LIÇÃO 01 BUSCAR UNICAMENTE A DEUS O fim da dinastia de Saul

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "LIÇÃO 01 BUSCAR UNICAMENTE A DEUS O fim da dinastia de Saul"

Transcrição

1 LIÇÃO 01 BUSCAR UNICAMENTE A DEUS O fim da dinastia de Saul 1. Quais semelhanças espirituais há entre Judá, no 5º e 4º séculos a.c. e a igreja de hoje? 2. O que cada geração deve fazer, de acordo com 1 e 2Crônicas? 3. Descreva com suas palavras a ruína da casa de Saul. 4. De acordo com 1Crônicas , quais foram os três pecados cometidos por Saul? 5. De que modo falhamos ao deixar de buscar a Deus? Cite pelo menos três exemplos. 6. Qual é o duplo significado do termo remanescente? 7. O que o texto estudado nos ensina sobre Deus e o modo como ele se relaciona conosco? 8. A partir do que aprendi, qual será sua reação? 1

2 LIÇÃO 02 BUSCAR A DEUS COM FÉ A aliança davídica 1. O que significa o vocábulo casa em 1 e 2Crônicas? 2. A fé verdadeira produz desejos santos a vontade de fazer algo edificante para a glória de Deus. Quais coisas boas, relacionadas à igreja ou à vida espiritual, você desejou fazer, depois de sua conversão? 3. Explique, com suas próprias palavras, a aliança que Deus firmou com Davi. 4. Como você costuma reagir quando suas intenções, por melhores que possam parecer, acabam sendo frustradas? Por que você reage assim? 5. Como você tem correspondido à Palavra de Deus? Quais aspectos do procedimento de Davi mais falaram ao seu coração? Por quê? 6. Seria possível encontrar semelhanças entre a experiência de Davi e a nossa caminhada com Deus? Quais? 7. De acordo com esta lição, o desejo de um crente pode ser frustrado? Por quê? 2

3 LIÇÃO 03 BUSCAR A DEUS COM HUMILDADE Deus e o templo de Salomão 1. O que leva os homens de todas as culturas e tempos a construírem santuários? 2. Há alguma semelhança entre as dúvidas dos crentes no 4º e 5 º séculos a.c., e da mulher samaritana (Jo )? 3. Por que 1Crônicas 17 e 2 Crônicas 7 são considerados pilares teológicos da obra do cronista? 4. Em que aspecto a opinião dos samaritanos sobre o culto a Deus divergia do ensino do cronista? 5. Em que aspecto o ensino do cronista sobre o templo é diferente da ciência naturalista (Psicologia, Antropologia, Sociologia, Biologia, etc.)? 6. O fato de Deus haver santificado (ou reservado) aquele templo do uso comum tem alguma implicação para o uso que fazemos dos templos atuais? Justifique sua resposta. 3

4 7. Como você reage ao saber que a santificação do templo equivale à santificação dos adoradores? 8. O que mais chama sua atenção em 2Crônicas 7.14? Por quê? 9. De que modo essa palavra de Deus a Salomão (2Cr ) poderia ajudar aos leitores originais de 1 e 2Crônicas? O que a presente lição ensina sobre o culto a Deus? Em sua opinião, o que o texto estudado nos diz sobre Deus e o modo como ele se relaciona conosco? 4

5 LIÇÃO 04 BUSCAR A DEUS COM INTEGRIDADE A busca parcial de Roboão 1. Mencione as necessidades básicas da igreja que estudamos até agora. Explique em suas palavras cada uma delas. 2. Em que medida pais que não são crentes influenciam na vida espiritual de seus filhos crentes, e vice-versa? 3. Quais são as ameaças espirituais mais frequentes nas vidas daqueles que foram criados dentro da igreja? 4. Deus mudou a forma de tratar a igreja hoje, no que diz respeito à disciplina? 5. O conhecimento da obra redentora de Cristo produz santificação? Explique isso. 6. Como você tem buscado a Deus? Sua busca tem sido plena ou parcial? Explique. 5

6 7. Em toda a Bíblia há um fio de ouro que conduz a Cristo. Você enxerga isso em 1 e 2Crônicas? Explique. 8. A partir do (mau) exemplo de Roboão, como deve ser a relação entre a juventude (nova geração) e os anciãos (a velha geração), no lar e na igreja? 9. Considerando que a fé salvadora sofre oscilações (mostra-se fraca ou forte em diferentes contextos ver Confissão de Fé de Westminster 14.3), que cuidados devemos tomar para buscar a Deus com integridade? (cf. CFW 14.1) 6

7 LIÇÃO 05 BUSCAR A DEUS COM SINCERIDADE Revitalização espiritual nos tempos de Ezequias 1. Descreva três aspectos encontrados nas igrejas de hoje que evidenciam uma assimilação dos valores deste mundo: a) b) c) 2. Qual a importância dos profetas Miqueias e Isaías para o reinado de Ezequias? 3. A obra mais importante de Ezequias foi política, militar ou religiosa? Explique sua resposta. 4. Qual a importância da liderança para a revitalização da igreja? 5. O que deve ser retirado de sua vida, para que você seja santificado para Deus? 6. Qual parte do ensino sobre culto chamou mais sua atenção? Por quê? 7. Dos aspectos da busca de Deus sugeridos até agora pelo Cronista, qual você considera mais urgente e por quê? 8. Em que sentido a igreja atual precisa de revitalização? E como você pode contribuir para que isso aconteça? 7

8 LIÇÃO 06 BUSCAR A DEUS COM ZELO O legado de Josias 1. Com base nessa introdução, em que sentido Josias foi um rei singular? 2. Faça uma pausa para orar. Suplique a Deus que retire de sua vida qualquer crença errada ou ídolo que esteja impedindo sua caminhada espiritual. 3. Em sua opinião, qual das medidas de Josias foi mais difícil? Por quê? 4. Em sua opinião, dentre as aplicações mostradas acima, há alguma que seja válida para a igreja atual? Explique a razão de sua escolha. 5. Qual a utilidade desse ensino sobre renovação da aliança para sua vida pessoal, familiar e para a igreja? 6. Diante do exemplo negativo de Josias, como deve ser nossa caminhada espiritual? 7. O que esta lição nos ensina sobre a fidelidade e graça de Deus? 8

9 LIÇÃO 07 BUSCAR A DEUS COM DISCERNIMENTO Zedequias, o cativeiro e a libertação de Judá 1. Por que o relato sobre os últimos reis de Judá contém uma sucessão de desapontamentos? 2. Cite os três pecados cometidos pelo rei Zedequias: 3. Resuma o comportamento do povo de Judá utilizando uma só palavra: 4. A ideia de disciplina divina é popular hoje? Por quê? 5. Em duplas, compartilhe experiências relacionadas ao amor restaurador de Deus. Finalize com orações de ações de graças. 9

10 LIÇÃO 08 OS REMANESCENTES INSISTEM NA ADORAÇÃO 1. Qual a importância da reconstrução do altar naquele período? 2. De que modo o altar apontava para Cristo? Explique. 3. O que a figura do altar comunica aos crentes atuais? 4. Quais são as dificuldades atuais para a prática da unidade na adoração da igreja? O que poderia ser feito para melhorar a situação? 5. Qual foi o resultado imediato da oposição? (Ne 4.24) 6. Escreva com suas palavras um resumo da aula de hoje. 7. Deus guardou o remanescente fiel. Como responder ao seu amor cuidadoso? 8. O que você tem feito como agente da aliança para o desenvolvimento do reino de Deus? 9. De que maneira este capítulo o incentiva sobre seu relacionamento com Deus? 10

11 LIÇÃO 09 OS REMANESCENTES PRECISAM DE INSTRUÇÃO 1. Que resposta você daria a essas duas perguntas? Por quê? 2. Quem foi Esdras? (v.1-10) 3. Esdras seria considerado hoje um teórico. Como você enxerga os teólogos da igreja? 4. O contato entre Esdras e Artaxerxes sugere que ele soube dialogar com o poder vigente. Como você acha que deve ocorrer, hoje, o diálogo entre a igreja e as autoridades públicas? 5. Como é o ministério de educação cristã em sua igreja? Você acha que ele é importante? Por quê? 6. O que aprendemos sobre o chamado de Deus para o serviço, com base nesta passagem? 11

12 LIÇÃO 10 OS REMANESCENTES VENCEM AS DISTRAÇÕES 1. Com base nos parágrafos anteriores, o que podemos dizer acerca de Neemias? 2. Cite três distrações que têm assediado a igreja contemporânea: 3. Agora liste o perigo que essas distrações podem trazer à igreja: 4. Escreva o que você entendeu acerca da tragédia das distrações. 5. O que mais chamou sua atenção neste ponto da lição? Por quê? 6. Cite os nomes dos antagonistas de Neemias, e as ações de cada um. 7. Em que sentido a distração é perigosa ou prejudicial? 8. A partir do que você aprendeu nesta lição, escreva uma pequena carta oração alertando sua igreja quanto aos perigos da distração e suas consequências. 12

13 LIÇÃO 11 OS REMANESCENTES SÃO FIRMES 1. Quais os compromissos que Neemias, os líderes e o povo de Judá assumiram ao estabelecer a aliança fiel de andarem na Lei de Deus? (Ne ). 2. Qual foi a reação de Neemias ao ver a aliança estabelecida por Deus ser quebrada? Como você reage quando isso acontece na igreja? 3. O que deve ser feito para que nos envolvamos mais com os problemas que surgem ao nosso redor de modo a solucioná-los? 4. Identifique três compromissos da aliança que não estavam sendo cumpridos? a) (v.10-11) b) (v.17-22) c) (v.23-28) 5. Descreva o que Neemias fez para corrigir os erros de seu povo e agradar a Deus. a) (v.7-9) b) (v.11-13) c) (v.12-22) d) (v.23-28) e) (v.30) 6. O que Neemias nos ensina sobre o exercício legítimo da autoridade dos líderes? 7. Que diferença você fará em sua igreja se assumir o mesmo zelo com a pureza espiritual encontrado em Neemias? 13

14 LIÇÃO 12 SOBERANIA, PROVIDÊNCIA E CIRCUNSTÂNCIAS 1. Como os cristãos encaram, na prática, a soberania de Deus? 2. Qual foi o contexto histórico do livro de Ester? 3. Qual cuidado devemos ter ao ler histórias bíblicas? Seus personagens são sempre bons exemplos para nós? 4. Explique a trama de Hamã e como Mordecai interpretou os eventos para Ester 5. Como Ester viu a combinação de confiança e ação? Como ela agiu? 6. Descreva o plano de ação de Ester. 7. O que representou a prática de oração e jejum para Ester e para os judeus? 14

15 8. De que modo o jejum dos judeus ajudou a sua prática da oração? 9. Ester correu o risco de agir contra a lei. O que isso nos ensina? 10. Até que ponto o crente deve correr riscos para ser fiel aos seus valores? 11. O que a história de Ester nos ensina? 12. A partir do que aprendeu qual é a sua decisão? 15

16 LIÇÃO 13 MORDECAI, UM HOMEM COMPROMETIDO COM SEU POVO 1. Qual seria a possível razão do conflito entre Hamã e Mordecai? 2. Em Ester , ainda que o texto não mencione o nome de Deus, vemos a intervenção divina em favor do seu povo. Que elementos comprovam isso? 3. Qual a importância e o significado da declaração feita pelos sábios e a esposa de Hamã registrada em Ester 6.13? 4. Quais foram os sentimentos de Hamã em relação ao primeiro e segundo banquetes que Ester havia preparado? (cf. Et ; ) 5. O que aponta a salvação para Israel nos capítulos 8 e 9? Explique. 6. Comparando Ester 9.10,15 com 1Samuel , o que é indicado no fato de os judeus não terem tocado nos despojos de seus inimigos? 7. A partir do que foi estudado hoje, que segurança encontramos em Deus? Por quê? 16

conheça sua Bíblia Estudos Panorâmicos no AT e NT TODA QUINTA-FEIRA - DAS 19H30 ÀS 21H - RUA JOSÉ ALVES GUEDES, JD. SONIA JAGUARIÚNA/SP

conheça sua Bíblia Estudos Panorâmicos no AT e NT TODA QUINTA-FEIRA - DAS 19H30 ÀS 21H - RUA JOSÉ ALVES GUEDES, JD. SONIA JAGUARIÚNA/SP TODA QUINTA-FEIRA - DAS 19H30 ÀS 21H - RUA JOSÉ ALVES GUEDES, 1332 - JD. SONIA JAGUARIÚNA/SP 1 e 2 Samuel! DATA: Indefinida Abrangência: Do nascimento de Samuel ao fim do reinado de Davi (1.100 A.C. a

Leia mais

SEGUNDA ESTAÇÃO: ORAÇÃO

SEGUNDA ESTAÇÃO: ORAÇÃO ROTEIRO 1 ENCONTRO: Que oração sua foi respondida e marcou sua vida? EXALTAÇÃO: Ler o Salmo 61, dividir em duplas e agradecer a Deus, que sempre responde às nossas orações. Cânticos sugeridos: Aclame ao

Leia mais

LIÇÃO 1 A LEI E A ALIANÇA Êxodo 19

LIÇÃO 1 A LEI E A ALIANÇA Êxodo 19 LIÇÃO 1 A LEI E A ALIANÇA Êxodo 19 1. Antes de entregar a lei, Deus já havia feito uma aliança com o povo. Em Êxodo 19.1-4, Deus lembra o povo do seu pacto, confirmado demonstrado em um fato. Qual é o

Leia mais

Recordando e refletindo

Recordando e refletindo MARCOS - O EVANGELHO DO SERVIÇO Recordando e refletindo ESTUDO 39 Lição 1 Chegam ao mundo as Boas Novas 1. Por que Gn 3.15 recebeu o nome de primeiro evangelho? 2. Identifique as qualidades de João Batista:

Leia mais

Programa de Leitura da Bíblia. Teologia Faberj. Lâmpada para os meus pés é a Tua Palavra e luz para os meus caminhos.

Programa de Leitura da Bíblia. Teologia Faberj. Lâmpada para os meus pés é a Tua Palavra e luz para os meus caminhos. Lâmpada para os meus pés é a Tua Palavra e luz para os meus caminhos. (Salmo 119:105) 0 PROGRAMA DE LEITURA DA BÍBLIA A leitura da Bíblia Sagrada é de suma importância para todos os estudantes da Palavra

Leia mais

REGULAMENTO OFICIAL. Alfabeto Bíblico

REGULAMENTO OFICIAL. Alfabeto Bíblico REGULAMENTO OFICIAL Alfabeto Bíblico Tem como objetivo levar o competidor a encontrar na Bíblia versículos que comecem com cada letra do alfabeto da língua portuguesa e contenham em seu texto, uma palavra-chave,

Leia mais

Paulo usa a metáfora da árvore sagrada do versículo 16. Nesta ilustração reveladora, ele ressalta que, embora a maioria dos ramos (os judeus) que por

Paulo usa a metáfora da árvore sagrada do versículo 16. Nesta ilustração reveladora, ele ressalta que, embora a maioria dos ramos (os judeus) que por Paulo usa a metáfora da árvore sagrada do versículo 16. Nesta ilustração reveladora, ele ressalta que, embora a maioria dos ramos (os judeus) que por sua incredulidade foram quebrados... (Romanos 11:20)

Leia mais

OS PROFETAS MENORES RESUMO

OS PROFETAS MENORES RESUMO OS PROFETAS MENORES RESUMO Os doze livros que compõem os Profetas Menores variam em data entre os séculos VIII e V a.c LIÇÃO 2, OSÉIAS A FIDELIDADE NO RELACIONAMENTO COM DEUS O ESBOÇO DO LIVRO DE OSEIAS

Leia mais

VERSÍCULO PARA MEMORIZAR: Achei Davi, filho de Jessé, homem segundo o meu coração, que fará toda a minha vontade. (Atos 13.22b)

VERSÍCULO PARA MEMORIZAR: Achei Davi, filho de Jessé, homem segundo o meu coração, que fará toda a minha vontade. (Atos 13.22b) OBJETIVO: Que a criança entenda a importância de ouvir a Deus, de ser separado para ele e de servi-lo. E compreenda que é preciso reconhecer a voz de Deus em qualquer lugar e situação. VERSÍCULO PARA MEMORIZAR:

Leia mais

LIÇÃO 1 O QUE É AVIVAMENTO. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 1 O QUE É AVIVAMENTO. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 1 O QUE É AVIVAMENTO Prof. Lucas Neto A GLÓRIA É DE DEUS INTRODUÇÃO MANIFESTAÇÃO GLORIOSA DO E. S. O avivamento como uma manifestação gloriosa do Espírito Santo nos remete a um inabalável fortalecimento

Leia mais

SÍNTESE DO VELHO TESTAMENTO II CRÔNICAS

SÍNTESE DO VELHO TESTAMENTO II CRÔNICAS 0 SÍNTESE DO VELHO TESTAMENTO II CRÔNICAS Professora Sara Victalino Gueiros Dodd Instituto Bíblico da Igreja Cristã Maranata 2016 Todos os direitos reservados. A reprodução não autorizada desta publicação,

Leia mais

7ª LIÇÃO O SERMÃO DO MONTE

7ª LIÇÃO O SERMÃO DO MONTE Sermão 7 1 7ª LIÇÃO O SERMÃO DO MONTE F. O JEJUM (Mateus 6:16-18) 1. Jejuar = abster-se de comida e bebida. 2. A frequência do jejum pelos judeus: a. Sob a lei mosaica se exigia o jejum UMA VEZ por ano

Leia mais

NOSSA SENHORA APARECIDA

NOSSA SENHORA APARECIDA NOSSA SENHORA APARECIDA Denilson Aparecido Rossi Nossa Senhora Aparecida 1 REFLETINDO No corrente ano de 2017, estamos celebrando os 300 anos da aparição de Nossa Senhora Aparecida. Lembramos que essa

Leia mais

Preparado por: Pr. Wellington Almeida LIÇÃO. O Evangelho. Mateus

Preparado por: Pr. Wellington Almeida LIÇÃO. O Evangelho. Mateus Preparado por: Pr. Wellington Almeida JERUSALÉM10 LIÇÃO JESUS EM O Evangelho Mateus de LIÇÃO - II TRI 2016 10 INTRODUÇÃO esboço Os títulos de cada dia foram ajustados a proposta de termos uma idéia essencial

Leia mais

LIÇÃO 1 Por que liderança masculina? Atos 14.23; Tito 1.5-9

LIÇÃO 1 Por que liderança masculina? Atos 14.23; Tito 1.5-9 LIÇÃO 1 Por que liderança masculina? Atos 14.23; Tito 1.5-9 1. Considerando as grandes mudanças ocorridas na sociedade, como a igreja deve responder a elas à luz do ensino do NT? A resposta é se adequar

Leia mais

Aula 2. Até sexta, pela Graça de Deus, bons estudos.

Aula 2. Até sexta, pela Graça de Deus, bons estudos. Aula 2 Prezados professores, estou enviando os slides ( texto definitivo) da nossa aula 2 baseada nos capítulos 2, 10 e 12 do nosso livro e na nossa confissão de fé. Sugerimos que leiam novamente os três

Leia mais

ORANDO COM NEEMIAS. André Fontana Ibaviva março 2016

ORANDO COM NEEMIAS. André Fontana Ibaviva março 2016 ORANDO COM NEEMIAS André Fontana Ibaviva março 2016 O PERSONAGEM PRINCIPAL SEU NOME - Confortador dado por Deus ou aquele que consola ; NACIONALIDADE - Judeu nascido no cativeiro; OCUPAÇÃO - Nessa época,

Leia mais

Currículo Cultura Cristã. Matriz curricular

Currículo Cultura Cristã. Matriz curricular Currículo Cultura Cristã Matriz curricular SÉRIE PASSOS (para crianças não alfabetizadas) PRIMEIROS PASSOS (2 e 3 anos) 1. O cuidado de Deus 2. Sou do Papai do céu 3. Tudo era bom 4. Tudo era muito bom

Leia mais

"Ajuntai tesouros no céu" - 4

Ajuntai tesouros no céu - 4 "Ajuntai tesouros no céu" - 4 Mt 6:19-21 Esta é a quarta mensagem, de uma sequência de palavras onde temos sido ministrados e levados por Deus a compreender melhor os valores do seu Reino, e assim, termos

Leia mais

1. DUAS SEMANAS SOBRE A VIDA E OS ENSINOS DE JESUS

1. DUAS SEMANAS SOBRE A VIDA E OS ENSINOS DE JESUS PLANO DE LEITURA DA BÍBLIA PRIMEIRA SEQUÊNCIA: INTRODUÇÃO À BÍBLIA TEMPO NECESSÁRIO: Duas semanas OBJETIVO: Obter um conhecimento geral dos fundamentos bíblicos A Primeira Sequência é para quem está começando

Leia mais

Reivindicações Especificas da Inspiração no Antigo Testamento

Reivindicações Especificas da Inspiração no Antigo Testamento Reivindicações Especificas da Inspiração no Antigo Testamento A discussão a este ponto tem-se centrado em alguns textos principais que reivindicam inspiração para a Bíblia. Agora se deve dar atenção às

Leia mais

Romanos 8 é um dos mais belos capítulos da Bíblia. Se o capítulo 7 fala de tensão, frustração e derrota temporária, o capítulo 8 fala da vitória.

Romanos 8 é um dos mais belos capítulos da Bíblia. Se o capítulo 7 fala de tensão, frustração e derrota temporária, o capítulo 8 fala da vitória. Romanos 8 é um dos mais belos capítulos da Bíblia. Se o capítulo 7 fala de tensão, frustração e derrota temporária, o capítulo 8 fala da vitória. Um dos símbolos mais conhecidos para simbolizar a vitória

Leia mais

CONVENÇÃO BATISTA FLUMINENSE Revista Palavra e Vida Sugestões Didáticas - 3º Trimestre/2013

CONVENÇÃO BATISTA FLUMINENSE Revista Palavra e Vida Sugestões Didáticas - 3º Trimestre/2013 CONVENÇÃO BATISTA FLUMINENSE Revista Palavra e Vida Sugestões Didáticas - 3º Trimestre/2013 ENSINAR É... Aprender é descobrir aquilo que você já sabe. Ensinar é lembrar aos outros que eles sabem tanto

Leia mais

Jesus Prepara sua Morte

Jesus Prepara sua Morte Jesus Prepara sua Morte Texto base Marcos 14. 15-20 Introdução Jesus é ungido em Betânia Marcos 14. 3.9 Quais as características do gesto (Obra) dessa mulher: - Amor... v3 - Sacrifício... - Fé - Oportuna...

Leia mais

Palavra & Vida Sugestões Didáticas 3 T/2012

Palavra & Vida Sugestões Didáticas 3 T/2012 Palavra & Vida Sugestões Didáticas 3 T/2012 Dulce Helena da Silva Mota de Lima Educadora Religiosa / Professora e Assistente Social LIÇÃO 10 O RETORNO ÀS ESCRITURAS Texto: Neemias 8 Objetivos da lição

Leia mais

Descrição Aliança Referência. Instruções de conservação e leitura pública Garantias/Leitura Dt. 27:2-3

Descrição Aliança Referência. Instruções de conservação e leitura pública Garantias/Leitura Dt. 27:2-3 Introdução ao Livro de Deuteronômio - A nova geração Ao contrário do que o nome, vindo do grego, sugere, Deuteronômio não se trata de uma segunda lei, mas é uma recapitulação, para a nova geração pós-êxodo,

Leia mais

Igreja Presbiteriana do Grajaú Escola Bíblica Dominical

Igreja Presbiteriana do Grajaú Escola Bíblica Dominical Igreja Presbiteriana do Grajaú Escola Bíblica Dominical Avivamento Bíblico.aviva a tua obra, ó SENHOR, no decorrer dos anos, no decurso dos anos faze-a conhecida... abacuque 3.2b Pb. Ivo Trosdtorf Introdução

Leia mais

Grupos no judaísmo na. época de Jesus

Grupos no judaísmo na. época de Jesus Grupos no judaísmo na época de Jesus Nome Origem Conceitos Jörg Garbers Ms. de Teologia Os Fariseus Nome: os que se separam, os separados. Origem: Eles têm a sua origem teológico junto com os Essênios

Leia mais

A História da Redenção em Levítico

A História da Redenção em Levítico LEVITICO A História da Redenção em Levítico Levítico Hebreus Wayyiqra (Chamou o Senhor) Septuaginta Levítico (Devido a ênfase dada sobre o sacerdócio) Ênfase na Pessoa de Deus Santidade e provisão de Deus

Leia mais

A unção com óleo OBJETIVO

A unção com óleo OBJETIVO A unção com óleo Está alguém entre vós doente? Chame os presbíteros da igreja, e orem sobre ele, ungindo-o com azeite em nome do Senhor; e a oração da fé salvará o doente, e o Senhor o levantará; e, se

Leia mais

1ª edição Projeto Timóteo Como Preparar e Realizar Cultos Apostila do Orientador

1ª edição Projeto Timóteo Como Preparar e Realizar Cultos Apostila do Orientador Como Preparar e Realizar Cultos www.projeto-timoteo.org 1ª edição Projeto Timóteo Apostila do Orientador Como Preparar e Realizar Cultos www.projeto-timoteo.org 1ª edição Projeto Timóteo Coordenador do

Leia mais

Currículo Cultura Cristã. Matriz curricular

Currículo Cultura Cristã. Matriz curricular Currículo Cultura Cristã Matriz curricular SÉRIE PASSOS (para crianças não alfabetizadas) PRIMEIROS PASSOS ( e 3 anos) 1. O cuidado de Deus. Sou do Papai do céu 3. Tudo era bom 4. Tudo era muito bom Identificar

Leia mais

1.! Quem'somos?' 2.! Visão'

1.! Quem'somos?' 2.! Visão' 1. Quem'somos?' Perspectivas é um movimento internacional que une cristãos no propósito de pensarepotencializarseuenvolvimentonatarefadeglorificaradeusentretodosos povos. Oferecemos12temposdereflexãosobreaMissioDei,nasperspectivasBíblica,

Leia mais

LINHA DO TEMPO DE EVENTOS BÍBLICOS IMPORTANTES. Esta breve linha do tempo representa os eventos-chave cobertos pela Bíblia:

LINHA DO TEMPO DE EVENTOS BÍBLICOS IMPORTANTES. Esta breve linha do tempo representa os eventos-chave cobertos pela Bíblia: Você se sentirá mais confiante sobre seus estudos bíblicos quando vir a linha do tempo dos eventos importantes narrados na Bíblia, tiver uma compreensão dos livros que a compõem e como eles são organizados,

Leia mais

KJV King James Bible Study Correspondence Course An Outreach of Highway Evangelistic Ministries 5311 Windridge lane ~ Lockhart, Florida ~ USA

KJV King James Bible Study Correspondence Course An Outreach of Highway Evangelistic Ministries 5311 Windridge lane ~ Lockhart, Florida ~ USA 1 Oferta Lição 10 (volte para as páginas 4, 5 e 6) Qual é o significado da oferta e quais são as minhas responsabilidades nesta área? O assunto da oferta é extremamente controverso na cristandade hoje

Leia mais

SÍNTESE DO VELHO TESTAMENTO I CRÔNICAS

SÍNTESE DO VELHO TESTAMENTO I CRÔNICAS 0 SÍNTESE DO VELHO TESTAMENTO I CRÔNICAS Professora Sara Victalino Gueiros Dodd Instituto Bíblico da Igreja Cristã Maranata 2016 Todos os direitos reservados. A reprodução não autorizada desta publicação,

Leia mais

Lição n.º 6 - A UNIDADE DA BÍBLIA

Lição n.º 6 - A UNIDADE DA BÍBLIA Lição n.º 6 - A UNIDADE DA BÍBLIA Lição n.º 6 (Início) Objeto de estudo: Reconhecer o fato de que a unidade da Bíblia é uma das provas de sua autenticidade! 1 Versículo-chave: Cl 1.26-27 O ministério que

Leia mais

MOISÉS FOI USADO POR DEUS NÃO POR CAUSA DE SUA CAPACIDADE, TALENTOS OU DONS, MAS PORQUE ELE CREU EM DEUS E SIMPLESMENTE OBEDECEU.

MOISÉS FOI USADO POR DEUS NÃO POR CAUSA DE SUA CAPACIDADE, TALENTOS OU DONS, MAS PORQUE ELE CREU EM DEUS E SIMPLESMENTE OBEDECEU. DEUS QUER USAR VOCÊ! Parte 4 QUEM PODE SER USADO POR DEUS? vaso para honra, santificado, útil para o Senhor e preparado para toda boa obra. - 2Tm 2:21 MOISÉS FOI USADO POR DEUS NÃO POR CAUSA DE SUA CAPACIDADE,

Leia mais

LIÇÃO 1 ENSINANDO COM AUTORIDADE Mateus 5.1-2;

LIÇÃO 1 ENSINANDO COM AUTORIDADE Mateus 5.1-2; LIÇÃO 1 ENSINANDO COM AUTORIDADE Mateus 5.1-2; 7.28-29 1. Jesus ensinava. Encontre no Sermão do Monte exemplos do uso das seguintes estratégias pedagógicas: a) ilustrações: b) aplicações: c) linguagem

Leia mais

PARTICIPE: ORAÇÃO E JEJUM TODAS AS TERÇAS-FEIRAS

PARTICIPE: ORAÇÃO E JEJUM TODAS AS TERÇAS-FEIRAS DATA ATIVIDADES HORÁRIO DIREÇÃO PRELETOR 2 SÁB 3 DOM Culto de Louvor 18:00 AVAIR 5 TER CULTO NO LAR DO Ir. RAIMUNDO 20:00 7 QUI CULTO DE ORAÇÃO 20:00 RAIMUNDO AVAIR 9 SÁB Culto das irmãs 18:00 10 DOM ESCOLA

Leia mais

Fev Sinal. Início Crise

Fev Sinal. Início Crise Fev 2015 Sinal Crise Início 2016 2015 Momento de avaliação 2015 Momento de avaliação Daquele homem muito religioso Daquele que muita gente gostava Daquele cuja vida era tudo virtual Do que fora na vida

Leia mais

Estudo 01 Guia do Par cipante

Estudo 01 Guia do Par cipante Estudo 01 Guia do Par cipante 01 PREFÁCIO Vivemos numa sociedade caracterizada pela ausência de grandes líderes. Líderes que defendam ideais e inspirem outros a sonhar com um mundo melhor. Líderes que

Leia mais

Fatos: Acontecimentos: - A criação - O dilúvio - Formação do povo de Deus - Vida no deserto - Conquista da terra prometida - As dominações

Fatos: Acontecimentos: - A criação - O dilúvio - Formação do povo de Deus - Vida no deserto - Conquista da terra prometida - As dominações O Antigo Testamento é uma coleção de 39 livros onde encontramos a história de Israel, o povo que Deus escolheu para com ele fazer uma aliança. Portanto, o Antigo Testamento é a história de um povo: mostra

Leia mais

Religiões Proféticas

Religiões Proféticas Religiões Proféticas O QUE É RELIGIÃO? Religião é uma fé, uma devoção a tudo que é considerado sagrado. É um culto que aproxima o homem das entidades a quem são atribuídas poderes sobrenaturais. É uma

Leia mais

O Reino de Deus. Estudo Bíblico e Sistemático

O Reino de Deus. Estudo Bíblico e Sistemático O Reino de Deus Estudo Bíblico e Sistemático Antigo Testamento Sl 103.19 Deus é visto como o rei da criação, tendo domínio sobre todos os aspectos da criação (inanimados, animados e humanos). Ao criar

Leia mais

Vivendo a Vida Santa

Vivendo a Vida Santa Livrinho 2 Pàgina 35 Lição Cinco Vivendo a Vida Santa Pode você descrever numa só palavra a qualidade de vida que procura levar? Muitas e variadas respostas são dadas a essa pergunta. Mas, da perspectiva

Leia mais

Cristologia SEFO Igreja Evangélica Assembleia de Deus Ministério Madureira Campo de Mogi das Cruzes

Cristologia SEFO Igreja Evangélica Assembleia de Deus Ministério Madureira Campo de Mogi das Cruzes Cristologia SEFO 2013 Por Fábio 4ª Codo Aula Igreja Evangélica Assembleia de Deus Ministério Madureira Campo de Mogi das Cruzes E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação

Leia mais

Adorar em Espírito e Verdade

Adorar em Espírito e Verdade Adorar em Espírito e Verdade Adorar em Espírito e Verdade João 4.1-24 Quando chegamos aos cultos, ou em especial nos cultos de domingo, ouvimos sempre das pessoas que estão dirigindo o culto, vamos ouvir

Leia mais

EBD CONSOLIDAÇÃO O Ano da Adoração

EBD CONSOLIDAÇÃO O Ano da Adoração EBD CONSOLIDAÇÃO 2015 O Ano da Adoração FAMÍLIA CRISTÃ "Centro de Formação de Adoradores - Estudos de Casos" Pb. André Buarque Pb. José Inácio Objetivo Geral Contribuir na consolidação de sua fé e caráter

Leia mais

O livro continua a avaliação do sentido e da função da autoridade.

O livro continua a avaliação do sentido e da função da autoridade. O 2º Livro de Samuel continua a narração do primeiro. O núcleo do livro é a figura de DAVI, cuja história começa no 1º livro de Samuel capítulo 16. O livro traz também as lutas dos pretendentes para suceder

Leia mais

O OBREIRO CRISTÃO Por Marian Brandt

O OBREIRO CRISTÃO Por Marian Brandt O OBREIRO CRISTÃO O OBREIRO CRISTÃO Por Marian Brandt Universidade Global (UG) Instituto de Correspondência Internacional (ICI) 1211 South Glenstone Avenue Springfield, Missouri 65804 USA Endereço do

Leia mais

CAPÍTULO 03 PERNAS QUE DÃO SUPORTE

CAPÍTULO 03 PERNAS QUE DÃO SUPORTE CAPÍTULO 03 PERNAS QUE DÃO SUPORTE Nossas pernas dão suporte ao nosso corpo inteiro e nos permitem andar, correr e pular. A facilitação na célula da suporte aos membros do grupo, capacitando-os a e x e

Leia mais

AS PROMESSAS DE DEUS.

AS PROMESSAS DE DEUS. AS PROMESSAS DE DEUS. Texto 2 Co 1.20 Introdução: Num tempo em que muitos cristãos se encontram abatidos e preocupados com vários problemas da vida, as promessas de DEUS são fundamentais. Essas promessas

Leia mais

LIÇÃO 9 MISSÃO CUMPRIDA! Texto: Neemias 6 e 7.

LIÇÃO 9 MISSÃO CUMPRIDA! Texto: Neemias 6 e 7. Neemias investiu tempo conscientizando os judeus em busca da unidade de pensamento. Eles trabalharam unidos pela reconstrução Palavra dos muros & Vida (2,17; 4.15). Sugestões Didáticas 3 T/2012 Dulce Helena

Leia mais

A Declaração de Jerusalém

A Declaração de Jerusalém A Declaração de Jerusalém Introdução Preocupados em estabelecer fundamentos sobre os quais a igreja deve buscar a expansão do cristianismo, representantes anglicanos de todo o mundo firmaram princípios

Leia mais

SÍNTESE DO VELHO TESTAMENTO II REIS

SÍNTESE DO VELHO TESTAMENTO II REIS 0 SÍNTESE DO VELHO TESTAMENTO II REIS Professora Sara Victalino Gueiros Dodd Instituto Bíblico da Igreja Cristã Maranata 2016 Todos os direitos reservados. A reprodução não autorizada desta publicação,

Leia mais

Sim! Quero tornar-me um Cristão por David Batty

Sim! Quero tornar-me um Cristão por David Batty Sim! Quero tornar-me um Cristão por David Batty Lição103 Primeira Edição Nome do Aluno Data do Início Data do Fim Sim! Quero Tornar-me um Cristão Lição 103 David Batty 1ª Edição As referências Bíblicas

Leia mais

Título: AS ESCRITURAS Autor: C. H. MACKINTOSH. Literaturas em formato digital:

Título: AS ESCRITURAS Autor: C. H. MACKINTOSH. Literaturas em formato digital: Título: AS ESCRITURAS Autor: C. H. MACKINTOSH Literaturas em formato digital: www.acervodigitalcristao.com.br Literaturas em formato Impresso: www.verdadesvivas.com.br Evangelho em 03 Minutos: www.3minutos.net

Leia mais

Devocional. Céus Abertos Pastor Carlito Paes

Devocional. Céus Abertos Pastor Carlito Paes BÍBLIA Devocional Céus Abertos Pastor Carlito Paes 2 ROTEIRO BÍBLIA: ENTENDENDO A PALAVRA DE DEUS O que devo conhecer sobre a bíblia? Diversidade dos Autores Condições de alguns autores quando foram inspirados

Leia mais

O culto coletivo é importante para Deus? Deus valoriza o culto que prestamos a Ele? Deus se importa com o louvor que oferecemos a Ele?

O culto coletivo é importante para Deus? Deus valoriza o culto que prestamos a Ele? Deus se importa com o louvor que oferecemos a Ele? Hebreus 10:24-25. O culto coletivo é importante para Deus? Deus valoriza o culto que prestamos a Ele? Deus se importa com o louvor que oferecemos a Ele? Deus leva em consideração as coisas que falamos

Leia mais

OS LIVROS PROFÉTICOS JOEL, OBADIAS E MIQUÉIAS

OS LIVROS PROFÉTICOS JOEL, OBADIAS E MIQUÉIAS Lição 17 OS LIVROS PROFÉTICOS JOEL, OBADIAS E MIQUÉIAS Introdução Joel, Obadias e Miquéias, foram entre os profetas menores, assim como Oséias, Amós e Jonas, aqueles que exerceram os seus ministérios antes

Leia mais

PALAVRA & VIDA 3º TRIMESTRE/2017 LIÇÃO 08- CHEGOU A HORA DE RECEBER AS TERRAS DA PROMESSA!

PALAVRA & VIDA 3º TRIMESTRE/2017 LIÇÃO 08- CHEGOU A HORA DE RECEBER AS TERRAS DA PROMESSA! LIÇÃO 08- CHEGOU A HORA DE RECEBER AS TERRAS DA PROMESSA! Texto Bíblico: Josué 13.11-33. Objetivos da lição: Entender que Deus é fiel e cumpre suas promessas; Compreender que o tempo certo do cumprimento

Leia mais

Guerra de ofertas. Guerra de ofertas Contextualização. Santa Convocação

Guerra de ofertas. Guerra de ofertas Contextualização. Santa Convocação Santa Convocação - 2016 Santa Convocação - 2016 1 Contextualização Conflito nos céus; Queda de lúcifer; Mandato de domínio; Queda do homem; Comprometimento do MD; Santa Convocação - 2016 2 1 Início Deus

Leia mais

TEMA: O NOVO NASCIMENTO E A CONVERSÃO.

TEMA: O NOVO NASCIMENTO E A CONVERSÃO. TEMA: O NOVO NASCIMENTO E A CONVERSÃO. Texto: E dar-lhes-ei coração para que me conheçam, porque eu sou o SENHOR; e ser-me-ão por povo, e eu lhes serei por Deus, porque se converterão a mim de todo o seu

Leia mais

O grande rei Nabucodonosor II ( a.c.), se ufanava de sua invejável Babilônia, com seus jardins suspensos. Era uma nação rica e poderosa com

O grande rei Nabucodonosor II ( a.c.), se ufanava de sua invejável Babilônia, com seus jardins suspensos. Era uma nação rica e poderosa com A História dos livros de Esdras e Neemias se dá dentro do Reinado Persa do rei Ciro. O povo judeu tinha acabado de sair do exílio da Babilônia por ordem de Ciro, onde ficara 60 anos. Chegando a Judá, encontraram

Leia mais

Libertação e caminho para o Sinai Aliança no Sinai Ordens para a construção Queda e renovação da aliança Construção da Tenda e da "Arca"

Libertação e caminho para o Sinai Aliança no Sinai Ordens para a construção Queda e renovação da aliança Construção da Tenda e da Arca 1-18 19-24 25-31 32-34 35-40 Libertação e caminho para o Sinai Aliança no Sinai Ordens para a construção Queda e renovação da aliança Construção da Tenda e da "Arca" 1-7 8-10 11-15 16 17-26 27 Ordens para

Leia mais

Monoteísmo Noaico. por Sha ul Bensiyon

Monoteísmo Noaico. por Sha ul Bensiyon Monoteísmo Noaico por Sha ul Bensiyon Aula 19 As Escrituras As Escrituras A visão judaica/noaica acerca das Escrituras é muito diferente da visão cristã: Cristianismo: Livros cuja autoria é praticamente

Leia mais

Aprendi a fazer Sexo na Bíblia. Entenda o plano de Deus para sua vida sexual

Aprendi a fazer Sexo na Bíblia. Entenda o plano de Deus para sua vida sexual Aprendi a fazer Sexo na Bíblia Entenda o plano de Deus para sua vida sexual Salomão Silva Aprendi a fazer Sexo na Bíblia Entenda o plano de Deus para sua vida sexual 1ª Edição Salvador 2014 Aprendi a fazer

Leia mais

A oração eficaz Dc. Marcelo Lobo Ass. Deus Ministério Avançar

A oração eficaz Dc. Marcelo Lobo Ass. Deus Ministério Avançar A oração eficaz Dc. Marcelo Lobo Ass. Deus Ministério Avançar Não adianta sermos místicos, acreditando que basta falar com Deus e tudo está resolvido. Oração é uma palavra ativa, em movimento, para falar

Leia mais

A ALIANÇA MATRIMONIAL

A ALIANÇA MATRIMONIAL A ALIANÇA MATRIMONIAL Introdução Debates sobre casamento estão sempre entre os mais acaloradas. Os fariseus perguntam a Jesus sobre o divórcio e recebem como resposta uma referência ao princípio. Mc 10.2-9

Leia mais

LIÇÃO 7 A NECESSIDADE DO NOVO NASCIMENTO. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 7 A NECESSIDADE DO NOVO NASCIMENTO. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 7 A NECESSIDADE DO NOVO NASCIMENTO Prof. Lucas Neto A GLÓRIA É DE DEUS INTRODUÇÃO A SALVAÇÃO EM CRISTO JESUS A Salvação é um ato do amor de Deus para com os homens, sendo uma manifestação da sua

Leia mais

SÍNTESE DO VELHO TESTAMENTO ESDRAS. Professora Sara Victalino Gueiros Dodd

SÍNTESE DO VELHO TESTAMENTO ESDRAS. Professora Sara Victalino Gueiros Dodd 0 SÍNTESE DO VELHO TESTAMENTO ESDRAS Professora Sara Victalino Gueiros Dodd Instituto Bíblico da Igreja Cristã Maranata 2016 Todos os direitos reservados. A reprodução não autorizada desta publicação,

Leia mais

INICIAÇÃO À VIDA CRISTÃ. Itinerário para formar discípulos missionários

INICIAÇÃO À VIDA CRISTÃ. Itinerário para formar discípulos missionários INICIAÇÃO À VIDA CRISTÃ Itinerário para formar discípulos missionários CAPÍTULO I Um ícone bíblico: Jesus e a Samaritana Esperamos que o encontro de Jesus com a samaritana ilumine nossas reflexões sobre

Leia mais

4 O que é uma igreja baseada em princípios?

4 O que é uma igreja baseada em princípios? 4 O que é uma igreja baseada em princípios? Essa igreja é uma comunidade local onde todos os membros, vivenciando os princípios apresentados na Palavra de Deus, têm por objetivo glorificar a Deus e cumprir

Leia mais

SOLA SCRIPTURA A Reforma, a Bíblia e a Familia Cristã. AULA 5: A FAMILIA DA ALIANÇA Pb. José Cordeiro

SOLA SCRIPTURA A Reforma, a Bíblia e a Familia Cristã. AULA 5: A FAMILIA DA ALIANÇA Pb. José Cordeiro SOLA SCRIPTURA A Reforma, a Bíblia e a Familia Cristã. AULA 5: A FAMILIA DA ALIANÇA Pb. José Cordeiro Qual o significado bíblico de Familia da ALIANÇA? O casamento é um sacramento, um contrato ou uma

Leia mais

O livro continua a avaliação do sentido e da função da autoridade.

O livro continua a avaliação do sentido e da função da autoridade. O 2º Livro de Samuel continua a narração do primeiro. O núcleo do livro é a figura de DAVI, cuja história começa no 1º livro de Samuel capítulo 16. O 2º livro traz também, as lutas dos pretendentes para

Leia mais

A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI)

A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI) A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI) Teologia Bíblica da Missão de Deus RELEMBRAR A MISSÃO NOS EVANGELHOS 1. Jesus Cristo homem é o exemplo padrão para o exercício da Missão de Deus (intimidade

Leia mais

LIÇÃO 13 - A DECISÃO CRUCIAL DO DISCÍPULO: OUVIR E PRATICAR. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 13 - A DECISÃO CRUCIAL DO DISCÍPULO: OUVIR E PRATICAR. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 13 - A DECISÃO CRUCIAL DO DISCÍPULO: OUVIR E PRATICAR Prof. Lucas Neto A GLÓRIA É DE DEUS INTRODUÇÃO OBEDECER É MELHOR QUE SACRIFICAR Deus registra na Santa Bíblia a comparação dos atos de obediência

Leia mais

Escolas de profetas no Antigo Testamento Material de apoio a aula 12. Fonte: 12.

Escolas de profetas no Antigo Testamento Material de apoio a aula 12. Fonte:  12. Escolas de profetas no Antigo Testamento Material de apoio a aula 12 Fonte: http://www.estudantesdabiblia.com.br/licoes_cpad/2013/2013-01- 12.htm Escola de Profetas: Instituição de ensino do Antigo Testamento

Leia mais

Você conhece a sua Bíblia?

Você conhece a sua Bíblia? Você conhece a sua Bíblia? Atividade da última aula Vamos praticar?? Leia 2Re 5.1-27 e responda... a) Quem são os personagens da narrativa? b) É possível caracterizá-los a partir da narrativa? Se você

Leia mais

PRIMEIRO LIVRO DO CATEQUIZANDO. Em preparação à Eucaristia

PRIMEIRO LIVRO DO CATEQUIZANDO. Em preparação à Eucaristia PRIMEIRO LIVRO DO CATEQUIZANDO Em preparação à Eucaristia Direção editorial Claudiano Avelino dos Santos Coordenação editorial Jakson Ferreira de Alencar Ilustrações Cícero Soares Produção editorial AGWM

Leia mais

HISTÓRICA POLÍTICA DOS HEBREUS 3 FASES PATRIARCAS, JUÍZES E REIS

HISTÓRICA POLÍTICA DOS HEBREUS 3 FASES PATRIARCAS, JUÍZES E REIS 2A aula 05 Os Hebreus HISTÓRICA POLÍTICA DOS HEBREUS 3 FASES PATRIARCAS, JUÍZES E REIS Os hebreus eram pastores nômades da Mesopotâmia. No séc. XIX a. C., guiados por Abraão, deslocaram-se para a Palestina,

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA A PASTORAL DO DÍZIMO

ORIENTAÇÕES PARA A PASTORAL DO DÍZIMO ORIENTAÇÕES PARA A PASTORAL DO DÍZIMO Sumário Introdução 1. A compreensão do dízimo 1.1 Os fundamentos do dízimo 1.2 O que é o dízimo? 1.3 As dimensões do dízimo 1.4 As finalidades do dízimo 2. Orientações

Leia mais

Introdução. Quem deseja o episcopado, boa obra deseja. Curso Básico Preparatório de Obreiros

Introdução. Quem deseja o episcopado, boa obra deseja. Curso Básico Preparatório de Obreiros Curso Básico Preparatório de Obreiros Então disse aos seus discípulos: A seara é grande, mas os trabalhadores são poucos. Peçam, pois, ao Senhor da seara que envie trabalhadores para a sua seara. Mateus

Leia mais

Quais lições podemos aprender com Neemias?

Quais lições podemos aprender com Neemias? Quais lições podemos aprender com Neemias? Contribuição de Pr. Oswaldo F Gomes 19 de julho de 2009 igrejabatistaagape.org.br Quais lições podemos aprender com Neemias? No primeiro passo da reconstrução

Leia mais

Lição das Boas Aventuranças Mateus Capítulo Felizes as pessoas que sabem que são espiritualmente pobres, pois o Reino do Céu é delas.

Lição das Boas Aventuranças Mateus Capítulo Felizes as pessoas que sabem que são espiritualmente pobres, pois o Reino do Céu é delas. 1 Lição das Boas Aventuranças Mateus Capítulo 5 5.3 Felizes as pessoas que sabem que são espiritualmente pobres, pois o Reino do Céu é delas. Você se considera mais crente que seu irmão? Acha que sua fé

Leia mais

Fotografia de eventos religiosos

Fotografia de eventos religiosos Curso Fotografia de eventos religiosos Objetivo desta Formação O objetivo desta formação é torná-lo apto a fazer o registro fotográfico de eventos dentro da sua igreja bem como instruí-lo a atuar como

Leia mais

Brasil: um sonho possível!?

Brasil: um sonho possível!? Brasil: um sonho possível!? Brasil: um sonho possível!? Entendendo os Limites Retomando a Jornada Fazendo Escolhas Certas Keeping walking Não desista da Caminhada O que podemos fazer? Entendendo os Limites

Leia mais

Propedêutica Bíblica. 13 de Janeiro de 2014 Bíblia na Vida da Igreja

Propedêutica Bíblica. 13 de Janeiro de 2014 Bíblia na Vida da Igreja Propedêutica Bíblica 13 de Janeiro de 2014 Bíblia na Vida da Igreja ORAÇÃO Lucas 4, 16-30 Impelido pelo Espírito Santo, Jesus veio a Nazaré, onde se tinha criado. Segundo o seu costume, entrou em dia de

Leia mais

História e Ministério

História e Ministério História e Ministério 1 - Ministério e propósito 2 - Resumo da história da Igreja 3 - Responsabilidades espirituais e oficiais 4 - Documentos relevantes 1. MINISTERIO E PROPÓSITO O Ministério da Igreja

Leia mais

CATECISMO do Século XXI

CATECISMO do Século XXI CATECISMO do Século XXI IGREJA ANGLICANA REFORMADA DO BRASIL IGREJA ANGLICANA REFORMADA DO BRASIL Sumário Introdução 1 Prefácio 3 A Chamada de Deus 7 A Fé Cristã 11 A Obediência Cristã 17 O Crescimento

Leia mais

A 2 3:18 PNEUMATOLOGIA

A 2 3:18 PNEUMATOLOGIA VASOS DE OURO Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. Amém. 2 Pe. 3:18 PNEUMATOLOGIA OS DONS DO

Leia mais

MALAQUIAS. Meu Mensageiro

MALAQUIAS. Meu Mensageiro MALAQUIAS Meu Mensageiro Cenário Político Religioso - Social O segundo Templo fora construído com o incentivo de Ageu e Zacarias Mas a obra não trouxe a tão esperada era messiânica Ao contrário, a apatia

Leia mais

História da Igreja. Prof. Dener I Aula 1 I 19/03/2017

História da Igreja. Prof. Dener I Aula 1 I 19/03/2017 História da Igreja Prof. Dener I Aula 1 I 19/03/2017 1. O que é a Igreja? É um edifício construído com pedras vivas. Também vós mesmos, como pedras que vivem, sois edificados casa espiritual para serdes

Leia mais

No contexto da fé cristã, a teologia não é o estudo de Deus como algo abstrato, mas é o estudo do Deus pessoal revelado na Escritura.

No contexto da fé cristã, a teologia não é o estudo de Deus como algo abstrato, mas é o estudo do Deus pessoal revelado na Escritura. Franklin Ferreira No contexto da fé cristã, a teologia não é o estudo de Deus como algo abstrato, mas é o estudo do Deus pessoal revelado na Escritura. Necessariamente isso inclui tudo o que é revelado

Leia mais

7ª Conferência Falando de Cristo

7ª Conferência Falando de Cristo 7ª Conferência Falando de Cristo Tema Geral Convivendo neste mundo sem Deus 1 Palestra 4 FEMININA OU FEMINISTA? A Presença do Feminismo na Igreja Evangélica 2 Introdução O movimento feminista é uma das

Leia mais

LIÇÃO 3 - O DIA DO SENHOR. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 3 - O DIA DO SENHOR. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 3 - O DIA DO SENHOR Prof. Lucas Neto A GLÓRIA É DE DEUS INTRODUÇÃO O DIA DO SENHOR EM TODAS AS ÉPOCAS O dia do Senhor representou para Judá e Israel um severo julgamento devido a altivez humana que

Leia mais

A CARTA DE IDENTIDADE CARISMÁTICA DA FAMÍLIA SALESIANA DE DOM BOSCO

A CARTA DE IDENTIDADE CARISMÁTICA DA FAMÍLIA SALESIANA DE DOM BOSCO A CARTA DE IDENTIDADE CARISMÁTICA DA FAMÍLIA SALESIANA DE DOM BOSCO Notas de apresentação e propostas de leitura para os membros da Associação de Maria Auxiliadora (ADMA) 1 Critério seguido Unificar numa

Leia mais

a reforma JOSIAS LIÇÃO IV TRIMESTRE 2015 Preparado por: Pr. Wellington Almeida

a reforma JOSIAS LIÇÃO IV TRIMESTRE 2015 Preparado por: Pr. Wellington Almeida a reforma de JOSIAS 0 IV TRIMESTRE 2015 Preparado por: Pr. Wellington Almeida A REFORMA DE JOSIAS INTRODUÇÃO Assim, grande parte da Bíblia constitui a história de Deus advertindo Seu povo a não fazer escolhas

Leia mais