Aula 4. Comandos de Repetição. Prof. Filipe Mutz.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Aula 4. Comandos de Repetição. Prof. Filipe Mutz."

Transcrição

1 Aula 4 Comandos de Repetição Prof. Filipe Mutz.

2 Instrução Instrução Instrução... Instrução Instrução Condicional (seleção) Repetitivo (loops)

3 Comandos de repetição permitem que um conjunto de instruções seja executado repetidas vezes, enquanto uma ou mais condições forem verdadeiras Instrução Instrução Repetitivo (loops)

4 Exemplos Lavar a louça Enquanto existirem louças sujas, repita o procedimento abaixo: Pegue uma louça suja Passe detergente Enxágue Coloque no secador

5 Exemplos Escrever Convites de Casamento Enquanto existirem convidados sem convites repita o procedimento abaixo: Escolha um convidado que ainda não possui convite Escreva o convite Coloque o convite no envelope Lacre o envelope Coloque o envelope na caixa Risque o nome do convidado

6 Exemplos Fazer uma lista de exercícios Enquanto existirem exercícios não feitos, selecione um exercício, resolva e marque como resolvido Ver as atualizações do Facebook Enquanto existirem atualizações não vistas, continue olhando Contar quanto dinheiro possui em um cofre Enquanto existirem moedas não contadas, pegue uma moeda, some com o valor total e retire da pilha Estudar uma matéria atrasada Enquanto existir uma parte da matéria que eu não sei, continue estudando

7 Algoritmos com Repetições início início <instruções 1> Enquanto <condição>: <instruções 2> <instruções 3> fim sim instruções 2 instruções 1 Condições são Verdadeiras? não instruções 3 fim

8 Algoritmo VerificarSenha início int senha Escreva Digite sua senha: Leia senha enquanto a senha está incorreta: Escreva Senha inválida! Escreva Digite sua senha: leia senha Escreva Conectado! fim inicio Int senha Escreva Dig... Leia senha Senha incorreta? sim não Escreva Sen.. Escreva Dig... Escreva Con... fim Leia senha

9 Repetições em C... while (<condições>) { instruções }... #include <stdio.h> int main (void) { int senha; } printf("digite sua senha: "); scanf("%d", &senha); while (senha!= 1024) { printf("senha incorreta!\n"); printf("digite sua senha: "); scanf("%d", &senha); } printf("conectado!\n"); return 0; Defini que a senha correta seria 1024 apenas por simplicidade Cada repetição é chamada de uma iteração.

10 Identificação de Repetições Quando estudamos condicionais, vimos que deveríamos buscar na descrição do problema, instruções que fossem executadas apenas em certas condições. Mostrar um número se ele fosse par. Mostrar a mensagem pode dirigir apenas quando a pessoa tiver mais de 18 anos e, mostrar não pode dirigir caso contrário. Verificar se a pessoa pode se aposentar e mostrar a mensagem Pode descansar, em caso afirmativo.

11 Identificação de Repetições Repetições são mais sutis e é necessário um atento para identificar instruções que são realizadas várias vezes. Busque as estruturas: enquanto <condição> faça, até que <condição> seja satisfeita, faça <n> vezes. Mas cuidado! Em certas situações eles não estarão presentes.

12 Identificação de Repetições Mostre seu nome na tela 10 vezes. Peça que o usuário digite um número até que ele acerte qual é o número mágico. Mostre na tela os 100 primeiros números pares, um por linha. Mostre na tela os números entre 500 e 700 que são múltiplos de 6 e 7, simultaneamente.

13 Faça um programa que mostre na tela a soma dos 30 primeiros elementos da sequência abaixo: 30 i=1 1 2 i = Reescrevendo: Enquanto não houver somado todos os 30 elementos, calcule o próximo elemento da sequencia e some-o ao montante. Assim fica mais fácil ver a repetição!

14 Como resolver problemas de Repetição 1. Busque instruções que são executadas várias vezes. 2. Identifique em que condições acontece a repetição. 3. Identifique o que muda a cada iteração. 4. Encontre uma forma de calcular os valores que mudam! 5. Identifique qual é o resultado esperado ao final da repetição.* 6. Atualize a cada iteração o resultado.* * Nem toda repetição possui um resultado final esperado.

15 Exemplo Faça um programa que mostre na tela 100 números a partir do 1. O que se repete? Se repete em que condições? A cada repetição, o que muda? Como calcular o que muda a cada repetição? Existe um resultado final esperado? Algoritmo Números Início Escreva 1 Escreva 2 Escreva 3... Escreva 100 Fim

16 Exemplo Faça um programa que mostre na tela 100 números a partir do 1. O que se repete? Escreva Se repete em que condições? Enquanto não mostramos os 100 números. A cada repetição, o que muda? O número escrito Como calcular o que muda a cada repetição? Anterior + 1 Existe um resultado final esperado? não Algoritmo Números Início Escreva 1 Escreva 2 Escreva 3... Escreva 100 Fim

17 Exemplo Faça um programa que mostre na tela 100 números a partir do 1. Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 int numero_atual = valor_inicial A maioria das repetições possui um contador para contar quantas repetições já fizemos.. fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

18 Exemplo valor_inicial 1 Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 _ int numero_atual = valor_inicial fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

19 Exemplo valor_inicial 1 nums_para_contar 100 Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 _ int numero_atual = valor_inicial fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

20 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 0 _ int numero_atual = valor_inicial fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

21 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 0 numero_atual 1 _ int numero_atual = valor_inicial fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

22 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 0 numero_atual 1 _ int numero_atual = valor_inicial fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

23 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 0 numero_atual 1 1 _ int numero_atual = valor_inicial fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

24 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 0 numero_atual 2 1 _ int numero_atual = valor_inicial fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

25 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 1 numero_atual 2 1 _ int numero_atual = valor_inicial fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

26 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 1 numero_atual 2 1 _ int numero_atual = valor_inicial fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

27 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 1 numero_atual _ int numero_atual = valor_inicial fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

28 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 1 numero_atual _ int numero_atual = valor_inicial fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

29 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 2 numero_atual _ int numero_atual = valor_inicial fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

30 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 2 numero_atual _ int numero_atual = valor_inicial fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

31 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 int numero_atual = valor_inicial valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 2 numero_atual _ fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

32 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 int numero_atual = valor_inicial valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 2 numero_atual _ fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

33 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 int numero_atual = valor_inicial valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 3 numero_atual _ fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

34 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 int numero_atual = valor_inicial valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 3 numero_atual _ fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

35 Algumas repetições depois...

36 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 fim int numero_atual = valor_inicial Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 98 numero_atual _

37 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 fim int numero_atual = valor_inicial Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 98 numero_atual _

38 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 fim int numero_atual = valor_inicial Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 98 numero_atual _

39 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 fim int numero_atual = valor_inicial Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 99 numero_atual _

40 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 fim int numero_atual = valor_inicial Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 99 numero_atual _

41 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 fim int numero_atual = valor_inicial Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 99 numero_atual _

42 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 fim int numero_atual = valor_inicial Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 99 numero_atual _

43 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 fim int numero_atual = valor_inicial Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 100 numero_atual _

44 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 fim int numero_atual = valor_inicial Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 100 numero_atual _

45 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 fim int numero_atual = valor_inicial Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1 valor_inicial 1 nums_para_contar 100 nums_contados 100 numero_atual _

46 Exemplo Faça um programa que mostre na tela os números inteiros entre 1 a 100 (limites inclusos). Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int nums_para_contar = 100 int nums_contados = 0 int numero_atual = valor_inicial Obs: note que a variável nums_contados e numero_atual são praticamente iguais! Será que não podemos usar isso para melhorar nosso algoritmo? fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1 nums_contados = nums_contados + 1

47 Exemplo Faça um programa que mostre na tela os números inteiros entre 1 a 100 (limites inclusos). Algoritmos Números início int valor_inicial = 1 int valor_final = 100 int numero_atual = valor_inicial fim Enquanto numero_atual <= valor_final: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1

48 Algoritmo Numeros Início int na int nf #include <stdio.h> int main (void) { int na; int nf; nf = 100 na = 1 nf = 100; na = 1; while (na <= nf) { Fim while na <= nf: Escreva na na = na + 1 } } printf("%d\n", na); na = na + 1; return 0;

49 Algoritmo Numeros Início int na int nf escreva numero de itens a serem escritos: leia nf #include <stdio.h> int main (void) { int na; int nf; printf("numero de itens a serem escritos: "); scanf("%d", &nf); Fim na = 1 while na <= nf: Escreva na na = na + 1 } na = 1; while (na <= nf) { printf("%d\n", na); na = na + 1; } return 0;

50 E se quiséssemos mostrar os números entre -300 e 967? OBS: Equivale a mostrar 1267 números a partir de -300!

51 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = -300 int valor_final = 967 int numero_atual = valor_inicial fim Enquanto numero_atual <= valor_final: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 1

52 E se quiséssemos mostrar os números entre 100 e 0 (de trás para frente)?

53 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 100 int valor_final = 0 int numero_atual = valor_inicial fim Enquanto numero_atual > valor_final: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual - 1

54 E se quiséssemos mostrar os 20 primeiros números pares?

55 Exemplo Algoritmos Números início int valor_inicial = 0 int nums_para_contar = 20 int nums_contados = 0 int numero_atual = valor_inicial fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva numero_atual numero_atual = numero_atual + 2 nums_contados = nums_contados + 1

56 Exemplo Algoritmos Números início int nums_para_contar = 20 int nums_contados = 0 OU fim Enquanto nums_contados < nums_para_contar: Escreva nums_contados * 2 nums_contados = nums_contados + 1

57 Exercícios Faça um programa em C que mostre seu nome na tela 13 vezes. Exercício para casa: Traduza as variações de algoritmos que fizemos p/ C.

58 Loops Definidos São loops em que sabemos a priori quantas vezes realizaremos uma repetição. Ex: Mostre seu nome na tela 10 vezes, leia as informações de 20 pessoas, calcule a soma dos 50 primeiros termos de uma série,...

59 Contadores int contador; contador = [inicio]; while (contador < [final]) { <instruções> contador = contador + 1; } int contador; contador = 0; while (contador < 10) { printf( ola\n ); contador = contador + 1; }

60 Loops Indefinidos São loops em que NÃO sabemos a priori quantas vezes realizaremos uma repetição. Exemplo: Peça ao usuário que digite um número e mostre na tela o valor do número ao cubo. Repita esse processo enquanto o usuário não digitar 0.

61 Exercícios Para casa: Faça um algoritmo em C mostre na tela as 20 primeiras potências de 2 (2, 4, 8,...) Faça um algoritmo em C mostre na tela os 20 primeiros números da sequência (1 / 1), (-1 / 2), (1 / 3), (-1 / 4),... Faça um algoritmo em C mostre na tela os 30 primeiros números da sequência de Fibonacci

62 Operadores de incremento e decremento int contador; contador = [inicio]; while (contador < [final]) { <instruções> contador += 1; } contador = contador + 1

63 Operadores de incremento e decremento int contador; contador = [inicio]; while (contador < [final]) { <instruções> contador += 2; } contador = contador + 2

64 Operadores de incremento e decremento int contador; contador = [inicio]; while (contador < [final]) { <instruções> contador++; } contador = contador + 1

65 Operadores de incremento e decremento int contador; contador = [inicio]; while (contador < [final]) { <instruções> contador -= 1; } contador = contador - 1

66 Operadores de incremento e decremento int contador; contador = [inicio]; while (contador < [final]) { <instruções> contador -= 2; } contador = contador - 2

67 Operadores de incremento e decremento int contador; contador = [inicio]; while (contador < [final]) { <instruções> contador--; } contador = contador - 1

68 Outros Operadores x /= 2; y *= x; A += (x + pow(2, x));

69 Vamos ver mais alguns exemplos

70 Exemplo: Leia 5 números e mostre na tela qual é o menor deles #include <stdio.h> printf("digite um numero: "); scanf("%f", &numero); if (numero < menor) menor = numero; int main (void) { float numero; float menor; printf("digite um numero: "); scanf("%f", &numero); menor = numero; printf("digite um numero: "); scanf("%f", &numero); if (numero < menor) menor = numero; Resultado esperado } printf("digite um numero: "); scanf("%f", &numero); if (numero < menor) menor = numero; printf("digite um numero: "); scanf("%f", &numero); if (numero < menor) menor = numero; printf("menor: %f\n", menor); return 0;

71 Exemplo: Leia 5 números e mostre na tela qual é o menor deles #include <stdio.h> int main (void) { int contador; float numero; float menor; printf("digite um numero: "); scanf("%f", &numero); menor = numero; } contador = 0; while (contador < 4) { printf("digite um numero: "); scanf("%f", &numero); } if (numero < menor) menor = numero; contador = contador + 1; printf("menor: %f\n", menor); return 0;

72 Exemplo: Leia 5 números e mostre na tela qual é o menor deles #include <stdio.h> int main (void) { int contador; float numero; float menor; menor = ; contador = 0; truque } while (contador < 5) { printf("digite um numero: "); scanf("%f", &numero); } if (numero < menor) menor = numero; contador = contador + 1; printf("menor: %f\n", menor); return 0;

73 Exemplo: Leia 5 números e mostre na tela qual é o menor deles #include <stdio.h> int main (void) { int contador; float numero; float menor; menor = ; Nas sequências, tínhamos um resultado por iteração. Neste caso, atualizamos um resultado único em todas as iterações. while (contador < 5) { printf("digite um numero: "); scanf("%f", &numero); } if (numero < menor) menor = numero; contador = contador + 1; contador = 0; } printf("menor: %f\n", menor); return 0;

74 E se quiséssemos o maior?

75 Exemplo: Leia 5 números e mostre na tela qual é o maior deles #include <stdio.h> int main (void) { int contador; float numero; float maior; maior = ; contador = 0; } while (contador < 5) { printf("digite um numero: "); scanf("%f", &numero); } if (numero > maior) maior = numero; contador = contador + 1; printf( maior: %f\n", maior); return 0;

76 Faça um programa que leia 4 números e mostre na tela a soma deles #include <stdio.h> int main (void) { float numero; float soma; soma = 0; printf("digite um numero: "); scanf("%f", &numero); soma += numero; } printf("digite um numero: "); scanf("%f", &numero); soma += numero; printf("digite um numero: "); scanf("%f", &numero); soma += numero; printf("digite um numero: "); scanf("%f", &numero); soma += numero; printf("soma: %f\n", soma); return 0;

77 Faça um programa que leia 4 números e mostre na tela a soma deles #include <stdio.h> int main (void) { float numero; float soma; int contador; soma = 0; } contador = 0; while (contador < 4) { printf("digite um numero: "); scanf("%f", &numero); soma += numero; contador ++; } printf("soma: %f\n", soma); return 0;

78 Exercício: Implemente um programa em C que calcule o somatório abaixo: 50 i=1 i = Em seguida, modifique o programa para que o usuário possa digitar o limite superior do somatório (por exemplo, 200 ao invés de 50 no caso acima).

79 Exercício: Faça um programa em C que calcule o somatório da série abaixo. Em seguida, execute o programa para valores crescentes de n e verifique se o somatório converge para algum valor. S n = a n OBS: Use variáveis double para uma maior precisão. Lembre-se de usar %lf para ler e escrever doubles. O que se repete? O que muda a cada repetição? Como calcular os elementos da série?

80 Para Casa: Faça um programa em C que calcule o somatório da série abaixo. Em seguida, execute o programa para valores crescentes de n e verifique se o somatório converge para algum valor. S n = a n OBS: Use variáveis double para uma maior precisão. Lembre-se de usar %lf para ler e escrever doubles.

81 Exemplo: leia um número inteiro n. Em seguida, leia n números e mostre na tela a média dos números digitados.

82 Redução (Reduction) Conjunto de problemas em que a partir de um conjunto de valores, obtemos um valor único. Este valor é obtido pela aplicação de um determinado operador aos elementos do conjunto. Exemplos: maior, menor, somatório, média, contagem, produtório, etc. Definição: Condição inicial, operador de transição e pós operação.

83 Para Casa: Faça um algoritmo que leia um número e calcule seu fatorial.

84 Loops aninhados Faça um algoritmo que mostre na tela a tabuada de 1 a 10.

85 Loops aninhados Peça que o usuário digite um número repetidamente, até que ele digite 0. Para cada número digitado, mostre uma mensagem na tela tantas vezes quanto o número (ex.: se o usuário digitar 2, o programa deve mostrar a mensagem 2 vezes na tela).

86 Loops infinitos e Loops vazios Loops infinitos são aqueles em que a condição do while é sempre verdadeira. Loops vazios são aqueles em que a condição do while é sempre falsa.

87 Repetições com Condicionais Leia as gravidades de 5 multas recebidas por um motorista. A gravidade de uma multa é representada por um caractere e pode ser l (leve 3 pontos), m (média 4 pontos), g (grave 5 pontos), e G (gravíssima 7 pontos). Ao final, mostre na tela a pontuação total perdida pelo motorista e se ela for maior que 21 pontos, mostre na tela uma mensagem dizendo que a carteira foi suspensa. ATENÇÃO: ao ler caracteres em loops, use scanf( \n%c, &var); para evitar que o \n seja lido como um caractere na próxima iteração!!!!

88 Exercício para Casa Modifique o exemplo anterior para que a pontuação do motorista comece com 21 pontos e sejam lidas multas enquanto a pontuação for maior que zero.

89 Mais repetições com condicionais Uma empresa deseja fazer uma pesquisa de satisfação com seus clientes. Leia de 10 pessoas, o gênero ( f p/ feminino e m para masculino) e se gostaram ou não do produto de interesse (caractere s p/ sim e n para não), e mostre na tela a porcentagem de entrevistados de cada gênero e a porcentagem de pessoas de cada gênero que se consideravam satisfeitas com o produto. ATENÇÃO: ao ler caracteres em loops, use scanf( \n%c, &var); para evitar que o \n seja lido como um caractere na próxima iteração!!!!

90 Outros comandos de repetição: FOR Usado em loops definidos (quando o número de repetições é conhecido a priori). int i; for (i = [valor inicial]; i < [valor final]; i += [passo]) { <instruções> } int i; i = [valor inicial]; while (i < [valor final]) { <instruções>; i += [passo]; }

91 Exemplo: FOR #include <stdio.h> int main (void) { int i; for (i = 0; i < 10; i += 1) { printf("i: %d\n", i); } } return 0;

92 Exemplo: FOR #include <stdio.h> int main (void) { int i; for (i = 0; i < 10; i++) { printf("i: %d\n", i); } } return 0;

93 Exemplo: FOR #include <stdio.h> int main (void) { int i; Assim como no if, podemos omitir se o bloco só tiver 1 instrução. } for (i = 0; i < 10; i++) printf("i: %d\n", i); return 0;

94 Exercício: escreva o loop while que corresponde aos for s abaixo (assuma que as vars. foram declaradas previamente) for (i = 100; i < 300; i++) { } for (i = 300; i > 100; i--) { } for (contador = 0; contador < 20; contador += 2) { } for (i = 0; i < 10; i++) for (j = 0; j < 10; j++) printf( %d x %d = %d\n, i, j, i * j);

95 Exemplo: Faça um algoritmo usando for que leia um número e mostre na tela seus divisores.

96 Exemplo: Modifique o programa anterior para ler um número e mostrar na tela se ele é primo ou não.

97 Exemplo: Modifique o programa anterior para mostrar todos os números primos em um intervalo.

98 #include <stdio.h> int main (void) { char opcao; Outros comandos de repetição: DO... WHILE do { printf("escolha sua opcao: "); scanf("\n%c", &opcao); Útil em situações do tipo: Leia até encontrar o número 0. Leia até encontrar um caractere q } // <instrucoes> } while (opcao!= 'q'); return 0; ATENÇÃO: ao ler caracteres em loops, use scanf( \n%c, &var); para evitar que o \n seja lido como um caractere na próxima iteração!!!!

99 Comandos Adicionais Break: interrompe imediatamente o loop. Continue: volta imediatamente a avaliar a condição de repetição e, se ela for verdadeira, continua a repetição. Ambos podem ser usados em todos os comandos vistos: while, for e do... while.

100 #include <stdio.h> #include <float.h> int main (void) { char opcao; do { printf("escolha sua opcao: "); scanf("\n%c", &opcao); O que vai aparecer na tela se o usuário escolher as opções: d, e, a? E se ele escolher f, g, q? if (opcao == 'a' opcao == 'b') break; else if (opcao == c opcao == d opcao == q ) continue; printf( trabalhando...\n ); } while (opcao!= 'q'); } printf( fim\n ); return 0;

101 Faça um programa que leia uma opção repetidamente e execute as ações abaixo de acordo com a opção escolhida: Opção a : ler um número e mostrar o quadrado do número. Opção b : ler um número e mostrar a raiz do número. Opção q : terminar o programa. Qualquer outra opção: mostrar na tela a mensagem opção inválida.

102 Ler uma opção Opção é q? Opção é a ou b? Outra opção. Ler um número Mostre na tela: Opção Inválida Opção é a? Opção é b? Mostre na tela o quadrado do número Mostre na tela a raiz do número

103 #include <stdio.h> #include <math.h> int main (void) { int numero; char opcao; while (1 == 1) { printf("digite 'a' para mostrar o quadrado, 'b' a raíz, e 'q' para terminar: "); scanf("\n%c", &opcao); if (opcao == 'q') break; else if (opcao == 'a' opcao == 'b') { printf("digite um numero: "); scanf("%d", &numero);...

104 ... } if (opcao == 'a') printf("o numero ao quadrado eh: %f\n", pow(numero, 2)); else printf("a raiz do numero eh: %f\n", sqrt(numero)); } else printf("opcao invalida!\n"); } return (0);

105 Revisão: Como resolver problemas de Repetição 1. Busque instruções que são executadas várias vezes. 2. Identifique em que condições acontece a repetição. 3. Identifique o que muda a cada iteração. 4. Encontre uma forma de calcular os valores que mudam! 5. Identifique qual é o resultado esperado ao final da repetição.* 6. Atualize a cada iteração o resultado.* * Nem toda repetição possui um resultado final esperado.

106 Exercícios: Faça um algoritmo que peça ao usuário para digitar um número e mostre seu fatorial na tela. Repita este procedimento até que o usuário digite 0 ou um valor negativo.

107 Exercícios: Faça um algoritmo que aproxime a área abaixo da curva de uma função usando a soma da área de retângulos. Entrada do algoritmo: Limite inferior: a Limite superior: b Número de divisões: n A função deve ser escrita no próprio programa. a dx b Dica: para calcular a altura dos retângulos, calcule o valor da função nos pontos esquerdo e direito do retângulo e tire a média.

Estruturas de Repetição. for() while() do-while() break; continue;

Estruturas de Repetição. for() while() do-while() break; continue; Estruturas de Repetição for() while() do-while() break; continue; 1 Auto-Ajuda (!) Como ajudar a solucionar erros básicos do meu programa? Verificar os ; Verificar se não há comandos em maiúsculas; Verificar

Leia mais

MC102 Algoritmos e Programação de Computadores

MC102 Algoritmos e Programação de Computadores MC102 Algoritmos e Programação de Computadores Instituto de Computação UNICAMP Primeiro Semestre de 2014 Roteiro 1 Maior número 2 Soma de n números 3 Fatorial 4 Máximo Divisor Comum (MDC) 5 Números primos

Leia mais

José Romildo Malaquias 2011-1

José Romildo Malaquias 2011-1 Programação de Computadores I Aula 08 Programação: Estruturas de Repetição José Romildo Malaquias Departamento de Computação Universidade Federal de Ouro Preto 2011-1 1/58 Motivação Como imprimir os três

Leia mais

ESTRUTURAS DE CONTROLE ESTRUTURAS DE REPETIÇÃO

ESTRUTURAS DE CONTROLE ESTRUTURAS DE REPETIÇÃO ESTRUTURAS DE CONTROLE ESTRUTURAS DE REPETIÇÃO Baseado nos slides de autoria de Rosely Sanches Estruturas de Controle ESTRUTURA SEQUENCIAL ESTRUTURAS CONDICIONAIS Estrutura Condicional Simples Estrutura

Leia mais

Linguagem C. Prof.ª Márcia Jani Cícero

Linguagem C. Prof.ª Márcia Jani Cícero Linguagem C Prof.ª Márcia Jani Cícero A estrutura Básica de um Programa em C Consiste em uma ou várias funções ou programas. main( ) // primeira função a ser executada // inicia a função // termina a função

Leia mais

1) Operadores de auto incremento ++ e auto decremento --

1) Operadores de auto incremento ++ e auto decremento -- Aula 09 - Operadores de auto incremento e auto decremento, atribuição múltipla, atribuição na declaração, atribuição resumida e algumas regras de boa programação. 1) Operadores de auto incremento ++ e

Leia mais

2º Roteiro de Laboratório Estruturas condicionais

2º Roteiro de Laboratório Estruturas condicionais 2º Roteiro de Laboratório Estruturas condicionais Tópicos abordados 1. Estruturas if e if/ 1.1. Sintaxe 1.2. Exemplo: par_impar.c 2. Aplicação 2.1. Problema resolvido: [PR 1] 2.2. Problemas propostos:

Leia mais

LP II Estrutura de Dados

LP II Estrutura de Dados LP II Estrutura de Dados Linguagem C Seleção e Repetição Prof. José Honorato F. Nunes honorato.nunes@ifbaiano.bonfim.edu.br Resumo da aula Estruturas de Seleção Simples Composta Aninhada Estruturas de

Leia mais

Linguagem C Controle do Fluxo de Execução. Lógica de Programação

Linguagem C Controle do Fluxo de Execução. Lógica de Programação Linguagem C Controle do Fluxo de Execução Lógica de Programação Caro(a) aluno(a), Aqui começaremos a escrever os nossos primeiros programas em uma Linguagem de Programação. Divirta-se!!! Estrutura Seqüencial

Leia mais

Lógica de Programação Atividade Avaliativa 1 RESPOSTAS

Lógica de Programação Atividade Avaliativa 1 RESPOSTAS Lógica de Programação Atividade Avaliativa 1 RESPOSTAS Avaliação individual. A interpretação das questões faz parte da avaliação. Não é permitida conversa bem como troca de materiais entre os alunos; 1)

Leia mais

Aula 06 Definição de Novos Tipos (structs, typedefs, e enumerações) Prof. Filipe Mutz

Aula 06 Definição de Novos Tipos (structs, typedefs, e enumerações) Prof. Filipe Mutz Aula 06 Definição de Novos Tipos (structs, typedefs, e enumerações) Prof. Filipe Mutz 1 Estruturas (structs) Estruturas (structs) são usadas para criar novos tipos de dados pelo agrupamento de informações.

Leia mais

Linguagem C: Introdução

Linguagem C: Introdução Linguagem C: Introdução Linguagem C É uma Linguagem de programação genérica que é utilizada para a criação de programas diversos como: Processadores de texto Planilhas eletrônicas Sistemas operacionais

Leia mais

Computação para Informática - Prof. Adriano Joaquim de Oliveira Cruz Segunda Aula Prática - 3 de setembro de 2010

Computação para Informática - Prof. Adriano Joaquim de Oliveira Cruz Segunda Aula Prática - 3 de setembro de 2010 Computação para Informática - Prof. Adriano Joaquim de Oliveira Cruz Segunda Aula Prática - 3 de setembro de 2010 1 Introdução O objetivo desta aula prática é exercitar o uso de variáveis de vários tipos

Leia mais

Variáveis, Tipos de Dados e Operadores

Variáveis, Tipos de Dados e Operadores ! Variáveis, Tipos de Dados e Operadores Engenharias Informática Aplicada 2.o sem/2013 Profa Suely (e-mail: smaoki@yahoo.com) VARIÁVEL VARIÁVEL É um local lógico, ligado a um endereço físico da memória

Leia mais

ESTRUTURAS DE REPETIÇÃO - PARTE 1

ESTRUTURAS DE REPETIÇÃO - PARTE 1 AULA 15 ESTRUTURAS DE REPETIÇÃO - PARTE 1 15.1 O comando enquanto-faca- Considere o problema de escrever um algoritmo para ler um número inteiro positivo, n, e escrever todos os números inteiros de 1 a

Leia mais

9. Comando de repetição com variável de controle (para.. de.. até.. faça)

9. Comando de repetição com variável de controle (para.. de.. até.. faça) 9. Comando de repetição com variável de controle (para.. de.. até.. faça) Com o uso das estruturas enquanto e repita é possível elaborar rotinas que efetuam a execução de um looping um determinado número

Leia mais

Programação Básica. Estrutura de um algoritmo

Programação Básica. Estrutura de um algoritmo Programação Básica Estrutura de um algoritmo Código-fonte Como vimos na aula anterior um algoritmo pode ser representado usando um fluxograma Um algoritmo pode também ser representado usando texto Esse

Leia mais

Estruturas de Repetição

Estruturas de Repetição Estruturas de Repetição Introdução No capítulo anterior verificamos que a execução seqüencial dos comandos da função main nos limita a programação de algoritmos muito simples. Passamos, então, a dedicar

Leia mais

Estrutura do programa

Estrutura do programa Linguagem C Estrutura do programa Exemplo: #include #include main() { printf( Ola, mundo! ); system( pause ); }

Leia mais

Computação para Informática - Prof. Adriano Joaquim de Oliveira Cruz Segunda Aula Prática - 29 de agosto de 2008

Computação para Informática - Prof. Adriano Joaquim de Oliveira Cruz Segunda Aula Prática - 29 de agosto de 2008 Computação para Informática - Prof. Adriano Joaquim de Oliveira Cruz Segunda Aula Prática - 29 de agosto de 2008 Introdução O objetivo desta aula prática é exercitar comandos de entrada e saída simples

Leia mais

Controle de Fluxo. Laços e Desvios incondicionais

Controle de Fluxo. Laços e Desvios incondicionais Controle de Fluxo Laços e Desvios incondicionais Laços Em C, há três comandos de ITERAÇÃO ou LAÇOS: for while do... while Estes permitem que um conjunto de instruções seja executado até que ocorra uma

Leia mais

Aula 7 - Mais problemas com inteiros

Aula 7 - Mais problemas com inteiros Aula 7 - Mais problemas com inteiros Já vimos nas aulas anteriores alguns detalhes de operações com inteiros. a) A divisão é inteira e o resultado é truncado b) Existe o operador % (resto da divisão) c)

Leia mais

Linguagens de programação. Introdução ao C (continuação)

Linguagens de programação. Introdução ao C (continuação) Linguagens de programação Introdução ao C (continuação) M@nso 2003 Sumário Introdução à programação Linguagem C Repetição de instruções Ciclos com controlo inicial ciclo While ciclo For Ciclos com controlo

Leia mais

Exercícios - Questões Objetivas

Exercícios - Questões Objetivas Exercícios - Questões Objetivas Apresentação 02 - Tipos de Dados 1. O nome de uma variável é criado por um programador devendo seguir algumas regras, são listas de nomes válidos, EXCETO: a) Nota1, Nota2,

Leia mais

3ª Lista de Exercícios de Programação I

3ª Lista de Exercícios de Programação I 3ª Lista de Exercícios de Programação I Instrução As questões devem ser implementadas em C, apoiadas por representação em algoritmo para planejamento. 1. Desenvolva um programa que leia dois valores a

Leia mais

Estruturas de Repetição. Vanessa Braganholo

Estruturas de Repetição. Vanessa Braganholo Estruturas de Repetição Vanessa Braganholo vanessa@ic.uff.br Estruturas de Repetição } Permitem que um bloco de comandos seja executado diversas vezes } Repetição condicional: executa um bloco de código

Leia mais

Exercícios: Comandos de Repetição

Exercícios: Comandos de Repetição Universidade Federal de Uberlândia - UFU Faculdade de Computação - FACOM Lista de exercícios de programação em linguagem C Exercícios: Comandos de Repetição 1. Faça um programa que determine o mostre os

Leia mais

Estruturas de entrada e saída

Estruturas de entrada e saída capa Estruturas de entrada e saída - A linguagem C utiliza de algumas funções para tratamento de entrada e saída de dados. - A maioria dessas funções estão presentes na biblioteca . - As funções

Leia mais

Estruturas de Repetição em Java

Estruturas de Repetição em Java 1 Linguagem de Programação Estruturas de Repetição em Java A realização da repetição controlada por contador requer: 1. Uma variável de controle (ou contador de loop). 2. O valor inicial da variável de

Leia mais

Estruturas de Decisão. Adaptado de Deise Saccol

Estruturas de Decisão. Adaptado de Deise Saccol Estruturas de Decisão Adaptado de Deise Saccol 1 ESTRUTURAS DE DECISÃO Comandos de decisão ou desvio fazem parte das técnicas de programação, para construir estruturas de algoritmos que não são totalmente

Leia mais

Estruturas de Repetição na Linguagem C. Slides da Prof. Deise Saccol

Estruturas de Repetição na Linguagem C. Slides da Prof. Deise Saccol Estruturas de Repetição na Linguagem C Slides da Prof. Deise Saccol 1 Comando for Estrutura de repetição for (var=valor inicial; condição; incremento) comando; for (var=valor inicial; condição; incremento)

Leia mais

INFORMÁTICA APLICADA AULA 05 ALGORITMOS

INFORMÁTICA APLICADA AULA 05 ALGORITMOS UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO CURSO: Bacharelado em Ciências e Tecnologia INFORMÁTICA APLICADA AULA 05 ALGORITMOS Profª ª Danielle Casillo ESTRUTURA DE REPETIÇÃO Nos exemplos e exercícios que

Leia mais

INFORMÁTICA APLICADA AULA 05 LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO C++

INFORMÁTICA APLICADA AULA 05 LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO C++ UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO CURSO: Bacharelado em Ciências e Tecnologia INFORMÁTICA APLICADA AULA 05 LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO C++ Profª ª Danielle Casillo LAÇOS Laços são comandos da linguagem

Leia mais

Resolução de Algoritmos

Resolução de Algoritmos Resolução de Algoritmos Disciplina: Algoritmos e Programação Luciano Moraes Da Luz Brum Universidade Federal do Pampa Unipampa Campus Bagé Email: lucianobrum18@gmail.com Tópicos Resolução dos exercícios

Leia mais

Comandos em C (cont.)

Comandos em C (cont.) Comandos em C (cont.) Operador ternário:? O operador condicional possui uma opção um pouco estranha. É o único operador C que opera sobre três expressões. Sua sintaxe geral possui a seguinte construção:

Leia mais

Introdução a Programação de Jogos

Introdução a Programação de Jogos Introdução a Programação de Jogos Aula 03 Introdução a Linguagem C Edirlei Soares de Lima Estrutura de um Programa C Inclusão de bibliotecas auxiliares: #include Definição

Leia mais

1ª Lista de Exercícios

1ª Lista de Exercícios Universidade Federal do Rio de Janeiro Data: 26/04/05 Disciplina: Computação I 1ª Lista de Exercícios 1) Faça um programa, em pseudo-código, que peça ao usuário que informe n números reais e então calcule

Leia mais

Amanda Gondim de Oliveira

Amanda Gondim de Oliveira ESTRUTURAS DE REPETIÇÃO Amanda Gondim de Oliveira ESTRUTURAS DE REPETIÇÃO É comum a repetição de procedimentos para se realizar tarefas. Esse procedimentos não são repetidos eternamente, mas se encerram

Leia mais

ALGORITMOS COM SELEÇÃO 1 - ESTRUTURA CONDICIONAL (ESTRUTURAS DE CONTROLE)

ALGORITMOS COM SELEÇÃO 1 - ESTRUTURA CONDICIONAL (ESTRUTURAS DE CONTROLE) Algoritmos e Estruturas de Dados 1 Prof. Eduardo 1 ALGORITMOS COM SELEÇÃO 1 - ESTRUTURA CONDICIONAL (ESTRUTURAS DE CONTROLE) Até o momento da disciplina vimos comandos de entrada, processamento e saída

Leia mais

Programação científica C++

Programação científica C++ Programação científica C++ NIELSEN CASTELO DAMASCENO Slide 4 Aluno que não sabe programar int main() { cout

Leia mais

CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 6. Revisão Laços de Repetição

CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 6. Revisão Laços de Repetição CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 6 Revisão Laços de Repetição TRABALHO 1º Semestre Prazo de entrega: 14/06. Individual ou em Dupla Compactar todos os exercícios em um arquivo. Enviar para o e-mail do PET:

Leia mais

Sequencial Estrutura de controlo mais simples. As instruções são executadas sequencialmente.

Sequencial Estrutura de controlo mais simples. As instruções são executadas sequencialmente. Sequencial Estrutura de controlo mais simples. As instruções são executadas sequencialmente. Com base numa condição Estruturas de decisão ou selecção Com base num selector ou de escolha múltipla Com contador

Leia mais

NOME DO ALUNO: AVALIAÇÃO SIMULADA

NOME DO ALUNO: AVALIAÇÃO SIMULADA CURSO: ECA ECV EEL EPR - EMC SÉRIE: 1 a. e 2 a. DISCIPLINA: Algoritmos e Programação PROFESSOR: Paulo Cesar F. De Oliveira, BSc, PhD* RA: DATA: 21/11/2016 NOTA: NOME DO ALUNO:, AVALIAÇÃO SIMULADA 1ª Questão

Leia mais

Estruturas de Controle de Fluxo

Estruturas de Controle de Fluxo Aula Prática IX Aula Prática IX Teoria Estruturas de Controle de Fluxo Instrução condicional simples Em pseudocódigo: Na linguagem C: se entao fimse if ()

Leia mais

Introdução à Programação em C (I)

Introdução à Programação em C (I) Introdução à Programação em C (I) IAED Tagus, 2009/2010 Organização de Ficheiros em C Organização Típica de Ficheiros em C Inclusão de bibliotecas de sistema Inclusão de bibliotecas locais Definição de

Leia mais

14 Fórmula de Recorrência e Séries (Somas Infinitas)

14 Fórmula de Recorrência e Séries (Somas Infinitas) 14 Fórmula de Recorrência e Séries (Somas Infinitas) Ronaldo F. Hashimoto e Carlos H. Morimoto Nessa aula vamos introduzir fórmulas de recorrência e o uso das mesmas para o cálculo de séries (somas infinitas).

Leia mais

Introdução à Algoritmos INF 1005 e INF Programação I

Introdução à Algoritmos INF 1005 e INF Programação I Introdução à Algoritmos INF 1005 e INF1004 - Programação I Pontifícia Universidade Católica Departamento de Informática 1 Algoritmo: Conceito Sequência finita e não ambígua de passos para a solução de

Leia mais

Lógica de Programação I

Lógica de Programação I Gilson de Souza Carvalho gaucho.gilson@hotmail.com 1 Comando Do/While Além do comando while, existem outras estruturas para implementar laços repetitivos. O comando Do/While funciona de forma similar ao

Leia mais

Linguagem C. Programação Estruturada. Modularização (Funções) Prof. Luis Nícolas de Amorim Trigo

Linguagem C. Programação Estruturada. Modularização (Funções) Prof. Luis Nícolas de Amorim Trigo Programação Estruturada Linguagem C Modularização (Funções) Prof. Luis Nícolas de Amorim Trigo nicolas.trigo@ifsertao-pe.edu.br Sumário Introdução Por que usar funções? Escopo de Variáveis Declarando uma

Leia mais

ALGORITMOS COM SELEÇÃO 1 - ESTRUTURA CONDICIONAL (ESTRUTURAS DE CONTROLE)

ALGORITMOS COM SELEÇÃO 1 - ESTRUTURA CONDICIONAL (ESTRUTURAS DE CONTROLE) Algoritmos e Estruturas de Dados 1 Prof. Eduardo 1 ALGORITMOS COM SELEÇÃO 1 - ESTRUTURA CONDICIONAL (ESTRUTURAS DE CONTROLE) Já vimos entrada, processamento e saída, que compõem os algoritmos puramente

Leia mais

Algoritmos e Programação

Algoritmos e Programação Universidade Federal do Vale do São Francisco Curso de Engenharia da Produção / Elétrica Parte 02 Prof. Jorge Cavalcanti jorge.cavalcanti@univasf.edu.br www.univasf.edu.br/~jorge.cavalcanti www.twitter.com/jorgecav

Leia mais

Conceito de procedimentos e funções

Conceito de procedimentos e funções Tópicos Introdução Como funcionam as funções Declaração de funções Exemplo de funções 1 Introdução As funções, são unidades de código desenhadas para cumprir uma determinada tarefa. Até agora, já utilizamos

Leia mais

Introdução à Linguagem C. Adaptado de slides das Profas. Patrícia Jaques, Mônica Py, Deise Saccol e Vania Bogorny

Introdução à Linguagem C. Adaptado de slides das Profas. Patrícia Jaques, Mônica Py, Deise Saccol e Vania Bogorny Introdução à Linguagem C Adaptado de slides das Profas. Patrícia Jaques, Mônica Py, Deise Saccol e Vania Bogorny 1 Histórico da Linguagem C Criada por Denis Ritchie, na década de 1970, para uso em um computador

Leia mais

CAPÍTULO V. Estruturas de Repetição CAPÍTULO V ESTRUTURAS DE REPETIÇÃO. Estrutura de Repetição com Teste no Início: E QUA TO-FAÇA...

CAPÍTULO V. Estruturas de Repetição CAPÍTULO V ESTRUTURAS DE REPETIÇÃO. Estrutura de Repetição com Teste no Início: E QUA TO-FAÇA... NBT110 Algoritmos e Estruturas de Dados Profa. Rosanna Mara Rocha Silveira Fevereiro/2013 - Versão 1.1 CAPÍTULO V ESTRUTURAS DE REPETIÇÃO 42 Em programação de computadores, é muito comum nos depararmos

Leia mais

Estruturas de Repetição

Estruturas de Repetição Estruturas de Repetição Lista de Exercícios - 04 Linguagem e Técnicas de Programação Professor: Edwar Saliba Júnior Estruturas de Repetição O que são e para que servem? São comandos que são utilizados

Leia mais

Algoritmos e Estruturas de Dados I. Universidade Federal de São João del-rei Pedro Mitsuo Shiroma Sala 119 Bloco 3

Algoritmos e Estruturas de Dados I. Universidade Federal de São João del-rei Pedro Mitsuo Shiroma Sala 119 Bloco 3 Algoritmos e Estruturas de Dados I Universidade Federal de São João del-rei Pedro Mitsuo Shiroma Sala 119 Bloco 3 Laboratório de AEDS 1 Aula 01 Linguagens de Programação Cada linguagem de programação obedece

Leia mais

P r o g r a m a ç ã o d e C o m p u t a d o r e s 1 o S e m - 2 0 1 3 P r o f. A n d r é A m a r a n t e L u i z L A B 5 tag %2d while printf PE1:

P r o g r a m a ç ã o d e C o m p u t a d o r e s 1 o S e m - 2 0 1 3 P r o f. A n d r é A m a r a n t e L u i z L A B 5 tag %2d while printf PE1: Inteligência É a faculdade de criar objetos artificiais, especialmente ferramentas para fazer ferramentas. Henri Bergson. WHILE Além dos comandos if-else e switch, o controle de fluxo de um programa pode

Leia mais

DURAÇÃO DA PROVA: 2 horas

DURAÇÃO DA PROVA: 2 horas MAC2166 Introdução à Computação Escola Politécnica Segunda Prova 19 de maio de 2015 Nome: Assinatura: N ō USP: Turma: Professor: Instruções: 1. Não destaque as folhas deste caderno. 2. A prova contém 4

Leia mais

Capítulo 2: Introdução à Linguagem C

Capítulo 2: Introdução à Linguagem C Capítulo 2: Introdução à Linguagem C INF1005 Programação 1 Pontifícia Universidade Católica Departamento de Informática Programa Programa é um algoritmo escrito em uma linguagem de programação. No nosso

Leia mais

Exercícios de Linguagem C

Exercícios de Linguagem C Exercícios de Linguagem C Aspectos básicos 1. Fazer um programa para receber um número inteiro de segundos do usuário e imprimir a quantidade correspondente em horas, minutos e segundos. 2. Fazer um programa

Leia mais

Introdução a classes e objetos. Prof. Marcelo Roberto Zorzan Prof a. Rachel Reis

Introdução a classes e objetos. Prof. Marcelo Roberto Zorzan Prof a. Rachel Reis Introdução a classes e objetos Prof. Marcelo Roberto Zorzan Prof a. Rachel Reis Estruturas de Seleção if... else Operador condicional (? : ) switch Aula de Hoje Estruturas de Repetição: while/do... while/for

Leia mais

Capítulo 2 Operadores. A função scanf()

Capítulo 2 Operadores. A função scanf() Capítulo 2 Operadores A função scanf() A função scanf() é outra das funções de E/S implementadas em todos os compiladores e nos permite ler dados formatados da entrada padrão (teclado). Sintaxe: scanf(

Leia mais

Sub-rotinas. 2014/2 Programação Básica de Computadores (INF 09325) Freddy Brasileiro

Sub-rotinas. 2014/2 Programação Básica de Computadores (INF 09325) Freddy Brasileiro Sub-rotinas 2014/2 Programação Básica de Computadores (INF 09325) Freddy Brasileiro www.inf.ufes.br/~fbrasileiro fbrasileiro@inf.ufes.br Programa / Bibliografia 4. Sub-programas e funções 1. Funções e

Leia mais

ALGORITMO I ESTRUTURA DE CONTROLE REPETIÇÃO PARA / ENQUANTO;

ALGORITMO I ESTRUTURA DE CONTROLE REPETIÇÃO PARA / ENQUANTO; ALGORITMO I ESTRUTURA DE CONTROLE REPETIÇÃO PARA / ENQUANTO; Jaime Evaristo (http://professor.ic.ufal.br/jaime/) Slide 1 ALGORITMO I ESTRUTURA DE REPETIÇÃO - Utilizando PARA Na repetição uma sequência

Leia mais

Curso de C: uma breve introdução

Curso de C: uma breve introdução V Semana de Engenharia Elétrica - UFBA Licença de uso e distribuição Todo o material aqui disponível pode, posteriormente, ser utilizado sobre os termos da: Creative Commons License:

Leia mais

Tabela T1: Tags para comandos de impressão.

Tabela T1: Tags para comandos de impressão. O que é um nome? O que chamamos rosa não cheiraria igualmente doce em outro nome? W. Shakespeare. PRINTF O comando printf é capaz de imprimir uma mensagem na tela, bem como o comando puts, que além de

Leia mais

Fluxogramas. Vanessa Braganholo

Fluxogramas. Vanessa Braganholo Fluxogramas Vanessa Braganholo vanessa@ic.uff.br Antes de vermos Fluxogramas...... vamos conhecer um pouco sobre a evolução das linguagens de programação 2 Paradigmas de Programação Definem regras básicas

Leia mais

PROGRAMAÇÃO INSTRUÇÕES DA LINGUAGEM C

PROGRAMAÇÃO INSTRUÇÕES DA LINGUAGEM C PROGRAMAÇÃO INSTRUÇÕES DA LINGUAGEM C 1 2 Repetição 1 Enquanto 'C' é verdadeira Fazer? 3 Repetição 1 Enquanto 'C' é verdadeira Fazer? while (C)?; 4 Enunciado: Construa um algoritmo para mostrar os 100

Leia mais

Instruções de repetição

Instruções de repetição Folha Prática Instruções de repetição 1 Instruções de repetição Repetição (e componentes associadas a qualquer repetição: inicialização, teste da condição de paragem e actualização) Repetição com teste

Leia mais

INF 1005 Programação I

INF 1005 Programação I INF 1005 Programação I Aula 03 Introdução a Linguagem C Edirlei Soares de Lima Estrutura de um Programa C Inclusão de bibliotecas auxiliares: #include Definição de constantes:

Leia mais

Estrutura de Repetição C++

Estrutura de Repetição C++ Estrutura de Repetição C++ Resumo 5-2 Profª. Ivre Marjorie R. Machado Repetição: Pseudocódigo 1- Estrutura de repetição ENQUANTO: Geralmente usada quando não sabemos o número de vezes a repetição do algoritmo

Leia mais

Introdução a Computação

Introdução a Computação Introdução a Computação Aula 02 Introdução a Linguagem C Edirlei Soares de Lima Lógica de Programação Lógica de Programação é a técnica de criar sequências lógicas de ações para

Leia mais

Introdução à Programação em C (I)

Introdução à Programação em C (I) Introdução à Programação em C (I) Factorial Definição de função para cálculo de factorial Scheme (define (factorial n) (if (= n 1) 1 (* n (factorial (- n 1))))) C int factorial (int n) { if (n == 1) return

Leia mais

Convertendo Algoritmos para a Linguagem C

Convertendo Algoritmos para a Linguagem C onvertendo Algoritmos para a Linguagem Notas de Aula Prof. Francisco Rapchan www.geocities.com/chicorapchan O objetivo deste texto é mostrar alguns programas em, dando uma breve descrição de seu funcionamento

Leia mais

INFORMÁTICA APLICADA AULA 03 LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO C++

INFORMÁTICA APLICADA AULA 03 LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO C++ UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO CURSO: Bacharelado em Ciências e Tecnologia INFORMÁTICA APLICADA AULA 03 LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO C++ Profª ª Danielle Casillo OPERADORES Um operador é um símbolo

Leia mais

Para cada questão a seguir, construa um programa em Linguagem C que faça o que foi solicitado.

Para cada questão a seguir, construa um programa em Linguagem C que faça o que foi solicitado. UFES - CEUNES - Engenharia de Petróleo Programação I - 1º período 2012/1 Lista de exercícios 03 Assuntos novos: estrutura de repetição simples e aninhada: for, while, do-while e break Para cada questão

Leia mais

Este conceito é bastante simples e será útil e conveniente nos itens seguintes, na definição das estruturas básicas de controle de execução.

Este conceito é bastante simples e será útil e conveniente nos itens seguintes, na definição das estruturas básicas de controle de execução. Capítulo 7 Controle de Fluxo de Execução Até o momento os algoritmos estudados utilizam apenas instruções primitivas de atribuição, e de entrada e saída de dados. Qualquer conjunto de dados fornecido a

Leia mais

Programas Interativos

Programas Interativos Programação Funcional DECOM UFOP 2012-1 Aula prática Capítulo 8 Prof. José Romildo Malaquias Programas Interativos Resumo Nesta aula pretende-se explorar construção de programas interativos usando ações

Leia mais

Estruturas de Repetição Parte I ENQUANTO-FAÇA

Estruturas de Repetição Parte I ENQUANTO-FAÇA Estruturas de Repetição Parte I ENQUANTO-FAÇA Prof. Dr. Edson Pimentel Centro de Matemática, Computação e Cognição Objetivos Reconhecer a necessidade do uso de estruturas de repetição Aprender a sintaxe

Leia mais

Programação de Computadores III

Programação de Computadores III Programação de Computadores III Pseudocódigo e Estruturas Básicas de Controle Professor Leandro Augusto Frata Fernandes laffernandes@ic.uff.br Material disponível em http://www.ic.uff.br/~laffernandes/teaching/2013.1/tcc-00.157

Leia mais

Programação de Computadores Profa Jacqueline 1

Programação de Computadores Profa Jacqueline 1 Programação de Computadores Profa Jacqueline 1 REVISÃO Construção de Algoritmos Estruturas de Controle Objetivo: Abordar as técnicas para entrada e saída de dados e as estruturas para controle do fluxo

Leia mais

Comando Portugol (Visualg) Java

Comando Portugol (Visualg) Java Variável tipo inteiro i: inteiro short i; int i; long i; byte i; Variável tipo real d: real float d; double d; Variável tipo lógico b: logico boolean b; Variável tipo texto s: caractere char s; String

Leia mais

Linguagem de Programação

Linguagem de Programação Linguagem de Programação Aula 5 Elementos Fundamentais de Controle Universidade Federal de Santa Maria Colégio Agrícola de Frederico Westphalen Curso Técnico em Informática Prof. Bruno B. Boniati www.cafw.ufsm.br/~bruno

Leia mais

Introdução à Linguagem C Variáveis e Expressões

Introdução à Linguagem C Variáveis e Expressões INF1005: Programação 1 Introdução à Linguagem C Variáveis e Expressões 08/03/10 (c) Paula Rodrigues 1 Tópicos Principais Programando em C Funções Variáveis Define Operadores e Expressões Entrada e Saída

Leia mais

Estruturas%de%seleção%

Estruturas%de%seleção% Estruturas'de'seleção' 93% Execução'condicional' Etapa'em'um'programa'onde'uma'condição'é'avaliada'e,'dependendo'do' resultado,'diferentes'ações'podem'ser'realizadas.' 94% Condicional'simples' Uma'ou'mais'ações'serão'executadas'se,'

Leia mais

Module Introduction. Programação. Cap. 4 Algoritmos e Programação Estruturada

Module Introduction. Programação. Cap. 4 Algoritmos e Programação Estruturada 5374 : Engenharia Informática 6638 : Tecnologias e Sistemas de Informação 9099 : Bioengenharia 10135 : Ciências Biomédicas Cap. 4 Algoritmos e Estruturada Module Introduction Algoritmos e Estruturada Objectivos:

Leia mais

Algoritmo e Linguagem C++

Algoritmo e Linguagem C++ Algoritmo e Linguagem C++ Tutor: Rafael Dias Ribeiro, MSc. rafaeldiasribeiro@gmail.com O que é um algoritmo Ambiente de trabalho com C++ Primeiro programa Formatação de saída Variáveis Comandos de entrada

Leia mais

Edwar Saliba Júnior. Dicas, Comandos e Exemplos Comparativos entre Linguagem Algorítmica e Linguagem C

Edwar Saliba Júnior. Dicas, Comandos e Exemplos Comparativos entre Linguagem Algorítmica e Linguagem C Edwar Saliba Júnior Dicas, Comandos e Exemplos Comparativos entre Linguagem Algorítmica e Linguagem C Belo Horizonte 2010 Sumário 1 Nota:... 2 2 Comandos e Palavras Reservadas:... 3 3 Dicas... 4 3.1 Strings

Leia mais

Estruturas de Controle de Fluxo

Estruturas de Controle de Fluxo 2. Comando de Seleção Múltipla Em algumas situações ao chegarmos a uma determinada instrução de um algoritmo devemos selecionar um dentre alguns trechos a seguir, tendo como base para esta escolha um conjunto

Leia mais

Aula Teórica 06. Material Didático Proposto. Conteúdos da Aula. Estruturas de Repetição Exercícios

Aula Teórica 06. Material Didático Proposto. Conteúdos da Aula. Estruturas de Repetição Exercícios Universidade Federal de Ouro Preto -UFOP Departamento de Computação - DECOM Comissão da Disciplina Programação de Computadores I CDPCI Programação de Computadores I BCC701 2014/1 Aula Teórica 06 Material

Leia mais

CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 3. Revisão Estrutura de Decisão Se Então

CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 3. Revisão Estrutura de Decisão Se Então CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 3 Revisão Estrutura de Decisão Se Então Revisão da aula anterior 1. Variáveis 2. Estrutura de um Algoritmo 3. Operadores 4. Visualg Variável Revisão da aula anterior É

Leia mais

INTRODUÇÃO A LINGUAGEM C

INTRODUÇÃO A LINGUAGEM C INTRODUÇÃO A LINGUAGEM C Aula 01 Programação em Microinformática Prof. Allbert Velleniche de Aquino Almeida E-mail: professor@allbert.com.br Site: http://www.allbert.com.br Histórico O C nasceu na década

Leia mais

Lista de Exercícios Revisão de Lógica. 01. Desenvolva um programa em C que receba três valores numéricos inteiros e mostre a soma desses três números.

Lista de Exercícios Revisão de Lógica. 01. Desenvolva um programa em C que receba três valores numéricos inteiros e mostre a soma desses três números. Lista de Exercícios Revisão de Lógica 01. Desenvolva um programa em C que receba três valores numéricos inteiros e mostre a soma desses três números. /*declaração de variáveis*/ int n1, n2, n3, soma; printf("digite

Leia mais

Roteiro Prático Nº 13 Recursividade

Roteiro Prático Nº 13 Recursividade UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ UNIFEI CAMPUS ITABIRA BAC004 TÉCNICAS DE PROGRAMAÇÃO Professores: Claudia, Denílson, Fabiana, Fernando, Juliano, Natália, Raquel, Rodrigo, Sandro e Walter Roteiro Prático

Leia mais

Introdução à Linguagem C++

Introdução à Linguagem C++ Introdução à Linguagem C++ C++: Definição C++ C A Linguagem de Programação C++ pode ser definida como uma extensão da Linguagem C; Todo código de programação em Linguagem C pode a priori ser compilado

Leia mais

compreender a importância de cada estrutura de controle disponível na Linguagem C;

compreender a importância de cada estrutura de controle disponível na Linguagem C; Aula 3 Estruturas de controle Objetivos Esperamos que, ao final desta aula, você seja capaz de: compreender a importância de cada estrutura de controle disponível na Linguagem C; construir programas em

Leia mais

Conceitos básicos de programação

Conceitos básicos de programação Para aprender uma linguagem de programação podemos começar por conhecer os vocábulos ou símbolos que formam o seu léxico e depois aprender como esses vocábulos integram as instruções (frases) que compõe

Leia mais

INF 1620 P1-10/04/02 Questão 1 Nome:

INF 1620 P1-10/04/02 Questão 1 Nome: INF 1620 P1-10/04/02 Questão 1 Considere uma disciplina que adota o seguinte critério de aprovação: os alunos fazem duas provas (P1 e P2) iniciais; se a média nessas duas provas for maior ou igual a 5.0,

Leia mais

Estrutura de Seleção Múltipla Switch

Estrutura de Seleção Múltipla Switch Estrutura de Seleção Múltipla Switch Disciplina: Algoritmos e Programação Luciano Moraes Da Luz Brum Universidade Federal do Pampa Unipampa Campus Bagé Email: lucianobrum18@gmail.com Horários de atendimento:

Leia mais

LINGUAGEM C: DESCOMPLICADA. Prof. André R. Backes

LINGUAGEM C: DESCOMPLICADA. Prof. André R. Backes LINGUAGEM C: DESCOMPLICADA Prof. André R. Backes 1 COMANDOS DE CONTROLE CONDICIONAL Os programas escritos até o momento são programas sequeciais: um comando é executado após o outro, do começo ao fim do

Leia mais