Projetos e pesquisas: Como escrever um artigo original em ciências da vida. Walter Lilenbaum Universidade Federal Fluminense

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Projetos e pesquisas: Como escrever um artigo original em ciências da vida. Walter Lilenbaum Universidade Federal Fluminense"

Transcrição

1 Projetos e pesquisas: Como escrever um artigo original em ciências da vida Walter Lilenbaum Universidade Federal Fluminense

2

3 Etapas da construção de um projeto 1.Identificação do problema Coerência com suas linhas de pesquisa Viabilidade do projeto Existe mesmo um problema? 2.Avaliação da literatura pertinente Sites especializados:

4 3.Composição da equipe de trabalho: Equipe multidisciplinar Objetivos comuns Coordenador experiente Brain storms 4.Formulação de metas e objetivos, com cronograma Clara descrição das etapas a serem desenvolvidas Responsável por cada etapa Prazos para cada etapa Previsão para imprevistos!!

5 5.Cálculo de custos e fontes de financiamento Calcular em reais e dólares cada etapa Lembre-se das taxas!!! Junte Notas Fiscais! Evitar o desperdício 6.Projeto piloto em condições controladas Evita desperdício de material Permite familiarização da equipe com as técnicas Permite correções de rumo Resultados preliminares podem ser submetidos á apreciação

6 7.Início da colheita de amostras Colher TODAS as amostras de cada animal no mesmo dia Anotar TUDO!!! Procurar prever cada imprevisto Amostras em excesso: nunca é demais Planejar o armazenamento adequado Cuidado com a identificação! 8.Processamento de amostras Deve ser realizada no menor tempo possível Agrupar as amostras para serem testadas Armazenar dados crus

7 9.Reuniões para análise dos dados Os dados crus devem ser interpretados de acordo com a literatura Instruções do fabricante Momento ideal para boas idéias 10. Comunicações em congressos Permitem início do trabalho de escrita do artigo Divulgação para publico de outras áreas Sugestões de outros pesquisadores

8 E finalmente Redação de artigos científicos 12. Submissão às revistas pertinentes

9 Comunicação em Ciência Porque escrever? Resposta oficial: trabalho não publicado = trabalho não feito Outros interessados, de todas as partes do mundo Se ninguém sabe o que você tem feito e descoberto Você desperdiçou sua energia e tempo Você desperdiçou recursos dinheiro!! Então, você deve escrever, e você deve escrever bem Infelizmente, você deve escrever em INGLÊS

10 Escrevendo em Inglês Inglês é a língua primária da ciência 92% dos trabalhos no Index Medicus em 2011 em Inglês Muitas pessoas que tem o Inglês como primeira língua não são bons escritores

11 Seleção de Revistas Numerosas opções! Identificar o público alvo e os periódicos que eles lêem Examine artigos recentes Cheque instruções aos Autores

12 Avaliando a Qualidade de uma Revista Variação enorme! Fatores de impacto, citações do índice, origem, circulação, QUALIS Faça uma busca literária para identificar onde os melhores artigos estão sendo publicados Busque aconselhamento (de autores experientes)

13 Formato da Revista Consistente com seu trabalho (trabalho completo vs. comunicação breve) Qualidade das imagens publicadas Formato, apêndices Intervalo entre a submissão e a publicação Por exemplo:

14 Escolha Final Entre os periódicos que estão adequados para a publicação de seu artigo, escolha o de maior prestígio, aquele que você acha que irá aceitar o seu artigo Seja realista! Não seja um autor de um só periódico

15 Instruções aos Autores Leia cuidadosamente! Ignorar é correr riscos! Sempre on-line (consulte a internet) Normalmente no primeiro ou último número do volume/ano Use artigos recentes como um exemplo

16 Anatomia de um Trabalho Científico Formato IMRAD Introdução: Qual questão/problema foi estudado? M & M: Como o problema foi estudado? Resultados: Quais foram os achados? Discussão: O que os achados significam? Coloque cada item em seu lugar!

17 Título Atraia atenção para o seu trabalho (muitos lêem o título, mas somente poucos lêem o trabalho) Curto e fácil de ler Bastante específico (inclua palavras críticas que serão encontradas nas buscas) Minimize abreviações, acrônimos, jargões Pode ser necessário fornecer um running title Cheque o formato ortográfico

18 Autores International Committee of Medical Journals Editors (ICMJE):. Contribuição substancial na concepção e planejamento, ou aquisição de dados, ou análise e interpretação de dados;. Redação e elaboração do artigo ou revisão intelectual crítica deste;. Aprovação da versão final a ser publicada. Obtenção de financiamento, coleta de dados ou supervisão geral de um grupo de pesquisa não são, por si só, critérios para autoria ou co-autoria. Cada autor ou co-autor deverá ter participado suficientemente do trabalho para ter responsabilidade pública sobre segmentos apropriados do conteúdo. A ordem dos autores e co-autores será decidida pelo grupo que deverá estar apto a explicá-la.

19 Ordem dos Autores Primeiro autor tem responsibilidade primária Segundo autor também é importante Pode ser manifestado que os dois primeiros autores contribuíram igualmente Último autor é sempre um cientista senior

20 Sumário Bem curto, menos descritivo Principais motivos, resultados e conclusões Exigido frequentemente Palavras Chave Respeite número máximo de palavras/caracteres Ordem decrescente de importância Escolha cuidadosamente os termos; consulte lista de referências, ex. tópicos de assuntos médicos (MESH) ou outros trabalhos

21 Introdução Descreva o problema, inclua natureza e objetivo Breve revisão de conhecimento Explique como seu estudo irá contestar, expandir ou aumentar o conhecimento existente Objetivos/hipóteses no final Seja tão específico quanto possível

22 Introdução: Erros Comuns Detalhamento/comprimento excessivo (como uma tese) Falta de foco Número excessivo de referências citadas Ausência, inadequação ou inconsistência de objetivos (com outras partes do trabalho)

23 Materiais e Métodos Permita repetição de um investigador competente Descreva todos os equipamentos, materiais, software, etc., e fontes (cidade, estado,país) Procedimentos comuns: referências (explique modificações) Cronológico e fácil de seguir

24 Figuras, Gráficos e Tabelas Ilustrar efetivamente tratamentos ou grupos Uma foto = 1000 palavras Simples e fácil de interpretar Texto somente realça a informação exposta Evite detalhamento excessivo e duplicação

25 Análise Estatística Apropriadas Descreva em detalhamento suficiente para reprodução por outro pesquisador Descreva principais efeitos, interações, testes de múltiplos limites Algumas revistas exigem o registro de obtenção de softwares

26 Texto de Resultados Relate achados (minimize descrições do que foi feito) Fazer referências em tabelas e figuras Realce (NÃO repita) Mais detalhe se apresentar dados únicos Apresente (NÃO discuta)

27 Dados Relatados Use unidades apropriadas (minimize zeros) Geralmente relate até uma casa decimal Use 0 antes de decimal (ex. 0.5) Lembre de usar um ponto e não uma vírgula (1.5 vs 1,5)

28 Números Siga instruções referentes a números < 10 Nunca comece uma sentença com um número (Vacas (n=10) Uma alíquota (5 ml).. Evite números consecutivos (10 3 cm fragmentos) Use terminologia científica (ex. x 10 6 ) Dê o número original primeiro, ex. 209 (7.2%) of the 2,901 serum samples..

29 Discussão Resuma os achados maiores Discuta limitações e problemas do estudo Discuta implicações científicas e clínicas Resultados inesperados Providencie uma conclusão concisa

30 Discussão (continuação) Estabeleça relações entre fatos observados; NÃO repita resultados simplesmente Primeiro faça referências aos dados próprios, discuta com referências à literatura relevante Considere similaridades, diferenças, vantagens, desvantagens, pode sugerir estudos futuros Não muito longa (talvez 1/3 do documento)

31 Discussão (continuação) Objetivos consistentes com o trabalho Conclusões sustentadas pelos dados Argumentos com progressão lógica; cada parágrafo conduzindo o leitor passo a passo

32 Significância P < 0.05 (melhor citar valor P atual, especialmente nos Resultados) Cite valor P OU diga significante P > 0.05 mas < 0.10 é uma tendência (pode ser de relevância biológica ou potência inadequada)

33 Termos Estatísticos Parâmetros, significante, tendência, correlacionado Use SOMENTE em senso estatístico estrito Idem para termos de Epidemiologia: Prevalência, Incidência

34 Conclusão Parágrafo final da discussão Resuma os SEUS achados mais importantes Não cite referências nem faça especulações Sentença de conclusão forte; não desperdice esta oportunidade

35 Agradecimentos Curto e focado (evite desejaria or gostaria ) Número de referência Institucional (se consentido) Agradeça financiamentos e pessoas (com permissão)

36 Citações e Bibliografia No texto, em localização lógica (não necessariamente ao final da sentença) Evitar citação de livros e revisões verifique fonte original Se não original, escreva citado por Bibliografia deve seguir formato e ser cuidadosamente verificada quanto a erros Erros são muito comuns

37 Passos Práticos para Escrever Tome notas;..e depois as escreva por extenso! Deixe as idéias fluirem Consulte outros documentos para obter sentenças chave Material & Métodos/Resultados; imagem de espelho Discussão (ordem descrescente) Resumo Bibliografia (formato)

38 Prof. Walter Lilenbaum Tel. (21) Obrigado!

Instruções para Submissão de Trabalhos ao EPETUSP 2013

Instruções para Submissão de Trabalhos ao EPETUSP 2013 Instruções para Submissão de Trabalhos ao EPETUSP 2013 O trabalho deverá ser submetido em formato PDF e não serão feitas correções após o envio. Portanto, solicitamos o máximo cuidado e atenção na elaboração

Leia mais

PPGEM - Iniciação a Pesquisa

PPGEM - Iniciação a Pesquisa UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS ESCOLA DE ENGENHARIA Programa de Pós-Graduação em Engenharia Metalúrgica, Materiais e de Minas Av. Antonio Carlos, 6627 Bloco II - sala 2230 31270-901 Belo Horizonte,

Leia mais

NORMAS ARTIGOS COMPLETOS PARA DEFESA DO TRABALHO DE CURSO

NORMAS ARTIGOS COMPLETOS PARA DEFESA DO TRABALHO DE CURSO NORMAS ARTIGOS COMPLETOS PARA DEFESA DO TRABALHO DE CURSO 1 NORMAS GERAIS Pesquisas realizadas em humanos devem apresentar o número de protocolo do Comitê de Ética em Pesquisa no item "Material e Método"

Leia mais

Ajuda ao SciEn-Produção 1. 1. O Artigo Científico da Pesquisa Experimental

Ajuda ao SciEn-Produção 1. 1. O Artigo Científico da Pesquisa Experimental Ajuda ao SciEn-Produção 1 Este texto de ajuda contém três partes: a parte 1 indica em linhas gerais o que deve ser esclarecido em cada uma das seções da estrutura de um artigo cientifico relatando uma

Leia mais

Como escrever um artigo científico

Como escrever um artigo científico Como escrever um artigo científico Baseado no texto de C. S. Lyra (2006), Como escrever um Artigo Científico ou Técnico. Infinite Thecnicals Translations http://www.freewebs.com/infinitetrans/artigo.html

Leia mais

NORMAS PARA A APRESENTAÇÃO DOS ARTIGOS. Revista Interdisciplinaridade

NORMAS PARA A APRESENTAÇÃO DOS ARTIGOS. Revista Interdisciplinaridade NORMAS PARA A APRESENTAÇÃO DOS ARTIGOS Revista Interdisciplinaridade INTERDISCIPLINARIDADE é uma revista de periodicidade anual, cujo volume de cada ano será publicado em outubro e poderão ser realizadas

Leia mais

1 Edital para submissão de materiais para o Congresso

1 Edital para submissão de materiais para o Congresso DIGICONGRESS 2014 Congresso de Comunicação e Marketing Digital 1 Edital para submissão de materiais para o Congresso 1.1 Informações gerais - O DIGICONGRESS (Congresso de Comunicação e Marketing Digital)

Leia mais

NORMAS PARA ENVIO DE TRABALHOS (Resumos Expandidos, Pôster e Oral)

NORMAS PARA ENVIO DE TRABALHOS (Resumos Expandidos, Pôster e Oral) NORMAS PARA ENVIO DE TRABALHOS (Resumos Expandidos, Pôster e Oral) V CONGRESSO INTERNACIONAL DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL EXPECTATIVAS E AÇÕES TRANSFORMADORAS:

Leia mais

Normas para Apresentação dos Trabalhos no VI Congresso de Contabilidade do Sudoeste da Bahia - FAINOR

Normas para Apresentação dos Trabalhos no VI Congresso de Contabilidade do Sudoeste da Bahia - FAINOR Estão abertas, no período de 20 de Agosto a 10 de Setembro de 2013, as inscrições para submissão de Trabalhos no VI Congresso de Contabilidade do Sudoeste da Bahia, em conformidade com as disposições que

Leia mais

2º CONGRESSO INTERDISCIPLINAR EM SAÚDE E EDUCAÇÃO: MEIO AMBIENTE, CIÊNCIA E QUALIDADE DE VIDA

2º CONGRESSO INTERDISCIPLINAR EM SAÚDE E EDUCAÇÃO: MEIO AMBIENTE, CIÊNCIA E QUALIDADE DE VIDA 2º CONGRESSO INTERDISCIPLINAR EM SAÚDE E EDUCAÇÃO: MEIO AMBIENTE, CIÊNCIA E QUALIDADE DE VIDA ISSN 2358-2995 Normas para submissão de trabalhos Cronograma: 31/03/15 início das inscrições dos trabalhos

Leia mais

Universidade Federal de São Paulo Instituto Saúde e Sociedade Programa de Pós-Graduação Alimentos, Nutrição e Saúde

Universidade Federal de São Paulo Instituto Saúde e Sociedade Programa de Pós-Graduação Alimentos, Nutrição e Saúde Universidade Federal de São Paulo Instituto Saúde e Sociedade Programa de Pós-Graduação Alimentos, Nutrição e Saúde ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE DOCUMENTO DE QUALIFICAÇÃO E DISSERTAÇÃO PARA O PROGRAMA

Leia mais

P2CEM. Pesquisa 2015/1. Elaboração de trabalho escrito. Profa. Dra. Zélia Soares Macedo Departamento de Física

P2CEM. Pesquisa 2015/1. Elaboração de trabalho escrito. Profa. Dra. Zélia Soares Macedo Departamento de Física P2CEM Pesquisa 2015/1 Elaboração de trabalho escrito Profa. Dra. Zélia Soares Macedo Departamento de Física Tipos de trabalho escrito: - monografia (1º semestre); - projeto (1º ou 2º semestre); - relatório

Leia mais

Metodologia do Trabalho Científico

Metodologia do Trabalho Científico Metodologia do Trabalho Científico Diretrizes para elaboração de projetos de pesquisa, monografias, dissertações, teses Cassandra Ribeiro O. Silva, Dr.Eng. METODOLOGIA DA PESQUISA CIENTÍFICA Porque escrever

Leia mais

Prof. Carlos Ruberto Fragoso Jr.

Prof. Carlos Ruberto Fragoso Jr. Prof. Carlos Ruberto Fragoso Jr. Essa modalidade é muito mais prática e objetiva que o modelo de dissertação tradicional Propicia uma divulgação mais prática e rápida dos resultados obtidos Maior visibilidade

Leia mais

Tópico 4. Como Elaborar um Relatório e Apresentar os Resultados Experimentais

Tópico 4. Como Elaborar um Relatório e Apresentar os Resultados Experimentais Tópico 4. Como Elaborar um Relatório e Apresentar os Resultados Experimentais 4.1. Confecção de um Relatório 4.1.1. Organização do relatório Um relatório é uma descrição detalhada, clara e objetiva de

Leia mais

LEMC ELABORAÇÃO DO PROJETO DE PESQUISA E SOLICITAÇÃO DE FINANCIAMENTO

LEMC ELABORAÇÃO DO PROJETO DE PESQUISA E SOLICITAÇÃO DE FINANCIAMENTO ELABORAÇÃO DO PROJETO DE PESQUISA E SOLICITAÇÃO DE FINANCIAMENTO ELABORAÇÃO DO PROJETO DE PESQUISA E SOLICITAÇÃO DE FINANCIAMENTO Universidade Federal do Espirito Santo Centro de Ciências da Saúde Programa

Leia mais

SAÚDE NORMAS DE PUBLICAÇÃO DA REVISTA BRASILEIRA DE CIÊNCIAS DA SAÚDE NORMAS

SAÚDE NORMAS DE PUBLICAÇÃO DA REVISTA BRASILEIRA DE CIÊNCIAS DA SAÚDE NORMAS NORMAS DE PUBLICAÇÃO DA REVISTA BRASILEIRA DE CIÊNCIAS DA 1. INFORMAÇÕES GERAIS A submissão dos manuscritos deverá ser efetuada pelo envio do material para o e-mail revista.saude@uscs.edu.br, sob a responsabilidade

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE PESQUISA

INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE PESQUISA INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE PESQUISA 1. INTRODUÇÃO Para obter o grau de Bacharel em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Uberlândia, o aluno deverá cursar as disciplinas Iniciação

Leia mais

INSTITUTO LONG TAO METODOLOGIA CIENTÍFICA

INSTITUTO LONG TAO METODOLOGIA CIENTÍFICA INSTITUTO LONG TAO METODOLOGIA CIENTÍFICA Profa. Ms. Rose Romano Caveiro CONCEITO E DEFINIÇÃO É um conjunto de abordagens, técnicas e processos utilizados pela ciência para formular e resolver problemas

Leia mais

REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO FACULDADE DE ESTUDOS SOCIAIS DO ESPÍRITO SANTO FACULDADE PIO XII REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO ( 6º PERÍODO/2013-7º PERÍODO/2014-8º PERÍODO/2014 ) Cariacica 2013/2014 FACULDADE DE ESTUDOS

Leia mais

REVISTA CIENTÍFICA DA ESCOLA DE SAÚDE PÚBLICA CÂNDIDO SANTIAGO SEST-SUS/SES-GO

REVISTA CIENTÍFICA DA ESCOLA DE SAÚDE PÚBLICA CÂNDIDO SANTIAGO SEST-SUS/SES-GO 1. NORMAS EDITORIAIS DA REVISTA A Revista da Escola de Saúde Pública (RESAP), editada pela Superintendência em Educação e Trabalho para o SUS da Secretaria de Estado da Saúde de Goiás, é uma revista científica

Leia mais

NORMAS PARA ENVIO DE TRABALHOS EM BANNER (Pôster) 4º Leite e Queijo & Cia. 30 e 31 de agosto e 1º de setembro de 2012

NORMAS PARA ENVIO DE TRABALHOS EM BANNER (Pôster) 4º Leite e Queijo & Cia. 30 e 31 de agosto e 1º de setembro de 2012 NORMAS PARA ENVIO DE TRABALHOS EM BANNER (Pôster) 4º Leite e Queijo & Cia 30 e 31 de agosto e 1º de setembro de 2012 IFSULDEMINAS Campus Muzambinho Estrada de Muzambinho Km 35, s/n - Morro Preto Muzambinho

Leia mais

UNIVERSIDADE IGUAÇU FACUDADE DAS CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

UNIVERSIDADE IGUAÇU FACUDADE DAS CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS UNIVERSIDADE IGUAÇU FACUDADE DAS CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE PROJETO DE MONOGRAFIA FILOMENA MARIA RATES SOARES VITOR TENÓRIO NOVA

Leia mais

PRINCÍPIOS DA INSTRUÇÃO PROGRAMADA 1. Se você ler cada um dos quadros cuidadosamente, provavelmente cometerá muito poucos erros.

PRINCÍPIOS DA INSTRUÇÃO PROGRAMADA 1. Se você ler cada um dos quadros cuidadosamente, provavelmente cometerá muito poucos erros. PRINCÍPIOS DA INSTRUÇÃO PROGRAMADA 1 INSTRUÇÕES Existem diferenças entre um Curso Programado ou Programa em Instrução Programada e um livro - texto comum. A primeira diferença é que o material se apresenta

Leia mais

REGULAMENTO EDITORIAL E NORMAS DE ESTILO DA REVISTA CIÊNCIA VETERINÁRIA NOS TRÓPICOS

REGULAMENTO EDITORIAL E NORMAS DE ESTILO DA REVISTA CIÊNCIA VETERINÁRIA NOS TRÓPICOS REGULAMENTO EDITORIAL E NORMAS DE ESTILO DA REVISTA CIÊNCIA VETERINÁRIA NOS TRÓPICOS REGULAMENTO EDITORIAL Uma das missões do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de Pernambuco (CRMV-PE)

Leia mais

Redação Científica. Título, Resumo e Palavras-chave. Curso de Pós-Graduação em Saúde da Criança e do Adolescente FCM - 2012

Redação Científica. Título, Resumo e Palavras-chave. Curso de Pós-Graduação em Saúde da Criança e do Adolescente FCM - 2012 Redação Científica Título, Resumo e Palavras-chave Aline Santarem Ernesto Carina Caires Gazini Sobrino Luiz Carlos de Barros Ramalho Maria Isabel Ramos do Amaral Curso de Pós-Graduação em Saúde da Criança

Leia mais

BRASILEIRA DE FARMÁCIA HOSPITALAR E SERVIÇOS DE SAÚDE

BRASILEIRA DE FARMÁCIA HOSPITALAR E SERVIÇOS DE SAÚDE 1 REVISTA BRASILEIRA DE FARMÁCIA HOSPITALAR E SERVIÇOS DE SAÚDE Uma publicação da (SBRAFH) A () publica artigos nos idiomas Inglês, Espanhol, Português; e a partir de 2010 substituirá a Revista SBRAFH

Leia mais

1. Normas para inscrição de trabalhos

1. Normas para inscrição de trabalhos I CONGRESSO DE ENFERMAGEM DA FACULDADE ASCES DESAFIOS DO CUIDADO INTEGRAL: UM OLHAR PARA OS CENÁRIOS DE TRANSFORMAÇÃO 25 e 26/09/2014 FACULDADE ASCES, CAMPUS II NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA SUBMISSÃO, SELEÇÃO

Leia mais

I. INSTRUÇÕES PARA APRESENTAÇÃO DE DISSERTAÇÃO OU TESE

I. INSTRUÇÕES PARA APRESENTAÇÃO DE DISSERTAÇÃO OU TESE I. INSTRUÇÕES PARA APRESENTAÇÃO DE DISSERTAÇÃO OU TESE A dissertação ou tese deve ser impressa em papel A4, com margens de 25 a 35mm, impressa em apenas um lado, em espaço duplo, com fonte Arial ou Times

Leia mais

Instruções sobre como elaborar artigo para o Âmbito Jurídico

Instruções sobre como elaborar artigo para o Âmbito Jurídico Instruções sobre como elaborar artigo para o Âmbito Jurídico Nome do autor: principais atividades acadêmicas em no máximo 3 linhas, colocar e-mail. 1. Se estudante de direito colocar apenas: Acadêmico

Leia mais

Orientações Gerais para as Disciplinas de Trabalho de Conclusão do Cursos de Sistemas para Internet IFRS - Câmpus Porto Alegre

Orientações Gerais para as Disciplinas de Trabalho de Conclusão do Cursos de Sistemas para Internet IFRS - Câmpus Porto Alegre Orientações Gerais para as Disciplinas de Trabalho de Conclusão do Cursos de Sistemas para Internet IFRS - Câmpus Porto Alegre Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul -

Leia mais

METODOLOGIA CIENTÍFICA PATRÍCIA ALVAREZ RUIZ

METODOLOGIA CIENTÍFICA PATRÍCIA ALVAREZ RUIZ METODOLOGIA CIENTÍFICA PATRÍCIA ALVAREZ RUIZ Elaboração e Leitura crítica de artigos científicos www.contemporaneo.com.br Artigos científicos Seria correto se todos os artigos publicados fossem cientificamente

Leia mais

Como usar seu website para captar recursos

Como usar seu website para captar recursos Como usar seu website para captar recursos Objetivo: Hoje em dia, com mais de 1.5 bilhão de pessoas acessando a Internet regularmente em todo o mundo, nunca foi tão importante tirar o máximo de proveito

Leia mais

Normas de publicação de Neurociências & Psicologia

Normas de publicação de Neurociências & Psicologia Normas de publicação de Neurociências & Psicologia A revista Neurociências & Psicologia é uma publicação com periodicidade bimestral e está aberta para a publicação e divulgação de artigos científicos

Leia mais

INSTITUTO FLORENCE DE ENSINO COORDENAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM (TÍTULO DO PROJETO) Acadêmico: Orientador:

INSTITUTO FLORENCE DE ENSINO COORDENAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM (TÍTULO DO PROJETO) Acadêmico: Orientador: INSTITUTO FLORENCE DE ENSINO COORDENAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM (TÍTULO DO PROJETO) Acadêmico: Orientador: São Luis 2015 (TÍTULO DO PROJETO) (NOME DO ALUNO) Projeto de Pesquisa do Programa

Leia mais

TAMANHO DAS FOLHAS - DEMONSTRATIVOS

TAMANHO DAS FOLHAS - DEMONSTRATIVOS TAMANHO DAS FOLHAS - DEMONSTRATIVOS INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS IFAM CAMPUS HUMAITÁ CURSO DE... NOME DO(A) DISCENTE TÍTULO DA PESQUISA HUMAITÁ AM ANO EM QUE O TRABALHO

Leia mais

Introdução. O que é um survey? Projeto de Surveys. Tópicos Especiais em E.S.: Surveys. Cleidson de Souza. representatividade de amostras;

Introdução. O que é um survey? Projeto de Surveys. Tópicos Especiais em E.S.: Surveys. Cleidson de Souza. representatividade de amostras; Introdução Tópicos Especiais em E.S.: Surveys Cleidson de Souza LABES - DI - UFPA cdesouza@ufpa.br! Um dos principais exemplos de pesquisa empírica:! Pesquisas de votos;! Pesquisas de opinião pública;!

Leia mais

INSTRUÇÕES AOS AUTORES - DIVUGAÇÃO EM SAÚDE PARA DEBATE

INSTRUÇÕES AOS AUTORES - DIVUGAÇÃO EM SAÚDE PARA DEBATE INSTRUÇÕES AOS AUTORES - DIVUGAÇÃO EM SAÚDE PARA DEBATE A revista Divulgação em Saúde para Debate é uma publicação do Centro Brasileiro de Estudos de Saúde (Cebes). Aceita trabalhos inéditos sob forma

Leia mais

1. Escolha do Tema. 2. Formulação do Problema. 1 Escolha do Tema II. PLANEJAMENTO DA PESQUISA

1. Escolha do Tema. 2. Formulação do Problema. 1 Escolha do Tema II. PLANEJAMENTO DA PESQUISA II. PLANEJAMENTO DA PESQUISA 1. Escolha do tema 2. Formulação do problema 3. Justificativa 4. Determinação dos objetivos 5. Referencial teórico 6. Referências 1 Escolha do Tema 1. Escolha do Tema Nesta

Leia mais

DIRETRIZES DE ORIENTAÇÃO DAS ATIVIDADES DO TRABALHO DE CURSO

DIRETRIZES DE ORIENTAÇÃO DAS ATIVIDADES DO TRABALHO DE CURSO Manual de Orientação das Atividades do Trabalho de Conclusão de Curso INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DE RIO VERDE - IESRIVER CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DIRETRIZES DE ORIENTAÇÃO DAS ATIVIDADES DO TRABALHO DE

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO 1 Modelo de Artigo de periódico baseado na NBR 6022, 2003. Título do artigo, centralizado. COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO Maria Bernardete Martins Alves * Susana Margaret de Arruda ** Nome do (s) autor

Leia mais

NORMAS PARA ELABORAÇÃO E SUBMISSÃO DO RESUMO EXPANDIDO E TRABALHO COMPLETO DO 3º CONGRESSO INTERNACIONAL EM SAÚDE: ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE

NORMAS PARA ELABORAÇÃO E SUBMISSÃO DO RESUMO EXPANDIDO E TRABALHO COMPLETO DO 3º CONGRESSO INTERNACIONAL EM SAÚDE: ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE NORMAS PARA ELABORAÇÃO E SUBMISSÃO DO RESUMO EXPANDIDO E TRABALHO COMPLETO DO 3º CONGRESSO INTERNACIONAL EM SAÚDE: ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE O formato de trabalhos aceitos será o Resumo Expandido ou Trabalho

Leia mais

NOME DA INSTITUIÇÃO (FACULDADE, UNIVERSIDADE) NOME DO CENTRO DE ESTUDOS NOME COMPLETO DO ALUNO TITULO DO TRABALHO CIDADE

NOME DA INSTITUIÇÃO (FACULDADE, UNIVERSIDADE) NOME DO CENTRO DE ESTUDOS NOME COMPLETO DO ALUNO TITULO DO TRABALHO CIDADE NOME DA INSTITUIÇÃO (FACULDADE, UNIVERSIDADE) NOME DO CENTRO DE ESTUDOS NOME COMPLETO DO ALUNO TITULO DO TRABALHO CIDADE 00000 NOME COMPLETO DO ALUNO TITULO DO TRABALHO Titulo do Trabalho: seguido de uma

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO 1 Modelo de Artigo de periódico baseado na NBR 6022, 2003. Título do artigo, centralizado. COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO Andersown Becher Paes de Barros * Ideraldo Bonafé ** RESUMO Este trabalho apresenta

Leia mais

VI SEMANA ACADÊMICA INTEGRADA dos cursos de Administração, Enfermagem e Psicologia 21 a 24 de outubro de 2014

VI SEMANA ACADÊMICA INTEGRADA dos cursos de Administração, Enfermagem e Psicologia 21 a 24 de outubro de 2014 VI SEMANA ACADÊMICA INTEGRADA dos cursos de Administração, Enfermagem e Psicologia 21 a 24 de outubro de 2014 NORMAS PARA ENVIO E APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS CIENTÍFICOS Os trabalhos a serem submetidos a

Leia mais

! Pesquisas de votos; ! Serviços de qualidade; ! Pesquisas de opinião pública; ! Em quem você vai votar em Outubro?

! Pesquisas de votos; ! Serviços de qualidade; ! Pesquisas de opinião pública; ! Em quem você vai votar em Outubro? Introdução Tópicos Especiais em E.S.: Surveys Cleidson de Souza LABES - DI - UFPA cdesouza@ufpa.br! Um dos principais exemplos de pesquisa empírica:! Pesquisas de votos;! Serviços de qualidade;! Pesquisas

Leia mais

GESTÃO HOSPITALAR. PIM VI Projeto Integrado Multidisciplinar

GESTÃO HOSPITALAR. PIM VI Projeto Integrado Multidisciplinar GESTÃO HOSPITALAR PIM VI Projeto Integrado Multidisciplinar 1 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Elaborar um estudo acerca Estrutura e Funcionamento do Sistema de Saúde Pública e Privada no Brasil.

Leia mais

Como redigir artigos científicos SÉTIMA AULA 03/10/11. Resultados. Apresentando dados numéricos. Tabela ou gráfico

Como redigir artigos científicos SÉTIMA AULA 03/10/11. Resultados. Apresentando dados numéricos. Tabela ou gráfico Como redigir artigos científicos Antônio Augusto Moura da Silva SÉTIMA AULA e Conclusões Resumo e título Apresentando dados numéricos Só reportar resultados que respondam à sua questão Não há necessidade

Leia mais

Após a confirmação de pagamento de sua inscrição para o congresso, você estará apto a entrar no sistema de submissão de trabalho.

Após a confirmação de pagamento de sua inscrição para o congresso, você estará apto a entrar no sistema de submissão de trabalho. Para submissão de trabalhos é necessário que você esteja inscrito no evento. Você deve realizar seu cadastro acessando a opção Cadastrar, quando disponível. É imprescindível que você guarde suas informações

Leia mais

Profª. Luciana Oliveira metodologia.oliveira@gmail.com. Projeto de pesquisa. Colaboradores: Prof. Dr. José Roberto R. Pinto Leonardo Silva Oliveira

Profª. Luciana Oliveira metodologia.oliveira@gmail.com. Projeto de pesquisa. Colaboradores: Prof. Dr. José Roberto R. Pinto Leonardo Silva Oliveira METODOLOGIA CIENTÍFICA Profª. Luciana Oliveira metodologia.oliveira@gmail.com Projeto de pesquisa. Colaboradores: Prof. Dr. José Roberto R. Pinto Leonardo Silva Oliveira O QUE PESQUISAR? A pesquisa só

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA PRODUÇÃO DE NOTA TÉCNICA NO ÂMBITO DA SUPERINTENDÊNCIA DE INFRAESTRUTURA AEROPORTUÁRIA

PROCEDIMENTOS PARA PRODUÇÃO DE NOTA TÉCNICA NO ÂMBITO DA SUPERINTENDÊNCIA DE INFRAESTRUTURA AEROPORTUÁRIA MANUAL DE PROCEDIMENTOS SIA MPR/SIA-006-R01 PROCEDIMENTOS PARA PRODUÇÃO DE NOTA TÉCNICA NO ÂMBITO DA SUPERINTENDÊNCIA DE INFRAESTRUTURA AEROPORTUÁRIA Ed. Parque Cidade Corporate, Torre A Setor Comercial

Leia mais

FACULDADE 7 DE SETEMBRO CURSO DE BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO MANUAL DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

FACULDADE 7 DE SETEMBRO CURSO DE BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO MANUAL DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO FACULDADE 7 DE SETEMBRO CURSO DE BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO MANUAL DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO FORTALEZA - 2014 Diretor Geral Ednilton Gomes de Soárez Diretor Acadêmico Ednilo Gomes de

Leia mais

da carta ao editor ao formato das tabelas e figuras Claudia M. R. Alves Laboratório de HCI Escola Paulista de Medicina UNIFESP 2014

da carta ao editor ao formato das tabelas e figuras Claudia M. R. Alves Laboratório de HCI Escola Paulista de Medicina UNIFESP 2014 da carta ao editor ao formato das tabelas e figuras Claudia M. R. Alves Laboratório de HCI Escola Paulista de Medicina UNIFESP 2014 Vancouver Group - 1978 Comitê Internacional de Editores de Periódicos

Leia mais

REVISTA BRASILEIRA DE FARMÁCIA HOSPITALAR E SERVIÇOS DE SAÚDE

REVISTA BRASILEIRA DE FARMÁCIA HOSPITALAR E SERVIÇOS DE SAÚDE REVISTA BRASILEIRA DE FARMÁCIA HOSPITALAR E SERVIÇOS DE SAÚDE Uma publicação da Sociedade Brasileira de Farmácia Hospitalar e Serviços de Saúde (SBRAFH) A Revista Brasileira de Farmácia Hospitalar e Serviços

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA PRODUÇÃO DE TEXTOS DO JORNAL REPORTAGEM RESENHA CRÍTICA TEXTO DE OPINIÃO CARTA DE LEITOR EDITORIAL

ORIENTAÇÕES PARA PRODUÇÃO DE TEXTOS DO JORNAL REPORTAGEM RESENHA CRÍTICA TEXTO DE OPINIÃO CARTA DE LEITOR EDITORIAL ORIENTAÇÕES PARA PRODUÇÃO DE TEXTOS DO JORNAL REPORTAGEM RESENHA CRÍTICA TEXTO DE OPINIÃO CARTA DE LEITOR EDITORIAL ORIENTAÇÕES PARA OS GRUPOS QUE ESTÃO PRODUZINDO UMA: REPORTAGEM Tipos de Textos Características

Leia mais

Este evento busca oportunizar a divulgação de resultados de pesquisa de alunos regularmente matriculados em cursos de graduação.

Este evento busca oportunizar a divulgação de resultados de pesquisa de alunos regularmente matriculados em cursos de graduação. MANUAL OFICIAL O EVENTO O IDEAU Instituto de Desenvolvimento Educacional do Alto Uruguai reconhece a importância do trabalho acadêmico, as habilidades de criação e de inovação dos alunos de cada um de

Leia mais

MOSTRA DE CULTURA, CIÊNCIA E TECNOLOGIA ORIENTAÇÕES PARA MONTAGEM DO DOSSIÊ

MOSTRA DE CULTURA, CIÊNCIA E TECNOLOGIA ORIENTAÇÕES PARA MONTAGEM DO DOSSIÊ MOSTRA DE CULTURA, CIÊNCIA E TECNOLOGIA ORIENTAÇÕES PARA MONTAGEM DO DOSSIÊ Prezada Equipe, É com grande prazer que recebemos sua proposta de participação na I Mostra de Cultura, Ciência e Tecnologia do

Leia mais

Normas para envio de resumos ao II Simpósio Internacional de Medicina Veterinária Preventiva FCAV UNESP Jaboticabal Novembro de 2015

Normas para envio de resumos ao II Simpósio Internacional de Medicina Veterinária Preventiva FCAV UNESP Jaboticabal Novembro de 2015 Normas para envio de resumos ao II Simpósio Internacional de Medicina Veterinária Preventiva FCAV UNESP Jaboticabal Novembro de 2015 Os trabalhos submetidos devem ser originais, oriundos de observações

Leia mais

NORMAS DE PUBLICAÇÃO DA REVISTA FIMCA

NORMAS DE PUBLICAÇÃO DA REVISTA FIMCA NORMAS DE PUBLICAÇÃO DA REVISTA FIMCA A Revista FIMCA é dirigida a acadêmicos e profissionais de Saúde, destinada às publicações inéditas de trabalhos de pesquisa básica e aplicada, revisões científicas,

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO Modelo de Artigo de periódico baseado na NBR 6022, 2003. Título do artigo, centralizado. COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO Maria Bernardete Martins Alves * Susana Margaret de Arruda ** Nome do (s) autor

Leia mais

Como fazer uma Revisão Bibliográfica

Como fazer uma Revisão Bibliográfica Como fazer uma Revisão Bibliográfica Objetivos da Revisão Bibliográfica Aprendizado sobre uma determinada área Levantamento dos trabalhos realizados anteriormente sobre o mesmo tema Identificação e seleção

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE PESQUISA. Disciplina: TC0600 - Projeto de Graduação I Turma C Profa. Denyse de Araújo

INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE PESQUISA. Disciplina: TC0600 - Projeto de Graduação I Turma C Profa. Denyse de Araújo INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE PESQUISA Disciplina: TC0600 - Projeto de Graduação I Turma C Profa. Denyse de Araújo Objetivos do Projeto de Pesquisa Instigar o aluno a refletir, dentro de uma

Leia mais

O PROJETO DE PESQUISA. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza

O PROJETO DE PESQUISA. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza O PROJETO DE PESQUISA Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza ROTEIRO Escolher um tema de pesquisa Por onde começar? Ler para aprender Estrutura do Projeto de Pesquisa A Definição

Leia mais

Guião para a Organização de Projetos de Melhoria Contínua da Qualidade dos Cuidados de Enfermagem

Guião para a Organização de Projetos de Melhoria Contínua da Qualidade dos Cuidados de Enfermagem SECÇÃO REGIONAL SUL DA ORDEM DOS ENFERMEIROS Guião para a Organização de Projetos de Melhoria Contínua da Qualidade dos Cuidados de Enfermagem Programa Padrões de Qualidade dos Cuidados de Enfermagem CONSELHO

Leia mais

AU A L U A A 6 REDAÇÃ Ç O C IENTÍFICA

AU A L U A A 6 REDAÇÃ Ç O C IENTÍFICA REDAÇÃO CIENTÍFICA AULA 6 Conteúdo principal para uma dissertação Elementos pré-textuais; Elementos textuais; Elementos pós-textuais. Elementos pré-textuais de uma dissertação Capa; Folha de rosto; Ficha

Leia mais

Normas de publicação da Revista Brasileira de Fisiologia do Exercício

Normas de publicação da Revista Brasileira de Fisiologia do Exercício Normas de publicação da Revista Brasileira de Fisiologia do Exercício A Revista Brasileira de Fisiologia do Exercício é uma publicação com periodicidade bimestral e está aberta para a publicação e divulgação

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE CIÊNCIAS BÁSICAS DA SAÚDE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MICROBIOLOGIA AGRÍCOLA E DO AMBIENTE

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE CIÊNCIAS BÁSICAS DA SAÚDE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MICROBIOLOGIA AGRÍCOLA E DO AMBIENTE UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE CIÊNCIAS BÁSICAS DA SAÚDE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MICROBIOLOGIA AGRÍCOLA E DO AMBIENTE Comissão Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA ORGANIZAÇÃO DE TRABALHOS ESCOLARES

ORIENTAÇÕES PARA ORGANIZAÇÃO DE TRABALHOS ESCOLARES ORIENTAÇÕES PARA ORGANIZAÇÃO DE TRABALHOS ESCOLARES Ao organizar um trabalho escolar é necessário que algumas normas sejam observadas pelo aluno. A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) encarrega-se

Leia mais

COMO AVALIAR UM ARTIGO CIENTÍFICO

COMO AVALIAR UM ARTIGO CIENTÍFICO COMO AVALIAR UM ARTIGO CIENTÍFICO ARTIGO CIENTÍFICO Artigo científico é parte de uma publicação com autoria declarada, que apresenta e discute idéias, métodos, técnicas, processos e resultados nas diversas

Leia mais

Dicas para apresentação de TCC em Power Point. Profª Drª Stael Silvana B. E da Silva Faculdade de Ciências Sociais e Agrárias de Itapeva - FAIT

Dicas para apresentação de TCC em Power Point. Profª Drª Stael Silvana B. E da Silva Faculdade de Ciências Sociais e Agrárias de Itapeva - FAIT Dicas para apresentação de TCC em Power Point Profª Drª Stael Silvana B. E da Silva Faculdade de Ciências Sociais e Agrárias de Itapeva - FAIT Atenção! Este modelo de apresentação foi produzido com a única

Leia mais

MODELO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA

MODELO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA MODELO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA E ENGENHARIA DE MATERIAIS Elaborado por Prof. Dr. Rodrigo Sampaio Fernandes Um projeto de pesquisa consiste em um documento no qual

Leia mais

ANEXO II METODOLOGIA DA PESQUISA RELATÓRIO TÉCNICO CIENTÍFICO NBR 10719

ANEXO II METODOLOGIA DA PESQUISA RELATÓRIO TÉCNICO CIENTÍFICO NBR 10719 ANEXO II METODOLOGIA DA PESQUISA RELATÓRIO TÉCNICO CIENTÍFICO NBR 10719 Documento que relata formalmente os resultados ou progressos obtidos em investigação de pesquisa e desenvolvimento ou que descreve

Leia mais

Nível 2: Descrevendo seu sistema de APS e identificando os indicadores-chave

Nível 2: Descrevendo seu sistema de APS e identificando os indicadores-chave 17 Nível 2: Descrevendo seu sistema de APS e identificando os indicadores-chave O Nível 2 o ajuda a definir seu programa em termos de sistema. Isto o ajudará a identificar as peças-chave de informação

Leia mais

Calendário CBNA 2015 Envio de Trabalhos Científicos

Calendário CBNA 2015 Envio de Trabalhos Científicos Calendário CBNA 2015 Envio de Trabalhos Científicos Evento - Data envio do trabalho comprovação da inscrição do 1º autor resposta sobre aceitação ou recusa do trabalho Tema dos Trabalhos XIV CONGRESSO

Leia mais

Dar Crédito a Quem Merece:

Dar Crédito a Quem Merece: Série de Melhores Práticas da AJE Dar Crédito a Quem Merece: Melhores Práticas de Atribuição de Autoria Michaela Panter, PhD Sobre a autora A Dra. Panter é editora da AJE desde 2008. Ela se formou na Yale

Leia mais

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DO RESUMO EXPANDIDO DO V CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DE ITAJUBÁ - FEPI

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DO RESUMO EXPANDIDO DO V CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DE ITAJUBÁ - FEPI NORMAS PARA ELABORAÇÃO DO RESUMO EXPANDIDO DO V CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DE ITAJUBÁ - FEPI Período de submissão de resumos expandidos: 06/06/2014 a 22/08/2014 (até às 21

Leia mais

FLUXOGRAMA DA PESQUISA

FLUXOGRAMA DA PESQUISA FLUXOGRAMA DA PESQUISA Desde a preparação até a apresentação de um relatório de pesquisa estão envolvidas diferentes etapas. Algumas delas são concomitantes; outras são interpostas. O fluxo que ora se

Leia mais

NORMAS PARA SUBMISSÃO DE RESUMO E ARTIGO COMPLETO

NORMAS PARA SUBMISSÃO DE RESUMO E ARTIGO COMPLETO NORMAS PARA SUBMISSÃO DE RESUMO E ARTIGO COMPLETO RESUMOS - Os resumos deverão ter no máximo 500 palavras. - A estrutura do resumo deverá conter, obrigatoriamente: problematização da pesquisa; objetivos;

Leia mais

EPISTEME - Revista Científica da Faculdade Católica Salesiana do ES

EPISTEME - Revista Científica da Faculdade Católica Salesiana do ES FACULDADE CATÓLICA SALESIANA DO ESPÍRITO SANTO Coordenação de Pesquisa e Iniciação Científica - CPIC EPISTEME - Revista Científica da Faculdade Católica Salesiana do ES CHAMADA PARA PUBLICAÇÃO EDITAL 1/2014

Leia mais

NORMAS PARA SUBMISSÃO DE TRABALHOS

NORMAS PARA SUBMISSÃO DE TRABALHOS NORMAS PARA SUBMISSÃO DE TRABALHOS Trabalhos para sessão pôster, sessão coordenada, temas livres para prêmio podem ser enviados por profissionais e estudantes de Enfermagem, nas modalidades abaixo relacionadas

Leia mais

Normas para Apresentação de Monografias

Normas para Apresentação de Monografias UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE DEPARTAMENTO DE SISTEMAS E COMPUTAÇÃO COORDENAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO Normas para Apresentação de Monografias Campina Grande, dezembro 2010

Leia mais

Plano de Negócios. Passo a passo sobre como iniciar um Plano de Negócios para sua empresa. Modelo de Planejamento prévio

Plano de Negócios. Passo a passo sobre como iniciar um Plano de Negócios para sua empresa. Modelo de Planejamento prévio Plano de Negócios Passo a passo sobre como iniciar um Plano de Negócios para sua empresa Modelo de Planejamento prévio Fraiburgo, 2015 Plano de Negócios Um plano de negócios é uma descrição do negócio

Leia mais

Normas de publicação. 1. A Revista Brasileira de Cardiologia. 2. Instruções redatoriais. 3. Avaliação pelos pares (peer review)

Normas de publicação. 1. A Revista Brasileira de Cardiologia. 2. Instruções redatoriais. 3. Avaliação pelos pares (peer review) Revista Brasileira de Cardiologia 1 Normas de publicação 1. A Revista Brasileira de Cardiologia A Revista Brasileira de Cardiologia (Rev Bras Cardiol.) é a publicação oficial da Sociedade de Cardiologia

Leia mais

COMUNICAÇÃO CIENTÍFICA

COMUNICAÇÃO CIENTÍFICA COMUNICAÇÃO CIENTÍFICA O I Encontro Nacional de Pesquisa em Ciência e Tecnologia/FACIT oportunizará a apresentação de Trabalhos Científicos sob a forma de Comunicação Oral para professores, profissionais

Leia mais

Fundamentos de Teste de Software

Fundamentos de Teste de Software Núcleo de Excelência em Testes de Sistemas Fundamentos de Teste de Software Módulo 3 Planejamento e Aula 8 do Projeto Aula 08 do Projeto SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 ACOMPANHAMENTO DO PROJETO... 3 1. do Progresso...

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE Página 1 de 5 Apresentação A V I I Jornada de Iniciação Científica tem como objetivo divulgar os resultados das pesquisas realizadas por alunos de graduação dos diversos cursos na área de Saúde do Estado.

Leia mais

RESOLUÇÃO CEPEX Nº 014/2011 Teresina, 13 de maio de 2011.

RESOLUÇÃO CEPEX Nº 014/2011 Teresina, 13 de maio de 2011. RESOLUÇÃO CEPEX Nº 014/2011 Teresina, 13 de maio de 2011. Revoga a Resolução CEPEX 003/2010 e aprova o Regulamento Geral do Trabalho de Conclusão de Curso de Graduação da Universidade Estadual do Piauí

Leia mais

Conhecimentos em Comércio Eletrônico Capítulo 4 CAPÍTULO 4 VISÃO GERAL DO COMÉRCIO

Conhecimentos em Comércio Eletrônico Capítulo 4 CAPÍTULO 4 VISÃO GERAL DO COMÉRCIO CAPÍTULO 4 VISÃO GERAL DO COMÉRCIO PLANEJAMENTO E MODELOS DE E-COMMERCE Uma das principais características do CE é permitir a criação de novos modelos de negócio. Um modelo de negócio é um método que permite

Leia mais

FACULDADE INTEGRADA DA GRANDE FORTALEZA

FACULDADE INTEGRADA DA GRANDE FORTALEZA NORMAS DOS TRABALHOS CIENTIFICOS FACULDADE INTEGRADA DA GRANDE FORTALEZA Período: 05 a 07 de Outubro de 2010 IX SEMANA ACADEMICA Responsabilidade sócioambiental Local: Faculdade Integrada da Grande Fortaleza

Leia mais

Requisitos de Software

Requisitos de Software Requisitos de Software Ian Sommerville 2006 Engenharia de Software, 8ª. edição. Capítulo 6 Slide 1 Objetivos Apresentar os conceitos de requisitos de usuário e de sistema Descrever requisitos funcionais

Leia mais

CHAMADA DE TRABALHOS

CHAMADA DE TRABALHOS FACULDADE DE DIREITO NÚCLEO DE PESQUISAS E ESTUDOS JURÍDICOS (NPEJ) CHAMADA DE TRABALHOS V SIMPÓSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE DE RIO VERDE A Faculdade de Direito da

Leia mais

Curso de Graduação em Enfermagem da FCMSCSP. Trabalho de Conclusão de Curso (TCC)

Curso de Graduação em Enfermagem da FCMSCSP. Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) Curso de Graduação em Enfermagem da FCMSCSP Normas 1 para a Apresentação de Monografia do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) 1 Baseadas na Normatização para apresentação de dissertações e teses da Comissão

Leia mais

CONFIGURAÇÕES E PREPARAÇÃO DO RESUMO (apresentação de pôsteres)

CONFIGURAÇÕES E PREPARAÇÃO DO RESUMO (apresentação de pôsteres) CONFIGURAÇÕES E PREPARAÇÃO DO RESUMO (apresentação de pôsteres) Cada autor poderá enviar no Maximo 1 resumo e estar como co-autor em até 3 resumos. Prepare o resumo em um editor de texto com fonte Times

Leia mais

INSTRUÇÕES NORMATIVAS

INSTRUÇÕES NORMATIVAS INSTRUÇÕES NORMATIVAS INSCRIÇÃO DE TRABALHOS ATÉ 30/09/2015 A Comissão organizadora da XIX Jornada Científica sugere que, antes de iniciarem o processo de inscrição, todos os autores leiam as orientações

Leia mais

EDITAL Nº 01 DE SELEÇÃO DE ARTIGOS

EDITAL Nº 01 DE SELEÇÃO DE ARTIGOS DEPARTAMENTO ESTADUAL DE TRÂNSITO DO RIO GRANDE DO SUL DIVISÃO DE EDUCAÇÃO PARA O TRÂNSITO DIVEDUC ESCOLA PÚBLICA DE TRÂNSITO EPT EDITAL Nº 01 DE SELEÇÃO DE ARTIGOS A Divisão de Educação para o Trânsito

Leia mais

Manual para uso do HELPDESK

Manual para uso do HELPDESK EXACTUS Suporte e Atendimento - versão 1.0 Página 1 de 14 Manual para uso do HELPDESK Visão Cliente EXACTUS Suporte e Atendimento - versão 1.0 Página 2 de 14 Introdução O serviço possui um pacote com todas

Leia mais

Artigo Científico PÓS GRADUAÇÃO EAD 2015

Artigo Científico PÓS GRADUAÇÃO EAD 2015 Artigo Científico PÓS GRADUAÇÃO EAD 2015 Artigo Cientifico Artigo científico é o trabalho acadêmico que apresenta resultados sucintos de uma pesquisa realizada de acordo com o método científico aceito

Leia mais

:: Cuidados na Elaboração de uma Redação Científica

:: Cuidados na Elaboração de uma Redação Científica :: Cuidados na Elaboração de uma Redação Científica José Mauricio Santos Pinheiro em 21/04/2005 Os princípios indispensáveis à redação científica podem ser resumidos em quatro pontos fundamentais: clareza,

Leia mais

MEDIA TRANNING. Giovana Cunha. Coordenadora de Rádio e TV - TST giovana.cunha@tst.jus.br

MEDIA TRANNING. Giovana Cunha. Coordenadora de Rádio e TV - TST giovana.cunha@tst.jus.br MEDIA TRANNING Giovana Cunha COMO AGIR DIANTE DA IMPRENSA É muito comum o entrevistado se queixar que o jornalista não reproduziu corretamente as informações fornecidas na entrevista. O jornalista normalmente

Leia mais