Isto constitui, um desafio particularmente grande aos profissionais que actuam nesta área.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Isto constitui, um desafio particularmente grande aos profissionais que actuam nesta área."

Transcrição

1 A Descrição Geral Designação do Curso - Licenciatura em Tecnologias de Informação e Comunicação Qualificação atribuída Licenciatura Requisitos de admissão O ingresso no curso pode ser efectuado através do Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior, dos Regimes Especiais, dos Concursos Especiais de Acesso ou dos Regimes de Reingresso, Mudança de Curso e Transferência. Para se candidatarem ao ensino superior através do Concurso Nacional de Acesso, os estudantes devem satisfazer as condições referidas na lei geral de ingresso ao ensino superior. Objectivos Educacionais e Profissionais As Tecnologias de Informação e Comunicação são, reconhecidamente, uma das áreas do saber humano que mais se tem desenvolvido nas últimas décadas, quer em termos de profundidade do conhecimento envolvido, quer em termos do espectro da sua aplicabilidade. Em termos de profundidade, assistimos todos os dias a novos desenvolvimentos, novas tecnologias, novos produtos e serviços, que levam cada vez mais longe o conhecimento e a utilização que a humanidade faz destas tecnologias. Por outro lado, também a abrangência e aplicabilidade destas tecnologias se tem vindo a alargar, tocando todas as áreas do conhecimento e da actividade humana. Isto constitui, um desafio particularmente grande aos profissionais que actuam nesta área. Assim, o curso encontra-se estruturado, não em ramos rígidos, mas em Perfis de Competência. Estes Perfis de Competência, constituem áreas preferenciais de formação, nos quais o estudante suporta prioritariamente a escolha das suas Unidades Curriculares Optativas. Os Perfis de Competência propostos, são os seguintes: Investigação e Projecto (IP) Redes de Comunicação (RED) Robótica e Cibernética (ROB) Sistemas de Apoio à Decisão (SAD)

2 Sistemas de Informação, Qualidade e Segurança (SIS) Webdesign, Multimédia e E-Business (WEB) Tecnólogo de Informação (TEC) Na organização do programa de estudos teve-se em conta, entre outros pontos: a) a especificidade dos objectivos do subsistema politécnico, ou seja, valorizar-se especialmente a formação que visa o exercício de uma actividade de carácter profissional, assegurando aos estudantes uma componente de aplicação dos conhecimentos e saberes adquiridos às actividades concretas do respectivo perfil profissional; b) a fixação do número total de créditos, e consequente duração do ciclo de estudos, dentro dos valores e de acordo com os critérios estabelecidos pelo diploma publicado, traduzindo-se num ciclo de estudos de regime semestral, com seis semestres totalizando 180 ECTS; c) a aquisição das competências necessárias ao exercício de uma actividade profissional; d) a necessidade de maior flexibilidade e mobilidade dos estudantes de modo a ajustar a sua formação, antecipando as necessidades do mercado onde se pretendem integrar; e) a aquisição de competências pelo estudante que lhe permita efectuar uma aprendizagem ao longo da vida, de um modo fundamentalmente auto-orientado ou autónomo com o objectivo de se manter actualizado e obter uma visão alargada sobre os diferentes domínios das Tecnologias de Informação e Comunicação. As metodologias e organização adoptadas em cada unidade curricular colaboraram para atingir os objectivos gerais propostos, ou seja, na medida do possível: a) aliar a componente científica ao desenvolvimento da comunicação, ao trabalho em equipa, à criatividade e à experiência prática/laboratorial dos estudantes; b) utilizar meios tecnológicos disponíveis sempre actualizados e em complexidade crescente; c) que o estudante desenvolva trabalhos e projectos interdisciplinares, isto é, envolvendo os conhecimentos de mais de uma Unidade Curricular, chegando ao ponto de alguns trabalhos e projectos, servirem para a avaliação de várias Unidades Curriculares;

3 d) incluir, além das sessões de ensino de natureza colectiva, sessões de orientação pessoal de tipo tutorial, projectos e trabalhos. Acesso ao grau seguinte de estudos O grau de licenciado permite a candidatura a estudos pós-graduados, conducentes ao grau de mestre, tanto no ensino superior universitário como no ensino superior politécnico. Tabela da estrutura do Curso com Créditos (60 por ano) O curso encontra-se estruturado em 3 anos, 6 semestres, totalizando um mínimo de 180 ECTS. Nome da Disciplina/Unidade Curricular Ano Semestre Número de Créditos Matemática I 1 1 4,5 Arquitectura Computadores I 1 1 5,5 Língua Estrangeira I 1 1 4,5 Programação e Algoritmia 1 1 5,0 Tecnologias de Informação e Comunicação I 1 1 5,5 Língua Portuguesa 1 1 5,0 Desenho Técnico 1 1 4,5 Matemática II 1 2 4,5 Arquitectura Computadores II Informação e Comunicação Língua Estrangeira II 1 2 4,5 Linguagens de Programação Tecnologias de Informação e Comunicação II Design para Multimédia Automação Industrial Fundamentos de Bases de Dados Matemática III 2 3 4,5 Programação Orientada por Objectos Sistemas Operativos I 2 3 5

4 Tecnologias Internet Organização, Planeamento e Administração 2 3 5,5 Redes de Computadores I Aquisição, Tratamento e Difusão da Informação Programação de Autómatos Tratamento e Produção de Imagem Bases de Dados I Guião e Desenho Conteúdos Web 2 4 5,5 Sistemas de Informação nas Organizações Sistemas Operativos II 2 4 5,5 Redes de Computadores II 2 4 5,5 Computação Gráfica Legislação em Sistemas de Informação 2 4 5,5 Projecto de Investigação I Redes de Acesso Sistemas de Aprendizagem e Redes Neuronais Animação 2D e 3D Administração de Sistemas Informáticos Bases de Dados II 3 5 5,5 Desenvolvimento Avançado de Aplicações Internet I Segurança Informática 3 5 5,5 Qualidade em Tecnologias de Informação e Comunicação Economia Digital Projecto de Investigação II Sistemas de Gestão Documental, Processos e Tecnologias Workflow 3 5 5

5 Sistemas de Informação Geográfica Técnicas de Áudio e Vídeo Planeamento e Gestão de Projectos Gestão de Redes de Alto Débito Administração de Redes de Computadores 3 6 5,5 Authoring Multimédia Convergência de Dados Desenvolvimento Avançado de Aplicações Internet II Integração de Sistemas Projecto Realidade Virtual 3 6 5,5 Data Warehouse, Data Mining e Business Intelligence 3 6 5,5 TV Digital As unidades curriculares apresentadas na tabela abaixo apesar de fazerem parte do curriculum do curso são disciplinas opcionais que não se encontram presentemente em funcionamento(2008/2009). Mantem-se em cada semestre um largo número de unidades currculares opcionais em funcionamento para escolha pelos discentes. Nome da Disciplina/Unidade Curricular Ano Semestre Número de Créditos Ergonomia e Interactividade Humana Métodos de Investigação Científica 2 3 3,5 Electrónica Digital Acessibilidade e Informação para Públicos com Necessidades Especiais Representação do Conhecimento Robótica Móvel 2 4 5,5 História do Pensamento Científico 2 4 3,5

6 Técnicas Avançadas de Programação Robótica de Manipulação 2 4 5,5 E-Learning Inteligência Artificial 3 5 5,5 Protética Sistemas de Informação Geográfica Serviços de Informação em Linha Visão Assistida por Computador 3 5 5,5 Análise de Projectos de Investimento 3 6 5,5 Auditoria e Consultoria Informática 3 6 5,5 Gestão de Mudanças em Tecnologias de Informação Sistemas de Apoio à Decisão E-Marketing Sistemas de Gestão por Processos de Negócio Exame final, se existente com nota mínima para aprovação de 10 valores. Regras de avaliação contínua e final Considera-se o aluno aprovado à unidade curricular quando obtém a classificação final mínima de 10 valores, resultante da combinação das avaliações parcelares definidas em cada uma das unidades curriculares. A falta de um ou mais elementos de avaliação considerados obrigatórios implica a passagem do regime de avaliação contínua/periódica para o regime de avaliação final. Na avaliação final podem ser usados elementos de avaliação distintos, a definir pela docente responsável. Qualquer situação não prevista será decidida pelos docentes da unidade curricular, com o conhecimento e não oposição do Coordenador Pedagógico do Curso. Coordenador Departamental ECTS Carlos Mora (Director do Departamento)

7 Nome da Unidade Curricular Matemática I Código da Unidade Curricular Nível da Unidade Curricular I Ano 1 Semestre/Trimestre 1 Número de Créditos 4.5 Nome do Professor Dr.ª Isabel Pitacas O programa desta disciplina foi elaborado com o objectivo de ampliar os saberes de matemática dos alunos com conhecimentos de Álgebra Linear. Pretende-se que a utilização das Matrizes e dos Determinantes na resolução de sistemas de equações lineares, com aplicação particular à Geometria Analítica façam com que os alunos desenvolvam um raciocínio rigoroso e adquiram conhecimentos necessários à aprendizagem de matérias de outras unidades curriculares do curso. Conteúdos da Unidade Curricular 1 - Introdução à Lógica Matemática 2 - Matrizes 3 - Determinantes 4 - Matrizes, Determinantes e Geometria Analítica Bibliografia Recomendada Dada a extensão da bibliografia constante na ficha da unidade curricular não é possível a sua transcrição. Métodos de Ensino Aulas teóricas e teórico-práticas com explicação dos conteúdos ministrados e exercícios de aplicação. Métodos de Avaliação - Avaliação Periódica: O aluno realizará: 2 frequências, classificadas de 0 a 16 valores; 2 mini-testes, classificados de 0 a 3 valores; 4 fichas de trabalho (fora da sala de aula), classificadas de 0 a 1 valores. O aluno é dispensado de exame se obtiver pelo menos 6 valores em cada frequência e se a soma da média das classificações das frequências, notas dos mini-testes e das fichas de trabalho, for igual ou superior a 10 valores. - Avaliação Final: Consiste numa prova escrita, classificada de 0 a 20 valores. O aluno é aprovado à disciplina se a classificação final do exame for igual ou superior a 10 valores.

8 Nome da Unidade Curricular Arquitectura de Computadores I Código da Unidade Curricular Nível da Unidade Curricular I Ano 1 Semestre/Trimestre 1.5 Nome do Professor Dr. Mário Macedo No final desta Cadeira o aluno conhece as diferentes unidades funcionais de uma Arquitectura de um Computador e as características que são disponibilizadas para diferentes ambientes de funcionamento. O aluno domina também os conceitos que uma arquitectura hardware deverá disponibilizar para um ambiente de multiprocessamento em ambientes batch ou tempo real. Conteúdos da Unidade Curricular Conceitos de Arquitecturas de Computadores. Bibliografia Recomendada William Stallings, Computer Organization & Architecture, Prentice Hall, (2006); Documentos distribuídos nas aulas. Métodos de Avaliação 40% Frequência, 60% Trabalho Prático

9 Nome da Unidade Curricular Língua Estrangeira I (Opcional) Código da Unidade Curricular Nível da Unidade Curricular I Ano 1 Semestre/Trimestre 1 Número de Créditos 4.5 Nome do Professor Dr. Rui Carreteiro - Dotar os alunos de meios linguísticos que lhes permitam comunicar eficientemente com o mundo que os rodeia; - Estabelecer a ligação entre o ensino da língua e da comunicação e a apreensão de conhecimentos técnicos na área da tecnologia; - Desenvolver as aptidões linguísticas de acordo com as necessidades do mundo da informática. Conteúdos da Unidade Curricular 1 - Diversidade cultural e formas de socialização 2 - O mundo do trabalho 3 - O domínio do computador 4 - Estruturas Gramaticais Bibliografia Recomendada Dada a extensão da bibliografia constante na ficha da unidade curricular não é possível a sua transcrição. Métodos de Ensino Aulas teóricas e práticas-laboratoriais com explicação dos Métodos de Avaliação - Avaliação Periódica: Uma Frequência, no final do semestre = 70%, em que a nota mínima da frequência é 7 valores. - Avaliação Contínua, abrangendo exercícios, entre os quais um trabalho individual escrito a entregar e apresentar no final das aulas, e a participação nas aulas (nas componentes escrita e oral) = 30% - Avaliação Final: Os alunos que não obtiverem aprovação à disciplina em época normal de avaliação e sejam admitidos a Exame, será dado um peso de 30% Avaliação Contínua e ao exame corresponderá 70% da nota final. Em caso de Melhoria de Nota, os critérios de avaliação, acima mencionados não serão tidos em conta, sendo que o Exame vale por si só (100%). Na Época Especial, os critérios de avaliação, acima referidos não serão tidos em conta, sendo que o Exame vale por si só (100%). Língua de Ensino Inglês

10 Nome da Unidade Curricular Programação e Algoritmia Código da Unidade Curricular Ano 1 Semestre/Trimestre 1 Nome do Professor Eng.º Carlos Mora O programa desta Unidade Curricular foi elaborado com o objectivo de fornecer aos alunos os conhecimentos básicos de algoritmia, capacitando-os para o desenho e documentação dos algoritmos de suporte a programas informáticos e/ou procedimentos genéricos que venham a ser necessários. Adicionalmente os alunos ficarão capacitados com conhecimentos gerais de programação conducentes à implementação de algoritmos simples recorrendo à linguagem de programação Pascal. Conteúdos da Unidade Curricular Problemas computacionais, Técnicas de Análise, Técnicas de Programação, Algoritmo, Estruturas, Fluxogramas, Algoritmos Elementares, Ambientes de Programação, Pascal. Bibliografia Recomendada (Disponíveis na sessão de cópias): Apontamentos da cadeira; Carlos Mora. Frequências e exames efectuados nos anos anteriores. (Disponível na Biblioteca do IPT): Dirceu Douglas Salvetti, Lisbete Madsen Barbosa, Algoritmos, Makron Books Sara Baase, Allen Van Gelder, Computer Algorithms Introduction to Design & Analysis, Addison-Wesley. (A distribuir durante as aulas): Artigos e capítulos de livros avulsos sobre a matéria em leccionação que servirão de base aos relatórios de avaliação Métodos de Avaliação A nota final será calculada atribuindo a cada parcela a percentagem abaixo indicada: Aluno com Estatuto de Trabalhador-Estudante - Trabalho 100%. Aluno sem Estatuto de Trabalhador-Estudante - Participação nas aulas 20%; Trabalho 80%

11 Nome da Unidade Curricular Tecnologias de Informação e Comunicação I Código da Unidade Curricular Nível da Unidade Curricular I Ano 1 Semestre/Trimestre 1.5 Nome do Professor Eng.º Júlio Silva Ao concluir esta unidade o estudante deverá obter conhecimentos na parametrização e instalação de ferramentas de produtividades pessoais. Deverá dominar de forma avançada o sistema Operativo Windows XP, ferramentas do Office Microsoft Word, Outlook, PowerPoint. Conteúdos da Unidade Curricular 1 - Windows XP 2 - Utilização Outlook 3 - Utilização Avançada de Winword 4 - Utilização Avançada de PowerPoint Bibliografia Recomendada Microsoft Windows XP Professional, William R. Stanek Domine a 110% Windows XP, Jorge Neves Domine a 110% Word 2003, Isabel Vaz Exercícios de Word 2003 & XP, Carla Jesus Curso Avançado de PowerPoint 2003 & XP, Ana Elias Domine a 110% Outlook 2003, Ricardo Silva Exercícios de Powerpoint 2003 & XP, Rute Rodrigues Métodos de Avaliação - Avaliação Periódica: Componente de avaliação contínua. - Avaliação Final Exame Componente de 50% da noite final Exame de Recurso Componente de 50% da nota final Exame de trabalhador Estudante 50% da nota final Será sempre obrigatório a entrega do trabalho prático referido no espaço da avaliação periódica

12 Nome da Unidade Curricular Língua Portuguesa Código da Unidade Curricular Ano 1 Semestre/Trimestre 1 Nome do Professor Dr.ª Sandra Barata Desenvolver competências de compreensão e expressão oral e escrita. Reconhecer a importância da adequação do discurso à situação de comunicação. Compreender os usos, a prática e o funcionamento da língua portuguesa. Exprimir-se de forma ordenada, com coerência lógica e sintáctica. Produzir textos segundo técnicas e modelos diversificados. Adquirir métodos e técnicas de pesquisa, registo e tratamento de informação. Desenvolver métodos e técnicas de trabalho individual e em grupo que contribuam para a construção da própria aprendizagem. Conteúdos da Unidade Curricular Comunicação, linguagem e língua. Formas de expressão (Escrita e Oral). Sintaxe e Semântica. Causas dos principais erros de ortografia. Particularidades da flexão verbal. Bibliografia Recomendada Correia, João David Pinto Introdução às técnicas de Comunicação e de Expressão, Livraria Novidades Pedagógicas, Lisboa Metzeltin, Michel; Candeias, M. Semântica e Sintaxe do Português, Ed. Almedina Coimbra, Português Fundamental, vol. I, vol. II, INIC-CLUL, 1984/1987. Gramáticas e Dicionários. Métodos de Ensino Aulas teóricas e práticas-laboratoriais com explicação dos Métodos de Avaliação Avaliação Periódica (Frequência 70% e Trabalho 30%) Avaliação Final Exame escrito.

13 Nome da Unidade Curricular Desenho Técnico (Opcional) Código da Unidade Curricular Tipo de Unidade Curricular semestral Ano 1 Semestre/Trimestre 1 Número de Créditos 4.5 Nome do Professor Eng.º Bruno Chaparro Habilitar os alunos para o Desenho Técnico Assistido por Computador (CAD), e fornecer-lhes no início do curso, uma ferramenta de apoio a outras disciplinas, conferindo também as bases necessárias para uma futura progressão na área de CAD. Conteúdos da Unidade Curricular 1 - Conceitos Preliminares 2 - Projecções Ortogonais Vistas Múltiplas 3 - Perspectivas Axonométricas 4 - Introdução ao CAD Desenho assistido por computador Bibliografia Recomendada Arlindo Silva, João Dias, Luís Sousa, Desenho Técnico Moderno, Lidel Simões Morais, Desenho Técnico Básico, Vol. 3, Porto Editora José Garcia, AutoCAD D & AutoCADLT2004, FCA editora (Lidel). Luís Veiga da Cunha, Desenho Técnico, Fundação Calouste Gulbenkian Normas NP e ISO Métodos de Avaliação - Avaliação Contínua: Trabalhos práticos e prova escrita - Avaliação Periódica: Frequência e Exame - Avaliação Final: 30% Trabalhos práticos + 70% Prova escrita

14 Nome da Unidade Curricular Matemática II Código da Unidade Curricular Nível da Unidade Curricular II Ano 1 Semestre/Trimestre 2 Número de Créditos 4.5 Nome do Professor Dr.ª Mª João Inácio O programa desta disciplina foi elaborado com o objectivo de consolidar e ampliar os conhecimentos matemáticos dos alunos. Pretende-se que o aluno domine algumas ferramentas indispensáveis ao cálculo e interpretação de dados noutras disciplinas de matemática e em disciplinas técnicas do plano curricular do curso que frequentam. O programa proposto foi elaborado tomando como base de referência os conhecimentos adquiridos, pelos alunos, nos cursos que antecedem a sua entrada neste curso. Conteúdos da Unidade Curricular 1 Funções Reais de Variável Real 2 Cálculo Diferencial em R. 3 Cálculo Integral em R. 4 Séries Bibliografia Recomendada Dada a extensão da bibliografia constante na ficha da unidade curricular não é possível a sua transcrição. Métodos de Ensino Aulas teóricas e teórico-práticas com explicação dos conteúdos ministrados e exercícios de aplicação. Métodos de Avaliação - Avaliação Periódica: 2 frequências; 2 mini-testes e fora da sala de aulas, 2 fichas de trabalho. O aluno é dispensado de exame se obtiver, pelo menos, 7 valores em cada frequência e a soma de 80% da média das classificações destas provas com as médias das notas dos mini-testes e das fichas de trabalho for igual ou superior a 10 valores. - Avaliação Final: Consiste numa prova escrita, classificada de 0 a 20 valores. O aluno é aprovado à disciplina se a classificação final do exame for igual ou superior a 10 valores.

15 Nome da Unidade Curricular Arquitectura de Computadores II Código da Unidade Curricular Nível da Unidade Curricular II Ano 1 Semestre/Trimestre 2 Nome do Professor Eng.º Sérgio Hortas Rodrigues Possibilitar a aprendizagem dos conceitos envolvidos na estrutura e funcionamento dos computadores digitais actuais. Conteúdos da Unidade Curricular 1. Memória externa 2. Memória Interna 3. Unidade de Input / Output 4. Sistemas Operativos 5. Conceitos de aritmética computacional Bibliografia Recomendada William Stallings, Computer Organization & Architecture, Prentice Hall, (2006); Métodos de Avaliação 40% Frequência, 60% Trabalho Prático

16 Nome da Unidade Curricular Informação e Comunicação Código da Unidade Curricular Ano 1 Semestre/Trimestre 2 Número de Créditos 4 Nome do Professor Dr. Francisco Lopes - Apreender conceitos e questões associadas ao uso das Tecnologias de Informação e ao seu impacto na sociedade, nomeadamente aos aspectos da cidadania; - Apreender uma perspectiva transdisciplinar das Tecnologias de Informação e da sua aplicação em vários domínios. Conteúdos da Unidade Curricular 1- Contextualização e evolução histórica das TIC; 2- O impacto das tecnologias; globalização e universalidade; mudança e inovação; indivíduo e sociedade da informação; ambiente de redes; 3- Tecnologias e informação; Noções de organização de informação; alfabetação; classificação; meta dados e indexação; 4- Informação e cidadania; protecção dos dados pessoais, direitos de autor; ética para os profissionais de informação. Bibliografia Recomendada Dada a extensão da bibliografia constante na ficha da unidade curricular não é possível a sua transcrição. Métodos de Ensino Aulas teóricas e teórico-práticas com explicação dos conteúdos ministrados e exercícios de aplicação. Métodos de Avaliação Avaliação contínua - 25%; 1 teste surpresa - 25%; Frequência - 50%.

17 Nome da Unidade Curricular Língua Estrangeira II Código da Unidade Curricular Nível da Unidade Curricular II Ano 1 Semestre/Trimestre 2 Número de Créditos 4.5 Nome do Professor Dr.ª Zélia Patrocínio A disciplina de Língua Estrangeira II do 1º Ano do Curso de Tecnologias de Informação e Comunicação funcionará como continuação da disciplina de Língua Estrangeira I, permitindo o aprofundamento e alargamento dos conhecimentos adquiridos. Conteúdos da Unidade Curricular 1 Tecnologias 2 Design 3 Crime e segurança 4 Manufacturando 5 Transportes 6 Telecomunicações 7 Entretenimento pessoal 8 Estruturas Gramaticais Bibliografia Recomendada Dada a extensão da bibliografia constante na ficha da unidade curricular não é possível a sua transcrição. Métodos de Ensino Aulas teóricas e práticas-laboratoriais com explicação dos Métodos de Avaliação - Avaliação Periódica: Escrita e Oralidade 1 Frequência no final do semestre = 70%; 1 Mini - Teste = 20%; Avaliação Contínua, abrangendo exercícios e participação nas aulas (nas componentes escrita e oral) e assiduidade = 10%. - Avaliação Final: Os alunos que não obtiverem aprovação à disciplina em época normal de avaliação (Avaliação Contínua e Avaliação Periódica) e sejam admitidos a Avaliação Final (Época Normal e Época de Recurso), será dado um peso de 80% ao Exame Escrito e serão sujeitos a um Exame Oral a realizar no mesmo dia, ao qual corresponderá o peso de 20% da nota final. Em caso de Melhoria de Nota, os critérios de avaliação, acima mencionados não serão tidos em conta, sendo que o Exame vale por si só (100%). Língua de Ensino Inglês

18 Nome da Unidade Curricular Linguagens de Programação Código da Unidade Curricular Ano 1 Semestre/Trimestre 2 Número de Créditos 6 Nome do Professor Eng.º Sérgio Hortas Rodrigues Esta unidade curricular tem como objectivo, proporcionar o domínio do paradigma da orientação por objectos, tais como hereditariedade, abstracção, encapsulamento e polimorfismo, através da utilização da linguagem de programação C# e da framework.net. Conteúdos da Unidade Curricular C#:.NET framework; Tipos; Expressões;Classes;Métodos;Construtores;Hereditariedade; Polimorfismo;Colecções;Interfaces;Excepções; Eventos; Delegações;Sobreposição de métodos; Streams de ficheiros; Menus; GUI Bibliografia Recomendada Karli Watson et al., Beginning Visual C#, Wrox Press 2003 (903 pages) Métodos de Avaliação 100% Trabalho Prático e Inglês

19 Nome da Unidade Curricular Tecnologias de Informação e Comunicação II (Opcional) Código da Unidade Curricular Tipo de Unidade Curricular semestral Ano 1 Semestre/Trimestre 2 Nome do Professor Eng.º Júlio Silva Ao concluir esta unidade o estudante deverá obter conhecimentos na parametrização e instalação de ferramentas de produtividades pessoais. Deverá dominar de forma avançada o Microsoft Office EXCEL, Adobe Acrobat Profisional e Microsoft VISIO Conteúdos da Unidade Curricular Microsoft excel 2007 conceitos básicos Microsoft excel 2007 conceitos avançados Adobe acrobat profissional Microsoft visio Bibliografia Recomendada Microsoft Office 2007 Para todos nós, Sérgio Sousa / Maria José Sousa Excel 2007 Macros & VBA - Curso Completo, Henrique Loureiro Domine a 110% Excel 2003, Maria José Sousa Excel Macros & VBA Curso Completo, Henrique Loureiro Adobe Acrobat 6 Curso Completo, Fernando Tavares Ferreira Adobe Acrobat 8 Classroom in a Book, Adobe Press Microsoft Visio Curso Completo, Paulo J. Silva Métodos de Avaliação - Avaliação Periódica: Componente de avaliação contínua - Avaliação Final: Exame Componente de 50% da noite final Exame de Recurso Componente de 50% da nota final Exame de trabalhador Estudante 50% da nota final Será sempre obrigatório a entrega do trabalho prático referido.

20 Nome da Unidade Curricular Design para Multimédia (Opcional) Código da Unidade Curricular Ano 1 Semestre/Trimestre 2 Nome do Professor Dr. Pedro Casaca Adquisão e aplicação de competências ao nível dos processos de design em projectos multimédia. Desenvolvam conhecimentos e saberes acerca das ferramentas, processos e condicionalismos em projectos aplicados ao ecrã. Construam soluções de design estético-funcionais adequadas aos objectivos e utilizadores, consoante os requisitos e constrangimentos dos projectos. Conteúdos da Unidade Curricular Conceitos de Design, Vertentes de Design: Comunicação, Produto, Ambientes. Metodologias de design, Design como disciplina empresarial. Design para ecrã, Design para internet, Browsers. O desafio para o desenvolvimento dos projectos, Resolução dos monitores, Tamanho de ficheiros, Cor e tipografia, Grafismos na Web, HTML, WYSIYG, Interactividade, Java e Javascript, Desenvolver estratégias em design para a Web, Planeamento e produção, Estudo de casos, Design para multimédia Design para internet e design para multimédia As diferenças, processo de Design, Aplicações criativas e o seu papel, Planeamento de produção, Design para jogos. Bibliografia Recomendada LYNCH, PATRICK J.; HORTON, SARAH Guia de estilo da web. Editorial Gustavo Gili, SA, Barcelona, GORDON, BOB; GORDON, MAGGIE Digital Grapic Design. Thames & Hudson Ltd, 2005 Métodos de Avaliação A nota final: média das classificações de todos os exercícios práticos desenvolvidos ao longo do semestre. Para ficarem aprovados os alunos terão de ter a média igual ou superior a 10 valores na avaliação de época normal. Caso contrário serão admitidos a uma avaliação em época de exame, onde terão de apresentar novamente todos os trabalhos desenvolvidos ao longo do semestre. Os alunos com o estatuto de trabalhador-estudante estão isentos de faltas, contudo têm de mostrar o trabalho regularmente ao docente.

21 Nome da Unidade Curricular Automação Industrial (Opcional) Código da Unidade Curricular Ano 1 Semestre/Trimestre 2 Nome do Professor Eng.º Toni Alves Conhecimentos técnicos de iniciação à automação industrial, de forma a conseguirem responder com eficácia às dificuldades que a indústria nos exige. Os conhecimentos teóricos englobam uma forte caracterização dos componentes práticos e suas aplicações, para que posteriormente a sua utilização se torne mais eficaz. Esta é suportada por uma componente laboratorial que permite o conhecimento e manuseamento dos equipamentos e acessórios, bem como, o estudo de situações experimentais que simulem aplicações industriais, ao nível da lógica combinatória. Conteúdos da Unidade Curricular 1 - Introdução à automação. 2 - Iniciação aos Sistemas Digitais 3 - Sistemas de Numeração e Códigos. 4 - Álgebra de Boole e Circuitos Lógicos. 5 Pneumática. 6 - Método Sequencial Bibliografia Recomendada Eng.º Toni Alves, "Sebenta de Hidráulica e Pneumática. Eng. Arivelto Fialho, "Automação Pneumática". José Novais, "Método Sequencial Para Automatização Electropneumática". A. Silva Pereira. Mário Águas. Rogério Baldaia, " Sistemas Digitais". José Matias. Ludgero Leote, "Automatismos Industriais". Métodos de Avaliação poderá ser inferior a 5 valores, numa escala de 0 a 10 valores) - Avaliação Periódica: Frequência, Exame, Exame de Recurso ou Exame Trabalhador Estudante (nota mínima de 4.5 valores, numa escala de 0 a 10 valores) 1 Componente teórica: 50%, 2 Componente prática: 50%. A nota final, soma da componente prática e teórica e não poderá ser inferior a 9.5 valores.

22 Nome da Unidade Curricular Fundamentos de Bases de Dados Código da Unidade Curricular Ano 2 Semestre/Trimestre 3 Nome do Professor Eng.º Carlos Mora O objectivo desta Unidade Curricular é o de lhes proporcionar os conhecimentos base relacionados com bases de dados e tecnologias e metodologias relacionadas. Estas bases servirão de alicerce às matérias transmitidas nas unidades curriculares Bases de Dados I e Bases de Dados II, dotando-os em conjunto com os conhecimentos para desenvolverem, implementarem ou acompanharem projectos envolvendo grandes componentes de bases de dados. Conteúdos da Unidade Curricular Conceitos Básicos. Evolução Históricas das Bases de Dados. Diagramas ER, Normalização, Integridade, Concorrência, Segurança, Optimização. SQL DDl e DML. O ambiente Microsoft SQL Server Management Studio Express. Bibliografia Recomendada (Disponíveis na sessão de cópias) Apontamentos da cadeira; Carlos Mora; Frequências e exames efectuados nos anos anteriores. (Disponível na Biblioteca do IPT) C. J. Date, An Introduction to Database Systems, Addison-Wesley. (A distribuir durante as aulas) Artigos e capítulos de livros avulsos sobre a matéria em leccionação que servirão de base aos relatórios de avaliação Métodos de Avaliação A nota final será calculada atribuindo a cada parcela a percentagem abaixo indicada: Aluno com Estatuto de Trabalhador-Estudante: Trabalho 100%. Aluno sem Estatuto de Trabalhador-Estudante: Participação nas aulas 20%; Trabalho 80%

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação: Técnicas de Representação Digital I Área Científica: Desenho (DES) Ciclo de Estudos: Licenciatura Carácter: Obrigatória Semestre: 3º ECTS: 6 Tempo

Leia mais

Redes e Serviços Internet

Redes e Serviços Internet Universidade da Beira Interior Departamento de Informática 2009/2010 Redes e Serviços Internet Joel J. P. C. Rodrigues (joel@ubi.pt) Licenciatura em: - Engenharia Informática Conteúdo Programático Aspectos

Leia mais

PROGRAMA DA DISCIPLINA DE AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL I

PROGRAMA DA DISCIPLINA DE AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL I PROGRAMA DA DISCIPLINA DE AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL I 3º Ano Regime: 2º Semestre Ano Lectivo: 2006/2007 Carga Horária: 1T 1TP 2P Docente responsável: Eng.º Toni Alves Total de horas de contacto: 60 Corpo Docente:

Leia mais

Dossier Pedagógico da Disciplina de Programação e Computadores 1 (PC1)

Dossier Pedagógico da Disciplina de Programação e Computadores 1 (PC1) Instituto Superior Politécnico Gaya Dossier Pedagógico da Disciplina de Programação e Computadores 1 (PC1) Índice 1. Programa da Disciplina...2 1.1 Objectivos da Disciplina...2 1.2 Conteúdo programático...2

Leia mais

Regulamento do Curso de. Mestrado Integrado em Engenharia Informática

Regulamento do Curso de. Mestrado Integrado em Engenharia Informática Regulamento do Curso de Mestrado Integrado em Engenharia Informática (Ciclo integrado de estudos superiores) (Registado na DGES através do n.º R/A-Cr 21/2013) Artigo 1.º Regulamento geral aplicável O Curso

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES APRESENTAÇÃO. Departamento de Informática da Faculdade de Ciências e Tecnologia da UNL 2010/2011

REDES DE COMPUTADORES APRESENTAÇÃO. Departamento de Informática da Faculdade de Ciências e Tecnologia da UNL 2010/2011 REDES DE COMPUTADORES APRESENTAÇÃO Departamento de Informática da Faculdade de Ciências e Tecnologia da UNL 2010/2011 Docentes Referências da disciplina 2 Docentes Henrique João Lopes Domingos (Teóricas,

Leia mais

Criação de Páginas Web

Criação de Páginas Web MÓDULO 3 Criação de Páginas Web Duração de Referência: 33 horas 1 Apresentação Neste módulo, procura dar-se uma primeira ideia instrumental de como criar, a partir de aplicativos próprios, a organização

Leia mais

Projeto Pedagógico do Curso

Projeto Pedagógico do Curso Projeto Pedagógico do Curso Fundamentação Diretrizes curriculares do MEC Diretrizes curriculares da SBC Carta de Princípios da UNICAP Projeto Pedagógico Institucional da UNICAP Diretrizes Curriculares

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação Projecto Design Multimédia II Área Científica Design de Multimédia Ciclo de Estudos Obrigatório Carácter: Obrigatório Semestre 4º ECTS 12 Tempo

Leia mais

Guia do Mestrado em Informática Sistemas e Redes & Ciência de Computadores

Guia do Mestrado em Informática Sistemas e Redes & Ciência de Computadores Guia do Mestrado em Informática Sistemas e Redes & Ciência de Computadores Faculdade de Ciências, Universidade do Porto Faculdade de Ciências da Universidade do Porto 2006-2008 http://www.dcc.fc.up.pt/mi

Leia mais

Departamento de Ciências e Tecnologias

Departamento de Ciências e Tecnologias Futuro Departamento de Ciências e Tecnologias Licenciatura em Engenharia Informática Missão Dotar os alunos de uma sólida formação teórica e experimental que garanta aos futuros licenciados a capacidade

Leia mais

PROGRAMA DA DISCIPLINA DE AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL II

PROGRAMA DA DISCIPLINA DE AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL II PROGRAMA DA DISCIPLINA DE AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL II 3º Ano Regime: 2º Semestre Ano Lectivo: 2006/2007 Carga Horária: 2TP+2P Docente responsável: Eng.º Toni Alves Total de horas de contacto: 60 Corpo Docente:

Leia mais

Introdução às Redes e Serviços de Comunicação Redes e Sistemas de Telecomunicações. T TP P Ciclo 1º Ano 3º Semestre 1º Horas/semana 2 2 Créditos

Introdução às Redes e Serviços de Comunicação Redes e Sistemas de Telecomunicações. T TP P Ciclo 1º Ano 3º Semestre 1º Horas/semana 2 2 Créditos Curso: Engenharia Electrónica e Redes de Computadores Licenciatura Bi-etápica Disciplina: Subgrupo: Introdução às Redes e Serviços de Comunicação Redes e Sistemas de Telecomunicações Ano lectivo: 2006

Leia mais

FICHA DE CURSO. 1. Designação do Curso: 2. Denominação do Diploma ou Certificado. 3. Objectivos Gerais e Enquadramento: 4.

FICHA DE CURSO. 1. Designação do Curso: 2. Denominação do Diploma ou Certificado. 3. Objectivos Gerais e Enquadramento: 4. 1. Designação do Curso: Curso de Especialização Pós-Graduada em Computação Móvel Aplicada 2. Denominação do Diploma ou Certificado Diploma de Pós-Graduação em Computação Móvel Aplicada 3. Gerais e Enquadramento:

Leia mais

Pós-Graduação em INOVAÇÃO E SISTEMAS INSTITUTO SUPERIOR DE GESTÃO BANCÁRIA ISGB THE PORTUGUESE SCHOOL OF BANK MANAGEMENT

Pós-Graduação em INOVAÇÃO E SISTEMAS INSTITUTO SUPERIOR DE GESTÃO BANCÁRIA ISGB THE PORTUGUESE SCHOOL OF BANK MANAGEMENT BSUPERIOR DE GESTÃO INSTITUTO 0101011010101001010 0101011010101001010 Pós-Graduação em INOVAÇÃO E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO no Sector Financeiro 2005 2006 Associação Portuguesa de Bancos INSTITUTO SUPERIOR

Leia mais

Licenciatura em Informática Licenciatura em Engenharia Multimédia

Licenciatura em Informática Licenciatura em Engenharia Multimédia Ensinar a saber fazer Profissionais com Futuro desde 1990 L I C E N C I A T U R A S ADEQUADAS AO PROCESSO DE BOLONHA Licenciatura em Informática Licenciatura em Engenharia Multimédia A estratégia do ISTEC

Leia mais

EMENTAS DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

EMENTAS DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EMENTAS DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO 60 h 1º Evolução histórica dos computadores. Aspectos de hardware: conceitos básicos de CPU, memórias,

Leia mais

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR Curso Restauração e Catering Ano letivo 2012x2013 Unidade Curricular Informática Aplicada à Restauração ECTS 5 Regime Obrigatório Ano 1º Semestre 1º Horas de trabalho globais Docente (s) Vitor Manuel Gomes

Leia mais

LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO

LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO Coordenador: Duração: Carga Horária: LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO Victor Emanuel Corrêa Lima 6 semestres 2800 horas Situação Legal: Reconhecido pela Portaria MEC nº 503 de 15/02/2006 MATRIZ CURRICULAR Primeiro

Leia mais

Telecomunicaçõ. Redes de Computadores

Telecomunicaçõ. Redes de Computadores Licenciatura em Engenharia e Gestão Industrial Telecomunicaçõ ções e Redes de Computadores Prof. João Pires (em substituição do Prof. Paulo Lobato Correia) IST, 2007/2008 Objectivos Rever alguns marcos

Leia mais

4928-(5) c) Os n. os 3.1 e 3.2 do anexo III.B (mestrados); d) O n.º 1 do anexo III.C (ciclo de estudos integrado conducente ao grau de mestre).

4928-(5) c) Os n. os 3.1 e 3.2 do anexo III.B (mestrados); d) O n.º 1 do anexo III.C (ciclo de estudos integrado conducente ao grau de mestre). N.º 65 31 de Março de 2006 DIÁRIO DA REPÚBLICA II SÉRIE 4928-(5) Despacho n. o 7287-B/2006 (2. a série). O regime jurídico dos graus académicos e diplomas do ensino superior prevê que os estabelecimentos

Leia mais

Habilitações Literárias. Identificação. Conhecimentos de Línguas Estrangeiras

Habilitações Literárias. Identificação. Conhecimentos de Línguas Estrangeiras Identificação Nome: João Filipe dos Santos Daniel Filiação: João Francisco dos Santos Daniel Anabela Carvalho dos Santos Daniel Naturalidade: Costa da Caparica Nacionalidade: Portuguesa Data de Nascimento:

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular INFORMÁTICA Ano Lectivo 2015/2016

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular INFORMÁTICA Ano Lectivo 2015/2016 Programa da Unidade Curricular INFORMÁTICA Ano Lectivo 2015/2016 1. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (1º Ciclo) 2. Curso Comunicação e Multimédia 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular

Leia mais

CURSO TECNOLÓGICO 2008/01 1º SEMESTRE. Programação e Estruturas de Dados Fundamentais

CURSO TECNOLÓGICO 2008/01 1º SEMESTRE. Programação e Estruturas de Dados Fundamentais 1º SEMESTRE Programação e Estruturas de Dados Fundamentais 8 Créditos Desenvolver a lógica de programação através da construção de algoritmos utilizando português estruturado Representar a solução de problemas

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular (UC)

Ficha da Unidade Curricular (UC) Impressão em: 03-01-2013 16:09:44 Ficha da Unidade Curricular (UC) 1. Identificação Unidade Orgânica : Escola Superior de Tecnologia e Gestão Curso : [IS] Informática para a Saúde Tipo de Curso : UC/Módulo

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA (EAD) SISTEMAS PARA INTERNET INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO 68 A disciplina estuda a área da informática como um todo e os conceitos fundamentais, abrangendo

Leia mais

Curso Técnico Superior Profissional em Desenvolvimento Web

Curso Técnico Superior Profissional em Desenvolvimento Web Curso Técnico Superior Profissional em Desenvolvimento Web PROVA DE AVALIAÇÃO DE CAPACIDADE REFERENCIAL DE CONHECIMENTOS E APTIDÕES Áreas relevantes para o curso de acordo com o n.º 4 do art.º 11.º do

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular REDES DE COMUNICAÇÃO Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular REDES DE COMUNICAÇÃO Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular REDES DE COMUNICAÇÃO Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Ciências da Economia e da Empresa (1º Ciclo) 2. Curso Engenharia Informática 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ANÁLISE DE DADOS E GESTÃO DE INFORMAÇÃO Grupo de trabalho Armando Mendes Áurea Sousa Fátima Brilhante Rita Marques Brandão Osvaldo Silva Fevereiro 2010 Enquadramento e justificação

Leia mais

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR Curso Engenharia Informática Ano letivo 2012/13 Unidade Curricular Probabilidade e Estatística ECTS 5,5 Regime Obrigatório ou opcional Ano 2º Semestre 1º sem Horas de trabalho globais Docente (s) Paulo

Leia mais

INSTITUTO POLITÉCNICO DE SANTARÉM ESCOLA SUPERIOR DE DESPORTO DE RIO MAIOR. Licenciatura em desporto Gestão das Organizações Desportivas

INSTITUTO POLITÉCNICO DE SANTARÉM ESCOLA SUPERIOR DE DESPORTO DE RIO MAIOR. Licenciatura em desporto Gestão das Organizações Desportivas INSTITUTO POLITÉCNICO DE SANTARÉM ESCOLA SUPERIOR DE DESPORTO DE RIO MAIOR Licenciatura em desporto Gestão das Organizações Desportivas Unidade Curricular Gestão de Sistemas de Informação II Ano Lectivo

Leia mais

Plano Temático. 1. Introdução

Plano Temático. 1. Introdução Curso: Licenciatura en Informática Disciplina: Comunicação de Dados Código: Tipo: Nuclear Créditos: 6 = 130 horas (64 de contacto + 66 de estudo) Ano/ Semestre: 2º Ano / 3º Semestre Plano Temático 1. Introdução

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular (UC)

Ficha da Unidade Curricular (UC) Impressão em: 03-01-2013 16:09:57 Ficha da Unidade Curricular (UC) 1. Identificação Unidade Orgânica : Escola Superior de Tecnologia e Gestão Curso : [IS] Informática para a Saúde Tipo de Curso : UC/Módulo

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular ENGENHARIA DE SOFTWARE Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular ENGENHARIA DE SOFTWARE Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular ENGENHARIA DE SOFTWARE Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Ciências da Economia e da Empresa (1º Ciclo) 2. Curso Informática 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular

Leia mais

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1 CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2011.1 BRUSQUE (SC) 2015 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 4 01 ARQUITETURA DE COMPUTADORES... 4 02 FILOSOFIA... 4 03 FUNDAMENTOS MATEMÁTICOS PARA COMPUTAÇÃO...

Leia mais

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR Curso Engenharia Informática Ano letivo 2012/13 Unidade Curricular Redes de Computadores ECTS 5 Regime Obrigatório Ano 2º Semestre 2º sem Horas de trabalho globais Docente (s) Sérgio Duarte Total 140 Contacto

Leia mais

Produção Multimédia Interactiva

Produção Multimédia Interactiva Produção Multimédia Interactiva Candidaturas 2012/13 secretaria@ipa.univ.pt http://pmi.ipa.univ.pt www.ipa.univ.pt IPA Instituto Superior Autónomo de Estudos Politécnicos No IPA prosseguimos os seguintes

Leia mais

Escola Superior de Gestão de Santarém. Instalação e Manutenção de Redes e Sistemas Informáticos. Peça Instrutória G

Escola Superior de Gestão de Santarém. Instalação e Manutenção de Redes e Sistemas Informáticos. Peça Instrutória G Escola Superior de Gestão de Santarém Pedido de Registo do CET Instalação e Manutenção de Redes e Sistemas Informáticos Peça Instrutória G Conteúdo programático sumário de cada unidade de formação TÉCNICAS

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Ciências da Economia e da Empresa (1º Ciclo) 2. Curso Informática 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular

Leia mais

ISEL INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE LISBOA

ISEL INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE LISBOA SUPLEMENTO AO DIPLOMA (versão em português) A estrutura do suplemento ao diploma segue o modelo elaborado pela Comissão Europeia, pelo Conselho da Europa e pela UNESCO/CEPES. Tem por objetivo fornecer

Leia mais

M O D E L O E U R O P E U D E

M O D E L O E U R O P E U D E M O D E L O E U R O P E U D E C U R R I C U L U M V I T A E INFORMAÇÃO PESSOAL Nome Morada FORTE, GONÇALO JOSÉ DE OLIVEIRA RUA DO LARGO DA FONTE Nº1, EIRAS, 3020-177 COIMBRA, PORTUGAL Telefone 916285199

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CAMPUS DE SOBRAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CAMPUS DE SOBRAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CAMPUS DE SOBRAL INTEGRALIZAÇÃO CURRICULAR (Currículo 2006.2) Agosto de 2010 Hodiernamente não mais se concebe que a formação do futuro profissional

Leia mais

MiEIG Mestrado integrado em Engenharia Industrial e Gestão

MiEIG Mestrado integrado em Engenharia Industrial e Gestão CFAC Concepção e Fabrico Assistidos por Computador MiEIG Mestrado integrado em Engenharia Industrial e Gestão 2014/2015-2º Semestre www.fe.up.pt/~tavares/ensino/cfac-g/cfac.html Docentes Prof. João Manuel

Leia mais

Curso(s): Licenciaturas em Engenharia Total de horas Aulas Teórico-Práticas 60 h

Curso(s): Licenciaturas em Engenharia Total de horas Aulas Teórico-Práticas 60 h UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA F A C U L D A D E D E E NGE N H ARIA Disciplina de DESENHO Contexto da Disciplina Horas de Trabalho do Aluno Curso(s): Licenciaturas em Engenharia Total de horas Aulas

Leia mais

47720 Diário da República, 2.ª série N.º 233 6 de Dezembro de 2011

47720 Diário da República, 2.ª série N.º 233 6 de Dezembro de 2011 47720 Diário da República, 2.ª série N.º 233 6 de Dezembro de 2011 UNIVERSIDADE DA MADEIRA Aviso (extracto) n.º 23548/2011 Nos termos do disposto no n.º 6 do artigo 12.º da Lei n.º 12 -A/2008, de 27 de

Leia mais

INSTITUTO POLITÉCNICO DE SANTARÉM ESCOLA SUPERIOR DE DESPORTO DE RIO MAIOR. Licenciatura em desporto Gestão das Organizações Desportivas

INSTITUTO POLITÉCNICO DE SANTARÉM ESCOLA SUPERIOR DE DESPORTO DE RIO MAIOR. Licenciatura em desporto Gestão das Organizações Desportivas INSTITUTO POLITÉCNICO DE SANTARÉM ESCOLA SUPERIOR DE DESPORTO DE RIO MAIOR Licenciatura em desporto Gestão das Organizações Desportivas Programa da Unidade Curricular Gestão de Sistemas de Informação I

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTUDOS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA

REGULAMENTO DE ESTUDOS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA NORMAS REGULAMENTARES De acordo com o estipulado pelos artigos 14.º e 26.º do Decreto-Lei n.º 107/2008, de 25 de Junho REGULAMENTO DE ESTUDOS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA Regulamento n.º 487/2010,

Leia mais

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR Curso Engenharia Informática Ano letivo 2012/2013 Unidade Curricular Engenharia de Software I ECTS 6 Regime Obrigatório Ano 1º Semestre 2º sem Horas de trabalho globais Docente (s) Rui Pedro Marques Pereira;

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET Introdução à Computação A disciplina apresenta a área da Computação como um todo, desde a história e a evolução dos computadores

Leia mais

F I C H A D A D I S C I P L I N A

F I C H A D A D I S C I P L I N A Pós-Graduações MBA Master em Gestão F I C H A D A D I S C I P L I N A I D E N T I F I C A Ç Ã O D A D I S C I P L I N A Curso: Disciplina: Docente: e-mail: MBA e PGE Tecnologias Avançadas de Multimédia

Leia mais

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR Curso Engenharia Informática Ano letivo 2012/13 Unidade Curricular Bases de Dados I ECTS 5 Regime Obrigatório Ano 2º Semestre 1º sem Horas de trabalho globais Docente (s) José Carlos Fonseca Total 140

Leia mais

Ementário das Disciplinas

Ementário das Disciplinas Ementário das Disciplinas As ementas das disciplinas estão agrupadas em semestres para uma melhor visualização da organização da matriz curricular. As referências bibliográficas serão especificadas no

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Pólo de Viseu Instituto Universitário de Desenvolvimento e Promoção Social

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Pólo de Viseu Instituto Universitário de Desenvolvimento e Promoção Social UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Pólo de Viseu Instituto Universitário de Desenvolvimento e Promoção Social DISCIPLINA Controlo Informático da Gestão LICENCIATURA Informática

Leia mais

Componente de Formação Técnica. Disciplina de

Componente de Formação Técnica. Disciplina de CURSOS PROFISSIONAIS DE NÍVEL SECUNDÁRIO Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos PROGRAMA Componente de Formação Técnica Disciplina de Sistemas Operativos Escolas Proponentes / Autores

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular (UC)

Ficha da Unidade Curricular (UC) Impressão em: 03-01-2013 16:10:47 Ficha da Unidade Curricular (UC) 1. Identificação Unidade Orgânica : Escola Superior de Tecnologia e Gestão Curso : [IS] Informática para a Saúde Tipo de Curso : UC/Módulo

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PLANIFICAÇÃO ESTRATÉGICA DOS MEDIA Ano Lectivo 2010/2011

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PLANIFICAÇÃO ESTRATÉGICA DOS MEDIA Ano Lectivo 2010/2011 Programa da Unidade Curricular PLANIFICAÇÃO ESTRATÉGICA DOS MEDIA Ano Lectivo 2010/2011 1. Unidade Orgânica Ciências da Economia e da Empresa (1º Ciclo) 2. Curso Marketing e Publicidade 3. Ciclo de Estudos

Leia mais

CARVALHO, Maria Adelaide Pinto dos Santos, Programação com Excel para Economia & Gestão, Lisboa: FCA. COELHO, Pedro, Criar e publicar páginas Web

CARVALHO, Maria Adelaide Pinto dos Santos, Programação com Excel para Economia & Gestão, Lisboa: FCA. COELHO, Pedro, Criar e publicar páginas Web CARVALHO, Maria Adelaide Pinto dos Santos, Programação com Excel para Economia & Gestão, Lisboa: FCA. COELHO, Pedro, Criar e publicar páginas Web depressa & Bem, Lisboa: FCA. ELIAS, Ana, Curso Avançado

Leia mais

design de jogos digitais o essencial da licenciatura

design de jogos digitais o essencial da licenciatura design de jogos digitais o essencial da licenciatura ÍNDICE ciclo de estudos plano de estudos metodologias de ensino perfil de saída candidaturas ipb virtual Dados do ciclo de estudos ciclo de estudos

Leia mais

Programa de Unidade Curricular

Programa de Unidade Curricular Programa de Unidade Curricular Faculdade Ciências Empresariais Licenciatura Ciências Económicas e Empresariais / Contabilidade Unidade Curricular Introdução à Informática Semestre: 1 Nº ECTS: 6,0 Regente

Leia mais

Instituto Superior de Engenharia de Lisboa

Instituto Superior de Engenharia de Lisboa Instituto Superior de Engenharia de Lisboa Regulamento dos cursos do ciclo de estudos conducente ao grau de licenciado O presente regulamento estabelece as normas que complementam as que decorrem do regime

Leia mais

(Prática) 1º Ano da Licenciatura em. Medicina Dentária Análises Clínicas Fisioterapia Terapia da Fala Ciências Farmacêuticas. Ano Lectivo de 2002/2003

(Prática) 1º Ano da Licenciatura em. Medicina Dentária Análises Clínicas Fisioterapia Terapia da Fala Ciências Farmacêuticas. Ano Lectivo de 2002/2003 MÉTODOS E TÉCNICAS DE COMUNICAÇÃO (Prática) 1º Ano da Licenciatura em Medicina Dentária Análises Clínicas Fisioterapia Terapia da Fala Ciências Farmacêuticas Ano Lectivo de 2002/2003 Paulo Rurato (Cacifo

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PRODUÇÃO DE DESIGN MULTIMÉDIA Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PRODUÇÃO DE DESIGN MULTIMÉDIA Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular PRODUÇÃO DE DESIGN MULTIMÉDIA Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Arquitectura e Artes (2º Ciclo) 2. Curso Mestrado em Design 3. Ciclo de Estudos 2º 4. Unidade Curricular

Leia mais

Gaspar Manuel Rocha Brogueira. Desenvolvimento de Software

Gaspar Manuel Rocha Brogueira. Desenvolvimento de Software Curriculum Vitae INFORMAÇÃO PESSOAL Gaspar Manuel Rocha Brogueira Rua de São Martinho, N.º 15, 2150-153 Golegã (Portugal) 912505559 gasparmrb@gmail.com http://gasparbrogueira.web44.net Sexo Masculino Data

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação: Prototipagem Digital II Área Científica: Design Gráfico e Multimédia Ciclo de Estudos: 1º Ciclo Carácter: Obrigatória Ano Lectivo: 2008/2009 Semestre:

Leia mais

Programa de Unidade Curricular

Programa de Unidade Curricular Programa de Unidade Curricular Faculdade Ciências Empresariais Licenciatura Ciências Económicas e Empresariais / Contabilidade Unidade Curricular Programação e Informática Semestre: 2 Nº ECTS: 6,0 Regente

Leia mais

Europass-Curriculum Vitae

Europass-Curriculum Vitae Europass-Curriculum Vitae Informação pessoal Apelidos / Nomes próprios Morada Travessa de S. Paulo, 31 3º Direito Frente 4430-535 Vila Nova de Gaia Portugal Telefone +351 227824651 Telemóvel: +351 916908556

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular OPÇÃO IV - TÓPICOS AVANÇADOS DE BASES DE DADOS Ano Lectivo 2010/2011

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular OPÇÃO IV - TÓPICOS AVANÇADOS DE BASES DE DADOS Ano Lectivo 2010/2011 Programa da Unidade Curricular OPÇÃO IV TÓPICOS AVANÇADOS DE BASES DE DADOS Ano Lectivo 2010/2011 1. Unidade Orgânica Ciências da Economia e da Empresa (1º Ciclo) 2. Curso Informática 3. Ciclo de Estudos

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular SISTEMAS MULTIMÉDIA Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular SISTEMAS MULTIMÉDIA Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular SISTEMAS MULTIMÉDIA Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Ciências da Economia e da Empresa (1º Ciclo) 2. Curso Informática 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular

Leia mais

Europass-Curriculum Vitae

Europass-Curriculum Vitae Europass-Curriculum Vitae Informação pessoal Apelido(s) / Nome(s) próprio(s) Morada(s) Correio(s) electrónico(s) Avenida de Lagos nº 10, Francelos 4405-658 V.N.Gaia Portugal Telefone(s) +351227622347 Telemóvel:

Leia mais

Rua Cidade Rabat, 29A/B 1250-159 LISBOA Portugal. Tel. +351 213 102 330/4 Fax +351 213 102 339

Rua Cidade Rabat, 29A/B 1250-159 LISBOA Portugal. Tel. +351 213 102 330/4 Fax +351 213 102 339 Rua Cidade Rabat, 29A/B 1250-159 LISBOA Portugal Tel. +351 213 102 330/4 Fax +351 213 102 339 Contacto Geral: inf@acinet.pt Dep. Comercial: comercial@acinet.pt Dep. Formação: formacao@acinet.pt Dep. Multimedia:

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular 2009/2010

Ficha de Unidade Curricular 2009/2010 Ficha de Unidade Curricular 2009/2010 Unidade Curricular Designação Ferramentas Digitais/Gráficas I Área Científica Design Gráfico e Multimédia Ciclo de Estudos Obrigatório Carácter: Obrigatório Semestre

Leia mais

Pré-Requisitos: Os alunos deverão ter conhecimentos aprofundados de desenho técnico e médios de aplicações de desenho vectorial e edição de imagem.

Pré-Requisitos: Os alunos deverão ter conhecimentos aprofundados de desenho técnico e médios de aplicações de desenho vectorial e edição de imagem. Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação: Técnicas de Representação Digital II Área Científica: Desenho (DES) Ciclo de Estudos: Licenciatura Carácter: Obrigatória Semestre: 4º ECTS: 6

Leia mais

Sessão de Esclarecimento. Curso de Webdesign

Sessão de Esclarecimento. Curso de Webdesign Sessão de Esclarecimento Curso de Webdesign Alguns factos: A industria de serviços de Webdesign representa um mercado de $24B apenas nos EUA. Todos os meses são publicados cerca de 16M novos websites.

Leia mais

Europass curriculum vitae

Europass curriculum vitae Europass curriculum vitae Informação pessoal Nome Morada Correio electrónico Helder Gil Gomes da Silva Rua das Tílias n.º10 Alagoas S ta. Joana 3810-337 AVEIRO Telefone 234 08 58 11 Telemóvel: 938 21 10

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.640, DE 25 DE FEVEREIRO DE 2015

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.640, DE 25 DE FEVEREIRO DE 2015 1 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.640, DE 25 DE FEVEREIRO DE 2015 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Bacharelado

Leia mais

Caracterização dos cursos de licenciatura

Caracterização dos cursos de licenciatura Caracterização dos cursos de licenciatura 1. Identificação do ciclo de estudos em funcionamento Os cursos de 1º ciclo actualmente em funcionamento de cuja reorganização resultam os novos cursos submetidos

Leia mais

CTSP e Pós-Graduações THE MARKETING SCHOOL. porto. aveiro. lisboa

CTSP e Pós-Graduações THE MARKETING SCHOOL. porto. aveiro. lisboa CTSP e Pós-Graduações THE MARKETING SCHOOL porto. aveiro. lisboa LICENCIATURA & MESTRADO THE MARKETING SCHOOL Somos uma escola vocacionada essencialmente para as empresas e mercados. Queremos qualificar

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular (UC)

Ficha da Unidade Curricular (UC) Impressão em: 03-01-2013 17:11:20 Ficha da Unidade Curricular (UC) 1. Identificação Unidade Orgânica : Escola Superior de Tecnologia e Gestão Curso : [IS] Informática para a Saúde Tipo de Curso : UC/Módulo

Leia mais

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR Curso Engenharia Informática Ano letivo 2012/13 Unidade Curricular Engenharia de Redes ECTS 5 Regime Obrigatório Ano 3º Semestre 1º sem Horas de trabalho globais Docente (s) Sérgio Duarte Total 140 Contacto

Leia mais

Europass Curriculum Vitae

Europass Curriculum Vitae Europass Curriculum Vitae Informação pessoal Apelido(s) / Nome(s) próprio(s) Morada(s) Endereço(s) de correio electrónico Rua da Lomba, 412, 3700-742 Milheirós de Poiares (Portugal) Telefone(s) 256183698

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação Projecto de Design Multimédia I Área Científica Design de Comunicação Ciclo de Estudos 1º Ciclo Carácter: Obrigatória Ano Lectivo 2008/2009 Semestre

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO CST ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO 68 A disciplina estuda a área da informática como um todo e os conceitos fundamentais, abrangendo desde a

Leia mais

COORDENADOR Prof. Doutor Armando Vilas-Boas

COORDENADOR Prof. Doutor Armando Vilas-Boas COORDENADOR Prof. Doutor Armando Vilas-Boas CANDIDATURAS 1ª Fase: A partir de 1 de Abril a 1 de Agosto 2ª Fase: De 2 de Agosto a 31 de Outubro REQUISITOS/ ACESSOS Ser titular do grau de licenciado ou equivalente

Leia mais

Planificação Anual. Planificação de Médio Prazo (1.º Período) Tecnologias da Informação e Comunicação. 9º Ano

Planificação Anual. Planificação de Médio Prazo (1.º Período) Tecnologias da Informação e Comunicação. 9º Ano Escola Básica do 2º e 3º Ciclos João Afonso de Aveiro Departamento de Matemática e Ciências Experimentais Secção de Informática Planificação Anual (1.º Período) Ano lectivo 2010/2011 Tecnologias da Informação

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO CURSO FOTOGRAFIA DIGITAL E PÓS-PRODUÇÃO DE IMAGEM EDIÇÃO Nº 01/2012

FICHA TÉCNICA DO CURSO FOTOGRAFIA DIGITAL E PÓS-PRODUÇÃO DE IMAGEM EDIÇÃO Nº 01/2012 FICHA TÉCNICA DO CURSO FOTOGRAFIA DIGITAL E PÓS-PRODUÇÃO DE IMAGEM EDIÇÃO Nº 01/2012 1. DESIGNAÇÃO DO CURSO Fotografia Digital e Pós-produção de imagem. 2. COMPETÊNCIAS A DESENVOLVER O "Curso de Fotografia

Leia mais

Tecnologias de Informação e Comunicação Página 1 de 5

Tecnologias de Informação e Comunicação Página 1 de 5 1. Descrição da prova A prova irá abranger várias tarefas de utilização do software do Microsoft Office2007 e software gráfico como o Adobe Photoshop CS4 ou Adobe Fireworks CS4. As principais áreas abrangidas

Leia mais

Cadeira de Tecnologias de Informação. Conceitos fundamentais de sistemas e tecnologias de informação e de gestão do conhecimento.

Cadeira de Tecnologias de Informação. Conceitos fundamentais de sistemas e tecnologias de informação e de gestão do conhecimento. Cadeira de Tecnologias de Informação Ano lectivo 2007/08 Conceitos fundamentais de sistemas e tecnologias de informação e de gestão do conhecimento. Prof. Mário Caldeira Profª Ana Lucas Dr. Fernando Naves

Leia mais

MESTRADO EM FISCALIDADE

MESTRADO EM FISCALIDADE MESTRADO EM FISCALIDADE 1 - APRESENTAÇÃO Grau Académico: Mestre em Fiscalidade Duração do curso: 2 anos lectivos/ 4 semestres Número de créditos, segundo o Sistema Europeu de Transferência de Créditos:

Leia mais

Aplicação Informática para o Ensino de Processamento Digital de Imagem

Aplicação Informática para o Ensino de Processamento Digital de Imagem Aplicação Informática para o Ensino de Processamento Digital de Imagem Sandra Jardim * e Paulo Sequeira Gonçalves ** * Departamento de Engenharia Informática e Tecnologias da Informação ** Departamento

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação Projecto de Design de Comunicação II Área Científica Design de Comunicação Ciclo de Estudos 1.º ciclo Carácter: Obrigatória Semestre 2.º semestre

Leia mais

Apelido / Nome próprio Valente, Samuel Morada Rua Dom João IV, Lote 2A 2º Serra da Luz, 1675 225 Pontinha Telefone 21 4780516 Telemóvel 938338079

Apelido / Nome próprio Valente, Samuel Morada Rua Dom João IV, Lote 2A 2º Serra da Luz, 1675 225 Pontinha Telefone 21 4780516 Telemóvel 938338079 Informação Pessoal Apelido / Nome próprio Valente, Samuel Morada Rua Dom João IV, Lote 2A 2º Serra da Luz, 1675 225 Pontinha Telefone 21 4780516 Telemóvel 938338079 E mail Website Nacionalidade sam.v.19@gmail.com

Leia mais

Redes de Comunicação Modelo OSI

Redes de Comunicação Modelo OSI Redes de Comunicação Modelo OSI Instituto Superior de Engenharia de Lisboa Departamento de Engenharia, Electrónica, Telecomunicações e Computadores Redes de Computadores Processos que comunicam em ambiente

Leia mais

EDITAL. MESTRADO EM COMÉRCIO ELECTRÓNICO (3ª Edição 2012/2014)

EDITAL. MESTRADO EM COMÉRCIO ELECTRÓNICO (3ª Edição 2012/2014) EDITAL MESTRADO EM COMÉRCIO ELECTRÓNICO (3ª Edição 2012/2014) Nos termos do Decreto-Lei nº 42/2005, de 22 de Fevereiro, do Decreto-Lei nº 74/200, de 24 de Março, com as alterações que lhes foram introduzidas

Leia mais

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1 CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2015.1 BRUSQUE (SC) 2015 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 4 01 ARQUITETURA DE COMPUTADORES... 4 02 FILOSOFIA... 4 03 FUNDAMENTOS MATEMÁTICOS... 4 04 TEORIA

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular (UC)

Ficha da Unidade Curricular (UC) Impressão em: 03-01-2013 16:13:42 Ficha da Unidade Curricular (UC) 1. Identificação Unidade Orgânica : Escola Superior de Tecnologia e Gestão Curso : [IS] Informática para a Saúde Tipo de Curso : UC/Módulo

Leia mais

Joana Mariline Anjo Esteves

Joana Mariline Anjo Esteves Curriculum Vitae INFORMAÇÃO PESSOAL Nome Joana Mariline Anjo Esteves Morada Travessa da Senhora do Bom Sucesso, 80 4750-462 Galegos Santa Maria Barcelos Telemóvel 966 527 386 BI 12932288 Correio electrónico

Leia mais

PROGRAMA. Unidade Curricular: Informática Docente: Mestre José Avelino Moreira Victor

PROGRAMA. Unidade Curricular: Informática Docente: Mestre José Avelino Moreira Victor Unidade Curricular: Informática Docente: Mestre José Avelino Moreira Victor PROGRAMA Objetivos: Avaliar a consciencialização dos alunos das capacidades e limitações das tecnologias de informação, perspectivando

Leia mais

NORMAS REGULAMENTARES DOS MESTRADOS DO ISEG

NORMAS REGULAMENTARES DOS MESTRADOS DO ISEG NORMAS REGULAMENTARES DOS MESTRADOS DO ISEG Nos termos do artigo 26.º do Decreto-Lei n.º 74/2006 de 24 de Março e do Regulamento de Mestrados da Universidade Técnica de Lisboa (Deliberação do Senado da

Leia mais