Você é um zero à direita!

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Você é um zero à direita!"

Transcrição

1

2 Você é um zero à direita! A igreja é um corpo. Uma pequena parte do corpo, é uma célula. Uma micro-célula, é o discipulado. Para o corpo crescer, tudo precisa estar bem. Quando uma criança não cresce, os pais ficam preocupados e a levam ao médico para tratamento. Crescimento é sinônimo de saúde: Qualidade x Quantidade! LEMBRE-SE: Não fazemos discipulado de manutenção e sim de multiplicação! Deus nos chamou para a conquista, não para manutenção!

3 O QUE É UM NE? Um NE ( Núcleo de Evangelismo) é uma reunião periódica, pré-definida, objetivando levar as pessoas à Cristo de maneira informal e espontânea. O NE pode ter duas pessoas ou mais, sem um limite, contanto que exista uma definição de tempo e atividade; As pessoas do meu NE são os meus Natanaéis (oikos) João 1:43-51 O NE acontece em lugar e horário prédefinidos e tem início e fim programados, pois o objetivo é ganhar pessoas para Jesus. Deve ser muito informal.

4 Quem pode começar um NE e onde acontece? Qualquer cristão maduro, comprometido com Jesus e com a sua igreja, com a devida benção do seu discipulador e líder de célula, poderá iniciar um NE. O líder de célula deve ter seu NE e motivar semanalmente todos os membros da sua célula a terem também; O NE é a plataforma de crescimento da célula. Sem ele, não há visitantes e novos convertidos.

5 Quanto tempo será investido e com que finalidade? Os NE s são mais breves e informais que a célula, em média dura até uma hora. Os NE s ajudam a criar vínculos de amizades e gerar fome e sede pela salvação em Cristo. Os NE s são um ambiente menos eclesiástico e litúrgico, deixando a pessoa desarmada e mais a vontade para questionar e se expor à palavra; As pessoas do NE que forem se convertendo aos poucos, devem ser inseridas na célula onde líder do NE congrega. O NE é uma ferramenta para dar origem à novas células;

6 Quando muitas pessoas se convertem ao mesmo tempo e aquele líder de NE preenche os requisitos para tornar-se líder de célula, o NE pode converter-se automaticamente numa célula; Se depois de determinado tempo elas não se converterem, não faz sentido continuar evangelizando indefinitivamente. Continue dando atenção para aquelas pessoas, mas não de uma maneira sistemática e insistente. Procure formar NE s, com pessoas mais abertas e responsivas.

7 INSTRUÇÕES: O material utilizado no NE é o livreto do Amigo Cuidador; Caso seu NE aconteça com um grupo de pessoas, defina bem o local e horário. Passe de forma sistemática as lições, seguindo fielmente a sequência semana após semana. Utilize as perguntas deixando que a pessoa fale de seus sentimentos. Todos os estudos do Amigo Cuidador levam a pessoa a falar de si e abrir o coração.

8 As três primeiras semanas são muito importantes para o sucesso do NE. Os temas compartilhados falam de quem é Jesus, promovendo assim o conhecimento dele de forma a levar a pessoa a entender o plano de Salvação; As semanas seguintes aprofundarão nesse conhecimento de Deus e seu plano de salvação. Confissão de pecados No final do NE aprenderemos a usar o diagrama João 3:16 que facilitará no evangelismo Motive seu NE a ler a Bíblia diariamente e ter um momento a sós com Deus no seu devocional. Fique sempre em contato com as pessoas, por e- mail, redes sociais, telefone, etc... Preste contas ao seu discipulador.

9 Quando muitas pessoas se convertem ao mesmo tempo e aquele líder de NE preenche os requisitos para tornar-se líder de célula, o NE pode converter-se automaticamente numa célula; Se depois de determinado tempo elas não se converterem, não faz sentido continuar evangelizando indefinitivamente. Continue dando atenção para aquelas pessoas, mas não de uma maneira sistemática e insistente. Procure formar NE s, com pessoas mais abertas e responsivas.

10 Processo do NE Selecione pelo menos três pessoas; Oração e jejum por cada uma destas; Estabeleça relacionamentos estreitos (de uma passada na casa, serviço para criar aproximação, convide para um chá, fazer caminhada etc.); Convide essas pessoas para estudarem a Bíblia contigo; Ao final das 10 lições do Amigo Cuidador, com o agir do Espírito santo de Deus, elas aceitarão a Jesus compo Senhor e Salvador da vida delas; Convide-as e integre-as na sua célula; Apresente a igreja; Convide para o Impacto com Deus; Batismo Inicie o Discipulado; Levar a Frutificar fazer outros discípulos

11 O QUE É DISCIPULADO? Paternidade Espiritual (2 Reis ) 1 Reis Eliseu tinha um pai biológico 2 Reis 2.12 Eliseu tinha um pai espiritual Discipulado é arte de promover as pessoas Preciso estar disposto a fazer o acompanhamento 24 horas por dia, 7 dias por semana, 365 dias por ano. OBJETIVOS DO DISCIPULADO: amor, resgate e cuidado cura proteção frutificação transferir o DNA de Jesus

12 DISCIPULAR É: Liderar pelo exemplo; Atitude e postura de servo; Você só pode dar aquilo que tem; O tempo que o discipulador passa diante de Deus é determinante para o crescimento de seu discípulo; Estar apto para ensinar e exortar: (tratamento com o pecado) Ser sempre específico; Mostrar ao discípulo quem ele é em CRISTO! Sempre encerre, motivando e mostrando onde ele chegará! Motive ele a ter seus NE s e seus discípulos (no mínimo 2)

13 QUEM PODE DISCIPULAR? Todo membro ativo da igreja: Ser convertido e batizado; Congregar na célula e no culto de celebração; Ter um discipulador e está sendo discipulado. Ter concluído o livro Amigo Cuidador; Ter feito o Encontro Abrace/IMPACTO; Obs: Ser membro de um ministério não dá autoridade ao discipulador de discipular. Lembre-se: o discipulado sempre será homogênio: homem com homem, mulher com mulher, moça com moça e rapaz com rapaz.

14 COMO ESCOLHO MEUS DISCÍPULOS E MEU DISCIPULADOR? O discipulado ocorrerá sempre a partir da célula. PASTOR GERAL CO- LÍDERES PASTORES PRESBÍTEROS AUXILIARES SUPERVISORES LÍDERES MEMBROS

15 OS MATERIAIS? NE DISCIPULADO Para o discipulado: Continue o cuidado e restauração com as três revistas de mentoria; As 10 Perguntas de prestação de contas devem ser utilizadas todos os encontros! Estudo de livros de acordo com a necessidade do discípulo.

16 É indispensável que você esteja produzindo frutos, para que você seja um bom exemplo para o seu discípulo. Os frutos do Espírito em Gálatas 5:22-23 (caráter de Cristo) e o fruto ministerial na Célula vão transferir ao seu discípulo um modelo de vida produtiva. Você não poderá reproduzir na vida de seu discípulo aquilo que você ainda não é. Se o próprio Senhor Jesus se santificou para que seus discípulos também fossem santificados (João 17:19), imagine o quanto nós, como discipuladores, também precisamos nos santificar.

17 O alvo do discipulado é produzir muitos discípulos semelhantes a Jesus (Romanos 8.29). Amor e cuidado é o discipulado segundo os passos de Jesus, nele o discípulo aprende ser submisso, ensinável, obediente, ter o espírito de servo e rejeitar toda e qualquer glória humana.

18 O discipulado é onde: Há cura para as áreas fragilizadas; Há nutrição espiritual; Há crescimento pessoal e espiritual; Há proteção espiritual; Há cuidado e zelo pelo filho(a) amado(a). Há frutificação; As pessoas foram criadas para crescer e frutificar, água parada só serve para duas coisas: cheirar mau e criar mosquito dengue. E ISSO É SÓ O COMEÇO...

19 Quando o discipulador chega no nível de Supervisor de Células em diante é importante que use os três níveis de discipulado para ajudá-lo na organização dos seus discípulos: Nível 1 Nível 2 Nível 3

20 Nível n.º 1 Estes são os discípulos principais em que o discipulador vai investir a maior parte do seu tempo, que já demonstra lealdade, obediência, ouve a voz a sua voz. Normalmente são: Pessoas em que o discipulador vê elevado potencial. Pessoas em quem o discipulador quer investir em longo prazo também. Pessoas em que o discipulador está discipulando na vida pessoal e na vida ministerial. Pessoas que estão debaixo da cobertura do discipulador na hierarquia de Células.

21 Nível n.º 2 Estes não são discípulos (no sentido um a um) deste discipulador, mas por causa do ministério, ou outra razão, estão semanalmente se reunindo em grupo debaixo deste líder. Por considerá-los muito importantes, este líder está discipulando-os indiretamente mas poderosamente, às vezes, inclusive, muitas horas por semana. Por isso ele os considera discípulos Nível n.º 2.

22 Nível n.º 3 Estes são discípulos (Um a Um) com quem o discipulador se reúne uma vez por semana, de 15 em 15 dias ou até 1 vez por mês mas por serem bem novos, ou resistentes, ele não sente que deve investir muito tempo neles. Muitas vezes o discípulo Nível n.º 3 poderá se tornar um discípulo Nível n.º 1. Se o M.D.A do discipulador já estiver completo, ele muitas vezes vai manter algumas vagas no Nível n.º 3 para cuidar de novas pessoas que ele ganhou para Jesus, até que sejam transferidos para outro discipulador.

23 Discipulado Vitalício A partir do nível de Pastor de Distrito (ou quando o discipulador já estiver envolvido em um ministério de forma mais permanente), ele deverá tirar muito tempo em oração acerca de quem deverá ser seus discípulos vitalícios.

24 Discípulos Vitalícios sempre serão os discípulos do Nível 1, que através de oração foram gerados e revelados por Deus como discípulos em quem você deve investir a sua vida em caráter permanente. NÃO SE PRECIPITE. (Lc 6:12-13) Esse tipo de discipulado faz com que haja continuidade de unção, visão e frutificação, mesmo depois da morte do discipulador. Ex: Jesus e seus discípulos (70, 12 e os 3) Sucesso só é sucesso se tiver um sucessor bemsucedido (Pr. Elvis Oliveira)

25 ASSUNTOS PERTINENTES AO DISCIPULADO: Seguem-se alguns assuntos importantes a serem abordados com seu discípulo. Apesar de que muitas vezes você só abordará um, dois, ou três assuntos com seu discípulo em uma reunião pessoal, eventualmente é importante abordar estes assuntos, e outros, na medida em que você for dirigido pelo Espírito Santo.

26 1. Relacionamento com Deus. Como está? Como ele se sente diante de Deus? Como está o seu tempo sozinho com Deus? Quanto tempo ele tira com Deus por dia? Quando? Onde? Como? Como é o seu tempo de oração? Como é o seu tempo na Palavra de Deus? Como cultivar mais intimidade com Deus?

27 1. Relacionamento com Deus. Como está? Como ele se sente diante de Deus? Como está o seu tempo sozinho com Deus? Quanto tempo ele tira com Deus por dia? Quando? Onde? Como? Como é o seu tempo de oração? Como é o seu tempo na Palavra de Deus? Como cultivar mais intimidade com Deus?

28 Relacionamento com a Família. Como está? Como ele se sente acerca de sua Família? Sua esposa? Filhos? Irmãos? Pais?, etc. Está ganhando a sua Família para Jesus? Quanto tempo é tirado por dia com a Família? Quanto tempo é tirado para investir na Família durante a semana? Tem culto doméstico? Como é? Ora todo dia com a esposa (esposo)? Está andando em amor sem grosserias, palavras duras, ou gritos em casa com a esposa (esposo) e os filhos.

29 2. Relacionamento com a Família. Como está? Como ele se sente acerca de sua Família? Sua esposa? Filhos? Irmãos? Pais?, etc. Está ganhando a sua Família para Jesus? Quanto tempo é tirado por dia com a Família? Quanto tempo é tirado para investir na Família durante a semana? Tem culto doméstico? Como é? Ora todo dia com a esposa (esposo)? Está andando em amor sem grosserias, palavras duras, ou gritos em casa com a esposa (esposo) e os filhos.

30 3. Relacionamento com suas autoridades espirituais e outras autoridades. 4. Relacionamento com companheiros no ministérios. 5. Relacionamento com seus liderados (discípulos e ovelhas). 6. Relacionamento com pessoas do sexo oposto. Ele se sente tentado? Está tendo cuidado com seus pensamentos, palavras, ações, e olhos?

31 7. Relacionamento com dinheiro. Compromisso de não amar ao dinheiro. Compromisso de dar dízimos e ofertas. Compromisso de ajudar os pobres e necessitados 8. Como vão os seus discípulos? Sabe fazer visitas? Para os NE s? Para os novos convertidos? Para os outros? Está fazendo visitas? Como faz? (é importante que você, discipulador, faça visita com o seu discípulo para demonstrar como fazer boas visitas. Vocês devem visitar pelo menos um NE - visita evangelística - e também pelo menos um novo convertido juntos).

32 8. Vida Pessoal Irrepreensível Uso do tempo Coisas que fala (Fp 4:8) Corpo alimento e exercício Descanso (diário e semanal) Existem mais de 30 pontos a serem tratados através do discipulado (vide apostila do CTLA). Daí, entendemos que o discipulado é a melhor maneira de formarmos líderes e cristãos com o coração de Jesus.

Visão MDA. Sidnei Souza Hewlett-Packard 01/01/2014

Visão MDA. Sidnei Souza Hewlett-Packard 01/01/2014 2014 Visão MDA [Digite o subtítulo do documento] VI [Digite o resumo do documento aqui. Em geral, um resumo é um apanhado geral do conteúdo do documento. Digite o resumo do documento aqui. Em geral, um

Leia mais

Deus está implantando o Seu Reino aqui na Terra e Ele tem deixado bem claro qual é a visão dele para nós:

Deus está implantando o Seu Reino aqui na Terra e Ele tem deixado bem claro qual é a visão dele para nós: Visão do MDa Na visão do MDA, é possível à Igreja Local ganhar multidões para Jesus sem deixar de cuidar bem de cada cristão é o modelo de discipulado um a um em ação. O MDA abrange diversos fatores desenvolvidos

Leia mais

Grupo de Evangelismo. Igreja Vida em Cristo

Grupo de Evangelismo. Igreja Vida em Cristo 1 GE Grupo de Evangelismo Igreja Vida em Cristo 2 GE Grupo de Evangelismo Índice Apresentação... 3 Introdução ao GE (Grupo de Evangelismo)... 4 Primeira semana... 5 Segunda semana... 6 Terceira semana...

Leia mais

Selecionando e Desenvolvendo Líderes

Selecionando e Desenvolvendo Líderes DISCIPULADO PARTE III Pr. Mano Selecionando e Desenvolvendo Líderes A seleção de líderes é essencial. Uma boa seleção de pessoas para a organização da célula matriz facilitará em 60% o processo de implantação

Leia mais

Sempre Abundantes. IDE Curso E1 - Células. Lição 6 Multiplicando a sua célula

Sempre Abundantes. IDE Curso E1 - Células. Lição 6 Multiplicando a sua célula Sempre Abundantes IDE Curso E1 - Células Multiplicando a sua célula Vídeo: não desista agora! 2 Que lições aprendemos com este vídeo? Grupos de 4 a 6 pessoas Conversem sobre o vídeo e formulem duas lições

Leia mais

Implantar o Seu Reino na Terra

Implantar o Seu Reino na Terra CHAMADOS PARA RESPLANDECER A LUZ DO SENHOR ENTRE TODOS OS POVOS Disse Jesus: Venham a mim todos que estão cansados e oprimidos e eu darei alivio para vocês Mat. 11.28 VISÃO DO MDA MÉTODO DE DISCIPULADO

Leia mais

REVENDO A VISÃO E A NOSSA ESTRUTURA

REVENDO A VISÃO E A NOSSA ESTRUTURA AS CINCO FUNÇÕES ESSENCIAIS DA CÉLULA REVENDO A VISÃO E A NOSSA ESTRUTURA A célula tem muitas funções na igreja local, mas queremos ver o que na nossa opinião seriam as funções mais essenciais e indispensáveis.

Leia mais

DESENVOLVENDO MEMBROS MADUROS

DESENVOLVENDO MEMBROS MADUROS DESENVOLVENDO MEMBROS MADUROS Movendo Pessoas da Congregação para os Comprometidos para que não mais sejamos como meninos Mas, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo.

Leia mais

Discipulado Parte II Pastor Emanuel Adriano (Mano)

Discipulado Parte II Pastor Emanuel Adriano (Mano) Discipulado Parte II Pastor Emanuel Adriano (Mano) Estruturas Para Formar Discípulos Célula Evangelística: Esta estrutura ajuda nas ações de ganhar e consolidar. Ela tem dois objetivos principais: 1 )Despertar

Leia mais

Mantendo uma Posição Firme

Mantendo uma Posição Firme Livro 1 página 65 Lição Nove Mantendo uma Posição Firme (O Batismo e a Membresia na Igreja) Introdução: O batismo e a membresia na igreja säo coisas inteiramente diferentes. Eles estão juntos nesta lição

Leia mais

Lição 9 Completar com Alegria

Lição 9 Completar com Alegria Lição 9 Completar com Alegria A igreja estava cheia. Era a época da colheita. Todos tinham trazido algo das suas hortas, para repartir com os outros. Havia muita alegria enquanto as pessoas cantavam louvores

Leia mais

Lição 01 O propósito eterno de Deus

Lição 01 O propósito eterno de Deus Lição 01 O propósito eterno de Deus LEITURA BÍBLICA Romanos 8:28,29 Gênesis 1:27,28 Efésios 1:4,5 e 11 VERDADE CENTRAL Deus tem um propósito original e eterno para minha vida! OBJETIVO DA LIÇÃO Que eu

Leia mais

www.comunidadepedraviva.com.br TRILHO PEDRA VIVA

www.comunidadepedraviva.com.br TRILHO PEDRA VIVA TRILHO PEDRA VIVA ROTEIRO PARA PLANTAÇÃO DE VIDAS Um provérbio chinês nos lembra : se sua visão é para um ano, plante trigo; se sua visão é para uma década, plante árvores; se sua visão é para toda a vida,

Leia mais

Casas de Paz Uma estratégia para levar famílias a experimentar a paz que só Jesus pode oferecer.

Casas de Paz Uma estratégia para levar famílias a experimentar a paz que só Jesus pode oferecer. Casas de Paz Uma estratégia para levar famílias a experimentar a paz que só Jesus pode oferecer. 1) Introdução. Pouco antes da sua morte Jesus declarou aos seus discípulos: Deixo com vocês a paz. É a minha

Leia mais

Lição 8 Trabalhar com Líderes

Lição 8 Trabalhar com Líderes Lição 8 Trabalhar com Líderes Já havia mais de um ano que o António se tornara membro da sua igreja. Ele tinha aprendido tanto! Começou a pensar nos líderes da igreja que o tinham ajudado. Pensava naqueles

Leia mais

Multiplicação de Células

Multiplicação de Células Multiplicação de Células O objetivo principal da Célula Sub-metas: 1. Definir uma Data 2. Aumentar a presença de Deus 3. Levantar um novo Líder 4. Firmar novos membros 5. Encontrar um novo Anfitrião Multiplicar

Leia mais

igreja UMA em 4 estações

igreja UMA em 4 estações igreja UMA em 4 estações OS ESTÁGIOS DA VIDA DA CÉLULA Lideres saudáveis já compreenderam que é necessário mais do que um templo para o desenvolvimento sadio de uma comunidade cristã. A celebração no templo

Leia mais

Obedecer a Deus, Honrar aos pais e viver bem!

Obedecer a Deus, Honrar aos pais e viver bem! Obedecer a Deus, Honrar aos pais e viver bem! Obedecer. Palavra fácil de entender, mas muitas vezes difícil de colocar em prática. Principalmente quando não entendemos ou concordamos com a orientação dada.

Leia mais

Apêndice 2. Instruções para Manejar Bem a Palavra da Verdade

Apêndice 2. Instruções para Manejar Bem a Palavra da Verdade APÊNDICE 2 259 Apêndice 2 Instruções para Manejar Bem a Palavra da Verdade Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade (2

Leia mais

Igreja Amiga da criança. Para pastores

Igreja Amiga da criança. Para pastores Igreja Amiga da criança Para pastores Teste "Igreja Amiga da Criança" O povo também estava trazendo criancinhas para que Jesus tocasse nelas. Ao verem isso, os discípulos repreendiam aqueles que as tinham

Leia mais

Personal Commitment Guide. Guia de Compromisso Pessoal

Personal Commitment Guide. Guia de Compromisso Pessoal Personal Commitment Guide Guia de Compromisso Pessoal Nome da Igreja ou Evento Nome do Conselheiro Telefone 1. Salvação >Você já atingiu um estágio na vida em que você tem a certeza da vida eterna e que

Leia mais

Discipulado Pastor Emanuel Adriano (Mano) DISCIPULADO

Discipulado Pastor Emanuel Adriano (Mano) DISCIPULADO Discipulado Pastor Emanuel Adriano (Mano) DISCIPULADO Em vários textos a Bíblia relata visões que Deus deu a seu povo. Essas visões tinham por objetivo trazer uma orientação ou direção, em outros momentos

Leia mais

CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo. CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo

CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo. CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo Tens uma tarefa importante para realizar: 1- Dirige-te a alguém da tua confiança. 2- Faz a pergunta: O que admiras mais em Jesus? 3- Regista a resposta nas linhas.

Leia mais

RECAPITULANDO... MATEUS 28:18-20

RECAPITULANDO... MATEUS 28:18-20 MÓDULO 1 RECAPITULANDO... MATEUS 28:18-20 18 Jesus, aproximando-se, falou-lhes, dizendo: Toda a autoridade me foi dada no céu e na terra. 19 Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os

Leia mais

pensamentos para o seu dia a dia

pensamentos para o seu dia a dia pensamentos para o seu dia a dia Israel Belo de Azevedo 1Vida e espiritualidade 1 Adrenalina no tédio O interesse por filmes sobre o fim do mundo pode ser uma forma de dar conteúdo ao tédio. Se a vida

Leia mais

Lição 7 Compreendendo a Visão da nossa Igreja

Lição 7 Compreendendo a Visão da nossa Igreja Lição 7 Compreendendo a Visão da nossa Igreja 1. O PROPÓSITO DESTA LIÇÃO Nesta lição queremos estudar e compreender melhor a visão que Deus tem nos dado como Convenção para nossas Igrejas locais. Já explicamos

Leia mais

DOUTRINAS BÁSICAS DA VIDA CRISTÃ

DOUTRINAS BÁSICAS DA VIDA CRISTÃ EBD DOUTRINAS BÁSICAS DA VIDA CRISTÃ DOUTRINAS BÁSICAS DA VIDA CRISTÃ OLÁ!!! Sou seu Professor e amigo Você está começando,hoje, uma ETAPA muito importante para o seu CRESCIMENTO ESPIRITUAL e para sua

Leia mais

Escola de Discipuladores Vida na Vida. Módulo 1

Escola de Discipuladores Vida na Vida. Módulo 1 Escola de Discipuladores Vida na Vida Módulo 1 1. A IGREJA E OS PEQUENOS GRUPOS A Igreja do Senhor Jesus está atualmente experimentando uma mudança de paradigma ao redor do mundo. Eu me refiro ao resgate

Leia mais

No dia seguinte, viu João a Jesus, que vinha para ele, e disse: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!

No dia seguinte, viu João a Jesus, que vinha para ele, e disse: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo! SÉRIE: QUEM É JESUS? Jesus é o Cordeiro de Deus Data: / 09 / 2010 - Semana 4. No dia seguinte, viu João a Jesus, que vinha para ele, e disse: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo! 1 / 7 1)

Leia mais

DISCIPULADO. Um estilo de vida

DISCIPULADO. Um estilo de vida DISCIPULADO Um estilo de vida TRANSIÇÃO O QUE VOCÊ DESEJA? Uma grande Igreja? Uma Igreja saudável? O QUE UMA TRANSIÇÃO SAUDÁVEL EXIGE? I. COMPROMETIMENTO O Pastor/a é a chave. Só vale a pena mudar quando

Leia mais

DISCIPULADO PASSO A PASSO

DISCIPULADO PASSO A PASSO DISCIPULADO PASSO A PASSO DISCIPULADO PASSO A PASSO PALAVRA PASTORAL Dentro das nossas concepções de que uma igreja em células não é uma estratégia de grupos pequenos, mas sim uma estratégia de liderança,

Leia mais

GRUPOS. são como indivíduos, cada um deles, tem sua maneira específica de funcionar.

GRUPOS. são como indivíduos, cada um deles, tem sua maneira específica de funcionar. GRUPOS são como indivíduos, cada um deles, tem sua maneira específica de funcionar. QUANTOS ADOLESCENTES A SUA CLASSE TEM? Pequenos (de 6 a 10 pessoas) Médios ( de 11 pessoa a 25 pessoas) Grandes ( acima

Leia mais

Jesus pode mudar a sua vida João 4.46-47 e 49-53. Ao longo da vida passamos por muitas mudanças.

Jesus pode mudar a sua vida João 4.46-47 e 49-53. Ao longo da vida passamos por muitas mudanças. Jesus pode mudar a sua vida João 4.46-47 e 49-53 Ao longo da vida passamos por muitas mudanças. Pr. Fernando Fernandes Penápolis, 20/10/2012 3º Cristo na Praça Dia Municipal do Evangélico 1 Mudanças sociais,

Leia mais

Lição 11. Batismo nas águas. Comuidade Ev. Amanhecer com Jesus QUESTIONAMENTOS: O batismo salva? O batismo como mandamento

Lição 11. Batismo nas águas. Comuidade Ev. Amanhecer com Jesus QUESTIONAMENTOS: O batismo salva? O batismo como mandamento Lição 11 Batismo nas águas Jesus, aproximando-se, falou-lhes, dizendo: Toda a autoridade me foi dada no céu e na terra. Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA A IMPORTÂNCIA DAS OBRAS DE FÉ William Soto Santiago Cayey Porto Rico 16 de Março de 2011 Reverendo William Soto Santiago, Ph. D. CENTRO DE DIVULGAÇÃO DO EVANGELHO DO REINO http://www.cder.com.br E-mail:

Leia mais

Curso Bíblico. Lição 7 FAZEI DISCÍPULOS

Curso Bíblico. Lição 7 FAZEI DISCÍPULOS Curso Bíblico Lição 7 Lembre-se que é da vontade de Deus que todos os homens se salvem: Isto é bom e aceitável diante de Deus, nosso Salvador, o qual deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao

Leia mais

Dia 24 - DOAR. Você consegue ver mudanças internas?

Dia 24 - DOAR. Você consegue ver mudanças internas? Jesus deu a resposta aos fariseus naquele dia. Portanto, deem aos pobres o que está dentro dos seus copos e dos seus pratos, e assim tudo ficará limpo para vocês. (Lc 11.41). Com aquela Palavra, Ele tocou

Leia mais

Os encontros de Jesus. sede de Deus

Os encontros de Jesus. sede de Deus Os encontros de Jesus 1 Jo 4 sede de Deus 5 Ele chegou a uma cidade da Samaria, chamada Sicar, que ficava perto das terras que Jacó tinha dado ao seu filho José. 6 Ali ficava o poço de Jacó. Era mais ou

Leia mais

NOVE FORMAS DE SE TORNAR UMA IGREJA GUIADA POR PROPÓSITO. Como Equilibrar os Cinco Propósitos. Níveis de Compromisso

NOVE FORMAS DE SE TORNAR UMA IGREJA GUIADA POR PROPÓSITO. Como Equilibrar os Cinco Propósitos. Níveis de Compromisso NOVE FORMAS DE SE TORNAR UMA IGREJA GUIADA POR PROPÓSITO Como Equilibrar os Cinco Propósitos INTRODUÇÃO Comece a ver cinco grupos-alvo a quem você ministra: CÍRCULOS DE COMPROMISSO Alvo EVANGELISMO ADORAÇÃO

Leia mais

8º Capítulo. Petros Os Dons Pilares 1ª Parte

8º Capítulo. Petros Os Dons Pilares 1ª Parte 8º Capítulo Petros Os Dons Pilares 1ª Parte O texto de I Co 12:7-11 fala sobre os dons espirituais, aqui chamados de carismáticos; O texto de Ef 4:11 fala sobre os dons ministeriais, aqui chamados de dons

Leia mais

Geração compaixão A Revolução do Amor!

Geração compaixão A Revolução do Amor! 1 Geração compaixão A Revolução do Amor! A velocidade com que o tempo passa, nos mostra claramente a fugacidade da vida. Já estamos em 2016! E este será um ano diferente para a juventude adventista no

Leia mais

A Regra daterceira Ordem da Sociedade de São Francisco iii) Ordem para Admissões e Renovações I. O CONVITE

A Regra daterceira Ordem da Sociedade de São Francisco iii) Ordem para Admissões e Renovações I. O CONVITE A Regra daterceira Ordem da Sociedade de São Francisco iii) Ordem para Admissões e Renovações como ordenado pelo Capítulo Interprovincial da Terceira Ordem na Revisão Constitucional de 1993, e subseqüentemente

Leia mais

Lição Oito. O Culto a Deus. Que É Culto? adoração da parte da pessoa que pensa acerca de Deus. O culto é a reação humana à glória,

Lição Oito. O Culto a Deus. Que É Culto? adoração da parte da pessoa que pensa acerca de Deus. O culto é a reação humana à glória, Livro 1 página 57 Lição Oito O Culto a Deus Que É Culto? O culto é o ato de reconhecer a Deus por quem Ele é. Inclui uma atitude de reverência, devoção e adoração da parte da pessoa que pensa acerca de

Leia mais

Consolidação para o Discipulado - 1

Consolidação para o Discipulado - 1 Consolidação para o Discipulado - 1 Fortalecendo o novo convertido na Palavra de Deus Rev. Edson Cortasio Sardinha Consolidador/a: Vida consolidada: 1ª Lição: O Amor de Deus O amor de Deus está presente

Leia mais

Jo 15.2 = Toda vara em mim que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto.

Jo 15.2 = Toda vara em mim que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto. A Responsabilidade dos Filhos de Deus Texto Base: 1º João 2.6 = Aquele que diz que está nele também deve andar como ele andou. Introdução: O nosso dever é andar como Ele (Jesus) andou.. Todos que O aceitam

Leia mais

Treinamento de Líderes de Células

Treinamento de Líderes de Células Treinamento de Líderes de Células Ferramentas e Instruções para a Formação Integral de Líderes de Células bem Sucedidos As células de crescimento e multiplicação, atreladas ao discipulado um a um, são

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DA IGREJA METODISTA 1ª REGIÃO ECLESIÁSTICA SEDE REGIONAL

ASSOCIAÇÃO DA IGREJA METODISTA 1ª REGIÃO ECLESIÁSTICA SEDE REGIONAL Rio de Janeiro, 29 de fevereiro de 2008. CGE/011/08 Aos/Às Pastores e Pastoras Estimados/as irmãos e irmãs Jesus Cristo é o Senhor! Encaminho esta carta através do seu pastor/a, visto não possuirmos ainda

Leia mais

Apostila de Fundamentos. Arrependimento. Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados...

Apostila de Fundamentos. Arrependimento. Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados... Apostila de Fundamentos Arrependimento Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados... (Atos 3:19) A r r e p e n d i m e n t o P á g i n a 2 Arrependimento É muito importante

Leia mais

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade.

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade. A Palavra de Deus 2 Timóteo 3:16-17 Pois toda a Escritura Sagrada é inspirada por Deus e é útil para ensinar a verdade, condenar o erro, corrigir as faltas e ensinar a maneira certa de viver. 17 E isso

Leia mais

dependência de Deus transformação integral acolhedora, discipuladora e multiplicadora transformação integral de pessoas, sociedades e povos.

dependência de Deus transformação integral acolhedora, discipuladora e multiplicadora transformação integral de pessoas, sociedades e povos. ser humano. Na dependência de Deus, ser reconhecida com uma igreja que promove a transformação integral do Ser uma igreja acolhedora, discipuladora e multiplicadora, que na dependência de Deus promove

Leia mais

A ESPERANÇA QUE VEM DO ALTO. Romanos 15:13

A ESPERANÇA QUE VEM DO ALTO. Romanos 15:13 A ESPERANÇA QUE VEM DO ALTO Romanos 15:13 - Ora o Deus de esperança vos encha de toda a alegria e paz em crença, para que abundeis em esperança pela virtude do Espírito Santo. Só Deus pode nos dar uma

Leia mais

A Experiência do Novo Nascimento

A Experiência do Novo Nascimento Pr. Patrick Robert Briney Mission Boulevard Baptist Church A Experiência do Novo Nascimento A Série das Verdades do Evangelho (caderno 6) The Born Again Experience Tradução Pr. Anastácio Pereira de Sousa

Leia mais

Como levar alguém a Jesus Cristo usando o Cubo Evangelístico (Use as setas do cubo para ajudá-lo a abrir as figuras)

Como levar alguém a Jesus Cristo usando o Cubo Evangelístico (Use as setas do cubo para ajudá-lo a abrir as figuras) Como levar alguém a Jesus Cristo usando o Cubo Evangelístico (Use as setas do cubo para ajudá-lo a abrir as figuras) Mostre o "Homem em Pecado" separado de Deus Esta luz (aponte para o lado direito) representa

Leia mais

Somos chamados a servir, não a sermos servidos, segundo a disposição do próprio Jesus, que serviu em nosso lugar, de livre e espontanea vontade.

Somos chamados a servir, não a sermos servidos, segundo a disposição do próprio Jesus, que serviu em nosso lugar, de livre e espontanea vontade. Somos chamados a servir, não a sermos servidos, segundo a disposição do próprio Jesus, que serviu em nosso lugar, de livre e espontanea vontade. Evangelho de Mateus, capítulo 20, versículo 28: "Assim como

Leia mais

Sumário. Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9. Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15. Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33

Sumário. Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9. Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15. Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33 1 a Edição Editora Sumário Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9 Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15 Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33 Santos, Hugo Moreira, 1976-7 Motivos para fazer

Leia mais

Programa de Incentivo à Leitura Infantil Revista EBD Aprender+ 1º Tri 2016: O Ministério de Jesus

Programa de Incentivo à Leitura Infantil Revista EBD Aprender+ 1º Tri 2016: O Ministério de Jesus O PIL KIDS foi desenvolvido para ajudar na fixação das lições das revistas EBD infantil da Editora Betel de forma lúdica e contém várias atividades semanais elaboradas dentro de uma perspectiva e linguagem

Leia mais

A Liderança do Espírito

A Liderança do Espírito A Liderança do Espírito Autor : Andrew Murray Para muitos Cristãos a liderança do Espírito é considerada como uma sugestão de pensamentos para nossa orientação. Eles almejam e pedem por ela em vão. Quando

Leia mais

Entrada da Palavra: Comentário da Palavra: Permaneçamos em pé para acolher o Livro Santo de Nossa Fé, a Palavra de Deus, cantando.

Entrada da Palavra: Comentário da Palavra: Permaneçamos em pé para acolher o Livro Santo de Nossa Fé, a Palavra de Deus, cantando. Celebração de Encerramento PREPARAR 1. Bíblia e velas para a Procissão de Entrada da Palavra 2. Sementes de girassóis para cada catequista depositar num prato com terra diante do altar durante a homilia

Leia mais

Perfil da Igreja que possui maturidade

Perfil da Igreja que possui maturidade Perfil da Igreja que possui maturidade TEXTO BÍBLICO BÁSICO Atos 2.7-45 7 - E, ouvindo eles isto, compungiram-se em seu coração, e perguntaram a Pedro e aos demais apóstolos: Que faremos, homens irmãos?

Leia mais

LEITURA BÍBLICA A BÍBLIA LER

LEITURA BÍBLICA A BÍBLIA LER LEITURA BÍBLICA A BÍBLIA LER INTRODUÇÃO: Qualquer que seja meu objetivo, ler é a atividade básica do aprendizado. Alguém já disse: Quem sabe ler, pode aprender qualquer coisa. Se quisermos estudar a Bíblia,

Leia mais

Curso de Discipulado

Curso de Discipulado cidadevoadora.com INTRODUÇÃO 2 Este curso é formado por duas partes sendo as quatro primeiras baseadas no evangelho de João e as quatro últimas em toda a bíblia, com assuntos específicos e muito relevantes

Leia mais

Aplicação. Atividade: Fazer um cartão (do coração) com o texto Bíblico Chave. Pastora Gabriela Pache de Fiúza Ministério Boa Semente Igreja em Células

Aplicação. Atividade: Fazer um cartão (do coração) com o texto Bíblico Chave. Pastora Gabriela Pache de Fiúza Ministério Boa Semente Igreja em Células Sementinha Kids Ministério Boa Semente Igreja em células SERIE: AS PARÁBOLAS DE JESUS Lição 5: O Bom Samaritano Principio da lição: Deus deseja que demonstremos amor prático a todas as pessoas. Base bíblica:

Leia mais

A VISÃO DO MDA O CORAÇÃO DA IGREJA LOCAL

A VISÃO DO MDA O CORAÇÃO DA IGREJA LOCAL O CORAÇÃO DA IGREJA LOCAL A VISÃO DO MDA + O CORAÇÃO DA IGREJA LOCAL ÍNDICE A VISÃO DO MDA CAPÍTULO 1 Introdução 04 CAPÍTULO 2 A Importância da Igreja Local 06 CAPÍTULO 3 A Importância da Célula 09 CAPÍTULO

Leia mais

2015 O ANO DE COLHER JANEIRO - 1 COLHER ONDE PLANTEI

2015 O ANO DE COLHER JANEIRO - 1 COLHER ONDE PLANTEI JANEIRO - 1 COLHER ONDE PLANTEI Texto: Sal. 126:6 Durante o ano de 2014 falamos sobre a importância de semear, preparando para a colheita que viria neste novo ano de 2015. Muitos criaram grandes expectativas,

Leia mais

LIBERTANDO OS CATIVOS

LIBERTANDO OS CATIVOS LIBERTANDO OS CATIVOS Lucas 14 : 1 24 Parábola sobre uma grande ceia Jesus veio convidar àqueles que têm fome e sede para se ajuntarem a Ele. O Senhor não obriga que as pessoas O sirvam, mas os convida

Leia mais

O que fazer em meio às turbulências

O que fazer em meio às turbulências O que fazer em meio às turbulências VERSÍCULO BÍBLICO Façam todo o possível para viver em paz com todos. Romanos 12:18 OBJETIVOS O QUÊ? (GG): As crianças assistirão a um programa de auditório chamado Geração

Leia mais

UMA VIDA DE PAZ, PACIÊNCIA E AMABILIDADE EM UM MUNDO HOSTIL.

UMA VIDA DE PAZ, PACIÊNCIA E AMABILIDADE EM UM MUNDO HOSTIL. UMA VIDA DE PAZ, PACIÊNCIA E AMABILIDADE EM UM MUNDO HOSTIL. Como sabemos o crescimento espiritual não acontece automaticamente, depende das escolhas certas e na cooperação com Deus no desenvolvimento

Leia mais

Você foi criado para tornar-se semelhante a Cristo

Você foi criado para tornar-se semelhante a Cristo 4ª Semana Você foi criado para tornar-se semelhante a Cristo I- CONECTAR: Inicie o encontro com dinâmicas que possam ajudar as pessoas a se conhecer e se descontrair para o tempo que terão juntas. Quando

Leia mais

Deus o chamou para o ministério da palavra e do ensino também. Casou-se aos 21 de idade com a ministra de louvor Elaine Aparecida da Silva

Deus o chamou para o ministério da palavra e do ensino também. Casou-se aos 21 de idade com a ministra de louvor Elaine Aparecida da Silva Biografia Jessé de Souza Nascimento, nascido em 11/04/1986 em um lar evangélico. Filho de Adão Joaquim Nascimento e Maria de Souza Nascimento. Cresceu sendo ensinado dentro da palavra de Deus e desde muito

Leia mais

Estudos bíblicos sobre liderança Tearfund*

Estudos bíblicos sobre liderança Tearfund* 1 Estudos bíblicos sobre liderança Tearfund* 1. Suporte para lideranças Discuta que ajuda os líderes podem necessitar para efetuar o seu papel efetivamente. Os seguintes podem fornecer lhe algumas idéias:

Leia mais

RELEMBRANDO... O que é disciplina? O que é disciplina para a vida espiritual? Solitude e Silêncio Jejum Meditação

RELEMBRANDO... O que é disciplina? O que é disciplina para a vida espiritual? Solitude e Silêncio Jejum Meditação RELEMBRANDO... O que é disciplina? O que é disciplina para a vida espiritual? Solitude e Silêncio Jejum Meditação A disciplina da orientação O registro bíblico sempre apresenta o relacionamento entre Deus

Leia mais

1 - CONCEITOS GERAIS

1 - CONCEITOS GERAIS 15 1 - CONCEITOS GERAIS Estamos oferecendo a você este treinamento não com a intenção de que após este curto espaço de tempo, você saia um expert em discipulado, mas incentivá-lo a cuidar e ser instrumento

Leia mais

ORIENTAÇÕES PRÁTICAS PARA AS EQUIPES DE INTERCESSÃO

ORIENTAÇÕES PRÁTICAS PARA AS EQUIPES DE INTERCESSÃO ORIENTAÇÕES PRÁTICAS PARA AS EQUIPES DE INTERCESSÃO O Grupo de Oração é aberto para todos virem beber da água viva de Jesus, sendo inundados pelo Espírito Santo, onde louvam, cantam, e são alimentados

Leia mais

ESTUDOS NO EVANGELHO DE JOÃO

ESTUDOS NO EVANGELHO DE JOÃO ESTUDOS NO EVANGELHO DE JOÃO ESTUDO 1 NOVA VIDA O presente curso ajudará você a descobrir fatos da Palavra de Deus, fatos os quais você precisa para viver a vida em toda a sua plenitude. Por este estudo

Leia mais

ESTUDOS PARA AS CÉLULAS AS SETE VERDADES ESSÊNCIAIS DO EVANGELHO

ESTUDOS PARA AS CÉLULAS AS SETE VERDADES ESSÊNCIAIS DO EVANGELHO 1 ESTUDOS PARA AS CÉLULAS AS SETE VERDADES ESSÊNCIAIS DO EVANGELHO LIÇÃO Nº 01 DIA 16/06/2014 INTRODUÇÃO: Vamos começar uma nova série de estudos em nossas células. Esta será uma série muito interessante

Leia mais

Um Projeto de Deus. RELACIONAMENTO É O SEGREDO DO CRESCIMENTO Saudável DA IGREJA. Pr Wilson Filho

Um Projeto de Deus. RELACIONAMENTO É O SEGREDO DO CRESCIMENTO Saudável DA IGREJA. Pr Wilson Filho Metas 2014 Pastor W Um Projeto de Deus Coord RELACIONAMENTO É O SEGREDO DO CRESCIMENTO Saudável DA IGREJA Pr Wilson Filho GANHAR E DISCIPULAR É O NOSSO ALVO =01= Pr Raul Cavalcante Batista Presidente da

Leia mais

O MOTIVO POR QUE A CORTESIA E

O MOTIVO POR QUE A CORTESIA E O MOTIVO POR QUE A CORTESIA E OS BONS HÁBITOS SÃO IMPORTANTES CHRISTOPHER KLICKA Parte da experiência de dar aulas escolares em casa é ensinar os filhos a praticar boas maneiras. Para nossa própria sobrevivência,

Leia mais

Material: Uma copia do fundo para escrever a cartinha pra mamãe (quebragelo) Uma copia do cartão para cada criança.

Material: Uma copia do fundo para escrever a cartinha pra mamãe (quebragelo) Uma copia do cartão para cada criança. Radicais Kids Ministério Boa Semente Igreja em células Célula Especial : Dia Das mães Honrando a Mamãe! Principio da lição: Ensinar as crianças a honrar as suas mães. Base bíblica: Ef. 6:1-2 Texto chave:

Leia mais

Elementos da Vida da Pequena Comunidade

Elementos da Vida da Pequena Comunidade Raquel Oliveira Matos - Brasil A Igreja, em sua natureza mais profunda, é comunhão. Nosso Deus, que é Comunidade de amor, nos pede entrarmos nessa sintonia com Ele e com os irmãos. É essa a identidade

Leia mais

Mateus 4, 1-11. Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto.

Mateus 4, 1-11. Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto. Mateus 4, 1-11 Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto.». Este caminho de 40 dias de jejum, de oração, de solidariedade, vai colocar-te

Leia mais

SENDO UMA PESSOA MANSA E CONTROLADA.

SENDO UMA PESSOA MANSA E CONTROLADA. SENDO UMA PESSOA MANSA E CONTROLADA. Chegamos à reta final de nossa caminha de transformação, restando apenas os dois últimos gomos do Fruto do Espírito. Estes dois últimos gomos, são os mais difíceis

Leia mais

Pr. Patrick Robert Briney Mission Boulevard Baptist Church. A Série das Verdades do Evangelho (caderno 4) God is the Answer

Pr. Patrick Robert Briney Mission Boulevard Baptist Church. A Série das Verdades do Evangelho (caderno 4) God is the Answer Pr. Patrick Robert Briney Mission Boulevard Baptist Church Deus é a Resposta A Série das Verdades do Evangelho (caderno 4) God is the Answer Tradução Pr. Anastácio Pereira de Sousa Primeira Igreja Batista

Leia mais

QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA. II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA

QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA. II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA At 9.31 A igreja, na verdade, tinha paz por toda Judéia, Galiléia e Samaria, edificando-se

Leia mais

Subsídios para O CULTO COM CRIANÇAS

Subsídios para O CULTO COM CRIANÇAS Subsídios para O CULTO COM CRIANÇAS O que é um culto infantil? O culto para crianças não tem o objetivo de tirar a criança de dentro do templo para evitar que essa atrapalhe o culto ou atrapalhe a atenção

Leia mais

O primeiro texto em II Rs 6:1 7 (versão RA), onde um servo perdeu um machado e o profeta Eliseu faz um ato profético e o machado flutua.

O primeiro texto em II Rs 6:1 7 (versão RA), onde um servo perdeu um machado e o profeta Eliseu faz um ato profético e o machado flutua. Vigie com os Valores e Ferramentas espirituais. Veremos dois textos que falam sobre perda, e tiraremos a lição para nossas vidas, para Não perdermos o que Deus já nos deu, e para que isso não aconteça,

Leia mais

Koinonia, descobrindo a alegria de pertencer.

Koinonia, descobrindo a alegria de pertencer. ESTUDO 24 SIRVAM UNS AOS OUTROS Sinônimos: Ajudem-se mutuamente. Cada um use o seu próprio dom para o bem dos outros. O nosso mundo emprega vários critérios para avaliar a grandeza de alguém. É grande

Leia mais

Todos Batizados em um Espírito

Todos Batizados em um Espírito 1 Todos Batizados em um Espírito Leandro Antonio de Lima Podemos ver os ensinos normativos a respeito do batismo com o Espírito Santo nos escritos do apóstolo Paulo, pois em muitas passagens ele trata

Leia mais

SERIE: APRENDENDO COM OS BICHINHOS A FORMIGUINHA

SERIE: APRENDENDO COM OS BICHINHOS A FORMIGUINHA Radicais Kids - Sábado 13/12 Ministério Boa Semente Igreja em células SERIE: APRENDENDO COM OS BICHINHOS A FORMIGUINHA Lição: Xô Preguiça!! Base bíblica: Provérbios 6:6-11 Preguiçoso, aprenda uma lição

Leia mais

ATRAINDO E MANTENDO A MULTIDÃO

ATRAINDO E MANTENDO A MULTIDÃO ATRAINDO E MANTENDO A MULTIDÃO ANOTAÇÕES Como Planejar Um Culto Sensível Aos Não-crentes INTRODUÇÃO Uma das características do ministério de Jesus é que ele atraía muitas pessoas A Bíblia diz que "Numerosas

Leia mais

SUA SEGURANÇA COM DEUS

SUA SEGURANÇA COM DEUS SUA SEGURANÇA COM DEUS Deus deseja que você tenha convicções em sua vida espiritual. Seu pai celestial não quer que você viva com dúvidas e inseguranças acerca de sua condição espiritual e relacionamento

Leia mais

O seu conceito das religiões é como o seguinte quadro?

O seu conceito das religiões é como o seguinte quadro? ...as religiões? Sim, eu creio que sim, pois não importa a qual religião pertença. O importante é apoiar a que tem e saber levá-la. Todas conduzem a Deus. Eu tenho minha religião e você tem a sua, e assim

Leia mais

#61. 10.14 O batismo do Espírito Santo

#61. 10.14 O batismo do Espírito Santo 10.14 O batismo do Espírito Santo #61 Estudamos o novo nascimento e vimos como o Espírito Santo realiza essa obra juntamente com a Palavra de Deus. Tínhamos que entender o novo nascimento e como alguém

Leia mais

No princípio era aquele que é a Palavra... João 1.1 UMA IGREJA COM PROPÓSITOS. Pr. Cristiano Nickel Junior

No princípio era aquele que é a Palavra... João 1.1 UMA IGREJA COM PROPÓSITOS. Pr. Cristiano Nickel Junior No princípio era aquele que é a Palavra... João 1.1 UMA IGREJA COM PROPÓSITOS Pr. Cristiano Nickel Junior O propósito é que a Igreja seja um exército com bandeiras Martyn Lloyd-Jones No princípio era aquele

Leia mais

Você se lembra das três palavras abordadas na lição anterior: Revelação, inspiração e iluminação?

Você se lembra das três palavras abordadas na lição anterior: Revelação, inspiração e iluminação? A BÍBLIA Parte 2 Objetivo para mudança de vida: Dar ao estudante um senso profundo e duradouro de confiança em sua capacidade de entender a Bíblia. Capacidade esta que lhe foi dada por Deus. Você se lembra

Leia mais

Passos para recrutar voluntários

Passos para recrutar voluntários Passos para recrutar voluntários Encontrando o voluntário Faça um - mostrando o que Deus está fazendo no ministério Coloque no boletim um Em todos os eventos do ministério que levantam outras pessoas passe

Leia mais

Igreja Cristã Maranata. Trabalho com Surdos. Orientações gerais. Trabalho de LIBRAS

Igreja Cristã Maranata. Trabalho com Surdos. Orientações gerais. Trabalho de LIBRAS Orientações gerais Trabalho de LIBRAS Orientações quanto ao. Vimos, através desta, informar sobre a conduta básica para recepção dos nossos irmãos surdos e sobre procedimentos no tocante à introdução e

Leia mais

LIDERANÇA ESPIRITUAL

LIDERANÇA ESPIRITUAL LIDERANÇA ESPIRITUAL Líder é uma pessoa que Deus usa para influenciar outras pessoas... Líderes são pessoas comuns, mas usadas por Deus... (Richard Blackaby) O sucesso da liderança espiritual depende da

Leia mais

NOVOS TEMPOS, NOVAS ABORDAGENS NO SERVIÇO

NOVOS TEMPOS, NOVAS ABORDAGENS NO SERVIÇO NOVOS TEMPOS, NOVAS ABORDAGENS NO SERVIÇO Constituição da Igreja Presbiteriana do Brasil: Art.8º - O governo e a administração de uma Igreja local competem ao Conselho, que se compõe de pastor ou pastores

Leia mais