matrícula, inscrito(a) no CPF sob o n.º

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "matrícula, inscrito(a) no CPF sob o n.º"

Transcrição

1 CONTRATO DE MÚTUO, EMPRÉSTIMO FUNCEF NA MODALIDADE DE CREDINÂMICO 13º SALÁRIO FEVEREIRO QUE ENTRE SI FAZEM AS PARTES ABAIXO IDENTIFICADAS, NAS CONDIÇÕES QUE SE SEGUEM: SÃO PARTES DESTE CONTRATO: A FUNDAÇÃO DOS ECONOMIÁRIOS FEDERAIS - FUNCEF, Entidade Fechada de Previdência Complementar, com sede no SCN, Quadra 02, Bloco A, Ed. Corporate Financial Center, 12º e 13º andares, Brasília/DF, inscrita no CNPJ/MF sob o n.º / , por seu representante abaixo assinado, doravante denominada MUTUANTE; E, matrícula, inscrito(a) no CPF sob o n.º doravante denominado MUTUÁRIO. CLÁUSULA PRIMEIRA Do Objeto Constitui objeto deste contrato de mútuo a concessão de empréstimo pela FUNCEF, na qualidade de MUTUANTE, ao Participante Ativo, Participante Autopatrocinado ou Assistido, na condição de MUTUÁRIO, denominado CREDINÂMICO FUNCEF 13º SALÁRIO - FEVEREIRO. CLÁUSULA SEGUNDA Da Documentação A FUNCEF concederá crédito de empréstimo ao MUTUÁRIO, observadas todas as condições previstas neste contrato de mútuo. Parágrafo primeiro A concessão do empréstimo exige a prévia solicitação do participante e a assinatura deste contrato de mútuo e seus respectivos anexos perante 02 (duas) testemunhas. Parágrafo segundo Para os Participantes Ativos ou Assistidos, a concessão do empréstimo poderá, também, ser efetuada por meio da plataforma de concessão de crédito on-line, mediante a assinatura eletrônica deste contrato de mútuo. Parágrafo terceiro Para o Participante Autopatrocinado, a concessão do empréstimo somente será efetuada mediante a apresentação à MUTUANTE deste contrato de mútuo, devidamente firmado, e de seu respectivo Anexo 1, além da assinatura do Termo de Compromisso (Anexo 2) e apresentação dos documentos exigidos, sendo, neste caso, imprescindível a indicação de 02 (dois) fiadores e respectivos cônjuges, caso existam, para figurar neste instrumento.

2 Parágrafo quarto Excepciona-se da regra acima descrita, no que tange à indicação de fiadores, os empregados da patrocinadora CAIXA cedidos para outros órgãos em exercício de cargo de direção. CLÁUSULA TERCEIRA Da Concessão Na concessão do mútuo será observada pela MUTUANTE, para todos os efeito s, a satisfação dos quesitos descritos nos parágrafos seguintes. Parágrafo primeiro Esta modalidade de empréstimo será concedida ao Participante Ativo da Patrocinadora CAIXA e da Patrocinadora FUNCEF, somente após o decurso do estágio probatório na Patrocinadora e do pagamento da contribuição ao plano de benefícios. Parágrafo segundo O MUTUÁRIO declara-se ciente de que a liberação do crédito solicitado fica condicionada aos seguintes critérios: i) Adimplência nas carteiras de operações com participantes (Empréstimos e Financiamento Habitacional); ii) Inexistência de dívidas com a FUNCEF ou de litígio envolvendo os contratos de financiamento habitacional e de empréstimos decorrente de inadimplência com a MUTUANTE; iii) Disponibilidade de recursos pela FUNCEF, na form a da legislação aplicada às Entidades Fechadas de Previdência Complementar (EFPCs). Parágrafo terceiro A MUTUANTE concederá o empréstimo na modalidade CREDINÂMICO FUNCEF 13º SALÁRIO - FEVEREIRO, no percentual a ser indicado, incidente sobre o valor do 13º salário a ser consignado em folha de pagamento no mês de FEVEREIRO para os Participantes Assistidos e Participantes Ativos da Patrocinadora FUNCEF e, para os Participantes Ativos da Patrocinadora CAIXA e Autopatrocinados, em conta bancária de sua titularidade, mantida na Caixa Econômica Federal. Parágrafo quarto Para o Participante Autopatrocinado, o empréstimo CREDINÂMICO FUNCEF 13º SALÁRIO - FEVEREIRO será o equivalente ao percentual a ser indicado pela MUTUANTE, incidente sobre o Salário de Participação, observados os critérios para os demais mutuários nos termos deste contrato. Parágrafo quinto Não será permitida a concessão do empréstimo ao Participante que se encontre na condição de cancelado, Benefício Proporcional Diferido (BPD) ou licenciado do Plano de Benefícios da FUNCEF e aos empregados contratados para realizar trabalhos temporários ou em caráter de substituição temporária. Parágrafo sexto Em hipótese de cancelamento do empréstimo, este deverá ser realizado até o horário estipulado pela MUTUANTE para encerramento das concessões diárias.

3 Parágrafo sétimo - Na impossibilidade de cancelamento até o prazo estipulado, o MUTUÁRIO poderá solicitar à MUTUANTE o débito do valor creditado em sua conta bancária, em até 05 (cinco) dias úteis após a data do crédito. Parágrafo oitavo A MUTUANTE poderá cancelar a concessão deste empréstimo, independentemente de aviso prévio, interpelação ou notificação judicial ou extrajudicial, antes da efetivação da operação, caso seja verificada qualquer irregularid ade na concessão. Parágrafo nono A contratação desta modalidade é permitida uma única vez durante o período de liberação do crédito indicado pela MUTUANTE. CLÁUSULA QUARTA Do Valor e do Prazo O valor máximo para concessão será calculado de acordo com o percentual de até 35% (trinta e cinco por cento) sobre a Remuneração Base para os Participantes Ativos, sobre o Salário de Participação para os Autopatrocinados, e para os Participantes Assistidos será considerado o benefício pago pela FUNCEF no mês da solicitação. Parágrafo único O pagamento deste empréstimo dar-se-á em parcela única no mês de FEVEREIRO subsequente à data da concessão do empréstimo. CLÁUSULA QUINTA Do Sistema de Amortização Será adotado, como base para amortização desta modalidade d e empréstimo, o Sistema Francês de Amortização Tabela Price. CLÁUSULA SEXTA Da Taxa de Juros A taxa de juros efetiva, estabelecida para esta operação de empréstimo, é de 15,90% ao ano, equivalente a 1,2372% ao mês. CLÁUSULA SÉTIMA Da Taxa Administrativa concessão. A taxa administrativa incidirá sobre o valor bruto do empréstimo na data de Parágrafo único - O percentual relativo à taxa administrativa será definido pela MUTUANTE. CLÁUSULA OITAVA Do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) mútuo. O IOF será cobrado nos termos da legislação em vigor na data da concessão do

4 CLÁUSULA NONA Do Fundo Garantidor para Quitação de Crédito (FGQC) O Fundo Garantidor para Quitação de Crédito (FGQC) será utilizado para quitação do saldo devedor vincendo do empréstimo, em caso de falecimento do MUTUÁRIO e nas situações definidas pela Diretoria Executiva da FUNCEF. Parágrafo primeiro - No ato da contratação será cobrada a parcela única de FGQC, a qual será calculada sobre o valor do empréstimo, e proporcional à quantidade de dias até a data de vencimento do contrato. Parágrafo segundo Sobre o valor do empréstimo, incidirá o percentual de FGQC equivalente ao período entre a data da concessão do empréstimo e a data de vencimento do mútuo, conforme tabela abaixo: Prazo (mês) Percentual Prazo (mês) Percentual Prazo (mês) Percentual 1 0,027% 5 0,134% 9 0,241% 2 0,053% 6 0,160% 10 0,267% 3 0,080% 7 0,187% 11 0,294% 4 0,107% 8 0,214% 12 0,321% CLÁUSULA DÉCIMA - Da Forma de Pagamento Parágrafo primeiro Para o participante Ativo da Patrocinadora CAIXA o débito da prestação será efetuado em conta bancária, de sua titularidade, mantida na Caixa Econômica Federal, para recebimento dos proventos, a ser indicada no Anexo 1, vedando-se a indicação de conta salário. A critério da MUTUANTE, a prestação poderá ser deduzida da folha de pagamentos administrada pela Patrocinadora. Parágrafo segundo Para o Participante Assistido e Ativo da Patrocinadora FUNCEF, o débito da prestação será efetuado em folha de pagamento. A critério da MUTUANTE, a prestação poderá ser comandada para cobrança em conta bancária, de sua titularidade, mantida obrigatoriamente na Caixa Econômica Federal. Parágrafo terceiro Para o Participante Autopatrocinado, o débito será efetuado na conta bancária, de sua titularidade, mantida obrigatoriamente na Caixa Econômica Federal. Parágrafo quarto O MUTUÁRIO autoriza, em caráter irrevogável e irretratável, para todos os efeitos legais e contratuais, que a Caixa Econômica Federal, à pedido da MUTUANTE, efetue o débito em sua conta bancária de todo e qualquer valor decorrente das obrigações assumidas no presente contrato. Parágrafo quinto - O comando do débito da prestação obriga o MUTUÁRIO a manter saldo suficiente para a quitação do valor devido, na data do vencimento do mútuo.

5 Parágrafo sexto O vencimento da prestação dar-se-á no dia 20 (vinte) do mês de FEVEREIRO subsequente ao mês da concessão do empréstimo, ou caso seja feriado ou final de semana, no primeiro dia útil subsequente. Parágrafo sétimo Para participantes Ativos e Assistidos, nos casos de adiantamento salarial pela Patrocinadora CAIXA, Patrocinadora FUNCEF ou de benefícios da FUNCEF, o vencimento da prestação dar-se-á na data de pagamento dos salários e proventos, respectivamente. Parágrafo oitavo Caso a prestação não seja debitada na data de vencimento, por falta de saldo na conta bancária ou pela ausência de margem consignável para desconto em folha de pagamento, a MUTUANTE poderá comandar débitos posteriores na conta bancária, de sua titularidade, mantida na Caixa Econômica Federal, arcando o MUTUÁRIO com os devidos encargos previstos neste contrato de mútuo. Parágrafo nono O MUTUÁRIO que não tiver a prestação do empréstimo descontada na forma prevista nesta cláusula fica obrigado a procurar a MUTUANTE para efetuar o pagamento da prestação, arcando com os devidos encargos previstos neste contrato de mútuo, independentemente da expedição de notificação judicial ou extrajudicial por parte da MUTUANTE. Parágrafo décimo O contrato somente será considerado quitado após o pagamento de todo o saldo devedor. CLÁUSULA DÉCIMA PRIMEIRA - Da Amortização Parcial e Quitação Antecipada do Empréstimo O MUTUÁRIO poderá solicitar a amortização parcial ou a quitação antecipada do saldo devedor a qualquer tempo. Parágrafo primeiro - Autorizada a amortização parcial ou a quitação antecipada do saldo devedor, será processada pela FUNCEF no prazo de até 05 (cinco) dias úteis, considerando-se o saldo devedor posicionado na data do efetivo pagamento. Parágrafo segundo A liquidação antecipada do empréstimo não dá direito a nova contratação referente à mesma parcela de 13º salário. CLÁUSULA DÉCIMA SEGUNDA - Da Inadimplência Será considerado inadimplente o contrato, cujo débito da prestação não tenha sido efetivado na data de vencimento. Parágrafo primeiro - Em caso de inadimplência, serão cobrados os seguintes encargos contratuais:

6 i) Multa contratual de 2% (dois por cento), calculada sobre o valor nominal da prestação, cobrada uma única vez; ii) Juros de mora de 0,033% ao dia, calculados sobre o valor nominal da prestação desde a data de vencimento até o seu efetivo pagamento; iii) Correção monetária pelo indexador INPC/IBGE sobre o valor nominal da prestação desde a data de vencimento até o seu efetivo pagamento; e iv) Juros remuneratórios, conforme cláusula sexta, calculados sobre o valor da prestação corrigida, desde a data de vencimento até que ocorra o seu efetivo pagamento. Parágrafo segundo A MUTUANTE poderá incluir os dados cadastrais do MUTUÁRIO nos órgãos de proteção ao crédito e no cadastro de negativados da FUNCEF, caso identificada inadimplência no contrato de mútuo. Parágrafo terceiro Decorridos 90 (noventa) dias de inadimplência, a MUTUANTE fica autorizada a promover a cobrança judicial da totalidade dos valores concedidos a título de mútuo. Parágrafo quarto Em caso de procedimento judicial, o MUTUÁRIO, além do principal e dos encargos financeiros, arcará com as custas processuais, acrescidas de honorários advocatícios de 20% (vinte por cento) sobre o valor total da dívida atualizada. CLÁUSULA DÉCIMA TERCEIRA Do Vencimento Antecipado O presente contrato de mútuo será rescindido e a dívida imediata e antecipadamente exigível, independentemente de aviso, notificação judicial ou extrajudicial, nas seguintes hipóteses: i) Perda da condição de Participante Ativo, Participante Autopatrocinado ou Assistido, do plano de benefícios; ii) Suspensão do contrato de trabalho com a Patrocinadora em que o MUTUÁRIO não mantenha sua condição de Participante Ativo ou Participante Autopatrocinado do plano de benefícios; iii) Portabilidade do direito acumulado no plano de benefícios; iv) Resgate de saldo total de conta do plano de benefícios, exceto na situação em que o participante permanecer vinculado à Fundação em outro plano de benefícios, em razão de opção para o recebimento do benefício de aposentadoria; e v) Descumprimento de qualquer cláusula deste contrato de mútuo. Parágrafo primeiro Na ocorrência do previsto no item iv a MUTUANTE fica expressamente autorizada pelo MUTUÁRIO a efetuar o resgate após deduzir do valor a ser resgatado o saldo devedor total do contrato.

7 Parágrafo segundo Caso o MUTUÁRIO solicite o resgate das contribuições do plano de benefícios NOVO PLANO, porém permaneça vinculado à Fundação por meio do benefício de aposentadoria no plano REG/REPLAN Saldado, a FUNCEF fica autorizada a deduzir do valor líquido a ser resgatado eventuais parcelas inadimplidas, acrescidas dos encargos previstos neste contrato de mútuo, seja o desconto realizado na folha de pagamento do Resgate ou em conta bancária, de sua titularidade, a ser mantida na Caixa Econômica Federal. CLÁUSULA DÉCIMA QUARTA - Das Disposições Gerais O MUTUÁRIO fica obrigado a comunicar à FUNCEF qualquer alteração em seus dados cadastrais indicados neste contrato de mútuo e respectivos anexos. Parágrafo primeiro O cadastro dos participantes Ativos da CAIXA deverá ser atualizado na respectiva Patrocinadora. Para os participantes Ativos da FUNCEF, Assistidos e Autopatrocinados a atualização deverá ocorrer na própria FUNCEF. Parágrafo segundo Caso não haja comunicação de qualquer mudança de endereço, serão considerados como recebidos, para todos os efeitos, os avisos, as notificações, a s cartas, comunicações e outras correspondências enviadas por meio eletrônico ou impressas para o último endereço cadastrado na MUTUANTE. Parágrafo terceiro Caso a conta bancária para débito indicada no Anexo 1 deste contrato de mútuo não esteja em uso normal ou tenha restrições, o MUTUÁRIO fica obrigado a solicitar à MUTUANTE alteração dos dados bancários. Parágrafo quarto - A MUTUANTE poderá agregar modificações nas condições de seus serviços, disponibilizando-as para o MUTUÁRIO no sítio Parágrafo quinto O MUTUÁRIO declara ter pleno conhecimento das cláusulas dispostas neste instrumento e compromete-se a cumpri-las nos termos e condições pactuados entre as partes

8 CLÁUSULA DÉCIMA QUINTA - Do Foro Para dirimir qualquer questão deste contrato de mútuo, bem como de eventuais aditivos, fica eleito o foro de domicílio do MUTUÁRIO, renunciando, ambas as partes, a qualquer outro, por mais privilegiado que seja., de de 20. (Local/Data) MUTUÁRIO PARTICIPANTE FUNCEF MUTUANTE FUNCEF (USO EXCLUSIVO FUNCEF FAVOR NÃO PREENCHER) TESTEMUNHA 1 Assinatura: Nome: CPF: TESTEMUNHA 2 Assinatura: Nome: CPF: (São obrigatórios a assinatura das testemunhas e o preenchimento dos dados acima) Vigência: a partir de 03 de Agosto de 2015.

9 ANEXO 1 DADOS CADASTRAIS CREDINÂMICO 13º SALÁRIO - FEVEREIRO (PREENCHIMENTO OBRIGATÓRIO PELO MUTUÁRIO PREFERENCIALMENTE LETRA DE FORMA) DADOS PESSOAIS NOME COMPLETO: MATRÍCULA: CPF: RG / ORGÃO EXPEDIDOR: ENDEREÇO COMPLETO: BAIRRO: CIDADE: UF: CEP: CELULAR: ( ) COMERCIAL: ( ) RESIDENCIAL: ( ) PESSOAL: COMERCIAL: DADOS BANCÁRIOS ( BANCO: Caixa Econômica Federal ) CONTA BANCÁRIA PARA CRÉDITO: AGÊNCIA: OPERAÇÃO: CONTA BANCÁRIA: CONTA BANCÁRIA PARA DÉBITO: AGÊNCIA: OPERAÇÃO: CONTA BANCÁRIA: DADOS DA CONCESSÃO DO EMPRÉSTIMO VALOR SOLICITADO LIMITADO AO MÁXIMO PERMITIDO, CONFORME CLÁUSULA QUARTA DESTE CONTRATO: ( ) Valor Máximo permitido referente ao 13º salário do mês de FEVEREIRO. ( ) Valor bruto de R$ Local e data:, de de 20. MUTUÁRIO PARTICIPANTE FUNCEF MUTUANTE FUNCEF (USO EXCLUSIVO FUNCEF FAVOR NÃO PREENCHER) Vigência: a partir de 03 de Agosto de 2015.

10 ANEXO 2 - CREDINÂMICO 13º SALÁRIO - FEVEREIRO (PREENCHIMENTO OBRIGATÓRIO SOMENTE PARA PARTICIPANTE AUTOPATROCINADO LETRA DE FORMA) Termo de Compromisso Participante Autopatrocinado Empréstimo FUNCEF Pelo presente instrumento particular, eu,, matrícula n.º, CPF n.º, profissão, tomador de empréstimo na modalidade de CREDINÂMICO 13º SALÁRIO FEVEREIRO na Fundação dos Economiários Federais FUNCEF, nomeio e indico como fiadores, as pessoas abaixo designadas, as quais respondem solidariamente pelo Empréstimo ora contratado e renunciam expressamente aos benefícios de ordem e de divisão previstos nos Arts. 827 e 829 do Código Civil. FIADOR 1- DADOS PESSOAIS NOME COMPLETO: CPF: RG / ORGÃO EXPEDIDOR: ENDEREÇO COMPLETO: BAIRRO: CIDADE: UF: CEP: CELULAR: ( ) COMERCIAL: ( ) RESIDENCIAL: ( ) PESSOAL: COMERCIAL: ASSINATURA: CÔNJUGE FIADOR 1 - DADOS PESSOAIS NOME COMPLETO: CPF: RG / ORGÃO EXPEDIDOR: ENDEREÇO COMPLETO: BAIRRO: CIDADE: UF: CEP: CELULAR: ( ) COMERCIAL: ( ) RESIDENCIAL: ( ) PESSOAL: COMERCIAL: ASSINATURA:

11 ANEXO 2 - CREDINÂMICO 13º SALÁRIO - FEVEREIRO (PREENCHIMENTO OBRIGATÓRIO SOMENTE PARA PARTICIPANTE AUTOPATROCINADO LETRA DE FORMA) Termo de Compromisso Participante Autopatrocinado Empréstimo FUNCEF FIADOR 2- DADOS PESSOAIS NOME COMPLETO: CPF: RG / ORGÃO EXPEDIDOR: ENDEREÇO COMPLETO: BAIRRO: CIDADE: UF: CEP: CELULAR: ( ) COMERCIAL: ( ) RESIDENCIAL: ( ) PESSOAL: COMERCIAL: ASSINATURA: CÔNJUGE FIADOR 2 - DADOS PESSOAIS NOME COMPLETO: CPF: RG / ORGÃO EXPEDIDOR: ENDEREÇO COMPLETO: BAIRRO: CIDADE: UF: CEP: CELULAR: ( ) COMERCIAL: ( ) RESIDENCIAL: ( ) PESSOAL: COMERCIAL: ASSINATURA: CONTRATANTE / MUTUÁRIO (É obrigatória a assinatura do participante autopatrocinado) Vigência: a partir de 03 de Agosto de 2015.

O mútuo, objeto deste contrato, será concedido conforme condições que se seguem:

O mútuo, objeto deste contrato, será concedido conforme condições que se seguem: SÃO PARTES DESTE CONTRATO: CONTRATO DE EMPRÉSTIMO FUNCEF NA MODALIDADE DE CREDINÂMICO FUNCEF 13º SALÁRIO QUE ENTRE SI FAZEM AS PARTES ABAIXO IDENTIFICADAS, NAS CONDIÇÕES QUE SE SEGUEM: A FUNDAÇÃO DOS ECONOMIÁRIOS

Leia mais

matrícula, inscrito(a) no CPF sob o n.º

matrícula, inscrito(a) no CPF sob o n.º CONTRATO DE MÚTUO, EMPRÉSTIMO FUNCEF NA MODALIDADE DE NOVO CREDINÂMICO FUNCEF VARIÁVEL QUE ENTRE SI FAZEM AS PARTES ABAIXO IDENTIFICADAS, NAS CONDIÇÕES QUE SE SEGUEM: SÃO PARTES DESTE CONTRATO: A FUNDAÇÃO

Leia mais

E, matrícula, inscrito no CPF sob o n.º doravante denominado MUTUÁRIO.

E, matrícula, inscrito no CPF sob o n.º doravante denominado MUTUÁRIO. CONTRATO DE MÚTUO, EMPRÉSTIMO FUNCEF NA MODALIDADE DE NOVO CREDINÂMICO FUNCEF VARIÁVEL QUE ENTRE SI FAZEM AS PARTES ABAIXO IDENTIFICADAS, NAS CONDIÇÕES QUE SE SEGUEM: SÃO PARTES DESTE CONTRATO: A FUNDAÇÃO

Leia mais

PROPOSTA DE EMPRÉSTIMO MODALIDADE PRÉ-FIXADO (Preenchimento Obrigatório) Nome. Matrícula Lotação Tel. Comercial. Email: Carteira de Identidade CPF

PROPOSTA DE EMPRÉSTIMO MODALIDADE PRÉ-FIXADO (Preenchimento Obrigatório) Nome. Matrícula Lotação Tel. Comercial. Email: Carteira de Identidade CPF ELETRA - FUNDAÇÃO CELG DE SEGUROS E PREVIDÊNCIA www.eletra.org.br - versão: 05/2015 12.08.2015 - pág.: 1 PROPOSTA DE EMPRÉSTIMO MODALIDADE PRÉ-FIXADO (Preenchimento Obrigatório) ( ) ATIVO ( ) APOSENTADO

Leia mais

CONTRATO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO COM FINALIDADE ESPECÍFICA

CONTRATO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO COM FINALIDADE ESPECÍFICA CONTRATO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO COM FINALIDADE ESPECÍFICA CAIXA DE PREVIDÊNCIA DOS FUNCIONÁRIOS DO BANCO DO BRASIL, entidade fechada de previdência complementar, com sede na Praia de Botafogo, nº

Leia mais

CONTRATO DE MÚTUO. Assistido é o Participante ou seus beneficiários em gozo de Benefício de prestação continuada.

CONTRATO DE MÚTUO. Assistido é o Participante ou seus beneficiários em gozo de Benefício de prestação continuada. Página 1 de 7 CONTRATO DE MÚTUO Cláusulas e Condições Gerais do Contrato de Mútuo que entre si fazem a Fundação Vale do Rio Doce de Seguridade Social - VALIA e seus Participantes. Fundação Vale do Rio

Leia mais

REGULAMENTO EMPRÉSTIMO CASANPREV

REGULAMENTO EMPRÉSTIMO CASANPREV REGULAMENTO EMPRÉSTIMO CASANPREV 1 CAPÍTULO I Do Objeto Art. 1º Este documento, doravante denominado Regulamento de Empréstimo, estabelece os direitos e as obrigações da CASANPREV, dos Participantes, Assistidos

Leia mais

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL 1. FINALIDADE 1.1. Este Regulamento tem por finalidade disciplinar as concessões de empréstimos aos Participantes do Plano de Benefícios JMalucelli, administrado pelo

Leia mais

CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL. Empresa: Matrícula: Telefone: ( ) Renegociação? ( ) NÃO ( ) SIM Novo Contrato:

CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL. Empresa: Matrícula: Telefone: ( ) Renegociação? ( ) NÃO ( ) SIM Novo Contrato: CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL Nome do Participante/Assistido: Empresa: Matrícula: Telefone: ( ) Valor do Empréstimo: Quantidade de Prestações: Renegociação? ( ) NÃO ( ) SIM Novo Contrato: Valor liquido

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CENTRO REGIONAL DE CULTURA, inscrito no CNPJ/MF sob o nº 17.860.164/0001-91, com sede na Av. Presidente Tancredo de Almeida Neves nº 45, bairro Avenida, CEP

Leia mais

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE CREDI-RÁPIDO CLIENTE - 1º TITULAR CPF CÓD. DA AGÊNCIA CLIENTE - 2º TITULAR CPF NÚMERO DA CONTA

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE CREDI-RÁPIDO CLIENTE - 1º TITULAR CPF CÓD. DA AGÊNCIA CLIENTE - 2º TITULAR CPF NÚMERO DA CONTA CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE CREDI-RÁPIDO CLIENTE - 1º TITULAR CPF CÓD. DA AGÊNCIA CLIENTE - 2º TITULAR CPF NÚMERO DA CONTA CLÁUSULAS GERAIS, que regem o Contrato de Abertura de Credi-Rápido, que são

Leia mais

Credfaz Servidor Federal

Credfaz Servidor Federal COOPERATIVA DE CRÉDITO DO SERVIDOR FEDERAL LTDA. SICOOB CREDFAZ SERVIDOR FEDERAL Credfaz Servidor Federal Edifício CREDFAZ - SCS - Quadra 05 Bloco C - Ent. 165/9 - CEP 70305-921 - Brasília - Fone: 61 3035

Leia mais

CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO DE COMPRAS. I -DEFINIÇÕES: para os fins deste CONTRATO, serão adotadas as seguintes definições:

CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO DE COMPRAS. I -DEFINIÇÕES: para os fins deste CONTRATO, serão adotadas as seguintes definições: CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO DE COMPRAS I -DEFINIÇÕES: para os fins deste CONTRATO, serão adotadas as seguintes definições: a) PASSA TEMPO ADMINISTRADORA DE CARTÃO LTDA., com sede na Rua

Leia mais

CONTRATO PARTICULAR DE MÚTUO PARA CONCESSÃO FAAES- FUNDO DE APOIO AO ACADÊMICO DO ENSINO SUPERIOR

CONTRATO PARTICULAR DE MÚTUO PARA CONCESSÃO FAAES- FUNDO DE APOIO AO ACADÊMICO DO ENSINO SUPERIOR CONTRATO PARTICULAR DE MÚTUO PARA CONCESSÃO FAAES- FUNDO DE APOIO AO ACADÊMICO DO ENSINO SUPERIOR CONTRATO (2013/2) MUTUANTE: ASSOCIAÇÃO JUINENSE DO ENSINO SUPERIOR DO VALE DO JURUENA - AJES, inscrita

Leia mais

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO A PARTICIPANTE DO PLANO DE BENEFICIO CEBPREV.

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO A PARTICIPANTE DO PLANO DE BENEFICIO CEBPREV. REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO A PARTICIPANTE DO PLANO DE BENEFICIO CEBPREV. Sumário Capítulo I Da finalidade...1 Capítulo II - Dos contratantes...1 Capítulo III - Dos limites individuais...2 Capítulo IV -

Leia mais

CONTRATO PARA CONCESSÃO DE ANTECIPAÇÃO DE CRÉDITO, MEDIANTE DESCONTO EM FOLHA DE PAGAMENTO

CONTRATO PARA CONCESSÃO DE ANTECIPAÇÃO DE CRÉDITO, MEDIANTE DESCONTO EM FOLHA DE PAGAMENTO CONTRATO PARA CONCESSÃO DE ANTECIPAÇÃO DE CRÉDITO, MEDIANTE DESCONTO EM FOLHA DE PAGAMENTO São partes neste Contrato: 1. PROCIDADES COMÉRCIO E SERVIÇOS DE APOIO LTDA, pessoa jurídica de direito privado

Leia mais

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMOS

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMOS REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMOS ÍNDICE 1.0 - DOS EMPRÉSTIMOS...Página 2 2.0 - DA MODALIDADE... 2 3.0 - DOS LIMITES... 2 4.0 - DA CONCESSÃO... 3 5.0 - DOS PRAZOS... 4 6.0 - DA AMORTIZAÇÃO... 4

Leia mais

Cédula de Crédito Bancário Abertura de Crédito Pessoa Física

Cédula de Crédito Bancário Abertura de Crédito Pessoa Física Cédula nº: Valor: Data da emissão: Data do vencimento: 1. EMITENTE(S): 1.1 Nome: 1.2 RG: 1.3 CPF/MF - CNPJ/MF: E os coemitentes, demais titulares da conta corrente ao final nomeados, todos qualificados

Leia mais

CONTRATO DE ADESÃO DOS TERMOS DO PRESENTE CONTRATO.

CONTRATO DE ADESÃO DOS TERMOS DO PRESENTE CONTRATO. CONTRATO DE ADESÃO DOS TERMOS DO PRESENTE CONTRATO. São sujeitos deste contrato: A empresa PEOPLE CLUB. PEOPLECLUB LTDA., inscrita no CNPJ/MF sob o n. 19.308.938/0001-00, com sede à Av. Perimetral esq.

Leia mais

CONTRATO DE CREDENCIAMENTO DE FORNECEDORES

CONTRATO DE CREDENCIAMENTO DE FORNECEDORES CONTRATO DE CREDENCIAMENTO DE FORNECEDORES São partes neste Contrato: 1. PROCIDADES COMÉRCIO E SERVIÇOS DE APOIO LTDA, pessoa jurídica de direito privado inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídicas

Leia mais

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO SIMPLES

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO SIMPLES SUMÁRIO 1. DEFINIÇÕES... 2 2. FINALIDADE... 3 3. DESTINATÁRIOS... 3 4. DOCUMENTAÇÃO... 4 5. VALOR MÁXIMO E MÍNIMO... 5 6. PRAZOS... 5 7. ENCARGOS E ATUALIZAÇÃO MONETÁRIA... 6 8. GARANTIAS... 7 9. CONDIÇÕES

Leia mais

Resolvem, na melhor forma de direito, celebrar o presente Contrato de Mútuo ( Contrato ), de acordo com os seguintes termos e condições:

Resolvem, na melhor forma de direito, celebrar o presente Contrato de Mútuo ( Contrato ), de acordo com os seguintes termos e condições: CONTRATO DE MÚTUO Prelo presente instrumento particular, [O Estudante, pessoa física proponente de empréstimo com determinadas características ( Proposta )], identificado e assinado no presente contrato

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE EMISSÃO DE FIANÇA E OUTRAS AVENÇAS

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE EMISSÃO DE FIANÇA E OUTRAS AVENÇAS Pelo presente instrumento, as partes: A BANCO BRADESCO S.A., com sede na Cidade de Deus, Município e Comarca de Osasco SP, inscrito no CNPJ/MF sob nº 60.746.948/0001 12, doravante denominado FIADOR; B...,

Leia mais

I - EMITENTE II - INTERVENIENTE(S) / AVALISTA(S) III - CARACTERÍSTICAS DO(S) PRODUTO(S) MARCA MODELO ANO/MODELO COR COMBUSTÍVEL

I - EMITENTE II - INTERVENIENTE(S) / AVALISTA(S) III - CARACTERÍSTICAS DO(S) PRODUTO(S) MARCA MODELO ANO/MODELO COR COMBUSTÍVEL Nº DA CÉDULA CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO I - EMITENTE II - INTERVENIENTE(S) / AVALISTA(S) III - CARACTERÍSTICAS DO(S) (S) MARCA MODELO ANO/MODELO COR COMBUSTÍVEL RENAVAN CHASSI PLACA NOTA FISCAL (CASO VEÍCULO

Leia mais

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO SIMPLES - CV

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO SIMPLES - CV SUMÁRIO 1. DEFINIÇÕES... 2 2. FINALIDADE... 3 3. DESTINATÁRIOS... 3 4. DOCUMENTAÇÃO... 4 5. VALOR MÁXIMO... 4 6. PRAZOS... 4 7. ENCARGOS E ATUALIZAÇÃO MONETÁRIA... 5 8. GARANTIAS... 5 9. CONDIÇÕES GERAIS...

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSOS PREPARATÓRIOS PARA CONCURSO - MODALIDADE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSOS PREPARATÓRIOS PARA CONCURSO - MODALIDADE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSOS PREPARATÓRIOS PARA CONCURSO - MODALIDADE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA Pelo presente Instrumento Particular de Contrato de Prestação de Serviços Educacionais,

Leia mais

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO Art. 1º Este documento, doravante denominado Regulamento de Empréstimo, estabelece os direitos e as obrigações da Boticário Prev, dos Participantes e Assistidos, para a concessão

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS APLICÁVEIS À PROPOSTA DE CONTRATAÇÃO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL MEDIANTE CONSIGNAÇÃO EM FOLHA DE PAGAMENTOS

CONDIÇÕES GERAIS APLICÁVEIS À PROPOSTA DE CONTRATAÇÃO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL MEDIANTE CONSIGNAÇÃO EM FOLHA DE PAGAMENTOS CONDIÇÕES GERAIS APLICÁVEIS À PROPOSTA DE CONTRATAÇÃO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL MEDIANTE CONSIGNAÇÃO EM FOLHA DE PAGAMENTOS As Condições Gerais aqui estabelecidas são parte integrante e indissociável da Proposta

Leia mais

Norma do Empréstimo Pré-fixado Plano Prece III

Norma do Empréstimo Pré-fixado Plano Prece III Norma do Empréstimo Pré-fixado Plano Prece III Sumário - Objetivo -1/6 - Conceitos Básicos -1/6 - Competências - 2/6 - Condições para o Financiamento - 2/6 - Disposições Gerais - 6/6 - Vigência - 6/6 Objetivo.

Leia mais

CONTRATO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS

CONTRATO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CONTRATO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS Que fazem entre si, de um lado a SOCIEDADE EDUCACIONAL E EMPRESARIAL PHYSION LTDA., inscrita no CNPJ/MF sob no. 06.190.520/0001-90, sediada na

Leia mais

Resolvem, na melhor forma de direito, celebrar o presente Contrato de Mútuo ( Contrato ), de acordo com os seguintes termos e condições:

Resolvem, na melhor forma de direito, celebrar o presente Contrato de Mútuo ( Contrato ), de acordo com os seguintes termos e condições: CONTRATO DE MÚTUO Prelo presente instrumento particular, [O Estudante, pessoa física proponente de empréstimo com determinadas características ( Proposta )], identificado e assinado no presente contrato

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE VENDA E COMPRA - PARCELADO -

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE VENDA E COMPRA - PARCELADO - INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE VENDA E COMPRA - PARCELADO - 1 LOTE Nº: I PROMITENTE VENDEDOR II PROMITENTE COMPRADOR III IMÓVEL A SITUAÇÃO DO IMÓVEL ( ) OCUPADO ( ) DESOCUPADO ( ) FRAÇÃO IDEAL IV

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS E OUTRAS AVENÇAS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS E OUTRAS AVENÇAS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS E OUTRAS AVENÇAS EQUATORIAL NEGÓCIOS INTELIGENTES LTDA, com sede em Goiânia/GO, à av. Paranaíba nº 538 Setor Central, inscrita no CNPJ nº 09.416.292/0001-12, neste ato

Leia mais

As Partes têm justo e acertado o presente Contrato, que se regerá pelas seguintes disposições contratuais:

As Partes têm justo e acertado o presente Contrato, que se regerá pelas seguintes disposições contratuais: CONTRATO DE UTILIZAÇÃO DE CANAL PERMANENTE EM TV A CABO São partes no presente Contrato de Utilização de Canal Permanente em TV a Cabo ( Contrato ), doravante denominadas, conjuntamente, Partes e, separadamente,

Leia mais

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO CCB

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO CCB CRÉDITO PROPOSTA CONSIGNADO DE CRÉDITO - CONSIGNADO ASSOCIADO: Nome: Conta Corrente Nº: CPF/CNPJ: Sigla: Matrícula na empresa: Carteira de Identidade: Órgão emissor: Endereço: CEP: Cidade: UF: E-mail:

Leia mais

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE ABERTURA DE CRÉDITO PARCELADO

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE ABERTURA DE CRÉDITO PARCELADO CLÁUSULAS GERAIS que regem o Contrato de Abertura de Crédito Parcelado, tendo de um lado o BRB - BANCO DE BRASÍLIA S.A., com sede em Brasília, Capital Federal, inscrito no CNPJ/MF sob o número 00.000.208/0001-00,

Leia mais

CLÁUSULA PRIMEIRA. DEFINIÇÕES

CLÁUSULA PRIMEIRA. DEFINIÇÕES SINOPSE DO CONTRATO N AMN-002/2014, CELEBRADO ENTRE O ABRIGO DO MARINHEIRO (AMN) E A QUALICORP ADMINISTRADORA DE BENEFÍCIOS S/A, PARA ADMINISTRAÇÃO DE BENEFÍCIOS, VISANDO À CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO DE ASSISTÊNCIA

Leia mais

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Pres. Juscelino Kubitschek,

Leia mais

a seguir denominadas individualmente de Parte e em conjunto de Partes.

a seguir denominadas individualmente de Parte e em conjunto de Partes. TERMO DE COMPROMISSO CELEBRADO ENTRE A EMPRESA TELECOMUNCIAÇÕES LTDA E A TELEFÔNICA BRASIL S.A. TELEFÔNICA EMPRESA., inscrita no CNPJ sob o nº 00.000.000/0001-91, com sede na Rua YYY,, n nn, na cidade

Leia mais

CONTRATO DE EMPRÉSTIMO COM CRÉDITO PRÉ-APROVADO

CONTRATO DE EMPRÉSTIMO COM CRÉDITO PRÉ-APROVADO PÁGINA 1/7 CONTRATO DE EMPRÉSTIMO Dados do Contratante Nome: CPF: - Carteira de Identidade: Órgão: Matrícula: - Endereço: Bairro: Cidade: UF: CEP: - Estado Civil: Profissão: Empresa: Lotação: Banco: Agência:

Leia mais

Este Contrato contém 5 (cinco) páginas que deverão ser lidas e preenchidas nos itens abaixo relacionados.

Este Contrato contém 5 (cinco) páginas que deverão ser lidas e preenchidas nos itens abaixo relacionados. INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO E ENVIO DO CONTRATO DE ABERTURA DE CRÉDITO ELETRÔNICO Este Contrato contém 5 (cinco) páginas que deverão ser lidas e preenchidas nos itens abaixo relacionados. página 1/5 -

Leia mais

IF 011 01 CRÉDITO AO PARTICIPANTE PARA INTEGRALIZAÇÃO DE RESERVA PREVIDENCIÁRIA

IF 011 01 CRÉDITO AO PARTICIPANTE PARA INTEGRALIZAÇÃO DE RESERVA PREVIDENCIÁRIA CRÉDITO AO PARTICIPANTE PARA INTEGRALIZAÇÃO DE RESERVA PREVIDENCIÁRIA SUMÁRIO DA NORMA 1 OBJETIVO,1 2 DEFINIÇÕES,1 2.1 SIGLAS E ABREVIATURAS,1 2.2 CONCEITOS,1 2.3 PALAVRAS-CHAVES,1 3 NORMAS,1 3.1 CAMPO

Leia mais

1 - A MUTUANTE concede ao MUTUÁRIO um empréstimo no valor, prazo e demais condições indicadas no Termo de Requerimento de Mútuo.

1 - A MUTUANTE concede ao MUTUÁRIO um empréstimo no valor, prazo e demais condições indicadas no Termo de Requerimento de Mútuo. Folha 1 DE 6 Cláusulas e Condições Gerais do Contrato de Mútuo que entre si fazem a Fundação Vale do Rio Doce de Seguridade Social - VALIA e seus participantes na forma do seu Regulamento Básico. Fundação

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE CAMPO GRANDE ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL CONTRATO

CÂMARA MUNICIPAL DE CAMPO GRANDE ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL CONTRATO PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 036/2015 CONVITE Nº 007/2015 CONTRATO CONTRATO QUE FAZEM ENTRE SI A CÂMARA MUNICIPAL DE CAMPO GRANDE, COM RESULT ASSESSORIA EMPRESARIAL LTDA, PARA A CESSÃO DE USO, NA FORMA DE

Leia mais

c Designação do corpo docente, auxiliares, e dos demais profissionais que a atividade necessitar;

c Designação do corpo docente, auxiliares, e dos demais profissionais que a atividade necessitar; CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS 2015 Pelo presente instrumento particular de Contrato de Prestação de Serviços Educacionais de um lado o Centro de Ensino São José Ltda., inscrito no CNPJ:

Leia mais

NOSSA FAMÍLIA Escola de Educação Infantil Ltda.

NOSSA FAMÍLIA Escola de Educação Infantil Ltda. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS Pelo presente instrumento particular de CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, de uma lado, a NOSSA FAMÍLIA ESCOLA DE EDUCAÇÃO INFANTIL LTDA, com sede na Avenida

Leia mais

ASSESSORIA JURÍDICA CONTRATO PARA COMPRA DE VALE TRANSPORTE

ASSESSORIA JURÍDICA CONTRATO PARA COMPRA DE VALE TRANSPORTE CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 010/2015 PROCESSO N.º 0041/2015 24/02/2015 CONTRATO PARA COMPRA DE VALE TRANSPORTE I Das Partes CLÁUSULA PRIMEIRA Pelo presente Contrato e na melhor forma de direito, de um

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL

CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL 24170-3 (FL. 1/4) SF 06/11 Via única CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL Estas são as condições gerais do Empréstimo Pessoal, solicitado e contratado por você. Leia atentamente estas condições

Leia mais

Contrato para Geração Gratuita do Código Identificador da Operação de Transporte - CIOT

Contrato para Geração Gratuita do Código Identificador da Operação de Transporte - CIOT Contrato para Geração Gratuita do Código Identificador da Operação de Transporte - CIOT Pelo presente instrumento particular, de um lado POLICARD SYSTEMS E SERVIÇOS S.A., inscrita no CNPJ/MF sob o nº 00.904.951/0001-95,

Leia mais

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL 1. OBJETIVO Estabelecer as condições, critérios e normas de concessão de Empréstimo Pessoal aos participantes da PREVICEL Previdência Privada da CELEPAR, obedecendo as disposições legais vigentes sobre

Leia mais

CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE OPERAÇÕES E CUSTÓDIA EM MERCADOS ADMINISTRADOS E OUTRAS AVENÇAS

CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE OPERAÇÕES E CUSTÓDIA EM MERCADOS ADMINISTRADOS E OUTRAS AVENÇAS CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE OPERAÇÕES E CUSTÓDIA EM MERCADOS ADMINISTRADOS E OUTRAS AVENÇAS Nome (Cliente): RG: CPF/ CNPJ: Endereço: Cidade: UF: CEP: Profissão: Estado Civil: Nacionalidade: Classificação

Leia mais

CONTRATO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

CONTRATO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PELOTAS PRÓ-REITORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO DE EDUCAÇÃO CONTINUADA CONTRATO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU CONTRATADA: Universidade

Leia mais

Parágrafo Primeiro. O fornecimento do material para veiculação do informativo será de responsabilidade da contratante.

Parágrafo Primeiro. O fornecimento do material para veiculação do informativo será de responsabilidade da contratante. CONTRATO Nº 004/2015 REFERENTE À PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM A CÂMARA MUNICIPAL DE QUERÊNCIA E A EMPRESA RÁDIO LÍDER SERVIÇOS E PUBLICIDADE LTDA ME. A Estado de Mato Grosso, Pessoa Jurídica

Leia mais

CIRCULAR Nº 110 1. DA MODALIDADE E ENCARGOS FINANCEIROS DO EMPRÉSTIMO

CIRCULAR Nº 110 1. DA MODALIDADE E ENCARGOS FINANCEIROS DO EMPRÉSTIMO CIRCULAR Nº 110 Regulamenta a Concessão e Manutenção de Empréstimos a Participantes e Assistidos da Fundação Banestes de Seguridade Social BANESES. 1. DA MODALIDADE E ENCARGOS FINANCEIROS DO EMPRÉSTIMO

Leia mais

Telecomunicações de São Paulo S/A

Telecomunicações de São Paulo S/A INSTRUMENTO PARTICULAR DE LICENÇA ONEROSA DE USO DA RELAÇÃO DE ASSINANTES No. Telecomunicações de São Paulo S/A - TELESP, com sede na Capital do Estado de São Paulo, na Rua Martiniano de Carvalho, n.º

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS Pelo presente instrumento particular (doravante denominado Contrato ), devidamente registrado no 1º Oficial de Registro de Títulos e Documentos e Civil de

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE PUBLICIDADE DIGITAL E DIVISÃO DE LUCROS DIÁRIOS

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE PUBLICIDADE DIGITAL E DIVISÃO DE LUCROS DIÁRIOS INSTRUMENTO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE PUBLICIDADE DIGITAL E DIVISÃO DE LUCROS DIÁRIOS DAS PARTES - PRESTADOR THIAGO DOS SANTOS SILVA 014793224-66 - MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL, inscrito no

Leia mais

Tem entre si, certo e ajustado, o presente CONTRATO, que será regido pelas seguintes cláusulas e condições:

Tem entre si, certo e ajustado, o presente CONTRATO, que será regido pelas seguintes cláusulas e condições: ADMINISTRADORA DE CARTÕES LTDA. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ADMINISTRAÇÃO E DE FORNECIMENTO DE CARTÃO REFEIÇÃO Por este instrumento e na melhor forma de direito, de um lado, MAXXCARD ADMINISTRADORA

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATANTE : ASSOCIAÇÃO CATARINENSE DE ASSISTENTES SOCIAIS DO PODER JUDICIÁRIO ACASPJ, pessoa jurídica, estabelecida no endereço em São José do Cedro/SC, cito à Av. Salgado

Leia mais

TERMO DE OPÇÃO AOS INSTITUTOS LEGAIS OBRIGATÓRIOS Dados do Participante: Nome: Matrícula: CPF: Patrocinadora: Admissão: Desligamento:

TERMO DE OPÇÃO AOS INSTITUTOS LEGAIS OBRIGATÓRIOS Dados do Participante: Nome: Matrícula: CPF: Patrocinadora: Admissão: Desligamento: TERMO DE OPÇÃO AOS INSTITUTOS LEGAIS OBRIGATÓRIOS Dados do Participante: Nome: Matrícula: CPF: Patrocinadora: Admissão: Desligamento: Endereço residencial (logradouro e bairro): Plano de Benefícios: Bunge

Leia mais

CONTRATO DE ADESÃO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DA LINHA DA SUPER ECONOMIA

CONTRATO DE ADESÃO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DA LINHA DA SUPER ECONOMIA CONTRATO DE ADESÃO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DA LINHA DA SUPER ECONOMIA Por este instrumento, em que são partes: de um lado a TELEFÔNICA BRASIL S.A., concessionária do Serviço Telefônico Fixo Comutado,

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE ESCRITURA DA QUARTA EMISSÃO DE DEBÊNTURES SIMPLES, NÃO CONVERSÍVEIS EM AÇÕES, DA ESPÉCIE SUBORDINADA, DA AUTOPISTA

INSTRUMENTO PARTICULAR DE ESCRITURA DA QUARTA EMISSÃO DE DEBÊNTURES SIMPLES, NÃO CONVERSÍVEIS EM AÇÕES, DA ESPÉCIE SUBORDINADA, DA AUTOPISTA INSTRUMENTO PARTICULAR DE ESCRITURA DA QUARTA EMISSÃO DE DEBÊNTURES SIMPLES, NÃO CONVERSÍVEIS EM AÇÕES, DA ESPÉCIE SUBORDINADA, DA AUTOPISTA FLUMINENSE S.A. 19 de outubro de 2015 INSTRUMENTO PARTICULAR

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE GESTÃO DE PAGAMENTOS DO SISTEMA AUTO EXPRESSO ATRAVÉS DE TAG PLANO PRÉ-PAGO LIVRE e PLANO PRÉ-PAGO ESCOLHA

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE GESTÃO DE PAGAMENTOS DO SISTEMA AUTO EXPRESSO ATRAVÉS DE TAG PLANO PRÉ-PAGO LIVRE e PLANO PRÉ-PAGO ESCOLHA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE GESTÃO DE PAGAMENTOS DO SISTEMA AUTO EXPRESSO ATRAVÉS DE TAG PLANO PRÉ-PAGO LIVRE e PLANO PRÉ-PAGO ESCOLHA Por este instrumento, o CLIENTE, qualificado na respectiva

Leia mais

REGULAMENTO A CONCESSÃO E MANUTENÇÃO DE EMPRÉSTIMO SIMPLES AOS PARTICIPANTES E ASSISTIDOS DO PLANO BENEFÍCIO PREV-RENDA.

REGULAMENTO A CONCESSÃO E MANUTENÇÃO DE EMPRÉSTIMO SIMPLES AOS PARTICIPANTES E ASSISTIDOS DO PLANO BENEFÍCIO PREV-RENDA. REGULAMENTO A CONCESSÃO E MANUTENÇÃO DE EMPRÉSTIMO SIMPLES AOS PARTICIPANTES E ASSISTIDOS DO PLANO BENEFÍCIO PREV-RENDA. Índice Capítulo I Da Carteira de Empréstimo Simples... 3 Capítulo II Dos Recursos

Leia mais

REGIUS SOCIEDADE CIVIL DE PREVIDÊNCIA PRIVADA REGULAMENTO DO PROGRAMA DE EMPRÉSTIMO PESSOAL PERMANENTE PLANO DE BENEFÍCIOS 03

REGIUS SOCIEDADE CIVIL DE PREVIDÊNCIA PRIVADA REGULAMENTO DO PROGRAMA DE EMPRÉSTIMO PESSOAL PERMANENTE PLANO DE BENEFÍCIOS 03 1/6 TÍTULO: CLASSIFICAÇÃO: REFERENCIAL NORMATIVO: ASSUNTO: GESTOR: ELABORADOR: APROVAÇÃO: Regulamento do Programa de Empréstimo Pessoal Permanente Documento Executivo Resolução CMN nº 3456/2007 PO-GEREL-002_Solicitação

Leia mais

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO CONFISSÃO DE DÍVIDA E REPACTUAÇÃO

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO CONFISSÃO DE DÍVIDA E REPACTUAÇÃO CÉDULA Nº VIA: Negociável (CREDOR) Não Negociável (EMITENTE) I EMITENTE Nome/Razão Social CPF /CNPJ Banco Agência nº Conta corrente nº II TERCEIROS GARANTIDORES também denominados DEVEDORES/GARANTIDORES

Leia mais

Curso de média duração: (*) Poderão ocorrer alterações nas datas de conclusão dos cursos em função do calendário do Vestibular da Cásper

Curso de média duração: (*) Poderão ocorrer alterações nas datas de conclusão dos cursos em função do calendário do Vestibular da Cásper - 1 - ALUNO: RG: CPF: e-mail: Tel. Fixo: Tel. Celular: Tel. Com.: CONTRATANTE: RG: CPF: e-mail: ENDEREÇO: Compl. Bl. CEP: Bairro: Cidade: Tel. Fixo: Tel. Celular: Tel. Com.: CONTRATADO: INTELIGENTE CURSOS

Leia mais

SAC: 4003 1415 CAPITAIS E REGIÕES METROPOLITANAS OUVIDORIA:

SAC: 4003 1415 CAPITAIS E REGIÕES METROPOLITANAS OUVIDORIA: instituição financeira, sob pena de estar obrigado a devolver a quantia utilizada acrescida dos encargos contratuais e incorrer em prática delituosa tipificada no Livro dos Crimes Contra o Patrimônio,

Leia mais

- PROJETO CRESCER - - CONTRATO DE INCLUSÃO - QUE ENTRE SI CELEBRAM O SINDICATO DOS CONTABILISTAS DE PORTO ALEGRE SCPA E.

- PROJETO CRESCER - - CONTRATO DE INCLUSÃO - QUE ENTRE SI CELEBRAM O SINDICATO DOS CONTABILISTAS DE PORTO ALEGRE SCPA E. - PROJETO CRESCER - - CONTRATO DE INCLUSÃO - QUE ENTRE SI CELEBRAM O SINDICATO DOS CONTABILISTAS DE PORTO ALEGRE SCPA E. SINDICATO DOS CONTABILISTAS DE PORTO ALEGRE com sede na Rua Riachuelo 1.641 1º andar,

Leia mais

FACULDADE ASCES CONTRATANTE:

FACULDADE ASCES CONTRATANTE: CURSO DE DIREITO - Reconhecido pelo Dec. Fed. Nº 62.059, de 05/01/1968 CURSO DE ODONTOLOGIA - Reconhecido pelo Dec. Fed. Nº 63.406, de 10/10/1968 CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA (Bacharelado) - Reconhecido pela

Leia mais

MINUTA CONTRATO DE FORNECIMENTO - SESC/AR/DF DF 2015 CF XXX

MINUTA CONTRATO DE FORNECIMENTO - SESC/AR/DF DF 2015 CF XXX MINUTA CONTRATO DE FORNECIMENTO - SESC/AR/DF DF 2015 CF XXX Contrato de Fornecimento que entre si celebram o SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DO DISTRITO FEDERAL SESC/AR/DF e a Empresa

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 060/2015 PROCESSO N.º 0609/2015 04/08/2015 ASSINATURA ANUAL DE ATUALIZAÇÃO TRABALHISTA

CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 060/2015 PROCESSO N.º 0609/2015 04/08/2015 ASSINATURA ANUAL DE ATUALIZAÇÃO TRABALHISTA CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 060/2015 PROCESSO N.º 0609/2015 04/08/2015 ASSINATURA ANUAL DE ATUALIZAÇÃO TRABALHISTA I Das Partes CLÁUSULA PRIMEIRA Pelo presente Contrato e na melhor forma de direito, de

Leia mais

\ /' cláusula PRIMEIRA - DO OBJETO

\ /' cláusula PRIMEIRA - DO OBJETO Têlr TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO Secretaria-Geral de Administração - SEGEDAM Secretaria de licitações, Contratos e Patrimônio - SELlP Diretoria de Gestão Contratual- Oicad Serviço de Elaboração de Contratos

Leia mais

2.1. Este Plano passa a vigorar a partir do dia da habilitação do terminal telefônico.

2.1. Este Plano passa a vigorar a partir do dia da habilitação do terminal telefônico. CONTRATO DE PLANO BÁSICO DE SERVIÇO Super DDD 15 Por este instrumento, em que fazem parte de um lado, Telecomunicações de São Paulo TELESP, STFC, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 02.558.157/0001-62, com sede

Leia mais

Estado do Acre DECRETO Nº 4.971 DE 20 DE DEZEMBRO DE 2012

Estado do Acre DECRETO Nº 4.971 DE 20 DE DEZEMBRO DE 2012 DECRETO Nº 4.971 DE 20 DE DEZEMBRO DE 2012. Publicado no DOE nº 10.952 de 21-12-2012.. Alterado pelos Decretos nºs 5.089/2013, 6.287/2013, 7.299, 8.251/2014, 1.490/2015, 2.301/2015, 2.884/2015 e 3.472/2015..

Leia mais

REGIUS SOCIEDADE CIVIL DE PREVIDÊNCIA PRIVADA. Regulamento de Empréstimos Plano CV- 03

REGIUS SOCIEDADE CIVIL DE PREVIDÊNCIA PRIVADA. Regulamento de Empréstimos Plano CV- 03 1/6 TÍTULO: CLASSIFICAÇÃO: REFERENCIAL NORMATIVO: ASSUNTO: GESTOR: ELABORADOR: APROVAÇÃO: Documento Executivo Resolução CMN nº 3456/2007 PO-GEREL-002_Solicitação de Empréstimo Estabelece as regras para

Leia mais

TERMO DE ADESÃO A ANTECIPAÇÃO DE PREMIAÇÃO PARA INVESTIMENTO EM MÍDIA

TERMO DE ADESÃO A ANTECIPAÇÃO DE PREMIAÇÃO PARA INVESTIMENTO EM MÍDIA TERMO DE ADESÃO A ANTECIPAÇÃO DE PREMIAÇÃO PARA INVESTIMENTO EM MÍDIA A FAEL E O POLO (NOME FANTASIA) CELEBRAM O PRESENTE TERMO VISANDO A ANTECIPAÇÃO DE VALORES, PARA UTILIZAÇÃO EXCLUSIVA EM MÍDIA, COMO

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS Pelo presente instrumento particular de CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS ( Contrato ), a ANHANGUERA EDUCACIONAL LTDA., devidamente inscrita

Leia mais

SHLN Setor Hospitalar Local Norte Bl L sala 401 Centro Clínico Norte II. Asa Norte. Brasília/DF 70.770-905 Página 1

SHLN Setor Hospitalar Local Norte Bl L sala 401 Centro Clínico Norte II. Asa Norte. Brasília/DF 70.770-905 Página 1 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS DO CURSO DE ATUALIZAÇÃO EM MEDICINA DO TRABALHO Aluno(a): CPF: RG: DN: / / Domicílio: Bairro: Cidade: Estado: Tel: E mail: Pelo presente instrumento particular

Leia mais

6. O KOERICH poderá criar outras categorias de relacionamento, como Cartões de Crédito, Débito, Convênio ou Presente.

6. O KOERICH poderá criar outras categorias de relacionamento, como Cartões de Crédito, Débito, Convênio ou Presente. REGULAMENTO DO CLUBE GENTE NOSSA 1. O CLUBE GENTE NOSSA (adiante "CGN"), criado, desenvolvido e administrado por Eugênio Raulino Koerich S/A - Comércio e Indústria (adiante KOERICH ), será o meio pelo

Leia mais

Contrato de Comodato de Equipamentos

Contrato de Comodato de Equipamentos Contrato de Comodato de Equipamentos ELITEINFOR com sede na Cidade de Lagoa Grande / PE, na Rua Joaquim Nabuco, 175, Centro, CEP: 56395-000, inscrita no CNPJ sob n.º 13.636.627/0001-85, doravante denominado

Leia mais

REGULAMENTO DE CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMOS SIMPLES. 1.1 Estabelecer as diretrizes para a concessão de empréstimo simples.

REGULAMENTO DE CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMOS SIMPLES. 1.1 Estabelecer as diretrizes para a concessão de empréstimo simples. REGULAMENTO DE CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMOS SIMPLES 1 OBJETIVO 1.1 Estabelecer as diretrizes para a concessão de empréstimo simples. 2 CONCESSÃO 2.1 O empréstimo simples poderá ser concedido exclusivamente

Leia mais

NORMA PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO A PARTICIPANTES (Aprovada pela Deliberação n 005/2012, de 29 de março de 2012)

NORMA PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO A PARTICIPANTES (Aprovada pela Deliberação n 005/2012, de 29 de março de 2012) NORMA PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO A PARTICIPANTES (Aprovada pela Deliberação n 005/2012, de 29 de março de 2012) 1. DA FINALIDADE A presente Norma tem por finalidade regulamentar e definir condições para

Leia mais

REGULAMENTO DA CARTEIRA DE EMPRÉSTIMO BÁSICO

REGULAMENTO DA CARTEIRA DE EMPRÉSTIMO BÁSICO Rev. 01 Data: 21/05/2014 Página 1 de 8 CAPÍTULO I DEFINIÇÕES Art. 1º - Para fins de aplicação deste Regulamento, o masculino incluirá o feminino e o singular incluirá o plural, a menos que o contexto indique

Leia mais

JOSÉ AFRÂNIO MARQUES DE MELO

JOSÉ AFRÂNIO MARQUES DE MELO CONTRATO LOCAÇÃO Nº 07/2015 Pelo presente instrumento particular de contrato de locação que entre si celebram, de um lado a Câmara Municipal de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe, pessoa jurídica de

Leia mais

RESOLUÇÃO N 15/06 RESOLUÇÃO:

RESOLUÇÃO N 15/06 RESOLUÇÃO: RESOLUÇÃO N 15/06 O Conselho Deliberativo do Instituto de Previdência e Assistência dos Servidores Públicos do Estado de Goiás - CDI - IPASGO -, no uso da atribuição legal que lhe confere o Decreto 5.925

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO MENSAL FIXO

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO MENSAL FIXO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO MENSAL FIXO Pelo presente instrumento particular, a TELEFÔNICA DATA S/A, empresa com sede na Cidade de Barueri, Estado de São Paulo, na Avenida Tamboré,

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE VOZ SOBRE PROTOCOLO DE INTERNET VOIP PHONEX

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE VOZ SOBRE PROTOCOLO DE INTERNET VOIP PHONEX CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE VOZ SOBRE PROTOCOLO DE INTERNET VOIP PHONEX São partes deste Contrato: O CLIENTE devidamente qualificado na Proposta Comercial PHONEX parte integrante deste contrato,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 043/2010-CPJ

RESOLUÇÃO Nº 043/2010-CPJ RESOLUÇÃO Nº 043/2010-CPJ O COLÉGIO DE PROCURADORES DE JUSTIÇA DO ESTADO DE MATO GROSSO, no uso de suas atribuições legais, tendo em vista o disposto no artigo 29-A da Lei nº 8.229, de 07 de dezembro de

Leia mais

ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DO PARÁ - ACEPA CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ESTADO DO PARÁ - CESUPA

ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DO PARÁ - ACEPA CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ESTADO DO PARÁ - CESUPA ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DO PARÁ - ACEPA CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ESTADO DO PARÁ - CESUPA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU MESTRADO PROFISSIONAL EM ENSINO

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS. Pelo presente instrumento particular de CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS. Pelo presente instrumento particular de CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS Pelo presente instrumento particular de CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS, de um lado Escola de Educação Infantil Anjos de Pijamas, devidamente

Leia mais

FICHA CADASTRAL PESSOA FÍSICA

FICHA CADASTRAL PESSOA FÍSICA FICHA CADASTRAL PESSOA FÍSICA DADOS GERAIS DO TITULAR 01. NOME 02. Nº PF (USO MODAL) 03. DATA ABERTURA (USO MODAL) 04. CPF 05. IDENTIDADE 06. ÓRGÃO EXPED. 07. UF EXPED. 08. DATA EXPED. 09. DATA NASCIMENTO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO VERDE

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO VERDE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, QUE ENTRE SI, CELEBRAM O MUNICÍPIO DE RIO VERDE, ATRAVÉS DO FUNDO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO - FME E A SRª HELENA DA SILVA GUIMARÃES DE SOUZA,

Leia mais

Pretendo usar a DAÇÃO EM PAGAMENTO para quitar o débito de IPTU e me livrar deste problema. Tentei vender este terreno mas não achei comprador...

Pretendo usar a DAÇÃO EM PAGAMENTO para quitar o débito de IPTU e me livrar deste problema. Tentei vender este terreno mas não achei comprador... MODELO: DOAÇÃO EM PAGAMENTO Eu tenho um terreno com atraso de IPTU e pretendo me desfazer dele. 20 anos atrás comprei um loteamento não foi para frente. Não tem mais rua (o mato tomou conta) não tem água,

Leia mais

Anexo II. Minuta de Contrato

Anexo II. Minuta de Contrato Anexo II Minuta de Contrato CONTRATO QUE ENTRE SI FAZEM, DE UM LADO FUNDAÇÃO ZERBINI, E DO OUTRO, A EMPRESA XXXXXXXXXXXXXXX, PARA O FIM QUE NELE SE DECLARA. (Convite n.º 006/2008) Pelo presente instrumento

Leia mais

Altera a Portaria Previ-Rio nº 853, de 22 de fevereiro de 2.011 e dá outras providências.

Altera a Portaria Previ-Rio nº 853, de 22 de fevereiro de 2.011 e dá outras providências. PORTARIA PREVI-RIO Nº 861 DE 15 DE JUNHO DE 2011. Altera a Portaria Previ-Rio nº 853, de 22 de fevereiro de 2.011 e dá outras providências. A Presidente do Instituto de Previdência e Assistência do Município

Leia mais

Norma do Programa de Empréstimo Pessoal TECHNOS

Norma do Programa de Empréstimo Pessoal TECHNOS Norma do Programa de Empréstimo Pessoal TECHNOS SUMÁRIO CAPÍTULO I - DA FINALIDADE...3 CAPÍTULO II - DOS PARTICIPANTES E ASSISTIDOS...3 CAPÍTULO III - DOS CRITÉRIOS PARA CONCESSÕES...4 CAPÍTULO IV - DOS

Leia mais

AÇÃO PROMOÇÃO POR ESCOLARIDADE ADICIONAL

AÇÃO PROMOÇÃO POR ESCOLARIDADE ADICIONAL AÇÃO PROMOÇÃO POR ESCOLARIDADE ADICIONAL Trata-se da ação visando obrigar a FHEMIG a conceder ao servidor a promoção por escolaridade adicional, com base em formação complementar ou superior àquela exigida

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 044/2015 PROCESSO N.º 0159/2015 29/06/2015 RENOVAÇÃO DO PPRA PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE RISCOS AMBIENTAIS

CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 044/2015 PROCESSO N.º 0159/2015 29/06/2015 RENOVAÇÃO DO PPRA PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE RISCOS AMBIENTAIS CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 044/2015 PROCESSO N.º 0159/2015 29/06/2015 RENOVAÇÃO DO PPRA PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE RISCOS AMBIENTAIS I Das Partes CLÁUSULA PRIMEIRA Pelo presente Instrumento e na melhor

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DA LINHA DA ECONOMIA FAMILIA

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DA LINHA DA ECONOMIA FAMILIA CONTRATO DE ADESÃO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DA LINHA DA ECONOMIA FAMILIA Por este instrumento, em que são partes: de um lado a TELEFÔNICA BRASIL S.A., concessionária do Serviço Telefônico Fixo

Leia mais