Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução integral ou parcial deste artigo.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução integral ou parcial deste artigo."

Transcrição

1 de Queiroz SBF Aragão LBB Mota AB Smeke L de Lima VN Magro Filho O Bloco xenógeno para aumento do rebordo e colocação de implante dentário com finalidade estética na região anterior da maxila relato de caso com dois anos de acompanhamento Xenogeneic block as an alternative to reconstruction of bone defect with esthetic purposes in the anterior maxilla case report RESUMO O objetivo do presente trabalho foi analisar o uso de biomateriais e implantes odontológicos em aspectos relacionados aos critérios de utilização, vantagens ou desvantagens e eficácia dos mesmos nas áreas estéticas, melhorando o aspecto e a função das mesmas, já que estas devem caminhar juntas. Para tanto, será realizada uma revisão da literatura pertinente ao tema, assim como será relatado um caso clínico ilustrativo da utilização de enxerto ósseo xenógeno para correção de um defeito ósseo maxilar, com colocação simultânea de implantes osseointegrados, com acompanhamento clínico radiográfico subsequente. Unitermos Transplante ósseo; Implantes dentários; Reabilitação bucal; Estética dentária. ABSTRACT The dental loss is a problem that is present in much of the world s population, leading to aesthetic, functional, and often psychological changes. The oral rehabilitation with dental implants depends on an interconnection of a number of factors. The success of this type of prosthesis is connected directly to the health of surrounding tissues, as well as the accuracy and adaptation of components that involve this rehabilitation system. The biomaterials in the field of Dentistry can be used, such as bone grafts in regenerative or corrective surgery, restoring the lost bone tissue due to endodontic or periodontal disease, acting also in alveolar grafting of extracted teeth, avoiding reduction in the volume of alveolar ridge or in the maxillary sinus floor lifting, among other uses. The aim of this work is to analyze the use of biomaterials and dental implants in aspects related to the criteria of use, advantages, disadvantages and effectiveness in aesthetic areas, improving appearance and function, since they must walk together. For this purpose, a review of the literature concerning this subjetc will be held, as well as an illustrative clinical case is presented about the use of xenogeneic bone grafting for correction of a maxillary bone defect with simultaneous placement of dental implants and subsequent radiographic follow-up. Key words Bone transplantation; Dental implants; Mouth rehabilitation; Dental esthetics. Recebido em jun/2015 Aprovado em jun/2015 Sormani Bento Fernandes de Queiroz 1 Lia Barroso Brandão Aragão 2 Adriana Barreira Mota 3 Lilian Smeke 4 Valthierre Nunes de Lima 5 Osvaldo Magro Filho 6 1 Cirurgião bucomaxilofacial Unesp Araraquara; Mestre em Patologia Oral UFRN; Professor do curso de Odontologia FCRS, Quixadá/CE; Coordenador dos cursos de especialização em Implantes e Cirurgia, e Traumatologia Bucomaxilofacial Imed/ Equip, Quixadá/CE. 2 Especialista em Periodontia e Implantodontia, e mestra em Farmacologia UFC/CE; Professora do curso de Odontologia Unichristus, Fortaleza/CE. 3 Cirurgiã-dentista FCRS, Quixadá/CE; Aluna do curso de especialização em Prótese Dentária Imed/Equip, Quixadá/CE. 4 Especialista em Periodontia, mestranda em Ciência, Tecnologia e Gestão Aplicadas à Regeneração Tecidual Unifesp; Professa assistente do curso de especialização em Implantodontia Soesp. 5 Especialista em CTBMF Unipê, João Pessoa/PB; Mestrando em CTBMF FOA,Unesp Araçatuba. 6 Mestre e doutor em CTBMF, professor do Programa de Pósgraduação em CTBMF FOA, Unesp Araçatuba. 442

2 RELATO DE CASO CLÍNICO [ CADERNO CIENTÍFICO ] INTRODUÇÃO RELATO DE CASO CLÍNICO O osso é um tecido conjuntivo especializado, vascularizado e dinâmico que se modifica ao longo da vida do organismo. Quando lesado, possui uma capacidade única de regeneração e reparação sem a presença de cicatrizes. Mas, em algumas situações, devido ao tamanho do defeito, o tecido ósseo não se regenera por completo. Assim, se faz necessária a realização de procedimentos de enxertia óssea 1. Os biomateriais de enxerto podem ser classificados usualmente de acordo com sua origem e quanto ao seu mecanismo de ação. Quanto a sua origem, podem ser classificados em: autógenos, obtidos do próprio individuo; homógenos ou aloenxertos, obtidos em banco de ossos humanos; xenógenos ou heterógenos, provenientes de doadores de espécies diferentes; ou aloplásticos, que possuem origem sintética. Dentre os materiais biológicos, os enxertos de origem autógena são os que apresentam melhor previsibilidade por possuírem propriedades osteogênicas, osteocondutoras e osteoindutoras 2. Embora o autoenxerto seja considerado a primeira opção para enxertos ósseos ou padrão-ouro, sua disponibilidade é baixa e incorre em maiores custos operacionais e morbidade (sensibilidade aumentada) do sítio doador a curto e longo prazo. A previsibilidade dos resultados clínicos com a utilização de substitutos ósseos alógenos, xenógenos e aloplásticos levam a considerar essas opções como válidas para o processo de reparo tecidual, devido à ausência de reabsorção em volume, ao sítio cirúrgico unitário e ao melhor pós-operatório 3. O objetivo do presente trabalho foi relatar um caso de reabilitação estético-funcional utilizando implantes osseointegrados associados ao enxerto xenógeno em bloco, para corrigir a deficiência óssea vestibular. Uma paciente do sexo feminino, com 41 anos de idade, não fumante e sem alterações sistêmicas, que não fazia uso de medicamentos e com boa higiene bucal, procurou tratamento odontológico na clínica de Odontologia da Faculdade Católica Rainha do Sertão (Quixadá/CE), com queixa estética devido à falta de dentes na região do canino e do pré-molar superior do lado direito. Ao exame clínico, foram observadas as seguintes características: linha do sorriso alta (Figura 1) com defeito ósseo vestibular na região das áreas 13 e 15, comprometendo a estética e função. A paciente apresentava boa faixa de mucosa queratinizada (Figuras 1 a 3). No exame por tomografia computadorizada de feixe cônico (TCFC), pudemos observar altura de 13,52 mm da crista até o assoalho do seio e espessura de 8,59 mm na região do 15; e altura de 13,68 mm e espessura de 5,02 mm na região de 13, sendo assim suficiente para a colocação de implantes osseointegrados (Figura 4). Foi planejada a colocação de implantes HE de 3,75 mm de diâmetro por 13,5 mm de altura nas duas regiões de ausência dentária. Na região do 13, foi planejada a colocação de um bloco ósseo xenógeno (Bio- -Oss Collagen, Geistlich, Suíça) sobre a vestibular para correção estética do defeito ósseo. Foram solicitados exames laboratoriais pré-operatórios de rotina (hemograma, glicemia em jejum, TS, TC, TAP e TTPA), que não apresentaram qualquer alteração. As Figuras 5 a 7 mostram a sequência operatória do procedimento cirúrgico. Após sete dias, a paciente retornou para remoção das suturas, apresentando boa cicatrização e sem relato de queixas. Depois de oito meses, foi solicitada uma nova TCFC na qual não se observou qualquer sinal de anormalidade peri-implantar. Na região do elemento 13, o enxerto estava integrado no aspecto vestibular do rebordo, com ganho de volume e correção do defeito ósseo (Figura 8). A cirurgia de reabertura dos implantes para colocação dos cicatrizadores foi realizada e, duas semanas depois, a moldagem de transferência. As coroas metalocerâmicas implantossuportadas foram confeccionadas e instaladas cerca de dez meses após a cirurgia inicial. O último retorno da paciente para acompanhamento foi após dois anos e quatros meses de cirurgia, apresentando resultado de normalidade dos tecidos moles e duros peri-implantares, além de ausência de queixas álgicas (Figuras 9 a 11). 443

3 de Queiroz SBF Aragão LBB Mota AB Smeke L de Lima VN Magro Filho O Figura 1 Aspecto frontal inicial da paciente, evidenciando o comprometimento estético pela ausência dos dentes 13 e 15. Figura 2 Vista superior onde se observa a concavidade vestibular na região do 13. Figura 3 Vista vestibular com detalhe da região. Figura 5 Vista oclusal dos implantes posicionados e do defeito na região do elemento 13. Figura 4 Tomografia computadorizada feixe cônico das regiões a serem implantadas. Figura 6 Colocação do enxerto xenógeno em bloco na vestibular do elemento

4 RELATO DE CASO CLÍNICO [ CADERNO CIENTÍFICO ] Figura 7 Sutura com pontos simples isolados. Figura 9 Vista vestibular com dois anos e quatro meses de acompanhamento. Figura 8 Tomografia de feixe cônico com oito meses de pós-operatório. Boa integração e manutenção do volume do enxerto na área do elemento 13. Figura 10 Vista oclusal com dois anos e quatro meses de acompanhamento, onde é possível observar o contorno vestibular adequado na região do 13. Figura 11 Controle radiográfico com 28 meses (dois anos e quatro meses). 445

5 de Queiroz SBF Aragão LBB Mota AB Smeke L de Lima VN Magro Filho O A REABILITAÇÃO ORAL POR MEIO DE IMPLANTES OSSEOINTEGRADOS EXIGE UMA QUANTIDADE ADEQUADA DE OSSO, PERMITINDO UMA BOA ANCORAGEM 7. A REGENERAÇÃO DO OSSO ALVEOLAR REABSORVIDO É UM DOS DESAFIOS ATUAIS PARA A ODONTOLOGIA CLÍNICA, CONSIDERANDO QUE ALTURA E LARGURA APROPRIADAS SÃO NECESSÁRIAS PARA ACOMODAR UM IMPLANTE DE DIMENSÕES ADEQUADAS E COM UMA ANGULAÇÃO AXIAL QUE FAZ COM QUE SEJA POSSÍVEL FABRICAR A PRÓTESE. DISCUSSÃO Atualmente, a busca pela estética bucal tornou-se um dos principais motivos das consultas aos dentistas 4. Desta forma, os tratamentos estéticos, em geral, requerem um cuidadoso manejo, levando a resultados que realcem a autoestima do indivíduo e reforcem as suas características individuais e positivas, dentro do ambiente social, cultural e profissional onde estão inseridos 5. No caso relatado, observou-se no atendimento inicial da paciente que a principal queixa era em relação à estética. Seguindo essa afirmativa, foi estabelecido um protocolo de tratamento que visava contemplar suas necessidades, restabelecendo a estética e função dentária há muito tempo perdidas. Para isso, através de uma criteriosa avaliação, optou-se pela colocação de implantes osseointegrados e enxerto xenógeno em bloco. Os implantes osseointegrados representam uma alternativa de tratamento que, em muitas situações, pode ser considerada como a primeira escolha para a reabilitação quando um ou mais elementos dentais naturais estão ausentes 6. No caso apresentado, foi indicado o tratamento com implantes devido ao fato da paciente ser jovem, com boa qualidade de higiene oral e tecidos bucais saudáveis. Apresentava ainda dentes hígidos nas áreas vizinhas aos dentes ausentes, de modo que a confecção de próteses fixas convencionais levaria ao desgaste de estrutura dental sadia em pelo menos três dentes para a reposição dos dois dentes ausentes. Com a colocação de implantes, não seria necessário o desgaste de qualquer dente da paciente. A reabilitação oral por meio de implantes osseointegrados exige uma quantidade adequada de osso, permitindo uma boa ancoragem 7. A regeneração do osso alveolar reabsorvido é um dos desafios atuais para a Odontologia clínica, considerando que altura e largura apropriadas são necessárias para acomodar um implante de dimensões adequadas e com uma angulação axial que faz com que seja possível fabricar a prótese. As medidas tomográficas da paciente evidenciaram 13,52 mm da crista até o assoalho do seio maxilar e espessura de 8,59 mm na região do 15; e altura de 13,68 mm e espessura de 5,02 mm na região de 13, medidas estas suficientes para a colocação de implantes osseointegrados sem a necessidade de enxerto ósseo. No entanto, clinicamente havia um defeito ósseo que acarretava problemas estéticos importantes na região do elemento 13. Como a paciente tinha uma linha do sorriso alta, esse defeito se tornava bastante evidente, com compromisso estético importante, principalmente ao sorrir. Assim, o enxerto foi utilizado com o único objetivo de preenchimento do defeito para resolução do problema estético apresentado. O biomaterial utilizado na reconstrução óssea foi o Bio Oss Collagen. Segundo um estudo 8, ele converte-se rapidamente em osso autólogo, o que contribui para a estabilização do osso neoformado. Portanto, esta seria uma excelente opção para tratamentos ósseos regenerativos. Estudos em animais demonstraram uma taxa de reabsorção baixa, com uma quantidade elevada de partículas presentes, em longo prazo, sem a substituição completa 446

6 RELATO DE CASO CLÍNICO [ CADERNO CIENTÍFICO ] por formação de osso vital. Estes materiais possuem propriedades físicas e biológicas compatíveis com o tecido do hospedeiro, além de eliminar a necessidade de um segundo local cirúrgico para a colheita do tecido do doador, reduzindo desse modo a morbidade do procedimento 9. O conceito de sucesso em restaurações retidas por implantes para os pacientes é bem simples: o paciente preocupa-se somente com estética e função. Os dentistas, porém, precisam de um critério um pouco diferente de sucesso. Em termos, sucesso pode ser descrito, na visão do profissional, em: 1) estabilidade biológica (sem perda de tecidos duros e moles, por causa de infecção ou sobrecarga); 2) estabilidade mecânica; e 3) possibilidade de higienização 10. Como demonstrado no caso clínico relatado, o acompanhamento pós-operatório é fundamental para determinar o sucesso do tratamento. Consultas periódicas para verificar a estabilidade do implante e a saúde dos tecidos peri-implantares foram realizadas, além de exame tomográfico e radiografias periapicais. A tomografia foi importante para verificar a situação da área enxertada, assim como o ganho em espessura e a manutenção desse ganho após oito meses. As radiografias periapicais demonstraram ausência de áreas radiolúcidas peri-implantares, assim como a reabsorção do osso cervical peri-implantar dentro de níveis aceitáveis. Enfatiza-se que esse controle deverá ser realizado anualmente, sem limite de tempo em longo prazo. Referências 1. Fardin AC, Jardim ECG, Pereira FC, Guskuma MH, Aranega AM, Garcia Jr. IR. Enxerto ósseo em Odontologia: revisão de literatura. Inepo 2010 (completar). 2. Ferreira JRM, Dalapicula SS, Conz MB, JR GMV (verificar). Enxertos ósseos xenógenos utilizados na Implantodontia Oral. Revista ImplantNews 2007 (completar). 3. Castro-Silva IL, Coutinho LACR. Uso de enxertos ósseos na Odontologia de Cirurgiões-dentistas de Niterói/RJ. Revista Brasileira de Odontologia 2012 (completar). 4. Loe H, Anerud A, Boysen H. The natural history of periodontal disease in man: prevalence, severity and extent of gingival recession. J Periodontal 1992;63: Marinho TG, Barbosa AWS, Oliveira CCC, Gonçalves SRJ, Barreto SR. Odontologia estética em proporção: revisão de literatura ilustrada. Caderno de Graduação- Ciências Biológicas e da Saúde 2011 (completar). 6. Capelli M, Zuffeti F, Del Fabbro M, Testori T. Reabilitação imediata da mandíbula completamente desdentado com próteses fixas suportadas por implantes ou verticais ou inclinadas: um estudo clínico multicêntrico. Int J Oral Maxillofac Implants 2007;22(4): CONCLUSÃO O enxerto em bloco xenógeno pode ser uma boa alternativa para o preenchimento de defeitos ósseos vestibulares com finalidade estética na região anterior da maxila. Nota de esclarecimento Nós, os autores deste trabalho, não recebemos apoio financeiro para pesquisa dado por organizações que possam ter ganho ou perda com a publicação deste trabalho. Nós, ou os membros de nossas famílias, não recebemos honorários de consultoria ou fomos pagos como avaliadores por organizações que possam ter ganho ou perda com a publicação deste trabalho, não possuímos ações ou investimentos em organizações que também possam ter ganho ou perda com a publicação deste trabalho. Não recebemos honorários de apresentações vindos de organizações que com fins lucrativos possam ter ganho ou perda com a publicação deste trabalho, não estamos empregados pela entidade comercial que patrocinou o estudo e também não possuímos patentes ou royalties, nem trabalhamos como testemunha especializada, ou realizamos atividades para uma entidade com interesse financeiro nesta área. Endereço para correspondência Sormani Bento Fernandes de Queiroz Rua Joaquim Lima, Apto. 803 Papicu Fortaleza CE Tel.: (85) Dalapicula SS, Vidal Júnior GM, Conz MB, Cardoso ES. Características Físico-Químicas de dos biomateriais utilizados enxertias ósseas. EM (verificar): Uma Revisão Crítica. ImplantNews 2006;3(5): Sartori S, Silvestri M, Forni F, Cornaglia AI, Tesei P, Cattaneo V. Ten-year follow-up in a maxillary sinus augmentation using anorganic bovine bone (Bio-Oss). A case report with histomorphometric evaluation. Clin Oral Implants Res 2003;14(3): Canullo L. Vertical cume de aumento em torno de implantes utilizando e-ptfe reforçado titânio membrana e desproteinizada mineral óssea bovina: relato de caso. Int J Periodontics Restorative Dent 2006;26: (completar com o número da edição). 10. Nentwig GH. Ankylos implant system: concept and clinical application. J Oral Implantol 2004;30(3):

Apresentação clínica e histológica da utilização do substituto ósseo sintético Gen Phos ( ßTCP) em odontologia.

Apresentação clínica e histológica da utilização do substituto ósseo sintético Gen Phos ( ßTCP) em odontologia. Apresentação clínica e histológica da utilização do substituto ósseo sintético Gen Phos ( ßTCP) em odontologia. Resumo: Este estudo tem como objetivo apresentar o comportamento do substituto ósseo sintético

Leia mais

Enxerto de tecido conjuntivo com objetivo estético em prótese fixa

Enxerto de tecido conjuntivo com objetivo estético em prótese fixa Caso Selecionado Enxerto de tecido conjuntivo com objetivo estético em prótese fixa Cléverson O. Silva, Bruno César de Vasconcelos Gurgel, Fernando Rodrigues Pinto Uma vez que um dente é perdido, ocorre

Leia mais

ODONTOLOGIA. Baumer. Líder no Brasil. Forte no mundo. Enxertos Ósseos e Barreiras Biológicas LINHA DE ENXERTOS ÓSSEOS. SOLUÇÃO PARA: Odontologia

ODONTOLOGIA. Baumer. Líder no Brasil. Forte no mundo. Enxertos Ósseos e Barreiras Biológicas LINHA DE ENXERTOS ÓSSEOS. SOLUÇÃO PARA: Odontologia Enxertos Ósseos e Barreiras Biológicas SOLUÇÃO PARA: Odontologia ODONTOLOGIA TECNOLOGIA PARA: Implantodontia, Periodontia, Endodontia e Bucomaxilo. Vista Aérea - Parque Industrial Baumer - Mogi Mirim -

Leia mais

CAPÍTULO SUMÁRIO. CAPÍTULO 1 Histórico da implantodontia dentária: da antiguidade aos dias de hoje 1. CAPÍTULO 2 Anatomia maxilar e mandibular 13

CAPÍTULO SUMÁRIO. CAPÍTULO 1 Histórico da implantodontia dentária: da antiguidade aos dias de hoje 1. CAPÍTULO 2 Anatomia maxilar e mandibular 13 CAPÍTULO SUMÁRIO CAPÍTULO 1 Histórico da implantodontia dentária: da antiguidade aos dias de hoje 1 I Período antigo (a.c. a 1000 d.c.)... 1 A Localização geográfica... 1 B Materiais utilizados... 1 C

Leia mais

Assessoria ao Cirurgião Dentista papaizassociados.com.br. Publicação mensal interna da Papaiz edição XVII Junho de 2016

Assessoria ao Cirurgião Dentista papaizassociados.com.br. Publicação mensal interna da Papaiz edição XVII Junho de 2016 Assessoria ao Cirurgião Dentista Publicação mensal interna da Papaiz edição XVII Junho de 2016 Dr. André Simões, radiologista da Papaiz Diagnósticos Odontológicos por Imagem 11 3894 3030 papaizassociados.com.br

Leia mais

OMS ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE SAÚDE

OMS ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE SAÚDE ONU Ancoragem Zigomática REABILITAÇÃO EM MAXILAS ATRÓFICAS Marcelo da Rocha BRASIL 2000 => 25 milhões de edêntulos (15%) 2025 => 33 milhões de habitantes com mais de 65 anos OMS ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE

Leia mais

INFORMAÇÃO AO PACIENTE QUANDO OS IMPLANTES SE TORNAM VISÍVEIS. Enxerto ósseo menor

INFORMAÇÃO AO PACIENTE QUANDO OS IMPLANTES SE TORNAM VISÍVEIS. Enxerto ósseo menor INFORMAÇÃO AO PACIENTE QUANDO OS IMPLANTES SE TORNAM VISÍVEIS Enxerto ósseo menor OS TRATAMENTOS DENTÁRIOS SÃO UMA QUESTÃO DE CONFIANÇA NOSSA EXPERIÊNCIA E COMPE- TÊNCIA SÃO ALGO EM QUE VOCÊ PODE CONFIAR

Leia mais

INFORMAÇÃO AO PACIENTE DENTE PERDIDO E DEPOIS? Alvéolos pós-extração

INFORMAÇÃO AO PACIENTE DENTE PERDIDO E DEPOIS? Alvéolos pós-extração INFORMAÇÃO AO PACIENTE DENTE PERDIDO E DEPOIS? Alvéolos pós-extração OS TRATAMENTOS DENTÁRIOS SÃO UMA QUESTÃO DE CONFIANÇA NOSSA EXPERIÊNCIA E COMPE- TÊNCIA SÃO ALGO EM QUE VOCÊ PODE CONFIAR Mais de 10

Leia mais

ALTERNATIVAS CIRÚRGICAS RECONSTRUTIVAS PARA ÁREAS ESTÉTICAS COM DEFICIÊNCIA TECIDUAL

ALTERNATIVAS CIRÚRGICAS RECONSTRUTIVAS PARA ÁREAS ESTÉTICAS COM DEFICIÊNCIA TECIDUAL Dr. Julio Cesar Joly Dr. Robert Carvalho da Silva Dr. Paulo Fernando Mesquita de Carvalho Duração: 3 dias Data: 12, 13 e 14 de julho de 2010 PROGRAMA DO CURSO PRIMEIRO DIA PROCEDIMENTOS RECONSTRUTIVOS

Leia mais

Assessoria ao Cirurgião Dentista papaizassociados.com.br. Publicação mensal interna da Papaiz edição XV Julho de 2016

Assessoria ao Cirurgião Dentista papaizassociados.com.br. Publicação mensal interna da Papaiz edição XV Julho de 2016 Assessoria ao Cirurgião Dentista Publicação mensal interna da Papaiz edição XV Julho de 2016 Dr. André Simões, radiologista da Papaiz Diagnósticos Odontológicos por Imagem 11 3894 3030 papaizassociados.com.br

Leia mais

POSIÇÃO DO ÁPICE DENTÁRIO EM RELAÇÃO AO PROCESSO ALVEOLAR DO OSSO MAXILAR. ESTUDO EM TOMOGRAFIAS DE CONE-BEAM

POSIÇÃO DO ÁPICE DENTÁRIO EM RELAÇÃO AO PROCESSO ALVEOLAR DO OSSO MAXILAR. ESTUDO EM TOMOGRAFIAS DE CONE-BEAM POSIÇÃO DO ÁPICE DENTÁRIO EM RELAÇÃO AO PROCESSO ALVEOLAR DO OSSO MAXILAR. ESTUDO EM TOMOGRAFIAS DE CONE-BEAM Sabrina Vieira Botelho(PIBIC/CNPq-FA/UEM), Cléverson de Oliveira e Silva (Orientador) e Maurício

Leia mais

Coordenador: Prof. Dr. Lucas Alves Moura

Coordenador: Prof. Dr. Lucas Alves Moura CURSO AVANÇADO DE CIRURGIA PLÁSTICA PERIODONTAL Coordenador: Prof. Dr. Lucas Alves Moura Mini-Currículo Doutor em Clínica Odontológica - FOP/ UNICAMP Mestre em Engenharia de Biomateriais - FEM/ UNICAMP

Leia mais

PLANEJAMENTO DAS PRÓTESES UNITÁRIAS, FIXAS E SOBRE IMPLANTES NAS REABILITAÇÕES ORAIS

PLANEJAMENTO DAS PRÓTESES UNITÁRIAS, FIXAS E SOBRE IMPLANTES NAS REABILITAÇÕES ORAIS UNITÁRIAS, FIXAS E SOBRE IMPLANTES NAS REABILITAÇÕES ORAIS Dr. Dario Adolfi Data: 03 de setembro de 2010 Valor: R$ 200,00 a vista até 27/08/2010 R$ 250,00 a vista de 27/08/2010 até a data do evento Uma

Leia mais

THIAGO REVILLION DINATO

THIAGO REVILLION DINATO PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE ODONTOLOGIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ODONTOLOGIA ÁREA DE CONCENTRAÇÃO EM PRÓTESE DENTAL THIAGO REVILLION DINATO PERDA ÓSSEA MARGINAL

Leia mais

CARGA IMEDIATA EM IMPLANTES UNITÁRIOS NOS MAXILARES

CARGA IMEDIATA EM IMPLANTES UNITÁRIOS NOS MAXILARES UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS FACULDADE DE ODONTOLOGIA Curso de Especialização em Implantodontia CARGA IMEDIATA EM IMPLANTES UNITÁRIOS NOS MAXILARES Érica Luciana Ribeiro De Miranda Belo Horizonte

Leia mais

INFORMAÇÃO AO PACIENTE GENGIVAS INFLAMADAS E AGORA? Ganho de tecido queratinizado

INFORMAÇÃO AO PACIENTE GENGIVAS INFLAMADAS E AGORA? Ganho de tecido queratinizado INFORMAÇÃO AO PACIENTE GENGIVAS INFLAMADAS E AGORA? Ganho de tecido queratinizado OS TRATAMENTOS DENTÁRIOS SÃO UMA QUESTÃO DE CONFIANÇA NOSSA EXPERIÊNCIA E COMPE- TÊNCIA SÃO ALGO EM QUE VOCÊ PODE CONFIAR

Leia mais

OVERDENTURES COMO PRIMEIRA ESCOLHA PARA INDIVÍDUOS DESDENTADOS: UM ESTUDO DE CASO. Francisca Layane de Almeida Oliveira¹; Maurício Pompeu Cariello²

OVERDENTURES COMO PRIMEIRA ESCOLHA PARA INDIVÍDUOS DESDENTADOS: UM ESTUDO DE CASO. Francisca Layane de Almeida Oliveira¹; Maurício Pompeu Cariello² OVERDENTURES COMO PRIMEIRA ESCOLHA PARA INDIVÍDUOS DESDENTADOS: UM ESTUDO DE CASO Francisca Layane de Almeida Oliveira¹; Maurício Pompeu Cariello² 1 Discente do Curso de Odontologia do Centro Universitário

Leia mais

SIMPLES E EFICIENTES PROCEDIMENTOS PARA AS REABILITAÇÕES ORAIS SOBRE DENTES NATURAIS E IMPLANTES

SIMPLES E EFICIENTES PROCEDIMENTOS PARA AS REABILITAÇÕES ORAIS SOBRE DENTES NATURAIS E IMPLANTES PARA AS REABILITAÇÕES ORAIS SOBRE Dr. Dario Adolfi Dr. Oswaldo Scopin de Andrade Dr. Maurício Adolfi Data: 8 a 12 de abril de 2013 OBJETIVOS: Saiba como planejar uma reabilitação total e mostrar ao paciente

Leia mais

do alvéolo preservação

do alvéolo preservação Técnicas cirúrgicas de preservação do alvéolo Casos de reabilitação posterior Pág.2o Técnicas cirúrgicas de preservação do alvéolo em reabilitações finais com implantes Preservar o alvéolo pós-extraçào

Leia mais

Dr. Mehdi Shahrzad E-BOOK IMPLANTES DENTÁRIOS

Dr. Mehdi Shahrzad E-BOOK IMPLANTES DENTÁRIOS Dr. Mehdi Shahrzad E-BOOK IMPLANTES DENTÁRIOS E D I T O R I A L O acesso ao conhecimento e formas de tratamento é fundamental para superar paradigmas na cultura em que vivemos, onde a beleza e a saúde

Leia mais

26 28 Conclusão Referências bibliográficas... 31

26 28 Conclusão Referências bibliográficas... 31 Índice: Pág. Resumo VI Abstract... VII Introdução 1 1. Princípios biológicos... 3 1.1. Cicatrização do ligamento periodontal...... 3 1.2. Regeneração pulpar.... 5 1.3. Cicatrização óssea.. 6 1.4. Desenvolvimento

Leia mais

Implantes. dentários.... A con ança que você precisa.

Implantes. dentários.... A con ança que você precisa. Implantes dentários....................................... A con ança que você precisa. E-Book Implantes Dentários Este guia foi criado para que você conheça um pouco mais sobre o tratamento com implantes

Leia mais

REEMBASAMENTO DE SOBREDENTADURA MANDIBULAR COM CARGA IMEDIATA EM IMPLANTES DE CORPO ÚNICO RELATO DE CASO CLÍNICO COM ACOMPANHAMENTO DE 6 ANOS

REEMBASAMENTO DE SOBREDENTADURA MANDIBULAR COM CARGA IMEDIATA EM IMPLANTES DE CORPO ÚNICO RELATO DE CASO CLÍNICO COM ACOMPANHAMENTO DE 6 ANOS REEMBASAMENTO DE SOBREDENTADURA MANDIBULAR COM CARGA IMEDIATA EM IMPLANTES DE CORPO ÚNICO RELATO DE CASO CLÍNICO COM ACOMPANHAMENTO DE 6 ANOS Reline Immediate load overdenture on single implants report

Leia mais

ESTÉTICA E FUNÇÃO NAS REABILITAÇÕES ORAIS PARA DENTES NATURAIS E SOBRE IMPLANTES

ESTÉTICA E FUNÇÃO NAS REABILITAÇÕES ORAIS PARA DENTES NATURAIS E SOBRE IMPLANTES Dr. Dario Adolfi Dr. Oswaldo Scopin de Andrade Dr. Maurício Adolfi Data: 15 a 18 de maio de 2012 OBJETIVOS: Saiba como planejar uma reabilitação total e mostrar ao paciente todas as suas possibilidades.

Leia mais

ESTÉTICA E FUNÇÃO NAS REABILITAÇÕES ORAIS PARA DENTES NATURAIS E SOBRE IMPLANTES

ESTÉTICA E FUNÇÃO NAS REABILITAÇÕES ORAIS PARA DENTES NATURAIS E SOBRE IMPLANTES Dr. Dario Adolfi Dr. Oswaldo Scopin de Andrade Dr. Maurício Adolfi Data: 6 a 10 de agosto de 2012 OBJETIVOS: Saiba como planejar uma reabilitação total e mostrar ao paciente todas as suas possibilidades.

Leia mais

Levantamento de seio maxilar para posterior reabilitação com coroas unitárias confeccionadas pelo sistema CAD/CAM

Levantamento de seio maxilar para posterior reabilitação com coroas unitárias confeccionadas pelo sistema CAD/CAM Levantamento de seio maxilar para posterior reabilitação com coroas unitárias confeccionadas pelo sistema CAD/CAM AUTORES: Prof. Rafael Cury Cecato, Prof. Thiago Roberto Gemeli e Profª Stefani Guimarães.

Leia mais

Biodevice made with homogene bone for immediate placement of implants in region of maxillary sinus - related of case

Biodevice made with homogene bone for immediate placement of implants in region of maxillary sinus - related of case Biodispositivo confeccionado em osso homógeno para colocação imediata de implantes em região de seio maxilar - relato de caso - apresentação da técnica Biodevice made with homogene bone for immediate placement

Leia mais

Atécnica de reabilitação protética por meio de implantes

Atécnica de reabilitação protética por meio de implantes ARTIGO DE REVISÃO ISSN 00347272 Enxerto de seio maxilar com substituto ósseo bovino (Gen Mix) Maxillary sinus graft with bone substitute (Gen Mix) 228 Alexander Höhn Mestre em Implantodontia pela São Leopoldo

Leia mais

Consulta. Consulta de Medicina Dentaria 45 Medicina Dentaria Preventiva

Consulta. Consulta de Medicina Dentaria 45 Medicina Dentaria Preventiva Consulta Procedimentos Clínicos Consulta de Medicina Dentaria 45 Medicina Dentaria Preventiva Selamento de fissuras Aplicação tópica de fluoretos 45 Aplicação de agente dessensibilizante 25 Dentisteria

Leia mais

Reabilitação bimaxilar com utilização de guia multifuncional na prótese sobre implantes

Reabilitação bimaxilar com utilização de guia multifuncional na prótese sobre implantes Reabilitação bimaxilar com utilização de guia multifuncional na prótese sobre implantes AUTORES: Prof. Dr. Cláudio João Chedid, Prof. Dr. Américo Mendes Carneiro Junior e Prof. Dr. Renato Carlos Burger.

Leia mais

Í ndice. Surge Uma Nova Era J. Schmidseder Envelhecer: permanecer jovem Aspectos da odontologia estética Entre no caminho do futuro!

Í ndice. Surge Uma Nova Era J. Schmidseder Envelhecer: permanecer jovem Aspectos da odontologia estética Entre no caminho do futuro! Í ndice Surge Uma Nova Era J. Schmidseder Envelhecer: permanecer jovem Aspectos da odontologia estética Entre no caminho do futuro! Conceito de Beleza Beleza: essência de perfeição Bases da Odontologia

Leia mais

INFORMAÇÃO AO PACIENTE RAIZ DO DENTE EXPOSTA E AGORA? Cobertura de recessão

INFORMAÇÃO AO PACIENTE RAIZ DO DENTE EXPOSTA E AGORA? Cobertura de recessão INFORMAÇÃO AO PACIENTE RAIZ DO DENTE EXPOSTA E AGORA? Cobertura de recessão OS TRATAMENTOS DENTÁRIOS SÃO UMA QUESTÃO DE CONFIANÇA NOSSA EXPERIÊNCIA E COMPE- TÊNCIA SÃO ALGO EM QUE VOCÊ PODE CONFIAR Mais

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA Currículo dos Cursos - UFU (por curso e situação da versão)

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA Currículo dos Cursos - UFU (por curso e situação da versão) PARÂMETROS DO CURRÍCULO Versão: 2016-1 Situação da versão: CORRENTE Data de início: 01/01/2016 Data final: Número de períodos: 4 Carga horária total: 1350 Termo médio: 4 Número mínimo de períodos: 2 Total

Leia mais

SIMPLES E EFICIENTES PROCEDIMENTOS PARA AS REABILITAÇÕES ORAIS SOBRE DENTES NATURAIS E IMPLANTES

SIMPLES E EFICIENTES PROCEDIMENTOS PARA AS REABILITAÇÕES ORAIS SOBRE DENTES NATURAIS E IMPLANTES PARA AS REABILITAÇÕES ORAIS SOBRE Data: 14 à 18 de setembro de 2015 Saiba como planejar uma reabilitação total e mostrar ao paciente todas as suas possibilidades. Importância das diversas técnicas de preparo

Leia mais

Tratamento simplifi cado de lesão periapical de implantes

Tratamento simplifi cado de lesão periapical de implantes Tratamento simplifi cado de lesão periapical de implantes A simplifi ed treatment for periapical lesion on implants Weider Silva* Larissa Ribeiro de Almeida** Rafael Neves Tomio*** RESUMO Atualmente, os

Leia mais

Curso de Atualização em Cirurgia Avançada em Implantodontia. Centro de Estudos

Curso de Atualização em Cirurgia Avançada em Implantodontia. Centro de Estudos Curso de Atualização em Cirurgia Avançada em Implantodontia Centro de Estudos Manual do aluno 2013 Professores Eduardo Veras Lourenço Mestre e Doutor em Periodontia pela FOB-USP (Bauru); Professor Adjunto

Leia mais

4ª Edición. Reabilitação Oral com Implantes Técnicas cirúrgicas para regeneração óssea. Curso prático em cabeça de cadáver

4ª Edición. Reabilitação Oral com Implantes Técnicas cirúrgicas para regeneração óssea. Curso prático em cabeça de cadáver 4ª Edición Reabilitação Oral com Implantes Técnicas cirúrgicas para regeneração óssea. Curso prático em cabeça de cadáver INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS DA SAÚDE Prf. Dr. Paulo Maia Prf. Dr. Alessandro

Leia mais

Leia estas instruções:

Leia estas instruções: Leia estas instruções: 1 2 3 Confira se os dados contidos na parte inferior desta capa estão corretos e, em seguida, assine no espaço reservado para isso. Caso se identifique em qualquer outro local deste

Leia mais

TABELA DE DESCONTOS. Anexo I. Procedimentos %

TABELA DE DESCONTOS. Anexo I. Procedimentos % Escritório Regional - MA Secretaria : Valéria Contato: 3303 5755 / 9 9618 5792 / 9 8235 1149 Email: sãoluis@vipcartao.com.br TABELA DE DESCONTOS Anexo I CARTÃO DESCONTO - MASTER * * Procedimentos % Descontos

Leia mais

Como Avaliar e Escolher. O Enxerto Ósseo Ideal

Como Avaliar e Escolher. O Enxerto Ósseo Ideal Como Avaliar e Escolher O Enxerto Ósseo Ideal Índice Introdução Os Enxertos Ósseos A Solução Ideal Depoimentos 02 04 09 12 2 Introdução A Implantodontia é a especialidade que tem como finalidade tratar

Leia mais

CURSO INTENSIVO CLINICO, CIRÚRGICO E LABORATORIAL PARA CIRURGIÕES DENTISTAS

CURSO INTENSIVO CLINICO, CIRÚRGICO E LABORATORIAL PARA CIRURGIÕES DENTISTAS CURSO INTENSIVO CLINICO, CIRÚRGICO E LABORATORIAL PARA CIRURGIÕES Dr. Dario Adolfi Dr. Gustavo Javier Vernazza Dr. Oswaldo Scopin de Andrade Dr. Paulo Fernando Mesquita de Carvalho Data: 02 a 06 de maio

Leia mais

NOVO. Conceitos de tratamento para ALVÉOLOS DE EXTRAÇÃO

NOVO. Conceitos de tratamento para ALVÉOLOS DE EXTRAÇÃO Conceitos de tratamento para ALVÉOLOS DE EXTRAÇÃO? NOVO Novos casos clínicos Literatura científica atual Códigos QR para acessar aos vídeos clínicos, animação em 3D... TODA NOSSA CIÊNCIA EM SUAS MÃOS 1

Leia mais

INTERPRETAÇÃO RADIOGRÁFICA POR ACADÊMICO DE ENFERMAGEM: PERSPECTIVAS DE DESENVOLVIMENTO DE TÉCNICAS DE PROCESSAMENTO DIGITAL

INTERPRETAÇÃO RADIOGRÁFICA POR ACADÊMICO DE ENFERMAGEM: PERSPECTIVAS DE DESENVOLVIMENTO DE TÉCNICAS DE PROCESSAMENTO DIGITAL INTERPRETAÇÃO RADIOGRÁFICA POR ACADÊMICO DE ENFERMAGEM: PERSPECTIVAS DE DESENVOLVIMENTO DE TÉCNICAS DE PROCESSAMENTO DIGITAL Davide Carlos Joaquim 1, Ana Caroline Rocha Melo de Leite 2, Ciro Benevides

Leia mais

EXAMES E DOCUMENTAÇÃO PARA A IMPLANTODONTIA

EXAMES E DOCUMENTAÇÃO PARA A IMPLANTODONTIA 2 EXAMES E DOCUMENTAÇÃO PARA A IMPLANTODONTIA SANTOS, Annie Gabrielle Nabiça Perez Odontologia/ESAMAZ BEZERRA, Francisco de Assis Pinto Economista/UFPA 1 Sinopse Avalia-se a importância dos exames e da

Leia mais

Enxerto ósseo para reconstrução óssea alveolar. Revisão de 166 casos.

Enxerto ósseo para reconstrução óssea alveolar. Revisão de 166 casos. DOI: 10.1590/0100-69912017001004 Artigo Original Enxerto ósseo para reconstrução óssea alveolar. Revisão de 166 casos. Bone grafting for alveolar ridge reconstruction. Review of 166 cases. Fued Samir Salmen

Leia mais

Uso de osso xenógeno em bloco para manutenção de alvéolo pós-extração

Uso de osso xenógeno em bloco para manutenção de alvéolo pós-extração Full Dent. Sci. 2016; 7(26):11-18. Uso de osso xenógeno em bloco para manutenção de alvéolo pós-extração The use of xenogeneic block for postextraction alveolar maintanence COLUNA VISÃO CLÍNICA Fábio Shiniti

Leia mais

Sistema de. ImplanteDentário. Catálogo 2014 / 2015

Sistema de. ImplanteDentário. Catálogo 2014 / 2015 Sistema de ImplanteDentário Catálogo 2014 / 2015 Componentes 38 39 Cicatrizadores São dispositivos de titânio rosqueados sobre os implantes, aplicados após a segunda etapa cirúrgica Preparar os tecidos

Leia mais

Recobrimento radicular com associação de procedimentos plásticos e regenerativos relato de caso

Recobrimento radicular com associação de procedimentos plásticos e regenerativos relato de caso Caso Selecionado Recobrimento radicular com associação de procedimentos plásticos e regenerativos relato de caso Paulo Fernando Mesquita de Carvalho, Robert Carvalho da Silva, Julio Cesar Joly A Periodontia

Leia mais

GUIA PRÁTICO: SAIBA TUDO SOBRE COMO FUNCIONAM OS IMPLANTES DENTÁRIOS

GUIA PRÁTICO: SAIBA TUDO SOBRE COMO FUNCIONAM OS IMPLANTES DENTÁRIOS GUIA PRÁTICO: SAIBA TUDO SOBRE COMO FUNCIONAM OS IMPLANTES DENTÁRIOS 3 Introdução 20 A importância da prevenção em saúde bucal 5 Como são feitos os implantes dentários 22 Conclusão 12 Cuidados com o pós-operatório

Leia mais

Paulo Fernando Mesquita de Carvalho

Paulo Fernando Mesquita de Carvalho Entrevista Paulo Fernando Mesquita de Carvalho Mestre em Periodontia. Especialista em Periodontia, forp-usp. Especialista em ctbmf, Unifenas. Pós-graduação em Odontologia Estética, Senac. Coordenador científico

Leia mais

MASTER EM CIRURGIA AVANÇADA. Joaçaba - SC

MASTER EM CIRURGIA AVANÇADA. Joaçaba - SC MASTER EM CIRURGIA AVANÇADA Joaçaba - SC 2017 MINISTRADORES DANIEL CURY Mestre em Implantodontia Especialista em Implantodontia Especialista em Prótese Dentária Prof. Especialização Implantodontia - IPENO

Leia mais

Prótese parcial fixa em metalo cerâmica. Prótese parcial fixa em metalo plástica. Paciente com grande perda de estrutura dentária.

Prótese parcial fixa em metalo cerâmica. Prótese parcial fixa em metalo plástica. Paciente com grande perda de estrutura dentária. Resumo de especialidades: Plano PLUS, Prótese parcial fixa em metalo cerâmica As coroas e próteses em metalocerâmica são uma opção para pessoas que perderam um ou mais dentes. Prótese parcial fixa em metalo

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE ODONTOLOGIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE ODONTOLOGIA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE ODONTOLOGIA GUILHERME MAURI CORTI LEVANTAMENTO SINUSAL COM REGENERAÇÃO ÓSSEA GUIADA: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA Porto Alegre 2012 GUILHERME MAURI CORTI

Leia mais

U.C. I 7ª e 8ª Aulas. DentaScan Joaquim Agostinho - Unidade Clinica I 1

U.C. I 7ª e 8ª Aulas. DentaScan Joaquim Agostinho - Unidade Clinica I 1 U.C. I 7ª e 8ª Aulas DentaScan 15-11-2012 Joaquim Agostinho - Unidade Clinica I 1 História para corresponder aos anseios dos doentes, de substituição de dentes em falta, por próteses funcional e estéticamente

Leia mais

O uso do substituto ósseo xenogênico em bloco OrthoGen em procedimento de enxertia intraoral. Avaliação clínica e histológica.

O uso do substituto ósseo xenogênico em bloco OrthoGen em procedimento de enxertia intraoral. Avaliação clínica e histológica. O uso do substituto ósseo xenogênico em bloco OrthoGen em procedimento de enxertia intraoral. Avaliação clínica e histológica. Fábio Gonçalves 1 Resumo O objetivo deste estudo é apresentar um caso clínico

Leia mais

TRATAMENTO DAS COMPLICAÇÕES DA CIRURGIA DE LEVANTAMENTO DE SEIO MAXILAR

TRATAMENTO DAS COMPLICAÇÕES DA CIRURGIA DE LEVANTAMENTO DE SEIO MAXILAR MARCELO VAZ DE MELLO CERQUEIRA TRATAMENTO DAS COMPLICAÇÕES DA CIRURGIA DE LEVANTAMENTO DE SEIO MAXILAR UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS BELO HORIZONTE 2013 MARCELO VAZ DE MELLO CERQUEIRA TRATAMENTO

Leia mais

Straumann BLT 2,9 mm SmallOne Nasceu mais uma lenda: pequeno, resistente e duradouro. Informações sobre produtos

Straumann BLT 2,9 mm SmallOne Nasceu mais uma lenda: pequeno, resistente e duradouro. Informações sobre produtos Straumann BLT 2,9 mm SmallOne Nasceu mais uma lenda: pequeno, resistente e duradouro. Informações sobre produtos Os pacientes cada vez mais esperam soluções de sucesso mesmo em situações difíceis, como

Leia mais

A INFLUÊNCIA DO PLASMA RICO EM PLAQUETAS NA REGENERAÇÃO ÓSSEA E TECIDUAL EM PROTESE TOTAL FIXA IMPLANTO-SUPORTADA

A INFLUÊNCIA DO PLASMA RICO EM PLAQUETAS NA REGENERAÇÃO ÓSSEA E TECIDUAL EM PROTESE TOTAL FIXA IMPLANTO-SUPORTADA A INFLUÊNCIA DO PLASMA RICO EM PLAQUETAS NA REGENERAÇÃO ÓSSEA E TECIDUAL EM PROTESE TOTAL FIXA IMPLANTO-SUPORTADA Giuliane Albuquerque Mileo 1 ; Mauricio Pompeu Cariello 2 1 Discente do Curso de Odontologia

Leia mais

CARGA IMEDIATA OU DIFERIDA: QUANDO OPTAR?

CARGA IMEDIATA OU DIFERIDA: QUANDO OPTAR? O JornalDentistry CLÍNICA ARTIGO ORIGINAL CARGA IMEDIATA OU DIFERIDA: QUANDO OPTAR? Keywords: implantes pós-extracionais, carga imediata e diferida, regeneração óssea guiada RESUMO A reabilitação com implantes

Leia mais

A UTILIZAÇÃO DA PROTEÍNA MORFOGENÉTICA RECOMBINANTE SINTÉTICA TIPO 2 PARA RECOSNTRUÇÃO DE MAXILA ATRÓFICA. DESCRIÇÃO DA TÉCNICA E RELATO DE UM CASO

A UTILIZAÇÃO DA PROTEÍNA MORFOGENÉTICA RECOMBINANTE SINTÉTICA TIPO 2 PARA RECOSNTRUÇÃO DE MAXILA ATRÓFICA. DESCRIÇÃO DA TÉCNICA E RELATO DE UM CASO A UTILIZAÇÃO DA PROTEÍNA MORFOGENÉTICA RECOMBINANTE SINTÉTICA TIPO 2 PARA RECOSNTRUÇÃO DE MAXILA ATRÓFICA. DESCRIÇÃO DA TÉCNICA E RELATO DE UM CASO AUTORES: André Zétola Rafaela Larson Introdução A procura

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ODONTOLOGIA DEPARTAMENTO DE BIOMATERIAIS e BIOLOGIA ORAL. Prof. Paulo F. Cesar GLOSSÁRIO ODONTOLÓGICO

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ODONTOLOGIA DEPARTAMENTO DE BIOMATERIAIS e BIOLOGIA ORAL. Prof. Paulo F. Cesar GLOSSÁRIO ODONTOLÓGICO UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ODONTOLOGIA DEPARTAMENTO DE BIOMATERIAIS e BIOLOGIA ORAL Prof. Paulo F. Cesar GLOSSÁRIO ODONTOLÓGICO 1 Dente Composição do Dente Esmalte Complexo dentino pulpar Cemento

Leia mais

Biomateriais. Catálogo. Biomateriais. Excelência e Evolução

Biomateriais. Catálogo. Biomateriais. Excelência e Evolução Biomateriais Excelência e Evolução Catálogo Biomateriais Empresa Inovação com qualidade A Bionnovation Biomedical é uma empresa brasileira localizada no Distrito Industrial II, em Bauru interior de São

Leia mais

José Lacet de LIMA-JÚNIOR * José Arão da SILVA-FILHO ** Julliana Cariry Palhano FREIRE *** Eduardo DIAS-RIBEIRO **** RESUMO

José Lacet de LIMA-JÚNIOR * José Arão da SILVA-FILHO ** Julliana Cariry Palhano FREIRE *** Eduardo DIAS-RIBEIRO **** RESUMO 2016; 29(1): 75-80, IMPLANTE MEDIATO APÓS TRAUMA DE AVULSÃO DENTÁRIA ASSOCIADO COM ENXERTO ÓSSEO E GENGIVAL: RELATO DE CASO MEDIATE IMPLANT AFTER TRAUMA TOOTH AVULSION ASSOCIATED WITH BONE AND GINGIVAL

Leia mais

Uso do implante cuneiforme em maxilas e mandíbulas atróficas: descrição do sistema e apresentação de dois casos clínicos

Uso do implante cuneiforme em maxilas e mandíbulas atróficas: descrição do sistema e apresentação de dois casos clínicos Relato de Caso Clínico Caderno Científi co Uso do implante cuneiforme em maxilas e mandíbulas atróficas: descrição do sistema e apresentação de dois casos clínicos The use of cuneiform dental implants

Leia mais

CIRURGIAS PERIODONTAIS

CIRURGIAS PERIODONTAIS CIRURGIAS PERIODONTAIS Classificação das Técnicas Cirúrgicas empregadas em Periodontia I Quanto à área a ser atingida: - Gengivais - Periodontais - Mucogengivais II Quanto à intenção: - eliminação de bolsas

Leia mais

CURSOS ICMDS PROSTODONTIA

CURSOS ICMDS PROSTODONTIA CURSOS ICMDS PROSTODONTIA OBJECTIVOS Aprimorar a prática clínica dos profissionais que praticam Prostodontia no seu dia-a-dia e buscam a exelência no planeamento Estético, Mock up, Metal Free, nos Preparos

Leia mais

Procedimentos Cirúrgicos de Interesse Protético/Restaurador - Aumento de Coroa Clínica - Prof. Luiz Augusto Wentz

Procedimentos Cirúrgicos de Interesse Protético/Restaurador - Aumento de Coroa Clínica - Prof. Luiz Augusto Wentz 1 2 3 Procedimentos Cirúrgicos de Interesse Protético/Restaurador - Aumento de Coroa Clínica - Prof. Luiz Augusto Wentz Aumento de Coroa Clínica Qualquer procedimento (cirúrgico ou não-cirúrgico) que vise

Leia mais

Os biomateriais no campo da Odontologia podem ser aplicados como

Os biomateriais no campo da Odontologia podem ser aplicados como ARTIGO ORIGINAL Uso de enxertos ósseos na Odontologia: perfil de cirurgiões-dentistas de Niterói/RJ Use of bone grafts in Dentistry: profile of dentists from Niteroi/RJ Igor Iuco Castro-Silva Doutorando

Leia mais

Enceramento subgengival : controlando o perfil de emergência em reabilitações implantossuportadas

Enceramento subgengival : controlando o perfil de emergência em reabilitações implantossuportadas DICAS DE PRÓTESE LABORATORIAL Por que é importante? O que é necessário? Enceramento subgengival : controlando o perfil de emergência em reabilitações implantossuportadas MALTA BARBOSA, João Residente,

Leia mais

NOVOS SORRISOS TODOS OS DIAS NEODENT 1

NOVOS SORRISOS TODOS OS DIAS NEODENT 1 NOVOS SORRISOS TODOS OS DIAS NEODENT 1 + 20 anos de história #4 maior empresa + 30k dentistas + 1M por ano CRIE NOVAS RAZÕES PARA SORRIR. A Neodent oferece-lhe uma gama completa de produtos e serviços

Leia mais

Reabilitação oral total por meio de prótese total superior e prótese do tipo protocolo inferior

Reabilitação oral total por meio de prótese total superior e prótese do tipo protocolo inferior Reabilitação oral total por meio de prótese total superior e prótese do tipo protocolo inferior AUTORES: Prof. Bernardo Born Passoni, Prof. Rodrigo Melim Ferreira, Prof. Dr. Ricardo de Souza Magini e Prof.

Leia mais

O CIOF é uma clínica de odontologia especializada que há mais de 13 anos é comprometida com saúde bucal e o bem estar de seus clientes.

O CIOF é uma clínica de odontologia especializada que há mais de 13 anos é comprometida com saúde bucal e o bem estar de seus clientes. A Clínica O CIOF é uma clínica de odontologia especializada que há mais de 13 anos é comprometida com saúde bucal e o bem estar de seus clientes. Localizada nas cidades de Fortaleza, Itapipoca e Pentecoste,

Leia mais

Sistema de Implantes Dentários Eztetic de 3,1 mmd. Estética Agora e Sempre

Sistema de Implantes Dentários Eztetic de 3,1 mmd. Estética Agora e Sempre Sistema de s Dentários Eztetic de 3,1 mmd Estética Agora e Sempre Experimente a resistência, estabilidade primária e novo conexão Na Zimmer Biomet Dental, orgulhamo-nos por desenvolver produtos de elevada

Leia mais

O papel das próteses oculares e faciais no processo reabilitador das anomalias craniofaciais

O papel das próteses oculares e faciais no processo reabilitador das anomalias craniofaciais Universidade de São Paulo Biblioteca Digital da Produção Intelectual - BDPI Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais - HRAC Comunicações em Eventos - HRAC 2013-08 O papel das próteses oculares

Leia mais

Técnica all-on-four bimaxilar com função imediata

Técnica all-on-four bimaxilar com função imediata Relato de Caso Clínico Caderno Científi co Técnica all-on-four bimaxilar com função imediata Bimaxillary all-on-four technique with immediate implant loading: a clinical report Francis Gray Coachman* Gustavo

Leia mais

CISTO DO DUCTO NASOPALATINO: RELATO DE CASO

CISTO DO DUCTO NASOPALATINO: RELATO DE CASO CISTO DO DUCTO NASOPALATINO: RELATO DE CASO LUNA, Aníbal Henrique Barbosa; MONTENEGRO, Eduardo de Almeida Souto; DE CARVALHO, Irla Karlinne Ferreira; PAIVA, Marcos Antônio Farias de; JÚNIOR, Vilmar Andrade

Leia mais

LOCAL. Exponor DATA. 1 a 3 de Dezembro de 1994

LOCAL. Exponor DATA. 1 a 3 de Dezembro de 1994 LOCAL Exponor DATA 1 a 3 de Dezembro de 1994 19 Presidente do Congresso João Carvalho Secretário Geral Manuel Fontes de Carvalho Comissão Científica Manuel Neves João Pimenta Carlos Silva Comissão Organizadora

Leia mais

CIRURGIA PERIODONTAL

CIRURGIA PERIODONTAL Disciplina de Periodontia 5 o período CIRURGIA PERIODONTAL Parte 2 Prof.Dr. Lucinei Roberto de Oliveira http://lucinei.wikispaces.com 2014 Instrumentos Usados em Cirurgia Periodontal CIRURGIA PERIODONTAL

Leia mais

Mini-placa como ancoragem ortodôntica: relato de caso

Mini-placa como ancoragem ortodôntica: relato de caso A r t i g o I n é d i t o Mini-placa como ancoragem ortodôntica: relato de caso André Luiz Zétola*, Guilherme Michaelis**, Francielli Miquelini Moreira*** Resumo Seria dispensável afirmar que o controle

Leia mais

Estudo retrospectivo de implantes osseointegrados instalados imediatamente após exodontias.

Estudo retrospectivo de implantes osseointegrados instalados imediatamente após exodontias. 1 EMANUELLE TEIXEIRA CARRERA Estudo retrospectivo de implantes osseointegrados instalados imediatamente após exodontias. Araçatuba SP 2013 2 EMANUELLE TEIXEIRA CARRERA Estudo retrospectivo de implantes

Leia mais

A SOLUÇÃO PARA CIRURGIAS DE IMPLANTE MENOS INVASIVAS E MAIS SEGURAS.

A SOLUÇÃO PARA CIRURGIAS DE IMPLANTE MENOS INVASIVAS E MAIS SEGURAS. A SOLUÇÃO PARA CIRURGIAS DE IMPLANTE MENOS INVASIVAS E MAIS SEGURAS. Na prática clínica, tempo, segurança e previsibilidade são valiosos. Pensando nisso, desenvolvemos um conjunto de soluções de alta tecnologia

Leia mais

TABELAS DE ODONTOLOGIA

TABELAS DE ODONTOLOGIA TABELAS DE ODONTOLOGIA 710001- Clínico Geral. 01 70110000 Consulta Inicial 178,57 15,00 35,00 50,00 02 70115000 Profilaxia + Raspagem Coronária 90,85 7,63 17,81 25,44 03 73910000 Rest. de Amálgama 1 face

Leia mais

TABELA DE CÓDIGOS E NOMENCLATURA BONFANTE DENTAL CLINIC

TABELA DE CÓDIGOS E NOMENCLATURA BONFANTE DENTAL CLINIC TABELA DE CÓDIGOS E NOMENCLATURA BONFANTE DENTAL CLINIC 01 CONSULTA A1.01.01.02 A1.01.01.03 A1.01.01.05 A1.01.01.06 Consulta de medicina dentária 35 Consulta para apresentação e discussão de plano de tratamento

Leia mais

Declaração de Conflito de Interesse

Declaração de Conflito de Interesse Declaração de Conflito de Interesse Declaro que não possuo conflito de interesse em nenhuma das categorias abaixo: Consultoria; Financiamento de Pesquisa; Honorários; Patentes e Royalties; Afiliação na

Leia mais

Uso de Enxerto Ósseo Autógeno nas Reconstruções da Cavidade Bucal. Análise Retrospectiva de 07 Anos

Uso de Enxerto Ósseo Autógeno nas Reconstruções da Cavidade Bucal. Análise Retrospectiva de 07 Anos INVESTIGAÇÃO Uso de Enxerto Ósseo Autógeno nas Reconstruções da Cavidade Bucal. Análise Retrospectiva de 07 Anos Claudio Ferreira Nóia*, Henrique Duque de Miranda Chaves Netto**, Rafael Ortega Lopes***,

Leia mais

Uso de Enxerto Ósseo Autógeno nas Reconstruções da Cavidade Bucal. Análise Retrospectiva de 07 Anos

Uso de Enxerto Ósseo Autógeno nas Reconstruções da Cavidade Bucal. Análise Retrospectiva de 07 Anos INVESTIGAÇÃO Uso de Enxerto Ósseo Autógeno nas Reconstruções da Cavidade Bucal. Análise Retrospectiva de 07 Anos Claudio Ferreira Nóia*, Henrique Duque de Miranda Chaves Netto**, Rafael Ortega Lopes***,

Leia mais

www.sinimplante.com.br 0800 770 8290 Distribuído no Brasil por: O uso clínico de CERASORB M na Cirurgia Oral Caso 1 Situação inicial: Maxila atrofiada subseqüente à perda dos dentes 25-27, densidade óssea

Leia mais

Técnicas cirúrgicas para aumento vertical de. rebordo alveolar: revisão de literatura.

Técnicas cirúrgicas para aumento vertical de. rebordo alveolar: revisão de literatura. PATRÍCIA FREITAS DE ANDRADE Técnicas cirúrgicas para aumento vertical de rebordo alveolar: revisão de literatura. FACULDADE DE ODONTOLOGIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS BELO HORIZONTE 2013 PATRÍCIA

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTÉTICO E FUNCIONAL PARA AS REABILTAÇÕES ORAIS COM O SISTEMA CAD/CAM

PLANEJAMENTO ESTÉTICO E FUNCIONAL PARA AS REABILTAÇÕES ORAIS COM O SISTEMA CAD/CAM PARA AS REABILTAÇÕES ORAIS COM O Data: 27 a 31 de março de 2017 Atualmente existe uma forte tendência no mercado mundial sobre os Sistemas CAD/CAM. A proposta deste programa é brindar-lhes com toda a informação

Leia mais

Tomografia Computorizada Dental

Tomografia Computorizada Dental + Universidade do Minho M. I. Engenharia Biomédica Beatriz Gonçalves Sob orientação de: J. Higino Correia Tomografia Computorizada Dental 2011/2012 + Casos Clínicos n Dentes privados do processo de erupção

Leia mais

INFORMAÇÕES DE IMAGENS DAS LESÕES DOS MAXILARES

INFORMAÇÕES DE IMAGENS DAS LESÕES DOS MAXILARES INFORMAÇÕES DE IMAGENS DAS LESÕES DOS MAXILARES INFORMAÇÕES RADIOGRÁFICAS DAS LESÕES ÓSSEAS CONSIDERAÇÕES GERAIS REVER CONCEITOS: LESÕES OSTEOLÍTICAS/OSTEOGÊNICAS CONCEITOS ESSENCIAIS: CRESCIMENTO DA LESÃO

Leia mais

CIRURGIA PERIODONTAL

CIRURGIA PERIODONTAL Disciplina de Periodontia 5 o período CIRURGIA PERIODONTAL Prof.Dr. Lucinei Roberto de Oliveira http://lucinei.wikispaces.com 2012 Instrumentos Usados em Cirurgia Periodontal CIRURGIA PERIODONTAL INSTRUMENTAIS

Leia mais

PRESERVAÇÃO DO OSSO ALVEOLAR PÓS-EXTRAÇÃO - TÉCNICAS DE MANUTENÇÃO VISANDO A ESTÉTICA EM IMPLANTES OSTEOINTEGRÁVEIS REVISÃO DE LITERATURA

PRESERVAÇÃO DO OSSO ALVEOLAR PÓS-EXTRAÇÃO - TÉCNICAS DE MANUTENÇÃO VISANDO A ESTÉTICA EM IMPLANTES OSTEOINTEGRÁVEIS REVISÃO DE LITERATURA PRESERVAÇÃO DO OSSO ALVEOLAR PÓS-EXTRAÇÃO - TÉCNICAS DE MANUTENÇÃO VISANDO A ESTÉTICA EM IMPLANTES OSTEOINTEGRÁVEIS REVISÃO DE LITERATURA Pillizari C 1, Leite LS 2, Nicolau RA 3, Matuda FS 4 1-4 Universidade

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTÉTICO E FUNCIONAL PARA AS REABILTAÇÕES ORAIS COM O SISTEMA CAD/CAM

PLANEJAMENTO ESTÉTICO E FUNCIONAL PARA AS REABILTAÇÕES ORAIS COM O SISTEMA CAD/CAM PARA AS REABILTAÇÕES ORAIS COM O Data: 12 a 16 de março de 2018 Atualmente existe uma forte tendência no mercado mundial sobre os Sistemas CAD/CAM. A proposta deste programa é brindar-lhes com toda a informação

Leia mais

Dr. em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial - PUC RS, prof. Coord. do curso de Esp. Implant. da ABCD-SC regional de Balneário Camboriú.

Dr. em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial - PUC RS, prof. Coord. do curso de Esp. Implant. da ABCD-SC regional de Balneário Camboriú. 52 Full Dent. Sci. 2012; 4(13):52-57. Utilização da técnica de tunelização para realização de enxertia tipo onlay com osso homógeno. Use of the tunnel technique for onlay type grafting with homogenous

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ COORDENADORIA DE CONCURSOS CCV

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ COORDENADORIA DE CONCURSOS CCV UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ COORDENADORIA DE CONCURSOS CCV Evento: Concurso Público para Provimento de Cargos Técnico-Administrativos em Educação Edital N 101/2014 PARECER A Comissão Examinadora da Prova

Leia mais