GE Tecnologias de Sensoriamento & Inspeção DM5E. Manual Operacional. Imaginação no trabalho P / N Rev. 1.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "GE Tecnologias de Sensoriamento & Inspeção DM5E. Manual Operacional. Imaginação no trabalho P / N 1259551 Rev. 1."

Transcrição

1 GE Tecnologias de Sensoriamento & Inspeção Ultrassônico DM5E Manual Operacional Imaginação no trabalho P / N Rev. 1 Fevereiro de 2009

2

3 DM5E Medidor de espessura de corrosão Manual de Operação P / N Rev. 1 Fevereiro de 2009 GESensingInspection.com 2009 General Electric Company. Todos os direitos reservados. Conteúdo técnico está sujeito a alterações sem aviso prévio.

4 [Nenhum conteúdo destinado para esta página - vá para a próxima página]

5 Índice Capítulo 1. Informações Gerais 1.1 Fornecimento de Energia ao DM5E Ligando e Desligando o Instrumento Características chave do DM5E Instrumento Base de Medição de Espessura de Corrosão do DM5E Conteúdo deste Manual...6 Capítulo 2. Compreendendo o teclado, Sistema de Menus &Displays 2.1 Funções do teclado Interpretando as telas Trabalhando com a Tela de Configuração Manual de Operação do DM5E iii

6 Índice Capítulo 3. Configurando o DM5E 3.1 Conectando uma Sonda e Carregando um Arquivo de Configuração Configurando o Instrumento Definindo o Ganho do Instrumento Definindo a Taxa de Atualização Especificando a Espessura Nominal Calibração do Instrumento Configurando os Alarmes Máximo e Mínimo Faixa de Exibição do B-SCAN Instrumento de Bloqueio e Desbloqueio os Controles Capítulo 4. Medição de espessura 4.1 Selecionando o Modo de Visualização Exibido Modo de Visualização de Medição Normal Modos de Visualização de Medição de Escaneamento Mín. e Escaneamento Máx Modo de Visualização de Medição Diferencial / Taxa de Redução Modo de Visualização de Medição B-SCAN Modo de Visualização de Medição Multi duplo iv Manual de Operação do DM5E

7 Índice Capítulo 5. Utilizando o Gravador de Dados Opcional 5.1 Criando um Arquivo Gravador de Novos Dados Recuperando e Apagando Arquivos Armazenados de Gravador de Dados Recuperando um Arquivo de Gravador de Dados Apagando um Arquivo de Gravador de Dados Gravando Medições de Espessura em Arquivos de Gravador de Dados Armazenando Mínimo de B-Scan em Arquivos de Gravador de Dados Navegando pelos Arquivos de Gravador de Dados Capítulo 6. Funções de E / S 6.1 Conectando o DM5E a um PC Capítulo 7. Especificações 7.1 Especificações do instrumento Funções da Opção de Gravador de Dados Especificações da Sonda / Transdutor do DM5E Manual de Operação do DM5E v

8 Índice Capítulo 8. Manutenção 8.1 Cuidados com o instrumento Manuseamento Adequado do Cabo Baterias Apêndice A. Informações Complementares A.1 Reconfigurando o Software Operacional A.2 Atualizações de Firmware A.3 Informações do Website A.4 Documentação do EMC A.5 Locais de Fabricação & Atendimento ao Cliente Apêndice B. Conformidade Regulamentar B.1 Diretiva de Descarte de Equipamentos Elétricos e Eletrônicos (WEEE) B.2 Descarte de Bateria B.2.1 O que as marcações significam? B.2.2 Os Riscos e Seu Papel em Reduzi-los B.3 EN15317 Especificações Técnicas vi Manual de Operação do DM5E

9 Prefácio Aviso Importante As informações a seguir devem ser lidas e entendidas por qualquer usuário de um medidor de espessura ultrassônico da GE Sensing&Inspection Technologies. Não seguir estas instruções pode levar a erros nas medições de espessura ou outros resultados de testes. Decisões baseadas em resultados errôneos podem, por sua vez, levar a danos materiais, ferimentos pessoais ou morte. Avisos gerais O uso adequado de equipamentos de teste ultrassônico requer três elementos essenciais: Seleção dos equipamentos de teste corretos Conhecimento dos "requisitos de aplicação de teste" específicos Treinamento por parte do operador do instrumento Este manual fornece instruções sobre a configuração básica e operação do medidor de espessura. Existem, no entanto, fatores adicionais que afetam o uso de equipamentos de teste ultrassônicos. Informações específicas sobre esses fatores adicionais estão além do escopo deste manual. O operador deve consultar livros sobre o assunto do teste ultrassônico para obter informações mais detalhadas. Manual de Operação do DM5E vii

10 Prefácio Treinamento do Operador Os operadores devem receber treinamento adequado antes de usar o equipamento de teste ultrassônico. Operadores devem ser treinados em procedimentos gerais de testes ultrassônicos e na configuração e desempenho exigidos por um teste particular. Os operadores devem compreender: A teoria de propagação da onda sonora Efeitos da velocidade do som do material de ensaio Comportamento da onda sonora, onde dois materiais diferentes estão em contato Áreas cobertas pelo feixe de som Informações mais específicas sobre o treinamento dos operadores, qualificação, certificação e especificações de teste estão disponíveis a partir de várias sociedades técnicas, grupos da indústria e agências governamentais. viii Manual de Operação do DM5E

11 Prefácio Limitações de testes Em testes ultrassônicos, a informação é obtida somente a partir de dentro dos limites do feixe de som. Os operadores devem ter um grande cuidado ao fazer inferências sobre o material de teste fora dos limites do feixe de som. Por exemplo, ao testar grandes materiais pode ser impossível ou impraticável inspecionar o corpo de prova inteiro. Quando uma inspeção menos-que-completa deve ser realizada, deve ser mostrado ao operador as áreas específicas a serem inspecionadas. Inferências nas condição de áreas não inspecionadas, com base em dados das áreas avaliadas, devem ser feitas apenas por pessoal totalmente treinado em técnicas estatísticas aplicáveis e probabilidade. Em particular, os materiais sujeitos a erosão ou corrosão, em que as condições podem variar significativamente em qualquer área, devem ser avaliados apenas por operadores bem treinados e experientes. Feixes de som refletem a partir da primeira superfície interna encontrada. Devido à geometria da peça e falhas sobrepostas ou superfícies sobrepostas, medidores de espessura podem medir a distância a uma falha interna, em vez de ser para a parede traseira do material. Os operadores devem tomar medidas para assegurar que toda a espessura do material de teste esteja sendo examinada. Manual de Operação do DM5E ix

12 Prefácio Procedimentos Operacionais Críticos de Medição Ultrassônica de Espessura Os procedimentos operacionais a seguir devem ser observados por todos os usuários de medidores ultrassônicos de espessura, a fim de minimizar os erros nos resultados dos testes. 1. Calibração da Velocidade do Som O princípio de operação de um medidor ultrassônico de espessura é que o instrumento mede o tempo de vôo de um pulso ultrassônico através do corpo de prova e multiplica esse tempo pela velocidade do som no material. O erro de medição de espessura é minimizado ao garantir que a velocidade do som na qual o instrumento é calibrado seja a velocidade do som do material sendo testado. Velocidades reais de som em materiais geralmente variam significativamente dos valores encontrados em tabelas publicadas. Em todos os casos, melhores resultados são obtidos se o instrumento for calibrado em um bloco de referência de velocidade a partir do mesmo material que a peça de ensaio; este bloco deve ser plano e liso e tão grosso quanto à espessura máxima da peça de teste. Operadores também devem estar ciente de que a velocidade do som pode não ser constante no material que está sendo testado; tratamento térmico, por exemplo, pode provocar mudanças significativas na velocidade do som. Isto deve ser considerado ao se avaliar a precisão da espessura fornecida por este instrumento. Os instrumentos devem estar sempre calibrados antes do teste, e a calibração deve ser verificada após o teste, para minimizar os erros de teste. 2. Procedimento Zero de Sonda Antes de realizar a calibração com uma sonda de contato, o procedimento zero de sonda deve ser realizado primeiro. Se o procedimento zero não for realizado, ou se for realizado inadequadamente, irá resultar em leituras imprecisas de espessura. x Manual de Operação do DM5E

13 Prefácio Procedimentos Operacionais Críticos de Medição Ultrassônica de Espessura (cont.) 3. Efeitos da Temperatura na Calibração Variações de temperatura mudam a velocidade do som de materiais e linhas de atraso de transdutor e, portanto, calibrações. Todas as calibrações devem ser realizadas no local e com blocos de teste na mesma temperatura que o corpo de prova, para minimizar os erros devido a variações de temperatura. 4. Seleção de Transdutor O transdutor usado em testes deve estar em bom estado, sem desgaste visível da superfície frontal. Transdutores gastos terão uma faixa de medição efetiva reduzida. O intervalo especificado do transdutor deve incluir toda a gama de espessuras a serem testadas. A temperatura do material a ser testado deve estar dentro da faixa de temperatura do transdutor. 5. Uso de Películas de Acoplamento Operadores devem estar familiarizados com o uso de películas de acoplamento ultrassônicos. Habilidades de teste devem ser desenvolvidas para que a película de acoplamento seja usada e aplicada de maneira consistente para minimizar as variações na espessura da camada da película de acoplamento e erros nos resultados dos testes. Calibração e testes reais deverão ser realizados sob condições similares da película de acoplamento, usando uma quantidade mínima de película de acoplamento e aplicando pressão consistente sobre o transdutor. Manual de Operação do DM5E xi

14 Prefácio Procedimentos Operacionais Críticos de Medição Ultrassônica de Espessura (cont.) 6. Duplicação Medidores ultrassônicos de espessura irão, sob certas condições, exibir leituras que são duas vezes (ou em alguns casos, três vezes) a espessura real do material a ser medido. Este efeito, conhecido como "dobrar", pode ocorrer abaixo da faixa mínima especificada do transdutor. Se o transdutor que está sendo usado estiver gasto, é possível dobrar a uma espessura maior do que o mínimo do intervalo especificado. Quando se utiliza um novo transdutor, qualquer leitura que seja inferior a duas vezes a faixa mínima especificada do transdutor pode ser uma leitura "dobrada", e a espessura do material sendo testado deve ser verificada pelo uso de outros métodos. Se o transdutor mostrar qualquer sinal de desgaste, a duplicação pode ocorrer em um segundo eco, ou em outras combinações de sinal de eco podem produzir um sinal legível. A leitura do instrumento e a espessura aparente são até duas vezes o valor real, resultando em uma espessura superior a duas vezes o mínimo do intervalo especificado. Essa espessura deve ser determinada calibrando a combinação instrumento / transdutor em blocos de referência que representam toda a gama de possíveis espessuras que podem ser encontrados no teste. Isto é particularmente importante quando uma peça de teste está sendo medida por ultrassom pela primeira vez, ou em qualquer caso em que o histórico da espessura da amostra seja desconhecido. xii Manual de Operação do DM5E

15 Prefácio Informação de segurança IMPORTANTE: O DM5E é um instrumento para testes de materiais. Qualquer uso em aplicações médicas ou para outros fins não é permitido. O DM5E só pode ser utilizado em ambientes industriais. IMPORTANTE: Para o funcionamento da bateria do DM5E são necessárias, duas baterias de tamanho "AA". Você só deve usar os produtos recomendados por nós para a operação da bateria. O uso de marcas bem conhecidas de bateria é altamente recomendado. IMPORTANTE: O descarte de todos os componentes do DM5E e suas baterias deve ser feito em conformidade com todos os regulamentos aplicáveis. Veja o Apêndice B, Conformidade Regulamentar, para obter informações detalhadas. Software De acordo com o estado atual do conhecimento, o software nunca está completamente livre de erros. Antes de usar qualquer equipamento de teste controlado por software, por favor, certifique-se de que as funções necessárias funcionam perfeitamente na combinação pretendida. Manual de Operação do DM5E xiii

16 Prefácio Defeitos / Erros e Tensões Excepcionais Se você tiver razões para acreditar que não é mais possível a operação segura do seu DM5E, você deve desligar o instrumento e protegê-lo contra reconexão involuntária. Retire as pilhas, se necessário. Operação segura não é mais possível se condições como as seguintes existirem: O instrumento mostra danos visíveis O instrumento já não funciona perfeitamente O instrumento foi submetido a armazenamento prolongado sob condições adversas, como temperaturas excepcionais e / ou especialmente alta umidade do ar, ou condições ambientais corrosivas O instrumento foi submetido a tensões pesadas durante o transporte Serviço Todo o esforço foi feito para fornecer a você um produto confiável. No entanto, caso o serviço tornar-se necessário, a GE Sensing&Inspection Technologies, estabeleceu uma número de Centros de Treinamento de Serviços na Fábrica. Para a localização das instalações mais próximas, consulte a contracapa deste manual. xiv Manual de Operação do DM5E

17 Capítulo 1. Informações Gerais Capítulo 1. Informações Gerais O DM5E é um dispositivo de medição ultrassônico da espessura da corrosão. O instrumento está disponível em três versões: DM5E Básico DM5E com funcionalidade Dual Multi DM5E DL com Dual Multie Registro de Dados Este capítulo apresenta as principais características do DM5E, e o próximo capítulo explica as funções do teclado e índice do menu de exibição. Revendo meticulosamente o material nestes dois capítulos vai ajudá-lo a fazer melhor uso das informações mais detalhadas encontradas em capítulos posteriores deste manual. 1.1 Fornecendo Energia ao DM5E O instrumento é alimentado por duas baterias de tamanho AA, fornecendo até aproximadamente 100 horas de vida útil. Para instalar as baterias, remova a tampa do compartimento da bateria, como mostrado na Figura 1na página 2. IMPORTANTE:Você não pode carregar ou energizar o DM5E pela porta USB. Manual de Operação do DM5E 1

18 Capítulo 1. Informações Gerais 1.1 Fornecendo Energia ao DM5E (cont.) Parte Posterior do Instrumento Parte Superior do Instrumento Conexão do cabo da sonda Instale duas baterias "AA" no compartimento, como mostrado Figura 1: Conexões do DM5E e Baterias (mostrado com tampa da bateria removida) Conexão do Dispositivo de E / S (mini USB) 2 Manual de Operação do DM5E

19 Capítulo 1. Informações Gerais 1.1 Fornecendo Energia ao DM5E (cont.) Quando o indicador de bateria estiver no último 1/4 de carga, como indicado pelo símbolo da tela substitua as baterias assim que possível. O DM5E desliga automaticamente quando as baterias estão muito fracas para uma operação confiável. No entanto, as configurações são salvas e restauradas quando o instrumento é ligado novamente. Quando fizer os testes em locais remotos, sempre levar baterias sobressalentes. 1.2 Ligando e Desligando o Instrumento Ligue o instrumento pressionando a tecla, segurando até que o visor do instrumento fique ativo. Pressione a tecla e segure enquanto o instrumento estiver ligado para desligá-lo. 1.3 Características chave do DM5E Grandes dígitos sólidos ou vazados Gráfico de barra de alarme Configurações de parâmetro padrão e personalizadas Suporta novo conjunto de sondas DA5xx Caracteres alfanuméricos de arquivos de dados (DM5E DL) Manual de Operação do DM5E 3

20 Capítulo 1. Informações Gerais 1.3 Características chave do DM5E (cont.) Recurso de bloqueio com senha de acesso Grande visor LCD com luz de fundo e contraste ajustável Importação de arquivos de registro de dados diretamente no Microsoft Excel (DM5E DL) Aproximadamente 100 horas de operação com 2 baterias alcalinas AA Fácil de usar, sistema de menu de nível único Múltiplos idiomas da tela de exibição Resolução de medição selecionável pelo usuário de até 0,001 polegadas (0,01 mm) Modos Normal (espessura), MinScan, MaxScan e Medida Diferencial / Taxa de Medida de Redução são padrões B-Scan cronometrado Função Dual Multi opcional (DM5E e DM5E DL) Registrador de dados opcional (DM5E DL) armazena até 50 mil medições de espessura em arquivo de registro de dados Atualizações de campo disponíveis Compatível com programas de software UltraMATE e UltraMATE LITE 4 Manual de Operação do DM5E

21 Capítulo 1. Informações Gerais Instrumento Base de Medição da Espessura de Corrosão do DM5E Conteúdos do Instrumento Base do DM5E Instrumento DM5E 2 baterias "AA" Estojo plástico Amostra de película de acoplamento Programa Utilitário de Atualização em CD-ROM (requer mini-usb para cabo PC) Manual de operação em CD-ROM Cartão de Instruções para uso Certificado de conformidade Nota:Um mini-usb para cabo de PC só está incluído com a versão DM5EDL. Este cabo pode ser adquirido separadamente para uso com a versão Básica do DM5E ou DM5E. Manual de Operação do DM5E 5

22 Capítulo 1. Informações Gerais 1.3.1b Versões de Instrumento DM5E Básica DM5E com funcionalidade Dual Mult DM5E DL com Dual Multie Registrador de Dados 1.4 Conteúdo deste Manual Este Manual de Operação do DM5E é dividido em oito capítulos e um apêndice. Todos os capítulos se aplicam a todas as versões do instrumento, com exceção de duas funções: Registrador de Dados, que é descrito no Capítulo 5, aplica-se apenas para a versão DM5E DL Modo Dual Multise aplica somente ao DM5E com funcionalidade Dual Multi e ao DM5E DL Nota:Qualquer DM5E pode ser adaptado para incorporar as funções acima. 6 Manual de Operação do DM5E

23 Capítulo 2. Compreendendo o teclado, Sistema de Menus &Displays Capítulo 2. Compreendendo o teclado, Sistema de Menus &Displays O display, teclado, e comandos funcionais do DM5E são fáceis de interpretar e utilizar. Neste capítulo, você encontrará uma breve explicação de todos os recursos de visualização e do teclado. Você também vai encontrar referências a seções do manual, onde informações mais detalhadas estão disponíveis. Nota:O conteúdo da tela do DM5E varia de acordo com os recursos opcionais instalados e as configurações operacionais selecionadas. As telas mostradas neste capítulo são típicas daquelas encontradas em todas as configurações de instrumento. 2.1 Funções do teclado O teclado do instrumento inclui uma combinação de teclas dedicadas e teclas de função virtuais. As funções-chave, como ilustrado na Figura 2 na página 8, são as seguintes: Teclas de seta - Use para ajustar o valor do parâmetro selecionado e para a navegação na tela. Teclas de Função - Use para ativar qualquer controle funcional mostrado no visor diretamente acima da tecla. Tecla Cal / On - Pressione uma vez para iniciar o processo de calibração ou para fazer seleções na tela. Pressione e segure para ligar e desligar o aparelho. Tecla Mode - Pressione para ativar os modos de exibição padrões e quaisquer modos de exibição opcionais que estejam instalados. Manual de Operação do DM5E 7

24 Capítulo 2. Compreendendo o teclado, Sistema de Menus &Displays 2.1 Recursos do Teclado (cont.) Selecione uma config. de sonda Pressione para ativar os modos de exibição padrão (mostrado aqui) e os modos de tela opcional (se instalados). Os modos de exibição opcionais incluem Conteúdos do Registro de Dados. Pressione para ativar o controle funcional (quando presente) acima da tecla. Selecione, ajuste e confirme as configurações operacionais Tela de medição de espessura Pressioneparainiciar o processo de calibraçãooufaçaseleçõesnatela. Pressione e segure para LIGAR ou DESLIGAR o instrumento. Pressione para ajustar o valor do parâmetro selecionado e paraa a navegação na tela. Figura 2: Teclado e Funções das Teclas do DM5E 8 Manual de Operação do DM5E

25 Capítulo 2. Compreendendo o teclado, Sistema de Menus &Displays 2.2 Interpretando as Telas Esta seção descreve o layout dos principais modos de exibição do DM5E, incluindo: Modo de Exibição de Medição - Indica a espessura medida, contém ícones de status, exibe a localização do registro de dados e o nome do arquivo (quando esta opção está instalada e ativada). A Figura 3 na página 10 mostra quatro telas representativas. A aparência da tela varia com base nas opções de instrumento instaladas, bem como configurações de exibição do instrumento. Modos de visualização de medição adicionais estão disponíveis quando as opções Data Multiou Registrador de Dados estão instaladas. Modo de exibição de Configuração de Sonda - Permite que o usuário selecione uma configuração de instrumento padrão précarregado, cada um corresponde a um modelo de sonda específico (veja a Figura 4 na página 11). Modo de Exibição de Arquivo - Permite ao usuário criar e armazenar leituras de espessura em arquivos de registro de dados. Esta funcionalidade só está disponível quando a opção de registro de dados está instalada e ativada (veja a Figura 5 na página 12). Quando instalada e ativada, a opção de registro de dados permite aos usuários criar arquivos do registro de dados, armazenar leituras de espessura, e navegar pelos conteúdos do arquivo. Modo de Exibição de Configuração Os controles do instrumento são acessados através desta tela. Os controles listados na tela de configuração variam de acordo com as opções instaladas (veja a Figura 6 na página 13). Os conteúdos da tela de Configuração dependem da configuração da opção instalada do instrumento. Manual de Operação do DM5E 9

26 Capítulo 2. Compreendendo o teclado, Sistema de Menus &Displays 2.2 Interpretando as Telas (cont.) Figura 3: Modo de Exibição de Medição 10 Manual de Operação do DM5E

27 Capítulo 2. Compreendendo o teclado, Sistema de Menus &Displays 2.2 Interpretando as Telas (cont.) Figura 4: Modo de Exibição de Configuração de Sonda Manual de Operação do DM5E 11

28 Capítulo 2. Compreendendo o teclado, Sistema de Menus &Displays 2.2 Interpretando as Telas (cont.) Figura 5: Modo de Exibição de Arquivo 12 Manual de Operação do DM5E

29 Capítulo 2. Compreendendo o teclado, Sistema de Menus &Displays 2.2 Interpretando as telas de exibição (cont.) Figura 6: Modo de Exibição de Configuração Manual de Operação do DM5E 13

30 Capítulo 2. Compreendendo o teclado, Sistema de Menus &Displays 2.3 Trabalhando com a Tela de Configuração Pressionando repetidamente DM5E: você, você pode acessar a tela de Configuração e pode ajustar as seguintes configurações do VIEW MODE - Na base do modelo de unidades este parâmetro oferece cinco configurações. Veja Seção 4.1 na página 36 para selecionar o ponto de vista a ser exibido. DATA RECORDER - Quando o gravador de dados opcional estiver instalado, ao deixar este parâmetro no ON ativa a capacidade de registro do arquivo e a exibição do arquivo registrador de dados. MINIMUM ALARM - Ativa e define o valor mínimo de alarme (veja Seção 3.4 na página 30). MAXIMUM ALARM - Ativa e define o valor máximo de alarme (veja Seção 3.4 na página 30). UNITS - Define as unidades de medida para centímetros ou milímetros (veja Seção 3.2 na página 21). NOMINAL THICKNESS - Define o valor de espessura nominal que é então usado para calcular e os valores de medida de redução diferencial e taxa de redução quando selecionado pelo parâmetro MODO DE VISUALIZAÇÃO (veja Seção na página 25). RESOLUTION - Controla o formato (número de casas decimais) da medição de espessura que é exibida e armazenada em um arquivo Registrador de Dados. UPDATE RATE - Define a taxa na qual a leitura de medição é atualizada (veja Seção na página 24). 14 Manual de Operação do DM5E

31 Capítulo 2. Compreendendo o teclado, Sistema de Menus &Displays 2.3 Trabalhando com a Tela de Configuração (cont.) BACKLIGHT - Ativa o recurso de luz de fundo para ON, OFF ou AUTO (AUTO liga a luz de fundo sempre que uma tecla é pressionada ou que a sonda é conectada). CONTRAST- Selecione esse controle e, em seguida, pressione ou para ajustar o nível de contraste da tela. LANGUAGE - Define o idioma de exibição do instrumento (veja Seção 3.2 na página 21). BSCAN MINIMUM - Define o valor mínimo que pode ser desenhado quando BSCAN está processando (veja Seção na página 23). BSCAN MAXIMUM - Define o valor máximo que pode ser desenhado quando BSCAN está processando (veja Seção na página 23). DUAL MULTI - Usado para alternar entre os modos de teste Dual Multie IP, quando a opção Dual Multiépermitida (veja Seção 3.2 na página 21). READING HOLD - Pode ser ajustado para manter o último valor da medição, quando a sonda é desacoplada no modo de medição (veja Seção 3.2 na página 21). Manual de Operação do DM5E 15

32 Capítulo 2. Compreendendo o teclado, Sistema de Menus &Displays 2.3 Trabalhando com a Tela de Configuração (cont.) TIME - Usado para definir o horário atual (veja Seção 3.2 na página 21). DATA - Utilizado para definir a data atual (veja Seção 3.2 na página 21). GAIN - Usado para selecionar um nível diferente de ganho (LOW / HIGH / AUTO / DEFAULT) (veja Seção na página 23). RADIX - Seleciona um ponto (.) ou vírgula (,) para ser usado como um ponto decimal (veja Seção 3.2 na página 21). AUTO POWER DOWN - Quando definida como ON, este controle conserva a vida da bateria ao desligar o instrumento se nenhuma tecla for pressionada ou ocorrerem medições para o número definido de minutos. Quando ajustado para OFF, o instrumento só é desligado quando a tecla (CAL ON) é pressionada e mantida. 16 Manual de Operação do DM5E

33 Capítulo 3. Configurando o DM5E Capítulo 3. Configurando o DM5E Antes de medir a espessura, o instrumento deve ser configurado corretamente. Este capítulo explica os passos que devem ser tomados antes da medição para assegurar que a aparência da tela, configurações do Ultrassom, e o modo de medição coincidam com a configuração desejada. Os passos descritos neste capítulo se aplicam a todos os instrumentos, independentemente de haver ou não deles incorporarem o Dual Multi ou opções do Registrador de Dados. A maioria dos parâmetros fundamentais do instrumentos são automaticamente ajustados para um valor padrão com base no arquivo de configuração (Setup) selecionado pelo usuário. Cada instrumento é fornecido com os arquivos de configuração (Setup) padrão, e o primeiro passo na configuração do instrumento é nomeá-los para coincidir com a sonda. Na preparação para medir a espessura, este capítulo explica como: Instalar uma sonda e configurar o instrumento através do carregamento de um arquivo de Configuração (veja Seção 3.1 na página 18). Configurar a aparência do display do aparelho (ver Seção 3.2 na página 21). Ajustar o Ganho e a Taxa de Atualização do instrumento (veja a Seção 3.2 na página 21). Calibrar a combinação do instrumento / sonda (veja Seção 3.3 na página 26). Definir os valores máximo e mínimo de alarme (veja Seção 3.4 na página 30). Bloquear e desbloquear os controles do instrumento (veja Seção 3.6 na página 32). Manual de Operação do DM5E 17

34 Capítulo 3. Configurando o DM5E 3.1 Conectando uma Sonda e Carregando um Arquivo de Configuração Antes de medir a espessura, é necessário conectar uma sonda ao instrumento (veja Figura 7 abaixo) e selecione um arquivo de Configuração que seja compatível com a sonda. Conexão do Cabo da Sonda Figura 7: Vista da parte superior do Instrumento 18 Manual de Operação do DM5E

35 Capítulo 3. Configurando o DM5E 3.1 Conectando uma Sonda e Carregando um Arquivo de Configuração (cont.) Depois de uma sonda ser conectada, pressione para ativar a tela de Configuração da Sonda (Probe Setup). A tela de Configuração da Sonda, mostrada na Figura 8 abaixo, permite ao usuário selecionar um dos arquivos de Configuração Padrão. Figura 8: Selecionando um Arquivo de configuração Manual de Operação do DM5E 19

36 Capítulo 3. Configurando o DM5E 3.1 Conectando uma Sonda e Carregando um Arquivo de Configuração (cont.) As seguintes configurações de instrumento são ajustados automaticamente quando o arquivo de Configuração é ativado: Modo de Visualização Ganho Resolução da tela do Valor Medido Modo de Medição Espessura Nominal - quando Diferencial, modo de % RR são selecionados Configuração de alarme mínimo Configuração de alarme máximo 20 Manual de Operação do DM5E

37 Capítulo 3. Configurando o DM5E 3.2 Configurando o Instrumento Antes de usar o DM5, os parâmetros listados na página seguinte devem ser programados na tela de Configuração (veja Figura 9) como segue: 1. Pressione MODE quantas vezes forem necessárias para acessar a tela de Configuração. 2. Pressione (seta pra cima) ou (seta pra baixo) para selecionar o parâmetro a ser modificado. 3. Após o parâmetro desejado ser destacado, pressione para CAL ON para programar aquele parâmetro. 4. Pressione (seta pra cima) ou (seta pra baixo) para ajustar o valor do parâmetro, em seguida pressione CAL ON para confirmar a nova configuração. 5. Repita os passos 2-4 até que todos os parâmetros restantes sejam ajustados. Após todas as configurações terem sido configuradas, pressione MODE para retornar à tela de medição. Figura 9: O menu de configuração Manual de Operação do DM5E 21

38 Capítulo 3. Configurando o DM5E 3.2 Configurando o Instrumento (cont.) Utilizando o procedimento descrito na página anterior, configure os seguintes parâmetros: Language - Define o idioma Units - Define as unidades de medição para polegadas ou milímetros Resolution - Define o número de casas decimais para os quais as medições de espessura são exibidas Update Rate - Atualiza a medição apresentada a uma taxa de 4 ou 8 Hz Radix - Seleciona um ponto (.) ou vírgula (,) para serem usados como ponto decimal Dual Multi - Selecione ON ou OFF Reading Hold - Selecione HOLD ou BLANK Time - Define a hora no formato HH: MM Date -Define a data no formato Mês-Data-Ano BSCAN MINIMUM Tela de BSCAN de valor mínimo BSCAN MAXIMUM - Tela de BSCAN de valor máximo Auto Power Down - Selecione ON e escolha o tempo desejado para desligar automaticamente o instrumento OFF 5/10/15/30 minutos após a última tecla ser pressionada (nenhum dado será perdido) ou selecione OFF para permitir que o instrumento permaneça ligado até ser desligado manualmente. Contrast - Ajusta o contraste do display Backlight - Ajusta a luz de fundo da tela. Uma configuração de ON aumenta o uso da bateria, uma configuração de AUTO faz com que a luz de fundo ilumine e permaneça ligada por cinco segundos depois de cada tecla ser pressionada. 22 Manual de Operação do DM5E

39 Capítulo 3. Configurando o DM5E Configurando o Ganho do Instrumento O nível de ganho do instrumento pode ser definido para AUTO, DEFAULT, HIGH, ou para uma configuração BAIXA de redução de ruído. Para selecionar a configuração de ganho do instrumento: 1. Pressione 2. Selecione o controle GAIN (GANHO). 3. Pressione TECLA CAL ONpara ativar o controle, então use (SETA PARA CIMA) ou (SETA PARA BAIXO) para ajustar o valor selecionado e use (SETA PARA LADO ESQUERDO) ou (SETA PARA LADO DIREITO) para selecionar a posição do cursor. 4. Pressione TECLA CAL ON após o ajuste estar completo. Manual de Operação do DM5E 23

40 Capítulo 3. Configurando o DM5E Definindo a Taxa de Atualização Medições são atualizadas a uma taxa de 4 ou 8 Hz, conforme selecionado pelo usuário. Para selecionar a taxa de atualização de medição: 1. Pressione (TECLA MODE) 2. Selecione o controle UPDATE RATE (TAXA DE ATUALIZAÇÃO). 3. Pressione (TECLA CAL ON) para ativar o controle, então use (SETA PARA CIMA) ou (SETA PARA BAIXO)para ajustar a configuração. 4. Pressione (TECLA CAL ON) após o ajuste estar completo. 24 Manual de Operação do DM5E

41 Capítulo 3. Configurando o DM5E Especificando a Espessura Nominal Quando o parâmetro VIEW for definido para DIFF / RR%, a espessura apresentada inclui dois valores diferenciais (nas unidades do instrumento e como uma percentagem) que representa a variação da espessura nominal especificada pelo usuário (veja Seção 4.4). Para inserir manualmente ou modificar a espessura nominal: 1. Pressione (TECLA MODE). 2. Selecione o controle NOM THICKNESS (ESPESSURA NOM). 3. Pressione (TECLA CAL ON) para ativar o controle, então use (SETA PAR CIMA) ou (SETA PAR BAIXO) para ajustar o valor de lugar selecionado e (SETA PARA ESQUERDA) ou (SETA PARA DIREITA) para selecionar um valor diferente. 4. Pressione (TECLA CAL ON) após o ajuste estar completo. Manual de Operação do DM5E 25

42 Capítulo 3. Configurando o DM5E 3.3 Calibração do instrumento Antes de usar o DM5E, o instrumento e a sonda conectada devem ser calibrados usando um ou mais padrões de espessura conhecidos. É importante que o arquivo de instalação correspondente à sonda seja selecionado antes de iniciar o processo de calibração. Então, o usuário pode selecionar tanto o modo de calibração 1pt, 2pt, ou AUTO no menulock OUT (BLOQUEIO). Para concluir a calibração, siga as instruções na tela de exibição de seu instrumento e na Figura 10 na página 27 (modo 1pt), Figura 11 na página 28 (modo 2pt) ou Figura 12 na página 29 (modo Auto). Nota: A calibração adequada é essencial para uma operação precisa do instrumento. O instrumento deve ser calibrado se houver uma mudança no tipo ou na temperatura do material a ser testado, se a sonda anexada for alterada, após a realização de qualquer ajuste de parâmetro, ou em intervalos especificados em seus procedimentos de teste. 26 Manual de Operação do DM5E

43 Capítulo 3. Configurando o DM5E 3.3 Calibração de instrumentos (cont.) Figura 10: Procedimento de Calibração do Instrumento (Modo 1pt) Manual de Operação do DM5E 27

44 Capítulo 3. Configurando o DM5E 3.3 Calibração de instrumentos (cont.) Figura 11: Procedimento de Calibração do Instrumento (Modo 2pt) 28 Manual de Operação do DM5E

45 Capítulo 3. Configurando o DM5E 3.3 Calibração de instrumentos (cont.) Figura 12: Procedimento de Calibração do Instrumento (Modo Auto) Manual de Operação do DM5E 29

46 Capítulo 3. Configurando o DM5E 3.4 Configurando os Alarmes Máximo e Mínimo Quando o valor de medição de espessura exceder a configuração do alarme mínimo ou máximo, o valor de medição alterna entre as telas do tipo sólido e vazado, exceto no modo B-SCAN. Quando um alarme aparece no modo B-SCAN, o valor da medição pisca ON e OFF em intervalos de 1 / 2 segundo. Para introduzir uma espessura de alarme mínimo ou máximo: 1. Pressione para acessar a tela de Configuração (veja Figura 9 na página 21). 2. Pressione ou para selecionar tanto o MINIMUM ALARM (ALARME MÍNIMO) ou MAXIMUM ALARM (ALARME MÁXIMO). 3. Quando o parâmetro desejado estiver destacado, pressione para ativá-lo. 4. Pressione ou para alterar a posição selecionada na espessura do alarme e depois pressione ou para ajustar o valor da posição selecionada. Para mudar a configuração de alarme para OFF a partir de qualquer outro valor, pressione simultaneamente ou. 5. Pressione CAL/ON após a espessura do alarme ser definida para o valor desejado. 30 Manual de Operação do DM5E

47 Capítulo 3. Configurando o DM5E 3.5 Faixa de Exibição do B-SCAN A faixa de exibição BSCAN padrão é de 0-20 polegadas. É altamente recomendável ajustar a faixa de acordo com o alvo, porque ao definir um intervalo apropriado irá mostrar um gráfico de escaneamento mais claro. Para ajustar o intervalo, complete os passos abaixo. Nota: Se o valor do BSCAN exceder a faixa programada, esse ponto será representado graficamente como igual ao limite da faixa. 1. Pressione para acessar a tela de Configuração (veja Figura 9 na página 21). 2. Pressione ou para selecionar BSCAN MINIMUM ou BSCAN MAXIMUM. 3. Quando o parâmetro desejado estiver destacado, pressione para ativá-lo. 4. Pressione ou para alterar a posição selecionada na espessura de alarme e depois pressione ou para ajustar o valor da posição selecionada. Para mudar a configuração de alarme para OFF a partir de qualquer outro valor, pressione simultaneamente ou. 5. Pressione CAL/ON após a espessura do alarme ter sido definida para o valor desejado. Manual de Operação do DM5E 31

48 Capítulo 3. Configurando o DM5E 3.6 Bloqueio e Desbloqueio de Instrumento os controles O DM5E permite aos operadores bloquear funções específicas usando a tela de bloqueio, que só é acessível a partir da tela de medição. Siga as instruções da Figura 13 na página 33 para acessar esta tela e bloqueie (ou habilite), algumas ou todas as teclas de função. Nota:As funções REGISTRADOR DE DADOS e DUAL MULTI são opcionais e só estão disponíveis com versões avançadas do instrumento. No entanto, uma atualização da versão básica é possível através da compra de uma chave de licença. No menu de Bloqueio (Lock out), o operador pode definir o zero da sonda e o modo de calibração (MODO CAL / ZERO), selecionando 1pt, 2pt ou AUTO. Um dos seguintes estilos de lembrete de calibração também pode ser selecionado: REMIND TIME - O lembrete de calibração é exibido depois de um tempo decorrido a partir da última calibração de espessura. A configuração indica o valor de tempo predefinido. CAL READINGS - O lembrete de calibração é exibido após o usuário pressionar a função SEND, o número de vezes indicada pelo valor de configuração. CAL POWER ON - O lembrete de calibração é exibido cada vez que o instrumento é ligado quando o valor é definido como ON. 32 Manual de Operação do DM5E

49 Capítulo 3. Configurando o DM5E 3.6 Bloqueio e Desbloqueio de Instrumento os controles (cont.) Figura 13: Bloqueando e Desbloqueando as Teclas de Função Manual de Operação do DM5E 33

50 Capítulo 3. Configurando o DM5E [Nenhum conteúdo destinado para esta página - vá para a próxima página] 34 Manual de Operação do DM5E

51 Capítulo 4. Medição de espessura Capítulo 4. Medição de espessura Depois de configurar o instrumento como descrito no Capítulo 3, podem ser feitos ajustes adicionais selecionando o tipo de medição feita e a maneira em que ela é exibida. Você também encontrará informações relacionadas à configuração e o trabalho com o modo BSCAN. Os tópicos específicos incluem como: Selecionar o valor medido a visualizar (veja Seção 4.1 na página 36) Trabalhar com modo de medição Normal (veja Seção 4.2 na página 39) Usar os modos de medição Min Scan e Max Scan (veja Seção 4.3 na página 40) Interpretar o modo de medição Diferencial / Taxa de redução (veja Seção 4.4 na página 41) Trabalhar com o modo de medição B-Scan (veja Seção 4.5 na página 42) Usar o modo de medição Dual Multi (veja Seção 4.6 na página 43) Nota: Carregue um arquivo de Configuração correspondente à sonda conectada antes de fazer os ajustes descritos neste capítulo. Carregando um arquivo de Configuração após estes ajustes serem feitos irá forçar determinadas configurações de volta para o valor padrão armazenado no arquivo. Manual de Operação do DM5E 35

52 Capítulo 4. Medição de espessura 4.1 Selecionando o Modo de Visualização Exibido Modelo básico de instrumento do DM5E oferece quatro modos de exibição. Além disso, mais dois modos de exibição estão disponíveis, dependendo das opções instaladas. Esses modos de exibição incluem: NORMAL (Somente Espessura) - O valor da espessura aparece como dígitos grandes no centro da tela. MIN SCAN (Escaneamento de Espessura Mínima) - Permite ao usuário avaliar continuamente a espessura do material, desde que a sonda continue acoplada ou é apenas brevemente desacoplada. Após o período de avaliação estiver concluído, a espessura mínima do material é exibida. Durante o período de avaliação, a espessura é exibida juntamente com os valores de espessura mínimos e máximos observados e a diferença calculada entre os dois. O display também inclui uma barra de tempo limite (time-out), que começa a ser preenchida logo que a sonda é desacoplada. Ao reacoplar a sonda antes do período de tempo limite expirar permite ao usuário continuar com o mesmo período de avaliação. Após o período de avaliação ser completado, como indicado pelo enchimento da barra de tempo limite, a espessura mínima observada durante o período de avaliação é exibida. MAX SCAN (Escaneamento de Espessura Máxima) - Permite ao usuário avaliar continuamente a espessura do material, desde que a sonda continue acoplada ou desacoplada somente brevemente. Após o período de avaliação for concluído, a espessura máxima do material é exibida. Durante o período de avaliação, a espessura é exibida juntamente com os valores de espessura mínimos e máximos observados e a diferença calculada entre os dois. O display também inclui uma barra de tempo limite, que começa a ser preenchida logo que a sonda é desacoplada. Ao reacoplar a sonda antes do período de tempo limite expirar permite ao usuário continuar com o mesmo período de avaliação. Após o período de avaliação ser completado, como indicado pelo enchimento da barra de tempo limite, a espessura máxima observada durante o período de avaliação é exibida. 36 Manual de Operação do DM5E

53 Capítulo 4. Medição de espessura 4.1 Selecionando o Modo de Visualização Exibido (cont.) Nota: Durante a colocação de uma sonda muito sensível à superfície da peça, película de acoplagem em excesso pode causar resultados errôneos. Para eliminar o efeito de película acoplagem excessiva, acople a sonda firmemente à peça, em seguida pressione sob HOME. Isso reinicia a sessão de varredura enquanto a sonda está devidamente em contato com a peça. DIFF / RR % (Diferencial / Taxa de Redução) - As espessuras nominais atualmente medidas e especificadas pelo usuário aparecem ao longo do topo do display, enquanto a diferença entre estes dois valores (valores medidos menos nominais, expressos em termos de porcentagem e dimensional) aparecem no meio da tela. B-SCAN (Escaneamento B) - Permite ao usuário avaliar continuamente a espessura do material ao plotar no gráfico 1 ponto por segundo. Durante o período de avaliação, o valor da espessura medida é apresentado juntamente com os valores de espessura mínimos e máximos observados. O display possui uma barra de tempo limite escondida de 5 segundos, que começa assim que a sonda é desacoplado. Ao reacoplar a sonda antes do período de tempo limite expirar permite ao usuário continuar com o mesmo período de avaliação. Ao pressionar a tecla SEND armazena o valor de espessura mínima após o período de avaliação ser completado, como indicado pelo enchimento da barra de tempo limite. Nota: As diferenças apresentadas podem ter tanto valores positivos como negativos (veja Seção 4.4 na página 41). Manual de Operação do DM5E 37

54 Capítulo 4. Medição de espessura 4.1 Selecionando o Modo de Visualização Exibido (cont.) O modo de medição apresentado pelo instrumento pode ser modificado como se segue: 1. Pressione tantas vezes quanto necessário para acessar o menu de Configuração. 2. Pressione ou para selecionar o parâmetro VIEW MODE (MODO DE VISUALIZAÇÃO). 3. Pressione para ativar esse parâmetro. 4. Pressione ou para navegar pelos modos disponíveis, em seguida, pressione para selecionar o modo destacado. 38 Manual de Operação do DM5E

55 Capítulo 4. Medição de espessura 4.2 Modo de Visualização de Medição Normal Quando o modo de exibição Normal está ativado, a tela mostra apenas uma leitura de espessura, como mostrado na Figura 14 abaixo. Nota:Se o arquivo Data Recorder (Registro de Dados) estiver ativo, a localização dos dados e o valor armazenado serão exibidos no canto superior esquerdo da tela, em vez do valor da velocidade do material. Figura 14: Modo de Visualização de Medição NORMAL Manual de Operação do DM5E 39

56 Capítulo 4. Medição de espessura 4.3 Modos de Visualização de Medição Min Scan e Max Scan Os modos MIN SCAN e MAX SCAN permite ao usuário avaliar continuamente a espessura do material, em seguida, após o período de avaliação ser completado, mostra a espessura material extrema (mínimo ou máximo) observada. Durante o período de avaliação, a espessura é exibida juntamente com os valores de espessura mínimo e máximo observados (veja a Figura 15 abaixo). Um recurso de tempo limite permite um desacoplamento momentâneo da sonda durante o período de avaliação. Nesses modos, o instrumento continuará a coletar e comparar as leituras desde que o período de tempo limite não seja excedido. Figura 15: Modo de Visualização de Medição MAX SCAN 40 Manual de Operação do DM5E

57 Capítulo 4. Medição de espessura 4.4 Modo de Visualização de Medição Diferencial / Taxa de Redução Este modo de visualização (veja Figura 16 abaixo) exibe tanto a espessura atualmente medida e uma entrada de espessura nominal pelo usuário, juntamente com a diferença entre estes dois valores ("medido" menos "nominal"), expressos em termos de percentagem e dimensional. Nota: As diferenças apresentadas podem ter valores positivos ou negativos. Figura 16: Modo de Visualização de Medição DIFF / RR% Manual de Operação do DM5E 41

58 Capítulo 4. Medição de espessura 4.5 Modo de Visualização de Medição B-SCAN O modo B-SCAN (ver Figura 17 abaixo) permite ao usuário exibir continuamente a espessura do material no modo gráfico. Durante o período de avaliação, a medição da espessura é exibida juntamente com os valores mínimo e máximo de espessura. Um recurso de tempo limite permite um desacoplamento momentâneo da sonda durante o período de avaliação. Neste modo, o instrumento vai continuar a coletar e comparar as leituras durante o tempo que o período de tempo limite não seja ultrapassado. Pressionar a tecla SEND irá armazenar o valor mínimo no arquivo de ativação. Figura 17: Modo de Visualização de Medição de B-SCAN 42 Manual de Operação do DM5E

59 Capítulo 4. Medição de espessura 4.6 Modo de Visualização de Medição Dual Multi Revestimentos de proteção, incluindo pintura, contribuem a um erro significativo para a medição da espessura do metal subjacente ao usar técnicas convencionais de medição. O modo Dual Multi elimina as camadas de revestimento a partir da medição medindo entre reflexões sucessivas da parede traseira do metal. A faixa de medição para cada sonda irá variar dependendo do tipo e da espessura do revestimento, a espessura do metal, e a qualidade do vínculo entre o revestimento e o metal. Para ativar ou desativar o modo Dual-Multi, você pode usar o menu de configuração ou pressionar e segurar por 1,5 segundos, enquanto no modo de medição. Um ícone de pico único ( ) acima do ícone da bateria indica o modo IP, enquanto um ícone de pico duplo ( ) acima do ícone da bateria indica o modo Multi Duplo (veja Figura 18 na página 44). Nota: A versão Básica do DM5E não tem a dupla função Dual Multi. Apenas versões especialmente equipados DM5E e DM5E DL oferecem a função Dual Multi.. Manual de Operação do DM5E 43

60 Capítulo 4. Medição de espessura 4.6 Modo de Visualização de Medição Multi Duplo (cont.) Modo Dual Multi ativado Modo de Dual Multi desativado Figura 18: Modo de Visualização de Medição DUAL MULTI 44 Manual de Operação do DM5E

61 Capítulo 5. Utilizando o Registrador de Dados Opcional Capítulo 5. Utilizando o Registrador de Dados Opcional Nota: As instruções neste capítulo só se aplicam a instrumentos equipados com um Registrador de Dados. Quando instalado e ativado, a opção de Registrador de Dados permite aos usuários criar arquivos Registrador de Dados, armazena leituras de espessura (e o B-SCAN que acompanha, quando desejado), e navegar pelos conteúdos do arquivo. Neste capítulo, você aprenderá como: Criar arquivos de Registro de Dados (veja Seção 5.1 na página 46) Recuperar e apagar arquivos do Registrador de Dados (veja Seção 5.2 na página 49) Armazena leituras de espessura em arquivos de Registrador de Dados (veja Seção na página 51) Navegar pelos locais dos arquivos do Registrador de Dados para armazenar ou substituir as leituras (veja Seção na página 51) Manual de Operação do DM5E 45

62 Capítulo 5. Utilizando o Registrador de Dados Opcional 5.1 Criando um Novo Arquivo Registrador de Dados Para criar um novo arquivo Registro de Dados, você só precisa especificar um nome de arquivo. Contudo, na maioria dos casos, você desejará inserir informações adicionais. Parâmetros que podem ser ajustados durante o processo de nomeação de arquivos incluem: Os números de LINHAS e COLUNAS no arquivo Registrador de Dados (veja Figura 20 na página 48). A DIREÇÃO DE AVANÇO (veja Figura 20 na página 48). NOTAS relacionadas ao arquivo de dados Nota: Uma vez criado, os parâmetros de nome do arquivo, tamanho e INSTRUÇÕES ANTECIPADAS não podem ser editados. Apenas os conteúdos das NOTAS podem ser modificados. Para conseguir isso, primeiro selecione o arquivo e em seguida ative e modifique o parâmetro. Siga os passos 1 a 5 na Figura 19 na página 47 para criar um novo arquivo Registrador de Dados. 46 Manual de Operação do DM5E

63 Capítulo 5. Utilizando o Registrador de Dados Opcional 5.1 Criando um Novo Arquivo Registrador de Dados (cont.) Figura 19: Criando um novo arquivo registrador de dados Manual de Operação do DM5E 47

64 Capítulo 5. Utilizando o Registrador de Dados Opcional 5.1 Criando um novo arquivo gravador de dados (cont.) Figura 20: Definindo o tamanho e a Direção de Avanço de um Arquivo Gravador de Dados 48 Manual de Operação do DM5E

65 Capítulo 5. Utilizando o Registrador de Dados Opcional 5.2 Recuperando e Apagando Arquivos Armazenados no Registrador de Dados Arquivos Armazenados no Registrador de Dados podem ser recuperados ou apagados a qualquer momento. Uma vez recuperado, as medições de espessura podem ser armazenadas em locais de arquivo disponíveis, mas a instruções antecipadas não podem ser alteradas Recuperando um Arquivo Gravador de Dados 1. Pressione tantas vezes quanto necessário para acessar a tela de Configuração e deixe o REGISTRADOR DE DADOS na posição ON. 2. Pressione novamente para iniciar o modo de Exibição de Arquivo. 3. Ativar a função de seleção de arquivo pressionando abaixo de FILES (ARQUIVOS). Uma lista de arquivos aparecerá no visor. 4. Pressione ou para selecionar o arquivo armazenado que você deseja recuperar, em seguida, pressione para confirmar a seleção. Manual de Operação do DM5E 49

66 Capítulo 5. Utilizando o Registrador de Dados Opcional Apagando um arquivo Registrador de Dados 1. Pressione novamente para iniciar o modo de Exibição de Arquivos. 2. Se necessário, pressione abaixo de FILES (ARQUIVOS) para exibir uma lista dos arquivos armazenados. 3. Pressione ou para selecionar o arquivo armazenado que você deseja apagar, pressione e segure abaixo de ERASE (APAGAR). IMPORTANTE: Uma vez apagado, o arquivo Registrador de Dados e qualquer medição de espessura armazenada não podem ser recuperados. 5.3 Gravando Medições de Espessura em Arquivos Registradores de Dados O Registrador de Dados deve ser ativado (ligado) por meio do display CONFIGURAÇÃO. Uma vez que o Registrador de Dados estiver ligado, o conteúdo do arquivo do Registrador de Dados ativo será exibido na Grade de Navegação de Arquivo mostrada na Figura 20 na página 48. Para armazenar uma leitura de espessura na posição de arquivo selecionado, pressione abaixo de SEND. Lembre-se de que as unidades do valor de espessura e o número de casas decimais para o qual a espessura é gravada são determinados pelas UNIDADES e configurações de RESOLUÇÃO, conforme descrito na Seção 3.2 na página Manual de Operação do DM5E

67 Capítulo 5. Utilizando o Registrador de Dados Opcional Armazenando Mínimo de B-Scan em Arquivos Registradores de Dados Quando em modo B-Scan, o valor mínimo é armazenado na posição ativa do Registrador de Dados pressionando abaixo de SEND Navegando Através de Arquivos de Registrador de Dados Quando o Registrador de Dados está ligado, o conteúdo do arquivo ativo Registrador de Dados é exibido na Grade de Navegação de Arquivos mostrado na Figura 20 na página 48. Após a grade de navegação ser ativada,,, e podem ser usados para selecionar qualquer posição de arquivo. Uma caixa de grade pesada aparece em torno da posição do arquivo selecionado. Uma vez que uma posição do arquivo foi selecionada: A leitura de espessura atual pode ser enviada para uma posição de arquivo VAZIA. Um valor de medição pode ser armazenado pressionando abaixo de SEND. Um valor previamente armazenado pode ser substituído pressionando abaixo de SEND. Manual de Operação do DM5E 51

68 Capítulo 5. Utilizando o Registrador de Dados Opcional [Nenhum conteúdo destinado para esta página - vá para a próxima página] 52 Manual de Operação do DM5E

69 Capítulo 6. Funções de E / S Capítulo 6. Funções de E / S Nota: As instruções neste capítulo se aplicam a todas as versões do instrumento DM5E. O DM5E pode se comunicar com dispositivos externos através da sua porta de E / S embutida. Um cabo mini-usb para PC está disponível para conexão a esta porta virtual COM (veja Figura 21 abaixo para a localização). Com o UltraMATE, UltraMATE Lite, ou mesmo um simples Macro de Excel, um PC pode importar arquivos registrador de dados do instrumento. Figura 21: Localização da Mini Porta USB COM Manual de Operação do DM5E 53

70 Capítulo 6. Funções de E / S 6.1 Conectando o DM5E a um PC A porta de E / S do instrumento pode ser conectada a um PC usando um cabo para mini-usb. Certifique-se de instalar o driver da porta virtual COM no PC antes de fazer a conexão. Em seguida, siga as instruções na tela do seu PC para instalar o novo hardware. 54 Manual de Operação do DM5E

71 Capítulo 7. Especificações Capítulo 7. Especificações Este capítulo apresenta as características e especificações do seu DM5E incluindo: Especificações do instrumento (veja Seção 7.1 na página 56) Recursos do Registrador de Dados opcional (veja Seção 7.2 na página 60) Especificações da Sonda (veja Seção 7.3 na página 61) Nota:Além disso, consulte "Especificações Técnicas do EN15317" na página 77. Manual de Operação do DM5E 55

72 Capítulo 7. Especificações 7.1 Especificações de Instrumento Princípio de funcionamento: Faixa de medição: Resolução de Medição: Ultrassônico, método de medição de pulso-eco Depende da sonda e material, 0,60 milímetros a 508 milímetros (0.025 pol. a pol.) em IP para 1 Modo de Medição BW, 2,00 milímetros a 127,0 milímetros (0.079 pol. a 5.00 pol.) em Modo de Medição Dual-Multi, o intervalo de espessura do revestimento deve ser de 0,3 milímetros a 2,50 milímetros (0 pol. a pol.). padrão de 0,001 polegadas (selecionável 0,001, 0,01 polegadas) padrão de 0,01 mm (selecionável 0,01, 0,1 mm) Faixa de Velocidade de Material: Resolução de Velocidade de Material: Unidades: Calibração: 0,0200 a 0,7362 pol / ms 0,508 a 18,699 mm / ms 0,0001 in / ms 1 m / s polegadas ou milímetro Cal de um ponto, no Bloco e Fora do Bloco, Cal de dois pontos 56 Manual de Operação do DM5E

73 Capítulo 7. Especificações 7.1 Especificações de Instrumento (cont.) Pulsador: Tensão Receptor: Ganho: Tipo de Tela: Taxa de Atualização: Display de Valor de Espessura: Modo de visualização B-SCAN: Exibição da Última Leitura: Configurações: Pulso de Excitação: Pulsador de Pico 120 V em carga de 50 ohm, utilizando osciloscópio de 20 MHz Largura de banda: 1,5 MHz a db Controle Automático de Ganho LCD gráfico de alta resolução, 64 x 128 Pixels, 53,0 milímetros x 27,0 milímetros com luz de fundo e contraste ajustável 4 Hz ou 8 Hz, selecionável pelo usuário, taxa de captura no modo de varredura de 24 Hz Modo de visualização normal: 5 dígitos, 0,4" (10,6 mm) de altura 5 dígitos, 0,1" (2,55 mm) de altura Dígitos sólidos ou vazados indicam condição acoplada ou desacoplada 9 configurações padrão para sondas Manual de Operação do DM5E 57

74 Capítulo 7. Especificações 7.1 Especificações de Instrumentos (cont.) Configurações de alarme: Requisitos de Alimentação: Duração da Bateria / Tempo de operação: Desligamento do Instrumento: Idioma: Conectores de E / S: Transdutor: Alarmes mínimo e máximo, Faixa de 0,010 pol. a 20,00 pol., 0. (0,25 mm a 508 mm) Leitura alterna entre dígitos sólidos e vazados quando os alarmes são habilitados e violados 2 baterias tamanho AA Cerca de 100 horas Selecionável SEMPRE LIGADO ou DESLIGAMENTO AUTOMÁTICO após 5, 10, 15, 30 minutos de inatividade Selecionável - inglês, alemão, francês, espanhol, italiano, russo, japonês e chinês Dual Lemo 00 (coaxial) Mini-USB: MINI-B OTG A STD A Temperatura: Em operação: 10 F a +120 F (-10 C a +50 C) Armazenamento: -10 F a +140 F (-20 C a +60 C) Peso: 0,597 lb (223 g), incluindo as baterias 58 Manual de Operação do DM5E

75 Capítulo 7. Especificações 7.1 Especificações do Instrumento (cont.) Tamanho: 138 mm x 75 mm x 32 mm Choque: IEC Ea, de acordo com Mil Std 810C método 516.2Procedimento I com uma onda semi senoidal com impulso de 11ms 15g aplicada 6 vezes por eixo Vedação: IEC529 / IP54, à prova de poeira /gotejamento de água de acordo com as especificações da norma IEC 529 para a classificação IP54 Nota: Especificações do instrumento estão sujeitas a alterações sem aviso prévio. Manual de Operação do DM5E 59

76 Capítulo 7. Especificações 7.2 Funções da Opção de Registro de Dados Capacidade: leituras Estruturas de arquivo: Arquivo de Grade Quantidade de Fileiras: 1 a Quantidade de colunas: 1 a 223 Nome de arquivo: Nome com até 16 caracteres alfanuméricos Software opcional: UltraMATE e UltraMATE Lite Nota: Especificações do instrumento estão sujeitos a alterações sem aviso prévio. 60 Manual de Operação do DM5E

77 Capítulo 7. Especificações 7.3 Especificações da Sonda / Transdutor do DM5E Modelo DA501 Modelo DA503 Modelo DA512 Modelo DA590 Frequência: 5 MHz 2 MHz 10 MHz 5 MHz Estilo da Sonda: padrão padrão ponta de dedo alta temperatura Faixa de Temperatura de Operação (contínua): -10 a 70 C -10 a 70 C -10 a 70 C -10 a 204 C Diâmetro de contato: 15 mm (0,590 ") 20 mm (0,787") 7,5 mm (0,300 ") 12,7 mm (0,500") IP para a Primeira Faixa de medição: 1,0 mm a 200 mm (0,040 a 8 ") 5 a 300 mm (0,200 a 12 ) 0,6 mm a 60 mm (0,020 a 2,4 ) 1 a 20 C (0,040 a 68 F) 1,3-25,4 204 C (0,050 a 400 F) Faixa de Medição Mínima de Multi-Eco: 3,0 a 25 mm N / A 2,0 a 10 mm N / A Manual de Operação do DM5E 61

78 Capítulo 7. Especificações [Nenhum conteúdo destinado para esta página - vá para a próxima página] 62 Manual de Operação do DM5E

79 Capítulo 8. Manutenção Capítulo 8. Manutenção 8.1 Cuidados com o instrumento Limpe a caixa do instrumento e a tela usando um pano macio levemente umedecido com água ou um produto suave para limpeza de vidros. Nunca use solventes agressivos, já que eles podem fazer com que o plástico se torne quebradiço ou seja danificado. 8.2 Manuseando o cabo de forma apropriada Evite torcer ou amarrar o cabo. Segure o cabo apenas pelos conectores ao conectar ou desconectá-lo a partir do instrumento. 8.3 Baterias Inspecionar periodicamente as baterias por sinais de vazamento ou corrosão. Se qualquer um ocorrer, remova e substitua TODAS as baterias. Tome cuidado para descartar corretamente as baterias com defeito (consulte "Descarte de Bateria" na página 75). Manual de Operação do DM5E 63

80 Capítulo 8. Manutenção [Nenhum conteúdo destinado para esta página - vá para a próxima página] 64 Manual de Operação do DM5E

81 Apêndice A. Informações Complementares Apêndice A. Informações Complementares Este apêndice contém informações complementares, incluindo: Reconfigurando o software de operação do instrumento (veja Seção A.1 na página 66) Atualizando o software de operação do instrumento (veja Seção A.2 na página 67) Informações do site da Web (veja Seção A.3 na página 69) Documentação de EMC (veja Seção A.4 na página 70) Locais de Fabricação e Central de Atendimento (veja Seção A.5 na página 71) Manual de Operação do DM5E 65

82 Apêndice A. Informações Complementares A.1 Reconfigurando o Software Operacional IMPORTANTE:O procedimento a seguir irá definir todos os parâmetros aos seus valores padrão de fábrica. Quaisquer arquivos que você deseja manter devem ser baixados usando o softwareultramate PC antes de reconfigurar o software operacional. No entanto, todos os arquivos de Registro de Dados armazenados no instrumento não serão apagados durante este procedimento. Para reconfigurar o software do instrumento operacional: 1. Desligue o instrumento. 2. Pressione e segure Em seguida, pressione e segure por aproximadamente 3 segundos, até que o display indique que a reconfiguração foi concluída. 3. Uma reconfiguração bem-sucedida é reconhecida quando a mensagem de RESET COMPLETE (RECONFIGURAÇÃO CONCLUÍDA) aparecer brevemente no centro inferior da tela. 66 Manual de Operação do DM5E

83 Apêndice A. Informações Complementares A.2 Atualizações de Firmware O software operacional DM5E pode ser atualizado utilizando uma conexão de internet e um programa utilitário de atualização. Cada instrumento é enviado com um CD contendo o Programa Utilitário de Atualização do DM5E. Para executar a atualização, faça o seguinte: 1. Instale o Programa Utilitário de Atualização em um PC que tenha uma conexão ativa de Internet. 2. Execute o Programa Utilitário de Atualização a partir do Menu de Programas em seu PC. Para um típico sistema operacional MS Windows, isto é realizado clicando no botão Iniciar, clicando no botão RUN, selecionando PROGRAMAS e em seguida, selecionando o Utilitário de atualização DM5E (veja Figura 22 na página 68). 3. Selecione o botão Browse local disk ("Procurar disco local") se o novo firmware estiver armazenado em uma unidade local do PC, ou selecione o botão "Baixar novo arquivo" para conectar-se ao site FTP GE Sensing&Inspection Technologies (você deve estar conectado à internet antes desta operação). O programa verifica a versão do firmware que você tem na sua máquina contra a versão que está no site FTP. Se a versão do firmware no site FTP é mais recente, o utilitário irá baixar o código de operação atualizado do DM5E. Nota:Se as versões de firmware são as mesmas, o utilitário não irá baixar o código e sairá da rotina de download. 4. Desligue o DM5E e conecte-o ao PC. 5. Clique no botão Upgrade The Instrument ("Atualizar O Instrumento"). Manual de Operação do DM5E 67

84 Apêndice A. Informações Complementares A.2 Atualizações de Firmware (cont.) Figura 22: Mudando as configurações do parâmetro 68 Manual de Operação do DM5E

85 Apêndice A. Informações Complementares A.2 Atualizações de Firmware (cont.) 6. Quando solicitado, pressione e segure as teclas (SETA PRA CIMA) e (CAL/ON) por 3 segundos. O DM5E entrará no modo de reprogramação. Quando a atualização tiver sido concluída, o DM5E desliga-se automaticamente. IMPORTANTE:Todas as configurações personalizadas armazenadas serão perdidas durante a próxima etapa. No entanto, os arquivos de Registro de Dados Armazenados não serão afetados. 7. Reconfigure o software operacional para limpar a memória do instrumento. A.3 Informações do Site da Internet As seguintes informações estão disponíveis no site da GE Sensing&Inspection Technologies em Informações atualizadas sobre o software operacional Último programa de utilitário de atualização Especificações Novos recursos Literatura E muito mais! Manual de Operação do DM5E 69

86 Apêndice A. Informações Complementares A.4 Documentação do EMC O seguinte é a Declaração DM5E de Conformidade EMC: Medidor de Espessura de Corrosão Ultrassônico DM5E Descrição do Instrumento: O DM5E é um medidor de espessura ultrassônico capaz de medir materiais utilizando transdutores ultrassônicos funcionando em frequências de 5 a 15 MHz. Este instrumento apresenta uma espessura calculada pelo tempo de voo medido no material na velocidade programada no instrumento. O instrumento deve ser utilizado como um medidor de espessura portátil em um ambiente industrial. O instrumento não se destina a ser parte de uma malha de controle fechada em um sistema de controle de processo automatizado. Declaração de Conformidade: O DM5E está em conformidade com as seguintes normas EN: EN55011: 2007 EN : Manual de Operação do DM5E

87 Apêndice A. Informações Complementares A.5 Locais de Fabricação & Atendimento ao Cliente O DM5E é fabricado de acordo com os métodos mais recentes usando componentes de alta qualidade. Os testes são feitos no processo e um sistema de gestão de qualidade certificado pela ISO 9001 garantem a melhor qualidade de conformidade do instrumento. O DM5E é fabricado pela: GE Sensing&Inspection Technologies China Seção Q, 4 Andar, # 185, Estrada Tai-Gu, Zona de Livre Comércio de Waigaoqiao, Xangai, China Se você tiver um problema ou precisar de assistência técnica, visite a página do serviço do produto acessível em para localizar seu representante local da GE Inspection Technologies, ou contate um dos Centros de Atendimento ao Cliente listados na contracapa deste manual. Manual de Operação do DM5E 71

88 Apêndice A. Informações Complementares [Nenhum conteúdo destinado para esta página - vá para a próxima página] Apêndice B. Conformidade Regulamentar Este apêndice contém informações sobre os seguintes tópicos: Diretiva WEEE (veja Seção B.1 na página 74) Descarte de Bateria (veja Seção B.2 na página 75) Especificações Técnicas do EN15317 (veja Seção B.3 na página 77) 72 Manual de Operação do DM5E

89 Apêndice B. Conformidade Regulamentar B.1 Diretiva de Resíduos de Equipamentos Elétricos e Eletrônicos (REEE) A GE Sensing&Inspection Technologies é uma participante ativa na iniciativa de retorno dos Resíduos de Equipamentos Elétricos e Eletrônicos (REEE) da Europa, Diretiva 2002/96/CE. O equipamento que você adquiriu exigiu a extração e o uso de recursos naturais para sua produção. Ele pode conter substâncias perigosas que poderiam impactar a saúde e o ambiente. A fim de evitar a disseminação dessas substâncias em nosso ambiente e para diminuir a pressão sobre os recursos naturais, nós encorajamos você a usar sistemas de retorno apropriados. Esses sistemas reutilizarão ou reciclarão a maioria dos materiais de seus equipamentos no fim de sua vida útil de uma forma correta. O símbolo, com um latão riscado, convida-o a utilizar esses sistemas. Caso precise de maiores informações sobre os sistemas de coleta, reuso e reciclagem, favor entrar em contato com a administração de resíduos de sua localidade região. Visite para obter instruções de retorno e mais informações sobre esta iniciativa. Manual de Operação do DM5E 73

Guia do Usuário. Higrotermômetro e Registrador de Dados. Modelo 42280

Guia do Usuário. Higrotermômetro e Registrador de Dados. Modelo 42280 Guia do Usuário Higrotermômetro e Registrador de Dados Modelo 42280 Introdução Parabéns pela sua compra do Registrador de dados de Temperatura e Umidade Relativa Extech 42280. O 42280 é um monitor da qualidade

Leia mais

Medidor de Umidade/Moisture sem Pino com Memória + Termômetro IV

Medidor de Umidade/Moisture sem Pino com Memória + Termômetro IV GUIA DO USUÁRIO Medidor de Umidade/Moisture sem Pino com Memória + Termômetro IV Modelo MO295 mbar GPP RH% 01 MEM STORE MO295 Introdução Parabéns por sua compra do Medidor de Umidade/Moisture Sem Pino

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO TERMÔMETRO DIGITAL MODELO TD-890

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO TERMÔMETRO DIGITAL MODELO TD-890 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO TERMÔMETRO DIGITAL MODELO TD-890 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do instrumento ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... - 1-2. REGRAS DE SEGURANÇA...

Leia mais

Higrotermômetro / Registrador de Dados

Higrotermômetro / Registrador de Dados Manual do Usuário Higrotermômetro / Registrador de Dados Modelo SDL500 Introdução Parabéns pela sua compra do Higrotermômetro Extech SDL500, um medidor da Série SD Logger. Este medidor exibe e armazena

Leia mais

CO-6 Medidor de dióxido de carbono (CO2)

CO-6 Medidor de dióxido de carbono (CO2) CO-6 Medidor de dióxido de carbono (CO2) DETECTOR 1. Sensor de temperatura e umidade 2. Sensor de CO2 (parte traseira) 3. display LCD 4. Conector adaptador AC 5. porta RS232 6. Teclado 7. Compartimento

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DECIBELÍMETRO MODELO DL-4100

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DECIBELÍMETRO MODELO DL-4100 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DECIBELÍMETRO MODELO DL-4100 revisão novembro de 2008 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do instrumento ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...1 2. REGRAS

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO MEDIDOR DE ESPESSURA ULTRA-SÔNICO MODELO UT-1200

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO MEDIDOR DE ESPESSURA ULTRA-SÔNICO MODELO UT-1200 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO MEDIDOR DE ESPESSURA ULTRA-SÔNICO MODELO UT-1200 fevereiro de 2010 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do instrumento ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...

Leia mais

Guia do Usuário. Higrotermômetro e Registrador de Dados Modelo SD500

Guia do Usuário. Higrotermômetro e Registrador de Dados Modelo SD500 Guia do Usuário Higrotermômetro e Registrador de Dados Modelo SD500 Introdução Parabéns pela sua compra do Registrador de dados de Temperatura/Umidade Extech SD500. Este aparelho mede, exibe e armazena

Leia mais

Registrador de Dados de Umidade e Temperatura

Registrador de Dados de Umidade e Temperatura Guia do Usuário Registrador de Dados de Umidade e Temperatura Modelo RHT Introdução Parabéns pela sua compra do registrador de dados de Temperatura e Umidade. Com este medidor, você pode monitorar e registrar

Leia mais

Guia do Usuário. Fotômetro para serviços pesados com Interface com PC. Modelo HD400

Guia do Usuário. Fotômetro para serviços pesados com Interface com PC. Modelo HD400 Guia do Usuário Fotômetro para serviços pesados com Interface com PC Modelo HD400 Introdução Parabéns pela sua compra desse Medidor de Luz Extech HD400 Digital. O HD400 mede a iluminância em Lux e Fc (Foot-candle

Leia mais

Termômetro Registrador de Dados com Termopar

Termômetro Registrador de Dados com Termopar Guia do Usuário Termômetro Registrador de Dados com Termopar Sete (7) tipos de entrada de Termopar K, J, T, E, R, S, N Entrada Dupla de Termopar com Interface para PC Modelo EA15 Introdução Parabéns pela

Leia mais

Manual do Usuário. TVA Digital

Manual do Usuário. TVA Digital Manual do Usuário TVA Digital AF_Manual_TV_SD_8.indd 1 AF_Manual_TV_SD_8.indd 2 Parabéns por escolher a TVA Digital! Além de optar por uma excelente programação, você terá uma série de recursos e interatividade.

Leia mais

DATA LOGGER PARA REGISTO DE TEMPERATURAS COM LIGAÇÃO USB

DATA LOGGER PARA REGISTO DE TEMPERATURAS COM LIGAÇÃO USB DATA LOGGER PARA REGISTO DE TEMPERATURAS COM LIGAÇÃO USB AVISO PRÉVIO A partir de 1 de Janeiro de 2014 os data loggers deixam de ser fornecidos com CD-ROM com software. O software continua a ser gratuito

Leia mais

Termômetro / Registrador de dados em 4 canais

Termômetro / Registrador de dados em 4 canais Manual do Usuário Termômetro / Registrador de dados em 4 canais Entradas para RTD e termopar Modelo SDL200 Introdução Parabenizamos-lhe Parabéns pela aquisição do termômetro SDL200 da Extech, um medidor

Leia mais

Medidor de Monóxido de Carbono (CO) Portátil

Medidor de Monóxido de Carbono (CO) Portátil GUIA DO USUÁRIO Medidor de Monóxido de Carbono (CO) Portátil Modelo CO40 Introdução Obrigado por escolher o Extech Instruments Modelo CO40. O CO40 mede simultaneamente a concentração CO e a Temperatura

Leia mais

Medidor Magnético AC/DC Modelo SDL900 GUIA DO USUÁRIO

Medidor Magnético AC/DC Modelo SDL900 GUIA DO USUÁRIO Medidor Magnético AC/DC Modelo SDL900 GUIA DO USUÁRIO Introdução Obrigado por escolher o Modelo SDL900 da Extech Instruments. Esse medidor é fornecido totalmente testado e calibrado e, com o uso adequado,

Leia mais

RUGOSÍMETRO DE SUPERFÍCIE ITRPSD-100

RUGOSÍMETRO DE SUPERFÍCIE ITRPSD-100 RUGOSÍMETRO DE SUPERFÍCIE ITRPSD-100 1. Introdução Geral O rugosímetro de superfície TIME TR100/TR101 é uma nova geração de produto desenvolvido por TIME Group Inc. Tem como características uma maior

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO. Registrador de Dados com Termopar de 12-Canais. Modelo TM500

GUIA DO USUÁRIO. Registrador de Dados com Termopar de 12-Canais. Modelo TM500 GUIA DO USUÁRIO Registrador de Dados com Termopar de 12-Canais Modelo TM500 Introduction Parabéns pela sua compra do Termômetro TM500 Extech, um medidor da Série do Registrador SD. Este medidor visualiza

Leia mais

CONTEÚDO 1. Fotômetro PF-12 2. Preparo para a operação 3. Operação 4. Memória

CONTEÚDO 1. Fotômetro PF-12 2. Preparo para a operação 3. Operação 4. Memória MANUAL PF-12 CONTEÚDO 1. Fotômetro PF-12 1.1 Características técnicas 1.2 Apresentação 1.3 Partes integrantes 1.4 Interface e fonte de alimentação 2. Preparo para a operação 3. Operação 3.1 Teclado 3.2

Leia mais

Luxímetro Registrador de dados em tempo real no cartão SD

Luxímetro Registrador de dados em tempo real no cartão SD Manual do Usuário Luxímetro Registrador de dados em tempo real no cartão SD Modelo SDL400 Introdução Parabéns pela sua compra do Luxímetro Extech SDL400. Este medidor exibe e armazena leituras de medição

Leia mais

Testador Digital de Isolamento de Alta Tensão

Testador Digital de Isolamento de Alta Tensão Guia do Usuário Testador Digital de Isolamento de Alta Tensão Modelo 380395 ou 380396 MAX MIN Introdução Parabéns pela sua compra do Testador Digital de Isolamento de Alta Tensão da Extech 380395 (120

Leia mais

Guia do Usuário. Luxímetro Registrador de Dados com Interface para PC. Modelo HD450

Guia do Usuário. Luxímetro Registrador de Dados com Interface para PC. Modelo HD450 Guia do Usuário Luxímetro Registrador de Dados com Interface para PC Modelo HD450 Introdução Parabéns pela sua compra do Luxímetro Digital Extech HD450. O HD450 mede a iluminância em Lux e Foot candles

Leia mais

Termo Anemômetro de Ventoinha / Registrador de Dados

Termo Anemômetro de Ventoinha / Registrador de Dados Manual do Usuário Termo Anemômetro de Ventoinha / Registrador de Dados Modelo SDL300 Introdução Parabéns pela sua compra do Termo Anemômetro Registrador Extech SDL300. Esse medidor exibe e armazena as

Leia mais

GUIA PRÁTICO do dbadge2 Dosímetro Pessoal de Ruídos

GUIA PRÁTICO do dbadge2 Dosímetro Pessoal de Ruídos GUIA PRÁTICO do dbadge2 Dosímetro Pessoal de Ruídos O dbadge2 foi criado para tornar as medições pessoais de exposição a ruídos mais simples do que nunca, além de contar com até três dosímetros simultâneos

Leia mais

Guia do Usuário. Medidor de Distância Ultra-sônico. Extech DT100

Guia do Usuário. Medidor de Distância Ultra-sônico. Extech DT100 Guia do Usuário Medidor de Distância Ultra-sônico Extech DT100 Introdução Parabéns pela sua compra do Medidor de Distância Ultra-sônico Extech Modelo DT100. Este medidor mede distâncias até 15m (50 pés),

Leia mais

Bem-vindo ao melhor do entretenimento.

Bem-vindo ao melhor do entretenimento. Manual do usuário Bem-vindo ao melhor do entretenimento. Agora, com a Vivo TV, você tem alta qualidade de som e imagem para assistir a uma programação completa com canais infantis, seriados, programas

Leia mais

Manômetros de Pressão Diferencial

Manômetros de Pressão Diferencial GUIA DO USUÁRIO Manômetros de Pressão Diferencial Modelo PS101, PS106 e PS115 Introdução Parabéns pela compra do Manômetro de Pressão Diferencial Extech SO Série 100. Estes manômetros medem a pressão aferida

Leia mais

Mini Termômetro Infravermelho de Ampla Faixa com Apontador Laser

Mini Termômetro Infravermelho de Ampla Faixa com Apontador Laser Manual do Usuário Mini Termômetro Infravermelho de Ampla Faixa com Apontador Laser MODELO 42510A Introdução Parabéns pela sua compra do Termômetro Infravermelho Modelo 42510A. Esse termômetro Infravermelho

Leia mais

Decibelímetro Modelo SL130

Decibelímetro Modelo SL130 Manual do Usuário Decibelímetro Modelo SL130 Introdução Parabéns pela sua compra do Decibelímetro SL130 Extech. Desenhado para montagem em parede, mesa, ou montagem em tripé, este medidor está de acordo

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO FREQÜENCÍMETRO DIGITAL FC-2500

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO FREQÜENCÍMETRO DIGITAL FC-2500 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO FREQÜENCÍMETRO DIGITAL FC-2500 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do instrumento ÍNDICE 1. Introdução...01 2. Regras de segurança...01 3.

Leia mais

ÍNDICE APRESENTAÇÃO... 3 DESEMBALAGEM... 3 ESPECIFICAÇÕES... 4 CONEXÕES... 5

ÍNDICE APRESENTAÇÃO... 3 DESEMBALAGEM... 3 ESPECIFICAÇÕES... 4 CONEXÕES... 5 ÍNDICE APRESENTAÇÃO... 3 DESEMBALAGEM... 3 ESPECIFICAÇÕES... 4 CONEXÕES... 5 OPERAÇÃO... 7 LIGANDO O MEDIDOR... 8 REALIZANDO AS PRIMEIRAS MEDIDAS... 8 FUNÇÕES ESPECIAIS... 8 CONFIGURAÇÃO... 10 CICLO DE

Leia mais

Termômetro Infravermelho (IV) com Laser Duplo

Termômetro Infravermelho (IV) com Laser Duplo Manual do Usuário Termômetro Infravermelho (IV) com Laser Duplo MODELO 42570 Introdução Parabéns pela sua compra do Termômetro Infravermelho Modelo 42570. Esse termômetro Infravermelho mede e exibe leituras

Leia mais

Manual do Usuário. Telefone Sem Fio LS3 MANUAL DO USUÁRIO

Manual do Usuário. Telefone Sem Fio LS3 MANUAL DO USUÁRIO Telefone Sem Fio LS3 MANUAL DO USUÁRIO Introdução 3 1. Indicações de segurança 4 2 Instrução ao teclado e aos ícones 6 2.1 Teclado 6 2.2 Ícones 7 3 Instalação 7 3.1 Instalação do sim card 7 3.2 Carregando

Leia mais

Medidor Ambiental 5 em 1 Modelo: EN300

Medidor Ambiental 5 em 1 Modelo: EN300 Guia do Usuário Medidor Ambiental 5 em 1 Modelo: EN300 Anemômetro Medidor de Umidade Medidor de Luz Termômetro Medidor de Nível de Ruído Introdução Parabéns pela sua compra deste Medidor Extech. O EN300

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO. Monitor de Monóxido de Carbono de Mesa. Modelo CO50

GUIA DO USUÁRIO. Monitor de Monóxido de Carbono de Mesa. Modelo CO50 GUIA DO USUÁRIO Monitor de Monóxido de Carbono de Mesa Modelo CO50 Introdução Obrigado por escolher o Extech Instruments Modelo CO50, Esse medidor mede o monóxido de carbono (CO), temperatura do ar e umidade.

Leia mais

EXPERIÊNCIA 5 OSCILOSCÓPIO DIGITAL

EXPERIÊNCIA 5 OSCILOSCÓPIO DIGITAL EXPERIÊNCIA 5 OSCILOSCÓPIO DIGITAL 1. INTRODUÇÃO TEÓRICA 1.1 VERIFICAÇÃO FUNCIONAL Esta rápida verificação deve ser executada para comprovar se o instrumento está funcionando corretamente. Ligue o instrumento

Leia mais

Medidor de campo para sinais de TV digital HD padrão Brasileiro ISDB-T

Medidor de campo para sinais de TV digital HD padrão Brasileiro ISDB-T Medidor de campo para sinais de TV digital HD padrão Brasileiro ISDB-T LCD 3.5 : Colorido de Alta Resolução Monitor: Sintoniza o canal selecionado com áudio e vídeo Leituras de: Pre BER, Post BER, MER,

Leia mais

Guia do Usuário. Modelo 380260 Testador de Isolamento / Megômetro

Guia do Usuário. Modelo 380260 Testador de Isolamento / Megômetro Guia do Usuário Modelo 380260 Testador de Isolamento / Megômetro Introdução Parabéns pela sua compra do Testador de Isolamento/Megômetro da Extech. O Modelo 380260 fornece três faixas de teste mais continuidade

Leia mais

HUAWEI ETS2555 Terminal Wireless Fixo GUIA DO USUÁRIO

HUAWEI ETS2555 Terminal Wireless Fixo GUIA DO USUÁRIO HUAWEI ETS2555 Terminal Wireless Fixo GUIA DO USUÁRIO Copyright Huawei Technologies Co., Ltd. 2009. Todos os direitos reservados. Nenhuma parte deste documento pode ser reproduzida ou transmitida, de nenhuma

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DECIBELÍMETRO MODELO DL-4050

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DECIBELÍMETRO MODELO DL-4050 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DECIBELÍMETRO MODELO DL-4050 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do instrumento ÍNDICE 1. Introdução...01 2. Regras de segurança...01 3.

Leia mais

DATA LOGGERS USB PARA REGISTO DE TEMPERATURA E HUMIDADE

DATA LOGGERS USB PARA REGISTO DE TEMPERATURA E HUMIDADE DATA LOGGERS USB PARA REGISTO DE TEMPERATURA E HUMIDADE AVISO PRÉVIO A partir de 1 de Janeiro de 2014 os data loggers deixam de ser fornecidos com CD-ROM com software. O software continua a ser gratuito

Leia mais

Manual do Usuário ZKPatrol1.0

Manual do Usuário ZKPatrol1.0 Manual do Usuário ZKPatrol1.0 SOFTWARE Sumário 1 Introdução de Funções... 3 1.2 Operação Básica... 4 1.3 Seleção de idioma... 4 2 Gerenciamento do Sistema... 5 2.1 Entrar no sistema... 5 2.2 Sair do Sistema...

Leia mais

Medidor de nível sonoro Cartão SD Registrador de Dados em tempo real

Medidor de nível sonoro Cartão SD Registrador de Dados em tempo real Manual do Usuário Medidor de nível sonoro Cartão SD Registrador de Dados em tempo real Modelo SDL600 A Introdução Parabéns pela aquisição do Medidor de nível sonoro SDL600 da Extech. Este medidor mostra

Leia mais

Guia do Usuário. Luxímetro Registrador de Dados com Interface para PC. Modelo HD450

Guia do Usuário. Luxímetro Registrador de Dados com Interface para PC. Modelo HD450 Guia do Usuário Luxímetro Registrador de Dados com Interface para PC Modelo HD450 Introdução Parabéns pela sua compra do Luxímetro Digital Extech HD450. O HD450 mede a iluminância em Lux e Foot candles

Leia mais

Medidor de Teor de Umidade Além de funções de Ponto de Orvalho, Bulbo Úmido e Temperatura Termopar

Medidor de Teor de Umidade Além de funções de Ponto de Orvalho, Bulbo Úmido e Temperatura Termopar Manual do Usuário Medidor de Teor de Umidade Além de funções de Ponto de Orvalho, Bulbo Úmido e Temperatura Termopar Registrador de dados em tempo real no cartão SD Modelo SDL550 Introdução Parabéns pela

Leia mais

Guia do Usuário. Medidor de umidade sem pino. Modelo MO257

Guia do Usuário. Medidor de umidade sem pino. Modelo MO257 Guia do Usuário Medidor de umidade sem pino Modelo MO257 Introdução Parabéns por ter adquirido o medidor de umidade sem pino Extech MO257. O sensor de umidade sem pino monitora a umidade na madeira e outros

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO. Contador de Partículas de Vídeo com Câmera embutida. Modelo VPC300

GUIA DO USUÁRIO. Contador de Partículas de Vídeo com Câmera embutida. Modelo VPC300 GUIA DO USUÁRIO Contador de Partículas de Vídeo com Câmera embutida Modelo VPC300 Introdução Obrigada por escolher o Contador de Partículas com Câmera Modelo VPC300 da Extech Instruments. O VPC300 tem

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO Receptor Móvel de TV Digital Full HD I INSTRUÇÃO DE SEGURANÇA... 5 II INTRODUÇÃO... 6 III MENU DE OPERAÇÃO... 8

MANUAL DO USUÁRIO Receptor Móvel de TV Digital Full HD I INSTRUÇÃO DE SEGURANÇA... 5 II INTRODUÇÃO... 6 III MENU DE OPERAÇÃO... 8 Sumário I INSTRUÇÃO DE SEGURANÇA... 5 II INTRODUÇÃO... 6 II.2. Características...6 III MENU DE OPERAÇÃO... 8 III.2. - EPG...10 III.3. Pesquisa de canal...11 III.4. Pesquisa automática...11 III.5 Pesquisa

Leia mais

Medidor de Oxigênio Dissolvido (OD) Cartão SD Registrador de Dados em tempo real

Medidor de Oxigênio Dissolvido (OD) Cartão SD Registrador de Dados em tempo real Manual do Usuário Medidor de Oxigênio Dissolvido (OD) Cartão SD Registrador de Dados em tempo real Modelo SDL150 Introdução Parabéns pela sua compra do Medidor de Oxigênio Dissolvido Extech SDL150, um

Leia mais

Telêmetro Digital com Laser Extech DT300

Telêmetro Digital com Laser Extech DT300 Guia do Usuário Telêmetro Digital com Laser Extech DT300 Introdução Parabéns pela sua compra do Telêmetro Digital com Laser Extech Modelo DT300. Este medidor mede a Distância até 50 m (164 ft) e calcula

Leia mais

Manual do usuário Vídeo Porteiro Sem Fio VPV-800

Manual do usuário Vídeo Porteiro Sem Fio VPV-800 Manual do usuário Vídeo Porteiro Sem Fio VPV-800 Atenção: Antes de operar o equipamento, leia o manual do usuário, qualquer dano causado decorrente de utilização errônea do mesmo implicará na perda imediata

Leia mais

Medidor de ph/orp Registrador de Dados com Cartão SD em tempo real

Medidor de ph/orp Registrador de Dados com Cartão SD em tempo real Manual do Usuário Medidor de ph/orp Registrador de Dados com Cartão SD em tempo real Modelo SDL100 Introdução Parabéns pela sua compra do Medidor Extech SDL100 ph/orp, um medidor da Série SD Logger. Este

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO. Modelo RPM33. Tacômetro de Contato / Foto Laser

GUIA DO USUÁRIO. Modelo RPM33. Tacômetro de Contato / Foto Laser GUIA DO USUÁRIO Modelo RPM33 Tacômetro de Contato / Foto Laser Introdução Parabéns pela sua aquisição do Tacômetro Foto Laser/ Contato da Extech, Modelo RPM33. O tacômetro digital RPM33 oferece uma medição

Leia mais

Sumário. Capítulo 2 COMPONENTES... 5

Sumário. Capítulo 2 COMPONENTES... 5 Sumário Capítulo 1 INTRODUÇÃO... 3 1.1 Apresentação... 3 1.2 Sobre este manual... 3 1.3 Instruções de segurança... 3 1.4 Instruções de instalação... 4 1.4.1 Fixação... 4 1.4.2 Ventilação... 4 1.4.3 Proteção

Leia mais

PRODUTO: Trena a Laser MODELO: 428A MARCA: HOMIS REFERÊNCIA: H811-467

PRODUTO: Trena a Laser MODELO: 428A MARCA: HOMIS REFERÊNCIA: H811-467 PRODUTO: Trena a Laser MODELO: 428A MARCA: HOMIS REFERÊNCIA: H811-467 HOMIS Controle e Instrumentação Ltda. Rua Herval, 1374 Belenzinho São Paulo SP CEP 03062-000 Fone: (11) 2799-7999 Fax: (11) 2799-7990

Leia mais

Leia atentamente este manual antes de usar o Multímetro

Leia atentamente este manual antes de usar o Multímetro MULTÍMETRO DIGITAL EM369 Leia atentamente este manual antes de usar o Multímetro GARANTIA Este aparelho de medição está coberto de garantia sobre possíveis defeitos de fabricação e de funcionamento durante

Leia mais

Termômetro Digital. ITTH-1400 Calibrador de Loop Digital ITCAL-9800

Termômetro Digital. ITTH-1400 Calibrador de Loop Digital ITCAL-9800 Termômetro Digital ITTH-1400 Calibrador de Loop Digital ITCAL-9800 Termômetro Digital ITTH 1400 1. Introdução Este instrumento portátil com 3½ dígitos, de dimensões compactas digitais, projetado para uso

Leia mais

Agilent U1701B Medidor portátil de capacitância com exibição dupla Guia de início rápido

Agilent U1701B Medidor portátil de capacitância com exibição dupla Guia de início rápido Agilent U1701B Medidor portátil de capacitância com exibição dupla Guia de início rápido Os itens a seguir fazem parte do medidor de capacitância: Fios da garra jacaré Guia de início rápido impresso Bateria

Leia mais

Termo-Anemômetro de Fio Quente com Registrador de Dados

Termo-Anemômetro de Fio Quente com Registrador de Dados Manual do Usuário Termo-Anemômetro de Fio Quente com Registrador de Dados Modelo SDL350 Hot Wire 5 Introdução Parabéns pela sua compra do Termo-Anemômetro de Fio Quente com Registrador de Dados da Extech

Leia mais

PHH222. ph/mv MEDIDOR DE ph

PHH222. ph/mv MEDIDOR DE ph PHH222 ph/mv MEDIDOR DE ph SUMÁRIO 1. CARACTERÍSTICAS... 1 2. ESPECIFICAÇÕES... 2 3. DESCRIÇÃO DO PAINEL FRONTAL... 4 4. PROCEDIMENTO PARA CALIBRAÇÃO DO ph... 6 4-1 Nota sobre a calibração... 6 4-2 Equipamento

Leia mais

ENERGIA DA BATERIA & GERENCIAMENTO DA ENERGIA

ENERGIA DA BATERIA & GERENCIAMENTO DA ENERGIA C A P Í T U L O T R Ê S ENERGIA DA BATERIA & GERENCIAMENTO DA ENERGIA Neste capítulo, você aprenderá os fundamentos do gerenciamento de energia e como usá-los para adquirir uma vida média da bateria mais

Leia mais

400W. Guia de instalação. Por favor, leia esta guia antes de utilizar o produto. 1 Desembale o projetor. Controle remoto e pilhas Cabo de computador

400W. Guia de instalação. Por favor, leia esta guia antes de utilizar o produto. 1 Desembale o projetor. Controle remoto e pilhas Cabo de computador PowerLite 400W Guia de instalação Por favor, leia esta guia antes de utilizar o produto. 1 Desembale o projetor O seu projetor vem acompanhado destes itens: Projetor e tampa da lente Cabo de eletricidade

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO. Termômetro para Alimentos Digital Modelo TM55. Introdução. Características

GUIA DO USUÁRIO. Termômetro para Alimentos Digital Modelo TM55. Introdução. Características GUIA DO USUÁRIO Termômetro para Alimentos Digital Modelo TM55 Introdução Obrigada por escolher o Modelo TM55 da Extech Instruments. O TM55 é certificado NFS para a medição da temperatura de líquidos, massas

Leia mais

Proteção : IP-40 Display: LCD, 6 dígitos mais sinal ( ) Inclui riscador, grampo e 1 bateria

Proteção : IP-40 Display: LCD, 6 dígitos mais sinal ( ) Inclui riscador, grampo e 1 bateria ZERO/ABS PRESET +/- ON/OFF HOLD Calibradores Traçadores de Altura Digitais Modelo de duas colunas e com ou sem saída de dados para CEP. Ajuste de zero por um simples toque no botão. Através do botão PRESET,

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO ALICATE TERRÔMETRO MODELO TR-5500

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO ALICATE TERRÔMETRO MODELO TR-5500 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO ALICATE TERRÔMETRO MODELO TR-5500 setembro 2011 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do instrumento ÍNDICE 1. Introdução... - 1-2. Regras

Leia mais

s em Me d iç USB Agronegócio Transporte Laboratórios Alimentos Processo Aquecimento Refrigeração Klimalogg Smart Industrial Termo-higrômetro

s em Me d iç USB Agronegócio Transporte Laboratórios Alimentos Processo Aquecimento Refrigeração Klimalogg Smart Industrial Termo-higrômetro es u çõ In s tr Soluç s em Me ão d iç õe USB Agronegócio Transporte O TE RM Laboratórios KL -H IG RÔ IM A M ET SM LO RO AR GG T M l a u an de Alimentos Termo-higrômetro Klimalogg Smart Processo Aquecimento

Leia mais

Office 8K Mouse Ótico Sem Fio de 8 Botões

Office 8K Mouse Ótico Sem Fio de 8 Botões INTRODUÇÃO PARABÉNS PELA SUA COMPRA: O SEU NOVO RF MOUSE OFFICE 8K É FÁCIL DE INSTALAR E OFERECE INÚMEROS RECURSOS. O RÁDIO-RECEPTOR PODE SER ADEQUADAMENTE COLOCADO EM QUALQUER LUGAR PARA LHE PROPORCIONAR

Leia mais

1. StickerCenter... 3. 2. Menu Broadcast Stickers... 4. 3. Menu MyStickers... 9

1. StickerCenter... 3. 2. Menu Broadcast Stickers... 4. 3. Menu MyStickers... 9 1. StickerCenter... 3 1.1. O que é?... 3 1.2. O que são Stickers?... 3 1.3. Como acessar o StickerCenter?... 3 1.4. Como atualizar o StickerCenter?... 3 2. Menu Broadcast Stickers... 4 2.1. O que é?...

Leia mais

BABÁ ELETRÔNICA MANUAL DE INSTRUÇÕES MONITOR DE ÁUDIO DIGITAL FPV - 700 IMAGEM MERAMENTE ILUSTRATIVA

BABÁ ELETRÔNICA MANUAL DE INSTRUÇÕES MONITOR DE ÁUDIO DIGITAL FPV - 700 IMAGEM MERAMENTE ILUSTRATIVA FPV - 700 BABÁ ELETRÔNICA MANUAL DE INSTRUÇÕES IMAGEM MERAMENTE ILUSTRATIVA MONITOR DE ÁUDIO DIGITAL ÍNDICE VISÃO GERAL DO EQUIPAMENTO... 04 PREPARANDO SUA BABÁ ELETRÔNICA... 05 CARREGANDO A BATERIA DO

Leia mais

ANEMÔMETRO DIGITAL Digital Anemometer Anemómetro Digital MDA-11

ANEMÔMETRO DIGITAL Digital Anemometer Anemómetro Digital MDA-11 ANEMÔMETRO DIGITAL Digital Anemometer Anemómetro Digital MDA-11 mphkm/hknots ft/minm/sx10 8.8.8.8 MAX-MIN APO AVG 216 ANEMOMETER 1.8.8.8 C F OFF APO ON OFF HOLD MULT AVG MAX MIN 2sec 1sec RST C/ F UNIT

Leia mais

SOFTWARE DE INSTALAÇÃO. Instruções de Instalação

SOFTWARE DE INSTALAÇÃO. Instruções de Instalação SOFTWARE DE INSTALAÇÃO SOFTWARE Instruções de Instalação Manual de instruções para programa de gravação de dados (WS- 9010) Esta estação meteorológica juntamente com o programa de gravação de dados é um

Leia mais

1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides

1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides 1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides CONTROLE DE FLUSHING AUTOMÁTICO LCF 12 Modo Periódico e Horário www.lubing.com.br (19) 3583-6929 DESCALVADO SP 1. Instalação O equipamento deve

Leia mais

PROGRAMANDO TCP/IP NX-590E

PROGRAMANDO TCP/IP NX-590E Descrição dos Leds PROGRAMANDO TCP/IP NX-590E O módulo de Internet tem cinco LEDs (5) vermelhas ao longo da frente do bordo e mais dois no módulo SIM. Esses LEDs fornecem valiosas informações sobre o estado

Leia mais

Dispositivos Apontadores e Teclado Guia do Usuário

Dispositivos Apontadores e Teclado Guia do Usuário Dispositivos Apontadores e Teclado Guia do Usuário Copyright 2008 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Windows é uma marca registrada da Microsoft Corporation nos Estados Unidos. As informações contidas

Leia mais

Medidor de CO 2 Portátil ITMCO2-535

Medidor de CO 2 Portátil ITMCO2-535 Medidor de CO 2 Portátil ITMCO2-535 INTRODUÇÃO Parabéns por ter adquirido este medidor portátil de CO2. Este aparelho faz medições de nível de CO2, temperatura, ponto de orvalho, temperatura de bulbo seco

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Se ainda tiver dúvidas entre em contato com a equipe de atendimento: Por telefone: 0800 642 3090 Por e-mail atendimento@oisolucoespraempresas.com.br Introdução... 3 1. O que é o programa Oi Backup Empresarial?...

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO. Scanner Térmico IR. Modelo IRT500

GUIA DO USUÁRIO. Scanner Térmico IR. Modelo IRT500 GUIA DO USUÁRIO Scanner Térmico IR Modelo IRT500 Introdução Obrigado por escolher o Extech Model IRT500. O IRT500 Laser Duplo que Scanner Térmico de IR é projetado com um laser duplo, um alarme audível/visual,

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DECIBELÍMETRO MODELO DL-4200

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DECIBELÍMETRO MODELO DL-4200 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DECIBELÍMETRO MODELO DL-4200 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do instrumento ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...1 2. REGRAS DE SEGURANÇA...1 3. ESPECIFICAÇÕES...2

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO TERMÔMETRO DIGITAL MODELO TD-801

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO TERMÔMETRO DIGITAL MODELO TD-801 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO TERMÔMETRO DIGITAL MODELO TD-801 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do instrumento ÍNDICE 1. Introdução... 02 2. Regras de segurança...

Leia mais

Guia do Wattbike Expert Software para Iniciantes

Guia do Wattbike Expert Software para Iniciantes Guia do Wattbike Expert Software para Iniciantes 1 Índice Introdução............................................... 3 Conexão do software ao Computador de Desempenho Wattbike tela padrão Polar e edição

Leia mais

Guia do Usuário. Dosímetro de Ruído com Interface para PC MODELO 407355

Guia do Usuário. Dosímetro de Ruído com Interface para PC MODELO 407355 Guia do Usuário Dosímetro de Ruído com Interface para PC MODELO 407355 Introdução Parabéns pela sua compra do Dosímetro de Ruído Pessoal Extech 407355. O 407355 foi concebido para testar a exposição ao

Leia mais

Testador de dureza de frutas

Testador de dureza de frutas Guia do Usuário Testador de dureza de frutas Modelo FHT200 Introdução Parabéns pela sua compra do Testador de Dureza de Frutas Modelo FHT200 da Extech. O testador é usado para medir a dureza (maturação)

Leia mais

Modelo Tecnologia de Identificação Display Impressora. Gráfico; Gráfico; Alfanumérico; Gráfico; Alfanumérico; Alfanumérico; Alfanumérico;

Modelo Tecnologia de Identificação Display Impressora. Gráfico; Gráfico; Alfanumérico; Gráfico; Alfanumérico; Alfanumérico; Alfanumérico; O Velti Ponto está homologado de acordo com a Portaria nº 1.510/2009 do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) em 10 modelos que se diferenciam pela tecnologia de identificação (leitores), tipo de display

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO. Medidor de Formaldeído HCHO (CH 2 O) para Desktop. Modelo FM300

GUIA DO USUÁRIO. Medidor de Formaldeído HCHO (CH 2 O) para Desktop. Modelo FM300 GUIA DO USUÁRIO Medidor de Formaldeído HCHO (CH 2 O) para Desktop Modelo FM300 Introdução Obrigado por escolher o Modelo FM300 da Extech Instruments, esse medidor foi projetado com tecnologia de sensor

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO DE SOFTWARE

MANUAL DO USUÁRIO DE SOFTWARE MANUAL DO USUÁRIO DE SOFTWARE P-touch P700 O conteúdo deste manual e as especificações deste produto estão sujeitos a alterações sem prévio aviso. A Brother reserva-se o direito de fazer alterações sem

Leia mais

Registrador de dados G-Force com 3 eixos

Registrador de dados G-Force com 3 eixos Manual do Usuário Registrador de dados G-Force com 3 eixos Modelo VB300 Introdução Parabenizamos-lhe pela aquisição do registrador de dados G-Force VB300. O modelo VB300 consegue medir e gravar leituras

Leia mais

Registrador de Dados VB300 3-Axis G- Force Versão 1.0 Novembro 2010

Registrador de Dados VB300 3-Axis G- Force Versão 1.0 Novembro 2010 Utilitário de Ajuda do Software Registrador de Dados VB300 3-Axis G- Force Versão 1.0 Novembro 2010 Introdução ao Software O software do registrador de dados é um programa que coleta dados do registrador

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO. Medidor de Salinidade Medidor de Qualidade da Água Estilo Caneta. Modelo EC170

GUIA DO USUÁRIO. Medidor de Salinidade Medidor de Qualidade da Água Estilo Caneta. Modelo EC170 GUIA DO USUÁRIO Medidor de Salinidade Medidor de Qualidade da Água Estilo Caneta Modelo EC170 Introdução Parabéns pela sua compra do instrumento medidor de Qualidade da Água Estilo Caneta da Extech; o

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO ALICATE DIGITAL AC/DC TRUE RMS MODELO AD-7920

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO ALICATE DIGITAL AC/DC TRUE RMS MODELO AD-7920 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO ALICATE DIGITAL AC/DC TRUE RMS MODELO AD-7920 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do instrumento ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...1 2. REGRAS DE SEGURANÇA...2

Leia mais

MEDIDOR DE PH DIGITAL DE BOLSO MODELO: PH-222

MEDIDOR DE PH DIGITAL DE BOLSO MODELO: PH-222 MANUAL DE INSTRUÇÕES MEDIDOR DE PH DIGITAL DE BOLSO MODELO: PH-222 1. CARACTERÍSTICAS Medidor de ph tipo caneta, com eletrodo incluso; Sensor de temperatura incorporado, ATC (Compensação Automática de

Leia mais

Este Guia Rápido do Usuário ajuda você a começar a usar o scanner IRIScan Book Executive 3.

Este Guia Rápido do Usuário ajuda você a começar a usar o scanner IRIScan Book Executive 3. Este Guia Rápido do Usuário ajuda você a começar a usar o scanner IRIScan Book Executive 3. Este scanner é fornecido com os aplicativos Readiris Pro 14 e IRIScan Direct (somente Windows). Os Guias Rápidos

Leia mais

Controle remoto HP Media (somente em determinados modelos) Guia do Usuário

Controle remoto HP Media (somente em determinados modelos) Guia do Usuário Controle remoto HP Media (somente em determinados modelos) Guia do Usuário Copyright 2008 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Windows e Windows Vista são marcas comerciais ou registradas da Microsoft

Leia mais

Medidor de Nível de Som Integrado e Registrador de Dados

Medidor de Nível de Som Integrado e Registrador de Dados GUIA DO USUÁRIO Medidor de Nível de Som Integrado e Registrador de Dados Modelo 407780A Introdução Obrigado por escolher o Modelo 407780A da Extech Instruments. Este dispositivo é enviado completamente

Leia mais

Termo-Higrotermômetro de Bulbo Úmido com Registrador de Dados

Termo-Higrotermômetro de Bulbo Úmido com Registrador de Dados GUIA DO USUÁRIO Termo-Higrotermômetro de Bulbo Úmido com Registrador de Dados Com Temperatura do Ponto de Orvalho Modelo WB200 Introdução Obrigado por selecionar o Termo-Higrômetro Registrador de Dados

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES AOB508-G21 CONTROLADOR DE TEMPERATURA E PROCESSO IBRATEC

MANUAL DE INSTRUÇÕES AOB508-G21 CONTROLADOR DE TEMPERATURA E PROCESSO IBRATEC IBRATEC www.sibratec.ind.br MANUAL DE INSTRUÇÕES AOB508-G21 CONTROLADOR DE TEMPERATURA E PROCESSO 1 - INTRODUÇÃO O AOB508-G21 é um controlador digital de grandezas de alta precisão que pode ser utilizado

Leia mais