CONCURSO Nº 1/DGS/2016

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CONCURSO Nº 1/DGS/2016"

Transcrição

1 CONCURSO Nº 1/DGS/2016 VENDA DE TERRENOS PARA CONSTRUÇÃO DE UNIDADE COMERCIAL NO MONTE DA CAPARICA CONCELHO DE ALMADA

2 ÍNDICE REGULAMENTO 1. Objeto do concurso 2. Consulta do processo 3. Concorrentes 4. Inspeção aos terrenos e esclarecimentos 5. Caracterização e situação dos terrenos 6. Preço de referência 7. Condições de venda 8. Condições de pagamento e outras obrigações do adjudicatário 9. Caução 10. Entrega das propostas 11. Minuta da proposta 12. Modo de apresentação da proposta 13. Ato público do concurso 14. Fatores de exclusão dos concorrentes 15. Critério de adjudicação e análise das propostas 16. Adjudicação 17. Prazo de validade das propostas 18. Anulação da adjudicação 19. Esclarecimentos a prestar pelos concorrentes 20. Encargos dos concorrentes e do adjudicatário ANEXO 1 - Minuta da proposta ANEXO 2 - Caracterização Geral do Empreendimento - Planta de Localização - Planta dos Limites Cadastrais - Planta Geral - Levantamento Topográfico - Certidões Permanentes dos imóveis ANEXO 3 - Linhas orientadoras da Câmara Municipal de Almada para a elaboração do estudo

3 REGULAMENTO 1. Objeto do concurso O presente concurso tem por objeto a venda de terrenos com uma área total de m 2, propriedade do Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana, I.P., adiante designado por IHRU, inseridos na área do denominado Plano Integrado de Almada, terrenos esses melhor identificados e caracterizados no ponto 5 e no Anexo 2 do presente Regulamento, para instalação de uma unidade comercial de média dimensão, no Monte da Caparica, concelho de Almada. 2. Consulta do processo O processo de concurso encontra-se patente no IHRU, na Direção de Gestão do Sul, sita na Av.ª Columbano Bordalo Pinheiro, n.º 5, 4.º andar, Lisboa, telefone , correio eletrónico onde pode ser examinado, das 9:30m às 12:30m e das 14:30m às 17:00m, desde a data da sua publicitação até ao último dia do prazo fixado para apresentação das propostas. O processo pode ainda ser consultado e obtido no Portal da Habitação, em 3. Concorrentes Pode candidatar-se ao presente concurso qualquer pessoa singular ou coletiva, esta última legalmente constituída. 4. Inspeção aos terrenos e esclarecimentos 4.1. Durante o prazo do concurso, os interessados poderão inspecionar os terrenos em concurso e realizar neles os reconhecimentos que entenderem indispensáveis à elaboração da sua proposta.

4 4.2. Os pedidos de esclarecimentos devem ser apresentados por escrito, fax ou por correio eletrónico, até 10 dias antes da conclusão do prazo para entrega das propostas, sendo a resposta prestada pela mesma via. 5. Caracterização e situação dos terrenos 5.1. Os terrenos objeto do presente concurso estão limitados a poente e norte pela Rua dos Três Vales, a nascente pela Rua da Bela Vista e a sul pela Rua das Quintas Os terrenos em causa, que se discriminam abaixo, têm uma área total de m 2, sem qualquer tipo de construção ou ocupação: a) Terreno (A1+A2) com a área de 4728m 2, a destacar do prédio descrito na Conservatória do Registo Predial de Almada sob o nº 2369/ e inscrito na respetiva matriz sob o artº 56-E; b) Terreno (B) com a área de 1038m 2, descrito na Conservatória do registo Predial de Almada sob o nº 5500/ e inscrito na respetiva matriz sob o artº 54-E; c) Terreno (C1+C2) com a área de 1978m 2, descrito na Conservatória do registo Predial de Almada sob o nº 5599/ e inscrito na respetiva matriz sob o artº 55-E; d) Terreno (D) com a área de 7264m 2, descrito na Conservatória do registo Predial de Almada sob o nº 5604/ e inscrito na respetiva matriz sob o Nº P; A concretização do Empreendimento pressupõe a constituição de um único prédio composto pela anexação do prédio com loteamento registado e dos restantes prédios, depois de individualizadas as parcelas não abrangidas pelo presente concurso de venda de terrenos e as destinadas a cedências para o domínio público Municipal, de acordo com o indicado no Desenho Nº Os terrenos e a Unidade Comercial a construir encontram-se melhor caracterizados no Anexo 2 ao presente regulamento, onde podem ser consultados: - Caracterização Geral do Empreendimento - Planta de Localização (Des. Nº 1)

5 - Planta dos Limites Cadastrais (Des. Nº 2) - Planta Geral (Des. Nº 3) - Levantamento Topográfico (Des. Nº 4) - Certidões Permanentes dos imóveis 6. Preço de referência O preço de referência é de ,00 (Quinhentos mil euros) 7. Condições de venda 7.1. Para candidatura à aquisição dos terrenos, deve ser elaborada uma proposta nos termos dos pontos 11 e 12 do presente regulamento A proposta a apresentar pelos concorrentes deverá, obrigatoriamente, ser de valor igual ou superior ao preço de referência indicado no ponto 6 deste regulamento. 8. Condições de pagamento e outras obrigações do adjudicatário 8.1. No prazo máximo de 30 (trinta) dias úteis a contar da comunicação da adjudicação, será celebrado o Contrato Promessa de Compra e Venda (CPCV), em que serão pagos 10% do preço proposto pelo adjudicatário para a aquisição do terreno, sendo o remanescente pago na data da celebração do Contrato de Compra e Venda (CCV) No prazo máximo de 60 (sessenta) dias úteis a contar da data de celebração do CPCV o adjudicatário terá de promover a constituição do prédio único onde será implantada a Unidade Comercial, conforme previsto no ponto 5.2. e apresentar, na Câmara Municipal de Almada, o Estudo Prévio de Arquitetura correspondente à sua proposta de ocupação do terreno. Na elaboração deste estudo deverão ser tidos em consideração os quesitos, condicionantes e recomendações constantes do anexo 2 a este Regulamento, nomeadamente quanto à imagem de qualidade de

6 que o objeto arquitetónico se deverá revestir por forma a contribuir para a requalificação urbana pretendida A escritura do CCV terá lugar no prazo máximo de um ano a contar da celebração do CPCV e só será celebrada após a constituição do prédio único e da aprovação do Estudo Prévio pela Câmara Municipal de Almada As datas de celebração do CPCV e do CCV serão agendadas pelo IHRU, sendo o adjudicatário delas notificado com a antecedência mínima de 10 dias úteis No caso de não se verificar a celebração do CPCV no prazo previsto no número 8.1, por motivos imputáveis ao adjudicatário, o IHRU reserva-se o direito de transferir essa adjudicação ao concorrente classificado em lugar imediatamente a seguir Em caso de não aprovação do Estudo Prévio pela Câmara Municipal de Almada, no prazo definido em 8.3 o IHRU reserva-se o direito de anular o concurso sem que haja lugar à devolução do sinal pago com a celebração do CPCV. 9. Caução 9.1. Os concorrentes prestarão uma caução, no valor de 5.000,00 (cinco mil euros), através de cheque endereçado ao IHRU e enviado juntamente com a proposta O valor da caução será deduzido ao valor a pagar na data da celebração do CPCV No caso de desistência do adjudicatário ou de anulação da adjudicação nos termos do ponto 18 do presente regulamento, por motivos imputáveis ao adjudicatário, este perde o direito ao valor da caução Aos concorrentes a quem não for efetuada a adjudicação será devolvido o cheque apresentado a título de caução, no prazo máximo de 60 (sessenta) dias úteis, a contar da data do ato público do concurso.

7 10. Entrega das propostas As propostas serão entregues até às 17 horas do dia 29 de março de 2016, pelos concorrentes ou seus representantes, na Direção de Gestão do Sul, sita no edifício sede do IHRU, na Av.ª Columbano Bordalo Pinheiro, nº. 5, Lisboa, no 4.º andar, contra recibo, ou remetidas pelo correio sob registo e com aviso de receção Se o envio da proposta for feito pelo correio, o concorrente será o único responsável pelos atrasos que porventura se verifiquem, não podendo apresentar qualquer reclamação na hipótese da entrada dos documentos se verificar já depois de esgotado o prazo de entrega das propostas, referido em Minuta da proposta A proposta deverá ser redigida de acordo com a minuta tipo patenteada no Anexo 1 ao presente regulamento, em língua portuguesa, sem rasuras, entrelinhas ou palavras riscadas. 12. Modo de apresentação da proposta Juntamente com a proposta, os concorrentes deverão enviar fotocópias dos seguintes documentos: a) No caso de pessoa singular - Documento de Identificação Civil: Bilhete de identidade, Cartão de Cidadão ou Passaporte; - Documento de identificação fiscal; - No caso de o concorrente ser casado (a), enviar idêntica documentação relativa ao cônjuge. - Caso atue em nome de outrem, deverá juntar comprovativo da atribuição de poderes de representação (procuração).

8 b) No caso de pessoa coletiva - Certidão da Conservatória do Registo Comercial válida ou indicação do código de Certidão Permanente, para consulta. - Documento(s) comprovativo(s) da qualidade de titular de qualquer direito que confira a faculdade de apresentar uma proposta à aquisição do terreno A proposta, a caução e a documentação a que se refere o número 12.1 deverão ser encerrados num invólucro opaco e fechado de forma inviolável, no rosto do qual deverá ser indicada a identificação do concorrente, bem como a designação do concurso (Concurso 1/DGS/2016, Venda de Terrenos para Construção de Unidade Comercial no Monte da Caparica, concelho de Almada) e a sua entidade promotora (IHRU). 13. Ato público do concurso O ato público do concurso terá lugar no IHRU, no Auditório da sede do Instituto, sito na Av.ª Columbano Bordalo Pinheiro, nº. 5 Rés-do-chão, em Lisboa, realizar-se-á no dia 30 de março de 2016 às 10 horas, e nele só poderão intervir os concorrentes ou as pessoas por eles devidamente credenciadas para o efeito O ato público do concurso decorre perante um Júri, composto por número ímpar de membros, não inferior a três, nomeados pelo Conselho Diretivo do IHRU, um dos quais o presidente e outro o secretário De tudo o que ocorrer no ato público do concurso será lavrada ata, a qual será assinada por todos os membros do Júri. 14. Fatores de exclusão dos concorrentes Serão excluídos os concorrentes que não apresentem a proposta redigida em língua portuguesa e em conformidade com a minuta, nos termos do ponto 11 do presente Regulamento de Concurso.

9 14.2. Serão excluídos os concorrentes que não apresentem os documentos referidos no número 12.1, bem como a caução, nos termos do estabelecido no ponto 9 do presente Regulamento de Concurso Serão excluídos os concorrentes que não respeitem a forma de apresentação indicada no número 12.2 deste Regulamento de Concurso Serão ainda excluídos os concorrentes que apresentem um preço de venda inferior ao preço de referência indicado no ponto 6 do presente Regulamento de Concurso. 15. Critério de adjudicação e análise das propostas A adjudicação é feita segundo o critério do mais elevado preço Após análise das propostas pelo Júri, estas serão elencadas por ordem decrescente do preço proposto. 16. Adjudicação Os terrenos serão adjudicados ao candidato que tenha proposto o preço mais elevado para a sua aquisição Em caso de desistência de adjudicação, a posição de adjudicatário será transferida para o concorrente classificado em lugar imediatamente a seguir na listagem a que se refere o número 15.2 deste Regulamento Quando, apreciadas as propostas, se verifique existirem concorrentes em igualdade de circunstâncias para serem preferidos, a escolha do adjudicatário será feita por sorteio a realizar pelo Júri no próprio ato público do concurso O adjudicatário deverá fazer prova, no prazo de 15 dias a contar da data da comunicação da adjudicação, de que se encontra em situação regularizada relativamente a dívidas por impostos ao Estado Português e de dívidas por contribuições para a Segurança Social.

10 17. Prazo de validade das propostas Decorrido o prazo de 90 dias úteis, contados da data do ato público do concurso, cessa, para os concorrentes que não hajam recebido comunicação de terem sido preferidos, a obrigação de manter as respetivas propostas. 18. Anulação da adjudicação 18.1 No caso de o adjudicatário não fazer prova de que se encontra em situação regularizada relativamente a dívidas ao Estado ou à Segurança Social, nos termos do disposto no número 16.4, a adjudicação será anulada e o IHRU transferirá essa adjudicação ao concorrente classificado em lugar imediatamente a seguir O disposto no número anterior aplica-se também no caso de o adjudicatário ter compromissos por regularizar com o IHRU. 19. Esclarecimentos a prestar pelos concorrentes Os concorrentes obrigam-se a prestar, relativamente à documentação que instrua as suas propostas, todos os esclarecimentos que o IHRU considere necessários à avaliação das respetivas propostas. 20. Encargos dos concorrentes e do adjudicatário São encargos dos concorrentes as despesas inerentes à elaboração das respetivas propostas São da responsabilidade do adjudicatário as despesas e encargos inerentes à celebração do CPCV e à escritura do CCV, bem como os custos emergentes do registo do terreno.

CONCURSO Nº 2/DGS/2017

CONCURSO Nº 2/DGS/2017 CONCURSO Nº 2/DGS/2017 VENDA DE UMA MORADIA NO BAIRRO DA MADRE DE DEUS CONCELHO DE LISBOA REGULAMENTO ÍNDICE 1. Objeto do concurso 2. Consulta do processo 3. Concorrentes 4. Visita ao imóvel 5. Caracterização

Leia mais

CONCURSO Nº 1/DGN/2015 VENDA DE TERRENO EM PONTE D ANTA, ESPINHO REGULAMENTO

CONCURSO Nº 1/DGN/2015 VENDA DE TERRENO EM PONTE D ANTA, ESPINHO REGULAMENTO CONCURSO Nº 1/DGN/2015 VENDA DE TERRENO EM PONTE D ANTA, ESPINHO REGULAMENTO ÍNDICE REGULAMENTO 1. Objeto do concurso 2. Consulta do processo 3. Concorrentes 4. Visita ao local 5. Esclarecimentos 6. Caracterização,

Leia mais

INSTITUTO DA HABITAÇÃO E DA REABILITAÇÃO URBANA CONCURSO N.º 1/GAGS/09 VENDA DE 18 LOTES DE TERRENO EM DIVERSOS LOCAIS

INSTITUTO DA HABITAÇÃO E DA REABILITAÇÃO URBANA CONCURSO N.º 1/GAGS/09 VENDA DE 18 LOTES DE TERRENO EM DIVERSOS LOCAIS INSTITUTO DA HABITAÇÃO E DA REABILITAÇÃO URBANA CONCURSO N.º 1/GAGS/09 VENDA DE 18 LOTES DE TERRENO EM DIVERSOS LOCAIS PROCESSO DE CONCURSO ÍNDICE GERAL ANÚNCIO páginas 3 a 5 REGULAMENTO páginas 6 a 12

Leia mais

MINUTA DE CONTRATO - PROMESSA DE COMPRA E VENDA

MINUTA DE CONTRATO - PROMESSA DE COMPRA E VENDA MINUTA DE CONTRATO - PROMESSA DE COMPRA E VENDA Entre: INSTITUTO DA HABITAÇÃO E DA REABILITAÇÃO URBANA, I.P., pessoa coletiva nº 501 460 888, com sede na Avenida Columbano Bordalo Pinheiro, 5, 1099-019

Leia mais

PROPRIEDADE: Câmara Municipal da Maia ENTIDADE GESTORA: ESPAÇO MUNICIPAL. Renovação Urbana e Gestão do Património, E.M., S.A.

PROPRIEDADE: Câmara Municipal da Maia ENTIDADE GESTORA: ESPAÇO MUNICIPAL. Renovação Urbana e Gestão do Património, E.M., S.A. REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DAS FRAÇÕES DESTINADAS A RESTAURANTE/BAR, AUDITÓRIO E EDIFÍCIO DE ACOLHIMENTO SITUADAS NO PARQUE DE AVIOSO, SÃO PEDRO () PROPRIEDADE: Câmara Municipal da Maia

Leia mais

CONCURSO Nº 5/DGP/2012 VENDA DE MORADIAS COM LOGRADOURO, EM TERRENO EM REGIME DE DIREITO DE SUPERFÍCIE, EM SALEMA

CONCURSO Nº 5/DGP/2012 VENDA DE MORADIAS COM LOGRADOURO, EM TERRENO EM REGIME DE DIREITO DE SUPERFÍCIE, EM SALEMA CONCURSO Nº 5/DGP/2012 VENDA DE MORADIAS COM LOGRADOURO, EM TERRENO EM REGIME DE DIREITO DE SUPERFÍCIE, EM SALEMA FREGUESIA DE BUDENS, CONCELHO DE VILA DO BISPO REGULAMENTO CONCURSO Nº 5/DGP/12 VENDA DE

Leia mais

CONCESSÃO DO PRÉDIO URBANO NA RUA DO ARNADO - COIMBRA TERMOS DE REFERÊNCIA

CONCESSÃO DO PRÉDIO URBANO NA RUA DO ARNADO - COIMBRA TERMOS DE REFERÊNCIA CONCESSÃO DO PRÉDIO URBANO NA RUA DO ARNADO - COIMBRA TERMOS DE REFERÊNCIA 1 TERMOS DE REFERÊNCIA REGRAS DO PROCEDIMENTO Artigo 1.º Finalidade Destinam-se os presentes TERMOS DE REFERÊNCIA a regular o

Leia mais

Hasta Pública. Regras da hasta pública. Preâmbulo

Hasta Pública. Regras da hasta pública. Preâmbulo Hasta Pública Regras da hasta pública Preâmbulo Nos termos e com os fundamentos ínsitos na deliberação camarária nº 3, apresentada e aprovada na reunião de Câmara de 5 de Fevereiro de 2014, procede-se

Leia mais

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE UM SEMI- REBOQUE

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE UM SEMI- REBOQUE NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE UM SEMI- REBOQUE ÍNDICE 1 Identificação da Entidade Alienante 2 Objeto 3 Consulta do processo 4 Condições de admissão à Hasta Pública 5 Documentos de habilitação

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA A UTILIZAÇÃO E EXPLORAÇÃO DO BAR DO PÊGO ESCURO - GÓIS. Processo nº A1/2015 PROGRAMA DE CONCURSO

CONCURSO PÚBLICO PARA A UTILIZAÇÃO E EXPLORAÇÃO DO BAR DO PÊGO ESCURO - GÓIS. Processo nº A1/2015 PROGRAMA DE CONCURSO CONCURSO PÚBLICO PARA A UTILIZAÇÃO E EXPLORAÇÃO DO BAR DO PÊGO ESCURO - GÓIS Processo nº A1/2015 PROGRAMA DE CONCURSO [1] PROGRAMA DE CONCURSO INDÍCE 3. Identificação e Objeto do Concurso 3. Entidade Adjudicante

Leia mais

Programa de Procedimento

Programa de Procedimento Programa de Procedimento Hasta Pública Câmara Municipal de Vila Real de Santo António Em cumprimento dos deveres e competências desta Câmara Municipal, vai proceder-se através de hasta pública, à alienação

Leia mais

A entidade promotora deste acto é o Município de Fafe, com sede na Av. 5 de Outubro

A entidade promotora deste acto é o Município de Fafe, com sede na Av. 5 de Outubro REGULAMENTO DA HASTA PÚBLICA CONCESSÃO DO DIREITO DE SUPERFÍCIE DE UM LOTE DE TERRENO DESTINADO Á INSTALAÇÃO DE UM POSTO DE ABASTECIMENTO DE COMBUSTÍVEIS, NA ZONA INDUSTRIAL DO SOCORRO. 1 - OBJECTO DA

Leia mais

REGULAMENTO DE ARRENDAMENTO DE IMÓVEIS

REGULAMENTO DE ARRENDAMENTO DE IMÓVEIS REGULAMENTO DE ARRENDAMENTO DE IMÓVEIS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS Artigo 1.º Objeto O presente regulamento estabelece as normas pelas quais o Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social, I.P.

Leia mais

HASTA PÚBLICA N.º 1/ VENDA DE GARAGEM E ARRECADAÇÕES MUNICIPAIS BLOCO B SARAMAGAS EM MINDE PROGRAMA DE PROCEDIMENTO

HASTA PÚBLICA N.º 1/ VENDA DE GARAGEM E ARRECADAÇÕES MUNICIPAIS BLOCO B SARAMAGAS EM MINDE PROGRAMA DE PROCEDIMENTO HASTA PÚBLICA N.º 1/2015 - VENDA DE GARAGEM E ARRECADAÇÕES MUNICIPAIS BLOCO B SARAMAGAS EM MINDE PROGRAMA DE PROCEDIMENTO 1 Objeto do procedimento Hasta Pública para alienação dos imóveis abaixo identificados:

Leia mais

CONCURSO Nº 2/DAGP/12 VENDA DE PATRIMÓNIO EDIFICADO, LOTES E TERRENOS EM DIVERSOS LOCAIS REGULAMENTO

CONCURSO Nº 2/DAGP/12 VENDA DE PATRIMÓNIO EDIFICADO, LOTES E TERRENOS EM DIVERSOS LOCAIS REGULAMENTO CONCURSO Nº 2/DAGP/12 VENDA DE PATRIMÓNIO EDIFICADO, LOTES E TERRENOS EM DIVERSOS LOCAIS REGULAMENTO CONCURSO Nº 2/DAGP/12 VENDA DE PATRIMÓNIO EDIFICADO, LOTES E TERRENOS EM DIVERSOS LOCAIS REGULAMENTO

Leia mais

REGULAMENTO DE ARRENDAMENTO DE IMÓVEIS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS. Artigo 1.º. Objeto

REGULAMENTO DE ARRENDAMENTO DE IMÓVEIS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS. Artigo 1.º. Objeto REGULAMENTO DE ARRENDAMENTO DE IMÓVEIS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS Artigo 1.º Objeto O presente regulamento estabelece as normas pelas quais o Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social, I.P.

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO CESSÃO DE DIREITO DE OCUPAÇÃO CORETO DA PRAÇA DO ALMADA

CONCURSO PÚBLICO CESSÃO DE DIREITO DE OCUPAÇÃO CORETO DA PRAÇA DO ALMADA CONCURSO PÚBLICO CESSÃO DE DIREITO DE OCUPAÇÃO CORETO DA PRAÇA DO ALMADA 1 PROGRAMA DE CONCURSO 1 OBJETO DO CONCURSO O presente concurso tem por objeto a cessão do direito de ocupação do rés-do-chão do

Leia mais

PROGRAMA DO CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO DE CONCESSÃO DO DIREITO DE EXPLORAÇÃO DE ESPAÇO COMERCIAL NO MERCADO MUNICIPAL DE MÉRTOLA

PROGRAMA DO CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO DE CONCESSÃO DO DIREITO DE EXPLORAÇÃO DE ESPAÇO COMERCIAL NO MERCADO MUNICIPAL DE MÉRTOLA PROGRAMA DO CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO DE CONCESSÃO DO DIREITO DE EXPLORAÇÃO DE ESPAÇO Pág. 1 de 6 Índice Art.º 1º Objeto Art.º 2º Entidade adjudicante Art.º 3º Órgão que tomou a decisão de contratar

Leia mais

HASTA PÚBLICA PARA VENDA DE CASA DE HABITAÇÃO (Sita no Bairro de Alvoraçães, Bloco 11, 3.º Direito em Lamego) CONDIÇÕES GERAIS DA HASTA PÚBLICA

HASTA PÚBLICA PARA VENDA DE CASA DE HABITAÇÃO (Sita no Bairro de Alvoraçães, Bloco 11, 3.º Direito em Lamego) CONDIÇÕES GERAIS DA HASTA PÚBLICA HASTA PÚBLICA PARA VENDA DE CASA DE HABITAÇÃO (Sita no Bairro de Alvoraçães, Bloco 11, 3.º Direito em Lamego) CONDIÇÕES GERAIS DA HASTA PÚBLICA 1 - Entidade adjudicante: Município de Lamego, pessoa colectiva

Leia mais

PROGRAMA DE PROCEDIMENTOS

PROGRAMA DE PROCEDIMENTOS APROVADO NA REUNIÃO DO EXECUTIVO MUNICIPAL DE 14/11/2016 O Presidente da Câmara Municipal Dr. Armando Varela PROGRAMA DE PROCEDIMENTOS Concurso Público Cessão de Exploração do Quiosque sito no Espaço Descoberto

Leia mais

C Â M A R A M U N I C I P A L D E M O U R A PROGRAMA DE PROCEDIMENTO HASTA PÚBLICA PARA A ALIENAÇÃO DE IMÓVEL MUNICIPAL

C Â M A R A M U N I C I P A L D E M O U R A PROGRAMA DE PROCEDIMENTO HASTA PÚBLICA PARA A ALIENAÇÃO DE IMÓVEL MUNICIPAL PROGRAMA DE PROCEDIMENTO HASTA PÚBLICA PARA A ALIENAÇÃO DE IMÓVEL MUNICIPAL MARÇO DE 2016 1 OBJETO 1.1. A presente hasta pública tem por objeto a alienação do imóvel identificado no Anexo I, pela morada,

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO DE ARRENDAMENTO COMERCIAL DE LOJAS NO MERCADO MUNICIPAL DA NAZARÉ PROGRAMA DE CONCURSO

CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO DE ARRENDAMENTO COMERCIAL DE LOJAS NO MERCADO MUNICIPAL DA NAZARÉ PROGRAMA DE CONCURSO CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO DE ARRENDAMENTO COMERCIAL DE LOJAS NO MERCADO MUNICIPAL DA NAZARÉ PROGRAMA DE CONCURSO 1 - ENTIDADE ADJUDICANTE Município da Nazaré, Avenida Vieira Guimarães, nº 54, Paços

Leia mais

PROCEDIMENTO. I Arrendamento

PROCEDIMENTO. I Arrendamento PROCEDIMENTO Arrendamento de imóvel para fim não habitacional sito no Empreendimento Social Armindo Lopes Coelho, lote 8 nº 319 e 325 da Rua Pedra Moura na União das Freguesias de Sandim, Olival, Lever

Leia mais

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE PNEUS USADOS ÍNDICE

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE PNEUS USADOS ÍNDICE NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE PNEUS USADOS ÍNDICE 1 Identificação da Entidade Alienante 2 Objeto 3 Consulta do processo 4 Condições de admissão à Hasta Pública 5 Documentos de habilitação

Leia mais

REGULAMENTO DE HASTA PÚBLICA

REGULAMENTO DE HASTA PÚBLICA REGULAMENTO DE HASTA PÚBLICA 1. Objeto da Hasta Pública Refere-se o presente Regulamento à hasta pública, promovida pelo Município de Vizela, com sede na Praça do Município, n.º 522, 4815-013 Vizela (telefone:

Leia mais

Complexo da Calçada do Duque nº 14, 16, 18 e 20 em Lisboa REGRAS E CONDIÇÕES DE VENDA. Artigo 1.º Objeto

Complexo da Calçada do Duque nº 14, 16, 18 e 20 em Lisboa REGRAS E CONDIÇÕES DE VENDA. Artigo 1.º Objeto Complexo da Calçada do Duque nº 14, 16, 18 e 20 em Lisboa REGRAS E CONDIÇÕES DE VENDA Artigo 1.º Objeto As presentes condições de venda destinam-se a estabelecer as normas pelas quais a CP - Comboios de

Leia mais

PRODUÇÃO E DIFUSÃO DE PROGRAMA DE RADIO SOBRE O QREN. Programa do Concurso

PRODUÇÃO E DIFUSÃO DE PROGRAMA DE RADIO SOBRE O QREN. Programa do Concurso PRODUÇÃO E DIFUSÃO DE PROGRAMA DE RADIO SOBRE O QREN Programa do Concurso Lisboa, 2009 PROGRAMA DO CONCURSO Concurso público n.º /2009, para a aquisição de serviço de produção e difusão de programa de

Leia mais

EDITAL/ANUNCIO 126/2012 PROCEDIMENTO DE NEGOCIAÇÃO, COM PUBLICAÇÃO PRÉVIA DE ANÚNCIO, PARA VENDA DE 18 LOTES DE TERRENO SITOS NO CONCELHO DE CASCAIS

EDITAL/ANUNCIO 126/2012 PROCEDIMENTO DE NEGOCIAÇÃO, COM PUBLICAÇÃO PRÉVIA DE ANÚNCIO, PARA VENDA DE 18 LOTES DE TERRENO SITOS NO CONCELHO DE CASCAIS 04.04.2012 Sumário PROCEDIMENTO DE NEGOCIAÇÃO, COM PUBLICAÇÃO PRÉVIA DE ANÚNCIO, PARA VENDA DE 18 LOTES DE TERRENO, SITOS NO CONCELHO DE CASCAIS EDITAL/ANÚNCIO 126/2012 EDITAL/ANUNCIO 126/2012 PROCEDIMENTO

Leia mais

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE SUCATA DIVERSA (METAIS FERROSOS) ÍNDICE

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE SUCATA DIVERSA (METAIS FERROSOS) ÍNDICE NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE SUCATA DIVERSA (METAIS FERROSOS) ÍNDICE 1 Identificação da Entidade Alienante 2 Objeto 3 Consulta do processo 4 Condições de admissão à Hasta Pública 5

Leia mais

GUIA PRÁTICO CONCURSO VENDA DE IMÓVEIS

GUIA PRÁTICO CONCURSO VENDA DE IMÓVEIS GUIA PRÁTICO CONCURSO VENDA DE IMÓVEIS ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/10 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Concurso Venda de Imóveis PROPRIEDADE Segurança Social Património Imobiliário Instituto

Leia mais

GUIA PRÁTICO CONCURSO VENDA DE IMÓVEIS

GUIA PRÁTICO CONCURSO VENDA DE IMÓVEIS GUIA PRÁTICO CONCURSO VENDA DE IMÓVEIS INSTITUTO DE GESTÃO FINANCEIRA DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P. ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/14 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Concurso Venda de Imóveis PROPRIEDADE

Leia mais

EDITAL N.º 38/2016 SORTEIO N.º 1/UCT/DEPEP/DPDL/16 ATRIBUIÇÃO DE ESPAÇOS FIXOS DE VENDA NA FEIRA DAS GALINHEIRAS

EDITAL N.º 38/2016 SORTEIO N.º 1/UCT/DEPEP/DPDL/16 ATRIBUIÇÃO DE ESPAÇOS FIXOS DE VENDA NA FEIRA DAS GALINHEIRAS EDITAL N.º 38/2016 SORTEIO N.º 1/UCT/DEPEP/DPDL/16 ATRIBUIÇÃO DE ESPAÇOS FIXOS DE VENDA NA FEIRA DAS GALINHEIRAS 1. OBJETO DO SORTEIO 1.1. O presente Sorteio visa a atribuição de espaços de venda fixos

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA A ALIENAÇÃO DE 5.373,12 M2, SITA NO CASAL DO MOINHO DE DE PARCELA DE TERRENO PARA CONSTRUÇÃO, COM

CONDIÇÕES GERAIS PARA A ALIENAÇÃO DE 5.373,12 M2, SITA NO CASAL DO MOINHO DE DE PARCELA DE TERRENO PARA CONSTRUÇÃO, COM CONDIÇÕES GERAIS PARA A ALIENAÇÃO DE DE PARCELA DE TERRENO PARA CONSTRUÇÃO, COM 5.373,12 M2, SITA NO CASAL DO MOINHO DE BAIXO, JUNTO À VARIANTE NORTE DA ERICEIRA. Condições Gerais para alienação por hasta

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO SEM PUBLICIDADE INTERNACIONAL PARA A AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS POR LOTES DE IMPRESSÃO DE DIVERSAS PUBLICAÇÕES

CONCURSO PÚBLICO SEM PUBLICIDADE INTERNACIONAL PARA A AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS POR LOTES DE IMPRESSÃO DE DIVERSAS PUBLICAÇÕES CONCURSO PÚBLICO SEM PUBLICIDADE INTERNACIONAL PARA A AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS POR LOTES DE IMPRESSÃO DE DIVERSAS PUBLICAÇÕES Página 1 de 8 PROGRAMA DE CONCURSO ÍNDICE Artigo 1.º - objeto do concurso Artigo

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO URGENTE PARA FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉTRICA PARA O EDIFÍCIO SEDE DO TURISMO DO ALGARVE, POSTOS DE TURISMO E ARMAZÉM DE BELA MANDIL

CONCURSO PÚBLICO URGENTE PARA FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉTRICA PARA O EDIFÍCIO SEDE DO TURISMO DO ALGARVE, POSTOS DE TURISMO E ARMAZÉM DE BELA MANDIL CONCURSO PÚBLICO URGENTE PARA FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉTRICA PARA O EDIFÍCIO SEDE DO TURISMO DO ALGARVE, POSTOS DE TURISMO E ARMAZÉM DE BELA MANDIL PROGRAMA DE CONCURSO ÍNDICE Artigo 1.º - Identificação

Leia mais

CONVITE. Câmara Municipal de Proença a Nova CESSÃO DE EXPLORAÇÃO DO BAR DA ZONA DE LAZER DA PEDRA DO ALTAR

CONVITE. Câmara Municipal de Proença a Nova CESSÃO DE EXPLORAÇÃO DO BAR DA ZONA DE LAZER DA PEDRA DO ALTAR CONVITE Câmara Municipal de Proença a Nova CESSÃO DE EXPLORAÇÃO DO BAR DA ZONA DE LAZER DA PEDRA DO ALTAR A Câmara Municipal de Proença a Nova, sita na Avenida do Colégio, 6150 401 Proença a Nova, com

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE NORDESTE ANÚNCIO

CÂMARA MUNICIPAL DE NORDESTE ANÚNCIO CÂMARA MUNICIPAL DE NORDESTE ANÚNCIO Concurso Pública para Cessão da Exploração do Centro de Apoia ao Artesanato da Nordeste sito na Ribeira dos Caldeirões, freguesia da Achada. 1. Identificação do concurso:

Leia mais

ALIENAÇÃO DE EDIFICIOS DAS ESCOLAS DO 1.º CICLO DESACTIVADAS CONDIÇÕES DE VENDA

ALIENAÇÃO DE EDIFICIOS DAS ESCOLAS DO 1.º CICLO DESACTIVADAS CONDIÇÕES DE VENDA ALIENAÇÃO DE EDIFICIOS DAS ESCOLAS DO 1.º CICLO DESACTIVADAS CONDIÇÕES DE VENDA 1 Objecto É objecto do presente procedimento a alienação de edifícios das escolas do 1.º ciclo desactivadas, no estado em

Leia mais

PROCEDIMENTO PARA ARRENDAMENTO DE 20 FOGOS DE HABITAÇÃO DESTINADOS A SUBARRENDAMENTO SOCIAL COM OPÇÃO DE COMPRA. C-ARR/1/2016 (Regulamento)

PROCEDIMENTO PARA ARRENDAMENTO DE 20 FOGOS DE HABITAÇÃO DESTINADOS A SUBARRENDAMENTO SOCIAL COM OPÇÃO DE COMPRA. C-ARR/1/2016 (Regulamento) PROCEDIMENTO PARA ARRENDAMENTO DE 20 FOGOS DE HABITAÇÃO DESTINADOS A SUBARRENDAMENTO SOCIAL COM OPÇÃO DE COMPRA. C-ARR/1/2016 (Regulamento) (Anúncio publicado nas edições do dia 13 de novembro de 2016,

Leia mais

ALIENAÇÃO DE IMÓVEL MUNICIPAL

ALIENAÇÃO DE IMÓVEL MUNICIPAL ALIENAÇÃO DE IMÓVEL MUNICIPAL PROGRAMA DO PROCEDIMENTO DE HASTA PÚBLICA 1. OBJETO DA HASTA PÚBLICA 1.1 A presente hasta pública, promovida pelo Município de Carrazeda de Ansiães, tem por objeto a alienação

Leia mais

Artigo 3.º Uso a que se destina o prédio

Artigo 3.º Uso a que se destina o prédio CONDIÇÕES DE VENDA EM HASTA PÚBLICA DO PRÉDIO SITO EM PENELA, FREGUESIA DE SÃO MIGUEL, CONCELHO DE PENELA, DESTINADO A CONSTRUÇÃO E INSTALAÇÃO DA CASA DE CHÁ FREIRE GRAVADOR As presentes condições de venda

Leia mais

CATÁLOGO INSOLVÊNCIA DE RICARDO JORGE ALMEIDA REBELO

CATÁLOGO INSOLVÊNCIA DE RICARDO JORGE ALMEIDA REBELO CATÁLOGO INSOLVÊNCIA DE RICARDO JORGE ALMEIDA REBELO TRIBUNAL DA COMARCA DE LEIRIA - ALCOBAÇA INSTÂNCIA CENTRAL - 2ª SECÇÃO COMÉRCIO J1 PROCESSO Nº 676/14.1T8ACB 8 de fevereiro 3ª Feira 17h00 Rua Manuel

Leia mais

REGULAMENTO DE ALIENAÇÃO DE IMÓVEIS POR VIA ELETRÓNICA ÍNDICE

REGULAMENTO DE ALIENAÇÃO DE IMÓVEIS POR VIA ELETRÓNICA ÍNDICE REGULAMENTO DE ALIENAÇÃO DE IMÓVEIS POR VIA ELETRÓNICA ÍNDICE CAPÍTULO I Disposições gerais... 2 Artigo 1º - Objeto... 2 Artigo 2º - Imóveis... 2 Artigo 3º - Transparência... 2 Artigo 4º - Consulta do

Leia mais

MOITA - ALHOS VEDROS Quinta da Fonte da Prata Rua Fernando Pessoa GPS: N 38º ',W 9º '

MOITA - ALHOS VEDROS Quinta da Fonte da Prata Rua Fernando Pessoa GPS: N 38º ',W 9º ' Isabel Maria Moutinho Pereira Silva COMARCA DE LISBOA, LISBOA - INST. CENTRAL PROC. N.º 861/14.6T8LSB - 1ª SEC. COMÉRCIO - J4 INSOLVENTE: CARTA F E C H A D A MOITA - ALHOS VEDROS Quinta da Fonte da Prata

Leia mais

PROGRAMA DE CONCURSO

PROGRAMA DE CONCURSO MUNICÍPIO DE CASTRO VERDE Concurso Público ARRENDAMENTO DO ESTABELECIMENTO COMERCIAL DA CAFETARIA DA PISCINA MUNICIPAL DE CASTRO VERDE PROGRAMA DE CONCURSO Castro Verde, 8 de abril de 2013 PROGRAMA DE

Leia mais

Secção de Património e Aprovisionamento EDITAL HASTA PUBLICA PARA ALIENAÇÃO DE BEM IMÓVEL POR HASTA PÚBLICA "ESCOLA PRIMÁRIA DE MA TELA"

Secção de Património e Aprovisionamento EDITAL HASTA PUBLICA PARA ALIENAÇÃO DE BEM IMÓVEL POR HASTA PÚBLICA ESCOLA PRIMÁRIA DE MA TELA Secção de Património e Aprovisionamento EDITAL HASTA PUBLICA PARA ALIENAÇÃO DE BEM IMÓVEL POR HASTA PÚBLICA "ESCOLA PRIMÁRIA DE MA TELA" (APRESENTAÇÃO DE PROPOSTA EM CARTA FECHADA) 1. A Câmara Municipal

Leia mais

PROCEDIMENTO, POR PRÉVIA QUALIFICAÇÃO, PARA ARRENDAMENTO COMERCIAL DE UM ESPAÇO COMERCIAL NO INSTITUTO DE DESIGN DE GUIMARÃES REGULAMENTO

PROCEDIMENTO, POR PRÉVIA QUALIFICAÇÃO, PARA ARRENDAMENTO COMERCIAL DE UM ESPAÇO COMERCIAL NO INSTITUTO DE DESIGN DE GUIMARÃES REGULAMENTO PROCEDIMENTO, POR PRÉVIA QUALIFICAÇÃO, PARA ARRENDAMENTO COMERCIAL DE UM ESPAÇO COMERCIAL NO INSTITUTO DE DESIGN DE GUIMARÃES REGULAMENTO 1 - Objeto do procedimento O presente procedimento tem em vista

Leia mais

PEDIDO DE CERTIDÃO DE URBANISMO. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória

PEDIDO DE CERTIDÃO DE URBANISMO. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória REQUERIMENTO: CMPV 228/2 PEDIDO DE CERTIDÃO DE URBANISMO Número de Processo / / Data de Entrada / / Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória (nome do requerente ), Contribuinte (pessoa

Leia mais

Procedimentos para Alienação de Imóveis CST IPSS

Procedimentos para Alienação de Imóveis CST IPSS Procedimentos para Alienação de Imóveis CST IPSS 1. Objeto da Hasta (Praça) Pública 1.1. A presente Hasta (Praça) Pública, promovida pelo Centro Social do Tourigo Instituição Particular de Solidariedade

Leia mais

Município de Marvão. Alienação das Habitações do Bairro Fronteira de Marvão

Município de Marvão. Alienação das Habitações do Bairro Fronteira de Marvão Victor Manuel Martins Frutuoso, Presidente da Câmara Municipal de Marvão, torna públicas as condições de alienação das habitações do Bairro da Fronteira, aprovadas na reunião de Câmara Municipal, do dia

Leia mais

ALTERAÇÃO AO ALVARÁ DE LICENÇA DE LOTEAMENTO. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória

ALTERAÇÃO AO ALVARÁ DE LICENÇA DE LOTEAMENTO. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória REQUERIMENTO: CMPV 211/2 ALTERAÇÃO AO ALVARÁ DE LICENÇA DE LOTEAMENTO Número de Processo / / Data de Entrada / / Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória (nome do requerente ), Contribuinte

Leia mais

ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA. Aviso Convocatório

ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA. Aviso Convocatório ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA Aviso Convocatório Nos termos do disposto no artigo 22.º dos Estatutos da Futebol Clube do Porto Futebol, SAD ( Sociedade ) e no artigo 377.º do Código das Sociedades Comerciais,

Leia mais

EDITAL. Arrendamento de imóveis do Município para fins não habitacionais

EDITAL. Arrendamento de imóveis do Município para fins não habitacionais EDITAL Arrendamento de imóveis do Município para fins não habitacionais Ricardo João Barata Pereira Alves, Eng.º, Presidente da Câmara Municipal de Arganil, torna público que, no uso da competência que

Leia mais

DOSSIER PARA EVENTO. «Construtora da Bairrada - Sociedade de Construções S.A.»

DOSSIER PARA EVENTO. «Construtora da Bairrada - Sociedade de Construções S.A.» DOSSIER PARA EVENTO «Construtora da Bairrada - Sociedade de Construções S.A.» Processo n.º 801/12.7T2AVR Juízo Comércio Aveiro Comarca Baixo Vouga LEILÃO: Data: Sexta-feira, 14 de Outubro de 2016 Hora:

Leia mais

e) 5 Fases do procedimento 6 Comissão de acompanhamento do procedimento 7 Espaços comerciais 8 Esclarecimentos 8 de abril de 2016

e) 5 Fases do procedimento 6 Comissão de acompanhamento do procedimento 7 Espaços comerciais 8 Esclarecimentos 8 de abril de 2016 PROCEDIMENTO, POR PRÉVIA QUALIFICAÇÃO, PARA ARRENDAMENTO COMERCIAL DE TRÊS ESPAÇOS COMERCIAIS NA PLATAFORMA DAS ARTES E DA CRIATIVIDADE ATELIÊS EMERGENTES REGULAMENTO 1 Objeto do procedimento O presente

Leia mais

2. Os terrenos rústicos e a sua base de licitação, a que corresponde a 12,00 (doze euros) por hectare e por ano, são os seguintes:

2. Os terrenos rústicos e a sua base de licitação, a que corresponde a 12,00 (doze euros) por hectare e por ano, são os seguintes: Hasta pública (apresentação de proposta em carta fechada) para arrendamento rural agrícola de terrenos rústicos das Freguesias de Beirã, Santa Maria de Marvão, Santo António das Areias e São Salvador da

Leia mais

MUNICÍPIO DE OLIVEIRA DE AZEMÉIS CÂMARA MUNICIPAL

MUNICÍPIO DE OLIVEIRA DE AZEMÉIS CÂMARA MUNICIPAL MUNICÍPIO DE OLIVEIRA DE AZEMÉIS CÂMARA MUNICIPAL PROCEDIMENTO PRÉVIO DE ARREMATAÇÃO POR PROPOSTA EM CARTA FECHADA PARA ATRIBUIÇÃO DA CONCESSÃO DO DIREITO DE OCUPAÇÃO DE LOCAIS DE VENDA NO MERCADO MUNICIPAL

Leia mais

REQUERIMENTO PARA: PEDIDO DE CERTIDÃO DE DESTAQUE. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra. Despacho:

REQUERIMENTO PARA: PEDIDO DE CERTIDÃO DE DESTAQUE. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra. Despacho: 1/5 REQUERIMENTO PARA: Despacho: Espaço reservado aos serviços PEDIDO DE CERTIDÃO DE DESTAQUE Nº Reg. DUR Data: / / Nº Guia: Valor: Rubrica: Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra (nome do requerente),

Leia mais

candidatam, ao qual devem anexar fotocópia do bilhete de identidade ou cartão do cidadão, assim como fotocópia do cartão de identificação fiscal.

candidatam, ao qual devem anexar fotocópia do bilhete de identidade ou cartão do cidadão, assim como fotocópia do cartão de identificação fiscal. REGULAMENTO DA VENDA POR PROPOSTA EM CARTA FECHADA RUA MOUZINHO DA SILVEIRA, 306 a 348, RUA DO CORPO DA GUARDA 20 a 54 e RUA DOS PELAMES 87 a 99 (QUARTEIRÃO DO CORPO DA GUARDA) 10 FRACÇÕES AUTONOMAS DA

Leia mais

Município de Portalegre CONDIÇÕES DE CONCESSÃO E EXPLORAÇÃO DO QUIOSQUE DA PISCINA MUNICIPAL DE PORTALEGRE. Artigo 1.º. Âmbito da Aplicação

Município de Portalegre CONDIÇÕES DE CONCESSÃO E EXPLORAÇÃO DO QUIOSQUE DA PISCINA MUNICIPAL DE PORTALEGRE. Artigo 1.º. Âmbito da Aplicação CONDIÇÕES DE CONCESSÃO E EXPLORAÇÃO DO QUIOSQUE DA PISCINA MUNICIPAL DE PORTALEGRE Artigo 1.º Âmbito da Aplicação As presentes condições aplicam-se à concessão e exploração do quiosque da Piscina Municipal

Leia mais

Exm.º Senhor: Vereador do Pelouro do Município de Monforte

Exm.º Senhor: Vereador do Pelouro do Município de Monforte Registo de Entrada N.º Proc.º Em / / Funcionário: Informação - Prosseguir seus termos Em / / A Responsável da UOFUOSU Despacho - Prosseguir seus termos Em / / O Vereador do Pelouro Identificação do Munícipe

Leia mais

DIREITO DE SUPERFÍCIE PELO PRAZO DE CEM (100) ANOS, SOBRE PRÉDIO SITO EM VALE FIGUEIRA, SÃO JOÃO DA TALHA,

DIREITO DE SUPERFÍCIE PELO PRAZO DE CEM (100) ANOS, SOBRE PRÉDIO SITO EM VALE FIGUEIRA, SÃO JOÃO DA TALHA, REGRAS DO PROCEDIMENTO DE NEGOCIAÇÃO, COM PUBLICAÇÃO PRÉVIA DE ANÚNCIO, PARA A VENDA DO DIREITO DE SUPERFÍCIE, A TÍTULO ONEROSO E PELO PRAZO DE CEM (100) ANOS, SOBRE PRÉDIO SITO EM VALE FIGUEIRA, NA FREGUESIA

Leia mais

NEGOCIAÇÃO PARTICULAR

NEGOCIAÇÃO PARTICULAR NEGOCIAÇÃO PARTICULAR Insolvência: "Fruti Cordeiro, Lda." Processo de Insolvência n.º 2578/15.5T8ACB Comarca de Leiria, Alcobaça - Inst. Central - 2ª Secção Comércio Por determinação do Exmo. Administrador

Leia mais

LEILÃO VISITA: SOB MARCAÇÃO Vale da Estrada (Nave) Sarzedas - Castelo Branco / GPS: 39 50'04.3"N 7 38'33.9"W

LEILÃO VISITA: SOB MARCAÇÃO Vale da Estrada (Nave) Sarzedas - Castelo Branco / GPS: 39 50'04.3N 7 38'33.9W LEILÃO Insolvência: "Joel Conde & Fernandes, Lda." Processo de Insolvência n.º 1651/14.1TBBRG Comarca de Braga, Braga - Inst. Local - Secção Cível - J3 Por determinação do Exmo. Administrador de Insolvência,

Leia mais

MUNICIPAL SUMÁRIO CÂMARA MUNICIPAL DE LISBOA 1.º SUPLEMENTO AO BOLETIM MUNICIPAL N.º 1198 ANÚNCIOS, AVISOS, EDITAIS E NOTICIÁRIO EDITAIS

MUNICIPAL SUMÁRIO CÂMARA MUNICIPAL DE LISBOA 1.º SUPLEMENTO AO BOLETIM MUNICIPAL N.º 1198 ANÚNCIOS, AVISOS, EDITAIS E NOTICIÁRIO EDITAIS MUNICIPAL 1.º SUPLEMENTO AO BOLETIM MUNICIPAL N.º 1198 SUMÁRIO ANÚNCIOS, AVISOS, EDITAIS E NOTICIÁRIO EDITAIS N. os 9/017 (Notificação - Sr.ª Isabel Conceição Batista), 10/017 (Notificação - Sr.ª Francelina

Leia mais

MEDIDA ESTIMULO 2012 Regulamento do Instituto do Emprego e Formação Profissional

MEDIDA ESTIMULO 2012 Regulamento do Instituto do Emprego e Formação Profissional MEDIDA ESTIMULO 2012 Regulamento do Instituto do Emprego e Formação Profissional No âmbito da medida de incentivos ao emprego "Estímulo 2012", estabelecida pela Portaria n 45/2012, de 13.2, o Instituto

Leia mais

CARTA AZAMBUJA INSOLVENTE: VISITAS P/ MARCAÇÃO. Danielar Imobiliária, Lda. Avenida Condes de Azambuja SETÚBAL

CARTA AZAMBUJA INSOLVENTE: VISITAS P/ MARCAÇÃO. Danielar Imobiliária, Lda. Avenida Condes de Azambuja SETÚBAL CARTA F INSOLVENTE: E C H A D A AZAMBUJA Danielar Imobiliária, Lda. Avenida Condes de Azambuja SETÚBAL TRIBUNAL DO COMÉRCIO DE LISBOA PROC. N.º 174/10.0TYLSB- 1º JUÍZO Rua Cidade de Debrecen ACEITAM-SE

Leia mais

CADERNO DE ENCARGOS AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA PARA AS INSTALAÇÕES DA DGSS PARTE I CÁUSULAS JURÍDICAS

CADERNO DE ENCARGOS AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA PARA AS INSTALAÇÕES DA DGSS PARTE I CÁUSULAS JURÍDICAS CADERNO DE ENCARGOS AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA PARA AS INSTALAÇÕES DA DGSS Referência: Manutenção das instalações - DGSS/2014 PARTE I CÁUSULAS JURÍDICAS Cláusula 1ª Objeto

Leia mais

FESTIVAL CAIS AGOSTO Regulamento do Fornecimento de Bebidas

FESTIVAL CAIS AGOSTO Regulamento do Fornecimento de Bebidas FESTIVAL CAIS AGOSTO 2016 Regulamento do Fornecimento de Bebidas Artigo 1.º Objetivo 1. O presente regulamento tem por objeto a definição das regras para o fornecimento de bebidas, em regime de exclusividade,

Leia mais

Programa do Procedimento

Programa do Procedimento Direção Nacional Unidade Orgânica de Logística e Finanças Departamento de Logística Programa do Procedimento Concurso Público n.º 21/DAC/2013 Aquisição de dois cinemómetros de controlo de velocidade Programa

Leia mais

Ministério da Educação. Direção Geral dos Estabelecimentos Escolares. Agrupamento de Escolas do Barreiro

Ministério da Educação. Direção Geral dos Estabelecimentos Escolares. Agrupamento de Escolas do Barreiro Ministério da Educação Direção Geral dos Estabelecimentos Escolares Agrupamento de Escolas do Barreiro Procedimento concursal Comum de recrutamento para ocupação de 1 (um) posto de trabalho em regime de

Leia mais

Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória

Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória REQUERIMENTO: CMPV 207/2 ALTERAÇÃO/AUTORIZAÇÃO DE UTILIZAÇÃO não precedido de operação urbanística sujeita a controlo prévio Número de Processo / / Data de Entrada / / Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal

Leia mais

PROGRAMA DE CONCURSO

PROGRAMA DE CONCURSO CONCURSO PÚBLICO PARA A CONCESSÃO DA GESTÃO DO PARQUE GERAÇÕES S. JOÃO DO ESTORIL NO CONCELHO DE CASCAIS PROGRAMA DE CONCURSO Proc. N.º8/CON/DCOP/2014 ÍNDICE 1 - IDENTIFICAÇÃO DO CONCURSO 2 - ENTIDADE

Leia mais

REGULAMENTO DE ALIENAÇÃO DE BENS. Capítulo I Disposições gerais

REGULAMENTO DE ALIENAÇÃO DE BENS. Capítulo I Disposições gerais Capítulo I Disposições gerais Artigo 1 Objecto O presente regulamento estabelece o regime da alienação de bens móveis do património privado da APSS, SA, doravante designado abreviadamente por RAB. Artigo

Leia mais

Projeto de Regulamento da Feira do Mel, Queijo e Pão

Projeto de Regulamento da Feira do Mel, Queijo e Pão Preâmbulo A Feira do Mel, Queijo e Pão, organizada pela Câmara Municipal de Mértola é uma iniciativa que visa promover, dinamizar e divulgar o artesanato, os produtos tradicionais e a gastronomia do concelho,

Leia mais

FUTEBOL CLUBE DO PORTO Futebol, SAD

FUTEBOL CLUBE DO PORTO Futebol, SAD ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA Aviso Convocatório Nos termos do disposto no artigo 22.º dos Estatutos da Futebol Clube do Porto Futebol, SAD ( Sociedade ) e no artigo 377.º do Código das Sociedades Comerciais,

Leia mais

Despacho: Exm.º Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra

Despacho: Exm.º Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra IMP.PS.01.431.02 IMP.PS.01.431.03 COMUNICAÇÃO DE ABERTURA AO PÚBLICO DE EMPREENDIMENTOS TURÍSTICOS EM CASO DE AUSÊNCIA DE AUTORIZAÇÃO PARA FINS TURÍSTICOS (ao abrigo do artigo 31º do Decreto-lei nº 39/2008,

Leia mais

REGULAMENTO. CONCURSO DE IDEIAS PARA UM MONUMENTO EM HOMENAGEM AO BOMBEIRO (Aprovado em Reunião da Câmara Municipal realizada em 11/05/2016)

REGULAMENTO. CONCURSO DE IDEIAS PARA UM MONUMENTO EM HOMENAGEM AO BOMBEIRO (Aprovado em Reunião da Câmara Municipal realizada em 11/05/2016) REGULAMENTO CONCURSO DE IDEIAS PARA UM MONUMENTO EM HOMENAGEM AO BOMBEIRO (Aprovado em Reunião da Câmara Municipal realizada em 11/05/2016) Disposições gerais Os Bombeiros Voluntários assumem um papel

Leia mais

FREGUESIA DE QUIAIOS NIPC 510 833 535

FREGUESIA DE QUIAIOS NIPC 510 833 535 PROGRAMA DE HASTA PÚBLICA Para atribuição do direito de ocupação efetiva de natureza precária da loja n.º 4 no Mercado de Quiaios Artigo 1.º Identificação A loja objeto de hasta pública localiza-se no

Leia mais

PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO FINANCEIRA ÀS ENTIDADES SEM FINS LUCRATIVOS PROMOTORAS DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DE SAÚDE DO CONCELHO DE SINTRA

PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO FINANCEIRA ÀS ENTIDADES SEM FINS LUCRATIVOS PROMOTORAS DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DE SAÚDE DO CONCELHO DE SINTRA 1/6 PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO FINANCEIRA ÀS ENTIDADES SEM FINS LUCRATIVOS PROMOTORAS DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DE SAÚDE DO CONCELHO DE SINTRA FORMULÁRIO DE CANDIDATURA (nº SM ) Exmº Sr. Presidente da Câmara

Leia mais

Negociação Particular Recepção de propostas até 20 de Março 2017

Negociação Particular Recepção de propostas até 20 de Março 2017 Negociação Particular Recepção de propostas até 20 de Março 2017 Insolvente: Manos Santos Constrói, Lda. COMARCA DE CASTELO BRANCO, FUNDÃO INST. CENTRAL PROC. N.º 510/10.1TBCTB - SEC. COMÉRCIO - J1 Local:

Leia mais

CONTRATO PROMESSA DE COMPRA E VENDA. PRIMEIRA OUTORGANTE: Caixa Geral de Depósitos, S.A., pessoa colectiva n.º ,

CONTRATO PROMESSA DE COMPRA E VENDA. PRIMEIRA OUTORGANTE: Caixa Geral de Depósitos, S.A., pessoa colectiva n.º , CONTRATO PROMESSA DE COMPRA E VENDA (Lote - UL ) ENTRE: PRIMEIRA OUTORGANTE: Caixa Geral de Depósitos, S.A., pessoa colectiva n.º 500960046, com sede na Av. João XXI, n.º 63, em Lisboa, com o capital social

Leia mais

Município de Portalegre EDITAL

Município de Portalegre EDITAL EDITAL MARIA ADELAIDE FRANCO LEBREIRO DE AGUIAR MARQUES TEIXEIRA, PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DO MUNICÍPIO DE PORTALEGRE. ----------------------------------- Faz saber que, de harmonia com a deliberação

Leia mais

Concurso Público N.º 01/DCNFN-DAAF/2016 PROGRAMA DO PROCEDIMENTO ARTIGO 1.º. Objeto do concurso público

Concurso Público N.º 01/DCNFN-DAAF/2016 PROGRAMA DO PROCEDIMENTO ARTIGO 1.º. Objeto do concurso público Concurso Público N.º 01/DCNFN-DAAF/2016 PROGRAMA DO PROCEDIMENTO ARTIGO 1.º Objeto do concurso público 1- Alienação de três lotes de bens móveis, resíduos para sucata, na área do Departamento de Conservação

Leia mais

Recrutamento de um dirigente para a. Autoridade da Mobilidade e dos Transportes Ref.ª DDEIA 2 /AMT Regulamento do Concurso

Recrutamento de um dirigente para a. Autoridade da Mobilidade e dos Transportes Ref.ª DDEIA 2 /AMT Regulamento do Concurso Recrutamento de um dirigente para a Autoridade da Mobilidade e dos Transportes Ref.ª DDEIA 2 /AMT- 2016 Regulamento do Concurso 1 - A Autoridade da Mobilidade e dos Transportes, AMT, pretende recrutar

Leia mais

Normas do Procedimento de Concurso para a Concessão do Direito de Exploração do Bar sito em Estrada Nacional 16 - Ratoeira

Normas do Procedimento de Concurso para a Concessão do Direito de Exploração do Bar sito em Estrada Nacional 16 - Ratoeira Normas do Procedimento de Concurso para a Concessão do Direito de Exploração do Bar sito em Estrada Nacional 16 - Ratoeira ARTIGO 1.º Objeto da Concessão 1. O presente normativo visa estabelecer as regras

Leia mais

Acordo quadro para a prestação de serviços de consultadoria, desenvolvimento e manutenção de software

Acordo quadro para a prestação de serviços de consultadoria, desenvolvimento e manutenção de software Acordo quadro para a prestação de serviços de consultadoria, desenvolvimento e manutenção de software PROGRAMA DE CONCURSO Janeiro de 2013 ÍNDICE CAPÍTULO I OBJETO E ÂMBITO DO CONCURSO... 3 Artigo 1.º

Leia mais

CONDIÇÕES DA HASTA PÚBLICA PARA ARRENDAMENTO DE ESPAÇO COMERCIAL (Praça Visconde de Castanheira de Pera) CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS

CONDIÇÕES DA HASTA PÚBLICA PARA ARRENDAMENTO DE ESPAÇO COMERCIAL (Praça Visconde de Castanheira de Pera) CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS CONDIÇÕES DA HASTA PÚBLICA PARA ARRENDAMENTO DE ESPAÇO COMERCIAL (Praça Visconde de Castanheira de Pera) CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS Cláusula 1.ª Objeto do procedimento 1 O presente procedimento tem

Leia mais

guia concurso de ideias

guia concurso de ideias guia do concurso de ideias O Projecto LIMACRIA tem como parceiros as seguintes entidades: CEVAL - Conselho Empresarial do Vale do Lima IPVC - Instituto Politécnico de Viana do Castelo SPI - Sociedade Portuguesa

Leia mais

EXERCÍCIO DA ATIVIDADE DE INTERMEDIAÇÃO DE MEDICAMENTOS DE USO HUMANO REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA

EXERCÍCIO DA ATIVIDADE DE INTERMEDIAÇÃO DE MEDICAMENTOS DE USO HUMANO REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA EXERCÍCIO DA ATIVIDADE DE INTERMEDIAÇÃO DE MEDICAMENTOS DE USO HUMANO REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA A intermediação de medicamentos é qualquer atividade ligada à venda ou compra de medicamentos, com exceção

Leia mais

Formação de funcionários administrativos dos centros do IST

Formação de funcionários administrativos dos centros do IST Formação de funcionários administrativos dos centros do IST Iria Fernandes Rogério Colaço Lisboa, 26 de Fevereiro de 2014 Anfiteatro PA3 Procedimento em que a entidade adjudicante convida diretamente uma

Leia mais

VISITAS POR MARCAÇÃO PRÉVIA

VISITAS POR MARCAÇÃO PRÉVIA Tribunal de Família e Menores e de Comarca do Seixal / Processo n.º 6414/13.9 TBSXL - 3º Juízo Cível Insolvência de: Joaquim Manuel Duarte Carvalho e Anabela Lemos Alves Silva de Carvalho Local: Rua José

Leia mais

Relação de Bens. Insolvência de: CARLA SUSANA CARDOSO BALTAZAR. Segunda 5 de Setembro de h30. Condições Gerais

Relação de Bens. Insolvência de: CARLA SUSANA CARDOSO BALTAZAR. Segunda 5 de Setembro de h30. Condições Gerais Relação de Bens CONDIÇÕES GERAIS DE VENDA DOS BENS MÓVEIS E IMÓVEIS 1. a. A venda de bens é pública, devendo os proponentes identificar-se correctamente, ou identificarem a sociedade que representam e,

Leia mais

PROGRAMA DE CONCURSO CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE PROCESSAMENTO DE DOCUMENTOS DE DESPESA, DE

PROGRAMA DE CONCURSO CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE PROCESSAMENTO DE DOCUMENTOS DE DESPESA, DE PROGRAMA DE CONCURSO CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE PROCESSAMENTO DE DOCUMENTOS DE DESPESA, DE RECEITA E DE CONTABILIDADE PARA O CENTRO DE SERVIÇOS PARTILHADOS DE FINANÇAS DA ESPAP PARA 2017 ÍNDICE CAPÍTULO

Leia mais

ANÚNCIO VENDA EM HASTA PÚBLICA DE QUATRO VIATURAS PROPRIEDADE DA REGIÃO DE TURISMO DO ALGARVE

ANÚNCIO VENDA EM HASTA PÚBLICA DE QUATRO VIATURAS PROPRIEDADE DA REGIÃO DE TURISMO DO ALGARVE ANÚNCIO VENDA EM HASTA PÚBLICA DE QUATRO VIATURAS PROPRIEDADE DA REGIÃO DE TURISMO DO ALGARVE A Região de Turismo do Algarve aceita propostas para a alienação de quatro viaturas, cuja identificação e valor

Leia mais

CONTRATO PROMESSA DE COMPRA E VENDA

CONTRATO PROMESSA DE COMPRA E VENDA CONTRATO PROMESSA DE COMPRA E VENDA Entre: --------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- [nome completo], portador do cartão de cidadão

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE GÓIS

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE GÓIS REGULAMENTO CONCURSO DE IDEIAS PARA A CRIAÇÃO DO LOGÓTIPO DO 1. Promotor e Disposições Gerais O Agrupamento de Escolas de Góis (AEG) leva a efeito o concurso de ideias para apresentação de propostas de

Leia mais

Cláusula Segunda Prazo O prazo para execução do presente contrato é 365 (trezentos e sessenta e cinco) dias a contra da data da consignação.

Cláusula Segunda Prazo O prazo para execução do presente contrato é 365 (trezentos e sessenta e cinco) dias a contra da data da consignação. CONTRATO DE EMPREITADA DE OBRA PÚBLICA Nº 135/2016 0103/DOM/DEM/15 REPARAÇÕES DIVERSAS DE CONSTRUÇÃO CIVIL EM ESCOLAS E JARDINS DE INFÂNCIA DO MUNICÍPIO DE OEIRAS Entre: Município de Oeiras, Pessoa Colectiva

Leia mais

REGULAMENTO PARA ADJUDICAÇÃO DO DIREITO DE EXPLORAÇÃO DO BAR DA PISCINA DE NOGUEIRA

REGULAMENTO PARA ADJUDICAÇÃO DO DIREITO DE EXPLORAÇÃO DO BAR DA PISCINA DE NOGUEIRA REGULAMENTO PARA ADJUDICAÇÃO DO DIREITO DE EXPLORAÇÃO DO BAR DA PISCINA DE NOGUEIRA Aprovado em Assembleia de Freguesia de 26 de Maio de 2014 Regulamento para Adjudicação do Direito de Exploração do Bar

Leia mais

MUNICÍPIO DE OURÉM Câmara Municipal EDITAL N.º 76/2012

MUNICÍPIO DE OURÉM Câmara Municipal EDITAL N.º 76/2012 MUNICÍPIO DE OURÉM Câmara Municipal EDITAL N.º 76/2012 ---- Paulo Alexandre Homem de Oliveira Fonseca, Presidente da Câmara Municipal de Ourém, torna público, nos termos legais que, a Câmara Municipal,

Leia mais