CONTRATO PARTICULAR DE CONTRAGARANTIA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CONTRATO PARTICULAR DE CONTRAGARANTIA"

Transcrição

1 CONTRATO PARTICULAR DE CONTRAGARANTIA CLÁUSULA 1 De comum acordo, as PARTES CONTRATANTES abaixo definidas, celebram o presente CONTRATO PARTICULAR DE CONTRAGARANTIA, doravante apenas CONTRATO, na forma das cláusulas e condições estipuladas abaixo: Seguradora: [NOME], [TIPO JURÍDICO], inscrita no CNPJ [NÚMERO], com sede na cidade de [CIDADE], [ESTADO], na [ENDEREÇO], [NÚMERO], [BAIRRO], CEP [NÚMERO], neste ato representada na forma de seu CONTRATO/Estatuto Social; TOMADOR: [NOME], [TIPO JURÍDICO], inscrita no CNPJ [NÚMERO], com sede na cidade de [CIDADE], [ESTADO], na [ENDEREÇO], [NÚMERO], [BAIRRO], CEP [NÚMERO], neste ato representada na forma de seu CONTRATO/Estatuto Social. CLÁUSULA Neste CONTRATO, os termos abaixo terão os seguintes significados: (i) (ii) Seguro Garantia: seguro que garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo TOMADOR no CONTRATO Principal, que tem como objeto a construção de edificações ou conjunto de edificações de unidades autônomas, alienadas na planta ou durante a execução da obra em regime de Patrimônio de Afetação, inclusive a indenização pelos prejuízos decorrentes do inadimplemento do TOMADOR em relação às referidas obrigações constantes na(s) APÓLICE(S); Contrato Principal: documento contratual, seus aditivos e anexos, que especificam as obrigações e direitos do Segurado e do TOMADOR; (iii) Proposta: solicitação formal de aceitação do risco e emissão de APÓLICE(S) de seguro, firmada nos termos da legislação em vigor; (iv) APÓLICE: documento assinado pela Seguradora, que representa formalmente a contratação do Seguro Garantia; (v) ENDOSSO: documento formal, assinado pela Seguradora, que introduz modificações nas APÓLICE(S) de seguro, mediante solicitação e anuência expressa das partes, sujeito a pagamento de Prêmio adicional; (vi) Condições Gerais: as cláusulas, da APÓLICE, de aplicação geral a qualquer modalidade de Seguro Garantia;

2 (vii) Condições Especiais: as cláusulas que especificam as diferentes modalidades de cobertura do CONTRATO de seguro e alteram as disposições estabelecidas nas Condições Gerais da(s) APÓLICE(S); (viii) Condições Particulares: as que particularizam a(s) APÓLICE(S), discriminando o Segurado, o TOMADOR, o objeto do seguro, o valor garantido e demais características aplicáveis a um determinado CONTRATO de seguro; (ix) (x) (xi) SEGURADO: credor das obrigações assumidas pelo Tomador no CONTRATO principal, representado pelos adquirentes, organizados em condomínio, de imóvel ou unidades residenciais multifamiliares em construção; TOMADOR: devedor das obrigações do CONTRATO principal; Seguradora: a sociedade de seguros garantidora, nos termos das APÓLICE(S), do cumprimento das obrigações assumidas pelo TOMADOR no CONTRATO principal; (xii) Prêmio: importâncias devidas à Seguradora, pelo TOMADOR, em contrapartida à cobertura do Seguro Garantia; (xiii) Sinistro: o inadimplemento das obrigações cobertas pelo Seguro; e (xiv) Indenização: o pagamento dos prejuízos diretos resultantes do inadimplemento das obrigações cobertas pelo Seguro Garantia, nos termos e até o Limite Máximo de Garantia constante na(s) APÓLICE(s). CLÁUSULA 3 Pelo presente CONTRATO e na melhor forma de direito, a Seguradora e o TOMADOR, sendo este por si ou por Sociedade de Propósito Específico constituída para a execução do Contrato principal (SPE), sob o controle do TOMADOR, avençam a emissão, pelo TOMADOR a favor da SEGURADORA, de uma contra- garantia à garantia prestada pela SEGURADORA a favor do SEGURADO, em decorrência da emissão de APÓLICE(S) de Seguro Garantia, para a execução da construção em incorporações imobiliárias sob o regime do Patrimônio de Afetação de acordo com a Lei 4.591/64, que se regerá pelas cláusulas estabelecidas neste CONTRATO, que mutuamente aceitam e pelas quais se obrigam. O valor deste CONTRATO corresponde ao somatório dos valores da(s) APÓLICE(S) e ENDOSSO(s) emitida(s) pela SEGURADORA, acrescidos de eventuais despesas, encargos e valores relativos a danos que a SEGURADORA tenha sido condenada a indenizar ao SEGURADO, ainda que não especificamente cobertos, efetuados em decorrência da(s) APÓLICE(S) e do(s) ENDOSSO(S) emitidos. CLÁUSULA A SEGURADORA garantirá as obrigações assumidas pelo TOMADOR perante o SEGURADO, mediante a emissão de APÓLICE(S), nas quais serão estabelecidas finalidades, valores, prazos e demais condições da cobertura do seguro, que se regerão pelas Condições Gerais, Particulares e 2 / 11

3 Especiais da(s) APÓLICE(S). Em contrapartida à garantia prestada pela SEGURADORA, assume o TOMADOR a obrigação de ressarci- la da integralidade dos valores que a SEGURADORA vier a despender a favor do SEGURADO, segundo o disposto na(s) APÓLICE(s) respectiva(s), respondendo por todos os passivos de qualquer natureza, responsabilidades, dívidas ou obrigações imputadas à SEGURADORA pelo SEGURADO 4.2. A(s) APÓLICES(S) e ENDOSSO(S) emitidos pela Seguradora, bem como o Contrato principal, firmado entre TOMADOR e Segurado fazem parte integrante deste CONTRATO, para todos os fins e efeitos de direito A APÓLICE(S) será(ão) emitida(s) mediante Proposta de Seguro assinada pelo TOMADOR ou seu corretor devidamente nomeado, que neste caso considerar- se- á um representante do TOMADOR, com poderes amplos, gerais e especiais para, entre outros, firmar declarações em seu nome. A aceitação da Proposta de Seguro sujeitar- se- á à análise de risco da SEGURADORA, que poderá, a seu critério, negar- se a aceitar o risco proposto Em caso de divergência entre as disposições deste CONTRATO, da(s) APÓLICE(s) e do(s) ENDOSSO(s), bem como do Contrato principal, tal divergência será solucionada mediante a prevalência do disposto neste CONTRATO sobre o disposto na(s) APÓLICE(s), no(s) ENDOSSO(s) e no Contrato Principal; ou mediante a prevalência do disposto no(s) ENDOSSE(s) sobre o disposto na(s) APÓLICE(s); ou mediante a prevalência do disposto na APÓLICE(s) e no ENDOSSO(s) sobre o disposto no Contrato principal, conforme for o conflito. CLÁUSULA O TOMADOR obriga- se a: (i) Pagar o Prêmio do seguro, referente ao período total de vigência indicado na APÓLICE(S) e ENDOSSO(S). (ii) Cumprir com todas as obrigações contidas nas na(s) APÓLICE(S) e ENDOSSO(S) do Seguro Garantia. (iii) Informar previamente à SEGURADORA qualquer alteração no seu controle acionário. (iv) Enviar à SEGURADORA em prazo razoável sempre que solicitado, informações de caráter econômico- financeiro, cadastral, fiscal e trabalhista, que habilitem a correta e contínua avaliação do risco. (v) Prestar à SEGURADORA, bimestralmente ou sempre que solicitado, informações sobre o cumprimento ou descumprimento da(s) obrigação(ões) garantida(s) pela(s) APÓLICE(S) de Seguro Garantia e, informações sobre obrigações contraídas em financiamentos bancários e de outras garantias aceitas a a seu favor. (vi) Informar à Seguradora antes da emissão da(s) APÓLICE(S) e ENDOSSO(S)s a existência ou não de pluralidade das garantias para o mesmo objeto garantido pela 3 / 11

4 APÓLICE(S) e ENDOSSO(S)s, em relação às quais a Seguradora participará da cobertura proporcionalmente. (vii) Manter íntegras e suficientes as garantias oferecidas à Seguradora. (viii) Comunicar à SEGURADORA com antecedência todas e quaisquer circunstâncias que impeçam a permanência do FIADOR(ES) indicado(s) neste CONTRATO, inclusive aquelas que sejam decorrentes de reorganização societária. (ix) Na hipótese de inadimplemento total ou parcial das obrigações garantidas pela(s) APÓLICE(s), quando notificado para tal fim, desocupar, amigavelmente, o local das obras, deixando- o livre e desimpedido para que a SEGURADORA possa dar continuidade à obra, quando esta assim optar. (x) Ressarcir a SEGURADORA de quaisquer prejuízos e/ou despesas que a SEGURADORA tenha indenizado em decorrência de Sinistro. (xi) Dar ciência ao SEGURADO do direito da SEGURADORA de fiscalizar e intervir na execução do empreendimento, inclusive mediante a convocação de Assembléias Gerais dos Adquirentes das futuras unidades autônomas do empreendimento. (xii) Sem prejuízo das demais disposições aqui previstas, o TOMADOR fica obrigado a: a) Entregar à SEGURADORA, até o dia 10 de cada mês, demonstrativo do estado da obra e de sua correspondência com os prazos pactuados ou com os recursos financeiros que integrem o Patrimônio de Afetação recebidos no período, firmados por profissionais habilitados; b) Manter e movimentar os recursos financeiros do Patrimônio de Afetação em conta de depósito aberta especificamente para tal fim; c) Entregar à SEGURADORA, até o dia 10 de cada mês, balancetes mensais do mês anterior relativos ao Patrimônio de Afetação; d) Manter escrituração contábil completa, ainda que esteja desobrigado pela legislação tributária. (xiii) Cumprir com todas as obrigações decorrentes deste CONTRATO, bem como da APÓLICE(s) e ENDOSSO(s) emitido(s) CLÁUSULA A(s) APÓLICE(S) emitida(s) vigorará(ao) pelo prazo indicado nas Condições Particulares, devendo o TOMADOR efetuar o(s) pagamento(s) do(s) respectivo(s) Prêmio(s), por todo o período de vigência da garantia O(s) Prêmio(s) devido(s) pela(s) emissão(ões) da(s) APÓLICE(S) será(ão) calculado(s) à base pro rata temporis, que é definido pela multiplicação da taxa pelo valor da garantia e pelo prazo fixado na(s) APÓLICE(Ss). 4 / 11

5 6.3. Na hipótese de parcelamento de Prêmio, não realizado o pagamento pelo TOMADOR de qualquer parcela na data fixada, ocorrerá o vencimento imediato das demais parcelas, podendo a SEGURADORA recorrer à execução das garantias oferecidas ao seguro, independentemente de notificação judicial ou extrajudicial O vencimento antecipado das prestações relativas ao Prêmio não afeta a vigência da(s) APÓLICE(S) perante o Segurado Não tendo ainda expirado o(s) prazo(s) de vigência indicado(s) na(s) APÓLICE(S), quando da extinção da(s) garantia(s) caberá devolução de prêmio proporcional ao TOMADOR, calculado à base pro rata temporis, pelo(s) prazo(s) de vigência ainda a decorrer, contados da data de ocorrência de uma das hipóteses de extinção da(s) garantia(s) previstas na(s) APÓLICE(S). CLAUSULA O TOMADOR concorda que a SEGURADORA poderá fiscalizar e intervir durante o andamento da obra, inclusive na convocação de Assembléia Gerais dos Adquirentes das futuras unidades autônomas, por meio próprio ou por empresas terceirizadas, para realizar vistorias no local, de modo a certificar- se de que ela está se desenvolvendo de acordo com o cronograma físico e financeiro, bem como que o memorial descritivo está sendo fielmente cumprido, obrigando- se a lhe oferecer todos os meios necessários à execução deste trabalho A critério da SEGURADORA, esta poderá nomear um Controlador Técnico da APÓLICE(s), assim designado nas Condições Particulares, a quem caberá o acompanhamento do projeto e execução da empreitada Fica facultado ao Controlador Técnico, contanto que prévia e suficientemente identificados e observados os regulamentos de segurança da Empreitada, acesso a todos os sítios da obra, bem como a todos os documentos utilizados pelo TOMADOR. Nos casos de documentos pertencentes a sub- empreiteiros contratados pelo TOMADOR, este colaborará com o Controlador Técnico para que sejam entregues no menor lapso de tempo possível Fica entendido e acordado que o TOMADOR obriga- se a assegurar ao Controlador Técnico e/ou à(s) pessoa(s) nomeada(s) pela SEGURADORA o livre acesso à obra, bem como aos livros, contratos, movimentação da conta de depósito e quaisquer outros documentos necessários à perfeita execução deste trabalho, bem como a todas as informações relativas ao Patrimônio de Afetação A fiscalização prevista neste item 7 não implica, de modo algum, a redução ou exoneração das responsabilidades do SEGURADO e do TOMADOR previstas no presente CONTRATO ou no Contrato principal Durante a Empreitada, o Controlador Técnico deverá respeitar os regulamentos administrativos e as normas de segurança emitidas pelo TOMADOR, cabendo ao TOMADOR fornecer os equipamentos indispensáveis ao cumprimento desses regulamentos e normas de segurança. 5 / 11

6 CLÁUSULA A SEGURADORA ficará automaticamente sub- rogada em todos os direitos do(s) SEGURADO(s) para haver do TOMADOR toda e qualquer indenização, despesa ou pagamento que venha a efetuar em decorrência da(s) APÓLICE(S) e ENDOSSO(S) emitido(s) O TOMADOR declara que não exigirá da SEGURADORA que esta recuse ou protele o cumprimento da obrigação assumida na APÓLICE(s) e no(s) ENDOSSO(s), seja a que título for, e que não poderá exigir que ela discuta com o(s) SEGURADO(s) a procedência ou liquidez do pedido indenizatório por este formulado em face da SEGURADORA. A SEGURADORA terá o direito de determinar se uma reclamação qualquer do SEGURADO por Sinistro imputado ao TOMADOR será paga ou transigida ou será objeto de litígio Não obstante o estabelecido no item acima, a SEGURADORA se reserva o direito de, a seu critério, apresentar ao SEGURADO as objeções que o TOMADOR considere pertinentes, desde que este lhe as comunique tempestivamente. A apresentação de tais objeções ao SEGURADO não implica qualquer juízo de valor por parte da SEGURADORA quanto à sua procedência ou não, cabendo eventual divergência relativa à existência ou não de cobertura para Sinistro que a SEGURADORA tenha decidido indenizar ser resolvida exclusivamente entre o SEGURADO e o TOMADOR Ocorrido o Sinistro, cabe exclusivamente à SEGURADORA decidir se promove a Retomada da obra, nos termos da(s) APÓLICE(s), ou se efetua o pagamento de indenização em espécie, por meio do ressarcimento ao SEGURADO das quantias por este pagas ao TOMADOR. A decisão da SEGURADORA não poderá ser contestada pelo TOMADOR e não poderá ser utilizada pelo TOMADOR para se furtar ao cumprimento de qualquer obrigação prevista neste CONTRATO A escolha entre as opções acima é de exclusivo critério da SEGURADORA, mas esta deverá optar pela alternativa (i) sempre que o valor decorrente da opção (ii) superar o valor da garantia previsto nas Condições Gerais e Particulares da Apólice Optando a SEGURADORA pela Retomada da obra, nos termos da(s) APÓLICE(s), obriga- se o TOMADOR a se abster de qualquer medida visando a causar- lhe qualquer embaraço, comprometendo- se, ainda, a colaborar e contribuir de boa- fé, independentemente de eventuais objeções que possa ter quanto à caracterização do Sinistro, para que tal Retomada se faça da maneira mais célere e efetiva possível, disponibilizando à SEGURADORA todas as informações e materiais solicitados, desocupando canteiros e sites, e ainda assinando todos os instrumentos que porventura se fizerem necessários para a transferência do Patrimônio de Afetação ou dos saldos de créditos devidos pelo SEGURADO à SEGURADORA, bem como para a cessão de direitos e obrigações assumidas relativamente à empreitada, que lhe sejam solicitados pela SEGURADORA. CLÁUSULA Independente de notificação judicial ou extrajudicial, poderá a SEGURADORA, nos casos abaixo, dar por vencida antecipadamente a obrigação do TOMADOR, assumida no presente CONTRATO, para exigir do TOMADOR e/ou FIADOR(es) a imediata realização de depósito ou a 6 / 11

7 constituição de garantia real em valor equivalente a até 130% (cento e trinta por cento) do valor deste CONTRATO: a) Quando ocorrer declaração inexata do TOMADOR ao solicitar a contratação do seguro. b) Quando a SEGURADORA avaliar que a conduta ou solvência do TOMADOR evidencie incapacidade para cumprir as obrigações contraídas com o SEGURADO. c) Quando o TOMADOR ou empresa a ele coligada ou por ele controlada estiver em recuperação judicial ou extrajudicial, requerer ou tiver requerida sua falência. d) Quando o TOMADOR não cumprir com quaisquer das obrigações decorrentes deste CONTRATO. e) Quando ocorrer protesto de títulos ou for distribuída qualquer ação contra o TOMADOR ou seu FIADOR que afete seu patrimônio de forma que não possa cumprir as obrigações ora contraídas Nas hipóteses previstas neste item 9.1, caso o TOMADOR proceda à instauração de litígio tendo por objeto a declaração da SEGURADORA de vencimento antecipado da obrigação, o TOMADOR estará obrigado ao depósito ou à constituição da garantia real ali prevista como condição precedente ao regular desenvolvimento do processo. CLÁUSULA Ficam estabelecidas as seguintes penas convencionais, sem prejuízo uma das outras e bem assim das demais sanções previstas em Lei: (i) (ii) (iii) ocorrendo o inadimplemento de qualquer quantia devida à SEGURADORA em razão do pagamento de indenização ao SEGURADO decorrente de Sinistro, o débito em atraso ficará sujeito a correção monetária idêntica à atribuída às obrigações do TOMADOR, juros de mora à razão de 1% ao mês, calculados sobre o débito corrigido monetariamente, e multa de 2% sobre o total devido na forma desta alínea; o inadimplemento de qualquer obrigação não pecuniária estabelecida neste CONTRATO sujeita o TOMADOR à multa de 2% ao mês, acrescida de juros de 1% (um por cento) ao mês ou fração até o respectivo pagamento, sem prejuízo de correção monetária conforme o IGP- M ou índice que venha a sucedê- lo, calculada sobre o valor do Prêmio devido, sem prejuízo das perdas e danos incorridas pela SEGURADORA; e se a SEGURADORA tiver que ingressar em juízo ou em processo arbitral ou administrativo para a defesa dos direitos que decorram deste CONTRATO, fará jus a honorários advocatícios arbitrados em 20% (vinte por cento) do valor demandado. CLÁUSULA 11 Para assegurar o cabal cumprimento de todas as obrigações, bem como a cobertura de quaisquer importâncias decorrentes deste CONTRATO, a SEGURADORA poderá exigir do TOMADOR e/ou de seu(s) FIADOR(es) garantias adicionais correspondentes, no mínimo, a 130% (cento e trinta por 7 / 11

8 cento) do valor da obrigação garantida no Contrato principal, assim entendido o Limite Máximo de Garantia fixado na(s) APÓLICE(s) e ENDOSSO(s). CLÁUSULA Intervém neste ato e assina o presente CONTRATO, como FIADOR(ES), a(s) pessoa(s) designada(s) e qualificada(s) abaixo, a(s) qual(is) se declara(m) principal(is) pagador(es), responsabilizando- se, solidariamente entre si e com o TOMADOR, pelo cumprimento de todas as obrigações por ele assumidas neste CONTRATO, bem como nas APÓLICE(s) e ENDOSSO(s) referidos na Cláusula 4, sejam principais ou acessórias, compreendendo juros, correção monetária, penas convencionais, comissões, tributos, honorários advocatícios e quaisquer outras despesas ou encargos de responsabilidade do TOMADOR, nos termos do Art. 821 e 822 do Código Civil, com a expressa renúncia aos benefícios de ordem e divisão previstos nos artigos 827 e 829 do Código Civil e à faculdade contida nos artigos 830, 835, 837 e 839 do referido Código O(s) FIADOR(es) declara(m) ter pleno conhecimento e aceitar todas as condições das APÓLICE(s) e ENDOSSO(s) e que só se considerará(ao) desonerado(s) da fiança prestada uma vez verificado o cumprimento de todas as obrigações a cargo do TOMADOR, circunstância que se formalizará mediante entrega de documento formal subscrito pela SEGURADORA, declarando extinta a fiança aqui referida Obriga- se o(s) FIADOR(es) a liquidar as obrigações exigidas no prazo máximo de 48 (quarenta e oito) horas, contados da comunicação escrita que a SEGURADORA lhe enviar, independentemente de qualquer outra formalidade. FIADOR: [NOME], [ESTADO CIVIL], [REGIME DE CASAMENTO] inscrita no CNPJ/CPF [NÚMERO], com sede na cidade de [CIDADE], [ESTADO], na [ENDEREÇO], [NÚMERO], [BAIRRO], CEP [NÚMERO] CÔNJUGE: [NOME], [ESTADO CIVIL], [REGIME DE CASAMENTO] inscrita no CPF [NÚMERO], com sede na cidade de [CIDADE], [ESTADO], na [ENDEREÇO], [NÚMERO], [BAIRRO], CEP [NÚMERO] CLÁUSULA As partes reconhecem este CONTRATO como sendo titulo executivo extrajudicial, nos termos do artigo 585, II da Lei 5.869/73. CLÁUSULA Qualquer omissão ou tolerância por parte da Seguradora em exigir o fiel cumprimento das obrigações deste CONTRATO, não constituirá novação ou renúncia, nem afetará o seu direito de exigir o seu cumprimento a qualquer tempo. CLÁUSULA 15 8 / 11

9 15.1. O TOMADOR e o(s) FIADOR(ES) declaram e garantem que: (i) (ii) (iii) (iv) Estão devidamente autorizados a celebrar o presente CONTRATO, a cumprir todas as suas disposições e que sua assinatura e execução não infringe nem infringirá qualquer outro CONTRATO ou acordo do qual sejam parte; Estão de pleno acordo que a SEGURADORA cumpra as APÓLICE(s) e ENDOSSO(s), independente da anuência ou interferência do TOMADOR e do(s) FIADOR(es), ou qualquer formalidade judicial ou extrajudicial; Conhecem a extensão de cada APÓLICE(s) e ENDOSSO(s) emitido, ficando ressaltado que a Seguradora estará isenta de responsabilidade nas hipóteses previstas nas APÓLICE(S); e Os direitos da SEGURADORA não estão subordinados a nenhum outro Sem o prévio consentimento por escrito da SEGURADORA, o TOMADOR e o FIADOR(ES) não poderão permitir a constituição de qualquer ônus ou gravames sobre os ativos dados em garantia à SEGURADORA ou, de qualquer forma, alienar, caucionar ou hipotecar bens. CLAUSULA Fica ressaltado que a SEGURADORA ficará isenta de responsabilidade nas hipóteses previstas nas Condições Gerais e Especiais da(s) APÓLICE(s) e ENDOSSO(s), que o TOMADOR declara conhecer. CLÁUSULA 17 Este CONTRATO obriga as partes, seus sucessores e cessionários a qualquer título, não podendo o TOMADOR transferir as obrigações assumidas neste CONTRATO a terceiros sem a autorização expressa e prévia da SEGURADORA. CLÁUSULA A SEGURADORA fica desde já autorizada pelo TOMADOR e seu(s) FIADOR(ES) a emitir APÓLICE(S) e/ou ENDOSSO(S) de Seguro Garantia que venham a ser solicitados pelo TOMADOR: (i) como consorciado, sejam as APÓLICE(S) e ENDOSSO(S) de Seguro Garantia em nome do consórcio ou do próprio consorciado, visando assegurar a integralidade ou parte destas obrigações, independentemente de liderança no consórcio; ou (ii) como sócio de sociedade de propósito específico (SPE), sejam as APÓLICE(S) e ENDOSSO(S) de Seguro Garantia em nome da SPE ou do sócio, visando assegurar a integralidade ou parte destas obrigações, independentemente do percentual de participação na sociedade A Seguradora poderá utilizar- se deste CONTRATO para reaver qualquer valor referente à emissão e à satisfação pecuniária das APÓLICE(S) e dos ENDOSSO(S) citados nesta Cláusula. 9 / 11

10 CLÁUSULA O presente CONTRATO é celebrado em caráter irrevogável e irretratável, permanecendo vigente por tempo indeterminado ou até que a SEGURADORA comunique a extinção de todas as obrigações do TOMADOR perante a SEGURADORA e ao SEGURADO. CLÁUSULA O TOMADOR e seu FIADOR, através de seus representantes legalmente constituídos, declaram que não possuem impedimentos de qualquer natureza para assinar o presente instrumento, cumprindo informar à SEGURADORA, no prazo de cinco dias corridos, toda e qualquer alteração contratual/estatutária, bem como a exoneração ou a renúncia de procuradores, sob pena de arcar com os ônus que eventualmente decorrerem da falta de informação. CLÁUSULA Sem prejuízo do disposto no item 13.1, sobrevindo quaisquer controvérsias ou litígios relativos a este CONTRATO, à(s) APÓLICE(s) e ENDOSSO(s), bem como ao Contrato principal, que se apresentem entre a SEGURADORA e o TOMADOR e sejam resultantes de direitos e/ou obrigações decorrentes de qualquer destes instrumentos e/ou dos instrumentos dele oriundos, as Partes concordam em envidar o melhor dos seus esforços para que sejam resolvidas por entendimentos entre as próprias Partes e, não sendo isto possível, a controvérsia ou litígio será submetida ao [CÂMARA ARBITRAL] (a Câmara Arbitral ), de acordo com o seu regulamento de arbitragem ( Regulamento ) em vigor na data do pedido de instauração da arbitragem, o qual será aplicável naquilo que não estiver disciplinado nesta cláusula da apólice A arbitragem será constituída por um único árbitro escolhido pelas Partes em comum acordo. Caso as Partes não cheguem a um consenso quanto ao árbitro dentro de 30 (trinta) dias, contados da data do envio da notificação de instauração de arbitragem de uma Parte a outra, a arbitragem será constituída por 03 (três) árbitros, cabendo a cada uma das Partes indicar um árbitro, os quais, de comum acordo, nomearão o terceiro árbitro que funcionará como Presidente do Tribunal Arbitral, segundo o disposto no Regulamento da Câmara Arbitral, no que couber Cada Parte permanece com o direito de pleitear perante o Poder Judiciário competente as medidas de urgência ou execução específica para a proteção, salvaguarda ou efetivação dos direitos decorrentes deste Compromisso, sem que isto seja interpretado como uma renúncia à arbitragem. Para este fim, as Partes elegem como Foro da Comarca do Rio de Janeiro A decisão arbitral será definitiva, irrecorrível e vinculará as Partes, que se comprometem a cumpri- la espontaneamente A sede da arbitragem será (...), sendo vedado aos árbitros julgar por equidade. A lei substantiva aplicável é a brasileira. 10 / 11

11 E por estarem assim, justos e contratados, assinam o presente em 3 (três) vias de igual teor, na presença de 2 (duas) testemunhas, para que produza seus jurídicos e legais efeitos. ASSINATURAS [CIDADE/ESTADO], [DIA] de [MÊS] de [ANO]. SEGURADORA: TOMADOR FIADOR: CONJUGE Testemunhas: 1. Nome: RG: CPF: 2. Nome: RG: CPF: 11 / 11

1) PARTES CONTRATANTES

1) PARTES CONTRATANTES CNPJ 61.198.164/0001-60 1) PARTES CONTRATANTES CONTRATO DE CONTRA GARANTIA CONDIÇÕES CONTRATUAIS GERAIS PORTO SEGURO CIA DE SEGUROS GERAIS, inscrita no CNPJ sob o n.º 61.198.164/0001-60, com sede na Cidade

Leia mais

SEGURO-GARANTIA CONDIÇÕES GERAIS

SEGURO-GARANTIA CONDIÇÕES GERAIS SEGURO-GARANTIA CONDIÇÕES GERAIS 1. INFORMAÇÕES PRELIMINARES... 2 2. APRESENTAÇÃO... 2 3. ESTRUTURA DO CONTRATO DE SEGURO... 2 4. OBJETIVO DO SEGURO... 3 5. DEFINIÇÕES... 3 6. FORMA DE CONTRATAÇÃO... 4

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS APLICÁVEIS À PROPOSTA DE CONTRATAÇÃO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL MEDIANTE CONSIGNAÇÃO EM FOLHA DE PAGAMENTOS

CONDIÇÕES GERAIS APLICÁVEIS À PROPOSTA DE CONTRATAÇÃO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL MEDIANTE CONSIGNAÇÃO EM FOLHA DE PAGAMENTOS CONDIÇÕES GERAIS APLICÁVEIS À PROPOSTA DE CONTRATAÇÃO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL MEDIANTE CONSIGNAÇÃO EM FOLHA DE PAGAMENTOS As Condições Gerais aqui estabelecidas são parte integrante e indissociável da Proposta

Leia mais

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO I EMITENTE e assim doravante designado(a): CNPJ/CPF n : II AVALISTA(S) e assim doravante designado(s): 1. CNPJ/CPF n : 2. CNPJ/CPF n : 3. CNPJ/CPF n : III GARANTIDOR(A) e assim doravante designado(a):

Leia mais

I - EMITENTE II - INTERVENIENTE(S) / AVALISTA(S) III - CARACTERÍSTICAS DO(S) PRODUTO(S) MARCA MODELO ANO/MODELO COR COMBUSTÍVEL

I - EMITENTE II - INTERVENIENTE(S) / AVALISTA(S) III - CARACTERÍSTICAS DO(S) PRODUTO(S) MARCA MODELO ANO/MODELO COR COMBUSTÍVEL Nº DA CÉDULA CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO I - EMITENTE II - INTERVENIENTE(S) / AVALISTA(S) III - CARACTERÍSTICAS DO(S) (S) MARCA MODELO ANO/MODELO COR COMBUSTÍVEL RENAVAN CHASSI PLACA NOTA FISCAL (CASO VEÍCULO

Leia mais

TERMO DE COMPROMISSO

TERMO DE COMPROMISSO TERMO DE COMPROMISSO Pelo presente instrumento, de um lado Nicolai Coelho Consultoria em Comunicação LTDA, com sede na Rua Texas, 635, Brooklin, São Paulo - SP, inscrita no CNPJ sob o nº 10.825.469/0001-13,

Leia mais

PROPOSTA DE EMPRÉSTIMO MODALIDADE PRÉ-FIXADO (Preenchimento Obrigatório) Nome. Matrícula Lotação Tel. Comercial. Email: Carteira de Identidade CPF

PROPOSTA DE EMPRÉSTIMO MODALIDADE PRÉ-FIXADO (Preenchimento Obrigatório) Nome. Matrícula Lotação Tel. Comercial. Email: Carteira de Identidade CPF ELETRA - FUNDAÇÃO CELG DE SEGUROS E PREVIDÊNCIA www.eletra.org.br - versão: 05/2015 12.08.2015 - pág.: 1 PROPOSTA DE EMPRÉSTIMO MODALIDADE PRÉ-FIXADO (Preenchimento Obrigatório) ( ) ATIVO ( ) APOSENTADO

Leia mais

CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO DE COMPRAS. I -DEFINIÇÕES: para os fins deste CONTRATO, serão adotadas as seguintes definições:

CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO DE COMPRAS. I -DEFINIÇÕES: para os fins deste CONTRATO, serão adotadas as seguintes definições: CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO DE COMPRAS I -DEFINIÇÕES: para os fins deste CONTRATO, serão adotadas as seguintes definições: a) PASSA TEMPO ADMINISTRADORA DE CARTÃO LTDA., com sede na Rua

Leia mais

Cédula de Crédito Bancário Abertura de Crédito Pessoa Física

Cédula de Crédito Bancário Abertura de Crédito Pessoa Física Cédula nº: Valor: Data da emissão: Data do vencimento: 1. EMITENTE(S): 1.1 Nome: 1.2 RG: 1.3 CPF/MF - CNPJ/MF: E os coemitentes, demais titulares da conta corrente ao final nomeados, todos qualificados

Leia mais

CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE OPERAÇÕES E CUSTÓDIA EM MERCADOS ADMINISTRADOS E OUTRAS AVENÇAS

CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE OPERAÇÕES E CUSTÓDIA EM MERCADOS ADMINISTRADOS E OUTRAS AVENÇAS CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE OPERAÇÕES E CUSTÓDIA EM MERCADOS ADMINISTRADOS E OUTRAS AVENÇAS Nome (Cliente): RG: CPF/ CNPJ: Endereço: Cidade: UF: CEP: Profissão: Estado Civil: Nacionalidade: Classificação

Leia mais

Resolvem, na melhor forma de direito, celebrar o presente Contrato de Mútuo ( Contrato ), de acordo com os seguintes termos e condições:

Resolvem, na melhor forma de direito, celebrar o presente Contrato de Mútuo ( Contrato ), de acordo com os seguintes termos e condições: CONTRATO DE MÚTUO Prelo presente instrumento particular, [O Estudante, pessoa física proponente de empréstimo com determinadas características ( Proposta )], identificado e assinado no presente contrato

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GARANTIA SEGURADO SETOR PÚBLICO

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GARANTIA SEGURADO SETOR PÚBLICO CONDIÇÕES GERAIS CONDIÇÕES GERAIS 1. OBJETO 1.1 Este contrato de seguro garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo tomador perante o segurado, conforme os termos da apólice e até o valor

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS [PREENCHER], empresa estabelecida em [preencher cidade, estado, logradouro], inscrita no CNPJ sob o número [preencher], neste ato representada na forma de seu contrato

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE EMISSÃO DE FIANÇA E OUTRAS AVENÇAS

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE EMISSÃO DE FIANÇA E OUTRAS AVENÇAS Pelo presente instrumento, as partes: A BANCO BRADESCO S.A., com sede na Cidade de Deus, Município e Comarca de Osasco SP, inscrito no CNPJ/MF sob nº 60.746.948/0001 12, doravante denominado FIADOR; B...,

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INFRA ESTRUTRA E DE TELEFONIA.

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INFRA ESTRUTRA E DE TELEFONIA. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INFRA ESTRUTRA E DE TELEFONIA. Pelo presente instrumento particular de Contrato de Prestação de Serviços de Telefonia (doravante designado simplesmente Contrato ) o

Leia mais

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Pres. Juscelino Kubitschek,

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS E OUTRAS AVENÇAS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS E OUTRAS AVENÇAS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS E OUTRAS AVENÇAS EQUATORIAL NEGÓCIOS INTELIGENTES LTDA, com sede em Goiânia/GO, à av. Paranaíba nº 538 Setor Central, inscrita no CNPJ nº 09.416.292/0001-12, neste ato

Leia mais

CONTRATO PARTICULAR DE MÚTUO PARA CONCESSÃO FAAES- FUNDO DE APOIO AO ACADÊMICO DO ENSINO SUPERIOR

CONTRATO PARTICULAR DE MÚTUO PARA CONCESSÃO FAAES- FUNDO DE APOIO AO ACADÊMICO DO ENSINO SUPERIOR CONTRATO PARTICULAR DE MÚTUO PARA CONCESSÃO FAAES- FUNDO DE APOIO AO ACADÊMICO DO ENSINO SUPERIOR CONTRATO (2013/2) MUTUANTE: ASSOCIAÇÃO JUINENSE DO ENSINO SUPERIOR DO VALE DO JURUENA - AJES, inscrita

Leia mais

TERMO DE ACEITAÇÃO QUANTO ÀS CONDIÇÕES GERAIS DE COMPRA E FORNECIMENTO DE MERCADORIAS, PRODUTOS, PEÇAS E SERVIÇOS.

TERMO DE ACEITAÇÃO QUANTO ÀS CONDIÇÕES GERAIS DE COMPRA E FORNECIMENTO DE MERCADORIAS, PRODUTOS, PEÇAS E SERVIÇOS. As relações estabelecidas entre a SABÓ INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE AUTOPEÇAS LTDA., com sede na cidade de São Paulo-SP, na Rua Matteo Forte nº 216, inscrita no CNPJ/MF sob nº 60.860.681/0004-32, daqui por

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE VEICULAÇÃO DE ANUNCIOS PUBLICITÁRIOS

TERMOS E CONDIÇÕES DE VEICULAÇÃO DE ANUNCIOS PUBLICITÁRIOS TERMOS E CONDIÇÕES DE VEICULAÇÃO DE ANUNCIOS PUBLICITÁRIOS 1. CONDIÇÕES 1.1. Rede Paraná Notícias Ltda(aRede) é proprietário de uma estrutura de serviços relacionados à Internet, os quais envolvem o fornecimento,

Leia mais

Telecomunicações de São Paulo S/A

Telecomunicações de São Paulo S/A INSTRUMENTO PARTICULAR DE LICENÇA ONEROSA DE USO DA RELAÇÃO DE ASSINANTES No. Telecomunicações de São Paulo S/A - TELESP, com sede na Capital do Estado de São Paulo, na Rua Martiniano de Carvalho, n.º

Leia mais

EXTRATO DO CONTRATO PARA REPRESENTAÇÃO DE SEGUROS

EXTRATO DO CONTRATO PARA REPRESENTAÇÃO DE SEGUROS EXTRATO DO CONTRATO PARA REPRESENTAÇÃO DE SEGUROS CONTRATO PARA REPRESENTAÇÃO DE SEGUROS TOKIO MARINE SEGURADORA S.A., inscrita no CNPJ sob o número 33.164.021/0001-00 pessoa jurídica de direito privado

Leia mais

MODELO DE MINUTA CONTRATO SOCIAL DE SOCIEDADE DE ADVOGADOS (RAZÃO SOCIAL ADOTADA)

MODELO DE MINUTA CONTRATO SOCIAL DE SOCIEDADE DE ADVOGADOS (RAZÃO SOCIAL ADOTADA) MODELO DE MINUTA CONTRATO SOCIAL DE SOCIEDADE DE ADVOGADOS (RAZÃO SOCIAL ADOTADA) Pelo presente instrumento particular de constituição de sociedade de advogados comparecem as partes a seguir denominadas:

Leia mais

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO CONFISSÃO DE DÍVIDA E REPACTUAÇÃO

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO CONFISSÃO DE DÍVIDA E REPACTUAÇÃO CÉDULA Nº VIA: Negociável (CREDOR) Não Negociável (EMITENTE) I EMITENTE Nome/Razão Social CPF /CNPJ Banco Agência nº Conta corrente nº II TERCEIROS GARANTIDORES também denominados DEVEDORES/GARANTIDORES

Leia mais

LOCADORES(AS): LOCATÁRIO(A): FIADOR: IMÓVEL: PRAZO: INÍCIO DA LOCAÇÃO: TÉRMINO DA LOCAÇÃO: VALOR: REAJUSTE: ANUAL DESTINAÇÃO: COMERCIAL

LOCADORES(AS): LOCATÁRIO(A): FIADOR: IMÓVEL: PRAZO: INÍCIO DA LOCAÇÃO: TÉRMINO DA LOCAÇÃO: VALOR: REAJUSTE: ANUAL DESTINAÇÃO: COMERCIAL LOCADORES(AS): LOCATÁRIO(A): FIADOR: IMÓVEL: PRAZO: INÍCIO DA LOCAÇÃO: TÉRMINO DA LOCAÇÃO: VALOR: REAJUSTE: ANUAL DESTINAÇÃO: COMERCIAL CONTRATO DE LOCAÇÃO COMERCIAL Pelo presente instrumento, e na melhor

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CONTRATANTE Nome: TESTE Nacionalidade: Brasileira RG: Órgão Expedidor: CPF: Residente e Domiciliado: Estado: FIADOR(A): Nome: Nacionalidade: RG: Cep: Telefone

Leia mais

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL 1. FINALIDADE 1.1. Este Regulamento tem por finalidade disciplinar as concessões de empréstimos aos Participantes do Plano de Benefícios JMalucelli, administrado pelo

Leia mais

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE ABERTURA DE CRÉDITO PARCELADO

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE ABERTURA DE CRÉDITO PARCELADO CLÁUSULAS GERAIS que regem o Contrato de Abertura de Crédito Parcelado, tendo de um lado o BRB - BANCO DE BRASÍLIA S.A., com sede em Brasília, Capital Federal, inscrito no CNPJ/MF sob o número 00.000.208/0001-00,

Leia mais

II. Contrato Principal: o documento contratual, seus aditivos e anexos, que especificam as obrigações e direitos do segurado e do tomador.

II. Contrato Principal: o documento contratual, seus aditivos e anexos, que especificam as obrigações e direitos do segurado e do tomador. SEGURO-GARANTIA - CONDIÇÕES GERAIS Este seguro garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo tomador no contrato principal, firmado com o segurado, conforme os termos da apólice. I. Seguro-Garantia:

Leia mais

CONTRATO DE LICENÇA DE USO E PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE SOFTWARE

CONTRATO DE LICENÇA DE USO E PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE SOFTWARE CONTRATO DE LICENÇA DE USO E PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE SOFTWARE I DA IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES CONTRATANTES: CONTRATANTE:... Ltda, com sede na cidade de..., na Rua..., nº...,... andar, Condomínio Edifício...,

Leia mais

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE CREDI-RÁPIDO CLIENTE - 1º TITULAR CPF CÓD. DA AGÊNCIA CLIENTE - 2º TITULAR CPF NÚMERO DA CONTA

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE CREDI-RÁPIDO CLIENTE - 1º TITULAR CPF CÓD. DA AGÊNCIA CLIENTE - 2º TITULAR CPF NÚMERO DA CONTA CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE CREDI-RÁPIDO CLIENTE - 1º TITULAR CPF CÓD. DA AGÊNCIA CLIENTE - 2º TITULAR CPF NÚMERO DA CONTA CLÁUSULAS GERAIS, que regem o Contrato de Abertura de Credi-Rápido, que são

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE VENDA E COMPRA - PARCELADO -

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE VENDA E COMPRA - PARCELADO - INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE VENDA E COMPRA - PARCELADO - 1 LOTE Nº: I PROMITENTE VENDEDOR II PROMITENTE COMPRADOR III IMÓVEL A SITUAÇÃO DO IMÓVEL ( ) OCUPADO ( ) DESOCUPADO ( ) FRAÇÃO IDEAL IV

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE LOCAÇÃO

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE LOCAÇÃO INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE LOCAÇÃO Pelo presente instrumento e na melhor forma de direito, as partes, de um lado, na qualidade de LOCADOR, e doravante assim designado, Landlord, e, de outro

Leia mais

CONTRATO DE MÚTUO. Assistido é o Participante ou seus beneficiários em gozo de Benefício de prestação continuada.

CONTRATO DE MÚTUO. Assistido é o Participante ou seus beneficiários em gozo de Benefício de prestação continuada. Página 1 de 7 CONTRATO DE MÚTUO Cláusulas e Condições Gerais do Contrato de Mútuo que entre si fazem a Fundação Vale do Rio Doce de Seguridade Social - VALIA e seus Participantes. Fundação Vale do Rio

Leia mais

REGULAMENTO DA CÂMARA DE REGISTRO, COMPENSAÇÃO E LIQUIDAÇÃO DE OPERAÇÕES DE CÂMBIO BM&FBOVESPA

REGULAMENTO DA CÂMARA DE REGISTRO, COMPENSAÇÃO E LIQUIDAÇÃO DE OPERAÇÕES DE CÂMBIO BM&FBOVESPA REGULAMENTO DA CÂMARA DE REGISTRO, COMPENSAÇÃO E LIQUIDAÇÃO DE OPERAÇÕES DE CÂMBIO BM&FBOVESPA CAPÍTULO I DAS DEFINIÇÕES CAPÍTULO II DAS ATIVIDADES DA CÂMARA CAPÍTULO III DOS PARTICIPANTES CAPÍTULO IV

Leia mais

Credfaz Servidor Federal

Credfaz Servidor Federal COOPERATIVA DE CRÉDITO DO SERVIDOR FEDERAL LTDA. SICOOB CREDFAZ SERVIDOR FEDERAL Credfaz Servidor Federal Edifício CREDFAZ - SCS - Quadra 05 Bloco C - Ent. 165/9 - CEP 70305-921 - Brasília - Fone: 61 3035

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Nº

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Nº CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Nº Pelo presente instrumento particular e na melhor forma de direito, de um lado: ÂNGULO EQUIPAMENTOS LTDA., devidamente inscrita no CNPJ/MF sob n º 74.305.616/0001-07

Leia mais

JOSÉ AFRÂNIO MARQUES DE MELO

JOSÉ AFRÂNIO MARQUES DE MELO CONTRATO LOCAÇÃO Nº 07/2015 Pelo presente instrumento particular de contrato de locação que entre si celebram, de um lado a Câmara Municipal de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe, pessoa jurídica de

Leia mais

CONTRATO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO COM FINALIDADE ESPECÍFICA

CONTRATO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO COM FINALIDADE ESPECÍFICA CONTRATO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO COM FINALIDADE ESPECÍFICA CAIXA DE PREVIDÊNCIA DOS FUNCIONÁRIOS DO BANCO DO BRASIL, entidade fechada de previdência complementar, com sede na Praia de Botafogo, nº

Leia mais

CONTRATO MÁSTER DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

CONTRATO MÁSTER DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO MÁSTER DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Considerando que: a. a DELL COMPUTADORES DO BRASIL LTDA. fabrica e comercializa produtos de informática e soluções de tecnologia de informação (doravante denominados

Leia mais

MINUTA DE CONTRATO Nº 011/2013 - CONC

MINUTA DE CONTRATO Nº 011/2013 - CONC MINUTA DE CONTRATO Nº 011/2013 - CONC Termo de Contrato firmado entre a Fundação de Apoio Institucional ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico FAI.UFSCar e xxxxxxxxxxxxxxxxxxxx, para execução das

Leia mais

Contrato de Comodato de Equipamentos

Contrato de Comodato de Equipamentos Contrato de Comodato de Equipamentos ELITEINFOR com sede na Cidade de Lagoa Grande / PE, na Rua Joaquim Nabuco, 175, Centro, CEP: 56395-000, inscrita no CNPJ sob n.º 13.636.627/0001-85, doravante denominado

Leia mais

REGULAMENTO. (PROC. SUSEP Nº 10.004291/00-04) da APLUB.

REGULAMENTO. (PROC. SUSEP Nº 10.004291/00-04) da APLUB. REGULAMENTO BENEFÍCIO POR MORTE - PECÚLIO - PP 527 (PROC. SUSEP Nº 10.004291/00-04) da APLUB. DAS CARACTERÍSTICAS Art. 1º - A Associação dos Profissionais Liberais Universitários do Brasil (APLUB), doravante

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GAR ANTIA DE ENTREGA DE OBRA CBIC (IMOBILIARIO)

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GAR ANTIA DE ENTREGA DE OBRA CBIC (IMOBILIARIO) CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GAR ANTIA DE ENTREGA DE OBRA CBIC (IMOBILIARIO) ESSOR Seguros S.A CNPJ 14.5 25.684/0001-50 Process o SUSEP Nº 1 54 14.002 72 3/2 01 2-09 O registro deste plano na SUSEP não im plica,

Leia mais

CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE OPERAÇÕES (PESSOA JURÍDICA)

CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE OPERAÇÕES (PESSOA JURÍDICA) 1 (PESSOA JURÍDICA) FDR CORRETORA DE MERCADORIAS LTDA., com sede na Cidade de São Paulo, Estado de São Paulo, na Rua São Bento, 470 11º andar, CEP: 01010-001, inscrita no CNPJ sob o nº: 03.249.263/0001-27,

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE CUSTÓDIA DE ATIVOS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE CUSTÓDIA DE ATIVOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE CUSTÓDIA DE ATIVOS A COMPANHIA BRASILEIRA DE LIQUIDAÇÃO E CUSTÓDIA, pessoa jurídica com sede na Rua XV de Novembro, n.º 275, em São Paulo, SP, inscrita no CNPJ/MF sob

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CENTRO REGIONAL DE CULTURA, inscrito no CNPJ/MF sob o nº 17.860.164/0001-91, com sede na Av. Presidente Tancredo de Almeida Neves nº 45, bairro Avenida, CEP

Leia mais

Parágrafo Primeiro. O fornecimento do material para veiculação do informativo será de responsabilidade da contratante.

Parágrafo Primeiro. O fornecimento do material para veiculação do informativo será de responsabilidade da contratante. CONTRATO Nº 004/2015 REFERENTE À PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM A CÂMARA MUNICIPAL DE QUERÊNCIA E A EMPRESA RÁDIO LÍDER SERVIÇOS E PUBLICIDADE LTDA ME. A Estado de Mato Grosso, Pessoa Jurídica

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSOS PREPARATÓRIOS PARA CONCURSO - MODALIDADE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSOS PREPARATÓRIOS PARA CONCURSO - MODALIDADE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSOS PREPARATÓRIOS PARA CONCURSO - MODALIDADE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA Pelo presente Instrumento Particular de Contrato de Prestação de Serviços Educacionais,

Leia mais

ANEXO III CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO

ANEXO III CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO ANEXO III CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO QUE ENTRE SI FORMALIZAM, DE UM LADO O CONSELHO REGIONAL DE ECONOMIA 4ª REGIÃO - RS E, DE OUTRO, A EMPRESA XXXXXXXXXX PARA O FIM QUE NELE SE DECLARA.

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO NA MODALIDADE LOCAL PLANOS DE SERVIÇO CLARO FIXO.

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO NA MODALIDADE LOCAL PLANOS DE SERVIÇO CLARO FIXO. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO NA MODALIDADE LOCAL PLANOS DE SERVIÇO CLARO FIXO. Objeto O objeto do presente Contrato é a prestação, pela EMBRATEL, do Serviço Telefônico Fixo

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE COMPRA DE PRODUTOS PELA KSR AUTOMOTIVE INDÚSTRIA DO BRASIL LTDA.

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE COMPRA DE PRODUTOS PELA KSR AUTOMOTIVE INDÚSTRIA DO BRASIL LTDA. TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE COMPRA DE PRODUTOS PELA KSR AUTOMOTIVE INDÚSTRIA DO BRASIL LTDA. 1 ÍNDICE GERAL 1 OBJETO 3 2 SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO E PROPOSTA COMERCIAL 3 3 PEDIDO DE COMPRA E AUTORIZAÇÃO

Leia mais

Contrato de Repasse de Bônus

Contrato de Repasse de Bônus Contrato de Repasse de Bônus Cooperativa de Consumidores Global Brasil, com sede na Avenida Getúlio Vargas, 239N, Sala 08, na cidade de Chapecó, Santa Catarina, inscrita no CNPJ sob número 03.550.003/0001-97,

Leia mais

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMOS

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMOS REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMOS ÍNDICE 1.0 - DOS EMPRÉSTIMOS...Página 2 2.0 - DA MODALIDADE... 2 3.0 - DOS LIMITES... 2 4.0 - DA CONCESSÃO... 3 5.0 - DOS PRAZOS... 4 6.0 - DA AMORTIZAÇÃO... 4

Leia mais

CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL. Empresa: Matrícula: Telefone: ( ) Renegociação? ( ) NÃO ( ) SIM Novo Contrato:

CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL. Empresa: Matrícula: Telefone: ( ) Renegociação? ( ) NÃO ( ) SIM Novo Contrato: CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL Nome do Participante/Assistido: Empresa: Matrícula: Telefone: ( ) Valor do Empréstimo: Quantidade de Prestações: Renegociação? ( ) NÃO ( ) SIM Novo Contrato: Valor liquido

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTRUÇÃO DE SOCIEDADE EM CONTA DE PARTICIPAÇÃO

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTRUÇÃO DE SOCIEDADE EM CONTA DE PARTICIPAÇÃO INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTRUÇÃO DE SOCIEDADE EM CONTA DE PARTICIPAÇÃO Pelo presente instrumento particular de constituição de sociedade se constitui a "SOCIEDADE EM CONTA DE PARTICIPAÇÃO", formada

Leia mais

CLÁUSULA PRIMEIRA - DO OBJETO

CLÁUSULA PRIMEIRA - DO OBJETO CLÁUSULA PRIMEIRA - DO OBJETO TERMO DE CONTRATO DE CREDENCIAMENTO, ORIGINÁRIO DA LICITAÇÃO OBJETIVANDO O CREDENCIAMENTO SPAL Nº 03/2014, QUE ENTRE SI FAZEM A COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS - COPASA

Leia mais

CONTRATO DE LICENÇA DE USO DE SOFTWARE POR TEMPO INDETERMINADO COM ATUALIZAÇÕES

CONTRATO DE LICENÇA DE USO DE SOFTWARE POR TEMPO INDETERMINADO COM ATUALIZAÇÕES JIVA GESTÃO DE NEGÓCIOS LTDA.(LICENCIANTE), inscrita no Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica sob o nº 10.276.926/0001-68, com sede na Av. Marcos de Freitas Costa, nº 309, Bairro Daniel Fonseca, Uberlândia/MG.;

Leia mais

c Designação do corpo docente, auxiliares, e dos demais profissionais que a atividade necessitar;

c Designação do corpo docente, auxiliares, e dos demais profissionais que a atividade necessitar; CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS 2015 Pelo presente instrumento particular de Contrato de Prestação de Serviços Educacionais de um lado o Centro de Ensino São José Ltda., inscrito no CNPJ:

Leia mais

MUNICÍPIO DE CACHOEIRA ALTA,

MUNICÍPIO DE CACHOEIRA ALTA, CONTRATO ADM. Nº 053/2013. Contrato de Prestação de Serviços de Recuperação de pavimentação com TSD e PMF na via de acesso a cidade que entre si celebram o Município de CACHOEIRA ALTA, Goiás e a Empresa

Leia mais

SUMÁRIO. Seção IV - Instruções Complementares (Circulares e Comunicados) AUTOMATICIDADE DE RESSEGURO - MODALIDADE CONCORRÊNCIA (BID BOND)

SUMÁRIO. Seção IV - Instruções Complementares (Circulares e Comunicados) AUTOMATICIDADE DE RESSEGURO - MODALIDADE CONCORRÊNCIA (BID BOND) Seguro Garantia Este manual foi confeccionado com o objetivo de divulgar o Seguro Garantia, facilitando a Corretores e Seguradores a prática para sua contratação, bem como fornecer a Segurados e Tomadores

Leia mais

C O N T R A T O X X X / I P P L A N / 2 0 1 3

C O N T R A T O X X X / I P P L A N / 2 0 1 3 C O N T R A T O X X X / I P P L A N / 2 0 1 3 CONTRATANTE: IPPLAN INSTITUTO DE PESQUISA, ADMINISTRAÇÃO E PLANEJAMENTO DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS. CONTRATADO: XXXXXXXXXXXXXXXX OBJETO: Elaboração do Plano Diretor

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO 0800 PROGRESSIVO CLÁUSULA PRIMEIRA DOCUMENTO INTEGRANTE DO CONTRATO

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO 0800 PROGRESSIVO CLÁUSULA PRIMEIRA DOCUMENTO INTEGRANTE DO CONTRATO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO 0800 PROGRESSIVO Pelo presente instrumento, de um lado a TELEFÔNICA BRASIL S.A., inscrita no CNPJ/MF sob o nº. 02.558.157/0001-62, com sede na Av. Engenheiro Luiz Carlos

Leia mais

TERMO DE AJUSTE DE COMPRA E VENDA DE ENERGIA ELÉTRICA

TERMO DE AJUSTE DE COMPRA E VENDA DE ENERGIA ELÉTRICA LEILÃO ACL Nº 02/2015 ANEXO V MINUTA DO TERMO DE AJUSTE DE COMPRA E VENDA DE ENERGIA ELÉTRICA TERMO DE AJUSTE DE COMPRA E VENDA DE ENERGIA ELÉTRICA CHESF X EMPRESA. TACVEE XXX / 2015 TERMO DE AJUSTE DE

Leia mais

CONTRATO PARTICULAR DE PARCERIA COMERCIAL

CONTRATO PARTICULAR DE PARCERIA COMERCIAL CONTRATO PARTICULAR DE PARCERIA COMERCIAL CÓDIGO DO CLIENTE: CONTRATANTE: Mult Tecnologia Eireli, empresa individual de responsabilidade limitada, legalmente constituída, inscrita no CNPJ sob o nº 38.038.006/0001-20,

Leia mais

TERMO DE ADESÃO AO SERVIÇO SEM PARAR Consulte a Proposta de Adesão com as regras específicas do Plano de Serviços escolhido.

TERMO DE ADESÃO AO SERVIÇO SEM PARAR Consulte a Proposta de Adesão com as regras específicas do Plano de Serviços escolhido. TERMO DE ADESÃO AO SERVIÇO SEM PARAR Consulte a Proposta de Adesão com as regras específicas do Plano de Serviços escolhido. 1. DAS DEFINIÇÕES 1.1. São aplicáveis as seguintes definições: (I) AUTOATENDIMENTO:

Leia mais

CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NO MERCADO DE OPÇÕES

CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NO MERCADO DE OPÇÕES CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NO MERCADO DE OPÇÕES São partes neste instrumento: I CORRETORA: ALFA CORRETORA DE CÂMBIO E VALORES MOBILIÁRIOS S.A.., com sede no Município de São Paulo, Estado de

Leia mais

Resolvem, na melhor forma de direito, celebrar o presente Contrato de Mútuo ( Contrato ), de acordo com os seguintes termos e condições:

Resolvem, na melhor forma de direito, celebrar o presente Contrato de Mútuo ( Contrato ), de acordo com os seguintes termos e condições: CONTRATO DE MÚTUO Prelo presente instrumento particular, [O Estudante, pessoa física proponente de empréstimo com determinadas características ( Proposta )], identificado e assinado no presente contrato

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE VOZ SOBRE PROTOCOLO DE INTERNET VOIP PHONEX

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE VOZ SOBRE PROTOCOLO DE INTERNET VOIP PHONEX CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE VOZ SOBRE PROTOCOLO DE INTERNET VOIP PHONEX São partes deste Contrato: O CLIENTE devidamente qualificado na Proposta Comercial PHONEX parte integrante deste contrato,

Leia mais

CONTRATO DE CREDENCIAMENTO DE FORNECEDORES

CONTRATO DE CREDENCIAMENTO DE FORNECEDORES CONTRATO DE CREDENCIAMENTO DE FORNECEDORES São partes neste Contrato: 1. PROCIDADES COMÉRCIO E SERVIÇOS DE APOIO LTDA, pessoa jurídica de direito privado inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídicas

Leia mais

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO SANTANDER PARCELADO

CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO SANTANDER PARCELADO CLÁUSULAS E CONDIÇOES DO SANTANDER PARCELADO Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Juscelino Kubitscheck, 2041, São Paulo/SP, inscrito no CNPJ/MF

Leia mais

CONTRATO DE COMPRA E VENDA Nº CCV /00

CONTRATO DE COMPRA E VENDA Nº CCV /00 CONTRATO DE COMPRA E VENDA Nº CCV /00 Pelo presente instrumento particular de contrato de compra e venda, entre partes, a saber, de um lado, (VENDEDORA), doravante denominada VENDEDORA, com sede na, Bairro,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO VERDE

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO VERDE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, QUE ENTRE SI, CELEBRAM O MUNICÍPIO DE RIO VERDE, ATRAVÉS DO FUNDO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO - FME E A SRª HELENA DA SILVA GUIMARÃES DE SOUZA,

Leia mais

CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE OPERAÇÕES (PESSOA FÍSICA)

CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE OPERAÇÕES (PESSOA FÍSICA) 1 (PESSOA FÍSICA) Os signatários assumem plena responsabilidade pelas informações ora prestadas, esclarecendo, ainda, que os documentos comprobatórios de sua veracidade se encontram em poder da CORRETORA.

Leia mais

NOSSA FAMÍLIA Escola de Educação Infantil Ltda.

NOSSA FAMÍLIA Escola de Educação Infantil Ltda. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS Pelo presente instrumento particular de CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, de uma lado, a NOSSA FAMÍLIA ESCOLA DE EDUCAÇÃO INFANTIL LTDA, com sede na Avenida

Leia mais

BR MALLS PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ nº 06.977.745/0001-91 PLANO DE OPÇÃO DE COMPRA DE AÇÕES

BR MALLS PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ nº 06.977.745/0001-91 PLANO DE OPÇÃO DE COMPRA DE AÇÕES 1. OBJETIVOS DO PLANO BR MALLS PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ nº 06.977.745/0001-91 PLANO DE OPÇÃO DE COMPRA DE AÇÕES 1.1. Os objetivos do Plano de Opção de Compra de Ações da BR Malls Participações S.A. ( Companhia

Leia mais

CONTRATO PARA CONCESSÃO DE ANTECIPAÇÃO DE CRÉDITO, MEDIANTE DESCONTO EM FOLHA DE PAGAMENTO

CONTRATO PARA CONCESSÃO DE ANTECIPAÇÃO DE CRÉDITO, MEDIANTE DESCONTO EM FOLHA DE PAGAMENTO CONTRATO PARA CONCESSÃO DE ANTECIPAÇÃO DE CRÉDITO, MEDIANTE DESCONTO EM FOLHA DE PAGAMENTO São partes neste Contrato: 1. PROCIDADES COMÉRCIO E SERVIÇOS DE APOIO LTDA, pessoa jurídica de direito privado

Leia mais

Anexo H MINUTA DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS - PJ

Anexo H MINUTA DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS - PJ Anexo H MINUTA DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS - PJ CONTRATO n /2007 Contrato de Prestação de Serviços de Consultoria / Instrutoria, que entre si celebram o SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS

Leia mais

ANEXO VI MINUTA DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS REFERENTE: PREGÃO PRESENCIAL Nº. 034 / 2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS

ANEXO VI MINUTA DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS REFERENTE: PREGÃO PRESENCIAL Nº. 034 / 2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº. / 2015.. PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 065 / 2015. CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE SERRANA / SP. EMPRESA DETENTORA:. Aos dias do mês de do ano

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE ESCRITURA DA QUARTA EMISSÃO DE DEBÊNTURES SIMPLES, NÃO CONVERSÍVEIS EM AÇÕES, DA ESPÉCIE SUBORDINADA, DA AUTOPISTA

INSTRUMENTO PARTICULAR DE ESCRITURA DA QUARTA EMISSÃO DE DEBÊNTURES SIMPLES, NÃO CONVERSÍVEIS EM AÇÕES, DA ESPÉCIE SUBORDINADA, DA AUTOPISTA INSTRUMENTO PARTICULAR DE ESCRITURA DA QUARTA EMISSÃO DE DEBÊNTURES SIMPLES, NÃO CONVERSÍVEIS EM AÇÕES, DA ESPÉCIE SUBORDINADA, DA AUTOPISTA FLUMINENSE S.A. 19 de outubro de 2015 INSTRUMENTO PARTICULAR

Leia mais

Administração Central

Administração Central CONTRATO 303/10 CONTRATO: Nº 303/10 CONTRATANTE: CEETEPS CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA "PAULA SOUZA" CONTRATADA: PROTEMAX COMERCIO E SERVIÇOS LTDA ME OBJETO: SERVIÇO DE INSTALAÇÃO E FORNECIMENTO

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 044/2015 PROCESSO N.º 0159/2015 29/06/2015 RENOVAÇÃO DO PPRA PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE RISCOS AMBIENTAIS

CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 044/2015 PROCESSO N.º 0159/2015 29/06/2015 RENOVAÇÃO DO PPRA PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE RISCOS AMBIENTAIS CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 044/2015 PROCESSO N.º 0159/2015 29/06/2015 RENOVAÇÃO DO PPRA PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE RISCOS AMBIENTAIS I Das Partes CLÁUSULA PRIMEIRA Pelo presente Instrumento e na melhor

Leia mais

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO VII PREGÃO Nº. 006/2013 MINUTA DO CONTRATO

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO VII PREGÃO Nº. 006/2013 MINUTA DO CONTRATO ANEXO VII PREGÃO Nº. 006/2013 MINUTA DO CONTRATO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CELEBRADO ENTRE O CONSELHO REGIONAL DE CORRETORES DE IMÓVEIS CRECI 2.ª REGIÃO E A EMPRESA XXXXXXXXXXXXXXXXX CONSELHO REGIONAL

Leia mais

Tem entre si, certo e ajustado, o presente CONTRATO, que será regido pelas seguintes cláusulas e condições:

Tem entre si, certo e ajustado, o presente CONTRATO, que será regido pelas seguintes cláusulas e condições: ADMINISTRADORA DE CARTÕES LTDA. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ADMINISTRAÇÃO E DE FORNECIMENTO DE CARTÃO REFEIÇÃO Por este instrumento e na melhor forma de direito, de um lado, MAXXCARD ADMINISTRADORA

Leia mais

TERMO DE HOMOLOGAÇÃO

TERMO DE HOMOLOGAÇÃO TERMO DE HOMOLOGAÇÃO Processo nº.: 0011605 Modalidade: Pregão Edital nº.: 18/2016 Tipo: Menor Preço Por Item Objeto: Referente a aquisição de materiais elétricos para as diversas Secretarias do município

Leia mais

ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DO PARÁ ACEPA CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ESTADO DO PARÁ CESUPA RENOVAÇÃO DE MATRÍCULAS PARA O 1º SEMESTRE DE 2015

ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DO PARÁ ACEPA CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ESTADO DO PARÁ CESUPA RENOVAÇÃO DE MATRÍCULAS PARA O 1º SEMESTRE DE 2015 ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DO PARÁ ACEPA CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ESTADO DO PARÁ CESUPA RENOVAÇÃO DE MATRÍCULAS PARA O 1º SEMESTRE DE 2015 EDITAL Nº 046/2014 1. O Reitor do Centro Universitário do

Leia mais

CONTRATO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

CONTRATO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PELOTAS PRÓ-REITORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO DE EDUCAÇÃO CONTINUADA CONTRATO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU CONTRATADA: Universidade

Leia mais

REGULAMENTO DO 1 PROGRAMA DE INCENTIVO ATRELADO A AÇÕES DA DIRECIONAL ENGENHARIA S.A. DIRECIONAL ENGENHARIA S.A. CNPJ 16.614.

REGULAMENTO DO 1 PROGRAMA DE INCENTIVO ATRELADO A AÇÕES DA DIRECIONAL ENGENHARIA S.A. DIRECIONAL ENGENHARIA S.A. CNPJ 16.614. REGULAMENTO DO 1 PROGRAMA DE INCENTIVO ATRELADO A AÇÕES DA DIRECIONAL ENGENHARIA S.A. DIRECIONAL ENGENHARIA S.A. CNPJ 16.614.075/0001-00 NIRE 31.300.025.837 15 de maio de 2015 TEXT_SP 9567220v1 / O presente

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL

CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL 24170-3 (FL. 1/4) SF 06/11 Via única CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL Estas são as condições gerais do Empréstimo Pessoal, solicitado e contratado por você. Leia atentamente estas condições

Leia mais

CONTRATO DE AFILIAÇÃO E ADESÃO AO SISTEMA SOROVALE DE BENEFÍCIOS.

CONTRATO DE AFILIAÇÃO E ADESÃO AO SISTEMA SOROVALE DE BENEFÍCIOS. CONTRATO DE AFILIAÇÃO E ADESÃO AO SISTEMA SOROVALE DE BENEFÍCIOS. Pelo presente instrumento particular, as partes, de um lado, SOROVALE ADMINISTRADORA DE BENEFÍCIOS E CONVÊNIOS LTDA., CNPJ 08.744.723/0001-07

Leia mais

MINUTA DE CONTRATO DE COMODATO PARA EXPLORAÇÃO DO BAR DA PISCINA

MINUTA DE CONTRATO DE COMODATO PARA EXPLORAÇÃO DO BAR DA PISCINA MINUTA DE CONTRATO DE COMODATO PARA EXPLORAÇÃO DO BAR DA PISCINA DAS PARTES Pelo presente instrumento particular de contrato, que tem de um lado , brasileiro, residente à ,

Leia mais

APÓLICE/ENDOSSO DE SEGURO GARANTIA

APÓLICE/ENDOSSO DE SEGURO GARANTIA APÓLICE/ENDOSSO DE SEGURO GARANTIA Apólice: 024612013000107750002827 Processo SUSEP : 15414.004045/2010-49 Endosso: 0000000 Número de Controle Interno: 7202Ě CONDIÇÕES PARTICULARES A Austral Seguradora

Leia mais

- PROJETO CRESCER - - CONTRATO DE INCLUSÃO - QUE ENTRE SI CELEBRAM O SINDICATO DOS CONTABILISTAS DE PORTO ALEGRE SCPA E.

- PROJETO CRESCER - - CONTRATO DE INCLUSÃO - QUE ENTRE SI CELEBRAM O SINDICATO DOS CONTABILISTAS DE PORTO ALEGRE SCPA E. - PROJETO CRESCER - - CONTRATO DE INCLUSÃO - QUE ENTRE SI CELEBRAM O SINDICATO DOS CONTABILISTAS DE PORTO ALEGRE SCPA E. SINDICATO DOS CONTABILISTAS DE PORTO ALEGRE com sede na Rua Riachuelo 1.641 1º andar,

Leia mais

REGULAMENTO DA CÂMARA DE REGISTRO, COMPENSAÇÃO E LIQUIDAÇÃO DE OPERAÇÕES DE CÂMBIO DA BM&FBOVESPA. Março 2014. Página 1

REGULAMENTO DA CÂMARA DE REGISTRO, COMPENSAÇÃO E LIQUIDAÇÃO DE OPERAÇÕES DE CÂMBIO DA BM&FBOVESPA. Março 2014. Página 1 REGULAMENTO DA CÂMARA DE REGISTRO, COMPENSAÇÃO E LIQUIDAÇÃO DE OPERAÇÕES DE CÂMBIO DA BM&FBOVESPA Março 2014 Página 1 ÍNDICE CAPÍTULO I DAS DEFINIÇÕES... 3 CAPÍTULO II DAS ATIVIDADES DA CÂMARA... 6 CAPÍTULO

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº. 006/2013

CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº. 006/2013 CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº. 006/2013 PROCESSO ADMNISTRATIVO Nº. 117/2013 Dispensa de Licitação Art. 24, II, da Lei 8.666/93 Pelo presente instrumento que entre si celebram CÂMARA MUNICIPAL DE ALFREDO CHAVES,

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GARANTIA CIRCULAR SUSEP 232/03. Processo SUSEP nº 10.003.017/01-08

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GARANTIA CIRCULAR SUSEP 232/03. Processo SUSEP nº 10.003.017/01-08 CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GARANTIA CIRCULAR SUSEP 232/03 Processo SUSEP nº 10.003.017/01-08 Cláusula 1ª - OBJETO Este seguro garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo Tomador no contrato principal,

Leia mais

Anexo II. Minuta de Contrato

Anexo II. Minuta de Contrato Anexo II Minuta de Contrato CONTRATO QUE ENTRE SI FAZEM, DE UM LADO FUNDAÇÃO ZERBINI, E DO OUTRO, A EMPRESA XXXXXXXXXXXXXXX, PARA O FIM QUE NELE SE DECLARA. (Convite n.º 006/2008) Pelo presente instrumento

Leia mais

Quadro 5 Número de Vias deste Contrato Total: 2 (duas) vias Vias da ELETROBRAS: 1 (uma) via Vias da Contratante: 1 (uma) via

Quadro 5 Número de Vias deste Contrato Total: 2 (duas) vias Vias da ELETROBRAS: 1 (uma) via Vias da Contratante: 1 (uma) via CONTRATO PARA LICENÇA DE USO DE MÓDULO EXECUTÁVEL DE PROGRAMA COMPUTACIONAL QUE ENTRE SI FAZEM A CENTRAIS ELÉTRICAS BRASILEIRAS - ELETROBRÁS E A CONTRATANTE ABAIXO CARACTERIZADA. ECE-EGP-XXX/20XX Quadro

Leia mais

CONTRATO DE ADESÃO DE CURSO DA FAFQ. Arquivado no Cartório de Registro de Títulos e Documentos da Comarca de São Carlos SP sob número <<>>

CONTRATO DE ADESÃO DE CURSO DA FAFQ. Arquivado no Cartório de Registro de Títulos e Documentos da Comarca de São Carlos SP sob número <<>> CONTRATO DE ADESÃO DE CURSO DA FAFQ Arquivado no Cartório de Registro de Títulos e Documentos da Comarca de São Carlos SP sob número A FUNDAÇÃO DE APOIO À FÍSICA E À QUÍMICA - FAFQ pessoa jurídica

Leia mais

CIRCULAR SUSEP Nº 030, de 04 de junho de 1976

CIRCULAR SUSEP Nº 030, de 04 de junho de 1976 SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS CIRCULAR SUSEP Nº 030, de 04 de junho de 1976 Aprova Condições Especiais do Seguro de Garantia para Cobertura das Operações de Empréstimos Hipotecários. O SUPERINTENDENTE

Leia mais