Metodologia da Infância Missionária: as quatro áreas integradas

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Metodologia da Infância Missionária: as quatro áreas integradas"

Transcrição

1 Metodologia da Infância Missionária: as quatro áreas integradas A I.M. é um estilo de vida, portanto não é algo que aprendemos de uma hora para outra, mas ensinamentos que adquirimos com o tempo. Por isso temos uma metodologia própria e especial, que nos permite conhecer e respeitar os diferentes povos, a nós mesmos além das pessoas que estão a nossa volta; como fez Jesus o missionário do Pai. O encontro É a reunião semanal, o momento reservado para vivermos em comunhão partilhando e aprendendo juntos os ensinamentos de Cristo e, buscando vê-lo em cada pessoa,em cada irmão. Há um roteiro que pode nos ajudar na realização dos encontros,não podemos no entanto ficar presos a ele. Roteiro: Acolhida; Momento de oração; Troca de notícias sobre os fatos da semana; Relato dos compromissos; Estudo do tema do dia; Escolha e divisão das tarefas; Oração partilhada e espontânea; Cooperação material (cofrinho); Despedida. As quatro áreas integradas Representam os quatro encontros realizados durante um mês (caso o mês tenha cinco sábados reinicia-se o ciclo de encontros), são integradas por tratarem de único tema,mas de formas diferentes. Realidade Missionária: É o 1º encontro ou área integrada; o centro do encontro é o estudo do tema escolhido, olhando as diferentes realidades do mundo; É um momento de aprendizado e partilha; O roteiro acima é apropriado para este encontro. Espiritualidade Missionária: O 2º encontro é destinado a buscar na Bíblia ver como Jesus agia diante de situações, como as estudadas no encontro anterior; A palavra de é o centro do encontro; É o momento de interiorização; Relacionando com a realidade; Neste encontro é aconselhável não ficarmos presos ao roteiro, pois é um momento forte de oração; Buscar formas para uns minutos de deserto,reflexão. Compromisso Missionário: No 3º encontro depois de conhecer e sentir, a indicação é fazer algo de concreto; 1/6

2 Neste encontro o grupo vai realizar o compromisso já combinado; Pode ser um encontro na casa de uma família,uma visita à creche, a comunidade onde mora, em escolas, realizar campanhas, palestras;...; as atividades deverão estar sempre relacionadas ao tema mensal.(um exemplo foi uma campanha cujo tema era arma nem de brinquedo,incentivando as crianças a trocarem armas de brinquedos por outros). Vida de Grupo: O último encontro é um momento celebrativo, por tudo que aprendemos e vivemos no mês, assim como de avaliação e preparação par o mês seguinte; Confraternizar a alegria de ser missionário; Pode- se fazer uma missa, uma celebração com outras turmas, com a família, no próprio grupo,não esquecendo de relembrar o tema. DINÂMICA DO AMOR E DA VIDA Obs: uma pessoa deve animar a dinâmica dividindo o grupo de dois em dois, um deve ser a vida e o outro o amor. O dinamizador os chama pelo nome (amor e vida) e estes respondem dizendo: OI! e fazem o que é pedido. v Vida: pergunte o nome de seu amor v Amor: pergunte o nome de sua vida v Vida: diga oi para seu amor v Amor: diga oi para sua vida v Vida: diga para seu amor o quanto você o ama v Amor: diga para sua vida o quanto ela é importante v Vida: chore v Amor: não deixe sua vida chorar v Vida: dê um abraço no seu amor v Amor: dê um sorriso para sua vida v Vida: procure um novo amor v Amor: pergunte o nome de sua nova vida v Vida: pergunte o nome de seu novo amor v Amor: sua vida precisa de ajuda dê a mão para ela v Vida: diga para o seu amor o quanto ele é especial 2/6

3 v Amor: abrace sua vida v Amor e Vida prestem atenção, tem algo para dizer Leitura do Evangelho de Lucas 10,30 37 Conclusão: v Vida: olhe para seu amor v Amor: olhe para sua vida Este é o seu próximo, pois não existe vida sem amor e nem amor sem vida.você deve amar sua vida e sua vida deve ser repleta de amor. No mundo há várias vidas e vários amores que estão esperando por um sorriso seu. O missionário é aquele que ama o seu próximo e cuida de sua vida, pois ela é Dom de. 3/6

4 O Adolescente é um ser em relação É um ser que se relaciona: Consigo mesmo Com a vida e a sociedade Com os outros Com Ritmo Do homem exterior Do homem interior Homem Carnal Homem Espiritual 4/6

5 Níveis de experiência afetiva: Os três planos da pessoa humana físico, racional e espiritual dão origem a três formas ou níveis do amor; o do impulso, o dos afetos e o das opções. 1º Nível O do impulso Corresponde ao prazer carnal Muitos jovens só conhecem o amor carnal 2º Nível O dos afetos Manifesta-se nos sentimentos Canalização da afetividade 3º Nível O das opções Dos valores Canalização das opções de vida A afetividade pode ser canalizada em três direções: REPRESA ÁGUA CANALIZADA ÁGUA REPRESADA luz inundação irrigação Vida transbordamento Morte AFETIVIDADE AFETIVIDADE ORIENTADA AFETIVIDADE REPRIMIDA explosões comunidade enfermidades missão desequilíbrios Vida destruição 5/6

6 Relação com : enviou seu filho. (Gl. 4,4) E vocês, quem dizem que eu sou? (Lc. 9,20) Cristo Cristo eu os outros Relação com a Sociedade: (dimensão Sóciopolítica) eu pobre 6/6

COLÉGIO SANTA DOROTÉIA PORTO ALEGRE-RS

COLÉGIO SANTA DOROTÉIA PORTO ALEGRE-RS COLÉGIO SANTA DOROTÉIA PORTO ALEGRE-RS PROJETO DE AÇÃO DA PJE 2008 JUSTIFICATIVA O CG XIII nos motivou a aprofundar nossas raízes, bebendo na fonte das nossas origens a água cristalina que Paula bebeu,

Leia mais

O Ano da Acolhida Acolha, abrace, perdoe!

O Ano da Acolhida Acolha, abrace, perdoe! AVISOS Lembrar a célula da importância de participar das Missas dominicais e do Grupo Parusia, principalmente da Grande Célula todos os primeiros sábados do mês. Convidar para ajudar a sua liderança na

Leia mais

Coleção Chamados à Vida Chamados À Vida, Chamados À Vida Em Jesus Cristo,

Coleção Chamados à Vida Chamados À Vida, Chamados À Vida Em Jesus Cristo, Coleção Chamados à Vida Em preparação à Eucaristia 1ª Etapa: Chamados à vida 2ª Etapa: Chamados à vida em Jesus Cristo 3ª Etapa: Chamados à vida em Comunidade. 4ª Etapa: Chamados à vida para amar e servir.

Leia mais

COMO INICIAR UM GRUPO DE JOVENS DA PJMP

COMO INICIAR UM GRUPO DE JOVENS DA PJMP COMO INICIAR UM GRUPO DE JOVENS DA PJMP Preparando o Terreno Quem se dispõe a formar e acompanhar um novo grupo de jovens precisa ter conhecimento de algumas coisas como: O objetivo da Pastoral da Juventude

Leia mais

Catequese Adolescência Paróquia S. Salvador de Carregosa 8º ano/ º Período Objectivos Data Tema da catequese Objectivos Estratégias

Catequese Adolescência Paróquia S. Salvador de Carregosa 8º ano/ º Período Objectivos Data Tema da catequese Objectivos Estratégias Finalidade: Descobrir-se Cristão Objectivos: Participar na eucaristia Concretizar projecto comunitário (partilha fraterna) Tema do Período Em Diálogo 1 1º Período Objectivos Data Tema da catequese Objectivos

Leia mais

1.1 Recuperar a comunidade (Base do Antigo Israel); 1.2 A nova experiência de Deus: o Abbá (Oração e escuta comunitária da Palavra);

1.1 Recuperar a comunidade (Base do Antigo Israel); 1.2 A nova experiência de Deus: o Abbá (Oração e escuta comunitária da Palavra); Uma nova paróquia Introdução DA: Conversão Pastoral Escolha de outro caminho; Transformar a estrutura paroquial retorno a raiz evangélica; Jesus: modelo (vida e prática); Metodologia: Nele, com Ele e a

Leia mais

sobre tudo o INFORMA de Canoas Igreja Batista Nº a 16 de Julho de 2016 dias de amor

sobre tudo o INFORMA de Canoas Igreja Batista Nº a 16 de Julho de 2016 dias de amor INFORMA sobre tudo o Amor Igreja Batista de Canoas Nº 891 10 a 16 de Julho de 2016 dias de amor dias de amor sobre tudo o Amor 1 Coríntios 14:1, Marcos 12:30,31, 1 Cor. 16:14 (NTLH) OS FUNDAMENTOS DO AMOR

Leia mais

ESPIRITUALIDADE VICENTINA

ESPIRITUALIDADE VICENTINA SOCIEDADE DE SÃO VICENTE DE PAULO CONSELHO GERAL INTERNACIONAL ESPIRITUALIDADE VICENTINA Dai-me um homem de oração e ele será capaz de tudo SÃO VICENTE DE PAULO 2 CONTEÚDO 1 A EXPERIÊNCIA FUNDADORA DE

Leia mais

MISSIOLOGIA. Missão e juventude

MISSIOLOGIA. Missão e juventude MISSIOLOGIA Cesar Leandro Ribeiro O cristianismo é uma religião marcada por uma série de aspectos próprios e indispensáveis para sua existência, sendo um deles justamente a missão, condição que se fez

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Sexta-feira da 7ª Semana da Páscoa Ó Deus, pela

Leia mais

Eis aqui a serva do Senhor. Faça -se em mim segundo a tua palavra (Lc 1,38)

Eis aqui a serva do Senhor. Faça -se em mim segundo a tua palavra (Lc 1,38) Síntese Informativo Mensal do Movimento Pólen Eis aqui a serva do Senhor. Faça-se em mim segundo a tua palavra (Lc Janeiro de 2012 / Ano MMXII 1 EDITORIAL Queridos Amigos, Jesus nasceu, um ano novo começou!

Leia mais

Educação Moral e Religiosa Católica

Educação Moral e Religiosa Católica Agrupamento de Escolas de Mondim de Basto Ano letivo: 016/17 Educação Moral e Religiosa Católica Planos de Unidade do 1º ano de escolaridade Unidade letiva 1: Ter um coração bom Metas: B. Construir uma

Leia mais

INFORMA. equilibrando sua. pessoal. de Canoas. Igreja Batista

INFORMA. equilibrando sua. pessoal. de Canoas. Igreja Batista INFORMA Igreja Batista de Canoas Vida equilibrando sua pessoal Nº 889 26 de Junho a 02 de Julho de 2016 equilibrando sua Vida pessoal "Pois Deus não quer que nós vivamos em desordem e sim em paz." 1 Cor.

Leia mais

"Os setenta e dois discípulos voltaram alegres, dizendo: Senhor, até os demônios nos obedecem por causa do teu nome" (Lc 10,17)

Os setenta e dois discípulos voltaram alegres, dizendo: Senhor, até os demônios nos obedecem por causa do teu nome (Lc 10,17) "Os setenta e dois discípulos voltaram alegres, dizendo: Senhor, até os demônios nos obedecem por causa Outubro 2014 Editorial Neste mês de setembro foi realizado o 57º Retiro Básico, no Morro das Pedras

Leia mais

Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o

Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o futuro com esperança. Como o testemunho de vida da

Leia mais

Recursos para Estudo / Atividades

Recursos para Estudo / Atividades COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 3ª Etapa 2012 Disciplina: ENSINO RELIGIOSO Ano: 2012 Professor (a): PATRÍCIA Turma: 7º ANO Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de

Leia mais

Roteiros Mensais para Grupos

Roteiros Mensais para Grupos Roteiros Mensais para Grupos JANEIRO 2017 INTENÇÃO DE ORAÇÃO DO PAPA Ajudar a aprofundar e rezar com a INTENÇÃO DE ORAÇÃO DO PAPA de cada mês, para mobilizar os grupos e a vida pessoal diante dos grandes

Leia mais

O MUNDO QUE DEUS SONHOU PARA MIM E MINHA FAMÍLIA

O MUNDO QUE DEUS SONHOU PARA MIM E MINHA FAMÍLIA Estudante: Ano: 6º Turma: Educador: Wagner Melo C. Curricular: Educação Religiosa O MUNDO QUE DEUS SONHOU PARA MIM E MINHA FAMÍLIA Deus nos criou para convivermos com outras pessoas e sermos felizes. A

Leia mais

ORGANIZAÇÃO DA CATEQUESE

ORGANIZAÇÃO DA CATEQUESE Proposta Comissão Diocesana ORGANIZAÇÃO DA CATEQUESE - MATERIAL DIDÁTICO - INSCRIÇÕES (crianças, adolescentes, adultos) - FORMAÇÃO DOS CATEQUISTAS- ORGANIZAÇÃO DA CATEQUESE OBJETIVO: Que a catequese na

Leia mais

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade Tanto o Documento de Aparecida (248) como a Exortação Apostólica Verbum Domini (73) se referem à uma nova linguagem e a um novo passo na questão bíblica:

Leia mais

Colégio Nossa Senhora da Piedade

Colégio Nossa Senhora da Piedade Colégio Nossa Senhora da Piedade Dados de identificação: Curso: Ensino Fundamental II Série: 9 Ano Professora: Denise dos Santos Silva Rocha Disciplina: Ensino Religioso Ano: 2016. Plano de curso 1-Objetivo

Leia mais

Caríssimos Padres Giancarlo, Severino, Nerella, Comunidade de Ibiporã (PR), Familiares, Amigos do Anunciando paz da TV 21.

Caríssimos Padres Giancarlo, Severino, Nerella, Comunidade de Ibiporã (PR), Familiares, Amigos do Anunciando paz da TV 21. Caríssimos Padres Giancarlo, Severino, Nerella, Comunidade de Ibiporã (PR), Familiares, Amigos do Anunciando paz da TV 21. Antes de tudo, a minha saudação a todos vocês. Fiquei muito contente pelo jantar

Leia mais

O VERDADEIRO NATAL Base bíblica: Lucas 2:1-20

O VERDADEIRO NATAL Base bíblica: Lucas 2:1-20 O VERDADEIRO NATAL Base bíblica: Lucas 2:1-20 Texto Para decorar: "Pois, na cidade de Davi, vos nasceu hoje o Salvador, que é Cristo, o Senhor. Lc 2:11 Objetivo: Levar a criança a conhecer o verdadeiro

Leia mais

Ano Litúrgico Ano C

Ano Litúrgico Ano C Ano Litúrgico 2009-2010 Ano C TEMPO DO ADVENTO 29/11 1º Domingo do Advento A redenção está próxima. Jeremias 33,14-16; Salmo 25(24); 1 Tessalonicenses 3,12-4,2; Lucas 21,25-28. 34-36 6/12 2º Domingo do

Leia mais

Plano Anual de Atividades 2016/2017

Plano Anual de Atividades 2016/2017 Plano Anual de 2016/2017 Colégio de Santa Clara Plano Anual de 2016/2017 Deus criou o Homem e a Natureza em sintonia perfeita. Corpo, alimento e movimento coexistem desde sempre, destinados a criar felicidade.

Leia mais

DOMINGO VI DA PÁSCOA

DOMINGO VI DA PÁSCOA 237 DOMINGO VI DA PÁSCOA LEITURA I Actos 10, 25-26.34-35.44-48 «O Espírito Santo difundia-se também sobre os pagãos» Leitura dos Actos dos Apóstolos Naqueles dias, Pedro chegou a casa de Cornélio. Este

Leia mais

MISSA - A COMUNIDADE SE REÚNE PARA CELEBRAR A VIDA

MISSA - A COMUNIDADE SE REÚNE PARA CELEBRAR A VIDA MISSA - A COMUNIDADE SE REÚNE PARA CELEBRAR A VIDA A Eucaristia é o sacramento que atualiza e faz a memória do sacrifício de Jesus: em cada Eucaristia temos a presença do Cristo que pela sua morte e ressurreição

Leia mais

Corpo Nacional de Escutas Junta Regional de Braga

Corpo Nacional de Escutas Junta Regional de Braga De: Para: Assunto: Data: Geração Sem Medo Lobitos, Exploradores, Pioneiros, Caminheiros e Dirigentes ARAE 2015 Oportunidades Educativas 07/10/2015 Corpo Nacional de Escutas Junta Regional de Braga Oportunidades

Leia mais

LINHA DE AÇÃO 1 - IGREJA QUE SAI PARA SERVIR Ícone Bíblico - A Parábola do Bom Samaritano (Lc 10,25-37):

LINHA DE AÇÃO 1 - IGREJA QUE SAI PARA SERVIR Ícone Bíblico - A Parábola do Bom Samaritano (Lc 10,25-37): LINHA DE AÇÃO 1 - IGREJA QUE SAI PARA SERVIR Ícone Bíblico - A Parábola do Bom Samaritano (Lc 10,25-37): Quem é o meu próximo? perguntou o Doutor da Lei a Jesus, que em seguida lhe contou a Parábola do

Leia mais

ENSINO RELIGIOSO REVISÃO GERAL III TRIMESTRE 6ºs ANOS

ENSINO RELIGIOSO REVISÃO GERAL III TRIMESTRE 6ºs ANOS COLÉGIO SALESIANO DOM BOSCO. ENSINO RELIGIOSO REVISÃO GERAL III TRIMESTRE 6ºs ANOS TEMA: OS RITOS E OS RITUAIS : OS SETE SACRAMENTOS DA IGREJA. CAPÍTULOS 9 AO 12 DO LIVRO DIDÁTICO (RSE). Professor: Roberto

Leia mais

Ritos Iniciais: 1- ACOLHIDA:

Ritos Iniciais: 1- ACOLHIDA: Ritos Iniciais: 1- ACOLHIDA: Faz muito tempo, mas parece que foi ontem. Cada criança que nasce é uma mensagem de que Deus acredita nos homens. Deus acreditou em nós e nos deu a alegria e a responsabilidade

Leia mais

Metas/Objetivos Descritores de Desempenho/Conteúdos Estratégias/Metodologias Avaliação

Metas/Objetivos Descritores de Desempenho/Conteúdos Estratégias/Metodologias Avaliação Domínio Religião e experiência religiosa Cultura cristã e visão cristã da vida Ética e moral cristã DEPARTAMENTO DE PASTORAL DISCIPLINA: EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA PLANIFICAÇÃO DE 5º ANO Calendarização:

Leia mais

COLÉGIO DE SANTA DOROTEIA LISBOA ANO LETIVO 2016/2017 DEPARTAMENTO DE PASTORAL DISCIPLINA: EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA PLANIFICAÇÃO DE 7º ANO

COLÉGIO DE SANTA DOROTEIA LISBOA ANO LETIVO 2016/2017 DEPARTAMENTO DE PASTORAL DISCIPLINA: EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA PLANIFICAÇÃO DE 7º ANO 1º PERÍODO UL1 - As origens ÉTICA E MORAL Calendarização - 26 aulas A. Construir uma chave de leitura religiosa Os dados da ciência sobre a origem do Diálogo com os alunos, relacionado da pessoa, da vida

Leia mais

Ambos acontecerão no Centro de Eventos Ismael Sperafico, com programações específicas para cada Ministério.

Ambos acontecerão no Centro de Eventos Ismael Sperafico, com programações específicas para cada Ministério. Vivenciar os pilares daidentidade do Movimento, a unidade entre seus membros e o despertar para a missão. Estes são os três pilares fundamentais para um congresso da RCC, de acordo com o coordenador estadual

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC)

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC) AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC) 2015-16 3 º ANO Unidade Letiva 1 A Dignidade das Crianças 1. Tomar consciência de que as crianças

Leia mais

Ano Pastoral A MISSÃO COMO PROPÓSITO E A SINODALIDADE COMO MÉTODO

Ano Pastoral A MISSÃO COMO PROPÓSITO E A SINODALIDADE COMO MÉTODO Ano Pastoral 2015-2016 A MISSÃO COMO PROPÓSITO E A SINODALIDADE COMO MÉTODO Revisitando 2014-2015 O dia-a-dia da comunidade Catequese da Infância 23 Crianças receberam a 1ª Comunhão 8 Jovens de Profissão

Leia mais

Em janeiro de 2013, com a inauguração da casa da Comunidade no bairro da Vila da Penha, passamos a estar oficialmente vinculados a Arquidiocese do

Em janeiro de 2013, com a inauguração da casa da Comunidade no bairro da Vila da Penha, passamos a estar oficialmente vinculados a Arquidiocese do BREVE HISTÓRICO A Comunidade Servos de Caná teve início em 25/10/2009 através do Projeto Missionário Bodas de Caná realizado em Mombaça com uma turma de Crisma da Paróquia Santo Antônio de Bacaxá (Saquarema/RJ)

Leia mais

Os bispos, como pastores e guias espirituais das comunidades a nós encomendadas, somos chamados a fazer da Igreja uma casa e escola de comunhão.

Os bispos, como pastores e guias espirituais das comunidades a nós encomendadas, somos chamados a fazer da Igreja uma casa e escola de comunhão. Os bispos, como pastores e guias espirituais das comunidades a nós encomendadas, somos chamados a fazer da Igreja uma casa e escola de comunhão. Como animadores da comunhão, temos a missão de acolher,

Leia mais

Direcionamentos para 2017

Direcionamentos para 2017 Direcionamentos para 2017 A Festa jubilar com certeza vai nos levar a atualização de muitas graças em nossa vida e também no que o Espirito Santo vem realizando na vida de muitas pessoas. Pensando sobre

Leia mais

Nº 35 C Domingo XXX do Tempo Comum

Nº 35 C Domingo XXX do Tempo Comum Nº 35 C Domingo XXX do Tempo Comum-27.10.13 Se eu for como o fariseu, rezo só a falar em mim: EU...EU...EU... Eu, Senhor, sou o melhor de todos. Eu não sou mentiroso, como os meus colegas. Eu digo bom-dia

Leia mais

Depoimentos das Irmãs Jubilares e Junioristas das Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã

Depoimentos das Irmãs Jubilares e Junioristas das Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã Depoimentos das Irmãs Jubilares e Junioristas das Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã Celebrar o jubileu é fazer memória da caminhada de 50 anos de Vida Religiosa Consagrada Franciscana

Leia mais

Comunidade D Descobrir (Discípulos) (Novembro/Dezembro) I Integrar (Comunidade) (Janeiro/Fevereiro/Março) P Proclamar (Evangelho) (Abril/Maio/Junho)

Comunidade D Descobrir (Discípulos) (Novembro/Dezembro) I Integrar (Comunidade) (Janeiro/Fevereiro/Março) P Proclamar (Evangelho) (Abril/Maio/Junho) Secretariado Diocesano da Pastoral Juvenil Diocese de Coimbra Ano Pastoral 2013-2014 Vós sois o corpo de Cristo e cada um, pela sua parte, é um membro (1 Cor 12,27) Enquadramento - Comunidade DIP É chegado

Leia mais

Igreja é lugar de recolhimento, de oração. Jesus ia ao Templo com seus pais e apóstolos.

Igreja é lugar de recolhimento, de oração. Jesus ia ao Templo com seus pais e apóstolos. POR QUE IR À IGREJA? Certo dia, Jesus contou a seguinte parábola a alguns que se consideravam justos e desprezavam os outros."dois homens foram ao Templo para orar. Um era fariseu e o outro, publicano.

Leia mais

RESUMO. Apresentação abreviada Recapitulação breve = repetição do que foi apresentado Para transmitir uma ideia geral do que foi apresentado

RESUMO. Apresentação abreviada Recapitulação breve = repetição do que foi apresentado Para transmitir uma ideia geral do que foi apresentado UMA TENTATIVA RESUMO Apresentação abreviada Recapitulação breve = repetição do que foi apresentado Para transmitir uma ideia geral do que foi apresentado SÍNTESE Mostra e revela as relações entre elementos

Leia mais

TEMPO PARA A FAMÍLIA E PARA A COMUNIDADE. Jörg Garbers Ms. de Teologia

TEMPO PARA A FAMÍLIA E PARA A COMUNIDADE. Jörg Garbers Ms. de Teologia TEMPO PARA A FAMÍLIA E PARA A COMUNIDADE Jörg Garbers Ms. de Teologia Introdução A família hoje talvez é o elo mais fraco na distribuição de tempo. Entre trabalho, lazer próprio, amigos, comunidade e sono

Leia mais

EDMC Equipe Distrital de Mordomia Cristã Obje7vos, Perfil, atuações e limites

EDMC Equipe Distrital de Mordomia Cristã Obje7vos, Perfil, atuações e limites EDMC Equipe Distrital de Mordomia Cristã Obje7vos, Perfil, atuações e limites É Importante Lembrar... A. Que a segunda vinda de Cristo está bem próxima, e a igreja de Deus necessita estar reavivada pelo

Leia mais

FESTA DO PAI-NOSSO 2º Ano. 14 de junho de Catequese Paroquial de Santa Maria da Feira Núcleo: Missionários Passionistas

FESTA DO PAI-NOSSO 2º Ano. 14 de junho de Catequese Paroquial de Santa Maria da Feira Núcleo: Missionários Passionistas FESTA DO PAI-NOSSO 2º Ano 14 de junho de 2014 Catequese Paroquial de Santa Maria da Feira Núcleo: Missionários Passionistas MONIÇÃO ANTES DO CÂNTICO DE ENTRADA (Criança) Olá, nós as crianças do 2º ano

Leia mais

Projeto Natal Solidário 2013 Colégio La Salle Esteio e Sapucaia. Cuidar é sinal de amor e de solidariedade.

Projeto Natal Solidário 2013 Colégio La Salle Esteio e Sapucaia. Cuidar é sinal de amor e de solidariedade. Projeto Natal Solidário 2013 Colégio La Salle Esteio e Sapucaia Titulo do Projeto: Cuidar é sinal de amor e de solidariedade. Equipe Organizadora Ir. Junior Schnorrenberger Coordenador de Pastoral de Esteio

Leia mais

SENTINELAS DA MANHÃ EM MISSÃO

SENTINELAS DA MANHÃ EM MISSÃO RENOVAÇÃO CARISMÁTICA CATÓLICA BRASIL SENTINELAS DA MANHÃ EM MISSÃO PROJETO GRUPO DE ORAÇÃO: ADOTE UMA ESCOLA! Ministério Jovem Brasil 2009 INTRODUÇÃO O grupo de oração (GO) é a célula fundamental da Renovação

Leia mais

Partir de cada realidade e suas particularidades NOVA PAROQUIA, uma Comunidade Comunidades (setorização), Estado permanente de missão

Partir de cada realidade e suas particularidades NOVA PAROQUIA, uma Comunidade Comunidades (setorização), Estado permanente de missão PISTAS DE AÇÃO GRUPO 1 Partir de cada realidade e suas particularidades, para criar conselhos missionários diocesanos e paroquiais onde ainda não existem, e fortalecer aqueles existentes, para dinamizar

Leia mais

CATEQUESE PARA CRIANÇAS (do 4º ao 6º anos) A VIDA NAS MÃOS DE DEUS Eu vim para que tenham Vida e Vida em abundância! (Jo 10,10b)

CATEQUESE PARA CRIANÇAS (do 4º ao 6º anos) A VIDA NAS MÃOS DE DEUS Eu vim para que tenham Vida e Vida em abundância! (Jo 10,10b) INTRODUÇÃO Por decisão da Conferência Episcopal Portuguesa, vamos celebrar e viver, mais uma vez, a Semana do Consagrado. Este ano terá lugar de 26 de Janeiro a 02 de Fevereiro. Neste dia celebra-se liturgicamente

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Sábado da 3ª Semana da Quaresma Ó Deus, alegrando

Leia mais

COMO BUSCAR O BATISMO COM O ESPÍRITO SANTO

COMO BUSCAR O BATISMO COM O ESPÍRITO SANTO COMO BUSCAR O BATISMO COM O ESPÍRITO SANTO A Paz do Senhor amados irmãos e queridos leitores... Quero compartilhar com vocês uma grande e única experiência que eu tive com o Espirito Santo e que agora

Leia mais

Buscando a excelência no casamento. Adalberto Vargas da Rosa 7º ENCONTRO

Buscando a excelência no casamento. Adalberto Vargas da Rosa 7º ENCONTRO 7º ENCONTRO Como amar sua esposa Amor é fundamentalmente um verbo I Co 13:4-7 Paciente e bondoso, no original grego, são particípios, relacionados ao verbo ser. Não inveja, não se vangloria, não se orgulha,

Leia mais

O povo que vivia nas trevas, viu uma grande luz (Is 9,1)

O povo que vivia nas trevas, viu uma grande luz (Is 9,1) O povo que vivia nas trevas, viu uma grande luz (Is 9,1) Eu sou a luz do mundo. Quem me segue não andará nas trevas, mas, possuirá a luz da vida. (Jo 8,12). Jesus é a luz que ilumina nosso caminho no

Leia mais

ESTUDO REFLEXIVO- SISTÊMICO DAS OBRAS DE ALLAN KARDEC E DO EVANGELHO DE JESUS

ESTUDO REFLEXIVO- SISTÊMICO DAS OBRAS DE ALLAN KARDEC E DO EVANGELHO DE JESUS ESTUDO REFLEXIVO- SISTÊMICO DAS OBRAS DE ALLAN KARDEC E DO EVANGELHO DE JESUS MÓDULO 3 A PRESENÇA AMOROSA DE JESUS EM NOSSAS VIDAS JESUS E A SUA PERFEITA COMUNHÃO COM DEUS 3º. ENCONTRO JESUS E A SUA PERFEITA

Leia mais

Paz seja convosco Igreja Quadrangular Brasileira!

Paz seja convosco Igreja Quadrangular Brasileira! 1 Paz seja convosco Igreja Quadrangular Brasileira! O mês de Agosto foi de muitos frutos no campo missionário de Cabo Verde, país constituído por dez ilhas na costa da África Ocidental. O Senhor tem ouvido

Leia mais

CATEQUESE 6 - A PAZ NA VIDA DO HOMEM

CATEQUESE 6 - A PAZ NA VIDA DO HOMEM CATEQUESE 6 - A PAZ NA VIDA DO HOMEM Em cada frase indicar em que sentido se fala da paz como: dom, conquista ou compromisso. Se a frase tiver vários sentidos, assinalá-lo. CATEQUESE 7 - A VERDADE COMO

Leia mais

P S A T S ORAL DA AC A OLHID OLHID

P S A T S ORAL DA AC A OLHID OLHID PASTORAL DA ACOLHIDA Paróquia Sagrada Família Itajubá 06 05 2012 PASTORAL DA ACOLHIDA Todos são de suma importância na comunidade paroquial A acolhida de vocês deve ser como a acolhida de Jesus que acolhe

Leia mais

Desafios do Trimestre

Desafios do Trimestre Desafios do Trimestre Solidariedade Desde os primórdios, um dos maiores desafios é saber gerir pessoas com suas habilidades e conhecimentos, em prol de envolver o corpo como um todo, nesse caso, na unidade

Leia mais

Colégio Nossa Senhora da Piedade

Colégio Nossa Senhora da Piedade Colégio Nossa Senhora da Piedade Dados de identificação: Curso: Ensino Fundamental II Série: 6 Ano Professora: Denise dos Santos Silva Rocha Disciplina: Ensino Religioso Ano: 2016. Plano de curso 1-Objetivo

Leia mais

Calendário Paroquial de 2015 JANEIRO FEVEREIRO

Calendário Paroquial de 2015 JANEIRO FEVEREIRO Calendário Paroquial de 2015 JANEIRO 1 qui Solenidade de Maria Mãe de Deus - Missas : 9h30 / 18h30 2 sex Apostolado da Oração - Missa - 15h - Catedral 3 sab Setor Família - Missa - 19h30 - Catedral 5 seg

Leia mais

XXI. Geral. Roma, Setembro-Outubro A experiência

XXI. Geral. Roma, Setembro-Outubro A experiência XXI Capítulo Geral Roma, Setembro-Outubro 2009 1. A experiência 5 semanas de encontro, trabalho, reflexão, busca na Casa Geral em Roma O Capítulo Geral se reúne a cada 8 anos 83 Irmãos capitulares 2 Convidados

Leia mais

ANO B QUARESMA

ANO B QUARESMA 1 - ACOLHIDA ANO B QUARESMA - 2015 QUARTA-FEIRA DE CINZAS 18/2/2015 TEMA: CONVERSÃO 2- DINÂMICA: Convida-se as pessoas que estão no ambiente da missão para, de pé, ficarem próximas umas das outras. Entrega-se

Leia mais

Roteiro de leitura e síntese para compreender. o significado da Comunidade Eclesial

Roteiro de leitura e síntese para compreender. o significado da Comunidade Eclesial Roteiro de leitura e síntese para compreender o significado da Comunidade Eclesial Comunidade Eclesial Sinal do Reino no presente e no futuro O livro está dividido em 4 capítulos: Refletindo sobre Comunidade

Leia mais

COMO ORGANIZAR UM SEMINÁRIO DE VIDA NO ESPÍRITO

COMO ORGANIZAR UM SEMINÁRIO DE VIDA NO ESPÍRITO COMO ORGANIZAR UM SEMINÁRIO DE VIDA NO ESPÍRITO Espero de vocês que partilhem com todos, na igreja, a graça do Batismo no Espírito Santo ( Papa Francisco ) Por Mauro Nicioli Ministério de Pregação RCC

Leia mais

Treinamento de Instrutores Bíblicos. O Ministério dos Grupos Pequenos

Treinamento de Instrutores Bíblicos. O Ministério dos Grupos Pequenos North American Division Portuguese Ministry Treinamento de Instrutores Bíblicos O Ministério dos Grupos Pequenos O Poder dos Grupos Pequenos 1. Introdução Propósitos Grupo de pessoas que se reúnem para:

Leia mais

Quero afirmar ao Papa Francisco a comunhão filial e a presença orante da Igreja do Porto.

Quero afirmar ao Papa Francisco a comunhão filial e a presença orante da Igreja do Porto. Dia 20 de Setembro Dia de oração pela Paz Foi há precisamente 30 anos que o Papa João Paulo II se reuniu em Assis, Itália, com os Responsáveis das principais religiões do Mundo para rezar pela paz. Trinta

Leia mais

TEMA: O MANUAL DO MISSIONÁRIO. Formadora: Helena Gaia

TEMA: O MANUAL DO MISSIONÁRIO. Formadora: Helena Gaia TEMA: O MANUAL DO MISSIONÁRIO Formadora: Helena Gaia A VISITA MISSIONÁRIA O QUE É VISITAR? É sair de si e ir ao encontro do outro, reconhecendo que ele existe; É ser mensageiro de Deus, portadores da Boa

Leia mais

Com Maria, ao encontro do sonho de Deus. Novena a Nossa Senhora, pelas vocações em Portugal

Com Maria, ao encontro do sonho de Deus. Novena a Nossa Senhora, pelas vocações em Portugal Com Maria, ao encontro do sonho de Deus. Novena a Nossa Senhora, pelas vocações em Portugal 18 de maio - Maria, pronta a servir com amor Hoje lembramos a simplicidade e generosidade de Maria, que logo

Leia mais

REUNIÃO DE PAIS CATEQUESE Paróquia Nossa Senhora da Boavista

REUNIÃO DE PAIS CATEQUESE Paróquia Nossa Senhora da Boavista REUNIÃO DE PAIS CATEQUESE 2015 2016 Paróquia Nossa Senhora da Boavista ORAÇÃO INICIAL Avé Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre as mulheres e bendito é o fruto do Vosso ventre,

Leia mais

As varetas e as estacas. TU. SEXUALIDADE E AFETIVIDADE

As varetas e as estacas. TU. SEXUALIDADE E AFETIVIDADE UNIDADE 2: As varetas e as estacas. TU. SEXUALIDADE E AFETIVIDADE 1ºESO 2ºESO Quem é você? Reconhecer minha sexualidade e meus afetos me ajuda a conhecer. Na igualdade e a diferença. No amor. 4. Meus primeiros

Leia mais

OS DONS DO ESPÍRITO SANTO O CAMINHO DOS DOS ESPIRITUAIS

OS DONS DO ESPÍRITO SANTO O CAMINHO DOS DOS ESPIRITUAIS OS DONS DO ESPÍRITO SANTO O CAMINHO DOS DOS ESPIRITUAIS O DOM ESPIRITUAL E A EDIFICAÇÃO DA IGREJA Temos diferentes dons, de acordo com a graça que nos foi dada. Romanos 12,6 A cada um, porém, é dada a

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM Sábado da 7ª Semana do Tempo Comum 1) Oração Concedei, ó

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM Quinta-feira da 33ª Semana do Tempo Comum 1) Oração Senhor

Leia mais

Jesus foi para uma cidade chamada Nain. Com ele iam os discípulos e uma grande multidão. Quando chegou à porta da cidade, eis que levavam um defunto

Jesus foi para uma cidade chamada Nain. Com ele iam os discípulos e uma grande multidão. Quando chegou à porta da cidade, eis que levavam um defunto Lc 7,11-17 Jesus foi para uma cidade chamada Nain. Com ele iam os discípulos e uma grande multidão. Quando chegou à porta da cidade, eis que levavam um defunto para enterrar. Era filho único e sua mãe

Leia mais

O Ano da Acolhida Acolha, abrace, perdoe!

O Ano da Acolhida Acolha, abrace, perdoe! AVISOS Lembrar a célula da importância de participar das Missas dominicais e do Grupo Parusia, principalmente da Grande Célula todos os primeiros sábados do mês. Convidar para ajudar a liderança na limpeza

Leia mais

RELATÓRIO UNIÃO PRESBITERIANA DE HOMENS - UPH 2ª IGREJA PRESBITERIANA DE TAGUATINGA

RELATÓRIO UNIÃO PRESBITERIANA DE HOMENS - UPH 2ª IGREJA PRESBITERIANA DE TAGUATINGA ! RELATÓRIO DA 2ª IGREJA PRESBITERIANA DE TAGUATINGA NOVEMBRO/ Sumário INTRODUÇÃO... 3 OBJETIVOS GERAIS... 3 DESENVOLVIMENTO... 3 CONCLUSÃO... 5! 2 INTRODUÇÃO Este documento tem o objetivo de atender ao

Leia mais

2. Agir de acordo com nossa decisão. Enfatizo a palavra agir porque honra envolve fazer, mostrar e expressar.

2. Agir de acordo com nossa decisão. Enfatizo a palavra agir porque honra envolve fazer, mostrar e expressar. COMUNIDADE EVANGÉLICA ALIANÇA CRISTÃ Mensagem para Grupos Familiares TEMA: PRINCÍPIOS DE HONRA Ap. Marcelo Nhimi VAMOS DISCUTIR O ASSUNTO? TEXTO BASE: João 13:1-5 INTRODUÇÃO: : A honra é a semente para

Leia mais

DIOCESE DE CARAGUATATUBA - CALENDÁRIO 2012

DIOCESE DE CARAGUATATUBA - CALENDÁRIO 2012 DIOCESE DE CARAGUATATUBA - CALENDÁRIO 2012 Janeiro 19 Cáritas reunião diocesana 24 Café da Manhã Jornalistas 29 CF capacitação coord. paroquiais Fevereiro 04 - Focolare reunião Paróquia Santo Antonio 16h30

Leia mais

DIA DO JOVEM MARISTA

DIA DO JOVEM MARISTA 2016 2017 La Valla DIA DO JOVEM MARISTA 28 de outubro RUMO AO BICENTENÁRIO 2017 maristas um novo começo Ambientação: preparar o ambiente com uma cama ou colchão com lençóis, velas para os participantes,

Leia mais

Eu coloquei A Força no filme por uma razão: despertar um certo tipo de espiritualidade nos jovens. ~ George Lucas

Eu coloquei A Força no filme por uma razão: despertar um certo tipo de espiritualidade nos jovens. ~ George Lucas Eu coloquei A Força no filme por uma razão: despertar um certo tipo de espiritualidade nos jovens. ~ George Lucas A Força nem se compara com o que a Bíblia revela a respeito do Espírito Santo ATOS ESSENCIAIS

Leia mais

Planificação Anual 10º ano da catequese

Planificação Anual 10º ano da catequese Finalidade: Descobrir-se Cristão : Participar na eucaristia Concretizar projecto comunitário (partilha fraterna) Planificação Anual 10º ano da 1º Creio em Conhecer Confrontar com valores de caridade, amor,

Leia mais

PLANEJAMENTO Jeitos de explicar a origem do universo. O que diz a ciência sobre a criação. Campanha da Fraternidade 2016

PLANEJAMENTO Jeitos de explicar a origem do universo. O que diz a ciência sobre a criação. Campanha da Fraternidade 2016 Disciplina: Ensino Religioso Série: 6º ano Prof.: Cristiano Souza 1ªUNIDADE EIXOS COGNITIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES O homem e sua relação com Deus e com a Criação CRIAÇÃO O início do universo Tomar consciência

Leia mais

AS 4 COLUNAS DO MDA PROJETO PURÊ DE BATATAS

AS 4 COLUNAS DO MDA PROJETO PURÊ DE BATATAS AS 4 COLUNAS DO MDA PROJETO PURÊ DE BATATAS Esta é a primeira das 4 Colunas do MDA. Neste projeto, o objetivo principal é obter comunhão entre os irmãos das células, das redes e da Igreja, como um todo.

Leia mais

É Maria quem nos convida a refletir e guardar no coração a

É Maria quem nos convida a refletir e guardar no coração a É Maria quem nos convida a refletir e guardar no coração a vida e projeto de seu FILHO. A missão dela era nos dar Jesus e fez isso de maneira ímpar. Vamos refletir nos fatos na vida de Jesus onde ELA está

Leia mais

ARTE DE AMAR EM BUSCA DO PERFEITO AMOR

ARTE DE AMAR EM BUSCA DO PERFEITO AMOR A ARTE DE AMAR EM BUSCA DO PERFEITO AMOR EM BUSCA DO PERFEITO AMOR #4 A ARTE DE AMAR COMO DEUS NOS AMA Henri Nouwen A volta do filho pródigo Esta é a filiação divina. E é a esta filiação que sou chamado.

Leia mais

O Matrimónio, uma vocação A família, lugar vocacional. Maio-2011 Vocação Matrimonial e Familiar 1

O Matrimónio, uma vocação A família, lugar vocacional. Maio-2011 Vocação Matrimonial e Familiar 1 O Matrimónio, uma vocação A família, lugar vocacional Maio-2011 Vocação Matrimonial e Familiar 1 Sumário O que é vocação Matrimónio, sinal e missão Matrimónio, aliança e compromisso Missão em casal Missão

Leia mais

Índice. Apresentação... 3

Índice. Apresentação... 3 Índice Apresentação... 3 Tempo do Advento 1. O Ano Litúrgico... 9 2. Origem do Ano Litúrgico... 10 3. O que quer dizer Advento?... 11 4. O que fazer no Advento?... 12 Primeiro Domingo do Advento... 14

Leia mais

Catedral Diocesana de Campina Grande. II Domingo da Páscoa Ano C Domingo da Divina Misericórdia. ANO DA FÉ Rito Inicial

Catedral Diocesana de Campina Grande. II Domingo da Páscoa Ano C Domingo da Divina Misericórdia. ANO DA FÉ Rito Inicial Catedral Diocesana de Campina Grande Paróquia nossa Senhora da Conceição II Domingo da Páscoa Ano C Domingo da Divina Misericórdia Por suas chagas fomos curados, felizes aqueles que crêem sem terem visto.

Leia mais

CALENDÁRIO OFICIAL 2014 MARÇO DESTAQUE DO MÊS: MISSÕES MUNDIAIS SEMINÁRIO VEREDAS ANTIGAS

CALENDÁRIO OFICIAL 2014 MARÇO DESTAQUE DO MÊS: MISSÕES MUNDIAIS SEMINÁRIO VEREDAS ANTIGAS CALENDÁRIO OFICIAL 2014 MARÇO DESTAQUE DO MÊS: MISSÕES MUNDIAIS SEMINÁRIO VEREDAS ANTIGAS DIA EVENTOS 01 sab 02 dom 03 2ª 04 3ª Feriado Carnaval 05 4ª Culto de Oração 19:30 - Templo 06 5ª 07 6ª 08 sab

Leia mais

Sei que estou sendo até pretensioso com este trabalho, mas quero que saibam que estou apenas escrevendo o que está em meu coração quando estou a

Sei que estou sendo até pretensioso com este trabalho, mas quero que saibam que estou apenas escrevendo o que está em meu coração quando estou a Sei que estou sendo até pretensioso com este trabalho, mas quero que saibam que estou apenas escrevendo o que está em meu coração quando estou a meditar sobre a Bíblia Sagrada, com Fé, Esperança e Caridade

Leia mais

PLANEJAMENTO Fé versus força física Todos saberão que há deus em Israel Jeitos de ser convicto O que diz a educação física

PLANEJAMENTO Fé versus força física Todos saberão que há deus em Israel Jeitos de ser convicto O que diz a educação física Disciplina: Ensino Religioso Série: 8º ano Prof.:Cristiano Souza 1ªUNIDADE EIXOS COGNITIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES CONVICÇÃO Favorecer um caminho de auto descoberta. Auto-conhecimento: Caminho para conviver

Leia mais

3.º Encontro 2015/2016

3.º Encontro 2015/2016 Escola da Fé 3.º Encontro 2015/2016 CÂNTICO: Onde há Caridade e Amor Onde há caridade e amor aí habita Deus. Papa Francisco abriu porta santa do Jubileu da Misericórdia na Catedral de Bangui, em África,

Leia mais

Paróquia São João Batista Comissão de Defesa da Vida

Paróquia São João Batista Comissão de Defesa da Vida ACOLHIDA Amar ao próximo como a ti mesmo... Esse o maior mandamento de Deus à nós! Defender a Vida é exercer esse amor de forma concreta, objetiva e plena. É fazer do mandamento maior missão e conduta

Leia mais

D I O C E S E D E V A L E N Ç A CALENDÁRIO DIOCESANO DE 2016 ANO DA MISERICÓRDIA ANO C SÃO LUCAS

D I O C E S E D E V A L E N Ç A CALENDÁRIO DIOCESANO DE 2016 ANO DA MISERICÓRDIA ANO C SÃO LUCAS D I O C E S E D E V A L E N Ç A CALENDÁRIO DIOCESANO DE 2016 ANO DA MISERICÓRDIA ANO C SÃO LUCAS Janeiro 06 Dia de Reis apoio aos Grupos de Folia na 24-16h Celebração Ecumênica - lanche oferecido pelos

Leia mais

Jesus entrou num povoado, e certa mulher, de nome Marta, recebeu-o em sua casa. Sua irmã, chamada Maria, sentou-se aos pés do Senhor, e escutava a

Jesus entrou num povoado, e certa mulher, de nome Marta, recebeu-o em sua casa. Sua irmã, chamada Maria, sentou-se aos pés do Senhor, e escutava a Lucas 10,38-42 Jesus entrou num povoado, e certa mulher, de nome Marta, recebeu-o em sua casa. Sua irmã, chamada Maria, sentou-se aos pés do Senhor, e escutava a sua palavra. Marta, porém, estava ocupada

Leia mais

La Valla DIA DO MARISTA. 15 de agosto RUMO AO BICENTENÁRIO. maristas

La Valla DIA DO MARISTA. 15 de agosto RUMO AO BICENTENÁRIO. maristas 2016 2017 La Valla DIA DO MARISTA 15 de agosto RUMO AO BICENTENÁRIO 2017 maristas um novo começo 1 REFRÃO Uma lágrima de um menino, um apelo a escutar! Um Marista, um amigo, uma vida que se dá. (Ao cantar

Leia mais

O primeiro mês nas Filipinas

O primeiro mês nas Filipinas O primeiro mês nas Filipinas 18 de março de 2016 data da viagem de São Paulo a Roma e no dia 21 de março, de Roma para as Filipinas. O sentimento de deixar, deixar, deixar... e embarcar nas asas do vento

Leia mais

II CONGRESSO LATINOAMERICANO E CARIBENHO DO DIACONADO PERMANENTE

II CONGRESSO LATINOAMERICANO E CARIBENHO DO DIACONADO PERMANENTE II CONGRESSO LATINOAMERICANO E CARIBENHO DO DIACONADO PERMANENTE Será realizado no período de 24 a 29 de maio de 2011 no Centro de Espiritualidade Inaciana Mosteiro da Vila Kostka de Itaicí, Indaiatuba,

Leia mais