Dinâmicas de Investimento Privado em Moçambique: tendências e questões preliminaries para análise

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Dinâmicas de Investimento Privado em Moçambique: tendências e questões preliminaries para análise"

Transcrição

1 Dinâmicas de Investimento Privado em Moçambique: tendências e questões preliminaries para análise Carlos Muianga, Helena Pérez-Nino, Sara Stevano, Michael Sambo Conference Paper nº 41 III CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DO IESE MOÇAMBIQUE: ACUMULAÇÃO E TRANSFORMAÇÃO EM CONTEXTO DE CRISE INTERNACIONAL (4 & 5 de Setembro de 2012)

2 Dinâmicas de investimento privado em Moçambique: Tendências e questões preliminares para análise Carlos Muianga (IESE), Helena Pérez-Nino (SOAS), Sara Stevano (SOAS) e Michael Sambo (IESE) III Conferência Internacional do IESE Moçambique: Acumulação e Transformação em contexto de crise Internacional Maputo 4 e 5 Setembro de 2012

3 Estrutura da apresentação Introdução Tendências gerais de investimento privado em Moçambique Algumas questões preliminares para análise Conclusões e questões para reflexão

4 Introdução Investimento e dinâmicas económicas actuais Dinâmicas actuais de investimento levantam questões fundamentais sobre possíveis transformações nos padrões de produção e comércio a médio e longo prazos. Por exemplo, as transformações mais evidentes nos padrões de investimento e produção nas últimas duas décadas incluem mega-projectos de IDE nas áreas de recursos minerais e energia (gás, carvão, etc.) grandes concessões agrícolas para exportação (caju, algodão, açucar, tabaco, florestas, biocombustíveis, etc.) Envolvimento do empresariado nacional na infra-estrutura e logística de suporte á actividade extractiva (portos e caminhos de ferro, estradas e pontes) Portanto, a análise e compreensão das dinâmicas de investimento privado e suas tendências é um ponto fundamental para pensar em padrões de produção e comércio no futuro, suas implicações no desenvolvimento da base produtiva nacional assim como no papel do Estado na articulação dos diferentes interesses empresarias no processo de planificação económica;

5 Introdução (cont.) Objectivo Fazer uma análise preliminar das dinâmicas de investimento privado em Moçambique e levantar algumas questões para reflexão Metodologia, fonte e natureza dos dados Análise com recurso à informação oficial existente, mais concretamente, a base de dados do Centro de Promoção de Investimento (CPI) sobre investimento privado aprovado entre 1990 e 2011, e entrevistas abertas a instituições públicas que lidam com questões sobre investimento e planificação económica (CPI, CEPAGRI, MPD, etc.). Algumas limitações com os dados: dados sobre investimento privado aprovado não permitem observar, o que de facto está a acontecer com investimento privado em Moçambique, mas permitem, de alguma forma, prever padrões de investimento, produção e comércio no futuro e suas implicações, caso os investimentos se concretizem. Portanto, na ausência de informação sistematizada sobre investimento privado de facto realizado, o investimento privado aprovado é usado como uma aproximação (proxy) do investimento privado

6 Tendências gerais de investimento privado em Moçambique

7 Millions Tendências gerais de investimento privado em Moçambique Distribuição do investimento por fonte 9, , , , Investimento privado aprovado total e por fonte por ano, (em milhões US$) Investimento privado aprovado por fonte, (em % do investimento privado total aprovado) 5, , , , , Emprésti mos 57% IDN 6% IDE 37% Investimento Directo Estrangeiro Empréstimos Investimento Directo Nacional Total Fonte: CPI (base de dados sobre investimento privado aprovado)

8 Tendências gerais de investimento privado em Moçambique Concentração do investimento em alguns sectores Investimento privado aprovado por sector, (em % do investimento privado total) Serviços 2% Transportes e Comunicaç ões 8% Outros 2% Agricultura e Agro- Indústria 25% Aquacultura e Pescas 1% Investimento privado aprovado por sector e fonte, (em %) Recursos Minerais e Energia 29% Indústria 18% Hotelaria e Turismo 9% Banca, Seguros e Leasing 2% Construção 4% Fonte: CPI (base de dados sobre investimento privado aprovado) IDE IDN Empréstimos

9 Tendências gerais de investimento privado em Moçambique Concentração do investimento por província 8, Investimento privado aprovado por fonte e por provincia, (em milhões US$) Investimento privado total aprovado por província, (% investimento total aprovado) 7, , , Cabo Delgado 4% Niassa 5% 4, , Nampula 23% Maputo 32% 2, , Zambézia 8% Tete 13% Gaza 6% Sofala 6% Inhambane 1% Manica 2% IDE IDN Empréstimos Fonte: CPI (base de dados sobre investimento privado aprovado)

10 Tendências gerais de Investimento (exemplo de Cabo-Delgado) 1, Investimento privado aprovado por sector e fonte em Cabo-Delgado, (em milhões US$) Investimento privado aprovado por sector em cabo delgado, (% do investimento total aprovado) % Agricultura e Agro-Indústria % 0% 18% 0% 0% 2% 0% Aquacultura e Pescas Banca, Seguros e Leasing % Construção - 78% Hotelaria e Turismo Indústria IDE IDN Empréstimos Recursos Minerais e Energia

11 Tendências gerais de Investimento (exemplo de Cabo- Delgado) Base de dados do CPI parece ser capaz de descrever alguns aspectos gerais dos padrões de investimento na província, para além dos investimentos em recursos minerais (gás, petróleo) que, por razões institucionais, são excluidos da base de dados do CPI Tendência de concentração em duas áreas, hotelaria e turismo (78%) e agricultura e agro-indústria (18%), sobretudo na indústria madereira. Hotelaria e turismo e, mais recentemente, recursos minerais, concentrados nas áreas costeiras (e ilhas) e onde se encontram os recursos, respectivamente. agricultura e agro-indústria concentram-se particularmente no sul da província onde a qualidade da infra-estrutura é relativamente melhor que no resto da província, o que levanta uma questão sobre a relação entre o investimento privado (tipo, escala, e objectivo) e a infra-estrutura. Potencial ligação entre as recentes pesquisas na áreas de hidrocarbonetos e recursos minerais e expansão do turismo de luxo (principalmente conduzido por interesses estrangeiros transversais a área de investimento).

12 Algumas questões preliminares para análise Que questões preliminares para análise podem surgir da análise das dinâmicas de investimento privado em Moçambique? Padrão irregular de investimento privado aprovado investimento privado aprovado parece descrever alguns aspectos gerais dos padrões de investimento no país? (concentração, dependência de recursos externos, etc.) Concentração e alocação regional do investimento e dependência externa do investimento? Alguns aspectos institucionais: Existência de diferentes centros de decisão sobre investimento e sua relação Como é que diferentes instituições lidam com informação sobre investimento privado? Falta de conhecimento dos projectos aprovados a nível provincial Papel das instituições locais no processo de decisão sobre investimento Que implicações para o processo de planificação económica local? Plano integrado de investimento público e sua relação com investimento privado aprovado Necessidade de sistematização, divulgação e utilização dos dados sobre investimento. Que sistemas de informação existem e como funcionam monitoria das diferentes fases de implementação dos projectos Implicações de Políticas Política e estratégia industrial

13 Conclusões e algumas questões para reflexão A análise preliminar das tendências gerais de investimento privado em Moçambique aqui apresentada não permite, de algum modo, ter conclusões acabadas sobre o que de facto está a acontecer com investimento privado em Moçambique mas permite prever padrões de produção e comércio no futuro e seu impacto no acesso, distribuição e uso de recursos (financiamento, infra-estrutura, terra, àgua, etc.) A análise institucional permite levantar algumas questões sobre o papel das instituições no processo de planificação do investimento e seu impacto social e económico. Entretanto, da análise aqui apresentada é possível levantar algumas questões para reflexão: O que é que a análise da informação existente pode nos dizer sobre tendências de investimento privado em Moçambique? O que é que a análise preliminar dessas tendências de investimento pode nos levar a pensar sobre política e estratégia industrial? e Que questões a análise preliminar pode levantar como ponto de partida para futura investigação?

14 OBRIGADO!...

15 Av. Patrice Lumumba, Maputo MOÇAMBIQUE Tel Fax

Relatório Projectos Aprovados de Janeiro á Dezembro de 2014

Relatório Projectos Aprovados de Janeiro á Dezembro de 2014 Relatório Projectos Aprovados de Janeiro á Dezembro de 2014 O presente Relatório tem por finalidade apresentar informação sobre os projectos de investimento submetidos ao CPI - Centro de Promoção de Investimentos,

Leia mais

Balanço dos 10 anos de delimitação de terras comunitárias

Balanço dos 10 anos de delimitação de terras comunitárias GOVERNO DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA AGRICULTURA Direcção Nacional de Terras e Florestas Balanço dos 10 anos de delimitação de terras comunitárias 2008 Nampula, 9-11 de Março de 2010 Estrutura da apresentação

Leia mais

Encontro Regional da Medicus Mundi Maputo, 13 de Outubro de 2010 Rogério P. Ossemane (IESE)

Encontro Regional da Medicus Mundi Maputo, 13 de Outubro de 2010 Rogério P. Ossemane (IESE) Encontro Regional da Medicus Mundi Maputo, 13 de Outubro de 2010 Rogério P. Ossemane (IESE) Introdução: Crescimento e Desenvolvimento Características do padrão de crescimento Análise da actual estratégia

Leia mais

INDICADORES DE REFERÊNCIA NA ÁREA DO TURISMO 1. Chegadas Internacionais o número de viajantes que entraram no país durante um determinado período.

INDICADORES DE REFERÊNCIA NA ÁREA DO TURISMO 1. Chegadas Internacionais o número de viajantes que entraram no país durante um determinado período. REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE ------------------ INDICADORES DE REFERÊNCIA NA ÁREA DO TURISMO 1. Chegadas Internacionais o número de viajantes que entraram no país durante um determinado período. Por motivo

Leia mais

"Internacionalização: Oportunidades de Negócio em Moçambique. OEIRAS, 13 de Março 2012

Internacionalização: Oportunidades de Negócio em Moçambique. OEIRAS, 13 de Março 2012 "Internacionalização: Oportunidades de Negócio em Moçambique OEIRAS, 13 de Março 2012 Localização: Costa Oriental de África População:21.530 milhões Fronteiras 6 Países Área: 799,380 Km 2 2.515 km de costa

Leia mais

Mercados de Sistemas de Energias Renováveis. O Papel do Sistemas Solares Isolados e as Mini-Redes Solares: O caso de Moçambique

Mercados de Sistemas de Energias Renováveis. O Papel do Sistemas Solares Isolados e as Mini-Redes Solares: O caso de Moçambique Energia Para Mercados de Sistemas de Energias Renováveis O Papel do Sistemas Solares Isolados e as Mini-Redes Solares: O caso de Por: António Saíde, PCA do FUNAE Maputo, Novembro de 2016 ESTRUTURA DA APRESENTAÇÃO

Leia mais

Competitividade das Culturas de Rendimento em Moçambique: O caso da Castanha de Caju

Competitividade das Culturas de Rendimento em Moçambique: O caso da Castanha de Caju Competitividade das Culturas de Rendimento em Moçambique: O caso da Castanha de Caju Monitoria e Análise de Políticas Agroalimentares (MAFAP) RESULTADOS PRELIMINARES Helder Zavale (CEPPAG-UEM) Luis Monroy

Leia mais

Objectivos e hipótese Produção alimentar Recursos para a agricultura Modelo de política agrária A província daa Zambézia Políticas públicas

Objectivos e hipótese Produção alimentar Recursos para a agricultura Modelo de política agrária A província daa Zambézia Políticas públicas Apresentação: Objectivos e hipótese Produção alimentar Recursos para a agricultura Modelo de política agrária A província daa Zambézia Políticas públicas Objectivo: Qual a razão da Zambézia, com grande

Leia mais

MINAG. Os Conteúdos da Apresentação

MINAG. Os Conteúdos da Apresentação MINAG Análise da Renda e Dinâmica de Pobreza nas Zonas Rurais de Moçambique 00- Apresentação no Seminário Nacional de Harmonização da Planificação para 009. Namaacha, -3/Junho/008 Apresentado por Gilead

Leia mais

Outline. I. Introdução. II. Importância do algodão na economia. III. A Cadeia de valor do algodão. VI. Análise SWOT. V. Factores de competitividade

Outline. I. Introdução. II. Importância do algodão na economia. III. A Cadeia de valor do algodão. VI. Análise SWOT. V. Factores de competitividade Outline I. Introdução II. Importância do algodão na economia III. A Cadeia de valor do algodão VI. Análise SWOT V. Factores de competitividade VI. Conclusões I. Introdução A cultura do algodão constitui

Leia mais

Quarta Avaliação Nacional da Pobreza e Bem-Estar em Moçambique,

Quarta Avaliação Nacional da Pobreza e Bem-Estar em Moçambique, Quarta Avaliação Nacional da Pobreza e Bem-Estar em Moçambique, 2014-15 Ministério da Economia e Finanças Outubro 2016 Introdução O PARP 2011 2014 estabelece que A avaliação do PARP 2011 2014 [ ] será

Leia mais

Resultados do Exercício. cio de Priority Setting

Resultados do Exercício. cio de Priority Setting Resultados do Exercício cio de Priority Setting (Namaacha, 9 Maio Junho, 6) Raúl Pitoro de Junho, 6 MINAG Apresentação Metodologia Resultados do exercício cio de priorização Constatações e Recomendações

Leia mais

Determinantes do Rendimento, Pobreza, e Percepção do Progresso Económico dos Agregados Familiares nas Zonas Rurais de Moçambique em

Determinantes do Rendimento, Pobreza, e Percepção do Progresso Económico dos Agregados Familiares nas Zonas Rurais de Moçambique em Determinantes do Rendimento, Pobreza, e do Progresso Económico dos Agregados Familiares nas Zonas Rurais de Moçambique em 2001-2002 Reunião Nacional da Direcçao de Economia do MADER Pemba, Junho de 2004

Leia mais

AEO sobre Moçambique e Interrogações Críticas sobre Infra-Estruturas e Desenvolvimento em Moçambique

AEO sobre Moçambique e Interrogações Críticas sobre Infra-Estruturas e Desenvolvimento em Moçambique AEO 2005-2006 sobre Moçambique e Interrogações Críticas sobre Infra-Estruturas e Desenvolvimento em Moçambique Carlos Nuno Castel-Branco Lançamento do AEO 2005-2006 Maputo, 16-11-2006 Estrutura da Apresentação

Leia mais

FUNAB FUNDO NACIONAL DO AMBIENTE DE MOÇAMBIQUE FONTES INTERNAS DE FINANCIAMENTO. Lisboa, 20 de Junho de 2009

FUNAB FUNDO NACIONAL DO AMBIENTE DE MOÇAMBIQUE FONTES INTERNAS DE FINANCIAMENTO. Lisboa, 20 de Junho de 2009 FUNAB FUNDO NACIONAL DO AMBIENTE DE MOÇAMBIQUE FONTES INTERNAS DE FINANCIAMENTO Lisboa, 20 de Junho de 2009 INTRODUÇÃO O FUNAB é uma pessoa colectiva, de direito público, com personalidade jurídica e dotado

Leia mais

Plano de Acção da Estratégia para a Fiscalização Participativa de Florestas e Fauna Bravia em Moçambique. Primeiro Draft

Plano de Acção da Estratégia para a Fiscalização Participativa de Florestas e Fauna Bravia em Moçambique. Primeiro Draft Plano de Acção da Estratégia para a Fiscalização Participativa de Florestas e Fauna Bravia em Moçambique Primeiro Draft Meta estratégica Lograr no prazo de cinco anos (2006-2010) que todas a províncias

Leia mais

Problemas e Desafios do Financiamento do Estado com Recurso à Dívida

Problemas e Desafios do Financiamento do Estado com Recurso à Dívida Problemas e Desafios do Financiamento do Estado com Recurso à Dívida Fernanda Massarongo e Carlos Muianga Maputo, 25 de Fevereiro de 2011 Sequência da apresentação I. Introdução: Porque Falar sobre financiamento

Leia mais

Informe 6 Novembro de 2008

Informe 6 Novembro de 2008 Parceria para os Direitos da Criança em Moçambique Informe 6 Novembro de 28 O QUE DIZ A PROPOSTA DE ORÇAMENTO DO ESTADO 29 SOBRE A PREVISÃO DE RECURSOS NO SECTOR DE ACÇÃO SOCIAL? Mensagens Chave A Proposta

Leia mais

Plano Estratégico de Promoção de Investimento Privado em Moçambique (PEPIP )

Plano Estratégico de Promoção de Investimento Privado em Moçambique (PEPIP ) REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA ECONOMIA E FINANÇAS CENTRO DE PROMOÇÃO DE INVESTIMENTOS CONFERENCIA DE INVESTIDORES DO CORREDOR DE NACALA Plano Estratégico de Promoção de Investimento Privado em

Leia mais

Conferência da Associação Lusófona de Energias Renováveis. Energias Renováveis na Electrificação de Moçambique

Conferência da Associação Lusófona de Energias Renováveis. Energias Renováveis na Electrificação de Moçambique Conferência da Associação Lusófona de Energias Renováveis Energias Renováveis na Electrificação de Moçambique Carteira de Projectos de Energias Renováveis Recurso Hídrico e Solar Maputo, 25 e 26 de Outubro

Leia mais

CONCESSÕES FLORESTAIS E COMUNIDADES. Pequenos Libombos, 03 de Maio de 2012

CONCESSÕES FLORESTAIS E COMUNIDADES. Pequenos Libombos, 03 de Maio de 2012 REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA AGRICULTURA DIRECÇÃO NACIONAL DE TERRAS E FLORESTAS CONCESSÕES FLORESTAIS E COMUNIDADES Pequenos Libombos, 03 de Maio de 2012 Conteúdo da apresentação I. Objectivos

Leia mais

Diversificação e articulação da base produtiva e comercial em Moçambique

Diversificação e articulação da base produtiva e comercial em Moçambique Diversificação e articulação da base produtiva e comercial em Moçambique "Tendências do Investimento Privado em Moçambique: questões para reflexão" Nelsa Massingue da Costa Maputo, Setembro 2013 TENDÊNCIAS

Leia mais

INDÚSTRIA MINEIRA EM MOÇAMBIQUE: Que papel para a sociedade civil?

INDÚSTRIA MINEIRA EM MOÇAMBIQUE: Que papel para a sociedade civil? INDÚSTRIA MINEIRA EM MOÇAMBIQUE: Que papel para a sociedade civil? Tomás Selemane, Pesquisador do CIP Tete, 26 de Outubro de 2010 1 Estrutura da Apresentação 1. Contexto da Ind. Mineira: Historial; Potencial,

Leia mais

Cooperação sobre capacidade productiva. Macau, Maio de 2017

Cooperação sobre capacidade productiva. Macau, Maio de 2017 Cooperação sobre capacidade productiva Macau, Maio de 2017 Estrutura da Apresentação 1. Contextualização 2. Transferência de capacidade productiva da China - Moçambique 2.1. Acordo Quadro para o Desenvolvimento

Leia mais

O Complexo Extractivo-Energético e as Relações Económicas entre Moçambique e a África do Sul

O Complexo Extractivo-Energético e as Relações Económicas entre Moçambique e a África do Sul O Complexo Extractivo-Energético e as Relações Económicas entre Moçambique e a África do Sul Carlos Nuno Castel-Branco Conference Paper Nº16 II Conferência IESE Dinâmicas da Pobreza e Padrões de Acumulação

Leia mais

O Sector Agrário em Moçambique: Análise situacional, constrangimentos e oportunidades para o crescimento agrário

O Sector Agrário em Moçambique: Análise situacional, constrangimentos e oportunidades para o crescimento agrário O Sector Agrário em Moçambique: Análise situacional, constrangimentos e oportunidades para o crescimento agrário MINAG/DE Benedito Cunguara & James Garrett 21 Julho 2011 Sequência da apresentação Contextualização

Leia mais

Informe 3 Novembro de 2008

Informe 3 Novembro de 2008 Parceria para os Direitos da Criança em Moçambique Informe 3 Novembro de 2008 O QUE DIZ A PROPOSTA DE ORÇAMENTO DO ESTADO 2009 SOBRE A PREVISÃO DE RECURSOS NO SECTOR DE SAÚDE? Mensagens Chave Aumento significativo

Leia mais

Políticas Pública de Redução da Pobreza

Políticas Pública de Redução da Pobreza Políticas Pública de Redução da Pobreza Ministério da Planificação e Desenvolvimento Direcção Nacional de Planificação Por: Cristina Matusse (Técnica de Planificação) Maputo, 16 de Abril de 2009 Estrutura

Leia mais

Relatório Sobre o Investimento Aprovado pelo CPI em 2013

Relatório Sobre o Investimento Aprovado pelo CPI em 2013 ACÇÕES DE FACILITAÇÃO E ACOMPANHAMENTO DO INVESTIMENTO ÂMBITO DE FACILITAÇÃO OU ASSISTÊNCIA Apoio na obtenção de vistos de trabalho para efeitos de obtenção de DIRE aos trabalhadores estrangeiros de várias

Leia mais

AGRICULTURA E NUTRIÇÃO: TENDÊNCIAS NA PRODUÇÃO E RETENÇÃO

AGRICULTURA E NUTRIÇÃO: TENDÊNCIAS NA PRODUÇÃO E RETENÇÃO AGRICULTURA E NUTRIÇÃO: TENDÊNCIAS NA PRODUÇÃO E RETENÇÃO DE NUTRIENTES E ANALISE DE PADRÕES NUTRICIONAIS Rui Benfica Cynthia Donovan Jaquelino Massingue Michigan State University Projecto de Fortalecimento

Leia mais

O Impacto da Política Agrária em Moçambique

O Impacto da Política Agrária em Moçambique O Impacto da Política Agrária em Moçambique Dezembro de 2010 ORAM e ROSA Pesquisa realizada: Centro de Estudos Moçambicanos e Internacionais CEMO António Álvaro Francisco Hortêncio Sunde Manuel Lopes e

Leia mais

REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE

REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE Resultado da Validação dos por to e * FILIPE JACINTO NYUSI NIASSA 861 637 0 52 9 0 163 CABO DELGADO 2.012 784 2 18 22 1 1.185 NAMPULA 2.490 2.189 55 106 24 18 98 ZAMBÉZIA 2.465 2.150 17 16 3 268 TETE 2.103

Leia mais

António Jorge Monteiro Professor Associado do IST

António Jorge Monteiro Professor Associado do IST A SUSTENTABILIDADE DO ABASTECIMENTO DE ÁGUA E SANEAMENTO EM PAÍSES EM VIAS DE DESENVOLVIMENTO António Jorge Monteiro Professor Associado do IST antonio.jorge.monteiro@tecnico.ulisboa.pt Estrutura da Apresentação

Leia mais

Áreas Afectadas Moçambique Classificação INSA aguda IPC Julho/16 a Fev/17

Áreas Afectadas Moçambique Classificação INSA aguda IPC Julho/16 a Fev/17 CLASSIFICAÇÃO DE INSEGURANÇA ALIMENTAR AGUDA EM FASES JULHO 2016/FEVEREIRO2017 República DE MOÇAMBIQUE Áreas Afectadas Moçambique Classificação INSA aguda IPC Julho/16 a Fev/17 Números agregados de PIOR

Leia mais

Crise económica e global e desafios para Moçambique Carlos Nuno Castel-Branco

Crise económica e global e desafios para Moçambique Carlos Nuno Castel-Branco Crise económica e global e desafios para Moçambique Carlos Nuno Castel-Branco carlos.castel-branco@iese.ac.mz Sal & Caldeira 23-10-2009 Estrutura da apresentação Geografia da relativa vulnerabildiade à

Leia mais

Desafios da Indústria Extractiva em Moçambique Carlos Nuno Castel-Branco

Desafios da Indústria Extractiva em Moçambique Carlos Nuno Castel-Branco Desafios da Indústria Extractiva em Moçambique Carlos Nuno Castel-Branco carlos.castelbranco@gmail.com www.iese.ac.mz Workshop Extractive industry: identifying programmatic opportunities for Oxfam in Mozambique

Leia mais

A SITUAÇÃO DA PROTECÇÃO SOCIAL EM MOÇAMBIQUE

A SITUAÇÃO DA PROTECÇÃO SOCIAL EM MOÇAMBIQUE República de Moçambique REUNIÃO NACIONAL DE CONSULTA A SITUAÇÃO DA PROTECÇÃO SOCIAL EM MOÇAMBIQUE Março de 2006 a Março de 2008 1 CONTEUDO Introdução Antecedentes Progressos realizados por Moçambique Conclusões

Leia mais

Omar Mithá. Desenvolvimento da Indústria de Hidrocarbonetos em Moçambique: Perspectivas de impacto. Maputo, 28 de Outubro de 2015

Omar Mithá. Desenvolvimento da Indústria de Hidrocarbonetos em Moçambique: Perspectivas de impacto. Maputo, 28 de Outubro de 2015 Desenvolvimento da Indústria de Hidrocarbonetos em Moçambique: Perspectivas de impacto Conferência sobre os ganhos do Estado na Exploração de Hidrocarbonetos Maputo, 28 de Outubro de 2015 Omar Mithá GOVERNANÇA

Leia mais

TENDÊNCIAS E PADRÕES DE INVESTIMENTO PRIVADO EM MOÇAMBIQUE:

TENDÊNCIAS E PADRÕES DE INVESTIMENTO PRIVADO EM MOÇAMBIQUE: TENDÊNCIAS E PADRÕES DE INVESTIMENTO PRIVADO EM MOÇAMBIQUE: QUESTÕES PARA ANÁLISE Nelsa Massingue e Carlos Muianga INTRODUÇÃO Nos últimos vinte anos, Moçambique registou um aumento significativo nos fluxos

Leia mais

Progresso PARP Perspectivas

Progresso PARP Perspectivas REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA PLANIFICAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DIRECÇÃO NACIONAL DE ESTUDOS E ANÁLISE DE POLÍTICAS Progresso PARP 2011-2014 Perspectivas 2013-2017 Apresentação ao Seminário Conjunto:

Leia mais

Moçambique Negócios e Internacionalização

Moçambique Negócios e Internacionalização Moçambique Negócios e Internacionalização Lisboa, 1 de Abril 2011 PONTO DE PARTIDA: Além da área ferroviária, Portugal e Moçambique podem cooperar na área do transporte marítimo, dos estaleiros navais,

Leia mais

PROJECTO ACES Diagramas casuais: perceber a relação entre serviços de ecossistemas e bem-estar rural. 5 de Agosto de 2015 Lichinga

PROJECTO ACES Diagramas casuais: perceber a relação entre serviços de ecossistemas e bem-estar rural. 5 de Agosto de 2015 Lichinga PROJECTO ACES Diagramas casuais: perceber a relação entre serviços de ecossistemas e bem-estar rural 5 de Agosto de 2015 Lichinga Introdução Acções para Melhorar o Bem Estar Rural e Ecossistema Florestal

Leia mais

Apresentação por António Saíde Director Nacional de Energias Novas e Renováveis

Apresentação por António Saíde Director Nacional de Energias Novas e Renováveis MINISTÉRIO DA ENERGIA Estratégia de Desenvolvimento de Energias Novas e Renováveis veis e o seu impacto na electrificação rural em Moçambique Apresentação por António Saíde Director Nacional de Energias

Leia mais

Formação sobre exploração de Hidrocarbonetos: Participação Pública & Transparência. Resumo do Encontro

Formação sobre exploração de Hidrocarbonetos: Participação Pública & Transparência. Resumo do Encontro Formação sobre exploração de Hidrocarbonetos: Participação Pública & Transparência Resumo do Encontro Participantes: ONGs, OCBs, instituições locais do Estado e sector privado Local: Cidade de Pemba Data:

Leia mais

Prognostico da Estação Chuvosa e sua Interpretação para Agricultura

Prognostico da Estação Chuvosa e sua Interpretação para Agricultura Prognostico da Estação Chuvosa 2016-2017 e sua Interpretação para Agricultura Setembro de 2016 PROGNÓSTICO SOBRE A ESTAÇÃO CHUVOSA 2016/2017 E INTERPRETAÇÃO PARA AGRICULTURA 1. INTRODUÇÃO A Oscilação Sul

Leia mais

Como Está a Economia Moçambicana? Algumas Reflexões

Como Está a Economia Moçambicana? Algumas Reflexões Como Está a Economia Moçambicana? Algumas Reflexões Carlos Nuno Castel-Branco Primeiro Curso de Actualização de Jornalistas da Área Económica ISCTEM, Maputo, 04-05-2006 Estrutura da Apresentação Introdução:

Leia mais

Balanço dos Compromissos Políticos do Governo de Moçambique. Nova Aliança para a Segurança Alimentar e Nutricional Maputo, 10 e 11 de Abril de 2013

Balanço dos Compromissos Políticos do Governo de Moçambique. Nova Aliança para a Segurança Alimentar e Nutricional Maputo, 10 e 11 de Abril de 2013 Balanço dos Compromissos Políticos do Governo de Moçambique Nova Aliança para a Segurança Alimentar e Nutricional Maputo, 10 e 11 de Abril de 2013 1 1 ESTRUTURA DA APRESENTAÇÃO REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE

Leia mais

Estudo de Mercado sobre Distribuição e Logística em Angola

Estudo de Mercado sobre Distribuição e Logística em Angola Estudo de Mercado sobre Distribuição e Logística em Angola 1.População e Território 2.Modelo de Desenvolvimento 3.O Desafio da Diversificação 4.O Papel da Logística 5.A Rede de Distribuição 6.O Novo Quadro

Leia mais

Demarcação de Terras: Resultados, Experiências e Lições Aprendidas da itc ( ) Conferência Nacional da itc. Chidenguele. 25 e 26 de Abril 2014

Demarcação de Terras: Resultados, Experiências e Lições Aprendidas da itc ( ) Conferência Nacional da itc. Chidenguele. 25 e 26 de Abril 2014 Demarcação de Terras: Resultados, Experiências e Lições Aprendidas da itc ( 2006-2014) Conferência Nacional da itc Chidenguele 25 e 26 de Abril 2014 1 Tópicos da apresentação Objectivo da apresentação;

Leia mais

Estratégias para Desenvolver o Sector Agrário rio em Moçambique. Introdução

Estratégias para Desenvolver o Sector Agrário rio em Moçambique. Introdução Estratégias para Desenvolver o Sector Agrário rio em Moçambique Componente de Pesquisa: Comercialização Agrícola Por Danilo Carimo Abdula (MINAG-DE DE-DAP/MSU) DAP/MSU) Julho,, 2007 Introdução Objectivo

Leia mais

Desenvolvimento Industrial em. Moçambique. African Iron&Steel Conference, de 23 de Juhno de 2015, Hotel Avenida, Maputo, Moçambique

Desenvolvimento Industrial em. Moçambique. African Iron&Steel Conference, de 23 de Juhno de 2015, Hotel Avenida, Maputo, Moçambique República de Moçambique African Iron&Steel Conference, de 23 de Juhno de 2015, Hotel Avenida, Maputo, Moçambique Direcção Nacional da Industria Desenvolvimento Industrial em Moçambique Eng. Mateus Matusse

Leia mais

Crescimento e competitividade da economia moçambicana João Mosca Lisboa, ISEG/UTL, 22 de Março 2012

Crescimento e competitividade da economia moçambicana João Mosca Lisboa, ISEG/UTL, 22 de Março 2012 Crescimento e competitividade da economia moçambicana 2001-2010 João Mosca Lisboa, ISEG/UTL, 22 de Março 2012 Que padrão de crescimento Factores do crescimento e da competitividade (com enfoque macro ex

Leia mais

República de Moçambique Presidência da República. Buscando parcerias para a promoção do crescimento

República de Moçambique Presidência da República. Buscando parcerias para a promoção do crescimento República de Moçambique Presidência da República Buscando parcerias para a promoção do crescimento Discurso de Sua Excelência Filipe Jacinto Nyusi, Presidente de Moçambique por ocasião por Ocasião do Fórum

Leia mais

Política de Desenvolvimento de Energias Novas e Renováveis em Moçambique- Biomassa

Política de Desenvolvimento de Energias Novas e Renováveis em Moçambique- Biomassa MINISTÉRIO DA ENERGIA Política de Desenvolvimento de Energias Novas e Renováveis em Moçambique- Biomassa Marcelina Mataveia Direcção Nacional de Energias Novas e Renováveis Maputo - Moçambique 7 de Fevereiro

Leia mais

REPÚBLICA DE ANGOLA ÓRGÃOS AUXILIARES DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA CASA CIVIL

REPÚBLICA DE ANGOLA ÓRGÃOS AUXILIARES DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA CASA CIVIL REPÚBLICA DE ANGOLA ÓRGÃOS AUXILIARES DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA CASA CIVIL UNIDADE TÉCNICA PARA O INVESTIMENTO PRIVADO Falar do Investimento Privado em Angola, implica ter domínio dos seguintes diplomas

Leia mais

INICIATIVA DO GOVERNO DA REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MOBILIZAÇÃO DE FINANCIAMENTO P F Zucula TETE, 8 DE JUNHO DE 2017

INICIATIVA DO GOVERNO DA REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MOBILIZAÇÃO DE FINANCIAMENTO P F Zucula TETE, 8 DE JUNHO DE 2017 INICIATIVA DO GOVERNO DA REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MOBILIZAÇÃO DE FINANCIAMENTO P F Zucula TETE, 8 DE JUNHO DE 2017 Estrutura da Apresentação 1 QUANTO PRECISAMOS E PARA QUÊ? 2 DESAFIOS DE MOBILIZAÇĀO FINANCEIRA

Leia mais

As PME s em Moçambique

As PME s em Moçambique MINISTÉRIO DA INDÚSTRIA E COMÉRCIO Seminário Económico Moçambique Portugal As em Moçambique Por Claire Zimba Existimos para Auditório da Culturgest, 10:40Hrs 11:00Hrs, 17 de Julho de 2015, Lisboa - Portugal

Leia mais

FORUM RNP 2016 Ciência, Tecnologia e Inovação em Rede

FORUM RNP 2016 Ciência, Tecnologia e Inovação em Rede FORUM RNP 2016 Ciência, Tecnologia e Inovação em Rede República de Moçambique Rede de Instituições de Ensino Superior e de Investigação de Moçambique (MoRENet): Desafios e Perspectivas para a sua Sustentabilidade

Leia mais

Anexo Tabelas: Resultados do TIA Ministério de Agricultura e Desenvolvimento Rural Michigan State University

Anexo Tabelas: Resultados do TIA Ministério de Agricultura e Desenvolvimento Rural Michigan State University Mortalida em Adultos e s Sobrevivência nas Zonas Rurais Moçambique: Resultados Preliminares e Implicações para os Esforços Mitigação HIV/AIDS Anexo Tabelas: Resultados do TIA 2002 Ministério Agricultura

Leia mais

Centro de Promoção de Investimentos. Rafique Jusob

Centro de Promoção de Investimentos. Rafique Jusob Centro de Promoção de Investimentos Rafique Jusob CPI - Centro de Promoção de Investimentos O CPI oferece um pacote de serviços para assistência aos investidores nacionais e estrangeiros facilitando o

Leia mais

Padrões de Acumulação Económica e Pobreza em Moçambique Carlos Nuno Castel-Branco (IESE)

Padrões de Acumulação Económica e Pobreza em Moçambique Carlos Nuno Castel-Branco (IESE) Padrões de Acumulação Económica e Pobreza em Moçambique Carlos Nuno Castel-Branco (IESE) carlos.castel-branco@iese.ac.mz www.iese.ac.mz Debate público sobre Questões do crescimento económico e redução

Leia mais

DIAGNÓSTICO MULTISSECTORIAL PARA GUIAR DEFINIÇÃO DE PRIORIDADES NO PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR (PRONAE)

DIAGNÓSTICO MULTISSECTORIAL PARA GUIAR DEFINIÇÃO DE PRIORIDADES NO PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR (PRONAE) DIAGNÓSTICO MULTISSECTORIAL PARA GUIAR DEFINIÇÃO DE PRIORIDADES NO PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR (PRONAE) Projecto Trilateral Complementar (Moçambique/Brasil/EUA) de Apoio Técnico aos Programas

Leia mais

ESTRATÉGIA DE ENERGIA

ESTRATÉGIA DE ENERGIA República de Moçambique ESTRATÉGIA DE ENERGIA Apresentado por Antonio Osvaldo Saide Director Nacional de Energias Novas e Renovaveis 15 de Abril de 2011 1 Situação Actual em Moçambique 1 INTRODUÇÃO Moçambique

Leia mais

ESTÁGIO DA AGRICULTURA EM MOÇAMBIQUE OPORTUNIDADES E DESAFIOS SEMINÁRIO DA CTA FACIM 2013

ESTÁGIO DA AGRICULTURA EM MOÇAMBIQUE OPORTUNIDADES E DESAFIOS SEMINÁRIO DA CTA FACIM 2013 ESTÁGIO DA AGRICULTURA EM MOÇAMBIQUE OPORTUNIDADES E DESAFIOS SEMINÁRIO DA CTA FACIM 2013 1 1 ESTRUTURA DA APRESENTAÇÃO I. INFORMAÇÃO GERAL DO SECTOR II. ESTÁGIO DO SECTOR AGRÁRIO III. TENDÊNCIAS DO SECTOR

Leia mais

Media Kit 2017 Media Kit

Media Kit 2017 Media Kit 2017 Media Kit SOBRE O JORNAL DE MINERAҪÃO EM MOҪAMBIQUE SOBRE O JORNAL DE MINERAҪÃO EM MOҪAMBIQUE Moçambique está a crescer rapidamente para se tornar um dos principais países de mineração no Continente

Leia mais

RELATÓRIO SOBRE A CIRCULAÇÃO INTERNA DE PRODUTOS DA PESCA

RELATÓRIO SOBRE A CIRCULAÇÃO INTERNA DE PRODUTOS DA PESCA RELATÓRIO SOBRE A CIRCULAÇÃO INTERNA DE PRODUTOS DA PESCA I. INTRODUÇÃO O controlo da circulação interna dos produtos da pesca, é preconizado pelo artigo 22 do Regulamento de Inspecção e Garantia de Qualidade

Leia mais

Seminário Nacional sobre a Avaliação do Programa do FIDA em Moçambique nos últimos 10 anos

Seminário Nacional sobre a Avaliação do Programa do FIDA em Moçambique nos últimos 10 anos REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA PLANIFICAÇÃO E DESENVOLVIMENTO Seminário Nacional sobre a Avaliação do Programa do FIDA em Moçambique nos últimos 10 anos Discurso de Abertura de Sua Excelência o

Leia mais

A Evolução da Economia Nacional

A Evolução da Economia Nacional Conferência Económica BIM Moçambique Ambiente de Investimento A Evolução da Economia Nacional Carlos Nuno Castel-Branco Professor Auxiliar da Faculdade de Economia da UEM) 14-09-2005 1 Estrutura da Apresentação

Leia mais

Florestas e Paisagens

Florestas e Paisagens Projectos Boletim Informativo Florestas e Paisagens Junho - 2017 Destaques PÁGINA 2 Formação de extensionistas rurais PÁGINA 3 Cooperação Moçambique/ Brasil PÁGINA 4 Desporto Escolar Preservando a Natureza

Leia mais

Desafios de Industrialização em Moçambique Carlos Nuno Castel-Branco Director do IESE Professor Associado da FE da UEM

Desafios de Industrialização em Moçambique Carlos Nuno Castel-Branco Director do IESE Professor Associado da FE da UEM Desafios de Industrialização em Moçambique Carlos Nuno Castel-Branco Director do IESE Professor Associado da FE da UEM Semana da Industrialização em África Seminário sobre Desafios de Industrialização

Leia mais

Apresentação dos resultados preliminares. João Mosca e Thomas Selemane

Apresentação dos resultados preliminares. João Mosca e Thomas Selemane El DORADO TETE Os mega projectos de mineração Apresentação dos resultados preliminares João Mosca e Thomas Selemane Centro de Integridade Pública (CIP) Tete, 5 de Outubro de 2011 1 Conteúdo da Apresentação

Leia mais

A expansão dos recursos naturais de Moçambique. Quais são os Potenciais Impactos na Competitividade da indústria do Algodão em Moçambique?

A expansão dos recursos naturais de Moçambique. Quais são os Potenciais Impactos na Competitividade da indústria do Algodão em Moçambique? A expansão dos recursos naturais de Moçambique Quais são os Potenciais Impactos na Competitividade da indústria do Algodão em Moçambique? O algodão esta entre as 10 principais exportações de Moçambique

Leia mais

INTEGRATED INVESTMENT PROGRAM (PII)

INTEGRATED INVESTMENT PROGRAM (PII) REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA ECONOMIA E FINANÇAS INTEGRATED INVESTMENT PROGRAM (PII) Nature and Evolution Paraguay, Abril de 2017 I. INTRODUÇÃO Objectivos do PII: Identificar as propostas de investimentos

Leia mais

OPORTUNIDADES DE INVESTIMENTO NO SUB- SECTOR INDUSTRIAL METALOMECÂNICO

OPORTUNIDADES DE INVESTIMENTO NO SUB- SECTOR INDUSTRIAL METALOMECÂNICO REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA INDÚSTRIA E COMÉRCIO OPORTUNIDADES DE INVESTIMENTO NO SUB- SECTOR INDUSTRIAL METALOMECÂNICO Santarém, 28 Outubro de 2014 Porto, 29 Outubro de 2014 2 ESTRUTURA DA APRESENTAÇÃO

Leia mais

Balcão Único é um projecto que visa criar facilidades aos investimentos reduzindo as barreiras administrativas;

Balcão Único é um projecto que visa criar facilidades aos investimentos reduzindo as barreiras administrativas; O QUE É? da Zambézia O QUE É BALCÃO ÚNICO? Balcão Único é um projecto que visa criar facilidades aos investimentos reduzindo as barreiras administrativas; É um serviço de informação e atendimento permanente

Leia mais

Bolha Económica em Moçambique?

Bolha Económica em Moçambique? Bolha Económica em Moçambique? Problematizando a Sustentabilidade de um Sistema de Acumulação de Capital Carlos Nuno Castel-Branco carlos.castelbranco@gmail.com Lançamento do livro Desafios para Moçambique

Leia mais

RESUMO NÃO TÉCNICO. Submetido ao: Ministério da Terra, Ambiente e Desenvolvimento Rural. Número do Relatório:

RESUMO NÃO TÉCNICO. Submetido ao: Ministério da Terra, Ambiente e Desenvolvimento Rural. Número do Relatório: CGG SERVICES S.A. PROJECTO DE PESQUISA SÍSMICA 3D EM ALTO MAR, NAS PROVÍNCIAS DE SOFALA E ZAMBÉZIA ESTUDO DE PREVIABILIDADE AMBIENTAL, DEFINIÇÃO DE ÂMBITO E TERMOS DE REFERÊNCIA RESUMO NÃO TÉCNICO Submetido

Leia mais

ENTREVISTA. Jorge Correia Santos, Presidente da Câmara Agrícola Lusófona

ENTREVISTA. Jorge Correia Santos, Presidente da Câmara Agrícola Lusófona ENTREVISTA Jorge Correia Santos, Presidente da Câmara Agrícola Lusófona A Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) apresenta enormes potenciais nos setores da Agricultura e da Pecuária. Entre diversos

Leia mais

APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS DEFINITIVOS DO CENSO 2007

APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS DEFINITIVOS DO CENSO 2007 APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS DEFINITIVOS DO CENSO 2007 18 de Novembro, 2009: Dia Africano de Estatística INTRODUÇÃO Nesta apresentação vamos abordar 15 tópicos do Censo 2007 relacionados com: Tamanho e

Leia mais

Moçambique. informação de negócios. Oportunidades e Dificuldades do Mercado

Moçambique. informação de negócios. Oportunidades e Dificuldades do Mercado Moçambique informação de negócios Oportunidades e Dificuldades do Mercado Outubro 2008 Índice 1. Oportunidades 03 1.1 Tecnologias de Informação e Comunicação 03 1.2 Formação Profissional 03 1.3 Produtos

Leia mais

Reflexões sobre parâmetros macroeconómicos de Moçambique

Reflexões sobre parâmetros macroeconómicos de Moçambique Reflexões sobre parâmetros macroeconómicos de Moçambique Carlos Nuno Castel-Branco carlos.castel-branco@iese.ac.mz www.iese.ac.mz Apresentação para o BCI Maputo, 04-11-2011 Esta sessão consiste em duas

Leia mais

Termos de Referência

Termos de Referência Mozambique Support Program for Economic Enterprise Development Sun Square Commercial Centre, 2 nd Floor, Rua Beijo da Mulata nº 98, Sommerschield II Tel: (+258) 21 498169 or 82 3073688 Termos de Referência

Leia mais

CABO VERDE. AERLIS - Oeiras

CABO VERDE. AERLIS - Oeiras CABO VERDE AERLIS - Oeiras 20.01.2010 Relações Económicas com Portugal Cabo Verde Relações Económicas com Portugal Importância de Cabo Verde nos Fluxos Comerciais de Portugal 2004 2005 2006 2007 2008 COMO

Leia mais

SEMANA DO BRASIL EM MOÇAMBIQUE. Missão Empresarial De 26 de novembro a 06 de dezembro

SEMANA DO BRASIL EM MOÇAMBIQUE. Missão Empresarial De 26 de novembro a 06 de dezembro SEMANA DO BRASIL EM MOÇAMBIQUE Missão Empresarial De 26 de novembro a 06 de dezembro ENTIDADES APOIADORAS Apresentar as oportunidades de negócios que Moçambique oferece. OBJETIVOS Auxiliar a entrada de

Leia mais

Crescimento sem Mudança: A Elusividade da Transformação Agrícola e Económica em Moçambique

Crescimento sem Mudança: A Elusividade da Transformação Agrícola e Económica em Moçambique Diálogo sobre Promoção do Crescimento Agrário em Moçambique Hotel VIP, Maputo 21 de Julho de 2011 Crescimento sem Mudança: A Elusividade da Transformação Agrícola e Económica em Moçambique B. Cunguara

Leia mais

POLÍTICAS DE INFRA-ESTRUTURAS DE TRANSPORTES EM PAÍSES DA CPLP CASO DE MOÇAMBIQUE

POLÍTICAS DE INFRA-ESTRUTURAS DE TRANSPORTES EM PAÍSES DA CPLP CASO DE MOÇAMBIQUE POLÍTICAS DE INFRA-ESTRUTURAS DE TRANSPORTES EM PAÍSES DA CPLP CASO DE MOÇAMBIQUE Titulo da Comunicação, Título da Comunicação Nome do Orador Empresa/Instituição Rede de Estradas Classificadas (DM. 03/2005)

Leia mais

A resposta do produtor Moçambicano ao ambiente de preços altos

A resposta do produtor Moçambicano ao ambiente de preços altos A resposta do produtor Moçambicano ao ambiente de preços altos Benedito Cunguara, David Mather, David Tschirley Presentation at MSU/IFPRI conference on Agricultural Public Investments, Policies, and Markets

Leia mais

REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE Ministério do Trabalho, Emprego e Segurança Social Inspecção Geral do Trabalho

REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE Ministério do Trabalho, Emprego e Segurança Social Inspecção Geral do Trabalho REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE Ministério do Trabalho, Emprego e Segurança Social Inspecção Geral do Trabalho 1 Moçambique é um Estado de Direito baseado no primado da Lei, ou seja, na subordinação de todos à

Leia mais

O Impacto da Exploração Florestal no Desenvolvimento das Comunidades Locais nas Áreas de Exploração dos Recursos Faunísticos na Província de Nampula

O Impacto da Exploração Florestal no Desenvolvimento das Comunidades Locais nas Áreas de Exploração dos Recursos Faunísticos na Província de Nampula O Impacto da Exploração Florestal no Desenvolvimento das Comunidades Locais nas Áreas de Exploração dos Recursos Faunísticos na Província de Nampula O Impacto da Exploração Florestal no Desenvolvimento

Leia mais

Ministério da Energia

Ministério da Energia Ministério da Energia DESAFIOS DA IMPLEMENTAÇÃO DA POLÍTICA E ESTRATÉGIA DE BIOCOMBUSTÍVEIS EM MOÇAMBIQUE VIII Conselho de Coordenador 15-17/08 Nampula, 16 de Agosto de 2012 06-09-2012 1 Conteúdo 1. Introdução;

Leia mais

Construir Parcerias quer dizer ter a oportunidade e a coragem de empreender, no mercado dos Países de Língua Portuguesa, de forma a se obter um

Construir Parcerias quer dizer ter a oportunidade e a coragem de empreender, no mercado dos Países de Língua Portuguesa, de forma a se obter um CRESCIMENTO DESENVOLVIMENTO PARCERIAS Construir Parcerias quer dizer ter a oportunidade e a coragem de empreender, no mercado dos Países de Língua Portuguesa, de forma a se obter um espaço (CONFEDERAÇÃO

Leia mais

Jornadas Técnicas Africa Subsahariana Água e Saneamento. Madrid 4-8 de Maio de 2009

Jornadas Técnicas Africa Subsahariana Água e Saneamento. Madrid 4-8 de Maio de 2009 Jornadas Técnicas Africa Subsahariana Água e Saneamento Madrid 4-8 de Maio de 2009 O Governo de Moçambique aprovou a Politica Nacional de Águas em 1995. Em 1998 o FIPAG foi criado para representar o Governo

Leia mais

Programa de Doutoramento em Gestão, Liderança e Políticas no Sector Agroalimentar

Programa de Doutoramento em Gestão, Liderança e Políticas no Sector Agroalimentar Programa de Doutoramento em Gestão, Liderança e Políticas no Sector Agroalimentar Workshop Colaboração entre Moçambique e Portugal nos Sectores Agrícola, Alimentar e Florestal, Maputo, 2 de Junho 2015

Leia mais

Análise do Crescimento do Rendimento dos Agregados Familiares Rurais em Moçambique :

Análise do Crescimento do Rendimento dos Agregados Familiares Rurais em Moçambique : Análise do Crescimento do dos Agregados Familiares Rurais em Moçambique 1996-2002: Implicações para o Desenvolvimento Agrário no contexto do ProAgri 2 e PARPA II Preparado por técnicos da Direcção de Economia,

Leia mais

A aplicação da lei de violência doméstica em Moçambique: constrangimentos institucionais e culturais

A aplicação da lei de violência doméstica em Moçambique: constrangimentos institucionais e culturais A aplicação da lei de violência doméstica em Moçambique: constrangimentos institucionais e culturais (Síntese a partir dos slides) Por Joaquim Nhampoca (Departamento da Mulher e da Criança, Ministério

Leia mais

Agência Japonesa de Cooperação Internacional

Agência Japonesa de Cooperação Internacional Agência Japonesa de Cooperação Internacional Factos e Figuras Sobre a JICA 1. O que é JICA Desde a sua adesão ao Plano de Colombo em 1954, o Japão tem vindo a providenciar assistência técnica e financeira

Leia mais

Fortalecimento das Organizações da Sociedade Civil. ama Cabo Delgado - Mocambique

Fortalecimento das Organizações da Sociedade Civil. ama Cabo Delgado - Mocambique Fortalecimento das Organizações da Sociedade Civil ama Cabo Delgado - Mocambique Estrutura da apresentação Identidade da ama Antecedentes do processo da participação em Moçambique Depois da independência

Leia mais

ORÇAMENTO CIDADÃO ª Edição

ORÇAMENTO CIDADÃO ª Edição ESTRADAS Neste sector destacam-se os seguintes projectos: Prosseguimento das obras de construção da Ponte Maputo- REPÚBLICA Ka Tembe; DE MOÇAMBIQUE Asfaltagem MINISTÉRIO de 200 Km de DA estradas ECONOMIA

Leia mais

Estratégias de Melhoria da Gestão Escolar em Moçambique TANZÂNIA

Estratégias de Melhoria da Gestão Escolar em Moçambique TANZÂNIA REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CULTURA Estratégias de Melhoria da Gestão Escolar em Moçambique TANZÂNIA C A B O N I A S S A D E L G A D O ZÂMBIA Lichinga Pemba T E T E MALAWI N A M P

Leia mais

Construindo Parcerias Florestais: que área de enfoque para Moçambique? Consulta aos principais actores do Desenvolvimento Rural Encontro nacional

Construindo Parcerias Florestais: que área de enfoque para Moçambique? Consulta aos principais actores do Desenvolvimento Rural Encontro nacional 2009 Construindo Parcerias Florestais: que área de enfoque para Moçambique? Consulta aos principais actores do Desenvolvimento Rural Encontro nacional 1. Antecedentes Em 2007 o Banco Mundial propôs a criação

Leia mais