REGULAMENTO Vôlei

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REGULAMENTO Vôlei"

Transcrição

1 REGULAMENTO Vôlei 1. MISSÃO Criar um ambiente adequado para a prática esportiva, onde a competição entre equipes escolares se desenvolva de forma positiva, propiciando vivências práticas de valores como ética, determinação, participação, espírito de equipe e cidadania. 2. OBJETIVOS Incentivar a prática do Voleibol proporcionando maior visibilidade da modalidade, que atualmente se destaca como um dos esportes mais praticados no âmbito escolar, além de proporcionar uma maior interação entre atletas, alunos, pais e escolas. 3. ORGANIZAÇÃO WFR PROMOÇÕES DE EVENTOS 4. CALENDÁRIO 2017 O CALENDÁRIO PARA 2017 SEGUIRÁ AS DATAS ESPECIFICADAS ABAIXO: - 27 DE JANEIRO À 21 DE MARÇO: INSCRIÇÕES DAS ESCOLAS; - 26 DE JANEIRO: REUNIÃO GERAL E LANÇAMENTO DA TEMPORADA 2017; - 21 DE MARÇO: DATA FINAL DE CONFIRMAÇÃOE REALIZAÇÃO DE INSCRIÇÃO PELAS ESCOLAS (MODALIDADES E CATEGORIAS); - 22 DE MARÇO CONGRESSO TÉCNICO PARA MODALIDADES COLETIVAS - 03 DE ABRIL: INÍCIO DA 1ª FASE - 07 DE JUNHO: ENCERRAMENTO DA 1ª FASE - 14 DE AGOSTO: INÍCIO DA 2ª FASE - 10 DE NOVEMBRO: ENCERRAMENTO DA 2ª FASE 5. INSCRIÇÕES A inscrição será feita mediante o preenchimento do Cadastro de Inscrição do Colégio. Cada aluno poderá participar de até 02 categorias desde que seja observado o item pagamento de inscrição. Cada atleta deverá participar da sua categoria e subir para a categoria subsequente, atleta da sub 10 poderá subir para sub 12 e assim sucessivamente. 5.1 ATLETA Deve estar regularmente matriculado no Colégio para o ano corrente. Na modalidade Voleibol, será permitida a inscrição de até 03 atletas federados por equipe, esses atletas terão condições de jogo apenas contra equipes que também possuam atletas federados inscritos, entre essas equipes valerá a regra da equivalência, caso a equipe tenha 1 federado a outra também utilizará 1 federado, assim sucessivamente até o limite de 3 federados. Ficou estabelecido que no caso da equipe a ter 1 federado e a equipe b 2 federados, a equipe b deverá determinar a comissão organizadora qual do atleta federado participará da partida, ficando proibido o revezamento entre os federados. Ficou estabelecido também que caso o(s) atleta(s) federado(s) inscrito(s) não comparecerá(m) a partida o federado da equipe adversaria terá totais condições de jogo.

2 Para as equipes que não possuam atletas federados inscritos, esses atletas federados serão impedidos de atuar na partida, ou seja, não constarão na sumula para o confronto. Será considerado atleta federado todos aqueles alunos que atuam em clubes da federação, sind clube, cartelados, associações, assim como nas modalidades futebol de campo, futebol society, hand beach etc. Em caso de denuncia e comprovada a inscrição irregular de qualquer atleta participante do circuito escolar na temporada 2017, ocorrerá a eliminação do atleta e a equipe perderá os pontos referentes as partidas que atuou. 6. CATEGORIAS O CIRCUITO ESCOLAR NA MODALIDADE Voleibol será disputada na temporada 2017, nas seguintes categorias: Sub 12 Masculino e Feminino (Nascidos ate 2005) Sub 14 Masculino e Feminino (Nascidos em 2004 e 2003) Sub 17 Masculino e Feminino (Nascidos entre 2002 e 2000) 7. SISTEMA DE DISPUTA Todas as categorias serão disputadas no sistema de grupo na primeira fase, conforme número de participantes de cada categoria terá a definição do procedimento para segunda fase, verificar item no regulamento geral. REALIZAÇÃO DOS JOGOS: Os jogos serão realizados em rodadas duplas a noite durante os dias da semana e em etapas durante aos finais de semana, com um número mínimo de 06 jogos ao longo do dia. CRITÉRIOS DE DESEMPATE: A - Entre duas equipes: B Entre três ou mais equipes: 1 - Confronto direto. 1 - Maior número de vitórias. 2 -Maior saldo de sets nas partidas entre si. 3 Maior saldo de pontos nas partidas entre si. 4 - Average. 5 - Sorteio. Os professores ou responsáveis autorizados a acompanhar os alunos deverão estar trajados apropriadamente, sendo proibido o uso de camisetas regatas, tops, shorts, chinelos ou papetes. O uso de bermudas será permitido desde que seja a do uniforme da escola. Parágrafo único.não será permitida a permanência dos responsáveis pelos atletas na área de competição, nem contestar as decisões dos árbitros. Uniformes: Cada atleta deverá estar trajado de bermuda e camiseta da escola, tênis com meia, sendo proibido o uso de bonés, calças e bermudas jeans e sapatos. Arbitragem: Será realizada pela equipe de arbitragem da Federação Paulista.

3 8. Para efeito de classificação, segue abaixo a pontuação de cada série: GERAL SÉRIE OURO DEMAIS COLOCAÇÕES 400 PONTOS 340 PONTOS 300 PONTOS 280 PONTOS 270 PONTOS 260 PONTOS 250 PONTOS 240 PONTOS 200 PONTOS SÉRIE PRATA 180 PONTOS 170 PONTOS 150 PONTOS 140 PONTOS 135 PONTOS 130 PONTOS 120 PONTOS 110 PONTOS SÉRIE BRONZE 100 PONTOS 80 PONTOS 70 PONTOS 50 PONTOS 45 PONTOS 40 PONTOS 35 PONTOS 30 PONTOS

4 SÉRIE BRONZE PONTOS 15 PONTOS 13 PONTOS 10 PONTOS 09 PONTOS 08 PONTOS 07 PONTOS 05 PONTOS 9. PREMIAÇÃO Serão entregues medalhas para os alunos, 03 (TRÊS) primeiros colocados de cada naipe, categoria e sexo (Série Ouro, Série Prata, Série bronze I e Série bronze II). Serão entregues troféus para as escolas, 03 (TRÊS) primeiros colocados de cada naipe, categoria e sexo (Série Ouro, Série Prata, Série bronze I e Série bronze II). REGRAS: No torneio de Voleibol serão adotadas as regras oficiais da Confederação Brasileira de Voleibol e as adaptações constantes neste regulamento. Cada escola poderá inscrever até 15 (quinze) alunos por categoria e sexo, sendo que somente 12 (doze) serão relacionados em súmula, por jogo. Não será permitido uso de brincos de qualquer tamanho, anéis, pulseiras, piercings, relógios, correntes ou gargantilhas, bem como qualquer objeto pontiagudo ou adorno que coloque em risco a integridade física dos atletas. Tais objetos deverão ser retirados e não poderão ser cobertos com esparadrapo. O atleta que portar tais adornos não estará autorizado a participar da competição até que os mesmos sejam retirados. A equipe poderá ser completada a qualquer momento, mediante autorização do coordenador de modalidade, desde que: haja espaço em súmula, o atleta conste da relação nominal e se apresente devidamente uniformizado. Serão adotadas as seguintes bolas e alturas de rede por categoria e sexo: Categoria Sub 12 Feminino Bola Oficial 7.0 Altura Rede 2,00 m Categoria Sub 12 Masculino Bola Oficial 7.0 Altura Rede 2,10 m Categoria Sub 14 Feminino Bola Oficial 7.0 Altura Rede 2,15 m Categoria Sub 14 Masculino Bola Oficial 7.0 Altura Rede 2,25 m Categoria Sub 17 Feminino Bola Oficial 7.0 Altura Rede 2,20 m Categoria Sub 17 Masculino Bola Oficial 7.0 Altura Rede 2,35 m Para todas as categorias fica instituído que os jogos serão disputados em melhor de 3 (três) sets, sendo que os 2 (dois) primeiros sets serão melhor de 25 (vinte e cinco) pontos e o último set melhor de 15 (quinze pontos), todos no sistema Tie-Break. Para todas as categorias a utilização do líbero é permitida desde que sigam as regras e tudo o que implica a participação deste.

5 Para a categoria Sub 12, somente será permitido o saque por baixo. Na categoria Sub 14, não será permitido o saque por cima com salto, tipo viagem. Cada equipe terá o direito de solicitar até 02 (dois) tempos de descanso em cada set, com duração de 30 segundos cada tempo. Não haverá a paralisação dos tempos técnicos, que é a parada no 8º e no 16º pontos. No caso de uma equipe ser considerada vencedora por WO o placar a ser anotado em súmula será o de 2 (dois) sets a 0 (zero), com resultado final de 25 (vinte e cinco) pontos a 0 (zero) em cada set. O critério de classificação será o seguinte: Vitória - 3 pontos / Derrota - 1 ponto / WO - 5 pontos. Disposições Gerais: Casos omissos nesse Regulamento serão decididos pela Comissão Organizadora. A Comissão Organizadora se reserva ao direito modificar, a qualquer momento, a forma de disputa estabelecida neste Regulamento, em razão do número de participantes inscritos em cada categoria. PROF WALTER ROCHA COORDENADOR CIRCUITO ESCOLAR

REGULAMENTO Tênis de Mesa

REGULAMENTO Tênis de Mesa REGULAMENTO 2017 - Tênis de Mesa 1. MISSÃO Criar um ambiente adequado para a prática esportiva, onde a competição entre equipes escolares se desenvolva de forma positiva, propiciando vivências práticas

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO POR MODALIDADE VOLEIBOL

REGULAMENTO ESPECÍFICO POR MODALIDADE VOLEIBOL REGULAMENTO ESPECÍFICO POR MODALIDADE VOLEIBOL CAPÍTULO I - NORMAS TÁTICAS MIRIM MASCULINO E FEMININO 1997-98: Sistema de Jogo: 6 X 0 ou 4 X 2, sem infiltração de jogadores em qualquer momento do rally;

Leia mais

CLUBE COMERCIAL DE LORENA

CLUBE COMERCIAL DE LORENA TORNEIO INTERNO DE FUTSAL 2014 I - Dos Objetivos: REGULAMENTO Art. 1 - O evento tem por finalidade promover o intercambio social e esportivo entre os associados do Clube Comercial de Lorena e desenvolver

Leia mais

OBJETÍADAS (OLIMPÍADAS DO COLÉGIO OBJETIVO)

OBJETÍADAS (OLIMPÍADAS DO COLÉGIO OBJETIVO) OBJETÍADAS (OLIMPÍADAS DO COLÉGIO OBJETIVO) REGULAMENTO GERAL - 2015 1 - Do Objetivo 1.1 As OBJETÍADAS visam aproximar os alunos, promover interação dentro e fora da sala de aula, fortalecer a convivência,

Leia mais

Jogos Champagnat 2013

Jogos Champagnat 2013 Jogos Champagnat 2013 Capítulo I Geral Art. 1º - Este Regulamento é o conjunto das disposições que regem os Jogos Champagnat 2013. Art. 2º - Os Jogos Champagnat são organizados pelo Colégio Marista Santa

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DOS 9º JOGOS ABERTOS DO INTEGRAL JAI-2010

REGULAMENTO GERAL DOS 9º JOGOS ABERTOS DO INTEGRAL JAI-2010 REGULAMENTO GERAL DOS 9º JOGOS ABERTOS DO INTEGRAL JAI-2010 Art. 1º - Os Jogos Abertos do Colégio Integral tem por finalidade o intercâmbio social e esportivo, difundir a prática de várias modalidades

Leia mais

REGULAMENTO DO VÔLEI DE PRAIA JOGUINHOS ABERTOS SC 2010 DEMONSTRAÇÃO

REGULAMENTO DO VÔLEI DE PRAIA JOGUINHOS ABERTOS SC 2010 DEMONSTRAÇÃO REGULAMENTO DO VÔLEI DE PRAIA JOGUINHOS ABERTOS SC 2010 DEMONSTRAÇÃO I - DA OBSERVÂNCIA DESTE REGULAMENTO Art.1º- Este Regulamento é o conjunto das disposições que regem as disputas do Campeonato de Volei

Leia mais

GOVERNO FEDERAL PODER EXECUTIVO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE RONDONIA CAMPUS PORTO VELHO CALAMA JICs 2016

GOVERNO FEDERAL PODER EXECUTIVO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE RONDONIA CAMPUS PORTO VELHO CALAMA JICs 2016 MODALIDADE DE ATLETISMO Art. 1º - A Competição de atletismo dos - será regida de acordo com as regras da Confederação Brasileira de Atletismo, pelo regulamento geral e por este regulamento. Art. 2º - Os

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DO VOLEIBOL IN DOOR 15 a 17 anos

REGULAMENTO ESPECÍFICO DO VOLEIBOL IN DOOR 15 a 17 anos REGULAMENTO ESPECÍFICO DO VOLEIBOL IN DOOR 15 a 17 anos 1. A Competição de Voleibol será realizada de acordo com as regras oficiais da Federação Internacional de Volleyball (FIVB) adotadas pela Confederação

Leia mais

REGULAMENTO GERAL I - DO OBJETIVO. Art. 1. São objetivos dos XXI CIRCUITO DOM BOSCO previstos neste Regulamento:

REGULAMENTO GERAL I - DO OBJETIVO. Art. 1. São objetivos dos XXI CIRCUITO DOM BOSCO previstos neste Regulamento: REGULAMENTO GERAL I - DO OBJETIVO Art. 1. São objetivos dos XXI CIRCUITO DOM BOSCO - 2014 previstos neste Regulamento: Promover o desporto educacional, através de jogos que envolvam varias modalidades

Leia mais

Parágrafo único Os jogos serão divididos em 4 tempos de 7 minutos, tanto na seletiva quanto na etapa final.

Parágrafo único Os jogos serão divididos em 4 tempos de 7 minutos, tanto na seletiva quanto na etapa final. BASQUETE Artigo 1º - A competição de basquete dos 15 os Jogos de Integração da APCEF/SP será realizada de acordo com as regras internacionais seguidas pela CBB - Confederação Brasileira de Basquete - e

Leia mais

A organização do InterBand 2017 é de responsabilidade do Departamento de Educação Física e Esporte do Colégio Bandeirantes.

A organização do InterBand 2017 é de responsabilidade do Departamento de Educação Física e Esporte do Colégio Bandeirantes. XXI Torneio Intercolegial do Colégio Bandeirantes Regulamento Geral Objetivos O InterBand 2017 será realizado de 05 de agosto a 02 de setembro de 2017, nas dependências do Colégio Bandeirantes, à Rua Estela

Leia mais

REGULAMENTO GERAL anos ou mais: Nascidas em anos ou mais: Nascidos em anos ou mais: Nascidas em 1976

REGULAMENTO GERAL anos ou mais: Nascidas em anos ou mais: Nascidos em anos ou mais: Nascidas em 1976 VOLEIBOL SC MASTER 2017 REGULAMENTO GERAL I DOS OBJETIVOS: Art. 1º - O VOLEIBOL SC MASTER 2017 FEMININO e MASCULINO, tem como objetivo proporcionar a integração social entre os participantes e seus convidados,

Leia mais

REGULAMENTO GERAL XIII COPA ESCOLAR RENASCER 2017

REGULAMENTO GERAL XIII COPA ESCOLAR RENASCER 2017 REGULAMENTO GERAL XIII COPA ESCOLAR RENASCER 2017 I DAS FINALIDADES Art. 1º - A XIII Copa Renascer é uma competição intercolegial que tem por objetivo incentivar, no meio estudantil, a prática desportiva

Leia mais

REGULAMENTO 2016 CAPÍTULO I DA OBSERVÂNCIA DESTE REGULAMENTO

REGULAMENTO 2016 CAPÍTULO I DA OBSERVÂNCIA DESTE REGULAMENTO REGULAMENTO 2016 CAPÍTULO I DA OBSERVÂNCIA DESTE REGULAMENTO Art. 1º- Este Regulamento é um conjunto das disposições que regem as disputas da 12ª COPA MINAS TÊNIS CLUBE DE VOLEIBOL FEMININO e obriga aos

Leia mais

CLUBE COMERCIAL DE LORENA

CLUBE COMERCIAL DE LORENA I TORNEIO INTERNO DE FUTEBOL 2016 I - Dos objetivos: REGULAMENTO Art. 1 - O evento tem por finalidade promover o intercâmbio social e esportivo entre os associados do Clube Comercial de Lorena e desenvolver

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES COMPLEXO ESPORTIVO 9ª COPA UNIVATES/DCE 2016 REGULAMENTO GERAL

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES COMPLEXO ESPORTIVO 9ª COPA UNIVATES/DCE 2016 REGULAMENTO GERAL CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES COMPLEXO ESPORTIVO 9ª COPA UNIVATES/DCE 2016 REGULAMENTO GERAL DA PROMOÇÃO E ORGANIZAÇÃO: A promoção e a organização são do Centro Universitário UNIVATES/Complexo Esportivo

Leia mais

REGULAMENTO 4º COPA SENAC ESCOLAR. Artigo 1º - Fica instituído pelo Centro Universitário Senac a 3ª Copa Senac Escolar.

REGULAMENTO 4º COPA SENAC ESCOLAR. Artigo 1º - Fica instituído pelo Centro Universitário Senac a 3ª Copa Senac Escolar. REGULAMENTO 4º COPA SENAC ESCOLAR DISPOSIÇÕES GERAIS Artigo 1º - Fica instituído pelo Centro Universitário Senac a 3ª Copa Senac Escolar. Artigo 2º - Este regulamento é o conjunto das disposições que regem

Leia mais

16º CAMPEONATO DE VOLEI MASCULINO E FEMININO 2017

16º CAMPEONATO DE VOLEI MASCULINO E FEMININO 2017 16º CAMPEONATO DE VOLEI MASCULINO E FEMININO 2017 REGULAMENTO 1) Local As partidas serão realizadas nas quadras 1 e 3. 2) Composição das equipes: a. As equipes serão compostas de 6 (seis) jogadores. b.

Leia mais

REGULAMENTO TÉCNICO DA PARTE ESPORTIVA

REGULAMENTO TÉCNICO DA PARTE ESPORTIVA REGULAMENTO TÉCNICO DA PARTE ESPORTIVA Das Modalidades Esportivas Art. 1º - A Parte esportiva da gincana conterá as seguintes modalidades: I Futsal II Voleibol Misto III Basquetebol IV Handebol V Tênis

Leia mais

FEDERAÇÃO PAULISTA DE BOCHA E BOLÃO. Rua Visconde de Itaboraí, 328 Tatuapé São Paulo (11)

FEDERAÇÃO PAULISTA DE BOCHA E BOLÃO. Rua Visconde de Itaboraí, 328 Tatuapé São Paulo (11) FEDERAÇÃO PAULISTA DE BOCHA E BOLÃO Rua Visconde de Itaboraí, 328 Tatuapé São Paulo 03308-050 (11) 3873-7595 www.fpbb.com.br fpbb@fpbb.com.br CAMPEONATO ESTADUAL 2017 MODALIDADE DE BOCHA MUNDIAL CATEGORIA

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO GERAL DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO GERAL DISPOSIÇÕES PRELIMINARES ART. 1º A competição será para alunos devidamente matriculados na Instituição de Ensino - Univale. ART. 2º As pessoas físicas que participarem do evento consideradas

Leia mais

REGULAMENTOS REGULAMENTO GERAL

REGULAMENTOS REGULAMENTO GERAL Centro de Educação Integrada Mais Ltda. CEI Mirassol CNPJ: 02.095.488/0001-03 Rua Joaquim Alves, nº 1844 - Mirassol - Natal/RN CEP: 59.077-010. Fone/Fax: 0xx (84) 3089.5620 REGULAMENTOS REGULAMENTO GERAL

Leia mais

JOGOS INTERNOS REGULAMENTO

JOGOS INTERNOS REGULAMENTO JOGOS INTERNOS REGULAMENTO CAPÍTULO 1 DOS OBJETIVOS OBJETIVO GERAL Promover o intercâmbio sócio-desportivo entre os discentes, docentes dos cursos de graduação e pósgraduação além do corpo técnico da Universidade

Leia mais

LIGA WILLIAN MORGAN DE VOLEIBOL MASCULINO

LIGA WILLIAN MORGAN DE VOLEIBOL MASCULINO 1 DA DESCRIÇÃO, OBJETIVO E FORMAÇÃO 1.1 A Liga Willian Morgan de Voleibol Masculino é uma agremiação esportiva independente, formada por times masculinos, sem fins lucrativos. 1.2 A Liga tem como Objetivo

Leia mais

REGULAMENTO DO TORNEIO UNIFICADO DE VOLEIBOL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI (TUV-UFCA)

REGULAMENTO DO TORNEIO UNIFICADO DE VOLEIBOL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI (TUV-UFCA) REGULAMENTO DO TORNEIO UNIFICADO DE VOLEIBOL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI (TUV-UFCA) DAS FINALIDADES Art 1 - O Torneio Unificado de Voleibol, promovido, organizado e dirigido pela Pró-Reitoria de

Leia mais

2ª COPA 9 DE FUTSAL MENORES 2017 REGULAMENTO

2ª COPA 9 DE FUTSAL MENORES 2017 REGULAMENTO 2ª COPA 9 DE FUTSAL MENORES 2017 REGULAMENTO Capítulo I DOS OBJETIVOS Art. 1º A Diretoria de Esportes do Clube 9 de Julho através da Coordenadoria de Futsal, promovem a 2ª Copa Clube 9 de Futsal Menores

Leia mais

Centro Universitário UNIVATES Complexo Esportivo IX JOGUEM 2015 HANDEBOL MASCULINO E FEMININO

Centro Universitário UNIVATES Complexo Esportivo IX JOGUEM 2015 HANDEBOL MASCULINO E FEMININO Centro Universitário UNIVATES Complexo Esportivo IX JOGUEM 2015 HANDEBOL MASCULINO E FEMININO REGULAMENTO DA PROMOÇÃO E ORGANIZAÇÃO: A promoção e organização é da UNIVATES DAS FINALIDADES: A promoção tem

Leia mais

FUTSAL Art. 1º - As partidas obedecerão as regras oficiais da C.B.F.S.. Art. 2º - O tempo de cada partida será de 08 (oito) minutos. Inciso I - quando

FUTSAL Art. 1º - As partidas obedecerão as regras oficiais da C.B.F.S.. Art. 2º - O tempo de cada partida será de 08 (oito) minutos. Inciso I - quando VOLEIBOL Art. 1º - As partidas obedecerão às regras oficiais da FIVB, com as seguintes alterações: Inciso I - Os jogos serão realizados em 01 (um) set de 16 (dezesseis) pontos. Inciso II - Em caso de empate

Leia mais

VIII JOGOS NACIONAIS DA MAGISTRATURA

VIII JOGOS NACIONAIS DA MAGISTRATURA VIII JOGOS NACIONAIS DA MAGISTRATURA REGULAMENTO GERAL 1 DA FINALIDADE Art. 1º - Os VIII JOGOS NACIONAIS DA MAGISTRATURA, competição oficial da ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS (AMB), têm como objetivo

Leia mais

Colégio Santos Anjos Site: - Fone/Fax: (42) Educar para a vida é nossa missão

Colégio Santos Anjos   Site:  - Fone/Fax: (42) Educar para a vida é nossa missão Colégio Santos Anjos E-mail: colegiosantosanjos@gmail.com Site: www.csantosanjos.com.br - Fone/Fax: (42)3522-4648 Educar para a vida é nossa missão REGULAMENTO GERAL 1 FESTIVAL ESPORTIVO DO COLÉGIO SANTOS

Leia mais

COPA INTERESCOLAR DE FUTSAL UNOCHAPECÓ/FOLHA DE CHAPECÓ REGULAMENTO

COPA INTERESCOLAR DE FUTSAL UNOCHAPECÓ/FOLHA DE CHAPECÓ REGULAMENTO COPA INTERESCOLAR DE FUTSAL UNOCHAPECÓ/FOLHA DE CHAPECÓ REGULAMENTO REGULAMENTO GERAL DA COPA INTERESCOLAR DE FUTSAL UNOCHAPECÓ/FOLHA DE CHAPECÓ O Presidente da Associação de Arbitragem de Chapecó e Região

Leia mais

a) VITÓRIA PONTOS b) EMPATE COM GOL PONTOS c) EMPATE SEM GOL PONTO d) DERROTA PONTO

a) VITÓRIA PONTOS b) EMPATE COM GOL PONTOS c) EMPATE SEM GOL PONTO d) DERROTA PONTO REGULAMENTO GERAL DO 1º CAMPEONATO DE FUTEBOL SOCIETY DA ASSTBM l DA FINALIDADE: Art. 1º O Torneio de Futebol Society, tem por finalidade: A congregação de associados e público em geral, através do esporte.

Leia mais

LIGA INDEPENDENTE DE VOLEIBOL MASCULINO WILLIAN MORGAN

LIGA INDEPENDENTE DE VOLEIBOL MASCULINO WILLIAN MORGAN 1 DA DESCRIÇÃO, OBJETIVO E FORMAÇÃO 1.1 A Liga Independente de Voleibol Masculino Willian Morgan é uma agremiação esportiva independente, formada por times masculinos, sem fins lucrativos. 1.2 A Liga tem

Leia mais

REGULAMENTO. 3. O MT será constituído por 8 (oito) provas, bem como pelo Campeonato Regional por Equipas de Sub10 (Interclubes).

REGULAMENTO. 3. O MT será constituído por 8 (oito) provas, bem como pelo Campeonato Regional por Equipas de Sub10 (Interclubes). REGULAMENTO 1. O ATL MINI TOUR 2014 (MT) é um circuito de provas para os escalões de Sub8 e Sub10, promovido pela Associação de Ténis de Lisboa (ATL), havendo uma calendarização das provas através de um

Leia mais

CAPÍTULO I DA EQUIPE DE ARBITRAGEM

CAPÍTULO I DA EQUIPE DE ARBITRAGEM V COPA Sinttelrs de Futsal 2013 REGULAMENTO CAPÍTULO I DA EQUIPE DE ARBITRAGEM Art. 01 - Os jogos do torneio serão regulamentados pelas Regras Oficiais de Futsal da Confederação Brasileira de Futebol de

Leia mais

Centro Universitário UNIVATES Complexo Esportivo 10 COPA UNIVATES 2017 VOLEIBOL MISTO

Centro Universitário UNIVATES Complexo Esportivo 10 COPA UNIVATES 2017 VOLEIBOL MISTO REGULAMENTO Centro Universitário UNIVATES Complexo Esportivo 10 COPA UNIVATES 2017 VOLEIBOL MISTO DA PROMOÇÃO E ORGANIZAÇÃO: A promoção e a organização são do Centro Universitário UNIVATES/Complexo Esportivo

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES COMPLEXO ESPORTIVO 10ª COPA UNIVATES/DCE 2017 REGULAMENTO GERAL

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES COMPLEXO ESPORTIVO 10ª COPA UNIVATES/DCE 2017 REGULAMENTO GERAL CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES COMPLEXO ESPORTIVO 10ª COPA UNIVATES/DCE 2017 REGULAMENTO GERAL DA PROMOÇÃO E ORGANIZAÇÃO A promoção e a organização são do Centro Universitário UNIVATES/Complexo Esportivo

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO 3 JOGOS DO IFRS

REGULAMENTO ESPECÍFICO 3 JOGOS DO IFRS REGULAMENTO ESPECÍFICO 3 JOGOS DO IFRS REGULAMENTO ESPECÍFICO 3 JOGOS DO IFRS DO FUTSAL Art.1 - Os jogos de futsal nos 3º JOGOS DO IFRS serão realizados de acordo com as Regras Oficiais da CBFS, pelo regulamento

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DO VOLEIBOL IN DOOR 12 a 14 anos

REGULAMENTO ESPECÍFICO DO VOLEIBOL IN DOOR 12 a 14 anos REGULAMENTO ESPECÍFICO DO VOLEIBOL IN DOOR 12 a 14 anos 1. A Competição de Voleibol será realizada de acordo com as regras oficiais da Federação Internacional de Volleyball (FIVB) adotadas pela Confederação

Leia mais

Regulamento Específico. Voleibol

Regulamento Específico. Voleibol Regulamento Específico Voleibol 2015 Art. 1º - A competição de voleibol dos Jogos Escolares de Minas Gerais JEMG/2015 obedecerá às regras oficiais da Confederação Brasileira de Voleibol - CBV, observandose

Leia mais

38º ZESKAMP Regulamento

38º ZESKAMP Regulamento 38º ZESKAMP 2016 Regulamento Art. 1º - Poderão participar dos jogos: atletas holandeses, descendentes, casados com holandeses ou casados com descendentes. Os casos excepcionais deverão ser apresentados

Leia mais

CAPÍTULO I DA ORGANIZAÇÃO

CAPÍTULO I DA ORGANIZAÇÃO CAPÍTULO I DA ORGANIZAÇÃO Art.1º - Este Regulamento é o conjunto das disposições que regem as competições dos II JOGOS SOLIDÁRIOS do Instituto Federal Farroupilha campus São Borja-RS, no ano de 2015. Art.

Leia mais

22 a 25 de OUTUBRO REGULAMENTO PRAÇA DO PAPA VITÓRIA - ES

22 a 25 de OUTUBRO REGULAMENTO PRAÇA DO PAPA VITÓRIA - ES 22 a 25 de OUTUBRO REGULAMENTO PRAÇA DO PAPA VITÓRIA - ES REGULAMENTO DA I COPA ESPIRITO SANTO DE FUTEBOL 7 FEMININO/ 2013 CAPÍTULO I DA ORGANIZAÇÃO Art. 1º - O presente Campeonato será promovido e dirigido

Leia mais

JOGOS DE INTEGRAÇÃO Campus Santo Ângelo

JOGOS DE INTEGRAÇÃO Campus Santo Ângelo JOGOS DE INTEGRAÇÃO 2015 Campus Santo Ângelo REGULAMENTO - JOGOS DE INTEGRAÇÃO 22 de Agosto de 2015 DAS FINALIDADES CAPÍTULO I Art. 1º - Os JOGOS DE INTEGRAÇÃO DO INSTITUTO FEDERAL FARROUPILHA/ CÂMPUS

Leia mais

FACULDADE SETE DE SETEMBRO TORNEIO INTEGRAÇÃO DOS CURSOS DA FASETE

FACULDADE SETE DE SETEMBRO TORNEIO INTEGRAÇÃO DOS CURSOS DA FASETE TORNEIO INTEGRAÇÃO DOS CURSOS DA FASETE Paulo Afonso 2015 Docentes do curso de Educação Física TORNEIO INTEGRAÇÃO DOS CURSOS DA FASETE Paulo Afonso 2015 Torneio Integração dos Cursos da FASETE Regulamento

Leia mais

XII INTERAMIZADE - NOTURNO. Carta Convite

XII INTERAMIZADE - NOTURNO. Carta Convite XII INTERAMIZADE - NOTURNO Carta Convite O Colégio São Luís tem o prazer de convidar esta conceituada instituição de ensino a participar dos XII Interamizade Noturno 2015, principal evento esportivo de

Leia mais

CAMPEONATO PAULISTA UNIVERSITÁRIO NOTA OFICIAL VOLEI de AREIA

CAMPEONATO PAULISTA UNIVERSITÁRIO NOTA OFICIAL VOLEI de AREIA CAMPEONATO PAULISTA UNIVERSITÁRIO 2015 NOTA OFICIAL VOLEI de AREIA Informações: Sede da FUPE (11) 9 6470-5481 E-mail fupe@fupe.com.br Inscrições: www.fupe.com.br www.juesp.com.br INFORMAÇÕES BÁSICAS Local:

Leia mais

XIII REGULAMENTO GERAL CURITIBA

XIII REGULAMENTO GERAL CURITIBA XIII REGULAMENTO GERAL CURITIBA -2016- COMITÊ ORGANIZADOR Presidente do Círculo Militar do Paraná Ten. Cel. Sérgio Cooper de Almeida Diretora Geral de Esportes Sra. Marisa Krieger Coordenadora Geral de

Leia mais

REGULAMENTO DA LIGA DE FUTSAL ENTRE IGREJAS 2015

REGULAMENTO DA LIGA DE FUTSAL ENTRE IGREJAS 2015 REGULAMENTO DA LIGA DE FUTSAL ENTRE IGREJAS 2015 DAS INSCRIÇÕES: Poderá participar da Liga de Futsal entre Igrejas 2015, equipes com atletas de idade a partir de 17 anos e que frequente à igreja (Membro

Leia mais

Campus Santo Ângelo. REGULAMENTO - JOGOS ESTUDANTIS 25 de Junho e 02 de julho de 2016 CAPÍTULO I

Campus Santo Ângelo. REGULAMENTO - JOGOS ESTUDANTIS 25 de Junho e 02 de julho de 2016 CAPÍTULO I II JOGOS ESTUDANTIS CAMPUS SANTO ÂNGELO 2016 Campus Santo Ângelo REGULAMENTO - JOGOS ESTUDANTIS 25 de Junho e 02 de julho de 2016 DAS FINALIDADES CAPÍTULO I Art. 1º - Os JOGOS ESTUDANTIS DO INSTITUTO FEDERAL

Leia mais

COPA WIGAND REGULAMENTO

COPA WIGAND REGULAMENTO COPA WIGAND REGULAMENTO INTRODUÇÃO Com o intuito de organizar e disciplinar a realização das competições esportivas, organizadas e desenvolvidas no Esporte Clube Santo André, pôr determinação da atual

Leia mais

Regulamento Específico. Tênis de Mesa

Regulamento Específico. Tênis de Mesa Regulamento Específico Tênis de Mesa 2015 Art. 1º - A competição do Tênis de Mesa dos Escolares de Minas Gerais JEMG/2015 obedecerá às regras oficiais da Federação Internacional de Tênis de Mesa - ITTF

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DA NATAÇÃO 2016

REGULAMENTO ESPECÍFICO DA NATAÇÃO 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO DA NATAÇÃO 2016 Art. 1º. A Competição de Natação será realizada de acordo com as regras oficiais da Federação Internacional de Natação (FINA), da Confederação Brasileira de Desportos

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES COMPLEXO ESPORTIVO 10ª COPA UNIVATES/DCE 2017 FUTSAL FEMININO

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES COMPLEXO ESPORTIVO 10ª COPA UNIVATES/DCE 2017 FUTSAL FEMININO REGULAMENTO CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES COMPLEXO ESPORTIVO 10ª COPA UNIVATES/DCE 2017 FUTSAL FEMININO DA PROMOÇÃO E ORGANIZAÇÃO: A promoção e a organização são do Centro Universitário UNIVATES/Complexo

Leia mais

IX COPA COUTO. Jogos do Colégio COUTO MAGALHÃES UniEVANGÉLICA

IX COPA COUTO. Jogos do Colégio COUTO MAGALHÃES UniEVANGÉLICA IX COPA COUTO Jogos do Colégio COUTO MAGALHÃES UniEVANGÉLICA Finalidades Art. 1º - A IX Copa Couto, promovida pelo Colégio Couto Magalhães, consta de atividades esportivas que visam socializar e integrar

Leia mais

REGULAMENTO INTERCLUBES INFANTO JUVENIL 2012

REGULAMENTO INTERCLUBES INFANTO JUVENIL 2012 REGULAMENTO INTERCLUBES INFANTO JUVENIL 2012 1. DO CAMPEONATO Poderá participar do Interclubes Infanto Juvenil toda agremiação que estiver devidamente cadastrada na FPT e com suas obrigações financeiras

Leia mais

FESTIVAL SESI MIRIM DE VOLEIBOL

FESTIVAL SESI MIRIM DE VOLEIBOL FESTIVAL SESI MIRIM DE VOLEIBOL - 2015 REGULAMENTO DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO ARTIGO 1º - FESTIVAL MIRIM DE VOLEIBOL é o nome fantasia oficial da XX COPA SESI MIRIM DE VOLEIBOL, competição máxima do calendário

Leia mais

REGULAMENTO GERAL IV COPA N1 DE FUTSAL 2015 COPA : N1 CHAMPIONS LEAGUE 3.0

REGULAMENTO GERAL IV COPA N1 DE FUTSAL 2015 COPA : N1 CHAMPIONS LEAGUE 3.0 REGULAMENTO GERAL IV COPA N1 DE FUTSAL 2015 COPA : N1 CHAMPIONS LEAGUE 3.0 TÍTULO I - DAS FINALIDADES Art. 1º A IV copa N1 de futsal é uma competição interna com convidados que tem por objetivo incentivar,

Leia mais

GRAND SLAM ABERTURA FEMININO 2017

GRAND SLAM ABERTURA FEMININO 2017 GRAND SLAM ABERTURA FEMININO 2017 Regulamento Oficial CAPÍTULO I - Da Finalidade Art. 01 O campeonato GRAND SLAM ABERTUTA FEMININO 2017 da FEDERAÇÃO PARANAENSE DE SOCCER SOCIETY, será disputado de conformidade

Leia mais

TAÇA DOS BANCÁRIOS Regulamento. Capítulo I Este regulamento é o conjunto das disposições que regem as disputas da TAÇA DOS BANCÁRIOS 2012.

TAÇA DOS BANCÁRIOS Regulamento. Capítulo I Este regulamento é o conjunto das disposições que regem as disputas da TAÇA DOS BANCÁRIOS 2012. TAÇA DOS BANCÁRIOS 2012 Regulamento Capítulo I Este regulamento é o conjunto das disposições que regem as disputas da TAÇA DOS BANCÁRIOS 2012. Capítulo II a competição tem por objetivo o desenvolvimento

Leia mais

R E G U L A M E N T O

R E G U L A M E N T O Datas: 28,29 e 30 de agosto de 2014. R E G U L A M E N T O I - DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º - A Olimpíada tem por finalidade promover o intercâmbio sócio-desportivo entre os alunos do Colégio Maria Imaculada,

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO 4 JOGOS DO IFRS

REGULAMENTO ESPECÍFICO 4 JOGOS DO IFRS REGULAMENTO ESPECÍFICO 4 JOGOS DO IFRS DO FUTSAL Art.1 - Os jogos de futsal nos 4º JOGOS DO IFRS serão realizados de acordo com as Regras Oficiais da CBFS, pelo regulamento geral e específico. Art.2 -

Leia mais

REGULAMENTO DO II CAMPEONATO DE FUTEBOL SOCIETY DO MINISTÉRIO PÚBLICO

REGULAMENTO DO II CAMPEONATO DE FUTEBOL SOCIETY DO MINISTÉRIO PÚBLICO REGULAMENTO DO II CAMPEONATO DE FUTEBOL SOCIETY DO MINISTÉRIO PÚBLICO 1. ORGANIZAÇÃO - O II Campeonato de Futebol Society do Ministério Público é uma realização da Associação do Ministério Público do Estado

Leia mais

REGULAMENTO DO TORNEIO UNIFICADO DE BASQUETEBOL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI (TUB-UFCA)

REGULAMENTO DO TORNEIO UNIFICADO DE BASQUETEBOL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI (TUB-UFCA) REGULAMENTO DO TORNEIO UNIFICADO DE BASQUETEBOL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI (TUB-UFCA) DA FINALIDADE Art. 1º O Torneio Unificado de Basquetebol da Universidade Federal do Cariri (TUB-UFCA) tem como

Leia mais

FEDERAÇÃO GAÚCHA DE TÊNIS

FEDERAÇÃO GAÚCHA DE TÊNIS Regulamento Campeonato Interclubes Adultos 2012 I Dos Objetivos do Regulamento O presente Regulamento tem como objetivo proporcionar aos Clubes filiados de todo Estado, competições esportivas com qualidade

Leia mais

ESPORTE, MELHORA O RESULTADO DE PESSOAS E EMPRESAS.

ESPORTE, MELHORA O RESULTADO DE PESSOAS E EMPRESAS. ESPORTE, MELHORA O RESULTADO DE PESSOAS E EMPRESAS. REGULAMENTO DA FASE LOCAL SESI ESPORTE CRICIÚMA - 2015 Art. 1º - As inscrições serão feitas através da ficha de inscrição, modelos do Regional e do Estadual,

Leia mais

LIGA FEMININA MASTER DE VOLEIBOL DO CPG Regulamento Geral

LIGA FEMININA MASTER DE VOLEIBOL DO CPG Regulamento Geral CLUBE DO PROFESSOR GAÚCHO Av. Guaíba, 12060 Ipanema CEP 91770110 Porto Alegre/RS Fone: 51.32485710 e 32484244 Fax: 32481207 e-mail: esportes@cpg.com.br www.cpg.com.b LIGA FEMININA MASTER DE VOLEIBOL DO

Leia mais

REGULAMENTO GERAL XXIII JIESCABRUN

REGULAMENTO GERAL XXIII JIESCABRUN REGULAMENTO GERAL XXIII JIESCABRUN CAMPEONATO INTERCLASSES 2016 COLÉGIO CARLOS BRUNETTI OBJETIVO GERAL Promover a integração geral entre todos os alunos de nossa escola, principalmente a integração dos

Leia mais

REGULAMENTO GERAL. 1º lugar 8 pontos 2º lugar 6 pontos 3º lugar 5 pontos 4º lugar 4 pontos 5º lugar 3 pontos 6º lugar 2 pontos

REGULAMENTO GERAL. 1º lugar 8 pontos 2º lugar 6 pontos 3º lugar 5 pontos 4º lugar 4 pontos 5º lugar 3 pontos 6º lugar 2 pontos REGULAMENTO GERAL Pelo presente regulamento fica instituída a OLIMPÍADA INTERCOLEGIAL, que visa desenvolver a prática das modalidades desportivas no âmbito estudantil, bem como, possibilitar às comunidades

Leia mais

FEDERAÇÃO PAULISTA DE BOCHA E BOLÃO. Rua Visconde de Itaboraí, 328 Tatuapé São Paulo (11)

FEDERAÇÃO PAULISTA DE BOCHA E BOLÃO. Rua Visconde de Itaboraí, 328 Tatuapé São Paulo (11) FEDERAÇÃO PAULISTA DE BOCHA E BOLÃO Rua Visconde de Itaboraí, 328 Tatuapé São Paulo 03308-050 (11) 3873-7595 www.fpbb.com.br fpbb@fpbb.com.br CAMPEONATO ESTADUAL 2017 MODALIDADE DE BOCHA MUNDIAL CATEGORIA

Leia mais

CECA COMPETIÇÕES ESCOLARES CANOENSES. Regulamento Geral e Técnico

CECA COMPETIÇÕES ESCOLARES CANOENSES. Regulamento Geral e Técnico CECA COMPETIÇÕES ESCOLARES CANOENSES Regulamento Geral e Técnico ÍNDICE REGULAMENTO GERAL 1. Da Organização e Objetivo...03 2. Da Inscrição...03 3. Da Realização...04 4. Do Sistema Disciplinar...04 5.

Leia mais

Datas: 27, 28, 29 e 30 de junho de R E G U L A M E N T O

Datas: 27, 28, 29 e 30 de junho de R E G U L A M E N T O OLIMPÍADAS 2016 ENSINO FUNDAMENTAL II E ENSINO MÉDIO I DISPOSIÇÕES GERAIS Datas: 27, 28, 29 e 30 de junho de 2016. R E G U L A M E N T O Art. 1º - Os jogos têm por finalidade promover o intercâmbio sócio-desportivo

Leia mais

REGULAMENTO INTERCLUBES INFANTOJUVENIL 2014

REGULAMENTO INTERCLUBES INFANTOJUVENIL 2014 REGULAMENTO INTERCLUBES INFANTOJUVENIL 2014 1. DO CAMPEONATO Poderá participar do Interclubes Infantojuvenil toda agremiação que estiver devidamente cadastrada na FPT e com suas obrigações financeiras

Leia mais

IX CIRCUITO BRASILEIRO DE HANDEBOL DE AREIA 2014/2015

IX CIRCUITO BRASILEIRO DE HANDEBOL DE AREIA 2014/2015 IX CIRCUITO BRASILEIRO DE HANDEBOL DE AREIA 2014/2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I - Das Finalidades Art. 1º Com a realização do CIRCUITO BRASILEIRO DE HANDEBOL DE AREIA, a Confederação Brasileira

Leia mais

REGULAMENTO. 3. O MT será constituído por 8 (oito) provas, bem como pelo Campeonato Regional por Equipas de Sub10 (Interclubes).

REGULAMENTO. 3. O MT será constituído por 8 (oito) provas, bem como pelo Campeonato Regional por Equipas de Sub10 (Interclubes). REGULAMENTO 1. O ATL MINI TOUR 2016 (MT) é um circuito de provas para os escalões de Sub8 e Sub10, promovido pela Associação de Ténis de Lisboa (ATL), havendo uma calendarização das provas através de um

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS

ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS DEPARTAMENTO ESPORTIVO JOGOS NACIONAIS DA MAGISTRATURA REGULAMENTO DA FINALIDADE E REALIZAÇÃO Art. 1º - Os JOGOS NACIONAIS DA MAGISTRATURA, competição oficial da

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO - FUTSAL JOGOS INTERCAMPI DOS SERVIDORES

REGULAMENTO ESPECÍFICO - FUTSAL JOGOS INTERCAMPI DOS SERVIDORES MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE DIRETORIA DE GESTÃO DE PESSOAS COORDENAÇÃO DE ATENÇÃO À SAÚDE DO SERVIDOR REGULAMENTO ESPECÍFICO

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO - FUTSAL JOGOS INTERCAMPI DOS SERVIDORES

REGULAMENTO ESPECÍFICO - FUTSAL JOGOS INTERCAMPI DOS SERVIDORES MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE DIRETORIA DE GESTÃO DE PESSOAS COORDENAÇÃO DE ATENÇÃO À SAÚDE DO SERVIDOR REGULAMENTO ESPECÍFICO

Leia mais

PANELINHAS XXIV Campeonato Interno de Futebol de Base.

PANELINHAS XXIV Campeonato Interno de Futebol de Base. PANELINHAS 2016 XXIV Campeonato Interno de Futebol de Base. I Objetivos: - Desenvolver o interesse do associado pela prática do futebol. - Promover o entretenimento e a sociabilização através do futebol.

Leia mais

REGULAMENTO DA LIGA ESCOLAR DE BASQUETE 3X3

REGULAMENTO DA LIGA ESCOLAR DE BASQUETE 3X3 REGULAMENTO DA LIGA ESCOLAR DE BASQUETE 3X3 1. Objetivo: ART. 1º - Do Campeonato: incentivar e divulgar a prática do Basquete 3x3, orientando para um trabalho de base e motivando maior participação entre

Leia mais

38º. As modalidades e suas respectivas categorias e gêneros serão :

38º. As modalidades e suas respectivas categorias e gêneros serão : 38º Art. 1º- Poderão participar dos jogos: atletas holandeses, descendentes, casados com holandeses ou casados com descendentes. Os casos excepcionais deverão ser apresentados na reunião técnica e a decisão,

Leia mais

Interséries Fema 2017

Interséries Fema 2017 Interséries Fema 2017 CAPITULO I - DA ORGANIZAÇÃO Art. 01 - Este regulamento é o conjunto das disposições que regem as disputas das Interséries Fema 2017, nas modalidades de handebol masculino e feminino,

Leia mais

Interséries Fema 2017

Interséries Fema 2017 Interséries Fema 2017 CAPITULO I - DA ORGANIZAÇÃO Art. 01 - Este regulamento é o conjunto das disposições que regem as disputas das Interséries Fema 2017, nas modalidades de handebol masculino e feminino,

Leia mais

REGULAMENTO DO II TORNEIO DE VÔLEI DE AREIA GRUPO MASCARELLO 2017

REGULAMENTO DO II TORNEIO DE VÔLEI DE AREIA GRUPO MASCARELLO 2017 REGULAMENTO DO II TORNEIO DE VÔLEI DE AREIA GRUPO MASCARELLO 2017 Art. 1º FINALIDADE O Torneio de Vôlei de Areia da Associação Atlética do Grupo Mascarello tem por finalidade a congregação dos associados,

Leia mais

GAZETA DE LIMEIRA 20 A. EDIÇÃO COPA GAZETA DE FUTEBOL SUB 11 I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

GAZETA DE LIMEIRA 20 A. EDIÇÃO COPA GAZETA DE FUTEBOL SUB 11 I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES GAZETA DE LIMEIRA 20 A. EDIÇÃO COPA GAZETA DE FUTEBOL SUB 11 I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Artigo 1º - Este Regulamento é em conjunto das disposições preliminares que regem a 20 A. EDIÇÃO COPA GAZETA

Leia mais

Boletim Informativo VOLEIBOL MASCULINO

Boletim Informativo VOLEIBOL MASCULINO Boletim Informativo VOLEIBOL MASCULINO Blumenau / Pomerode 2016 Comprometimento Orgulho de representar a empresa Motivação Espírito de equipe Respeito EMPRESAS PARTICIPANTES DO VOLEIBOL MASCULINO EMPRESAS

Leia mais

1º CAMPEONATO INTERNO DA UNIOESTE CAMPUS TOLEDO FUTEBOL SETE SINTÉTICO REGULAMENTO GERAL

1º CAMPEONATO INTERNO DA UNIOESTE CAMPUS TOLEDO FUTEBOL SETE SINTÉTICO REGULAMENTO GERAL 1º CAMPEONATO INTERNO DA UNIOESTE CAMPUS TOLEDO FUTEBOL SETE SINTÉTICO - 2010 - REGULAMENTO GERAL DAS FINALIDADES 1 O Campeonato Interno da Unioeste / Campus de Toledo tem por finalidade a integração e

Leia mais

TORNEIO INTERNO DE BILHAR 2017 REGULAMENTO

TORNEIO INTERNO DE BILHAR 2017 REGULAMENTO TORNEIO INTERNO DE BILHAR 2017 REGULAMENTO I - Dos Objetivos: Art. 1 - O evento tem por finalidade promover o intercâmbio social e esportivo entre os associados do Clube Comercial de Lorena, e desenvolver

Leia mais

REGULAMENTO DO TORNEIO UNIFICADO DE HANDEBOL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI (TUH-UFCA)

REGULAMENTO DO TORNEIO UNIFICADO DE HANDEBOL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI (TUH-UFCA) REGULAMENTO DO TORNEIO UNIFICADO DE HANDEBOL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI (TUH-UFCA) DA FINALIDADE Art. 1º O Torneio Unificado de Handebol da Universidade Federal do Cariri (TUH-UFCA) tem como objetivos

Leia mais

DIRETORIA DOS INTERESSES TÉCNICOS

DIRETORIA DOS INTERESSES TÉCNICOS DIRETORIA DOS INTERESSES TÉCNICOS 2 0 1 5 XXIV - CAMPEONATO SUB-12 MASCULINO DA G.S.P. XLVII - CAMPEONATO SUB-13 MASCULINO DA G.S.P. LVII - CAMPEONATO SUB-14 MASCULINO DA G.S.P. LXXVI - CAMPEONATO SUB-15

Leia mais

COPA DO MUNDO EM UM DIA EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA URI - F. W. FUTEBOL SETE ESCOLAR ENSINO MÉDIO REGULAMENTO GERAL

COPA DO MUNDO EM UM DIA EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA URI - F. W. FUTEBOL SETE ESCOLAR ENSINO MÉDIO REGULAMENTO GERAL COPA DO MUNDO EM UM DIA EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA URI - F. W. FUTEBOL SETE ESCOLAR ENSINO MÉDIO REGULAMENTO GERAL DA ORGANIZAÇÃO: A Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões em apoio

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS

ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS DEPARTAMENTO ESPORTIVO JOGOS NACIONAIS DA MAGISTRATURA REGULAMENTO DA FINALIDADE E REALIZAÇÃO Art. 1º - Os JOGOS NACIONAIS DA MAGISTRATURA, competição oficial da

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO VOLEIBOL. Art. 1º - As partidas obedecerão as regras oficiais da FIVB, com as seguintes alterações:

REGULAMENTO ESPECÍFICO VOLEIBOL. Art. 1º - As partidas obedecerão as regras oficiais da FIVB, com as seguintes alterações: VOLEIBOL Art. 1º - As partidas obedecerão as regras oficiais da FIVB, com as seguintes alterações: Inciso I - Os jogos serão realizados em 01 (um) set de 18 (dezoito) pontos. Inciso II - Em caso de empate

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E ASSUNTOS ESTUDANTIS CENTRO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E ASSUNTOS ESTUDANTIS CENTRO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E ASSUNTOS ESTUDANTIS CENTRO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO FÍSICA REGULAMENTO TÉCNICO MARÇO 2016 REGULAMENTO

Leia mais

XX Torneio Escola de Natação 2016 (Atualizado em 29/12/2015, às 10h00)

XX Torneio Escola de Natação 2016 (Atualizado em 29/12/2015, às 10h00) CAPÍTULO 1 - ORGANIZAÇÃO E REALIZAÇÃO XX Torneio Escola de ART. 1º - O XX TORNEIO ESCOLA NATAÇÃO 2016 é uma competição do calendário oficial da MG Esportes, de acordo com o presente regulamento. ART. 2º

Leia mais

LIGA FORMA ATIVA DE TÊNIS DE MESA DO NORTE DO PARANÁ 2016

LIGA FORMA ATIVA DE TÊNIS DE MESA DO NORTE DO PARANÁ 2016 IGA FORMA ATIVA DE TÊNIS DE MESA DO NORTE DO PARANÁ 06 OBJETIVO Esta iga tem por objetivo; promover a massificação, a integração e o desenvolvimento de Tênis de Mesa em toda região do norte do Paraná,

Leia mais

XIV COPA COOPERMUNDI DE FUTSAL

XIV COPA COOPERMUNDI DE FUTSAL Regulamento Geral XIV COPA COOPERMUNDI DE FUTSAL 2016 XIV COPA COOPER DE FUTSAL REGULAMENTO CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES ARTIGO I - A competição será organizada pelo Coopermundi. ARTIGO II - Poderão

Leia mais

31º J O G O S D O S E S I P A R A N Á NOTA OFICIAL 01/2017

31º J O G O S D O S E S I P A R A N Á NOTA OFICIAL 01/2017 31º J O G O S D O S E S I P A R A N Á NOTA OFICIAL 01/2017 Referência: Manutenção de Modalidades Prezados Senhores Curitiba, 10 de abril de 2017. A Coordenação Geral dos XXXI Jogos do SESI, através de

Leia mais

COPA DAS FEDERAÇÕES REGULAMENTO GERAL PARA 2016

COPA DAS FEDERAÇÕES REGULAMENTO GERAL PARA 2016 COPA DAS FEDERAÇÕES REGULAMENTO GERAL PARA 2016 1. DO CAMPEONATO Anualmente a CBT - Confederação Brasileira de Tênis promoverá a Copa das Federações, para definir o Estado o Brasileiro. A Copa das Federações

Leia mais