Propagação do Calor e Calorimetria

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Propagação do Calor e Calorimetria"

Transcrição

1 Condução Térmica Física 3 - Capítulo 3 Propagação do Calor e Calorimetria Propagação de calor em que a energia térmica passa de partícula para partícula, sem transporte de matéria. Ocorre nos materiais chamados condutores térmicos (materiais metálicos). CALOR Energia em trânsito que se transfere de um corpo para outro se houver diferença de temperatura entre estes corpos. CALORIMETRIA Estudo da medida do calor trocado entre os corpos. Exemplos de Isolantes Térmicos: água, gelo, ar, lã, isopor, vidro, borracha, madeira, serragem. 1 2 Aplicação de Isolantes Térmicos (exemplo) Os iglus são feitos de gelo, que é isolante e impede a condução de calor para o meio externo. Convecção Térmica Propagação de calor com transporte de matéria. Ocorre nos líquidos e gases. Eleva-se, assim, a temperatura interna do iglu. 3 4

2 Radiação Térmica Propagação de calor através de ondas eletromagnéticas, principalmente raios infravermelhos, que são chamados ondas de calor. Ocorre inclusive no vácuo. Exemplos: - Estufa de Plantas - Efeito Estufa Estufa de Plantas Questão 1 Considere as afirmações a seguir: I. Devido à, um aquecedor de ambiente deve ser colocado junto ao assoalho. II. Nos sólidos, a transmissão de calor ocorre por. III. Quando nos aproximamos de um forno, recebemos calor, principalmente por. Quais são os processos de transferência de calor que preenchem corretamente as lacunas das afirmações? Solução: convecção, condução, irradiação. 5 6 Unidades de Calor Capacidade Térmica de um Corpo ( C ) Calor é uma forma de energia. Logo, usamos aqui as unidades de energia. Unidade S.I. de energia: joule ( J ) Se um corpo cede ou recebe uma quantidade de calor Q e sua temperatura sofre uma variação T, a capacidade térmica (C) desse corpo é a razão: Outra unidade usada: caloria (cal) Conversão de unidades: 1 cal = 4,18 J Unidades de C: J/ c ; cal / c ; J/K ; cal/ F Múltiplo: quilocaloria (Kcal) 1 Kcal = 10 3 cal 7 DICA Capacidade Térmica é característica do corpo. Corpos de massas diferentes, de um mesmo material, tem capacidades térmicas diferentes. 8

3 Capacidade Térmica (exemplo) Calor específico de uma Substância ( c ) Calor específico é a quantidade de calor necessária para que um grama de uma substância aumente sua temperatura em 1 grau Celsius. Cálculo do calor específico da substância de um corpo m: massa do corpo 2 litros de água tem maior Capacidade Térmica que 1 litro de água. Calor cedido a cada uma das panelas: Q cedido = 30 kcal Unidades de c: J/kg. c ; cal /g. c ; cal/g. F C 1_litro = Q c / T = 30 / 30 C 1_litro = 1 kcal/ C C 2_litros = Q c / T = 30 / 15 C 2_litros = 2 kcal/ C DICA Calor Específico é característica do material e do estado físico em que ele se encontra Quantidade de Calor Sensível ( Q s ) Questão 2 É uma quantidade de calor recebida ou perdida por um corpo que faz variar apenas a sua temperatura, sem haver mudança no estado físico do corpo. Q s = m.c. T T 0 + T mais quente (PUCCAMP-SP) Admita que o corpo humano transfira calor para o meio ambiente na razão de 2,0 kcal/min. Se esse calor fosse aproveitado para aquecer água de 20 C até 100 C, qual a quantidade de água, em kg, poderia ser aquecida com a quantidade de calor transferida em 1 hora? Dado: calor específico da água = 1,0 kcal/kg C 11 12

4 Questão 2 - solução Mudanças no Estado Físico de um Corpo Total de calor transferida em 1 hora: Q = 60min x 2 kcal/min Q=120 kcal Variação de temperatura: T = = 80 C Cálculo da massa que teria uma variação de 80 C: Q = m.c. T 120 kcal = m x (1kcal/kg C) x 80 C m = 120 / 80 m = 1,5 kg P.F. : temperatura do ponto de fusão P.E. : temperatura do ponto de ebulição Durante uma mudança de estado, a temperatura do corpo não se altera Quantidade de Calor Latente ( Q L ) Questão 3 É uma quantidade de calor recebida ou perdida por um corpo que apenas muda o seu estado físico, não alterando a sua temperatura. Q L = m.l ; L: calor latente da ocasião (depende da substância e da mudança de estado). (UnB) Determine a quantidade de calor que se deve fornecer a 100g de gelo a -10 C para transformá-lo em vapor a 110 C. Esboce a curva de aquecimento do processo. Dados: calor específico da água = 1,0 cal/g C calor específ. gelo = calor específ. vapor = 0,5 cal/g C calor latente de fusão do gelo = 80 cal/g T calor latente de vaporização da água = 540cal/g 15 16

5 Questão 3 - solução Questão 3 solução Aquecimento do gelo: Q 1 =m.c.(t to)=100.0,5.(0 (-10)) Q 1 = 500cal Fusão do gelo: Q 2 = m.l F = Q 2 = 8.000cal Aquecimento da água : Q 3 =m.c.(t to) = (100 0) Q 3 = cal Vaporização da água: Q 4 = m.l V = Q 4 = cal Aquecimento do vapor: Q 5 = m.c.(t to)= 100.0,5.( ) Q 5 = 500cal Q T = Q 1 +Q 2 + Q 3 + Q 4 +Q 5 Q T = cal ou ( C) Tem peratura Curva de Aquecimento Calor Cedido Recebido (calorias) Q T =73kcal 17 18

TERMOLOGIA. Calorimetria:

TERMOLOGIA. Calorimetria: TERMOLOGIA Calorimetria: Calor: é energia térmica em trânsito. Ela ocorre sempre entre dois corpos com temperaturas diferentes. O corpo com temperatura maior sede espontaneamente calor para o corpo que

Leia mais

Energia: Capacidade de realizar trabalho.

Energia: Capacidade de realizar trabalho. Energia: Capacidade de realizar trabalho. Formas de energia: Matéria: - Cinética (movim. macroscópico, térmica, etc) - Potencial (elétrica, gravitacional, elástica, etc) Tudo que tem massa e ocupa lugar

Leia mais

CALORIMETRIA Calor. CALORIMETRIA Potência ou Fluxo de Calor

CALORIMETRIA Calor. CALORIMETRIA Potência ou Fluxo de Calor CALORIMETRIA Calor É a transferência de energia de um corpo para outro, decorrente da diferença de temperatura entre eles. quente frio Unidades de calor 1 cal = 4,186 J (no SI) 1 kcal = 1000 cal Fluxo

Leia mais

TRANSMISSÃO DE CALOR (PROPAGAÇÃO DE CALOR) Prof. Lucas

TRANSMISSÃO DE CALOR (PROPAGAÇÃO DE CALOR)  Prof. Lucas TRANSMISSÃO DE CALOR (PROPAGAÇÃO DE CALOR) www.wikifisica.com Prof. Lucas 1. Fluxo de calor (Ø): é a quantidade de calor Q, que atravessa uma superfície S, por unidade de tempo Δt. Condução térmica

Leia mais

Unidade 9 Transferência de Calor. Introdução Condução Fluxo de calor Convecção Irradiação

Unidade 9 Transferência de Calor. Introdução Condução Fluxo de calor Convecção Irradiação Unidade 9 Transferência de Calor Introdução Condução Fluxo de calor Convecção Irradiação Introdução Você já reparou que as colheres utilizadas para misturar alimentos em panelas costumam ser feitas de

Leia mais

Prof. Renato. EME Prof. Vicente Bastos SESI Carrão. Física 2ª. Série Aula 13

Prof. Renato. EME Prof. Vicente Bastos SESI Carrão. Física 2ª. Série Aula 13 Aula 13 Medindo o calor 1. Mudança de estado físico (solidificação) (liquefação) Sólido - Líquido - Gás (fusão) (ebulição) 2. Curvas de aquecimento Gráfico de Temperatura x Quantidade de calor: T x Q Exemplos:

Leia mais

CALORIMETRIA E TERMOLOGIA

CALORIMETRIA E TERMOLOGIA CALORIMETRIA E TERMOLOGIA CALORIMETRIA Calor É a transferência de energia de um corpo para outro, decorrente da diferença de temperatura entre eles. quente Fluxo de calor frio BTU = British Thermal Unit

Leia mais

Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia Departamento de Estudos Básicos e Instrumentais 3 Termologia Física II Prof. Roberto Claudino Ferreira Prof. Roberto Claudino 1 ÍNDICE 1. Conceitos Fundamentais;

Leia mais

FÍSICA 1ª SÉRIE APOIO PEDAGÓGICO LUIZ HENRIQUE DIAS DE FARIA

FÍSICA 1ª SÉRIE APOIO PEDAGÓGICO LUIZ HENRIQUE DIAS DE FARIA 1ª SÉRIE APOIO PEDAGÓGICO (Unicamp 2013) A boa ventilação em ambientes fechados é um fator importante para o conforto térmico em regiões de clima quente. Uma chaminé solar pode ser usada para aumentar

Leia mais

PROPAGAÇÃO DE CALOR A propagação do calor entre dois sistemas pode ocorrer através de três processos diferentes: a condução, a convecção e a radiação.

PROPAGAÇÃO DE CALOR A propagação do calor entre dois sistemas pode ocorrer através de três processos diferentes: a condução, a convecção e a radiação. PROPAGAÇÃO DE CALOR A propagação do calor entre dois sistemas pode ocorrer através de três processos diferentes: a condução, a convecção e a radiação. CONDUÇÃO TÉRMICA A condução térmica é um processo

Leia mais

Recursos para Estudo / Atividades

Recursos para Estudo / Atividades COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 1ª Etapa 2014 Disciplina: Física Série: 2ª Professor (a): Marcos Vinicius Turma: FG Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

AULA 13 CALORIMETRIA. 1- Introdução

AULA 13 CALORIMETRIA. 1- Introdução AULA 13 CALORIMETRIA 1- Introdução Neste capítulo estudaremos o calor e suas aplicações. Veremos que o calor pode simplesmente alterar a temperatura de um corpo, ou até mesmo mudar o seu estado físico.

Leia mais

CALORIMETRIA. 1 cal = 4,2 J.

CALORIMETRIA. 1 cal = 4,2 J. CALORIMETRIA Setor 1210 Prof. Calil A CALORIMETRIA estuda energia denominada CALOR que vai, de maneira natural, do corpo quente para o corpo frio. Calor não deve ser Calor sensivel confundido com a energia

Leia mais

Dados: - calor latente de vaporização da água: 540cal/g - calor específico da água: 10cal/g C

Dados: - calor latente de vaporização da água: 540cal/g - calor específico da água: 10cal/g C 1. (Fuvest 92) Adote: calor específico da água = 1 cal/g. C Um recipiente contendo 3600g de água à temperatura inicial de 80 C é posto num local onde a temperatura ambiente permanece sempre igual a 20

Leia mais

Física Experimental - Termodinâmica - Conjunto para termodinâmica - EQ054

Física Experimental - Termodinâmica - Conjunto para termodinâmica - EQ054 Índice Remissivo... 4 Abertura... 6 Guarantee / Garantia... 7 Certificado de Garantia Internacional... 7 As instruções identificadas no canto superior direito da página pelos números que se iniciam pelos

Leia mais

CALORIMETRIA - EXERCÍCIOS E TESTES DE VESTIBULARES

CALORIMETRIA - EXERCÍCIOS E TESTES DE VESTIBULARES CALORIMETRIA - EXERCÍCIOS E TESTES DE VESTIBULARES 1. (UFV-96) Ao derramarmos éter sobre a pele, sentimos uma sensação de resfriamento em conseqüência de: a. o éter penetrar nos poros, congelando imediatamente

Leia mais

Colégio Dominus Vivendi Professor Anderson Lista de exercícios 2º ano (REC)

Colégio Dominus Vivendi Professor Anderson Lista de exercícios 2º ano (REC) Colégio Dominus Vivendi Professor Anderson Lista de exercícios 2º ano (REC) 1-(Mackenzie-SP) Numa cidade da Europa, no decorrer de um ano, a temperatura mais baixa no inverno foi de 23 ºF e a mais alta

Leia mais

Temperatura, calor e processos de transmissão de calor

Temperatura, calor e processos de transmissão de calor REVISÃO ENEM Temperatura, calor e processos de transmissão de calor TEMPERATURA Temperatura é a grandeza física escalar que nos permite avaliar o grau de agitação das moléculas. Quanto maior for o grau

Leia mais

Aquecimento de um sistema

Aquecimento de um sistema Aquecimento de um sistema Aquecimento de diferentes quantidades de água Quando se fornece, num dado intervalo de tempo, a mesma quantidade de energia a dois sistemas, A e B, que diferem apenas na sua massa.

Leia mais

O trabalho (estudo) espanta três males: o vício, a pobreza e o tédio.

O trabalho (estudo) espanta três males: o vício, a pobreza e o tédio. UNIPAC - CAMPUS TEÓFILO OTONI CURSO: AGRONOMIA DISCIPLINA: FÍSICA I PERÍODO: 2 PROFESSOR: ARNON RIHS. DATA: EXERCÍCIOS AVALIATIVOS EM SALA VALOR: PONTOS Acesse: www.professorarnon.com O trabalho (estudo)

Leia mais

d) condução e convecção b) radiação e condução e) condução e radiação c) convecção e radiação

d) condução e convecção b) radiação e condução e) condução e radiação c) convecção e radiação Lista 7 Propagação de calor 01. Sabe-se que a temperatura do café se mantém razoavelmente constante no interior de uma garrafa térmica perfeitamente vedada. a) Qual o principal fator responsável por esse

Leia mais

Capitulo-4 Calor e Temperatura

Capitulo-4 Calor e Temperatura Capitulo-4 Calor e Temperatura www.plantaofisica.blogspot.com.br 1 Resumo de aula: Termometria. 1- Temperatura Termometria é a parte da física que se preocupa unicamente em formas de se medir a temperatura

Leia mais

9. (Uel 95) Uma escala de temperatura arbitrária X está relacionada com a escala Celsius, conforme o gráfico a seguir.

9. (Uel 95) Uma escala de temperatura arbitrária X está relacionada com a escala Celsius, conforme o gráfico a seguir. 1. (G1) Em uma determinada escala arbitrária o ponto de congelamento da água é de 10 unidades, enquanto que o ponto de ebulição é de 210 unidades. Todas as medidas feitas ao nível do mar. Qual é a temperatura

Leia mais

Unimonte, Engenharia Física Aplicada, Prof. Marco Simões Transferência de calor, exercícios selecionados do Sears & Zemansky, cap.

Unimonte, Engenharia Física Aplicada, Prof. Marco Simões Transferência de calor, exercícios selecionados do Sears & Zemansky, cap. Unimonte, Engenharia Física Aplicada, Prof. Marco Simões Transferência de calor, exercícios selecionados do Sears & Zemansky, cap. 17 17.65) Suponha que a barra da figura seja feita de cobre, tenha 45,0

Leia mais

A partir dos dados, tem-se a seguinte correspondência: Usando a proporcionalidade, tem-se: x x = =

A partir dos dados, tem-se a seguinte correspondência: Usando a proporcionalidade, tem-se: x x = = 01 A partir dos dados, tem-se a seguinte correspondência: Usando a proporcionalidade, tem-se: x 20 92 32 x 20 60 = = 80 20 212 32 60 180 x 20 = 20 x = 40 mm Resposta: B 1 02 A partir dos dados, tem-se:

Leia mais

Avaliação: Exercícios online 3 º Bimestre. Curso: E. Fundamental TURMA: 901/ 902 DATA: / /

Avaliação: Exercícios online 3 º Bimestre. Curso: E. Fundamental TURMA: 901/ 902 DATA: / / Avaliação: Exercícios online 3 º Bimestre DISCIPLINA: Física PROFESSOR(A): Marcos Veiga Curso: E. Fundamental TURMA: 901/ 902 DATA: / / NOME: Nº.: 1. (G1) Do ponto de vista microscópico o que é a temperatura?

Leia mais

Testes gerais

Testes gerais Testes gerais Termometria. Em uma escala termométrica arbitrária A, atribui-se 0ºA à temperatura de fusão do gelo e 20ºA à temperatura de ebulição da água. Quando a temperatura for de 20ºC, na escala A,

Leia mais

Temperatura, Calor e a Primeira Lei da Termodinâmica

Temperatura, Calor e a Primeira Lei da Termodinâmica Temperatura, Calor e a Primeira Temperatura; A Lei Zero da Termodinâmica; Medindo a Temperatura; Escala Celsius e Fahrenheit; Dilatação Térmica; Temperatura e Calor; Absorção de Calor por Sólidos e Líquidos;

Leia mais

a) Qual o mínimo de quilocalorias que o aluno deve ingerir por dia para repor a energia dissipada?

a) Qual o mínimo de quilocalorias que o aluno deve ingerir por dia para repor a energia dissipada? 1. (Unicamp 93) Um aluno simplesmente sentado numa sala de aula dissipa uma quantidade de energia equivalente à de uma lâmpada de 100W. O valor energético da gordura é de 9,0kcal/g. Para simplificar, adote

Leia mais

Tipos de transmissão. Sendo o calor a transmissão de energia térmica, podemos ter três diferentes formas de ocorrência: Transmissão por CONDUÇÃO

Tipos de transmissão. Sendo o calor a transmissão de energia térmica, podemos ter três diferentes formas de ocorrência: Transmissão por CONDUÇÃO Tipos de transmissão Sendo o calor a transmissão de energia térmica, podemos ter três diferentes formas de ocorrência: Transmissão por CONDUÇÃO Transmissão por CONVECÇÃO Transmissão por IRRADIAÇÃO Transmissão

Leia mais

Cap 18 (8 a edição) Temperatura, Calor e Primeira lei da termodinâmica

Cap 18 (8 a edição) Temperatura, Calor e Primeira lei da termodinâmica Termodinâmica: estuda a energia térmica. Cap 18 (8 a edição) Temperatura, Calor e Primeira lei da termodinâmica O que é temperatura: mede o grau de agitação das moléculas. Um pedaço de metal a 10 o C e

Leia mais

C m Q C T T 1 > T 2 T 1 T 2. 1 cal = 4,184 J (14,5 o C p/ 15,5 o C) 1 Btu = 252 cal = 1,054 kj

C m Q C T T 1 > T 2 T 1 T 2. 1 cal = 4,184 J (14,5 o C p/ 15,5 o C) 1 Btu = 252 cal = 1,054 kj A teoria do calórico (~1779) Para atingir o estado de equilíbrio térmico, T 1 T 2 T 1 > T 2 -Substância fluida - invisível - peso desprezível T a quantidade de calórico Esta teoria explicava um grande

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS 10.º teste sumativo de FQA 9.maio.015 10.º Ano Turma A Professora: M.ª do Anjo Albuquerque Versão 1 Duração da prova: 90 minutos. Este teste é constituído por 10 páginas

Leia mais

Calorimetria. A transferência de calor ocorre até o instante em que os corpos atingem a mesma temperatura (equilíbrio térmico).

Calorimetria. A transferência de calor ocorre até o instante em que os corpos atingem a mesma temperatura (equilíbrio térmico). Conceito Físico de Calor Calorimetria Calor é a energia transferida de um corpo a outro, devido à desigualdade de temperaturas existente entre eles. Essa transferência sempre ocorre do corpo de maior temperatura

Leia mais

Janine Coutinho Canuto

Janine Coutinho Canuto Janine Coutinho Canuto Termologia é a parte da física que estuda o calor. Muitas vezes o calor é confundido com a temperatura, vamos ver alguns conceitos que irão facilitar o entendimento do calor. É a

Leia mais

Física E Intensivo V. 1

Física E Intensivo V. 1 Intensivo V. Exercícios 0) V V F F F I. Verdadeira. II. Verdadeira. III. Falsa. Calor é a energia térmica em trânsito, e temperatura é agitação molecular. IV. Falsa. Um corpo, ao receber ou perder calor,

Leia mais

Aula 01. Me. Leandro B. Holanda, 1. Definições e conceitos fundamentais. Calor

Aula 01. Me. Leandro B. Holanda,   1. Definições e conceitos fundamentais. Calor Aula 01 1. Definições e conceitos fundamentais Calor Se um bloco de cobre quente for colocado num béquer de água fria o bloco de cobre se resfria e a água se aquece até que o cobre e a água atinjam a mesma

Leia mais

CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MATERIAIS

CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MATERIAIS Faculdade Sudoeste Paulista Engenharia Civil/Produção Notas de aula: CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MATERIAIS PROPRIEDADES TÉRMICAS Prof. Msc. Patrícia Corrêa Avaré, 2014 Propriedades de materiais: 1. Térmica

Leia mais

ENERGIA TÉRMICA: A Energia Térmica de um corpo é a energia cinética de suas moléculas e corresponde à sua temperatura.

ENERGIA TÉRMICA: A Energia Térmica de um corpo é a energia cinética de suas moléculas e corresponde à sua temperatura. CALOR 1 ENERGIA: É a capacidade de se realizar um trabalho. Ela se apresenta sob várias formas: cinética (de movimento), gravitacional, elástica (de molas), elétrica, térmica, radiante e outras. Mede-se

Leia mais

2. Considere um bloco de gelo de massa 300g á temperatura de 20 C, sob pressão normal. Sendo L F

2. Considere um bloco de gelo de massa 300g á temperatura de 20 C, sob pressão normal. Sendo L F 1. Considere um bloco de gelo de massa 300g encontra-se a 0 C. Para que todo gelo se derreta, obtendo água a 0 C são necessárias 24.000 cal. Determine o calor latente de fusão do gelo. 2. Considere um

Leia mais

Vestibulares da UFPB Provas de Física de 94 até 98 Prof. Romero Tavares Fone: (083) Termologia

Vestibulares da UFPB Provas de Física de 94 até 98 Prof. Romero Tavares Fone: (083) Termologia Prof. Romero avares Fone: (08)5-869 ermologia UFPB/98. 80g de uma substância, inicialmente na fase sólida, recebem calor. O gráfico da temperatura em função do calor recebido Q é dado ao lado. O calor

Leia mais

Unidade I. Aula 4.2 Conteúdo. Termologia, Vida e Ambiente. Calorimetria: Princípio das trocas de calor envolvendo mudança de fase e diagrama de fases.

Unidade I. Aula 4.2 Conteúdo. Termologia, Vida e Ambiente. Calorimetria: Princípio das trocas de calor envolvendo mudança de fase e diagrama de fases. CONTEÚDO E HABILIDADES Unidade I Termologia, Vida e Ambiente Aula 4.2 Conteúdo Calorimetria: Princípio das trocas de calor envolvendo mudança de fase e diagrama de fases. 2 CONTEÚDO E HABILIDADES Habilidades:

Leia mais

AULA PRÁTICA DE QUÍMICA GERAL Estudando a água parte 37 Comparando os calores específicos da água e da areia

AULA PRÁTICA DE QUÍMICA GERAL Estudando a água parte 37 Comparando os calores específicos da água e da areia AULA PRÁTICA DE QUÍMICA GERAL Estudando a água parte 37 Comparando os calores específicos da água e da areia 9º NO DO ENSINO FUNDAMENTAL - 1º ANO DO ENSINO MÉDIO INTRODUÇÃO Uma das propriedades mais importantes

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação PROVA FINAL DE FÍSICA Aluno(a): Nº Ano: 2º Turma: Data: Nota: Professora: Jordana Valor da Prova: 90 pontos Assinatura do responsável: Orientações gerais: 1)

Leia mais

O QUE É TERMOMETRIA E TEMPERATURA??

O QUE É TERMOMETRIA E TEMPERATURA?? TERMOMETRIA O QUE É TERMOMETRIA E TEMPERATURA?? Termometria: Área específica da Termodinâmica que estuda a temperatura e suas diferentes escalas usadas pelo mundo Temperatura: Parâmetro termométrico que

Leia mais

Calorimetria - Quantidade de calor - Calor especifico - Capacidade térmica - Mudanças de fase da substância

Calorimetria - Quantidade de calor - Calor especifico - Capacidade térmica - Mudanças de fase da substância ESCOLA ESTADUAL DR JOSÉ MARQUES DE OLIVEIRA PLANO INDIVIDUAL DE ESTUDO PARA ATENDIMENTO DA PROGRESSÃO PARCIAL ESTUDOS INDEPENDENTES- 1º e 2º SEMESTRE RESOLUÇÃO SEE Nº 2.197, DE 26 DE OUTUBRO DE 2012 ANO

Leia mais

Física e Química A 10.º ano

Física e Química A 10.º ano Energia, fenómenos térmicos e radiação I 1. Coloca os sistemas mencionados por ordem, de forma a corresponder à sequência: Sistema isolado, Sistema fechado, sistema aberto A. Piscina. B. Frigorífico fechado.

Leia mais

Ciências da Natureza e suas Tecnologias Física da água

Ciências da Natureza e suas Tecnologias Física da água Ciências da Natureza e suas Tecnologias Física da água Água no universo NASA e Caltech Maior e mais distante reserva de água do universo Nuvem de vapor 140 milhões de vezes o volume de todos os oceanos

Leia mais

Professor Marcel Becali Tononi. Física. Termologia Óptica Ondas.

Professor Marcel Becali Tononi. Física. Termologia Óptica Ondas. Professor Marcel Becali Tononi Física Termologia Óptica Ondas www.becali.com.br TERMOLOGIA É a parte da física que estuda os fenômenos relativos ao aquecimento, ao resfriamento ou às mudanças de estado

Leia mais

CONDUÇÃO TÉRMICA. Condução é o processo de propagação de calor no qual a energia térmica passa de partícula para partícula de um meio.

CONDUÇÃO TÉRMICA. Condução é o processo de propagação de calor no qual a energia térmica passa de partícula para partícula de um meio. PROPAGAÇÃO DE CALOR CONDUÇÃO TÉRMICA Condução é o processo de propagação de calor no qual a energia térmica passa de partícula para partícula de um meio. FLUXO DE CALOR (Φ) LEI DE FOURIER Q t (θ 1 > θ

Leia mais

1. Suponha que em uma escala linear de temperatura X a água ferva a 53,3 o X e congele a -170 o X. Qual a temperatura de 340K na escala X?

1. Suponha que em uma escala linear de temperatura X a água ferva a 53,3 o X e congele a -170 o X. Qual a temperatura de 340K na escala X? BC0303: Fenômenos Térmicos - 1 a Lista de Exercícios Termômetros, Temperatura e Escalas de Temperatura 1. Suponha que em uma escala linear de temperatura X a água ferva a 53,3 o X e congele a -170 o X.

Leia mais

Física 20 Questões [Médio]

Física 20 Questões [Médio] Física 20 Questões [Médio] 01 - (UFRRJ ) Uma pessoa retira um botijão de gás de um local refrigerado e o coloca em um outro lugar, sobre o qual os raios solares incidem diretamente. Desprezando qualquer

Leia mais

NOME: TURMA: 33AA / 33IA / 33MA Nº PROFESSOR: ELIO ASSALIN TRABALHO DE RECUPERAÇÃO DE FÍSICA (VALOR DE 2,0 PONTOS) NOTA:

NOME: TURMA: 33AA / 33IA / 33MA Nº PROFESSOR: ELIO ASSALIN TRABALHO DE RECUPERAÇÃO DE FÍSICA (VALOR DE 2,0 PONTOS) NOTA: NOME: TURMA: 33AA / 33IA / 33MA Nº PROFESSOR: ELIO ASSALIN TRABALHO DE RECUPERAÇÃO DE FÍSICA (VALOR DE 2,0 PONTOS) NOTA: Questões do 1 bimestre: Conteúdo: Escalas termométricas, conversão de temperatura

Leia mais

Lista de exercícios Turma 1241 (2º semestre)

Lista de exercícios Turma 1241 (2º semestre) Lista de exercícios Turma 1241 (2º semestre) Experimento 1: Sensação térmica Coloque três bacias sobre a mesa. Numa delas coloque água gelada, em outra coloque água quente (mas não fervente para evitar

Leia mais

3.4. Condutividade térmica

3.4. Condutividade térmica 3.4. Condutividade térmica Condução térmica Mecanismo de transferência de calor que exige o contacto entre os sistemas. Aquecimento de um objeto metálico A extremidade que não está em contacto direto com

Leia mais

6ª Ficha de Avaliação de Conhecimentos EXTRA Física e Química A - 10ºAno

6ª Ficha de Avaliação de Conhecimentos EXTRA Física e Química A - 10ºAno 6ª Ficha de Avaliação de Conhecimentos EXTRA Física e Química A - 10ºAno Turma: 10ºA Professora Paula Melo Silva Data: 24 abril 2015 Ano Letivo: 2014/2015 90 min 1. Utilizou-se uma resistência de aquecimento,

Leia mais

Energia: Fontes de energia e transferências de energia

Energia: Fontes de energia e transferências de energia Energia: Fontes de energia e transferências de energia Metas 1.1 Definir sistema 5sico e associar-lhe uma energia (interna) que pode ser em parte transferida para outro sistema. 1.2 Iden@ficar, em situações

Leia mais

TRANSFERÊNCIA DE CALOR POR RADIAÇÃO

TRANSFERÊNCIA DE CALOR POR RADIAÇÃO TRANSFERÊNCIA DE CALOR POR RADIAÇÃO 1 Tema 3: Energia Térmica Tópicos / Habilidades 7 Transferência de calor por radiação 7.1 Aplicar o conceito de energia e suas propriedades para compreender situações

Leia mais

Entre sistemas a temperaturas diferentes a energia transfere-se do sistema com temperatura mais elevada para o sistema a temperatura mais baixa.

Entre sistemas a temperaturas diferentes a energia transfere-se do sistema com temperatura mais elevada para o sistema a temperatura mais baixa. Sumário Do Sol ao Aquecimento Unidade temática 1. Mecanismos de transferência de calor: a radiação, a condução e a convecção. O coletor solar e o seu funcionamento. Materiais condutores e isoladores do

Leia mais

5.º Teste de Física e Química A 10.º A Abril minutos /

5.º Teste de Física e Química A 10.º A Abril minutos / 5.º Teste de Física e Química A 10.º A Abril 2013 90 minutos / Nome: n.º Classificação Professor.. GRUPO I As seis questões deste grupo são todas de escolha múltipla. Para cada uma delas são indicadas

Leia mais

COLÉGIO ESTADUAL NILSON SOCORRO CURSO DE FÍSICA Módulo 1

COLÉGIO ESTADUAL NILSON SOCORRO CURSO DE FÍSICA Módulo 1 CURSO DE FÍSICA Módulo 1 ÍNDICE TERMOMETRIA...2 Equilíbrio térmico...2 Escalas de temperatura...2 Escala Celsius...2 Escala Fahrenheit...2 Escala Kelvin...3 Exercícios de classe...3 Atividades para casa...4

Leia mais

Lista Básica Calor Sensível e Calor Latente Professor Caio Gomes

Lista Básica Calor Sensível e Calor Latente Professor Caio Gomes 1. (Eear 2017) Um estudante irá realizar um experimento de física e precisará de 500 g de água a 0 C. Acontece que ele tem disponível somente um bloco de gelo de massa igual a 500 g e terá que transformá-lo

Leia mais

Lista Transmissão de Calor DUDU

Lista Transmissão de Calor DUDU Lista Transmissão de Calor DUDU 1. (Upe-ssa 016) É muito comum o amplo uso de aparelhos de ar-condicionado durante o verão intenso do Recife. Nessa cidade, uma residência possui uma parede de área 40 m

Leia mais

Física Geral e Experimental III. Dilatação

Física Geral e Experimental III. Dilatação Física Geral e Experimental III Dilatação 6. Em um dia quente em Las Vegas um caminhão-tanque foi carregado com 37.000 L de óleo diesel. Ele encontrou tempo frio ao chegar a Payson, Utha, onde a temperatura

Leia mais

Aluno (a): Nº. Professor: Fabrízio Gentil Série: 2 o ano Disciplina: Física - Calorimetria. Pré Universitário Uni-Anhanguera

Aluno (a): Nº. Professor: Fabrízio Gentil Série: 2 o ano Disciplina: Física - Calorimetria. Pré Universitário Uni-Anhanguera Lista de Exercícios Aluno (a): Nº. Pré Universitário Uni-Anhanguera Professor: Fabrízio Gentil Série: 2 o ano Disciplina: Física - Calorimetria 01 - (ACAFE SC) Em clínicas de reabilitação realiza-se tratamento

Leia mais

Transmissão de Calor

Transmissão de Calor Transmissão de Calor Revisão de Conceitos da Termodinâmica 11/08/2006 Referência: capítulos 7, 8 e 10 do livro de H. Moysés Nussenzveig, Curso de Física Básica 2 Fluidos. Oscilações e Ondas. Calor. 4 ed.

Leia mais

5º Teste de Física e Química A 10.º A Abr minutos /

5º Teste de Física e Química A 10.º A Abr minutos / 5º Teste de Física e Química A 10.º A Abr. 2013 90 minutos / Nome: n.º Classificação Professor E.E. GRUPO I As seis questões deste grupo são todas de escolha múltipla. Para cada uma delas são indicadas

Leia mais

VARIAÇÃO DA TEMPERATURA

VARIAÇÃO DA TEMPERATURA VARIAÇÃO DA TEMPERATURA 1. CAPACIDADE TÉRMICA DE UM OBJETO Todos os objetos, quando recebem a mesma quantidade de energia, sofrem a mesma variação temperatura? Em geral, a temperatura de um objeto aumenta

Leia mais

Dado: c = 4 J/g C, para a água. a) Estime a massa M, em kg, da água colocada no recipiente.

Dado: c = 4 J/g C, para a água. a) Estime a massa M, em kg, da água colocada no recipiente. 1 1. (Fuvest 2000) Uma experiência é realizada para estimar o calor específico de um bloco de material desconhecido, de massa m½=5,4kg. Em recipiente de isopor, uma quantidade de água é aquecida por uma

Leia mais

3. Calorimetria. 3.1. Conceito de calor

3. Calorimetria. 3.1. Conceito de calor 3. Calorimetria 3.1. Conceito de calor As partículas que constituem um corpo estão em constante movimento. A energia associada ao estado de movimento das partículas faz parte da denominada energia intera

Leia mais

2) (UFRJ) A figura a seguir mostra um objeto pontual P que se encontra a uma distância de 6,0 m de um espelho plano.

2) (UFRJ) A figura a seguir mostra um objeto pontual P que se encontra a uma distância de 6,0 m de um espelho plano. EXERCÍCIOS DE REVISÃO DO PRIMEIRO SEMESTRE (SETOR 1215) CARRILHO 1) A figura a seguir representa os perfis de dois espelhos planos E e E'. O raio de luz I incide obliquamente no espelho E, formando um

Leia mais

Universidade Federal do Pará Centro de Ciências Exatas e Naturais Departamento de Física Laboratório Básico I

Universidade Federal do Pará Centro de Ciências Exatas e Naturais Departamento de Física Laboratório Básico I Universidade Federal do Pará Centro de Ciências Exatas e Naturais Departamento de Física Laboratório Básico I Experiência 11 CALOR DE FUSÃO DO GELO 1. OBJETIVOS Ao término da experiência o aluno deverá

Leia mais

g= 10 m.s c = 3,0 10 8 m.s -1 h = 6,63 10-34 J.s σ = 5,7 10-8 W.m -2 K -4

g= 10 m.s c = 3,0 10 8 m.s -1 h = 6,63 10-34 J.s σ = 5,7 10-8 W.m -2 K -4 TESTE DE FÍSICO - QUÍMICA 10 º Ano Componente de Física A Duração do Teste: 90 minutos Relações entre unidades de energia W = F r 1 TEP = 4,18 10 10 J Energia P= t 1 kw.h = 3,6 10 6 J Q = mc θ P = U i

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO GRÉ MATA NORTE UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO CAMPUS MATA NORTE ESCOLA DE APLICAÇÃO PROFESSOR CHAVES CALORIMETRIA

GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO GRÉ MATA NORTE UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO CAMPUS MATA NORTE ESCOLA DE APLICAÇÃO PROFESSOR CHAVES CALORIMETRIA GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO GRÉ MATA NORTE UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO CAMPUS MATA NORTE ESCOLA DE APLICAÇÃO PROFESSOR CHAVES CALORIMETRIA ALUNO(A): Nº NAZARÉ DA MATA, DE DE 20 2º ANO 01-(PUC-RS) Um

Leia mais

EXERCÍCIOS DE FÍSICA

EXERCÍCIOS DE FÍSICA EXERCÍCIOS DE FÍSICA TERMOMETRIA E CALORIMETRIA PROF.: JAIRINHO 1. (ITA-SP) O verão de 1994 foi particularmente quente nos Estados Unidos da América. A diferença entre a máxima temperatura do verão e a

Leia mais

Universidade Federal Rural do Semiárido - UFERSA

Universidade Federal Rural do Semiárido - UFERSA Universidade Federal Rural do Semiárido - UFERSA Temperatura e Calor Jusciane da Costa e Silva Mossoró, Junho de 2010 Introdução temperatura Termodinâmica calor energia interna Típico sistema termodinâmico,

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DA 3ª ETAPA

PROGRAMAÇÃO DA 3ª ETAPA PROGRAMAÇÃO DA 3ª ETAPA - 2012 FÍSICA CARLOS 3ª MÉDIO Srs. pais ou responsáveis, caros alunos, Encaminhamos a Programação de Etapa, material de apoio para o acompanhamento dos conteúdos e habilidades que

Leia mais

Mecanismos de transferência de calor. Anjo Albuquerque

Mecanismos de transferência de calor. Anjo Albuquerque Mecanismos de transferência de calor 1 Mecanismos de transferência de calor Quando aquecemos uma cafeteira de alumínio com água ao lume toda a cafeteira e toda a água ficam quentes passado algum tempo.

Leia mais

EP34D Fenômenos de Transporte

EP34D Fenômenos de Transporte EP34D Fenômenos de Transporte Prof. Dr. André Damiani Rocha arocha@utfpr.edu.br Introdução à Transferência de Calor 2 Introdução à Transferência de Calor O que é Transferência de Calor? Transferência de

Leia mais

Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais

Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais Graduação em Engenharia da Computação Prática 05 - Calor Específico Alunos: Egmon Pereira; Igor Otoni Ripardo de Assis Leandro de Oliveira Pinto;

Leia mais

O volume que extravasa (V ) é a diferença entre a dilatação do mercúrio e a dilatação do recipiente de vidro. Dados: V 0 = 2, cm 3 ;

O volume que extravasa (V ) é a diferença entre a dilatação do mercúrio e a dilatação do recipiente de vidro. Dados: V 0 = 2, cm 3 ; 1. Certo metal possui um coeficiente de dilatação linear α. Uma barra fina deste metal, de comprimento L 0, sofre uma dilatação para uma dada variação de temperatura Δ T. Para uma chapa quadrada fina de

Leia mais

TC 1 Revisão UECE 1 a. fase Física Prof. João Paulo

TC 1 Revisão UECE 1 a. fase Física Prof. João Paulo 1. (IFCE 2011) Um estudante de Física resolveu criar uma nova escala termométrica que se chamou Escala NOVA ou, simplesmente, Escala N. Para isso, o estudante usou os pontos fixos de referência da água:

Leia mais

Dilatação Térmica Aula 4 Allan Calderon

Dilatação Térmica Aula 4 Allan Calderon Dilatação Térmica Aula 4 Allan Calderon Transmissão de calor Def.: O calor é uma forma de energia que se propaga entre dois pontos, devido a uma diferença de temperatura entre eles. Ex.: Efeito estufa:

Leia mais

ETIP. Centro Educacional ETIP. Verificação de Aprendizagem - Online 1 Trimestre/2014 Data: Professor: Leandro Nota: Valor : [0,0 2,0]

ETIP. Centro Educacional ETIP. Verificação de Aprendizagem - Online 1 Trimestre/2014 Data: Professor: Leandro Nota: Valor : [0,0 2,0] Centro Educacional ETIP ETIP Verificação de Aprendizagem - Online 1 Trimestre/2014 Data: Professor: Leandro Nota: Valor : [0,0 2,0] Nome do(a) aluno(a): Nº Turma: 2 MABC Questões Questão 1 Numa noite muito

Leia mais

2 Disciplinas Professores Natureza Trimestre/Ano Data da entrega Valor

2 Disciplinas Professores Natureza Trimestre/Ano Data da entrega Valor Nome Nº Ano/Série Ensino Turma 2 Disciplinas Professores Natureza Trimestre/Ano Data da entrega Valor Física Carlos A8/TI 2º/2016 02/08/2016 5,0 Introdução: Querido(a) aluno(a), Este material foi elaborado

Leia mais

TRANSMISSÃO DE CALOR

TRANSMISSÃO DE CALOR AULA 14 1- INTRODUÇÃO TRANSMISSÃO DE CALOR Neste capítulo estudaremos os três processos de transmissão de calor e a dilatação térmica nos sólidos e nos líquidos.. 2- CONDUÇÃO Condução é o processo de transmissão

Leia mais

a) a Lua e as estrelas. b) somente a Lua. c) somente as estrelas. d) uma completa escuridão. e) somente os planetas do sistema solar.

a) a Lua e as estrelas. b) somente a Lua. c) somente as estrelas. d) uma completa escuridão. e) somente os planetas do sistema solar. 1) dmita que o Sol subitamente "morresse", ou seja, sua luz deixasse de ser emitida. Vinte e quatro horas após, um eventual sobrevivente, olhando para o céu, sem nuvens veria: a) a Lua e as estrelas. b)

Leia mais

Lista de Exercícios Professor Mário http://www.professormario.com.br mario@meson.pro.br

Lista de Exercícios Professor Mário http://www.professormario.com.br mario@meson.pro.br 1. (Unicamp 93) Um aluno simplesmente sentado numa sala de aula dissipa uma quantidade de energia equivalente à de uma lâmpada de 100W. O valor energético da gordura é de 9,0kcal/g. Para simplificar, adote

Leia mais

EXERCÍCIOS FÍSICA 10. e problemas Exames Testes intermédios Professor Luís Gonçalves

EXERCÍCIOS FÍSICA 10. e problemas Exames Testes intermédios Professor Luís Gonçalves FÍSICA 10 EXERCÍCIOS e problemas Exames 2006 2007 2008 2009 2010 2011 Testes intermédios 2008 2009 2010 2011 Escola Técnica Liceal Salesiana do Estoril Professor Luís Gonçalves 2 3 Unidade 1 Do Sol ao

Leia mais

Q 1 1. MÁQUINAS TÉRMICAS 2. RENDIMENTO ( ) DE UMA MÁQUINA TÉRMICA 3. MÁQUINA DE CARNOT

Q 1 1. MÁQUINAS TÉRMICAS 2. RENDIMENTO ( ) DE UMA MÁQUINA TÉRMICA 3. MÁQUINA DE CARNOT Tópico.07 Máquinas Térmicas. MÁUINAS TÉRMICAS É qualquer dispositivo que, trabalhando entre duas fontes térmicas ( fria e quente ), faz a conversão de calor em trabalho mecânico. Máquinas a vapor e motores

Leia mais

TRANSMISSÃO DE CALOR

TRANSMISSÃO DE CALOR AULA 14 TRANSMISSÃO DE CALOR 1- INTRODUÇÃO Neste capítulo estudaremos os três processos de transmissão de calor e a dilatação térmica nos sólidos e nos líquidos. 2- CONDUÇÃO Condução é o processo de transmissão

Leia mais

Recursos para Estudo / Atividades

Recursos para Estudo / Atividades Caro educando, você está recebendo o conteúdo de recuperação. Faça a lista de exercícios com atenção, ela norteará os seus estudos. Utilize o livro didático adotado pela escola como fonte de estudo. Se

Leia mais

Física Geral e Experimental III. Exercícios Temperatura e Dilatação

Física Geral e Experimental III. Exercícios Temperatura e Dilatação Física Geral e Experimental III Exercícios Temperatura e Dilatação 1. Em um dia quando a temperatura alcança 50ºF, qual é a temperatura em graus Celsius e Kelvins? R: 10ºC; 283 K. 2. O ouro tem um ponto

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA 2/3 LIMA DE FREITAS 10.º ANO FÍSICA E QUÍMICA A 2010/2011 NOME: Nº: TURMA:

ESCOLA SECUNDÁRIA 2/3 LIMA DE FREITAS 10.º ANO FÍSICA E QUÍMICA A 2010/2011 NOME: Nº: TURMA: ESCOLA SECUNDÁRIA 2/3 LIMA DE FREITAS 0.º ANO FÍSICA E QUÍMICA A 200/20 NOME: Nº: TURMA: AVALIAÇÃO: Prof.. A energia eléctrica pode ser produzida em centrais termoeléctricas. Nessa produção há perdas de

Leia mais

Aula 11 Mudança de Estado Físico Questões Atuais Vestibulares de SP

Aula 11 Mudança de Estado Físico Questões Atuais Vestibulares de SP 1. (Fuvest 011) Um forno solar simples foi construído com uma caixa de isopor, forrada internamente com papel alumínio e fechada com uma tampa de vidro de 40 cm x 50 cm. Dentro desse forno, foi colocada

Leia mais

Física 3 aulas 11 e 12

Física 3 aulas 11 e 12 www.fisicanaveia.com.br www.fisicanaveia.com.br/cei Mudança de Estado Processos Q > 0 Q < 0 Calor e Mudança de Estado Curva de Aquecimento Temperatura e Calor Exercício 1 Um calorímetro ideal possui em

Leia mais

Aula Calor e 1ª Lei da Termodinâmica. As leis da Termodinâmica foram inicialmente obtidas empiricamente e somente

Aula Calor e 1ª Lei da Termodinâmica. As leis da Termodinâmica foram inicialmente obtidas empiricamente e somente 1 Aula Calor e 1ª Lei da Termodinâmica Tema: Termodinâmica a serem abordados os assuntos: - Lei zero da Termodinâmica; - 1ª Lei da Termodinâmica calor e energia; - 2ª Lei entropia; - Aplicações da Termodinâmica

Leia mais

Ficha Informativa n.º 5 Energia

Ficha Informativa n.º 5 Energia AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS DE FRAZÃO ESCOLA E.B. 2,3 DE FRAZÃO CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS 9º ANO DE ESCOLARIDADE ANO LETIVO 2011/2012 Ficha Informativa n.º 5 Energia Nome: Data: / /2012 INTRODUÇÃO TEÓRICA

Leia mais

A)151 F B) 202 F C) 253 F D) 302 F E) 312 F A) 69ºC B) 78ºC C) 85ºC D) 96ºC E) 101ºC A) 5,0 C B) 12 C C) 16 C D) 21 C E) 32 C

A)151 F B) 202 F C) 253 F D) 302 F E) 312 F A) 69ºC B) 78ºC C) 85ºC D) 96ºC E) 101ºC A) 5,0 C B) 12 C C) 16 C D) 21 C E) 32 C Física F e 2 2 - (OLIMPÍADA PAULISTA DE FÍSICA-SP) Uma em presa brasileira do setor de alimentos deseja ex portar sua massa para bolos. A legislação vigente no país importador exige que as temperaturas

Leia mais

Resoluções das Atividades

Resoluções das Atividades Resoluções das Atividades Sumário Módulo 4 Calorimetria e mudanças de fase Calor sensível e calor latente Lei geral das trocas de calor... 1 Módulo 5 Calorimetria Estados físicos da matéria... Módulo Calorimetria

Leia mais