ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa"

Transcrição

1 ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa RESOLUÇÃO DE MESA Nº 973/2010. (publicada no DOAL nº 9757, de 14 de maio de 2010) Dispõe sobre a concessão e pagamento de diárias e deslocamento no âmbito do Poder Legislativo. A MESA DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, no uso de suas atribuições legais, CONSIDERANDO a edição da Resolução n.º 73/2009, pelo Conselho Nacional de Justiça, órgão de correição institucional do Poder Judiciário brasileiro; CONSIDERANDO a edição da Resolução n.º 48/2009, pelo Conselho Nacional do Ministério Público, órgão de fiscalização institucional da Procuradoria da República e Procuradorias de Justiça dos Estados; CONSIDERANDO que a Administração Pública direta e indireta deve observância aos princípios da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência; CONSIDERANDO que deve haver compatibilidade entre o motivo do deslocamento e o interesse público; CONSIDERANDO a ocorrência do controle externo pelo Tribunal de Contas do Estado quanto ao aspecto financeiro da concessão e pagamento das diárias, bem como o teor da Instrução normativa n.º 2/2010 daquela Corte; CONSIDERANDO a necessidade de uniformização das regras gerais para a concessão e pagamento de diárias e deslocamento no âmbito do Poder Legislativo; CONSIDERANDO o caráter indenizatório do pagamento de diárias que se destina a custear alimentação, hospedagem e locomoção urbana, em missão parlamentar ou institucional fora da cidade de Porto Alegre, sede da Assembleia Legislativa; CONSIDERANDO os termos do Parecer n.º 6.569/2010 da douta Procuradoria Jurídica da Assembléia Legislativa; CONSIDERANDO as posições da Contadoria e Auditoria-Geral do Estado por parte da sua Contadoria Seccional junto ao Poder Legislativo. RESOLVE: Art. 1.º Esta Resolução de Mesa regulamenta a concessão e o pagamento de diárias, bem como a comprovação dos gastos de deslocamento aos Deputados Estaduais e servidores 1

2 públicos, efetivos, estabilizados, comissionados e adidos, observando os critérios definidos na presente Resolução. Art. 2.º O Deputado ou o servidor que se deslocar, a serviço parlamentar ou institucional, em caráter eventual ou transitório, da cidade de Porto Alegre para outro ponto do Estado, do território nacional ou para o exterior, terá direito à percepção de diárias, sem prejuízo do fornecimento de passagens ou do pagamento de indenização de transporte devidamente contratado. Art. 3.º A concessão e o pagamento de diárias pressupõem obrigatoriamente: I - compatibilidade dos motivos do deslocamento com o interesse público; II - correlação entre o motivo do deslocamento e as atribuições do cargo efetivo ou adido, ou ainda em face das atividades desempenhadas no exercício da função gratificada ou do cargo em comissão; III - publicação de relatório resumido dos totais de atos concessivos de diárias no Diário Oficial da Assembleia Legislativa ou outra forma de publicidade via web, referindo à origem por: a) Mesa; b) Comissões Parlamentares, permanentes, mistas e temporárias; c) Gabinetes Parlamentares; d) Coordenadorias de Bancada; e) Superintendências. IV - comprovação do deslocamento e da atividade desempenhada. Parágrafo único. Competirá às Secretarias da Mesa, conforme organização interna, a gestão dos processos concessivos de diárias, prévias ou vencidas, que conterão: I - o nome do Deputado ou servidor; II - o respectivo cargo ou função; III - o destino; IV - a atividade desenvolvida e o período de afastamento; V - a comprovação do pagamento de indenização veicular por deslocamento, conforme prévio contrato mantido com a Assembleia Legislativa. Art. 4.º As diárias, incluindo-se a data de partida e a de chegada, destinam-se a indenizar o Deputado ou o servidor das despesas concernentes com alimentação, hospedagem e locomoção urbana. Parágrafo único. As propostas de concessão de diárias, quando o afastamento iniciar-se às sextas-feiras, bem como as que incluam sábados, domingos e feriados, conterão a indicação do roteiro completo a ser cumprido pelo parlamentar. Art. 5.º A comprovação da efetiva utilização das diárias de viagem, pelos Deputados, será realizada, no prazo de 10 (dez) dias do retorno, da seguinte forma: I - nas viagens aéreas: a) relatório motivacional sintético de viagem, a ser apresentado à Primeira Secretaria; b) comprovante de embarque aéreo; 2

3 II - viagens rodoviárias: relatório motivacional sintético de viagem, em formulário padronizado, contendo dados da localidade visitado, do período da viagem e, resumidamente, da atividade desenvolvida, acompanhado, alternativamente de: 1. comprovante fiscal de abastecimento veicular em nome do Deputado; 2. documento tipográfico ou impresso, comprobatório de operação fiscal de qualquer natureza, referente a hospedagem ou fornecimento de alimentação in natura ou preparada, emitido por estabelecimento comercial ou de prestação de serviços, onde conste expressamente, como tomador ou consumidor, o nome do Deputado; 3. certidão emitida por órgão ou entidade pública comprovando o comparecimento do Deputado, em face do disposto no inciso II do art. 19 da Constituição Federal de º Nas hipóteses em que o deslocamento se destine à participação em cursos, seminários, congressos ou outros assemelhados, o Deputado deverá apresentar cópia do respectivo certificado, diploma ou correlato. 2.º O documento referente a hospedagem, para fins do inciso I do art. 15, poderá atestar o período total de afastamento; sendo que o documento concernente a alimentação, para fins do inciso II do art. 15, será exigido por dia de afastamento. Art. 6.º A comprovação da efetiva utilização das diárias de viagem, pelos servidores, no prazo dez (10) dias do retorno, será realizada por meio de relatório descritivo das atividades desenvolvidas diariamente na viagem, a ser controlado pela Primeira Secretaria, junto com um dos seguintes documentos: I - viagens aéreas: a) comprovante de embarque aéreo; b) cópia do certificado, diploma ou correlato, referente a curso, seminários, congressos e outros assemelhados, quando cabível; II - viagens rodoviárias, alternativamente: a) comprovante fiscal de abastecimento veicular em nome do servidor; b) documento tipográfico ou impresso, comprobatório de operação fiscal de qualquer natureza, referente a hospedagem ou fornecimento de alimentação in natura ou preparada, emitido por estabelecimento comercial ou de prestação de serviços, onde conste expressamente, como tomador ou consumidor, o nome do servidor; c) cópia do certificado, diploma ou correlato, referente a curso, seminários, congressos e outros assemelhados, quando cabível. Parágrafo único. O documento referente a hospedagem, para fins do inciso I do art. 15, poderá atestar o período total de afastamento, sendo que o documento concernente a alimentação, para fins do inciso II do art. 15, será exigido por dia de afastamento. Art. 7.º Os valores das diárias concedidas aos Deputados são aqueles a que se refere a Resolução de Mesa n.º 695/2006, e alterações, não podendo ultrapassar as pagas aos membros do Congresso Nacional. Art. 8.º Em viagem ao território nacional, o valor da diária será reduzido à metade nos seguintes casos: I - quando o afastamento não exigir pernoite fora da sede; II - na data do retorno à sede, nos termos do inc. II do art. 15 desta Resolução; 3

4 III - quando fornecido alojamento ou outra forma de hospedagem, mediante dotação orçamentária própria, de órgão ou entidade da Administração Pública Municipal, Estadual ou Federal, devidamente comunicada a Assembleia Legislativa. Art. 9.º As diárias serão restituídas ao erário nas seguintes hipóteses: I - não realização do deslocamento, com devolução integral do valor percebido, se for o caso; II - retorno antecipado do Deputado ou servidor, com devolução proporcional do valor percebido; III - outras hipóteses que não justifiquem o pagamento da verba indenizatória, inclusive glosa do controle interno ou do ordenador de despesa. 1.º O Deputado ou servidor que receber diárias antecipadas e não se afastar da sede, por qualquer motivo, fica obrigado a restituir os respectivos valores, integralmente, no prazo de cinco (05) dias, a contar da data prevista para o início do afastamento. 2.º Serão igualmente restituídas, em 5 (cinco) dias contados da data do retorno à sede originária de serviço, as diárias recebidas em excesso. Art. 10. Não havendo restituição das diárias recebidas indevidamente, no prazo de 5 (cinco) dias úteis, o beneficiário estará sujeito ao desconto do respectivo valor em folha de pagamento do respectivo mês ou, não sendo possível, no mês imediatamente subsequente, independentemente de eventual sanção administrativa, inclusive sob forma de multa. Parágrafo único. A restituição intempestiva das diárias ensejará a aplicação de multa administrativa de 2% (dois por cento) do valor devido e juros de mora à razão de 1% (um por cento) ao mês, e atualização dos respectivos valores pelo Índice Geral de Preços de Mercado - IGPM. Art. 11. As diárias internacionais serão concedidas a partir da data do afastamento do território nacional e contadas integralmente do dia da partida até o dia do retorno, inclusive. 1.º Exigindo o afastamento pernoite em território nacional, fora da sede do serviço, será devida diária integral, conforme valores devidos em diárias nacionais. 2.º Conceder-se-á diária nacional integral quando o retorno à sede acontecer no dia seguinte ao da chegada no território nacional. 3º O valor da diária será reduzido à metade, nas hipóteses dos 1.º e 2.º, desde que fornecido ao Deputado ou servidor alojamento ou outra forma de hospedagem, mediante dotação orçamentária própria, de órgão ou entidade da Administração Pública Municipal, Estadual ou Federal. Art. 12. As diárias internacionais poderão ter valor fixado de forma diferenciada, inclusive em moeda estrangeira, considerando-se as peculiaridades econômicas do país de destino quanto aos custos de hospedagem, alimentação e deslocamento urbano. 4

5 Parágrafo único. Aplicam-se à diária internacional os mesmos critérios fixados para a concessão, pagamento e restituição das diárias pagas no território nacional. Art. 13. Compete à Primeira Secretaria, no prazo de 90 (noventa) dias, apresentar à Mesa anteprojeto de consolidação das normas referentes à concessão e pagamento de diárias, a ser elaborado pelo Gabinete de Consultoria Legislativa. Parágrafo único. A Superintendência Administrativa e Financeira providenciará a imediata adequação dos sistemas informatizados de solicitação, acompanhamento, concessão e prestação de contas das diárias de viagens e autorização de indenização por uso de veículo particular. Art. 14. Não são devidas diárias de viagens nos deslocamento a Municípios localizados a menos de 80 (oitenta) quilômetros de Porto Alegre. Parágrafo único. Para fins de apuração da distância rodoviária oficial serão considerados os percursos estabelecidos pelo Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem do Estado do Rio Grande do Sul. Art. 15. As diárias a que se referem a Resolução de Mesa n.º 695/06 e posteriores, observados seus valores estadual e nacional, obedecerão dois critérios distintos: I - diárias de viagem com pernoite, destinadas a suportar os gastos com alimentação, hospedagem e deslocamento urbano; II - diárias de viagem sem pernoite, destinadas a suportar os gastos com alimentação e deslocamento urbano. Parágrafo único. Para fins de apuração do quantitativo global de diárias a que se que se refere a Resolução de Mesa n.º 695/2006, as diárias sem pernoite serão consideradas como "meia diária", e as diárias com pernoite como "diária integral", mantidos, para quaisquer fins, os limites totais de gastos nela estabelecidos. Art. 16. Qualquer irregularidade verificada no documento fiscal apresentado para fins de comprovação do deslocamento, consoante a legislação do ICMS ou do ISS, será comunicada pela Mesa, mensalmente, ao órgão fazendário de origem do respectivo tributo, não cabendo qualquer responsabilidade ao seu usuário, salvo na hipótese de verificação de conduta dolosa. Art. 17. Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos a 1.º de fevereiro de Art. 18. Revogam-se as disposições em contrário, em especial os seguintes dispositivos da Resolução de Mesa n.º 695, de 28 de março de 2006: I - 4.º e 5.º do art. 2.º; II - 1.º, 2.º e 3.º do art. 8.º; III - artigo 11 e seu parágrafo único; IV - art. 12; e V - art. 13. Sala de Reuniões, em 11 de maio de

6 FIM DO DOCUMENTO 6

Estado do Piauí Tribunal de Contas

Estado do Piauí Tribunal de Contas Resolução nº 903/09, de 16 de setembro de 2009. Dispõe sobre a concessão de diárias no âmbito do Tribunal de Contas do Estado do Piauí. O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO PIAUÍ, no uso de suas atribuições

Leia mais

PORTARIA Nº 214, DE 01 DE JULHO DE 2015.

PORTARIA Nº 214, DE 01 DE JULHO DE 2015. PORTARIA Nº 214, DE 01 DE JULHO DE 2015. Dispõe sobre a concessão de diárias de viagem e reembolso ao servidor público municipal e dá outras providenciais. O Diretor-Executivo do Instituto de Previdência

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 018/2013

RESOLUÇÃO Nº 018/2013 RESOLUÇÃO Nº 018/2013 Dispõe sobre a concessão e o pagamento de diárias a membros, servidores e colaboradores eventuais, no âmbito do Ministério Público do Estado do Espírito Santo e dá outras providências.

Leia mais

LEGISLAÇÃO SISTEMA DE CONCESSÃO DE DIÁRIAS E PASSAGENS - SCDP

LEGISLAÇÃO SISTEMA DE CONCESSÃO DE DIÁRIAS E PASSAGENS - SCDP LEGISLAÇÃO SISTEMA DE CONCESSÃO DE DIÁRIAS E PASSAGENS - SCDP Art. 58ª LEI 8.112, 11 DEZEMBRO DE 1990 O Servidor que, a serviço, afastar-se da sede em caráter eventual ou transitório para outro ponto do

Leia mais

PORTARIA N 001/2014, DE 31 DE OUTUBRO DE 2014.

PORTARIA N 001/2014, DE 31 DE OUTUBRO DE 2014. PORTARIA N 001/2014, DE 31 DE OUTUBRO DE 2014. Dispõe sobre a concessão e pagamento de diárias no âmbito da Fundação de Educação Tecnológica e Cultural da Paraíba FUNETEC-PB. O SUPERINTENDENTE da Fundação

Leia mais

* DECRETO Nº , DE 12 DE ABRIL DE 2010

* DECRETO Nº , DE 12 DE ABRIL DE 2010 Governo do Estado do Rio Grande do Norte Gabinete Civil Coordenadoria de Controle dos Atos Governamentais * DECRETO Nº 21.626, DE 12 DE ABRIL DE 2010 Dispõe sobre a concessão de diárias na administração

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAPORÃ GABINETE DO PREFEITO Administração 2013/2016. Um Novo Tempo. Uma Cidade Para Todos.

ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAPORÃ GABINETE DO PREFEITO Administração 2013/2016. Um Novo Tempo. Uma Cidade Para Todos. LEI N.º 2290/2013 DISPOE SOBRE A CONCESSÃO DE DIARIAS AOS AGENTES POLITICOS E SERVIDORES DO PODER EXECUTIVO MUNICIPAL E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. Wallas Gonçalves Milfont, Prefeito Municipal de Itaporã-MS,

Leia mais

DECRETO ADMINISTRATIVO N. 121, DE 3 DE MAIO DE 2006. Publicado no Diário da Assembléia nº 1.478

DECRETO ADMINISTRATIVO N. 121, DE 3 DE MAIO DE 2006. Publicado no Diário da Assembléia nº 1.478 DECRETO ADMINISTRATIVO N. 121, DE 3 DE MAIO DE 2006. Publicado no Diário da Assembléia nº 1.478 O Presidente da Assembléia Legislativa do Estado do Tocantins, no uso de suas atribuições constitucionais,

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA N 005, de 29 de junho de FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO / CONTROLE INTERNO

INSTRUÇÃO NORMATIVA N 005, de 29 de junho de FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO / CONTROLE INTERNO INSTRUÇÃO NORMATIVA N 005, de 29 de junho de 2007. FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO / CONTROLE INTERNO Disciplina as propostas de concessão de recursos para

Leia mais

DECRETO Nº 5.992, DE 19 DE DEZEMBRO DE 2006

DECRETO Nº 5.992, DE 19 DE DEZEMBRO DE 2006 DECRETO Nº 5.992, DE 19 DE DEZEMBRO DE 2006 Dispõe sobre a concessão de diárias no âmbito da administração federal direta, autárquica e fundacional, e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA,

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DO RIO DE JANEIRO CRA/RJ RESOLUÇÃO NORMATIVA CRA/RJ Nº 261, DE 23 DE JANEIRO DE 2015.

CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DO RIO DE JANEIRO CRA/RJ RESOLUÇÃO NORMATIVA CRA/RJ Nº 261, DE 23 DE JANEIRO DE 2015. RESOLUÇÃO NORMATIVA CRA/RJ Nº 261, DE 23 DE JANEIRO DE 2015. Dispõe sobre o pagamento de diárias regionais para atendimento de despesas de conselheiros, empregados e de colaboradores do CRA/RJ e dá outras

Leia mais

Resolução CRM-PB nº 177/2016 (Publicada no DOU de 08/04/2016, Seção 01, fls 200/201)

Resolução CRM-PB nº 177/2016 (Publicada no DOU de 08/04/2016, Seção 01, fls 200/201) Resolução CRM-PB nº 177/2016 (Publicada no DOU de 08/04/2016, Seção 01, fls 200/201) Revoga a Resolução CRM-PB nº 163/2014, bem como regulamenta os procedimentos para pagamentos de diárias, auxílios de

Leia mais

DECRETO ADMINISTRATIVO N.º 104, DE 26 DE JANEIRO DE Publicado no Diário da Assembleia nº 2.180

DECRETO ADMINISTRATIVO N.º 104, DE 26 DE JANEIRO DE Publicado no Diário da Assembleia nº 2.180 DECRETO ADMINISTRATIVO N.º 104, DE 26 DE JANEIRO DE 2015. Publicado no Diário da Assembleia nº 2.180 O Presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Tocantins, no uso de suas atribuições constitucionais,

Leia mais

RESOLUÇÃO N 06/2015/CONSUP/IFAP, DE 23 DE FEVEREIRO DE 2015.

RESOLUÇÃO N 06/2015/CONSUP/IFAP, DE 23 DE FEVEREIRO DE 2015. RESOLUÇÃO N 06/2015/CONSUP/IFAP, DE 23 DE FEVEREIRO DE 2015. Aprova o PROGRAMA DE BOLSA-AUXÍLIO À PÓS- GRADUAÇÃO AOS SERVIDORES do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amapá IFAP. O PRESIDENTE

Leia mais

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES DO MUNICÍPIO DE GUARAPARI / ES IPG

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES DO MUNICÍPIO DE GUARAPARI / ES IPG INSTRUÇÃO NORMATIVA N.º 001/2010 DISPÕE SOBRE OS PROCEDIMENTOS PARA A REALIZAÇÃO DE DESPESAS COM A CONCESSÃO DE PASSAGENS, DIÁRIAS E REEMBOLSO AOS SERVIDORES E CONSELHEIROS DESTA AUTARQUIA E ESTABELECE

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO CÂMARA MUNICIPAL DE ITIQUIRA CNPJ: /

ESTADO DE MATO GROSSO CÂMARA MUNICIPAL DE ITIQUIRA CNPJ: / INSTRUÇÃO NORMATIVA SISTEMA DE CONTROLE INTERNO SCI -N.º 003/2014 Versão: 003 Data de Aprovação: 10/12/2014 Ato Aprovação: Decreto 006/2014 Unidade Responsável: Coordenadoria de Controle Interno Unidade

Leia mais

Processo n. 109.169/07 CONTRATO N. 2008/225.0

Processo n. 109.169/07 CONTRATO N. 2008/225.0 Processo n. 109.169/07 CONTRATO N. 2008/225.0 CONTRATO CELEBRADO ENTRE A CÂMARA DOS DEPUTADOS E A CAPITAL EMPRESA DE SERVIÇOS GERAIS LTDA., PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MICROFILMAGEM E DIGITALIZAÇÃO DE

Leia mais

LEI Nº 8.460, DE 17 DE SETEMBRO DE 1992. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte lei:

LEI Nº 8.460, DE 17 DE SETEMBRO DE 1992. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte lei: LEI Nº 8.460, DE 17 DE SETEMBRO DE 1992. Mensagem de veto Texto compilado Concede antecipação de reajuste de vencimentos e de soldos dos servidores civis e militares do Poder Executivo e dá outras providências.

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CARMO DA CACHOEIRA ESTADO DE MINAS GERAIS GABINETE DO PREFEITO

PREFEITURA MUNICIPAL DE CARMO DA CACHOEIRA ESTADO DE MINAS GERAIS GABINETE DO PREFEITO 1 Projeto de Lei n.º 68, de 03 de março de 2010. Dispõe sobre concessão de diárias dos servidores do poder executivo, membros dos conselhos municipais e tutelar, membros do Controle interno, prefeito e

Leia mais

CURSO DE DIÁRIAS E PASSAGENS. Promovido pela CGP do Campus Araranguá em 14/05/2009.

CURSO DE DIÁRIAS E PASSAGENS. Promovido pela CGP do Campus Araranguá em 14/05/2009. CURSO DE DIÁRIAS E PASSAGENS Promovido pela CGP do Campus Araranguá em 14/05/2009. CURSO DE DÁRIAS E PASSAGENS Promovido pela Coordenação de Gestão de Pessoas - Campus Araranguá 14 de maio de 2009 OBJETIVO

Leia mais

Prefeitura Municipal de Conceição da Feira-BA

Prefeitura Municipal de Conceição da Feira-BA ANO. 2015 DO MUNICÍPIO DE CONCEIÇÃO DA FEIRA - BAHIA PODER EXECUTIVO 1 A Prefeitura Municipal de Conceição da Feira, Estado Da Bahia Visando a Transparência dos Seus Atos Vem PUBLICAR. LEI Nº. 676/2015,

Leia mais

SENADO FEDERAL PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 732, DE 2011

SENADO FEDERAL PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 732, DE 2011 SENADO FEDERAL PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 732, DE 2011 Altera o 2º do art. 4º da Lei nº 10.522, de 19 de julho de 2002, que dispõe sobre o cadastro informativo dos créditos não quitados de órgãos e entidades

Leia mais

PODER EXECUTIVO PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE NOVA MAMORÉ GABINETE DO PREFEITO

PODER EXECUTIVO PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE NOVA MAMORÉ GABINETE DO PREFEITO Dispõe sobre o Regulamento de Diárias e dá Outras Providências. O Prefeito do Município de Nova Mamoré, no uso de suas atribuições legais, faz saber que a Câmara Municipal aprovou e ele sanciona a seguinte:

Leia mais

Orientações para solicitação de Diárias e Passagens

Orientações para solicitação de Diárias e Passagens Orientações para solicitação de Diárias e Passagens 1 ORIENTAÇÕES PARA SOLICITAÇÃO DE DIÁRIAS A Requisição de Diárias pressupõe o atendimento ao Decreto n 343 de 19 de novembro de 1991, que apresenta em

Leia mais

IV local para onde o empregado irá se deslocar;

IV local para onde o empregado irá se deslocar; Alterada pela resoução 23/2007 RESOLUÇÃO OABMS Nº 16/2007 Estabelece as condições para pagamento de diárias a empregados da Seção da Ordem dos Advogados do Brasil de Mato Grosso do Sul nos deslocamentos

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 37, DE 18 DE NOVEMBRO DE A CÂMARA MUNICIPAL DE GUAÍRA APROVA:

PROJETO DE LEI Nº 37, DE 18 DE NOVEMBRO DE A CÂMARA MUNICIPAL DE GUAÍRA APROVA: PROJETO DE LEI Nº 37, DE 18 DE NOVEMBRO DE 2016. Dispõe sobre a concessão de diárias de viagens e dá outras providências. A CÂMARA MUNICIPAL DE GUAÍRA APROVA: Art. 1º A concessão de diárias aos servidores

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA SOLICITAÇÃO DE DIÁRIAS E PASSAGENS NO SCDP VIAGENS INTERNACIONAIS

ORIENTAÇÕES PARA SOLICITAÇÃO DE DIÁRIAS E PASSAGENS NO SCDP VIAGENS INTERNACIONAIS ORIENTAÇÕES PARA SOLICITAÇÃO DE DIÁRIAS E PASSAGENS NO SCDP VIAGENS INTERNACIONAIS OBJETIVO Estas instruções foram elaboradas com o objetivo de orientar os servidores, docentes e técnico-administrativos,

Leia mais

PROJETO DE RESOLUÇÃO Nº 04 DE 26 DE ABRIL DE A Câmara Municipal de Guaíra resolve:

PROJETO DE RESOLUÇÃO Nº 04 DE 26 DE ABRIL DE A Câmara Municipal de Guaíra resolve: PROJETO DE RESOLUÇÃO Nº 04 DE 26 DE ABRIL DE 2016 Regulamenta a prestação de contas de adiantamentos para as despesas com viagens dos vereadores e servidores; e dá outras providências. A Câmara Municipal

Leia mais

Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2006/decreto/d5992compilado.htm DECRETO Nº 5.992, DE 19 DE DEZEMBRO DE 2006. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no

Leia mais

DECRETO ADMINISTRATIVO N. 388, DE 31 DE MAIO DE 2007. Publicado no Diário da Assembléia nº 1.543

DECRETO ADMINISTRATIVO N. 388, DE 31 DE MAIO DE 2007. Publicado no Diário da Assembléia nº 1.543 DECRETO ADMINISTRATIVO N. 388, DE 31 DE MAIO DE 2007. Publicado no Diário da Assembléia nº 1.543 O Presidente da Assembléia Legislativa do Estado do Tocantins, no uso de suas atribuições constitucionais,

Leia mais

PORTARIA CAU/SP Nº: 023/2013

PORTARIA CAU/SP Nº: 023/2013 PORTARIA CAU/SP Nº: 023/2013 O Presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo de São Paulo - CAU/SP, no uso das atribuições legais previstas no artigo 35, inciso III da Lei 12.378/2010, artigo 22, alíneas

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO NORMA OPERACIONAL/PROAD/N 001, DE 03 DE JANEIRO DE 2013 Disciplina os procedimentos para

Leia mais

Dispõe sobre autorização de afastamento do País de servidores e empregados do Ministério da Fazenda e suas entidades vinculadas.

Dispõe sobre autorização de afastamento do País de servidores e empregados do Ministério da Fazenda e suas entidades vinculadas. PORTARIA MF Nº 160, DE 6 DE MAIO DE 2016 DOU de 09.05.2016 Dispõe sobre autorização de afastamento do País de servidores e empregados do Ministério da Fazenda e suas entidades vinculadas. O MINISTRO DE

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 198, DE 20 DE JULHO DE 2015

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 198, DE 20 DE JULHO DE 2015 Publicada no Boletim de Serviço, n. 8, p. 17-22 em 7/8/2015. INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 198, DE 20 DE JULHO DE 2015 Regulamenta a licença para tratamento de saúde e a licença por motivo de doença em pessoa

Leia mais

ESTADO DE ALAGOAS GABINETE DO GOVERNADOR

ESTADO DE ALAGOAS GABINETE DO GOVERNADOR ECRETO Nº 4.459, E 26 E JANEIRO E 2010. ALTERA O REGULAMENTO O ICMS, APROVAO PELO ECRETO Nº 35.245, E 26 E EZEMBRO E 1991, PARA IMPLEMENTAR AS ISPOSIÇÕES O CONVÊNIO ICMS Nº 84, E O AJUSTE SINIEF Nº 11,

Leia mais

PORTARIA N.º 21/2014

PORTARIA N.º 21/2014 PORTARIA N.º 21/2014 Dispõe sobre os procedimentos e requisitos para a concessão de diárias e aquisição de passagens no âmbito do Instituto Rui Barbosa IRB e dá outras providências. O PRESIDENTE DO INSTITUTO

Leia mais

HWPFCÑ Q"QUYCNFQ"ETW\" FKTGVQTKC"FG"TGEWTUQU"JWOCPQU"

HWPFCÑ QQUYCNFQETW\ FKTGVQTKCFGTGEWTUQUJWOCPQU HWPFCÑ Q"QUYCNFQ"ETW\" FKTGVQTKC"FG"TGEWTUQU"JWOCPQU" PQTOC"QRGTCEKQPCN"P "225" "FKTGJ."FG"4;"FG"LWNJQ"FG"42270" " Regulamenta a concessão do Auxílio Transporte aos servidores da Fundação Oswaldo Cruz.

Leia mais

Portaria da EPSJV 023/2012-DIR/EPSJV. O Diretor da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, no uso de suas atribuições, RESOLVE: 1.

Portaria da EPSJV 023/2012-DIR/EPSJV. O Diretor da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, no uso de suas atribuições, RESOLVE: 1. 01 O Diretor da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, no uso de suas atribuições, 1. DOS OBJETIVOS RESOLVE: Normatizar o pagamento da Gratificação por Encargo de Curso, no âmbito da Escola Politécnica

Leia mais

RESOLUGÃO CFP N 002/98 de 19 de abril de 1998. O CONSELHO FEDERAL DE PSICOLOGIA, no uso de suas atribuições legais e regimentais,

RESOLUGÃO CFP N 002/98 de 19 de abril de 1998. O CONSELHO FEDERAL DE PSICOLOGIA, no uso de suas atribuições legais e regimentais, RESOLUGÃO CFP N 002/98 de 19 de abril de 1998 "Altera a Consolidação das Resoluções do Conselho Federal de Psicologia, aprovada pela Resolução CFP N 004/86, de 19 de outubro de 1986." O CONSELHO FEDERAL

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 23.380. Dispõe sobre o Adicional de Qualificação no âmbito da Justiça Eleitoral.

RESOLUÇÃO Nº 23.380. Dispõe sobre o Adicional de Qualificação no âmbito da Justiça Eleitoral. Publicada no DJE/TSE nº 142, de 27/7/2012, p. 9/11 RESOLUÇÃO Nº 23.380 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 19.823 (29839-23.2007.6.00.0000) CLASSE 19 BRASÍLIA DF Relatora: Ministra Cármen Lúcia Interessado: Tribunal

Leia mais

FUNDAÇÃO UNIVERSITÁRIA DE DESENVOLVIMENTO DE EXTENSÃO E PESQUISA FUNDEPES CONSELHO DELIBERATIVO RESOLUÇÃO Nº 04/2008

FUNDAÇÃO UNIVERSITÁRIA DE DESENVOLVIMENTO DE EXTENSÃO E PESQUISA FUNDEPES CONSELHO DELIBERATIVO RESOLUÇÃO Nº 04/2008 FUNDAÇÃO UNIVERSITÁRIA DE DESENVOLVIMENTO DE EXTENSÃO E PESQUISA FUNDEPES CONSELHO DELIBERATIVO RESOLUÇÃO Nº 04/2008 REGULAMENTA A CONCESSÃO DE DIÁRIAS E DE AUXÍLIO FINANCEIRO A ESTUDANTES PELA FUNDAÇÃO

Leia mais

PORTARIA N. 1/2016. Art. 3º A diária de viagem será paga em pecúnia e terá caráter indenizatório.

PORTARIA N. 1/2016. Art. 3º A diária de viagem será paga em pecúnia e terá caráter indenizatório. PORTARIA N. 1/2016 Dispõe sobre os procedimentos e requisitos para a concessão de diárias e aquisição de passagens no âmbito do Instituto Rui Barbosa IRB e dá outras providências. O Presidente do Instituto

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 104-CONSELHO SUPERIOR, de 08 de outubro de 2012.

RESOLUÇÃO Nº 104-CONSELHO SUPERIOR, de 08 de outubro de 2012. RESOLUÇÃO Nº 104-CONSELHO SUPERIOR, de 08 de outubro de 2012. APROVA O REGULAMENTO GERAL PARA AFASTAMENTO DE SERVIDOR DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RORAIMA- IFRR, PARA MISSÃO

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE MATO GROSSO PORTARIA Nº 276/2012

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE MATO GROSSO PORTARIA Nº 276/2012 TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE MATO GROSSO PORTARIA Nº 276/2012 Dispõe sobre a requisição de técnicos para realização do exame das prestações de contas de candidatos e de comitês financeiros nas campanhas

Leia mais

PEDIDO DE RECONSIDERAÇÃO

PEDIDO DE RECONSIDERAÇÃO PRESTAÇÃO ANUAL DE CONTAS Processo TCM nº 07970-14 Exercício Financeiro de 2013 Prefeitura Municipal de POÇÕES Gestor: Otto Wagner de Magalhães Relator Cons. Paolo Marconi PEDIDO DE RECONSIDERAÇÃO O Parecer

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE PORTO VELHO

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE PORTO VELHO DECRETO Nº 13.178, DE 30 DE AGOSTO DE 2013. Dispõe sobre a concessão de diárias no âmbito da administração municipal direta, autárquica, fundacional e das empresas públicas e dá outras providências. O

Leia mais

NORMAS PARA VIAGEM A SERVIÇO NA AMBEP

NORMAS PARA VIAGEM A SERVIÇO NA AMBEP NORMAS PARA VIAGEM A SERVIÇO NA AMBEP Estas Normas estabelecem os procedimentos relativos à concessão de adiantamento de diárias, fornecimento de passagens e cobertura de diversas despesas de viagem realizadas

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 010/2009/SAD, DE 09 DE DEZEMBRO DE 2009.

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 010/2009/SAD, DE 09 DE DEZEMBRO DE 2009. INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 010/2009/SAD, DE 09 DE DEZEMBRO DE 2009. Dispõe sobre os procedimentos para a operacionalização do sistema de serviço de armazenamento, transporte, distribuição e seguro, com gestão

Leia mais

CEBGAS Companhia Brasiliense de Gás

CEBGAS Companhia Brasiliense de Gás REGULAMENTO PARA CADASTRAMENTO E CLASSIFICAÇÃO DE POSTOSREVENDEDORES DE COMBUSTÍVEIS PARA FORNECIMENTO DE GÁS NATURAL VEICULAR GNV, PROVENIENTE DO GÁS NATURAL LIQUEFEITO - GNL Considerando que a Companhia

Leia mais

1 Os contratos de que tratam o caput serão por prazo determinado, com duração de 12 (doze) meses, podendo ser renovado por prazo de igual período.

1 Os contratos de que tratam o caput serão por prazo determinado, com duração de 12 (doze) meses, podendo ser renovado por prazo de igual período. LEI COMPLEMENTAR Nº 250 DE 14 DE OUTUBRO DE 2014. REGULAMENTA A CONTRATAÇÃO DE AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE E DE PROGRAMAS PSF PROGRAMA DE SAÚDE DA FAMÍLIA E PACS PROGRAMA DOS AGENTES COMUNITÁRIOS DE

Leia mais

Manual para solicitação de Diárias,

Manual para solicitação de Diárias, ESTADO DE RONDÔNIA PODER JUDICIÁRIO Manual para solicitação de Diárias, IDI ou Passagens Aéreas 3ª edição/2014 Revisada e atualizada Manual para solicitação de diárias, IDI ou passagens aéreas Índice 1.

Leia mais

RESOLUÇÃO CREF13/BA-SE Nº 008/2016 DE 26 DE NOVEMBRO DE 2016.

RESOLUÇÃO CREF13/BA-SE Nº 008/2016 DE 26 DE NOVEMBRO DE 2016. RESOLUÇÃO CREF13/BA-SE Nº 008/2016 DE 26 DE NOVEMBRO DE 2016. DISPÕE SOBRE NORMAS, PAGAMENTO E CONCESSÃO DE DIÁRIAS, AJUDA DE CUSTO E VALORES CORRELATOS DO CONSELHO REGIONAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA DA 13ª REGIÃO

Leia mais

Gabinete do Prefeito DECRETO Nº 4049, DE 29 DE AGOSTO DE 2013.

Gabinete do Prefeito DECRETO Nº 4049, DE 29 DE AGOSTO DE 2013. 1 Gabinete do Prefeito DECRETO Nº 4049, DE 29 DE AGOSTO DE 2013. Regulamenta a Lei nº 9.322, de 25 de julho de 2013, que autoriza o Chefe do Executivo a Instituir o Programa Passe Livre Estudantil no âmbito

Leia mais

COMISSÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA, COMUNICAÇÃO E INFORMÁTICA PARECER AO PROJETO DE LEI Nº 6.162, DE 2002

COMISSÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA, COMUNICAÇÃO E INFORMÁTICA PARECER AO PROJETO DE LEI Nº 6.162, DE 2002 COMISSÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA, COMUNICAÇÃO E INFORMÁTICA PARECER AO PROJETO DE LEI Nº 6.162, DE 2002 Dispõe sobre incentivos fiscais para a capacitação tecnológica e para a produção nacional de materiais

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 3.354, DE 2015 (Do Sr. Luiz Nishimori)

PROJETO DE LEI N.º 3.354, DE 2015 (Do Sr. Luiz Nishimori) *C0057198A* C0057198A CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI N.º 3.354, DE 2015 (Do Sr. Luiz Nishimori) Dispõe sobre a concessão de visto permanente ao estrangeiro que invista e pretenda fixar-se no Brasil.

Leia mais

Instrução Normativa SRF nº 682, de 4 de outubro de 2006

Instrução Normativa SRF nº 682, de 4 de outubro de 2006 Instrução Normativa SRF nº 682, de 4 de outubro de 2006 DOU de 5.10.2006 Dispõe sobre a auditoria de sistemas informatizados de controle aduaneiro, estabelecidos para os recintos alfandegados e para os

Leia mais

O exame de processos de outorga de concessão deve conter em sua introdução as informações básicas relativas ao tipo de processo.

O exame de processos de outorga de concessão deve conter em sua introdução as informações básicas relativas ao tipo de processo. Tribunal de Contas da União MANUAL PARA INSTRUÇÃO DE PROCESSOS DE LICITAÇÃO PARA OUTORGA DE APROVEITAMENTOS HIDRELÉTRICOS E DE LINHAS DE TRANSMISSÃO 1 - INTRODUÇÃO 1.1. CARACTERÍSTICAS GERAIS O exame de

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 2.878. a) cláusulas e condições contratuais; c) divergências na execução dos serviços;

RESOLUÇÃO Nº 2.878. a) cláusulas e condições contratuais; c) divergências na execução dos serviços; RESOLUÇÃO Nº 2.878 Documento normativo revogado pela Resolução nº 3.694, de 26/3/2009. Dispõe sobre procedimentos a serem observados pelas instituições financeiras e demais instituições autorizadas a funcionar

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa DECRETO Nº 5.637, DE DE OUTUBRO DE 05. (republicado no DOE n.º 05, de 7 de outubro de 05) (vide abaixo publicação

Leia mais

Art. 1º. Fica autorizada a concessão de diárias aos Vereadores e Servidores da Câmara Municipal de Itapemirim, na forma expressa desta Lei.

Art. 1º. Fica autorizada a concessão de diárias aos Vereadores e Servidores da Câmara Municipal de Itapemirim, na forma expressa desta Lei. PROJETO DE LEI Nº /2016 Autor do Projeto: Mesa Diretora DISPÕE SOBRE A CONCESSÃO DE DIÁRIAS AOS VEREADORES E SERVIDORES DA CÂMARA MUNICIPAL DE ITAPEMIRIM, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. A MESA DIRETORA DA CÂMARA

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICÍPIO DE CANOAS

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICÍPIO DE CANOAS Mensagem nº 75, de 2011 Canoas, 13 de outubro de 2011. A Sua Excelência o Senhor Vereador César Augusto Ribas Moreira Presidente da Câmara Municipal de Canoas Canoas - RS Senhor Presidente, Na forma da

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CONCEIÇÃO DAS PEDRAS Pça. Francisco Rodrigues dos Santos, 22 Centro. CEP: CONCEIÇÃO DAS PEDRAS MINAS GERAIS

PREFEITURA MUNICIPAL DE CONCEIÇÃO DAS PEDRAS Pça. Francisco Rodrigues dos Santos, 22 Centro. CEP: CONCEIÇÃO DAS PEDRAS MINAS GERAIS LEI Nº. 891 /2013 Dispõe sobre diárias de viagem e ressarcimento de despesas por deslocamentos de servidores a serviço do município de Conceição das Pedras - MG e dá outras providências O PREFEITO MUNICIPAL

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/.

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/. NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MS000268/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 21/06/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR020136/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46312.003324/2013-18 DATA DO PROTOCOLO: 20/05/2013 ACORDO COLETIVO

Leia mais

PROJETO DE RESOLUÇÃO Nº 962

PROJETO DE RESOLUÇÃO Nº 962 PROJETO DE RESOLUÇÃO Nº 962 Dispõe sobre autorização de viagens e concessão de diárias para vereadores e servidores no âmbito da Câmara Municipal de Itajubá. Art. 1º. As autorizações de viagens e respectivas

Leia mais

RESOLUÇÃO CREMERO N 02/2013

RESOLUÇÃO CREMERO N 02/2013 RESOLUÇÃO CREMERO N 02/2013 Altera o valor das diárias dos Conselheiros, regulamenta a diária de Funcionários e normatiza os procedimentos para pagamento de diárias, auxilio representação e verba indenizatória

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 2389 - ANTAQ, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2012.

RESOLUÇÃO Nº 2389 - ANTAQ, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2012. RESOLUÇÃO Nº 2389 - ANTAQ, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2012. APROVA A NORMA QUE ESTABELECE PARÂMETROS REGULATÓRIOS A SE- REM OBSERVADOS NA PRESTAÇÃO DOS SERVIÇOS DE MOVIMENTAÇÃO E ARMAZENAGEM DE CONTÊINERES

Leia mais

DECRETO Nº , DE 5 DE FEVEREIRO DE 2007

DECRETO Nº , DE 5 DE FEVEREIRO DE 2007 Governo do Estado do Rio Grande do Norte Gabinete Civil Coordenadoria de Controle dos Atos Governamentais DECRETO Nº 19.643, DE 5 DE FEVEREIRO DE 2007 Altera o Regulamento do ICMS, aprovado pelo Decreto

Leia mais

Conselho Regional de Educação Física da 11ª Região Mato Grosso do Sul

Conselho Regional de Educação Física da 11ª Região Mato Grosso do Sul Resolução CREF11/MS nº 165/2016 Campo Grande, 22 de junho de 2016. Dispõe sobre normas para concessão de diárias e passagens aos membros e funcionários do CREF11/MS. O PRESIDENTE DO CONSELHO REGIONAL DE

Leia mais

CONVÊNIO ICMS 108, DE 28 DE SETEMBRO DE 2012

CONVÊNIO ICMS 108, DE 28 DE SETEMBRO DE 2012 CONVÊNIO ICMS 108, DE 28 DE SETEMBRO DE 2012 Autoriza o Estado de São Paulo a dispensar ou reduzir multas e demais acréscimos legais mediante parcelamento de débitos fiscais relacionados com o ICM e o

Leia mais

EXECUTIVO PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAMARI - BA ESTA EDIÇÃO DO DIÁRIO OFICIAL CONTÉM:

EXECUTIVO PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAMARI - BA ESTA EDIÇÃO DO DIÁRIO OFICIAL CONTÉM: Diário Oficial Diário do Executivo - Prefeitura Municipal de Oficial Aramari/Ba - 11/01/2013 - Ano II - Nº 45 do EXECUTIVO - BA Sexta - Feira, 11 de Janeiro de 2013 ANO II Nº 45 ESTA EDIÇÃO DO DIÁRIO OFICIAL

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICIPIO DE PORTO VELHO

PREFEITURA DO MUNICIPIO DE PORTO VELHO DECRETO Nº 11.887, DE 03 DE DEZEMBRO DE 2010. Dispõe sobre o Estágio Remunerado de estudantes matriculados em Instituições Públicas ou Privadas de Ensino Superior e Médio Profissionalizante e dá outras

Leia mais

ANEXO I. Tabele Valor da Indenização, por meio de Diárias no âmbito do Cofen

ANEXO I. Tabele Valor da Indenização, por meio de Diárias no âmbito do Cofen ANEXO I Tabele Valor da Indenização, por meio de Diárias no âmbito do Cofen Classificação Cargo/Emprego/Função Qualificação Profissional do Deslocamentos dentro do Estado/Distrito Federal sede do Conselho,

Leia mais

Resumo do Regulamento de Utilização do Cartão Business Travel Bradesco

Resumo do Regulamento de Utilização do Cartão Business Travel Bradesco Resumo do Regulamento de Utilização do Cartão Business Travel Bradesco SUMÁRIO EXECUTIVO Resumo do Regulamento de Utilização do Cartão Business Travel Bradesco. IMPORTANTE: LEIA ESTE SUMÁRIO COM ATENÇÃO

Leia mais

GABINETE DO PREFEITO CONTROLADORIA GERAL MUNICIPAL ATO DE APROVAÇÃO

GABINETE DO PREFEITO CONTROLADORIA GERAL MUNICIPAL ATO DE APROVAÇÃO GABINETE DO PREFEITO CONTROLADORIA GERAL MUNICIPAL ATO DE APROVAÇÃO INSTRUÇÃO NORMATIVA CGM Nº 003/2011 VERSÃO 02 UNIDADE RESPONSÁVEL Controladoria Municipal de Guamaré I FINALIDADE Dispor acerca do requerimento

Leia mais

http://www.econeteditora.com.br/boletim_imposto_renda/ir-08/irpj_consorcio_empresas.php

http://www.econeteditora.com.br/boletim_imposto_renda/ir-08/irpj_consorcio_empresas.php Page 1 of 5 IMPOSTO DE RENDA PESSOA JURÍDICA CONSÓRCIO DE EMPRESAS Considerações Gerais 1. INTRODUÇÃO 2. PROIBIÇÃO PARA A FORMAÇÃO DE CONSÓRCIOS 3. PERSONALIDADE JURÍDICA E RESPONSABILIDADE TRIBUTÁRIA

Leia mais

LEI ORDINÁRIA MUNICIPAL Nº 2634, DE 28 DE NOVEMBRO DE 2013.

LEI ORDINÁRIA MUNICIPAL Nº 2634, DE 28 DE NOVEMBRO DE 2013. LEI ORDINÁRIA MUNICIPAL Nº 2634, DE 28 DE NOVEMBRO DE 2013. Disciplina normas de controle para as rotinas da frota e transporte municipal e da outras providências. SÉRGIO DE MELLO, PREFEITO DO MUNICÍPIO

Leia mais

REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES DO INSTITUTO ODEON CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES DO INSTITUTO ODEON CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES DO INSTITUTO ODEON CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º - Este Regulamento tem por objetivo definir os critérios e as condições a serem observados pelo INSTITUTO

Leia mais

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. CAMPO GRANDE-MS, 6 DE MAIO DE 2015.

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. CAMPO GRANDE-MS, 6 DE MAIO DE 2015. GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL SECRETARIA DE ESTADO DE JUSTIÇA E SEGURANÇA PÚBLICA- SEJUSP/MS AGÊNCIA ESTADUAL DE ADMINISTRAÇÃO DO SISTEMA PENITENCIÁRIO-AGEPEN/MS PORTARIA AGEPEN Nº 4, DE 6 DE

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA DPG Nº 04/2015

INSTRUÇÃO NORMATIVA DPG Nº 04/2015 INSTRUÇÃO NORMATIVA DPG Nº 04/2015 A DEFENSORA-PÚBLICA GERAL, no uso de suas atribuições legais conferidas pelo artigo 18, XII, da Lei Complementar Estadual nº. 136, de 19 de maio de 2011, tendo em vista

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA n.º 01/1997, de 22 de maio de 1997 D.O.E. de 09 de fevereiro de 1999

INSTRUÇÃO NORMATIVA n.º 01/1997, de 22 de maio de 1997 D.O.E. de 09 de fevereiro de 1999 181 INSTRUÇÃO NORMATIVA n.º 01/1997, de 22 de maio de 1997 D.O.E. de 09 de fevereiro de 1999 O, no uso das atribuições que lhe confere o inciso XII do Art. 78 da Constituição Estadual, bem como o inciso

Leia mais

COMPANHIA AMBIENTAL DO ESTADO DE SÃO PAULO

COMPANHIA AMBIENTAL DO ESTADO DE SÃO PAULO COTAÇÃO DE PREÇOS: Nº 352/2016/300 OBJETO: MATERIAIS P/ FILTRAÇÃO MILLIPORE VENCIMENTO: 18/05/2016 CONDIÇÕES GERAIS Condição de Pagamento: 30 DDL. Os pagamentos serão efetuados por meio de crédito em conta

Leia mais

Regulamento de Compras e Contratações de Serviços

Regulamento de Compras e Contratações de Serviços Regulamento de Compras e Contratações de Serviços Capítulo I INTRODUÇÃO Dos Princípios Art.1º- Este regulamento estabelece normas para a aquisição e alienação de bens e para a contratação de obras e serviços

Leia mais

CCA BERNARDON DESTAQUES DA SEMANA: CONTADORES E ADVOGADOS SEMANÁRIO Nº 22/2014 1ª SEMANA JUNHO DE 2014

CCA BERNARDON DESTAQUES DA SEMANA: CONTADORES E ADVOGADOS SEMANÁRIO Nº 22/2014 1ª SEMANA JUNHO DE 2014 News Consultoria, treinamento para gestão administrativa e atuação em processos e negócios. CCA BERNARDON CONTADORES E ADVOGADOS SEMANÁRIO Nº 22/2014 1ª SEMANA JUNHO DE 2014 DESTAQUES DA SEMANA: TRIBUTOS

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE MORRINHOS DO SUL

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE MORRINHOS DO SUL LEI MUNICIPAL Nº 1.455/201 /2012 DE 07/02/201 /2012. SANCIONA E PROMULGA O PROJETO DE LEI Nº 001/201 /2012 DE 02/02/2012 QUE AUTORIZA O PODER EXECUT CUTI- VO MUNICIPAL A DISPOR SOBRE A CONCESSÃO DE DIÁRIAS

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO RELATÓRIO DE AUDITORIA

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO RELATÓRIO DE AUDITORIA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO TIPO DE AUDITORIA : AUDITORIA DE GESTÃO EXERCÍCIO : 2006 PROCESSO Nº : 08012.001249/2007-90 UNIDADE AUDITADA

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA SOLICITAÇÃO DE DIÁRIAS E PASSAGENS

ORIENTAÇÕES PARA SOLICITAÇÃO DE DIÁRIAS E PASSAGENS ORIENTAÇÕES PARA SOLICITAÇÃO DE DIÁRIAS E PASSAGENS IFPR CAMPUS CASCAVEL NOVEMBRO/2015 1 APRESENTAÇÃO Este documento tem por objetivo dirimir dúvidas quanto ao registro de viagens de servidores no sistema,

Leia mais

Servidores ativos efetivos do quadro de pessoal da UFPB.

Servidores ativos efetivos do quadro de pessoal da UFPB. Página 1 de 5 AUXÍLIO TRANSPORTE DEFINIÇÃO Benefício concedido em pecúnia, destinado ao custeio parcial das despesas realizadas pelo servidor com transporte coletivo nos deslocamentos residência-trabalho

Leia mais

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO CONSELHO UNIVERSITÁRIO. RESOLUÇÃO Nº 08/08 Conselho de Administração. RESOLUÇÃO Nº 08/08 Conselho Universitário

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO CONSELHO UNIVERSITÁRIO. RESOLUÇÃO Nº 08/08 Conselho de Administração. RESOLUÇÃO Nº 08/08 Conselho Universitário CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 08/08 Conselho de Administração. RESOLUÇÃO Nº 08/08 Conselho Universitário Fixa critérios à concessão de desconto para docentes, em mensalidades

Leia mais

EDITAL Nº 124/2013 CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 008/2013

EDITAL Nº 124/2013 CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 008/2013 EDITAL Nº 124/2013 CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 008/2013 O MUNICÍPIO DE SERAFINA CORRÊA, RS, comunica aos interessados que está procedendo o CHAMAMENTO PÚBLICO, a contar de 21 de junho de 2013, no horário compreendido

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR N 059, DE 30 DE DEZEMBRO DE 2009.

LEI COMPLEMENTAR N 059, DE 30 DE DEZEMBRO DE 2009. LEI COMPLEMENTAR N 059, DE 30 DE DEZEMBRO DE 2009. Institui a Lei Geral Municipal da Microempresa, Empresa de Pequeno Porte e Microempreendedor Individual, e dá outras providências. PREFEITO MUNICIPAL

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO CEARÁ Autarquia Federal criado pela Lei Nº 5.905/73 Filiado ao Conselho Internacional de Enfermeiros Genebra

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO CEARÁ Autarquia Federal criado pela Lei Nº 5.905/73 Filiado ao Conselho Internacional de Enfermeiros Genebra DECISÃO COREN/CE Nº 036/2015 NORMATIZA OS PROCEDIMENTOS PARA O PAGAMENTO DE DIÁRIAS E A CONCESSÃO DE PASSAGENS NO ÂMBITO DO CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO CEARÁ- COREN/CE, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

Leia mais

CALENDÁRIO DAS OBRIGAÇÕES DE ÓRGÃOS E ENTIDADES ESTADUAIS Exercício 2011

CALENDÁRIO DAS OBRIGAÇÕES DE ÓRGÃOS E ENTIDADES ESTADUAIS Exercício 2011 Exercício 2011 JANEIRO 17 O titular do Poder Executivo deverá enviar cópia do PPA atualizado, da LOA e da LDO juntamente com os anexos. Órgãos: deverão enviar a prestação de contas do mês de dezembro/2010.

Leia mais

O CONGRESSO NACIONAL decreta:

O CONGRESSO NACIONAL decreta: Dispõe sobre o sistema de franquia empresarial (franchising); revoga a Lei nº 8.955, de 15 de dezembro de 1994; e dá outras providências. O CONGRESSO NACIONAL decreta: Art. 1º O sistema de franquia empresarial

Leia mais

O PREFEITO MUNICIPAL DE TERESINA, Estado do Piauí, no uso das atribuições legais que lhe confere a Lei Orgânica do Município, e

O PREFEITO MUNICIPAL DE TERESINA, Estado do Piauí, no uso das atribuições legais que lhe confere a Lei Orgânica do Município, e DECRETO Nº 9.540, DE 17 DE AGOSTO DE 2009. Disciplina a emissão da Nota Fiscal de Serviços Eletrônica NFS-e e dá outras providências, nos termos que especifica. O PREFEITO MUNICIPAL DE TERESINA, Estado

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO DE BOLSAS SANTANDER UNIVERSIDADES/ UNIVERSIDADE DE COIMBRA 2016

REGULAMENTO DO CONCURSO DE BOLSAS SANTANDER UNIVERSIDADES/ UNIVERSIDADE DE COIMBRA 2016 REGULAMENTO DO CONCURSO DE BOLSAS SANTANDER UNIVERSIDADES/ UNIVERSIDADE DE COIMBRA 2016 Este concurso visa reforçar a cooperação existente entre a Universidade de Coimbra (UC) e as instituições suas parceiras,

Leia mais

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA FINANÇAS E TRABALHO, SOLIDARIEDADE E SEGURANÇA SOCIAL. 1112 Diário da República, 1.ª série N.º 64 1 de abril de 2016

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA FINANÇAS E TRABALHO, SOLIDARIEDADE E SEGURANÇA SOCIAL. 1112 Diário da República, 1.ª série N.º 64 1 de abril de 2016 1112 Diário da República, 1.ª série N.º 64 1 de abril de 2016 ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA Lei n.º 8/2016 Procede à décima alteração ao Código do Trabalho, aprovado pela Lei n.º 7/2009, de 12 de fevereiro,

Leia mais

Boletim de Jurisprudência nº 1 Secretaria Judiciária/COJUD/SEJUR Manaus, 1 a 30 de maio de 2016 Ano I n 1 SUMÁRIO

Boletim de Jurisprudência nº 1 Secretaria Judiciária/COJUD/SEJUR Manaus, 1 a 30 de maio de 2016 Ano I n 1 SUMÁRIO Boletim de Jurisprudência nº 1 Secretaria Judiciária/COJUD/SEJUR Manaus, 1 a 30 de maio de 2016 Ano I n 1 SUMÁRIO ACÓRDÃOS 2 RESOLUÇÃO 3 Este boletim contém ementas de decisões selecionadas e publicadas

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 7.412, DE 2010 COMPLEMENTAÇÃO DE VOTO

PROJETO DE LEI Nº 7.412, DE 2010 COMPLEMENTAÇÃO DE VOTO COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE CIDADANIA PROJETO DE LEI Nº 7.412, DE 2010 (Do Sr. José Otávio Germano e Outros) Dispõe sobre procedimentos do Poder Judiciário dos Estados e do Distrito Federal

Leia mais

REGULAMENTO DA ORGANIZAÇÃO E CONCESSÃO TRANSPORTES ESCOLARES NOTA JUSTIFICATIVA

REGULAMENTO DA ORGANIZAÇÃO E CONCESSÃO TRANSPORTES ESCOLARES NOTA JUSTIFICATIVA REGULAMENTO DA ORGANIZAÇÃO E CONCESSÃO TRANSPORTES ESCOLARES NOTA JUSTIFICATIVA Considerando - Que a Educação é um direito de todos, cabendo ao Estado promover a sua democratização, bem como as condições

Leia mais