Regulamento para solicitação de verbas para projetos científicos

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Regulamento para solicitação de verbas para projetos científicos"

Transcrição

1 Regulamento para solicitação de verbas para projetos científicos O presente documento tem por objetivo organizar e regulamentar a solicitação e distribuição de verba para as atividades, projetos e/ou programas de Iniciação Científica da FAME-JF. I - DOS OBJETIVOS 1. Possibilitar o crescimento acadêmico do aluno de graduação; 2. Despertar vocação científica; 3. Incentivar potenciais talentos na área de produção cientifica e acadêmica; 4. Oferecer ao aluno a oportunidade de ser iniciado no exercício da atividade de pesquisa; 5. Proporcionar, aos alunos participantes dos programas agraciados pela verba, a aprendizagem de técnicas e métodos científicos; 6. Estimular o desenvolvimento do raciocínio científico, da criatividade e das capacidades analítica, crítica e de síntese; 7. Melhorar a qualidade do ensino e da extensão na graduação; 8. Preparar alunos para especialização e a pós-graduação; 9. Incentivar o aluno a publicar o conhecimento científico produzido na instituição; 10. Apoiar financeiramente o desenvolvimento da produção científica; II DAS CARACTERÍSTICAS DO PROGRAMA 1. Conforme calendário previamente definido através de edital, o Núcleo Científico do DAOR (Diretório acadêmico Dr. Olamir Rossini), receberá dos acadêmicos e ligas interessados em pleitear apoio financeiro para projetos de pesquisa, extensão ou para divulgação dos seus resultados em congressos, seminários e atividades afins.

2 2. As Propostas deverão conter os seguintes elementos: a) Dados do professor orientador: nome, titulação, telefone de contato, ; b) Dados do(s) acadêmico(s): nome, número de matrícula, período, telefone e , currículo atualizado do(s) acadêmico(s) modelo LATTES/CNPq; c) Projeto de pesquisa, contendo os seguintes elementos: título, resumo, introdução/ justificativa, objetivos, metodologia, bibliografia, cronograma das atividades, orçamento do projeto; d) Em caso de projetos de pesquisa envolvendo seres humanos, será necessário Declaração de aprovação do Projeto de Pesquisa por Comitê de Ética em Pesquisa em conformidade com a Resolução CNS 466/12. e) Valor solicitado para o desenvolvimento do projeto deverá ser descriminado e constar na relação de documentos apresentados para pleitear as verbas. f) O valor disponibilizado poderá ser usado para confecção de banner e outros materiais de divulgação para participação em simpósios, seminários, congressos e atividades afins. g) O acadêmico poderá pleitear verba para mais de um projeto em cada edital. Cada projeto deverá ser feito de modo independente, anexando em cada projeto os documentos solicitados. h) Os componentes dos projetos aprovados autorizam o DAOR e a FAME-JF a utilizar a sua imagem para fins de divulgação e publicidade. 3. As Propostas serão avaliadas pelo Núcleo Científico, o qual definirá se o projeto será agraciado pela verba disponível, conforme editais subseqüentes. 4. Os valores disponibilizados pela FAME-JF, para projetos acadêmicos, através do DAOR, é fixado anualmente pela instituição, sendo repassado aos acadêmicos ou ligas por intermédio do DAOR. 5. Só poderão candidatar-se ao Programa, aqueles alunos regularmente matriculados na FAME-JF. 6. Todo projeto de solicitação de verbas deverá ter assinatura de no mínimo um professor vinculado a FAME-JF.

3 III DOS PROPONENTES ELEGÍVEIS a) Qualquer aluno, Liga acadêmica ou grupo de estudo - devidamente regularizados junto ao DAOR e integrante do curso de Medicina, devidamente matriculado na FAME-JF. b) Para se candidatar a verba o projeto deverá contar com a orientação de pelo menos um professor vinculado a FAME-JF.. IV DOS RECURSOS FINANCEIROS Os recursos financeiros destinam-se ao exposto abaixo, observando-se o teto orçamentário do Programa de incentivo à produção científica, fixado anualmente: a) Pagamento de materiais e insumos às pesquisas científicas realizados por acadêmicos da FAME-JF; b) Quanto a divulgação de trabalhos já realizados em congressos, seminários e atividades similares a verba será destinada a impressão de banners, podendo ser também destinada a despesas para viagens de um (1) autor quando se tratar de apresentação oral em congressos de relevância nacional; c) O valor pleiteado somente será liberado após aprovação do projeto pelo Núcleo científico conforme edital. d) O valor liberado pelo DAOR estará vinculado ao projeto aprovado, não podendo haver transferência a outros projetos ou recebimento do valor em dinheiro por parte dos integrantes do projeto. e) O Financiamento de Projetos de Pesquisa ou projetos selecionados para apresentação dos resultados da pesquisa em eventos realizados fora da UNIPAC, deverá constar o apoio financeiro da FAME-JF e DAOR. f) Pagamento dos custeios da pesquisa e/ou divulgação deverá ser feito mediante cheque administrativo ou outro meio viável pela Instituição, sempre de forma direta para o prestador do serviço, mediante apresentação de notas fiscais e obedecendo prazo estipulado no edital em questão.

4 g) A liberação da verba está condicionada ao preenchimento correto dos formulários exigidos, bem como dá entrega da documentação complementar, dentro dos prazos definidos pelo edital. h) O percentual liberado por projeto será de 1 % à 100% do valor pleiteado pelo proponente, de acordo com os critérios internos do núcleo científico. i) O valor poderá ser pago à vista, preferencialmente, ou parcelado pelo DAOR de acordo com o montante disponível. V DAS ATIVIDADES E IMPEDIMENTOS DO PROFESSOR ORIENTADOR 1. Iniciar o acadêmico nos diversos aspectos da pesquisa. 2. Acompanhar e orientar o acadêmico nas atividades planejadas. 3. Avaliar o desempenho do acadêmico nas atividades exercidas. 4. É de responsabilidade do professor,quando solicitado, atestar a originalidade do projeto e sua execução. 5. Assinar a solicitação de verbas em conjunto com o acadêmico responsável pelo projeto. 6. Encaminhar ao Núcleo Científico o relatório parcial de atividades, no meio do período previsto para a realização da pesquisa e relatório final de atividades, quando for solicitado. 7. Incentivar a inscrição e a apresentação, se aprovado, do trabalho científico relativo ao Projeto em desenvolvimento, ou desenvolvido, em eventos científicos promovidos pela UNIPAC ou de outras instituições e associações. DO ACADÊMICO PROPONENTE Atividades e Impedimentos

5 1. Cumprir o Plano de Trabalho proposto no projeto. 2. Encaminhar ao Núcleo Científico o relatório parcial de atividades, no meio do período previsto para a realização da pesquisa e relatório final de atividades, se for o caso ou quando solicitado. 3.Inscrever e apresentar, se aprovado, o trabalho científico relativo ao Projeto em desenvolvimento, ou finalizado, em eventos científicos promovidos pela UNIPAC ou outras instituições. 4. O descumprimento desse regimento acarretará em devolução da quantia já repassada para o solicitante, com juros e correção monetária, e o mesmo ficará impedido por um prazo de 12 meses de pleitear nova ajuda de custo. VI - DO DESLIGAMENTO 1. O aluno que descumprir qualquer orientação prevista no Regulamento ou no(s) Edital(is) de liberação de verba do DAOR será imediatamente desligado do mesmo.cabendo medidas na esfera administrativas, civil e criminal, se for o caso. 2. Do desligamento do aluno do projeto para liberação de verbas, caberá recurso junto ao Núcleo Científico, no prazo de 48 (quarenta e oito) horas úteis após a comunicação oficial do desligamento; a comunicação será realizada por escrito, devidamente protocolada e dirigida ao aluno em questão, pelo coordenador do Núcleo Científico. 3. Cabe recurso por parte do acadêmico ou liga contra o seu desligamento do programa de repasse de verbas. 4. O recurso deverá ser apresentado por escrito, em duas vias de igual teor, e entregue na secretaria do DAOR, dentro do seu horário de funcionamento. O funcionário da secretaria que receber o documento deverá assinar e registrar a data e a hora exata do recebimento, mantendo uma das vias em seu poder e devolvendo a outra para o acadêmico. O requerimento do aluno deverá ser repassado a coordenação do Núcleo científico, que, após análise do Departamento Jurídico do DAOR, no prazo de 48 (quarenta e oito) horas úteis após o recebimento do recurso, encaminhará parecer à diretoria do DA, a quem caberá a decisão final. VII OBSERVAÇÕES FINAIS

6 Quaisquer questões referentes ao Programa de repasse de verba que, porventura, não tenham sido contempladas neste documento, serão levadas pelo Núcleo científico à coordenação pedagógica ou para a Diretoria da FAME -JF a quem caberá a decisão final. Juiz de fora, 10 de agosto de 2015 Núcleo Científico do DAOR

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - PIC REGIMENTO

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - PIC REGIMENTO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - PIC REGIMENTO Este Regimento tem por objetivo organizar e regulamentar as propostas, atividades, projetos e/ou programas de Iniciação Científica da Faculdade de Medicina

Leia mais

Regulamento Programa de Desenvolvimento de Extensão

Regulamento Programa de Desenvolvimento de Extensão Regulamento Programa de Desenvolvimento de Extensão Elaborado por: Georgia Miranda Tomich Coordenadora de Pesquisa e Extensão da FESAR Redenção 2017 1 I Dos Objetivos: São objetivos do Programa de Extensão

Leia mais

EDITAL PIBIC / CNPq/ MAST 2013/2014 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROPOSTA DE EDITAL

EDITAL PIBIC / CNPq/ MAST 2013/2014 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROPOSTA DE EDITAL EDITAL PIBIC / CNPq/ MAST 2013/2014 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROPOSTA DE EDITAL A Coordenação do PIBIC/CNPq/MCTI/MAST comunica aos interessados que estão abertas as inscrições

Leia mais

APÊNDICE I EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA 2016/2017

APÊNDICE I EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA 2016/2017 APÊNDICE I EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA 2016/2017 Pelo presente faz-se saber que estarão abertas, no período de 10 a 30 de junho de 2016, as inscrições para seleção de bolsistas do Programa Institucional

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PID/2017 REGULAMENTO

PROGRAMA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PID/2017 REGULAMENTO PROGRAMA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PID/2017 REGULAMENTO I - DOS OBJETIVOS 1. Possibilitar o crescimento acadêmico de alunos do Curso, tanto do Aluno/Monitor quanto dos alunos por ele assistidos; 2. Oferecer

Leia mais

EDITAL PIBIC / CNPq/ MAST PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

EDITAL PIBIC / CNPq/ MAST PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EDITAL PIBIC / CNPq/ MAST 2014-2015 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA A Coordenação do PIBIC/CNPq/MCTI/MAST comunica aos interessados que estão abertas as inscrições para a obtenção

Leia mais

Edital Universidade Santa Úrsula - USU: 01/ Bolsa de Iniciação Científica

Edital Universidade Santa Úrsula - USU: 01/ Bolsa de Iniciação Científica Edital Universidade Santa Úrsula - USU: 01/2017 - Bolsa de Iniciação Científica A Universidade Santa Úrsula USU - do Rio de Janeiro, por intermédio da Pró- Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão,

Leia mais

RESOLUÇÃO N o 60 DE 01/02/ CAS

RESOLUÇÃO N o 60 DE 01/02/ CAS RESOLUÇÃO N o 60 DE 01/02/2013 - CAS Estabelece as normas do Programa de Iniciação Científica (PIC) da Universidade Positivo (UP). O CONSELHO ACADÊMICO SUPERIOR (CAS), órgão da administração superior,

Leia mais

Faculdade de Medicina de Itajubá

Faculdade de Medicina de Itajubá PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FACULDADE DE MEDICINA DE ITAJUBÁ Prof. Dr. Sérgio Visoni Vargas Diretor da Faculdade de Medicina de Itajubá Prof. Ms Nilo César do Vale Baracho Coordenador

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO TECNOLÓGICA-PROPIT DIRETORIA DE PESQUISA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO TECNOLÓGICA-PROPIT DIRETORIA DE PESQUISA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO TECNOLÓGICA-PROPIT DIRETORIA DE PESQUISA EDITAL 01/2010 PIBIC/UFOPA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE

Leia mais

Edital Universidade Santa Úrsula-USU: 02/ Programa Institucional Interno de Criação, Consolidação e Apoio a Grupos de Pesquisa

Edital Universidade Santa Úrsula-USU: 02/ Programa Institucional Interno de Criação, Consolidação e Apoio a Grupos de Pesquisa Edital Universidade Santa Úrsula-USU: 02/2017 - Programa Institucional Interno de Criação, Consolidação e Apoio a Grupos de Pesquisa A Universidade Santa Úrsula - USU - do Rio de Janeiro, por intermédio

Leia mais

2 VIGÊNCIA DO EDITAL: 28 de agosto de 2015 a 31 de julho de 2018.

2 VIGÊNCIA DO EDITAL: 28 de agosto de 2015 a 31 de julho de 2018. EDITAL 06/2015_Pesquisa Programa de Bolsas Universitárias de Santa Catarina UNIEDU Fundo de Apoio à Manutenção e ao Desenvolvimento da Educação Superior_FUMDES O Presidente da Fundação do Vale do Itajaí

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO SÃO JUDAS TADEU ISESJT. RESOLUÇÃO CONSUP Nº 03/2014 Floriano, 10 de janeiro de 2014.

INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO SÃO JUDAS TADEU ISESJT. RESOLUÇÃO CONSUP Nº 03/2014 Floriano, 10 de janeiro de 2014. INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO SÃO JUDAS TADEU ISESJT RESOLUÇÃO CONSUP Nº 03/2014 Floriano, 10 de janeiro de 2014. Fixa normas para o Programa de Iniciação Científica, no Instituto Superior de Educação

Leia mais

COMISSÃO DE PESQUISA CENTRO UNIVERSITÁRIO REDENTOR EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

COMISSÃO DE PESQUISA CENTRO UNIVERSITÁRIO REDENTOR EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA COMISSÃO DE PESQUISA CENTRO UNIVERSITÁRIO REDENTOR EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA Pelo presente edital ficam estabelecidos os critérios e as vagas relativas ao processo de seleção

Leia mais

ASSOCIAÇÃO PIRIPIRIENSE DE ENSINO SUPERIOR APES CHRISTUS FACULDADE DO PIAUÍ - CHRISFAPI EDITAL Nº 001/2016

ASSOCIAÇÃO PIRIPIRIENSE DE ENSINO SUPERIOR APES CHRISTUS FACULDADE DO PIAUÍ - CHRISFAPI EDITAL Nº 001/2016 ASSOCIAÇÃO PIRIPIRIENSE DE ENSINO SUPERIOR APES CHRISTUS FACULDADE DO PIAUÍ - CHRISFAPI DIRETORIA DE ENSINO EDITAL Nº 001/2016 PROCESSO SELETIVO INTERNO PARA PROJETOS DE EXTENSÃO O Núcleo de Iniciação

Leia mais

Edital Universidade Santa Úrsula-USU: 01/ Programa Institucional Interno de Criação, Consolidação e Apoio a Grupos de Pesquisa

Edital Universidade Santa Úrsula-USU: 01/ Programa Institucional Interno de Criação, Consolidação e Apoio a Grupos de Pesquisa Edital Universidade Santa Úrsula-USU: 01/2017 - Programa Institucional Interno de Criação, Consolidação e Apoio a Grupos de Pesquisa A Universidade Santa Úrsula - USU - do Rio de Janeiro, por intermédio

Leia mais

2.1 A chamada terá as suas inscrições recebidas entre o dia 1/02/2016 até às 23:59hs do dia 23/02/2016.

2.1 A chamada terá as suas inscrições recebidas entre o dia 1/02/2016 até às 23:59hs do dia 23/02/2016. Universidade Federal do Rio de Janeiro Conselho de Ensino para Graduados e Conselho de Ensino de Graduação EDITAL nº 24 CEG/CEPG 2016, de 29 de Janeiro de 2016 Programa Institucional de Bolsas de Iniciação

Leia mais

EDITAL PIBIC/UPE/CNPq 2009/2010

EDITAL PIBIC/UPE/CNPq 2009/2010 OBJETIVOS PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EDITAL PIBIC/UPE/CNPq 2009/2010 Promover o interesse pela pesquisa no campo da Ciência e Tecnologia, despertando a vocação científica

Leia mais

EDITAL INICIAÇÃO CIENTÍFICA - UPE 2009

EDITAL INICIAÇÃO CIENTÍFICA - UPE 2009 EDITAL INICIAÇÃO CIENTÍFICA - UPE 2009 OBJETIVOS Promover o interesse pela pesquisa no campo da Ciência e Tecnologia, despertando a vocação científica e incentivando talentos entre estudantes de graduação,

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PARA O ENSINO MÉDIO EDITAL PIBIC-EM

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PARA O ENSINO MÉDIO EDITAL PIBIC-EM PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PARA O ENSINO MÉDIO EDITAL PIBIC-EM 2016-2017 O da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós- Graduação (PROPEP) abre as inscrições para solicitações de Bolsas do PROGRAMA

Leia mais

UNIVERSIDADE POSITIVO

UNIVERSIDADE POSITIVO UNIVERSIDADE POSITIVO CHAMADA DE PROJETOS PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA (PIC) CICLO 2012-2013 EDITAL N o 117 de 03/04/2012 Art. 1 o A Reitoria da Universidade Positivo (UP) torna público o presente

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 01/2009

RESOLUÇÃO Nº 01/2009 RESOLUÇÃO Nº 01/2009 Estabelece critérios para aprovação de solicitação de capacitação, treinamento e qualificação dos Servidores Técnico-Administrativos em Educação, Menores do convênio da Cruz Vermelha

Leia mais

Edital Universidade Santa Úrsula - USU: 02/ Programa de Iniciação Científica

Edital Universidade Santa Úrsula - USU: 02/ Programa de Iniciação Científica Edital Universidade Santa Úrsula - USU: 02/2017 - Programa de Iniciação Científica A Universidade Santa Úrsula USU - do Rio de Janeiro, por intermédio da Pró- Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão,

Leia mais

PROGRAMA DE MONITORIA UNIP. A UNIP oferece ao aluno a oportunidade de iniciar-se na função docente através do exercício de Monitorias.

PROGRAMA DE MONITORIA UNIP. A UNIP oferece ao aluno a oportunidade de iniciar-se na função docente através do exercício de Monitorias. PROGRAMA DE MONITORIA UNIP A UNIP oferece ao aluno a oportunidade de iniciar-se na função docente através do exercício de Monitorias. 1. Regulamento do Programa de Monitoria 1.1 O que é Monitoria A UNIP

Leia mais

SOCIEDADE DE EDUCAÇÃO DE CULTURA DE GOIANIA LTDA FACULDADE PADRÃO SUMÁRIO

SOCIEDADE DE EDUCAÇÃO DE CULTURA DE GOIANIA LTDA FACULDADE PADRÃO SUMÁRIO SUMÁRIO CAPÍTULO I 2 DA DEFINIÇÃO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA 2 CAPÍTULO II 3 DOS OBJETIVOS 3 CAPÍTULO III 4 DAS MODALIDADES 4 CAPÍTULO IV 5 DA INDICAÇÃO DOS CANDIDATOS À PARTICIPAÇÃO NO PIC 5 CAPÍTULO V 6

Leia mais

Centro Universitário Estácio Juiz de Fora Pró-reitoria de Graduação Pró-reitoria de Pós-graduação, Pesquisa e Extensão

Centro Universitário Estácio Juiz de Fora Pró-reitoria de Graduação Pró-reitoria de Pós-graduação, Pesquisa e Extensão Centro Universitário Estácio Juiz de Fora Pró-reitoria de Graduação Pró-reitoria de Pós-graduação, Pesquisa e Extensão Edital de Concurso para Seleção de Projetos de Extensão Acadêmica PEA Período agosto

Leia mais

REGULAMENTO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA 2016/2017

REGULAMENTO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA 2016/2017 REGULAMENTO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA 2016/2017 CAPÍTULO I OBJETIVO GERAL Art. 1 o - O presente regulamento tem como objetivo normatizar as atividades de Iniciação Científica da Faculdade Governador Ozanam

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC MINAS UNIDADE BELO HORIZONTE CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GASTRONOMIA

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC MINAS UNIDADE BELO HORIZONTE CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GASTRONOMIA EDITAL Nº01/2017 DESELEÇÃO INTERNA DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC MINAS UNIDADE BELO HORIZONTE CHAMADA PARA O PROCESSO DE INSCRIÇÃO 2017 DO PROGRAMA

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA UNIVERSIDADE DA AMAZONIA

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA UNIVERSIDADE DA AMAZONIA 29/02/26 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE AMAZONIA Belém 26 29/02/26 Dispõe sobre normas de Monitoria da Universidade da Amazônia. CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS Art. 1º Adotar e estimular a Monitoria Acadêmica, que

Leia mais

SOCIEDADE DE EDUCAÇÃO E CULTURA DE GOIÂNIA LTDA FACULDADE PADRÃO REGULAMENTO DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE AUXILIO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS

SOCIEDADE DE EDUCAÇÃO E CULTURA DE GOIÂNIA LTDA FACULDADE PADRÃO REGULAMENTO DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE AUXILIO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS SOCIEDADE DE EDUCAÇÃO E CULTURA DE GOIÂNIA LTDA FACULDADE PADRÃO REGULAMENTO DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE AUXILIO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS O presente regulamento tem por finalidade normatizar o Programa

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO HERMÍNIO OMETTO UNIARARAS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA PROPESQ PROGRAMA INSTITUCIONAL DE AUXÍLIO À PESQUISA

CENTRO UNIVERSITÁRIO HERMÍNIO OMETTO UNIARARAS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA PROPESQ PROGRAMA INSTITUCIONAL DE AUXÍLIO À PESQUISA CENTRO UNIVERSITÁRIO HERMÍNIO OMETTO UNIARARAS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA PROPESQ PROGRAMA INSTITUCIONAL DE AUXÍLIO À PESQUISA PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA Artigo 1º - O Programa

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA OU DE DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO DO PIBIC&T-UCB. Exercício: setembro 2011 a agosto 2012

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA OU DE DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO DO PIBIC&T-UCB. Exercício: setembro 2011 a agosto 2012 EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA OU DE DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO DO PIBIC&T-UCB Exercício: setembro 2011 a agosto 2012 O Vice-Reitor de Pós-graduação, Pesquisa e Extensão da Universidade Castelo

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS- CCL Coordenação do Curso de Letras

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS- CCL Coordenação do Curso de Letras REGULAMENTO DE MONITORIA TÍTULO I DA DEFINIÇÃO E DOS OBJETIVOS CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO Art. 1 o A Monitoria no Centro de Comunicação e Letras (CCL) será regida por este regulamento e corresponderá ao conjunto

Leia mais

EDITAL PIBIC / CNPq/ MAST /2018 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

EDITAL PIBIC / CNPq/ MAST /2018 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EDITAL PIBIC / CNPq/ MAST - 2017/2018 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA A Coordenação do PIBIC/CNPq/MCTIC/MAST comunica aos interessados que estão abertas as inscrições para a obtenção

Leia mais

REGULAMENTO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR PIBIC Jr/IFAP

REGULAMENTO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR PIBIC Jr/IFAP PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO REGULAMENTO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR PIBIC Jr/IFAP Julho/2012 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA DE SÃO SEBASTIÃO COMITÊ DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EDITAL 01/2017 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA/FATEC-SS

FACULDADE DE TECNOLOGIA DE SÃO SEBASTIÃO COMITÊ DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EDITAL 01/2017 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA/FATEC-SS 1 FACULDADE DE TECNOLOGIA DE SÃO SEBASTIÃO COMITÊ DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EDITAL 01/2017 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA/FATEC-SS A Faculdade de Tecnologia de São Sebastião, por intermédio

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DIRETORIA DE PESQUISA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DIRETORIA DE PESQUISA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DIRETORIA DE PESQUISA EDITAL Nº 01/2009 A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da UFT, no

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE ORIENTADORES DE TCC Edital n.º 01/2017

EDITAL DE SELEÇÃO DE ORIENTADORES DE TCC Edital n.º 01/2017 1.SOBRE A PESQUISA Faculdade de Ensino Superior do Piauí FAESPI EDITAL DE SELEÇÃO DE ORIENTADORES DE TCC Edital n.º 01/2017 O acelerado crescimento do conhecimento nos últimos anos tornou impraticável

Leia mais

EDITAL CA nº 01/2013 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIBIC/NOVAUNESC

EDITAL CA nº 01/2013 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIBIC/NOVAUNESC EDITAL CA nº 01/2013 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIBIC/NOVAUNESC A Diretoria da Faculdade São Gabriel e as Coordenações de Cursos comunicam aos interessados que estarão abertas

Leia mais

Universidade CEUMA REITORIA Gerência de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão

Universidade CEUMA REITORIA Gerência de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão EDITAL DE APOIO A PUBLICAÇÃO APUB EDITAL Nº 07/GPG/2017 A Universidade CEUMA, por meio da (GPG), torna público o presente edital e convida docentes a apresentarem propostas no âmbito do programa de Divulgação

Leia mais

EDITAL DE BOLSAS DE PRÉ-INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO (PIBIC-EM) 2016/2017

EDITAL DE BOLSAS DE PRÉ-INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO (PIBIC-EM) 2016/2017 EDITAL PIBIC-EM USP 2016/2017 A Pró-Reitoria de Pesquisa e o Comitê Institucional do Programa de Iniciação Científica e de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação da Universidade de São Paulo,

Leia mais

Universidade CEUMA REITORIA Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão

Universidade CEUMA REITORIA Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão EDITAL DE APOIO A PUBLICAÇÃO APUB EDITAL Nº 03/PROP/2013 A Universidade CEUMA, por meio da Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão (PROP), torna público o presente edital e convida docentes

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA FACCAMP

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA FACCAMP PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA FACCAMP A iniciação científica é a integração das atividades de graduação e pós-graduação da Instituição que permite a iniciação do acadêmico de graduação na pesquisa científica.

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE PESQUISA E EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO Nº 05/2009 Revoga a Resolução Nº 01/2005, desta Câmara, e dá nova

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PETRÓPOLIS COORDENAÇÃO GERAL DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PETRÓPOLIS COORDENAÇÃO GERAL DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PETRÓPOLIS COORDENAÇÃO GERAL DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA 1. Apresentação O Programa de Iniciação Científica PIC/ UCP foi instituído,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CÂMPUS PICUÍ

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CÂMPUS PICUÍ MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CÂMPUS PICUÍ RESOLUÇÃO Nº 01, DE 02 DE MARÇO DE 2015. Dispõe sobre a aprovação da regulamentação da concessão de ajuda

Leia mais

Chamada para Participação no Programa de Iniciação Científica USCS PIBIC Ensino Médio, período

Chamada para Participação no Programa de Iniciação Científica USCS PIBIC Ensino Médio, período Chamada para Participação no Programa de Iniciação Científica USCS PIBIC Ensino Médio, período 2016-2017. A Coordenadoria de Iniciação Científica em conjunto com Comitê Institucional de Iniciação Científica

Leia mais

Secretaria de Cultura Gestão (48)

Secretaria de Cultura Gestão (48) Secretaria de Cultura Gestão 2012 2016 secult@contato.ufsc.br (48) 3721-2376 BOLSA CULTURA 2016 EDITAL 003/2015 BOLSA DE EXTENSÃO VINCULADA ÀS AÇÕES DE ARTE E CULTURA Em consonância com a Resolução Normativa

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO CENTRO UNIVERSITÁRIO DE MINEIROS- UNIFIMES NORMATIVA DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - PIC

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO CENTRO UNIVERSITÁRIO DE MINEIROS- UNIFIMES NORMATIVA DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - PIC MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO CENTRO UNIVERSITÁRIO DE MINEIROS- UNIFIMES NORMATIVA DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - PIC 1. Conceituação O Programa de Iniciação Científica - PIC, é um programa

Leia mais

Regulamento do Programa de Iniciação Científica da UNIFEV - Centro Universitário de Votuporanga - PIC/UNIFEV

Regulamento do Programa de Iniciação Científica da UNIFEV - Centro Universitário de Votuporanga - PIC/UNIFEV Regulamento do Programa de Iniciação Científica da UNIFEV - Centro Universitário de Votuporanga - PIC/UNIFEV Capítulo I Das Disposições Preliminares Art. 1º - O Programa de Iniciação Científica da UNIFEV

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS DA BAHIA FATEC/BA COORDENAÇÃO DE PESQUISA, EXTENSÃO E PÓS-GRADUAÇÃO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS DA BAHIA FATEC/BA COORDENAÇÃO DE PESQUISA, EXTENSÃO E PÓS-GRADUAÇÃO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA 0 FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS DA BAHIA FATEC/BA COORDENAÇÃO DE PESQUISA, EXTENSÃO E PÓS-GRADUAÇÃO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA FATEC/BA ALAGOINHAS 2014 1 SUMÁRIO DO PROGRAMA E

Leia mais

FACULDADES INTEGRADAS DA VITÓRIA DE SANTO ANTÃO - FAINTVISA NÚCLEO DE PESQUISA - NUPEQ EDITAL Nº 01/2017 PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

FACULDADES INTEGRADAS DA VITÓRIA DE SANTO ANTÃO - FAINTVISA NÚCLEO DE PESQUISA - NUPEQ EDITAL Nº 01/2017 PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA FACULDADES INTEGRADAS DA VITÓRIA DE SANTO ANTÃO - FAINTVISA NÚCLEO DE PESQUISA - NUPEQ EDITAL Nº 01/2017 PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA 1 - APRESENTAÇÃO As Faculdades Integradas da Vitória

Leia mais

PROGRAMA DE PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA REGULAMENTO

PROGRAMA DE PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA REGULAMENTO Faculdade de Direito de Ipatinga FADIPA Programa de Pesquisa e Iniciação Científica - PROPFADIPA Assessoria de Pesquisa - APESQ PROGRAMA DE PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA REGULAMENTO 1 INFORMAÇÃO GERAL

Leia mais

Edital FINATEC 02/2016 FINATEC / UnB / DPP. Apoio a Projetos

Edital FINATEC 02/2016 FINATEC / UnB / DPP. Apoio a Projetos 1. Objetivo Edital FINATEC 02/2016 FINATEC / UnB / DPP Apoio a Projetos A Fundação de Empreendimentos Científicos e Tecnológicos, FINATEC, pessoa jurídica de direito privado, sem fins lucrativos, tendo

Leia mais

TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CURSO DE ENFERMAGEM

TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CURSO DE ENFERMAGEM TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO O Projeto Pedagógico do Curso de Enfermagem do Centro Universitário do Cerrado - Patrocínio (UNICERP) fundamenta a ação pedagógica, a ser desenvolvida junto aos alunos, na

Leia mais

OBJETIVOS UNIDADES PARTICIPANTES. Todas as Unidades da UPE. REQUISITOS PARA INSCRIÇÃO ORIENTADORES:

OBJETIVOS UNIDADES PARTICIPANTES. Todas as Unidades da UPE. REQUISITOS PARA INSCRIÇÃO ORIENTADORES: PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO PESQUISA E INOVAÇÃO COORDENAÇÃO GERAL DE PESQUISA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UPE EDITAL IC UPE 2017 OBJETIVOS Promover o interesse pela pesquisa no

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO ÍTALO- BRASILEIRO

CENTRO UNIVERSITÁRIO ÍTALO- BRASILEIRO CENTRO UNIVERSITÁRIO ÍTALO- BRASILEIRO PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA 2016 PROGRAMA DE BOLSA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA O Programa de Bolsas de Iniciação Científica tem como objetivo incentivar

Leia mais

Diretoria de Pesquisa - DPE Coordenação de Pesquisa

Diretoria de Pesquisa - DPE Coordenação de Pesquisa Diretoria de Pesquisa - DPE Coordenação de Pesquisa Capacitação e Qualificação Docente Edital. 01/2016 1. Objetivo Subsidiar a capacitação dos docentes da Unit, visando ao aperfeiçoamento contínuo do corpo

Leia mais

Universidade Presidente Antônio Carlos UNIPAC Pró-reitoria de Pesquisa, Extensão, Pós-graduação e Cultura Assessoria de Pesquisa

Universidade Presidente Antônio Carlos UNIPAC Pró-reitoria de Pesquisa, Extensão, Pós-graduação e Cultura Assessoria de Pesquisa Universidade Presidente Antônio Carlos UNIPAC Pró-reitoria de Pesquisa, Extensão, Pós-graduação e Cultura Assessoria de Pesquisa NORMAS E PROCEDIMENTOS DO PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS UNIDADE CONTAGEM COORDENAÇÃO DE PESQUISA

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS UNIDADE CONTAGEM COORDENAÇÃO DE PESQUISA EDITAL PERMANTE PICV A Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais convoca os alunos interessados em apresentar propostas de projetos de pesquisa para o Programa de Iniciação Científica Voluntária

Leia mais

MANUAL DE ESTÁGIO INTERNO

MANUAL DE ESTÁGIO INTERNO MANUAL DE ESTÁGIO INTERNO AGOSTO/2016 SUMÁRIO O QUE É ESTÁGIO INTERNO?... 3 INSCRIÇÃO... 3 CRITÉRIOS PARA SELEÇÃO... 3 COMPETÊNCIAS E ATRIBUIÇÕES... 4 Professor orientador:... 4 Estagiário:... 4 É EXPRESSAMENTE

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS UFAL Secretaria Executiva dos Conselhos Superiores SECS/UFAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS UFAL Secretaria Executiva dos Conselhos Superiores SECS/UFAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS UFAL Secretaria Executiva dos Conselhos Superiores SECS/UFAL RESOLUÇÃO Nº 55/2008-CONSUNI/UFAL, de 10 de novembro de 2008. APROVA NORMAS QUE DISCIPLINAM O PROGRAMA DE MONITORIA

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROIC EDITAL PROIC BOLSA

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROIC EDITAL PROIC BOLSA PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROIC EDITAL PROIC BOLSA 2015-2016 O Centro de Pesquisa convida professores orientadores com títulos (reconhecidos pela CAPES/MEC) de especialista, mestrado e doutorado

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA. CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA. CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria Art. 1º - Entende-se por Monitoria, uma modalidade de ensino e aprendizagem que contribui para a formação integrada

Leia mais

Faculdade Processus REGULAMENTO DO PROJETO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE PROCESSUS

Faculdade Processus REGULAMENTO DO PROJETO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE PROCESSUS REGULAMENTO DO PROJETO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE PROCESSUS Dispõe sobre a oferta de atividades de Monitoria no curso de graduação da Faculdade Processus e dá outras providências.

Leia mais

EDITAL n. 02/2016 DIREÇÃO ACADÊMICA

EDITAL n. 02/2016 DIREÇÃO ACADÊMICA EDITAL n. 02/2016 DIREÇÃO ACADÊMICA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VAGA PARA PESQUISADOR VOLUNTÁRIO NO NÚCLEO DE PESQUISA, PÓS- GRADUAÇÃO E EXTENSÃO A Faculdade La Salle de Lucas do Rio

Leia mais

2º A monitoria remunerada por bolsa não gera nenhum vínculo empregatício entre o IFPE e o estudante.

2º A monitoria remunerada por bolsa não gera nenhum vínculo empregatício entre o IFPE e o estudante. 2º A monitoria remunerada por bolsa não gera nenhum vínculo empregatício entre o IFPE e o estudante. 3º O estudante-monitor deverá assinar um Termo de Compromisso específico à atividade de monitoria. Art.4º

Leia mais

EDITAL INTERNO DE FOMENTO E APOIO ÀS ATIVIDADES DE EXTENSÃO FAEX - UNIDESC Nº01/2017

EDITAL INTERNO DE FOMENTO E APOIO ÀS ATIVIDADES DE EXTENSÃO FAEX - UNIDESC Nº01/2017 EDITAL INTERNO DE FOMENTO E APOIO ÀS ATIVIDADES DE EXTENSÃO FAEX - UNIDESC Nº01/2017 O Centro Universitário de Desenvolvimento do Centro-Oeste UNIDESC, por intermédio do Núcleo de Extensão NEXT, torna

Leia mais

REGULAMENTO DA MONITORIA

REGULAMENTO DA MONITORIA REGULAMENTO DA MONITORIA REGULAMENTO DA MONITORIA Art. 1º. O presente regulamento estabelece as regras para o exercício da Monitoria nos Cursos de Graduação do Centro Universitário de União da Vitória

Leia mais

EDITAL 02/2013 PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DA UNIFEI 2013

EDITAL 02/2013 PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DA UNIFEI 2013 EDITAL 02/2013 PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DA UNIFEI 2013 A Pró-Reitoria de Graduação (PRG) e a Diretoria de Assistência Estudantil (DAE) tornam público o lançamento do presente edital para apresentação

Leia mais

Edital PROGRAD nº 26, de 14 de julho de Chamada para o Programa de Iniciação à Docência (PID-2015)

Edital PROGRAD nº 26, de 14 de julho de Chamada para o Programa de Iniciação à Docência (PID-2015) Edital PROGRAD nº 26, de 14 de julho de 2014 Chamada para o Programa de Iniciação à Docência (PID-2015) Com base na Resolução 35/2011 do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão, que estabelece as Normas

Leia mais

COORDENAÇÃO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA E EXTENSÃO

COORDENAÇÃO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA E EXTENSÃO COORDENAÇÃO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA E EXTENSÃO EDITAL Nº01/2016 - PIC A União Educacional do Norte - UNINORTE, no uso de suas atribuições, torna público

Leia mais

Edital FINATEC 01/2016 FINATEC / UnB. Participação em Eventos Científicos Internacionais

Edital FINATEC 01/2016 FINATEC / UnB. Participação em Eventos Científicos Internacionais 1. Objetivo Edital FINATEC 01/2016 FINATEC / UnB Participação em Eventos Científicos Internacionais A Fundação de Empreendimentos Científicos e Tecnológicos, Finatec - pessoa jurídica de direito privado,

Leia mais

HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE. Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica EDITAL

HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE. Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica EDITAL HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica EDITAL 2016-2017 1. Finalidade O Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica do Hospital de Clínicas

Leia mais

Serviço Público Federal FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão. RESOLUÇÃO ConsEPE Nº 158

Serviço Público Federal FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão. RESOLUÇÃO ConsEPE Nº 158 Regulamenta as normas gerais para a realização de Estágio Curricular e Estágio Não Curricular nos Cursos de Graduação em Engenharia da UFABC e revoga as Resoluções ConsEP nº 76, 77, 78, 79, 80, 81, 82

Leia mais

Edital 01/2016 Programa de Iniciação Científica

Edital 01/2016 Programa de Iniciação Científica Edital 01/2016 Programa de Iniciação Científica A Faculdade Promove de Minas Gerais, Faculdade Promove de Belo Horizonte, Faculdade Promove de Tecnologia,Escola de Engenharia Kennedy, Faculdade Kennedy

Leia mais

Faculdade Estácio de Sá de Juiz de Fora Direção Acadêmica Coordenação de Pesquisa

Faculdade Estácio de Sá de Juiz de Fora Direção Acadêmica Coordenação de Pesquisa Faculdade Estácio de Sá de Juiz de Fora Direção Acadêmica Coordenação de Pesquisa Edital de Concurso para Seleção de Projetos de Iniciação Científica PIC Período agosto 2015 a julho 2016 A Coordenação

Leia mais

Regulamento para o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC)

Regulamento para o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) Regulamento para o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) 2015 Curitiba/PR REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO T.C.C. Dispõe sobre as normas gerais para elaboração dos Trabalhos de Conclusão de

Leia mais

Faculdade de Saúde e Desenvolvimento Humano Santo Agostinho FS Coordenadoria de Pesquisa e Extensão COPEX Curso de Graduação em Enfermagem

Faculdade de Saúde e Desenvolvimento Humano Santo Agostinho FS Coordenadoria de Pesquisa e Extensão COPEX Curso de Graduação em Enfermagem GRUPO DE PESQUISA EM ENFERMAGEM - GPEn PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO CURSO DE ENFERMAGEM PIC-ENF ICV MODALIDADE: INICIAÇÃO CIENTÍFICA VOLUNTÁRIA EDITAL 001/2017 O Instituto Educacional Santo Agostinho

Leia mais

NÚCLEOS DE ENSINO Convite 2011

NÚCLEOS DE ENSINO Convite 2011 A Reitoria, por intermédio da Pró-Reitoria de Graduação PROGRAD, torna público e CONVIDA os professores da UNESP, interessados em Educação, a apresentarem propostas para obtenção de financiamento de projetos

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA TECNOLOGIA DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA TECNOLOGIA DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO EDITAL DE INCENTIVO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS E TECNOLÓGICOS PARA SERVIDORES DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAPÁ (IFAP) - XI EDIÇÃO DO CONGRESSO NORTE- NORDESTE

Leia mais

CAPÍTLULO I OBJETIVOS DO PAIC

CAPÍTLULO I OBJETIVOS DO PAIC RESOLUÇÃO CEPE N 02/2017 O Presidente do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão CEPE, no uso da atribuição que lhe confere o inciso X do artigo 13 do Estatuto, conforme Processo CEPE 02/2017, baixa a

Leia mais

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DA ESCOLA DE NEGÓCIOS

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DA ESCOLA DE NEGÓCIOS 1 MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DA ESCOLA DE NEGÓCIOS PALMAS TO, 2015 2 1. AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Este manual define as orientações básicas das Atividades Complementares da Escola de Negócios

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR EDITAL SELIC 03/2016. IC Jr /2018

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR EDITAL SELIC 03/2016. IC Jr /2018 A SUB-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA (SR-2) abre as inscrições para solicitações de cota de bolsas do Programa de Bolsa-auxílio de Iniciação Científica Júnior IC Jr 2016/2018. 1. Apresentação A Iniciação

Leia mais

Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação. PIBITI/FUNTELL Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Tecnológica e Inovação/FUNTELL/CNPq

Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação. PIBITI/FUNTELL Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Tecnológica e Inovação/FUNTELL/CNPq Edital nº 004/2014 de Pré-seleção de alunos para o CNPq CRONOGRAMA DATA HORA EVENTO 06/10/2014 17h LANÇAMENTO DO EDITAL De 06/10/2014 até 17 horas de RECEBIMENTO DE INSCRIÇÕES 14/10/2014 17/10/2014 17h

Leia mais

TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) REGIMENTO E ATIVIDADES A SEREM DESENVOLVIDAS

TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) REGIMENTO E ATIVIDADES A SEREM DESENVOLVIDAS TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) REGIMENTO E ATIVIDADES A SEREM DESENVOLVIDAS 1. INTRODUÇÃO O TCC consiste do trabalho de conclusão de curso sobre uma pesquisa direcionada para as básicas e aplicadas

Leia mais

REGULAMENTO DA MONITORIA. para o exercício da Monitoria nos Cursos de Graduação da Universidade Iguaçu. discentes; magistério superior.

REGULAMENTO DA MONITORIA. para o exercício da Monitoria nos Cursos de Graduação da Universidade Iguaçu. discentes; magistério superior. i.e PRÓ-REITORIA ACADÊMICA REGULAMENTO DA MONITORIA Art. 1º. O presente regulamento estabelece as regras para o exercício da Monitoria nos Cursos de Graduação da Universidade Iguaçu UNIG, por meio de programas

Leia mais

OBJETIVOS UNIDADES PARTICIPANTES. Todas as Unidades da UPE. REQUISITOS PARA INSCRIÇÃO ORIENTADORES:

OBJETIVOS UNIDADES PARTICIPANTES. Todas as Unidades da UPE. REQUISITOS PARA INSCRIÇÃO ORIENTADORES: PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA COORDENAÇÃO GERAL DE PESQUISA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UPE EDITAL IC PFAUPE 2015 OBJETIVOS Promover o interesse pela pesquisa

Leia mais

UNIVERSIDADE ANHANGUERA-UNIDERP PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROPP

UNIVERSIDADE ANHANGUERA-UNIDERP PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROPP UNIVERSIDADE ANHANGUERA-UNIDERP PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROPP EDITAL Nº. 008/PROPP/2013 CHAMADA DE PROJETOS DE PESQUISA CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA GRADUAÇÃO O Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-Graduação

Leia mais

PACTEC PROGRAMA DE APOIO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO E CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU

PACTEC PROGRAMA DE APOIO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO E CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU DIREÇÃO ACADÊMICA PACTEC PROGRAMA DE APOIO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO E CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU Bacabal 2016 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE APOIO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO E CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO

Leia mais

EDITAL Nº102/ o orientador deve compor o quadro efetivo, pertencer à Carreira Docente da PUC Minas e ter titulação mínima de Mestre;

EDITAL Nº102/ o orientador deve compor o quadro efetivo, pertencer à Carreira Docente da PUC Minas e ter titulação mínima de Mestre; 1 EDITAL Nº102/2017 PROCESSO DE SELEÇÃO DE PROPOSTAS PARA O PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA (PROBIC/FAPEMIG) APRESENTADAS POR ALUNOS DE CURSOS DE GRADUAÇÃO DA PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO NORMAS GERAIS DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO I. Do conteúdo do Trabalho de Conclusão de Curso. Art. 1º O Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), consiste na elaboração de um trabalho final, individual,

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VOLUNTÁRIO PIC ARQUITETURA E URBANISMO/UniCEUB EDITAL DE 2017

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VOLUNTÁRIO PIC ARQUITETURA E URBANISMO/UniCEUB EDITAL DE 2017 PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VOLUNTÁRIO PIC ARQUITETURA E URBANISMO/UniCEUB EDITAL DE 2017 O reitor do Centro Universitário de Brasília UniCEUB, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, torna

Leia mais

Instrução Normativa PROPPI nº 007, de 20 de novembro de Retificada em 08 de julho de 2016.

Instrução Normativa PROPPI nº 007, de 20 de novembro de Retificada em 08 de julho de 2016. Instrução Normativa PROPPI nº 007, de 20 de novembro de 2014. Retificada em 08 de julho de 2016. Regulamenta o Programa Institucional de Iniciação Científica e Tecnológica Voluntário. Art. 1º O Programa

Leia mais

EDITAL DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA FAMINAS-BH 2016

EDITAL DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA FAMINAS-BH 2016 EDITAL DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA FAMINAS-BH 2016 CHAMADA PARA O PROCESSO DE INSCRIÇÃO 2016 DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA FAMINAS BH DETALHAMENTO

Leia mais

EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM 003/2016

EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM 003/2016 EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM 003/2016 Chamada para submissão de Projetos de Iniciação Científica e Tecnológica A Direção Geral da FACULDADE

Leia mais

Regulamento Interno PRINCÍPIOS DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

Regulamento Interno PRINCÍPIOS DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA Regulamento Interno Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica do Instituto de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá I. CONSIDERAÇÕES GERAIS ART. 1º - Este regulamento tem por objetivo orientar

Leia mais

Faculdade Estácio de Sá de Juiz de Fora Direção Acadêmica

Faculdade Estácio de Sá de Juiz de Fora Direção Acadêmica Faculdade Estácio de Sá de Juiz de Fora Direção Acadêmica EDITAL Nº. 04 / 2010 Programa de Iniciação Científica PIC Programa de Extensão Acadêmica PEA Objetivos A Faculdade Estácio de Sá de Juiz de Fora,

Leia mais

EDITAL N º 134/2017 APOIO À REALIZAÇÃO DE SEMANAS ACADÊMICAS NOS CAMPI DO INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE

EDITAL N º 134/2017 APOIO À REALIZAÇÃO DE SEMANAS ACADÊMICAS NOS CAMPI DO INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE EDITAL N º 134/2017 APOIO À REALIZAÇÃO DE SEMANAS ACADÊMICAS NOS CAMPI DO A reitora do Instituto Federal Catarinense (IFC), professora Sônia Regina de Souza Fernandes, no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

LIGA DE ENSINO DO RIO GRANDE DO NORTE CENTRO UNIVERSITÁRIO DO RIO GRANDE DO NORTE

LIGA DE ENSINO DO RIO GRANDE DO NORTE CENTRO UNIVERSITÁRIO DO RIO GRANDE DO NORTE LIGA DE ENSINO DO RIO GRANDE DO NORTE CENTRO UNIVERSITÁRIO DO RIO GRANDE DO NORTE EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS E DISTRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROCESSO SELETIVO 2017 O Reitor do Centro

Leia mais