ALIENAÇÃO DE LOTES NA ZONA DE ATIVIDADES ECONOMICAS PÓLO II

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ALIENAÇÃO DE LOTES NA ZONA DE ATIVIDADES ECONOMICAS PÓLO II"

Transcrição

1 ANEXO ALIENAÇÃO DE LOTES NA ZONA DE ATIVIDADES ECONOMICAS PÓLO II PROGRAMA DE CONCURSO PÚBLICO 1 DESIGNAÇÃO, ENDEREÇO, NÚMERO DE TELEFONE E DE FAX DA ENTIDADE ADJUDICANTE Município do Bombarral, sito no Largo do Município, Bombarral, com os números de telefone e de Fax: e com o OBJETO DO CONCURSO PÚBLICO Alienação de 6 (seis) lotes na Zona de Actividades Económicas Pólo II, destinado aos fins especificados no alvará de loteamento n.º 1/2007, e respetivas alterações (uso de comércio e serviços e atividade industrial do tipo 3): LOTE CINCO: Com a área de 500,00 m2, área de implantação de 500,00 m2, área cércea máxima de 9 metros, a confrontar a norte com lote 6, sul com lote 4, poente com zona verde e nascente com rua, inscrito na matriz sob o n.º 3303 da União das Freguesias do Bombarral e Vale Covo, descrito na Conservatória do Registo Predial do Bombarral sob o n.º 3844, freguesia do Bombarral. LOTE NOVE: Com a área de 930,00 m2 finalidade de comércio e/ou serviços no piso zero e de serviços administrativos no piso um, área de implantação de 930,00 m2, área máxima de construção de 1 230,00 m2, número de pisos acima da cota de soleira: 2, e cércea máxima de 9 metros, a confrontar a norte e nascente com espaço verde de utilização coletiva, sul com lote 10 e poente com rua, inscrito na matriz sob o n.º 3307 da União das Freguesias do Bombarral e Vale Covo, descrito na Conservatória do Registo Predial do Bombarral sob o n.º 3848, freguesia do Bombarral. LOTE DEZ: Com a área de 930,00 m2 finalidade de comércio e/ou serviços no piso zero e de serviços administrativos no piso um, área de implantação de 930,00 m2, área máxima de construção de 1 230,00 m2, número de pisos acima da cota de soleira: 2, e 1

2 cércea máxima de 9 metros, a confrontar a norte com o lote 9, sul e nascente com espaço verde de utilização coletiva e poente com rua, inscrito na matriz sob o n.º 3308 da União das Freguesias do Bombarral e Vale Covo, descrito na Conservatória do Registo Predial do Bombarral sob o n.º 3849, freguesia do Bombarral. LOTE ONZE: Com a área de 500,00 m2, finalidade de comércio e/ou serviços no piso zero e de serviços administrativos no piso um, área de implantação de 500,00 m2, área cércea máxima de 9 metros, a confrontar a norte e poente com espaço verde de utilização coletiva, sul com lote 12 e nascente com rua, inscrito na matriz sob o n.º 3309 da União das Freguesias do Bombarral e Vale Covo, descrito na Conservatória do Registo Predial do Bombarral sob o n.º 3850, freguesia do Bombarral. LOTE DOZE: Com a área de 500,00 m2, finalidade de comércio e/ou serviços no piso zero e de serviços administrativos no piso um, área de implantação de 500,00 m2, área cércea máxima de 9 metros, a confrontar a norte com lote 11, sul com lote 13, poente com rua e nascente com espaço verde de utilização coletiva, inscrito na matriz sob o n.º 3310 da União das Freguesias do Bombarral e Vale Covo, descrito na Conservatória do Registo Predial do Bombarral sob o n.º 3851, freguesia do Bombarral. LOTE TREZE: Com a área de 500,00 m2, finalidade de comércio e/ou serviços no piso zero e de serviços administrativos no piso um, área de implantação de 500,00 m2, área cércea máxima de 9 metros, a confrontar a norte com lote 12, sul com lote 14, poente com espaço verde de utilização coletiva e nascente com rua, inscrito na matriz sob o n.º 3311 da União das Freguesias do Bombarral e Vale Covo, descrito na Conservatória do Registo Predial do Bombarral sob o n.º 3852, freguesia do Bombarral. A localização dos lotes encontra-se devidamente identificada na planta em anexo (Anexo I). 3 PREÇO BASE DA PROPOSTA O preço base de licitação é de 25,00 (vinte e cinco euros) por metro quadrado de área do lote. 2

3 4 LOCAL E HORÁRIO DE CONSULTA DO PROCESSO O processo pode ser examinado, pelos interessados, até ao dia útil anterior à da data fixada para o envio das propostas, no horário de expediente normal da Câmara Municipal do Bombarral, na Secção de Atendimento ao Público, entre as 9:00 e as 16:00 horas, ou podem ser requeridas fotocópias do mesmo contra o pagamento do valor previsto na Tabela de Taxas e Preços, pago em numerário ou em cheque na Tesouraria da Câmara Municipal. O processo pode ainda ser consultado no site do Município do Bombarral em CONCORRENTES 1 - Poderão concorrer quaisquer pessoas singulares ou coletivas, nacionais ou estrangeiras, desde que cumpram as normas e a legislação nacional em vigor, residentes ou não no Município do Bombarral. 2 - Os concorrentes deverão possuir capacidade legal para o exercício da atividade económica e/ou financeira que pretendem instalar no lote a adquirir. 6 MODO DE APRESENTAÇÃO DAS PROPOSTAS 1 - As propostas deverão ser apresentadas na Secção de Atendimento ao Público, mediante requerimento dirigido ao Presidente da Câmara, e encerrados em subscrito fechado, identificando-se no exterior do mesmo o proponente e o concurso, e entregues na morada abaixo indicada até ao dia 25 de setembro de As propostas poderão ainda ser entregues por mão própria ou remetidas pelo correio, devendo dar entrada nos serviços até final do prazo referido no ponto anterior, para a seguinte morada: Câmara Municipal do Bombarral, Praça do Município, Bombarral. 3 - Se a proposta for entregue por mão própria, será emitido um recibo de entrega do sobrescrito, com a indicação expressa do dia e hora de entrega. 4 Se o envio da proposta for feito por correio, a proposta deve chegar dentro do prazo referido, sob pena de não admissão da mesma. Sendo, o concorrente o único responsável pelos atrasos que se possam verificar. 3

4 5 A proposta será apresentada mediante requerimento dirigido ao Presidente da Câmara Municipal do Bombarral e instruída com os seguintes documentos: a) Declaração de que possui capacidade legal para o exercício da atividade económica e/ou financeira que pretendem instalar no lote a adquirir; b) Descrição sumária do projeto a desenvolver, contendo nomeadamente: b1) Indicação do fim pretendido com a instalação e indicação de eventual deslocalização e/ou instalação de novas unidades económicas; b2) N.º de postos de trabalho a criar ou a manter; b3) Demonstração sumária de viabilidade económica e financeira do investimento; b4) Área de construção pretendida. 7 LOCAL E DATA DO ATO PÚBLICO 1 O ato público terá início pelas 10 horas do dia 26 de setembro de 2017, no Salão Nobre da Câmara Municipal do Bombarral. 2 - Podem intervir no ato público todos os concorrentes que tenham apresentado proposta escrita, ou seus representantes, desde que devidamente identificados. 3 O ato público inicia-se com a abertura das candidaturas e a verificação se as mesmas se encontram devidamente instruídas, sendo elaborado relatório preliminar com indicação de todas as candidaturas admitidas, excluídas e com deficiências. 4 Caso se verifiquem deficiências ou haja necessidade de pedir esclarecimentos sobre as mesmas será o interessado disso notificado. 5 - O prazo para suprimento das deficiências verificadas, bem como para prestação dos esclarecimentos solicitados, é de 7 dias a contar da notificação prevista no ponto anterior, implicando o seu incumprimento a presunção de desistência da candidatura. 8 - ANÁLISE E SELECÇÃO DAS CANDIDATURAS 1 - Findo o prazo limite determinado para o suprimento de deficiências ou para a prestação de esclarecimentos relativos às candidaturas apresentadas, a Comissão de Acompanhamento, procederá à apreciação das candidaturas admitidas e elaborará relatório final que será objecto de deliberação por parte da Câmara Municipal. 4

5 2 A Câmara Municipal reserva-se o direito de não adjudicar ao candidato proposto pela Comissão de Acompanhamento, devendo para o efeito fundamentar de facto e de direito. 9 ADJUDICAÇÃO 1 - A deliberação de adjudicação é comunicada no prazo de 5 dias, notificando-se igualmente da data e hora que deve comparecer para celebração do contrato promessa de compra e venda. 2 No acto da outorga do contrato promessa de compra e venda, o adjudicatário tem que proceder à entrega de, pelo menos 25% (vinte e cinco) do preço do lote. 3 O contrato de compra e venda será celebrado no prazo máximo de 60 (sessenta) dias a contar da data da notificação da adjudicação, mediante o pagamento pelo adjudicatário dos restantes 75% (setenta e cinco) do preço do lote. 10 DIREITO DE NÃO ADJUDICAÇÃO 1 - A Câmara Municipal reserva-se o direito de não proceder a qualquer adjudicação sempre que se verificar haver conluio entre os licitantes ou outras situações anómalas. 2 - A Câmara Municipal reserva-se também o direito de não adjudicar caso entenda não estar devidamente salvaguardado o interesse municipal. 3 - A não adjudicação nos termos dos números anteriores não confere direito a qualquer indemnização aos concorrentes. 11 CONDIÇÕES DE AQUISIÇÃO, TRANSMISSÃO E INSTALAÇÃO 1 - Fica vedado ao adjudicatário a transmissão a título gratuito ou oneroso, por qualquer meio ou forma legal ou convencional do seu direito, sem que tenham decorrido pelo menos 3 (três) anos a partir da data da adjudicação. 2 - Na eventualidade da transmissão a terceiros, independentemente do título, estes ficam adstritos ao pleno e integral cumprimento das regras resultantes do Regulamento para a alienação de lotes e sua ocupação na zona de actividades económicas Pólo II, bem como 5

6 dos deveres e obrigações do adjudicatário inicial, incluindo a finalidade da atividade resultante do processo de candidatura. 3 - O incumprimento dos números anteriores implica a reversão do lote adjudicado a favor do Município, sem prejuízo de demais compensações ou indemnizações. 4 A instalação de qualquer atividade está sujeita às normas urbanísticas resultantes do alvará de loteamento n.º 1/2007, e respetivas alterações, bem como às demais normas legais e regulamentares aplicáveis. 12 LEGISLAÇÃO APLICÁVEL A tudo o que não esteja especialmente previsto no presente programa de concurso aplica-se o previsto no Regulamento para a alienação de lotes e sua ocupação na zona de actividades económicas Pólo II. 6

ALIENAÇÃO DE LOTES NA ZONA DE ATIVIDADES ECONOMICAS PÓLO II

ALIENAÇÃO DE LOTES NA ZONA DE ATIVIDADES ECONOMICAS PÓLO II ANEXO I ALIENAÇÃO DE LOTES NA ZONA DE ATIVIDADES ECONOMICAS PÓLO II PROGRAMA DE CONCURSO PÚBLICO 1 DESIGNAÇÃO, ENDEREÇO, NÚMERO DE TELEFONE E DE FAX DA ENTIDADE ADJUDICANTE Município do Bombarral, sito

Leia mais

ALIENAÇÃO DE TERRENO NO ESPAÇO DE DESENVOLVIMENTO DE ATIVIDADES ECONOMICAS PROGRAMA DE CONCURSO PÚBLICO

ALIENAÇÃO DE TERRENO NO ESPAÇO DE DESENVOLVIMENTO DE ATIVIDADES ECONOMICAS PROGRAMA DE CONCURSO PÚBLICO ALIENAÇÃO DE TERRENO NO ESPAÇO DE DESENVOLVIMENTO DE ATIVIDADES ECONOMICAS PROGRAMA DE CONCURSO PÚBLICO 1 DESIGNAÇÃO, ENDEREÇO, NÚMERO DE TELEFONE E DE FAX DA ENTIDADE ADJUDICANTE Município do Bombarral,

Leia mais

PROJECTO DE REGULAMENTO PARA A ALIENAÇÃO DE LOTES E SUA OCUPAÇÃO NA ZONA DE ACTIVIDADES ECONÓMICAS POLO II

PROJECTO DE REGULAMENTO PARA A ALIENAÇÃO DE LOTES E SUA OCUPAÇÃO NA ZONA DE ACTIVIDADES ECONÓMICAS POLO II PROJECTO DE REGULAMENTO PARA A ALIENAÇÃO DE LOTES E SUA OCUPAÇÃO NA ZONA DE ACTIVIDADES ECONÓMICAS POLO II REGULAMENTO PARA A ALIENAÇÃO DE LOTES E SUA OCUPAÇÃO NA ZONA ACTIVIDADES ECONÓMICAS POLO II CAPÍTULO

Leia mais

REGULAMENTO PARA A ALIENAÇÃO DE LOTES E SUA OCUPAÇÃO NA ZONA DE ACTIVIDADES ECONÓMICAS POLO II

REGULAMENTO PARA A ALIENAÇÃO DE LOTES E SUA OCUPAÇÃO NA ZONA DE ACTIVIDADES ECONÓMICAS POLO II REGULAMENTO PARA A ALIENAÇÃO DE LOTES E SUA OCUPAÇÃO NA ZONA DE ACTIVIDADES ECONÓMICAS POLO II REGULAMENTO PARA A ALIENAÇÃO DE LOTES E SUA OCUPAÇÃO NA ZONA ACTIVIDADES ECONÓMICAS POLO II NOTA JUSTIFICATIVA

Leia mais

MUNICÍPIO DE CASTRO VERDE. Concurso Público ARRENDAMENTO RURAL DE UMA PARCELA DO PRÉDIO RÚSTICO DENOMINADO CERRO DA FORCA - ENTRADAS

MUNICÍPIO DE CASTRO VERDE. Concurso Público ARRENDAMENTO RURAL DE UMA PARCELA DO PRÉDIO RÚSTICO DENOMINADO CERRO DA FORCA - ENTRADAS MUNICÍPIO DE CASTRO VERDE Concurso Público ARRENDAMENTO RURAL DE UMA PARCELA DO PRÉDIO RÚSTICO DENOMINADO CERRO DA FORCA - ENTRADAS PROGRAMA DE CONCURSO Castro Verde, 02 de fevereiro de 2015 PROGRAMA DE

Leia mais

PROGRAMA DE CONCURSO MUNICÍPIO DE CASTRO VERDE. Concurso Público ALIENAÇÃO DE DUAS FRAÇÕES DE PRÈDIO URBANO, EM CASTRO VERDE

PROGRAMA DE CONCURSO MUNICÍPIO DE CASTRO VERDE. Concurso Público ALIENAÇÃO DE DUAS FRAÇÕES DE PRÈDIO URBANO, EM CASTRO VERDE jt MUNICÍPIO DE CASTRO VERDE Concurso Público ALIENAÇÃO DE DUAS FRAÇÕES DE PRÈDIO URBANO, EM CASTRO VERDE PROGRAMA DE CONCURSO Castro Verde, 13 de Setembro de 2018 ji7 PROGRAMA DE CONCURSO Artigos e sua

Leia mais

A entidade promotora deste acto é o Município de Fafe, com sede na Av. 5 de Outubro

A entidade promotora deste acto é o Município de Fafe, com sede na Av. 5 de Outubro REGULAMENTO DA HASTA PÚBLICA CONCESSÃO DO DIREITO DE SUPERFÍCIE DE UM LOTE DE TERRENO DESTINADO Á INSTALAÇÃO DE UM POSTO DE ABASTECIMENTO DE COMBUSTÍVEIS, NA ZONA INDUSTRIAL DO SOCORRO. 1 - OBJECTO DA

Leia mais

PROGRAMA DE CONCURSO DÊ9 MUNICÍPIO DE CASTRO VERDE. Concurso Público ALIENAÇÃO DE TRÊS FRAÇÕES DE PRÊDIO URBANO, EM CASTRO VERDE

PROGRAMA DE CONCURSO DÊ9 MUNICÍPIO DE CASTRO VERDE. Concurso Público ALIENAÇÃO DE TRÊS FRAÇÕES DE PRÊDIO URBANO, EM CASTRO VERDE À DÊ9 MUNICÍPIO DE CASTRO VERDE Concurso Público ALIENAÇÃO DE TRÊS FRAÇÕES DE PRÊDIO URBANO, EM CASTRO VERDE PROGRAMA DE CONCURSO Castro Verde, 09 de Julho de 2018 ALIENAÇÃO DE TRÊS FRAÇÕES DE PRÉDIO URBANO,

Leia mais

PROCEDIMENTO DE HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE UM IMÓVEL SITO NA RUA 4 Nº 656 E 660, ESPINHO CONSIDERANDOS

PROCEDIMENTO DE HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE UM IMÓVEL SITO NA RUA 4 Nº 656 E 660, ESPINHO CONSIDERANDOS PROCEDIMENTO DE HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE UM IMÓVEL SITO NA RUA 4 Nº 656 E 660, ESPINHO CONSIDERANDOS O Município de Espinho é proprietário de um bem imóvel, integrado em domínio privado municipal,

Leia mais

PROCEDIMENTO DE HASTA PÚBLICA PARA ATRIBUIÇÃO DA CONCESSÃO DE SEPULTURAS NO CEMITÉRIO MUNICIPAL DE ESPINHO

PROCEDIMENTO DE HASTA PÚBLICA PARA ATRIBUIÇÃO DA CONCESSÃO DE SEPULTURAS NO CEMITÉRIO MUNICIPAL DE ESPINHO PROCEDIMENTO DE HASTA PÚBLICA PARA ATRIBUIÇÃO DA CONCESSÃO DE SEPULTURAS NO CEMITÉRIO MUNICIPAL DE ESPINHO Artigo 1.º - Objeto do procedimento Constitui objeto do presente procedimento a concessão do direito

Leia mais

Programa de Procedimento

Programa de Procedimento Programa de Procedimento Hasta Pública Câmara Municipal de Vila Real de Santo António Em cumprimento dos deveres e competências desta Câmara Municipal, vai proceder-se através de hasta pública, à alienação

Leia mais

PROGRAMA DO CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO DE CONCESSÃO DO DIREITO DE EXPLORAÇÃO DE ESPAÇO COMERCIAL NO MERCADO MUNICIPAL DE MÉRTOLA

PROGRAMA DO CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO DE CONCESSÃO DO DIREITO DE EXPLORAÇÃO DE ESPAÇO COMERCIAL NO MERCADO MUNICIPAL DE MÉRTOLA PROGRAMA DO CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO DE CONCESSÃO DO DIREITO DE EXPLORAÇÃO DE ESPAÇO Pág. 1 de 6 Índice Art.º 1º Objeto Art.º 2º Entidade adjudicante Art.º 3º Órgão que tomou a decisão de contratar

Leia mais

CAPÍTULO I. Disposições Gerais

CAPÍTULO I. Disposições Gerais NORMAS PARA A ADJUDICAÇÃO DO PRÉDIO SITO NO CARVALHAL DE AZÓIA SAMUEL ANTIGA ESCOLA DO 1º. CEB (ARTIGO MATRICIAL 986) CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1º Objeto Alienação do prédio urbano sito no lugar

Leia mais

CONDIÇÕES DA HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE LOTE DESTINADO A SUPERFÍCIE COMERCIAL, EM VILA NOVA DE SANTO ANDRÉ

CONDIÇÕES DA HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE LOTE DESTINADO A SUPERFÍCIE COMERCIAL, EM VILA NOVA DE SANTO ANDRÉ CONDIÇÕES DA HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE LOTE DESTINADO A SUPERFÍCIE COMERCIAL, EM VILA NOVA DE SANTO ANDRÉ Artigo 1.º Âmbito de Aplicação As presentes Condições aplicam-se à alienação, em hasta pública,

Leia mais

PROGRAMA DE CONCURSO

PROGRAMA DE CONCURSO t MUNICÍPIO DE CASTRO VERDE Concurso Público ARRENDAMENTO RURAL DE TRÊS PARCELAS DO PRÉDIO RÚSTICO DENOMINADO CERRO DA FORCA - ENTRADAS PROGRAMA DE CONCURSO Castro Verde, 16 de Fevereiro de 2018 PROGRAMA

Leia mais

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA ! Município da Nazaré - Câmara Municipal NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE UM VEÍCULO AUTOMÓVEL DA CÂMARA MUNICIPAL DA NAZARÉ (AUTOCARRO) Página! 1 de 13! ÍNDICE 1 Identificação da Entidade

Leia mais

NORMAS DO PROCEDIMENTO

NORMAS DO PROCEDIMENTO CÂMARA MUNICIPAL DE SANTA CRUZ DAS FLORES NORMAS DO PROCEDIMENTO Hasta Pública para Alienação dos Bens integrantes da herança de António Morais de Sousa Novembro de 2018 ÍNDICE Artigo 1.º - Identificação

Leia mais

MUNICÍPIO DE CHAVES CÂMARA MUNICIPAL NIPC N.º Edital N.º 95/2011

MUNICÍPIO DE CHAVES CÂMARA MUNICIPAL NIPC N.º Edital N.º 95/2011 Edital N.º 95/2011 Joao Gonçalves Martins Batista, Presidente da Câmara Municipal de Chaves, faz público que o Executivo Camarário, em sua Reunião do dia 05 de Setembro do corrente ano, deliberou, por

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO CESSÃO DE DIREITO DE OCUPAÇÃO LOJAS EXTERIORES DO MERCADO MUNICIPAL

CONCURSO PÚBLICO CESSÃO DE DIREITO DE OCUPAÇÃO LOJAS EXTERIORES DO MERCADO MUNICIPAL CONCURSO PÚBLICO CESSÃO DE DIREITO DE OCUPAÇÃO LOJAS EXTERIORES DO MERCADO MUNICIPAL PROGRAMA DE CONCURSO 1 OBJECTO DO CONCURSO a) O presente concurso tem por objecto a cessão do direito de ocupação de

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DE ALIENAÇÃO, EM HASTA PÚBLICA, DE MATERIAIS DIVERSOS, CONSIDERADOS COMO SUCATA

CONDIÇÕES GERAIS DE ALIENAÇÃO, EM HASTA PÚBLICA, DE MATERIAIS DIVERSOS, CONSIDERADOS COMO SUCATA CÂMARA MUNICIPAL DE MAFRA CONDIÇÕES GERAIS DE ALIENAÇÃO, EM HASTA PÚBLICA, DE MATERIAIS DIVERSOS, CONSIDERADOS COMO SUCATA CONDIÇÕES GERAIS PARA ALIENAÇÃO POR HASTA PÚBLICA CÂMARA MUNICIPAL DE MAFRA ÍNDICE

Leia mais

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE UM SEMI- REBOQUE

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE UM SEMI- REBOQUE NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE UM SEMI- REBOQUE ÍNDICE 1 Identificação da Entidade Alienante 2 Objeto 3 Consulta do processo 4 Condições de admissão à Hasta Pública 5 Documentos de habilitação

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE CONDEIXA-A-NOVA

CÂMARA MUNICIPAL DE CONDEIXA-A-NOVA CÂMARA MUNICIPAL DE CONDEIXA-A-NOVA PROCEDIMENTO DE ABERTURA POR PROPOSTA EM CARTA FECHADA - ALIENAÇÃO DE 2 LOTES DE TERRENO (LOTE E e LOTE F) PARA CONSTRUÇÃO URBANA INSERIDO NO LOTEAMENTO Nº 2/2000 E

Leia mais

CONDIÇÕES DE VENDA EM HASTA PÚBLICA DE TERRENO PARA CONSTRUÇÃO DO EDIFÍCIO DAS ÁGUAS ROMANAS

CONDIÇÕES DE VENDA EM HASTA PÚBLICA DE TERRENO PARA CONSTRUÇÃO DO EDIFÍCIO DAS ÁGUAS ROMANAS CONDIÇÕES DE VENDA EM HASTA PÚBLICA DE TERRENO PARA CONSTRUÇÃO DO EDIFÍCIO DAS ÁGUAS ROMANAS As presentes condições de venda referem-se à alienação por lanços em hasta pública do prédio urbano, sito na

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS 1 DESIGNAÇÃO, ENDEREÇO, NÚMERO DE TELEFONE E DE FAX DA ENTIDADE ADJUDICANTE

CONDIÇÕES GERAIS 1 DESIGNAÇÃO, ENDEREÇO, NÚMERO DE TELEFONE E DE FAX DA ENTIDADE ADJUDICANTE CONDIÇÕES GERAIS 1 DESIGNAÇÃO, ENDEREÇO, NÚMERO DE TELEFONE E DE FAX DA ENTIDADE ADJUDICANTE Município do Bombarral, sito no Largo do Município, 2540-046 Bombarral, com os números de telefone 262 609 020

Leia mais

HASTA PÚBLICA PARA VENDA DE CASA DE HABITAÇÃO (Sita no Bairro de Alvoraçães, Bloco 11, 3.º Direito em Lamego) CONDIÇÕES GERAIS DA HASTA PÚBLICA

HASTA PÚBLICA PARA VENDA DE CASA DE HABITAÇÃO (Sita no Bairro de Alvoraçães, Bloco 11, 3.º Direito em Lamego) CONDIÇÕES GERAIS DA HASTA PÚBLICA HASTA PÚBLICA PARA VENDA DE CASA DE HABITAÇÃO (Sita no Bairro de Alvoraçães, Bloco 11, 3.º Direito em Lamego) CONDIÇÕES GERAIS DA HASTA PÚBLICA 1 - Entidade adjudicante: Município de Lamego, pessoa colectiva

Leia mais

Hasta Pública. Regras da hasta pública. Preâmbulo

Hasta Pública. Regras da hasta pública. Preâmbulo Hasta Pública Regras da hasta pública Preâmbulo Nos termos e com os fundamentos ínsitos na deliberação camarária nº 3, apresentada e aprovada na reunião de Câmara de 5 de Fevereiro de 2014, procede-se

Leia mais

PROCEDIMENTO DE HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE UM TERRENO SITO NO LUGAR DO LOUREIRO, FREGUESIA DE SILVALDE, CONCELHO DE ESPINHO CONSIDERANDOS

PROCEDIMENTO DE HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE UM TERRENO SITO NO LUGAR DO LOUREIRO, FREGUESIA DE SILVALDE, CONCELHO DE ESPINHO CONSIDERANDOS PROCEDIMENTO DE PARA ALIENAÇÃO DE UM TERRENO SITO NO LUGAR DO LOUREIRO, FREGUESIA DE SILVALDE, CONCELHO DE ESPINHO CONSIDERANDOS O Município de Espinho é proprietário de um bem, integrado em domínio privado

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DA FRAÇÃO COMERCIAL SITUADA NO EMPREENDIMENTO MUNICIPAL DA ARROTEIA II, N.º242 (FREGUESIA DE PEDROUÇOS)

REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DA FRAÇÃO COMERCIAL SITUADA NO EMPREENDIMENTO MUNICIPAL DA ARROTEIA II, N.º242 (FREGUESIA DE PEDROUÇOS) REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DA FRAÇÃO COMERCIAL SITUADA NO EMPREENDIMENTO MUNICIPAL DA ARROTEIA II, N.º242 (FREGUESIA DE PEDROUÇOS) PROPRIEDADE: Câmara Municipal da Maia ENTIDADE GESTORA:

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE RIO MAIOR CONCESSÃO DO DIREITO DE UTILIZAÇÃO DE ESPAÇOS PÚBLICOS PROGRAMA DA HASTA PÚBLICA

CÂMARA MUNICIPAL DE RIO MAIOR CONCESSÃO DO DIREITO DE UTILIZAÇÃO DE ESPAÇOS PÚBLICOS PROGRAMA DA HASTA PÚBLICA CONCESSÃO DO DIREITO DE UTILIZAÇÃO DE ESPAÇOS PÚBLICOS PROGRAMA DA HASTA PÚBLICA Artigo 1º Objeto 1. A presente hasta pública tem como objeto a concessão do direito de utilização de espaços destinados

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA A ALIENAÇÃO DE 5.373,12 M2, SITA NO CASAL DO MOINHO DE DE PARCELA DE TERRENO PARA CONSTRUÇÃO, COM

CONDIÇÕES GERAIS PARA A ALIENAÇÃO DE 5.373,12 M2, SITA NO CASAL DO MOINHO DE DE PARCELA DE TERRENO PARA CONSTRUÇÃO, COM CONDIÇÕES GERAIS PARA A ALIENAÇÃO DE DE PARCELA DE TERRENO PARA CONSTRUÇÃO, COM 5.373,12 M2, SITA NO CASAL DO MOINHO DE BAIXO, JUNTO À VARIANTE NORTE DA ERICEIRA. Condições Gerais para alienação por hasta

Leia mais

Concurso público para alienação de 2 Lotes de Terreno destinados a Logradouro e 1 para Construção urbana destinado a habitação, em Entradas

Concurso público para alienação de 2 Lotes de Terreno destinados a Logradouro e 1 para Construção urbana destinado a habitação, em Entradas MUNICÍPIO DE CASTRO VERDE CÂMARA MUNICIPAL EDITAL N.º28 /2017 Concurso público para alienação de 2 Lotes de Terreno destinados a Logradouro e 1 para Construção urbana destinado a habitação, em Entradas

Leia mais

CÂMAI~ MUNICIPAL DE MAFRA CONDIÇÕES GERAIS PARA ALIENAÇÃO, EM HASTA PÚBLICA, DE MATERIAIS DIVERSOS, CONSIDERADOS COMO SUCATA

CÂMAI~ MUNICIPAL DE MAFRA CONDIÇÕES GERAIS PARA ALIENAÇÃO, EM HASTA PÚBLICA, DE MATERIAIS DIVERSOS, CONSIDERADOS COMO SUCATA CÂMAI~ MUNICIPAL DE MAFRA CONDIÇÕES GERAIS PARA ALIENAÇÃO, EM HASTA PÚBLICA, DE MATERIAIS DIVERSOS, CONSIDERADOS COMO SUCATA CONDIÇÕES GERAIS PARA ALIENAÇÃO POR HASTA PÚBLICA CÂMAlt~ MUNICIPAL DE MAFRA

Leia mais

PROCEDIMENTO CONCURSAL HASTA PÚBLICA VENDA DE PRÉDIO (URBANO) SITO NA VILA DE MONTE REDONDO TÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS ARTIGO 1.º OBJECTO O presente

PROCEDIMENTO CONCURSAL HASTA PÚBLICA VENDA DE PRÉDIO (URBANO) SITO NA VILA DE MONTE REDONDO TÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS ARTIGO 1.º OBJECTO O presente PROCEDIMENTO CONCURSAL HASTA PÚBLICA VENDA DE PRÉDIO (URBANO) SITO NA VILA DE MONTE REDONDO TÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS ARTIGO 1.º OBJECTO O presente regulamento tem por objeto a venda do seguinte bem:

Leia mais

NORMAS DA HASTA PÚBLICA PARA ABATE E REMOÇÃO DE PINHEIROS BRAVOS

NORMAS DA HASTA PÚBLICA PARA ABATE E REMOÇÃO DE PINHEIROS BRAVOS NORMAS DA HASTA PÚBLICA PARA ABATE E REMOÇÃO DE PINHEIROS BRAVOS Artigo 1.º Identificação da Entidade Alienante Município da Nazaré, Contribuinte Fiscal n.º 507 012 100, com sede na Avenida Vieira Guimarães,

Leia mais

EDITAL. Arrendamento de imóveis do Município para fins não habitacionais

EDITAL. Arrendamento de imóveis do Município para fins não habitacionais EDITAL Arrendamento de imóveis do Município para fins não habitacionais Ricardo João Barata Pereira Alves, Eng.º, Presidente da Câmara Municipal de Arganil, torna público que, no uso da competência que

Leia mais

Câmara Municipal de Mealhada CONDIÇÕES GERAIS DO CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO

Câmara Municipal de Mealhada CONDIÇÕES GERAIS DO CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO CONDIÇÕES GERAIS DO CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO DE LICENÇA DE USO PRIVATIVO DE ÁREA DO DOMÍNIO PÚBLICO MUNICIPAL NO JARDIM PÚBLICO DA MEALHADA PARA INSTALAÇÃO E EXPLORAÇÃO DE ESTABELECIMENTO DE BEBIDAS

Leia mais

CONCURSO Nº 2/DGS/2017

CONCURSO Nº 2/DGS/2017 CONCURSO Nº 2/DGS/2017 VENDA DE UMA MORADIA NO BAIRRO DA MADRE DE DEUS CONCELHO DE LISBOA REGULAMENTO ÍNDICE 1. Objeto do concurso 2. Consulta do processo 3. Concorrentes 4. Visita ao imóvel 5. Caracterização

Leia mais

LOTEAMENTO DO PARQUE EMPRESARIAL DE EIRAS

LOTEAMENTO DO PARQUE EMPRESARIAL DE EIRAS LOTEAMENTO DO PARQUE EMPRESARIAL DE EIRAS REGULAMENTO DE ATRIBUIÇÃO E VENDA DE LOTES Artigo Primeiro (Objecto) O presente regulamento estabelece as regras de atribuição e venda dos lotes do loteamento

Leia mais

NORMAS DO PROCEDIMENTO

NORMAS DO PROCEDIMENTO CÂMARA MUNICIPAL DE SANTA CRUZ DAS FLORES NORMAS DO PROCEDIMENTO Da Hasta Pública para Alienação de Prédio Urbano sito na Rua da Terça, freguesia de Santa Cruz das Flores Novembro de 2018 ÍNDICE Artigo

Leia mais

EDITAL N.º 17/2017. Registo n.º 4362/2017

EDITAL N.º 17/2017. Registo n.º 4362/2017 EDITAL N.º 17/2017 Registo n.º 4362/2017 NUNO JOSÉ GONÇALVES MASCARENHAS, Presidente da de Sines, no uso de competência conferida pelas alíneas b) e t) do n.º 1 do artigo 35º da Lei n.º 75/2013, de 12

Leia mais

PROGRAMA DE CONCURSO PARA CESSÃO DE EXPLORAÇÃO DO BAR DO TÉNIS

PROGRAMA DE CONCURSO PARA CESSÃO DE EXPLORAÇÃO DO BAR DO TÉNIS PROGRAMA DE CONCURSO PARA CESSÃO DE EXPLORAÇÃO DO BAR DO TÉNIS 1. ENTIDADE PROMOTORA Município de Proença-a-Nova Av. do Colégio - 6150-401 Proença-a-Nova Telefone: +351.274.670.000 Fax: +351.274.672.697

Leia mais

HASTA PÚBLICA N.º 1/ VENDA DE GARAGEM E ARRECADAÇÕES MUNICIPAIS BLOCO B SARAMAGAS EM MINDE PROGRAMA DE PROCEDIMENTO

HASTA PÚBLICA N.º 1/ VENDA DE GARAGEM E ARRECADAÇÕES MUNICIPAIS BLOCO B SARAMAGAS EM MINDE PROGRAMA DE PROCEDIMENTO HASTA PÚBLICA N.º 1/2015 - VENDA DE GARAGEM E ARRECADAÇÕES MUNICIPAIS BLOCO B SARAMAGAS EM MINDE PROGRAMA DE PROCEDIMENTO 1 Objeto do procedimento Hasta Pública para alienação dos imóveis abaixo identificados:

Leia mais

Sitos em Campo Queimado, freguesia de Outeiro Seco, concelho de Chaves

Sitos em Campo Queimado, freguesia de Outeiro Seco, concelho de Chaves NORMAS DE PROCEDIMENTO PRÉ-CONTRATUAL TENDENTE À ALIENAÇÃO/LOCAÇÃO DO DIREITO DE PROPRIEDADE DOS LOTES DO LOTEAMENTO DENOMINADO: PARQUE EMPRESARIAL DE CHAVES PARQUE DE ATIVIDADES DE CHAVES E PLATAFORMA

Leia mais

CONCURSO PARA VENDA DE IMÓVEIS PROPRIEDADE DO MUNICÍPIO DE FELGUEIRAS

CONCURSO PARA VENDA DE IMÓVEIS PROPRIEDADE DO MUNICÍPIO DE FELGUEIRAS CONCURSO PARA VENDA DE IMÓVEIS PROPRIEDADE DO MUNICÍPIO DE FELGUEIRAS REGULAMENTO DO CONCURSO Junho 2007 1 CONCURSO PARA VENDA DE IMÓVEIS PROPRIEDADE DO MUNICÍPIO DE FELGUEIRAS REGULAMENTO DO CONCURSO

Leia mais

Programa de Procedimentos

Programa de Procedimentos Hasta Pública para Alienação de Traços de Madeira Programa de Procedimentos Subunidade de Ambiente e Serviços Urbanos PROGRAMA DE PROCEDIMENTOS DA HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE TRAÇOS DE MADEIRA 1. Objeto

Leia mais

ALIENAÇÃO DE IMÓVEL EM HASTA PÚBLICA

ALIENAÇÃO DE IMÓVEL EM HASTA PÚBLICA ALIENAÇÃO DE IMÓVEL EM HASTA PÚBLICA REGULAMENTO Pombal, 17 de Novembro de 2017 Travessa da Misericórdia Ap. 309 3100 526 Pombal Tel. 236 200 640 / Fax 236 200 641 E-mail: santacasamisericordiapombal@gmail.com

Leia mais

Infraestruturas de Portugal, S.A. Procedimento Venda Pública por carta fechada N. 03 / IP / 2017

Infraestruturas de Portugal, S.A. Procedimento Venda Pública por carta fechada N. 03 / IP / 2017 1. Objecto do procedimento Infraestruturas de Portugal, S.A. Procedimento Venda Pública por carta fechada N. 03 / IP / 2017 O presente procedimento tem por objecto a alienação, através do procedimento

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DE ESPAÇO COMERCIAL SITUADO NO PARQUE CENTRAL DA MAIA (FREGUESIA DA CIDADE DA MAIA)

REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DE ESPAÇO COMERCIAL SITUADO NO PARQUE CENTRAL DA MAIA (FREGUESIA DA CIDADE DA MAIA) REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DE ESPAÇO COMERCIAL SITUADO NO PARQUE CENTRAL DA MAIA (FREGUESIA DA CIDADE DA MAIA) PROPRIEDADE: Câmara Municipal da Maia ENTIDADE GESTORA: ESPAÇO MUNICIPAL Renovação

Leia mais

ARRENDAMENTO DA LOJA N.!! 34 DO EDIFICIO COMERCIAL LOCALIZADO NO PARQUE DE ESTACIONAMENTO JUNTO AO HOSPITAL

ARRENDAMENTO DA LOJA N.!! 34 DO EDIFICIO COMERCIAL LOCALIZADO NO PARQUE DE ESTACIONAMENTO JUNTO AO HOSPITAL ~ MLJ~, CiF PONTEEJ t!a CONCURSO PÚBLICO PROGRAMA DE CONCURSO ARRENDAMENTO DA LOJA N.!! 34 DO EDIFICIO COMERCIAL LOCALIZADO NO PARQUE DE ESTACIONAMENTO JUNTO AO HOSPITAL Te1 256 900 400. F13x 258 900 4

Leia mais

CONCURSO Nº 3/DGS/2017

CONCURSO Nº 3/DGS/2017 CONCURSO Nº 3/DGS/2017 VENDA DE TERRENOS PARA CONSTRUÇÃO NO ALTO DO LAGOAL CAXIAS - CONCELHO DE OEIRAS REGULAMENTO 1. Objeto do concurso 2. Consulta do processo 3. Concorrentes 4. Inspeção ao terreno 5.

Leia mais

MUNICÍPIO DE IDANHA-A-NOVA Câmara Municipal de Idanha-a-Nova Contribuinte nº

MUNICÍPIO DE IDANHA-A-NOVA Câmara Municipal de Idanha-a-Nova Contribuinte nº PROGRAMA DE CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO DE UMA LICENÇA PARA O TRANSPORTE EM TÁXI DE: Referência a): UM LUGAR NA UNIÃO DE FREGUESIAS DE IDANHA-A- NOVA E ALCAFOZES, LOCALIDADE DE ALCAFOZES Referência

Leia mais

REGULAMENTO DE HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE FRACÇÕES AUTÓNOMAS DO ESTÁDIO MUNICIPAL DR. MAGALHÃES PESSOA

REGULAMENTO DE HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE FRACÇÕES AUTÓNOMAS DO ESTÁDIO MUNICIPAL DR. MAGALHÃES PESSOA REGULAMENTO DE HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE FRACÇÕES AUTÓNOMAS DO ESTÁDIO MUNICIPAL DR. MAGALHÃES PESSOA Capítulo I Disposições Gerais Artigo 1.º Entidades adjudicantes As entidades adjudicantes são

Leia mais

HASTA PÚBLICA N.º 01/2017 MATERIAL VEGETAL DECORRENTE DAS MANUTENÇÕES DE JARDINS E ESPAÇOS VERDES PROGRAMA DE PROCEDIMENTO

HASTA PÚBLICA N.º 01/2017 MATERIAL VEGETAL DECORRENTE DAS MANUTENÇÕES DE JARDINS E ESPAÇOS VERDES PROGRAMA DE PROCEDIMENTO HASTA PÚBLICA N.º 01/2017 MATERIAL VEGETAL DECORRENTE DAS MANUTENÇÕES DE JARDINS E ESPAÇOS VERDES PROGRAMA DE PROCEDIMENTO 1 Objeto do procedimento Hasta Pública para alienação de material vegetal decorrente

Leia mais

MUNICÍPIO DA NAZARÉ - CÂMARA MUNICIPAL

MUNICÍPIO DA NAZARÉ - CÂMARA MUNICIPAL ÍNDICE 1 Identificação da Entidade 2 Objecto 3 Destinatários 4 Base de Licitação 5 - Lanço 6 Publicitação 7 Entidade que dirige a Praça 8 Propostas 9 Local e Data limite para entrega de Propostas 10 Local

Leia mais

PROPRIEDADE: Câmara Municipal da Maia ENTIDADE GESTORA: ESPAÇO MUNICIPAL. Renovação Urbana e Gestão do Património, E.M., S.A.

PROPRIEDADE: Câmara Municipal da Maia ENTIDADE GESTORA: ESPAÇO MUNICIPAL. Renovação Urbana e Gestão do Património, E.M., S.A. REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DAS FRAÇÕES DESTINADAS A RESTAURANTE/BAR, AUDITÓRIO E EDIFÍCIO DE ACOLHIMENTO SITUADAS NO PARQUE DE AVIOSO, SÃO PEDRO () PROPRIEDADE: Câmara Municipal da Maia

Leia mais

Município de Alcácer do Sal Divisão Administrativa e Financeira Setor de Inventário e Património

Município de Alcácer do Sal Divisão Administrativa e Financeira Setor de Inventário e Património Município de Alcácer do Sal Divisão Administrativa e Financeira Setor de Inventário e Património CONCURSO PÚBLICO CONCESSÃO PARA EXPLORAÇÃO DE SNACK-BAR E QUIOSQUE NA CENTRAL DE CAMIONAGEM PROGRAMA DE

Leia mais

CONCURSO Nº 1/DGN/2018

CONCURSO Nº 1/DGN/2018 CONCURSO Nº 1/DGN/2018 VENDA DE TERRENOS URBANIZADOS PARA CONSTRUÇÃO Lotes III, IV e V - SITOS NA QUINTA DA BELAVISTA FREGUESIA DA MADALENA CONCELHO DE VILA NOVA DE GAIA REGULAMENTO ÍNDICE 1. Objeto do

Leia mais

Programa de Procedimentos

Programa de Procedimentos Hasta Pública para Alienação de Viatura Programa de Procedimentos PATRIMÓNIO PROGRAMA DE PROCEDIMENTOS DA HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE VIATURA 1. Objeto da Hasta Pública 1.1 A presente hasta pública,

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA ALIENAÇÃO UMA PARCELA DE TERRENO DESTINADA À CONSTRUÇÃO DE UMA EDIFICAÇÃO RECINTO DA FEIRA DA LIXA CADERNO DE ENCARGOS

CONCURSO PÚBLICO PARA ALIENAÇÃO UMA PARCELA DE TERRENO DESTINADA À CONSTRUÇÃO DE UMA EDIFICAÇÃO RECINTO DA FEIRA DA LIXA CADERNO DE ENCARGOS CONCURSO PÚBLICO PARA ALIENAÇÃO DE UMA PARCELA DE TERRENO DESTINADA À CONSTRUÇÃO DE UMA EDIFICAÇÃO NO RECINTO DA FEIRA DA LIXA CADERNO DE ENCARGOS Agosto 2006 CONCURSO PÚBLICO PARA ALIENAÇÃO DE UMA PARCELA

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DO ESPAÇO DESTINADO A CAFETARIA/BAR SITUADO NO PARQUE DOS MOUTIDOS (FREGUESIA DE ÁGUAS SANTAS)

REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DO ESPAÇO DESTINADO A CAFETARIA/BAR SITUADO NO PARQUE DOS MOUTIDOS (FREGUESIA DE ÁGUAS SANTAS) REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DO ESPAÇO DESTINADO A CAFETARIA/BAR SITUADO NO PARQUE DOS MOUTIDOS (FREGUESIA DE ÁGUAS SANTAS) PROPRIEDADE: Câmara Municipal da Maia ENTIDADE GESTORA: ESPAÇO MUNICIPAL

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE SALVATERRA DE MAGOS PROGRAMA DE PROCEDIMENTO DE HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE IMÓVEL

CÂMARA MUNICIPAL DE SALVATERRA DE MAGOS PROGRAMA DE PROCEDIMENTO DE HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE IMÓVEL PROGRAMA DE PROCEDIMENTO DE HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE IMÓVEL 1. OBJECTO DA HASTA PÚBLICA 1.1 A presente hasta pública, promovida pelo Município de Salvaterra de Magos, com sede na Praça da República,

Leia mais

HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE BENS MÓVEIS (ÁRVORES) DGO 2 PROGRAMA DO PROCEDIMENTO

HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE BENS MÓVEIS (ÁRVORES) DGO 2 PROGRAMA DO PROCEDIMENTO HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE BENS MÓVEIS (ÁRVORES) DGO 2 PROGRAMA DO PROCEDIMENTO 1 P á g i n a Artigo 1.º Identificação e objeto do procedimento 1. O presente programa visa regular o procedimento de

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE NORDESTE ANÚNCIO ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE VEÍCULOS EM FIM DE VIDA

CÂMARA MUNICIPAL DE NORDESTE ANÚNCIO ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE VEÍCULOS EM FIM DE VIDA T CÂMARA MUNICIPAL DE NORDESTE ANÚNCIO ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE VEÍCULOS EM FIM DE VIDA 1. Identificação do concurso: Alienação em Hasta Pública de Veículos em Fim de Vida. 2. Entidade que preside

Leia mais

MUNICÍPIO DA FIGUEIRA DA FOZ CÂMARA MUNICIPAL

MUNICÍPIO DA FIGUEIRA DA FOZ CÂMARA MUNICIPAL PROGRAMA DE HASTA PÚBLICA Para atribuição do direito de ocupação efectiva, de natureza precária, de lugares no Mercado Municipal Eng.º Silva e Mercado Municipal de Buarcos do Município da Figueira da Foz

Leia mais

EDITAL N.º 17/17/UFAFDN HASTA PÚBLICA PARA VENDA DE IMÓVEL

EDITAL N.º 17/17/UFAFDN HASTA PÚBLICA PARA VENDA DE IMÓVEL EDITAL N.º 17/17/UFAFDN HASTA PÚBLICA PARA VENDA DE IMÓVEL Nuno Raposo de Magalhães Ortigão de Oliveira, Presidente da União de Freguesias de Aldoar, Foz do Douro e Nevogilde, para os devidos efeitos legais,

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DO ESPAÇO DESTINADO A RESTAURANTE/BAR SITUADO NO PARQUE DE AVIOSO, SÃO PEDRO (FREGUESIA DE CASTÊLO DA MAIA)

REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DO ESPAÇO DESTINADO A RESTAURANTE/BAR SITUADO NO PARQUE DE AVIOSO, SÃO PEDRO (FREGUESIA DE CASTÊLO DA MAIA) REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DO ESPAÇO DESTINADO A RESTAURANTE/BAR SITUADO NO PARQUE DE AVIOSO, SÃO PEDRO (FREGUESIA DE CASTÊLO DA MAIA) PROPRIEDADE: Câmara Municipal da Maia ENTIDADE GESTORA:

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DO EDIFÍCIO DA ANTIGA ESTAÇÃO DA IP NA MAIA (FREGUESIA DA CIDADE DA MAIA)

REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DO EDIFÍCIO DA ANTIGA ESTAÇÃO DA IP NA MAIA (FREGUESIA DA CIDADE DA MAIA) REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DO EDIFÍCIO DA ANTIGA ESTAÇÃO DA IP NA MAIA () PROPRIEDADE: I.P., INFRAESTRUTURAS DE PORTUGAL, S.A. ENTIDADE GESTORA: ESPAÇO MUNICIPAL Renovação Urbana e Gestão

Leia mais

HASTA PÚBLICA PROGRAMA DO CONCURSO

HASTA PÚBLICA PROGRAMA DO CONCURSO HASTA PÚBLICA CONCURSO POR HASTA PÚBLICA PARA ATRIBUIÇÃO DA CONCESSÃO DE 9 LOJAS COMERCIAIS, 16 ESPAÇOS COMERCIAIS, 11 ESPAÇOS DE VENDA E 15 BANCAS EXISTENTES NO PISO INFERIOR DO MERCADO MUNICIPAL DE ESPINHO

Leia mais

REGULAMENTO DE HASTA PÚBLICA

REGULAMENTO DE HASTA PÚBLICA REGULAMENTO DE HASTA PÚBLICA 1. Objeto da Hasta Pública Refere-se o presente Regulamento à hasta pública, promovida pelo Município de Vizela, com sede na Praça do Município, n.º 522, 4815-013 Vizela (telefone:

Leia mais

Hasta pública n.º 01/2016 Alienação de Caterpillar modelo 816F. Programa e condições gerais

Hasta pública n.º 01/2016 Alienação de Caterpillar modelo 816F. Programa e condições gerais Hasta pública n.º 01/2016 Alienação de Caterpillar modelo 816F Programa e condições gerais Hasta pública n.º 01/2016 Alienação de Caterpillar modelo 816F Programa e condições gerais Artigo 1.º (Entidade

Leia mais

CONSIDERANDOS. Página 1 / 5

CONSIDERANDOS. Página 1 / 5 PROCEDIMENTO DE PARA ALIENAÇÃO DE UM IMÓVEL - FRAÇÃO I DO PRÉDIO EM PROPRIEDADE HORIZONTAL SITO NO GAVETO DAS RUAS 29 E 31 COM A RUA 28 (RUA 29, Nº 820 VÃO-DE-TELHADO, ESPINHO) CONSIDERANDOS O Município

Leia mais

Art. 5º Anúncio Art. 6º Apresentação das propostas 12 h do dia 12 de julho de 2013 Art. 7º Forma de apresentação das propostas

Art. 5º Anúncio Art. 6º Apresentação das propostas 12 h do dia 12 de julho de 2013 Art. 7º Forma de apresentação das propostas PROGRAMA E CONDIÇÕES DO PROCEDIMENTO DE HASTA PÚBLICA PARA A CONCESSÃO DO DIREITO DE USO PRIVATIVO DE QUATRO JAZIGOS DO CEMITÉRIO MUNICIPAL DE VILA NOVA DE FAMALICÃO Art. 1º Entidade Adjudicante A entidade

Leia mais

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE SUCATA DIVERSA (METAIS FERROSOS) ÍNDICE

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE SUCATA DIVERSA (METAIS FERROSOS) ÍNDICE NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE SUCATA DIVERSA (METAIS FERROSOS) ÍNDICE 1 Identificação da Entidade Alienante 2 Objeto 3 Consulta do processo 4 Condições de admissão à Hasta Pública 5

Leia mais

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE PNEUS USADOS ÍNDICE

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE PNEUS USADOS ÍNDICE NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE PNEUS USADOS ÍNDICE 1 Identificação da Entidade Alienante 2 Objeto 3 Consulta do processo 4 Condições de admissão à Hasta Pública 5 Documentos de habilitação

Leia mais

HASTAS PÚBLICAS CAPÍTULO I. Artigo 1º

HASTAS PÚBLICAS CAPÍTULO I. Artigo 1º HASTAS PÚBLICAS CAPÍTULO I Artigo 1º 1- As hastas públicas de imóveis, cujo titular do direito de propriedade seja a Câmara Municipal, processam-se em conformidade com as presentes normas. 2- Compete ao

Leia mais

CONCURSO Nº 1/DGS/2016

CONCURSO Nº 1/DGS/2016 CONCURSO Nº 1/DGS/2016 VENDA DE TERRENOS PARA CONSTRUÇÃO DE UNIDADE COMERCIAL NO MONTE DA CAPARICA CONCELHO DE ALMADA ÍNDICE REGULAMENTO 1. Objeto do concurso 2. Consulta do processo 3. Concorrentes 4.

Leia mais

CONCURSO PÙBLICO PARA Concessão da EXPLORAÇÃO DO TERMINAL RODOVIÁRIO

CONCURSO PÙBLICO PARA Concessão da EXPLORAÇÃO DO TERMINAL RODOVIÁRIO CONCURSO PÙBLICO PARA Concessão da EXPLORAÇÃO DO TERMINAL RODOVIÁRIO Página 1 de 5 1. DESIGNAÇÃO DA CONCESSÃO E CONSULTA DO PROCESSO 1.1. O Processo do Concurso para a CONCESSÃO DA EXPLORAÇÃO DO TERMINAL

Leia mais

PROGRAMA DE CONCURSO. Cessão de Exploração da Cafetaria Parque das Águas Romanas

PROGRAMA DE CONCURSO. Cessão de Exploração da Cafetaria Parque das Águas Romanas PROGRAMA DE CONCURSO Cessão de Exploração da Cafetaria Parque das Águas Romanas 1 ENTIDADE PROMOTORA: Município de Penela Praça do Município 3230-253 Penela Telefone: 239 560 120 Fax: 239 569 400 e-mail:

Leia mais

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE 2 LOTES DE BIOMASSA E PINHEIROS ÍNDICE

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE 2 LOTES DE BIOMASSA E PINHEIROS ÍNDICE NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE 2 LOTES DE BIOMASSA E PINHEIROS ÍNDICE 1 Identificação da Entidade Alienante 2 Objeto 3 Consulta do processo 4 Condições de admissão à Hasta Pública 5

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA A ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE MATERIAL LENHOSO-EUCALYPTUS SPP

CONDIÇÕES GERAIS PARA A ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE MATERIAL LENHOSO-EUCALYPTUS SPP câmai~ MUNICIPAL DE MAFRA CONDIÇÕES GERAIS PARA A ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE MATERIAL LENHOSO-EUCALYPTUS SPP CONDIÇÕES GERAIS PARA A ALIENAÇÃO POR HASTA PÚBLICA CÂMARA MUNICIPAL DE MAFRA ÍNDICE 1- Objeto

Leia mais

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE 5 LOTES DE VIATURAS, TUBOS DE FERRO ÍNDICE

NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE 5 LOTES DE VIATURAS, TUBOS DE FERRO ÍNDICE NORMAS APLICÁVEIS À ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE 5 LOTES DE VIATURAS, TUBOS DE FERRO ÍNDICE 1 Identificação da Entidade Alienante 2 Objeto 3 Consulta do processo 4 Condições de admissão à Hasta Pública

Leia mais

CONCURSO Nº 1/DGS/2017

CONCURSO Nº 1/DGS/2017 CONCURSO Nº 1/DGS/2017 VENDA DE UMA MORADIA E DE TERRENO COM LOTEAMENTO APROVADO NA TORNADA CONCELHO DE CALDAS DA RAINHA REGULAMENTO ÍNDICE 1. Objeto do concurso 2. Consulta do processo 3. Concorrentes

Leia mais

Alienação de parcela de terreno e edificado onde outrora funcionaram os serviços da EDP em Figueiró dos Vinhos (01HP19) CONDIÇÕES DE VENDA

Alienação de parcela de terreno e edificado onde outrora funcionaram os serviços da EDP em Figueiró dos Vinhos (01HP19) CONDIÇÕES DE VENDA Alienação de parcela de terreno e edificado onde outrora funcionaram os serviços da EDP em Figueiró dos Vinhos (01HP19) CONDIÇÕES DE VENDA 1. Entidade Adjudicante A entidade adjudicante é o Município de

Leia mais

PROGRAMA DE CONCURSO

PROGRAMA DE CONCURSO PROGRAMA DE CONCURSO CONCURSO PÚBLICO PARA AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE FORNECIMENTO DE INTERNET E ALUGUER DE CIRCUITOS PONTO A PONTO EM FIBRA ÓTICA PARA O MUNICÍPIO DE PORTIMÃO MUNICÍPIO DE PORTIMÃO Março

Leia mais

HASTA PÚBLICA PARA VENDA DE PRÉDIO URBANO

HASTA PÚBLICA PARA VENDA DE PRÉDIO URBANO - 1/5 HASTA PÚBLICA PARA VENDA DE PRÉDIO URBANO ANTIGA ESCOLA PRIMÁRIA SILVEIRAS CERCAL I Condições da Hasta Pública 1 IDENTIFICAÇÃO E LOCALIZAÇÃO DO IMÓVEL. Prédio urbano sito no lugar de Silveiras, freguesia

Leia mais

CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO, POR SORTEIO DO DIREITO DE OCUPAÇÃO DOS LUGARES VAGOS DO CAMPO DA FEIRA DO CADAVAL

CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO, POR SORTEIO DO DIREITO DE OCUPAÇÃO DOS LUGARES VAGOS DO CAMPO DA FEIRA DO CADAVAL MUNÍCIPIO DE CADAVAL CÂMARA MUNICIPAL CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO, POR SORTEIO DO DIREITO DE OCUPAÇÃO DOS LUGARES VAGOS DO CAMPO DA FEIRA DO CADAVAL PROGRAMA DE CONCURSO Secção I Disposições Gerais ARTIGO

Leia mais

EDITAL N. o3/2o17 Registo n

EDITAL N. o3/2o17 Registo n .Jhl._. MUNICIPIO EDITAL N. o3/2o17 Registo n. 102112017 NUNO JOSÉ GONÇALVES MASCARENHAS, Presidente da de sines, no uso de competência conferida pelas alíneas b) e t) do n. 1 do artigo 35 da Lei n. 75/2013,

Leia mais

Lote 49 do Bairro da Caniçada - Valdosende

Lote 49 do Bairro da Caniçada - Valdosende 2017 Lote 49 do Bairro da Caniçada - Valdosende [REGULAMENTO DA HASTA PÚBLICA] [3.ª HASTA PÚBLICA] Regulamento para Alienação em Hasta Pública do Lote 49 que Integra o Plano de Pormenor do Bairro da Caniçada

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS ÍNDICE

CONDIÇÕES GERAIS ÍNDICE CONDIÇÕES GERAIS ALIENAÇÃO DE PARCELA DE TERRENO, LOTE 4, SITO NA RUA ENGENHEIRO FREDERICO ULRICH, NÚMERO 2650, FREGUESIA DE MOREIRA,A REALIZAR MEDIANTE HASTA PÚBLICA ÍNDICE SECÇÃO I DISPOSIÇÕES GERAIS

Leia mais

Caderno de Encargos. Venda de Sucata

Caderno de Encargos. Venda de Sucata Caderno de Encargos Venda de Sucata Cláusula 1ª Objeto de procedimento 1-Constitui objeto deste procedimento a venda de sucata de Oito viaturas fora de circulação já abatidas na Direção Geral de Viação.

Leia mais

ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE BEM IMÓVEL HASTA PÚBLICA N.º02/2018 PROGRAMA DE PROCEDIMENTOS

ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE BEM IMÓVEL HASTA PÚBLICA N.º02/2018 PROGRAMA DE PROCEDIMENTOS ALIENAÇÃO EM HASTA PÚBLICA DE BEM IMÓVEL HASTA PÚBLICA N.º02/2018 PROGRAMA DE PROCEDIMENTOS 1. ENTIDADE ALIENANTE de São Vicente, Pessoa Coletiva de Direito Público, com o N.I.P.C. 511240112, com sede

Leia mais

Município de Castro Marim Câmara Municipal

Município de Castro Marim Câmara Municipal Município de Castro Marim PROCEDIMENTO PARA A VENDA DE IMÓVEL COM ÁREA DE 1776M2, SITO NA FREGUESIA DE CASTRO MARIM, DESTINADO À CONSTRUÇÃO DE UM EMPREENDIMENTO TURÍSTICO DE TIPO HOTEL COM MÍNIMO DE 3

Leia mais

3 OBJETO DA HASTA PÚBLICA:

3 OBJETO DA HASTA PÚBLICA: NORMAS DA 2.ª HASTA PÚBLICA PARA ATRIBUIÇÃO DE DOIS ESPAÇOS EM CONJUNTO NA PRAIA FLUVIAL DE MONSARAZ PARA VENDA DE CAFÉ, BEBIDAS, COMIDA RÁPIDA, GELADOS, REVISTAS, JORNAIS E ARTIGOS DE PRAIA PARA A ÉPOCA

Leia mais

ANEXO II. Alienação de Imóveis Municipais

ANEXO II. Alienação de Imóveis Municipais ANEXO II Alienação de Imóveis Municipais CONDIÇÕES GERAIS PROCEDIMENTO HASTA PÚBLICA 1. PROCEDIMENTO Nos termos do artigo 19º do Regulamento do Património Imóvel do Município de Sintra, a alienação dos

Leia mais

2. Os terrenos rústicos e a sua base de licitação, a que corresponde a 12,00 (doze euros) por hectare e por ano, são os seguintes:

2. Os terrenos rústicos e a sua base de licitação, a que corresponde a 12,00 (doze euros) por hectare e por ano, são os seguintes: Hasta pública (apresentação de proposta em carta fechada) para arrendamento rural agrícola de terrenos rústicos das Freguesias de Beirã, Santa Maria de Marvão, Santo António das Areias e São Salvador da

Leia mais

PROGRAMA DE PROCEDIMENTO

PROGRAMA DE PROCEDIMENTO PROCEDIMENTO POR NEGOCIAÇÃO, COM PUBLICAÇÃO PRÉVIA DE ANÚNCIO, PARA ARRENDAMENTO PARA FINS NÃO HABITACIONAIS, COM EXCEPÇÃO DA ACTIVIDADE DE RESTAURAÇÃO, DA LOJA SITA NA RUA DO CARMO, N.º 87-D, EM LISBOA

Leia mais

REGULAMENTO DE ARRENDAMENTO DE IMÓVEIS

REGULAMENTO DE ARRENDAMENTO DE IMÓVEIS REGULAMENTO DE ARRENDAMENTO DE IMÓVEIS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS Artigo 1.º Objeto O presente regulamento estabelece as normas pelas quais o Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social, I.P.

Leia mais

Município de Monção Câmara Municipal Largo de Camões 4950 Monção

Município de Monção Câmara Municipal Largo de Camões 4950 Monção PROCESSO DE CONCURSO CONCESSÃO PARA A OCUPAÇÃO DE UM ESPAÇO NO PARQUE DAS CALDAS DESTINADO À INSTALAÇÃO E AO FUNCIONAMENTO DE QUIOSQUE(S) Edital Programa de Concurso EDITAL CONCESSÃO PARA A OCUPAÇÃO DE

Leia mais

PROGRAMA. ARTIGO 4.º - Os espaços a concurso encontram-se identificados por designação de letras, mais precisamente como A, B, e C.

PROGRAMA. ARTIGO 4.º - Os espaços a concurso encontram-se identificados por designação de letras, mais precisamente como A, B, e C. PROCEDIMENTO DE HASTA PÚBLICA PARA ATRIBUIÇÃO, A TÍTULO PRECÁRIO, DA EXPLORAÇÃO ECONÓMICA DE TRÊS QUIOSQUES DESTINADOS À VENDA DE GELADOS, A INSTALAR NA ESPLANADA À BEIRA MAR PROGRAMA ARTIGO 1.º - Em conformidade

Leia mais

PROCEDIMENTO, POR PRÉVIA QUALIFICAÇÃO, PARA ARRENDAMENTO COMERCIAL DE UM ESPAÇO COMERCIAL NO INSTITUTO DE DESIGN DE GUIMARÃES REGULAMENTO

PROCEDIMENTO, POR PRÉVIA QUALIFICAÇÃO, PARA ARRENDAMENTO COMERCIAL DE UM ESPAÇO COMERCIAL NO INSTITUTO DE DESIGN DE GUIMARÃES REGULAMENTO PROCEDIMENTO, POR PRÉVIA QUALIFICAÇÃO, PARA ARRENDAMENTO COMERCIAL DE UM ESPAÇO COMERCIAL NO INSTITUTO DE DESIGN DE GUIMARÃES REGULAMENTO 1 - Objeto do procedimento O presente procedimento tem em vista

Leia mais