que crianças brinquem perto de barreiras e barrancos. Quando acionar a emergência Se houver perda de consciência. Se a criança apresentar sonolência, irritabilidade, alteração de comportamento, convulsão, vômitos. Se a criança reclamar de dor, especialmente no pescoço ou no dorso. Se a criança persistir chorando, inconsolável. Se a criança estiver sangrando ou com escorrimento de outro fluido do nariz, ouvidos ou boca. Se a criança apresentar sinais sugestivos de fraturas. 253

12 Se houver qualquer dúvida sobre os sintomas apresentados, as lesões ou o comportamento após a queda. Proporcionar brincadeiras que estimulam a criatividade e a consciência corporal dos pequenos é essencial para o desenvolvimento das crianças, porém, é preciso que os pais estejam sempre atentos para evitar que os momentos de diversão se tornem um perigo. QUEIMADURAS O Brasil segue registrando um número elevado de crianças que sofrem queimaduras. O pior é que esse problema mora dentro de casa: 45% dos casos acontecem dentro do próprio lar, sendo que a grande maioria poderia ter sido evitada caso houvesse adoção de métodos simples de segurança. O fogo exerce uma atração quase mágica na infância uma curiosidade que pode ser fatal. A brincadeira começa no quarto, quando estão sozinhos com fósforos ou isqueiros, e pode transformar-se em um incêndio de grandes proporções. Uma tomada sem proteção, o cabo da panela virado para fora do fogão e materiais inflamáveis perto do fogo também representam sérios riscos para a criança. Protegendo a Criança Manter a criança longe da cozinha e do fogão, principalmente durante o preparo das refeições. Cozinhar nas bocas de trás do fogão e sempre com os cabos das panelas virados para trás, para evitar que as crianças entornem os conteúdos sobre elas. O uso de protetores de fogão é um cuidado a mais para evitar que a criança tenha acesso às panelas. Evite carregar as crianças no colo enquanto mexe em panelas no fogão ou manipula líquidos quentes. Até um simples cafezinho pode provocar graves queimaduras na pele de um bebê. Quando estiver tomando ou segurando líquidos quentes, fique longe das crianças. Não utilizar toalhas de mesa compridas ou jogos americanos. As mãozinhas curiosas podem puxar estes tecidos, causando escaldadura ou queimadura de contato. 254

13 Durante o banho do bebê, colocar primeiro a água fria e verificar a temperatura da banheira com o cotovelo ou dorso da mão. Não deixar as crianças brincarem por perto quando você estiver passando roupa nem largar o ferro elétrico ligado sem vigilância. Não deixe crianças brincarem perto dos locais onde alguém estiver cozinhando ou passando roupa. Cuidar com os fios dos outros eletrodomésticos. Se possível, mantenha-os no alto. Não existem fogos de artifícios inofensivos. Esses produtos causam geralmente queimaduras graves. Além disso, eles podem explodir ocasionando mutilações nas mãos e na face. Cuidado com as festas juninas e com a imprudência no uso de materiais. Fogos de artifício devem ser manipulados por profissionais e NUNCA por crianças. Nas festas juninas não permitir brincadeiras com balões ou de saltar fogueira. Não deixe que ele faça parte da brincadeira, principalmente quando já houver fogueira, chama ou braseiro em uso por perto. Certifique-se de que os adultos não estão ensinando maus hábitos para as crianças como, por exemplo, fumar na cama, manusear fogos de artifícios e álcool para acender o fogo. Eletricidade Brincadeiras com pipas só devem ocorrer longe dos fios de alta tensão, para evitar o risco de queimaduras graves e mesmo morte instantânea. Somente permitir que as crianças empinem pipas em campos abertos, com boa visibilidade, sem a presença de fios e postes de eletricidade. Verificar sempre o estado das instalações elétricas. Fios desencapados podem ser muito perigosos. Evitar ligar vários aparelhos eletrônicos em uma mesma tomada. As tomadas devem estar protegidas por tampas apropriadas, esparadrapo, fita isolante ou mesmo cobertas por móveis. Fios elétricos devem estar isolados e longe do alcance das crianças. Cuidados com eletrodomésticos em mau estado de conservação como ventiladores e geladeiras, que podem causar choque e curto-circuito. Não colocar objetos metálicos (facas, garfos etc.) dentro de equipamentos elétricos. 255

14 Inflamáveis ² Não deixar fósforos, isqueiros e outras fontes de energia ao alcance das crianças. Guardar todos os líquidos inflamáveis em locais altos e trancados, longe do alcance das crianças. Muito cuidado com o álcool. Ele é responsável por um grande número de queimaduras graves em crianças. Guardar o produto longe do alcance delas. O mais seguro é substituir qualquer versão de álcool por outros produtos de limpeza doméstica, como água e sabão. Nunca jogar álcool engarrafado sobre chamas ou brasas, nem utilizar este produto para cozinhar. O álcool poderá explodir, provocando queimaduras graves ou até fatais. Só acenda velas em recipientes fundos (como jarros de vidro) ou num prato fundo com água. Tire todos os aquecedores portáteis do alcance das crianças. IMPORTANTE: Se mesmo tomando todos estes cuidados, um acidente ocorrer, leve a criança ao posto de saúde ou hospital mais próximo para que seja orientada, avaliada e tratada. ENVENENAMENTOS O ambiente doméstico, onde acontecem a maior parte dos acidentes, possui vários tipos de venenos em potencial. A exploração do espaço é uma atividade importante para o desenvolvimento infantil. Colocar objetos na boca ou tentar pegar frascos com líquidos coloridos são comportamentos característicos das crianças, mas que também podem colocá-las em grande risco de envenenamento e intoxicação não intencional. O envenenamento é a quinta causa de hospitalização por acidentes com crianças de 1 a 4 anos. Por isso, é necessário adaptar a casa para proteger as crianças, além de vigiá-las em todos os lugares. Protegendo a Criança Medicamentos Devem ser guardados em armários altos e trancados a chave, em suas embalagens originais e com a bula, longe do alcance das crianças. Remédios de uso adulto e de uso infantil com embalagem semelhante têm de ser armazenados em lugares diferentes. 256

15 Sempre checar a data de validade e a dose antes da administração. Sempre ler os rótulos e seguir exatamente as instruções para dar remédios às crianças, considerando o peso e a idade, sob orientação médica e usando o medidor que acompanha o medicamento. Manter os produtos em suas embalagens originais. O que sobrar do remédio no fim do tratamento deve ser jogado fora. Como as crianças tendem a imitar os adultos, evite tomar medicamentos na frente delas. Remédio é remédio, doce é doce. Mesmo que as crianças recusem, não mentir para elas. Cosméticos e produtos de higiene Produtos comuns como líquidos para higiene bucal podem ser nocivos se a criança os engolir em grande quantidade. Sempre manter estes produtos fora da vista e do alcance das crianças. Sempre manter os produtos em suas embalagens originais. Dar preferência a embalagens com tampas a prova de abertura por crianças. Essas tampas de segurança não garantem que a criança não abrirá a embalagem, mas podem dificultar bastante, a tempo de que alguém intervenha. Produtos de limpeza Devem ser guardados em armários altos, trancados com chave ou travas especiais, fora da vista e do alcance das crianças. Não misturar soluções de limpeza, pois podem produzir vapores tóxicos. Procurar saber quais produtos domésticos são venenosos. Nunca deixar produtos venenosos sem atenção enquanto os usa. Bastam alguns segundos para que ocorra um envenenamento. Manter os produtos em suas embalagens originais. Nunca colocare um produto tóxico em outra embalagem que não a de origem. Isso pode confundir a criança. Jogar fora embalagens de substâncias potencialmente tóxicas. 257

16 Não criar novas soluções de limpeza misturando diferentes produtos designados para outro fim. Esta nova mistura pode ser nociva e mais tóxica. Procurar por produtos de limpeza que você não utiliza mais e desfazer-se deles. Plantas Ensinar às crianças desde cedo que não devem tocar ou levar plantas à boca. Informar-se sobre as espécies venenosas mais comuns, dentro e fora de casa Saber quais plantas ao redor de sua casa são venenosas. Removê-las ou deixá-las inacessíveis às crianças. Jogar fora embalagens de venenos e agrotóxicos. Brinquedos Ao adquirir um brinquedo para a criança, certificar-se que ele é atóxico, ou seja, não contém componentes tóxicos. A tinta e o material de alguns brinquedos também podem causar envenenamento. Evite comprar os de procedência desconhecida. Procurar sempre adquirir brinquedos que contenham o selo de aprovação do Inmetro. Em caso de suspeita de envenenamento Entrar em contato imediatamente com o Pronto-Socorro ou Centro de Controle de Toxicologia de sua cidade para receber orientações adequadas. Anotar os números de telefones de emergência em local próximo ao telefone (posto de saúde, pronto-socorro, bombeiros e(ou) centro de informações toxicológicas). ACIDENTES COM ARMAS DE FOGO As crianças têm uma atração impressionante por armas de fogo. Há um contexto mágico, heróico, aventureiro em torno delas. E, quando se interessam por algo, os pequenos descobrem como consegui-lo. Normalmente, por mais que os pais escondam, as crianças sabem onde está a arma. E, quando descobrem, chamam o amiguinho para ver. 258

17 Perto de dois terços dos pais possuidores de armas de fogo com filhos em idade escolar acreditam que guardam suas armas seguramente longe deles. No entanto, um estudo descobriu que quando uma arma estava em casa, boa parte dos alunos do Ensino Fundamental e do Ensino Médio sabia onde ela estava guardada. Poucas crianças abaixo de oito anos podem seguramente distinguir entre armas reais e de brinquedo ou entender completamente as consequências de suas ações. Crianças de três anos de idade são fortes o suficiente para puxar o gatilho de muitos revólveres. Por isso, guardar armas de fogo em lugares seguros, fora do alcance das crianças, é primordial. Por que as crianças estão em risco? Alguns pais pensam que suas crianças não estão em risco porque eles não possuem armas. Outros pais pensam que seus filhos estão seguros porque eles possuem armas e as crianças sabem das regras. Uma subestimação da capacidade da criança para ganhar acesso a uma arma de fogo em casa é um problema comum. Além disso, ao contrário dos adultos, as crianças são incapazes de distinguir entre uma arma real e armas de brinquedo. A verdade é que todas as crianças estão potencialmente em risco de acidentes com armas de fogo. No entanto, sabendo como e por que ocorrem, é possível reduzir substancialmente esse risco. Quase todos os tiros fatais acidentais ocorrem dentro da casa da vítima ou na casa de um amigo ou parente. A maioria dessas mortes envolve armas que foram guardadas carregadas e em locais de fácil acesso para as crianças quando estavam brincando. Para a segurança de sua criança com relação à armas de fogo, você deve considerar se vale a pena manter uma arma de fogo em sua casa. Se você optar por mantê-la, armazená-la com segurança e fora do alcance da criança, e manter a munição em um local separado. Além disso, você deve conversar com seu filho sobre os perigos das armas de fogo, ensinando-o a nunca tocar ou brincar com elas. A casuística de acidentes com armas de fogo é mais alta nas áreas rurais, onde provavelmente maior número de pessoas possui armas de fogo e as utilizam ao ar livre para caçar ou exercitar tiro ao alvo. Situações de Alto Risco com armas de fogo Armas de fogo acessíveis em casa. Armas de fogo acessível em outra casa (vizinhos, amigos, parentes). 259

18 Munições e armas de fogo armazenados juntos. Falta de supervisão. Protegendo a criança Ter a consciência das situações que podem aumentar o risco de seu filho à exposição à armas de fogo pode ajudar a prevenir acidentes. De preferência, não tenha armas. A menos que sua profissão exija esse tipo de equipamento, desarme-se. Com crianças em casa, qualquer arma é um perigo em potencial para elas. Por isso, sempre considerar seriamente os riscos. Armazenamento adequado Guardar as armas de fogo descarregadas, travadas e fora do alcance das crianças. Guardar as munições em um lugar separado e trancado. Manter as armas guardadas com chaves e lacres de combinação escondidos em lugares separados. Fazer um curso de uso, manutenção e armazenamento seguro de armas. Verificar com vizinhos Mesmo que a sua própria casa seja livre de armas de fogo, seu filho pode visitar outra casa, onde armas de fogo são mantidas. Sempre certificar-se com os vizinhos, amigos e parentes se eles possuem ou não armas de fogo em casa. Se possuírem, verificar se armazenam com segurança as suas armas de fogo, fora do alcance das crianças. Ensinando a Criança: Conversar com as crianças sobre o grande perigo das armas. Ensinar as crianças a nunca tocar ou brincar com armas. Ensinar as crianças a contar a um adulto onde se encontra uma arma. 260

19 PREVENÇÃO DE ACIDENTES E A SUSTENTABILIDADE A prevenção de acidentes, por si só, já é uma atitude sustentável. Com de simples gestos, como a educação continuada, podemos passar adiante as principais atitudes e ações que vão prevenir a ocorrência dos principais acidentes tratados neste capítulo. Para isso, é muito importante que as escolas busquem parceiros na realização de campanhas informativas. Existem muitos programas estaduais e federais, organizações não governamentais (ONGs) e empresas multinacionais que possuem programas voltados para a orientação sobre a segurança na infância e adolescência. Por meio de palestras e materiais didáticos, como filmes, sites na internet, livros ilustrados, estas empresas revertem à sociedade um pouco da responsabilidade social que é um dos pilares da sustentabilidade. CAMPANHA EDUCATIVA CONTRA ACIDENTES Os acidentes na idade escolar verificam-se quase sempre fora de casa, nas escolas, ruas ou praças de desportos. Entre os escolares, os acidentes mais frequentes são atropelamento, queimaduras, afogamento, acidentes com armas de fogo, acidentes com objetos cortantes e picadas de animais peçonhentos³ (aranhas, cobras e escorpiões). Programas educativos devem ser realizados nas escolas, promovendo a própria iniciativa do aluno na manutenção das condições de segurança, tanto na escola como fora dela. Esses programas visam educar a criança no sentido de uma maior atenção ao atravessar a rua, dos riscos de brincar com objetos perigosos, lidar com jogos, brincar próximo a montes de lixo, tijolos, lenha ou próximo à rios e lagos. Estes programas educativos podem ser feitos por meio de histórias, teatros, cartilhas e murais envolvendo todos os alunos da escola e também com a apresentação aberta aos familiares. Cabe aos pais promover a educação de seus filhos, informando-os sobre a responsabilidade pessoal na defesa contra os acidentes e orientá-los a fim de que informem situações potencialmente perigosas como, por exemplo, encontrar tambores de agrotóxicos espalhados, rios contaminados, armas de fogo, ninho de aranhas, cobras, lagartos etc. A prevenção de acidentes e a vida com saúde são direitos de todas as crianças e todos os adolescentes. Por isso, cabe a todos nós orientá-los à medida que vão crescendo e se desenvolvendo. 261

20 CONCLUSÕES As crianças devem ser supervisionadas de forma ativa e constante. Muitos acidentes ocorrem rapidamente e de forma silenciosa. Ensinar as crianças, quanto mais cedo possível, a compreender os riscos aos quais estão expostos, suas consequências e a importância da prevenção. A melhor forma de evitar os acidentes na infância é a prevenção. Esta começa dentro de casa e, principalmente, com a participação e exemplo dos pais e, em extensão, dos professores e educadores. Programas educativos devem ser promovidos tanto dentro como fora das escolas, pois são uma ferramenta muito importante na educação para se evitar acidentes. REFERÊNCIAS CRIANÇA SEGURA BRASIL. Cuidados para uma criança segura. Disponível em: <http://www. criancasegura.org.br>. CRIANÇA SEGURA BRASIL. Dicas de Prevenção. Disponível em: <http://criancasegura.org.br/page/dicasde-prevencao>. ATIRAR. Acidentes e incidentes com armas de fogo. Disponível em: <http://www.mvb.org.br/campanhas/ acidentesearmas.php>. BABYCENTER. O que fazer em caso de quedas. Disponível em: <http://brasil.babycenter.com/baby/ protecao/quedas/>. BABYCENTER. Queimaduras em crianças: o que fazer. Disponível em: <http://brasil.babycenter.com/ baby/protecao/queimadura/>. BLOG DA CRIANÇA. Dicas de Prevenção de Atropelamento. Disponível em: <http://www.blogdacrianca. com/dicas-de-prevencao-de-atropelamento>. BLOG EM DEFESA DA CRIANÇA SAUDÁVEL. Como proteger seu filho de quedas e prestar primeiros socorros a crianças. Disponível em: <http://diganaoaerotizacaoinfantil.wordpress.com/2009/05/20/comoproteger-seu-filho-de-quedas-e-prestar-primeiros-socorros-a-criancas/>. BLOG EM DEFESA DA CRIANÇA SAUDÁVEL. Manual para evitar o Afogamento de Crianças. Disponível em: <http://diganaoaerotizacaoinfantil.wordpress.com/2009/10/06/manual-para-evitar-afogamentos-de-criancas/>. CRESCER. Manual de primeiros socorros contra envenenamentos de crianças. Disponível em: <http:// revistacrescer.globo.com/revista/crescer/0,,emi ,00.html>. E.EDUCACIONAL. Armas de fogo. Disponível em: <http://www.educacional.com.br/reportagens/acidentes/ armas.asp> 262

Corpo de Bombeiros. São Paulo

Corpo de Bombeiros. São Paulo Corpo de Bombeiros São Paulo ACIDENTES E INCÊNDIOS CRIANÇAS As crianças sempre serão uma preocupação na questão SEGURANÇA dentro ou fora do lar. Por sua condição de fragilidade e pelo desconhecimento dos

Leia mais

Corpo de Bombeiros. São Paulo

Corpo de Bombeiros. São Paulo Corpo de Bombeiros São Paulo A C I D E N T E S E INCÊNDIOS CRIANÇAS As crianças sempre serão uma preocupação na questão SEGURANÇA dentro ou fora do lar. Por sua condição de fragilidade e pelo desconhecimento

Leia mais

Dicas de Prevenção de Acidentes com Crianças

Dicas de Prevenção de Acidentes com Crianças Dicas de Prevenção de Acidentes com Crianças Queimaduras Acidentes envolvendo queimaduras hospitalizam milhares de crianças e deixam outras milhares com seqüelas permanentes, cujo tratamento é, na maioria

Leia mais

Prevenção de Acidentes na Infância. Cuidado e atenção são indispensáveis.

Prevenção de Acidentes na Infância. Cuidado e atenção são indispensáveis. Prevenção de Acidentes na Infância. Cuidado e atenção são indispensáveis. Os principais acidentes na faixa etária de 1 a 3 anos são: Quedas Cortes Queimaduras Choques elétricos Afogamentos Ingestão de

Leia mais

FÉRIAS ESCOLARES ACIDENTES DOMÉSTICOS

FÉRIAS ESCOLARES ACIDENTES DOMÉSTICOS FÉRIAS ESCOLARES X ACIDENTES DOMÉSTICOS As férias escolares exigem mais cuidados com os acidentes domésticos porque as crianças ficam mais tempo em casa e isso aumenta o risco de ocorrerem acidentes que

Leia mais

Acidentes domésticos são aqueles que ocorrem no local onde habitamos ou em seu entorno.

Acidentes domésticos são aqueles que ocorrem no local onde habitamos ou em seu entorno. 0 a 6 meses Prevenção de acidentes domésticos Recomendações Acidentes domésticos são aqueles que ocorrem no local onde habitamos ou em seu entorno. Quanto mais nova for a criança, maior a necessidade de

Leia mais

Prevenção de Acidentes na Infância

Prevenção de Acidentes na Infância Prevenção de Acidentes na Infância Prevenção de Acidentes na Infância 1 Os acidentes ou lesões não-intencionais são as principais causas de morte de crianças de até 14 anos no Brasil. A boa notícia é que

Leia mais

PREVENÇÃO DE ACIDENTES NA INFÂNCIA CAUSAS E SOLUÇÕES

PREVENÇÃO DE ACIDENTES NA INFÂNCIA CAUSAS E SOLUÇÕES PREVENÇÃO DE ACIDENTES NA INFÂNCIA CAUSAS E SOLUÇÕES Introdução As crianças pequenas não têm a capacidade para avaliar o perigo, pelo que qualquer objeto que encontram em casa pode transformar-se num brinquedo

Leia mais

Acidentes não são fatalidades. Os acidentes podem ser prevenidos e evitados.

Acidentes não são fatalidades. Os acidentes podem ser prevenidos e evitados. Acidentes não são fatalidades. Os acidentes podem ser prevenidos e evitados. CUIDADOS BÁSICOS COM O BEBÊ Na hora da alimentação é importante: - Testar a temperatura do leite ou outros alimentos no dorso

Leia mais

Introdução. Esses acidentes são os mais variados possíveis. Ingestão de água sanitária ou outros

Introdução. Esses acidentes são os mais variados possíveis. Ingestão de água sanitária ou outros Introdução Quase todos os dias vemos nos noticiários ou ouvimos dos colegas relatos de acidentes ocorridos em residências, principalmente com crianças. Estatísticas de acidentes indicam que acidentes fatais

Leia mais

Acidentes na Infância

Acidentes na Infância Acidentes na Infância Realizado por: Ana Cristina Pinheiro Mário Quintaneiro ACIDENTES NA INFÂNCIA Os acidentes são a maior causa de morbilidade e mortalidade na infância e a maioria deles é prevenível,

Leia mais

Olá, Mamãe! Aproveite a leitura e boa viagem!

Olá, Mamãe! Aproveite a leitura e boa viagem! Olá, Mamãe! Esta cartilha é um presente pra você. Uma forma de ajudá-la a desempenhar uma das funções mais importantes da sua vida: justamente a tarefa de ser mãe. Cada vez mais, além de cuidar da saúde

Leia mais

Acidentes: como preveni-los?

Acidentes: como preveni-los? Acidentes: como preveni-los? Mónica Oliva Ilustrações de António João 31 Janeiro 2009 Oliveira do Hospital 1 Sabia que... Os acidentes são a maior causa de morte, doença a e incapacidade definitiva e temporária

Leia mais

CRIANÇAS e as férias de verão

CRIANÇAS e as férias de verão CRIANÇAS e as férias de verão Atenção. Diversão. Segurança. Brincadeiras. Cuidado. Confira um universo de recomendações para garantir dias tranquilos em uma das épocas mais esperadas do ano. Mês de dezembro

Leia mais

Dicas de Segurança Infantil UNIMED

Dicas de Segurança Infantil UNIMED Dicas de Segurança Infantil UNIMED 2 Como proteger uma criança de um afogamento...5 Como proteger uma criança de um acidente com brinquedos...6 Como proteger uma criança de uma intoxicação (envenenamento)...9

Leia mais

Você no Trânsito Criança

Você no Trânsito Criança Você no Trânsito Criança Elas são habituais companheiras de viagem no veículo pelo menos duas vezes por dia. São transportadas da casa para a escola, da escola para a casa, para o dentista, médico, natação,

Leia mais

ACIDENTES E CAUSAS EXTERNAS MEDIDAS DE PREVENÇÃO

ACIDENTES E CAUSAS EXTERNAS MEDIDAS DE PREVENÇÃO ACIDENTES E CAUSAS EXTERNAS MEDIDAS DE PREVENÇÃO Dr.Vinícius B. Cruz Acidentes A Organização Mundial de Saúde OMS define acidente como um acontecimento independente da vontade humana, desencadeado pela

Leia mais

- O bebê não poderá ser deixado só na banheira, nem mesmo enquanto se apanha uma toalha.

- O bebê não poderá ser deixado só na banheira, nem mesmo enquanto se apanha uma toalha. Acidentes no Lar - Crescimento X acidente As habilidades cognitivas, perceptuais e motoras da criança mudam rapidamente com o crescimento e a expõem a um risco diferente de acidentes, conforme a faixa

Leia mais

Outros. Nasceu nos Estados Unidos em 1987 Principais causas de mortes por acidentes (lesões não intencionais) Ministério da Saúde - Brasil 2001

Outros. Nasceu nos Estados Unidos em 1987 Principais causas de mortes por acidentes (lesões não intencionais) Ministério da Saúde - Brasil 2001 14/4/2010 Números Óbitos de Crianças de 01 a 14 anos - 2001 - Brasil Fonte: Ministér io d a S aúde do Brasil aproximadamente 7mil 35% crianças morrem por ano 32% Causas Externas Outros 26% (LNI) 30% 6%

Leia mais

Acidentes domésticos podem ser prevenidos. Entre pediatras e especialistas da área de cuidados com as crianças, é senso comum que, se os responsáveis

Acidentes domésticos podem ser prevenidos. Entre pediatras e especialistas da área de cuidados com as crianças, é senso comum que, se os responsáveis Acidentes domésticos podem ser prevenidos. Entre pediatras e especialistas da área de cuidados com as crianças, é senso comum que, se os responsáveis tivessem mais orientações ou tomassem mais cuidado

Leia mais

DEFESA DEFESA CIVIL CIVIL

DEFESA DEFESA CIVIL CIVIL DEFESA CIVIL Dicas de Segurança Governo do Estado do Rio Grande do Sul Gabinete de Governo - Casa Militar Prefeitura Municipal de Balneário Pinhal Coordenadoria Estadual de Defesa Civil Coordenadoria Municipal

Leia mais

www.cpsol.com.br Uma brincadeira muito popular entre as crianças é empinar papagaios ou pipas, antes de fazê-lo observe algumas simples regras:

www.cpsol.com.br Uma brincadeira muito popular entre as crianças é empinar papagaios ou pipas, antes de fazê-lo observe algumas simples regras: EMPINAR PAPAGAIOS Uma brincadeira muito popular entre as crianças é empinar papagaios ou pipas, antes de fazê-lo observe algumas simples regras: Nunca empine pipas em locais onde houver cabos elétricos

Leia mais

PREVENÇÃO DE ACIDENTES NO LAR ACIDENTES DOMÉSTICOS

PREVENÇÃO DE ACIDENTES NO LAR ACIDENTES DOMÉSTICOS PREVENÇÃO DE ACIDENTES NO LAR ACIDENTES DOMÉSTICOS Acidentes domésticos são a causa líder de lesões e mortes de crianças de até 5 anos de idade. A maioria desses acidentes ocorre dentro ou nos arredores

Leia mais

Criança com deficiência

Criança com deficiência Criança com deficiência Não espero pelos outros. Começo eu mesmo. Como toda criança, a criança com deficiência precisa de muito amor, atenção, cuidados e proteção. Precisa também brincar com outras crianças

Leia mais

Você pode aprender e ensinar a sua família a se cuidar!

Você pode aprender e ensinar a sua família a se cuidar! Você pode aprender e ensinar a sua família a se cuidar! Como agir em caso de alertas meteorológicos, como ventos ou chuvas fortes? Fique em casa, mantenha a calma e informe-se pelos meios de comunicação.

Leia mais

Curta o acampamento de verão com segurança!

Curta o acampamento de verão com segurança! 1 Curta o acampamento de verão com segurança! Enquanto estamos contando os dias para o maior acampamento da Igreja Adventista no Brasil, nós queremos lembrá-lo da importância de ter um #acampamentoseguro!

Leia mais

Educação para a cidadania

Educação para a cidadania Educação para a cidadania Algumas vezes temos que conviver com os problemas. A criança aprende valores essenciais para uma vida digna e solidária, na convivência com sua família e comunidade. A melhor

Leia mais

Preparar a festa de Natal nem sempre é tarefa fácil.

Preparar a festa de Natal nem sempre é tarefa fácil. Preparar a festa de Natal nem sempre é tarefa fácil. Começando pela decoração, passando pela organização da ceia, pela lista de compras e pela escolha das prendas, designadamente, dos brinquedos, todos

Leia mais

Guia de Puericultura. Alimentação

Guia de Puericultura. Alimentação Guia de Puericultura Com o nascimento do bebé, os pais necessitam de adquirir uma série de artigos. A oferta no mercado é cada vez maior, por isso é importante estar informado: com este guia ajudamo-la

Leia mais

1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA

1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA [REV.01 14032012] Obrigado por adquirir o ventilador Eros Cadence, um produto de alta tecnologia, seguro e eficiente. É muito importante ler atentamente este manual de instruções, as informações contidas

Leia mais

DICAS PARA REDUÇÃO DO CONSUMO DE ENERGIA ELÉTRICA EM CASA

DICAS PARA REDUÇÃO DO CONSUMO DE ENERGIA ELÉTRICA EM CASA DICAS PARA REDUÇÃO DO CONSUMO DE ENERGIA ELÉTRICA EM CASA SELO PROCEL Prefira equipamentos com SELO PROCEL, e/ou consumo A de consumo de energia. GELADEIRA Evitar abrir a porta toda hora. Regular o termostato

Leia mais

Dicas para minimizar o. risco de quedas

Dicas para minimizar o. risco de quedas saúde Sinal Canal de Comunicação da Sistel para os Usuários de Saúde Ano I - Nº 1 - Março 2014 Dicas para minimizar o risco de quedas Adaptação dos ambientes e produtos específicos podem evitar quedas

Leia mais

PREVENÇÃO DE ACIDENTES NA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA

PREVENÇÃO DE ACIDENTES NA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA PREVENÇÃO DE ACIDENTES NA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA Sandra Moreira Monteiro CONCEITOS BÁSICOS ACIDENTE (ou Evento Causador de Injúria Física ) Uma cadeia de eventos que: a) ocorra em um período curto de

Leia mais

campeao - da seguranca. pode empinar o nariz que esse premio ^ e seu.

campeao - da seguranca. pode empinar o nariz que esse premio ^ e seu. campeao - da seguranca. pode empinar o nariz que esse premio ^ e seu. - - O poder de prevenir acidentes e seu. - Todo super-herói tem muita energia. Mas os verdadeiros heróis são aqueles que sabem usar

Leia mais

Tema 3 Comportamentos específicos de segurança

Tema 3 Comportamentos específicos de segurança Escola Básic a 2º º e 3º º Ciclos s Escola E. B. 2, 3 de Sabóia ANO LECTIVO 2008/2009 Formação Cívica 5ºA Módulo Cidadania e Segurança Tema 3 Comportamentos específicos de segurança" Tema Conteúdo Competências

Leia mais

Manual de Instruções. Aquecedor de Ambiente Halógeno. Modelo: MA - 012 H. Versão 191212. www.martau.com.br SAC: 0800 51 7546. ATENÇÃO: Não Cobrir

Manual de Instruções. Aquecedor de Ambiente Halógeno. Modelo: MA - 012 H. Versão 191212. www.martau.com.br SAC: 0800 51 7546. ATENÇÃO: Não Cobrir ATENÇÃO: Não Cobrir www.martau.com.br SAC: 0800 5 7546 Versão 922 Aquecedor de Ambiente Halógeno Modelo: MA - 02 H Anotações Índice - Introdução...4 2 - Recomendações de segurança...5 2. - Símbolos e

Leia mais

Mantendo as Crianças em Segurança

Mantendo as Crianças em Segurança PORT.SAFETY 2013 Mantendo as Crianças em Segurança Colocar-se em situações de perigo não é sinal de mau comportamento. As crianças precisam aprender a se manter em segurança à medida que exploram o mundo.

Leia mais

Dicas de Segurança no Lar. Douglas Neves Estudante de Segurança do Trabalho

Dicas de Segurança no Lar. Douglas Neves Estudante de Segurança do Trabalho Dicas de Segurança no Lar Douglas Neves Estudante de Segurança do Trabalho Cozinha Dicas seguras para utilizar fogão e botijão de gás: A cada dois anos, seu fogão deve ser regulado e revisado, a fim de

Leia mais

Dicas de Segurança II

Dicas de Segurança II Dicas de Segurança II Ao Viajar Casa ou apartamento Não comente sua viagem com pessoas estranhas por perto. Avise a um vizinho de confiança sobre a sua viagem. Se possível, deixe um número de telefone

Leia mais

Educação para a cidadania

Educação para a cidadania Educação para a cidadania Aproveite a sua capacidade de criar. A criança aprende valores essenciais para uma vida digna e solidária, na convivência com sua família e comunidade. A melhor maneira de ensinar

Leia mais

STAR. Modelo N106 Grupos I, II e III. SAC: (11) 4072 4000 www.infanti.com.br

STAR. Modelo N106 Grupos I, II e III. SAC: (11) 4072 4000 www.infanti.com.br STAR Modelo N106 Grupos I, II e III SAC: (11) 4072 4000 www.infanti.com.br Conheça seu Assento de Segurança Cuidados e Manutenção A B C Encosto Guia lateral do cinto de segurança Braçadeiras do cinto (pres.

Leia mais

Corpo de Bombeiros. São Paulo

Corpo de Bombeiros. São Paulo Corpo de Bombeiros São Paulo ACIDENTES E INCÊNDIOS DOMÉSTICOS ADULTOS Acidentes Os acidentes domésticos são muito comuns. Mesmo com todo o cuidado, há objetos e situações que podem tornar todas as divisões

Leia mais

Crianças de 1 A 3 ANOS. anos

Crianças de 1 A 3 ANOS. anos Crianças de 1 A 3 ANOS 13a anos CRIANÇAS ENTRE 1 E 3 ANOS Renata D. Waksman e Wilson Maciel O desenvolvimento da criança após 1 ano de idade se faz de maneira muito intensa e rápida, numa sucessão coordenada

Leia mais

MANUAL COM DICAS SOBRE CONSUMO DE ENERGIA

MANUAL COM DICAS SOBRE CONSUMO DE ENERGIA SISTEMA SOLAR DE AQUECIMENTO DE ÁGUA a) Quando for adquirir um sistema de aquecimento solar dê sempre preferência aos modelos com o Selo Procel. b) Dimensione adequadamente o sistema (coletores e reservatórios)

Leia mais

Criança com deficiência

Criança com deficiência Criança com deficiência Não espero pelos outros. Começo eu mesmo. Como toda criança, a criança com deficiência precisa de muito amor, atenção, cuidados e proteção. Precisa também brincar com outras crianças

Leia mais

Corpo de Bombeiros. São Paulo

Corpo de Bombeiros. São Paulo Corpo de Bombeiros São Paulo ACIDENTES E INCÊNDIOS DOMÉSTICOS ADULTOS E IDOSOS Acidentes Os acidentes domésticos são muito comuns. Mesmo com todo o cuidado, há objetos e situações que podem tornar todas

Leia mais

Prevenção de Acidentes na Criança e Adolescente

Prevenção de Acidentes na Criança e Adolescente Prevenção de Acidentes na Criança e Adolescente João Joaquim Freitas do Amaral 1, Antônio Carvalho da Paixão 2 1. Departamento de Saúde Materno-Infantil, Faculdade de Medicina, Universidade Federal do

Leia mais

Concept. Dispositivo de Retenção Infantil Grupos 1 2 3 (9kg 36kg) Manual de Instrução

Concept. Dispositivo de Retenção Infantil Grupos 1 2 3 (9kg 36kg) Manual de Instrução Dispositivo de Retenção Infantil Grupos 1 2 3 (9kg 36kg) 1031 Manual de Instrução Apresentação Esse é um dispositivo de retenção para crianças, utilizado em veículos rodoviários, de acordo com a norma

Leia mais

Berço Playard cercado para dormir e brincar H600

Berço Playard cercado para dormir e brincar H600 ABNT NBR 5860-:200 MANUAL DE INSTRUÇÕES Berço Playard cercado para dormir e brincar H600 IMPORTANTE LER COM ATENÇÃO E GUARDAR PARA EVENTUAIS CONSULTAS ADVERTÊNCIA: esteja ciente do risco de chama aberta

Leia mais

Feliz Natal... em segurança!

Feliz Natal... em segurança! Feliz Natal... em segurança! A Direção-Geral do Consumidor, à semelhança dos anos anteriores, relembra aos consumidores um conjunto de cuidados que devem ser observados na preparação e nos festejos desta

Leia mais

COMO AMAMENTAR SEU FILHO

COMO AMAMENTAR SEU FILHO COMO AMAMENTAR SEU FILHO Cabeça e corpinho do bebê ficam alinhados em uma mesma reta. Barriga do bebê fica encostada na barriga da mãe. Apoiar o bumbum do bebê. Mãe segura a mama com seu dedão acima da

Leia mais

BRIGADA DE INCÊNDIO ORGANIZAÇÃO DA BRIGADA DE INCÊNDIO

BRIGADA DE INCÊNDIO ORGANIZAÇÃO DA BRIGADA DE INCÊNDIO BRIGADA DE INCÊNDIO Brigada de Incêndio: É um grupo organizado de pessoas voluntárias ou não, treinadas e capacitadas para atuarem dentro de uma área previamente estabelecida na prevenção, abandono e combate

Leia mais

TU TU RMA TURMA LETÍCIA LEVY LELÊ RMA. Pronto! Agora você já conhece a turminha toda! SUPERLEGAL LEGUINHO VOCÊ ESTÁ ENTRANDO NO MUNDO DA

TU TU RMA TURMA LETÍCIA LEVY LELÊ RMA. Pronto! Agora você já conhece a turminha toda! SUPERLEGAL LEGUINHO VOCÊ ESTÁ ENTRANDO NO MUNDO DA TU TU RMA RMA LEVY líder natural da turma, é o mais velho... tem uma ingenuidade franca, sempre acredita em si e nos outros e tem uma curiosidade extrema e contagiante. VOCÊ ESTÁ ENTRANDO NO MUNDO DA LEGAL.

Leia mais

CONSTRUÇÃO CIVIL E A REDE ELÉTRICA

CONSTRUÇÃO CIVIL E A REDE ELÉTRICA CONSTRUÇÃO CIVIL E A REDE ELÉTRICA O QUE É A COCEL? A COCEL leva energia elétrica a toda Campo Largo. É esta energia que permite que as fábricas, o comércio e todo o setor produtivo funcionem. É graças

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Secador de Cabelos Perfum SEC700

MANUAL DO USUÁRIO. Secador de Cabelos Perfum SEC700 MANUAL DO USUÁRIO Secador de Cabelos Perfum SEC700 Obrigado por adquirir o Secador de Cabelos Perfum, modelo SEC700, um produto de qualidade, seguro, eficiente e desenvolvido com a mais alta tecnologia.

Leia mais

O que fazer em caso de sismo

O que fazer em caso de sismo www.aterratreme.pt O que fazer em caso de sismo Todos os anos se realiza o exercício de prevenção de risco sísmico A Terra Treme, pois é importante relembrar as regras básicas de segurança incluindo alguns

Leia mais

Limpeza e manutenção. Conheça a Minicadeira para Carro. Informações complementares

Limpeza e manutenção. Conheça a Minicadeira para Carro. Informações complementares Conheça a Minicadeira para Carro Tira de cinto de segurança para os ombros Tira de ajuste Guarde este manual de instruções para eventuais consultas. 2 Alça para carregar Botão de ajuste na alça Em todos

Leia mais

II CAMPANHA DE CONSCIENTIZAÇÃO E PREVENÇÃO DE ACIDENTES COM CÃES

II CAMPANHA DE CONSCIENTIZAÇÃO E PREVENÇÃO DE ACIDENTES COM CÃES II CAMPANHA DE CONSCIENTIZAÇÃO E PREVENÇÃO DE ACIDENTES COM CÃES II CAMPANHA DE CONSCIENTIZAÇÃO E PREVENÇÃO DE ACIDENTES COM CÃES Todos os dias os hospitais do Paraná atendem mais de 100 vítimas de mordida

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO PRANCHA DE CABELOS LA BELLE PAC900

MANUAL DO USUÁRIO PRANCHA DE CABELOS LA BELLE PAC900 MANUAL DO USUÁRIO PRANCHA DE CABELOS LA BELLE PAC900 Obrigado por adquirir a Prancha de Cabelos PAC900. Um produto de alta tecnologia, seguro, eficiente, barato e econômico. É muito importante ler atentamente

Leia mais

EM TERMOS DE SEGURANÇA GERAL, QUANDO SE ENCONTRAR SOZINHO(A) EM CASA:

EM TERMOS DE SEGURANÇA GERAL, QUANDO SE ENCONTRAR SOZINHO(A) EM CASA: 3 envelhecimento e o aumento da longevidade da população O mundial são já uma realidade incontornável pelo que, faz todo sentido falar em esperança de vida saudável e em segurança. Assim, será muito importante

Leia mais

Dicas para segurança. no trânsito. realização. apoio

Dicas para segurança. no trânsito. realização. apoio Dicas para segurança no trânsito realização apoio 1 Dicas de viagem segura. Viajar sozinho ou com toda a família requer certas responsabilidades. Aqui você encontrará várias recomendações para uma viagem

Leia mais

TF-830 MOTOCICLETA. Leia cuidadosamente antes do uso

TF-830 MOTOCICLETA. Leia cuidadosamente antes do uso TF-830 MOTOCICLETA Leia cuidadosamente antes do uso Leia este manual cuidadosamente antes de usar este produto. O manual o informará como operar e montar o produto de uma forma correta para que nenhuma

Leia mais

SAIA DA MIRA SAIA DA MIRA DICAS DE PREVENÇÃO

SAIA DA MIRA SAIA DA MIRA DICAS DE PREVENÇÃO SAIA DICAS DE PREVENÇÃO Todos os dias, em vários lugares, estamos expostos a riscos. Seja no trabalho, em casa, na escola, ou quando estamos passeando. Por isso, a Prefeitura de São José dos Campos elaborou

Leia mais

MANUAL DOS PAIS UM PROJETO DESTINADO ÀS CRIANÇAS DA EDUCAÇÃO INFANTIL E SÉRIES INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL

MANUAL DOS PAIS UM PROJETO DESTINADO ÀS CRIANÇAS DA EDUCAÇÃO INFANTIL E SÉRIES INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL 1 UM PROJETO DESTINADO ÀS CRIANÇAS DA EDUCAÇÃO INFANTIL E SÉRIES INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL É hora de promover a segurança e a harmonia no trânsito. E os pais podem dar o exemplo. No Brasil, o índice

Leia mais

Segurança e Saúde Ocupacional. Comunicação e Prevenção de Acidentes de Trabalho

Segurança e Saúde Ocupacional. Comunicação e Prevenção de Acidentes de Trabalho Segurança e Saúde Ocupacional Comunicação e Prevenção de Acidentes de Trabalho 1ª Edição 2015 Principais orientações relacionadas ao acidente de trabalho Você sabe o que é um acidente de trabalho? É o

Leia mais

Manual de Instruções IMPORTANTE LER COM ATENÇÃO E GUARDAR PARA EVENTUAIS CONSULTAS. FUNNY - LS2057 CARRO BERÇO MÚLTIPLO COM ALÇA REVERSÍVEL

Manual de Instruções IMPORTANTE LER COM ATENÇÃO E GUARDAR PARA EVENTUAIS CONSULTAS. FUNNY - LS2057 CARRO BERÇO MÚLTIPLO COM ALÇA REVERSÍVEL FUNNY - LS2057 CARRO BERÇO MÚLTIPLO COM ALÇA REVERSÍVEL Manual de Instruções Para crianças do nascimento até 18 kg IMPORTANTE LER COM ATENÇÃO E GUARDAR PARA EVENTUAIS CONSULTAS. Conhecendo o produto capota

Leia mais

Regras de Trânsito do Japão

Regras de Trânsito do Japão Regras de Trânsito do Japão (Versão para pedestres e bicicletas) ~ Para não sofrer acidentes de trânsito ~ Supervisão: Polícia da Província de Gifu Edição / Publicação: Província de Gifu Regras básicas

Leia mais

AR-CONDICIONADO 8 H / DIA = 35,3% / MÊS

AR-CONDICIONADO 8 H / DIA = 35,3% / MÊS O Brasil vive uma crise hídrica e energética que está afetando a distribuição de ambos os recursos no país todo, em maior ou menor intensidade. O Estado de São Paulo, em especial a capital, vem sofrendo

Leia mais

IMPORTANTES. Jamais tenha armas no estabelecimento. Elas tendem a aumentar o resultado danoso da situação. A vida deve estar sempre em primeiro lugar.

IMPORTANTES. Jamais tenha armas no estabelecimento. Elas tendem a aumentar o resultado danoso da situação. A vida deve estar sempre em primeiro lugar. INTRODUÇÃO O crime e a violência têm origem por inúmeros fatores. Por isso, a atuação das polícias tem sido a mais abrangente e diversificada possível. Combina ações repressivas e preventivas, com o objetivo

Leia mais

INTRODUÇÃO atuação das polícias abrangente diversificada ações repressivas preventivas proteção esforço risco recom- pensa diagnóstico

INTRODUÇÃO atuação das polícias abrangente diversificada ações repressivas preventivas proteção esforço risco recom- pensa diagnóstico INTRODUÇÃO O crime e a violência têm origem por inúmeros fatores. Por isso, a atuação das polícias tem sido a mais abrangente e diversificada possível. Combina ações repressivas e preventivas, com o objetivo

Leia mais

15APOSTILA PERCEPÇÃO DE RISCOS E DENGUE

15APOSTILA PERCEPÇÃO DE RISCOS E DENGUE 15APOSTILA PERCEPÇÃO DE RISCOS E DENGUE Caros Colegas, Apresentamos a XV apostila das nossas Olimpíadas da Segurança, cujos temas, são a Percepção de Risco e a Dengue. A Percepção de Risco faz parte do

Leia mais

Cozinha Industrial. Juarez Sabino da Silva Junior Técnico de Segurança do Trabalho

Cozinha Industrial. Juarez Sabino da Silva Junior Técnico de Segurança do Trabalho Cozinha Industrial Juarez Sabino da Silva Junior Técnico de Segurança do Trabalho Serviços de alimentação Este tipo de trabalho aparenta não ter riscos, mas não é bem assim, veja alguns exemplos: Cortes

Leia mais

ML-6622 CHURRASQUEIRA ELÉTRICA

ML-6622 CHURRASQUEIRA ELÉTRICA ML-6622 CHURRASQUEIRA ELÉTRICA INTRODUÇÃO A Churrasqueira Elétrica ML-6622 NKS Milano é um produto de alta tecnologia e qualidade. Para melhor entender todas as funções deste aparelho, e utilizá-lo com

Leia mais

05 Queimaduras em cozinhas

05 Queimaduras em cozinhas 05 Queimaduras em cozinhas As queimaduras mais comuns são as provocadas por líquidos e a maioria das vítimas são as crianças. O álcool líquido está envolvido em grande parte dos acidentes que provocam

Leia mais

Não abra a carteira ou a bolsa na frente de estranhos. Separe pequenas quantias de dinheiro para pagar passagem, café, cigarros etc.

Não abra a carteira ou a bolsa na frente de estranhos. Separe pequenas quantias de dinheiro para pagar passagem, café, cigarros etc. Dicas de Segurança I Cuidados no dia-a-dia Nas Ruas Previna-se contra a ação dos marginais não ostentando objetos de valor como relógios, pulseiras, colares e outras jóias de valor. Evite passar em ruas

Leia mais

Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br. Manual de Segurança

Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br. Manual de Segurança Tel. (11) 5592-5592 / www.fortknox.com.br Segurança no dia-a-dia Vol. X Manual de Segurança Apresentação N ão há estratégias ou sistemas de segurança intransponíveis. Isso é o que dizem todos os especialistas

Leia mais

Manual de Instruções Bebê Conforto - Piccolina

Manual de Instruções Bebê Conforto - Piccolina Manual de Instruções Bebê Conforto - Piccolina (Ref. 8140) Página 1 de 7 Página 2 de 7 Página 3 de 7 Página 4 de 7 Para o uso da cadeira em automóveis ATENÇÃO: Como os fabricantes, modelos e ano de produção

Leia mais

Primeiros Socorros. O que fazer imediatamente após acontecer um acidente?

Primeiros Socorros. O que fazer imediatamente após acontecer um acidente? Primeiros Socorros Dicas de Primeiros Socorros Você não precisa ser um socorrista experiente para conseguir ajudar alguém que se machucou no meio da natureza. Mas algumas coisas são fundamentais ter em

Leia mais

Campanha de direção defensiva

Campanha de direção defensiva Riscos, perigos e acidentes Em tudo o que fazemos há uma dose de risco: seja no trabalho,quando consertamos alguma coisa em casa, brincando, dançando,praticando um esporte ou mesmo transitando pelas ruas

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES ICE MAKER MÁQUINA DE GELO MANUAL DE INSTRUÇÕES Leia atentamente este Manual, antes de usar seu ICE MAKER. Guarde-o em local seguro, para futuras consultas. Modelo: NI1000A - (Preto 127V) / NI1000B (Preto

Leia mais

Vem comigo, vamos saber mais! CONHECE OS RISCOS E PREVINE-TE, PARA VIVERES EM SEGURANÇA.

Vem comigo, vamos saber mais! CONHECE OS RISCOS E PREVINE-TE, PARA VIVERES EM SEGURANÇA. Vem comigo, vamos saber mais! CONHECE OS RISCOS E PREVINE-TE, PARA VIVERES EM SEGURANÇA. A PROTEÇÃO CIVIL E OS SEUS AGENTES POLÍCIA MARÍTIMA GNR CRUZ VERMELHA PSP INEM BOMBEIROS A protecão civil tem por

Leia mais

www.detran.pr.gov.br

www.detran.pr.gov.br www.detran.pr.gov.br INFELIZMENTE, A MAIOR PARTE DOS ACIDENTES COM MORTES NO TRÂNSITO BRASILEIRO ENVOLVEM MOTOCICLISTAS. POR ISSO, O DETRAN PREPAROU ALGUMAS DICAS IMPORTANTES PARA VOCÊ RODAR SEGURO POR

Leia mais

Mantenha as portas e as janelas abertas, inclusive nos dias frios, para evitar o aumento de germes no ar, o que facilita a transmissão de doenças.

Mantenha as portas e as janelas abertas, inclusive nos dias frios, para evitar o aumento de germes no ar, o que facilita a transmissão de doenças. Soninho Mantenha as portas e as janelas abertas, inclusive nos dias frios, para evitar o aumento de germes no ar, o que facilita a transmissão de doenças. Garanta que entre os colchonetes haja meio metro

Leia mais

Feliz Natal... em segurança!

Feliz Natal... em segurança! Feliz Natal... em segurança! A Direção-Geral do Consumidor, à semelhança dos anos anteriores, relembra aos consumidores um conjunto de cuidados que devem ser observados na preparação e nos festejos desta

Leia mais

1 Fique atento ao entrar ou sair de sua casa ou apartamento

1 Fique atento ao entrar ou sair de sua casa ou apartamento 1 Fique atento ao entrar ou sair de sua casa ou apartamento O momento em que entramos ou saímos de nossas residências, costuma oferecer grande risco, pois normalmente estamos distraídos, além de abrirmos,

Leia mais

PROCEDIMENTOS QUE SALVAM VIDAS!

PROCEDIMENTOS QUE SALVAM VIDAS! Instituto Português da ualidade PROCEDIMENTOS QUE SALVAM VIDAS! Brincar e nadar em segurança é uma brochura desenvolvida pela Direção-Geral do Consumidor, com o apoio do Instituto Português da Qualidade

Leia mais

POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO SETOR DE COMUNICAÇÃO SOCIAL MANUAL DE AUTO PROTEÇAO DO CIDADÃO.

POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO SETOR DE COMUNICAÇÃO SOCIAL MANUAL DE AUTO PROTEÇAO DO CIDADÃO. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO SETOR DE COMUNICAÇÃO SOCIAL MANUAL DE AUTO PROTEÇAO DO CIDADÃO. (A Parte, que se segue, foi extraída do Manual acima. O Manual completo pode ser baixado via Internet

Leia mais

MANUAL DE MONTAGEM - BERÇO ENCANTHUS

MANUAL DE MONTAGEM - BERÇO ENCANTHUS Móveis Qualidade para merecer você MANUAL DE MONTAGEM BERÇO ENCANTHUS De acordo com a Norma 15860/2010 da ABNT. BERÇO ENCANTHUS 173 O fabricante se reserva ao direito de introduzir modificações técnicas

Leia mais

A criança e as mídias

A criança e as mídias 34 A criança e as mídias - João, vá dormir, já está ficando tarde!!! - Pera aí, mãe, só mais um pouquinho! - Tá na hora de criança dormir! - Mas o desenho já tá acabando... só mais um pouquinho... - Tá

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO CLIMATIZADOR DE AR VENTILAR CLIMATIZE 300 CLI300

MANUAL DO USUÁRIO CLIMATIZADOR DE AR VENTILAR CLIMATIZE 300 CLI300 MANUAL DO USUÁRIO CLIMATIZADOR DE AR VENTILAR CLIMATIZE 300 CLI300 Obrigado por adquirir o Climatizador Cadence Ventilar Climatize 300, um produto de alta tecnologia, seguro e eficiente. É muito importante

Leia mais

PREVENÇÃO DE ACIDENTES DOMÉSTICOS

PREVENÇÃO DE ACIDENTES DOMÉSTICOS PREVENÇÃO DE ACIDENTES DOMÉSTICOS Ao falar de prevenção de acidentes domésticos fazemos um diferencial quanto aos acidentes no lar. Aqui vamos falar de acidentes que ocorrem ao realizar trabalhos domésticos

Leia mais

TRANSITO CUIDADO. Eliana Cristofolo MOTORISTA TENHA MUITA ATENÇÃO, AO DIRIGIR O SEU CARRÃO. PARE SEMPRE NA ESQUINA PARA VER SE VEM CARRO NÃO.

TRANSITO CUIDADO. Eliana Cristofolo MOTORISTA TENHA MUITA ATENÇÃO, AO DIRIGIR O SEU CARRÃO. PARE SEMPRE NA ESQUINA PARA VER SE VEM CARRO NÃO. CUIDADO NO TRANSITO MOTORISTA TENHA MUITA ATENÇÃO, AO DIRIGIR O SEU CARRÃO. PARE SEMPRE NA ESQUINA PARA VER SE VEM CARRO NÃO. AS CRIANÇAS DEVEM RESPEITAR PARA OS LADOS DEVEM OLHAR. SE NÃO VIER NENHUM AUTOMÓVEL

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO CLIMATIZADOR CADENCE VENTILAR CLIMATIZE 505 CLI505

MANUAL DO USUÁRIO CLIMATIZADOR CADENCE VENTILAR CLIMATIZE 505 CLI505 MANUAL DO USUÁRIO CLIMATIZADOR CADENCE VENTILAR CLIMATIZE 505 CLI505 Obrigado por adquirir o Climatizador Ventilar Climatize 505 Cadence, um produto de alta tecnologia, seguro e eficiente. É muito importante

Leia mais

CORTADOR DE CABELOS CERAMIC

CORTADOR DE CABELOS CERAMIC MANUAL DE INSTRUÇÕES CORTADOR DE CABELOS CERAMIC LIMPEZA E MANUTENÇÃO É extremamente importante, para manter a boa performance de corte, a realização da limpeza das lâminas após cada utilização do aparelho.

Leia mais

Manual de Consumo Consciente de Energia. Veja se você está aproveitando a energia com todo o conforto e segurança que ela traz.

Manual de Consumo Consciente de Energia. Veja se você está aproveitando a energia com todo o conforto e segurança que ela traz. Manual de Consumo Consciente de Energia. Veja se você está aproveitando a energia com todo o conforto e segurança que ela traz. Quando você utiliza energia de forma eficiente, todo mundo sai ganhando.

Leia mais

PROCEDIMENTOS QUE SALVAM VIDAS!

PROCEDIMENTOS QUE SALVAM VIDAS! Instituto Português da ualidade PROCEDIMENTOS QUE SALVAM VIDAS! Brincar e nadasr em segurança é uma brochura desenvolvida pela Direção- Geral do Consumidor, com o apoio do Instituto Português da Qualidade

Leia mais

11. Use sempre o cinto de segurança

11. Use sempre o cinto de segurança 11. Use sempre o cinto de segurança Aula Interdisciplinar Indicação: 6º ao 9º Ano do Ensino Fundamental O funcionamento do cinto foi descrito em detalhe na aula 10. A finalidade desta aula é insistir sobre

Leia mais

SKATE ELÉTRICO MANUAL DE INSTRUÇÕES. Leia atentamente este Manual, antes de usar seu SKATE ELÉTRICO. Guarde-o em local seguro, para futuras consultas.

SKATE ELÉTRICO MANUAL DE INSTRUÇÕES. Leia atentamente este Manual, antes de usar seu SKATE ELÉTRICO. Guarde-o em local seguro, para futuras consultas. SKATE ELÉTRICO MANUAL DE INSTRUÇÕES Leia atentamente este Manual, antes de usar seu SKATE ELÉTRICO. Guarde-o em local seguro, para futuras consultas. SEVEN SKATE ELÉTRICO SAC: (11) 5660.2600 Uso doméstico

Leia mais

REGRAS PARA NÃO SE TORNAR UMA VÍTIMA DA VIOLÊNCIA URBANA

REGRAS PARA NÃO SE TORNAR UMA VÍTIMA DA VIOLÊNCIA URBANA SEGURANÇA PESSOAL EM ÁREAS DE ALTO RISCO REGRAS PARA NÃO SE TORNAR UMA VÍTIMA DA VIOLÊNCIA URBANA (Adaptação) BANCO DO BRASIL DILOG/ PRINCIPAIS AMEAÇAS Seqüestro relâmpago Com duração de 1 a 24 horas,

Leia mais