CAPÍTULO 2 O MUNDO DIVIDIDO PELO CRITÉRIO IDEOLÓGICO PROF. LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ CAVALCANTE 8º ANO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CAPÍTULO 2 O MUNDO DIVIDIDO PELO CRITÉRIO IDEOLÓGICO PROF. LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ CAVALCANTE 8º ANO"

Transcrição

1 CAPÍTULO 2 O MUNDO DIVIDIDO PELO CRITÉRIO IDEOLÓGICO PROF. LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ CAVALCANTE 8º ANO

2 O MUNDO DIVIDIDO P. 23 Existem vários critérios para regionalizar um território. Critério ideológico: capitalistas e socialistas. Foram representados por duas grandes potências econômicas e militares após a Segunda Guerra Mundial: Estados Unidos e União Soviética. Esses países viveram uma disputa ideológica, política, econômica, armamentista e aeroespacial.

3 CARACTERÍSTICAS P. 23

4

5 SISTEMA CAPITALISTA: ORIGENS P. 25 Surgiu entre os séculos XIII e XV com a fragmentação dos feudos. O capitalismo se modifica de acordo com a política. Os feudos eram propriedades autossuficientes. No século X muitos moradores dos feudos migraram para as cidades trabalhando como artesãos ou comerciantes. Esse grupo social, a burguesia, ganhou muito poder.

6 PRIMEIRA FASE: CAPITALISMO COMERCIAL P. 26 A concorrência entre os burgueses ampliou a busca por matérias-primas mais baratas. Destaque para as Grandes Navegações século XV e XVI. Formação de colônias e metrópoles. As colônias possuem mão de obra escrava e fornecem matéria-prima. Formação do Pacto Colonial. Formação da DIT Divisão Internacional do Trabalho.

7

8 SEGUNDA FASE: CAPITALISMO INDUSTRIAL P. 27 No século XVIII a produção manufaturada passou a ser maquinofaturada (Inglaterra). A produção feita por máquinas provocou o aumento da exploração de matérias-primas. Séculos XIX e XX houve a formação do capitalismo industrial (Europa Ocidental, EUA e Japão). Destaque para o imperialismo, busca de matérias-primas, mão de obra e mercado consumidor.

9 TERCEIRA FASE: CAPITALISMO FINANCEIRO-MONOPOLISTA. P.28 Século XIX e XX destaque para os bancos, investimentos, financiamentos, ações em bolsas de valores. O capital bancário fortaleceu o capitalismo financeiro-monopolista. Associação de indústrias com bancos, avanço nas telecomunicações e transportes. Formação de multinacionais ou transnacionais. Nessa fase, os países subdesenvolvidos passaram a exportar produtos industrializados.

10 QUARTA FASE: CAPITALISMO INFORMACIONAL P. 29. Meados do século XX. Terceira Revolução Industrial. Destaque para a produção toyotista. Telecomunicações, medicina, robótica, telemática, informática, biotecnologia, nanotecnologia. Capitalismo informacional.

11 SISTEMA SOCIALISTA: DA FASE UTÓPICA À EXPERIÊNCIA RUSSA. P.29. No século XIX Saint-Simon propôs reformas para diminuir a exploração dos trabalhadores. Robert Owen foi contra o capitalismo tentando reduzir a jornada de trabalho nas fábricas criando cooperativas. Essas tentativas foram conhecidas como socialismo utópico. No século XX destacamos no socialismo os alemães Karl Marx e Friedrich Engels. O socialismo foi implantado na Rússia com uma revolução que condenava a precariedade de vida da população no governo do czar Nicolau II.

12 Lenin liderou a Revolução Russa de 1917 acabando a propriedade privada. Em 1922 a Rússia passou a ser a URSS. Destaque para a economia planificada, indústria siderúrgica, petroquímica, equipamentos industriais e de transporte, máquinas agrícolas. Forte carência no setor agrário e de bens de consumo como alimentos e roupas. A URSS influenciou Cuba, China, alguns países do Sudeste Asiático, Leste Europeu.

13 O SÉCULO XX E AS GUERRAS P. 31 A busca de matérias-primas nas colônias gerou muitos conflitos entre as potências. Primeira Guerra Mundial ( ): Tríplice Entente (Reino Unido, França e Rússia) x Tríplice Aliança (Alemanha, Império Austro- Húngaro, Império Otomano e Itália). Segunda Guerra Mundial ( ): Eixo x Aliados. Vitória dos Aliados. Nazismo e bomba atômica.

14 GUERRA FRIA P. 31 Conflito ideológico, armamentista, aeroespacial, político e econômico entre EUA (capitalista) x URSS (socialista). O mundo se tornou Bipolar. Período da Paz Armada, pois nunca houve um conflito bélico, mesmo com a ameaça nuclear. EUA: Plano Marshall em 1947: ajuda econômica para países da Europa Ocidental. EUA: OTAN Organização do Tratado do Atlântico Norte. URSS: COMECOM - Conselho de Ajuda Econômica Mútua e o Pacto de Varsóvia (Aliança militar com países do Leste Europeu).

15 Nunca houve um confronto direto entre EUA e URSS. Nova ordem mundial Bipolar. Em 1961 a cidade de Berlim na Alemanha foi dividida entre EUA e URSS. (Muro de Berlim). Existiram conflitos indiretos entre EUA e URSS: - Vietnã, Coreia, Cuba, Angola, Moçambique, etc.

16 A CRISE E O FIM DO MODELO SOCIALISTA SOVIÉTICO P. 34. A insatisfação com o socialismo crescia na URSS e Leste Europeu na década de O socialismo promoveu péssimas condições de vida, infraestrutura deficiente, falta de alimentos, desemprego, restrição das liberdades. Mikhail Gorbatchev iniciou a glasnost (transparência) promovendo uma abertura política e a perestroika (reestruturação) com uma abertura econômica.

17 A URSS reduziu se arsenal nuclear. O Leste Europeu passou por um processo de democratização. Queda do Muro de Berlim em Em 1991 houve o desmembramento da URSS com a formação da CEI Comunidade dos Estados Independentes. O mundo deixa de ser Bipolar e passa a ser Multipolar com destaque para EUA, Japão e União Europeia.

Evolução do capitalismo

Evolução do capitalismo Evolução do capitalismo EVOLUÇÃO DO CAPITALISMO Prof. JÚLIO CÉSAR GABRIEL http://br.groups.yahoo.com/group/atualidadesconcursos Modo de produção Maneira como o seres humanos se organizam para produzirem

Leia mais

O sistema socialista

O sistema socialista O sistema socialista O sistema Socialista Pode ser definida como um modo de produção (sistema de organização política e econômica de uma sociedade) que propõe a construção de uma sociedade sem classes

Leia mais

O Desenvolvimento do sistema socioeconômico. As fases do capitalismo

O Desenvolvimento do sistema socioeconômico. As fases do capitalismo O Desenvolvimento do sistema socioeconômico capitalista As fases do capitalismo As fases do capitalismo Dois eventos marcaram o fim do socialismo pelo mundo: Queda do Muro de Berlim (1989); Desmembramento

Leia mais

O q u e é S o c i a l i s m o?

O q u e é S o c i a l i s m o? O q u e é S o c i a l i s m o? Segundo Florival Cárcere, no livro História Geral, Socialismo é o conjunto de doutrinas que defendia uma melhor distribuição da riqueza produzida pelo trabalho. Seus pensadores

Leia mais

Origem. Talvez as condições naturais da história viessem a. conduzir a uma demolição gradativa do sistema

Origem. Talvez as condições naturais da história viessem a. conduzir a uma demolição gradativa do sistema Origem Os esperavam que depois de superadas as contradições do capitalismo apareceria naturalmente o socialismo, como uma nova fase de um sistema econômico, político e social mais avançado. O mesmo seguiria

Leia mais

GEOGRAFIA ENSINO MÉDIO PROF. JEFFERSON OLIVEIRA 3 ANO PROF.ª LUDMILA DUTRA

GEOGRAFIA ENSINO MÉDIO PROF. JEFFERSON OLIVEIRA 3 ANO PROF.ª LUDMILA DUTRA GEOGRAFIA 3 ANO PROF.ª LUDMILA DUTRA ENSINO MÉDIO PROF. JEFFERSON OLIVEIRA Avaliação da unidade III Pontuação: 7,5 pontos 2 Questão 01 (2,0) A globalização é entendida, hoje, como o processo de integração

Leia mais

DINÂMICA LOCAL INTERATIVA INTERATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES GEOGRAFIA AULA. Conteúdo: Geopolítica e Conflitos Entre os Séculos XIX e XX

DINÂMICA LOCAL INTERATIVA INTERATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES GEOGRAFIA AULA. Conteúdo: Geopolítica e Conflitos Entre os Séculos XIX e XX Conteúdo: Geopolítica e Conflitos Entre os Séculos XIX e XX Habilidade: Analisar a interferência na organização dos territórios a partir das guerras mundiais. Geopolítica e Território A Europa foi cenário

Leia mais

MODULO 2. DESENVOLVIMENTO, SUBDESENVOLVIMENTO E A NOVA ORDEM MUNDIAL Páginas

MODULO 2. DESENVOLVIMENTO, SUBDESENVOLVIMENTO E A NOVA ORDEM MUNDIAL Páginas MODULO 2 DESENVOLVIMENTO, SUBDESENVOLVIMENTO E A NOVA ORDEM MUNDIAL Páginas 211 1 213 Pós-Segunda Guerra Mundial Sistema capitalista Sistema Socialista Estados Unidos(EUA) X União Soviética(URSS) GUERRA

Leia mais

MUNDO A PRODUÇÃO DO ESPAÇO GLOBAL ( NO MATERIAL PÁGINAS 51 A 55

MUNDO A PRODUÇÃO DO ESPAÇO GLOBAL ( NO MATERIAL PÁGINAS 51 A 55 MUNDO A PRODUÇÃO DO ESPAÇO GLOBAL ( NO MATERIAL PÁGINAS 51 A 55 Pós-Segunda Guerra Mundial A regionalização do mundo em países capitalistas e socialistas Critério: organização econômica, social e política

Leia mais

Aspectos Gerais. Velho Mundo: Berço da civilização ocidental (Democracia e Capitalismo) 10,5% da população mundial (superior a 745 milhões de hab.

Aspectos Gerais. Velho Mundo: Berço da civilização ocidental (Democracia e Capitalismo) 10,5% da população mundial (superior a 745 milhões de hab. EUROPA Módulo 4 Aspectos Gerais Velho Mundo: Berço da civilização ocidental (Democracia e Capitalismo) Possui 7% das terras emersas (49 países) 10,5% da população mundial (superior a 745 milhões de hab.)

Leia mais

A REGIONALIZAÇÃO DO ESPAÇO MUNDIAL Parte III. Referências ( Livros): BibliEx e PNLD

A REGIONALIZAÇÃO DO ESPAÇO MUNDIAL Parte III. Referências ( Livros): BibliEx e PNLD A REGIONALIZAÇÃO DO ESPAÇO MUNDIAL Parte III Referências ( Livros): BibliEx e PNLD DIFERENTES MODOS DE VER O MUNDO Regionalização do Mundo (outro critério) Critério utilizado Econômico A regionalização

Leia mais

SEGUNDA GUERRA MUNDIAL

SEGUNDA GUERRA MUNDIAL SEGUNDA GUERRA MUNDIAL1939-1945 CAUSAS -Continuação da Primeira Guerra; *disputas imperialistas; *mesmos países controlando os mercados; *crises econômicas: empobrecimento dos trabalhadores nos anos 20

Leia mais

Capitalismo x Socialismo. Introdução para o entendimento do mundo bipolar.

Capitalismo x Socialismo. Introdução para o entendimento do mundo bipolar. Capitalismo x Socialismo Introdução para o entendimento do mundo bipolar. Capitalismo Sistema econômico, político e social no qual os agentes econômicos (empresários, burgueses, capitalistas), proprietários

Leia mais

A RÚSSIA IMPERIAL monarquia absolutista czar

A RÚSSIA IMPERIAL monarquia absolutista czar A RÚSSIA IMPERIAL Desde o século XVI até a Revolução de 1917 a Rússia foi governada por uma monarquia absolutista; O rei era chamado czar; O czar Alexandre II (1818-1881) deu início, na metade do século

Leia mais

REGIONALIZAÇÃO E AS ORDENS MUNDIAIS

REGIONALIZAÇÃO E AS ORDENS MUNDIAIS REGIONALIZAÇÃO E AS ORDENS MUNDIAIS ORDEM MUNDIAL Equilíbrio temporário das relações políticas, econômicas, diplomáticas e militares entre as potências na disputa pelo poder e pela hegemonia do mundo.

Leia mais

MODOS DE PRODUÇÃO COMUNISMO PRIMITIVO

MODOS DE PRODUÇÃO COMUNISMO PRIMITIVO TEMAS DE SOCIOLOGIA Evolução biológica e cultural do homem. A sociedade pré-histórica. O Paleolítico Bandos e hordas de coletores e caçadores. Divisão natural do trabalho. Economia coletora e nomadismo.

Leia mais

AULA DE HISTÓRIA PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL. El Sal /02/2014

AULA DE HISTÓRIA PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL. El Sal /02/2014 AULA DE HISTÓRIA PRIMEIRA MUNDIAL El Sal 2014 PRIMEIRA MUNDIAL Inicialmente, os conflitos se deram na Europa. Embora várias nações tenham declarado neutralidade, no decorrer da guerra várias nações não-européias

Leia mais

ORDEM GEOPOLÍTICA E ECONÔMICA: DO PÓS-GUERRA AOS DIAS ATUAIS.

ORDEM GEOPOLÍTICA E ECONÔMICA: DO PÓS-GUERRA AOS DIAS ATUAIS. ORDEM GEOPOLÍTICA E ECONÔMICA: DO PÓS-GUERRA AOS DIAS ATUAIS. Guerra Fria Entre as décadas de 50 e 60 o mundo temia uma guerra nuclear entre a URSS e os EUA. Apesar da rivalidade entre as potências, elas

Leia mais

Na aula de hoje vamos tratar de dois assuntos: Primeira guerra Mundial e Revolução Russa:

Na aula de hoje vamos tratar de dois assuntos: Primeira guerra Mundial e Revolução Russa: Na aula de hoje vamos tratar de dois assuntos: Primeira guerra Mundial e Revolução Russa: Observe as figuras abaixo: Cavour Unificação Italiana Bismarck Unificação Alemã O processo de unificação da Alemanha

Leia mais

REVOLUÇÃO INDUSTRIAL E INDUSTRIALIZAÇÃO

REVOLUÇÃO INDUSTRIAL E INDUSTRIALIZAÇÃO REVOLUÇÃO INDUSTRIAL E INDUSTRIALIZAÇÃO ORIGENS DA INDUSTRIALIZAÇÃO A industrialização é baseada numa economia de mercado e numa sociedade de classes. ECONOMIA DE MERCADO (CAPITALISTA) O mercado consiste

Leia mais

GEOGRAFIA. Prof. Daniel San.

GEOGRAFIA. Prof. Daniel San. GEOGRAFIA Prof. Daniel San daniel.san@lasalle.org.br Os Teóricos TEM NO LIVRO, pág. 180 a 194 As primeiras críticas aos sistema capitalista surgiram pouco tempo depois da revolução industrial, na Europa.

Leia mais

GEOGRAFIA ENSINO MÉDIO PROF. JEFFERSON OLIVEIRA 3 ANO PROF.ª LUDMILA DUTRA

GEOGRAFIA ENSINO MÉDIO PROF. JEFFERSON OLIVEIRA 3 ANO PROF.ª LUDMILA DUTRA GEOGRAFIA 3 ANO PROF.ª LUDMILA DUTRA ENSINO MÉDIO PROF. JEFFERSON OLIVEIRA CONTEÚDOS E HABILIDADES Unidade III Geopolítica e Poder 2 CONTEÚDOS E HABILIDADES Aula 10.2 Conteúdo Os muros que dividem as fronteiras

Leia mais

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 61 A COMUNIDADE DOS ESTADOS INDEPENDENTES

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 61 A COMUNIDADE DOS ESTADOS INDEPENDENTES HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 61 A COMUNIDADE DOS ESTADOS INDEPENDENTES Fixação 1) (UERJ) Há duas semanas, comentei neste espaço o episódio do submarino russo que ficou preso no fundo do mar. Dizia que

Leia mais

Segunda Revolução Industrial. Um mundo cheio de mudanças

Segunda Revolução Industrial. Um mundo cheio de mudanças Segunda Revolução Industrial Um mundo cheio de mudanças Nas relações humanas da contemporaneidade, a informação circula com muita rapidez. A globalização envolve diferentes esferas sociais tais como a

Leia mais

9. o ANO FUNDAMENTAL PROF. ª ANDREZA XAVIER PROF. WALACE VINENTE

9. o ANO FUNDAMENTAL PROF. ª ANDREZA XAVIER PROF. WALACE VINENTE 9. o ANO FUNDAMENTAL PROF. ª ANDREZA XAVIER PROF. WALACE VINENTE Unidade I Tempo, espaço, fontes históricas e representações cartográficas. 2 Aula 3.2 Conteúdo Europa oriental. 3 Habilidade Diferenciar

Leia mais

Plano Didático Pedagógico Unidade I Conteúdos

Plano Didático Pedagógico Unidade I Conteúdos CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA I Plano Didático Pedagógico Unidade I Conteúdos Industrialização e Imperialismo Heranças africanas A Primeira Guerra Mundial A Revolução Russa

Leia mais

Instituição: Colégio Mauá Professor: Marcelo Tatsch Disciplina: Geografia

Instituição: Colégio Mauá Professor: Marcelo Tatsch Disciplina: Geografia Otawa - Canadá Washington D.C Cidade do México - México Instituição: Colégio Mauá Professor: Marcelo Tatsch Disciplina: Geografia ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA URBANIZAÇÃO E POPULAÇÃO - formação das metrópoles

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Terras de Bouro

Agrupamento de Escolas de Terras de Bouro Perfil de aprendizagem de História 3.º CICLO DO ENSINO BÁSICO Das sociedades recolectoras às primeiras civilizações Das sociedades recolectoras às primeiras sociedades produtoras 1. Conhecer o processo

Leia mais

Revolução Russa 1917

Revolução Russa 1917 Revolução Russa 1917 1 A RÚSSIA PRÉ-REVOLUCIONÁRIA Economia Predominantemente rural (latifúndios) com vestígios do feudalismo, muito atrasado economicamente. Mais da metade do capital russo provinha de

Leia mais

Qual é o ponto de humor da charge abaixo? SOCIALISMO

Qual é o ponto de humor da charge abaixo? SOCIALISMO Qual é o ponto de humor da charge abaixo? SOCIALISMO SOCIALISMO SOCIALISMO A História das Ideias Socialistas possui alguns cortes de importância. O primeiro deles é entre os socialistas Utópicos e os socialistas

Leia mais

EUROPA. o velho continente. Professora: Rilvania Flôr.

EUROPA. o velho continente. Professora: Rilvania Flôr. EUROPA o velho continente. Professora: Rilvania Flôr. http://noticias.universia.com.br/carreira/noticia/2015/04/30/1124394/profissionais-iberoamericanos-preferem-trabalhareuropa-aponta-pesquisa.html Ocupação

Leia mais

A REVOLUÇÃO RUSSA. Professor: TÁCIUS FERNANDES Blog:

A REVOLUÇÃO RUSSA. Professor: TÁCIUS FERNANDES Blog: A REVOLUÇÃO RUSSA Professor: TÁCIUS FERNANDES Blog: www.proftaciusfernandes.wordpress.com RÚSSIA CZARISTA Final do século XIX 170 milhões de pessoas Economia agrária 85% da população vivia no campo camponeses

Leia mais

GUERRA FRIA ( ) GUERRA FRIA. Prof Osvaldo Negreiros

GUERRA FRIA ( ) GUERRA FRIA. Prof Osvaldo Negreiros GUERRA FRIA Prof Osvaldo Negreiros Final da Segunda Guerra: enfraquecimento das grandes potências européias emergência de duas grandes potências (Bipolaridade): EUA/Capitalista X URSS/Comunista Conferências:

Leia mais

Nova Ordem Mundial. Página 1 com Prof. Giba

Nova Ordem Mundial. Página 1 com Prof. Giba Nova Ordem Mundial Ao final da Segunda Guerra Mundial (1945), o cenário político mundial testemunhava o período de maior tensão de sua história. De um lado, os Estados Unidos, uma potência capitalista;

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 1ª PROVA DE RECUPERAÇÃO DE GEOGRAFIA Aluno: Nº Série: 8º Turma: Data: Nota: Professora: Edvaldo Valor da Prova: 50 pontos Assinatura do responsável: Orientações

Leia mais

História B aula 17 As Revoluções Russas.

História B aula 17 As Revoluções Russas. História B aula 17 As Revoluções Russas. Primeira revolução vitoriosa inspirada no socialismo Antecedentes do processo revolucionário... Características da Rússia na virada do século XIX: -Governada pelo

Leia mais

INDUSTRIALIZAÇÃO E POTÊNCIAS MUNDIAIS

INDUSTRIALIZAÇÃO E POTÊNCIAS MUNDIAIS INDUSTRIALIZAÇÃO E POTÊNCIAS MUNDIAIS MODOS DE PRODUÇÃO INDUSTRIAL 1 O artesanato O artesanato, primeira forma de produção industrial, surgiu no fim da Idade Média com o renascimento comercial e urbano

Leia mais

JAPÃO O Gigante do Oriente

JAPÃO O Gigante do Oriente JAPÃO O Gigante do Oriente LOCALIZAÇÃO GEOGRAFICA O país ocupa um arquipélago formado por mais de 4 mil ilhas no Círculo de Fogo do oceano Pacífico Área de contato de placas tectônicas explica a existência

Leia mais

O DESENVOLVIMENT O DO CAPITALISMO AS DIFERENTES ETAPAS DO CAPITALISMO E O CONTEXTO GEOGRÁFICO MUNDIAL

O DESENVOLVIMENT O DO CAPITALISMO AS DIFERENTES ETAPAS DO CAPITALISMO E O CONTEXTO GEOGRÁFICO MUNDIAL O DESENVOLVIMENT O DO CAPITALISMO AS DIFERENTES ETAPAS DO CAPITALISMO E O CONTEXTO GEOGRÁFICO MUNDIAL Características gerais do modo de produção capitalista Propriedade dos meios de produção; Obtenção

Leia mais

1º bimestre 3ª série Contemporânea Revoluções Russas Cap. 42 p Roberson de Oliveira

1º bimestre 3ª série Contemporânea Revoluções Russas Cap. 42 p Roberson de Oliveira 1º bimestre 3ª série Contemporânea Revoluções Russas Cap. 42 p. 404 Roberson de Oliveira 1. As transformações econômicas, sociais e políticas na ordem feudal-czarista Fatores e alguns efeitos: 1. Fatores

Leia mais

É a produção de bens materiais, além dos agrícolas, por empresas não artesanais. Este termo começou a ser utilizado a partir da 1ª Revolução

É a produção de bens materiais, além dos agrícolas, por empresas não artesanais. Este termo começou a ser utilizado a partir da 1ª Revolução É a produção de bens materiais, além dos agrícolas, por empresas não artesanais. Este termo começou a ser utilizado a partir da 1ª Revolução Industrial, que se iniciou em Inglaterra no século XVIII. Indústria

Leia mais

CAPÍTULO 1 GLOBALIZAÇÃO, UM MUNDO CADA VEZ MENOR PROFESSOR LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ CAVALCANTE 9º ANO

CAPÍTULO 1 GLOBALIZAÇÃO, UM MUNDO CADA VEZ MENOR PROFESSOR LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ CAVALCANTE 9º ANO CAPÍTULO 1 GLOBALIZAÇÃO, UM MUNDO CADA VEZ MENOR PROFESSOR LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ CAVALCANTE 9º ANO CONCEITO DE GLOBALIZAÇÃO p.5 Globalização é o processo de integração econômica, cultural, social,

Leia mais

A atividade industrial

A atividade industrial A atividade industrial Estágios da produção 1 - artesanato Trabalho manual; O artesão também era o dono do meio de produção; O artesão realizava todo o processo produtivo. Estágios da produção 2 - manufatura

Leia mais

GUERRA FRIA 1945-1991. http://historiaonline.com.br

GUERRA FRIA 1945-1991. http://historiaonline.com.br GUERRA FRIA 1945-1991 http://historiaonline.com.br DEFINIÇÃO Ordem bipolar EUA X URSS. Capitalismo X Socialismo. Paz improvável, guerra impossível. http://historiaonline.com.br Características a) Corrida

Leia mais

IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO

IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO Resultado da 2ª Revolução Industrial CONTEXTO: 2ª Revolução Industrial; Necessidade de novos mercados; Nacionalismo; Produção de armas; O CAPITALISMO MONOPOLISTA Setor industrial

Leia mais

Aula de Revisão 8 ano 2º Trimestre Prova trimestral Geografia Professor Gabriel

Aula de Revisão 8 ano 2º Trimestre Prova trimestral Geografia Professor Gabriel Aula de Revisão 8 ano 2º Trimestre Prova trimestral Geografia Professor Gabriel Módulo 9. A ECONOMIA INDUSTRIAL DA EUROPA Origens e Evolução da Industrialização Revolução Industrial Inglaterra, final do

Leia mais

2ª Guerra Mundial

2ª Guerra Mundial 2ª Guerra Mundial 1939-1945 http://historiaonline.com.br Antecedentes da Guerra Política de apaziguamento: LIGA DAS NAÇÕES Tolerância excessiva em relação às violações do Tratado de Versalhes e Saint Germain.

Leia mais

1º ano. Cultura, Diversidade e o Ser Humano

1º ano. Cultura, Diversidade e o Ser Humano Culturas, Etnias e modernidade no mundo e no Brasil A diversidade cultural Capítulo 11 - Item 11.4 O choque entre culturas e etnocentrismo Capítulo 11 Relativismo cultural e tolerância Capítulo 11 Civilização

Leia mais

REVOLUÇÃO INDUSTRIAL Origens Conceito e características Pioneirismo inglês Invenções Conseqüências:

REVOLUÇÃO INDUSTRIAL Origens Conceito e características Pioneirismo inglês Invenções Conseqüências: REVOLUÇÃO INDUSTRIAL Origens Conceito e características Pioneirismo inglês Invenções Conseqüências: 1. econômicas 2. sociais 3. políticas Educação para o Trabalho 1 Aperfeiçoamento Escravismo, feudalismo

Leia mais

Europa espaço econômico

Europa espaço econômico Europa espaço econômico União Europeia O continente europeu é historicamente conhecido como Velho Continente, por ter sido responsável pela colonização da América e da África. No ano de 1500, a Europa

Leia mais

ATIVIDADES ONLINE 9º ANO 3

ATIVIDADES ONLINE 9º ANO 3 ATIVIDADES ONLINE 9º ANO 3 1) Considerando todo o histórico da União Europeia, Em que ano houve a maior ampliação do bloco, com a entrada de 10 novos membros? a) 2001 b) 2006 c) 2004 d) 2007 2) Folha de

Leia mais

Professor Thiago Espindula - Geografia. A geoeconomia determinando as relações mundiais.

Professor Thiago Espindula - Geografia. A geoeconomia determinando as relações mundiais. A geoeconomia determinando as relações mundiais. - Geopolítica: explicar, geograficamente, as ações políticas das nações. - Geopolítica Clássica: jogo de forças das nações projetado no espaço >>> segurança

Leia mais

Ano Lectivo 2012/ ºCiclo 8 ºAno. 8.º Ano 1º Período. Unidade Didáctica Conteúdos Competências Específicas Avaliação.

Ano Lectivo 2012/ ºCiclo 8 ºAno. 8.º Ano 1º Período. Unidade Didáctica Conteúdos Competências Específicas Avaliação. AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO Planificação HISTÓRIA Ano Lectivo 2012/2013 3 ºCiclo 8 ºAno 8.º Ano 1º Período Panorâmica geral dos séculos XII e XIII. Observação directa Diálogo

Leia mais

FICHA DE AVALIAÇÃO Com Cinema NOME: Nº TURMA ESCOLA PROFESSOR: AVALIAÇÃO:

FICHA DE AVALIAÇÃO Com Cinema NOME: Nº TURMA ESCOLA PROFESSOR: AVALIAÇÃO: FICHA DE AVALIAÇÃO Com Cinema NOME: Nº TURMA ESCOLA PROFESSOR: AVALIAÇÃO: Observa atentamente os documentos apresentados; Integra nas tuas respostas as informações recolhidas; Utiliza vocabulário/conceitos

Leia mais

Definição. é um sistema econômico (e por. vezes político) em que os meios de produção, distribuição, decisões sobre oferta, demanda, preço

Definição. é um sistema econômico (e por. vezes político) em que os meios de produção, distribuição, decisões sobre oferta, demanda, preço Definição O é um sistema econômico (e por vezes político) em que os meios de produção, distribuição, decisões sobre oferta, demanda, preço e investimentos são em grande parte ou totalmente de propriedade

Leia mais

Texto da questão. I. A primeira Revolução Industrial aconteceu na Grã-Bretanha, com o algodão.

Texto da questão. I. A primeira Revolução Industrial aconteceu na Grã-Bretanha, com o algodão. Questão 1 No final do século XVIII e durante todo o século XIX aconteceu na Inglaterra a Revolução Industrial. Quais afirmativas são corretas com relação à Revolução Industrial? I. A primeira Revolução

Leia mais

Ciências Humanas História. Guerra Fria

Ciências Humanas História. Guerra Fria Ciências Humanas História Guerra Fria Relembrando Professor Evandro R. Saracino ersaracino@gmail.com Facebook.com/ersaracino Facebook.com/errsaracino Estude o MESMO conteúdo 2x por dia Leia, leia muito,

Leia mais

CAPÍTULO 3 BRASIL E MERCOSUL PROFESSOR LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ CAVALCANTE

CAPÍTULO 3 BRASIL E MERCOSUL PROFESSOR LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ CAVALCANTE CAPÍTULO 3 BRASIL E MERCOSUL PROFESSOR LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ CAVALCANTE ORIGEM DO MERCOSUL P. 30 e 31 Os blocos econômicos promovem uma maior integração econômica, social e cultural entre as

Leia mais

2ª REVOLUÇÃO INDUSTRIAL Prof. Lincoln Marques

2ª REVOLUÇÃO INDUSTRIAL Prof. Lincoln Marques 2ª REVOLUÇÃO INDUSTRIAL 1860-1914 Prof. Lincoln Marques DEFINIÇÕES CONCEITUAIS Conjunto de transformações técnicas, econômicas e sociais caracterizadas pela substituição da energia física pela mecânica,

Leia mais

9. ALTERAÇÕES GEOESTRATÉGICAS, TENSÕES POLÍTICAS E TRANSFORMAÇÕES SOCIOCULTURAIS ATUAL 1.1. O 1. A

9. ALTERAÇÕES GEOESTRATÉGICAS, TENSÕES POLÍTICAS E TRANSFORMAÇÕES SOCIOCULTURAIS ATUAL 1.1. O 1. A 1. A era Gorbatchev Uma nova política - (março.1985): Gorbatchev eleito secretário-geral do PCUS presidente da URSS - Política de diálogo com o ocidente - reinício das conversações URSS/EUA sobre desarmamento

Leia mais

A sociedade e a história têm como base O TRABALHO HUMANO TRABALHO é o intercâmbio (relação) HOMEM E NATUREZA OBJETIVO: produzir e reproduzir as

A sociedade e a história têm como base O TRABALHO HUMANO TRABALHO é o intercâmbio (relação) HOMEM E NATUREZA OBJETIVO: produzir e reproduzir as A sociedade e a história têm como base O TRABALHO HUMANO TRABALHO é o intercâmbio (relação) HOMEM E NATUREZA OBJETIVO: produzir e reproduzir as condições materiais (econômicas) da vida social TODAS AS

Leia mais

forçadas a regredir de centros industriais secundários a meros fornecedores de matériaprima.

forçadas a regredir de centros industriais secundários a meros fornecedores de matériaprima. 1) A Segunda Revolução Industrial, iniciada na segunda metade do século XIX, marca a fase do capitalismo financeiro em que: a) ocorreram intensa integração entre o capital bancário e o capital industrial,

Leia mais

Programa de Retomada de Conteúdo

Programa de Retomada de Conteúdo Colégio Amorim Santa Teresa Fone: 2909-1422 Diretoria de Ensino Região Centro Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio. Rua Lagoa Panema, 466 Vila Guilherme Programa de Retomada de Conteúdo

Leia mais

REDE EDUCACIONAL ADVENTISTA Ementa de Curso

REDE EDUCACIONAL ADVENTISTA Ementa de Curso REDE EDUCACIONAL ADVENTISTA Ementa de Curso DISCIPLINA: HISTÓRIA SÉRIE/ TURMA: 1º ANO MÉDIO ABC BIMESTRE: 4º NÚMERO 1. Módulo 16 - Política e economia no Antigo Introdução do módulo, com aula em slides

Leia mais

1ª GUERRA MUNDIAL

1ª GUERRA MUNDIAL 1ª GUERRA MUNDIAL 1914-1918 PANORAMA INTERNACIONAL Divisão do mundo em: Países industrializados e países não industrializados. Industrializados Europa, América (EUA) e Ásia (Japão). Não Industrializados

Leia mais

Os Antecedentes. Conferência de Yalta (11/fev/1945) Reorganização do leste europeu. Churchill, Roosevelt e Stálin em Yalta

Os Antecedentes. Conferência de Yalta (11/fev/1945) Reorganização do leste europeu. Churchill, Roosevelt e Stálin em Yalta Os Antecedentes Conferência de Yalta (11/fev/1945) Reorganização do leste europeu Churchill, Roosevelt e Stálin em Yalta Os Antecedentes Conferência de Yalta (11/fev/1945) Reorganização do leste europeu

Leia mais

DISCIPLINA: HISTÓRIA ECONÔMICA GERAL (CÓD. ENEX60076) PERÍODO: 1 º PERÍODO

DISCIPLINA: HISTÓRIA ECONÔMICA GERAL (CÓD. ENEX60076) PERÍODO: 1 º PERÍODO PLANO DE CURSO DISCIPLINA: HISTÓRIA ECONÔMICA GERAL (CÓD. ENEX60076) PERÍODO: 1 º PERÍODO TOTAL DE SEMANAS: 20 SEMANAS TOTAL DE ENCONTROS: 40 AULAS Aulas Conteúdos/ Matéria Tipo de aula Textos, filmes

Leia mais

Revoluções Industriais REVOLUÇÃO INDUSTRIAL A INDÚSTRIA. Formada sobre as bases de acumulação do capital através do mercantilismo.

Revoluções Industriais REVOLUÇÃO INDUSTRIAL A INDÚSTRIA. Formada sobre as bases de acumulação do capital através do mercantilismo. A INDÚSTRIA É o setor da economia que congrega o processo de transformação da matéria-prima em vários tipos de bens. A industria possui uma forte relação com os recursos naturais, sendo sua produção associada:

Leia mais

Ano Lectivo 2015 / ºCiclo 8 ºAno. 8.º Ano 1º Período. Domínios / Subdomínios Objetivos Gerais Competências Específicas Avaliação.

Ano Lectivo 2015 / ºCiclo 8 ºAno. 8.º Ano 1º Período. Domínios / Subdomínios Objetivos Gerais Competências Específicas Avaliação. ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DR. VIEIRA DE CARVALHO Planificação HISTÓRIA Ano Lectivo 2015 / 2016 3 ºCiclo 8 ºAno 8.º Ano 1º Período DOMÌNIO / TEMA D O contexto europeu dos séculos XII a XIV (recuperação

Leia mais

GUIA DE AULAS - HISTÓRIA SITE: EDUCADORES.GEEKIELAB.COM.BR

GUIA DE AULAS - HISTÓRIA SITE: EDUCADORES.GEEKIELAB.COM.BR GUIA DE AULAS - HISTÓRIA SITE: EDUCADORES.GEEKIELAB.COM.BR Olá, Professor! Assim como você, a Geekie também quer ajudar os alunos a atingir todo seu potencial e a realizar seus sonhos. Por isso, oferecemos

Leia mais

A INDUSTRIALIZAÇÃO BRASILEIRA

A INDUSTRIALIZAÇÃO BRASILEIRA A INDUSTRIALIZAÇÃO BRASILEIRA PERÍODO COLONIAL Portugal proibia a criação de fábricas no Brasil para que os brasileiros consumissem os produtos manufaturados pela metrópole. PÓS COLÔNIA A industrialização

Leia mais

EJA 5ª FASE PROF. JEFFERSON OLIVEIRA PROF.ª LUDMILA DUTRA

EJA 5ª FASE PROF. JEFFERSON OLIVEIRA PROF.ª LUDMILA DUTRA EJA 5ª FASE PROF. JEFFERSON OLIVEIRA PROF.ª LUDMILA DUTRA Unidade I Os Estados Unidos da América 2 Aula 1.2 Conteúdo Os Estados Unidos da América 3 Habilidade Compreender os fatores que fazem dos Estados

Leia mais

Sociologia do trabalho e sistemas econômicos

Sociologia do trabalho e sistemas econômicos Sociologia do trabalho e sistemas econômicos Sociologia do trabalho O trabalho ao longo das sociedades -Sociedade primitiva -Sociedade escravista -Sociedade feudal -Sociedade moderna -Sociedade contemporânea

Leia mais

GEOGRAFIA 9 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª ANDREZA XAVIER PROF. WALACE VINENTE

GEOGRAFIA 9 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª ANDREZA XAVIER PROF. WALACE VINENTE GEOGRAFIA 9 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª ANDREZA XAVIER PROF. WALACE VINENTE CONTEÚDOS E HABILIDADES Unidade II Comunicação e tecnologia. 2 CONTEÚDOS E HABILIDADES Aula 7.2 Conteúdos A presença da economia

Leia mais

Disputa pela hegemonia mundial entre Estados Unidos e URSS após a II Guerra Mundial. É uma intensa guerra econômica, diplomática e tecnológica pela conquista de zonas de influência. Ela divide o mundo

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL 2013 Conteúdos Habilidades Avaliação

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL 2013 Conteúdos Habilidades Avaliação COLÉGIO LA SALLE BRASÍLIA Disciplina: Geografia Trimestre: 1º PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL 2013 1. Mundo contemporâneo: economia e geopolítica: - Processo de desenvolvimento do capitalismo - Geopolítica

Leia mais

IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO

IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO Resultado da 2ª Revolução Industrial 1. CONTEXTO: 2ª Revolução Industrial; Necessidade de novos mercados; Nacionalismo; Produção de armas; Capitalismo Monopolista: Setor

Leia mais

OBJETIVO º ANO E.M. MÓDULO 31 OS TIGRES ASIÁTICOS

OBJETIVO º ANO E.M. MÓDULO 31 OS TIGRES ASIÁTICOS OBJETIVO 2016 1º ANO E.M. MÓDULO 31 OS TIGRES ASIÁTICOS INTRODUÇÃO TIGRES ASIÁTICOS (Vídeo) Na década de 1970, os novos países industrializados, fortemente apoiados pelos investimentos japoneses, voltaram-se

Leia mais

FASES DO CAPITALISMO, REVOLUÇÕES INDUSTRIAIS E A GLOBALIZAÇÃO PROFº CLAUDIO FRANCISCO GALDINO GEOGRAFIA

FASES DO CAPITALISMO, REVOLUÇÕES INDUSTRIAIS E A GLOBALIZAÇÃO PROFº CLAUDIO FRANCISCO GALDINO GEOGRAFIA FASES DO CAPITALISMO, REVOLUÇÕES INDUSTRIAIS E A GLOBALIZAÇÃO PROFº CLAUDIO FRANCISCO GALDINO GEOGRAFIA O QUE CAPITALISMO? É um sistema socioeconômico que regula as relações sociais e a economia da sociedade

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2016 ENSINO FUNDAMENTAL

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2016 ENSINO FUNDAMENTAL PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2016 ENSINO FUNDAMENTAL Professor(a): Eliza Muzzolon Ano/Turma(s): 9 A Disciplina: HISTÓRIA 1º TRIMESTRE - Dominação e resistência. - Industrialização e Imperialismo - A Primeira

Leia mais

Revolução Industrial

Revolução Industrial Revolução Industrial A Revolução (evolução) Industrial representou o uso da maquinofatura e a maturidade capitalista, graças à abundância de capitais acumulados e também de mão de obra. 1 Fases tecnológicas

Leia mais

Avaliação da unidade II Pontuação: 7,5 pontos

Avaliação da unidade II Pontuação: 7,5 pontos Avaliação da unidade II Pontuação: 7,5 pontos QUESTÃO 01 Descreva as principais características do populismo no Brasil: (valor 1,0) QUESTÃO 02 Após a Segunda Guerra Mundial, consolidou-se uma ordem político-econômica

Leia mais

MATRIZ DE REFERÊNCIA NÍVEL ENSINO MÉDIO

MATRIZ DE REFERÊNCIA NÍVEL ENSINO MÉDIO MATRIZ DE REFERÊNCIA NÍVEL ENSINO MÉDIO Conteúdo Programático de História Conteúdo Competências e Habilidades I. Antiguidade clássica: Grécia e Roma. 1. Conhecer as instituições políticas gregas e romanas,

Leia mais

Prof. David Nogueira. quinta-feira, 2 de junho de 2011

Prof. David Nogueira. quinta-feira, 2 de junho de 2011 1 Antecedentes/causas (década de 30): Fortalecimento de regimes totalitários nazifascistas. Invasão da CHI (1931 - Manchúria) pelo JAP. Invasão da Etiópia (1935) pela ITA. Desrespeito da ALE ao Tratado

Leia mais

CAPÍTULO: 38 AULAS 7, 8 e 9

CAPÍTULO: 38 AULAS 7, 8 e 9 CAPÍTULO: 38 AULAS 7, 8 e 9 SURGIMENTO Com as revoluções burguesas, duas correntes de pensamento surgiram e apimentaram as relações de classe nos séculos XIX e XX: o Liberalismo e o Socialismo. O LIBERALISMO

Leia mais

Em 1929 o mundo enfrenta a Grande Depressão, após o Crack da Bolsa de NY. Ascensão dos discursos nacionalistas

Em 1929 o mundo enfrenta a Grande Depressão, após o Crack da Bolsa de NY. Ascensão dos discursos nacionalistas 1939-1945 Após a 1ª Guerra Mundial, as potências vencedoras, na Europa, promoveram uma série de tratados com um forte caráter de vingança. Ex. Tratado de Versalhes A Alemanha teve suas forças armadas desmontada

Leia mais

IDADE CONTEMPORÂNEA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL

IDADE CONTEMPORÂNEA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL Definição: conjunto de transformações técnicas, econômicas e sociais caracterizadas pela substituição da energia física pela mecânica, da ferramenta pela máquina e da manufatura pela fábrica. ARTESANATO

Leia mais

Ano: 9º Turma: 9.1 e 9.2

Ano: 9º Turma: 9.1 e 9.2 COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 1ª Etapa 2014 Disciplina: HISTORIA Professor (a): RODRIGO CUNHA Ano: 9º Turma: 9.1 e 9.2 Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de

Leia mais

Ano Lectivo 2016/ ºCiclo 8 ºAno. 8.º Ano 1º Período. Domínios / Subdomínios Objetivos Gerais / Metas Competências Específicas Avaliação.

Ano Lectivo 2016/ ºCiclo 8 ºAno. 8.º Ano 1º Período. Domínios / Subdomínios Objetivos Gerais / Metas Competências Específicas Avaliação. ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DR. VIEIRA DE CARVALHO Planificação HISTÓRIA Ano Lectivo 2016/2017 3 ºCiclo 8 ºAno 8.º Ano 1º Período Domínios / Subdomínios Objetivos Gerais / Metas Competências Específicas

Leia mais

INDÚSTRIA MÁQUINAS Sistemas de produção: MESTRES APRENDIZES,

INDÚSTRIA MÁQUINAS Sistemas de produção: MESTRES APRENDIZES, L A I R T S U D O C FI Á R G G O E IN O QUE É INDÚSTRIA? O termo INDÚSTRIA é empregado para indicar a fabricação, quase sempre com o uso de MÁQUINAS do mais variados produtos, por exemplo: a) alimentos;

Leia mais

ESCOLA BÁSICA 2,3 DE CORROIOS FICHA SUMATIVA A Primeira Guerra Mundial Nome: N.º Turma: 9.º C Ano Lectivo 2010/2011 Professor: Nota: Enc.

ESCOLA BÁSICA 2,3 DE CORROIOS FICHA SUMATIVA A Primeira Guerra Mundial Nome: N.º Turma: 9.º C Ano Lectivo 2010/2011 Professor: Nota: Enc. FICHA SUMATIVA A Primeira Guerra Mundial Nome: N.º Turma: 9.º C Ano Lectivo 2010/2011 Professor: Nota: Enc. Educação: I. SITUAR NO TEMPO 1. ORDENA os acontecimentos cronologicamente, colocando as letras

Leia mais

3) Sobre a interdependência dos elementos da natureza, caracterize:

3) Sobre a interdependência dos elementos da natureza, caracterize: Educador: Abílio José C. Curricular: Geografia Data: / /2013 Estudante: 8 Ano 1) Caracterize resumidamente, as três esferas terrestres e responda: elas ainda apresentam os mesmos aspectos de quando se

Leia mais

GEOGRAFIA 8ª Série Ensino Fundamental Prof. José Gusmão Nome: Nº.: Turma:

GEOGRAFIA 8ª Série Ensino Fundamental Prof. José Gusmão Nome: Nº.: Turma: GEOGRAFIA 8ª Série Ensino Fundamental Prof. José Gusmão Nome: Nº.: Turma: REVISANDO CONHECIMENTOS PARA O EXAME FINAL SOBRE A NOVA ORDEM MUNDIAL: (caderno + capítulo 12) 1. Explique o que devemos entender

Leia mais

PEP/2008 2ª AVALIAÇÃO DE TREINAMENTO FICHA AUXILIAR DE CORREÇÃO HISTÓRIA. 1ª QUESTÃO (Valor 6,0)

PEP/2008 2ª AVALIAÇÃO DE TREINAMENTO FICHA AUXILIAR DE CORREÇÃO HISTÓRIA. 1ª QUESTÃO (Valor 6,0) PEP/2008 2ª AVALIAÇÃO DE TREINAMENTO FIHA AUXILIAR DE ORREÇÃO HISTÓRIA 1ª QUESTÃO (Valor 6,0) om base nos fatos históricos ocorridos a partir da década de 1940, estudar a importância política e econômica

Leia mais

Geografia. A Nova Ordem Mundial. Professor Luciano Teixeira.

Geografia. A Nova Ordem Mundial. Professor Luciano Teixeira. Geografia A Nova Ordem Mundial Professor Luciano Teixeira Geografia A NOVA ORDEM MUNDIAL A Nova Ordem Mundial ou Nova Ordem Geopolítica Mundial significa o plano geopolítico internacional das correlações

Leia mais

Formação da Economia Global

Formação da Economia Global Formação da Economia Global *Capitalismo Comercial Séculos XV e XVI Expansão Comercial Renascimento (arte, cultura, filosofia e ciências, século XIII a XVI) Matéria- prima MercanGlismo metais preciosos

Leia mais

Atividade: Professor: INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DO TRABALHO COMPLEMENTAR

Atividade: Professor: INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DO TRABALHO COMPLEMENTAR Colégio Menino Jesus Instituição de Ensino: Disciplina: História Atividade: TRABALHO COMPLEMENTAR Colégio Menino Jesus - Geo Pombal Professor: Delzymar Dias Turma: Terceiro Ano Conteúdo: Ideologias/Neocolonialismo/Imperialismo

Leia mais

A Primeira Revolução Industrial XVIII

A Primeira Revolução Industrial XVIII A Primeira Revolução Industrial XVIII 1.0 - Fatores condicionantes para a Revolução Industrial inglesa. 1.1 - Séculos XVI a XVIII: Inglaterra como maior potência marícma colonial. 1.2 - Ampliação dos mercados

Leia mais

1ª GUERRA MUNDIAL.

1ª GUERRA MUNDIAL. 1ª GUERRA MUNDIAL http://historiaonline.com.br ANTECEDENTES 2ª REVOLUÇÃO INDUSTRIAL NEOCOLONIALISMO/IMPERIALISMO CORRIDA ARMAMENTISTA POLÍTICA DE ALIANÇAS PAZ ARMADA http://historiaonline.com.br ALIANÇAS

Leia mais

A REVOLUÇAO FRANCESA (1789 A 1799) TEMA DA REVOLUÇÃO: IGUALDADE, LIBERDADE E FRATERNIDADE

A REVOLUÇAO FRANCESA (1789 A 1799) TEMA DA REVOLUÇÃO: IGUALDADE, LIBERDADE E FRATERNIDADE A REVOLUÇAO FRANCESA (1789 A 1799) TEMA DA REVOLUÇÃO: IGUALDADE, LIBERDADE E FRATERNIDADE QUADRO SOCIAL 1º ESTADO CLERO 2º ESTADO NOBREZA Viviam às custas do Rei 3º ESTADO Alta Burguesia, Pequena Burguesia

Leia mais