Normativas Gerais da NR-18

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Normativas Gerais da NR-18"

Transcrição

1 Normativas Gerais da NR-18

2 ESCADAS, RAMPAS E PASSARELAS 2

3 ESCADAS, RAMPAS E PASSARELAS - A transposição de pisos com diferença de nível superior a 40cm deve ser feita por meio de escadas ou rampas. - A madeira deve ser de qualidade, sem nós e rachaduras, estar seca. É proibido a pintura de modo que encubra suas imperfeições. - As escadas de uso coletivo, rampas e passarelas devem ser dotadas de corrimão. 3

4 ESCADAS - As escadas provisórias de uso coletivo devem ser dimensionadas a largura mínima de 0,80cm, devendo ter um patamar a cada 2,90m (máximo). - As escadas de mão extensível poderão ter até 7m de comprimento e deve: a) ultrapassar em 1m o piso superior; b) ser fixada nos pisos inferior e superior ou ser dotada de dispositivo que impeça o seu escorregamento; c) ter degraus antiderrapantes; d) ser apoiada em piso resistente. 4

5 ESCADAS DE MÃO - É proibido o uso de escada de mão próximo a redes e equipamentos elétricos desprotegidos. - A escada de abrir deve ser rígida e provida de dispositivos que a mantenham com abertura constante, com altura máxima de 6m. - Escada fixa, tipo marinheiro, deve ser provida de gaiola protetora a partir de 2m de altura até 1m após a última superfície. 5

6 ESCADA EXTENSÍVEL TIPOS DE ESCADAS ESCADA DE ABRIR TIPO MARINHEIRO 6

7 RAMPAS E PASSARELAS - Rampas provisórias devem ser fixadas no piso inferior e superior, não ultrapassando 30º de inclinação. - Para inclinação superior a 18º, devem ser fixadas peças transversais, espaçadas a cada 40cm, para apoio dos pés. - Não podem existir ressaltos entre o piso da passarela e o piso do terreno. - Capacidades dimensionadas em função das cargas submetidas. 7

8 RAMPAS E PASSARELAS 8

9 18.13 PROTEÇÃO CONTRA QUEDAS 9

10 MEDIDAS PROTEÇÃO CONTRA QUEDAS - Obrigatória a instalação de proteção coletiva onde houver risco de queda. - Aberturas no piso ou paredes devem ter fechamento provisório. - Aberturas verticais para transporte de materiais devem ser protegidas por guarda-corpo fixo. - Vãos de acesso a elevadores devem ter fechamento provisório de 1,20m de altura. 10

11 MEDIDAS PROTEÇÃO CONTRA QUEDAS - A proteção contra quedas em sistema de guardacorpo deve ter os seguintes padrões: a) altura de 1,20m para o travessão superior e 70cm para o travessão intermediário; b) rodapé de 0,20m; c) Tela que garanta seu fechamento. 11

12 MEDIDAS PROTEÇÃO CONTRA QUEDAS - Plataformas de Proteção: Em construção com mais de 4 andares é obrigatória a instalação de uma plataforma principal de proteção anti queda de materiais. 12

13 MEDIDAS PROTEÇÃO CONTRA QUEDAS - Redes de Segurança: Acima disto, a cada 3 andares devem ser instalados plataformas secundárias ou redes de segurança conforme os padrões da NR

14 18.7 MOVIMENTAÇÃO E TRANSPORTE DE MATERIAIS E PESSOAS 14

15 MOVIMENTAÇÃO E TRANSPORTE - ELEVADORES: a instalação e manutenção de equipamento de transporte vertical devem ser executados por profissionais qualificados, registrado no Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia CREA. - Os elevadores devem possuir o seu Programa de Manutenção Preventiva e um Livro de Inspeção do Equipamento. 15

16 MOVIMENTAÇÃO E TRANSPORTE São atribuições do operador de elevadores: a) manter o posto de trabalho limpo e organizado; b) verificar a carga e descarga de material e pessoas; c) comunicar e registrar ao engenheiro responsável da obra qualquer anomalia no equipamento; d) acompanhar todos os serviços de manutenção enquanto executados no equipamento. OBS: Fica proibido o uso deste equipamento em dias de condições meteorológicas não favoráveis como chuva, relâmpagos, ventanias, etc. 16

17 MOVIMENTAÇÃO E TRANSPORTE - É proibido transporte de pessoas por equipamento de guindar não projetado para este fim. - É proibido transportar materiais com dimensões maiores que as dimensões cabine no elevador tipo cremalheira; - É proibido transportar materiais apoiados nas portas da cabine; -É proibido transportar materiais do lado externo da cabine; - É proibido transportar graneis sem acondicionamento apropriado; - É proibido adaptar dispositivo para içamento de materiais em qualquer parte da cabina ou da torre do elevador. 17

18 MOVIMENTAÇÃO E TRANSPORTE Elevador a Cabo Elevador Cremalheira 18

19 MOVIMENTAÇÃO E TRANSPORTE TODO CUIDADO É POUCO! 19

20 MOVIMENTAÇÃO E TRANSPORTE - GRUAS: É proibida a utilização de gruas para o transporte de pessoas - Sua operação deve ser em conformidade com as recomendações do fabricante. - A grua deve dispor de dispositivo automático com alarme sonoro que indique a ocorrência de ventos superiores a 42 Km/h. 20

21 MOVIMENTAÇÃO E TRANSPORTE - A implantação, instalação, manutenção e retirada de gruas deve ser supervisionada por engenheiro legalmente habilitado com vínculo à respectiva empresa e, para tais serviços, deve ser emitida uma ART - Anotação de Responsabilidade Técnica. 21

22 MOVIMENTAÇÃO E TRANSPORTE TODO CUIDADO É POUCO! 22

23 18.15 ANDAIMES E PLATAFORMAS 23

24 ANDAIMES - Os projetos de andaimes devem ser acompanhados por uma ART - Anotação de Responsabilidade Técnica; - Somente empresas inscritas no CREA, com profissional habilitado podem fabricar andaimes completos ou quaisquer componentes estruturais; - Devem ser gravados nos andaimes, de forma aparente e indelével, a identificação do fabricante, lote e ano de fabricação; - É vedada a utilização de andaimes sem as gravações previstas no item acima. 24

25 ANDAIMES 25

26 ANDAIMES - A montagem de andaimes dos tipos fachadeiros, suspensos e balancim devem ser precedidas de projeto elaborado por profissional habilitado. - Os fabricantes dos andaimes devem fornecer instruções técnicas por meio de manuais que contenham, dentre outras informações: a) especificação de materiais, dimensões e posições de ancoragens e amarrações; e b) detalhes dos procedimentos sequenciais para as operações de montagem e desmontagem. 26

27 TIPOS DE ANDAIMES Fachadeiros: 27

28 TIPOS DE ANDAIMES Suspensos (cadeirinhas): 28

29 TIPOS DE ANDAIMES Em balanço (balancim): 29

30 ANDAIMES Nas atividades de montagem e desmontagem de andaimes: a) os trabalhadores devem receber treinamento específico para o tipo de andaime em operação; b) é obrigatório o uso de cinto de segurança tipo paraquedista; c) as ferramentas utilizadas devem ter amarração que impeça sua queda acidental; 30

31 ANDAIMES - O piso dos andaimes deve ter forração completa, ser antiderrapante, nivelado e resistente. - No PCMAT devem ser inseridas as precauções que devem ser tomadas na montagem, desmontagem e movimentação de andaimes próximos às redes elétricas. -É proibida a utilização de aparas de madeira na confecção de andaimes (tipo compensados). 31

32 ANDAIMES - Os andaimes devem dispor de sistema guarda-corpo e rodapé em todo o perímetro, exceto do lado da face de trabalho; - É proibido, sobre o piso de trabalho de andaimes, a utilização de escadas e outros meios para se atingirem lugares mais altos; - O acesso aos andaimes tubulares deve ser feito de maneira segura por escada metálica acoplada ou do tipo marinheiro, montada externamente à estrutura do andaime. 32

33 ANDAIMES APOIADOS - Devem ser apoiados em sapatas sobre base sólida e nivelada capazes de resistir a carga transmitida; - É proibido o deslocamento de andaimes com trabalhadores sobre os mesmos; - Pontos de içamento de material deve ser escolhido de modo a não comprometer sua estabilidade; - Andaimes de madeira só podem ser utilizados em obras de até três pavimentos ou altura equivalente; - O andaime deve ser fixado à estrutura da construção por meio de amarração; 33

34 ANDAIMES Todo Cuidado é pouco! 34

ANDAIMES E PLATAFORMAS DE TRABALHO

ANDAIMES E PLATAFORMAS DE TRABALHO Página: 1 de 5 TEXTO APROVADO EM REUNIÃO DO CPN de 07/10/2010. ITEM TEXTO ATUAL TEXTO PROPOSTO 18.15.1 Manter 18.15.1.1 18.15.2 Os andaimes devem ser dimensionados e construídos de modo a suportar, com

Leia mais

SEGURANÇA COM ESCADAS, RAMPAS E PASSARELAS NA CONSTRUÇÃO CIVIL. Juarez Sabino da Silva Junior Técnico de Segurança do Trabalho

SEGURANÇA COM ESCADAS, RAMPAS E PASSARELAS NA CONSTRUÇÃO CIVIL. Juarez Sabino da Silva Junior Técnico de Segurança do Trabalho SEGURANÇA COM ESCADAS, RAMPAS E PASSARELAS NA CONSTRUÇÃO CIVIL Juarez Sabino da Silva Junior Técnico de Segurança do Trabalho REGRAS DE SEGURANÇA A madeira a ser usada para construção de escadas, rampas

Leia mais

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO SECRETARIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO PORTARIA Nº 201, DE 21 DE JANEIRO DE 2011

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO SECRETARIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO PORTARIA Nº 201, DE 21 DE JANEIRO DE 2011 MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO SECRETARIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO PORTARIA Nº 201, DE 21 DE JANEIRO DE 2011 DOU de 24/01/2011 (nº 16, Seção 1, pág. 100) Altera a Norma Regulamentadora nº 18. A SECRETÁRIA

Leia mais

MANUAL TÉCNICO ANDAIME MULTIDIRECIONAL SISTEMA MULTIMAX

MANUAL TÉCNICO ANDAIME MULTIDIRECIONAL SISTEMA MULTIMAX MANUAL TÉCNICO ANDAIME MULTIDIRECIONAL SISTEMA MULTIMAX Andaime Multidirecional...03 Instruções de Montagem...04 Componentes do Sistema...06 Informações Técnicas...08 Modos e Pontos de Ancoragem...09 Dicas

Leia mais

O USO DE ANDAIMES NA CONSTRUÇÃO CIVIL NR

O USO DE ANDAIMES NA CONSTRUÇÃO CIVIL NR O USO DE ANDAIMES NA CONSTRUÇÃO CIVIL NR 18 A evolução da fabricação e montagem de andaimes permitiu garantir maior eficiência nos canteiros de obras, aumentando o cuidado e preocupação do setor com a

Leia mais

Art. 1º A Norma Regulamentadora nº 18, aprovada pela Portaria MTb nº 3.214, de 8 de junho de 1978, passa a vigorar com as seguintes alterações:

Art. 1º A Norma Regulamentadora nº 18, aprovada pela Portaria MTb nº 3.214, de 8 de junho de 1978, passa a vigorar com as seguintes alterações: Portaria SIT Nº 201 DE 21/01/2011 Altera a Norma Regulamentadora nº 18. A Secretária de Inspeção do Trabalho, no uso de suas atribuições e em face da competência que lhe confere o art. 14 do Anexo I do

Leia mais

Trabalhos em altura Nº 12

Trabalhos em altura Nº 12 1. Campo de Aplicação Este Anexo compõe o Procedimento Empresarial de Segurança e Saúde do Trabalho em Obras e Serviços Contratados - PE-RH0003 e aplica-se à CONTRATADA para a realização de atividades

Leia mais

RELATÓRIO DE INSPEÇÃO GERENCIAL DE IMPLANTAÇÃO DO PCMAT

RELATÓRIO DE INSPEÇÃO GERENCIAL DE IMPLANTAÇÃO DO PCMAT RELATÓRIO DE INSPEÇÃO GERENCIAL DE IMPLANTAÇÃO DO PCMAT Data da inspeção: 25/06/2010 Empresa: EMI Empreendimentos Imobiliários/Casenco Engenharia Participantes: Eng. João (Fabbro), (Casenco) Data da entrega

Leia mais

NR 18 - CONDIÇÕES E MEIO AMBIENTE DE TRABALHO NA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO

NR 18 - CONDIÇÕES E MEIO AMBIENTE DE TRABALHO NA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO E-book TIP Equipamentos NR 18 - CONDIÇÕES E MEIO AMBIENTE DE TRABALHO NA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO 18.15 Andaimes e Plataformas de Trabalho (Alterado pela Fonte: Ministério do Trabalho NR 18 - CONDIÇÕES

Leia mais

NR 18. Segurança na Construção Civil

NR 18. Segurança na Construção Civil NR 18 Segurança na Construção Civil Tópicos da NR 18 Objetivo e Campo de Aplicação Comunicação Prévia Programa de Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção - PCMAT Áreas de Vivência

Leia mais

VT Inspeção [ X ]Geral

VT Inspeção [ X ]Geral VT Inspeção [ X ]Geral [ ]Parcial Data da inspeção: 22/01/2010 Empresa: HS Obra Caixa Econômica Federal Participantes: Eng. Fabiana (Fabbro) e Mestres Casinei e Nereu (HS) Data da entrega do relatório:

Leia mais

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA N.º 592, DE 28 DE ABRIL DE 2014

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA N.º 592, DE 28 DE ABRIL DE 2014 MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREO ABINETE DO MINISTRO PORTARIA N.º 592, DE 28 DE ABRIL DE 2014 Altera a Norma Regulamentadora n.º 34 - Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção e Reparação

Leia mais

PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DA NR-18 Estruturas Pré-moldadas e Pré-Fabricadas de Concreto Versão_CPN ITEM / TEXTO ATUAL TEXTO PROPOSTO OBSERVAÇÕES

PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DA NR-18 Estruturas Pré-moldadas e Pré-Fabricadas de Concreto Versão_CPN ITEM / TEXTO ATUAL TEXTO PROPOSTO OBSERVAÇÕES PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DA NR-18 Estruturas Pré-moldadas e Pré-Fabricadas de Concreto Versão_CPN ITEM / TEXTO ATUAL TEXTO PROPOSTO OBSERVAÇÕES OBJETIVO Este anexo estabelece requisitos mínimos de segurança

Leia mais

SECRETARIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO - PORTARIA Nº 224, DE

SECRETARIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO - PORTARIA Nº 224, DE SECRETARIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO - PORTARIA Nº 224, DE 06.05.2011 D.O.U.: 10.05.2011 ALTERA O ITEM 18.14. E O SUBITEM 18.15.16. DA NORMA REGULAMENTADORA Nº 18, APROVADA PELA PORTARIA MTB Nº 3.214, DE

Leia mais

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO SECRETARIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO SECRETARIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO SECRETARIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO PORTARIA N.º 224 DE 06 DE MAIO DE 2011 (D.O.U. de 10/05/2011 - Seção 1 - pág. 117) Altera o item 18.14 e o subitem 18.15.16 da Norma

Leia mais

VT Inspeção [ X ]Geral

VT Inspeção [ X ]Geral VT Inspeção [ X ]Geral [ ]Parcial Data da inspeção: 16/04/2010 Empresa: Construtora Mandinho Obra Restinga Participantes: Eng. Fabiana e TST Carla (Fabbro), Eng. Carlos Nunes (Mandinho) Valas abertas no

Leia mais

Núcleo de Pós-Graduação Pitágoras Escola Satélite. ENGº CIVIL E DE SEGURANÇA DO TRABALHO LUIZ ANTÔNIO VIÉGAS DA SILVA

Núcleo de Pós-Graduação Pitágoras Escola Satélite. ENGº CIVIL E DE SEGURANÇA DO TRABALHO LUIZ ANTÔNIO VIÉGAS DA SILVA Núcleo de Pós-Graduação Pitágoras Escola Satélite ENGº CIVIL E DE SEGURANÇA DO TRABALHO LUIZ ANTÔNIO VIÉGAS DA SILVA luizviegasrj@gmail.com DISCIPLINA Prevenção em Máquinas e Equipamentos I Aula 11 Slides

Leia mais

PROGRAMA DE SAÚDE E SEGURANÇA - PSS

PROGRAMA DE SAÚDE E SEGURANÇA - PSS PROGRAMA DE SAÚDE E SEGURANÇA - PSS Formulário para Levantamento de Riscos Ambientais As informações aqui contidas estão embasadas na Lei 6.514 das Normas de Segurança e Saúde, em vigência, e na Convenção

Leia mais

ITENS MAIS AUTUADOS PELA SRTE-RJ E AS RECENTES ALTERAÇÕES DA NR-06 E NR-18

ITENS MAIS AUTUADOS PELA SRTE-RJ E AS RECENTES ALTERAÇÕES DA NR-06 E NR-18 ITENS MAIS AUTUADOS PELA SRTE-RJ E AS RECENTES ALTERAÇÕES DA NR-06 E NR-18 Itens mais autuados pela Superintendência Regional do Trabalho SRTE-RJ relativos à Saúde Ocupacional Norma Item da norma Nome

Leia mais

VT Inspeção [ X ]Geral

VT Inspeção [ X ]Geral VT Inspeção [ X ]Geral [ ]Parcial Data da inspeção: 19/05/10 Empresa: Mandinho Obra Restinga Participantes: Eng. Fabiana (Fabbro) e Eng. Carlos Nunes (Mandinho) Aberturas no piso sem proteção contra queda

Leia mais

VT Inspeção [ X ]Geral

VT Inspeção [ X ]Geral VT Inspeção [ X ]Geral [ ]Parcial Data da inspeção: 02/03/2010 Empresa: Mandinho Participantes: Eng. Fabiana (Fabbro) Data da entrega do relatório: 10/03/2010 Plataforma de trabalho irregular. O trabalhador

Leia mais

Memorial de Cálculo de um Balancim Suspenso Série G2 C3BG ART N

Memorial de Cálculo de um Balancim Suspenso Série G2 C3BG ART N Telefone: 54 3211 8700 www.c3equipamentos.com.br Memorial de Cálculo de um Balancim Suspenso Série G2 C3BG2040515 ART N 7927159 Data: segunda-feira, 04 de maio de 2015 Engenheiro: Nome do estudo: Cálculo

Leia mais

Sistema de formas para Paredes de concreto

Sistema de formas para Paredes de concreto Sistema de formas para Paredes de concreto EMPRESA Líder no fornecimento de formas para concreto, andaimes e escoramentos metálicos no Brasil Possui 48 anos de experiência no Brasil Ampla presença física

Leia mais

Norma Regulamentadora NR 18 e Manual da Fundacentro.

Norma Regulamentadora NR 18 e Manual da Fundacentro. Aberturas em pisos e paredes. Revisão: 00 Folha: 1 de 5 1. Objetivo Assegurar que todos os canteiros de obras efetuem a montagem e a colocação das proteções de acordo com as especificações da NR -18 e

Leia mais

VT Inspeção [ X ]Geral

VT Inspeção [ X ]Geral VT Inspeção [ X ]Geral [ ]Parcial Data da inspeção: 31/03/2010 Empresa: Mandinho Obra Lomba do Pinheiro Participantes: Técnica de Segurança Carla (Fabbro) / Eng. Carlos (Mandinho) Data da entrega do relatório:

Leia mais

MEIOS DE ACESSOS PERMANENTES: ESCADAS, PLATAFORMAS E RAMPAS

MEIOS DE ACESSOS PERMANENTES: ESCADAS, PLATAFORMAS E RAMPAS NT-03B 01 26/06/2019 NOTA TÉCNICA 1 9 1. OBJETIVO Esta nota técnica tem o objetivo de apresentar as exigências técnicas referentes aos estudos, aos projetos e às especificações de equipamentos de estruturas

Leia mais

NR 18 - CONDIÇÕES E MEIO AMBIENTE DE TRABALHO NA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO

NR 18 - CONDIÇÕES E MEIO AMBIENTE DE TRABALHO NA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO NR 18 - CONDIÇÕES E MEIO AMBIENTE DE TRABALHO NA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO 18.14 Movimentação e Transporte de Materiais e Pessoas (Item 18.14.1 ao 18.14.23.6 com redação dada pela Portaria SIT n.º 224, de

Leia mais

SECRETARIA DE SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO

SECRETARIA DE SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO SECRETARIA DE SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO PORTARIA SSST N. 20, DE 17 DE ABRIL DE 1998 Altera dispositivos da NR 18 - Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção O SECRETÁRIO DE SEGURANÇA

Leia mais

PROCEDIMENTO PARA TRABALHOS EM ALTURA

PROCEDIMENTO PARA TRABALHOS EM ALTURA 1 de 10 SUMÁRIO I. OBJETIVO II. LEGISLAÇÃO PERTINENTE III. DETALHAMENTO 1. Campo de Aplicação 2. Procedimentos 3. Responsabilidades 4. Recomendações Gerais de Segurança IV. EPI S NECESSÁRIOS V. REGISTROS

Leia mais

PORTARIA Nº 30, DE 20 DE DEZEMBRO DE 2001

PORTARIA Nº 30, DE 20 DE DEZEMBRO DE 2001 PORTARIA Nº 30, DE 20 DE DEZEMBRO DE 2001 A SECRETÁRIA DE INSPEÇAO DO TRABALHO e o DIRETOR DO DEPARTAMENTO DE SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO, no uso das atribuições legais que lhe conferem o Decreto n.º

Leia mais

Locação e Vendas de Equipamentos

Locação e Vendas de Equipamentos Locação e Vendas de Equipamentos Especificação e Modelo de Montagem do Andaime 1 - Considerando que os quadros pesam 12,06kg, sendo industrializado com tubo patente em aço carbono SAE 1010 42,20 mm # 2,65

Leia mais

VT Inspeção [ X ]Geral

VT Inspeção [ X ]Geral VT Inspeção [ X ]Geral [ ]Parcial Data da inspeção: 28/04/2010 Empresa: Mandinho Participantes: Técnica de Segurança Carla (Fabbro) Data da entrega do relatório: Valas abertas sem proteção, com água acumulada

Leia mais

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO PORTARIA N. 1.893, DE 9 DE DEZEMBRO DE 2013 Altera a Norma Regulamentadora n. 12 O MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO,no uso das atribuições que lhe conferem o inciso

Leia mais

SUPORTE DE BANDEJA

SUPORTE DE BANDEJA SUPORTE DE BANDEJA WWW.METROFORM.COM.BR Sumario O produto 04 Equipamentos de Segurança 05 Componentes do Sistema 06 Sequência de instalação 08 Gancho de fixação 08 Gancho de fixação em cantos externos

Leia mais

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO GABINETE DO MINISTRO. PORTARIA N.º DE 09 DE DEZEMBRO DE 2013 (DOU de 11/12/2013 Seção I Pág.

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO GABINETE DO MINISTRO. PORTARIA N.º DE 09 DE DEZEMBRO DE 2013 (DOU de 11/12/2013 Seção I Pág. MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA N.º 1.896 DE 09 DE DEZEMBRO DE 2013 (DOU de 11/12/2013 Seção I Pág. 153) Altera a Norma Regulamentadora n.º 31. O MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO

Leia mais

COMO RECONHECER UM BOM ANDAIME? TUDO QUE VOCÊ PRECISA SABER NA HORA DE ESCOLHER O SEU ANDAIME.

COMO RECONHECER UM BOM ANDAIME? TUDO QUE VOCÊ PRECISA SABER NA HORA DE ESCOLHER O SEU ANDAIME. COMO RECONHECER UM BOM ANDAIME? TUDO QUE VOCÊ PRECISA SABER NA HORA DE ESCOLHER O SEU ANDAIME WWW.MONTEEUSE.com.br FABRICANTE REGISTRO NO CREA Esse é o primeiro ponto de avaliação. Você precisa saber se:

Leia mais

EQUIPAMENTOS E ENGENHARIA LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTO A MODALIDADE PROPORCIONA AO CONSTRUTOR TOTAL DEDICAÇÃO AO FOCO DO SEU NEGÓCIO.

EQUIPAMENTOS E ENGENHARIA LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTO A MODALIDADE PROPORCIONA AO CONSTRUTOR TOTAL DEDICAÇÃO AO FOCO DO SEU NEGÓCIO. LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTO A MODALIDADE PROPORCIONA AO CONSTRUTOR TOTAL DEDICAÇÃO AO FOCO DO SEU NEGÓCIO. Plataforma de Cremalheira O Sistema proporciona ao construtor alto desempenho nos serviços de construção

Leia mais

Coleção MONTICUCO Fascículo Nº 63 Engenharia de Segurança e Meio Ambiente do Trabalho LISTA DE CHECAGEM BATE-ESTACAS

Coleção MONTICUCO Fascículo Nº 63 Engenharia de Segurança e Meio Ambiente do Trabalho LISTA DE CHECAGEM BATE-ESTACAS LISTA DE CHECAGEM DE BATE-ESTACAS 1 Autor DEOGLEDES MONTICUCO Iniciou aos 14 anos como Mensageiro. 1974 - Engenheiro Civil e 1975 - Engenheiro de Segurança do Trabalho. Obras de construções: Hidrelétrica;

Leia mais

PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DA NR Carpintaria Versão_CPN. TEXTO ATUAL TEXTO PROPOSTO JUSTIFICATIVA (discussões)

PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DA NR Carpintaria Versão_CPN. TEXTO ATUAL TEXTO PROPOSTO JUSTIFICATIVA (discussões) PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DA NR 18 18.7. Carpintaria Versão_CPN TEXTO ATUAL TEXTO PROPOSTO JUSTIFICATIVA (discussões) 18.7.1. As operações em máquinas e equipamentos necessários à realização da atividade de

Leia mais

VT Inspeção [ X ]Geral

VT Inspeção [ X ]Geral VT Inspeção [ X ]Geral [ ]Parcial Data da inspeção: 19/05/2010 Empresa: Mandinho Obra Vila Nova Participantes: Eng. Fabiana (Fabbro) Proteção de taludes arrebentada, caída. 03 Manter as proteções em perfeito

Leia mais

RECOMENDAÇÃO TÉCNICA MTE Nº 01

RECOMENDAÇÃO TÉCNICA MTE Nº 01 RECOMENDAÇÃO TÉCNICA MTE Nº 01 MEDIDAS DE PROTEÇÃO CONTRA QUEDAS DE ALTURA APRESENTAÇÃO A reformulação da Norma Regulamentar nº 18 - NR 18 - Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção,

Leia mais

SOLUÇÕES EM ACESSO SEJA QUAL FOR O SEU DESAFIO EM ACESSO, A MILLS TEM A SOLUÇÃO.

SOLUÇÕES EM ACESSO SEJA QUAL FOR O SEU DESAFIO EM ACESSO, A MILLS TEM A SOLUÇÃO. SOLUÇÕES EM ACESSO SEJA QUAL FOR O SEU DESAFIO EM ACESSO, A MILLS TEM A SOLUÇÃO. PLATAFORMA CREMALHEIRA Sistema versátil que permite acesso a fachadas com produtividade e segurança. O equipamento não ocupa

Leia mais

PROCEDIMENTOS SEGUROS PARA MONTAGEM E TRABALHOS EM ANDAIME TUBULAR

PROCEDIMENTOS SEGUROS PARA MONTAGEM E TRABALHOS EM ANDAIME TUBULAR PROCEDIMENTOS SEGUROS PARA MONTAGEM E TRABALHOS EM ANDAIME TUBULAR ITEM CUIDADOS A SEREM SEGUIDOS: Piso Guarda corpo gaiola c/ Rodapé Travamento Amarração Cinto de segurança Apoio do andaime Andaime móvel

Leia mais

Procedimento para trabalho em Altura NR 35

Procedimento para trabalho em Altura NR 35 Procedimento para trabalho em Altura NR 35 Trabalho em Altura NR 35 - SST Objetivo e Campo de Aplicação 35.1.1 Esta Norma estabelece os requisitos mínimos e as medidas de proteção para o trabalho em altura,

Leia mais

Sistema de Gestão de Segurança e Saúde Ocupacional Identificação: PROSHISET 01. Procedimento para fundações, escavações e desmonte de rocha.

Sistema de Gestão de Segurança e Saúde Ocupacional Identificação: PROSHISET 01. Procedimento para fundações, escavações e desmonte de rocha. Revisão: 00 Folha: 1 de 6 1. Objetivo Este Manual de Recomendação, tem como objetivo, assegurar que todas as obras efetuem proteção coletiva que prever a adoção de medidas que evitem a ocorrência de desmoronamento,

Leia mais

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO SECRETARIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO. PORTARIA N.º 114, DE 17 DE JANEIRO DE 2005 (DOU de 27/01/2005 Seção I)

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO SECRETARIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO. PORTARIA N.º 114, DE 17 DE JANEIRO DE 2005 (DOU de 27/01/2005 Seção I) MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO SECRETARIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO PORTARIA N.º 114, DE 17 DE JANEIRO DE 2005 (DOU de 27/01/2005 Seção I) Altera a redação dos itens 18.14.24 e 18.18, inclui o Anexo III

Leia mais

NORMA REGULAMENTADORA N.º

NORMA REGULAMENTADORA N.º SUMÁRIO SEGURANÇA EM INSTALAÇÕES E SERVIÇOS EM ELETRICIDADE NORMA REGULAMENTADORA N.º 10 2. Formação profissional 2.1 Qualificação 2.2 Habilitação 2.3 Capacitação 2.4 Autorização 3. Medidas de controle

Leia mais

A N O S l i d e r a n d o m e r c a d o e m e s t r u t u r a s

A N O S l i d e r a n d o m e r c a d o e m e s t r u t u r a s SEGURANÇA TECNOLOGIA PRODUTIVIDADE HÁ MAIS DE 10 A N O S l i d e r a n d o o m e r c a d o e m e s t r u t u r a s p a r a t r a b a l h o e m a l t u r a CATÁLOGO Julho - 2018 LINHA DE PRODUTOS ANDAIME

Leia mais

Segurança: Todos os colaboradores devem utilizar Equipamentos de Proteção individual (E.P.I.), em condições de uso, tais quais:

Segurança: Todos os colaboradores devem utilizar Equipamentos de Proteção individual (E.P.I.), em condições de uso, tais quais: Segurança: 01 Equipamentos de Proteção Individual (E.P.I.): Ref.: NR-06 Todos os colaboradores devem utilizar Equipamentos de Proteção individual (E.P.I.), em condições de uso, tais quais: Botas; Óculos;

Leia mais

Carla Moraes Técnica em Edificações CTU - Colégio Técnico Universitário

Carla Moraes Técnica em Edificações CTU - Colégio Técnico Universitário Carla Moraes Técnica em Edificações CTU - Colégio Técnico Universitário PREVENÇÃO SAÍDAS DE EMERGÊNCIA Visam o abandono seguro da população, em caso de incêndio ou pânico, e permitir o acesso de bombeiros

Leia mais

Ponto de Ancoragem. Segurança de alta performace

Ponto de Ancoragem. Segurança de alta performace No setor de construção civil existem diversas normas de segurança e medicina do trabalho que são necessárias e imprescindíveis, entre elas uma em questão se destaca: Esta Norma Regulamentadora - NR 18

Leia mais

Com a gente, sua obra rende mais

Com a gente, sua obra rende mais Linha de Vida Minigrua Carrinho de Bloco Proteção Periférica Plataforma de Descarga Sistemas para Escoramento Plataforma Cremalheira Torre Multiuso Com a gente, sua obra rende mais Com a gente, sua obra

Leia mais

CÓDIGO VERSÃO DATA DA APROVAÇÃO USO EXCLUSIVO DA GPES PÁG. DE NT-03D 01 26/06/2019 NOTA TÉCNICA 1 7

CÓDIGO VERSÃO DATA DA APROVAÇÃO USO EXCLUSIVO DA GPES PÁG. DE NT-03D 01 26/06/2019 NOTA TÉCNICA 1 7 NT-03D 01 26/06/2019 NOTA TÉCNICA 1 7 1. OBJETIVO Esta nota técnica tem o objetivo de informar como deve ser aplicada a especificação de MEIOS DE ACESSO PERMANENTE, PROTEÇÃO EB/GPES/0025. 2. TERMOS E DEFINIÇÕES

Leia mais

Qualidade, Meio Ambiente, Saúde e Segurança

Qualidade, Meio Ambiente, Saúde e Segurança Qualidade, Meio Ambiente, Saúde e Segurança Aula Norma NR 12 Eletromecânica Módulo 1 Professor: Sergio Luis Brockveld Junior Objetivo da aula Informar, formar e orientar Engenheiros e técnicos no que diz

Leia mais

gramadol --TURISMO E CULTURA--

gramadol --TURISMO E CULTURA-- gramadol --TURISMO E CULTURA-- uniformemente distribuída de 300 kg/m 2, cobertura na torre de 2,50 m acima deste piso, com fechamento em toda volta com plástico cristal, espessura 2 mm, da base até o teto

Leia mais

Segurança do Trabalho no Canteiro de Obras PARTE 2

Segurança do Trabalho no Canteiro de Obras PARTE 2 Segurança do Trabalho no Canteiro de Obras PARTE 2 Equipamento de Proteção Coletiva (EPC): 2 Áreas vazadas: Equipamento de Proteção Coletiva (EPC) 18.13.1. É obrigatória a instalação de proteção coletiva

Leia mais

18.3 Programa de Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção - PCMAT

18.3 Programa de Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção - PCMAT NR 18 - CONDIÇÕES E MEIO AMBIENTE DE TRABALHO NA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO Publicação D.O.U. Portaria GM n.º 3.214, de 08 de junho de 1978 06/07/78 Alterações/Atualizações D.O.U. Portaria DSST n.º 02, de

Leia mais

Tecnologias de Acesso Plataforma Elevatória por Cremalheira Engº Rafael Thalheimer

Tecnologias de Acesso Plataforma Elevatória por Cremalheira Engº Rafael Thalheimer Tecnologias de Acesso Plataforma Elevatória por Cremalheira Engº Rafael Thalheimer 1) DESCRIÇÃO DO EQUIPAMENTO A plataforma elevatória por cremalheira está baseada no princípio de transmissão através de

Leia mais

E-Book Projetos de Andaimes

E-Book Projetos de Andaimes 2016 E-Book Projetos de Andaimes TIPOS DE ANDAIMES TIPOS DE FIXAÇÃO DE POSTE COM BRAÇADEIRA SOLUÇÕES PARA ESTABILIDADE DO ANDAIME Tipos de Andaimes 1) Andaimes Padrão Torres Simples - (isoladas) São andaimes

Leia mais

FUNDAMENTOS E PRÁTICA PROFISSIONAL I. Slide 8 Prof Eng. e Arq. Marcos R. Frois

FUNDAMENTOS E PRÁTICA PROFISSIONAL I. Slide 8 Prof Eng. e Arq. Marcos R. Frois FUNDAMENTOS E PRÁTICA PROFISSIONAL I Slide 8 Prof Eng. e Arq. Marcos R. Frois Objetivo e Campo de Aplicação Comunicação Prévia Programa de Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção

Leia mais

Curso Técnico Segurança do Trabalho. Módulo 6 NR 08

Curso Técnico Segurança do Trabalho. Módulo 6 NR 08 Curso Técnico Segurança do Trabalho Normas Regulamentadoras Normas Regulamentadoras Módulo 6 NR 08 Norma Regulamentadoras 8 (Edificações) Esta Norma Regulamentadora -NR estabelece requisitos técnicos mínimos

Leia mais

Segurança do Trabalho na Construção Civil e Parques Industriais. Thiago Freitas de Oliveira Engº Seg. do Trabalho

Segurança do Trabalho na Construção Civil e Parques Industriais. Thiago Freitas de Oliveira Engº Seg. do Trabalho Segurança do Trabalho na Construção Civil e Parques Industriais Thiago Freitas de Oliveira Engº Seg. do Trabalho NR 18 18.1 Objetivos de Campo de Aplicação 18.1.2 Consideram-se atividades da Indústria

Leia mais

Manutenção em prédios e residências Montagem e desmontagem de andaimes

Manutenção em prédios e residências Montagem e desmontagem de andaimes 2013 Manutenção em prédios e residências Manutenção em prédios e residências Montagem e desmontagem de andaimes Montagem e desmontagem de andaimes 1 Montagem e Desmontagem de Andaimes Os Procedimento e

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÕES EMAT REVISADO EM 06/12/2011

MANUAL DE OPERAÇÕES EMAT REVISADO EM 06/12/2011 MANUAL DE OPERAÇÕES EMAT - 608 REVISADO EM 06/12/2011 2 MANUAL MONTAGEM OPERAÇÃO MANUTENÇÃO - ELEVADOR MANUAL / EMAT - 608 TECNIPAR MÁQUINAS E METALURGIA LTDA Rua: Silvio Bivar Schmitt - 605 Bairro: Centenário

Leia mais

PORTARIA No- 157, DE 10 DE ABRIL DE 2006

PORTARIA No- 157, DE 10 DE ABRIL DE 2006 PORTARIA No- 157, DE 10 DE ABRIL DE 2006 DOU 12-04-2006 Altera a redação da Norma Regulamentadora n.º 18 A SECRETÁRIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO e o DIRETOR DO DEPARTAMENTO DE SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO,

Leia mais

CAMETRA MEDICINA DO TRABALHO Centro de Atendimento em Medicina do Trabalho Santa Maria e Região Centro do Estado RS

CAMETRA MEDICINA DO TRABALHO Centro de Atendimento em Medicina do Trabalho Santa Maria e Região Centro do Estado RS NR 18 Check List básico de Segurança na Construção Civil ASSUNTO/ITEM PCMAT S N NA Há 20 trabalhadores ou mais? Se a resposta for sim, há PCMAT? (18.3.1) Há SESMT? Está dimensionado de acordo com o Quadro

Leia mais

A MA CONSULTORIA E TREINAMENTOS é uma empresa que. foi criada em 2006, e está localizada em Belo Horizonte. Tem

A MA CONSULTORIA E TREINAMENTOS é uma empresa que. foi criada em 2006, e está localizada em Belo Horizonte. Tem ANDAIMES A MA CONSULTORIA E TREINAMENTOS é uma empresa que foi criada em 2006, e está localizada em Belo Horizonte. Tem como objetivo principal buscar melhor atendimento e esclarecimentos aos clientes

Leia mais

31.12 Máquinas, equipamentos e implementos As máquinas, equipamentos e implementos, devem atender aos seguintes requisitos: a) utilizados

31.12 Máquinas, equipamentos e implementos As máquinas, equipamentos e implementos, devem atender aos seguintes requisitos: a) utilizados 31.12 Máquinas, equipamentos e implementos 31.12.1 As máquinas, equipamentos e implementos, devem atender aos seguintes requisitos: a) utilizados unicamente para os fins concebidos, segundo as especificações

Leia mais

NR 11 - TRANSPORTE, MOVIMENTAÇÃO, ARMAZENAGEM E MANUSEIO DE MATERIAIS

NR 11 - TRANSPORTE, MOVIMENTAÇÃO, ARMAZENAGEM E MANUSEIO DE MATERIAIS NR 11 - TRANSPORTE, MOVIMENTAÇÃO, ARMAZENAGEM E MANUSEIO DE MATERIAIS 11.1 Normas de segurança para operação de elevadores, guindastes, transportadores industriais e máquinas transportadoras. 11.1.1 Os

Leia mais

Obras e reparos com o mínimo de interferência nas vias. Com novas tecnologias, pode ser mais simples do que você imagina.

Obras e reparos com o mínimo de interferência nas vias. Com novas tecnologias, pode ser mais simples do que você imagina. Obras e reparos com o mínimo de interferência nas vias. Com novas tecnologias, pode ser mais simples do que você imagina. Soluções inovadoras e eficazes. Com atuação em todo o território nacional, o grupo

Leia mais

Palestrante: Carlos Dias TST

Palestrante: Carlos Dias TST SISTEMAS DE SEGURANÇA PARA TRABALHOS EM ALTURA NR 35 ANEXO II NBR16325/NBR14626/NBR14627 Palestrante: Carlos Dias TST...O melhor vinho é aquele que a você gosta... Frase de Carlos Cabral, enólogo...o melhor

Leia mais

ANEXO PCMAT PROTEÇÕES COLETIVAS MODELOS DE IMPLANTAÇÃO EM OBRA OBRA: DONA OTI, 103 PORTO ALEGRE/RS

ANEXO PCMAT PROTEÇÕES COLETIVAS MODELOS DE IMPLANTAÇÃO EM OBRA OBRA: DONA OTI, 103 PORTO ALEGRE/RS ANEXO PCMAT PROTEÇÕES COLETIVAS MODELOS DE IMPLANTAÇÃO EM OBRA OBRA: DONA OTI, 103 PORTO ALEGRE/RS CONSTRUTORA: DELPRO EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS LTDA RESPONSABILIDADE TÉCNICA João Leal Vivian Profissão:

Leia mais

Manual de Montagem e Operação

Manual de Montagem e Operação Manual de Montagem e Operação Conjunto Suspenso Manual com Cabo Passante modelos A-70 e A-80 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 4 2. APRESENTAÇÃO... 5 3. OS GUINCHOS APPORT... 6 3.1. O guincho manual a-70... 6 3.2.

Leia mais

EQUIPAMENTOS DE TRANSPORTE E MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAIS

EQUIPAMENTOS DE TRANSPORTE E MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAIS Universidade Federal de Itajubá Instituto de Recursos Naturais EQUIPAMENTOS DE TRANSPORTE E MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAIS EHD 804 MÉTODOS DE CONSTRUÇÃO Profa. Nívea Pons Equipamentos de Transporte Classificados

Leia mais

ALVENARIA ESTRUTURAL

ALVENARIA ESTRUTURAL ALVENARIA ESTRUTURAL WWW.METROFORM.COM.BR Sumario O produto 04 Equipamentos de Segurança 05 Componentes do Sistema 06 Sequência de instalação 08 1º Passo: Furação 08 2º Passo: Instalação dos Postes 08

Leia mais

Treinamento Trabalho em Altura

Treinamento Trabalho em Altura Treinamento Trabalho em Altura Treinamento Trabalho em Altura Identificar os riscos presentes durante os trabalhos em altura e a utilização de andaimes e escadas. Ilustrar a forma correta de realizar o

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DE PONTOS DE ANCORAGEM ANCORAGEM MESTRE MAX

MANUAL DE INSTRUÇÕES DE PONTOS DE ANCORAGEM ANCORAGEM MESTRE MAX MANUAL DE INSTRUÇÕES DE PONTOS DE ANCORAGEM ANCORAGEM MESTRE MAX www.mestremax.com.br (51) 3748-9439 atendimento@mestremax.com.br MANUAL DE INSTRUÇÕES ANCORAGEM MESTRE MAX 1. FABRICANTE: Edson Nonnenmacher

Leia mais

LISTA DE VERIFICAÇÃO PARA DIAGNÓSTICO DA ADEQUAÇÃO DE CANTEIROS DE OBRA À NR-18

LISTA DE VERIFICAÇÃO PARA DIAGNÓSTICO DA ADEQUAÇÃO DE CANTEIROS DE OBRA À NR-18 LISTA DE VERIFICAÇÃO PARA DIAGNÓSTICO DA ADEQUAÇÃO DE CANTEIROS DE OBRA À NR-18 Preenchido por: Data: Empresa: Obra: Caracterização geral do canteiro: Fase da obra ( ) Infraestrutura ( ) Estrutura ( )

Leia mais

Páginas Armazenagem simplificada Referência Dimensões[cm] Peso[kg] UE Conexão de andaime suspenso Para conexão resistente à tração de postes verticais ao invés de conexões tubulares parafusadas. Sempre

Leia mais

Manual do Locatário ELEVADOR DE OBRA

Manual do Locatário ELEVADOR DE OBRA Manual do Locatário ELEVADOR DE OBRA Instruções para Instalação e Operação e Manutenção CARIMBO DO ASSOCIADO 1 ELEVADOR DE OBRA À CABO Antes de colocar o equipamento em funcionamento, leia atentamente

Leia mais

CÓDIGO VERSÃO DATA DA APROVAÇÃO USO EXCLUSIVO DA GPES PÁG. DE NT-010A 02 26/06/2019 NOTA TÉCNICA 1 7 CARGAS E ESTRUTURAS

CÓDIGO VERSÃO DATA DA APROVAÇÃO USO EXCLUSIVO DA GPES PÁG. DE NT-010A 02 26/06/2019 NOTA TÉCNICA 1 7 CARGAS E ESTRUTURAS NT-010A 02 26/06/2019 NOTA TÉCNICA 1 7 1. OBJETIVO Esta nota técnica tem o objetivo de apresentar as exigências técnicas referentes aos estudos, aos projetos e às especificações de equipamentos de cargas

Leia mais

PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DA NR Gruas_Versão_CPN

PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DA NR Gruas_Versão_CPN PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DA NR-18 18.14.24. Gruas_Versão_CPN ITEM TEXTO ATUAL TEXTO PROPOSTO OBSERVAÇÕES JUSTIFICATIVA 18.14.24.1 A ponta da lança e o cabo de aço de levantamento da carga devem ficar, no

Leia mais

RECOMENDAÇÕES REFERENTES A UTILIZAÇÃO DOS SISTEMAS DE REDES DE SEGURANÇA

RECOMENDAÇÕES REFERENTES A UTILIZAÇÃO DOS SISTEMAS DE REDES DE SEGURANÇA RECOMENDAÇÕES REFERENTES A UTILIZAÇÃO DOS SISTEMAS DE REDES DE SEGURANÇA O Comitê Permanente Regional sobre Condições e Meio Ambiente do Trabalho na Indústria da Construção CPR/RS, preocupado com as proteções

Leia mais

PROTEÇÃO CREMALHEIRA

PROTEÇÃO CREMALHEIRA PROTEÇÃO CREMALHEIRA WWW.METROFORM.COM.BR 2 Sumario O produto 4 Equipamentos de Segurança 5 Componentes do Sistema 6 Sequência de instalação 8 1º Passo: Furação 8 2º Passo: Instalação do Parabolt 8 3º

Leia mais

PORTARIA MTE Nº 644, DE DOU Altera os itens 18.6, e da Norma Regulamentadora nº 18.

PORTARIA MTE Nº 644, DE DOU Altera os itens 18.6, e da Norma Regulamentadora nº 18. PORTARIA MTE Nº 644, DE 09-05-2013 DOU 10-05-2013 Altera os itens 18.6, 18.14 e 18.17 da Norma Regulamentadora nº 18. O MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO, no uso das atribuições que lhe conferem

Leia mais

PROTEÇÃO DE ESCADA

PROTEÇÃO DE ESCADA PROTEÇÃO DE ESCADA WWW.METROFORM.COM.BR 2 Sumario O produto 4 Equipamentos de Segurança 5 Componentes do Sistema 6 Sequência de instalação 10 1º Passo: Furação 10 2º Passo: Instalação do Parabolt 10 3º

Leia mais

SARGENTO

SARGENTO SARGENTO WWW.METROFORM.COM.BR Sumario O produto 04 Equipamentos de Segurança 05 Componentes do Sistema 06 Sequência de instalação 08 Instalação do sargento 08 Forma de Instalação 09 Travamento na estrutura

Leia mais

NR 12 - SEGURANÇA NO TRABALHO EM MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS

NR 12 - SEGURANÇA NO TRABALHO EM MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS NR 12 - SEGURANÇA NO TRABALHO EM MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS Arranjo Físico e Instalações, Aspectos Ergonômicos, Sinalização, Procedimentos de Trabalho e Segurança e Capacitação Clarice I. Lorenzi Eng. de

Leia mais

SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO PARA A INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO

SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO PARA A INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO PARA A INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO CONFEDERAÇÃO NACIONAL DA INDÚSTRIA CNI Robson Braga de Andrade Presidente DIRETORIA DE EDUCAÇÃO E TECNOLOGIA - DIRET Rafael Esmeraldo Lucchesi

Leia mais

MANOEL DIAS ANEXO 590, DE 28 DE ABRIL DE 2014

MANOEL DIAS ANEXO 590, DE 28 DE ABRIL DE 2014 Nº 81, quarta-feira, 30 de abril de 2014 1 ISSN 1677-7042 131 AGÊNCIA NACIONAL DE ÁGUAS RESOLUÇÃO Nº 672, DE 28 DE ABRIL DE 2014 Aprova o Regulamento do Programa Despoluição de Bacias Hidrográficas - PRO-

Leia mais

Data do boletim informativo Volume 1, Edição 1 INFORMATIVO 13/2015

Data do boletim informativo Volume 1, Edição 1 INFORMATIVO 13/2015 Data do boletim informativo Volume 1, Edição 1 Di INFORMATIVO 13/2015 ATIVIDADES E OPERAÇÕES PERIGOSAS COM RADIAÇÕES IONIZANTES OU SUBSTÂNCIAS RADIOATIVAS: MTE DIVULGA NOTA EXPLICATIVA Portaria MTE nº

Leia mais

ROTEIRO BÁSICO PARA VISTORIA

ROTEIRO BÁSICO PARA VISTORIA M I N I S T É R I O P Ú B L I C O F E D E R A L PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO ESTADO DE SÃO PAULO PROCURADORIAS DA REPÚBLICA DO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO Ações implementadas para a obtenção da acessibilidade

Leia mais

NBR 9050:2004 Acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos

NBR 9050:2004 Acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos Versões: NBR 9050:2004 Acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos NBR 9050:2015 (Vigente) Acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos Descrição:

Leia mais

Segurança em escavações e fundações. Juarez Sabino da Silva Junior Técnico de Segurança do Trabalho

Segurança em escavações e fundações. Juarez Sabino da Silva Junior Técnico de Segurança do Trabalho Segurança em escavações e fundações Juarez Sabino da Silva Junior Técnico de Segurança do Trabalho A área de trabalho deve ser previamente limpa, devendo ser retirados ou escorados solidamente árvores,

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO PROPRIETÁRIO...AUTARQUIA MUNICIPAL DE TURISMO - GRAMADOTUR

MEMORIAL DESCRITIVO PROPRIETÁRIO...AUTARQUIA MUNICIPAL DE TURISMO - GRAMADOTUR MEMORIAL DESCRITIVO PROPRIETÁRIO...AUTARQUIA MUNICIPAL DE TURISMO - GRAMADOTUR OBJETO...CONTRATAÇÃO DE EMPRESA HABILITADA PARA EXECUTAR OS SERVIÇOS PERTINENTES A ESTRUTURAS TEMPORÁRIAS LOCALIZAÇÕES...

Leia mais

ANTÓNIO & JOÃO, LDA. MATERIAISDECONSTRUÇÃOEEQUIPAMENTOS

ANTÓNIO & JOÃO, LDA. MATERIAISDECONSTRUÇÃOEEQUIPAMENTOS ANTÓNIO & JOÃO, LDA. MATERIAISDECONSTRUÇÃOEEQUIPAMENTOS Este Manual proporciona as instruções necessárias para uma montagem e operação segura do andaime de fachada MK48. Cabe ao utilizador do andaime manter

Leia mais

NRM-13 - Circulação e Transporte de Pessoas e Materiais

NRM-13 - Circulação e Transporte de Pessoas e Materiais NRM-13 - Circulação e Transporte de Pessoas e Materiais 13.1 Toda mina deve possuir plano de trânsito estabelecendo regras de preferência de movimentação e distâncias mínimas entre máquinas, equipamentos

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO

MANUAL DE UTILIZAÇÃO MANUAL DE UTILIZAÇÃO ESCADAS E ESCADOTES Antes de utilizar uma escada ou escadote, leia cuidadosamente estas instruções! Guarde estes textos em local de fácil acesso para futuras consultas. Analise os

Leia mais

PORTARIA MTE Nº 1.893, DE

PORTARIA MTE Nº 1.893, DE PORTARIA MTE Nº 1.893, DE 09-12-2013 DOU 11-12-2013 Altera a Norma Regulamentadora n.º 12. O MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO, no uso das atribuições que lhe conferem o inciso II do parágrafo único

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS UNIFORMES E EQUIPAMENTOS DE SEGURANÇA NO TRABALHO

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS UNIFORMES E EQUIPAMENTOS DE SEGURANÇA NO TRABALHO 1. OBJETIVO Esta especificação tem por objetivo fixar as características técnicas mínimas exigíveis na fabricação e no recebimento de conjunto composto de LANCE EM FIBRA DE VIDRO PARA ESCADA GIRATÓRIA

Leia mais