PHP: Cookies e Sessões

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PHP: Cookies e Sessões"

Transcrição

1 PHP: Cookies e Sessões Programação de Servidores Marx Gomes Van der Linden

2 Protocolo HTTP O protocolo HTTP não tem conceito de sessões. Modelo simples de Requisição e Resposta. 2

3 Protocolo HTTP Tipicamente, vários usuários estão acessando o servidor web ao mesmo tempo. HTTP não define uma maneira direta de se rastrear cada usuário e dar continuidade individual às atividades de requisições anteriores. 3

4 Cookies Um Cookie é um arquivo de texto que pode ser criado pelo navegador, a pedido do servidor web. Cada cookie tem um conjunto de variáveis: nome=valor Todo cookie é necessariamente associado ao um site (ou domínio) que o criou e, teoricamente, não pode ser acessado por outros sites. 4

5 Cookies O cookie é reenviado automaticamente ao servidor a cada nova visita à mesma página. Um cookie pode conter uma data de expiração (opcional) Default: Cookie é apagado ao se fechar o navegador. 5

6 Cookies 6

7 Cookies 7

8 Cookies 8

9 Usos de Cookies Armazenar itens no "carrinho de compras". Armazenar informações de autenticação. Guardar configurações do usuário. Permitir continuidade no uso de uma aplicação web. 9

10 setcookie Para incluir na resposta HTTP uma solicitação para que o navegador crie um cookie, basta utilizar a função setcookie. Sintaxe (simplificada): setcookie($nome, $valor) Returna true em caso de sucesso, false em caso de erro. 10

11 setcookie Deve ser usado antes de enviar qualquer dado pertencente ao corpo da mensagem! (inclusive espaços em branco). Não há garantias de que o navegador vai aceitar o cookie. 11

12 pagina1.php <?php $b = setcookie('nome', 'Milhouse Van Houten');?> <html> <head> <title>cookies, página 1</title> </head> <body><?php if($b) echo "Cookie enviado com sucesso"; else echo "Erro ao enviar o cookie.";?></body> </html> 12

13 Requisição HTTP GET /exemplo/pagina1.php HTTP/1.1 Host: localhost User-Agent: Mozilla/5.0 (X11; U; Linux i686; pt-br; rv: ) Gecko/ Firefox/3.0.1 Accept: text/html,application/xhtml+xml,application/x ml;q=0.9,*/*;q=0.8 Accept-Language: pt-br,pt;q=0.8,enus;q=0.5,en;q=0.3 Accept-Encoding: gzip,deflate Accept-Charset: ISO ,utf-8;q=0.7,*;q=0.7 Keep-Alive: Connection: keep-alive

14 Resposta HTTP (Cabeçalho) HTTP/1.x 200 OK Date: Fri, 19 Sep :01:36 GMT Server: Apache/2.2.8 (Ubuntu) PHP/ ubuntu5.3 with Suhosin-Patch X-Powered-By: PHP/ ubuntu5.3 Set-Cookie: nome=milhouse+van+houten Content-Length: 107 Keep-Alive: timeout=15, max=100 Connection: Keep-Alive Content-Type: text/html 14

15 Saída <html> <head> <title>cookies, página 1</title> </head> <body>cookie enviado com sucesso</body> </html> 15

16 $_COOKIE O interpretador PHP automaticamente organiza os cookies enviados pelo usuário ao servidor, através do array $_COOKIE. Formato: $_COOKIE[$nome] // retorna $valor 16

17 pagina2.php <html> <head> <title>cookies, página 2</title> </head> <body> <?php if(isset($_cookie['nome'])) echo "Seu nome é $_COOKIE[nome]."; else echo "Eu não sei o seu nome.";?> </body></html> 17

18 Requisição HTTP GET /exemplo/pagina2.php HTTP/1.1 Host: localhost User-Agent: Mozilla/5.0 (X11; U; Linux i686; pt-br; rv: ) Gecko/ Firefox/3.0.1 Accept: text/html,application/xhtml+xml,application/x ml;q=0.9,*/*;q=0.8 Accept-Language: pt-br,pt;q=0.8,enus;q=0.5,en;q=0.3 Accept-Encoding: gzip,deflate Accept-Charset: ISO ,utf-8;q=0.7,*;q=0.7 Keep-Alive: 300 Connection: keep-alive Cookie: nome=milhouse+van+houten Cache-Control: max-age=0 18

19 Resposta HTTP (Cabeçalho) HTTP/1.x 200 OK Date: Fri, 19 Sep :07:02 GMT Server: Apache/2.2.8 (Ubuntu) PHP/ ubuntu5.3 with Suhosin-Patch X-Powered-By: PHP/ ubuntu5.3 Content-Length: 112 Keep-Alive: timeout=15, max=100 Connection: Keep-Alive Content-Type: text/html 19

20 Saída <html> <head> <title>cookies, página 2</title> </head> <body> Seu nome é Milhouse Van Houten.</body></html> 20

21 Cookies como arrays Para armazenar no cliente um cookie que será lido como um array, basta utilizar a notação de arrays. setcookie("valor[nome]", "Bill"); setcookie("valor[sobrenome]", "Gates"); setcookie("valor[empresa]", "Microsoft"); 21

22 Cookies como arrays Depois, é possível usar o resultado do cookie recebido de volta como um array comum. if (isset($_cookie['valor'])) { foreach ( $_COOKIE['valor'] as $indice => $valor ) echo "$indice: $valor <br>\n"; } nome: Bill <br> sobrenome: Gates <br> empresa: Microsoft <br> 22

23 Tempo de expiração Para evitar que o cookie seja excluído quando o navegador for fechado, é necessário especificar um tempo de expiração. Sintaxe completa: setcookie($nome, $valor, [$dataexpira], [$caminho], [$domínio]) Se $dataexpira não for especificado ou igual a 0, será excluído quando se fechar o navegador 23

24 Tempo de expiração Cookie que expira em 1 hora: setcookie( 'login','milhouse', time() + 60*60 ); Cookie que expira em 1 dia: setcookie( 'login','krusty', time() + 60*60*24 ); Cookie que expira do dia 12 de outubro de 2010 setcookie( 'login','flanders', mktime(12,0,0, 10,12,2010) ); 24

25 Diretório de aplicação do Cookie O terceiro parâmetro de setcookie serve para especificar a partir de que diretório, na estrutura de arquivos do servidor web, o cookie deve ser aplicado. Padrão: apenas diretório atual '/' Domínio inteiro 25

26 Diretório de aplicação do Cookie Cookie válido para todo o domínio setcookie('login','burns', 0, '/' ); Cookie válido para um diretório setcookie('login','barney', time()+60*60, '/moe' ); 26

27 Domínio de aplicação do Cookie Por padrão os cookies só são enviados para sites que tenham exatamente o mesmo domínio (incluindo subdomínio) meusite.exemplo.com O quarto parâmetro indica para que partes do domínio da URL o cookie deverá ser enviado. Não é possível especificar um domínio diferente daquele do site que registra o cookie! 27

28 Domínio de aplicação do Cookie Cookie válido para todo o domínio setcookie('login','burns', 0, '/', '.exemplo.com' ); meusite.exemplo.com/shelbyville 28

29 Excluindo um cookie Para excluir um cookie, basta passar um novo cookie com exatamente os mesmos parâmetros já passados, mas valor igual à string vazia. Criando: setcookie('login','burns', 0, '/' ); Excluindo: setcookie('login','', 0, '/' ); 29

30 Características dos Cookies Todas as informações ficam armazenadas no cliente. O servidor não tem um controle preciso de que cookies estão armazenados para cada usuário. Todas os dados precisam ser repassados novamente a cada requisição HTTP feita pelo cliente. Cookies podem ser desativados, excluídos e modificados pelo cliente. 30

31 Sessões PHP fornece um mecanismo de sessões. Quase todos os dados ficam armazenados no servidor. 31

32 Sessões Quando a sessão inicia, o servidor gera um ID, que é uma string alfanumérica aleatória única (PHPSESSID) para identificar o cliente. O cliente armazena a ID como um cookie. Em todas as requisições seguintes, o cliente envia ao servidor apenas o cookie referente ao seu ID. A partir dos IDs, o servidor identifica e diferencia cada cliente. 32

33 session_start() Para iniciar (ou continuar) uma sessão, basta usar a função session_start Sintaxe: session_start() Deve ser usado antes de qualquer saída do corpo da mensagem Sempre returna true 33

34 $_SESSION Para ler e configurar variáveis de sessões, utiliza-se o array $_SESSION. Não há análogo em sessões à função setcookie. 34

35 exemplo.php <?php session_start();?> <html> <head> <title>sessões</title> </head> <body> <?php if(!isset($_session['visitas'])) $_SESSION['visitas'] = 0;?> Esta é a sua visita número <?php echo $_SESSION['visitas']++?>. </body> </html> 35

36 1a Requisição HTTP GET /delme/exemplo.php HTTP/1.1 Host: localhost User-Agent: Mozilla/5.0 (X11; U; Linux i686; pt-br; rv: ) Gecko/ Firefox/3.0.1 Accept: text/html,application/xhtml+xml,application/x ml;q=0.9,*/*;q=0.8 Accept-Language: pt-br,pt;q=0.8,enus;q=0.5,en;q=0.3 Accept-Encoding: gzip,deflate Accept-Charset: ISO ,utf-8;q=0.7,*;q=0.7 Keep-Alive: Connection: keep-alive

37 1a Resposta HTTP (Cabeçalho) HTTP/1.x 200 OK Date: Fri, 19 Sep :17:44 GMT Server: Apache/2.2.8 (Ubuntu) PHP/ ubuntu5.3 with Suhosin-Patch X-Powered-By: PHP/ ubuntu5.3 Set-Cookie: PHPSESSID=c7abd60716ef5c9df79f aaec5; path=/ Expires: Thu, 19 Nov :52:00 GMT Cache-Control: no-store, no-cache, mustrevalidate, post-check=0, pre-check=0 Pragma: no-cache Content-Length: 110 Keep-Alive: timeout=15, max=100 Connection: Keep-Alive Content-Type: text/html 37

38 2a Requisição HTTP GET /delme/exemplo.php HTTP/1.1 Host: localhost User-Agent: Mozilla/5.0 (X11; U; Linux i686; pt- BR; rv: ) Gecko/ Firefox/3.0.1 Accept: text/html,application/xhtml+xml,application/xml; q=0.9,*/*;q=0.8 Accept-Language: pt-br,pt;q=0.8,enus;q=0.5,en;q=0.3 Accept-Encoding: gzip,deflate Accept-Charset: ISO ,utf-8;q=0.7,*;q=0.7 Keep-Alive: 300 Connection: keep-alive Cookie: PHPSESSID=c7abd60716ef5c9df79f aaec5 38 Cache-Control: max-age=0

39 2a Resposta HTTP HTTP/1.x 200 OK Date: Fri, 19 Sep :19:46 GMT Server: Apache/2.2.8 (Ubuntu) PHP/ ubuntu5.3 with Suhosin-Patch X-Powered-By: PHP/ ubuntu5.3 Expires: Thu, 19 Nov :52:00 GMT Cache-Control: no-store, no-cache, mustrevalidate, post-check=0, pre-check=0 Pragma: no-cache Content-Length: 110 Keep-Alive: timeout=15, max=100 Connection: Keep-Alive Content-Type: text/html 39

40 session_set_cookie_params É possível configurar os parâmetros do cookie usado para armazenar o ID da sessão. Sintaxe: session_set_cookie_params( $dataexpira, [$caminho], [$domínio]) A sintaxe dos parâmetros é similar às da função setcookie. 40

41 session_name A função session_name muda o nome do cookie que identifica o código da sessão. Deve ser chamado antes de session_start. Sintaxe: session_name($novonome) Return true em caso de sucesso; false em erro. 41

42 session_id Sintaxe: session_id() Retorna o ID da seção atual, ou '', caso não haja sessão aberta. 42

43 session_regenerate_id Sintaxe: session_regenerate_id() Gera um novo ID para a sessão atual. Envia uma novo requisição de Cookie ao cliente, sem quebrar a sessão. Precisa ser chamado antes de qualquer saída no corpo da resposta HTTP. Return true em caso de sucesso; false em erro. 43

44 Configurando sessões Por padrão: Uma sessão continua ativa caso seja acessada pelo usuário ao menos 1 vez a cada 24 minutos. Sessões não servem para armazenar dados permanentes! Cada vez que session_start é chamada, há uma probabilidade de 1% de que o PHP vai varrer todas as sessões ativas, e excluir as que expiraram. 44

45 ini_set A função ini_set serve para mudar temporariamente alguma configuração do PHP. Sintaxe: ini_set($variável, $novovalor) Return true em caso de sucesso; false em erro. 45

46 session.gc_maxlifetime Especifica o tempo (em segundos) máximo que uma sessão deve durar, esperando pelo usuário. Padrão: 1440 (24 minutos). Deve ser modificada antes de session_start() ini_set('session.gc_maxlifetime', 600); session_start( ); 46

47 session.gc_probability Especifica a probabilidade (em %) de que o PHP vai fazer a verificação e limpeza das sessões expiradas, a cada chamada de session_start. Padrão: 1 Também deve ser modificada antes de session_start ini_set('session.gc_probability', 100); session_start( ); 47

48 Segurança Problema de segurança: A ID da sessão pode ser interceptada por alguém que esteja monitorando a rede. Se outra pessoa usar a mesma ID para fazer requisições ao servidor, pode fazer se passar por outro usuário. 48

49 Funções de Hash 49

50 Funções de Hash PHP implementa as funções de hash mais comuns: md5($string) sha1($string) hash($algoritmo, $string) (Função genérica que implementa vários algoritmos) 50

51 md5 echo md5("the book is on the table"), " <br>\n"; echo md5("the book is on the table."), " <br>\n"; 0c29bf0f928decfbf91070fa4affb0c4 <br> 1f683fe1cd7977cdd056ddc25d6bd8f8 <br> 51

52 $_SERVER O array $_SERVER contém informações fornecidas pelo servidor web, como cabeçalhos, caminhos de arquivo e configurações. Os índices do array são fixos e seus valores não podem ser modificados. 52

53 $_SERVER Exemplos: 'PHP_SELF' Nome do script atual 'SERVER_ADDR' Endereço IP do servidor 'SERVER_NAME' Nome do servidor 'HTTP_USER_AGENT' Configurações do cliente 'REMOTE_ADDR' Endereço IP do cliente 53

54 $_SERVER $keys = array( 'PHP_SELF', 'SERVER_ADDR', 'SERVER_NAME', 'HTTP_USER_AGENT', 'REMOTE_ADDR', ); foreach($keys as $k) echo "$k: $_SERVER[$k]<br>\n"; PHP_SELF: /exemplo/exemplo.php<br> SERVER_ADDR: <br> SERVER_NAME: localhost<br> HTTP_USER_AGENT: Mozilla/5.0 (X11; U; Linux i686; pt-br; rv: ) Gecko/ Firefox/3.0.1<br> REMOTE_ADDR: <br> 54

55 Sessão Segura (1/2) <?php session_start(); $md5 = md5( $_SERVER['HTTP_USER_AGENT']. $_SERVER['REMOTE_ADDR'] ); if (!isset($_session['md5'])) { session_regenerate_id(); $_SESSION['md5'] = $md5; $msg = "Bem-vindo!<br>\n"; } if ($_SESSION['md5']!= $md5) { $_SESSION = array(); $_SESSION['md5'] = $md5; $msg = "Erro! Por favor, faça o login novamente.<br>\n"; } else $msg.= "Continuando...";?> 55

56 Sessão Segura <html> <head><title>sessões</title></head> <body> <?php echo $msg?> </body> </html> 56

57 Saída Primeira execução: OK!<br> Continuando sessão Execuções seguintes: Continuando sessão Tentativa de ataque: Erro! Por favor, faça o login novamente. 57

Desenvolvimento Web Protocolos da Internet

Desenvolvimento Web Protocolos da Internet Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia Campus Currais Novos Desenvolvimento Web Protocolos da Internet Professor: Bruno E. G. Gomes Currais Novos, 2013 Introdução Histórico da Internet Cliente

Leia mais

Programação para Internet Flávio de Oliveira Silva, M.Sc.

Programação para Internet Flávio de Oliveira Silva, M.Sc. INTERNET Grande conjunto de redes de computadores interligadas pelo mundo. Começou como uma rede interligando Universidades no E.U.A A partir de 1993 a Internet começou a ser explorada comercialmente.

Leia mais

Desenvolvimento Web Histórico da Internet e Protocolos

Desenvolvimento Web Histórico da Internet e Protocolos Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Desenvolvimento Web Histórico da Internet e Protocolos Professor: Bruno E. G. Gomes 2014 Introdução Histórico da Internet Cliente e servidor Introdução

Leia mais

PHP e MySQL Autenticação de Usuários

PHP e MySQL Autenticação de Usuários PHP e MySQL Autenticação de Usuários Programação de Servidores Marx Gomes Van der Linden http://marx.vanderlinden.com.br/ Controle de Acesso A maioria das aplicações web envolve em algum ponto um mecanismo

Leia mais

Cookies e sessões. HTTP é um protocolo que não mantém estado, isto é não tem memória.

Cookies e sessões. HTTP é um protocolo que não mantém estado, isto é não tem memória. Cookies e sessões HTTP é um protocolo que não mantém estado, isto é não tem memória. Cada pedido que um browser faz ao servidor web é independente do pedido anterior. Muitas aplicações necessitam de manter

Leia mais

Programação de Servidores CST Redes de Computadores. Marx Gomes Van der Linden

Programação de Servidores CST Redes de Computadores. Marx Gomes Van der Linden Programação de Servidores CST Redes de Computadores Marx Gomes Van der Linden Programação de Servidores Aplicações cliente/servidor para web. Fundamentos de HTML+CSS. Linguagem de programação de servidor:

Leia mais

Programação WEB II. Sessions e Cookies. progweb2@thiagomiranda.net. Thiago Miranda dos Santos Souza

Programação WEB II. Sessions e Cookies. progweb2@thiagomiranda.net. Thiago Miranda dos Santos Souza Sessions e Cookies progweb2@thiagomiranda.net Conteúdos Os materiais de aula, apostilas e outras informações estarão disponíveis em: www.thiagomiranda.net Cookies e Sessions Geralmente, um bom projeto

Leia mais

Linguagem de Programação III Aula 2 Revisão Parte II

Linguagem de Programação III Aula 2 Revisão Parte II Linguagem de Programação III Aula 2 Revisão Parte II Prof. Moser Fagundes Curso Técnico em Informática (Modalidade Integrada) Instituto Federal Sul-Rio-Grandense (IFSul) Campus Charqueadas Revisão de PHP

Leia mais

Programação web Prof. Wladimir

Programação web Prof. Wladimir Programação web Prof. Wladimir Linguagem PHP Cookie e Sessão @wre2008 1 Sumário Header; Cookie; Sessão; Exemplos. @wre2008 2 Header Esta função permite que um script php redirecione para outra página.

Leia mais

Curso de PHP. FATEC - Jundiaí

Curso de PHP. FATEC - Jundiaí Curso de PHP FATEC - Jundiaí Cookies Cookies são arquivos texto que podem ser armazenados no computador or do usuário, para serem recuperados posteriormente pelo servidor no qual seu site está hospedado.

Leia mais

O que é uma sessão. maneira de preservar dados através de acessos subsequentes.

O que é uma sessão. maneira de preservar dados através de acessos subsequentes. Sessões em PHP O que é uma sessão Suporte a sessões no PHP: maneira de preservar dados através de acessos subsequentes. Características: permite a criação de aplicações mais personalizadas; permite que

Leia mais

PHP (Seções, Cookies e Banco de Dados)

PHP (Seções, Cookies e Banco de Dados) PHP (Seções, Cookies e Banco de Dados) André Tavares da Silva andre.silva@udesc.br Seções Basicamente, as seções são métodos que preservam determinados dados ativos enquanto o navegador do cliente estiver

Leia mais

Web. Até a década de 1990, a Internet era utilizada. por pesquisadores, acadêmicos e universitários, para troca de arquivos e para correio eletrônico.

Web. Até a década de 1990, a Internet era utilizada. por pesquisadores, acadêmicos e universitários, para troca de arquivos e para correio eletrônico. A Web e o HTTP Web Até a década de 1990, a Internet era utilizada por pesquisadores, acadêmicos e universitários, para troca de arquivos e para correio eletrônico. Então, no início dessa década, iniciou-se

Leia mais

Redes de Computadores Grupo de Redes de Computadores

Redes de Computadores Grupo de Redes de Computadores Redes de Computadores Grupo de Redes de Computadores HTTP HyperText Transport Protocol Introdução ao protocolo HTTP Origem Definido na iniciativa da WWW HTML e HTTP Modelo cliente servidor Protocolo sem

Leia mais

APLICAÇÕES E SERVIÇOS WEB

APLICAÇÕES E SERVIÇOS WEB http://tutorials.jenkov.com/web-services/message-formats.html APLICAÇÕES E SERVIÇOS WEB Laboratórios de Informática 2014-2015 João Paulo Barraca, André Zúquete, Diogo Gomes Aplicações WEB A maioria de

Leia mais

Java Enterprise Edition. by Antonio Rodrigues Carvalho Neto

Java Enterprise Edition. by Antonio Rodrigues Carvalho Neto Java Enterprise Edition by Antonio Rodrigues Carvalho Neto Enterprise Edition Architecture O que é Java Enterprise Edition? Java EE é uma plataforma que reune diversas especificações relacionadas a computação

Leia mais

Universidade Federal do Espírito Santo CCA UFES. Centro de Ciências Agrárias CCA UFES Departamento de Computação. Programação WEB

Universidade Federal do Espírito Santo CCA UFES. Centro de Ciências Agrárias CCA UFES Departamento de Computação. Programação WEB Universidade Federal do Espírito Santo Centro de Ciências Agrárias CCA UFES Departamento de Computação Universidade Federal do Espírito Santo CCA UFES Programação WEB Desenvolvimento de Sistemas para WEB

Leia mais

Como se defender utilizando software livre na era da espionagem

Como se defender utilizando software livre na era da espionagem Como se defender utilizando software livre na era da espionagem Dia da Liberdade de Software 2013 Setembro de 2013 Conteúdo da apresentação 1 Introdução Sniffers TCPDUMP Wireshark 2 DNS S 3 Proteção DNS

Leia mais

Programação Web com PHP. Prof. Wylliams Barbosa Santos wylliamss@gmail.com Optativa IV Projetos de Sistemas Web

Programação Web com PHP. Prof. Wylliams Barbosa Santos wylliamss@gmail.com Optativa IV Projetos de Sistemas Web Programação Web com PHP Prof. Wylliams Barbosa Santos wylliamss@gmail.com Optativa IV Projetos de Sistemas Web Agenda O que é PHP? O que da pra fazer com PHP? Como a web funciona? Onde, quando e por que

Leia mais

Tópicos de Ambiente Web Conceitos Fundamentais Redes de Dados

Tópicos de Ambiente Web Conceitos Fundamentais Redes de Dados Tópicos de Ambiente Web Conceitos Fundamentais Redes de Dados Professora: Sheila Cáceres Computador Dispositivo eletrônico usado para processar guardar e tornar acessível informação. Tópicos de Ambiente

Leia mais

Introdução a WEB. Contato: Site: http://professores.chapeco.ifsc.edu.br/lara/

Introdução a WEB. Contato: <lara.popov@ifsc.edu.br> Site: http://professores.chapeco.ifsc.edu.br/lara/ Introdução a WEB Contato: Site: http://professores.chapeco.ifsc.edu.br/lara/ 1 Introdução Histórico da Internet Cliente e Servidor Introdução aos protocolos da Internet Objetivos

Leia mais

HYPERTEXT TRANSFER PROTOCOL

HYPERTEXT TRANSFER PROTOCOL REDES DE COMPUTADORES Prof. Esp. Fabiano Taguchi http://fabianotaguchi.wordpress.com fabianotaguchi@gmail.com HYPERTEXT TRANSFER PROTOCOL 1 HTTP Uma página WWW é composta de objetos e endereçado por uma

Leia mais

Fernando M. V. Ramos, RC (LEI), TP02. HTTP. Redes de Computadores

Fernando M. V. Ramos, RC (LEI), TP02. HTTP. Redes de Computadores TP02. HTTP Redes de Computadores Objetivos Uma introdução ao protocolo HTTP Um olhar com algum detalhe para dentro do protocolo Noções básicas Uma página web consiste num conjunto de objetos Ficheiros

Leia mais

Bool setcookie (string nome [, string valor [, int validade [, string caminho [, string dominio [, int seguro]]]]] )

Bool setcookie (string nome [, string valor [, int validade [, string caminho [, string dominio [, int seguro]]]]] ) Disciplina: Tópicos Especiais em TI PHP Este material foi produzido com base nos livros e documentos citados abaixo, que possuem direitos autorais sobre o conteúdo. Favor adquiri-los para dar continuidade

Leia mais

Programação para Internet I. 2. O protocolo HTTP. Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt

Programação para Internet I. 2. O protocolo HTTP. Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt Programação para Internet I 2. O protocolo HTTP Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt Protocolos Conjunto de regras que define o modo como aplicações informáticas comunicam entre si. Permite

Leia mais

O protocolo HTTP. O que é o protocolo HTTP?

O protocolo HTTP. O que é o protocolo HTTP? O protocolo HTTP Você aprenderá: O que é e como funciona o protocolo HTTP. Quais são as partes de um pedido HTTP. Quais são as partes de um a resposta HTTP. IIS - HTTP 1 O que é o protocolo HTTP? Hyper

Leia mais

Teia de alcance mundial (World Wide Web WWW) Web composta de

Teia de alcance mundial (World Wide Web WWW) Web composta de Web Teia de alcance mundial (World Wide Web WWW) Web composta de Agentes de usuário para a Web (browsers) Servidores Web Protocolo de transferência de hipertexto (HyperText Transfer Protocol HTTP) Web

Leia mais

Breve introdução a User Dir e Senhas no Apache Uma abordagem prática (aka crash course on User Dir and Directory Authentication on Apache)

Breve introdução a User Dir e Senhas no Apache Uma abordagem prática (aka crash course on User Dir and Directory Authentication on Apache) Breve introdução a User Dir e Senhas no Apache Uma abordagem prática (aka crash course on User Dir and Directory Authentication on Apache) Prof. Rossano Pablo Pinto Novembro/2012 - v0.1 Abril/2013 - v0.3

Leia mais

Input de dados a partir de formulários HTML

Input de dados a partir de formulários HTML Input de dados a partir de formulários HTML Entrada (input) de dados do utilizador é feito através de uma : tabuada tabuada dos:

Leia mais

Segurança em Sistemas Web. Addson A. Costa

Segurança em Sistemas Web. Addson A. Costa Segurança em Sistemas Web Addson A. Costa Spoofing de formulários Spoofing consiste em falsificação, por exemplo, na área de redes um computador pode roubar o IP de outro e assim fazer-se passar por ele.

Leia mais

Programação para Internet I

Programação para Internet I Programação para Internet I Aula 6 PHP: Include, Require, Variáveis de ambiente Prof. Teresinha Letícia da Silva leticiasfw@yahoo.com.br Inclusão de arquivos com Include e Require no PHP Uma técnica muito

Leia mais

Curso De PHP. Aula 4. Formulários. Cookies. Session. Mail

Curso De PHP. Aula 4. Formulários. Cookies. Session. Mail Curso De PHP Aula 4 Formulários Cookies Session Mail Formulários Nós preenchemos diariamente diversos formulários web, seja para se logar e-mail ou criar uma conta em um site. Nesta parte do curso, vamos

Leia mais

1.264 Lição 11. Fundamentos da Web

1.264 Lição 11. Fundamentos da Web 1.264 Lição 11 Fundamentos da Web Navegadores e servidores da Web A Internet é apenas um conjunto de redes interconectadas livremente. Um conjunto de redes de área local conectado via redes de área ampla

Leia mais

Programação Web Prof. Wladimir

Programação Web Prof. Wladimir Programação Web Prof. Wladimir Linguagem de Script e PHP @wre2008 1 Sumário Introdução; PHP: Introdução. Enviando dados para o servidor HTTP; PHP: Instalação; Formato básico de um programa PHP; Manipulação

Leia mais

Segurança Web com PHP 5 Douglas V. Pasqua Zend Certified Enginner

Segurança Web com PHP 5 Douglas V. Pasqua Zend Certified Enginner Segurança Web com PHP 5 Douglas V. Pasqua Zend Certified Enginner Objetivo Disseminar boas práticas para o desenvolvimento de código seguro em php. Exemplificar como são feitos os ataques e suas respectivas

Leia mais

Programação Orientada a Objetos com PHP & MySQL Cookies e Sessões. Prof. MSc. Hugo Souza

Programação Orientada a Objetos com PHP & MySQL Cookies e Sessões. Prof. MSc. Hugo Souza Programação Orientada a Objetos com PHP & MySQL Cookies e Sessões Prof. MSc. Hugo Souza Se você precisar manter informações sobre seus usuários enquanto eles navegam pelo seu site, ou até quando eles saem

Leia mais

HyperText Transfer Protocol (HTTP)

HyperText Transfer Protocol (HTTP) Programação Na Web HyperText Transfer Protocol () António Gonçalves Arquitectura Protocolo de transporte de documentos hypertexto RFC 1945 - Versão 1.0 RFC 2616 - Versão 1.1 O pedido é feito em ASCII e

Leia mais

2.9. PHP Cookies e variáveis de sessão

2.9. PHP Cookies e variáveis de sessão Programação para a Internet II 2.9. PHP Cookies e variáveis de sessão Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt Cookies Uma cookie mais não é do que um ficheiro que é criado por determinado site

Leia mais

Programação para a Internet. Prof. M.Sc. Sílvio Bacalá Jr sbacala@gmail.com www.facom.ufu.br/~bacala

Programação para a Internet. Prof. M.Sc. Sílvio Bacalá Jr sbacala@gmail.com www.facom.ufu.br/~bacala Programação para a Internet Prof. M.Sc. Sílvio Bacalá Jr sbacala@gmail.com www.facom.ufu.br/~bacala A plataforma WEB Baseada em HTTP (RFC 2068) Protocolo simples de transferência de arquivos Sem estado

Leia mais

Capítulo 7. Hyper Text Transfer Protocol (HTTP). Serviço Apache. - Protocolo HTTP - Sessão HTTP - Configuração do serviço Apache

Capítulo 7. Hyper Text Transfer Protocol (HTTP). Serviço Apache. - Protocolo HTTP - Sessão HTTP - Configuração do serviço Apache Capítulo 7 Hyper Text Transfer Protocol (HTTP). Serviço Apache. - Protocolo HTTP - Sessão HTTP - Configuração do serviço Apache Gestão de Redes e Serviços (GRS) Capítulo 7 1/1 Protocolo HTTP Funciona na

Leia mais

Ferramentas para Internet CST Sistemas para Internet

Ferramentas para Internet CST Sistemas para Internet Ferramentas para Internet CST Sistemas para Internet Marx Gomes Van der Linden ( Material baseado no original de Marcelo José Siqueira Coutinho de Almeida ) Ferramentas para Internet Web design: HTML CSS

Leia mais

Protocolo HTTP. Palavras-chave: Navegador, aplicativos, web, cliente, servidor.

Protocolo HTTP. Palavras-chave: Navegador, aplicativos, web, cliente, servidor. 1 Protocolo HTTP RODRIGO PREIS BEOCK, Leandro 1 ; DE FREITAS CONSONE, Cibele 2 ; RODRIGUES LIMA, Leandro 3 ; PETRICA, Eder 4 UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO/UNEMAT - COLÍDER 5 RESUMO: O presente

Leia mais

Prof. Roberto Franciscatto 4º Semestre - TSI - CAFW. Free Powerpoint Templates Page 1

Prof. Roberto Franciscatto 4º Semestre - TSI - CAFW. Free Powerpoint Templates Page 1 Segurança na Web Capítulo 9: Segurança em Aplicações Web Prof. Roberto Franciscatto 4º Semestre - TSI - CAFW Page 1 Introdução Quando se fala em segurança na WEB é preciso pensar inicialmente em duas frentes:

Leia mais

SERVIDOR WEB + LOG DE ACESSO LABORATÓRIO DE REDES DE COMPUTADORES Responsável: Ana Luíza Cruvinel

SERVIDOR WEB + LOG DE ACESSO LABORATÓRIO DE REDES DE COMPUTADORES Responsável: Ana Luíza Cruvinel Versão 2.0 1. INTRODUÇÃO SERVIDOR WEB + LOG DE ACESSO LABORATÓRIO DE REDES DE COMPUTADORES Responsável: Ana Luíza Cruvinel Data: 02/12/2014 Logs são muito importantes para a administração segura de sistemas,

Leia mais

Tecnologias Web. Java Servlets

Tecnologias Web. Java Servlets Tecnologias Web Java Servlets Cristiano Lehrer, M.Sc. O que são Servlets Extensões do servidor escritas em Java: Podem ser usados para estender qualquer tipo de aplicação do modelo requisição/resposta.

Leia mais

Hyper Text Transfer Protocol (HTTP) ADI HTTP 1/18

Hyper Text Transfer Protocol (HTTP) ADI HTTP 1/18 Hyper Text Transfer Protocol (HTTP) ADI HTTP 1/18 Protocolo HTTP Funciona na filosofia cliente-servidor sobre o protocolo TCP na porta 80 Cliente tcp 80 Servidor Web Netscape, iexplorer, opera ( apache,

Leia mais

<!--#include virtual=/inc/bypasswebdefenderifyoucan.inc --> Bypass WebDefender If You Can... Introdução: A Security (http://www.security.org.br/) em conjunto com sua equipe de testes de intrusão intitulada

Leia mais

www.coldfusionbrasil.com.br

www.coldfusionbrasil.com.br www.coldfusionbrasil.com.br 2000 VARIÁVEIS CGI 3 CGI.NOME_DA_VARIÁVEL 3 VARIÁVEIS CGI SERVIDOR 3 VARIÁVEIS CGI CLIENTE 3 USANDO AS VARIÁVEIS CGI 4 REDIRECIONANDO APLICAÇÕES 4 INTERAGINDO COM ARQUIVOS 5

Leia mais

Sumário. Capítulo 1 O que é o PHP?... 19. Capítulo 2 Instalação do PHP... 23. Capítulo 3 Noções básicas de programação... 25

Sumário. Capítulo 1 O que é o PHP?... 19. Capítulo 2 Instalação do PHP... 23. Capítulo 3 Noções básicas de programação... 25 9 Sobre o autor... 8 Introdução... 15 Capítulo 1 O que é o PHP?... 19 Características do PHP...20 Gratuito e com código aberto...20 Embutido no HTML...20 Baseado no servidor...21 Bancos de dados...22 Portabilidade...22

Leia mais

Atividade Proposta da Disciplina: Laboratório de Rede de Computadores

Atividade Proposta da Disciplina: Laboratório de Rede de Computadores Atividade Proposta da Disciplina: Laboratório de Rede de Computadores Tratamento dos dados gerados pelo Servidor de Web a partir do arquivo de logs. Configuração do Servidor Web para armazenar em um arquivo

Leia mais

HTTP. passado, presente e futuro.

HTTP. passado, presente e futuro. HTTP passado, presente e futuro. Luiz Fernando Rodrigues (ou Fernahh) blog.fernahh.com.br github.com/fernahh twitter.com/fernahh speakerdeck.com/fernahh www.organicadigital.com HTT... o que? HTT... o que?

Leia mais

APOSTILA PHP. Parte 2

APOSTILA PHP. Parte 2 APOSTILA PHP Parte 2 7. Funções Definindo funções A sintaxe básica para definir uma função é: function nome_da_função([arg1, arg2, arg3]) { Comandos;... ; [return ]; Qualquer código PHP

Leia mais

PHP: Funções. Programação de Servidores Marx Gomes Van der Linden

PHP: Funções. Programação de Servidores Marx Gomes Van der Linden PHP: Funções Programação de Servidores Marx Gomes Van der Linden Funções Uma função (ou subrotina, procedimento...) é um pedaço de código reutilizável. A função é definida apenas uma vez, e pode ser utilizada

Leia mais

7. Recursos PHP para a Internet

7. Recursos PHP para a Internet 7. Recursos PHP para a Internet Protocolo HTTP. Na aula passada vimos um script simples de autenticação de usuários. Neste script foi usado o tag META para passar uma URL ao servidor web. A linguagem PHP

Leia mais

Fernando Bracalente. O trabalho final consiste em escolher um dos "malwares-novos" e responder algumas questões.

Fernando Bracalente. O trabalho final consiste em escolher um dos malwares-novos e responder algumas questões. Fernando Bracalente Seg15 O trabalho final consiste em escolher um dos "malwares-novos" e responder algumas questões. Questões: 1. Qual o nome do arquivo? Fotos_acidenteJPEG.exe 2. Qual o md5 do arquivo

Leia mais

PHP. Hypertext Pre-Processor

PHP. Hypertext Pre-Processor PHP Hypertext Pre-Processor O que é o PHP? Uma linguagem de scripting é uma linguagem cujo código não tem de ser compilado para ser executado! O código escrito é interpretado em tempo de execução para

Leia mais

Instituto Federal do Sertão-PE. Curso de PHP. Professor: Felipe Correia

Instituto Federal do Sertão-PE. Curso de PHP. Professor: Felipe Correia Instituto Federal do Sertão-PE Curso de PHP Professor: Felipe Correia Conteúdo Parte I Parte II Introdução Funções de strings Instalação Constantes Sintaxe Operadores Variáveis if else elseif Echo/Print

Leia mais

A Camada de Aplicação

A Camada de Aplicação A Camada de Aplicação Romildo Martins Bezerra CEFET/BA Redes de Computadores II Afinal, o que faz a camada de aplicação?... 2 Paradigma Cliente/Servidor [4]... 2 Endereçamento... 2 Tipo de Serviço... 2

Leia mais

Treinamento em PHP Avançado

Treinamento em PHP Avançado Treinamento em PHP Avançado Aula 4 Ari Stopassola Junior stopassola@acimainteractive.com pgsql access oracle mysqli db2 firebird... ADOdb utilizando sintaxe da PEAR::DB require_once /website/_classes/adodb/adodb.inc.php";

Leia mais

Internet e protocolos web. A Internet é uma rede descentralizada de recursos computacionais. Topologia tem de fornecer caminhos alternativos

Internet e protocolos web. A Internet é uma rede descentralizada de recursos computacionais. Topologia tem de fornecer caminhos alternativos Internet e protocolos web A Internet é uma rede descentralizada de recursos computacionais Tolerante a falhas (no single point of failure) Topologia tem de fornecer caminhos alternativos entre 2 computadores

Leia mais

Hypertext Transport Protocol (HTTP)

Hypertext Transport Protocol (HTTP) Hypertext Transport Protocol () Programação na Internet Secção de Sistemas e Tecnologias de Informação ISEL-DEETC-LEIC Luis Falcão - lfalcao@cc.isel.ipl.pt Carlos Guedes cguedes@cc.isel.ipl.pt Nuno Datia

Leia mais

Introdução ao PHP. Prof. Késsia Marchi

Introdução ao PHP. Prof. Késsia Marchi Introdução ao PHP Prof. Késsia Marchi PHP Originalmente PHP era um assíncrono para Personal Home Page. De acordo com convenções para atribuições de nomes recursivas do GNU foi alterado para PHP Hypertext

Leia mais

CGI Common Gateway Interface. É um standard para transmitir dados entre um servidor web e uma aplicação externa

CGI Common Gateway Interface. É um standard para transmitir dados entre um servidor web e uma aplicação externa CGI Common Gateway Interface É um standard para transmitir dados entre um servidor web e uma aplicação externa Uma aplicação CGI é um programa que gera em tempo real um documento (normalmente HTML) que

Leia mais

Curso de Aprendizado Industrial Desenvolvedor WEB

Curso de Aprendizado Industrial Desenvolvedor WEB Curso de Aprendizado Industrial Desenvolvedor WEB Disciplina: Programação Orientada a Objetos II Professor: Cheli dos S. Mendes da Costa Modelo Cliente- Servidor Modelo de Aplicação Cliente-servidor Os

Leia mais

XSS - CROSS-SITE SCRIPTING

XSS - CROSS-SITE SCRIPTING Segurança XSS - CROSS-SITE SCRIPTING XSS - CROSS-SITE SCRIPTING Vamos supor a seguinte situação: O site ingenuo.com tem um fórum As pessoas escrevem comentários nesse fórum e eles são salvos diretamente

Leia mais

BANCO DE DADOS PARA WEB

BANCO DE DADOS PARA WEB BANCO DE DADOS PARA WEB PROF. FABIANO TAGUCHI http://fabianotaguchi.wordpress.com fabianotaguchi@gmail.com COOKIES E SESSÃO Se em algum momento for necessário armazenar informações sobre seus usuários

Leia mais

8. Tratamento de Arquivos

8. Tratamento de Arquivos 8. Tratamento de Arquivos Algumas vezes, uma aplicação precisa ler ou gravar dados em arquivos. Por exemplo: um contador de página da web deve ter acesso a um arquivo onde esteja armazenado o número de

Leia mais

www.victorpinheiro.jimdo.com www.victorpinheiro.jimdo.com

www.victorpinheiro.jimdo.com www.victorpinheiro.jimdo.com SERVIÇOS DE REDES DE COMPUTADORES Prof. Victor Guimarães Pinheiro/victor.tecnologo@gmail.com www.victorpinheiro.jimdo.com www.victorpinheiro.jimdo.com Modelo TCP/IP É o protocolo mais usado da atualidade

Leia mais

2 echo "PHP e outros.";

2 echo PHP e outros.; PHP (Hypertext Preprocessor) Antes de qualquer coisa, precisamos entender o que é o PHP: O PHP(Hypertext Preprocessor) é uma linguagem interpretada gratuita, usada originalmente apenas para o desenvolvimento

Leia mais

Aplicação web protegida

Aplicação web protegida Sua aplicação web é segura? SEGURANÇA Aplicação web protegida Aplicações web oferecem grandes riscos à segurança. Aprenda a proteger todos os elementos dessa complexa equação. por Celio de Jesus Santos

Leia mais

Autenticação. Muitas aplicações web necessitam de autenticar os utilizadores o On-line banking o Comercio electrónico o Sites com acesso restrito

Autenticação. Muitas aplicações web necessitam de autenticar os utilizadores o On-line banking o Comercio electrónico o Sites com acesso restrito Autenticação Muitas aplicações web necessitam de autenticar os utilizadores o On-line banking o Comercio electrónico o Sites com acesso restrito A autenticação é feita tipicamente através do nome e password

Leia mais

Aplicação Prática de Lua para Web

Aplicação Prática de Lua para Web Aplicação Prática de Lua para Web Aluno: Diego Malone Orientador: Sérgio Lifschitz Introdução A linguagem Lua vem sendo desenvolvida desde 1993 por pesquisadores do Departamento de Informática da PUC-Rio

Leia mais

Segurança no Desenvolvimento, Implantação e Operação de Sistemas de Informação Baseado na ISO 15408

Segurança no Desenvolvimento, Implantação e Operação de Sistemas de Informação Baseado na ISO 15408 Segurança no Desenvolvimento, Implantação e Operação de Sistemas de Informação Baseado na ISO 15408 Palestrante: Alexandre Sieira, CISSP Autores: Alexandre Correia Pinto, CISSP Alexandre Sieira, CISSP

Leia mais

Como funciona a plataforma Superlógica? - Livro 4 de 4. Como funciona a interface de integração? Como você poderá complementar o sistema?

Como funciona a plataforma Superlógica? - Livro 4 de 4. Como funciona a interface de integração? Como você poderá complementar o sistema? Como funciona a plataforma Superlógica? - Livro 4 de 4 API SUPERLÓGICA Como funciona a interface de integração? Como você poderá complementar o sistema? www.superlogica.com 0800 709 6800 https://github.com/superlogica/api

Leia mais

O sistema está pedindo que eu faça meu login novamente e diz que minha sessão expirou. O que isso significa?

O sistema está pedindo que eu faça meu login novamente e diz que minha sessão expirou. O que isso significa? Que tipo de navegadores são suportados? Preciso permitir 'cookies' O que são 'cookies' da sessão? O sistema está pedindo que eu faça meu login novamente e diz que minha sessão expirou. O que isso significa?

Leia mais

Comunicação entre Processos

Comunicação entre Processos Comunicação entre Processos Comunicação entre Processos - Sistemas Operacionais fornecem mecanismos para comunicação entre processos (IPC), tal como filas de mensagens, semáfaros e memória compartilhada.

Leia mais

Programando em PHP. Conceitos Básicos

Programando em PHP. Conceitos Básicos Programando em PHP www.guilhermepontes.eti.br lgapontes@gmail.com Conceitos Básicos Todo o escopo deste estudo estará voltado para a criação de sites com o uso dos diversos recursos de programação web

Leia mais

Aula 8: Servlets (III)

Aula 8: Servlets (III) Aula 8: Servlets (III) Diego Passos Universidade Federal Fluminense Técnicas de Projeto e Implementação de Sistemas II Diego Passos (UFF) Servlets (III) TEPIS II 1 / 30 Última Aula Respostas de requisições.

Leia mais

Segurança Web com PHP 5

Segurança Web com PHP 5 Segurança Web com PHP 5 Douglas V. Pasqua Zend Certified Engineer douglas.pasqua@gmail.com Objetivo Disseminar boas práticas para o desenvolvimento de código seguro em php. Exemplificar como são feitos

Leia mais

PROGRAMAÇÃO EM AMBIENTE WEB I

PROGRAMAÇÃO EM AMBIENTE WEB I PROGRAMAÇÃO EM AMBIENTE WEB I PROF. FABIANO TAGUCHI http://fabianotaguchi.wordpress.com fabianotaguchi@gmail.com COOKIES E SESSÃO 1 COOKIES E SESSÃO Se em algum momento for necessário armazenar informações

Leia mais

Redes de Computadores Camada de Aplicação. Prof. MSc. Hugo Souza

Redes de Computadores Camada de Aplicação. Prof. MSc. Hugo Souza Redes de Computadores Camada de Aplicação Prof. MSc. Hugo Souza É a camada que dispõe a programação para as aplicações de rede através dos protocolos de aplicação; Provém a implantação da arquitetura de

Leia mais

Redes TCP/IP. Prof. M.Sc. Alexandre Fraga de Araújo. alexandref@ifes.edu.br. INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Campus Cachoeiro de Itapemirim

Redes TCP/IP. Prof. M.Sc. Alexandre Fraga de Araújo. alexandref@ifes.edu.br. INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Campus Cachoeiro de Itapemirim Redes TCP/IP alexandref@ifes.edu.br Camada de Aplicação 2 Camada de Aplicação Algumas aplicações de rede E-mail Web Mensagem instantânea Login remoto P2P file sharing Jogos de rede multiusuário Telefonia

Leia mais

Prova de pré-requisito

Prova de pré-requisito Prova de pré-requisito Curso Python e Django 1. Ao se acessar o site www.google.com qual comando e parâmetros são enviados para o servidor pelo navegador? a. GET / b. GET www.google.com c. PAGE index.html

Leia mais

PHP Seguro Ernani Azevedo (PROCERGS DRE/ARS Unix)

PHP Seguro Ernani Azevedo (PROCERGS DRE/ARS Unix) PHP Seguro Ernani Azevedo (PROCERGS DRE/ARS Unix) 1 Introdução A linguagem PHP, por ser muito flexível, normalmente é utilizada de forma insegura, tanto pelo desenvolvedor quanto pelos administradores

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES. Prof. Evandro Cantú

REDES DE COMPUTADORES. Prof. Evandro Cantú REDES DE COMPUTADORES Prof. Evandro Cantú Prof. Evandro Cantú, evandro.cantu@ifpr.edu.br Slides adaptados de J. Kurose & K. Ross 2 Curso de Capacitação Intelbras Redes Computadores Maio 2007 Camada de

Leia mais

Universidade Federal de Mato Grosso

Universidade Federal de Mato Grosso Universidade Federal de Mato Grosso Programação III Curso de Ciência da Computação Prof. Thiago P. da Silva thiagosilva@ufmt.br Material basedado em [Kurose&Ross 2009] e [Gonçalves, 2007] Agenda Internet

Leia mais

Sumário. Capítulo 1 Revisão de PHP... 19. Capítulo 2 Melhorando o processamento de formulários... 46

Sumário. Capítulo 1 Revisão de PHP... 19. Capítulo 2 Melhorando o processamento de formulários... 46 9 Sumário O Autor... 8 Introdução... 15 Quem deve ler este livro... 15 Como este livro está organizado...16 Download do código-fonte do livro... 18 Capítulo 1 Revisão de PHP... 19 Iniciando em PHP... 19

Leia mais

Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Docente André Luiz Silva de Moraes

Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Docente André Luiz Silva de Moraes Roteiro 2: Introdução a Linguagem HTML Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Neste roteiro é explorada a linguagem HTML. A linguagem HTML (Hypertext Markup Language) é amplamente utilizada na construção

Leia mais

Java, HTTP, CGI e Linguagens de Scripting

Java, HTTP, CGI e Linguagens de Scripting Java, HTTP, CGI e Linguagens de Scripting Java e Engenharia de Software Orientada a Objetos por Jorge H. C. Fernandes (jorgehcfernandes@uol.com.br) 2003 Objetivos desta Aula Descrever o protocolo HTTP,

Leia mais

Segurança da Informação. Prof. Gleison Batista de Sousa

Segurança da Informação. Prof. Gleison Batista de Sousa Segurança da Informação Prof. Gleison Batista de Sousa Ao longo do tempo e com a evolução tecnologia surgiram uma quantidade enorme de problemas desafiadores relacionados a segurança da informação. Quais

Leia mais

ServerAdmin servermaster@projetointegrador.com - Se o sistema detectar algo de anômalo, um mail será enviado a bazar@projeointegador.

ServerAdmin servermaster@projetointegrador.com - Se o sistema detectar algo de anômalo, um mail será enviado a bazar@projeointegador. Fundamentos de Serviços IP Gestão da Tecnologia da Informação Módulo III - Noturno Alunos: Douglas Ferreira João Victor Alves Erik Souza Raphael Beghelli Introdução Neste trabalho acadêmico será apresentando

Leia mais

Instalando o WordPress em localhost

Instalando o WordPress em localhost Instalando o WordPress em localhost WordPress sem Mistério LEE ARAUJO htto://wordpresssemmisterio.com.br Sumário Instalando o WordPress em Localhost... 2 O Servidor web... 3 Iniciando o servidor... 6 Criação

Leia mais

Teleprocessamento e Redes

Teleprocessamento e Redes Teleprocessamento e Redes Aula 21: 06 de julho de 2010 1 2 3 (RFC 959) Sumário Aplicação de transferência de arquivos de/para um host remoto O usuário deve prover login/senha O usa duas conexões TCP em

Leia mais

rumo ao HTTP 2.0 o que vem por aí e o que você pode utilizar já com SPDY

rumo ao HTTP 2.0 o que vem por aí e o que você pode utilizar já com SPDY rumo ao HTTP 2.0 o que vem por aí e o que você pode utilizar já com SPDY Luiz Corte Real @srsaude Sérgio Lopes @sergio_caelum m a ç n la to n e review HTTP em 5 slides $ telnet www.caelum.com.br 80 Trying

Leia mais

FTP - Protocolo. O protocolo FTP é o serviço padrão da Internet para a transferência de arquivos entre computadores.

FTP - Protocolo. O protocolo FTP é o serviço padrão da Internet para a transferência de arquivos entre computadores. FTP FTP - Protocolo O protocolo FTP é o serviço padrão da Internet para a transferência de arquivos entre computadores. A partir do FTP usuários podem receber ou enviar arquivos de ou para outros computadores

Leia mais

Protocolo de Sinalização SIP

Protocolo de Sinalização SIP Protocolos de Sinalização Protocolos com processamento distribuído e clientes/terminais inteligentes SIP - Session Initiation Protocol, desenvolvido pelo IETF para comunicação multimídia pela Internet

Leia mais

Aula 14 Serviços Internet (Servidor Web Apache)

Aula 14 Serviços Internet (Servidor Web Apache) CST Redes de Computadores Disciplina: Serviços de Rede Professor: Jéferson Mendonça de Limas Aula 14 Serviços Internet (Servidor Web Apache) Roteiro de Aula Conceitos Básicos Funcionamento de Servidores

Leia mais

Aula 03 - Projeto Java Web

Aula 03 - Projeto Java Web Aula 03 - Projeto Java Web Para criação de um projeto java web, vá em File/New. Escolha o projeto: Em seguida, na caixa Categorias selecione Java Web. Feito isso, na caixa à direita selecione Aplicação

Leia mais