Primeiros movimentos de emancipação (1868 a 1878)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Primeiros movimentos de emancipação (1868 a 1878)"

Transcrição

1 1959

2

3 Período Colonial A ilha de Bohío foi achada por Colombo em 24/10/1492 passando a se chamar La Joana; A colonização espanhola ocorreu a partir de 1509; Havana foi fundada por Diego Velázquez de Cuéllar em 1514; A ESP tentou desenvolver a mineração até os meados do século XVI; A exploração baseou-se na plantation açucareira Aproximação com os EUA;

4 Primeiros movimentos de emancipação (1868 a 1878) Carlos Manuel Céspedes. Aumento do numero de homes. Oposição dos fazendeiros. Um jovem de dezesseis anos foi preso por ter fundado o jornal o la patria libre José Martí Retorno de José Martí. Explosão do USS Maine EUA declarou guerra à Espanha. Apoio à independência cubana.

5 Cuba após a independência: Domínio norte-americano: 1901: Emenda Platt: Ditaduras apoiadas pelos EUA: Geraldo Machado (até 1933) Fulgêncio Batista (1934 a 1958)

6 A Revolução contra Batista 1953 Primeira revolta contra F. Batista. Revolta nacionalista assalto ao quartel de Moncada. Julgamento e prisão de Fidel Castro. Após a prisão Castro foi exilado Fidel voltou ao país e reuniu um grupo de patriotas mais o argentino Ernesto Guevara de la Serna. Recebidos em Cuba com aviões de guerra. United Press Morte de todos os rebeldes. Acontece que 12 deles sobreviveram...

7 A Revolução contra Batista Os 12 sobreviventes esconderam-se nas montanhas e florestas da Sierra Maestra. Começaram as operações guerrilheiras. Fidel Castro, Camilo Cienfuegos, Raul Castro e Che Guevara. Atacaram postos militares (emboscadas). Contradição: Métodos de Batista X métodos dos revolucionários. Adesão da população de Cuba à revolução Guerrilheiros entraram vitoriosos em Havana.

8 Mapa da Cuba mostrando o local da chegada dos rebeldes no final de 1956 e reduto dos rebeldes no Sierra Maestra. O Mapa também mostra Guevara e Cienfuegos em rota para Havana, via Las Villas em Dezembro de 1958.

9

10 Revolução cubana A Revolução cubana não foi socialista e sim contra o domínio norte-americano. Eu tinha a maior vontade de entender-me com os Estados Unidos. Até fui lá, falei, expliquei nossos objetivos. (...) Mas os bombardeios, por aviões americanos, de nossas fazendas açucareiras, das nossas cidades; as ameaças de invasão por tropas mercenárias e a ameaça de sanções econômicas constituem agressões à nossa soberania nacional, ao nosso povo. Fidel Castro, a Louis Wiznitzer, enviado especial do GLOBO a Havana, em entrevista publicada em 24 de março de 1960.

11 O Governo revolucionário Reforma agrária; Redução dos alugueis. Fecharam os cassinos e os bordeis. Reforma urbana. Nacionalização das refinarias de açúcar.

12 Rompimento com os EUA EUA suspendeu a importação do açúcar cubano. Economia cubana dependia da venda do açúcar. URSS comprou o açúcar cubano. Apesar do coexistência pacífica John Kennedy reagiu a aproximação entre cubanos e soviéticos (1961): Rompimento diplomático; Invasão da Baia dos Porcos.

13

14 Enfim socialista Fracasso da invasão americana fortaleceu Fidel Castro. Fidel anunciou ao mundo a adesão ao bloco socialista. Cuba: posição estratégica aos soviéticos. Crise dos mísseis ou crise caribenha (1962). Cuba foi expulsa do OEA (1962). Lançamento do programa Aliança para o Progresso.

15 Cuba socialista Apoio a guerrilhas na América Fundação da Organização Latino-Americana de Solidariedade (Olas): apoio as lutas armadas da América Latina. America Central virou uma região de guerra civil. As relações na América mudavam de acordo com os presidentes americanos (pendulo).

16 Significado da Revolução Cubana Via específica da solução aos problemas de miséria e ditadura. Não alinhamento com os EUA Cuba ficava a 150 Km do território norteamericano. Após 25 anos de Revolução Cuba conseguiu o fim do desemprego, da miséria e do analfabetismo. Porém...

17 Cuba isolada Início dos anos 90 aumentaram as pressões para o fim do monolitismo em Cuba. EUA intensificou o bloqueio econômico. Muitas conquistas sociais econômicas e culturais foram anuladas. Colapso dos países socialistas do Leste europeu retração na economia cubana.

18

19 Cuba isolada Mesmo com a reafirmação do lema castrista: socialismo ou morte : Anos 90 buscou um reformismo econômico e proximidade da comunidade internacional. Queremos capital e não capitalismo Uso do turismo.

20

21 Cuba atual: Fidel se afasta do poder em agosto de 2006; Raul Castro assume o controle do país e é eleito presidente em fevereiro de 2008; Em março de 2008 Raúl Castro liberou a venda de computadores pessoais, DVD s, telefones celulares e televisores; Os anticastristas da Flórida e a imigração ilegal; A questão dos direitos humanos e os presos políticos.

22

Herança do Século XIX Caudilhismo Fragmentação Política Concentração Fundiária Predominância Econômica da Agropecuária

Herança do Século XIX Caudilhismo Fragmentação Política Concentração Fundiária Predominância Econômica da Agropecuária Herança do Sculo XIX Caudilhismo Fragmentação Política Concentração Fundiária Predominância Econômica da Agropecuária Sculo XX Diversificação da Economia Industrialização e Urbanização Novas Classes Sociais

Leia mais

Transição da condição colonial para o país livre

Transição da condição colonial para o país livre CUBA Transição da condição colonial para o país livre Cuba era uma ilha habitada por povos indígenas quando tornou-se uma colônia da Espanha em 1509. Após o esgotamento dos metais preciosos, a exploração

Leia mais

História: Descobrimento europeu e exploração

História: Descobrimento europeu e exploração Cuba Introdução Cuba é uma país situado na América central insular e, se destaca perante os outros países devido ao fato de ter adotado como sistema político e socioeconômico o socialismo. História: Descobrimento

Leia mais

REVOLUÇÕES CHINESA, COREANA E CUBANA.

REVOLUÇÕES CHINESA, COREANA E CUBANA. REVOLUÇÕES CHINESA, COREANA E CUBANA. Capitalismo e Socialismo Diferentes sistemas socioeconômicos e políticos O socialismo. MANIFESTO DO PARTIDO COMUNISTA 1848. Período: Consolida-se a partir da Revolução

Leia mais

Cuba pré-revolução luta pela libertação de Cuba em relação a Espanha(ajuda norte-americana); Contexto:imperialismo norte-americano.

Cuba pré-revolução luta pela libertação de Cuba em relação a Espanha(ajuda norte-americana); Contexto:imperialismo norte-americano. Revolução Cubana Cuba pré-revolução 1898-luta pela libertação de Cuba em relação a Espanha(ajuda norte-americana); Contexto:imperialismo norte-americano Big Stick; 1901- Emenda Platt :emenda presente na

Leia mais

PROFESSOR: ANDERSON JOSÉ SOARES. ALUNO(a): Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes orientações:

PROFESSOR: ANDERSON JOSÉ SOARES. ALUNO(a): Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes orientações: GOIÂNIA, / / 2017 PROFESSOR: ANDERSON JOSÉ SOARES DISCIPLINA: GEOGRAFIA SÉRIE:8º ALUNO(a): Lista de atividades P2 Bimestre III Data da prova: 29/09/2017 No Anhanguera você é + Enem Antes de iniciar a lista

Leia mais

América Latina Contemporânea: México e Cuba

América Latina Contemporânea: México e Cuba América Latina Contemporânea: México e Cuba 1. (FGV) A Revolução Cubana, vitoriosa em 1959, teve como principal característica: a) A mobilização popular por meio de manifestações de massas e a organização

Leia mais

EUA-CUBA: Fatores que impulsionaram a reaproximação política e histórica, por Paulo Henrique da Silva

EUA-CUBA: Fatores que impulsionaram a reaproximação política e histórica, por Paulo Henrique da Silva EUA-CUBA: Fatores que impulsionaram a reaproximação política e histórica, por Paulo Henrique da Silva Uma das últimas nações a se tornarem independentes no continente americano, o Estado Cubano proclama,

Leia mais

GUERRA FRIA: INTRODUÇÃO E CONTEXTO

GUERRA FRIA: INTRODUÇÃO E CONTEXTO GUERRA FRIA GUERRA FRIA: INTRODUÇÃO E CONTEXTO Com o final da Segunda Guerra Mundial a Europa estava destruída pelos conflitos da guerra, todos os países estavam com a economia fragilizada, e isso facilitou

Leia mais

Guerra Fria. - Conceito: Foi um conflito político, econômico e ideológico em que

Guerra Fria. - Conceito: Foi um conflito político, econômico e ideológico em que - Conceito: Foi um conflito político, econômico e ideológico em que os dois rivais (EUA capitalista X URSS socialista) não tiveram combates diretos, eles disputavam zonas de influência. EUA Doutrina Truman

Leia mais

Fidel Castro renuncia

Fidel Castro renuncia Fidel Castro renuncia Resenha Segurança Diego Cristóvão Alves de Souza Paes 02 de março de 2008 Fidel Castro renuncia Resenha Segurança Diego Cristóvão Alves de Souza Paes 02 de março de 2008 No dia 19

Leia mais

Cópia autorizada. II

Cópia autorizada. II II Sugestões de avaliação História 9 o ano Unidade 6 5 Unidade 6 Nome: Data: 1. Complete as lacunas do texto utilizando as palavras do quadro a seguir. Atenção: algumas podem ser usadas mais de uma vez.

Leia mais

2- AS DUAS CORÉIAS. Considere as seguintes afirmações em relação à região destacada no mapa.

2- AS DUAS CORÉIAS. Considere as seguintes afirmações em relação à região destacada no mapa. ATIVIDADES ON LINE 9º ano teste 2 1-A China atravessava grandes dificuldades econômicas em 1966, quando Mao Tsétung deu início à Revolução Cultural, que se declarava contrária a quatro velharias : velhas

Leia mais

Guerra Fria e Independência Afroasiática

Guerra Fria e Independência Afroasiática Guerra Fria e Independência Afroasiática Guerra Fria e Independência Afro-asiática 1. No dia 17 de dezembro de 2014, os presidentes Barack Obama, dos EUA, e Raúl Castro, de Cuba, anunciaram o restabelecimento

Leia mais

Atualidades MORRE FIDEL CASTRO 02/03/17. Morre Fidel Castro. Prof. Grega

Atualidades MORRE FIDEL CASTRO 02/03/17. Morre Fidel Castro. Prof. Grega Atualidades Morre Fidel Castro MORRE FIDEL CASTRO Prof. Grega Em um anúncio na televisão, o presidente de Cuba Raúl Castro disse que era "com profunda dor" que confirmava a "morte do comandante Fidel Castro

Leia mais

Revolução cubana, 50

Revolução cubana, 50 Planejamento Revolução cubana, 50 O aniversário da ascensão de Fidel Castro ao poder traz a oportunidade de discutir os rumos do socialismo e dos capitalismo e as diferenças entre esquerda e direita Ana

Leia mais

A HISTÓRIA DE FIDEL CASTRO. Autor: Hamurábi Batista

A HISTÓRIA DE FIDEL CASTRO. Autor: Hamurábi Batista A HISTÓRIA DE FIDEL CASTRO Autor: Hamurábi Batista A HISTÓRIA DE FIDEL CASTRO Autor: Hamurábi Batista Vou destacar com honor Minha maior reverência Pela personalidade De Fidel vossa excelência Diante do

Leia mais

CONTINENTE AMERICANO DIVISÃO FÍSICA DIVISÃO HISTÓRICO/CULTURAL

CONTINENTE AMERICANO DIVISÃO FÍSICA DIVISÃO HISTÓRICO/CULTURAL CONTINENTE AMERICANO DIVISÃO FÍSICA DIVISÃO HISTÓRICO/CULTURAL GUERRA FRIA NA AMÉRICA LATINA O CASO CUBANO País insular americano localizado no norte do Mar do Caribe (ou Caraíbas). A ilha foi descoberta

Leia mais

CLAUDIA WASSERMAN. Universidade Federal do Rio Grande do Sul. E.I.A.L., Vol. 18 N o 2 (2007)

CLAUDIA WASSERMAN. Universidade Federal do Rio Grande do Sul. E.I.A.L., Vol. 18 N o 2 (2007) CLAUDIA WASSERMAN Universidade Federal do Rio Grande do Sul - E.I.A.L., Vol. 18 N o 2 (2007) condições sociais mais homogêneas - - - - - - - - - - - Instaurou-se um amplo debate na sociedade sobre o assunto

Leia mais

Programa de Recuperação Paralela 3ªEtapa / 2010

Programa de Recuperação Paralela 3ªEtapa / 2010 COLÉGIO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Programa de Recuperação Paralela 3ªEtapa / 2010 DISCIPLINA: História EDUCADOR: Gloria Maria ANO:9º ANO TURMAS: 9.1/ 9.2 *Caro educando, você está recebendo o conteúdo

Leia mais

SILVA, Marcos Antonio da. Cuba e a Eterna Guerra Fria: mudanças internas e política externa nos anos 90. Dourados: Ed. UFGD, 2012.

SILVA, Marcos Antonio da. Cuba e a Eterna Guerra Fria: mudanças internas e política externa nos anos 90. Dourados: Ed. UFGD, 2012. SILVA, Marcos Antonio da. Cuba e a Eterna Guerra Fria: mudanças internas e política externa nos anos 90. Dourados: Ed. UFGD, 2012. Claudio Reis Doutor em Ciências Sociais Unicamp Docente do curso de Ciências

Leia mais

ATIVIDADES 8º ANO. 1) Assembleia Geral da ONU exige fim de embargo contra Cuba

ATIVIDADES 8º ANO. 1) Assembleia Geral da ONU exige fim de embargo contra Cuba ATIVIDADES 8º ANO 1) Assembleia Geral da ONU exige fim de embargo contra Cuba A Assembleia Geral da ONU exigiu nesta terça-feira pelo vigésimo ano o fim do embargo americano imposto a Cuba há meio século,

Leia mais

CONTINENTE AMERICANO DIVISÃO FÍSICA DIVISÃO VS HISTÓRICO/CULTURAL

CONTINENTE AMERICANO DIVISÃO FÍSICA DIVISÃO VS HISTÓRICO/CULTURAL CONTINENTE AMERICANO DIVISÃO FÍSICA DIVISÃO VS HISTÓRICO/CULTURAL GUERRA FRIA NA AMÉRICA LATINA O CASO CUBANO País insular americano localizado no norte do Mar do Caribe (ou Caraíbas). A ilha foi descoberta

Leia mais

REVOLUÇÃO CHINESA h8p://historiaonline.com.br

REVOLUÇÃO CHINESA h8p://historiaonline.com.br REVOLUÇÃO CHINESA 1945-76 Revolução Chinesa Contexto: descolonização afro- asiáoca: Mao- Tsé Tung X Xiang Kai- Shek PCC X Kuomitang. 1931: PCC declara a Republica Sovié

Leia mais

Escola de Formação Política Miguel Arraes. Módulo III O Socialismo no Mundo Contemporâneo. Aula 4 Experiências de Estados Socialistas

Escola de Formação Política Miguel Arraes. Módulo III O Socialismo no Mundo Contemporâneo. Aula 4 Experiências de Estados Socialistas LINHA DO TEMPO Módulo III O Socialismo no Mundo Contemporâneo Aula 4 Experiências de Estados Socialistas A seguir estão apresentadas as cronologias da Revolução Russa, da Revolução Socialista na China

Leia mais

A Geopolítica de Cuba (parte 2)

A Geopolítica de Cuba (parte 2) A Geopolítica de Cuba (parte 2) GEOPOLÍTICA: AS GRANDES QUESTÕES DO MUNDO CONTEMPORÂNEO Instituto Cultural D. António Ferreira Gomes José Pedro Teixeira Fernandes 4/1/2017 PARTE I Cuba e a relação amistosa

Leia mais

Revolução Cubana: da luta pela independência à burocracia do capitalismo de Estado Adriano José Borges

Revolução Cubana: da luta pela independência à burocracia do capitalismo de Estado Adriano José Borges Revolução Cubana: da luta pela independência à burocracia do capitalismo de Estado Adriano José Borges O presente artigo tem como objetivo contribuir para análise da revolução cubana partindo de uma perspectiva

Leia mais

[Gabarito] SEMANA 11

[Gabarito] SEMANA 11 [Gabarito] SEMANA 11 LÍNGUA PORTUGUESA QUESTÃO 01. Letra D. QUESTÃO 0. Letra D. QUESTÃO 03. Letra A. QUESTÃO 04. Letra B. QUESTÃO 05. Letra E. QUESTÃO 06. Letra A. QUESTÃO 07. Letra D. QUESTÃO 08. Letra

Leia mais

CADERNO DE EXERCÍCIOS 2G

CADERNO DE EXERCÍCIOS 2G CADERNO DE EXERCÍCIOS 2G Ensino Fundamental Ciências Humanas Questão Conteúdo Habilidade da Matriz da EJA/FB 1 Regionalização da América Latina H8 2 Construção de Brasília H14 3 Industrialização no Estado

Leia mais

Janio Quadros foi eleito em 1961 e seu vice era João Goulart Herdou do governo JK o profundo antagonismo de forças internas e problema da inflação

Janio Quadros foi eleito em 1961 e seu vice era João Goulart Herdou do governo JK o profundo antagonismo de forças internas e problema da inflação Janio Quadros foi eleito em 1961 e seu vice era João Goulart Herdou do governo JK o profundo antagonismo de forças internas e problema da inflação Sete meses depois renuncia, assume Jango que estava em

Leia mais

O líder cubano Fidel Castro, de 88 anos, disse nesta segunda-feira (26) que não confia

O líder cubano Fidel Castro, de 88 anos, disse nesta segunda-feira (26) que não confia \'Não confio nos EUA\', diz Fidel Castro sobre reaproximação de Cuba Líder cubano falou pela 1ª vez sobre retomada diplomática entre os países. Em carta, porém, ele não criticou decisão tomada pelo irmão

Leia mais

Guerra Fria ( )

Guerra Fria ( ) Guerra Fria (1947-91) - Doutrina Truman: início guerra fria - Criação de novas instituições: ONU Plano Marshall OTAN X Kominform ( cortina de ferro ) Comecon Pacto de Vasóvia * Iugoslávia (1953) - Questionamento

Leia mais

50 anos da morte de Che Guevara: um economista dedicado

50 anos da morte de Che Guevara: um economista dedicado Economia Economia Isaías Albertin de Moraes e Leonardo Segura Moraes Depositphotos Guevara foi dirigente do Banco Nacional de Cuba por 15 meses (26 de novembro de 1959 a 23 de fevereiro de 1961) e, posteriormente,

Leia mais

DÉCADA DE 50. Eventos mais marcantes: Revolução Chinesa (1949) Guerra da Coréia (1950-1953) Revolução Cubana (1959) Corrida armamentista

DÉCADA DE 50. Eventos mais marcantes: Revolução Chinesa (1949) Guerra da Coréia (1950-1953) Revolução Cubana (1959) Corrida armamentista Eventos mais marcantes: Revolução Chinesa (1949) Guerra da Coréia (1950-1953) Revolução Cubana (1959) Corrida armamentista Corrida Espacial REVOLUÇÃO CHINESA Após um longo período de divisões e lutas internas,

Leia mais

1 - A REVOLUÇÃO MEXICANA (1911):

1 - A REVOLUÇÃO MEXICANA (1911): 1 - A REVOLUÇÃO MEXICANA (1911): Porfírio Diaz (1876 1911): Ditadura com elementos positivistas. Indústrias estrangeiras. Base agrária latifundiária (Estado oligárquico). Francisco Madero (1911 1913):

Leia mais

IDADE CONTEMPORÂNEA IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO IMPERIALISMO

IDADE CONTEMPORÂNEA IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO IMPERIALISMO IMPERIALISMO Definição: domínio de vastas áreas do planeta por parte de nações industrializadas (ING, FRA, HOL, BEL, ALE, ITA, JAP, EUA, RUS). Onde? África e Ásia (Neocolonialismo) e América (Imperialismo).

Leia mais

Os primeiros anos 60 nas relações internacionais de Brasil e Argentina: a Revolução Cubana e a latino-americanização da Guerra Fria

Os primeiros anos 60 nas relações internacionais de Brasil e Argentina: a Revolução Cubana e a latino-americanização da Guerra Fria Os primeiros anos 60 nas relações internacionais de Brasil e Argentina: a Revolução Cubana e a latino-americanização da Guerra Fria BOTEGA, Leonardo da Rocha. Quando a independência faz a união: Brasil,

Leia mais

A GEOPOLÍTICA ATUAL: O MUNDO DURANTE A GUERRA FRIA

A GEOPOLÍTICA ATUAL: O MUNDO DURANTE A GUERRA FRIA A GEOPOLÍTICA ATUAL: O MUNDO DURANTE A GUERRA FRIA Com o fim da 2ª Guerra Mundial, os EUA e a URSS tornam-se duas grandes potências econômicas e militares; Os EUA não sofreram bombardeios e destruição

Leia mais

Os Antecedentes. Conferência de Yalta (11/fev/1945) Reorganização do leste europeu. Churchill, Roosevelt e Stálin em Yalta

Os Antecedentes. Conferência de Yalta (11/fev/1945) Reorganização do leste europeu. Churchill, Roosevelt e Stálin em Yalta Os Antecedentes Conferência de Yalta (11/fev/1945) Reorganização do leste europeu Churchill, Roosevelt e Stálin em Yalta Os Antecedentes Conferência de Yalta (11/fev/1945) Reorganização do leste europeu

Leia mais

REVOLUÇÃO RUSSA. Situação Política: Até início do séc. XX a Rússia ainda era um país Absolutista, governada por um Czar.

REVOLUÇÃO RUSSA. Situação Política: Até início do séc. XX a Rússia ainda era um país Absolutista, governada por um Czar. Antecedentes: REVOLUÇÃO RUSSA Situação Política: Até início do séc. XX a Rússia ainda era um país Absolutista, governada por um Czar. Situação Econômica: era um país extremamente atrasado, economia agrária,

Leia mais

8º ano, Ensino Fundamental

8º ano, Ensino Fundamental REVISÃO PARA PO1 DE GEOGRAFIA 3º TRIM/2017 América Central (Países do istmo, Caribe e Antilhas) e seus aspectos físicos e socioeconômicos COC 7 pág 195 a 202. 8º ano, Ensino Fundamental COMO SE DIVIDE

Leia mais

IDADE CONTEMPORÂNEA IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO

IDADE CONTEMPORÂNEA IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO Definição: domínio de vastas áreas do planeta por parte de nações industrializadas (ING, FRA, HOL, BEL, ALE, ITA, JAP, EUA, RUS). Momento Histórico: 2ª REV. INDUSTRIAL 1860 1914 ALE, ITA, RUS, EUA, JAP

Leia mais

Matriz de Referência de HISTÓRIA - SAERJINHO 5 ANO ENSINO FUNDAMENTAL

Matriz de Referência de HISTÓRIA - SAERJINHO 5 ANO ENSINO FUNDAMENTAL 5 ANO ENSINO FUNDAMENTAL H01 Identificar diferentes tipos de modos de trabalho através de imagens. X H02 Identificar diferentes fontes históricas. X H03 Identificar as contribuições de diferentes grupos

Leia mais

A colonização de Cuba ocorreu por meio da formação de grandes monoculturas de açúcar e tabaco. Inicialmente, os colonizadores fizeram opção pela

A colonização de Cuba ocorreu por meio da formação de grandes monoculturas de açúcar e tabaco. Inicialmente, os colonizadores fizeram opção pela A colonização de Cuba ocorreu por meio da formação de grandes monoculturas de açúcar e tabaco. Inicialmente, os colonizadores fizeram opção pela exploração da mão-de-obra escrava das populações indígenas

Leia mais

CPS CP/ECEME ª AVALIAÇÃO FORMATIVA FICHA AUXILIAR DE CORREÇÃO HISTÓRIA

CPS CP/ECEME ª AVALIAÇÃO FORMATIVA FICHA AUXILIAR DE CORREÇÃO HISTÓRIA CPS CP/ECEME - 2ª AVALIAÇÃO FORMATIVA FICHA AUXILIAR DE CORREÇÃO Aluno Nº HISTÓRIA 1ª QUESTÃO (Valor 6,0) Estudar, nos campos político e militar, o período compreendido entre o pós II Guerra Mundial (194)

Leia mais

A EXPANSÃO DA GUERRA FRIA (1947-1989)

A EXPANSÃO DA GUERRA FRIA (1947-1989) A EXPANSÃO DA GUERRA FRIA (1947-1989) RECAPITULANDO -GUERRA FRIA: Disputa pela hegemonia mundial entre duas potências: EUA e URSS. -ACORDOS ECONOMICOS: -Plano Marshall (1947) -Plano Comecon (1949) ACORDOS

Leia mais

AMÉRICA LATINA NO SÉCULO XX. Prof.ª. Maria Auxiliadora

AMÉRICA LATINA NO SÉCULO XX. Prof.ª. Maria Auxiliadora AMÉRICA LATINA NO SÉCULO XX Prof.ª. Maria Auxiliadora MÉXICO (1821) A partir de 1810 o processo de independência partiu de setores populares rurais (que desejavam se separar da metrópole e também promover

Leia mais

CP/CAEM/2006 1ª AVALIAÇÃO SOMATIVA FICHA AUXILIAR DE CORREÇÃO HISTÓRIA. 1ª QUESTÃO (Valor 6,0)

CP/CAEM/2006 1ª AVALIAÇÃO SOMATIVA FICHA AUXILIAR DE CORREÇÃO HISTÓRIA. 1ª QUESTÃO (Valor 6,0) CP/CAEM/2006 1ª AVALIAÇÃO SOMATIVA FICHA AUXILIAR DE CORREÇÃO HISTÓRIA 1ª QUESTÃO (Valor 6,0) Analisar a evolução política da Colômbia e da Venezuela, concluindo sobre os seus reflexos nas questões de

Leia mais

Planejamento das Aulas de História º ano (Prof. Leandro)

Planejamento das Aulas de História º ano (Prof. Leandro) Planejamento das Aulas de História 2016 7º ano (Prof. Leandro) Fevereiro Aula Programada (As Monarquias Absolutistas) Páginas Tarefa 1 A Formação do Estado Moderno 10 e 11 Mapa Mental 3 Teorias em defesa

Leia mais

UDESC 2017/1 HISTÓRIA. Comentário

UDESC 2017/1 HISTÓRIA. Comentário HISTÓRIA Apesar da grande manifestação em São Paulo, no ano de 1984, com a presença de políticos como Ulisses Guimarães, a emenda Dante de Oliveira, que restabelecia as eleições presidenciais diretas,

Leia mais

A pressão popular obriga Fulgêncio Batista a anistiar seus presos políticos em maio de 1955, inclusive Fidel, que segue para o México, para preparar

A pressão popular obriga Fulgêncio Batista a anistiar seus presos políticos em maio de 1955, inclusive Fidel, que segue para o México, para preparar UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE CENTRO DE ESTUDOS GERAIS INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E FILOSOFIA DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA DISCIPLINA: MOVIMENTOS REVOLUCIONÁRIOS NA AMÉRICA LATINA PROFESSOR: DANIEL AARÃO

Leia mais

Geopolítica. foi criado pelo cientista. político sueco Rudolf Kjellén, no início do século. XX, inspirado pela obra de Friedrich Ratzel,

Geopolítica. foi criado pelo cientista. político sueco Rudolf Kjellén, no início do século. XX, inspirado pela obra de Friedrich Ratzel, Geopolítica O termo foi criado pelo cientista político sueco Rudolf Kjellén, no início do século XX, inspirado pela obra de Friedrich Ratzel, Politische Geographie (Geografia Política), de 1897. Geopolítica

Leia mais

Atualidades Fascículo 09 Cinília Tadeu Gisondi Omaki Maria Odette Simão Brancatelli

Atualidades Fascículo 09 Cinília Tadeu Gisondi Omaki Maria Odette Simão Brancatelli Atualidades Fascículo 09 Cinília Tadeu Gisondi Omaki Maria Odette Simão Brancatelli Índice Os constantes desafios para Cuba de Fidel Castro...1 Exercícios...2 Gabarito...2 Encerrou-se o monopólio do PRI

Leia mais

AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL

AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL Documento(s) Orientador(es): Programa da Disciplina e Projeto Educativo 3º CICLO HISTÓRIA 9º ANO TEMAS/DOMÍNIOS CONTEÚDOS

Leia mais

CAPÍTULO 2 O MUNDO DIVIDIDO PELO CRITÉRIO IDEOLÓGICO PROF. LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ CAVALCANTE 8º ANO

CAPÍTULO 2 O MUNDO DIVIDIDO PELO CRITÉRIO IDEOLÓGICO PROF. LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ CAVALCANTE 8º ANO CAPÍTULO 2 O MUNDO DIVIDIDO PELO CRITÉRIO IDEOLÓGICO PROF. LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ CAVALCANTE 8º ANO O MUNDO DIVIDIDO P. 23 Existem vários critérios para regionalizar um território. Critério ideológico:

Leia mais

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 43 II GUERRA MUNDIAL: AS CONFERÊNCIAS ENTRE OS TRÊS GRANDES

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 43 II GUERRA MUNDIAL: AS CONFERÊNCIAS ENTRE OS TRÊS GRANDES HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 43 II GUERRA MUNDIAL: AS CONFERÊNCIAS ENTRE OS TRÊS GRANDES Fixação 1) (UNIFESP) Uma das ironias deste estranho século XX é que o resultado mais duradouro da Revolução de Outubro

Leia mais

Colégio Salesiano São José América Central e do Sul

Colégio Salesiano São José América Central e do Sul Colégio Salesiano São José América Central e do Sul Disciplina: Geografia Professor: Juliano América Central Caracterização A América Central é um istmo (estreita faixa de terra que liga duas áreas de

Leia mais

Clique Professor. Ensino Médio

Clique Professor. Ensino Médio Revolução Cubana A queda de Batista (1953 1959) Cuba vivia, desde 1952, sob a ditadura de Fulgêncio Batista, que chegara ao poder através de um golpe militar. Batista era um ex sargento, promovido de uma

Leia mais

Escola de Formação Política Miguel Arraes

Escola de Formação Política Miguel Arraes Escola de Formação Política Miguel Arraes Curso de Formação, Capacitação e Atualização Política dos Filiados, Militantes e Simpatizantes Módulo III O Socialismo no Mundo Contemporâneo Aula 6 História do

Leia mais

MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA O ENEM 2009

MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA O ENEM 2009 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA O ENEM 2009 EIXOS COGNITIVOS (comuns a todas as áreas de conhecimento) I. Dominar

Leia mais

Cuba. Bruno João Gabriel Pedro Antônio Thiago Capella

Cuba. Bruno João Gabriel Pedro Antônio Thiago Capella Cuba Bruno João Gabriel Pedro Antônio Thiago Capella 1C Período colonial Descoberta por Cristóvão colombo em 1492 O nome original da ilha era Juana (em homenagem a um dos filhos do rei da Espanha) A colonização

Leia mais

REVISÃO I Prof. Fernando.

REVISÃO I Prof. Fernando. REVISÃO I Prof. Fernando Brasil Colônia 1500: Descobrimento ou Conquista? Comunidades indígenas do Brasil Características: heterogeneidade e subsistência. Contato: a partir da colonização efetiva, ocorreu

Leia mais

DISCIPLINA DE HISTÓRIA OBJETIVOS: 1ª Série

DISCIPLINA DE HISTÓRIA OBJETIVOS: 1ª Série DISCIPLINA DE HISTÓRIA OBJETIVOS: 1ª Série Compreender o comportamento dos agentes históricos classes sociais, instituições políticas e religiosas, grupos econômicos e organizações representativas da sociedade

Leia mais

A ORDEM GEOPOLÍTICA BIPOLAR

A ORDEM GEOPOLÍTICA BIPOLAR A ORDEM GEOPOLÍTICA BIPOLAR CAPITALISMO X SOCIALISMO Economia de mercado lei da oferta e procura; Propriedade privada dos meios de produção; Obtenção de lucro; Sociedade dividida em classes sociais; Trabalho

Leia mais

FIM DA URSS E A DEMOCRATIZAÇÃO DO LESTE EUROPEU

FIM DA URSS E A DEMOCRATIZAÇÃO DO LESTE EUROPEU FIM DA URSS E A DEMOCRATIZAÇÃO DO LESTE EUROPEU A CRISE ECONÔMICA DA URSS Aumento de gastos com produção de armas, espionagem, repressão; Diminuição do investimento interno, provocando escassez de habitações,

Leia mais

Escola de Formação Política Miguel Arraes. Módulo IV O Socialismo no Mundo Contemporâneo. Aula 4 O Socialismo Depois da Queda do Muro de Berlim

Escola de Formação Política Miguel Arraes. Módulo IV O Socialismo no Mundo Contemporâneo. Aula 4 O Socialismo Depois da Queda do Muro de Berlim LINHA DO TEMPO Módulo IV O Socialismo no Mundo Contemporâneo Aula 4 O Socialismo Depois da Queda do Muro de Berlim Antecedentes: O Socialismo Depois da Terceira Internacional O Socialismo no Terceiro Mundo

Leia mais

MATRIZ DE REFERÊNCIA NÍVEL ENSINO MÉDIO

MATRIZ DE REFERÊNCIA NÍVEL ENSINO MÉDIO MATRIZ DE REFERÊNCIA NÍVEL ENSINO MÉDIO Conteúdo Programático de História Conteúdo Competências e Habilidades I. Antiguidade clássica: Grécia e Roma. 1. Conhecer as instituições políticas gregas e romanas,

Leia mais

1.(Unicamp 2014) O cartaz abaixo foi usado pela propaganda soviética contra o capitalismo ocidental, durante o período da Guerra Fria.

1.(Unicamp 2014) O cartaz abaixo foi usado pela propaganda soviética contra o capitalismo ocidental, durante o período da Guerra Fria. 1.(Unicamp 2014) O cartaz abaixo foi usado pela propaganda soviética contra o capitalismo ocidental, durante o período da Guerra Fria. O texto diz: Duas infâncias. Na URSS (parte superior) crianças são

Leia mais

De Juscelino ao Golpe de 64 Prof. Márcio

De Juscelino ao Golpe de 64 Prof. Márcio De Juscelino ao Golpe de 64 Prof. Márcio O que vamos ver no capítulo O Governo de JK - o nacional-desenvolvimentismo - o plano de metas (pontos positivos e negativos) O Governo de Jânio Quadros - Política

Leia mais

Atualidades. Terrorismo - Atualização. Prof. BOTELHO

Atualidades. Terrorismo - Atualização. Prof. BOTELHO Atualidades Terrorismo - Atualização Estado Islâmico EI queimou vivo o piloto jordaniano em represália, Jordânia enforcou dois jihadistas iraquianos, incluindo a mulher-bomba Jordânia fez ataque aéreo

Leia mais

AMÉRICA CENTRAL E CARIBE. O destaque da agricultura e do turismo

AMÉRICA CENTRAL E CARIBE. O destaque da agricultura e do turismo AMÉRICA CENTRAL E CARIBE O destaque da agricultura e do turismo AMÉRICA CENTRAL Istmo Insular Economia dependente dos EUA: exportam a maioria dos seus produtos. Províncias Unidas da América Central OS

Leia mais

EUA: A CONQUISTA DA HEGEMONIA POLITICA E ECONOMICA PROF. NENO

EUA: A CONQUISTA DA HEGEMONIA POLITICA E ECONOMICA PROF. NENO EUA: A CONQUISTA DA HEGEMONIA POLITICA E ECONOMICA PROF. NENO - 2011 Os primeiros colonizadores chegaram à costa atlântica da América do Norte no século XVI. No nordeste, foi introduzida a policultura

Leia mais

3º ANO / PRÉVEST PROF. Abdulah

3º ANO / PRÉVEST PROF. Abdulah PERÍODO JOANINO (1808-1821) Livro 3 / Módulo 12 (Extensivo Mega) 3º ANO / PRÉVEST PROF. Abdulah TRANSFERÊNCIA DA FAMÍLIA REAL O PROJETO BRAGANTINO (século XVII) de transmigração RAZÕES: - Proximidade com

Leia mais

A REVOLUÇÃO CUBANA VISTA DE DENTRO E DE FORA. Palavras-chave: Revolução, revolução cubana, Movimento 26 de julho, marxista.

A REVOLUÇÃO CUBANA VISTA DE DENTRO E DE FORA. Palavras-chave: Revolução, revolução cubana, Movimento 26 de julho, marxista. A REVOLUÇÃO CUBANA VISTA DE DENTRO E DE FORA Fellipe Henrique Mota Silva José Santana da Silva Resumo: O presente artigo é uma análise historiográfica dos textos de Paul Sweezy, Leo Huberman, Paul A. Baran

Leia mais

AMÉRICA: PROJETOS DE INTEGRAÇÃO GEOGRAFIA 8ºANO PRFª BRUNA ANDRADE

AMÉRICA: PROJETOS DE INTEGRAÇÃO GEOGRAFIA 8ºANO PRFª BRUNA ANDRADE AMÉRICA: PROJETOS DE INTEGRAÇÃO GEOGRAFIA 8ºANO PRFª BRUNA ANDRADE A FORMAÇÃO DOS ESTADOS LATINO- AMERICANOS OS PAÍSES DA AMÉRICA LATINA FORMARAM-SE A PARTIR DA INDEPENDÊNCIA DA ESPANHA E PORTUGAL. AMÉRICA

Leia mais

HISTORIADA POIÍI1CA EXKRIOR DO BRASIL

HISTORIADA POIÍI1CA EXKRIOR DO BRASIL A WA SÉRIE 81 AMADO LUIZ CERVO Professor da Universidade de Brasília CLODOALDO BUENO Professor da Universidade Estadual Paulista Campus de Marília HISTORIADA POIÍI1CA EXKRIOR DO BRASIL Sumário Introdução

Leia mais

Guerra Fria ( )

Guerra Fria ( ) Guerra Fria (1946-1991) Guerra improvável, paz impossível Conflito político, Ideológico (cultural), Militar Indireto entre EUA e URSS Início Churchill, Truman e Stalin (1945) - A Conferência de Potsdam

Leia mais

História. divulgação. Comparativos curriculares. Material de. A coleção Ser Protagonista História e o currículo do Estado do Paraná.

História. divulgação. Comparativos curriculares. Material de. A coleção Ser Protagonista História e o currículo do Estado do Paraná. Comparativos curriculares SM História Ensino médio Material de divulgação de Edições SM A coleção Ser Protagonista História e o currículo do Estado do Paraná Apresentação Professor, Devido à inexistência

Leia mais

Cuba, hora de mudanças

Cuba, hora de mudanças Cuba, hora de mudanças Resumo: A era Fidel está se esgotando. O projeto natural para a transição é combinar controle político nas mãos do PC com reformas capitalistas, ao estilo chinês. Mas há uma alternativa,

Leia mais

EJA 5ª FASE PROF. JEFFERSON OLIVEIRA PROF.ª LUDMILA DUTRA

EJA 5ª FASE PROF. JEFFERSON OLIVEIRA PROF.ª LUDMILA DUTRA EJA 5ª FASE PROF. JEFFERSON OLIVEIRA PROF.ª LUDMILA DUTRA Unidade I Os Estados Unidos da América 2 Aula 1.2 Conteúdo Os Estados Unidos da América 3 Habilidade Compreender os fatores que fazem dos Estados

Leia mais

História B aula 15 História da URSS e a Revolução Mexicana.

História B aula 15 História da URSS e a Revolução Mexicana. História B aula 15 História da URSS e a Revolução Mexicana. Para sair da crise: NEP Nova Política Econômica (1921) recuar nas propostas socialistas e adotar algumas medidas capitalistas (estimular novamente

Leia mais

PEP/2006 3ª AVALIAÇÃO DE TREINAMENTO FICHA AUXILIAR DE CORREÇÃO HISTÓRIA. 1ª QUESTÃO (Valor 4,0)

PEP/2006 3ª AVALIAÇÃO DE TREINAMENTO FICHA AUXILIAR DE CORREÇÃO HISTÓRIA. 1ª QUESTÃO (Valor 4,0) PEP/2006 3ª AVALIAÇÃO DE TREINAMENTO FICHA AUXILIAR DE CORREÇÃO HISTÓRIA 1ª QUESTÃO (Valor 4,0) Examinar as conseqüências dos conflitos ocorridos entre os paises da América do Sul, no período de 1825 a

Leia mais

Grupo: Alice do Lago (n 1) Amanda Silva (n 3) Ana Carolina Ribeiro (n 4) Bárbara Perez (n 7) João Pedro Athayde (n 20) Juliana Pyrrho (n 24) Turma 1ºA

Grupo: Alice do Lago (n 1) Amanda Silva (n 3) Ana Carolina Ribeiro (n 4) Bárbara Perez (n 7) João Pedro Athayde (n 20) Juliana Pyrrho (n 24) Turma 1ºA http://cuba.sapo.pt/ Grupo: Alice do Lago (n 1) Amanda Silva (n 3) Ana Carolina Ribeiro (n 4) Bárbara Perez (n 7) João Pedro Athayde (n 20) Juliana Pyrrho (n 24) Turma 1ºA http://www.guiageo-caribe.com/mapas/cuba.htm

Leia mais

Prova de Conhecimentos Específicos História

Prova de Conhecimentos Específicos História QUESTÃO 1 Prova de Conhecimentos Específicos História 5 questões O que começa como uma aventura muda pouco a pouco de forma. É importante ressaltar que, inicialmente, os dois jovens estudantes pretendiam

Leia mais

América Latina: dos Militares à Redemocratização

América Latina: dos Militares à Redemocratização América Latina: dos Militares à Redemocratização Enem 15 semanas 1. Nos anos de 1960/1970, vários países da América Latina sofrem intervenções militares. Essas intervenções ocorrem porque é necessário,

Leia mais

GEOGRAFIA - 2 o ANO MÓDULO 34 CUBA

GEOGRAFIA - 2 o ANO MÓDULO 34 CUBA GEOGRAFIA - 2 o ANO MÓDULO 34 CUBA Como pode cair no enem (MACKENZIE) A charge anterior faz referência: a) à manutenção do embargo econômico imposto pelos EUA à Cuba desde 1961. b) ao controle militar

Leia mais

República Popular Chinesa (1912-1949)

República Popular Chinesa (1912-1949) China atual Revolução Chinesa Primeiro momento (1911): revolução nacionalista contra neocolonialismo, liderada por SunYat-sen e fundador do Kuomitang (Partido Nacionalista) Segundo momento (1949): revolução

Leia mais

CONTINENTE AMERICANO DIVISÃO FÍSICA DIVISÃO VS HISTÓRICO/CULTURAL

CONTINENTE AMERICANO DIVISÃO FÍSICA DIVISÃO VS HISTÓRICO/CULTURAL CONTINENTE AMERICANO DIVISÃO FÍSICA DIVISÃO VS HISTÓRICO/CULTURAL GUERRA FRIA NA AMÉRICA LATINA O CASO CUBANO País insular americano localizado no norte do Mar do Caribe (ou Caraíbas). VIZINHOS: Bahamas

Leia mais

7 - INDEPENDÊNCIAS NA AMÉRICA ESPANHOLA

7 - INDEPENDÊNCIAS NA AMÉRICA ESPANHOLA 7 - INDEPENDÊNCIAS NA AMÉRICA ESPANHOLA Movimentos pela independência Influenciados pela Independência dos Estados Unidos Facilitados pela ocupação da Espanha por Napoleão Afrouxou o controle do país sobre

Leia mais

GUERRA FRIA. Professor Daniel Fonseca

GUERRA FRIA. Professor Daniel Fonseca GUERRA FRIA Professor Daniel Fonseca O que é, afinal, a Guerra Fria O conceito de Guerra Fria vem de algo sem conflito direto, o que seria uma guerra quente como foi a II Guerra. Sendo assim, a Guerra

Leia mais

A ERA NAPOLEÔNICA ( ) E O CONGRESSO DE VIENA

A ERA NAPOLEÔNICA ( ) E O CONGRESSO DE VIENA A ERA NAPOLEÔNICA (1799-1815) E O CONGRESSO DE VIENA FIM DA REVOLUÇÃO E EXPANSÃO FRANCESA http://historiaonline.com.br 1. Napoleão de 1769 a 1799: Patente de general com 24 anos. 1.1 Êxitos militares:

Leia mais

A REVOLUÇÃO RUSSA. Professor: TÁCIUS FERNANDES Blog:

A REVOLUÇÃO RUSSA. Professor: TÁCIUS FERNANDES Blog: A REVOLUÇÃO RUSSA Professor: TÁCIUS FERNANDES Blog: www.proftaciusfernandes.wordpress.com RÚSSIA CZARISTA Final do século XIX 170 milhões de pessoas Economia agrária 85% da população vivia no campo camponeses

Leia mais

História B aula 18 História da URSS e a Revolução Mexicana.

História B aula 18 História da URSS e a Revolução Mexicana. História B aula 18 História da URSS e a Revolução Mexicana. Para sair da crise: NEP Nova Política Econômica (1921) recuar nas propostas socialistas e adotar algumas medidas capitalistas (estimular novamente

Leia mais

DESCOLONIZAÇÃO DA ÁSIA

DESCOLONIZAÇÃO DA ÁSIA DESCOLONIZAÇÃO DA ÁSIA CHINA -Revoluções 1911 Revolução Nacionalista. -1949 Revolução Comunista. Antecedentes, Século XIX e XX: - impotência da elite tradicional e Dinastia Manchu frente as imposições

Leia mais

HISTÓRIA. (Dicionário Crítico do pensamento da direita: idéias, instituições e personagens. MUNHOZ, Sidinei. Guerra Fria, p. 218)

HISTÓRIA. (Dicionário Crítico do pensamento da direita: idéias, instituições e personagens. MUNHOZ, Sidinei. Guerra Fria, p. 218) HISTÓRIA As disputas surgidas durante a Guerra Fria possuíam tanto um caráter global quanto regional e desencadearam intensa corrida armamentista. Guerras localizadas, revoluções e golpes no Terceiro Mundo

Leia mais

América Central e do Sul

América Central e do Sul América Central e do Sul Insular Ístmica Coralígeo Vulcanismo Tropical Equatorial Tectonismo Cuba Anos 60 e 70: Investimentos soviéticos Melhora no padrão de vida Economia: agricultura Cana Dependência

Leia mais

5 Conclusão. entre España y Cuba. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) Universidade Autônoma de Barcelona, p.33.

5 Conclusão. entre España y Cuba. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) Universidade Autônoma de Barcelona, p.33. 5 Conclusão Em 1959, ocorreu a Revolução Cubana, que causou não só uma mudança radical em Cuba, mas também transformou as relações de poder no Caribe e em toda a América Latina, trazendo uma alternativa

Leia mais

UDESC 2017/2 HISTÓRIA. Comentário

UDESC 2017/2 HISTÓRIA. Comentário HISTÓRIA Essa questão apresenta no enunciado a data incorreta (1931) da abdicação de Dom Pedro I, que ocorreu em 1831. Dessa forma, aguardamos o parecer da banca. Erros das demais: Revoltas no período

Leia mais

Sobre a história dos chineses desde a fundação da República Popular da China até os dias atuais é correto assinalar:

Sobre a história dos chineses desde a fundação da República Popular da China até os dias atuais é correto assinalar: Exercício Guerra Fria Questão 1 (ESPM-2007) Em 1949 chegava ao fim a Revolução Chinesa. Sob a liderança de Mao Tsé-Tung foi fundada a República Popular da China. A partir de 1950, a China ocupou lugar

Leia mais