Utilização dos Símbolos, Terminologia e Imagem Olímpica

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Utilização dos Símbolos, Terminologia e Imagem Olímpica"

Transcrição

1 Utilização dos Símbolos, Terminologia e Imagem Olímpica

2 Conteúdo 1. Propriedades Olímpicas 2. Parceiros Olímpicos 3. Protecção Legal 4. O poder da Opinião Pública 5. Utilização de bilhetes para os Jogos Olímpicos 6. Utilização de imagens dos Jogos Olímpicos 7. Utilização da imagem de um participante no período dos Jogos Olímpicos de Pequim Empresas patrocinadoras de atletas individuais 9. Equipa Olímpica Portuguesa 10. Federações e Clubes Desportivos 11. Utilização editorial das Propriedades Olímpicas 12. Em caso de dúvida, pergunte

3 1. Propriedades Olímpicas Símbolo Olímpico O Comité Olímpico de Portugal é o representante do movimento Olímpico em Portugal, e responsável pela defesa e protecção de todos os direitos relativos ao uso do símbolo, emblemas, mascotes, lema, tocha, hino, expressões, imagens e marcas nominativas relacionadas ao Olimpismo, doravante denominadas isoladamente ou em conjunto Propriedades Olímpicas. Logótipos Propriedade do Comité Olímpico de Portugal A utilização e associação às Propriedades Olímpicas em Portugal para fins desportivos, comerciais, publicitários, industriais, entre outros, carece da prévia autorização do Comité Olímpico de Portugal, conforme previsto no Decreto-Lei 1/82 de 4 de Janeiro. No sentido de defender, proteger e preservar a imagem Olímpica em Portugal, bem como os direitos dos parceiros nacionais e internacionais do movimento Olímpico, o Comité Olímpico de Portugal é intransigente na denúncia e combate à indevida associação ao movimento Olímpico em Portugal. Comité Olímpico de Portugal Equipa Olímpica Portuguesa Missão Portuguesa Pequim

4 Mascotes dos Jogos Olímpicos Pequim 2008 Lema Olímpico O lema Olímpico Citius, Altius, Fortius e a sua tradução para português Mais Rápido, Mais Alto, Mais Forte. Logótipos dos Jogos Olímpicos Expressões Olímpicas Logótipo Pequim 2008 Logótipo Vancouver 2010 São consideradas expressões Olímpicas todas as expressões que representem uma relação, associação ou qualquer outro vínculo com os Jogos Olímpicos ou o movimento Olímpico. São exemplo de expressões Olímpicas as palavras: Jogos Olímpicos; Olimpíadas; Olímpico; Olimpismo; Pequim 2008/Beijing 2008; Vancouver 2010; Londres 2012/London 2012; Sochi Logótipo Londres 2012 Nota: as imagens e expressões aqui apresentadas, são apenas alguns exemplos de Propriedades Olímpicas. 4

5 2. Parceiros Olímpicos Parceiros Nacionais Os parceiros nacionais do Comité Olímpico de Portugal são fundamentais na preparação e presença da Equipa Olímpica Portuguesa nos Jogos Olímpicos. Para além do suporte financeiro, através da disponibilização de produtos e serviços contribuem decisivamente para o sucesso da participação dos nossos atletas. Worldwide Olympic Partners Os denominados Worldwide Olympic Partners suportam o movimento Olímpico a uma escala global, estando associados aos Jogos Olímpicos de Verão e aos Jogos Olímpicos de Inverno. Para além de representarem uma das principais fontes de receita dos Jogos, disponibilizam produtos, tecnologia e know-how fundamentais para o sucesso de cada edição dos Jogos Olímpicos. 5

6 3. Protecção Legal Decreto de Lei 1/82 No âmbito deste decreto de lei, é reconhecido ao Comité Olímpico de Portugal o direito exclusivo ao uso do lema, símbolo e bandeira Olímpicos, e proibido o uso, para fins desportivos, comerciais, industriais ou políticos, do lema, do emblema e da bandeira Olímpicos, bem como das expressões Jogos Olímpicos e Olimpíadas, sem a sua prévia autorização escrita. A proibição abrange a imitação e a reprodução, no todo, em parte ou com acréscimo, do lema, do emblema e da bandeira Olímpicos, ou das expressões, de modo que possam induzir em erro ou criar confusão com estes. Marcas registadas Os diferentes logótipos e outras propriedades intelectuais do Comité Olímpico de Portugal, Comité Olímpico Internacional e Comités Organizadores dos Jogos Olímpicos estão devidamente registados em Portugal. Carta Olímpica A Carta Olímpica, documento pelo qual se rege todo o movimento Olímpico, disponível no site oficial do Comité Olímpico Internacional, define claramente as regras de utilização dos direitos relativos às propriedades intelectuais do movimento Olímpico. Termos e condições de venda de bilhetes para os Jogos Olímpicos Os termos e condições que regulam a compra e venda de bilhetes para os Jogos Olímpicos impostas pelo Comité Olímpico Internacional e pelos Comités Organizadores dos Jogos Olímpicos, proíbem claramente a utilização dos bilhetes em acções comerciais e promocionais não autorizadas pelo Comité Olímpico de Portugal ou Comité Olímpico Internacional. 6

7 5. Utilização de bilhetes para os Jogos Olímpicos 4. O poder da opinão pública A Cosmos - Viagens e Turismo S.A., é o Agente Oficial para a venda de bilhetes para os Jogos Olímpicos de Pequim 2008, em território português, sendo a única entidade autorizada pelo BOCOG - Comité Organizador dos Jogos Olímpicos de Pequim 2008 e pelo Comité Olímpico de Portugal a vender bilhetes para os Jogos Olímpicos de Pequim 2008, em Portugal. A reacção do público contra empresas que tentam beneficiar do movimento Olímpico através de uma associação ilegal, costuma ser bastante forte. Este tipo de acções é normalmente apelidado de ambush marketing, havendo estudos que demonstram que estas acções, depois de denunciadas publicamente, conduzem a uma perda de credibilidade por parte dessas empresas, junto do consumidor. Em Portugal, é expressamente proibida a revenda dos bilhetes adquiridos, bem como a utilização destes para fins comerciais, como sejam promoções específicas em que os prémios incluam bilhetes para os Jogos Olímpicos de Pequim 2008, por parte de empresas que não sejam parceiras do Comité Olímpico de Portugal ou do Comité Olímpico Internacional. 7

8 6. Utilização de imagens dos Jogos Olímpicos Apenas os parceiros do Comité Olímpico de Portugal e do Comité Olímpico Internacional, estão autorizados a utilizar imagens de arquivo de anteriores edições dos Jogos Olímpicos em campanhas publicitárias e promocionais, e desde que estejam salvaguardadas as questões dos direitos de imagem individuais dos atletas e dos detentores dos direitos das respectivas imagens. 7. Utilização da imagem de um participante no período dos Jogos Olímpicos de Pequim 2008 De acordo com a Carta Olímpica e as instruções emitidas pelo Comité Olímpico Internacional (COI), existem regras específicas para a utilização, para fins publicitários, da imagem dos participantes (atletas, treinadores e oficiais), durante o período de realização dos Jogos Olímpicos de Pequim Este período tem início oito dias antes da Cerimónia de Abertura dos Jogos Olímpicos e acaba no final do terceiro dia depois da Cerimónia de Encerramento, ou seja, de 1 a 27 de Agosto de

9 Entidades autorizadas Durante este período, o COI autoriza que apenas os parceiros nacionais do Comité Olímpico de Portugal, os denominados Worldwide Olympic Partners e as marcas desportivas que efectivamente forneçam material a um participante e que sejam membros da WFSGI (World Federation of the Sports Goods Industry) possam utilizar, em Portugal, a imagem de um participante para fins publicitários. No entanto, as mensagens apenas podem ser de carácter genérico ou de congratulação, não podendo fazer referência directa à utilização de qualquer produto ou serviço que contribua para melhorar a performance desportiva em treino ou competição. Direitos Individuais dos Participantes Em todos os casos, a utilização individual de imagem, nome, retrato ou outro aspecto referente ao participante, tem que respeitar os direitos individuais do participante, incluindo a necessidade de obtenção de prévia aprovação escrita do participante, mesmo que se tratem de mensagens de felicitação. Equipamento Participantes Os Participantes não poderão estar equipados com um uniforme com marcas comerciais diferentes da marca de equipamentos aprovada de acordo com a Regra 51 da Carta Olímpica. Os Participantes devem aparecer vestidos com os equipamentos da sua Equipa Olímpica, com equipamentos da sua Equipa Olímpica de Jogos Olímpicos anteriores, ou genericamente, com roupas sem marca. 9

10 9. Equipa Olímpica Portuguesa Existem 35 desportos Olímpicos com participação nos Jogos Olímpicos de Verão e de Inverno. Os atletas portugueses seleccionados para participar nos Jogos Olímpicos tornam-se parte da Equipa Olímpica Portuguesa. 8. Empresas patrocinadoras de atletas individuais Para além das limitações existentes no período específico dos Jogos Olímpicos anteriormente referidas, o facto de determinada empresa, que não seja um parceiro oficial do Movimento Olímpico, patrocinar individualmente um ou mais atletas que vão participar ou tenham participado nos Jogos Olímpicos, não lhe confere qualquer direito para que possa implicar na sua comunicação uma associação com a Equipa Olímpica Portuguesa, Jogos Olímpicos ou movimento Olímpico. Apenas existe uma Equipa Olímpica a Equipa Olímpica Portuguesa. Não existe uma Equipa Olímpica específica de cada desporto. Os atletas portugueses de cada um dos desportos Olímpicos, formam a Equipa Olímpica Portuguesa. 10

11 10. Federações e Clubes desportivos 11. Utilização editorial das propriedades Olímpicas As Federações Desportivas Nacionais, as Associações Distritais e Regionais e os Clubes Desportivos não estão autorizados a utilizar as Propriedades Olímpicas, seja no seu nome, logótipo ou em eventos. Caso desejem utilizar alguma Propriedade Olímpica para promover a realização de determinada acção de divulgação do movimento Olímpico, terão que solicitar a prévia autorização ao Comité Olímpico de Portugal. Os patrocinadores destas entidades também não estão autorizados a utilizar as Propriedades Olímpicas. De uma forma geral, é permitido aos meios de comunicação social a utilização das Propriedades Olímpicas única e exclusivamente para fins editoriais, não sendo permitida a sua utilização com objectivos comerciais. Os meios de comunicação social não poderão utilizar as propriedades Olímpicas de forma publicitária ou comercial em produtos, concursos e promoções cujos prémios incluam bilhetes para assistir aos Jogos Olímpicos. 11

12 12. Em caso de dúvida, pergunte O desconhecimento não servirá de desculpa aos olhos da lei. Se tiver dúvida se tem ou não direitos para se associar à Equipa Olímpica Portuguesa, aos Jogos Olímpicos ou ao movimento Olímpico, pergunte antes de efectuar qualquer acção ou campanha. Deverá fazêlo para o Comité Olímpico de Portugal Dep. Marketing, através dos seguintes contactos: Comité Olímpico de Portugal Departamento de Marketing Travessa da Memória, Lisboa Tel: Fax: Nota: a informação contida neste documento serve apenas para orientação. Não pretende ser um documento jurídico, nem deverá ser interpretado como tal. Abril de

Guia de Proteção às Marcas

Guia de Proteção às Marcas Guia de Proteção às Marcas Setor de Turismo, Hotelaria e Lazer VERSÃO 2 Guia de Proteção às Marcas Setor de Turismo, Hotelaria e Lazer Guia de Proteção às Marcas Rio 2016 para o Setor de Turismo, Hotelaria

Leia mais

Propriedade Intelectual - Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. Setembro de 2012 ABPI

Propriedade Intelectual - Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. Setembro de 2012 ABPI Propriedade Intelectual - Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 Setembro de 2012 ABPI Agenda 1 Lançamento das Marcas dos Jogos Rio 2016 2 O Impacto dos Jogos 3 Propriedade Intelectual dos Jogos 4 Fontes

Leia mais

AUDIÊNCIA PÚBLICA COMISSÃO DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTE DO SENADO FEDERAL. Proposta de alteração do Ato Olímpico Federal e Lei Pelé

AUDIÊNCIA PÚBLICA COMISSÃO DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTE DO SENADO FEDERAL. Proposta de alteração do Ato Olímpico Federal e Lei Pelé AUDIÊNCIA PÚBLICA COMISSÃO DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTE DO SENADO FEDERAL Proposta de alteração do Ato Olímpico Federal e Lei Pelé Brasília, 20 de abril de 2010 André Zonaro Giacchetta ROTEIRO DA APRESENTAÇÃO

Leia mais

Guia de Proteção às Marcas. Organizações Esportivas

Guia de Proteção às Marcas. Organizações Esportivas Guia de Proteção às Marcas Organizações Esportivas Guia de Proteção às Marcas Organizações Esportivas Guia de Proteção às Marcas Rio 2016 para Organizações Esportivas Esta publicação é um instrumento

Leia mais

Circular Sinapro-SP Nº 03.2016

Circular Sinapro-SP Nº 03.2016 Circular Sinapro-SP Nº 03.2016 A/C: Deptos: Diretoria Financeira / RH Ref.: Publicidade com vinculação aos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro 2016 São Paulo, 19 de janeiro de 2016. CIRCULAR SINAPRO-SP Nº

Leia mais

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº.,DE 2009

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº.,DE 2009 PROJETO DE LEI DO SENADO Nº.,DE 2009 Dispõe sobre a utilização de espaços publicitários, denominações, bandeiras, lemas, hinos, marcas, logotipos e símbolos relativos à Copa do Mundo da Federação Internacional

Leia mais

Palestra de Proteção às Marcas. Morgana Andrade

Palestra de Proteção às Marcas. Morgana Andrade Palestra de Proteção às Marcas Morgana Andrade Rio de Janeiro 06 de novembro de 2015 Agenda 1. O Projeto Rio 2016 2. As marcas dos Jogos Rio 2016 3. Os Parceiros dos Jogos Rio 2016 4. Razões para proteger

Leia mais

Guia de Proteção às Marcas. Mercado Publicitário e Anunciantes

Guia de Proteção às Marcas. Mercado Publicitário e Anunciantes Guia de Proteção às Marcas Mercado Publicitário e Anunciantes Guia de Proteção às Marcas Mercado Publicitário e Anunciantes Guia de Proteção às Marcas Rio 2016 para Mercado Publicitário e Anunciantes

Leia mais

CONTEXTO OLÍMPICO LIMITAÇÕES ÀS ATIVIDADES DE MARKETING EM EVENTOS ESPORTIVOS

CONTEXTO OLÍMPICO LIMITAÇÕES ÀS ATIVIDADES DE MARKETING EM EVENTOS ESPORTIVOS CONTEXTO OLÍMPICO LIMITAÇÕES ÀS ATIVIDADES DE MARKETING EM EVENTOS ESPORTIVOS Lei Geral da Copa e Ato Olímpico 1. Introdução Com a proximidade dos eventos esportivos que serão realizados no Brasil, como

Leia mais

NOVOS DEVERES DE INFORMAÇÃO NO ÂMBITO DA PUBLICIDADE AO CRÉDITO

NOVOS DEVERES DE INFORMAÇÃO NO ÂMBITO DA PUBLICIDADE AO CRÉDITO TMT N.º 1/2009 MAR/ABRIL 2009 NOVOS DEVERES DE INFORMAÇÃO NO ÂMBITO DA PUBLICIDADE AO CRÉDITO A informação divulgada pelas Instituições de Crédito relativamente aos produtos que estas oferecem tem sido

Leia mais

Guia de Proteção às Marcas

Guia de Proteção às Marcas Guia de Proteção às Marcas Mercado Publicitário e Anunciantes versão 3 Guia de Proteção às Marcas Mercado Publicitário e Anunciantes Guia de Proteção às Marcas Rio 2016 para Mercado Publicitário e Anunciantes

Leia mais

M1 DIRECTIVA DO CONSELHO de 10 de Setembro de 1984 relativa à publicidade enganosa e comparativa. (JO L 250 de 19.9.1984, p. 17)

M1 DIRECTIVA DO CONSELHO de 10 de Setembro de 1984 relativa à publicidade enganosa e comparativa. (JO L 250 de 19.9.1984, p. 17) 1984L0450 PT 12.06.2005 002.001 1 Este documento constitui um instrumento de documentação e não vincula as instituições B M1 DIRECTIVA DO CONSELHO de 10 de Setembro de 1984 relativa à publicidade enganosa

Leia mais

REGULAMENTO PRÉMIO DE PINTURA COVIRAN-PORTUGAL

REGULAMENTO PRÉMIO DE PINTURA COVIRAN-PORTUGAL REGULAMENTO PRÉMIO DE PINTURA COVIRAN-PORTUGAL PRIMEIRA.- EMPRESA ORGANIZADORA COVIRAN SOCIEDADE COOPERATIVA ANDALUZA, SUCURSAL EM PORTUGAL (dorovante COVIRÁN PORTUGAL), Pessoa Colectiva n.º 980435161,

Leia mais

REGULAMENTO DO PASSATEMPO À PROCURA DA LUÍSA!

REGULAMENTO DO PASSATEMPO À PROCURA DA LUÍSA! REGULAMENTO DO PASSATEMPO À PROCURA DA LUÍSA! O Passatempo À PROCURA DA LUÍSA! é promovido pela sociedade SONY MUSIC ENTERTAINMENT PORTUGAL, Sociedade Unipessoal, Lda, com sede na Avenida Torre de Belém,

Leia mais

São Paulo, 9 de abril de 2014

São Paulo, 9 de abril de 2014 São Paulo, 9 de abril de 2014 1.1 Marketing 1.2 Sponsoring/Sponsorship (patrocínio) (a) ferramenta de comunicação empresa/mercado (b) apoio financeiro e/ou material à pessoa, grupo de pessoas, ou organização

Leia mais

Atingir Escolinhas de Futebol e Futsal em todos os Estados Brasileiros, oferecendo uma competição de alto nível, planejada, organizada e contínua;

Atingir Escolinhas de Futebol e Futsal em todos os Estados Brasileiros, oferecendo uma competição de alto nível, planejada, organizada e contínua; A ABEFF A ABEFF é uma associação sem fins lucrativos que visa oportunizar, organizar, representar e defender as entidades que se denominam Escolinhas de Futebol e de Futsal e Futsete, setor este, que tem

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE UTILIZAÇÃO e CONDIÇÕES GENÉRICAS DE VENDA

TERMOS E CONDIÇÕES DE UTILIZAÇÃO e CONDIÇÕES GENÉRICAS DE VENDA pág. 1 / 5 TERMOS E CONDIÇÕES DE UTILIZAÇÃO e CONDIÇÕES GENÉRICAS DE VENDA 1. INTRODUÇÃO O site de vendas online www.fitnesshut.pt (adiante designado por site ou loja online) é um site de vendas online

Leia mais

Ingresso Legal Rio 2016

Ingresso Legal Rio 2016 Ingresso Legal Rio 2016 FORNECEDORES SUPPLIERS Um guia com tudo que você precisa saber para comprar e revender os ingressos dos Jogos Rio 2016 (e não cair em nenhuma cilada) APRESENTAÇÃO Os Jogos Olímpicos

Leia mais

A PROPRIEDADE INTELECTUAL NO ÂMBITO DOS MEGAEVENTOS ESPORTIVOS

A PROPRIEDADE INTELECTUAL NO ÂMBITO DOS MEGAEVENTOS ESPORTIVOS A PROPRIEDADE INTELECTUAL NO ÂMBITO DOS MEGAEVENTOS ESPORTIVOS Gustavo Piva de Andrade gpa@dannemann.com.br 07/04/2011 Propriedade Intelectual e eventos esportivos - Eventos como a Copa do Mundo FIFA e

Leia mais

REGRAS PARA FORMAÇÃO E PARTICIPAÇÃO DE ATLETAS NA SELEÇÃO BRASILEIRA DE TRIATHLON

REGRAS PARA FORMAÇÃO E PARTICIPAÇÃO DE ATLETAS NA SELEÇÃO BRASILEIRA DE TRIATHLON REGRAS PARA FORMAÇÃO E PARTICIPAÇÃO DE ATLETAS NA SELEÇÃO BRASILEIRA DE TRIATHLON Conforme lei federal n 9.615 de 24 de março de 1998 e decreto n 2.574 de 29 de abril de 1998, Estatutos e regulamentos

Leia mais

PARA: CC: - Tribunal Arbitral do Esporte - Association of Summer Olympic International Federations (ASOIF) - Membros do COI

PARA: CC: - Tribunal Arbitral do Esporte - Association of Summer Olympic International Federations (ASOIF) - Membros do COI INTERNATIONAL OLYMPIC COMMITTEE Ref. No labimejc/fe/con.jadai CHMSI CRBU/csar/92/2015 Por e-mail PARA: CC: - WADA Laboratórios Credenciados - COI Membros da Comissão Médica - Comitês Olímpicos Nacionais

Leia mais

REGRAS PARA ACESSO A NOTÍCIAS APLICÁVEIS À TRANSMISSÃO DOS JOGOS DA XXXI OLIMPÍADA, RIO DE JANEIRO, 5-21 DE AGOSTO DE 2016

REGRAS PARA ACESSO A NOTÍCIAS APLICÁVEIS À TRANSMISSÃO DOS JOGOS DA XXXI OLIMPÍADA, RIO DE JANEIRO, 5-21 DE AGOSTO DE 2016 Lausanne, maio de 2015 REGRAS PARA ACESSO A NOTÍCIAS APLICÁVEIS À TRANSMISSÃO DOS JOGOS DA XXXI OLIMPÍADA, RIO DE JANEIRO, 5-21 DE AGOSTO DE 2016 I. INTRODUÇÃO O COI rege o Movimento Olímpico e possui

Leia mais

CONTRATO DE LICENÇA PARA USO DE MARCA PEFC

CONTRATO DE LICENÇA PARA USO DE MARCA PEFC CONTRATO DE LICENÇA PARA USO DE MARCA PEFC Aos.., dias do mês de... do ano de 200.. Entre: PRIMEIRO: CONSELHO DA FILEIRA FLORESTAL PORTUGUESA, designado por CFFP, pessoa colectiva número, com sede na Rua

Leia mais

Por outro lado, estabelece ainda o referido preceito a susceptibilidade da Norma Regulamentar emitida se aplicar igualmente aos mediadores de seguros.

Por outro lado, estabelece ainda o referido preceito a susceptibilidade da Norma Regulamentar emitida se aplicar igualmente aos mediadores de seguros. Não dispensa a consulta da Norma Regulamentar publicada em Diário da República NORMA REGULAMENTAR N.º 03/2010-R, DE 18 DE MARÇO DE 2010 Publicidade Pelo Decreto-Lei n.º 8-A/2002, de 11 de Janeiro, foram

Leia mais

MECENATO DESPORTIVO FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE NATAÇÃO

MECENATO DESPORTIVO FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE NATAÇÃO FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE NATAÇÃO O QUE É? Mecenas são as pessoas singulares ou colectivas que apoiam, através da concessão de donativos, entidades públicas ou privadas que exerçam acções relevantes para

Leia mais

Goodyear Primavera 2014. Bases legais

Goodyear Primavera 2014. Bases legais Goodyear Primavera 2014 Bases legais I. DURAÇÃO A campanha: GOODYEAR PRIMAVERA 2014 tem por destinatários os utilizadores finais e uma duração apenas válida para compras efectuadas entre o dia 17 de Março

Leia mais

REGULAMENTO DO PROCESSO DE SELEÇÃO PARA CHANCELA DE PROJETOS CULTURAIS PARA O PROGRAMA CELEBRA. Rio de Janeiro, 10 de setembro de 2015.

REGULAMENTO DO PROCESSO DE SELEÇÃO PARA CHANCELA DE PROJETOS CULTURAIS PARA O PROGRAMA CELEBRA. Rio de Janeiro, 10 de setembro de 2015. REGULAMENTO DO PROCESSO DE SELEÇÃO PARA CHANCELA DE PROJETOS CULTURAIS PARA O PROGRAMA CELEBRA Rio de Janeiro, 10 de setembro de 2015. I. ESCLARECIMENTO INICIAL 1. O COMITÊ ORGANIZADOR DOS JOGOS OLÍMPICOS

Leia mais

Rio de Janeiro, 28 de fevereiro de 2011. À LIGA NACIONAL DE TAEKWONDO Rua Dona Germaine Burchard, 451, sl. 51 Água Branca São Paulo - SP 5002-062

Rio de Janeiro, 28 de fevereiro de 2011. À LIGA NACIONAL DE TAEKWONDO Rua Dona Germaine Burchard, 451, sl. 51 Água Branca São Paulo - SP 5002-062 Luiz de Alencar Araripe Rio de Janeiro, 28 de fevereiro de 2011 Luiz de Alencar Araripe Jr. Renata Lisboa Jeferson Wady Sabbag Erika Marchetto Alhadas Maria Cristina F da Silveira À LIGA NACIONAL DE TAEKWONDO

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO - ABRIL 2012

BOLETIM INFORMATIVO - ABRIL 2012 BOLETIM INFORMATIVO - ABRIL 2012 ATLETAS COM MÍNIMOS (À DATA DE 30 ABRIL 2012) MEDIA TRAINING RELAÇÃO DOS ATLETAS COM A COMUNICAÇÃO SOCIAL No âmbito do II Encontro da Missão Olímpica promovido pelo COP

Leia mais

PROJECTO DE COMUNICAÇÃO

PROJECTO DE COMUNICAÇÃO PROJECTO DE COMUNICAÇÃO VITÓRIA SPORT CLUBE Visão O objectivo e desafio do Departamento de Comunicação visa ajudar a congregar os actos comunicativos de todos aqueles que fazem parte do Clube e transmitir

Leia mais

O Movimento Olímpico. Aula 2 Os Símbolos Olímpicos. Rio 2016 Versão 1.0

O Movimento Olímpico. Aula 2 Os Símbolos Olímpicos. Rio 2016 Versão 1.0 O Movimento Olímpico Aula 2 Os Símbolos Olímpicos Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Identificar os principais símbolos olímpicos. 2 Compreender a importância e a função de cada símbolo olímpico. Introdução

Leia mais

CAMPEONATOS PAULISTA DE TODAS AS ESPECIALIDADES E DEMAIS EVENTOS OFICIAIS NO ESTADO DE SÃO PAULO

CAMPEONATOS PAULISTA DE TODAS AS ESPECIALIDADES E DEMAIS EVENTOS OFICIAIS NO ESTADO DE SÃO PAULO CAMPEONATOS PAULISTA DE TODAS AS ESPECIALIDADES E DEMAIS EVENTOS OFICIAIS NO ESTADO DE SÃO PAULO CICLISMO DE ESTRARA CICLISMO DE VELÓDROMO- MOUNTAIN BIKE DOWN HILL BICICROSS CICLOTURISMO Termo de Filiação

Leia mais

ESTRUTURA ORGÂNICA E FUNCIONAL

ESTRUTURA ORGÂNICA E FUNCIONAL ESTRUTURA ORGÂNICA E FUNCIONAL Diretor Geral O Diretor Geral supervisiona e coordena o funcionamento das unidades orgânicas do Comité Olímpico de Portugal, assegurando o regular desenvolvimento das suas

Leia mais

Ambush Marketing: Marco Legal. Valdir Rocha Valdir.rocha@veirano.com.br

Ambush Marketing: Marco Legal. Valdir Rocha Valdir.rocha@veirano.com.br Ambush Marketing: Marco Legal Valdir Rocha Valdir.rocha@veirano.com.br Marco Legal Tratado de Nairóbi Promulgado no Brasil pelo Decreto 90.129/1984 Art. 1º Qualquer Estado que seja parte do presente Tratado

Leia mais

Termos e condições de utilização da Plataforma e Política de Protecção de Dados Pessoais

Termos e condições de utilização da Plataforma e Política de Protecção de Dados Pessoais Termos e condições de utilização da Plataforma e Política de Protecção de Dados Pessoais Os presentes Termos e Condições e Política de Protecção de Dados Pessoais (adiante abreviadamente designados Termos

Leia mais

PHC Mensagens SMS. Desenvolva o potencial das comunicações imediatas com mensagens SMS PHC

PHC Mensagens SMS. Desenvolva o potencial das comunicações imediatas com mensagens SMS PHC PHCMensagens SMS DESCRITIVO O módulo PHC Mensagens SMS permite o envio de mensagens a múltiplos destinatários em simultâneo, sem ser necessário criar e enviar uma a uma. Comunique com mais sucesso: ganhe

Leia mais

REGULAMENTO DO TRADIPLUS

REGULAMENTO DO TRADIPLUS REGULAMENTO DO TRADIPLUS 1. Generalidades e Definições 1.1 - O TRADIPLUS é o programa de cliente frequente da empresa Tradicampo, Casas de Campo Tradicionais, Lda, que disponibiliza aos seus membros a

Leia mais

Workshop (Da Estrutura e Desenvolvimento)

Workshop (Da Estrutura e Desenvolvimento) NOTA PRÉVIA: Dada a diversidade e quantidade de ideias e propostas manifestadas, optou por fazer-se uma síntese dos assuntos abordados retirando os comentários e as trocas de opiniões que entretanto surgiram,

Leia mais

Regulamento geral das atividades desportivas

Regulamento geral das atividades desportivas Regulamento geral das atividades desportivas Regulamento geral das atividades desportivas da Associação de Ciclismo do Porto I Disposições gerais Um evento, qualquer que seja, deve estar estruturado. Ele

Leia mais

Regulamento do concurso

Regulamento do concurso MASCOTE do Campeonato Mundial Escolar de Voleibol 2014, da International School Sport Federation, organizado pela Direção Geral de Educação / Divisão do Desporto Escolar (DGE/DE) e pela Direção Geral dos

Leia mais

Guia de Proteção às Marcas

Guia de Proteção às Marcas Guia de Proteção às Marcas Comitês Olímpicos Nacionais e Comitês Paralímpicos Nacionais versão 3 Guia de Proteção às Marcas Comitês Olímpicos Nacionais e Comitês Paralímpicos Nacionais Guia de Proteção

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE AERONÁUTICA. Departamento de Relações Públicas e Comunicação

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE AERONÁUTICA. Departamento de Relações Públicas e Comunicação Departamento de Relações Públicas e Comunicação Regulamento 1. Do Departamento de Relações Públicas e Comunicação 1.1 Definição 1.2. Constituição 1.3. Articulação e procedimentos 1.4. Local de funcionamento

Leia mais

Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior Instituto Nacional da Propriedade Industrial Diretoria de Marcas

Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior Instituto Nacional da Propriedade Industrial Diretoria de Marcas Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior Instituto Nacional da Propriedade Industrial Diretoria de Marcas Nota Técnica INPI/CPAPD nº 002/2016 Rio de Janeiro, 19 de janeiro de 2016 Assunto:

Leia mais

Campanha Skip Procuram-se Avós REGULAMENTO

Campanha Skip Procuram-se Avós REGULAMENTO Campanha Skip Procuram-se Avós REGULAMENTO 1.Campanha Procuram-se Avós A Unilever Jerónimo Martins, Lda., com sede no Largo Monterroio Mascarenhas n.º 1, Lisboa, pessoa colectiva nº503933139, matriculada

Leia mais

PHC Mensagens SMS CS. Desenvolva o potencial das comunicações imediatas com mensagens SMS PHC

PHC Mensagens SMS CS. Desenvolva o potencial das comunicações imediatas com mensagens SMS PHC PHCMensagens SMS CS DESCRITIVO O módulo PHC Mensagens SMS permite o envio de mensagens a múltiplos destinatários em simultâneo, sem ser necessário criar e enviar uma a uma. Comunique com mais sucesso:

Leia mais

GUIA PRÁTICO REGISTRO DE MARCA

GUIA PRÁTICO REGISTRO DE MARCA GUIA PRÁTICO REGISTRO DE MARCA 1. DEFINIÇÃO DE MARCA Marca é um sinal que individualiza os produtos ou serviços de uma determinada empresa e os distingue dos produtos ou serviços de seus concorrentes.

Leia mais

REGULAMENTO PASSATEMPO M&M s MEGA DE M&M s PORTUGAL

REGULAMENTO PASSATEMPO M&M s MEGA DE M&M s PORTUGAL REGULAMENTO PASSATEMPO M&M s MEGA DE M&M s PORTUGAL 1. Descrição do Passatempo a. O Passatempo M&M s MEGA é promovido pela empresa Mars Portugal, Inc., doravante designada por Promotor e obedecerá às condições

Leia mais

Promoção das exportações de Portugal para a Alemanha. Publicação, road-show com missão empresarial e outros serviços

Promoção das exportações de Portugal para a Alemanha. Publicação, road-show com missão empresarial e outros serviços Promoção das exportações de Portugal para a Alemanha Publicação, road-show com missão empresarial e outros serviços Promoção das exportações de Portugal para a Alemanha Publicação, road-show com missão

Leia mais

João Gonçalves de Assunção joao.g.assuncao@abreuadvogados.com

João Gonçalves de Assunção joao.g.assuncao@abreuadvogados.com 30 de Junho de 2010 João Gonçalves de Assunção joao.g.assuncao@abreuadvogados.com 1 LOCAL : AB - PORTO DATA : 01-07-2010 CIBERCRIME Lei 109/2009, de 15 de Setembro Disposições penais materiais: Falsidade

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA CA DESTINO

REGULAMENTO DO PROGRAMA CA DESTINO REGULAMENTO DO PROGRAMA CA DESTINO A Caixa Central Caixa Central de Crédito Agrícola Mútuo, C.R.L., contribuinte nº 501464301, com sede na Rua Castilho, nº233, 1099-004 LISBOA, através da Direcção de Marketing

Leia mais

Fototeca Municipal. Regulamento

Fototeca Municipal. Regulamento Fototeca Municipal Regulamento Índice 1. Norma Habilitante 2. Definição 3. Objectivos 4. Cedência de Fotografias 5. Condições de Utilização 6. Direito de Propriedade 7. Acesso Requisitos e Contactos 8.

Leia mais

13 Outubro de 2011 Pavilhão do Rio. Centro de Congressos de Lisboa. Uma Iniciativa:

13 Outubro de 2011 Pavilhão do Rio. Centro de Congressos de Lisboa. Uma Iniciativa: 13 Outubro de 2011 Pavilhão do Rio Centro de Congressos de Lisboa DOSSIER DO PATROCINADOR DOSSIER DO PATROCINADOR Contando já com 5 edições passadas e mais de 5500 visitantes, PORTUGAL EXPORTADOR proporciona

Leia mais

ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DAS AGÊNCIAS DE VIAGENS E TURISMO

ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DAS AGÊNCIAS DE VIAGENS E TURISMO ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DAS AGÊNCIAS DE VIAGENS E TURISMO Fundada a 30 de Maio de 1950 Única Associação das Agências de Viagens em Portugal Medalha de Ouro de Mérito Turístico de Portugal Medalha de Ouro

Leia mais

Avisos do Banco de Portugal. Aviso nº 2/2007

Avisos do Banco de Portugal. Aviso nº 2/2007 Avisos do Banco de Portugal Aviso nº 2/2007 O Aviso do Banco de Portugal nº 11/2005, de 13 de Julho, procedeu à alteração e sistematização dos requisitos necessários à abertura de contas de depósito bancário,

Leia mais

PROTOCOLO ENTRE A LIGA DE CLUBES DE BASQUETEBOL O CLUBE NACIONAL DE IMPRENSA DESPORTIVA

PROTOCOLO ENTRE A LIGA DE CLUBES DE BASQUETEBOL O CLUBE NACIONAL DE IMPRENSA DESPORTIVA PROTOCOLO ENTRE A LIGA DE CLUBES DE BASQUETEBOL E O CLUBE NACIONAL DE IMPRENSA DESPORTIVA CAPÍTULO I PRESSUPOSTOS DO PROTOCOLO CLÁUSULA 1ª Partes A Liga de Clubes de Basquetebol e o Clube Nacional de Imprensa

Leia mais

Regulamento da Acção Promocional Passatempo Ganhe uma experiência com os Hair Stylists TRESemmé

Regulamento da Acção Promocional Passatempo Ganhe uma experiência com os Hair Stylists TRESemmé Regulamento da Acção Promocional Passatempo Ganhe uma experiência com os Hair Stylists TRESemmé 1- Entidade responsável pela campanha A Unilever Jerónimo Martins, Lda., com sede no Largo Monterroio Mascarenhas,

Leia mais

CÓDIGO DA PUBLICIDADE. Actualização N.º 4

CÓDIGO DA PUBLICIDADE. Actualização N.º 4 CÓDIGO DA PUBLICIDADE Actualização N.º 4 Código da Publicidade 2 TÍTULO: AUTORES: CÓDIGO DA PUBLICIDADE Actualização N.º 4 BDJUR EDITOR: EDIÇÕES ALMEDINA, SA Avenida Fernão de Magalhães, n.º 584, 5º Andar

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular ACTIVIDADES DESPORTIVAS Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular ACTIVIDADES DESPORTIVAS Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular ACTIVIDADES DESPORTIVAS Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Ciências da Economia e da Empresa (1º Ciclo) 2. Curso Gestão das Organizações Desportivas 3. Ciclo de Estudos

Leia mais

POLÍTICA DE PRIVACIDADE

POLÍTICA DE PRIVACIDADE POLÍTICA DE PRIVACIDADE A COFINA MEDIA, S.A. (doravante apenas designada de COFINA ), com sede na Rua Luciana Stegagno Picchio, 3, 1549-023, Lisboa, pessoa colectiva n.º 502801034, matriculada na Conservatória

Leia mais

Comunicação sobre Gestão do Espectro para Áreas Funcionais do Rio 2016

Comunicação sobre Gestão do Espectro para Áreas Funcionais do Rio 2016 Boletim Informativo Espectro - 02/2014 Comunicação sobre Gestão do Espectro para Áreas Funcionais do Rio 2016 Versão 1.2 Outubro 2014 Gestão de Espectro de Radiofrequências AF Telecomunicações SUMÁRIO

Leia mais

XII FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA UTRECHT 2013 14 a 19 de julho BOLETIM INFORMATIVO N.º 1

XII FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA UTRECHT 2013 14 a 19 de julho BOLETIM INFORMATIVO N.º 1 XII FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA UTRECHT 2013 14 a 19 de julho BOLETIM INFORMATIVO N.º 1 ÍNDICE O FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA A XII EDIÇÃO AS MODALIDADES A MISSÃO PORTUGUESA LINKS

Leia mais

PROGRAMA DE MODERNIZAÇÃO DA FEDERAÇÃO DE ANDEBOL DE PORTUGAL

PROGRAMA DE MODERNIZAÇÃO DA FEDERAÇÃO DE ANDEBOL DE PORTUGAL PROGRAMA DE MODERNIZAÇÃO DA FEDERAÇÃO DE ANDEBOL DE PORTUGAL CONDIÇÕES GERAIS DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE GESTÃO ADMINISTRATIVA E DESPORTIVA DA FAP VIA INTRANET- PORTAL DO ANDEBOL Considerando que No âmbito

Leia mais

I CONCURSO DE FOTOGRAFIA SOBRE AGRICULTURA SUSTENTAVEL REGULAMENTO

I CONCURSO DE FOTOGRAFIA SOBRE AGRICULTURA SUSTENTAVEL REGULAMENTO E/27562/2012 I CONCURSO DE FOTOGRAFIA SOBRE AGRICULTURA SUSTENTAVEL 2012 REGULAMENTO ENQUADRAMENTO O I Concurso de Fotografia sobre Agricultura Sustentável é uma iniciativa da Câmara Municipal de Loures,

Leia mais

O Movimento Olímpico. Aula 1 Olimpismo. Rio 2016 Versão 1.0

O Movimento Olímpico. Aula 1 Olimpismo. Rio 2016 Versão 1.0 O Movimento Olímpico Aula 1 Olimpismo Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Definir o Olimpismo, compreendendo sua filosofia. 2 Identificar os Valores Olímpicos. 3 Reconhecer a estrutura da Família Olímpica.

Leia mais

PROJECTO NACIONAL DE DETECÇÃO DE TALENTOS DESPORTIVOS

PROJECTO NACIONAL DE DETECÇÃO DE TALENTOS DESPORTIVOS PROJECTO NACIONAL DE DETECÇÃO DE TALENTOS DESPORTIVOS 1 PROJECTO NACIONAL DE DETECÇÃO DE TALENTOS DESPORTIVOS I. MEMÓRIA DESCRITIVA 1. O Projecto Nacional de Detecção de Talentos Desportivos, identificados

Leia mais

TERMO DE PARCERIA e POLÍTICA DE USO. 1. Considerações preliminares do Portal e aplicativos Vets4Vet

TERMO DE PARCERIA e POLÍTICA DE USO. 1. Considerações preliminares do Portal e aplicativos Vets4Vet TERMO DE PARCERIA e POLÍTICA DE USO 1. Considerações preliminares do Portal e aplicativos Vets4Vet 1.1 O Portal Vets4Vet, encontrado na internet sob o domínio www.vets4vet.com.br, tem por objetivo aproximar

Leia mais

Regulamento do concurso. O mundo, o desporto, neste caso o voleibol, como meio de união entre os povos, a universalidade do desporto!

Regulamento do concurso. O mundo, o desporto, neste caso o voleibol, como meio de união entre os povos, a universalidade do desporto! SERIGRAFIA do Campeonato Mundial Escolar de Voleibol 2014, da International School Sport Federation, organizado pela Direção Geral de Educação/Desporto Escolar (DGE/DE) e pela Direção Geral dos Estabelecimentos

Leia mais

1.1. O passatempo Desenha a Bandeira da Seleção é promovido pelos Jogos Santa Casa (JSC) em associação com a Federação Portuguesa de Futebol (FPF)

1.1. O passatempo Desenha a Bandeira da Seleção é promovido pelos Jogos Santa Casa (JSC) em associação com a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) 1. OBJETO 1.1. O passatempo Desenha a Bandeira da Seleção é promovido pelos Jogos Santa Casa (JSC) em associação com a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) 1.2. A proposta criativa deverá ser original

Leia mais

Copa do Mundo FIFA 2014 Vistos

Copa do Mundo FIFA 2014 Vistos Copa do Mundo FIFA 2014 Vistos Subsecretaria-Geral das Comunidades Brasileiras no Exterior Departamento de Imigração e Assuntos Jurídicos Divisão de Imigração A Lei 12.663 (Lei Geral da Copa), de 05/06/2012,

Leia mais

Carta Olímpica. (Em vigor desde 11 de Fevereiro de 2010)

Carta Olímpica. (Em vigor desde 11 de Fevereiro de 2010) Carta Olímpica (Em vigor desde 11 de Fevereiro de 2010) Carta Olímpica NOTA DOS TRADUTORES O presente trabalho consiste numa tradução livre, oficiosa e graciosa da Carta Olímpica. A respectiva publicação

Leia mais

EDITAL DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO ECOMUSEU ILHA GRANDE OLHARES: ÁGUA E VIDA NA ILHA GRANDE

EDITAL DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO ECOMUSEU ILHA GRANDE OLHARES: ÁGUA E VIDA NA ILHA GRANDE EDITAL DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO ECOMUSEU ILHA GRANDE OLHARES: ÁGUA E VIDA NA ILHA GRANDE DO CONCURSO 1. O CONCURSO de fotografia Olhares: Água e Vida na Ilha Grande, doravante denominado simplesmente

Leia mais

Concurso de Fotografia Festival Albatroz *

Concurso de Fotografia Festival Albatroz * Concurso de Fotografia Festival Albatroz * Período de inscrição De 20 de agosto até 30 de setembro Quem pode participar 1. O Concurso é aberto a qualquer pessoa, exceto os envolvidos na sua organização.

Leia mais

Bolsa do Empreendedorismo Dia da Europa. PROPRIEDADE INDUSTRIAL O que é? Para que serve? Teresa Colaço

Bolsa do Empreendedorismo Dia da Europa. PROPRIEDADE INDUSTRIAL O que é? Para que serve? Teresa Colaço Bolsa do Empreendedorismo Dia da Europa PROPRIEDADE INDUSTRIAL O que é? Para que serve? Teresa Colaço Departamento de Informação e Promoção da Inovação Lisboa 9 Maio 2012 O que é a Propriedade Industrial?

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DISTRITAL DE JUDO DE LISBOA

ASSOCIAÇÃO DISTRITAL DE JUDO DE LISBOA Circular nº 14/ 05/ D Assunto: Normas Administrativas da A.D.J.L. - 2006 Lisboa, 4 de Outubro de 2005 Exmos. Senhores, Conhecidas as condições contratadas pela FPJ e a SECOSE, referentes ao seguro desportivo,

Leia mais

Regulamento Blue Selfie

Regulamento Blue Selfie Regulamento Blue Selfie O passatempo Blue Selfie é uma iniciativa de Blue Portugal, dirigida aos fãs da sua página oficial no Facebook https://www.facebook.com/festablue.portugal/, com o objectivo de oferecer

Leia mais

REGULAMENTO PRÊMIO FOLHABV DE CRIAÇÃO PUBLICITÁRIA

REGULAMENTO PRÊMIO FOLHABV DE CRIAÇÃO PUBLICITÁRIA REGULAMENTO PRÊMIO FOLHABV DE CRIAÇÃO PUBLICITÁRIA A EDITORA BOA VISTA LTDA, pessoa jurídica de direito privado, com sede na Rua Lobo D almada, 43, na cidade Boa Vista, Estado de Roraima, inscrita no CNPJ

Leia mais

TERMOS DE UTILIZAÇÃO. Site http://www.areastore.com/

TERMOS DE UTILIZAÇÃO. Site http://www.areastore.com/ a TERMOS DE UTILIZAÇÃO Site http://www.areastore.com/ O presente site foi criado, pertence e é operado pela AREA Infinitas Design de Interiores, S.A., com sede no Sintra Business Park, Edifício 7, Zona

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE VOLEIBOL Avª de França, 549 4050-279 PORTO Tel: 22 834 95 70 Fax: 22 832 54 94

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE VOLEIBOL Avª de França, 549 4050-279 PORTO Tel: 22 834 95 70 Fax: 22 832 54 94 FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE VOLEIBOL Avª de França, 549 4050-279 PORTO Tel: 22 834 95 70 Fax: 22 832 54 94 CIRCULAR Nº 01 2010 2011 Para conhecimento das Associações, Clubes seus filiados, Rádio, Televisão,

Leia mais

O artigo 3.º do Decreto-Lei n.º 78/2006, de 4 de Abril, estabelece como estando abrangidos pelo SCE os seguintes edifícios:

O artigo 3.º do Decreto-Lei n.º 78/2006, de 4 de Abril, estabelece como estando abrangidos pelo SCE os seguintes edifícios: Regime Jurídico da Certificação Energética e da Qualidade do Ar Interior nos Edifícios (SCE) Departamento de Imobiliário 12 de Janeiro de 2009 O Decreto-Lei n.º 78/2006 de 4 de Abril aprovou o Sistema

Leia mais

Regulamento do Passatempo EU VOU e levo Amigos Rock in Rio Lisboa 2012

Regulamento do Passatempo EU VOU e levo Amigos Rock in Rio Lisboa 2012 Regulamento do Passatempo EU VOU e levo Amigos Rock in Rio Lisboa 2012 Os seguintes Termos e Condições destinam-se a regular o passatempo EU VOU e levo Amigos, mediante o qual a Controlinveste Media, SGPS

Leia mais

SERVIÇOS DE VALOR ACRESCENTADO BASEADOS NO ENVIO DE MENSAGEM

SERVIÇOS DE VALOR ACRESCENTADO BASEADOS NO ENVIO DE MENSAGEM SERVIÇOS DE VALOR ACRESCENTADO BASEADOS NO ENVIO DE MENSAGEM - Decreto-Lei n.º 177/99, de 21 de Maio, alterado pela Lei n.º 95/2001, de 20 de Agosto e pelo Decreto-Lei n.º 63/2009, de 10 de Março - Denominação

Leia mais

1. PERGUNTAS FREQUENTES 1.1. INFORMAÇÕES GERAIS

1. PERGUNTAS FREQUENTES 1.1. INFORMAÇÕES GERAIS 1. PERGUNTAS FREQUENTES 1.1. INFORMAÇÕES GERAIS - Quem explora o site Pixel4Winner.com? - Onde está sedeada a sociedade anónima? - Posso ter confiança no site Pixel4Winner.com? - A participação a uma lotaria

Leia mais

Guião de apoio para divulgação junto da Comunicação Social

Guião de apoio para divulgação junto da Comunicação Social Semana da Liberdade de Escolha da Escola / School Choice Week & I Conferência da Liberdade de Escolha da Escola / 1st School Choice Conference Guião de apoio para divulgação junto da Comunicação Social

Leia mais

Termo legal para a utilização do Portal TERMO DE UTILIZAÇÃO

Termo legal para a utilização do Portal TERMO DE UTILIZAÇÃO Termo legal para a utilização do Portal TERMO DE UTILIZAÇÃO Cláusula 1ª (Outorgantes) Entre: Instituto Politécnico de Viana do Castelo, adiante designado por IPVC, contribuinte número 503 761 877, com

Leia mais

Assunto: DescubraPortugal / Canal de promoções comerciais

Assunto: DescubraPortugal / Canal de promoções comerciais CIRCULAR Nº 021/2009 (G) CP/MS Lisboa, 04 de Março de 2009 Assunto: DescubraPortugal / Canal de promoções comerciais Caro Associado, A campanha Descubra um Portugal Maior, lançada pelo Turismo de Portugal

Leia mais

O Marketing de Associação na Lei Geral da Copa e as restrições ao livre comércio e à atividade de publicidade e propaganda

O Marketing de Associação na Lei Geral da Copa e as restrições ao livre comércio e à atividade de publicidade e propaganda Anexo Biblioteca Informa nº 2.209 O Marketing de Associação na Lei Geral da Copa e as restrições ao livre comércio e à atividade de publicidade e propaganda Autores André Zonaro Giacchetta Márcio Junqueira

Leia mais

A presente é uma tradução de um documento em língua inglesa, exclusivamente para sua comodidade. O texto do original em inglês regerá, em todos os

A presente é uma tradução de um documento em língua inglesa, exclusivamente para sua comodidade. O texto do original em inglês regerá, em todos os A presente é uma tradução de um documento em língua inglesa, exclusivamente para sua comodidade. O texto do original em inglês regerá, em todos os aspectos, os seus direitos e as suas obrigações. O original

Leia mais

REGULAMENTO DE PROVA CAMPEONATO NACIONAL DAS ASSOCIAÇOES MATRAQUILHOS E FUTEBOL DE MESA FEDERAÇÃO PORTUGUESA

REGULAMENTO DE PROVA CAMPEONATO NACIONAL DAS ASSOCIAÇOES MATRAQUILHOS E FUTEBOL DE MESA FEDERAÇÃO PORTUGUESA FEDERAÇÃO PORTUGUESA MATRAQUILHOS E FUTEBOL DE MESA FUNDADA EM 0 DE FEVEREIRO DE 200 FILIADA NA ITSF - INTERNATIONAL TABLE SOCCER FEDERATION SEDE OFICIAL AV. ENG.º ARMANDO MAGALHAES, 31 4440-505 VALONGO

Leia mais

Política relativa a subornos, presentes e hospitalidade Data efetiva 2 de Março de 2011 Função

Política relativa a subornos, presentes e hospitalidade Data efetiva 2 de Março de 2011 Função Título Política relativa a subornos, presentes e hospitalidade Data efetiva 2 de Março de 2011 Função Departamento Jurídico da Holding Documento BGHP_version1_03032011 1. Finalidade A finalidade desta

Leia mais

1.3 Duração: O Passatempo decorrerá entre o dia 8 e as 23h59 do dia 21 de Setembro de 2014.

1.3 Duração: O Passatempo decorrerá entre o dia 8 e as 23h59 do dia 21 de Setembro de 2014. REGULAMENTO PASSATEMPO: A vida são 2 dias Acção promocional Garnier Narta Deocare 1. DEFINIÇÕES 1.1 Passatempo: Este passatempo visa premiar a melhor resposta à pergunta Porque é que mereces ganhar 48h

Leia mais

REGULAMENTO DE PARTICIPAÇÃO CONCURSO SARDINHAS FESTAS DE LISBOA'12

REGULAMENTO DE PARTICIPAÇÃO CONCURSO SARDINHAS FESTAS DE LISBOA'12 REGULAMENTO DE PARTICIPAÇÃO CONCURSO SARDINHAS FESTAS DE LISBOA'12 Artigo 1.º (Objecto) 1. O Concurso Sardinhas Festas de Lisboa'12 é uma iniciativa da EGEAC Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação

Leia mais

9.ª EDIÇÃO 24 Fevereiro a 02 Março ORGANIZAÇÃO SINDICATO DOS JOGADORES PROFISSIONAIS DE FUTEBOL PRODUÇÃO RM PREMIUM EVENTS

9.ª EDIÇÃO 24 Fevereiro a 02 Março ORGANIZAÇÃO SINDICATO DOS JOGADORES PROFISSIONAIS DE FUTEBOL PRODUÇÃO RM PREMIUM EVENTS 9.ª EDIÇÃO 24 Fevereiro a 02 Março ORGANIZAÇÃO SINDICATO DOS JOGADORES PROFISSIONAIS DE FUTEBOL PRODUÇÃO RM PREMIUM EVENTS conceito O futebol, fonte de paixão e emoção, continua a potenciar extremismos

Leia mais

Principais Vantagens para membros Associados

Principais Vantagens para membros Associados Principais Vantagens para membros Associados ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DAS AGÊNCIAS DE VIAGENS E TURISMO Fundada a 30 de Maio de 1950 Única Associação das Agências de Viagens em Portugal COMPOSIÇÃO DOS ASSOCIADOS

Leia mais

Sinalização. Norma Técnica da Federação Nº7. Pontos de enfoque: - Sinalização de Segurança - Delimitação

Sinalização. Norma Técnica da Federação Nº7. Pontos de enfoque: - Sinalização de Segurança - Delimitação Sinalização Norma Técnica da Federação Nº7 Federação Portuguesa de Airsoft - APD Apartado 526816 4251-901Porto PORTUGAL Pontos de enfoque: - Sinalização de Segurança - Delimitação www.fpairsoft.pt geral@fpairsoft.pt

Leia mais

REGULAMENTO PASSATEMPO #PARTILHAMOSFUTEBOL

REGULAMENTO PASSATEMPO #PARTILHAMOSFUTEBOL REGULAMENTO PASSATEMPO #PARTILHAMOSFUTEBOL 1. DEFINIÇÕES 1.1. Passatempo: Iniciativa que visa premiar os participantes com maior pontuação que se candidatem a receber um bilhete para um jogo do Campeonato

Leia mais

Direito de Empréstimo Público: a Directiva Comunitária e suas Transposições Helena Simões Patrício

Direito de Empréstimo Público: a Directiva Comunitária e suas Transposições Helena Simões Patrício Direito de Empréstimo Público: a Directiva Comunitária e suas Transposições Helena Simões Patrício Lisboa, 29 de Maio de 2007 1 Sumário: 1. Direito de comodato público 2. Harmonização comunitária 3. Acções

Leia mais

Paul Anwandter não recolherá informações de visitantes às nossas páginas web / wap, a menos que você nos fornecer sua informação

Paul Anwandter não recolherá informações de visitantes às nossas páginas web / wap, a menos que você nos fornecer sua informação Política De Privacidade Esta política de privacidade descreve os tipos de informações coletadas pelo nome do cliente no site e como usamos e proteger. Esta Política de Privacidade aplica-se apenas a este

Leia mais

1. PRÊMIO MEU BLOG É UM SUCESSO 2014/2015 REGULAMENTO - 01 (11/02/2015) - PRAZOS DE INSCRIÇÕES E VOTAÇÃO.

1. PRÊMIO MEU BLOG É UM SUCESSO 2014/2015 REGULAMENTO - 01 (11/02/2015) - PRAZOS DE INSCRIÇÕES E VOTAÇÃO. 1. PRÊMIO MEU BLOG É UM SUCESSO 2014/2015 REGULAMENTO - 01 (11/02/2015) - PRAZOS DE INSCRIÇÕES E VOTAÇÃO. 1.1. Prêmio "Meu Blog é um Sucesso" - 1ª Edição ano 2014/2015 1.2. Categorias 1.3. Os Eleitos (Vencedores)

Leia mais

FEDERAÇÃO NACIONAL DE KARATE PORTUGAL

FEDERAÇÃO NACIONAL DE KARATE PORTUGAL Assunto: Fase II de Procedimentos Online Exmos. Srs. A TODAS AS ASSOCIAÇÕES A introdução em Setembro de 2011 da FASE I do novo método de registo de inscrições/renovações de atletas, treinadores e inscrições

Leia mais

AVISO LEGAL CONDIÇÕES DE ACESSO AO PORTAL

AVISO LEGAL CONDIÇÕES DE ACESSO AO PORTAL AVISO LEGAL Tendo por objetivo cumprir o que está disposto na Lei 34/2002, de 11 de julho, sobre os serviços da sociedade de informação e de comércio eletrónico, a SAN PATRICK, S.L.U. coloca à sua disposição

Leia mais